Issuu on Google+

6 anos Caçapava do Sul, 30 de maio de 2012

Edição 232

R$ 1,50

Incêndio no centro da cidade causa tumulto durante o final de semana

Apesar da chuva de terça-feira, estiagem continua castigando

Projeto do piso do magistério foi aprovado, mas sindicato questiona percentual

JESCA: Escola Januária Leal é campeã do Futsal

Pág. 9

Pág. 3

Pág. 11

Pág. 4

Encarte


02 | Jornal do Pampa

Geral

30 de maio de 2012

OS SELVAGENS DO MOTO GRUPO SENTINELA FAZEM DOAÇÃO PARA A ASCAI Eutanásia

Falar sobre eutanásia é tema apropriado num país e num mundo onde milhões não têm nem mesmo o direito de viver dignamente? Creio que sim, desde que a reflexão se faça numa linha de Teologia-Direito.Oporse à eutanásia é valorizar a Vida, e Vida para todos, não Vida apenas para alguns. Justamente porque a Vida é um bem precioso, obra divina, nós, humanos, temos que lutar por estruturas sociais que garantam o direito de viver com dignidade. Temos que apoiar as políticas de melhor distribuição da riqueza. Temos de ser pacifistas e recusar a Guerra, que é símbolo de morte. Tudo isto nos é ensinado pela Teologia.Quando um jurista decide aventurar-se na abordagem de matéria teológica, é inevitável o encontro Teologia – Direito.O Direito brasileiro não acolhe a eutanásia, prática que é admitida por algumas legislações do mundo. Nunca é permitido ao médico ou outro profissional da saúde praticar um ato que produza a morte de um paciente, mesmo que o paciente peça sua morte.Nestes casos, quando o médico ou enfermeiro atende o apelo desesperado, o ato é considerado “homicídio privilegiado” (aquele praticado por motivo de relevante valor moral, com pena reduzida de um sexto a um terço).Diversa é a situação, quando o doente já teve morte cerebral. Aí, nem a lei, nem a Ética médica exigem procedimentos para prolongar artificialmente a vida. Na primeira hipótese, pede-se um ato para pôr fim à vida (é crime). Na segunda, trata-se da abstenção de atos que prolongam a vida artificial (não é crime).Em face de um doente terminal, com morte cerebral, o médico, com o consentimento da família, pode desligar os aparelhos. Estará agindo em respeito à dignidade humana, evitando que o paciente, em estado de morte encefálica, seja submetido a terapêutica que não oferece esperança de êxito.

Tarifas Bancárias O Banco Central não tabela o valor das tarifas bancárias. Entretanto, um conjunto de regras foi estabelecido pelas Resoluções CMN 3.516, de 2007, e 3.919, de 2010, para disciplinar a cobrança de tarifas, com foco nos serviços mais utilizados por pessoas físicas. Essas regras buscam dar maior transparência e clareza à prestação de serviços pelos bancos, de forma a permitir ao consumidor comparar e verificar qual fornecedor atende melhor às suas necessidades, estimulando a concorrência no setor. Assim, respeitadas as proibições e limitações, cada instituição financeira é livre para estabelecer o valor de suas tarifas. Para a solução de problemas relacionados a esse assunto, o cidadão deve procurar a própria instituição que lhe prestou o serviço ou comercializou o produto financeiro. Se as tentativas de solução por meio da agência ou posto de atendimento não apresentarem resultado, o cidadão deve procurar a ouvidoria da instituição. Em caso de insucesso, o cidadão poderá encaminhar sua demanda para os órgãos de defesa do consumidor competentes. Quais são os serviços essenciais, ou seja, aqueles que não podem ser cobrados? Não pode haver cobrança sobre os seguintes serviços essenciais prestados a pessoas físicas: Relativamente à conta corrente de depósito à vista; fornecimento de cartão com função débito; fornecimento de segunda via do cartão de débito, exceto nos casos decorrentes de perda, roubo, furto, danificação e outros motivos não imputáveis à instituição emitente; realização de até quatro saques, por mês, em guichê de caixa, inclusive por meio de cheque ou de cheque avulso, ou em terminal de autoatendimento; realização de até duas transferências de recursos entre contas na própria instituição, por mês, em guichê de caixa, em terminal de autoatendimento e/ou pela internet; fornecimento de até dois extratos, por mês, contendo a movimentação dos últimos 30 dias por meio de guichê de caixa e/ou terminal de autoatendimento; realização de consultas mediante utilização da internet; fornecimento, até 28 de fevereiro de cada ano, do extrato consolidado, discriminando, mês a mês, os valores cobrados no ano anterior relativos a tarifas; compensação de cheques; fornecimento de até dez folhas de cheques por mês, desde que o cliente reúna os requisitos necessários à utilização de cheques, conforme a regulamentação em vigor e condições pactuadas; e prestação de qualquer serviço por meios eletrônicos, no caso de contas cujos contratos prevejam utilizar exclusivamente meios eletrônicos. continua na próxima edição

No último sábado, dia 26 de maio, o Moto Grupo Sentinela de Caçapava do Sul, numa ação de humanidade e solidariedade, foram visitar os internos da ASCAI, levando toda sua solidariedade, conforto e carinho e também 11 caixas, ou seja 132 litros de leite. Foi uma tarde de sábado diferente, quando as motos ao invés de seguirem pelas estradas desbravando novas aventuras, foram até a ASCAI desbravar novas amizades, levando conforto aos velhinhos e reconhecimento ao trabalho que vem sendo realizado naquele lugar que merece ser visitado e apoiado por toda comunidade. O Moto Grupo Sentinela ficou impressionado com a qualidade dos serviços prestados, pelo carinho, pela limpeza e pela generosidade de quem empresta seu tempo ao serviço de quem está muito precisando. Venha você também visitar e levar a sua contribuição a ASCAI – você só tem a ganhar como ser humano.

Cavalgada da patronagem do CTG Clareira da Mata No ultimo domingo dia 27, a patronagem do CTG Clareira da Mata formada por mulheres, fez cavalgada na santinha da picada Nossa de Lurdes, para agradecer pedidos e pedir proteção e ajuda nestes 2 anos de gestão no CTG Clareira da Mata. “Já que recebemos o CTG CLAREIRA DA MATA em péssimas condições com dividas, mas graças a Deus já estamos conseguindo reverter. Onde tivemos um jantar em homenagem às mães que foi um grande sucesso com todos os ingressos vendidos.” – contou Jeane Fizeram os 30 km de cavalgada a patroa Jeane, a capataz Cleusa Francisca, as tesoureira Karina e Tânia Ferreira, conselheiras Migelina Alves, Tônia, Thaina e Jacira Meireles juntamente com seus respectivos esposos Batista Dorneles,

Mauro Teixeira, Marcos Teixeira, mais os meninos Gabriel Santos e Wendell Esteves,e demais pessoas de apoio Antonio Sergio, Anaurelino, Janice, Chico Helio.

“Fica o nosso agradecimento ao companheiro Mauro Teixeira pelo o empréstimo de seus cavalos ele que trabalha com cavalos de venda” – ressaltou a patroa do CTG.

Flávio Chaves assume a Patronagem do Piquete Guarda Velha No próximo sábado, dia 02 de junho, acontece na sede social do Piquete de Laçadores Guarda Velha, o baile de troca de patronagem para o próximo biênio. O atual patrão, Rogério Freitas, entrega o posto ao associado Flávio Chaves, que já foi Patrão do Guarda Velha por várias oportunidades. O evento terá a animação do grupo musical, Humberto Machado e Grupo MDS. O baile começa as 23 horas. As mesas estão a venda na Secretaria da entidade.

