Issuu on Google+

outubro 2011 | comuna | 1


comuna 20 Produção: Comunidade da Graça Sede Pastor Presidente: Carlos Alberto de Quadros Bezerra Pastor Responsável: Wagner Fernandes Jornalista Responsável: Fabiana Lima - MTB 58739 Coordenação e Revisão: Paulo Alexandre Sartori Redação: Elisabete Mazi Projeto Gráfico e Editoração: André Rinaldi Direção de arte: Diego Boaventura Assistente de arte: Flávia Lima Cunha Contato Publicitário: Gabriela Rosaneli Tiragem: 15.000 exemplares

Há um pensamento chinês que merece atenção: “Quem ouve esquece; quem lê aprende; quem faz sabe.” E em se tratando de educação, nosso país precisa arregaçar as mangas e fazer mais, precisa sair da teoria e praticar o que já sabe. A mídia sensacionalista só se interessa em noticiar os fracassos, o que muitas vezes nos impede de vislumbrar as conquistas e avanços. É verdade que há muitos problemas no campo da educação, mas também há muita gente fazendo coisas importantes e notáveis. Eleanor Lloyd Doan, notável escritora americana, afirmou que “A única coisa mais dispendiosa que a educação é a ignorância.” O objetivo desta edição é colocar luz neste tema central da vida: A EDUCAÇÃO.

Os anúncios contidos nessa edição são de única e exclusiva responsabilidade dos anunciantes, não tendo a Igreja Comunidade da Graça nenhuma responsabilidade sobre o conteúdo e veracidade dos mesmos.

Interessados em anúnciar na próxima edição: midia@comuna.com.br 11 3588 0575

Wagner Fernandes

Uma igreja família, vivendo o amor de Cristo, alcançando o próximo e formando discípulos Comunidade da Graça Sede Rua Eponina, 390 - V. Carrão - (11) 2090-1800 Para saber o endereço de outras igrejas acesse: www.comuna.com.br/endereco-das-igrejas


Ă­ndice

4 | comuna | outubro 2011


nossos horários - comunidade da graça DOMINGO

COMUNA E VOCÊ! “Parabéns pelo artigo UMA VIDA SAUDÁVEL COM BOA POSTURA de Camila Ventura na COMUNA de Agosto de 2011. Não sou membro da Comunidade da Graça, mas ganhei a revista quando visitei a CG de Itaquera. Gostei muito. Por ser de outro estado, a partir de agora vou acompanhar as próximas edições pelo site mesmo. Todos os artigos foram muito bem feitos.” Felipe Jassilom, Igreja Metodista de Venda das Pedras, Itaboraí/RJ “Antes de qualquer coisa, quero parabenizar este trabalho de grande valor. A revista COMUNA é um meio de comunicação poderoso que temos de utilizar para a realização do grande sonho de Deus de “ter uma família com muitos filhos semelhantes a JESUS”. Obrigado!” Jorge Dantas, Comunidade da Graça de Guarulhos, Itaquaquecetuba/SP

Gostou dos temas e assuntos da revista? Deseja fazer algum comentário? Tem sugestões? Escreva para nós. Queremos saber sua opinião! revista@comuna.com.br

09h00 – Culto de Celebração 19h00 – Culto de Celebração Durante os cultos de Celebração temos interpretação em linguagem de sinais (LIBRAS) para surdos 1o. Domingo do mês: Ceia do Senhor 2o. Domingo do mês: Projeto Neemias / Projeto Primícias

SEGUNDA-FEIRA

20h00 – Culto da Vitória Pastor Wagner Fernandes Tema: Minha família vai ficar de pé Como ter uma família forte.

QUARTA-FEIRA

15h00 – Tardes de Bênção Pastor Valmir Ventura Tema: Liberando o poder da Palavra de Deus 20h00 – Encontro de Adoração e Intercessão Pastor Ronaldo Bezerra Tema: Quartas Com Vida

2º E 4º SÁBADO

09h00 – Encontro da Melhor Idade Pastor Gilberto Dalmaso Comunhão, edificação e desafios. 20h00 – MAG / Marcando a Geração Pastor Wagner Fernandes Encontro para Jovens e Adolescentes.

CÉLULAS

Nossos células se reúnem nos lares. Temos grupos para adolescentes, jovens, mulheres e famílias, em várias regiões de São Paulo e em vários dias da semana.

CARLOS ALBERTO DE QUADROS BEZERRA Fundador e Presidente da Comunidade da Graça

Informe-se pelo telefone: (11) 2090-1817, durante o horário comercial, ou pelo email: ctl@cgbr.com.br


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

RODANDO IGREJAS CARLOS ALBERTO BEZERRA, PR. Foto: ShutterStock

Comuna - Cada dia surge uma

nova igreja que se diz evangélica no Brasil. Como o senhor explica isso e que cuidados as pessoas precisam ter? CAQB - Todo avanço genuíno do cristianismo em um país deve se traduzir em um movimento marcado por conduta ética, compaixão e defesa da justiça. Mas não é exatamente isso que estamos vendo em nosso país. O evangelho pregado aqui vem sendo barateado. Ser cristão não é ter um caminhão de bênçãos sempre à nossa porta. No capítulo 14 de Lucas, Jesus diz que se alguém quiser segui-Lo deve deixar pai, mãe, mulher, filhos, irmãos e até a sua 6 | comuna | outubro 2011

A REVISTA COMUNA ENTREVISTOU O PASTOR CARLOS ALBERTO DE QUADROS BEZERRA SOBRE UMA PRÁTICA QUE PODE TRAZER MAIS PREJUÍZO DO QUE BENEFÍCIOS: CRENTES QUE VIVEM RODANDO IGREJAS. ATÉ QUE PONTO ISSO AJUDA A FÉ DE UMA PESSOA?

própria vida, para ser seu discípulo. É óbvio que Jesus não está falando de abandono ou de famílias desfeitas, mas que o reino de Deus seja a prioridade em nossas vidas – e isso não é nada confortável aos ouvidos de muitos. Quando as mensagens dos púlpitos são voltadas ao ego das pessoas ou quando tem mais a ver com as coisas desse mundo do que com o imperativo de morrer para si mesmo, cuidado: você pode estar sendo enganado.

Comuna - O senhor é um dos líderes cristãos mais conhecidos no Brasil e faz parte da história da igreja. No início de seu ministério era assim? As pessoas viviam rodando igrejas?

CAQB - Mudar de igreja como se troca de roupa não é exatamente uma novidade. Jesus fez menção às sementes que caem sobre as pedras, comparando-as aos que ouvem a Palavra, a recebem com alegria, mas como não têm raiz, e na primeira crise abandonam a fé. Antes não tínhamos a mesma oferta de igrejas que temos hoje. Quando alguém freqüenta uma igreja e não gosta de algo, troca de denominação sem cerimônia. Ter mais ou menos igrejas, apenas aumenta as opções, mas o problema é o mesmo: a falta de raiz, de comprometimento com um evangelho vivido em comunidade. A fé cristã é uma experiência comunitária. Deus é “Pai Nosso” e não


igreja família

ponto de vista

capa

“Pai Meu”.

Comuna – O senhor acredita

que esta rotatividade de pessoas também se explique pela falta de clareza e propósito dos líderes, dos pastores principais? CAQB - Facilitar e baratear o evangelho para aumentar o total de membros nunca vai resultar em compromisso real do rebanho com Deus. Quantidade e qualidade, nesse caso, andam na contramão. A Comunidade da Graça é uma igreja marcada pela aliança mútua entre pastores e membros, com a visão que Deus nos deu, de uma igreja-família. Família implica em convivência, tolerância, paciência, edificação, comunhão, amor e relacionamentos profundos. E de família a gente não muda do dia para a noite.

Comuna – Esta ênfase forte em milagres e prosperidade financeira é bíblica? Faz parte do plano de Deus para as pessoas?

CAQB - Eu creio, sim, em um Deus que opera milagres e é galardoador daqueles que o buscam, um Deus para o qual nada é impossível e que tem prazer na prosperidade de seus filhos. Mas esta não é a essência do evangelho. Imagine o que aconteceria se o líder de uma igreja acostumada a ouvir apenas sobre vitória e sucesso resolvesse abrir seu sermão de domingo com os primeiros versículos do capítulo 14 do livro de Jó? “O homem, nascido da mulher, vive breve tempo e cheio de inquietação. Nasce como a flor e logo murcha; foge como a som-

apocalipse

saúde

aconteceu

bra, e não permanece”. Na certa, os fiéis, acostumados às mensagens de conquista, se sentiriam incomodados. Evangelho não é pessimismo. É boa notícia. É a melhor delas, na verdade. O plano de Deus para cada um de nós é que sejamos semelhantes a Ele e que façamos discípulos de todas as nações. Mas isso nada tem a ver com fazer do Senhor um empregado que cumpra os nossos caprichos.

Comuna – É comum hoje em

dia vermos famílias fragmentadas; ou seja, cada um freqüentando uma igreja. Deveria ser assim? Quais os prejuízos para a família brasileira? CAQB - Talvez um leitor mais crítico ache um exagero acreditar que uma família deva freqüentar a mesma igreja. Mas quando a igreja não é apenas um lugar que se visita uma vez por semana, em que se ouve algumas palavras bonitas ou um bom discurso, mas um lugar onde todos os membros com a mesma visão é, sim, importante. Não existe igreja sem que haja relacionamentos. O Reino de Deus é um Reino de relacionamentos. E nesse contexto, o modelo a ser perseguido é o do livro de Atos, capítulo 2 – viver em comunidade. O relato bíblico nos conta que os discípulos de Jesus estavam juntos e tinham tudo em comum. Eu diria que é impossível viver essa dimensão de relacionamentos e de vínculos espirituais estando cada um num lugar.

