Page 15

ENTREVISTA onde eu era o responsável pelo CPD de uma determinada empresa, eu fazia tudo daquela empresa, folha de pagamento, contabilidade, digitação e coordenava um departamento de informática que administrava uma empresa com mais ou menos 3 mil funcionários. Naquela época a informática era muito imatura, você não tinha muita tecnologia para suportar os negócios, era basicamente digitar

IM - Com quantos funcionários a empresa conta hoje e como eles são divididos? BQ - Atualmente temos mais de 2.000 funcionários divididos entre: São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Recife e Nova York.

e tirar os relatórios comuns. Fui crescendo nessa carreira, fiz faculdade, e durante esse período eu tive dois empregos, um estágio de 6 meses na IBM, que me deu uma base interessante. Me formei e fui para ESSO, depois, migrei para IBM como programador, fui promovido para analista de sistemas e então gerente de projetos, a cultura corporativa que eu aprendi nessas empresas me ajudaram e ajudam até hoje. Montar a BRQ foi uma oportunidade, um cliente me convidou em 1993 para fazer um trabalho de programação, nosso primeiro escritório foi dentro do meu próprio apartamento, o cliente era de São Paulo, eu sai do Rio de Janeiro e vim pra São Paulo abrir a BRQ, eu tinha 25 anos de idade. Logo em seguida montei o escritório no centro de São Paulo, era uma sala e comecei a contratar pessoas, o volume de negócios não parou de crescer, algumas pessoas daquela época estão conosco até hoje.

quais diferenciam a BRQ dos concorrentes? BQ - Em 2019, iremos lançar uma nova versão da nossa plataforma de Assinatura Digital, que será muito mais completa. Ela não vai apenas utilizar a certificação digital, mas também apresentará ao mercado a Assinatura Eletrônica. A diferença entre as duas, basicamente, é que uma envolve o Certificado Digital, e a outra não - ela envolve vários mecanismos para garantir a autenticidade daquela operação.

www.informationmanagement.com.br

IM - Quais as soluções que a BRQ oferece para o mercado de TI? Entre os serviços oferecidos,

IM - Em 2017, a BRQ atingiu nível máximo na pesquisa de satisfação do Banco Itaú. Você poderia citar como as soluções da empresa ajudaram a instituição financeira? BQ - Estamos no Itaú desde o início da BRQ, aprendemos e evoluímos juntos nesses 26 anos. Apoiamos o Itaú em diversas necessidades de tecnologia e investi-

mos muito para manter um alto nível de qualidade. IM - Apenas em 2018, a BRQ apresentou um lucro líquido de R$ 24.03 milhões em 2018. Quais são os projetos da empresa para o futuro? BQ - Pretendemos investir continuamente em novas tecnologias disruptivas para apoiar nossos clientes nas suas transformações digitais. Pretendemos também crescer tanto em receita quanto em abrangência geográfica. IM - Você acredita que a “Segurança da Informação” é um dos maiores obstáculos para o mercado de TI nos dias atuais? BQ - Ao invés de olhar como obstáculo, preferimos enxergar como uma oportunidade. As empresas de tecnologia possuem o desafio de criar métodos confiáveis nas transações digitais, evitando riscos de segurança da informação. Em todo novo ecossistema existe uma oportunidade de regulação e regras de convivência. Esperamos que o bom uso da tecnologia aumente o compartilhamento de conhecimentos e acelere a evolução da humanidade.

2019 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

15

Profile for Editora Guia

Revista IIMA 81  

Revista IIMA 81  

Advertisement