Page 1

Carta Mensal Do Governador Distrito 1970 | Portugal | Nº3 | Setembro 2011

Governadoria António Goes Madeira TM. 964877788 Email a.g.madeira@hotmail.com

Maria José Santos RC Viseu TM.963334974 Email mjsantos@hstviseu.minsaude.pt

José Manuel Oliveira RC Viseu TM. 966916991 Email helena.oliveira16@gmail.com

Secretaria Santos Bento RC Senhora da Hora TM. 917817698 Email santos.bento@sapo.pt

Carta Mensal Felisberto Figueiredo RC Tondela TM. 964441383 Email felisbertofigueiredo@sapo.pt

Design Gráfico Ricardo Madeira RTC Lisboa Olivais Email h.wilt@hotmail.com

Impulsionemos uma Nova geração de rotários

Presidente de RI | Kalyan Banerjee

Governador | António Goes Madeira Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 1


Mensagem do Presidente de Rotary Internacional

Kalyan Banerjee Presidente RI 2011 - 2012

I

rmãos e irmãs

em Rotary, Verde é a cor do ano 2011-12. Mas porquê verde? Porque é a cor da primavera, que traz a promessa de dias melhores. Verde é a cor que dá vida às plantas. Por analogia, não resta dúvida que o momento chegou para pintarmos o Rotary de verde, um verde radiante para colorir os cantos cinza da nossa organização. No geral em Rotary, só 11% dos rotários estão abaixo dos 40 anos; já 68% estão acima de 50 e 39% acima dos 60! Não é preciso ser adivinho para saber o que irá acontecer daqui a 10, 20 ou 30 anos se não fizermos nada. Os novos associados que trouxermos têm que ser jovens, capazes de derramar vigor renovado na organização. Como então nos podemos tornar mais atraentes para os jovens, hoje em dia tão diferentes comparados aos jovens profissionais de uma ou duas gerações atrás? Temos que ir onde eles estão,

2 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011

e isto significa usar a internet, estar no Facebook e Twitter, comunicar por e-mail e smartphones. O clube que não tem uma página na internet nos dias de hoje simplesmente não existe para os jovens. Precisamos resgatar a ideia da família rotária. Temos que ver todos os membros de Rotary como família, sejam eles rotários e seus familiares, como também rotaractistas, interactistas, intercambistas, alumni, entre outros. A retenção é algo que tem que ir além do Rotary Club e abranger toda a família rotária. Quando queremos trazer novos sócios costumamos olhar sempre para fora, e com isso falhamos ao ignorarmos os jovens que já temos connosco. Entre eles há um sem número que dariam excelentes presidentes de clube, governadores de distrito e líderes seniores da organização. Devemos isto à nossa família em Rotary: garantir que a nossa não seja uma das últimas gerações de rotários. Devemos, no sentido real do termo, Conhecer a Nós Mesmos para Envolver a Nossa Família Rotária, para estarmos melhor preparados para Envolver a Humanidade.

Kalyan Banerjee


Serviços às Novas Gerações

A quinta Avenida de Serviços

SERVIÇOS

ÀS

NOVAS GERAÇÕES — A quinta

Avenida de Serviços reconhece a mudança positiva trazida pelos jovens através do incentivo a actividades de desenvolvimento de liderança, envolvimento comunitário, prestação internacional de serviços e de programas de intercâmbio que enriquecem e promovem a paz e compreensão mundial. Os Rotary Clubs devem comprometer-se a envolver os jovens em projectos de serviços profissionais, à comunidade e internacionais, e oferecer programas e recursos que os apoiem. Para mais informação leia o Manual “Introdução aos Serviços às Novas Gerações em: http://www.rotary.org/RIdocuments/pt_pdf/735pt.pdf

O termo Novas Gerações refere-se aos integrantes mais jovens da família rotária, ou seja, os participantes em programas pró-juventude, como Interact, Rotaract, RYLA e Intercâmbio de Jovens, ou jovens que se envolvem em actividades de clubes rotários e distritos. O ex-presidente do RI, Luis Vicente Giay, criou o termo Novas Gerações quando disse que o futuro de Rotary dependia do envolvimento dos jovens nos programas e actividades da nossa organização. Na Convenção do RI de 1996 em Calgary, Canadá, ele disse: “A visão que tivermos do futuro fará a diferença entre o nosso sucesso ou fracasso. As Novas Gerações são o nosso investimento no futuro. Portanto, vamos começar a construir o futuro.”

Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 3


Mensagem do Governador

António Goes Madeira Governador 2011 - 2012

Caríssimas Companheiras Caríssimos Companheiros Mês de Setembro, mês das Novas Gerações. Rotary há muitos anos que vem dedicando uma especial atenção aos jovens através de programas específicos. Em 1927 criou o Intercâmbios de Jovens, em 1947 instituiu, na Rotary Foundation, as Bolsas Educacionais. Em 1960 o RYLA (Prémios Rotários de Liderança Juvenil), tendo em 1962 e 1968 dado corpo respectivamente ao Interact e do Rotaract. Fica claro que esta foi uma aposta que tem acompanhado a história do movimento, conhecendo inegáveis resultados que vão ao encontro do ideal da Paz Mundial pela disseminação dos valores éticos e de compreensão entre os povos. Rotary corporizou, assim, uma acção modelar que contribui para a formação dos jovens, proporcionando-lhes oportunidades de aprendizagem de liderança, abrindo a área dos serviços humanitários ao seu espirito de iniciativa, à sua 4 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011

