Page 25

REGIANE ZAMBON, da Siciliano, mostra o recém-lançado cartão Amigos, criado para estimular a aproximação da rede de livrarias com seus clientes

prêmio de R$ 10 mil e neste inverno estão concorrendo a viagens para Buenos Aires, incluindo visitação a uma vinícola da região. Outra estratégia do Pão de Açúcar é realizar promoções em parceria com fornecedores. Em uma dessas iniciativas, a rede premiou os clientes do cartão Mais com ingressos para assistir a uma montagem brasileira do musical “O Mágico de Oz”, espetáculo patrocinado pelo próprio supermercado. Para ganhar o convite, os clientes tinham que fazer uma compra de R$ 150 e incluir no carrinho produtos de três fornecedores parceiros da campanha. O objetivo da empresa é oferecer brindes diferentes dos oferecidos nos tradicionais programas de fidelidade dos concorrentes e estimular o cliente a comprar mais. A rede também aproveita ao má-

ximo as informações contidas no cadastro do programa para criar ações positivas, entre elas a distribuição de amostras grátis de novos produtos. Além de agradar o consumidor, a iniciativa ainda permite ao supermercado avaliar as tendências de venda do produto. Para a gerente de marketing do Pão de Açúcar, Heloísa Morel, o Cartão Mais permitiu à rede conhecer melhor seus clientes e saber quais os produtos mais consumidos para oferecer uma loja cada vez mais personalizada. Segundo a gerente, mais do que aumentar o número de cartões, a meta do grupo é elevar o tíquete médio. O percentual de participação do cliente Mais no faturamento da rede é uma informação estratégica, mas Heloísa garante que representa muito do tíquete total da bandeira. “Com certeza é um clienREVISTA DO VAREJO

te de altíssimo valor”,diz. O exemplo do Pão de Açúcar mostra que o programa de fidelidade tem que estar inovando sempre. O lojista também precisa estar atento para manter o estoque de cartão e investir constantemente no treinamento da equipe para que ela esteja motivada a cadastrar clientes. Afinal, uma vez lançado, o programa de fidelidade não pode ter fim com o risco de obter efeito contrário, ou seja, afugentar os clientes. CONTATOS: Partner Consultoria (11) 5696 4400 Marka (11) 5631 8350 CSU (11) 3030 3700 Hot Point (11) 4586 4067 Nippon Drogarias (11) 4412 2748 Pão de Açúcar 0800 906767 Livrarias Siciliano (11) 3649 4747

2004 JUNHO

25

Revista do Varejo 02  
Revista do Varejo 02  

Junho de 2004

Advertisement