Comuna – Por que a grande

maioria das pessoas não consegue ser fiel a uma única igreja?

É antiquado pensar assim? CAQB - Penso que mudanças constantes de igreja tenham a ver com o egoísmo e a busca insaciável de interesses pessoais em nossos dias. Quando nenhuma das minhas vontades pode ser negada e eu preciso perseguir minha felicidade a qualquer custo, o mais rápido possível, é difícil tolerar alguém que não fale exatamente aquilo que se quer ouvir, ou ter que desenvolver relacionamentos em que presto contas, compartilho dificuldades, me disponho a servir.

Comuna – Tem igreja ruim e

igreja boa? O que o senhor classifica como uma igreja ruim e uma boa? CAQB - Não quero aqui criticar ou julgar ninguém. Vou falar sobre o “ideal” de igreja que me inspira e que tenho buscado ao longo desses mais de 40 anos de ministério. A igreja que me inspira não tem a ver com infra-estrutura, líderes de boa oratória ou campanhas de milagres, nem precisa estar na TV ou no rádio, nem mesmo gravar CD gospel. O que busco é uma igreja que seja uma comunidade onde a Graça de Deus se manifesta, onde as pessoas desenvolvem amizades espirituais, vínculos profundos, de amor, serviço e aliança mútua, que ama o perdido, que sai das quatro paredes e vai às ruas levar o evangelho aos aflitos, que luta por justiça social, que vai aos presídios, que acolhe os feridos, e que não abandona os princípios bíblicos. A Igreja de Jesus somos nós! Ela é uma família e não um clube. outubro 2011 | comuna | 7


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Foto: ShutterStock

SER PRESTATIVO JOHN C. MAXWELL

A 19A QUALIDADE DE UM LÍDER

“VOCÊ DEVE AMAR MAIS SEUS LIDERADOS DO QUE SUA POSIÇÃO.”

s

chwarzkopf fez o melhor que pôde. Quando um soldado era ferido, transportava-o em seu próprio helicóptero e conversava com os demais para elevar o moral. Em 28 de maio de 1970, um homem foi ferido por uma mina e Schwarzkopf voou até o local do acidente. Enquanto o helicóptero transportava o ferido, outro soldado pisou em uma mina, ferindo gravemente a perna. O homem se debatia no chão, gritando de dor. Foi quando todos perceberam que estavam bem no meio de um campo minado. Schwarzkopf acreditava que o homem ferido poderia sobreviver e recuperar a perna – mas somente se parasse de se 8 | comuna | outubro 2011

contorcer no chão. O general só poderia fazer uma coisa. Ele teria de caminhar até o soldado e imobilizá-lo. Schwarzkopf escreveu: comecei a caminhar pelo campo minado lentamente, passo a passo, à procura de saliências que denunciassem uma mina ou pequenos pinos apontados para cima. Meus joelhos tremiam tanto que ao dar um passo tinha que segurar e firmar a perna com as duas mãos antes de dar outro... parecia que se tinham passado mil anos antes que eu chegasse até o garoto. Schwarzkopf, um homem de aproximadamente 100 quilos, imobilizou então o ferido e o acalmou. Isso salvou a vida do soldado. Depois, com a ajuda

de uma equipe de especialistas, o general e os demais soldados saíram do campo minado. A qualidade que Schwarzkopf demonstrou poderia ser descrita como heroísmo, coragem ou até imprudência. Mas a melhor palavra que descreve sua ação é servir. Um soldado estava em dificuldade e o único modo de atuar como um líder eficiente era servir. Ser prestativo não é uma questão de posição ou capacidade. É uma questão de atitude. Assim como você pode perceber quando um atendente não deseja ajudar as pessoas, também consegue detectar facilmente se um líder tem um coração prestativo.


igreja família

ponto de vista

apocalipse

capa

UM LÍDER VERDADEIRAMENTE PRESTATIVO: 1. Coloca os outros acima dos

compromissos pessoais. Significa estar deliberadamente consciente das necessidades das pessoas, disponível para ajudá-las e disposto a encarar seus desejos mais importantes.

saúde

aconteceu

Você deseja se tornar um líder prestativo por causa dos privilégios e benefícios? Ou é motivado pelo desejo de ajudar os outros? Se sua atitude é de ser servido, em vez de servir, pode estar indo ao encontro dos problemas. Se isso é um problema em sua vida, observe estes conselhos: •

Pare de dominar as pessoas e comece a ouvi-las.

Pare de buscar vantagens pessoais e comece a se arriscar em benefício dos outros.

Pare de fazer as coisas sempre do seu jeito e comece a servir os outros.

Na verdade, aqueles que devem ser grandes precisam ser os mais humildes entre todos.

2. Possui a confiança para ser prestativo. Mostre-me alguém que pensa ser importante demais para servir, e lhe mostrarei alguém basicamente inseguro. A forma como tratamos os outros de fato reflete o que pensamos sobre nós mesmos.

3. Tem a iniciativa de servir. Você realmente pode ver o coração de alguém que toma a iniciativa de servir aos outros. Grandes líderes percebem a necessidade, aproveitam a oportunidade e servem sem esperar nada em troca.

4. Não se preocupa com a po-

sição. Cuidado para que o fato de ser líder não produza um sentimento maior do que sua obrigação de servir.

5. Serve por amor. O legítimo

ato de servir só pode ser estimulado pelo amor. O alcance de sua influência depende da profundidade de seu interesse pelos outros.

PARA MELHORAR SUA CAPACIDADE DE SERVIR: Realize pequenos atos. Comece pelas pessoas mais próximas. Mostre aos outros que você se importa com eles. Aprenda a andar devagar pela multidão. Quando estiver em alguma reunião, tenha como objetivo relacionar-se com as pessoas, circulando e conversando com elas. Concentre-se em cada pessoa que encontrar. Aprenda o nome dela, caso não saiba. Procure conhecer as necessidades, desejos e esperanças de cada uma. Mexa-se. Comece a servir motivado pela razão, e no final seu coração será envolvido. Inscreva-se em sua igreja, comunidade ou organização beneficente como voluntário por seis meses. Se sua atitude ainda não for satisfatória, faça-o novamente. Mantenha esse compromisso até que haja mudança em seu coração.

“NÃO SEI QUAL SERÁ O DESTINO DE VOCÊS, MAS SEI DE UMA COISA: AQUELES QUE ENTRE VOCÊS REALMENTE BUSCAREM E DESCOBRIREM COMO SERVIR SERÃO FELIZES.” ALBERT SCHWEITZER Se você deseja liderar no nível mais elevado, esteja disposto a servir no mais baixo. Texto extraído do livro As 21 indispensáveis qualidades de um líder, de John Maxwell - Adaptado por Wagner Fernandes À venda na livraria da Comunidade Sede - (11) 2090.1814

outubro 2011 | comuna | 9


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

Foto: Divulgação

especial

Imagem ilustrativa

GELADO DIVINO DA ZETE CREME BRANCO

CREME DE CHOCOLATE

1 lata de leite condensado

2 ½ xícaras de leite comum

1 lata de creme de leite gelado sem soro

02 colheres de sopa de chocolate em pó

1 pacote de bolacha maizena

02 colheres de sopa de açúcar

100 grs. de margarina em temperatura ambiente

01 colher de chá de amido de milho

3 gemas

MODO DE FAZER Cozinhe a lata de leite condensado na panela de pressão por apenas 15 minutos (para que não fique um doce de leite firme, mas ainda líquido). Na batedeira, bata a margarina e o açúcar até formar um creme homogêneo. Acrescente as gemas e bata mais um pouco. Acrescente por último o creme de leite. Reserve. 10 | comuna | outubro 2011

Junte todos os ingredientes do creme de chocolate e leve ao fogo até engrossar. Forre o fundo de uma travessa refratária com metade das bolachas picadas. Cubra com uma camada de creme branco e doce de leite. Repita a mesma sequência: bolachas, creme branco e doce de leite.

Cubra essa última camada de doce de leite com o creme de chocolate. Decore a gosto. Leve à geladeira para gelar. Receita da Elizete Aparecida dos Santos, a “Zete”como todos a chamam carinhosamente. Ela auxilia os pastores Carlos Alberto e Suely há mais de 40 anos. Seus quitutes são maravilhosos!


igreja famĂ­lia

ponto de vista

capa

apocalipse

saĂşde

aconteceu

outubro 2011 | comuna | 11


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

MARTINHO LUTERO PAULO ALEXANDRE SARTORI

UM HOMEM CUJA VISÃO MUDOU O MUNDO

n

ascido a 10 de novembro de 1483 na Alemanha, Martinho Lutero era filho de mineiros pobres. Estudou filosofia e direito, e aos 21 anos de idade entrou para a Ordem dos Agostinianos. Tornou-se monge, sendo ordenado sacerdote em 1507. Como professor de teologia, lecionou na cidade de Wittenberg. Lá, a partir de um estudo acurado da Bíblia, desencadeou um movimento que modificou profundamente o cenário eclesiástico ocidental. Lutero ensinava que a salvação não se dá pelas boas ações, mas é recebida apenas pela graça através da fé em Jesus. Sua teologia desafiou a autoridade papal na Igreja Católica Romana por ensinar que a Bíblia é a única fonte de conhecimento divinamente revelada, e opor-se ao sacerdotalismo por considerar todos os cristãos como um sacerdócio santo. Em 1517 publicou 95 teses em que preconizava reformas na Igreja Católica. Porém, não encontrou acolhida para suas propostas, sendo excomungado por isso. Entretanto, apoiado por vários religiosos e governantes, Lutero provocou uma 12 | comuna | outubro 2011

Foto: Divulgação

revolução, primeiro na Alemanha e depois em vários países da Europa, que deu origem à chamada Reforma Protestante. Graças a uma conjuntura política favorável, Martinho Lutero conseguiu ser porta-voz de anseios mudancistas existentes na sociedade da época. Casou-se com Catarina von Bora no ano de 1525, estabelecendo um modelo para a prática do casamento clerical. Lutero traduziu a Bíblia para o alemão, pois até então só era possível ler nas línguas originais ou latim. Isto permitiu que milhares de pessoas tivessem acesso ao texto sagrado. Editou ainda um pequeno catecismo para que os pais pudessem ensinar a seus filhos as bases da fé cristã. Como músico, compôs inúmeros hinos com melodias e ritmos populares inovando a liturgia cristã com o ato de cantar na igreja. Um destes hinos, Castelo Forte, é cantado até hoje.