3281-3139 Redação Rua Benjamin Constant, 504 - Sala 14 CNPJ:09.144.053/0001-50 Jornalista responsável: Daniel Miranda - MTB 13.424 Departamento Comercial: Siria Souto Marques Reportagem: Isadora Bolzan Marcel Junqueira (Esporte)

Diagramador: Daniel Miranda Arte: Robinson Leão E-mail: redacao@jornaldopampa.com.br; contato@jornaldopampa.com.br. Os textos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não expressando necessariamente a opinião do jornal. Envie seus textos e sugestões para jornaldopampa@terra.com.br


Rural

30 de maio 2012

Jornal do Pampa | 03

Estiagem no Rio Grande do Sul: um problema recorrente no estado O Rio Grande do Sul vive hoje uma crise incomparável. A cada dia mais municípios declaram Estado de Emergência, com alguns beirando a calamidade. A base da crise se encontra na forte seca que se abate sobre o setor agropecuário, somando-se a algo semelhante já ocorrido no ano anterior. Para sabermos mais a respeito da estiagem conversamos com o Sr. Jaime Antonio Dalmazo, Gerente Técnico da Cotrisul, acompanhe a entrevista abaixo. Jornal do Pampa – Já é possível contabilizar os prejuízos da seca? Dalmazo – Sim, nós temos uma estimativa de perda para o município se for calcular a área plantada, que é em media de 9.000 hectares, tivemos uma redução de 50% e um prejuízo para o produtor de mais de 8 milhões que vão deixar de circular no município, esse valor é apenas na parte de soja, e temos um percentual na produção de milho que é um pouco menor, porem tem também prejuízo, e consequentemente na pecuária, que está sendo afetada devido a pastagem que foi semeada e não esta desenvolvendo. Jornal do Pampa – Plantação de trigo: Dalmazo – Agora estamos na época da plantação de trigo, mesmo a área de trigo sendo pequena em Caçapava, quem plantou mesmo com a pouca umidade, germinou bem.

Crédito rural Jornal do Pampa – A seca é um problema no Rio Grande do Sul, quais são as maneiras de minimizar os efeitos da estiagem? Dalmazo – Ai está uma situação complicada, o grande entrave de fazer a irrigação artificial é que em torno de 70% das áreas plantadas de soja e milho, são áreas arrendadas, então o investimento para fazer a irrigação é muito caro, não tendo como fazer uma aquisição em uma propriedade que é arrendada. Para quem é proprietário e tem condições é uma alternativa concreta. Jornal do Pampa – Já é possível calcular os impactos das mudanças climáticas no Rio Grande do Sul, e

especialmente na agricultura? Dalmazo – Sem duvida, porque o estado deixa de arrecadar cerca de 5 bilhões, isso é uma quantidade de dinheiro incalculável que vai afetar a economia do Rio Grande do Sul, pois a agricultura é a base econômica de todo estado. Digamos que o prejuízo maior é na agricultura, e consequentemente daqui para frente irá se agravar na pecuária também. Jornal do Pampa – E a questão do desmatamento? Dalmazo – Um assunto bem extenso, pois aqui no estado não tem mais o que desmatar, mas o desmatamento da Amazônia que está influenciando a falta de chuvas no Sul.

O crédito rural surgiu com a política agrícola na década de 1960 e tem como finalidade suprir recursos financeiros para aplicação nas necessidadesdo setor primário. O uso de tais recursos, destinados a produtores rurais ou suas cooperativas,desde então favorecemtanto o setor como o estado. Com a liberação do crédito, consequentemente há uma maior produção de alimentos, que movimenta, gera tributos e empregos e tem como consequência um fortalecimento do sistema econômico do país. A utilização do crédito possibilita o aumento do poder de investimento do produtor a fim de realizar determinado objetivo em seu sistema de produção, que pode ser para custeio, investimento ou comercialização. O Banco Central juntamente com o Ministério da Agricultura define os programas elibera os recursos aos Bancos e Cooperativas de Crédito. Estes, por sua vez, repassam ao produtor de acordo com o interesse e perfil de cada um, seja para agricultura familiar, médio produtor ou agronegócio em maior escala. Várias linhas de crédito são

destinadas ao setor e de acordo com o perfil dos produtores há também diferentes taxas de juros. O mesmo acontece com o prazo e forma de pagamento. Porém mesmo com a facilidade e baixas taxas de juros há uma insegurança financeira no setor ao entrar nos programas de crédito rural. Riscos naturais (seca, granizo, enchente), políticas de garantias de preço, dificuldade de gestão, entre outros, são fatores que podem levar ao investimento inadequado do recurso e consequente endividamento do produtor. A liberação de crédito indiscutivelmente é favorável ao setor primário e ao país por aumentar os investimentos no campo, refletindo na economia, desenvolvimento e bem estar do povo. Porém não basta apenas fornecer o recurso, temos potencial para aumentar ainda mais a produção. O governo cria novas políticas de desenvolvimento, libera o dinheiro, mas não direciona o foco ao lucro dos produtores, de nada adianta liberar crédito se não há auxilio em quando, como e onde o produtor deve destinar este recurso.


Política

04 | Jornal do Pampa

Projeto do piso é aprovado, mas Sindicato não reconhece os valores e diz que entrará na justiça Na última sexta-feira (25), o Secretários Municipais da Administração, Filipe Vargas e da Educação, kátia Linhares, estiveram na Câmara de Vereadores para entregar ao Presidente da Casa, Ilson Tondo, o projeto de lei que altera a tabela de pagamento do vencimentos básicos de professores, supervisor e orientador educacional do Município, para o pagamento do piso nacional. O encaminhamento foi feito oficialmente pelo Prefeito Zauri Tiaraju de Castro. A justificativa do projeto de lei expõe que, a alteração objetiva implantar na folha de pagamento do magistério público municipal os valores referentes ao piso nacional atualizado em R$725,00. Esse valor equivale à jornada de 20 horas semanais nos termos da Lei Federal nº 11.738/2008. As tabelas foram reajustadas em 3,8% para todos os níveis. No entanto, em razão da indisponibilidade orçamentária para cumprir o valor fixado para toda a tabela de vencimentos, os professores de níveis especiais (nível em extinção) receberão o mesmo percentual de reajuste e mais um “Complemento Salarial” para alcançar o piso. De acordo com a justificativa, nesse último caso, existem atualmente apenas 14 professores.

Professores, representantes do SINPROMC reunidos com os vereadores

Na última tentativa de pagamento do piso, os percentuais eram mais altos porque os cargos em extinção estavam incluídos. Desta forma, segundo a secretária Kátia, concedendo os 3,8% em geral e dando complemento aos cargos extintos, o piso pode ser dado, começando a partir do básico do Nível 1. Desta forma, na segunda-feira, dia 28, a direção do Sindicato dos Professores Municipais esteve na Câmara para solicitar aos vereadores a aprovação do projeto, mas para informar que este percentual concedido não é o piso nacional, porque a reposição deve começar pelo Nível Especial e não pelo Nível,

como descreve o projeto. Segundo o Sindicato o Nível em extinção que fala a Prefeitura, teve aprovados no concurso público de 2010 e este concurso ainda está valendo, com isso, ele será extinto um dia, mas não agora. Os professores comentaram ainda, que irão entrar na justiça para obter o piso e que a paralisação do dia 30 de maio vai continuar. Os vereadores aprovaram o projeto por unanimidade, mas também salientaram a vontade do sindicato, que este percentual ainda não é o piso como manda a lei, porque para isso acontecer, o reajuste tem que começar no Nível Especial.

