Page 1

Novembro 2011

ANO XXII - Nº 187 www.dioceseosasco.com.br/bio

Leigos : “Discípulos e Missionários de Jesus Cristo, Luz do Mundo”

Voz do pastor: Aos cristaos leigos(as) página 3 Papa proclama ano da fé página 4

Prefeito de Osasco sanciona lei do dia do nascituro na cidade página 7 “Ser jovem católico é bom demais!” página 11


COMUNICADOS Comemorações

PASTORAL DA ACOLHIDA

DATAS NATALÍCIAS PRESBÍTEROS E RELIGIOSOS(AS) 16/11 16/11 17/11 18/11 18/11 20/11 20/11 21/11 22/11 23/11 24/11 24/11 24/11 29/11 01/12 02/12 03/12 03/12 04/12 10/12 10/12 12/12 14/12 15/12 18/12

Pe. Antônio Machado Ferreira Pe. Nilso Aparecido Motta Ir. Rosimeire Ferreira dos Santos Ir. Maria do Carmo Correia e Lima, ism Ir. Maria da Gloria Castro, mad Ir. Amadeu Silvério Fernandes, ocs Pe. André Heyligers Ir. Maria de Fátima Ferreira, ffdp Pe. Pedro Bortolini, fdp Ir. Martha Izabel de Faria, jbp Ir. Apparecida Gandolfho, jbp Pe. Geraldo Augusto de Oliveira Ir. Rosa Baggio, iscj Pe. Antônio Carlos Ribeiro Pe. Lorenzo Costa, ssp Ir. Maria de Olinda R. de Souza, mop Ir. Rosária Ribeiro, jbp Ir. Zenaide de Melo, cfnsm Ir. Maria do Carmo e da Sta Face, ocd Pe. Alexandre Douglas Crispim Ir. Marilda Navarini, mc Ir. Anna Josepha da Silva, mjc Pe. Fernando de Moraes Ribeiro Pe. Osmar Alves de Souza Ir. Maria Regina da Imaculada C., ocd

49 35 31 61 76 61 47 54 79 75 71 36 84 78 71 38 71 34 39 49

Ordenação Sacerdotal 15/11 15/11 15/11 15/11 15/11 15/11 15/11 15/11 15/11 15/11 16/11 16/11 17/11 18/11 20/11 22/11 22/11 22/11 22/11 22/11 22/11 23/11 24/11 01/12 04/12 05/12 06/12 07/12 07/12 07/12 07/12 07/12 07/12 07/12 08/12 08/12 08/12 08/12 09/12 09/12 09/12 10/12 11/12 12/12 12/12 12/12 12/12 12/12 12/12 13/12

2

Pe. José Nilsonde Souza Santos, fdp Pe. Flávio Soares Lopes Pe. Marcelo Pereira da Silva Pe. Marcos Antonio Funchal Pe. Adilson Dias Rampaso Pe. Nilso Aparecido Motta Pe. Osmar Alves Souza Pe. Rogério Lemos Pe. Sebastião Correia Pe. Sérgio Luis Medeiros Pe. Antônio Carlos Ribeiro Pe. Fabio Augusto Trigo Pe. Odair José Rodrigues Pe. Paulo Ferreira Pimentel Pe. Arnaldo Balbino dos Santos Pe. Adinael Carlos Miguel Pe. Antônio Machado Ferreira Pe. Benedito Aparecido Cesário Pe. José Pereira da Silva, cr Pe. Luiz Omar Batista dos Reis Pe. Marcos de Oliveira Galdino Pe. Luiz Gonzaga de Santana Pe. Túlio José Giacomini Dom Ercílio Turco (Sacerdotal) Pe. Laurindo Martins de Almeida, mi Pe. Lorenzo Costa, ssp Pe. Gilmar Raimundo de Santana Pe. José Maria Falco Mons. Claudemir José dos Santos Pe. Cláudio Gabriel dos Santos Pe. Antônio Alves Afonso Pe. Gilvan Leite de Araújo Pe. Ubirajara Vieira de Melo Pe.Valmirar Santos Almeida Pe. Miguel Vido, ssp D. Francisco Manuel Vieira (Sacerdotal) Pe. Geraldo Augusto de Oliveira Pe. Cristiano José Soares Sanches Pe. Mauro Ferreira Pe. Mauro Sérgio Maciel Rodrigues Pe. Marcos Martiniano da Silva Pe. Renato Benassi, cr Pe. Riomar Aristide da Silva Pe. Arno Brustolin, ssp Pe. Atílio de Souza Pe. José Rocha Cavalcanti Filho, cp Pe. Carlos Eduardo de Souza Roque Pe. Edílson Pinto dos Santos Pe. Marcio Messias Cardozo Pe. Gentil Eugênio

14 10 10 10 08 08 08 08 08 08 09 09 11 27 12 13 13 13 13 13 13 27 15 48 17 57 25 26 26 26 21 15 15 15 63 59 37 10 22 21 16 16 17 35 18 13 07 07 07 43

Venho em nome da Pastoral da Acolhida da Catedral Santo Antonio, chama-los para participar do nosso grupo. Jovens, a Igreja precisa de vocês! Atendam ao chamado! Para os interessados, falar com a Cristiane. E-mail: cristiane.harue@gmail.com Cel: 94539381 / Tel: 36996077

SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, REI DO UNIVERSO – DIA DO LEIGO Missa Diocesana de Cristo Rei Dia: 20 de novembro Horário:15h Local: Ginásio José Correa, em Barueri

DEFINIDO O TEMA PARA A PRÓXIMA JORNADA MUNDIAL DAS COMUNICAÇÕES “Silêncio e Palavra: caminho de evangelização” é o tema escolhido por Bento XVI para a próxima Jornada Mundial das Comunicações Sociais que se realizará em 20 de maio de 2012, no domingo que antecede Pentecostes. A mensagem do papa para esse evento será divulgada no dia 24 de janeiro, em memória de São Francisco de Sales, patrono dos jornalistas.

ENCONTRO REGIONAL DE JOVENS 2011 O ERJ da região Sudeste está marcado para acontecer entre os dias 11 e 13 de novembro. Local: Ginásio Poliesportivo José Corrêa, Barueri/SP.