DEVEMOS ORAR COMO SE TRABALHAR NÃO VALESSE NADA E TRABALHAR COMO SE ORAR FOSSE VÃO. MARTINHO LUTERO Pregador brilhante e estudioso exemplar da Bíblia, Lutero abordou temas que agitaram a sociedade alemã e européia. Reivindicou junto às autoridades a construção de escolas para rapazes e moças. Denunciou as injustiças sociais e cobrou mudanças na ordem econômica e social. Sua morte ocorreu em 1546 quando o movimento de ruptura com a Igreja Católica era irremediável. O Dia do Pastor é comemorado em 31 de outubro, pois foi neste dia, em 1517, que Lutero publicou suas 95 teses dando início à Reforma Protestante.


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Foto: ShutterStock

ORAÇÃO: UM MANDAMENTO DE DEUS SUELY BEZERRA, PRA.

s

e Deus é onipotente, onisciente e onipresente, por que devemos orar? Na Palavra de Deus encontramos respostas para todas estas perguntas. (1 Crônicas 16:11, Mateus 26:41, Efésios 6:18).

“Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamados amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai, vos tenho dado a conhecer.” João 15:15

Não foi sem razão que Deus nos deixou o mandamento de orar sem cessar (1 Tessalonicenses 5:17). A oração é um plano de Deus por meio do qual Ele pode se unir ao homem e cumprir o grande desejo do Seu coração, que é ter comunhão conosco.

Deus quer ter comunhão conosco, e isso é um anelo do Seu coração. Mas para se tornar realidade, precisamos estar conectados diariamente em oração. Se estivermos em oração o tempo todo, Deus terá liberdade de falar conosco a qualquer momento (Jó 33:13-16).

Também é na hora da oração que nos unimos ao Pai de forma que Ele realize algo grandioso na Terra. É nesse momento que Deus divide a Sua autoridade conosco a fim de nos treinar à autoridade espiritual de uma forma piedosa.A oração é Deus agindo através de nós.

A oração não é só um monólogo, em que uma pessoa fala, pede, confessa e não dá oportunidade para a outra se expressar. O fato é que Deus quer revelar os Seus segredos a todos que se dedicam a uma vida de oração constante.

Ele quer ter intimidade conosco. Ele quer ser nosso Amigo. Você quer ser amigo de Deus? Então precisa aprender a ouvi-lo. E isso é um processo que começa nos momentos que você reserva para orar, para ficar a sós com Deus (João 15:15; Mateu 6:6).

APLICAÇÃO PESSOAL Leia Mateus 7:7-8 Observe os verbos de ação do texto acima Reflita como tem sido o seu tempo de oração Decida agir por fé e Deus sempre terá prazer em responder às suas orações outubro 2011 | comuna | 13


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

A INTERVENÇÃO PSICOPEDAGÓGICA NA PARCERIA COM OS PROFESSORES ANA SILVIA BORGES FIGUEIRAL COÊLHO

h

istoricamente, a intervenção psicopedagogica vem ocorrendo na assistência às pessoas que apresentam dificuldades de aprendizagem, tanto no diagnóstico quanto na terapia. Diante do baixo desempenho acadêmico, alunos são encaminhados pelas escolas que freqüentam, com o objetivo de elucidar a causa de suas dificuldades. A questão fica, desde o princípio, centrada em quem aprende, ou melhor, em quem não aprende. Diferente de estar com dificuldade, o aluno manifesta dificuldades, revelando uma situação mais ampla, onde também se inscreve a escola, parceira que é no processo da aprendizagem. Portanto, analisar a dificuldade de aprender inclui, necessariamente, o projeto pedagógico escolar nas suas propostas de ensino. A ampliação desta leitura permite ao psicopedagogo abrir espaços para que se disponibilizem recursos que façam frente aos desafios da aprendizagem. No entanto, apesar do esforço que as escolas tradicionalmente despendem na solução dos problemas de aprendizagem, os resultados do estudo psicopedagógico têm servido, muitas vezes, para diferentes fins, sobretudo quando a escola não se dispõe a alterar o seu sistema de ensino e 14 | comuna | outubro 2011

acolher o aluno nas suas necessidades. Assim, os resultados do estudo correm o risco de serem compreendidos como a confirmação das incapacidades do aluno de fazer frente às exigências, acabando por referendar o processo de exclusão (...). O estudo psicopedagógico atinge plenamente seus objetivos quando, ampliando a compreensão sobre as características e necessidades de aprendizagem daquele aluno, abre espaço para que a escola viabilize recursos para atender as necessidades de aprendizagem. Desta forma, o fazer pedagógico se transforma, podendo se tornar uma ferramenta poderosa no projeto terapêutico.

No desdobramento desta nova condição do professor é que o estudo psicopedagógico pode adquirir um novo recorte, ampliando sua função, que não se finaliza mais no aluno. De objetivo, o aluno passa a ser um meio. De problema, ele se transforma numa oportunidade. Oportunidade de aprendizagem para o professor. Refletindo acerca dos resultados, numa ação conjunta com o psicopedagogo, o professor se sente desafiado a repensar a prática pedagógica, inscrevendo a possibilidade de novos procedimentos (...). Descentralizado do aluno e deslocado para os professores, o trabalho psicopedagógico amplia a possibi-

O PROFESSOR DEIXA DE SER APENAS O DIFUSOR DO CONHECIMENTO E VIVE O FAZER PEDAGÓGICO COMO O ESPAÇO PARA A ESTIMULAÇÃO DA APRENDIZAGEM. No entanto, mudanças vêm ocorrendo. A ótica que privilegia a divisão acadêmica, que categoriza os alunos, que valoriza o homogêneo, que considera o conteúdo como um fim, começa a sofrer um esvaziamento. Dar conta da diversidade, do heterogêneo, possibilita o aprender coletivo, a riqueza da troca, o aprender com o outro. O professor deixa de ser apenas o difusor do conhecimento e vive o fazer pedagógico como o espaço para a estimulação da aprendizagem.

lidade de intervenção junto a quem ensina. Pais, professores e especialistas unem esforços na busca de soluções. Ninguém fica esperando resultados. Ninguém é excluído da equipe de trabalho. Somamos nossos conhecimentos e experiências. Todos aprendemos!

Mais informações: educacaoonline.pro.br


igreja família

ponto de vista

capa

apocalipse

saúde

aconteceu

TESTEMUNHO Preocupada em oferecer um atendimento ampliado, que venha de encontro às reais necessidades dos menos favorecidos, a FCG tem trabalhado, através de profissionais voluntários, na área da psicopedagogia a fim de

amenizar as dificuldades de aprendizagem de crianças e adolescentes atendidos em nossa Policlínica. Veja o depoimento de quem atende e de quem é atendido.

“Ser voluntária da Fundação tem sido um motivo de prazer e realização por contribuir nesse trabalho como psicopedagoga. Sei que o pouco tempo que passo aqui tem ajudado alguém de forma direta ou indireta. Percebo o crescimento na forma de agir de algumas crianças que atendo, e em outras sei que contribuí para que elas tenham um futuro melhor e menos dificuldades em suas áreas de aprendizagem. Reconheço que ser voluntário é mais do que ocupar meu tempo, é sentir-me esperançosa ao ver crianças e adolescentes tornado-se mais responsáveis na aprendizagem e maduros emocionalmente. Gosto muito do que eu faço.”

“Quero dizer que os serviços prestados ao meu filho Luiz Carlos Jr. por esta conceituada entidade tem sido muito importante para a evolução dele. A psicopedagoga Silvana que o atende tem superado minhas expectativas. Atenção, respeito e competência são algumas virtudes que tenho observado. Agradeço a toda a equipe responsável pelos relevantes trabalhos da FCG.” Luiz Carlos de Mattos Pai do aluno Luiz Carlos Jr. atendido pela psicopedagoga Silvana

Silvana Lopes Psicopedagoga voluntária da FCG

AGENDA DO MÊS 10 - 14 10

SEMANA ESPECIAL DA CRIANÇA Nesta semana teremos uma programação mais que especial em todas as nossas creches. Participe enviando balas e pirulitos para a FCG. Sua contribuição é muito importante.

15 10

DIA DO PROFESSOR A FCG parabeniza a todos os educadores que desempenham seu trabalho com excelência, servindo como ao Senhor. O que seria de nossa sociedade sem os educadores?

