Issuu on Google+


2

Carnaval 2012: cardápio detox para quem bebeu demais O Carnaval arruinou sua pele, seu fígado e até o seu peso? Confira dois cardápios para ficar bonita e em forma de novo! Você se jogou na bebida sem medo de ser feliz? Agora é hora de deixar o fígado descansar, já que ele trabalhou muito para metabolizar todo o álcool que foi ingerido.

Se você maltratou a pele O excesso de sol, de álcool, de alimentos pouco saudáveis e de noites maldormidas deixa seu rosto sem brilho, sem viço, sem vida - são toxinas e radicais livres demais, pode acreditar. Para melhorar o look, trate de turbinar o cardápio com betacaroteno e vitamina C, presentes na cenoura, na abóbora, na alface lisa, na rúcula, na couve, na acerola, no morango, no caju, e selênio, encontrado nos grãos e nos frutos do mar. Uma forma de recuperar a maciez e a vitalidade da pele é comer duas ou três castanhas-do-pará três vezes ao dia (ela também é muito rica em selênio). De manhã, aposte no suco feito com uma cenoura média, uma folha de couve e duas laranjas. Pique todos os ingredientes, bata no liquidificador e tome com bastante gelo. É uma delícia refrescante e você vai ficar linda de morrer!

Para fazer a desintoxicação, evite consumir alimentos como carnes vermelhas, laticínios, álcool, açúcar, enlatados e industrializados. Esses itens são ricos em gordura saturada, que gera mais toxinas. Frutas, sucos naturais e legumes cozidos são muito bem-vindos, pois ajudam a eliminar toxinas, são ricos em vitaminas e minerais. Algumas raízes, como nabo e rabanete, turbinam a imunidade. Para hidratar, vale tomar bastante água de coco", dizem os nutricionistas. Outra recomendação é passar longe de frituras e alimentos gordurosos. Eles têm digestão lenta e sobrecarregam o fígado já sensibilizado. Beber pelo menos dois copos de chá de boldo com picão- branco recupera as células do órgão e traz bem-estar, explicam os nutricionistas, que ainda orientam consumir pelo menos um pires de chicória, escarola ou almeirão todos os dias. Essas folhas verde-escuras combatem os radicais livres e o envelhecimento precoce. Abacaxi e hortelã aceleram o metabolismo e protegem seu estômago.

Além disso, inclua no menu, pelo menos duas vezes por semana, sardinhas, ricas em cálcio e em ômega 3 (que combate inflamações e, em falta, pode deixar a pele extremamente ressecada). Vale também consumir, todos os dias, uma colher de sobremesa de colágeno hidrolisado (encontrado em lojas de produtos naturais) dissolvido em água para refazer a pele.

Lista de compras semanal

• • • • • • • •

1 1 1 1 1 4 1 3

maço de chicória, escarola ou almeirão kg de arroz integral ou arroz preto pacote de macarrão integral litro de leite desnatado ou extrato de soja maço de hortelã rabanetes abacaxi nabos

Lista de compras semanal

• • • • • • •

100 g de castanha-do-pará 5 cenouras 3 beterrabas 7 pêssegos 1 unidade de queijo tofu 12 laranjas 7 folhas de couve


3

Proteja-se da herpes com os alimentos certos Conheça os alimentos capazes de deixá-la bem longe do vírus da herpes, que costuma atacar com mais frequência no verão Quando tomamos muito sol, nossas células de defesa podem ficar enfraquecidas, o que aumenta a incidência de herpes labial. A doença, causada pelo vírus HSV 1, também aparece por causa de estresse excessivo, trauma no local, uso de anticoncepcionais e outros remédios. Está sentindo ardor, formigamento ou coceira no lábio? Fique atenta! Se em seguida surgirem bolhinhas agrupadas em forma de cacho de uva que se rompem virando feridas... É o vírus atacando! Segundo informações, cerca de 90% da população brasileira possui algum tipo de herpes. Porém, mesmo que você carregue o vírus, só 10% das pessoas sofrem com as feridas. Nesse caso, o "bichinho" escapa do sistema nervoso, onde se aloja, e dá origem aos machucados, que são altamente contagiosos. Infelizmente, depois da primeira ocorrência do problema, ele tende a reaparecer de vez em quando. Mas, com uma alimentação adequada, é possível deixar o herpes longe de você. Diga sim aos probióticos Eles são encontrados nos leites fermentados ou em suplementos. Atuam na melhora de todas