Presidente acompanha a fiscalização do transporte escolar Nesta sexta-feira, dia 25, o Presidente da Câmara, vereador Ilson Tondo, esteve no bairro promorar para acompanhar de perto a fiscalização do transporte escolar de Caçapava do Sul, realizado pelos responsáveis pelo setor na Prefeitura, os servidores Paulo Rogério Shirmer, João Amandio e João Claudio Monteiro, além do engenheiro mecânico e segurança do trabalho, Eliandro Felin, de Santa Maria, que presta serviço ao Município há três anos. O Presidente foi até o local com o objetivo de fiscalizar o trabalho que é realizado no transporte e como estão as condições dos veículos que transportam os alunos. As vistorias foram realizadas nos dias 24 e 25 de maio, mas para os veículos que precisam de adequação, a próxima fiscalização será no dia 30 de maio. Os técnicos avaliam os ônibus, micro-ônibus, kombis e vans, sobre as condições do sistema de direção, freios, rodas, embuxamento, molas, embreagem, caixa de mudanças, faróis e sinaleiras, além do limpador de párabrisas. Já nos itens de segurança a avaliação é sobre as condições dos pneus, cintos de segurança, extintor, fixação de bancos, tacógrafo, saída de emergência e a pintura de identificação escolar. Após a

conferencia de todos esses itens a comissão de fiscalização junto com o engenheiro concedem um laudo sobre as condições do veículo. Durante a permanência do Presidente na vistoria, os técnicos anunciaram para o vereador que irão conversar com o Prefeito sobre uma possível mudança na legislação vigente para diminuir os anos de rodagem dos veículos, como prérequisito a participarem da licitação do transporte para o próximo ano. A idéia da comissão é que para os ônibus e micro-ônibus participarem da concorrência teria que passar dos atuais 20 anos de uso, para no máximo 15 anos e as kombis e vans, dos atuais 15 anos, passando para 10 anos. De acordo com os servidores, os outros municípios já efetuaram

esta mudança, com isso, se essa diminuição ocorrer em Caçapava para o ano que vem irá melhorar muito a qualidade dos veículos que participam da licitação e como consequência mais eficiência no transporte dos alunos. Segundo Tondo, a ideia da comissão sobre diminuir da idade dos veículos é muito importante e que a Câmara fará o possível para colaborar neste processo. “ Além disso, quero salientar o belíssimo trabalho que é realizado pelos funcionários da fiscalização, onde a principal prioridade é dar segurança as crianças que viajam todos os dias. Fomos até o local para acompanhar esta fiscalização porque é uma obrigação da Câmara estar sempre perto das principais atividades do município”, disse o Presidente

30 de maio de 2012

Comissão de obras fiscaliza reforma na creche do bairro floresta

Na tarde desta segunda-feira, dia 28, a Comissão de Obras da Câmara, formada pelos vereadores Peter Linhares, José Sidnei Menezes e Pedro Gaspar, estiveram na Escola Municipal de Educação Infantil Pedacinho de Gente, no bairro floresta, para vistoriar as condições que se encontram as reformas feitas no local em 2009, pela Prefeitura, através da empresa JR Brandão, de São Sepé. Chegando a creche, a professora responsável levou os vereadores até as salas que foram reformadas e na parte que foi feita nova. No local da reforma, os parlamentares se depararam com as paredes totalmente rachadas em quase todos os pontos

das salas, que foram reestruturadas há menos de três anos. A Comissão de Obras constatou que a reforma não foi feita de maneira correta, principalmente porque em baixo da creche passava um banhado e a edificação não deve ter sido preparada para isso, conforme constatado, as paredes estão cedendo. Já na parte que foi construída nova, os problemas são menores, porque existem rachaduras mas não tão evidentes e preocupantes como na parte da reforma. A Comissão fará um relatório sobre a visita a creche e enviar para a Secretaria de Educação e Obras, relatando os problemas.

Coluna da Câmara Resumo da Sessão Ordinária realizada de 28 de maio de 2012 Projeto de Lei – Executiva 3259/2012 – Altera Lei 2550/10, que estabelece o Plano de Carreira do Magistério Público do Município de Caçapava do Sul, institui o respectivo quadro de cargos e funções. 3258/2012 – Autoriza o Poder Executivo a proceder abertura de crédito adicional suplementar. 3257/2012 – Autoriza o Poder Executivo a proceder abertura de crédito adicional suplementar. 3256/2012 - Autoriza o Poder Executivo a proceder abertura de crédito adicional especial. Projeto de Resolução – Origem Legislativa 019/2012 – Câmara de Vereadores – Dispõe sobre o acesso a informações e a aplicação da Lei Federal nº 12.527/2011, no âmbito da Câmara de Vereadores. Indicação 035/2012 - Ver. Ilson Tondo (PP) – Indica ao Poder Executivo a realização de um projeto que vise a busca de recursos junto ao Governo do Estado para viabilizar a implantação do Programa de acesso aos deficientes em Caçapava do Sul, em todas as edificações públicas. Requerimento 082/2012 – Ver. Peter Linhares (PMDB) – Requer do Executivo Municipal, que através da Secretaria de Obras, seja feito conserto e manutenção na Rua Padre Julio Marim, na Vila Batista, bem como a limpeza de valas da via. 083/2012 – Ver. Peter Linhares (PMDB) – Requer do Executivo Municipal, que através da Secretaria de Obras, que seja feita colocação de lâmpadas na Rua Padre Julio Marim, na Vila Batista. 084/2012 – Ver. Pedro Gaspar (PP) Requer do Poder Executivo serviços de melhoria e manutenção da iluminação pública na estrada do Rincão dos Godinhos. 085/2012 - Ver. Ilson Tondo (PP) – Requer do Poder Executivo o recolhimento do lixo na Rua Tomé Medeiros. 082/2012 – Ver. Peter Linhares (PMDB) – Requer do Executivo Municipal, que através da Secretaria de Obras, seja feito conserto e manutenção na rua João Galvão Machado, na Vila Batista, bem como a limpeza de valas da via.

087/2012 - Ver. Peter Linhares (PMDB) – Requer do Executivo Municipal, que através da Secretaria de Obras, seja feito conserto e manutenção na Rua Jarci Teixeira, na Vila Batista, bem como a limpeza de valas da via. 088/2012 – Ver. Ilson Tondo (PP) – Requer do Poder Executivo o conserto e manutenção da estrada da localidade do Tarumã, próximo a residência da Senhora Adriana Pereira. 089/2012 – Ver. Ilson Tondo (PP) – Requer do Poder Executivo o conserto e manutenção da ponte localizada sobre o arroio Santa Bárbara, que dá acesso a propriedade de Aline Dorneles Pereira. 090/2012 – Ver. Ilson Tondo (PP) – Requer do Poder Executivo o conserto e manutenção da estrada da localidade do Santa Bárbara até a ponte do arroio Santa Bárbara. 091/2012 – Ver. Paulo Sergio Pereira (PT) – Requer envio de correspondência ao gerente local da corsan, Germano Juarez Pedroso. 092/2012 - Ver. Paulo Sergio Pereira (PT) – Requer envio de correspondência ao Diretor de Operações da Corsan de Porto Alegre, Ricardo Rover Machado. 093/2012 – Ver. Peter Linhares (PMDB) – Requer do Poder Executivo, que através da Secretaria de Obras, sejam repostas lâmpadas na Rua Francisco Rodrigues, no Bairro N.Sra. de Fátima. Pedido de Providência 019/2012 – Ver. Caio Casanova (PMDB) – Solicita do Poder Executivo o pagamento restante devido às empresas do transporte escolar. 020/2012 - Ver. Caio Casanova (PMDB) – Solicita providência ao poder Executivo, que faça o conserto e manutenção na estrada do Rincão do Tarumã. 021/2012 - Ver. Caio Casanova (PMDB) – Solicita providência ao poder Executivo Municipal, que faça o conserto e manutenção nas estradas do Santa Barbinha, Furna e Rincão dos Rosa. 022/2012 - Ver. Caio Casanova (PMDB) – Solicita providência ao poder Executivo Municipal, que faça o conserto e manutenção na estrada da Canhada Funda, próximo as propriedades dos senhores José Erli, Jonas Vivian e outros.