COMO AJUDAR Para ajudar os projetos da FCG ou para obter outras informações acesse www.fcg.org.br outubro 2011 | comuna | 15


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Foto: ShutterStock

O PASTOR

RENATO ALCANTARA FOGAÇA, PR.

q

uando fui desafiado a escrever sobre o ofício de pastor, fiquei pensando em mostrar as referências bíblicas sobre esta figura que desde os primeiros registros das Escrituras vem cercada de sublimidade em seu significado, ora na acepção literal da palavra como aquele que cuida do rebanho de animais dedicando a ele um cuidado devotado e sacrificial, ou no sentido figurado para aqueles que decidiram dedicar sua existência ao cuidado de outras pessoas, o rebanho de Deus, consagrando sua vida a um chamado que é mais forte que qualquer projeto pessoal. As palavras de 1 Timóteo 3:1, onde lemos “Se alguém almeja o episcopado, excelente obra almeja”, nos falam da riqueza, da glória e da honra de continuar a obra de Jesus, o Pastor de nossas almas. 16 | comuna | outubro 2011

No entanto, decidi falar da minha própria experiência que começou há mais de 20 anos. Costumo dizer que sou advogado por formação, empresário de profissão e pastor por vocação e de coração. Quando me converti, no final da década de 80, imediatamente soube que meu destino estava traçado, destino este que não consistia apenas em ser uma testemunha do que Deus havia feito em minha vida, mas também de ser um instrumento dEle para cuidar de outras pessoas. Poucos meses após minha conversão, Deus começou a criar oportunidades para que estivesse pregando Sua Palavra. Logo veio o desafio de liderar um grupo familiar que se tornou tão grande que mais parecia uma congregação, até

que há 14 anos veio o desafio de liderar uma igreja, na época pequena e ferida, que pela bondade do Senhor tornou-se próspera e abençoada e hoje conta com mais de 1.300 membros. Também tivemos neste período a oportunidade de participar da implantação de outras duas igrejas, além de auxiliar diretamente outras sete igrejas e seus pastores, na Região Sul do Brasil. E embora minha vida pessoal não tenha sido anulada por este propósito, ela foi entremeada por ele. Cada projeto, cada atividade, cada área, convergiram ao objetivo de amar e servir as pessoas. Mesmo com uma vida profissional tão intensa na área da construção civil e com projetos em diversos estados do Brasil e também nos Estados


igreja família

ponto de vista

capa

Unidos, tenho colecionado diversas histórias e testemunhos de tantas pessoas ganhas, cuidadas e discipuladas para Jesus, sempre com a motivação de pastorear as ovelhas do Senhor. Eu e minha esposa, fiel companheira de ministério, passamos por muitas lutas, algumas delas muito severas, lutas estas que não só nos permitiram experimentar a graça e o poder de Deus, mas também sentir a necessidade e as dores das ovelhas, testemunhando ao rebanho a respeito de um Deus fiel e maravilhoso capaz de curar todas as nossas enfermidades e de suprir todas as nossas necessidades, e de um Deus misericordioso que à semelhança do que fez ao longo de toda a história, continua salvando o perdido, levantando o caído e fazendo daqueles que de um modo apaixonado se entregam a Ele, verdadeiros canais do seu amor, poder e glória. Posso dizer que ser Pastor do rebanho de Deus é a coisa mais importante, digna e honrosa que uma pessoa pode fazer. Nada se compara ao fato de saber que estamos juntando tesouros no céu e que cada pessoa que ganhamos e cuidamos para nosso Deus há de estar conosco na eternidade. Nenhuma outra experiência é tão gratificante. Finalizando ainda, quero falar da bênção de Deus sobre a minha vida e minha casa de ter um pastor que me permitiu através da sua própria vida ver toda a beleza deste ministério. Estou me referindo ao Pastor Carlos Alberto de Quadros Bezerra, homem que com sua vida sempre dignificou este título de Pastor.

apocalipse

saúde

aconteceu

HOMENAGEM AO DIA DO PASTOR Querido Pastor,

31 10

Tenho muito a agradecer por sua dedicação de vida em amor. A Bíblia diz que pastor é aquele que cuida do rebanho, que orienta o caminho em que ele deve andar, que deixa as noventa e nove ovelhas para ir atrás de uma que se perdeu. Como Jesus fez. Você é um pastor que não mede esforços para cumprir sua vocação com afinco, determinação e zelo; cuja satisfação está em servir àqueles que Deus lhe confiou. Quantas vezes você se privou de prazeres comuns, em prol das ovelhas? Quantas noites mal dormidas preocupado em fazer o melhor pelo rebanho? Quem lhe conhece sabe que seu sonho sempre foi ver a igreja crescendo, vivendo como uma família e fazendo discípulos. Sua vida é pautada por misericórdia, bondade e seriedade. É verdade que a dor da traição e a aparente e momentânea derrota por vezes aparece, mas aprendemos contigo que é especialmente nas lutas que a “alegria do Senhor” se torna a nossa força. Obrigada pelo exemplo de esperança em meio às dificuldades. Muito além do exercício de seu ofício, você sempre é um amigo presente, pai para os órfãos e consolo para os aflitos. Sempre se esmera no cumprimento do dever para dar bom exemplo. Sempre está pronto a dar uma palavra orientadora e transmitir santos ensinamentos. Sempre vibra com o progresso das pessoas e se emociona quando novos filhos chegam à família. Dou graças a Deus pela sua vida, pastor. E termino lembrando o conselho de Paulo a Timóteo: “Prega a palavra, insta, quer seja oportuno, quer não, corrige, repreende, exorta com toda a longanimidade e doutrina. (...) Sê sóbrio em todas as coisas, suporta as aflições, faze o trabalho de um evangelista, cumpre cabalmente o teu ministério.” 2 Timóteo 4.2 e 5 Patrícia Geiger, jornalista, presta esta homenagem ao pastor Carlos Alberto e a todos os demais pastores que o acompanham na Comunidade da Graça.

outubro 2011 | comuna | 17


visão

liderança

culinária

Deus agindo

eles andaram com Jesus

fundação CG

especial

A 2ª MAIOR OBRA DE JESUS WAGNER FERNANDES, PR.

Foto: ShutterStock

p

oucas vezes atentamos para o detalhe da fidelidade de Jesus no cumprimento da missão que recebera do Pai. A curta trajetória de Sua vida - criado numa família tradicionalmente judaica até os trinta anos de idade, mais os três anos de ministério - culminou com Sua meta desde o princípio: a cruz. Ele sabia e dizia para os discípulos que Seu destino seria a cruz.

cumprido. Ele é O Mártir dos mártires. E o que o diferencia de todos os demais, é que sempre soube que morreria na cruz. Da forma mais cruel e desumana. Tudo estava previamente combinado; prescrito. A cruz, primeira grande obra de Jesus, tem efeito na vida de todos os que crêem. Por tratar-se não apenas de uma cruz substitutiva (“Ele morreu em meu lugar”),

“POIS AS ESCRITURAS SAGRADAS DIZEM: ‘ELE FOI TRATADO COMO SE FOSSE UM CRIMINOSO.’ EU AFIRMO A VOCÊS QUE ISSO PRECISA ACONTECER COMIGO, POIS O QUE ESTÁ ESCRITO A MEU RESPEITO TEM DE ACONTECER.” LUCAS 22.37 “O FILHO DO HOMEM PRECISA SER ENTREGUE AOS PECADORES, PRECISA SER CRUCIFICADO E PRECISA RESSUSCITAR NO TERCEIRO DIA.” LUCAS 24.7 Na frase ESTÁ CONSUMADO, dita do alto da cruz, da agonia indescritível, Jesus deixou o maior exemplo de abnegação e de dever 18 | comuna | outubro 2011

mas inclusiva (“Eu morri juntamente com Ele na cruz”). Trata-se de um dos maiores mistérios do Novo Testamento (confira os

A MORTE NA CRUZ, É INQUESTIONAVELMENTE A PRIMEIRA MAIOR OBRA REALIZADA POR JESUS AQUI NA TERRA. MAS A SEGUNDA...

textos bíblicos de João 12.24, 3233; 2 Coríntios 5.14-15; Romanos 6.3-8; Gálatas 2.19-20; 6.14; Colossenses 2.20; 3.3). Dada a magnitude da primeira obra de Jesus, então qual seria a segunda maior obra? Perguntei isso a um grupo de amigos e obtive as mais variadas respostas. Aliás, o teste também vale para você. Em sua opinião, qual foi a segunda maior obra de Jesus? Para muitos, foi a ressurreição de Lázaro; para outros, a transformação da água em vinho; a ressurreição da filha de Jairo; a visão do cego Bartimeu; a transfiguração; a multiplicação dos pães etc. As obras de Jesus foram grandiosas e João, o apóstolo do amor, disse que não haveria livros suficientes no mundo para registrar todos os milagres que Jesus realizou (João 21.25). Mas sua segunda grande obra foi mais significativa do que os milagres aqui relacionados.