FESTA DE NOSSA SENHORA DA ESCADA PADROEIRA DE BARUERI De 10 a 18 de novembro - novena preparatória Dia 19 de novembro - Festa de Nossa Senhora da Escada Às 18 horas na Igreja Matriz - Aldeia de Barueri

JUBILEU DE PRATA A Paróquia Santo Antônio e Nossa Senhora do Carmo tem a imensa alegria de convidar a todos, para a missa do aniversário de 25 anos de Ordenação Sacerdotal do seu pároco Pe. Gilmar Raimundo de Santana. A celebração será no dia 06 de dezembro, as 19h30. Local: Comunidade Matriz Santo Antônio e Nossa Senhora do Carmo Rua Santa Cruz, nº 100 – Vila Santo Antônio do Portão – Cotia Novembro 2011


VOZ DO PASTOR

Aos cristãos leigos(as)

Apresento aos nossos leigos (as), para reflexão, alguns textos de documentos da Igreja sobre sua vida e vocação. Os leigos e leigas são os fiéis incorporados a Cristo pelo batismo e, assim constituídos como Povo de Deus e feitos participantes do múnus sacerdotal, profético e régio, sendo chamados a exercer, de acordo com a condição própria de cada um, a missão confiada por Deus (cfr. Cânon 204 do Código de Direito Canônico 1983). Refletindo sobre a presença do leigo (a) na Igreja e no mundo os Bispos reunidos na III Conferência Geral do Episcopado Latino Americano, em Puebla afirmaram: “A raiz e o significado da missão do leigo encontra-se em seu ser mais profundo, que o Concilio Vaticano II se preocupou em sublinhar em alguns de seus documentos: o batismo e a confirmação o incorporam a Jesus Cristo e o tornam membro da Igreja. Participa, a seu modo da função sacerdotal, profética e real de Cristo e exerce-a na condição que lhe é própria. A fidelidade e coerência com as riquezas e exigências do seu ser que lhe conferem a identidade de homem da Igreja no coração do mundo e de homem do mundo no coração da Igreja” (DP 786). Os leigos (as) em união com seus pastores constroem a Igreja comunidade

3

de fé, de oração, de caridade através de muitos serviços que realizam junto aos irmãos. Atuam na “construção do Reino em sua dimensão temporal” (DP 787), de modo especial na família, educação, comunicações sociais, promoção da vida, da dignidade da pessoa humana, da justiça buscando sempre o bem comum, sempre iluminados pela Palavra de Deus e pela fé. O Documento de Aparecida trata sobre os leigos e leigas, discípulos e missionários de Jesus Cristo, Luz do Mundo, especificamente do número 209 a 215 mostrando sua identidade, a formação como base de sua vida e missão, a vocação para participar na ação pastoral da Igreja, das associações leigas, movimentos apostólicos e eclesiais, comunidades eclesiais, novas comunidades, conselhos paroquiais, etc. Os Bispos, em Aparecida, convidam os leigos e leigas ao discipulado, experiência de Jesus Cristo e ressaltam a necessidade de sólida formação doutrinal, pastoral, espiritual e adequado acompanhamento para darem testemunho de Cristo e dos valores do Reino no âmbito da vida social, econômica, política e cultural e assim cumprir sua missão com responsabilidade pessoal”(DA 212).

Com clareza e firmeza é apresentada sua missão na Igreja e na sociedade: “Os leigos também são chamados a participar na ação pastoral da Igreja, primeiro com o testemunho de vida e, em segundo lugar com ações no campo da evangelização, da vida litúrgica e outras formas de apostolado, segundo as necessidades locais sob a guia de seus pastores” (DA, 211). “Sua missão própria e especifica se realiza no mundo, de tal modo que, com seu testemunho e atividade, contribuam para a transformação das realidades e para a criação de estruturas justas segundo os critérios do Evangelho” (DA 210). As Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2011-2015 explicita no n° 13 “O discípulo missionário sabe que não exerce esta sublime missão isoladamente. Ao contrario, ele a exerce na Igreja, grande comunidade de todos os discípulos missionários, novo povo de Deus, conclamando para reunir-se na fraternidade, acolher a Palavra, celebrar os sacramentos e sair em missão, no testemunho, na solidariedade e no claro anúncio da pessoa e da mensagem de Jesus Cristo. Mesmo quando se encontra sozinho em meio a quem não se compromete com os valores do reino de Deus, o discípulo missionário está unido a toda a Igreja. Sabe que, no mistério do DeusComunhão, ele será sempre um irmão entre irmãos”. Os três setores de pastoral de nossa Diocese mostram a vitalidade do laicato diocesano que atua nos movimentos e associações, das pastorais e ação missionária e das pastorais sociais. O Curso de Teologia Pastoral, a Esco­ la da Palavra em grande número de pa­róquias, a formação permanente, a formação dos missionários, retiros e cursos indicam que os leigos (as) atuam tendo sólida formação. As Santas Missões Populares em suas diversas etapas, a Jornada Missionária da Esperança, a missão permanente mostram a consciência missionária de nossos leigos e a disposição para anunciar Jesus Cristo e ir em busca dos afastados, criando grupos de evangelização de rua, setorização das paróquias, etc. Parabenizo neste dia Festa de Cristo Rei, todos os leigos e leigas implorando as bênçãos de Deus para sua vida e missão. Dom Ercílio Turco Bispo Diocesano de Osasco Novembro 2011


VATICANO / CNBB E REGIONAIS

Cristãos mártires no mundo A cada cinco minutos um cristão é morto por causa da fé. Todo ano 105 mil cristãos no mundo são martirizados. Em vários países de maioria cristã, a Igreja está se encolhendo e passa por uma série de dificuldades. Um real “holocausto”, do qual pouco se fala, mas que continua silenciosamente a ceifar vidas. No sábado, 24 de setembro, às 16h30 ( horário local), na aula magna da Pontifícia Universidade Lateranense, em Roma, a Associação Luzes do Leste

apresentou um relatório detalhado sobre esse fenômeno, onde promoveu um encontro com o título “Os bons serão martirizado. As perseguições contra os cristãos no século XXI”. Tomaram parte do encontro o Bispo de San Marino-Montefeltro, Dom Luigi Negri; Magdi Cristiano Allam, euro-deputado; Padre Bernardo Cervellera, Diretor da agência AsiaNews; e Massimo Int rovigne, Diretor do Cesnur. Por ocasião do 20° aniversário de sua fundação, a Luzes do Leste quer focalizar a situação de tantos irmãos na fé, muitas vezes obrigados a se exilarem. Por ocasião deste encontro, chegou a Roma, vinda dos EUA, uma estátua peregrina de Nossa Senhora de Fátima.

