Issuu on Google+

CADERNO JORNAL OPINIÃO - ENCANTADO SEXTA-FEIRA - 25 DE OUTUBRO DE 2013

Voz que encanta

O

ANGELA REALE

garoto Vitor Delazeri Fernandes tem apenas 10 anos, estuda no 4º ano da Escola Municipal Porto XV em Encantado e emociona plateias por onde passa. Sua especialidade: cantor de ópera. Nas suas andanças pela cidade vendendo rapaduras de porta em porta, sempre é solicitado a cantar um trecho de música antes de efetuar a venda. Música e futebol são suas duas paixões. No futebol, atua como goleiro no time da escola e já comprou luvas e uma bola com o dinheiro da venda de rapaduras. Coleciona figurinhas e sabe tudo sobre equipes brasileiras e europeias - torce pelo Barça. Está se preparando agora, com ansiedade, para os jogos interescolares. Se ficarem campeões, vai cantar para os colegas. Ele nos conta que quando conseguiu juntar R$ 30,00 da venda de rapaduras e da entrega de panfletos de lojas, pensou: "Vou comprar algo para mim. Mas depois, lembrei da minha mãe e do meu irmão. Decidi ir ao mercado da cooperativa e comprei hambúrguer, pizzas, nuggets e um pacote de salgadinho. Ao chegar em casa, coloquei tudo na mesa e esperei por eles. Quando meu irmão chegou, perguntei se ele tinha ido bem na escola e se tinha incomodado a professora. Ele respondeu que não. Então dei de presente para ele o pacote de salgadinhos. Depois, minha mãe cozinhou e fizemos uma festa (risos)", relata.

O começo

Foi um prazer conversar com o Vitor e saber como tudo começou. Ele nos conta que quem o “descobriu” como cantor de voz diferente foi o seu tio, que mora na Linha São Luis. "Um dia, perto do Natal, a gente ia catar os bois e o tio disse: 'Vítor canta uma musiquinha.' E eu cantei 'bate o sino pequenino...' e ele gostou. Daí, falou para minha mãe que eu cantava bem e tinha que aprender mais", revela. E assim, a dona Rúbia, sua mãe, falou com o Patrão do CTG Giuseppe Garibaldi, Luis Carlos Giongo, para que Vítor tivesse um acompanhamento no canto também, já que fazia parte do grupo de danças. Pedido aceito, e hoje ele canta musicas tradicionalistas pelo CTG e participa de concursos onde arrebatou vários prêmios. Vitor gosta de músicas gaúchas, mas a ópera tem um significado maior para ele. "Prefiro a ópera porque me emociona, principalmente quando percebo essa emoção nas pessoas que me assistem", diz. Segundo Vitor, quando ele ouvia o Carlos Eduardo Dalla Lasta cantar “Sole Mio” na Orquestra Municipal de Encantado, gostava tanto que ficava cantando baixinho para memorizar a letra. Agora, cheio de orgulho, já divide o palco com todos os integrantes. Questionado sobre algumas passagens engraçadas, Vitor lembra. "Numa ocasião, eu estava vendendo rapadura perto de uma sorveteria no centro da cidade quando vi repórteres da RBS TV comprando sorvete. Comecei a caminhar e a cantar sem olhar para eles, mas percebi que fui notado (risos). Não sei se eles me filmaram, mas me senti bem importante naquela hora", comenta.

Vitor Delazeri Fernandes tem 10 anos

"É como se todos os meus problemas não existissem" A música é capaz de nos remeter a uma viagem, imaginando lugares lindos. A música existe para deixar as pessoas animadas, muitas vezes acalma, faz chorar, alegra. Podemos, assim dizer, que a música está vinculada às emoções. "A música para mim é gratificante. Quando eu canto, sinto uma coisa muito boa. Me sinto conectado comigo mesmo. É como se todos os meus problemas não existissem", salienta menino. Realmente, a música, em razão de seu poder criador e liberador, é um poderoso recurso disponível para ser usado no processo educacional, pois representa importante fonte de estímulo, equilíbrio e felicidade para a criança. Vitor está participando de um Concurso de Talentos, promovido pelo Jornal A Hora, de Lajeado. Ele está classificado para a 3ª etapa, que acontece dia 18 de novembro. O garoto interpretará ‘‘Granada”, canção célebre na voz de Luciano Pavarotti. Passando desta fase, irá para a final, no dia 19 de dezembro.

Na agenda já está marcada uma apresentação em Sinimbu, no Vale do Rio Pardo, na abertura da feira Exposin, dia 14 de novembro. Boa sorte Vitor!

Vitor e o irmão Joélcio

Fotos: Angela Reale

MIX


MIX

25 de Outubro de 2013

www.coquetel.com.br

© Revistas COQUETEL 2013

Radar móvel de É melhor do que (?) Eller, rodovias Inseto que Bico de receber, cantora de "O mais contribui para pena, em no preceito Segundo Sol" a polinização cristão inglês

Instituição financeira da Santa Sé presidida por Ernst von Freyberg Veleiro de um mastro usado no do Mediterrâneo (pl.)

Mar, em inglês Idôneo; habilitado

(?) Figueiredo, piloto da Fórmula Indy

Fluido do tanque de mergulho

O ornitor- Calca com rinco, pela os pés forma de Arroz, reprodução em inglês

Nadador paralímpico carioca (?) center, central telefônica de atendimento a clientes (ingl.)

Cultivo de verduras Garrafa reciclável

Ferramenta para furar a madeira

Mecha de candeeiro Informação útil (gíria)

Em sentido amplo (latim) Harper (?), escritora Religião (abrev.)

El. comp. "umbrófilo": sombra Confusão; encrenca (bras.) Insultar

Cada peça artística do acervo de um museu

Fantasiar Mestre dos contos de mistério

Cobalto (símbolo) Toma uma atitude Ambiente Virtual de Aprendizagem

Rio que banha Manaus O primeiro governador-geral do Brasil

Estado do Vale do Ribeira (sigla)

Vitamina que previne o raquitismo

www.coquetel.com.br

P A R D A L

NAS BANCAS E LIVRARIAS

D I CA

de lógica ambientados no universo místico da Idade média

Solução S E A I L S A U V D E E R R A U T M O A R D T O S A

60 jogos

* A professora pergunta para os alunos: - Quem é que quer ir par ao céu? Todos levantam a mão, menos o Joãozinho. - E você Joãozinho? Não quer ir para o céu? - Querer eu quero, mas a minha mãe falou que depois da aula era para eu ir direto para casa! * Porque a roda de trem é de ferro e não de borracha? Por que se fosse de borracha apagaria a linha!

* Por que o galo canta de olhos fechados? Porque ele sabe a música de cor!

(?) Hamburger, cineasta Pudico

mais de

humor

* Que problema tinha o decorador quando foi ao médico? Um problema de coração!