generosidade, criatividade e apetência para enfrentar desafios difíceis. Estes programas rotários visam capacitar aqueles que vão ser os adultos de amanhã de modo a estarem melhor preparados para os desafios que a vida activa coloca. A experiência colhida no nosso Distrito revela inúmeros casos de sucesso na acção desenvolvida pelos clubes jovens. Pessoalmente sinto-me em perfeita sintonia com esta visão de Rotary e não foi assim, por acaso, que a minha primeira acção como Governador do Distrito, tenha sido participar na Transmissão de Tarefas dos Representantes Distritais Interact e Rotaract em reunião ocorrida em Estarreja a 3 de Julho de 2011, exactamente um dia após a Transmissão de Tarefas dos Governadores, realizada em Viseu. Procurei dar um sinal, um sinal forte, de que considero as Novas Gerações em Rotary um dos projectos mais oportunos e de maior alcance futuro. E o retorno está bem à vista, pois todos conhecemos projectos e acções que


revelam inequívocas provas de dedicação, de empenho e de altruísmo que estes jovens colocam nas acções que empreendem nas mais variadas áreas de serviço às comunidades. Este sucesso está obviamente associado aos clubes rotários patrocinadores que entenderam na plenitude a sua missão: o apoio, a criação de condições, os bons exemplos, a transmissão dos valores rotários da ética nos comportamentos, da solidariedade, das boas práticas. Apoiar as Novas gerações é levar à prática as três enfâses – Família, Continuidade e Mudança – que o Presidente de RI Kalyan Banerjee nos propõe: - É assumir que as Novas Gerações são parte integrante da família rotária e como tal devem ser encaradas e acarinhadas. - São um programa de Rotary que tem dado os melhores frutos e como tal deve ser continuado, aprofundado e alargado no seu âmbito.

acompanhando os jovens na procura e utilização das novas tecnologias, das redes sociais e do networking. O trabalho de Rotary foi pioneiro na interacção de companheiros de diversos países, com usos e costumes característicos e culturas diferentes. Então saibamos estar à altura desse pioneirismo, dando as mãos a quem hoje está na vanguarda da comunicação e tem espirito aberto à fraternidade e à solidariedade. A necessária e imperiosa ligação de Rotary às Novas Gerações traz-me à mente aquele provérbio indiano que o Presidente Banerjee recentemente nos invocou: “se ajudares o barco do teu vizinho a cruzar o rio, tu verás que também alcançaste a outra margem”. Um abraço de muita amizade a todos vós rotários, interactistas, rotaractistas e alumni.

António Goes Madeira

- Deveremos assumir a mudança, Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 5


Conheça John Hewko O novo secretário - Geral de RI

John Hewko, novo Secretário - Geral de RI e Bill Gates encontraram-se recentemente para discutir a promessa feita por RI há mais de 20 anos de Erradicar a Pólio.

Em breve, haverá dois webinars em que John Hewko, o novo Secretário - Geral do RI, responderá a perguntas e ouvirá sugestões sobre como a organização pode melhor Servir. Durante os webinars, John falará sobre as metas para seu primeiro ano no cargo. O primeiro webinar foi realizado na Segunda-Feira, 12 de Setembro, às 10h00 de Chicago. O outro será na Quinta-Feira, dia 15, às 18h00 de Chicago. Inscreva-se já no site de RI pois a capacidade é de 500 pessoas em cada webinar. Poderá também seguir o secretário geral no Twitter em @JohnHewko.

Webinar - é uma conferencia online onde a comunicação é de uma via apenas, ou seja, somente uma pessoa fala e as outras assistem. A interacção entre os participantes é limitada apenas ao chat, podendo conversar entre si ou então apenas enviar perguntas ao palestrante. RI tem lançado vários webinars para rotários destinados a dar formação sobre as mais diversas áreas e diminuir a distância entre os rotários e os órgãos oficiais de RI. Os webinars são óptimas oportunidades de participar activamente na vida da organização a nível internacional, bem como para aprender e conhecer novas ferramentas. 6 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011


Recursos Hídricos

Nos últimos dez anos, a Fundação outorgou mais de 36 milhões de dólares em subsídios para projectos hídricos e de saneamento, e os clubes rotários já contribuíram com pelo menos 50 milhões de dólares. Ron Denham, presidente do Grupo Rotários em Acção pelos Recursos Hídricos e Saneamento, diz que o Rotary tem exercido um papel fundamental ao atender as necessidades hídricas mundiais, e que outras organizações estão a abraçar esta causa. " base de um projecto bem sucedido é chegar A a uma conclusão, junto da comunidade, de quais são suas necessidades, principalmente as necessidades das mulheres, pois elas são as mais beneficiadas com as melhorias", acrescenta Denham. Muito projectos rotários incluem capacitação em conhecimento técnico para manutenção de equipamentos, e práticas para administrar sistemas hídricos, como por exemplo, receber uma taxa para possíveis reparos. Vários projectos notáveis levados a cabo por clubes rotários e Distritos podem ser consultados em www.rotary.org Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 7


Coragem Rotária no 11 de Setembro Muitos de nós, porque assistíamos ao telejornal da hora de almoço no dia 11 de Setembro de 2001, vimos em directo, incrédulos, o ataque às Torres Gémeas e a sua destruição. Morreram mais de 3.000 pessoas! Dez anos vão decorridos sobre este terrível acontecimento que de alguma forma mudou os comportamentos e suscitou retaliações armadas. Como homenagem a todos os que faleceram, a todos os que ficaram feridos e a todos os que estiveram envolvidos no apoio às vitimas e às suas famílias, proponho-vos que conheçam o testemunho da Presidente Helen Reisler do Rotary Club de Nova Iorque, através da leitura, em tradução livre, do seu depoimento. Uma vez mais, Rotary não esteve indiferente e agiu prontamente perante um desastre de dimensões incomensuráveis. A.G.M.