30 de maio de 2012

Cidade/Geral

Semana do Museu reeditou projeto “Museu Escola”

Foto: Divulgação/Secultur

Encerraram em 25 de maio as ações da 10ª Semana Nacional de Museus “Museus em um mundo em transformação: novos desafios, novas inspirações”. O Museu Lanceiros do Sul promoveu a 3ª Semana Municipal de Museus, de 18 a 25 de maio de 2012. Intitulada como “Nas trilhas da tecnologia”, as atividades propostas pela equipe buscaram demonstrar a evolução tecnológica a partir do acervo do museu, através de visitas guiadas, exposições e visitas às escolas, em uma reedição do projeto “Museu Escola”.

Leitura de poemas

Relatório de atividades da 3ª Semana Municipal A Secretaria de Cultura e Turismo por intermédio do Centro Municipal de Cultura divulgou o relatório de atividades desta semana. Em 18 e 23 de maio, dois dias de intensa atividade, foram visitados os quartos anos de três escolas municipais: Dr. Alfredo Duarte, Nossa Senhora das Graças e Patrício Dias Ferreira, e de três escolas estaduais: Januária Leal, Professora Eliana Bassi de Melo e Rosa Poglia Barbiero. Entendendo o mundo como em constante processo de transformação, durante as visitas às classes, foi apresentada a atividade “Caixa do Tempo”, onde, através do acervo do museu, como o lampião, a lousa escolar, a máquina fotográfica, um ferro de passar e uma caneta tinteiro, foi trabalhada com os alunos a questão das modificações por que passou os objetos através do tempo. Assim como sua evolução tecnológica, utilizando como parâmetro

objetos que fazem parte do cotidiano dos estudantes. Além de instigá-los a uma visitação posterior ao museu, juntamente com suas escolas ou seus familiares, desta forma, valorizando a comunidade em geral como público de nosso museu. Como atividades integrantes das visitas foram lidos poemas do livro “Museu Desmiolado”, de Alexandre Brito, com o intuito de propiciar momentos de descontração e de imaginação sobre os mais diversos museus que podem existir. Por meio desta ação, conseguimos atingir um público de aproximadamente 160 estudantes da rede pública de ensino, levando-os a pensarem sobre os objetos dentro de um contexto maior, sobre a história do município, e principalmente, sobre o nosso museu como um lugar onde o passado e o presente se encontram, fazendo a todos pensar sobre o futuro.

Foto: Imprensa Prefeitura

Equipe da Secretaria de Cultura e Turismo participa de encontro de turismo

A equipe da Secretaria de Cultura e Turismo (Secultur) participou em 24 de maio da primeira reunião de trabalho do Núcleo Integrado de Desenvolvimento Turístico de Caçapava do Sul - Nidetur. Segundo os integrantes as ações do Nidetur são planejadas e realizadas com a participação efetiva da comunidade. Nesta reunião foi apresentado um breve resumo do trabalho realizado em 2011 e na sequência a apresentação do layout do site que está sendo desenvolvido

para divulgar o turismo local (www.turismocacapavadosul.com.br). O site está previsto para ser lançado em 31 de julho. O Nidetur é formado por grupos de trabalho e para este momento eles estão mobilizados para reunir informações turísticas para compor o site. O Nidetur também está recebendo novos integrantes e pessoas interessadas em trabalhar pelo desenvolvimento turístico do município.

Jornal do Pampa | 05

Alunos realizam ações na 2ª Edição Projeto de Educação Ambiental Alunos do 5º ano da E.M.E.F Patrício Dias Ferreira estão desenvolvendo os Projetos de Educação Ambiental e de Patrulheiro Ambiental Mirim, nesta segunda edição em parceria com a Brigada Militar Comando Ambiental 2º Batalhão Ambiental (1ª CIA – 1º PEL - 3º Grupo de Polícia Ambiental de São Gabriel). O Projeto Patrulheiro Ambiental Mirim tem entre outros objetivos, construir uma cidadania ativa pela conservação ambiental e melhoria na qualidade de vida e ainda despertar nas crianças e adolescentes um comportamento de prevenção e preservação dos recursos ambientais. Através das mudanças de atitudes no cotidiano, foi realizada na manhã de 22 de maio, uma ação entorno da quadra do Ginásio da Promorar. Com a orientação da Polícia Ambiental, os alunos realizaram um mutirão de limpeza, em parceria com a Secretaria de Obras e Serviços Urbanos, o trabalho buscou despertar na comunidade a consciência e responsabilidade com o meio ambiente. Segundo informações da professora Lúcia Santos, que coordena

esses projetos, o Projeto Patrulheiro Ambiental Mirim busca formar multiplicadores, que atuarão de forma preventiva, a partir da sua realidade social e do seu habitat, onde possam praticar atitudes que contribuam para o desenvolvimento de ações de preservação do meio, contribuindo na melhoria da qualidade de vida da sua comunidade. “Esse é o segundo ano que o Projeto é desenvolvido na escola. No ano de 2012 já iniciaram as

atividades, sendo a primeira aula ministrada pelo SGT Vargas do- 3º Grupo de Polícia Ambiental de São Gabriel, com apresentação do projeto aos alunos e vídeos educativos” disse Lúcia. Entre as inúmeras atividades propostas já foi feita a pintura e decoração da sala de aula. Ao final do Projeto Patrulheiro Ambiental Mirim será realizada a formatura dos novos patrulheiros, onde será entregue as carteirinhas e os certificados para os mesmos.

Prefeito divulga vídeo sobre a pavimentação de 40 quadras Está previsto para iniciar nos próximos dias as obras de pavimentação através do Programa PAVICOM. O anúncio do Prefeito Zauri Tiaraju ocorreu por meio de um vídeo divulgado no Youtube (www.youtube.com/watch?v=hlNuXRy2nc), na semana passada, com o título “40 quadras de asfalto para Caçapava do Sul”. A Administração de Caçapava do Sul realizará o projeto de melhoria das condições de mobilidade urbana, que prevê a pavimentação asfáltica em cerca de 40 quadras. Serão beneficiadas ruas sem qualquer tipo de calçamento ou com pedras irregulares. A usina de asfalto da Prefeitura utiliza de maneira ambientalmente responsável o material fresado das rodovias (BR) para pavimentação das ruas. Essa ação é uma parceria entre a Prefeitura e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit-RS). O investimento em pavimentação será de aproximadamente R$1 milhão

Vídeo do Prefeito foi publicado em 24 de maio com recursos próprios da Prefeitura. De acordo com o secretário de Obras Sálvio Daniel, nas últimas semanas a ação estava concentrada na produção do material asfáltico tipo PMF, “trabalhamos com a

capacidade máxima nessa primeira etapa” disse. Algumas ruas já vêm sendo preparadas para receber o asfalto, com a troca de tubos de esgoto, por exemplo.