Erva-doce (Bot.) Fora, em inglês

Formação estudada pela Meteorologia

Simultaneidade de dois ou mais fenômenos

BANCO

Designa as unidades de drivers no micro

C R A S A S P I T A O L R A LE T O I S D E N CA S O U

Material do acabamento de móveis

Aturde; confunde

L A N D B I A R E B R L L H O R P A V I E I C T U P E M A O B R A C R O N O I A P S G R O E D E S

Sufixo de "metanol"

Guerra dos (?) Dias: opôs Israel a uma coligação de Egito, Síria e Jordânia (1967) O instrumento musical do trovador

N U V E M

Áries - Com seu par, fale com carinho o que quer, mas não deixe de expor suas vontades e opiniões. No trabalho, é uma boa semana para focar no que está dando resultado e fazer contatos. Todas as conversas serão bem-vindas. Se precisar de ajuda, converse e peça conselhos a alguém da família. O carinho prevalecerá. Touro – Você vai buscar segurança, mas não sufoque o par. Vale o mesmo para a paquera: não é hora de pressionar. No trabalho, esteja atenta para novas pessoas que surgirem na sua vida. Isso poderá melhorar as suas esperanças profissionais. Ótimas fontes de lucro. Seu apego à família vai aumentar. Gêmeos - Você vai encantar quem deseja, principalmente se usar seu charme e investir numa boa conversa. Com o par, vai estar mais segura do que deseja. No trabalho, batalhe por seus sonhos com unhas e dentes. Nas finanças, seu esforço deve render uma grana a mais. Em família, seja paciente para preservar a paz. Câncer - A conquista está favorecida, mas precisa ver bem com quem se envolve, pois há risco de embarcar num romance proibido. A dois, desejo em alta. No trabalho, concentre-se mais, assim, seu rendimento vai crescer. Evite gastos à toa. Controle melhor sua grana. Evite alimentar segredos e confie nos seus familiares. Leão – Se tem um par, compartilhe seus sonhos com ele. Na paquera, pode se envolver com alguém que já tem compromisso. Quer ver seu trabalho render? Conte com aliados. Evite fazer empréstimo financeiro. Se precisar de uma força, poderá contar com a ajuda do pessoal de casa. Virgem - No romance, evite criticar demais seu par e envolva-o com seu carinho. Na paquera, poderá se interessar por alguém popular. No trabalho, seu senso prático fará com que vença as dificuldades. Ótimo momento para fechar negócios. A fase é boa para resolver questões importantes no lar. Libra - Sair da rotina vai aumentar as suas chances de conquista, não tenha medo de ousar. Se tem um par, faça um programa diferente e surpreenda. Terá agilidade para se aperfeiçoar no trabalho. Tire proveito de tudo o que aprender e também irá ser recompensado financeiramente. Harmonia no ambiente familiar. Escorpião - Dedique-se mais ao seu par e não deixe a relação ficar morna. Na paquera, confie em seu poder de atração. Seu trabalho pode exigir mais atenção. Olho vivo com promessas, negócios arriscados e assuntos que não domina bem. Em família, poderá concretizar um grande sonho. Sagitário - Evite criticar ou fazer muitas exigências a quem ama. Se está só, use o seu lado ousado sem medo. Bom momento para conversar e esclarecer questões com quem tem parceria com você. Contratos e negociações estão favorecidos.Procure interagir mais em casa. Capricórnio - Nos assuntos do coração, mostre ao seu par que ele pode contar com a sua ajuda. Paquera promissora com colega de trabalho. No serviço, mantenha o foco para dar conta de tudo sem se perder. Nas finanças, fixe suas metas.Apoio que tiver dos parentes será valorizado. Aquário - Esforce-se para melhorar a vida a dois. No trabalho, você deve ser bem recompensada por tudo que fizer bem feito. Escolha bem no que gastar seu dinheiro. Viverá dias mais interessantes dentro de casa. Lembre-se de descansar e de se divertir. Peixes - Nesta semana, um programinha caseiro com seu amor será o mais indicado. Se estiver sem companhia, um parente poderá apresentar alguém interessante. No trabalho, há o risco de dispersão – mantenha o foco. Cuide um pouco mais da sua casa, mas não deixe sua vida pessoal de lado.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

B A A N C O D B O V L A T S I C A N T O

horóscopo

3/bia — nib — out — sea. 4/ call — rice. 6/alaúde. 9/balandras — lato sensu — vituperar. 11/sincronismo.

2

2

* O que o pára-quedas disse para o paraquedista? To contigo e NÃO ABRO! * Por que a vaca corre atrás do carro? Para pegar o VACO * Como você descobre que a padaria do português foi informatizada? Ele usa um mouse atrás da orelha.

O Pirata Há muitos e muitos anos, viveu um homem do mar, conhecido como o Capitão. Ele era muito valente e jamais teve medo diante de qualquer inimigo. Certa vez, navegando pelos sete mares, um dos vigias da embarcação viu que se aproximava um barco pirata. O Capitão gritou: -Tragam a minha camisa vermelha! E vestindo-a ordenou aos seus homens: -Ataquem! Ataquem e vençam estes malditos piratas! E assim foi feito. Alguns dias mais tarde, o vigia viu dois barcos piratas. O Capitão pediu novamente sua camisa vermelha e a vitória voltou a ser sua. Nesta mesma noite, seus homens perguntaram por que ele sempre pedia a camisa vermelha, antes de entrar na batalha, e o Capitão respondeu: - Se eu for ferido em combate, a camisa vermelha não deixará que meus homens vejam meu sangue, e assim, todos continuarão lutando sem medo. Todos os homens, diante daquela declaração, ficaram em silêncio, maravilhados com a coragem de seu comandante. Logo no amanhecer do dia seguinte, o vigia viu não um ou dois, mas DEZ barcos piratas que se aproximavam. Toda a tripulação, assustada, dirigiu os olhos para o capitão, e ele com sua voz potente e sem demonstrar nenhum medo gritou: - Tragam minha calça marrom!


momentos

MIX Ciranda na Praça

Foto: Eliane A. Fachinetto

25 de Outubro de 2013

A tarde ensolarada de sábado (19) foi um convite para que as crianças se divertissem com as atrações do evento Ciranda na Praça, promovido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Encantado. O momento de integração, na Praça da Bandeira, reuniu crianças de todas as escolas do município, acompanhadas pelos familiares. A atividade faz parte das diversas comemorações alusivas ao mês das crianças. O teatro de rua, com o grupo Teatro Produção Urbana, os brinquedos infláveis e a distribuição dos sucos Dom Eliseo fizeram a alegria da criançada. Para a secretária municipal de Educação e Cultura, professora Roseli Mottin Soares, este momento é especial para que haja a integração das crianças, seus familiares e a comunidade. “Foram momentos de muita alegria e brincadeiras, num ambiente que favorece a educação para a paz, a cidadania, o respeito e a convivência fraterna”, comentou.