Nicarágua: sacerdotes, “calem-se ou nós os matamos” Divulgou-se na Nicarágua o fato de que vários párocos foram ameaçados. Um dado preocupante após o recente assassinato do pároco de La Concepción, Marlon Pupiro. Este país vive um delicado momento político com eleições gerais às portas e o presidente Daniel Ortega decidido a perpetuar-se no poder, situação denunciada pela Igreja Católica, além da corrupção e outros males que afetam o país. O secretário da Conferência Episcopal da Nicarágua e bispo da diocese de Chontales e Río San Juan, Dom Sócrates René Sándigo Jirón, afirmou que

há preocupação na Igreja Católica pela falta de investigação a fundo do crime contra o Pe. Marlon Pupiro e do assédio sofrido por alguns párocos do país. Após o assassinato do Pe. Pupiro, vários sacerdotes de Manágua e Masaya perceberam algum fato extraordinário que lhes chamou a atenção em relação à sua segurança. Dom Sándigo Jirón manifestou que os párocos têm de ser mais prudentes, ainda que isso afete seu trabalho pastoral. “Se um sacerdote é chamado à noite para atender algum doente em uma casa ou em um hospital, é melhor que não vá, porque poderia cair em uma armadilha. Este tipo de medida, infelizmente, afetará a vida pastoral. O sacerdote deve ter o cuidado de não aceitar qualquer tipo de convite, a menos que conheça a família”. Fonte: zenit.org

Papa proclama ano da fé em 2012 A Igreja comemorará um “Ano da Fé” entre 11 de outubro de 2012 – 50º aniversário da abertura do Concílio Vaticano II – e 24 de novembro de 2013, segundo anunciou o Papa ontem (10/10), durante a Missa conclusiva do primeiro encontro internacional de novos evangelizadores.

“Decidi declarar um ‘Ano da Fé’, que ilustrarei com uma especial carta apostólica”, disse Bento XVI na Basílica de São Pedro, aos participantes do encontro organizado pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização. A iniciativa de celebrar o “Ano da Fé” tem como objetivo “precisamente dar um renovado impulso à missão de toda a Igreja de conduzir os homens fora do deserto em que muitas vezes se encontram, rumo ao lugar da vida, a amizade com Cristo, que nos dá sua vida em plentude”, explicou o Papa. Fonte: zenit.org

Brasil terá novo canal de TV católico Membros do Instituto de Missionários Leigos de Governador Valadares (MG), entre eles o seu fundador, Padre Antônio Geraldo de Assis Pereira estiveram em Brasília na terça-feira, 11/10, para a assinatura do contrato da outorga de concessão do mais novo canal de TV de inspiração católica do país.O ato final de concessão da nova TV foi marcado pelo momento em que o Ministro das Comunicações, Paulo Bernardo Silva, assinou o contrato juntamente com o presidente do Conselho Diretor da Fundação José Heleno, responsável pela nova TV, Edson Pinto de Freitas. A Fundação Dom José Heleno foi criada pelo Instituto de Missionários Leigos em 1998. No mesmo ano deu início à concorrência para o canal de TV de Governador Valadares juntamente com mais 14 concorrentes dos estados de São Paulo, Minas e Rio de Janeiro. Dez anos depois, em 2008, o então

4

presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, assinou o decreto de concessão da TV e, em 2009, a Câmara e o Senado aprovaram o decreto do presidente. Desde 2010 acontecem as últimas tramitações para a conclusão do processo. A TV ainda não tem previsão para começar suas atividades. De acordo com Padre Assis, isso deverá acontecer quando a fundação finalizar o pagamento da segunda e última parcela da concessão. Ele disse ainda que o canal deverá funcionar somente por meio da doação dos fiéis. O Instituto trabalha na evangelização local e além-fronteiras. Tem como regra a espiritualidade de Santo Inácio de Loyola e se baseia no método das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs), linhas que deverão ser seguidas pelo novo canal católico. A princípio, deverá atuar por meio de parcerias com outros canais católicos já existentes. Fonte: CNBB Novembro 2011


VATICANO / CNBB E REGIONAIS

Maioria dos padres é feliz no celibato Os sacerdotes, em geral, es­tão entre os membros mais felizes da sociedade, declara o padre Stephen Rossetti, e, contrariamente à opinião laicista, muitos consideram o celibato como um aspecto positivo da vocação. Estas são algumas conclusões destacadas por Rossetti em “Por que os sacerdotes são felizes?” (Ave Maria Press). O autor, decano associado no seminário e nos programas ministeriais da Universidade Católica da América, também escreveu “Nascimento da Eucaristia”, “A alegria do Sacerdócio”, e “Quando o leão ruge”. Psicólogo licenciado, Rossetti foi presidente do Instituto Saint Luke, um centro de tratamento e educação para o clero e os religiosos. O autor fez uma pesquisa com 2.500 sacerdotes e chegou a conclusões que a sociedade moderna acharia surpreendentes. Na entrevista ao site Zenit, ele fala da pesquisa e da relação entre a felicidade de um sacerdote e a sua proximidade com

Deus e com os outros, além da esperança para o futuro do sacerdócio. Na entrevista, disse o padre, “ Perguntei qual era o indicativo mais forte numa relação com Deus, qual variável parecia contribuir mais para uma relação positiva com Deus. A resposta foi clara: ter amigos próximos (a correlação foi de r=.46). Desenvolver uma relação sadia com os outros nos ajuda a nos conectar com Deus. O isolamento provoca infelicidade. Fomos feitos para nos relacionar com os outros. A ampla maioria dos sacerdotes pesquisados, mais de 90%, tem amizades sólidas com outros padres e com leigos. Uma das grandes alegrias e apoios para a vida de um sacerdote é a conexão com os outros. O conceito laicista de que os sacerdotes são pessoas solitárias e isoladas, não é verdade. A felicidade sacerdotal aumentou nos últimos anos e é provável que ela aumente mais ainda. Só 3,1% dos sacerdotes entrevistados na pesquisa pensava em deixar o sacerdócio. Considerando a enorme pressão contra o sacerdócio na atualidade, e os muitos desafios reais, isto é muito importante”.