Começa a Campanha do Agasalho “Vista essa ideia” A Secretária de Assistência Social (SMAS) primeiradama do município Daiane Hinckel Góss comunicou nesta segunda-feira (28) a data de abertura da Campanha do Agasalho de 2012. O início da campanha está programado para dia 4 de junho e o encerramento das doações em 29 de junho. Com o slogan “Vista essa ideia” a Secretaria pretende mobilizar os caçapavanos com doações para comunidade carente. Os postos de arrecadação serão os Centros de Referências, Especializado (CREAS) e da Assistência Social (CRAS), lojas no comércio local e na própria

Secretaria de Assistência Social junto à Prefeitura na Rua 15 de Novembro. “A população está convidada a levar nos postos de coleta roupas, calçados e cobertores que serão doados às crianças e adultos carentes do município. Vamos todos vestir essa ideia” apontou Daiane. Doações: - CREAS: Avenida Alfredo Duarte, nº416 (próximo a Rótula) - CRAS: Rua Miguel Paz, nº 237 - Bairro: Sul - Secretaria da Assistência Social – fone (55) 3281-2629


06 | Jornal do Pampa

30 de maio de 2012


30 de maio de 2012

Jornal do Pampa | 07

Final de Semana Festivo no CTG Família Nativista O final de semana passado foi bastante movimentado no CTG Família Nativista. Houve Jantar Comemorativo aos 34 anos de fundação da entidade com aproximadamente 400 pessoas, que prestigiaram a apresentação artística da Invernada do CTG e ainda dançaram ao som do Grupo Quero-Quero, aqui de nossa 2ª Capital Farroupilha, o qual foi responsável pela animação após o jantar. Aconteceu ainda no dia 27 de maio, a Assembleia de eleição da nova Patronagem, a qual será responsável pela gestão da entidade pelos próximos 2 anos. Confiram a nominata dos representantes da chapa eleita: Patrão: Joris Augusto Gonçalves Menezes e Marileuza de Rosso Menezes. 1º Vice: Roberto de Jesus Gonçalves e Rosane Bitencourt Gonçalves. 2º Vice: Cesar Tiaraju Machado de Sousa e Renata Vivian Bairros de Sousa. 1º Tesoureiro: Ubiraci da Silva Santos e Adriana Godinho Santos. 2º Tesoureiro: José Aldorino Santos Cruz e Fabiana Menezes. 1º Secretario: Alessandro Correa dos Santos e Egna Solaine de Oliveira Santos. 2º Secretario: Derlei Saraiva da Silva e Jacimara Branco Teixeira. Móveis e Utensílios: Jutair Pedroso Barbosa e Joelma

Silva da Silveira Barbosa. Antonio M. Dutra Barbosa e Ivonir Maria Oliveira Barbosa. Departamento Cultural: Cesar Tiaraju Machado de Sousa e Renata Vivian Bairros de Sousa. Mas as comemorações não pararam por aí, aconteceu nos dias 24, 25 e 26 de maio a 42ª Ciranda Cultural de Prendas no Município de Passo Fundo, no CTG Lalau Miranda. A ciranda tem por objetivo escolher a 1ª, 2ª e 3ª Prendas do Estado, nas categorias mirim, juvenil e adulta. Na categoria mirim, a prenda Luana Raquel Wojciechowski estava competindo pela 18ª Região Tradicionalista, a qual Caçapava do Sul é pertencente - Luana representou o CTG Família Nativista na eliminatória regional em junho de 2011, no CTG Prenda Minha da cidade de Bagé. Desta forma, por volta das 2h da madrugada do dia 27, a comunidade caçapavana ficou sabendo que Luana havia conquistado o título de 1ª Prenda Mirin do Estado. Luana prestou provas de conhecimentos diversos acerca da cultura, história, arte, sem falar nas aptidões de oratória e de artesanato. Após uma rotina incansável de estudos, ensaios, viagens, cursos, aí está a merecida recompensa, o tão almejado título disputado por 67 concorrentes entre prendas mirins, juvenis e adultas de todas as partes

Foto: Arquivo Pessoal

do Estado, das quais apenas 3 sairam contempladas e Luana Raquel foi uma delas. O CTG Família Nativista através de sua patronagem e seus departamentos parabeniza a Luana Raquel por tantas e importantes conquistas trazidas para nossa entidade e agradece a todos os associados e visitantes que estiveram presentes nas promoções desenvolvidas pela entidade no decorrer desta gestão que se encerra. A nova patronagem convida ainda para que continuem nos prestigiando a entidade e compareçam ao Baile de Posse da nova Patronagem que acontecerá no dia 30 de junho na sede social da entidade com animação de Roger Constantino e Grupo Loko de Bom. Reserva de mesa na secretaria ao preço de R$ 30,00.

Pré-lançamento do livro “Caminhos do Sul da América”

Promovendo três aspectos do turismo de Caçapava do Sul, foi realizado o pré-lançamento de uma versão impressa de imagens do projeto "Caminhos do Sul da América" que tem como foco as atrações turísticas desse município, acrescido de depoimentos de viagens a países do sul da América do Sul por vias rodoviárias. Um almoço campeiro - comida típica da região - na Chácara do Forte excelente ambiente de entretenimento, evento e pousada - reuniram familiares e amigos dos criadores do livro. O terceiro quesito é que a renda obtida com a venda dos livros se destina ao melhoramento das condições de infra-estrutura do Museu de Pedra do Prof. Eduardo Marin - uma memória viva da geografia de Caçapava do Sul. O projeto "Caminhos do Sul da América" visa o desenvolvimento turístico de Caçapava do Sul e região, buscando a interação e intercambio da latinidade comum dos povos do sul. Um dos produtos de disseminação do projeto é a edição de um livro de fotografias. Caminhos do sul do Uruguai, Argentina e Chile mais os atrativos culturais e turísticos do município de Caçapava do Sul, que se inclui no itinerário, estão no livro: "Caçapava do Sul Caminhos do Sul da América". São autores do livro a escritora Lislair Leão Marques(coordenadora), Johnatan Osório, Marcelo Spode e Maximilian Fries. A revisão textual é de Rosalilia Torres Delabay e apresentação da Assessoria de Comunicação da Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul, jornalista Lorenzo Stefani, projeto gráfico de Lislair e Johnatan e diagramação de Eduardo Dias.


30 de maio de 2012

Geral

08 | Jornal do Pampa

Participação popular garante sucesso da Festa do Divino Por Osvaldo Carlos Dias

Eleições: O Presidente do PP de Caçapava do Sul, Antonio Almeida, divulgou nesta terça-feira, dia 29, que o partido fechou na última semana uma coligação com dois partidos políticos visando as eleições deste ano, como apoio ao Pré-candidato a Prefeito Otomar Vivian. Os dois partidos que irão apoiar o projeto do PP é o PRB e o DEM. Desta forma, fica a expectativa se vai dar certo ou não, a possível coligação entre PP e PMDB, ficamos aguardando, porque o prazo está se esgotando. Piso do magistério: Foi aprovado pela Câmara um reajuste no salário dos professores municipais de 3,8%, que segundo a Prefeitura será para o pagamento do Piso Nacional do Magistério, que é de R$ 725,00 para 20 horas. Mas este fato continua desagradando o Sindicato dos Professores, porque segundo os professores este índice ainda não é o piso, porque a Prefeitura está fazendo a reposição a partir do Nível 1 e na visão do Sindicato a reposição precisa partir do Nível Especial. Os professores pediram para os vereadores aprovarem o projeto, mas informaram que irão entrar na justiça pelo pagamento do piso e que fará uma paralisação no dia 30 de maio, nesta quarta-feira. Pelo jeito o impasse continua entre magistério e o Prefeito, vamos aguardar para ver a decisão da justiça sobre a reivindicação dos professores. Curiosidade: Na última semana, durante o programa Show da Tarde, na Rádio Caçapava, o apresentador Claremi Teixeira, fez uma brincadeira com os seus ouvintes, onde as primeiras 25 pessoas que ligassem para o programa estavam concorrendo a uma torta, mas teriam que responder qual era o vereador mais atuante de Caçapava. Para surpresa de todos, das 25 pessoas que ligaram, 22 disseram que é Caio Casanova, os outros falaram no vereador Toninho do PT, Peter Linhares e Paulo Pereira. Essa brincadeira gerou muita especulação no meio político. Nome de rua 1: Foi protocolado na Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul um projeto de Lei de origem Legislativa, de autoria do vereador Pedro Gaspar (PP) que propõe a denominação da Rua 163, localizada no Bairro Cidade Jardim, de Rua Tenente Coronel Guarany de Bem e Canto. O Tenente Coronel ocupou lugar de destaque na comunhão republicana, sendo admirado e respeitado pelo povo rio-grandense por sacrifícios múltiplios. Foi viceintendente de Caçapava do Sul, conselheiro municipal em São Gabriel e subchefe de polícia e vice-intendente do município de Cachoeira do Sul. Segundo o vereador proponente “a homenagem é um reconhecimento ao caçapavano, filho do Cel. Balthazar de Bem e Canto, que dedicou sua vida na defesa dos ideais do estado e da pátria”. Nome de rua 2: Nesta segunda-feira, dia 28, foi aprovado pela Câmara um projeto de lei do vereador José Sidnei Menezes (Pirola), que denomina a rua de nº 323, no Bairro Orfila, de Valmir Paz Leão. Valmir foi agropecuarista e proprietário de Super Mercado Leão, na década de 70, além de contribuir por muitos anos com a cultura de Caçapava, principalmente quando participou de várias patronagens de CTGs, do Clube União Caçapavana e grande incentivador do esporte local, como diretor do Aimoré Sport Clube. Segundo o vereador, Leão foi um grande personagem do passado, principalmente nos anos 70 e 80, onde participou de quase todas as atividades sociais de Caçapava do Sul e grande incentivador do esporte amador.