Foto: Eliane A. Fachinetto

Teatro para crianças A peça teatral Zum, Zum, Zum, A União Faz a Vida foi encenada terça-feira (22), no Auditório Itália do Centro Administrativo, para mais de 950 crianças das escolas de todas as redes de ensino, em duas sessões. A promoção foi do Sicredi, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e Cultura, que desenvolvem nas escolas do município o Programa A União Faz a Vida. A peça conta a história de dois irmãos, sendo que a menina é cadeirante. Em uma viagem inesquecível eles conhecem a Rainha Mau-Mau e o Cacunda. Os dois personagens não sabem o valor da cooperação e fazem o mal. Os irmãos, heróis da história, entram em ação mostrando a importância de valores como o respeito, a união, a cooperação e a amizade. Para a coordenadora municipal do Programa A União Faz a Vida, professora Teresinha Frigeri Protto, é preciso aproveitar todas as oportunidades que enfatizam e evidenciam os valores que formam o caráter dos alunos. “E as peças teatrais são aguardadas com muita expectativa por todos. Na oportunidade, renovamos nosso agradecimento ao Sicredi pela parceria”, comenta.

Um aninho

Foto: Juremir Versetti

O garotinho Frederico De Almeida Genezini completou um aninho no dia 17 de outubro. Frederico, junto com a irmã Daniela e os pais Maristela e Magnor, comemoraram a data no domingo (20), com uma festinha no quiosque do Clube Comercial de Encantado. Felicidades Fred!

3

Contos de fadas

Foto: Divulgação

A Escola Municipal de Educação Infantil Imigrante transformou o Dia da Criança em Conto de Fadas. Durante duas semanas as crianças participaram de uma programação especial, com hora do conto, caça ao tesouro, festa à fantasia, café da manhã dos príncipes e princesas, almoço coletivo, lanches especiais, passeio, brinquedos infláveis, dia do cabelo maluco, além de confraternização com os pais e dias temáticos. O objetivo foi recriar o mundo de fantasias das crianças e resgatar os contos de fadas.


4

MIX

25 de Outubro de 2013

21/10/1995 No dia 22 de outubro o distrito de Vespasiano Corrêa, município de Muçum estará indo às urnas para se tornar mais um novo município no mapa do Estado. A comissão Emancipacionista de Vespasiano Corrêa convoca todas as pessoas aptas a votar, que se façam presentes às seções e deposite o “SIM“. Deputados, prefeitos e vereadores deram todo o apoio a emancipação de Vespasiano.

21/10/1995

Havia quem não acreditasse no sucesso do baile de debutantes do clube comercial de Encantado. O pequeno número de jovens inscritas, somando o fato de o grande salão de festas necessitar de um grande público para embalar a festa, alimentou os pessimistas. Mas o que se viu no sábado, foi a apresentação de sete debutantes e a presença de muita gente, em sua maioria jovens e casais de outras cidades. O conjunto Tempo Novo animou a festa com excelente seleção musical.

26/10/1974

Maris Helena Cé é a flor do amor, broto de luz que rompeu das sombras para iluminar a nossa vida silenciosa e brilhante. Parece que ama tudo o que vê e o que não vê. É filha da dona Elsié e do Sr. Adir Cé, residentes em nossa cidade. É estudante do II ciclo do Colégio São Pedro.


social

Na tarde do dia 9 de Outubro, o fotógrafo Emerson Foguinho fez um ensaio com a gravidíssima Dayana Schardong. Num clima primaveril na Lagoa da Garibaldi, em Encantado, passaram a tarde muito agradável entre poses e sorrisos. A noite seguiu o ensaio em estúdio na companhia do paizão Darlan Renostro, que não menos ansioso com a chegada de Valentin, se integrou em perfeita sintonia no clima do ensaio que resultou em lindas imagens. A produção ficou por conta de Alecsandra Dal’Zotto.

Fotos: Emerson Foguinho

À espera do Valentin...

25 de Outubro de 2013

5


6

MIX

25 de Outubro de 2013

JOVEm

JOVEm

Fotos: Raí Radaelli

Edenildo e Fabiana

Fotos: Raí Radaelli

Marcelo e Mônica

Jeferson e Camila

Nataniel e Raí

Felipe, Tanise e Fernando

Carol e Bárbara


MIX

25 de Outubro de 2013

POP SHOW FOI UM SUCESSO

7


8

MIX

25 de Outubro de 2013

BLAZER, VOCÊ USA?! Apesar de estarmos na primavera, nunca podemos sair de casa sem uma peça para nos proteger do ventinho matinal e o do ar fresquinho do anoitecer, dessa forma, toda mulher precisa ter no guarda-roupa, um blazer, seja ele de cores neutras ou colorido, liso ou estampado, não importa, o que importa é saber usar e para que ninguém fique com dúvida, dou algumas dicas! • Quer disfarçar os quadris largos, opte pelo blazer boyfriend. Ele tem os ombros mais largos e caimento reto, quase um corte quadrado. Use-o com broches ou máxi colares, para chamar atenção para a parte de cima. • Já o blazer acinturado é perfeito para quem quer ficar com o corpo violão. Como ele marca bem a cintura, cria curvas para quem tem quadris pequenos. • Quer ficar mais alongada? Opte

por um blazer curto, até a altura dos quadris. O longo pode dividir o corpo ao meio e dar impressão de que você é mais curta. • Os decotes amplos e alongados equilibram os seios muito grandes. • Se você quiser aparentar seios maiores, invista em lapelas largas e com tecidos e texturas diferenciados, que também deixam o look mais moderno. • Se os seus ombros são largos e você tem o corpo no formato triângulo invertido, procure um blazer desestruturado, mais leve e com caimento soltinho. Ele desvia a atenção dos ombros. • Apareceu uma barriguinha indesejada? Invista no corte reto ou em formato de A. Prefira os que têm um ou dois botões no máximo. • A moda do conjuntinho está em alta, mas se você não tiver coragem ainda,

use o estampado em cima ou embaixo e combine com outra peça que tenha a mesma cor do fundo da estampa. É infalível! • Repare no forro do blazer. Se ele for estampado, um truque para deixar a produção mais estilosa é deixar a manga dobradinha com o forro aparente. • Saia do comum! É sempre bom ter um pretinho básico, mas os coloridos ou os que têm detalhes em taxas, spikes e mistura de texturas, modernizam qualquer look. Mesmo que você esteja com jeans e regata por baixo, vai ficar ótimo. Agora, siga as dicas e arrase no visual... nada como um vestidinho leve e um blazer pra aconchegar!!! Beijos e até a próxima semana!

“Blazer, toda mulher precisa ter no guarda-roupa, seja ele de cores neutras ou colorido, liso ou estampado. O que importa é saber usar”.