Serviços

as funções do intestino, que através do seu sistema de defesa próprio, mantém a nossa saúde em dia. O ideal é tomar um pote de leite fermentado por dia. Vale destacar que nem todos os produtos lácteos contêm probióticos. Antes da compra, leia o rótulo e identifique se nele há bifidobactérias ou lactobacilos. Peixe e alho: dupla poderosa Duas ou três vezes por semana, inclua esse tipo de carne no cardápio. Rica em ômega 3, ela é uma grande aliada do sistema imunológico. Já o tempero também faz maravilhas pela nossa imunidade o ideal é consumi-lo cru, para usufruir de todos os benefícios que ele oferece. Aminoácido do bem A lisina ajuda a diminuir a multiplicação do vírus do herpes e, por isso, deve ser consumida com frequência. Vá de carne, peixe, ovo, quinoa, leite e derivados. Sinal vermelho Durante a manifestação da doença, evite alimentos ricos em arginina: castanha de caju, nozes, amendoim, chocolate, milho, semente de girassol e aveia. Em excesso, esse aminoácido estimula a proliferação do vírus.

Durante a manifestação da doença, evite alimentos como castanha de caju, amendoim e chocolate Vida & Saúde - Caderno do Jornal Opinião Coordenação Geral - Milton Fernando Diretor Editor - José RaimundoTramontini Diretor de Jornalismo - Diogo Fedrizzi (MTB 9398) Diretor Comercial - Bolivar Neto


4

um copo de

LEITE Intolerância à lactose

Bebeu leite hoje?

Veja porque algumas pessoas não podem tomar leite e como substituir esse alimento, tão importante para o nosso organismo Muitas pessoas não tem o hábito de tomar leite. Ou porque elas não gostam ou porque são intolerantes à lactose. Neste segundo caso, trata-se de um problema biológico: a ausência de uma enzima intestinal chamada lactase que dificulta a decomposição do açúcar presente na lactose, que tem no leite. Ele não consegue se transformar em carboidratos mais simples para uma digestão saudável. Quem tem essa deficiência precisa dispensar uma atenção redobrada com o que come. Ficar sem outros importantes nutrientes da lactose, como o cálcio, pode provocar sérios problemas de saúde como a osteoporose, principalmente nas mulheres. Por isso, é superimportante substituir essa bebida por outros alimentos que também são ricos nessa substância. Veja aqui uma lista. Mas não é só na alimentação que um intolerante deve ficar de olho. O organismo dessas pessoas precisa ficar longe de cafeína, álcool, sal, açúcar, proteínas e gorduras em excesso, pois o equilíbrio orgânico delas é mais sensível, e estes elementos diminuem a absorção do cálcio e aumentam a rapidez da eliminação.

A bebida pode ser uma grande aliada para sua saúde e emagrecimento Se sua resposta for negativa, trate de pegar um copo da bebida, agora! Pesquisadores da Universidade do Tennesse, nos EUA, afirmam que 3 copos de leite sem gordura por dia podem levar a uma perda de 10% ou mais de peso. Quer outro motivo? Um tipo de gordura presente no leite de vacas alimentadas no pasto pode diminuir o risco de enfartes, segundo pesquisa publicada no American Journal of Clinical Nutrition. A versão integral contém uma gordura insaturada chamada ácido linoleico conjugado (CLA, na sigla em inglês) que, além de proteger o coração, ajuda a emagrecer.