Cassanova Moveis e Decoração A loja Mônego Moveis, se tornará Cassanova Moveis e Decoração, o seu novo proprietário o Sr. Otile Cassanova, gerente do estabelecimento desde 2002, assumiu o comando da empresa em março desde ano, e pretende manter a tradição de 65 anos que o Mônego criou com seus clientes, marcados por uma trajetória de sucesso e referência com moveis em geral. Continuarão trabalhando com o padrão que a loja sempre apresentou, buscando um diferencial em moveis planejados, que estão à disposição dos caçapavanos a fim de filiar seu bom gosto com o padrão de qualidade e durabilidade da Cassanova. Tendo profissionais especializados, com maquinas e equipamentos para

realizar o serviço. São filiados a empresas de sucesso e confiança, como Grupo Herval, Carraro Moveis, Casttini Moveis, Tapetes São Carlos, entre outras marcas de renome. “Gostaria de agradecer aos caçavavanos que sempre estiveram conosco nessa longa caminhada, com certeza só existimos porque existem clientes comprometidos com nosso trabalho, esse prestigio que recebemos todos os dias é revigorante.”

A grande participação da comunidade cristã garantiu o sucesso alcançado pela Festa do Divino Espírito Santo deste ano. Igreja Matriz e Salão Paroquial estiveram lotados durante os dez dias de festividades religiosas. A renda líquida do evento – ainda falta o recebimento de algumas doações – deverá ser divulgada em breve e será destinada em benefício do Hospital de Caridade, APAE e Igreja Matriz. Os novos festeiros para a próxima edição do evento são os integrantes do ECC (Encontro de Casais com Cristo). A Festa do Divino de 2012 teve seu lançamento no final do ano passado, com o Terno de Reis e Presépio Vivo na Igreja Matriz Nossa Senhora da Assunção, dia 15 de dezembro, com participação do PTG Ronda das Sesmarias e Escolhinha Arca de Noé. As festividades iniciaram com a cravação do mastro e hasteamento da bandeira do Divino Espírito Santo, em frente à Igreja Matriz, sábado, dia 07 de abril. Neste dia e domingo, foi realizado Rodeio Crioulo na sede campestre Tady Ilha Machado, com promoção do CTG Sentinela dos Cerros e apoio das demais entidades tradicionalistas do município. A programação continuou com a realização de mega-bingo, dia 20, na sede social do CTG Sentinela do Forte, e visitas da Bandeira na cidade e no interior, onde as festas ocorreram nas localidades de Guaritas – sede da Associação de Moradores - dia 29, e Seival – Capela São Geraldo – dia 06 de maio.

Na cidade, a festa teve continuidade dia 18 de maio, com a saída do cortejo da residência dos festeiros, percorrendo o centro até a Igreja Matriz, onde foram celebradas as novenas pelo pároco Rudinei Lasch e a missa de Pentecostes, pelo bispo diocesano Dom Remídio Bohn, dia 27. Além deles, participaram das pregações os padres José Vicente de Lima, Gelson Bernardi e Rubem Dotto, os diáconos Carlos Machado (Carlinhos) e Mateus Venturini, e a irmã Ineida Dalmazzo. A Banda Municipal Dr. Cyro Carlos de Melo (abertura e encerramento) o Coral da Igreja Matriz (diariamente) e o Coral Municipal Infanto-Juvenil também colaboraram com a festa. Nesse período, a comunidade ainda compareceu em massa no Salão Paroquial e participou diariamente dos jantares festivos – oferecidos pelo PTG Vento Xucro, Torcida Alma Farrapa Tricolor, Liga Feminina de Combate ao Câncer, CDL/Sindilojas, Hospital de Caridade, Comissão de Festeiros, APAE, PTG Ronda das Sesmarias e Auri Cantarelli - e super bingos com muitos e valiosos prêmios, e do

almoço de domingo – oferecido pelos Irmãos Cantarelli, de Dom Pedrito - que finalizou a programação especial. Gratificados e emocionados, os festeiros Luiz Alberto e Auristela Coradini agradeceram aos integrantes da comissão organizadora e a todos que participaram e colaboraram de uma ou outra forma, levando o apoio indispensável para o resultado e repercussão da Festa do Divino de 2012. Comissão da Festa do Divino Espírito Santo: padre Rudinei Lasch (Pároco); padre José Vicente de Lima (Vigário Paroquial); Luiz Alberto e Auristela Coradini (Festeiros); Auri Cantarelli e Leda Lígia Dreier, Ricardo e Valda Hoffmann (Capitães do Mastro); Flávio e Fernanda Cantarelli, Paulo e Vandelina Anversa Alferes da Bandeira); Carlos e Adriana Cantarelli, Elton e Zita Ragagnin (Pagens de Estoque); Cândida Feliza dos Santos, Alexandre e Karine Ferreira, Elias e Rose Dotto, Osvaldo Carlos Dias e Fátima Jovane Nunes, Sílvio e Ivaniza Chaves (Convidados de Honra); Flávia Cantarelli (Imperatriz), Lucas Chaves (Imperador) e Gabriel Chaves (Pagem).

Urcamp Campus de Caçapava do Sul completou 26 anos A Semana de Aniversário da URCAMP iniciou na segunda-feira (21/05) com a palestra “Pesquisa Aplicada e Transferência de Tecnologia” ministrada pelo Vice-Reitor da Instituição, Prof. Dr. Paulo Ricardo Ebert Siqueira. A primeira noite de um ciclo de cinco palestras contou com ótimo público, aproximadamente 200 participantes. Na abertura do evento, o Superintendente Administrativo, Prof. João Cléber Lopes saudou o público, salientando a importância do papel da URCAMP em Caçapava e região, e o pioneirismo no Ensino Superior de nosso município. Finalizada a palestra, a URCAMP realizou a entrega do Caderno Universitário aos alunos presentes. Alunos representantes dos sete cursos do Campus local foram chamados para a entrega simbólica do material. Na saída, todos os alunos receberam o caderno personalizado, uma novidade no ano de 2012. A segunda noite de atividades em comemoração aos 26 anos da URCAMP em Caçapava do Sul contou com a ilustre presença da Profª Odimara Marion Lamb, com a palestra