MIX

25 de Outubro de 2013

A IMPORTÂNCIA DO PAPEL DO PAI Não precisamos citar estatísticas, nem recorrer a alguma autoridade sobre o assuntopara saber que a família é essencial ao ser humano. Nós fomos criados para viver em família. Nesse sentido, também não seria necessário falar de Deus ou de Bíblia. Nós temos essa necessidade e pronto. Independentemente de convicções religiosas, somos assim. A nossa identidade, a nossa saúde emocional, a nossa aptidão para os relacionamentos, o nosso caráter, tudo isso e muitíssimas outras coisas que acabam facilitando ou dificultando nossa vida, passam necessariamente pela família. Não precisa ter algum curso universitário para saber disso. Basta ouviu as notícias, basta ler os jornais, basta ouvir algumas histórias de pessoas que entraram no mundo das drogas, da promiscuidade sexual, da delinquência. Ou basta ouvir as histórias de tantos outros, que mesmo não caindo nessas armadilhas, por preservam valores morais e espirituais, se tornaram pessoas mal resolvidas, tristes, amarguradas, por que nunca puderam experimentar a bênção de um lar harmonioso e feliz. Sabemos que o papel da mãe é essencial, mas a grande realidade é que são os problemas relacionados ao pai que normalmente deixam as dores mais profundas no coração dos filhos. Quase sempre por trás de uma personalidade doentia, encontramos uma história triste em relação ao Pai. Ausência, omissão, desinteresse, alcoolismo, violência, frieza afetiva, deixam marcas profundas tanto nos meninos quanto nas meninas. E quando isso acontece, duas reações básicas são inevitáveis: amargura ou revolta. A amargura normalmente afeta as crianças de personalidade mais tímida. Então diante das experiências que as ferem irão tentar defender-se de alguma forma e na maioria das vezes, essas defesas se traduzem em bloqueios, culpas, complexos de inferioridade, depressão e muitas outros distúrbios interiores, que levam à obesidade, anorexia, timidez excessiva, aversão pela figura masculina, com consequências na sua orientação sexual. Na adolescência provavelmente sofrerão de solidão, apatia, desinteresse pela vida e buscarão compensar suas carências na comida, nos jogos eletrônicos, nas drogas ou desvios em relação ao sexo. Já a revolta, por ser normalmente a reação natural de uma personalidade mais forte, acabará quase sempre no confronto, no desligamento afetivo, no espírito de independência, na agressividade e na delinquência. A lista evidentemente não é exaustiva, mas os fatos demonstram que as coisas vão quase sempre nessa direção. Infelizmente e, digo com toda segurança, por falta de conhecimento da Palavra de Deus, o homem não tem sido preparado para exercer plenamente seu papel. Ora, enquanto não havia forças exteriores que ameaçavam essa estrutura, digamos que meninos copiavam os pais e meninas copiavam as mães. Às vezes funcionava, às vezes nem tanto, mas o mundo seguia em frente. Na ausência de outros parâmetros, as pessoas se conformam. Mas este não é o ideal de Deus. A queda tirou do homem a habilidade de liderar com discernimento o seu lar. A própria cultura religiosa dominante, ao invés de recolocar as coisas no lugar, praticamente alijou o homem do seu papel original e delegou à mulher a posição de líder espiritual da família. O resultado? Um triste rastro de orfandade paterna, com suas tantas dores consequentes. São poucos os adultos, sejam homens ou mulheres, que não carregam dores de sua relação com o pai. E foi nesse vácuo de liderança que um movimento sombrio se levantou para completar o serviço. Prezado leitor: Agora, quando os fatos já falam por si mesmos,quando seria hora resgatar os papéis legítimos do homem e da mulher e salvar o que resta das famílias e da sociedade, o que tentam nos fazer acreditar: que pai e mãe são a mesma coisa? Que pai e mãe podem ser até do mesmo sexo? Eu, parafraseando o profeta Jeremias, pergunto: “Porém que fareis quando estas coisas chegarem ao seu fim?” – Jeremias 5.31. JESUS, A OPÇÃO DA VIDA!

Pr. Armando Paulo Castoldi www.ccencantado.com.br

4 LIÇÕES QUE APRENDEMOS COM UMA DERROTA

“Então disse o SENHOR a Josué: levanta-te; por que estás prostrado assim sobre o teu rosto?” (Josué 7:10). Lendo estes textos aprendemos algumas coisas. Josué foi um homem vitorioso. Marcou a historia com uma batalha vencida na cidade chamada Jericó. Havia enormes muralhas no caminho de Josué, mas ele lutou e venceu. Depois Josué teve outra batalha com uma cidade chamada Ai, e mesmo sendo muito menor do que Jericó ele perdeu a batalha ficando muito abatido. Ai era provavelmente a menor cidade com a qual ele já tinha lutado, mas ainda assim ele perdeu. Venceu a difícil e perdeu a fácil. E com isso aprendemos algumas lições: 1ª Lição – Remova todo desânimo A bíblia diz que eles ficaram tão desanimados que se tornaram como água. O desânimo é o carimbo do fracasso de alguém. O desânimo é a prova de que a pessoa mesmo tendo projetos não vai realizá-los. O desânimo produz uma insatisfação tão grande que a pessoa nunca consegue se realizar. O desânimo é uma estratégia para impedir que homens e mulheres realizem seus sonhos e projetos. Toda batalha perdida traz desânimo, desmotivação e abatimento, mas cabe a cada um reanimar a si próprio. Nunca espere que sua motivação venha da parte de alguém. Ela tem que vir de você. 2ª Lição – Levantar e reagir Quando perdemos uma batalha podemos até chorar e buscar conselho, mas se não nos levantarmos a reagirmos perderemos a guerra. O sofrimento não atrai o poder de Deus, o que atrai o poder de Deus é estarmos de pé como Jó e dizendo na hora da luta: “eu sei que meu redentor vive, e em breve virá para me dar vitória.” Quando se perde uma batalha, é hora de reavaliar e analisar onde erramos para corrigir. Toda derrota tem que ser como uma alavanca que me leva para lugares mais altos. Salomão disse que aprendemos mais num velório do que numa festa. Se formos a um velório e soubermos a causa da morte, ficaremos mais atentos para que não aconteça conosco. 3ª Lição - Consagração Israel venceu a cidade de Jericó em santificação e foi lutar com Ai estando na carne, e perdeu. Pecado é tudo aquilo que te separa de Deus. Talvez você se pergunte o que te separa de Deus. Vou citar algumas coisas: a preguiça, o desânimo; pode ser a televisão (para evangelizar a televisão é benção), mas se a pessoa bobear vira maldição, porque deixa de vir na igreja para assistir televisão. A internet também é benção, mas se a pessoa bobear vira maldição; e existem muitas outras coisas que eu poderia citar. 4º Lição - Sonho profético A bíblia diz em Gênesis que José teve um sonho e que por isso foi perseguido. Se você tiver um sonho não pense que será fácil realizá-lo. Se você sonhar pode esperar que a perseguição é certa; a calunia e a difamação certamente virão, mas no fim o seu sonho será realizado. Enquanto José era só mais um entre os filhos de Jacó ninguém o perseguia, mas foi só ele ter um sonho que começou a ser perseguido. A primeira coisa que fizeram foi lançá-lo na cisterna; depois o venderam como escravo; em seguida veio a calúnia da mulher de Potifar; ele foi preso injustamente; depois foi esquecido na prisão. Por tudo isso José passou, foi só por um motivo: Porque ele sonhou!