A

1 de Julho de 2011, assumia eu a primeira

presidência feminina do Rotary Club de Nova Iorque. O Clube festejava o seu 92º aniversário e foi feita uma enorme festa de Transmissão de Tarefas. Um grupo do Departamento de Policia de Nova Iorque acompanhou a minha entrada a cantar “New York, New York”; Anunciei a minha agenda para o ano que iniciava, todos brindámos e pensámos que aquele seria o momento mais emblemático do nosso ano rotário. Na manhã de 11 de Setembro, estava no meu apartamento em Brooklyn a preparar-me para a reunião do clube. A minha filha telefonou-me e disse-me para ligar a televisão. Assisti ao momento em que o segundo avião embateu na torre. A minha família não estava lá: o meu marido estava na nossa casa nos subúrbios, os meus filhos estavam longe. Preocupou-me que estivessem membros do meu clube rotário no Word Trade Center – um 8 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011

receio que mais tarde se confirmou. Nunca me havia sentido tão sozinha. Liguei o meu computador. Mensagens de rotários de todo o mundo não paravam de chegar – do Líbano, Inglaterra, Israel, França. Presidentes de Clube perguntavam “Como posso ajudar?” Passei dias em frente ao computador a tentar dar resposta a tantas mensagens de pessoas em fusos horários diferentes.

Quase

não

dormia.

Os

cheques

começaram a chegar. Telefonei ao Director Executivo do nosso

clube e pedi-lhe que

trabalhasse com o Chair da nossa Fundação no sentido de abrir uma conta especial. Depois, marquei uma reunião de emergência do clube. Tínhamos 185 membros na altura e felizmente não perdemos nenhum nos ataques. Recordo-me de pensar que era importante conseguir que os sócios se sentissem seguros e esperançados. Tive receio que aqueles que não vivessem em Manhattan


pudessem ter medo de vir à reunião. No entanto

em Nova Iorque. Outra comissão organizou

todos compareceram (…).

equipas de voluntários para ir para o terreno

Em todas as reuniões, passei músicas patrióticas.

oferecer a sua ajuda. Todos os nossos sócios

Convidei bombeiros e outros que foram feridos nos

tinham capacidades especificas. Um é dentista

atentados. Convidei pessoas que perderam os seus

forense e ajudou a identificar as vítimas nos dias

ente-queridos: uma viúva e a sua filha, um

que seguiram aos ataques; outro, um oficial do

companheiro que perdeu o seu filho e que

departamento de Nova Iorque da Associação

continuou a marcar presença nas reuniões. Fiz do

Americana do Pulmão,

Clube um refúgio para todos os que haviam sofrido

qualidade do ar na zona do desastre; outro ainda,

com os atentados – não só para os apoiar mas

que é dono de um serviço de entregas postais, usou

também para motivar os companheiros do Clube.

a sua carrinha para levar agua engarrafada aos

(…) Uma das coisas mais importantes que fiz foi

voluntários. Também tínhamos um membro de 85

coordenar equipas, estabelecer contactos pessoais

anos que ajudou os voluntários da Salvation Army

com os sócios - organizar e motivá-los, dar-lhes

a entregar comida (…).

esperança. Tinha uma equipa na internet para

Alguns dos membros da comissão nem sequer

passar a palavra. Usámos este meio para explicar

eram rotários, apesar de mais tarde terem entrado

aos doadores o que estávamos a fazer com o seu

para Rotary. Fiz formulários para distribuir a

dinheiro e para lhes mostrar a realidade da situação

pessoas que precisassem de assistência. Para tal as

ajudou a verificar a

Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 9


nossas equipas percorreram a pé igrejas, sinagogas,

abaixo na torre norte, [entre o segundo e quarto

estações de bombeiros e esquadras de polícia.

pisos], cada um carregando mais de 45kg de

Tudo estava bem organizado (…)

equipamento, uma senhora que ajudavam colapsou

Quando os clubes rotários do Michigan se

de fadiga. Apercebendo-se que o edifício caía à sua

voluntariaram para apoiar crianças que tinham

volta, eles recusaram-se a deixar a senhora para

perdido os pais nos atentados, formei mais uma

trás. Como resultado de terem ficado encurralados

comissão para coordenar esse esforço. Ao todo, os

na escadaria vieram todos a ser salvos depois. Mas

clubes de Michigan adoptaram oito mães e os seus

se não tivessem ficado para a salvar, eles dizem,

filhos. Durante um ano, os clubes enviaram

toda a equipa teria sido morta durante o colapso do

dinheiro às famílias para ajudar nas despesas,

edifício. Quando acabaram a história, (…) todos na

juntamente com cartas de apoio. A comissão

sala estavam claramente comovidos.

também organizou uma forma de reconhecer os

Muitas vezes as pessoas comentam que deve ter

primeiros voluntários que trabalharam dia e noite

sido terrível ser Presidente do Rotary Club de

durante meses no local do desastre (…). Chegámos

Nova Iorque no 11 de Setembro. Eu digo

mesmo a enviar um

bombeiro e a sua jovem

exactamente o contrário. Agradeço a Deus ter

esposa para Nova Zelândia e outro casal para

estado nessa posição. Estou grata por poder ter

Inglaterra; os clubes que os receberam nos seus

usado as minhas capacidades de coordenação e

distritos acolheram-nos como se fossem da família.

inspiração.