Leite em excesso Leite emagrece! faz mal! Estudo descobre quedabebida eleva níveis de vitamina D, que ajuda a O primeiro alimento vida de todos perder alguns quilinhos nós, quem diria, faz malextras para a nossa saúde quando crescemos! Quem não gosta de um bom copo de leite, a qualquer momento do dia, O gastroenterologista do Hospital Albert não sabe o que está perdendo. Ou melhor, Einstein, Vladimir Schraibman conta que “o não sabe o que está deixando de perder: peso! Uma pesquisa da Universidade de Ben-Gurion, em Israel, excesso de leite, principalmente o integral, pode elevar o nível concluiu que quem bebe que leite leva tem mais facilidade na hora de perder peso. de colesterol, acumular gordura no fígado a uma O estudo avaliou 322 homens e mulheres doença conhecida como esteatose hepática, e aumenta os índi- com sobrepeso por dois anos: quemque consumia o equivalente a 340 na gramas da bebida (ou produtos ces de obesidade visceral, é a gordura que se acumula região do abdômen”. derivados) todos os dias perdeu 6 quilos! Já os que beberam metade disso ou até menos, não conseguiu eliminar nem 3 quilinhos nesse tempo todo. O médico explica que, conforme nosso organismo vai enveA nutricionista coordenadora do estudo explica que “o leite eleva os lhecendo, produz em menor quantidade uma enzima chamada níveispor de vitamina no sangue, que auxilia lactase. Ela é a responsável quebrar aDlactose, molécula de na perda de peso, pois quem com quilos a maisem temnosso naturalmente gordura do leite, que está acaba se acumulando organis- menos níveis dessa molécula”. Se você não desencadear gosta de leiteas dedoenças jeito nenhum, mo. Esse acúmulo também pode que pode recorrer aos derivados, além denão peixes e ovos. E quem é fã desta as bebida, deve evitar o tipo integral, citamos. Além disso, quando é bem digerido, aumentam quepedras tem mais quea os outros. a ideia é perder peso e não chances de desenvolver nosgordura rins, pois bebida nãoAfinal, é é? filtrada como deveria,acumular, deixandonão “resíduos” no órgão. Porém, como o leite tem inúmeras propriedades benéficas para o corpo, como ajudar na manutenção da resistência dos ossos, deixar de tomá-lo não é uma alternativa. Para um adulto entre 25 e 32 anos, o indicado são de três a cinco copos médios por dia.


5

Está começando mais um ano letivo e milhares de crianças têm a possibilidade de rever amigos e professores. Também é a época em que outras tantas crianças vislumbram um novo

horizonte de descobertas ao ingressar pela primeira vez na escolinha. Todas elas precisarão de muita atenção para os diversos itens que permeiam o universo escolar, especialmente nos aspectos comportamentais. Neste momento os novatos necessitam de uma preparação, não apenas dos baixinhos, mas algumas vezes também a dos próprios pais, pois é o primeiro momento de “grande” separação e, frequentemente, isto gera sensação de insegu-

rança em ambos. Por isso, o primeiro passo para os pais ajudarem os seus filhos a aceitarem bem o ingresso nesta nova e importante etapa de sua vida é terem a certeza da decisão que estão tomando e do lugar e pessoas com quem estão deixando os seus filhos. É pela confiança dos pais que se inicia a confiança dos filhos, diz a regra. Pediatras reforçam que não há muito o quê explicar aos muito pequenos, mas há como mostrar o quanto será bom e divertido a oportunidade de eles estarem com outras crianças, e também com outros adultos que lhes cuidarão com tanto carinho quanto os pais. Quanto ao incentivo, nada melhor que mostrar as coisas novas e legais que terão na escola, como aprender e brincar. Para os maiores, os que regressam para o ambiente escolar, o grande trabalho já foi feito e, em geral, todos adoram o retorno à escola em que poderão dividir com os outros colegas os acontecimentos que passaram durante as férias. Do jardim de infância ao ensino médio, nem tudo são flores. Entre os percalços estão questões ligadas ao bullying, por exemplo. Mesmo sendo um tema muito discutido ultimamente, pediatras

alertam que é preciso ficar atento a possíveis comportamentos arredios da criança, especialmente se ela não se mostrar feliz em querer retornar à escola.

Eles apontam que tristeza, raiva, choro e sintomas de doença sem causa aparente, especialmente na hora de ir à escola, são alguns dos sinais de que a criança pode estar com algum problema de relacionamento. O trabalho dos pais aqui também se baseia na confiança e na amizade que precisam demonstrar a seus filhos, assegurando-os que podem se abrir e confiar plenamente neles para a solução de qualquer problema. Para os pais, é importante lembrar que em todos os aspectos e fases a criança deve se sentir compreendida e reconfortada. Com diálogo próprio para cada idade, os pais podem (e devem) conscientizar seus filhos de que a escola não é apenas uma obrigação, mas um espaço saudável para o corpo, a mente e alma, que trará benefícios e realizações no futuro. Dr. Sylvio Renan Monteiro de Barros Médico pediatra e autor do livro "Seu bebê em perguntas e respostas - Do nascimento aos 12 meses".