Pr Flamarion Rolando Igreja do Ev. Quadrangular de Governador Valadares –MG

Pr Waldir C. Grooders www.avivamentoieq.com.br

9

Outubro – Mês Missionário Juventude em Missão Outubro, para a Igreja Católica, é o mês das Missões. Em sintonia com a Campanha da Fraternidade e a Jornada Mundial da Juventude, o tema que está sendo aprofundado é “Juventude e Missão”. O Senhor Deus se dirigiu a Jeremias com a afirmação de que ele havia sido escolhido para ser profeta, “antes mesmo de sair do ventre de sua mãe”. Assustado, Jeremias confessou o seu sentimento de incapacidade: “ah! Senhor Deus, não sei falar, sou uma criança”. Ao que o Senhor lhe respondeu: “não me digas: ‘sou uma criança’, pois a todos quantos eu te enviar, irás” (Jer 1,5-7). É este o lema do mês: “a quem eu enviar, irás”. Assim como Jeremias, muitas das pessoas hoje convidadas se reconhecem incapazes e sentem medo da missão que lhes aguarda. Nestas horas, é importante recolher-se ao silêncio da oração, onde o Senhor nos conforta com a afirmação: “estou contigo para te defender! Não tenhas medo!” (Jr 1,8). “A missão é algo que move qualquer cristão a sair de si. Talvez nem tenhamos a possibilidade de sair para outro país ou outros estados, mas precisamos apoiar os que partem para semear a Boa Nova do Reino em outras paragens. Podemos ser missionários em nossa comunidade, no bairro onde moramos, na escola onde estudamos, na empresa onde trabalhamos. O importante é estarmos conscientes da nossa escolha e da confiança que o Senhor deposita em nós. Na mensagem para o Dia Mundial das Missões, o Papa Francisco nos recorda que “a solidez da nossa fé, a nível pessoal e comunitário, mede-se também pela capacidade de a comunicarmos a outros, de a espalharmos, de a testemunharmos a quantos nos encontram e partilham conosco o caminho da vida”. No final da Jornada Mundial da Juventude o Papa dizia aos jovens: “ide, sem medo, para servir”. E perguntava: “para onde Jesus nos manda? Não há fronteiras, não há limites: envia-nos para todas as pessoas... Não tenham medo de ir e levar Cristo para todos os ambientes, até as periferias existenciais, incluindo quem parece mais distante, mais indiferente. O Senhor procura a todos, quer que todos sintam o calor da sua misericórdia e do seu amor”. Neste mês em que celebramos o mês das Missões, reflitamos sobre o chamado que Deus nos faz, buscando entender a missão que ele nos dá. Apoiemos as pessoas que partem para os campos de missão, participando generosamente da coleta que a Igreja realiza em benefício das obras missionárias. Em sintonia com o tema que estamos refletindo ao longo do mês, incentivemos os jovens a que possam assumir o mandato que receberam do Papa Francisco durante a Jornada Mundial da Juventude.

Dom Canísio Klaus Bispo Diocesano Pastoral da Comunicação Paróquia São Pedro – Encantado.

Horários das Celebrações no Dia de Finados: * Cemitério Santo Agostinho – 7h 30min * Cemitério Santo Antão – 8h 30min * Cemitério São Pedro – 8h 30min * Cemitério São Carlos – 9 horas - Celebrada Por Dom Paulo De Conto * Cemitério N. Sra Auxiliadora – 9h 30min * Igreja Matriz – 19 horas * Comunidade Scalabrini – 19 horas Pastoral da Comunicação Paróquia São Pedro - Encantado


10

MIX

25 de Outubro de 2013

O RISOTO DO INTERNATO Cursei os níveis primário e secundário no Ginásio Madre Margarida, uma escola particular de propriedade da Igreja católica, administrada por religiosas do Sagrado Coração de Maria. Se os padres católicos, na época, usavam uma batina preta, as irmãs, como as chamávamos, usavam um hábito, também longo até os pés, da mesma cor negra. Eram umas vestes folgadas, quase que flutuantes. Abaixo do queixo uma espécie de papada branca, arredondada, feita de uma fazenda que ficava dura, de tanto que engomada. A testa era cingida por uma banda, de forma que toda a cabeça ficava coberta com uma espécie de véu que caia pelas costas até a altura da cintura. Delas só se enxergava as mãos e o rosto, nada mais. No meio do peito um coração vermelho trespassado por um punhal. O prédio desta escola existe até hoje e se localiza na Rua Monsenhor Scalabrini, n° 1.020, no centro da cidade. É um casarão imponente, sólido, com diversos andares, internamente fresco no verão, mas frio no inverno, quando as paredes ficavam úmidas a ponto de por elas escorrer água. A construção foi concluída em fins do ano de 1938 ou início de 1939, segundo registra o nosso querido Gino Ferri. As bases do sistema educacional implantado no colégio, que era o mais importante e tradicional da cidade, seguia a linha de conteúdo pedagógico das escolas católicas (e particulares). A interferência do Estado nessa área, pelo menos nesse período da minha formação, era praticamente nenhuma. Os professores procuravam transmitir aos alunos o gosto pelas atividades literárias, com pouco interesse pelas áreas técnicas. A idéia era incutir no aluno uma formação humanística, transformá-lo num homem culto, idéia que, acredito, tinha origem desde o período em que os jesuítas aportaram ao País, vindos de Portugal, para aqui implantarem e propagarem a fé cristã e a religião católica. Só para se ter uma idéia do currículo, estudávamos, em praticamente todo o período do curso secundário, matérias como: Português, Inglês, Francês, Latim, Geografia, História, Música, Matemática, Canto Orfeônico, Trabalhos Manuais, Desenho e, obviamente, Religião. O ginásio era uma escola mista, freqüentada por moças e rapazes - o que já era uma evolução para a época -, mesmo que tivéssemos que sentar separados das meninas nas salas de aula e separados ficar delas nas filas que se formavam no início do período e após o recreio.