Todos os anos, nesta data, honramos os bombeiros

(…)

e a policia e todos os anos recebo uma chamada

Fiz o que fiz por mim mesma e para abrir portas a

telefónica de homens e mulheres que ajudámos. No

outras mulheres. Muitas mulheres se juntaram ao

ano passado, convidei o John Jonas e a sua equipa

clube desde então, muitas ainda jovens. De alguma

para falar no clube.

forma tornei-me a mim mesma mentora delas (pelo

Conhecido como o Milagre da Escada Seis, eles

menos é o que os meus companheiros me

são um grupo de bombeiros que estava dentro do

chamam). Adoro. Adoro inspirá-las. Adoro ajudá-

World Trade Center no dia 11 de Set. A equipa

las a sentirem orgulhosas de serem rotárias.

relembrou como, enquanto corriam pela escada 10 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011


Programas de

Novas Gerações Todos os anos, milhares de pessoas dos 12 aos 30 anos de idade vivem experiências incríveis com o programa de Novas Gerações. Como rotaractistas e interactistas, eles servem as comunidades locais e internacionais; pelo Intercâmbio de Jovens exploram novas culturas; e como participantes do RYLA desenvolvem capacidades de liderança.

Conferência Distrital Rotaract e Interact Penafiel | Abril 2010

Mascote do Interact D.1970

Congresso Nacional Rotaract e Interact Povoa de Varzim | Novembro 2010 Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 11


Mensagem da Comissão Distrital das Novas Gerações

Lereno Machado Presidente da Comissão Distrital das Novas Gerações

Convido-vos a uma muito breve reflexão sobre a nossa Família, não exactamente a biológica mas aquela que nos une pelos laços do Companheirismo, do desempenho ético das nossas profissões e do Ideal de Servir. Somos bastantes…. distribuídos por todo o nosso planeta, mas apenas 11% dos nossos companheiros tem idades inferiores a 40 anos! Vivemos tempos que exigem dádiva, serviço, disponibilidade, para que todos possam usufruir de condições de vida dignas. O mundo espera-nos e nós precisamos de mais mãos disponíveis, de mais braços abertos de mais ideias novas e renovadas, de sermos mais actuantes, mais presentes, mais próximos, mais abrangentes, mais eficazes. Mas, como poderemos tornar toda essa exigência possível? Caros Companheiros, por vezes esquecemos que somos parte de uma grande família – A Família Rotária - a qual integra para além dos Rotários, os seus Clubes de Jovens, Interact, Rotaract e Rotary Kids. Os nossos jovens cresceram frente a um computador, conectados via internet, estão cientes dos problemas do mundo e acreditam que este, pode

realmente ser mudado. Conhecem as questões sociais e uma grande percentagem faz trabalho voluntário, o que nos demonstra que não só podem fazer a diferença, como a querem realmente fazer. São ambiciosos, enérgicos, querem ir mais além na busca de oportunidades, de networking, de avançar no conhecimento, na carreira, praticam o empreendedorismo. Os nossos Clubes das Novas Gerações estão ávidos de dinamismo, e têm uma vontade imensa de participar dos nossos projectos, de serem úteis, de se sentirem também eles parte integrante do nosso Ideal de Servir Rotário. Faço-vos um apelo – Vamos tornar os nossos Clubes Rotários, e consequentemente o nosso Distrito 1970, mais actuante, mais dinâmico, mais interventivo. De que forma? Integrando na verdadeira acepção da palavra os nossos jovens na nossa Família Rotária. Pondo em prática projectos transversais aos Clubes Rotários e de Novas Gerações. Envolvendo os nossos Rotaractistas, Interactistas e Rotary Kids nos nossos projectos, fomentando os seus

12 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011

próprios projectos coadjuvandoos, apoiando-os, estando sempre presentes. Para nós rotários, as vantagens são inúmeras; A constante inquietação que nos leva a consciencializarmo-nos que os tempos que vivemos exigem mudança, exigem actualização, exigem formação, exigem adaptação. A certeza de termos de estar sempre atentos a ideias novas, a propostas renovadas, à utilização de novos recursos e metodologias. Sentirmos que preparamos o futuro de Rotary, ao formarmos jovens imbuídos do nossos princípios e ideais. Sentirmos que colaboramos na formação dos jovens, homens do amanhã quiçá os futuros líderes da humanidade. Tornarmos os nossos clubes mais participados, mais atraentes, mais férteis em projectos de maior abrangência na comunidade, e porque não, além fronteiras. Desta forma estou plenamente convicto de que contribuiremos para a formação de jovens, homens e mulheres, capazes de conhecendo-se a si próprios envolverem a humanidade.

Lereno Machado


Mensagem da Comissão Distrital das Novas Gerações

Cláudio Pereira Responsável pelo RYLA da Comissão Distrital das Novas Gerações

Porque é que o seu Rotary deve participar no RYLA. Antes de mais o que é que é o RYLA? Provavelmente o Companheiro já sabe, mas nunca é demais reforçar: O RYLA (Rotary Youth Leadership Award), ou na língua de Camões, Programa de Liderança Juvenil, é a uma iniciativa de treino para os jovens organizada pelo Rotary. O programa pode ser oferecido a indivíduos entre 14 e 30 anos, porém, tem sido comum no nosso Distrito organizar RYLA’s para uma faixa etária entre os 14 e os 20 anos de idade. O RYLA enfatiza a liderança, cidadania, o crescimento pessoal e pretende: 

Demonstrar o respeito e a preocupação do Rotary com a juventude;

Oferecer formação eficaz para jovens e líderes em potencial;

Incentivar jovens a liderar jovens.

