Page 1

SINTRA TAMBÉM É TUA! PROJECTO DE LONGO-TERMO/ESTRATÉGIA DA DÍNAMO PARA A PARTICIPAÇÃO JUVENIL A NÍVEL LOCAL/REGIONAL SINTRA - PORTUGAL (2011-2016)

 BREVE DESCRIÇÃO  (VERSÃO PORTUGUESA)

JANEIRO 2011 DIRECÇÃO DÍNAMO


PARTICIPAÇÃO JUVENIL TEM QUE VER COM A CRIAÇÃO DE MUDANÇA E OS OBSTÁCULOS SÃO NORMAIS NO PROCESSO DE MUDANÇA. IN FACILITATOR’S GUIDE FOR PARTICIPATORY EVALUATION WITH YOUNG PEOPLE, BARRY CHECKOWAY & KATIE

RICHARDS-SCHUSTER, W.K. KELLOGG FOUNDATION, 2004.

2


O

“SINTRA TAMBÉM É TUA!” É O PRIMEIRO PROJECTO A LONGO PRAZO (OU ESTRATÉGIA) E PODE SER O PRIMEIRO INVESTIMENTO SIGNIFICATIVO PARA O DESENVOLVIMENTO DA PARTICIPAÇÃO JUVENIL NO

CONCELHO DE SINTRA1. A META DO “SINTRA TAMBÉM É TUA!” É: PROVIDENCIAR AOS JOVENS DO CONCELHO DE SINTRA FERRAMENTAS, COMPETÊNCIAS, ACTIVIDADES, CONDIÇÕES E ALTERNATIVAS PARA PROMOVER, MOTIVAR, AUMENTAR, POTENCIAR E FACILITAR A SUA PARTICIPAÇÃO NA SOCIEDADE CIVIL NO GERAL E NO CONCELHO DE SINTRA NO PARTICULAR. ALGUNS DOS OBJECTIVOS PROGRAMADOS SÃO:  ESTABELECER O ESPAÇO ADMINISTRATIVO PARA A DÍNAMO, ITERATIVAMENTE REQUISITADO E QUE PERMANECE INEXISTENTE DESDE 2007;

1

ESTABELECER UM CENTRO DE FORMAÇÃO JUVENIL DEDICADO À EDUCAÇÃO NÃO FORMAL (ENF) COMO PRIMEIRO PASSO NA DISSEMINAÇÃO DE ‘STANDARDS’ DE QUALIDADE NA ENF PELO CONCELHO E RESPECTIVAS ORGANIZAÇÕES JUVENIS NÃO-GOVERNAMENTAIS (OJNG);

CRIAR EMPREGO PARA JOVENS DIRECTAMENTE LIGADO À PRÁTICA DA CIDADANIA ACTIVA E AO TRABALHO SÓCIO-EDUCATIVO COM JOVENS (‘YOUTH WORK’), COMBATENDO AS ELEVADAS TAXAS DE DESEMPREGO JUVENIL NO CONCELHO;

CRIAR UMA BOLSA DE FORMADORES E FACILITADORES DEDICADOS À ENF E AO TRABALHO SÓCIOEDUCATIVO COM JOVENS (‘YOUTH WORK’) NO DOMÍNIO DA PARTICIPAÇÃO JUVENIL;

AVERIGUAR E TRAZER A PÚBLICO AS NECESSIDADES DOS JOVENS DE SINTRA AO NÍVEL DAS COMUNIDADES LOCAIS;

ESTUDAR E CONTRUIR METODOLOGIAS DIFERENTES ADAPTADAS À COMUNIDADE LOCAL, DE FORMA A SEGUIR A META DO “SINTRA TAMBÉM É TUA!”;

IMPLEMENTAR UM PROJECTO REGIONAL/LOCAL DE PARTICIPAÇÃO JUVENIL CONDUZIDO PELA META DO “SINTRA TAMBÉM É TUA!”.

CRIAR SISTEMAS DE REDE E DE APOIO À PARTICIPAÇÃO JUVENIL LOCAL/REGIONAL DIRIGIDOS AOS JOVENS E ÀS OJNGS.

SINTRA É UM CONCELHO HETEROGÉNEO QUE SE SITUA NA ÁREA PERIFÉRICA DE LISBOA COM CERCA DE 450.000

HABITANTES, INCLUINDO CERCA DE 150.000 JOVENS (~33%). ESTAS ESTIMATIVAS FAZEM DE SINTRA O CONCELHO COM MAIS JOVENS EM PORTUGAL. O TERRITÓRIO É COMPOSTO POR ÁREAS (SUB)URBANAS JUNTAMENTE COM ZONAS COSTEIRAS E RURAIS E UM PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE DISTINGUIDO PELA

UNESCO: A VILA DE SINTRA. EM ALGUMAS COMUNIDADES LOCAIS

EXISTEM FENÓMENOS COMO MINORIAS E IMIGRAÇÃO (2ª E 3ª GERAÇÃO), TAXAS DE DESEMPREGO MUITO ALTAS, ABANDONO ESCOLAR PRECOCE E POBREZA, SENDO ESTES OS FACTORES PRINCIPAIS QUE CONDUZEM À EXCLUSÃO SOCIAL DOS JOVENS.