Massa: * 4 mandioquinhas grandes (cerca de 800g) * 3 colheres (sopa) de queijo ralado * 1 colher (sopa) cheia de margarina * farinha de trigo até o ponto de enrolar,aproximadamente 1 xícara * sal a gosto

Éramos obrigados a usar uniforme. Os meninos calça azul marinho, sapato preto, meias brancas e camisa branca com gravata azul. As meninas usavam uma saia azul marinho plissada (que atingia a altura dos joelhos), blusa azul com listras brancas, gravata azul, sapatos pretos e meias brancas. E como elas sabiam tornar sensual essa vestimenta, como no ágil volteio do corpo, na subida das escadas, no cruzar as pernas ao sentar, dentre outras tantas formas que encontravam para nos deixar “meio perturbados”, imaginando coisas proibidas no interior daquelas grossas e santificadas paredes. Além de estudar, também fazíamos as nossas artes. Houve um tempo em que estudei ali em regime de semi-internato. Não lembro quanto tempo isso durou nem porque meus pais me “internaram”, mas não deve ter sido por pouca coisa. Só sei que meu pai me largava em frente às escadarias de manhã cedo, e voltava para me buscar à tardinha. O almoço no refeitório era coletivo. Todos almoçavam ali: as irmãs (menos a Madre e suas assessoras mais chegadas), as juvenistas, as pensionistas, e os semi-internos, como eu. A comida era razoavelmente boa, mas de tanto comer pirão, que serviam todos os dias, passei muitos anos sem poder sequer ver ou sentir o cheiro desse alimento. Num bilhete que me enviou em setembro de 2009, o Tadeu Ferri me lembrou que no cardápio de certo dia constava risoto, que estava tão cheio de pimenta, mas tão cheio de pimenta, que não dava para comer. Todos estavam reclamando. Ele tinha, na época, uns oito ou nove anos. No bilhete me disse que diante da reclamação de todos, eu lhe pedi que arranjasse, rapidamente, alguns jornais. Quando ele voltou com os jornais, neles embrulhamos todo aquele risoto horrível, e colocamos tudo no lixo. E quando as freiras recolheram os pratos, estava tudo em ordem; havíamos liquidado com aquela gororoba e elas devem ter pensado que nós havíamos adorado comer aquilo. Como disse o Tadeu no bilhete: “Há! As recordações! Não serão elas que movem o mundo?” Sim Tadeu, tens razão: são as lembranças que movem o mundo. E por causa delas estou eu aqui, agora, matutando comigo mesmo se não foi por tomar atitudes desse tipo que meus pais me “internaram” no colégio. Vai saber...

Carlos Alberto Schäffer – 16.02.2013

Nhoque de mandioquinha

Molho: * 300g de carne moída * 2 dentes de alho * 1 cebola pequena picada * orégano e cebolinha gosto * 1 cubo de caldo de carne * 1 sachet de extrato de tomate (340g) * 2 colheres (sopa) de óleo ou azeite * Queijo parmesão ralado para polvilhar Modo de Preparo: Em uma panela aquecer o azeite e refogar o alho e a cebola; Colocar a carne moída,cubo de caldo de carne,orégano e 1 xícara de água; Refogar até amolecer; Acrescentar o extrato de tomate e mais um pouco de água; Quando engrossar desligar e colocar a cebolinha; Cozinhar as mandioquinhas sem a casca e espremer ainda quentes; Deixar esfriar e acrescentar os outros ingredientes, a farinha coloque aos poucosEm uma superfície enfarinhada fazer rolinhos e cortar no tamanho desejado; Colocar aos poucos em água fervente; Quando subirem retirar e colocar em escorredor; Colocar em uma travessa, regar com o molho e polvilhar queijo ralado.

Mate e solidão Meu chimarrão, meu companheiro Do meu viver povoeiro Das tardes longas de verão, És tu que me conforta Quando batem à minha porta As nuvens da solidão ! Meu chimarrão sempre me levas Para meu cantinho no galpão... E a cuia não passa de mão em mão Fica solita na minha solidão !... Podem me deixar em paz, Que eu vou remoendo minhas andanças Nesta hora que é tão minha E tão calma e tão mansa Que, quando chega a tardinha Minha alma se aninha Pra se tapar de lembranças ! Não tenho máguas e nem prantos, É a mais pura das verdades!... Me deixem no meu canto Pra viver minha saudade, Por que esta, sim, não me abandona Nestas horas tão querendonas Dos mates de fim de tarde... Meu olhar é mais profundo... Vai longe...Lá noutro Mundo, Procurando sonhos e ausências De minha longa existência... Porém, não há de ser nada, Vou peleando com o destino Pra cumprir a minha sina Até fechar esta armada! Sim, eu sei, não posso me entregar... Mas. meu mate, antes verde e espumante, Da cor das campinas verdejantes, Já está lavado e por ser solito Ninguém me alcança a cuia E nem eu alcanço para alguém, O mate, agora, não vai, só vem ! Tenho ganas de alçar a perna E me mandar pra outras coxilhas Em busca de novas trilhas Que procurei e não achei... Mas será que ainda sei Achar o trilho perdido Que há muito foi percorrido Neste Mundo Velho sem lei ?!... Às vezes, na solidão dos meus mates Rabisco até algumas rimas Desta solidão que me assola... Sem palavras que consolam, Sinto que chegam ao fim Os velhos sonhos que guardei em mim !...