Reconhecer publicamente os jovens que prestam serviços à comunidade Como é que o seu Rotary pode participar? Organizando um RYLA, ou enviando um, ou mais, jovens líderes da sua comunidade a um RYLA. Se optar por organizar um RYLA, o Compº. deverá obter junto da Comissão para as Novas Gerações todas as directrizes que ajudam à organização do mesmo e que se baseiam em meia dúzia de itens que assegurarão de uma forma muito simples e linear a garantia que os objectivos do RYLA serão alcançados na sua plenitude, nomeadamente, garantir que o RYLA tem um tema e um programa

aliciante para os jovens que nele irão participar. Para além destes dois factores, o RYLA deverá ter sempre uma componente que incuta nos participantes o espírito de liderança e que permita contactar quer com a comunidade, empresas e instituições locais, assim como com os sócios do Rotary organizador. Caso pretenda apenas inscrever um, ou mais, jovens num RYLA, saiba que os clubes que organizam este programa emitirão e enviarão, atempadamente, através da Comissão para as Novas Gerações, quer o programa, quer as regras de inscrição dos jovens que o seu Rotary pretende premiar com essa inscrição. Gostaríamos, ainda, de realçar que caso o seu Rotary opte por uma das formas de participação acima descritas, diz-nos a experiência, através dos relatos dos clubes organizadores e dos participantes, que esta será provavelmente uma excelente e muito proveitosa forma de prestar um serviço a Rotary, traduzindo-se em participantes extremamente motivados e convictos do papel de Rotary junto dos jovens assim como numa união do clube organizador no objectivo comum de realização de uma excelente jornada dos Prémios de Liderança Juvenil. Se ainda lhe restam dúvidas sobre a mais-valia deste programa, e do sucesso que tem tido em todo o mundo, desafio o companheiro a contactar esta Comissão, ou qualquer clube que tenha organizado o RYLA, ou, ainda, qualquer participante neste programa, para que fique com a certeza de que vale a pena estar envolvido num RYLA.

Cláudio Pereira Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 13


Mensagem da Comissão Distrital De Intercâmbios de Jovens

Filipe de Sousa Presidente da Comissão Distrital de Intercâmbios de Jovens

O Intercâmbio de Jovens é um dos programas que pode ajudar os clubes e distritos a prestar bons serviços à comunidade nacional e internacional, ao mesmo tempo que promove companheirismo e boa vontade. Visa: 

Oferecer aos jovens a oportunidade de vivenciar outras culturas; Expandir nos participantes a sua visão do mundo e aumentar o autoconhecimento;

Desenvolver a capacidade de liderança e comunicação;

Promover a paz e compreensão mundial;

Há dois tipos de Intercâmbio de Jovens; LONGA DURAÇÃO – dedicado a estudantes do 2º e 3º Ciclo (15 – 19 anos). CURTA DURAÇÃO (15 – 25, incluindo as Novas Gerações). O Intercâmbio de Jovens possibilita aos estudantes: 

Conhecer pessoas de outros países e vivenciar culturas diversas; Aprender sobre as necessidades comuns do ser humano e, ao mesmo tempo, entrar em contacto com aspectos culturais únicos;

Mais de 9.000 estudantes já participaram em mais de 60 países. O programa é aberto tanto a filhos de rotários, de não rotários e a rotaractistas. Não tem praticamente custos para os jovens e para os clubes! Para ser elegível, (Longa Duração) o jovem deve atender às seguintes exigências: 

Ter entre 15 e 19 anos;

Estar no 2º ou 3º Ciclo ou nível académico equivalente;

Possuir desempenho académico acima da média;

Estar preparado para morar no estrangeiro durante um período de tempo prolongado, correspondente a um ano lectivo.

Os estudantes hospedam-se em duas ou três famílias e frequentam a escola no país anfitrião. Intercâmbios de curta duração que incluem viagens de poucas semanas ou meses, também estão disponíveis e incluem: 

Estadias com famílias;

Excursões

Campos de Férias.

Os Intercâmbios de Novas Gerações são de curta duração e destinam-se a jovens de 18 a 25 anos, preenchendo a lacuna

14 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011

entre o Intercâmbio de Jovens e os programas da Rotary Foundation, incluem em geral, elementos vocacionais e educacionais. A Comissão Distrital de Intercâmbio de Jovens (CDIJ) organiza todos os aspectos do programa, mas para isso precisa de ajuda dos clubes, seja estes organizando Campos de Férias (já há vários anos que não existe nenhum no Distrito), seja seleccionando estudantes e famílias anfitriãs para participar! É muito importante que casa clube do Distrito nomeie um interlocutor do clube com a Comissão Distrital (pode ser o responsável pela nova Avenida de Serviços às Novas Gerações, pode ser um membro dos serviços internacionais, etc.) e que nos faça chegar essa informação para o e-mail: filipe.leite.sousa@gmail.com Pretendemos criar uma base de dados que estudantes interessados, de famílias que estão disponíveis para receber jovens, de responsáveis pelo programa nos clubes e com ofertas de intercâmbios e campos de férias. Que me dizem? Vamos a isso? Espero que dos clubes me façam chegar o nome e contacto do responsável por este programa.