6

Mais d de br e 10 milh osteo asileiros ões têm po n ú m e rose e es aume r o t e n d se e n mos a tar nos p a r n do en os por c óxiaus vel da po heciment a o p Fonte ulação. : IBGE Em geral acreditamos que, após a fase de crescimento, nossos ossos estão formados e não se modificam mais. Essa é uma ideia equivocada, porque o osso é um tecido vivo e, como todos os demais tecidos no nosso corpo, está em constante mutação. As células que compõem os ossos estão se renovando constantemente e para que esse processo se concretize, nosso organismo utiliza principalmente o cálcio. Quando essa renovação celular não se conclui de forma satisfatória, os ossos ficam com sua massa diminuída e tornam-se porosos, o que deixa o esqueleto mais sujeito a fraturas. A esse conjunto de situações – menor massa óssea e porosidade – é que se dá o nome de osteoporose. A osteoporose atinge principalmente mulheres após a menopausa e idosos de ambos os sexos, causando problemas posturais e perda de altura, além do já mencionado maior risco de fraturas. Entretanto, a osteoporose é uma doença que pode ser prevenida e tratada. Ao lado, algumas dicas de como, através da alimentação, prevenir e tratar esta doença. Atividade óssea Como já dissemos, o osso é um tecido vivo que está em constante atividade durante toda a vida. Ele contém colágeno - que é uma proteína -, cálcio e outros minerais. Cada osso é formado por uma camada externa chamada de osso cortical e um emaranhado interno, conhecido como osso trabecular. O osso velho é destruído por células denominadas osteoclastos e reposto por células reconstrutoras chamadas de osteoblastos. A renovação do esqueleto demora de dois a dez anos, conforme o local do corpo e a faixa etária da pessoa. Até os 35 anos de idade, há equilíbrio entre os processos de destruição (reabsorção) e de formação, mas, após essa idade, a perda óssea aumenta gradativamente, como parte do processo natural de envelhecimento.

Leite, frutas e vegetais

Cereais e sementes

Para fazer uma dieta amiga para os ossos, é importante tomar leite e seus derivados, preferindo sempre o leite desnatado e os queijos brancos – que são menos gordurosos. Sementes de gergelim e girassol, lentilha, amêndoa e uvapassa também têm cálcio. Vegetais também são outra ótima fonte, então coma alface, repolho, couve-flor, rúcula, agrião e escarola. Ameixa e figo são opções de frutas ricas em cálcio.

Além do cálcio, outros nutrientes auxiliam a manutenção óssea. São eles: magnésio (soja, castanhas e cereais), zinco (frutos do mar, banana e brócolis) e vitamina B (lentilha, batata e pimenta)

Cuidado com a carne vermelha Manere na dose deste alimento. Por conter fósforo, a carne vermelha em excesso pode dificultar a absorção do cálcio pelo organismo.

Peixes, ovos, fígado e cogumelos A vitamina D é fundamental a fim de que nosso organismo absorva o cálcio. Para que o corpo produza a vitamina, é importante tomar pelo menos 15 minutos de sol por dia. Alguns alimentos também garantem o consumo dessa vitamina, como cogumelo, gema de ovo, fígado, salmão, atum, cação e bacalhau.


7

Álcool: a pior droga do século

Dr. Fábio Vitória - Psiquiatra

Você (ou seu familiar) é um alcoólatra? Faça o teste. Um método simples para detectar a presença do uso abusivo do álcool, de consumidores de risco e/ou de alcoólatras é o uso do CAGE (quadro abaixo). É um questionário de fácil aplicação, usado em todo o mundo. Ele não faz o diagnóstico de dependência, mas detecta os consumidores de risco que podem vir a ser diagnosticados como alcoólatras. Basta responder as 4 perguntas contidas nele:

Segunda Parte Conforme já foi visto na parte inicial deste artigo, que circulou na edição de janeiro do Vida & Saúde, o uso do alcóol causa vários problemas. Além disso, há, as manifestações da síndrome de abstinência, que acontecem quando o indivíduo etilista fica de 24 a 48 horas sem beber. Elas geralmente são nítidas, e incluem tremores grosseiros das mãos, ansiedade, irritabilidade, dísforia, náuseas, vômitos, insônia, aumento da pressão arterial, da frequência cardíaca e respiratória, e aumento da temperatura corporal. Tais sintomas podem, em algumas horas, evoluir para um quadro de delirium tremens, com a intensificação dos sintomas iniciais e evolução para um estado grave, com confusão mental, desorientação e alucinações, além da possibilidade de ocorrerem episódios convulsivos tônico-clônicos generalizados. E essa condição é considerada grave, podendo, também, levar à morte.