Milagre de Nhá Chica é aprovado por comissão médica do Vaticano Na quinta-feira (13/10), a comissão médica da Congregação das Causas dos Santos analisou o milagre ocorrido por intercessão da Venerável Serva de Deus Nhá Chica, em favor da senhora Ana Lúcia. Todos os sete médicos deram voto favorável. A cura não tem explicação científica. A grande graça atribuída a Nhá Chica refere-se à professora Ana Lúcia Meirelles Leite, de Caxambu

(MG). Ana Lúcia foi curada de um problema congênito muito grave, no coração, sem precisar passar por cirurgia, apenas pelas orações de Nhá Chica. O fato realizou-se em 1995. Desta forma, a Venerável Serva de Deus dá mais um paço em direção à beatificação. Em janeiro deste ano, foram reconhecidas suas virtudes heróicas e Nhá Chica foi proclamada venerável. Resta agora passar pela comissão de cardeais e bispos, que devem confirmar a opinião dos médicos, para depois o Papa assinar o decreto e marcar a data da beatificação. Fonte: Diocese da Campanha

Diocese de Osasco presente na Assembleia das Igrejas O Regional Sul I da CNBB realizou a 33a Assembleia das Igrejas Particulares do Estado de São Paulo, dos dias 14 a 16/10/2011, em Vila Kostka, Itaici, Indaiatuba/SP. Encontraram-se 41 dioceses e 6 arquidioceses para refletir, discutir e trocar experiências da caminhada pastoral, tendo como tema ”A Conversão Pastoral e sua Implicação na Nova Evangelização, à luz das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE 2011 a 2015)”. O encontro foi assessorado pelo professor, jornalista Carlos Alberto Di Franco, que discursou sobre as Tendências socioculturais em nossa realidade atual, lançando um olhar bem profundo da realidade de Igreja e sua presença neste contexto. E em seguida Dom Raymundo Cardeal Damasceno Assis, que fez uma memória histórica da caminhada pastoral da Igreja desde o Concílio Vaticano II, com os seus diversos planos de pastorais e sua ação em cada tempo. E por fim Dom Leonardo Ulrich

5

Steiner (Secretário Geral da CNBB) fez uma apresentação do tema das Novas Diretrizes (2011-2015) e suas cinco urgências que fundamentam nossa ação e o nosso novo olhar transformador como respostas aos grandes desafios. Esta Assembleia que acontece anualmente é direcionada aos bispos, padres coordenadores diocesanos de pastoral e três leigos delegados de cada diocese do estado de São Paulo, que atuam nas Igrejas locais, além de representantes de pastorais, movimentos e organismos e associações vinculados com o Regional Sul I da CNBB. A Diocese de Osasco contou com a seguinte representação: Dom Ercílio Turco – Bispo Diocesano; Pe. Edileis da Silva Araújo – Coordenador Diocesano de Pastoral, e mais três (3) leigas: Adriana Aparecida de Morais Matos – Coordenadora Regional da Catequese em São Roque e da Coordenação Diocesana de Catequese; Lucilene Vila Real de Oliveira – Coordenadora Diocesana da Renovação Carismática Católica (RCC) e da Executiva do Setor Movimentos e Associações; e, Dalva Maria de Almeida – Secretariado e Conselho Diocesano de Pastoral. Fonte: Dalva Maria de Almeida Novembro 2011


NOTÍCIAS DIOCESANAS

Osasco mostra sua fé na acolhida da Cruz da Jornada Mundial da Juventude

Com o evento “Firmes na Fé”, a Diocese de Osasco, que reúne 13 municípios da região, organizou dois dias de eventos especiais para a acolhida da Cruz da Jornada Mundial da Juventude. A cruz, acompanhada do ícone de Nossa Senhora, está percorrendo todo o país, com acolhidas nas dioceses, como parte da preparação para a Jornada Mundial da Juventude, que acontece em 2013, no Rio de Janeiro, com a presença do Papa Bento XVI. Em Osasco, os eventos começaram na noite de sexta-feira, dia 30 de outubro, com a vigília da cruz, a partir das 20 horas, na Catedral de Santo Antônio. Já no sábado, às 8 horas, teve início a caminhada da cruz. Saindo da Catedral, os símbolos da fé foram levados, pelas ruas da região central de Osasco, por uma verdadeira multidão, que foi sendo engrossada ao longo de todo o trajeto, até a super Avenida Hilário Pereira de Souza, onde aconteceu uma missa campal. No local, os fiéis se juntaram a outras milhares de pessoas que já aguardavam o início da cerimônia, chegando a um total de 10 mil pessoas, segundo a Polícia Militar. A missa foi celebrada pelo bispo da Diocese de Osasco, Dom Ercílio

Turco; e contou ainda com as presenças do bispo emérito, Dom Francisco Manuel Vieira; do Monsenhor Claudemir José dos Santos e de centenas de padres, presbíteros e seminaristas da Diocese, que também acompanharam o trajeto da Catedral até o local, junto com dezenas de autoridades, incluindo o prefeito Emídio de Souza, o deputado federal João Paulo Cunha; o deputado estadual Marcos Martins; Aluísio Pinheiro , presidente da Câmara Municipal de Osasco, secretários municipais e vereadores de Osasco e cidades vizinhas. Antes do início da missa, o prefeito Emídio de Souza deixou sua mensagem aos fiéis. “Feliz é a cidade que pode se abrir e ser escolhida para receber essa cruz peregrina, que representa tanto para nós, cristãos. Valeu tudo aquilo que pudemos fazer por esse evento, pois foi muito bom ver as ruas de Osasco tomadas pela mensagem do Evangelho. Que cada um possa, agora, ser tocado por essa mensagem e voltar para suas casas levando uma mensagem de fraternidade”, afirmou. Na seqüência, o bispo D. Ercílio Turco deu início à celebração também com uma mensagem aos presentes. “Estou aqui para dizer que Jesus ama vocês; o Papa ama vocês; os bispos amam vocês: não só os jovens, mas todo o povo de Deus”, afirmou. Mesmo sob o sol forte, as milhares de pessoas acompanharam toda a missa, que contou ainda com as participações dos grupos de música católica Nova Face e Arkanjos. Ao final, três jovens foram escolhidos para, aos pés da cruz, firmarem compro-

missos de evangelização. E, para selar esses compromissos, D. Ercílio fez nova mensagem, conclamando a todos para firmarem as mesmas palavras, em coro. Depois, ele recebeu uma homenagem, com a entrega da Mitra e encerrou a celebração com uma benção a todos os presentes e, em especial, aos jovens. Após a celebração na Diocese de Osasco, os símbolos seguiram, no início da tarde de sábado, para a cidade de Sorocaba, em uma carreata que passou pelos municípios de Carapicuíba, Barueri, Cotia, Jandira e Itapevi, dentre outros. “Todas as dioceses vão receber os símbolos. E por sorte, aqui em Osasco, tivemos esse sábado tão bonito, no qual o povo pode participar”, afirmou, em entrevista ao Diário da Região, D. Ercílio. O bispo também falou da importância de Osasco fazer parte dessa celebração. “Para todos os jovens representou uma animação, um momento em que renovaram a sua fé e também o desejo de serem missionários e testemunharem com sua alegria, com seu jeito jovem, a sua fé em Jesus Cristo e o desejo de levar aos outros jovens esta alegria da fé”, disse. Fonte: webdiario.com.br