“O mercado de trabalho na perspectiva do empregador. Caso do Grupo Agrimec”. Odimara é sócia-diretora do Grupo Agrimec, onde exerce a função de Diretora de Marketing. É formada em Relações Públicas pela UFSM-RS, especialista em Comunicação de Marketing pela ESPM-SP e mestre em Comunicação e Mercado pela Faculdade Cásper Líbero-SP. Foi presidente da Associação Distrito Vivo – Associação de Empresas do Distrito Industrial de Santa Maria pelo biênio 2009/2011 e docente do curso de Comunicação Social da Faculdade Anglo Latino (SP) e da UFSM (RS). Atualmente integra o Conselho Consultivo do SESI - Serviço Social da Indústria de Santa Maria e municípios vizinhos. Políticas Públicas Ambientais foi o tema da terceira noite de palestras da Semana de Aniversário da URCAMP. O convidado foi o Sr. Luiz Alberto Carvalho Jr., Secretário de Município de Proteção Ambiental da vizinha cidade de Santa Maria. Durante sua fala, Carvalho Jr. abordou todas as atividades que estão sendo desempenhadas frente à Secretaria de Proteção Ambiental

em Santa Maria e bons exemplos a serem praticados por outros municípios. Na oportunidade, o palestrante também deixou a Prefeitura Municipal do município vizinho à disposição para projetos em parceria com a URCAMP. Já na quinta-feira (24/05), um tema de interesse direto a economia de Caçapava do Sul e região foi amplamente debatido no Salão Nobre da Universidade. O Sr. Guajará Oliveira foi muito prestigiado pelo público presente ao apresentar a palestra “A diversificação da produção em uma propriedade rural: kiwi, uva e azeitona”. Ao término de sua fala, os acadêmicos da URCAMP iniciaram intenso debate sobre o assunto, tendo em vista o potencial que a região possui entre os mais diversos aspectos climáticos e geográficos. Caçapava do Sul é pioneira no Brasil na produção de Oliveiras. Em 2012, a “Chácara Cerro dos Olivais”, propriedade pertencente à Associação Rio-Grandense de Olivicultores (ARGOS), única entidade com reconhecimento internacional do setor colheu aproximadamente 12 mil quilos de azeitonas.


Geral

30 de maio de 2012

Jornal do Pampa | 09

Incêndio na madrugada de domingo Durante esta madrugada, de sábado para domingo, um incêndio inesperado assustou a comunidade do centro, onde uma casa na rua Lucio Jaime, localizada atrás do centro clinico, ficou em chamas. O fato ocorreu por volta das 24h30min e o fogo foi contido pela ação rápida e eficiente do Corpo de Bombeiros, que chegou logo ao local e conteve o fogo. Segundo os Bombeiros, a causa do incêndio é desconhecida e que as labaredas queimaram 50% da casa, ou seja, a cozinha, quarto, sala e banheiro. A corporação ficou no local por

cerca de uma hora, onde segundo populares um principio de confusão começou entre as pessoas que moram na casa danificada e nas

residências ao lado. A confusão teve a intervenção da Brigada Militar para acalmar os ânimos e foi registrado um boletim de ocorrência sobre o caso.

Mais uma área de lazer para criançada Esta sendo construída mais uma Pracinha Infantil feita de madeira, como a Pracinha Vó Dilma, a nova estrutura está localizada na Avenida Pinheiro Machado, próximo a creche Iracema Cidade, Jocenir da Rosa mais conhecido como Galo é o responsável pela obra, que é uma parceria da Prefeitura Municipal de Caçapava do Sul, AES Sul E Madeireira Madecaibro. Serão feitos duas casinhas ligadas por uma ponte, cinco escorregadores, seis gangorras, doze balanças, duas mesas com jogos de dama implantados cada uma delas com quatro bancos e dezesseis bancos ao redor do ambiente. Esta prevista a inauguração para o dia 3 de Junho com uma mateada, mas será confirmada a data está semana.

Segundo Jocenir, existe mais um projeto para este ano, depois desta obra será feita outra na Rua do

Aterro. O objetivo destas Pracinhas é de ter em cada canto da cidade uma área de lazer para pais e filhos.

Brincadeiras ao ar livre no Largo Farroupilha Na sexta-feira (25), as escolas de educação infantil do município (públicas e privadas) de Caçapava do Sul participaram das atividades alusivas ao Dia Internacional do Brincar. O evento ocorreu no Largo Farroupilha a partir das 14h até as 16h. Com a missão de resgatar a brincadeira no contexto da criança. A promoção da Secretaria de Educação (SEDUC) tem como intenção contribuir para a formação de indivíduos criativos. A celebração faz parte da 1ª Semana Municipal do Brincar que ocorre de 20 a 27 de maio, e, 3ª Semana Mundial do Brincar. Com incentivo à importância da prática do brincar em espaços públicos e privados, instituições, escolas, na rua e na família. Durante a semana do brincar cada escola está desenvolvendo atividades que promovam a

valorização da criança nos espaços escolares e consequentemente na sociedade. “As ações serão continuadas no ambiente escolar, não ficando restritas apenas há essa semana”, informaram as coordenadoras pedagógicas da

SEDUC. Todas as ações nas escolas de educação infantil estão sendo registradas nos Blogs da campanha: www.campanhaeducacao.org.br e www.semanaacaomundial2012. wordpress.com

IMÓVEIS PARA LOCAÇÃO LOCAÇÕES COMERCIAIS 1- SALAS COMERCIAIS – (duas) – esq. das ruas Gal. Osório e Cel. Coriolano Castro. Excelente ponto comercial. VALOR - a negociar. 2- SALAS COMERCIAIS – Rua XV de Novembro, acima da Galeria Oberto. VALOR a negociar. 3- SALA COMERCIAL – Rua Gal. Osório, excelente ponto comercial. VALOR - R$ 800,00. 4- SALA COMERCIAL – Medindo 45,00m², excelente ponto comercial. VALOR – R$ 700,00. 5- IMÓVEL PARA FINS COMERCIAIS –(Próprio para escritório, clínica, etc...) Rua Ulhoa Cintra. Valor – a combinar 6- SALAO COMERCIAL – Rua XV de Novembro (própria para loja, escritório, consultório, etc...) Rua XV de Novembro. VALOR – R$ 880,00. 7- SALÃO COMERCIAL – Avenida Presidente Kennedy (excelente localização comercial). VALOR – R$ 1.500,00.


Bem-Estar

Jornal do Pampa | 10

Refluxo provoca sensação de azia, queimação e mal-estar

Implantes Dentários: Uma realidade a alcance de todos

30 de maio de 2012

Tratamento pode ser feito com mudanças de hábitos na alimentação diária A famosa sensação de queimação no estômago, popularmente chamada de azia (pirose), é reflexo de uma das doenças mais comuns ligadas a digestão: o refluxo gastroesofágico (DRGE). Embora tenha um nome pouco popular, o distúrbio é o motivo mais frequente de consultas ao gastroenterologista. O DRGE consiste basicamente no refluxo do conteúdo presente no estômago para o esôfago. O problema é causado pela incapacidade de uma espécie de válvula (esfincter), que se abre para o alimento passar para o estômago, de reter o que foi ingerido e os sucos gástricos no interior do órgão, o que acaba provocando o vômito, azia, ardor, queimação e mal-estar. Em casos mais graves e raros, o DRGE pode provocar problemas respiratórios. Refluxo gastro-esofágico provoca sensação de azia, queimação e mal-estar

Sintomas da doença O DRGE é desencadeado por fatores que geralmente passam por banais e corriqueiros, como os excessos cometidos diante de uma refeição saborosa. Molhos condimentados, bebidas álcoolicas, cigarros eobesidade comple-

Patricia Santos de Castro Cursando Especialização em Prótese Dentária CRO 12541

A odontologia, com o passar do anos, segue evoluindo e cada vez mais, apresenta a seus pacientes soluções inovadoras. Antigamente, quando o paciente perdia um dente, não havia muitas opções a não ser, continuar sem ele, utilizar uma prótese móvel , ou utilizar uma ponte fixa, desgastando os dentes vizinhos, muitas vezes saudavéis. Com os avanços, surgiram os implantes dentários, onde o paciente perdeu totalmente o elemento dentário ou seja ,não existe nem coroa e nem raiz. O implante dentário corresponde a colocação de uma estrutura metálica, semelhante a um “parafuso”, que é introduzido intra-ósseo substituindo a raiz dentária perdida. mentam os gatilhos que favorecem o aparecimento da doença. De acordo com o gastroenterologista Ricardo Blanc, a azia, principal sintoma do DRGE, não é um fator determinante para diagnosticar o problema, a menos que a frequência das ocorrências sejam grande. Segundo o profissional, geralmente ela aparece quando você come demais. O descontrole diante do prato, neste caso, provoca a irritação da mucosa que causa a queimação. No entanto, se a sensação for habitual, é necessário tomar cuidado, pois ela pode facilitar o surgimento de feridas no esôfago. O diagnóstico do DRGE é feito a parir de uma endoscopia.