Filipe Leite de Sousa


Intercâmbios de Jovens O Intercâmbio de Jovens de Rotary, consiste num período de tempo que estes passam com famílias anfitriãs enquanto frequentam uma escola de um pais estrangeiro. Através destes programas, que podem ser de curta ou longa duração, os intercâmbistas têm a oportunidade de aprender um novo modo de vida, em muitos casos uma nova língua e poderão ainda descobrir muito sobre si mesmos. Estes jovens actuam também como embaixadores, ensinando as pessoas como se vive no seu pais, as suas tradições culturais bem como as suas ideias, contribuindo para um mundo mais unido e além disso fazendo novas e duradouras amizades. Há mais de 80 anos que Rotary ajuda estudantes e famílias a expandir os seus horizontes através destes Intercâmbios de Jovens. Todos os anos 80 países e cerca de 8.000 estudantes participam no programa que é administrado pelos distritos e clubes rotários. Os participantes nos programas de Intercâmbio de Jovens, são facilmente identificados pelo seu casaco repleto de pins. De facto, é tradição que estes, ao sair do seu pais, levem o casaco e vão recolhendo estes pequenos símbolos, pins e crachás nos pontos por onde passam, colocando-os no exterior do seu casaco de forma a que o mesmo seja uma recordação futura da sua experiencia, amizades e vivencias ao longo do programa.

Clubes com Visão Global Rotary está comprometido com o desenvolvimento e manutenção de um ambiente o mais seguro possível para todos os participantes destes programas bem como de outros vários destinados às Novas Gerações. Tendo em mente um nível baixo de custos que permita a participação de jovens de todas as classes sociais o programa é administrado por voluntários dos clubes, voluntários estes com vasta experiencia no contacto com jovens, família anfitriãs e os demais envolvidos nos Intercâmbios.

Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 15


Mensagem do Interact

Filipa Portela Representante Distrital do Interact D.1970 2011 - 2012

C

aros Companheiros,

É com muito orgulho que me dirijo a vós pela primeira vez agora como Representante Distrital de Interact. Datam dois meses desde que me foi incumbida esta missão que pretendo levar até ao fim, sempre com a força e vivacidade tão características em Interact. Sendo este mês, o mês das novas gerações em Rotary, não poderíamos deixar de celebrar mais um encontro distrital, desta vez em Vila Nova de Gaia, onde espero tanto reencontrar velhos companheiros como conhecer outros novos, para que juntos possamos dar cada vez mais a este tão sublime movimento, no qual nos inserimos de corpo e alma. Ciente da responsabilidade da minha missão, tenho-vos a dizer que darei sempre de mim antes de pensar em mim, não olharei a obstáculos como dificuldades, mas como uma forma de melhorar aquilo que poderá ser melhorado, verei novas oportunidades e abraçarei novos projectos sempre com o intuito de dar a esta família, o melhor de mim e de NÓS. Precisarei da ajuda de todos, para edificar este movimento da melhor forma, porque Interact é acima de tudo a entreajuda, o companheirismo e a coragem - tudo isto que nos fará chegar mais longe e atingir limites que ao princípio se apresentarão como inalcançáveis, mas que juntos serão apenas uma realidade cada vez mais próxima de nós. Constituindo as camadas mais jovens, um forte pilar na base do movimento, tornando-o mais activo e dinâmico, mais forte e capaz - sendo o presente e fazendo parte do futuro de Rotary, apelo à criação de novos clubes de jovens e ao apoio dos já existentes, não os deixando perder a força com que sempre abraçaram Rotary. Como representante de parte desta camada, apresento desde já a minha inteira disponibilidade à concretização deste apelo. A cada sonho, o mundo pula e avança, a cada novo Interact o mundo aproxima-se de algo melhor, através de pequenos gestos que pouco a pouco farão a diferença num mundo tão grande, que precisa tanto de nós. Conhecendo-nos a nós mesmos, envolveremos a humanidade e torná-la-emos, mais humana.

Filipa Portela

16 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011


Interact (INTERnational Action)

O primeiro Interact Club foi fundado em 1962, em Melbourne, Flórida, nos EUA, e a forte dinâmica que o programa rapidamente ganhou, levou a uma forte expansão do mesmo para outras partes do mundo. O nome Interact vem da abreviação de 'International Action' ou em português Acção Internacional, sendo este um programa do Rotary cujos objectivos são a prestação de serviços e a compreensão internacional. O Interact é destinado a jovens entre os 12 e os 18 anos e segue os princípios éticos e códigos de conduta rotários. Os Interact Clubs são organizados com o objectivo de proporcionar aos jovens oportunidades para colaborar nas suas comunidades através da prestação de serviços enquanto integrados num programa com grande enfoque internacional. Estes clubes de jovens realizam projectos diversos em benefício de pessoas de todas as idades, visitando escolas, lares, angariando alimentos para os sem abrigo. Organizam campanhas de doação de sangue e educação rodoviária. Alertam pessoas sobre os perigos do abuso de drogas e formas de evitar a Sida, seguem a tradição rotária de plantação de árvores e promovem a preservação de caminhos naturais e a reciclagem de lixo. A divulgação dos princípios rotários pelo Interact também é uma actividade muito importante. As escolas são também um óptimo lugar para a divulgação dos ideais rotários através dos interactistas. O Distrito 1970 conta com 12 Clubes Interact, cuja actividade tem sido fonte de admiração e inspiração para todos nós, enquanto rotários e enquanto cidadãos civicamente activos. Parte de todos nós assegurar o apoio e interesse necessários a que o Interact tenha um futuro em crescente, sempre respeitando a sua autonomia e indiscutível valor.