igreja família

ponto de vista

capa

O capítulo 17 de João mostra a oração de Jesus por si mesmo, pelos apóstolos e pelos futuros cristãos do mundo. Não é comum encontrar orações de Jesus nos escritos bíblicos; até porque, a maior parte do tempo Jesus orava só. Mas o registro de João quebra a regra e abre o momento íntimo de Jesus com Seu Pai. Por que o Espírito Santo inspirou João a registrar esta oração na íntegra? Exatamente por tratar-se de um momento estratégico. Jesus estava deixando este mundo e indo para o Pai. E o foco de sua oração não está na gratidão por tantos sinais e prodígios realizados (“Então, Jesus lhe disse: Se, porventura, não virdes sinais e prodígios, de modo nenhum crereis.” João 4.48). O assunto principal da oração está nos doze discípulos. Fica fácil identificar Jesus prestando contas ao Pai de seu trabalho de discipulado. Ele dedicara os três anos de seu ministério em preparar aqueles homens para sucedê-lo na missão de salvar as pessoas dos poderes do diabo. O discipulado dos doze foi a segunda maior obra de Jesus na terra. Ele ensinou seus discípulos a amarem a Deus e as pessoas. Mostrou pelo exemplo que a grandeza de uma pessoa está no temor a Deus, no serviço em amor, na humildade e na santidade. Ensinou seus discípulos a resistir ao diabo, a não se contaminar com o mundo, a guardar a Palavra e a vida de oração, e cumprir cabalmente a missão de pregar o evangelho e a fazer

apocalipse

saúde

aconteceu

novos discípulos (Mateus 28.1920). Os versos 6 e 7 de João 17 comprovam que sua grande missão, além da cruz, foi cuidar de sua ‘célula’: “Eu mostrei quem tu és para aqueles que tiraste do mundo e me deste. Eles eram teus, e tu os deste para mim. Eles têm obedecido à tua mensagem e agora sabem que tudo o que me tens dado vem de ti.” (NTLH) Considerando que a partida de Jesus estava próxima, o assunto predominante de sua oração foi PESSOAS; GENTE. Aqueles que já criam nEle e aqueles que ainda haveriam de crer. Que coisa maravilhosa! Que inspiração e que referência para todos aqueles que desejam engajar-se no cristianismo. Que legado espiritual. A alegria de Jesus estava no progresso de seus discípulos. Ele cria que aqueles homens dariam continuidade à missão. E foi exatamente isso que seus discípulos fizeram. Mas isso só foi possível por causa daquele estilo de vida em comunhão que Jesus desenvolveu com os doze. É impossível à mente humana reproduzir os benefícios daquela convivência íntima com Jesus durante os três anos de Seu ministério. João registrou ainda o tipo de compromisso que Jesus teve com aqueles homens: “Ora, antes da Festa da Páscoa, sabendo Jesus que era chegada a sua hora de passar deste mundo para o Pai, tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até ao fim.” João 13.1

A maior prova de que o discipulado de Jesus foi eficaz está no nível de entrega que seus discípulos tiveram pela causa. Tiago, o maior, decapitado em Jerusalém por ordem de Herodes Agripa. Tiago, o menor, morreu como mártir. Pedro, crucificado de cabeça para baixo em Roma por ordem de Nero. Tomé, morreu como mártir por ordem do rei de Malipua – cidade indiana de Madras. André, martirizado na Acaia, amarrado em forma de x numa cruz. Natanael, esfolado vivo e crucificado de cabeça para baixo. Filipe, morreu como mártir em Hierápolis. Judas Tadeu, morreu como mártir na Pérsia. Mateus, morreu como mártir na Etiópia. Matias, morreu como mártir na Etiópia. Paulo, decapitado em Roma por ordem de Nero. João, morte natural com cem anos em Éfeso. Agora é a nossa vez. A vez de todos os cristãos. Tomarmos a nossa cruz (Lucas 14.27) e fazermos discípulos (Provérbios 27.23; Mateus 28.19). Afinal de contas, Jesus garantiu que faríamos as mesmas obras que Ele fez (João 14.12); e outras maiores. outubro 2011 | comuna | 19


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Carlos Bezerra Jr. em debate com Shane Claiborne

USINA 21 COM QUASE 3 MIL JOVENS, ENCONTRO UNE CRIATIVIDADE E OUSADIA, REFORÇANDO APELO POR CRISTIANISMO PARA FORA DA IGREJA, MARCA REGISTRADA DO EVENTO

o

Evangelho é a antítese da sociedade atual”, afirmou Shane Claiborne, em suas primeiras palavras na abertura do 7º Usina 21 – Jovens, Ideias e Transformação Social. Com a frase, o ativista deu início à sua preleção na manhã de sábado, 24, na Universidade Mackenzie. E o público do evento que começou com rock pesado – com a banda Oficina G3, que fez pular os quase 3 mil jovens e adolescentes do auditório –, voltou-se à mensagem do ativista que militou ao lado de Madre Teresa de Calcutá e que está chamando a

20 | comuna | outubro 2011

atenção da mídia norte-americana. “Plural. E engajado. Assim defino esse encontro”, afirmou Carlos Bezerra Jr., deputado estadual e pastor da Comunidade da Graça, que é o idealizador do movimento.

pregação que foi na contramão do que alguns dos púlpitos mais populares do país têm defendido. “Esse evangelho da prosperidade fala do que se pode ‘tirar’ de Deus. Mas o cristianismo verdadeiro nos

ENCONTRO TRAZ PALESTRANTE INTERNACIONAL PELA PRIMEIRA VEZ. SHANE CLAIBORNE, QUE MILITOU COM MADRE TERESA, FEZ PRELEÇÃO PRINCIPAL E DEU O TOM DO EVENTO: “NOSSA FÉ PRECISA ESTAR ENGAJADA ÀS ‘CALCUTÁS’ DESTE MUNDO” Durante os cerca de 40 minutos da palestra de Shane, o que se viu foi um auditório imerso em uma

diz que, se quisermos encontrar nossas vidas, será preciso antes perdê-las”, pontificou o militante


igreja família

ponto de vista

capa

apocalipse

saúde

aconteceu

que atuou ao lado de Madre Teresa de Calcutá e em missões de paz no Iraque. “É uma satisfação ver a alegria com que um número cada vez maior de jovens e adolescentes se engajam na missão de expressar o amor de Jesus pelo próximo. O Usina é um espaço aberto, ideal para estimular essa ação. É um movimento para toda a juventude que está entusiasmada com o que tem experimentado de Deus e quer repartir isso de forma prática, servindo a seus semelhantes”, definiu Bezerra Jr. Após a preleção, os usineiros, como se autodenominam os participantes do evento, foram direto para as 20 oficinas de temas variados organizadas para a parte da manhã. A psicóloga e diretora geral da Fundação Comunidade da Graça, Patrícia Bezerra, foi uma das palestrantes, falando sobre como elaborar as próprias emoções. À tarde, logo após apresentação de música regional e exposição com produtos feitos com material reutilizável, outras 20 palestras aguardavam os jovens - Sobre assuntos como música, teatro, empreendedorismo, sustentabilidade etc. Carlos Bezerra Jr. falou sobre o caso Zara e o combate ao trabalho escravo em SP. Os pastores da Comunidade da Graça Wagner Fernandes e Fernando Diniz também participaram do encontro. Propostas feitas pelos usineiros ao final de cada oficina foram reunidas para a Conferência Nacional de Juventude, que será realizada em dezembro. O documento representará os anseios da juventude evangélica paulista no fórum. Logo depois, no encerramento da edição, a banda Palavrantiga, de sonoridade grunge, embalou os usineiros. “Vai onde há a dor, e cura; vai onde não há amor, e ama; vai onde há a dor, e alegra; vai onde não há esperança”, cantaram.

Shane Claiborne na preleção de abertura do 7º Usina 21

A psicóloga e diretora geral da Fundação Comunidade da Graça, Patrícia Bezerra, em sua palestra sobre saúde emocional

outubro 2011 | comuna | 21


Foto: ShutterStock

22 | comuna | outubro 2011


capa

“Os sábios e stão sempre aprendendo, sua sede de conhecimento é insaciável” Provérbios 18 .15

outubro 2011 | comuna | 23


educação das próximas gerações é um dos principais desafios da sociedade contemporânea, colocando pais e responsáveis em um dilema: com tantas opções e canais de conhecimento e informação, como educar melhor nossos filhos? A resposta não possui fórmulas mágicas. A criança, desde o seu nascimento, deve ser inserida em um ambiente familiar saudável, acima de qualquer outro requisito. Portanto, os pilares da educação devem estar na estrutura familiar. Quando se fala em educação muitas pessoas atribuem à escola a função exclusiva de educar. De fato, educar é obrigação da escola, mas de uma forma mais restrita. A escola deve ensinar os alunos a ler, a escrever, fazer contas e adquirir uma cultura geral. Mas cabe aos pais educar seu filho a viver em sociedade de maneira ética. Muitos pais costumam trocar seus filhos de escola justamente por confundir o papel que esta desempenha na vida de um aluno. A educação do berço não é tarefa da escola, e sim dos pais que colocaram o filho no mundo. 24 | comuna | outubro 2011

O papel da escola na educação é de auxílio, ela não pode tomar para si toda a responsabilidade do desenvolvimento mental e emocional saudável da criança. Os graus de responsabilidade são bem diferentes: quem tem filhos, educa para a vida; quem tem alunos, educa para o conhecimento intelectual. Muitos pais acreditam que apenas mandar os filhos para a escola seja suficiente. Eles deixam os filhos em frente à escola, pagam a mensalidade, mas não sabem como é o dia-a-dia deles lá dentro. Não pode ser assim!

grande por incutir na criança seus valores, crenças e ideais. E esses aspectos são passados de geração para geração pela prática do dia-a-dia, normalmente sem uma reflexão a esse respeito. Por exemplo, às vezes a mãe faz uma crítica à criança do tipo: “você é igual ao seu pai”, “é desligado como seu irmão”. Nesse momento a mãe deixa de reconhecer a individualidade do filho que, inconscientemente, passa a se identificar com esse pai ou irmão, já que parece não ter opção de construir sua própria identidade.

