Page 36

Atualmente você marca presença tanto na TV como nos palcos. Como é essa relação? Em qual deles você se sente mais à vontade? Sou completamente apaixonada pelo palco! Mas, ao mesmo tempo, me divirto tanto gravando o "Furo MTV" com o Bento [Ribeiro], e o "Comédia" com o [Marcelo] Adnet, o [Fábio] Rabin e a turma toda, que nem parece trabalho. Por isso, não consigo decidir se amo mais a TV ou o teatro. Na maioria das vezes, as pessoas ficam mais à vontade no teatro, mas a MTV é tão bacana comigo que eu fico à vontade até demais lá... Acho que amanhã até vou trabalhar de pijama [risos]. No stand-up você faz seu próprio texto. Essa liberdade também rola na televisão? Você pode dar "pitaco" no roteiro do "Furo MTV" e do "Comédia MTV"? Sim, e muito! Em 2009, eu escrevi um roteiro para o "Furfles" junto com o Bruno Motta sobre televisão e criei uma enquete para imitar a Luciana Gimenez. No começo do ano, eu e o Rabin nos vestimos de velhinhos e improvisamos uma cena falando sobre a MTV.

Os diretores do "Comédia MTV" adoraram e foi para o ar. Todo mundo cria e sugere muita coisa na MTV. Isso é muito bom pra gente! E no "Furo MTV" é a mesma coisa. Nós temos um roteiro com notícias e sugestões de piadas, mas na hora da gravação sempre tem muita coisa improvisada. No meio do teste, eu dei um tapa na cara dele brincando e ele falou: "Me bate na cena toda vez que eu errar!". Como é trabalhar com o maridão Marcelo Adnet? Vocês conseguem separar o lado profissional do pessoal na relação ou a liberdade de casa é a mesma nos bastidores da MTV? É super tranquilo. A gente se diverte mesmo quando discordamos de alguma coisa. É como trabalhar com o seu amigo que você tem ataque de riso, mas confia nele e sabe que pode contar se precisar de ajuda.

Edição #11  

Edição super especial com caio castro na capa...

Advertisement