Prefeito de Carapicuíba acolhe e acompanha comitiva do evento “Firmes na Fé Rogério Roque

Sérgio Ribeiro, prefeito de Carapicuíba, participou da “Acolhida da Cruz da

6

Jornada Mundial da Juventude” realizada no sábado, 1º de outubro , em Osasco, no evento “Firmes na Fé”, em preparação para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), em 2013, no Rio de Janeiro, com a presença do Papa Bento XVI. O prefeito recepcionou a comitiva que levou a cruz símbolo da JMJ, na entrada de Carapicuíba e acompanhou o comboio pelas cidades de Barueri, Jandira,

Itapevi e Cotia, até a saída para a Rodovia Raposo Tavares. A cruz passou pela diocese de Osasco nos dias 30/09 e 01/ 11 reunindo mais de 15 mil pessoas, e seguiu em direção à diocese de Sorocaba. O padre Marcelo Pereira, coordenador da Pastoral da Juventude diocesana, reconheceu no gesto do prefeito Sérgio Ribeiro, o respeito e carinho pelos jovens católicos de Osasco. Novembro 2011


NOTÍCIAS DIOCESANAS

Ganhadores da rifa do Comvocação visitam Seminário

Na tarde do dia 5 de outubro, no Seminário São José, reuniram-se os cinco ganhadores da Rifa do Comvocação: Walter Pereira de Oliveira, ganhador do Carro (Paróquia São José Operário), Leandro Leite da Silva, ganhador dos

R$10.00000 (Paróquia Cristo Ressuscitado), Valdomiro José de Freitas, ganhador da moto (Área Pastoral Nossa Senhora de Aparecida), Carmem Lucia Borges Maciel, ganhadora dos R$3.000,00 (Paróquia São José Operário), Giuseppina Santedicola, ganhadora dos R$2.000,00 (Paróquia São Vito) e Elisabete Andrade, ganhadora dos R$1.000,00 – prêmio extra para quem vendeu o 1º prêmio. Os vencedores dos prêmios chegaram por volta das 15h e foram recepcionados pelo Pe. Cássio, reitor da Filosofia, pelo Pe. Henrique, vice-reitor e coordenador do Comvocação e pelo seminarista Thia­go

Jordão, responsável pelo projeto Ação entre Amigos 2011. Após receberem seus prêmios, os ga­nhadores, acompanhados dos sacerdo­ tes, tomaram café da tarde com os seminaristas e conheceram o espaço físico do Seminário Diocesano. Ao término da tarde, os vencedores da Rifa do Comvocação 2011, posaram para fotos junto com o Pe. Henrique e o Sem. Thiago e se comprometeram em continuar rezando pelas vocações sacerdotais de nossa diocese e de divulgar as vocações em suas paróquias. Fonte: Thiago Jordão

Prefeito de Osasco sanciona lei do dia do nascituro na cidade A Diocese de Osasco, por meio da Comissão de Bioética em Defesa da Vida, promoveu de 6 a 8 de outubro, no Salão de Atos da Cúria Diocesana, em Osasco, a 1ª Semana de Bioética em Defesa da Vida. Com o tema “A gestação é a manifes­ tação de Deus vivo” e o objetivo de despertar a consciência para o valor da vida humana, o evento contou com um público bem heterogêneo: padres, religiosos, autoridades, dirigentes de pastorais, agentes de saúde, conselheiros e leigos. O evento iniciou-se às 19h30 do dia 6 de outubro contando com a presença de Dom Ercílio Turco – Bispo Diocesano de Osasco; Dom Mauro Morelli, bispo emérito de Duque de Caxias (RJ); Pe. Léo; Pe. Xavier; Pe. Raimundo Nonato, assessor da Comissão Diocesana em Defesa da Vida; e membros desta comissão. Também neste dia estiveram presentes vários

vereadores; o Presidente da Câmara, Aluísio Pinheiro; e Patrícia Dándalo, da Secretaria de Assistência Social. Nesta mesma noite, o Prefeito de Osas­co, Sr. Emídio de Souza, sancionou o Projeto de Lei “8 de outubro, dia do Nascituro”, no município de Osasco. A palestra foi feita por Dom Mauro Morelli com o tema: Segurança alimentar e nutricional, qualidade de vida x transgênicos e insumos. No dia 7, a palestra foi conferida por Mariangela Consoli de Oliveira, Secretária Executiva da Associação Nacional

Pró-vida e Pró-Família, que falou sobre a concepção indesejada e suas consequências, além de outros temas como aborto e eutanásia. “Nós somos imagem e semelhança de Deus e, com esta inversão de valores que está acontecendo no mundo contemporâneo, o homem perdeu sua essência e a vida, seu valor [... ] O maior desafio para nós, cristãos, é enfrentar a cultura da morte que hoje se faz presente de forma massifica e globalizada, sobretudo por meio da mídia. Para, combatermos este mal, é preciso o engajamento de todos” completou a palestrante Mariangela Consoli de Oliveira. No dia 8, às 19h30, aconteceu a missa de encerramento celebrada por Monsenhor Claudemir dos Santos e concelebrada pelo Pe. Raimundo Nonato, em ação de graças ao dia do nascituro. Texto e foto: Amanda Bettoni e Ir. Leticia

Confraternização diocesana de atendentes A coordenação diocesana de atendentes, assessorada pelo Pe. Ewerton Leandro, realizou no dia 03 de outubro uma confraternização com todas as atendentes paroquiais de nossa diocese. O evento aconteceu na chácara “ToaToa”, no município de Mairinque e contou também com a presença de diversos padres e do bispo diocesano Dom Ercílio, que presidiu a Santa Missa. Lá, todos puderam aproveitar de um saboroso almoço preparado pela comunidade local Santa Catarina,

7

além disso, houve também bingos marcando todo o encontro por um clima de grande descontração. Durante todo o ano, a equipe diocesana juntamente com seu assessor esteve visitando cada re­ gião com encontros formativos, a fim de aproximar todos os atendentes paroquiais na tentativa de desenvolver um trabalho unificado e evangelizador. Atualmente compõem a equipe de coordenação um atendente representante de cada região, a secretária da cúria, e um padre assessor. Novembro 2011


SANTO ANTÔNIO / BONFIM / BARUERI

Lançamento do livro “História de um Povo”