*Dados de 30 de Junho 2010 Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 17


Mensagem do Rotaract

André Rebelo Representante Distrital do Rotaract D.1970 2011 - 2012

C

aríssimos Companheiros,

É com muita honra que na qualidade de Representante Distrital para o Rotaract do D.1970 vos escrevo estas palavras. Em Rotary Internacional o mês de Setembro é o mês das Novas Gerações, falar das Novas Gerações é inevitavelmente falar de Rotaract. Embora sejamos “apenas” mais um dos muitos programas de Rotary International, certo será também de considerar que somos um dos programas com maior ênfase e impacto a nível mundial. O Rotaract é um programa dinâmico e dinamizador no movimento rotário sendo igualmente um dos melhores meios para Rotary International passar os seus ideais através da formação de jovens. O Rotary com este programa de Novas Gerações oferece-nos a oportunidade de incrementação de conhecimentos e experiências, que nos são úteis para o desenvolvimento pessoal e profissional na qualidade de líderes e profissionais exemplares. A Avenida de Serviços às Novas Gerações trouxe-vos mais organização e responsabilidade na criação destes grupos mas acima de tudo na manutenção e desenvolvimento destes programas de jovens nas vossas comunidades. Hoje, as Novas Gerações são parte mais que integrante no fortalecimento do movimento rotário.

André Rebelo

18 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011


Rotaract (Rotary in Action)

Em 1968, os EUA passavam uma época de grandes mudanças sociais com as mulheres a queimarem sutiãs em nome da sua emancipação, exigências de diversos grupos para o fim da guerra do Vietname e em Abril desse ano, o assassinato de Martin Luther King que marcou o início de inúmeras manifestações barulhentas um pouco por todo o país. No meio deste ambiente revolucionário, surgiu um grupo de estudantes empreendedores na Universidade da Carolina do Norte, em Charlotte, nos EUA que pretendia formar um novo clube na UCC que acabaria por ser o primeiro Rotaract Club da história. O Rotaract é assim um braço do Rotary formado por estudantes e jovens profissionais dos 18 aos 30 anos, que partilham com o resto da família rotária o ideal de servir a comunidade, por um mundo melhor. Os objectivos fundamentais do Rotaract são o desenvolvimento das capacidades de liderança e da cidadania responsável através da prestação de serviços à comunidade, desenvolvimento das causas de compreensão e da paz, bem como a promoção de altos padrões de ética e responsabilidade como qualidades de liderança. Os projectos dos Rotaract são tal como os de Rotary de naturezas diversas, focando-se essencialmente no desenvolvimento pessoal e profissional dos seus membros mas acima disso no apoio à comunidade local bem como internacional. O Rotaract, ou Rotary em Acção, é assim dos programas melhor sucedidos de Rotary e o Distrito 1970 tem no seio da sua família rotária, um Rotaract forte, activo e dinâmico, com uma vasta obra que devemos conhecer e reconhecer, pois é sem dúvida motivo de orgulho para todos nós!

*Dados de 30 de Junho 2010 Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 19


Rotary Kids

O Rotary Kids é uma iniciativa criada a partir dos princípios Rotários e da ideia de consciencializar o Jovem para a sua responsabilidade na sociedade e no mundo, com o objectivo de o apoiar a tornar-se num cidadão na sua Plenitude. Consiste assim num Clube para Jovens dos 6 aos 12 anos, supervisionado por um Rotário convidado, que reúne mensal ou quinzenalmente. Constam da actividade destes clubes de jovens, o estudo de projectos de cidadania, palestrantes dos mais diversos temas, companheirismo e criação de amizades, gerando Boa Vontade entre todos bem como a consciência do Ideal de Servir. Apesar do Rotary Kids não ser, ainda, um programa oficial de Rotary Internacional, é um projecto que tem vindo a ser abraçado por diversos clubes um pouco por todo o mundo. O Distrito 1970 conta já com três clubes Rotary Kids que tem sido uma agradável surpresa para o Distrito quer pela sua energia como pelo dinamismo dos jovens que em idades muito novas, assumem o seu papel em Rotary com seriedade e empenho. Dizia Nietzsche “A maturidade do homem consiste em haver reencontrado a seriedade que tinha enquanto criança a brincar.”

No próximo dia 17 de Setembro irá decorrer em Estarreja o Encontro Rotary Kids. Será uma bom momento de companheirismo e uma óptima oportunidade de aprender mais sobre a acção deste jovens do nosso Distrito.

20 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011


Eventos das Novas Gerações Na sequência do programa da Festa do Associativismo e Juventude 2011, o Rotaract Club de Vila Nova de Famalicão, com o apoio do Interact Club, irá no próximo dia 17 de Setembro, ao final da manhã e após a Conferência Internacional “Políticas e Equipamentos na Área da Juventude” na Casa das Artes, entregar uma cadeira de rodas ao jovem Pedro Martins. Convida para o efeito todos os companheiros a estarem presentes neste momento tão especial.

O Rotaract Club de Espinho organiza este ano o Encontro Distrital Rotaract e Interact a acontecer no dia 25 de Setembro, domingo no Zoo Quinta de Sto. Inácio. Os participantes deverão inscrever-se até dia 15 de Setembro junto da organização para o email rtcespinho@gmail.com O preço do evento é de 15eur incluindo a visita ao Zoo, o almoço, a visita ao Jardim Casa Museu e outras surpresas que a organização tem preparadas.