Se cada um, pais e escolas, desempenhar seu papel de maneira correta, com certeza será bem mais fácil indicar e gerenciar o futuro. Pai, mãe e até os irmãos podem e devem interferir diretamente na vida escolar da criança. Saber a hora de cobrar tarefas e notas ou apoiar nas dificuldades não é tarefa fácil. Quando se trabalha com famílias, é fácil observar que elas apresentam dificuldades em situações cotidianas, principalmente na tentativa de conciliar jornada de trabalho, tarefas domésticas, educação dos filhos e lazer. É comum os pais culparem o ambiente escolar quando a criança não vai bem nos estudos. Mas é preciso refletir sobre o outro lado da moeda: a escola não é a única responsável pelo baixo rendimento. A família tem um peso muito

Outra grande necessidade dos pais é saber como o filho está emocionalmente. Muitas vezes, a família só cobra e impõe, quando deveria ajudar e estimular. Os pais precisam descobrir as CAUSAS do baixo rendimento escolar, descartando qualquer questão orgânica ou transtorno emocional. Dependendo da situação, eles devem procurar um profissional competente para uma avaliação mais especifica. O prejuízo no rendimento escolar pode ser resultado de problemas de aprendizagem, distúrbio do déficit de atenção (DDA), distúrbio do déficit de atenção e hiperatividade (DDAH) e/ou conflitos emocionais, entre outros.


Algumas dicas para prevenir o mau desempenho escolar Não tente ensinar ao seu filho aquilo que você mesmo não pratica: quer ensinar disciplina e ordem? Seja disciplinado e organizado! Autoestima saudável é a chave do sucesso. Seja o líder de torcida do seu filho: comemore as vitórias e ajude-o a superar suas perdas. Estabeleça e MANTENHA uma estrutura diária: por exemplo, deixe-o relaxar cerca de meia hora quando chegar da escola, em seguida, diga-lhe que é hora de estudar. Nada de TV, vídeo game, Internet etc., antes de realizar as tarefas ou estudar. Evite fazer os trabalhos escolares de seu filho, faça junto com ele! Do contrário, estará demonstrando que o considera sem maturidade ou inteligência suficientes, afetando sua autoconfiança. Abandono total também faz mal. Dê atenção ao desempenho escolar de seu filho. Ele procura atrair a atenção do pai ou da mãe e espera reconhecimento e valorização e não um mero “não fez mais que sua obrigação”. Não aja como quem não quer que o filho cresça, superprotegendo-o o tempo todo. Ele se sentirá mal e ainda mais

dependente quando se vir sem recursos para agir com espontaneidade e autonomia. Consulte profissionais ANTES de atribuir distúrbios de aprendizado a problemas neurológicos ou fisiológicos. Eles representam porcentagem pequena dentre as causas. Evite fazer comparações com a vida escolar do pai, da mãe ou de um irmão, seja para usá-los como bons ou maus exemplos. Se a criança ou o adolescente foi reprovado, evite ficar repetindo o tempo todo frases como “não vá levar paulada de novo” ou “este ano vai ser bem difícil”. Pense que este é um novo ano, fique atento e ajude no que for preciso. Supervisione diretamente os afazeres do filho até os 12 ou 13 anos de idade. Para os mais velhos, dê pelo menos uma conferida se as tarefas foram adequadamente realizadas. Nunca deixe de falar sobre a importância da leitura, afinal de contas o hábito de ler deveria ser espontâneo, mas precisa e deve ser cultivado! E lembre-se que, se realmente deseja que ele se torne um leitor, deixe que ele o veja lendo. Reserve um tempo maior com seu filho, mesmo que ele nem

queira falar muito sobre o assunto, para perguntar como estão os relacionamentos com os amigos, e se ele está entendendo toda a matéria. Se possível, ajude-o e tome uma atitude para melhorar o seu desenvolvimento. Envolva-se com os projetos da escola e mantenha relação de parceria com os professores; uma vez que a escola é o local onde as crianças passam um bom tempo de suas vidas. Converse com o seu esposo(a), e se programem para estarem em todas as reuniões, eventos e conselhos! Por último, mas acredito que o mais importante, ensine seu filho a entregar TUDO nas mãos de Deus (depois de ter estudado, é claro!). Não perca a oportunidade de imprimir em seu filho a certeza que Deus é quem detém todo o entendimento e todo conselho: “... Ele quem dá sabedoria aos sábios e inteligência aos que estudam.” (Daniel 2.2) São as pequenas coisas que têm um grande efeito. A maioria destas orientações tem um custo, mas podem ser realizadas com algumas alterações no ritmo de sua rotina diária. Lembre-se: Tudo que realmente vale a pena conquistar tem um preço!

Marta Cristina L. Ferreira | Psicóloga Clínica | CRP 06 / 95612 outubro 2011 | comuna | 25


Amor ao estudo e empenho dos professores independe de condição social O trabalho em conjunto entre alunos interessados em aprender e professores apaixonados pelo que fazem pode trazer grandes resultados. E esse comprometimento independe de condições econômicas. Uma amostra disso é o exemplo de duas escolas públicas da pequena cidade de Cocal dos Alves, no interior do Piauí, um município com pouco mais de cinco mil habitantes, que tem na agricultura a principal atividade econômica. Possui 20 escolas, a maioria do ensino fundamental, e uma característica: é berço de campeões em competições de conhecimento.

de dois professores”, afirmou o presidente da Olimpíada e diretor do Impa (Instituto de Matemática Pura e Aplicada), Cesar Camacho.

o prêmio de Homem do Ano, promovido através de uma votação pela Internet, superando figuras conhecidas da TV e do esporte.

O provável segredo está na existência de um grupo de estudo de matemática que promove reuniões duas vezes por semana com professores de matemática locais, Antônio Cardoso Amaral e Raimundo Brito.

“Isso acontece porque existe um grupo de professores que compartilham dos mesmos ideais e acreditam na causa da educação, e entendem que esta é a única porta para o bem estar em todos os sentidos”, conclui o professor.

Algumas crianças, na maioria filhos de lavradores analfabetos, superaram milhares de competidores em todo o território nacional e venceram com destaque competições como a Olimpíada Brasileira de Matemática, a Olimpíada Brasileira de Foguetes em Minas Gerais, e até programas de TV. O vencedor da última edição do “Soletrando”, quadro do programa “Caldeirão do Huck”, também saiu da mesma cidade.

obrigação”, explica Sandoel de Brito, 16 anos, campeão

Como se explica a chance de sucesso de uma cidade pequena? “Isso se deve à dedicação

O trabalho do professor Antônio foi reconhecido a nível nacional. Tanto que ganhou

26 | comuna | outubro 2011

“A nossa educação é diferenciada porque os professores conseguiram conquistar a nossa confiança de tal forma que começamos a estudar porque gostamos, e não por da Olimpíada Nacional de Matemática. “A nossa educação é diferenciada porque os professores conseguiram conquistar a nossa confiança de tal forma que começamos a estudar porque gostamos, e não por obrigação”, explica Sandoel de Brito, 16 anos, campeão da Olimpíada Nacional de Matemática.


Educação por Princípios Entendemos educação em seu sentido amplo como processo de transmitir à próxima geração conhecimento e valores que a capacitem a uma participação construtiva na sociedade. Educar uma criança é trabalhar em um projeto de vida, o que compete primordialmente aos pais, como responsáveis diretos pelos resultados. Educação por Princípios é um método cristão histórico que faz das verdades da Bíblia a base de cada assunto no currículo escolar, desenvolvendo o raciocínio a partir dos fundamentos bíblicos. Esta abordagem educacional tem demonstrado resultados no aprimoramento acadêmico e do caráter dos educandos como cidadãos. O sistema educacional baseado na Educação por Princípios integraliza filosofia (o porquê), currículo (o quê) e metodologia (o como) cristã:

Filosofia Centrada na moral cristã, tendo a Cristo como fundamento e modelo. Aponta para quem ou o quê está governando ou direcionando a situação, ensinando a pensar do interno para o externo. Opõe-se à visão humanista, relativista, que distorce o sentido do conhecimento ao fundamentá-lo no homem, sem compromisso moral.

Currículo Define um contexto de aprendizagem consistente. É comunicado como uma experiência viva do professor para o aluno, através de seu exemplo e domínio da matéria. Opõe-se à apresentação fragmentada e meramente informativa das matérias, que não promove no aluno uma visão integrada e responsável.

Principais diferenciais: O processo de ensino e aprendizagem envolve: pesquisa, raciocínio, relacionamento, registro/aplicação; Caderno de Anotações (fichário) como instrumento para registro e domínio da aprendizagem pessoal; Princípios de caráter cristão permeiam todo o processo de ensino e aprendizagem; Perspectiva providencial da História; Participação integrada da família.

Metodologia Desenvolve o raciocínio criativo, constrói o conhecimento através da pesquisa, fundamenta o aprendizado na aplicação de princípios bíblicos e enfatiza a aplicabilidade do conhecimento. O ensino é visto como um processo individual, adequado à necessidade de cada criança. É nosso dever como cristãos oferecer a esta geração e às próximas, uma educação de qualidade, fundamentada em princípios bíblicos, preparando-os para cumprir o propósito de Deus e exercer responsavelmente suas vocações na sociedade.

Alessandra B. de Q. Bezerra Caldas | Diretora do Colégio da Comunidade outubro 2011 | comuna | 27


o Brasil, a educação básica compreende a educação infantil, o ensino fundamental e o ensino médio, e tem duração ideal de dezoito anos. É durante este período de vida escolar que uma pessoa adquire conhecimentos mínimos necessários para uma cidadania completa e uma consciência sobre o futuro profissional.