Esta foi a noite de autógrafos de Darcy Santana Silva, no lançamento de seu livro que conta a história de batalhas e vitórias do povo de nossa Paróquia. O livro contém os momentos de luta, sofrimento, tristeza e alegria de um povo

que guiado pelo seu líder, Pe. Bernard Léo Dolan, tomou para si a responsabilidade de testemunhar a Palavra de Deus nas suas ações sociais, na acolhida de um povo sofrido, no resgate de sua dignidade e na luta pelos seus direitos mais fundamentais. Conta também a passagem de Pe. Léo Dolan pelas diversas comunidades da Grande São Paulo e do Mato Grosso e sua luta para evangelizar um povo tão sofrido. Além de inúmeras pessoas que participaram da história da comunidade e de outras comunidades que estiveram ali para homenagear seu líder, também

estiveram presentes à festa o Pe. Rogério Lemos, nosso atual Pároco, que substituiu o Pe. Léo Dolan na difícil tarefa de guiar um povo na luta pela dignidade e na evangelização das famílias. Como diz Darcy na introdução: “Deus ainda atravessa desertos e mares em busca da terra prometida. Hoje, na era da comunicação, não há fronteiras para esse povo de Deus, que guiados por profetas, levam aos outros povos o Evangelho de Jesus, conforme seu pedido. Lutam por um mundo melhor, de Amor e Justiça para todos”, afirma o livro. Fonte: José Geraldo S. Neto

Dedicação do Altar da Igreja São Paulo da Cruz de Santana Galvão, Santa Catarina de Sena, São Tomás de Aquino, São Pio, Santa Teresinha do Menino Jesus e Santa Paulina. A celebração foi marcada por grande alegria por parte de todos, uma vez que com muito empenho ela foi preparada. A riqueza de detalhes que contém o rito e o embelezam, ficará na memória de todos os presentes que lá participaram.

No dia 25 de Setembro, Dom Ercílio Turco, bispo diocesano dedicou o altar da Paróquia São Paulo da Cruz, em Osasco. A celebração contou com a presença de muitos paroquianos que com muita piedade acompanharam esse Rito inclusive desconhecido por muitos até o momento. No altar foram depositadas relíquias de seis santos, sendo eles Santo Antônio

“Maria e a vida no planeta” foi tema da festa de N. Sra. Aparecida Com o tema Maria e a vida no planeta, a comunidade Nos­sa Senhora da Aparecida da Paróquia Nossa Senhora da Escada de Barueri, comemorou o dia de sua Padroeira no dia 12 de outubro. Com uma decoração de materiais reciclados, recolhidos pelos paroquianos, as flores e os arranjos anunciavam que a coleta seletiva não é somente uma fonte renda, mas a conscientização para salvar o planeta e seguir os passos de Ma-

ria, que cuidou e cuida da vida nosso planeta. Um dos momentos emocionante foi a coroação de Nossa Senhora e apresentação dos representantes da Casa Resgate e Vida que trabalham com a reciclagem e outros objetos criativos expostos pelos seus criadores. Após a santa missa, a procissão percorreu as principais ruas do bairro, terminando com a queima de fogos.

Livro do Êxodo é estudado no mês da Bíblia A paróquia Rainha Santa Isabel, da cidade de Barueri, ofereceu durante todo o mês de setembro um estudo bíblico, elaborado segundo a proposta da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-catequética, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). As formações aconteceram todas as sextas feiras do mês em cada uma das comuni-

8

dades que compõem a paróquia, tendo sido possível atingirem um grande número de paroquianos que interessados, que , com a bíblia nas mãos, se dirigiram para suas comunidades. O Mês da Bíblia teve como tema “Travessia, passo a passo, o caminho se faz”, e lema “Aproximai-vos do Senhor”, baseado no Livro do Êxodo, capítulos 15,22 a 18,27. Novembro 2011


REGIÃO CARAPICUÍBA

Comunidade Santa Teresinha encerra festividade com “chuva de rosas” A Comunidade Santa Teresinha de Carapicuíba encerrou as festividades da padroeira no domingo, 2 de outubro, com a realização de missa, que foi presidida por Dom Ercílio Turco, bispo diocesano de Osasco, concelebrada pelos padres Claudio Gabriel e Ely Rosa. A festa da comunidade contou, ainda, com a participação de grande número de fiéis, procissão das crianças, quermesse,

show pirotécnico e a tradicional “chuva de rosas”, que acontece há 47 anos. Em sua fala, Dom Ercílio exortou a todos a imitarem o exemplo de Santa Teresinha, Doutora da Igreja, no sentido de buscar respostas aos questionamentos da vida, a partir da vivência do Evangelho, que pode ser traduzido por pequenos gestos de humildade e entrega absoluta à misericórdia de Deus. Foto e texto: Rogério Roque

Igreja Santa Rita apresenta nova imagem da padroeira A Paróquia Santa Rita de Cássia da Vila Dirce apresentou a nova imagem da padroeira na missa votiva de 22 de setembro, que foi presidida por Pe. Bozano Gonçalves. A aquisição da nova imagem de Santa Rita de Cássia se deu com a colaboração dos devotos, os quais se esforçaram, ainda, para instalar novo oratório e novo

equipamento de som, contribuindo para a acolhida e formação dos fiéis. Em sua homilia, Pe. Bozano agradeceu aos colaboradores pelo comprometimento com as iniciativas da paróquia e exortou a todos para perseverarem na fidelidade a Deus pela intercessão de Rita de Cássia, “a santa das causas impossíveis.” Foto e texto: Rogério Roque

São Benedito é festejado na Vila Municipal A Comunidade São Benedito da Vila Municipal de Carapicuíba comemorou o dia do padroeiro, 5 de outubro, com procissão, bolo e santa missa, que foi presidida por Dom Ercílio Turco, bispo diocesano de Osasco, juntamente com Pe. Eduardo, pároco do local. Em sua homilia, Dom Ercílio exortou aos fiéis a seguirem o exemplo de São

Benedito, de modo a perseverar na fé para superar os preconceitos e as injustiças da sociedade, apoiados na Palavra de Deus. Os devotos de São Benedito compareceram em grande número para testemunhar a fé e buscar as graças de Deus pela intercessão do “Santo Cozinheiro”. Fonte: Rogério Roque

Carapicuíba festeja Nossa Senhora Aparecida Feriado nacional religioso foi marcado por demonstrações públicas de fé. Os devotos de Nossa Senhora Aparecida puderam comemorar o dia da Padroeira do Brasil em vários pontos da cidade, onde as comunidades cristãs puderam expressar carinho e devoção à Mãe de Deus. No centro, a comunidade da tradicional Igreja amarela, cuja data de fundação é de 1952, realizou adoração ao Santíssimo