Jorge Moreira 12/10/2013


MIX

Sexta-feira, 25 de outubro – Jacques elogia Pilar, que fica lisonjeada. Félix e Paloma discutem. Bruno vai embora apressado da casa de Aline. Rinaldo ajuda Márcia a vender seus hot-dogs. Félix fala para Eron que Atílio investigará as contas do hospital, e o advogado avisa a César sobre as intenções de seu filho. Eudóxia compra roupas novas para Valdirene. Amarilys fala para Niko que não deixará que ele fique com Fabrício. Paloma se surpreende quando Bruno implica com Amarilys. Herbert repreende Ordália ao encontrá-la no quarto de Pilar. Daniel não deixa que Perséfone coma chocolate. Rafael dá doces para Linda. Bruno desabafa com Ordália sobre o assédio de Aline. Aline visita Pilar. Sábado, 26 de outubro – Pilar discute com Aline, e César se enfurece com a ex-mulher. Ordália pede que Bruno se afaste da esposa de seu sogro. Aline se faz de vítima para César e beija Bruno novamente. Aline combina com Mariah os detalhes do plano contra César. Ninho leva argila para Paulinha, e Bruno fica irritado. Neide não gosta quando Renan afirma que Rafael é uma boa companhia para Linda. Valdirene esconde Carlito em uma lata de lixo para não ser flagrada por Ignácio. Adoniran entrega a Vivian o endereço dos Alcoólicos Anônimos. Valentin ajuda Vivian a admitir que é alcoólatra. Atílio se recusa a acobertar César em sua investigação. Rinaldo consola Márcia. Eudóxia proíbe Valdirene de ver sua mãe. Amarilys revela a Niko que se relacionou com Eron. Segunda-feira, 28 de outubro – Amarilys pede para Eron ir embora com ela e Fabrício. Valdirene não se conforma de ter que ficar longe de Márcia. Rinaldo incentiva Márcia a voltar para o apartamento de Ignácio. Vivian fala sobre alcoolismo e se emociona. Eudóxia não deixa Valdirene comer demais no restaurante. Niko dá um ultimato em Eron. Bruno teme que Paulinha deixe de gostar dele. Eron avisa a Niko que, para Jayminho ser adotado, eles precisam morar juntos. Aline sugere que César tente negociar com Atílio para evitar ser descoberto. Jacques flerta com Pilar. Félix termina seu romance com Anjinho. Lutero leva Gigi para falar com Atílio. Pilar volta para casa. Eudóxia proíbe Márcia de morar com Valdirene. Amarilys afirma a Paloma que conseguirá um flat para morar com o filho. Niko tira dúvidas com Rafael sobre um possível processo contra a dermatologista. Amarilys sofre um acidente grave de carro. Terça-feira, 29 de outubro – Amarilys é resgatada das ferragens desacordada. Félix conta para Edith que terminou o romance com Anjinho. Márcia concorda com as condições de Eudóxia. Lutero contraria Herbert e autoriza a transferência de Amarilys para o San Magno. Leila cobra de Félix o dinheiro que lhe emprestou quando Paulinha foi sequestrada. Joana avisa a Eron sobre o acidente de Amarilys. Carlito leva Márcia para casa e Valdirene fica arrasada. A família de Linda procura por ela em uma livraria. Eron se preocupa com o estado de Amarilys. Neide repreende Rafael por andar com Linda pela livraria. Carlito apoia Márcia. Eudóxia proíbe Valdirene de visitar sua mãe. Linda entra em surto por causa de Leila. Eron conta para Niko que Amarilys sofreu um acidente e ele se sente culpado. Thales conhece Natasha. César tenta conversar com Atílio. Niko vê a aflição de Eron por causa de Amarilys e o questiona sobre seus sentimentos por ela. Quarta-feira, 30 de outubro – Niko se despede de Eron e chora assim que sai do hospital. Aline incentiva César a desmoralizar Félix. Félix e Edith comemoram a reconciliação. Rinaldo vai à casa de Márcia. Valdirene pega dinheiro na carteira de Ignácio. Herbert pede Gina em casamento. Márcia deixa Rinaldo dormir em sua casa. Valdirene vê Rinaldo na casa da mãe e fica furiosa. Herbert se surpreende ao saber que Joana também vai a uma formatura. Niko sofre com o desespero de Eron. Atílio avisa a Félix que descobriu como desmascarar César. Quinta-feira, 31 de outubro – Atílio sugere pegar os arquivos de Eron sobre César. Herbert fala para Joana que pretende se casar com sua namorada. Atílio e Félix pegam todos os arquivos financeiros de Eron. Valdirene decide se afastar de Márcia por causa de Rinaldo. Eudóxia resolve procurar um professor de etiqueta para sua nora. O estado de Amarilys piora quando Niko entra na UTI. Ordália avisa que Gina fará um jantar de noivado depois da formatura de Luciano. Ninho tenta sair com Paulinha, e Bruno fica furioso com a manipulação que ele faz com a menina. Atílio conta para Félix que César passou três imóveis para o nome de Edith. Herbert fica impedido de sair do hospital e avisa a Gina que não vai à formatura com ela. Joana ouve Luciano confirmar para duas colegas que ela é sua tia, e Ordália sente vergonha do filho. Paloma ajuda Gina a se arrumar. Herbert chega à casa de Denizard e é reconhecido por Ordália.

25 de Outubro de 2013

Sexta-feira, 25 de outubro – Amélia agradece ao juiz pela decisão. Pérola comemora com os monges sua ida para os Himalaias. Manfred sugere a Ernest que Silvia vá para os Himalaias para atrapalhar a viagem. Franz diz a Amélia que pedirá a separação a Sílvia. Peteleco foge de Odilon. Sílvia implora a Franz para não se separar dela e diz que vai para os Himalaias com ele. Peteleco conta a Odilon que conheceu uma menina engraçada, referindo-se a Pérola. Franz tenta explicar para Amélia sobre sua volta para a casa de Ernest, mas ela despreza o ex-marido. Pérola pede ajuda a Viktor para impedir que Sílvia também vá para os Himalaias. Sábado, 26 de outubro – Pérola diz a Viktor que Sílvia não gosta de Franz. Incentivado por Hilda, Viktor decide ajudar Pérola. Fabrício se entristece quando Lola lhe diz que o considera apenas um bom amigo. Toni revela a Mundo que está apaixonado por Célia. Décio e Hilda combinam de fingir que estão noivos. Viktor insiste para que Sílvia não viaje, apelando para o amor que sentem um pelo outro. Matilde dá um lenço perfumado para Sonan se lembrar dela, deixando o monge constrangido. Manfred se declara para Amélia e pede que ela lhe dê uma chance. Viktor se tranca com Silvia no quarto para que ela não viaje para os Himalaias. Segunda-feira, 28 de outubro – Viktor diz a Sílvia que a ama e pede que ela não viaje com Franz. Davi se sente humilhado quando Thereza termina o namoro. Tenpa e Sílvia perdem o navio. Joel pergunta a Aurora se ela está apaixonada por Davi. Manfred flagra Viktor com Sílvia. Iolanda propõe a Mundo que os dois fujam juntos. Venceslau pega uma joia sem que Pilar veja e dá para Volpina usar. Conceição vê Eulália comendo na cozinha e reage de forma receptiva, surpreendendo Matilde e Serena. Aurora convida Davi para ir à sua estreia no cabaré. Sílvia se prepara para viajar e diz a Ernest que trará Franz de volta. Terça-feira, 29 de outubro – Tenpa vai para os Himalaias com Sílvia. Ernest desconfia de que Venceslau roubou a joia e acusa o sogro na frente dos outros empregados. Lola machuca o pé depois de discutir com Aurora e não consegue se apresentar no cabaré. Mundo diz a Fabrício que fugirá com Iolanda. Gertrude escreve um bilhete para Ernest, que flagra Iolanda e Mundo se preparando para fugir. Ele tranca a mulher no quarto e manda seus comparsas atacarem Mundo. Aurora faz sucesso com sua apresentação. Mundo chega em casa machucado. Pérola se encanta ao chegar aos Himalaias e se perde dos pais. Quarta-feira, 30 de outubro – Franz, Amélia e Tenpa procuram Pérola. Manfred fica fascinado com Aurora e comenta com Décio. Pérola se comove ao ver pessoas pobres e necessitadas. Serena e Arlindinho se beijam. Rosarinho é aplaudida ao cantar um fado no cabaré e morre de emoção. Toni diz a Venceslau que ele precisa fazer alguma coisa para salvar Iolanda. Davi pede a Dália para levá-lo ao camarim de Aurora e fica decepcionado ao vê-la com Manfred. Os monges recebem Pérola no mosteiro e se curvam em sinal de respeito. Franz olha para os Himalaias e torce para sua vida mudar por completo. Quinta-feira, 31 de outubro – Venceslau insiste que Iolanda abandone Ernest, mas ela prefere ficar para não prejudicar o pai. Volpina devolve a joia para Venceslau. Aurora não cede às tentativas de sedução de Manfred. Fabrício conforta Lola. Franz e Amélia se espantam e os monges se emocionam quando Pérola faz uma prece em tibetano. Manfred termina seu relacionamento com Lola. Arlindo diz à família que não tem dinheiro para saldar as dívidas do cabaré. Ernest leva Iolanda à força à casa de Apolônio para que ela diga a Mundo que continuará casada. Pérola chora porque os meninos do mosteiro não querem jogar futebol com ela.