O Brasil está numa encruzilhada. Fomos classificados nas últimas posições do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), com problemas crônicos de ingresso tardio na escola, repetência, professores desmotivados, mal remunerados e mal preparados, infraestrutura precária e famílias distantes do processo de ensino.

Por outro lado, somos uma das maiores economias do mundo, com fortes índices de crescimento e de redução da desigualdade social. Mas só manteremos e ampliaremos as conquistas dos últimos anos com grandes investimentos em educação. O Brasil precisa encarar seus problemas educacionais, como:

Atraso escolar - repetência Ensino Fundamental

Ensino Médio

23% 34%

Conclusão Jovens de 16 anos que concluíram o ensino fundamental

Jovens de 19 anos que concluíram o ensino médio

28 | comuna | outubro 2011

63,4% 50,2%


9,7%

da população com 15 anos ou mais - quase 14 milhões de brasileiros - ainda são analfabetos; não sabem ler nem escrever

Um em cada cinco brasileiros é analfabeto funcional - quem só sabe escrever o próprio nome, lê e escreve frases simples e faz cálculos básicos.

Somente 13 escolas públicas aparecem na lista das cem melhores instituições de ensino no Exame Nacional do Ensino Médio - Enem 2010

Não é de se estranhar que Amanda Gurgel, que leciona Português na rede pública do Rio Grande do Norte, tenha virado celebridade na Internet. Ela resumiu sua situação em três dígitos (9, 3 e 0), seu salário e o de milhares de profissionais como ela: R$ 930 – o que obriga a trabalhar até 60 horas semanais, numa rotina de empréstimos, bicos, muito cansaço e desestímulo. Todos os países mais desenvolvidos do mundo valorizam e investem alto na educação. O Brasil precisa trilhar este mesmo caminho. Isso dependerá da consciência e do esforço de todos.

Para assitir ao vídeo da professora Amanda Gurgel acesse: www.comuna.com.br/rev20-educacao

outubro 2011 | comuna | 29


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Foto: ShutterStock

A VIDA NO MILÊNIO PARTE 1 CARLOS ALBERTO ANTUNES, PR.

a

Palavra de Deus nos declara que, logo após a chegada de Cristo, com todos os salvos aqui na terra, aniquilando os exércitos do governo do anticristo, será dado início ao Milênio: “Vi descer do céu um anjo que trazia na mão a chave do abismo e uma grande corrente. Ele prendeu o dragão, a antiga serpente, que é o diabo, Satanás, e o acorrentou por mil anos; lançou-o no abismo, fechou-o e pôs um selo sobre ele, para assim impedi-lo de enganar as nações até que terminassem os mil anos. Depois disso, é necessário que ele seja solto por um pouco de tempo.” Apocalipse 20:1-3 O Milênio será um período de tempo de 1.000 anos, quando o Senhor Jesus Cristo estará fisicamente reinando em Jerusalém, sobre todas as nações. Em todo este tempo Satanás estará aprisionado no abismo. 30 | comuna | outubro 2011

“Naquele dia os seus pés estarão sobre o monte das Oliveiras, a leste de Jerusalém (...). O Senhor será rei de toda a terra. Naquele dia haverá um só Senhor e o seu nome será o único nome.” Zacarias 14:4 e 9 Jesus regerá as nações com vara de ferro, implantando o seu governo de justiça, paz e alegria em todas as nações. E nós, os santos, seremos seus auxiliares e instrumentos através dos quais suas ordenanças serão aplicadas em todas as cidades da terra. “Ela deu à luz um filho, um homem, que governará todas as nações com cetro de ferro. Seu filho foi arrebatado para junto de Deus e de seu trono.” Apocalipse 12:5 “Àquele que vencer e fizer a minha vontade até o fim darei autoridade sobre as nações.” Apocalipse 2:26

O Milênio terá características bem diferentes do nosso atual sistema de vida em quase todos os sentidos. Não haverá mais guerras, violência, criminalidade, drogas, prostituição, corrupção e qualquer manifestação do mal; não haverá mais terremotos, tsunamis ou quaisquer outros desastres naturais, pois finalmente a natureza e toda a criação estarão livres da escravidão que a sujeitou, por causa do pecado de Adão. Até mesmo os animais selvagens se tornarão mansos e pacíficos. “Ele julgará entre as nações e resolverá contendas de muitos povos. Eles farão de suas espadas arados, e de suas lanças foices. Uma nação não mais pegará em armas para atacar outra nação, elas jamais tornarão a preparar-se para a guerra.” Isaías 2:4


igreja família

ponto de vista

capa

apocalipse

saúde

aconteceu

“A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados. Pois ela foi submetida à futilidade, não pela sua própria escolha, mas por causa da vontade daquele que a sujeitou, na esperança de que a própria natureza criada será libertada da escravidão da decadência em que se encontra para a gloriosa liberdade dos filhos de Deus.” Romanos 8:19-21

viverem num ambiente totalmente favorável para uma vida humana longa, saudável e próspera.

“O lobo viverá com o cordeiro, o leopardo se deitará com o bode, o bezerro, o leão e o novilho gordo pastarão juntos; e uma criança os guiará. A vaca se alimentará com o urso, seus filhotes se deitarão juntos, e o leão comerá palha como o boi. A criancinha brincará perto do esconderijo da cobra, a criança colocará a mão no ninho da víbora. Ninguém fará nenhum mal, nem destruirá coisa alguma em todo o meu santo monte, pois a terra se encherá do conhecimento do Senhor como as águas cobrem o mar.” Isaías 11:6-9

Nós, os santos, teremos benefícios muito especiais, pois já estaremos com um corpo glorificado e imortal, que não sofrerá mais nenhuma limitação de tempo, de locomoção ou de barreiras físicas: como Jesus depois da ressurreição, que se transportava velozmente de uma localidade para outra e penetrava nos ambientes fechados atravessando as próprias paredes (Lucas 24:30-43).

Os ímpios que sobreviverem a todo o juízo de Deus derramado sobre a humanidade nos sete anos da grande tribulação, participarão do Milênio, levando uma vida normal, quando a sua natureza perversa estará extremamente reprimida, pela presença do Senhor e de nós, seus santos, e também pela ausência de Satanás e suas hostes malignas.

“Nunca mais haverá nela uma criança que viva poucos dias, e um idoso que não complete os seus anos de idade; quem morrer aos cem anos ainda será jovem, e quem não chegar aos cem será maldito.” Isaías 65:20

Com o nosso corpo glorificado, todos verão a diferença entre os salvos e os ímpios; serão características na aparência visíveis a olho nu; quem sabe teremos até um brilho diferenciado como aquele que Jesus exibiu no alto do monte da transfiguração. “A nossa cidadania, porém, está nos céus, de onde esperamos ansiosamente um Salvador, o Senhor Jesus Cristo. Pelo poder que o capacita a colocar todas as coisas debaixo do seu domínio, ele transformará os nossos corpos humilhados, para

OS ÍMPIOS DURANTE O MILÊNIO DESFRUTARÃO DE TODOS OS BENEFÍCIOS DE VIVEREM NUM AMBIENTE TOTALMENTE FAVORÁVEL PARA UMA VIDA HUMANA LONGA, SAUDÁVEL E PRÓSPERA. Os ímpios durante o milênio desfrutarão de todos os benefícios de

serem semelhantes ao seu corpo glorioso.” Filipenses 3:20-21 outubro 2011 | comuna | 31


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Foto: ShutterStock

TDAH: TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO COM HIPERATIVIDADE DENISE A. R. QUIRINO, PSICOLOGA - CRP 06/33171-5

O QUE É TDAH Transtorno do Défict de Atenção com Hiperatividade; um transtorno neuropsicológico de provável origem genética. Atinge de 3 a 5% da população em idade escolar, e inicia antes dos sete anos, geralmente em torno dos quatro, em criança com QI normal e cheia de energia.

Mais informações: consultorio.drv@gmail.com

32 | comuna | outubro 2011

PRINCIPAIS SINTOMAS DO TDAH •

Desatenção;

Dificuldade em organizar tarefas e atividades;

Dificuldade em prestar atenção a detalhes ou errar por descuido em atividades escolares;

Evita, ou reluta, em envolver-se em tarefas que exijam esforço mental constante;

Dificuldade em manter a atenção em tarefas ou atividades lúdicas;

Perde coisas necessárias para tarefas ou atividades;

Parece não escutar quando lhe dirigem a palavra;

Se distrai facilmente por estímulos alheios à tarefa;

Não segue instruções e não termina tarefas escolares ou domésticas;

Apresenta esquecientos em atividades diárias.


igreja família

ponto de vista

capa

apocalipse

saúde

aconteceu

TIPOS DE TDAH

DIAGNÓSTICO DO TDAH

TDAH com predomínio de sintomas de desatenção; elevada taxa de prejuízo acadêmico.

TDAH com predomínio de sintomas de hiperatividade/ impulsividade; altas taxas de rejeição e de impopularidade frente aos colegas.

É importante considerar a duração dos sintomas e a frequência e intensidade dos mesmos.

Considerar o grau de prejuízo dos sintomas.

A avaliação diagnóstica deve envolver os pais, a criança e a escola (professores).

TDAH combinado; elevada taxa de prejuízo acadêmico; maior presença de sintomas de conduta, de oposição e desafio.

Pelo menos 6 dos sintomas de desatenção e/ou hiperatividade devem estar presentes.