Complicações Segundo Blanc, o contato prolongado da mucosa do esôfago com o suco gástrico refluído pode provocar feridas superficiais. Em casos menos frequentementes, é possível o

surgimento de úlcerasou até estenose (estreitamento na parte inferior do estômago). As lesões do esôfago podem levar a sangramento crônico, provocando anemia. Em algumas situações, a inflamação crônica pode até facilitar o aparecimento de câncer no esôfago.

Tratamentos O combate da DRGE pode ser feito com medicamentos e mudanças de hábitos na rotina de quem sofre com o problema. O cigarro deve ser evitado, pois ele diminui a proteção da mucosa do estômago. Frituras, chocolates, molho de tomate, cebola, entre outros, devem ficar fora do cardápio, pois estes alimentos não são de fácil digestão. A sonequinha depois da refeição não é estimulada, assim como fazer esforço quando o estômago estiver cheio. Ambas as situações favorecem o refluxo.

Após formação óssea necessária envolvendo o implante, confecciona-se uma prótese cimentada ou rosqueada sobre esta estrutura substituindo a estrutura dentária perdida. Para receber um implante, o paciente deve apresentar alguns requisitos necessários, tais como: tecido ósseo em quantidade ideal, não apresentar comprometimento sistêmico, não fumar, apresentar tecido gengival e ósseo saudaveis, hábitos de higiene e outros. O paciente também deve comprometer-se a manter estas estruturas saudáveis. Uma higiene bucal meticulosa e visitas regulares ao dentista são essenciais para o sucesso a longo prazo de seus implantes.


30 de maio de 2012

Esporte

Escola Januária Leal é campeã do Futsal Na última terça-feira, dia 29 de maio, foi realizada as finais da modalidade de Futsal dos Jogos Estudantis Caçapavanos – Jesca. A escola campeã da modalidade de futsal foi a Escola Estadual de Ensino Fundamental Januaria Leal com 410 pontos(participou de 5 finais,) na 2ª colocação ficou a Escola Técnica Dr. Rubens da Rosa Guedes com 320 pontos. Foram disputadas 87 partidas entre 14 escolas, distribuídas nas categorias petiz, mirim, infantil e juvenil(naipes masculino e feminino). Durante as finais foi realizada uma partida festiva entre alunos da APAE. Confira a classificação por categoria: -Petiz Masculino: JAN 02X01 DAG 1° lugar: Januaria 2° lugar: Dagoberto Goleador: Pedro-Dag Defesa: Januaria -Mirim Masculino: COE 03X01 JAN 1° lugar: Coeducar 2° lugar: Januaria Goleador: Gabriel-COE Defesa: Coeducar -Mirim Feminino: COE 01X00 JAN

Januaria campeã petiz masculino

1° lugar: Coeducar 2° lugar: Januaria Goleador:Fernanda-COE Defesa:Januaria -Infantil Masculino: ELI 02X05 JAN 1° lugar: Januaria 2° lugar: Eliana Goleador:Gabriel-JAN Defesa: Januaria -Infantil Feminino: RRG 03X00 JAN 1° lugar: ETERRG 2° lugar: Januaria

Januaria campeã infantil masculino

Goleador:Andriele-ETERRG Defesa: ETERRG -Juvenil Masculino: ASS 03X02 PAT 1° lugar: Assunção 2° lugar: Patrício Dias Goleador: Gabriel-ASS Defesa: Patricio Dias -Juvenil Feminino: RRG 05X01 DIN 1° lugar: ETERRG 2° lugar: Dinarte Goleador: Andreia-ETERRG Defesa:ETERRG

ETERRG campeã juvenil feminino

Coeducar campeã mirim feminino

Coeducar campeã mirim masculino

ETERRG campeã infantil feminino

Assunção campeã juvenil masculino

Jornal do Pampa | 11

Segundona de Campo – no último final de semana dias 26 e 27 de maio foi realizada a 2ª rodada da 2ª fase do Campeonato Municipal de Futebol de Campo da 2ª divisão. No primeiro jogo de sábado a equipe do Nova Geração venceu a equipe do Santos por 2 a 1, no segundo jogo as equipes do Milan e Barcelona ficaram no empate sem gols. No domingo, o primeiro jogo foi vencido pela equipe do Vila Sul pelo placar de 3 a 1, com o resultado a equipe do Vila Sul já garantiu classificação nas semifinais.A equipe do União precisa vencer na última rodada. No segundo jogo da tarde a equipe do Flamengo conseguiu a primeira vitória na 2ª fase vencendo a equipe do Brasil pelo placar de 3 a 2. No próximo final de semana acontece a última rodada da 2ª fase e as equipe lutam pelas três vagas que ainda estão abertas. Confira os jogos da última rodada da 2ª fase: -02/06-13:30-Flamengo X União -02/06-15:30-Milan X Nova Geração -03/06-13:30-Vila Sul X Brasil -03/06-15:30-Barcelona X Santos Dia do Desafio – nesta quarta-feira, nossa cidade esta participando de mais uma edição do Dia do Desafio, neste ano a cidade adversária é Tupiza da Bolívia. Aproveite esta data para praticar pelo menos 15 minutos de atividade física.

Automovel Clube de Caçapava do Sul, neste ano comemora 40 anos, fundado 02 de setembro de 1972 – o atual presidente do A.C.C. agradece a quem sempre apoiou e contribuiu com essa história, não podemos deixar de lembrar do Sr. Alberto Cidade que foi pioneiro dessa idéia em 1972,e agradecer aos ex presidentes Sr. Darcy Oliveira,Sr. Otile Casanova, Sr. Sergio Tavares, Sr. Fernando Alves, Sr. Gentil Barcellos, Sr.Nei Tavares, Sr. Carlos Malacarne, Sr.Cassio Vale, Sr.Erielton Leao, Sr.Rogerio Castro,e entre tantos outros que fizeram e fazem parte do conselho,aos associados ao poder publico, que sempre estiveram juntos na construção e conservação desse clube que é exemplo no estado por promover eventos esportivo no automobilismo gaúcho filiado a FGA,também temos que agradecer aos pilotos e a todos que patrocinam e apóiam nossos eventos,as empresas e o comercio de Caçapava. As pessoas que de alguma maneira contribuíram com a realização dos eventos e também fazem parte dessa história.Convidamos a todos para programação do ano de 2012: 10/06/2012 -3ª etapa campeonato gaúcho e regional 02/09/2012 - festa de aniversário do A.C.C. 28/10/2012 -5ª etapa gaúcho, 6ª etapa regional em comemoração aniversário município 09/12/2012 -2 horas noturna Atenciosamente, Vagner Tavares – atual presidente do A.C.C.


Caรงapava do Sul, 30 de maio de 2012 w w w. j o r n a l d o pa m pa . c o m . b r


Jornal do Pampa