No fim de semana de 2, 5 e 6 de Novembro irá decorrer o XXVIII Congresso Nacional Rotaract e XII Interact na cidade de Tomar. O programa ainda não foi lançado mas a organização promete grandes novidades num fim de semana envolvente de muito companheirismo por um custo reduzido. Este evento interdistrital, que acontece anualmente, visa promover a união entre D.1970 e D.1960 bem como entre as várias gerações rotárias - Rotary | Rotaract | Interact | Rotary Kids. Mais informações sobre este evento em: www.wix.com/lisboaolivais/cn2011

Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 21


Distrito 1970 no Nos dias que correm, a importância das redes sociais é esmagadora. Na sua plataforma mais popular - o Facebook - os números mostram bem a dimensão e o poder destas ferramentas. Segundo dados de 2010 esta única rede social tem mais de 600 milhões de utilizadores, que passam em média 55 minutos online por dia. O volume de informação é igualmente avassalador com 60 milhões de actualizações e cerca de 6 milhões de páginas visualizadas por minuto. Toda esta informação pode ser de carácter pessoal, como emoções, sentimentos, reacções e pensamentos, ou de carácter comercial, nomeadamente divulgação de produtos, serviços e marcas. Estudos recentes mostram que 78% das pessoas acredita nas recomendações dos seus “amigos”, enquanto que apenas 14% se mostra confiante em relação ao que vê na publicidade.

Desta forma, e tendo em conta que Rotary é também em si um marca, revela-se a urgência em ter os clubes rotários presentes na rede, divulgando a sua acção, criando e publicitando projectos de serviço e levando às comunidades a mensagem rotária de paz e compreensão mundial. O Facebook é um instrumento com bastante utilidade, que deve ser utilizado tendo em conta os seguintes aspectos: o perfil deve estar sempre actualizado, com informações interessantes, deve interagir-se com as pessoas e fazer uma boa gestão da informação. O movimento rotário tem sido pioneiro em boas práticas e exemplar no que diz respeito a presença na comunidade e por isso chega a hora de acompanhar o progresso utilizando as redes sociais como forma de chegar mais longe e utilizar o potencial da rede para aumentar o impacto nas suas comunidades.

GUIA PARA CRIAR UMA PÁGINA AO SEU CLUBE www.facebook.com

Ao aceder ao site, aparece em destaque o registo para criar uma conta pessoal no Facebook.

22 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011

No caso de uma página para Clube, a opção que nos interessa está mais abaixo - “Criar uma página”


Escolhemos o tipo de organização...

Escolhemos uma vez mais o tipo de organização entre as opções disponíveis

Escrevemos o nome do Clube.

Verificação de segurança - Escrevemos aparecem no visor.

Preenchemos a informação que nos é requisitada.

Confirmação de Registo - um email foi enviado para o endereço de Email que registámos. Vamos por isso consultar o nosso email.

Este será o Email que o facebook nos enviou. Vamos clicar no Link assinalado a azul.

as letras que

A página encontra-se agora criada. Clique em Facebook para a consultar.

Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 23


Navegue pelo menu e preencha as informações que deseja que sejam públicas.

A página do seu Clube neste momento estará assim.

A utilização do Facebook é bastante prática. Ainda assim, se tiver dúvidas, peça ajuda.

Os vários campos oferecem explicações sobre as diversas maneiras de utilizar o Facebook. Boas navegações!!!

Rotary no Seu telemóvel! Rotary Internacional lançou um aplicativo gratuito para telefones IPhone, Andoid e Blackberry. O aplicativo encontra-se no app store do seu telemóvel e chama-se Rotary Club Locator. Com este aplicativo pode descobrir que clubes existem perto de si, onde quer que esteja, bem como quando reúnem, qual o seu site e como lá chegar. Encontrará neste aplicativo também diversas informações sobre Rotary e poderá ainda aceder à sua zona pessoal do portal de rotary.org Este aplicativo está ainda a dar os primeiros passos e por isso nem todos os Clubes do D.1970 estão presentes, no entanto a Governadoria D.1970 encontra-se já em contacto com R.I. no sentido de actualizar a informação. Este aplicativo possibilita, em tempo útil, uma informação na hora e em qualquer ponto do Mundo. 24 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011


Agenda do Governador OUTUBRO VISITAS OFICIAIS DO GOVERNADOR DIA 03 - SEGUNDA Caminha DIA 04 - TERÇA Marinha Grande DIA 08 - SÁBADO Régua | Lamego DIA 10 - SEGUNDA Felgueiras DIA 11 - TERÇA Ílhavo DIA 12 - QUARTA Covilhã

DIA 27 - QUINTA Paredes DIA 28 - SEXTA Bragança DIA 29 - SÁBADO Mirandela

DIA 17 - SEGUNDA Trofa DIA 18 - TERÇA Porto Foz DIA 20 - QUINTA Braga Norte DIA 21 - SEXTA Chaves DIA 24 - SEGUNDA Ermesinde DIA 25 - TERÇA Barcelos

OUTUBRO ANIVERSÁRIOS DE CLUBES DIA 03 (1946) Braga DIA 09 (1994) Oliveira do Hospital DIA 05 (1993) Paredes DIA 25 (1953) Coimbra Setembro 2011 | Carta Mensal do Governador | 25


26 | Carta Mensal do Governador | Setembro 2011

Carta Mensal | Setembro  

Carta Mensal do Governador do Distrito 1970 de Rotary Internacional

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you