11

Sexta-feira, 25 de outubro – Maurício confessa a Malu que desconfia de seu amor por ele. Todos na Crash Mídia se surpreendem com Brunetty. Renata incentiva Érico a ir para o show de Palmira Valente. Verônica agradece Natan por tê-la indicado para Willy. Amora pede perdão a Malu. Damáris entrega as chaves de sua casa para Pulquéria. Bárbara seduz Vitinho. Érico decide ir ao show de Palmira Valente. Giane não acredita na redenção de Amora. Verônica sofre com a ausência de Érico. Wilson leva para Bento o brinquedo de madeira e o retrato de Lívia. Socorro decide contar o que sabe sobre Amora para Gilson e Salma. Renata aparece na casa de show. Érico chega ao show de Verônica com flores. Sábado, 26 de outubro – Verônica recebe as flores de Érico e agradece a presença de todos. Renata decide ir embora. Socorro conta para Salma e Gilson que copiou as chaves do Kim Park. Wilson conversa com Bento sobre Lívia. Bárbara manda Amora seduzir Fabinho. Verônica devolve a Érico o anel que ganhou dele. Malu beija Maurício. Amora pede perdão a Fabinho e pergunta por que ele quis se casar com ela. Giane vê a vilã sair da casa do namorado e fica furiosa. Amora sofre depois que Bento vai embora. Vinny teme que Renata aceite a proposta de Karmita. Lara oferece emprego para Bárbara e Vitinho. Caio fala para Camilinha que Lara armou para ficar com ele. Giane agride Amora na rua. Érico pede Renata em casamento. Segunda-feira, 28 de outubro – Renata recusa o pedido de casamento de Érico. Verônica pede para conversar com Natan. Lara convida Vitinho e Bárbara para estrelarem seu reality show. Caio teme que Lara tenha engravidado dele. Érico e Renata se despedem. Tito e Mel procuram Damáris. Salma e Gilson consolam Érico. Verônica decide ficar sozinha. Socorro pega o celular de Bento. Fabinho teme que Amora queira se vingar de Giane. Giane é ovacionada em seu desfile. Tito e Mel imploram que Lara os deixe participar de seu programa. Wilson se encontra com Bento e Glória. Xande inscreve Filipinho para fazer um teste em um musical. Érico desiste de falar com Verônica. Socorro entrega o celular de Bento para a pessoa que quer se vingar de Amora. Amora recebe uma mensagem de Bento pedindo para se encontrar com ela, e Irene se preocupa. O homem misterioso sabota a van da Acácia Amarela, e Socorro o acoberta. Giane recebe uma mensagem e fica presa ao entrar na van para ajudar Bento. Terça-feira, 29 de outubro – Fabinho tenta salvar Giane. Socorro põe o celular de Bento na bolsa de Amora. Irene fica angustiada para falar com Bento. Fabinho denuncia Amora à polícia. Socorro e Fabinho acusam Amora de ser a culpada pelo atentado a Giane. Irene acredita que estão tentando incriminar Amora e testemunha a seu favor. Nestor lamenta o cancelamento de sua festa. Camilinha sugere que Caio reclame de Lara para Manolo. Karmita apoia a ida de Renata para o Rio de Janeiro. Willy surpreende Verônica com o convite para uma turnê nacional. Natan procura Érico. Amora presta depoimento sobre o atentado contra Giane. Malu e Irene defendem Amora. Bento ameaça se afastar de Wilson. Gládis termina seu caso com Lucindo. Natan tenta convencer Érico a ir atrás de Verônica. Fabinho discute com Plínio. Socorro tenta incriminar Amora em seu depoimento. Bento e Wilson discutem na delegacia. Amora é presa por agredir Socorro. Quarta-feira, 30 de outubro – Socorro comemora a prisão de Amora sem que ninguém veja. Wilson declara seu amor por Bento. Lucindo pede para Gládis não abandoná-lo. Renata avisa que vai se mudar para o Rio de Janeiro. Rosemere incentiva Filipinho a fazer o teste para o musical. Bento assume a guarda de André e Mayara. Amora se impõe na cela perante as outras presas. Silvério não acredita que Amora seja a culpada pelo atentado contra Giane. Caio consegue falar com Manolo. Jonas flagra Socorro em um telefonema suspeito e fica intrigado. André e Mayara sentem falta de Amora. Damáris é gentil com Lili. Renata se despede de Odila. Manolo procura Lara. Jonas pega o celular de Socorro e disca para um número não identificado que está gravado no aparelho. Manolo pede Lara em casamento. Filipinho desiste de fazer seu teste, depois de ver a diretora humilhando Sininho. Verônica decide viajar pelo Brasil como Palmira Valente. Karmita cobra uma atitude de Maurício em relação a Malu. Socorro percebe a farsa de Malu ao se aproximar dela. Amora implora que Bento a tire da cadeia. Jonas conta o que descobriu sobre Socorro. Filipinho é chamado para fazer um novo teste para o musical. Brunetty e Nelson anunciam que vão se casar, e Tina fica com inveja. Natan leva Verônica ao aeroporto, e Maurício avisa a Érico. Malu comenta chateada com Madá do empenho de Bento em salvar Amora. Érico aparece no aeroporto na hora do embarque de Verônica. Maurício flagra Bento se aproximar de Malu. Quinta-feira, 31 de outubro – penúltimo capítulo.


12

25 de Outubro de 2013

celebridades

MIX

Carol Dias Fotos: globo.com

Foi na Riviera Maya, no México, que a panicat Carol Dias fez o ensaio para revista “Sexy”, que completa 21 anos em novembro. A paulistana de 27 anos se despiu e mostrou todas as suas curvas em um cenário paradisíaco, de águas cristalinas e areia clara. Carol revelou na entrevista tudo o que pensa e que gosta no sexo: “gosto de homem sedutor, com pegada”, disse a panicat, que está solteira. “Estou numa boa porque estou numa fase legal da carreira, mas meu coração não está fechado”. Carol também contou que, se precisar, vai apelar para um drink para relaxar na hora das fotos. “Eu não bebo normalmente. Adoro o pessoal da ‘Sexy’, tenho bastante liberdade com eles. Mas acho bacana tomar uma tacinha de champanhe para dar uma desinibida porque as fotos ficam melhores”, admitiu.

Divulagada nova música de Lady Gaga flashland.com.br

Lady Gaga divulgou, nesta segunda-feira, o áudio do single “Do What U Want” em sua conta oficial no YouTube. A música conta com uma participação especial de R. Kelly e faz parte do álbum “ARTPOP”, que será lançado no dia 11 de novembro. Polêmica como sempre, a diva pop usou o seu bumbum para estampar a capa do single. O lançamento é o primeiro dos três que virão antes da chegada do álbum às lojas.


Caderno Mix 25 de Outubro de 2013