9

Sacramento, testemunhos de graças, procissão, missa e queima de fogos para a alegria de centenas de fiéis, dos seminaristas Rodrigo e Felipe e do Pe. José Maria. Já na Aldeia Jesuítica, que comemorou 431 anos de fundação, houve a realização de missa e apresentações musicais para cerca de 1.500 pessoas, além da participação de Monsenhor Paulo Link e do prefeito Sérgio Ribeiro. Novembro 2011


REGIÃO COTIA E SÃO ROQUE

Festa da padroeira parou a cidade de Ibiúna

A cidade de Ibiúna comemorou no dia 15 de Setembro, feriado para o município, o dia de sua padroeira Nossa

Senhora das Dores. Para tal, uma rica programação foi preparada pela Paróquia Nossa Senhora das Dores, contando com o apoio da Prefeitura Municipal. Antecedendo o dia da festa, um novenário foi realizado com a participação de vários padres de nossa diocese, tendo uma presença grande de paroquianos de toda a cidade de Ibiúna e adjacências. Cerca de 2 mil pessoas também prestigiaram a procissão com a imagem de Nossa Senhora das Dores e em seguida a Missa Campal rezada pelo Bispo Dom Ercílio Turco no dia 15. Autoridades como o

prefeito Coiti Muramatsu (PSDB) e o secretário Paulinho da Saúde participaram das solenidades. A festa vem crescendo a cada ano e o dia da festa foi à clara ex­ pressão desse fato, com a presença de milhares de fiéis devotos que lá estiveram. Com o apoio da Prefeitura, alguns shows foram realizados, como a dupla Breno e Caio Cesar, Edson, Rick Solo, Fernando e Sorocaba e Exaltasamba. A rica programação, atraiu para a cidade aproximadamente 30 mil pessoas, que pararam o município com os festejos da Padroeira.

Nossa Senhora Aparecida é festejada em várias paróquias

Celebramos no dia 12 de outubro o dia de Nossa Senhora Aparecida, a Padroeira do Brasil. Sem dúvida alguma, no Brasil, não há devoção maior que à Mãe Aparecida.Em todo o país, sempre vemos grandes manifestações de fé e amor à Senhora Aparecida. Na cidade de São Roque não foi diferente. A Paróquia São Roque celebrou solenemente este dia com Missas às 07h30, 09h00 e 19h00. A Igreja Matriz estava muito bem enfeitada para bem celebrar a padroeira do Brasil. Também a

Comunidade do Guaçú II, cuja padroeira é Nossa Senhora Aparecida, em clima de muita oração, realizou os solenes festejos em honra à nossa Mãe. Ao meio dia, os sinos da Igreja Matriz badalaram em tom festivo e muitos católicos devotos de Nossa Senhora a saudaram com fogos de artifício. O bairro do Marmeleiro em Mairinque, cuja paróquia também é dedicada a Nossa Senhora Aparecida, teve a alegria de participar de um tempo maravilhosa da Igreja. Entre os dias 03 e 12 de outubro, vivenciou e celebrou a festa de Nossa Senhora Aparecida, cujo tema geral foi: “Senhora Aparecida, reflexo do coração materno de Deus”. No dia 12, celebrou-se com muita fé e entusiasmo, o dia de Nossa Padroeira. Dom Ercílio Turco, celebrou a santa missa, às 09h00min, dando início à manifestação da fé de um povo devoto

e cheio de gratidão. E às 17h00min deu-se a procissão com grande número de fiéis manifestando publicamente sua fé, firmando seus votos de amor à Mãe de Deus. E logo após a procissão, foi celebrada a Santa Missa, onde o pároco Pe. Max André em sua homilia, levou os fieis a renovarem sua esperança, a fé e o amor para com Deus, vivenciando no dia a dia o pedido de Maria: “faça tudo o que meu filho vos disse”.

Coroinhas da Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus e São Roque fazem retiro espiritual

Errata: Comunicamos que erramos na publicação do Retiro de Coroinhas ocorrido na paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus e São Roque, publicado por este veículo de comunicação no mês de Outubro, na p. 10. O retiro ocorreu na Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus e São Roque e não na Paróquia Santa Cruz como foi noticiado. Segue abaixo o texto correto.

10

No dia 14 de Agosto, os coroinhas da paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus e São Roque, do bairro da Ressaca em Ibiúna se reuniram para fazer o retiro espiritual na comunidade Santa Cruz, no bairro do Piratuba, cujo tema foi: “A importância da Eucaristia para os coroinhas” ministrado pelo seminarista Rafael Santana. Também neste mesmo retiro participaram alguns coroinhas da paróquia Santa Cruz, situado no Bairro do Piai. Os coroinhas passaram toda a manhã em oração e refletindo sobre o Sacrifício Eucarístico, sendo animados pela banda

mirim da paróquia. Às 11h uma Missa foi celebrada pelo Pe. Douglas (pároco da Santa Cruz) e concelebrada pelo Pe. Eduardo (pároco da Santa Teresinha), sendo que na missa seis crianças receberam o envio e passaram a fazer parte oficialmente da pastoral. Os pais presentes receberam uma ben­ ção especial e foram homenageados pela comunidade. Após o almoço, a assessora de pasto­ ral, Vera Novaes da paróquia Santa Te­ resinha, conduziu a recreação durante to­da à tarde, com brincadeiras e gincanas que animou os presentes. Novembro 2011