Números alarmantes:

Conclusões:

Então, leitores, ATENÇÃO: encarem o alcoolismo como uma séria doença, que atinge boa parte de nossa sociedade e que possui potencial de destruir famílias e levar à morte. Dr. Fábio Vitória


Benefícios da musculação! O Treinamento Resistido que é conhecido por musculação é, hoje, uma das atividades mais recomendadas, seja para quem quer emagrecer, aumentar ou definir a musculatura, como também, evitar lesões e até trata-las. Com a prática desse exercício, além de ficar "sarado" e com um corpo forte, você ficará saudável e bonito. Infelizmente, muitas pessoas evitam fazer exercícios com peso, pois apresentam receio e até medo de ficarem musculosas demais. Você somente ganhará músculos volumosos se você quiser, por isso é importante uma boa orientação, que esteja de acordo com o seu interesse e necessidade, pois a possibilidade de se trabalhar com diferentes cargas e repetições permite que seu professor de Educação Física monte um treino que vá de encontro com seus objetivos.

Veja alguns benefícios que a musculação pode trazer: • Praticando musculação regularmente, há uma enorme melhora na parte estética, pois trabalhando os músculos, você irá modelar o seu corpo, deixando-o mais firme e bonito. A gordura é disforme e em excesso deixa o seu corpo deformado. A musculação ajuda a eliminar gordura e aumenta a massa muscular, fazendo com que você fique com um corpo mais definido e desenhado. • Através da musculação, você pode aumentar muito a sua força muscular, pois irá fortalecer os músculos, tornando uma pessoa mais forte. Ao treinar, você estará exercitando não só o corpo, mas também seu cérebro que fica mais eficiente no comando da massa muscular.

• A musculação torna o coração mais saudável. Até pouco tempo, apenas as atividades aeróbias eram recomendadas para a saúde cardíaca, mas isto vem mudando. A musculação treina o coração para esforços intensos, enquanto os exercícios aeróbios preparam o coração para atividades suaves e prolongadas. Quando a pessoa fortalece os músculos, a frequência cardíaca e a pressão arterial tendem a subir menos com o esforço. • A musculação melhora a postura, pois a maioria dos casos de dores nas costas é relacionada à fraqueza muscular e à falta de flexibilidade. Assim sendo, o trabalho com peso é indicado nestes casos, pois os músculos (que sustentam os ossos) se tornam mais resistentes. • Você vai melhorar a sua auto-estima, ficando mais bonito, ágil, saudável, confiante e de bem consigo mesmo. • A musculação rejuvenesce e mantém você jovem. A partir dos 30 anos, nós começamos a perder massa muscular e podemos chegar a perder 30% de massa magra até os 80 anos. Todos nós envelhecemos, mas quem faz musculação, retarda este envelhecimento. A perda muscular é amenizada para quem faz exercícios com peso. • A musculação ajuda a emagrecer. Todos os exercícios ajudam na perda de peso, em todos há um gasto

Por MÔNICA CIMA Cref. 009915-G/RS Educadora Física

calórico, uns menos, outros mais. A longo prazo, os exercícios com peso, apresentam um importante papel, pois aumentam a taxa metabólica basal (o quanto de calorias o indivíduo queima sem fazer exercício). • Com a musculação, você vai amenizar, e muito, a celulite, pois aumentando a massa muscular, sua pele (em cima do músculo) fica mais lisa. A redução da gordura não melhora a aparência da pele. Ela pode ficar flácida e cheia de furinhos, mas se você fizer exercícios com pesos, evitará a flacidez e definirá os músculos, minimizando a celulite.

Você pode evitar doenças, entre elas: Osteoporose - A musculação estimula a produção de células ósseas fixando cálcio e aumentando a densidade óssea. Atividades aeróbias de impacto , como a corrida, também oferecem este benefício, mas os exercícios com peso são mais seguros para as articulações, assim evitando futuras quedas e fraturas nos mais idosos. Artrose - Quando os músculos são fortalecidos, propiciam maior estabilidade as articulações, promovendo menor desgaste entre os ossos. Diabetes - Quanto maior é a massa muscular, mais o organismo queima glicose (substância que em excesso no sangue causa o diabetes). Obesidade - As recomendações para prevenir ou tratar o sobrepeso e a obesidade enfatizam a adoção do exercício aeróbio. No entanto, muitos estudos apontam que a musculação é bastante eficaz para elevar a taxa de metabolismo em repouso, que diminui com a idade e está relacionado à perda de massa muscular. O treinamento com pesos diminui e interrompe esta perda e ainda promove o aumento da massa muscular, elevando o metabolismo em repouso, ao acelerar o metabolismo, o processo de emagrecimento se torna mais rápido e facilitado.


Caderno Vida & Saúde Fevereiro