TRAÇOS DE IMPULSIVIDADE •

Frequentemente dar respostas precipitadas antes das perguntas terem sido concluídas;

Apresentar constante dificuldade em esperar sua vez;

Frequentemente interromper ou se meter em assuntos de outros.

TRAÇOS DE HIPERATIVIDADE •

Agitar as mãos, os pés ou se mexer na cadeira;

Abandonar a cadeira em sala de aula ou em outras situações nas quais se espera que permaneça sentado;

Correr ou escalar em demasia em situações nas quais isto é inapropriado;

Dificuldade em brincar ou envolver-se silenciosamente em atividades de lazer;

Estar frequentemente “a mil” ou muitas vezes agir como se estivesse “a todo vapor”;

Falar em demasia.

TDAH NA VIDA ADULTA A primeira pergunta é: existe, afinal, TDAH em adultos? Existe SIM. Até algum tempo atrás era comum dizer-se que o TDAH “desaparecia” ao final da adolescência. Era até mesmo comum que os médicos tranquilizassem os pais dizendo que tudo aquilo “iria passar”, mais cedo ou mais tarde. Puro engano. Sabe-se, hoje, que o TDAH persiste na maioria dos casos, adentrando a vida adulta e causando muitos problemas.

TRATAMENTO É muito importante, pois as crianças com TDHA, além de um desempenho escolar insatisfatório, podem apresentar baixa auto-estima, depressão ou atitudes agressivas. O tratamento é feito, geralmente, com medicamentos e acompanhamento psicopedagógico e psicológico. outubro 2011 | comuna | 33


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Foto: Divulgação

MULHERES INTERCESSORAS

n

o dia 10 de setembro foi realizado o 14º Congresso das Mulheres Intercessoras no Espaço Philips em Guarulhos/SP. Estima-se que mais de 5.000 mulheres participaram desse encontro, que é anual e tem como objetivo transformar o mundo e as pessoas através da oração e da intercessão. O tema deste ano foi o texto de Isaías 58.8 “... e a tua cura brotará sem demora.” A pra. Suely Bezerra, líder do ministério Mulheres Intercessoras, compartilhou uma palavra relacionada à cura da mente, alma, corpo e coração. Tivemos ainda momentos específicos de intercessão pela nação brasileira, pelas nossas crianças, jovens e adolescentes, por mulheres geradoras de vidas e contra o trabalho escravo.

34 | comuna | outubro 2011

Na ocasião, a pra. Suely Bezerra autografou mais de 600 exemplares de seu novo livro devocional “Segredos de Deus para mulheres” (lançado no evento). Houve também uma apresentação do ministério de dança das mulheres da Comunidade Sede, São Bernardo do Campo e Rolândia. O ponto mais marcante do Congresso ficou por conta dos testemunhos de mulheres que foram curadas, pelo Senhor, de doenças graves. E cremos que muitos outros testemunhos serão ouvidos em breve, como resultado da oração e intercessão destas mulheres. Algumas delas já comentaram sobre o que sentiram durante e depois do encontro. Acompanhe:


igreja família

ponto de vista

capa

apocalipse

“O Congresso de Mulheres Intercessoras foi muito especial: um momento de renovo, cura, fé e inspiração. As mulheres de Macaé/RJ não mediram esforços para estarem neste encontro.” Cibele Bella Matarezi Martins

saúde

aconteceu “Tremendo e libertador!” Renata Pinto

O Congresso de Mulheres Intercessoras me marcou.” Kátia Soares

“Creio que muitas mulheres foram curadas na alma, corpo e espírito. Foi um dia de renovo.” Regiane Martins de Assis

“Quando cheguei à minha casa, senti em meu coração a cura de Deus em uma área que eu estava realmente precisando. Então me lembrei do tema do encontro. Só posso dizer que fui tremendamente abençoada!” Bruna Almeida

outubro 2011 | comuna | 35


visão

liderança

culinária

eles andaram com Jesus

Deus agindo

fundação CG

especial

Foto: Divulgação

MELHOR IDADE EM HOLAMBRA

e

36 | comuna | outubro 2011

ste ano, o feriado de 7 de setembro, sendo no meio da semana, impossibilitou grandes planos de passeio. Mas para o Ministério da Melhor Idade, da CGSede, não foi motivo para ficar em casa. Cerca de 50 pessoas foram visitar a Expoflora, tradicional feira de flores e plantas na cidade de Holambra, localizada a 148 km de São Paulo.

venda de flores e plantas, além de toda a infraestrutura necessária para receber os 300 mil visitantes que percorrem esta área durante todo o mês de setembro. As lojas de souvenires estão instaladas em três pavilhões de exposição onde podem ser encontrados de artigos de artesanato a produtos industriais e de decoração, móveis e utensílios domésticos.

Este ano a Expoflora completou trinta anos de existência. O tema desta edição foi “O Ano da Holanda no Brasil”. Em uma estrutura instalada em 250 mil m2 de área, todos os ambientes focaram a sustentabilidade.

O passeio termina com a tradicional chuva de pétalas, que este ano, além do caminhão preparado para isso, também teve a ajuda de um helicóptero, que cobriu a área da exposição com pétalas de rosas de diferentes cores.

O espaço conta com uma área de exposição de flores e plantas ornamentais, jardins temáticos, espetáculos e comidas típicas holandesas, um mercado para

A Expoflora já virou sinônimo de beleza e tradição holandesa em São Paulo e, todo ano, acaba sendo uma visita inesquecível para os amantes de plantas e flores.


igreja família

ponto de vista

capa

apocalipse

saúde

aconteceu

UM CASAMENTO NOS ESTADOS UNIDOS

n

o dia 15 de julho, o pr. Carlos Alberto esteve em Chicago, nos Estados Unidos, para realizar o casamento de sua sobrinha Carina Meibach Brandoles de Matos e Matthew Strittmatter. Carina é filha dos nossos pastores Lair de Matos e Vera Lúcia. A celebração trouxe muita alegria para toda a família e amigos que lá estiveram. O pastor Carlos Alberto gostou muito do conceito de Despedida de Solteiro que o casal realizou nas terras do Tio Sam. O Matthew convidou os parentes mais próximos, padrinhos e o nosso pastor para uma partida de golf.

Enquanto isso, a Carina reunia as mulheres na casa de uma das amigas da família americana para um chá, troca de presentes e de promessas de Deus para o casal. Bem diferente de algumas festas que fazem aqui no Brasil, onde não faltam piadas de mal gosto ou brincadeiras maliciosas envolvendo a intimidade conjugal. A lição foi boa! Que nossas festas de Despedida de Solteiro pautem pela descência, espiritualidade e respeito por quem está tomando uma decisão tão séria diante de Deus. Deus abençoe o Matthew e a Carina!

outubro 2011 | comuna | 37


Anunciantes

38 | comuna | outubro 2011


Anunciantes

outubro 2011 | comuna | 39


Anunciantes

40 | comuna | outubro 2011


Anunciantes

outubro 2011 | comuna | 41


Anunciantes

Classificados CONSARQ Cons. Jurídica e Arquitetura. Av. Luis Pires de MInas, 240, S. 04 Tel: 2059-2663 Arquiteta: Rosana J. Ignacio Advogado: Anderson C. Pinheiro

DISK CLEAN LAVAGEM E IMPERMEABILIZAÇÃO Sofás, Tapetes, Carpetes, colchões, cadeiras, persianas, bancos e interna de carro,etc 11 2887-3654 www.diskclean.com.br

DRENAGEM LINFÁTICA DOMICILIAR Fisioterapeuta Danielle Barros Pós-Operatório de cirurgia plástica Linfedema Estética 7737 7653 / 9251 9630

42 | comuna | outubro 2011

THOLERMAN & CONSTRUTORA REDES DE PROTEÇÃO

PNEUS REMOLD A PARTIR DE R$ 75,00

SEGUROS MARLI RAHIJ

Apto, Plays, Poliesportivas

Milton 9478 4937/3441 4564 rec. miltonpneus@live.com

Auto, residência, Empresa ,Consorcio e Planos de Saúde. LG N. Sra. do Bom Parto, 74 Tatuapé mrahij@terra.com.br 2097-3068 / 9556-4956

IMÓVEIS CAIXA

AULAS DE INGLÊS

Oportunidade única. Consulte 9989 5086 vivo 7869 6843 nextel Id 100*114355 Vagner vagner@solucaonegocios. com.br

Personalizadas, em sua residência ou trabalho, individuais ou pequenos grupos, dias e horários de sua preferência. Silvana 9757-6437 3542-8116

ROBERTO AIELO SPROVIERI ADVOGADO

HQ TELECOM

CONSTRUTORA

Projeto em Constr. Civil e mão de obra especializada www.tholerman.com.br 7721-8402/7734-3106

NEGREIROS EQUIP. DE PROTEÇÃO Botas, Luvas, Capacetes toda linha de epis e sinalização. 11-2869-7926 Negreiros.vendas@uol. com.br www.negreirosepis. com.br

SHALLON ESCRITÓRIO DE CONTABILIDADE Escrituração: Contábil, processamento de dados R. Jacirendi, 391 Tatuapé/SP 2296 4658 / 2294 4527 Contato: Clóvis

Cível, Família, Contratos Imobiliários, SPC/ SERASA – Indenizações Consultoria Empresarial Tels. 11. 7211-7793 11. 7743-0502 - ID 100*23280

Instalação/Manutenção de PABX, Alarmes, CFTV e Elétrica. PABX Instalado a partir de R$69,00 mensais. 2831-2834 7198-0333 www.hqtelecom.com.br


44 | comuna | outubro 2011


Revista da Comunidade 20