PASTORAL

“Ser jovem católico é bom demais!” Testemunho dos jovens que participaram da JMJ 2011 em Madri É com muito prazer e uma grande responsabilidade que recebemos o convite para representarmos a Diocese de Osasco na Delegação Oficial da CNBB na Jornada Mundial da Juventude 2011 em Madri, podia ser qualquer, mas não sabemos porque... Deus nos escolheu. Somos nós, Diego Pereira da Paróquia São Roque de Carapicuíba e Luis Antônio da Paróquia Nossa Senhora da Escada de Barueri. Graças ao empenho de nosso Bispo Dom Ercílio Turco e dos padres, a Diocese foi ainda representada por cerca de 60 jovens que vivenciaram os momentos junto ao Santo Padre. Depois de muita espera e ansiedade, estávamos nós dentro do avião, e aproximadamente 24 horas depois, dentro de um ginásio de esportes em Valência, onde seria nossa “casa” pelos próximos 6 dias... nossa e de mais 350 pessoas aproximadamente, brasileiros e austríacos. Os dias iam se passando, e as alegrias e bênçãos cresciam proporcionalmente com as dificuldades encontradas: falta de comida, falta de água, chuveiros gelados e nada de cama, além de um sol de 40 graus todos os dias.. tudo isso nos davam mais forças para aprender cada dia mais e para conviver com nossos irmãos de diferentes nacionalidades e realidades, uma verdadeira Civilização do Amor. No ultimo dia em Valencia, onde realizamos a pré-jornada, aconteceu provavelmente a demonstração mais linda de unidade de nossa igreja, um terço coletivo, realizado na praia, onde os 40 países que ali estavam se revezaram nas orações, e simultaneamente rezávamos cada um em sua língua natal... Simplesmente um momento único. A chegada em Madri foi turbulenta, encontramos resistência da população local e ateia, além de não termos sequer um chuveiro para tomar banho, mas isso era o de menos, afinal estávamos ali para demonstrar nossa Fé, evangelizar e sermos evangelizados e estarmos ao lado daquele é que o vigário de Cristo na terra. Eis que ele chega e nos encontra na praça de Cibelis e para nossa surpresa.. direciona algumas palavras exclusivas aos Brasileiros em Português. No dia seguinte realizou a via sacra juntamente com mais de 2 milhões de jovens católicos de todo o Mundo e mais uns 4 mil manifestantes anticristãos que tentaram, mas não conseguiram abalar nossa fé e nossa alegria em estarmos juntos de nosso papa. Quando chegamos no tão falado aeródromo de quatro vientos, encontramos um cenário de cinema, um deserto de tamanho aproximado a 48 Maracanãs, com pedras, espinhos, muita terra e um calor desértico. Ali ficaríamos pelas próximas 24 horas sem nenhuma possibilidade de sombra e água fresca. Quando a noite caiu, chegou com ela Benedictus XVI, nosso querido e amado papa Bento 16, e junto com ele uma manifestação da natureza que comoveu a todos os presentes. O calor se foi, o tempo fechou e os ventos assustavam a todos. A chuva começou e cada vez mais forte, fazia com que nossos gritos e manifestações de fé fossem ouvidos por toda Madri. O papa, numa demonstração de carinho e amor por seu povo fez questão de ficar e realizar a vigília junto conosco em plena chuva. Entre momentos de silêncio absoluto e alegria efusiva se decorreu a vigília, que ao ver o papa se retirando do presbitério, também viu a chuva e os ventos cessarem de maneira divina. Ao amanhecer, a tão esperada missa de encerramento da JMJ, onde o papa abençoou nossas cruzes e nos enviou como missionários para que voltássemos às nossas comunidades e fizéssemos missão no lugar que havíamos deixado. Além disso.. ao final da santa missa, nosso sumo pontífice fez o anúncio de que o Brasil e mais especificamente o Rio de Janeiro será sede da próxima JMJ, e não apenas os brasileiros, mas todo o povo do mundo inteiro comemorou esta escolha, como um presente ao maior país Católico do Mundo. Aqui estamos nós novamente, assumindo o envio dado pelo Papa Bento 16, e assumindo junto com toda a Diocese de Osasco a missão de trabalhar diariamente pela evangelização de nossa Juventude. Ser Jovem Católico é bom demais... A Paz e Bem... Fonte: Diego Pereira e Luis Antônio

11

Pergunte ao padre Como já ouvi seminarista chamando certos documentos de ultrapassados, gostaria de saber como deve­ mos interpretar os ensinamentos dos documentos de Concílios anteriores ao Vaticano II, principalmente quando há divergências entre grupos da Igreja, tais como RCC, os adeptos da Teologia da Libertação, os conservadores, etc. Responde: Pe. Henrique S. Silva – Pároco da Paróquia Santa Isabel de Osasco, vice-reitor do seminário São José e assessor da pastoral vocacional diocesana O Concílio Vaticano II foi um grande passo da nossa Igreja, um estímulo para muitos avanços através do sopro do Espírito Santo. As mudanças e transformações na Igreja tem um jeito próprio: não é alterar, modificar só para ser diferente. Deve ser levado em consideração a fidelidade as origens (Tradição da Igreja) e devida atenção aos sinais dos tempos.Tradição é toda a vida da Igreja: desde o que se realizou no passado e no que vamos dando continuidade em nosso tempo. Não é uma coisa morta que faz menção para algumas lembranças. A Tradição é dinâmica que consiste em acolher o patrimônio da fé da Igreja, vive-lo e passa-lo pelas novas gerações. Neste sentido, não se trata de ficarmos estagnados no passado rejeitando o novo, mas, estar fiel a própria vida da Igreja, alimentada nas origens guardando o conteúdo da fé e impulsionando a reflexão do “ser Igreja” progredir. Conforme o Magistério da Igreja, devemos acolher o patrimônio da nossa fé como fonte inspiradora para as “mudanças de época”, e redescobrir os valores presentes na continuidade do Vaticano II que proporcionará a vivência da fé em um mundo cada vez mais indiferente a Deus – nosso Salvador. Gostaria de encerrar com as palavras do Santo Padre o Papa Bento XVI: “Só quem vive meio no ontem sente a fé como opressão, como perigo. Só quem ainda vive pela metade no ontem, lhe deve disputar o futuro. Quem se livra do ontem e se acha exposto ao puro hoje descobre que o mundo precisa do santo. As suas noites escuras perguntam por Deus. E ele sabe que a fé tem futuro. O futuro do mistério, da fé, da oração, da liturgia verdadeira com a sua poesia que vem do eterno. A herança do Vaticano II ainda não despertou. Mas espera sua hora. E estou certo de que ela virá.” (Bento XVI, Dogma e Anúncio, Ed. Loyola. p.379) Faça sua pergunta ao padre: www.bio.diocese@yahoo.com.br

Novembro 2011


CALENDÁRIO PASTORAL NOVEMBRO

DEZEMBRO

Publicação do Boletim Informativo da Diocese de Osasco – Distribuição Gratuita – 11000 Exemplares Bispo Diocesano: Dom Ercílio Turco – Coordenação, Editoração e Revisão: Pe.Valdivino A. Gonçalves Colaboração: Irmã Leticia, Pe. Emerson Pedroso, Sem. Marcio José Pereira, Gil Ortiz, Cristiana Brito, Carol Gonzaga Revisão: Serginho Henrique – Editoração Eletrônica: Janio Luiz Malacarne Email: bio.diocese@yahoo.com.br – Cx. Postal: 56 – CEP: 06001-970 – Impressão: PAULUS

12

Novembro 2011

Bio Ano XXII No 187  

Leigos: "Discípulos e Missionários de Jesus Cristo, Luz do Mundo"

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you