DEVIDO A UM CONJUNTO DE RAZÕES O TRABALHO SOCIO-EDUCATIVO COM JOVENS (‘YOUTH WORK’) EM SINTRA É UMA PRÁTICA QUASE INEXISTENTE, OU QUE É FEITA EM CONDIÇÕES NÃO RAZOÁVEIS, NOMEADAMENTE NO QUE DIZ RESPEITO AO DESENVOLVIMENTO DAS OJNG. OS RESPONSÁVEIS POLÍTICOS PELA JUVENTUDE EM SINTRA REFEREM QUE OS JOVENS NÃO RESPONDEM ÀS POLÍTICAS DE JUVENTUDE PROJECTADAS. OS JOVENS DE SINTRA REFEREM QUE, GERALMENTE, AS POLÍTICAS DE JUVENTUDE EM PRÁTICA NÃO RESPONDEM ÀS SUAS NECESSIDADES. NESTE MOMENTO ENCONTRA-SE EM PROCESSO DE CRIAÇÃO O CONCELHO MUNICIPAL DE JUVENTUDE DE SINTRA.

3


CRIAR OPORTUNIDADES E RECURSOS PARA AS OJNGS ESTABELECEREM E DESENVOLVEREM O SEU TRABALHO SÓCIO-EDUCATIVO COM JOVENS (‘YOUTH WORK’).

A PRINCIPAL FONTE DE INSPIRAÇÃO PARA ESTE PROJECTO É A CARTA EUROPEIA REVISTA SOBRE A PARTICIPAÇÃO DOS JOVENS NA VIDA LOCAL E REGIONAL, PUBLICADO PELO CONSELHO DA EUROPA EM 2003 ONDE SÃO RECOMENDADAS BOAS PRÁTICAS E ABORDAGENS À PARTICIPAÇÃO JUVENIL PARA OS DIFERENTES ACTORES ENVOLVIDOS NA SOCIEDADE CIVIL, NOMEADAMENTE, DECISORES POLÍTICOS, OJNGS E JOVENS. PARA A

DÍNAMO, ESTE PROJECTO É TAMBÉM UMA OPORTUNIDADE PARA IMPORTAR E ALINHAVAR O TRABALHO SOCIOEDUCATIVO COM JOVENS EM SINTRA COM AS BOAS PRÁTICAS/RECOMENDAÇÕES/POLÍTICAS INTERNACIONAIS E EUROPEIAS, NOMEADAMENTE NO SEIO DA COMISSÃO EUROPEIA E DO CONSELHO DA EUROPA, ONDE PORTUGAL É ESTADO-MEMBRO. A PRIORIDADE DO “SINTRA TAMBÉM É TUA!” CONSISTE NA CAPACITAÇÃO DO TRABALHO SOCIO-EDUCATIVO LOCAL COM JOVENS E DAS OJNGS, PROVIDENCIANDO-LHES PROPRIEDADE, RESPONSABILIDADE E OPORTUNIDADES DE COOPERAÇÃO EM REDE. ESTE FACTO REFORÇA A GRANDE PERTINÊNCIA DA COOPERAÇÃO ENTRE OJNGS E ÓRGÃOS GOVERNAMENTAIS PÚBLICOS – FOMENTANDO E POSSIBILITANDO, AO MESMO TEMPO, UMA PARTICIPAÇÃO JUVENIL MAIS SIGNIFICATIVA E EFECTIVA, JÁ QUE A EXPLORAÇÃO DESTA COOPERAÇÃO TAMBÉM PERMITIRÁ PROVIDENCIAR O ESPAÇO NECESSÁRIO NO DOMÍNIO POLÍTICO E EM PROCESSOS DE TOMADA DE DECISÃO PARA QUE OS JOVENS POSSAM CRIAR E CONTRIBUIR DEMOCRATICAMENTE PARA A MUDANÇA POSITIVA NAS SUAS COMUNIDADES LOCAIS/REGIONAIS E NA SOCIEDADE EM GERAL.

O PLANO GERAL É: ANO 1 – ARRANQUE, FIXAÇÃO, AUTO-CAPACITAÇÃO IMPLEMENTAÇÃO DO ESPAÇO ADMINISTRATIVO DA DÍNAMO E CENTRO DE FORMAÇÃO DEDICADO A EDUCAÇÃO NÃO-FORMAL. CRIAÇÃO DE UMA BOLSA DE FORMADORES/FACILITADORES, ESPECIALMENTE DEDICADA À PARTICIPAÇÃO JUVENIL. ANO 2 – APROXIMAÇÃO PARALELA ÀS COMUNIDADES LOCAIS E DIAGNÓSTICO DE NECESSIDADES LEVANTAMENTO DE NECESSIDADES DOS JOVENS DE SINTRA NOS SEUS DIFERENTES CONTEXTOS LOCAIS. REFLEXÃO E RELATÓRIO SOBRE POSSÍVEIS METODOLOGIAS PARA A PARTICIPAÇÃO JUVENIL EM SINTRA, CONSIDERANDO OS DIFERENTES CONTEXTOS LOCAIS. ANO 3 – IMPLEMENTAÇÃO DAS ACÇÕES COMBINADAS PARA A PARTICIPAÇÃO JUVENIL (1ª FASE) DEFINIÇÃO DO PROJECTO REGIONAL DE ACÇÕES ASSOCIADAS (PRAA). LANÇAMENTO DA 1ª FASE DO PRAA. CRIAÇÃO DE SISTEMAS DE APOIO PARA A PARTICIPAÇÃO JUVENIL. CRIAÇÃO DE CENTRO DE APOIO PARA INICIATIVAS JUVENIS. ANO 4 - IMPLEMENTAÇÃO DAS ACÇÕES COMBINADAS PARA A PARTICIPAÇÃO JUVENIL (2ª FASE) AVALIAR A 1ª FASE DO PRAA. LANÇAR A 2ª FASE DO PRAA. CRIAÇÃO DE UMA REDE REGIONAL PARTICIPAÇÃO JUVENIL.

PARA A

ANO 5 – ACOMPANHAMENTO DO PRAA AVALIAÇÃO FINAL DO PRAA. CAPACITAÇÃO E MULTIPLICAÇÃO DE OJNGS.

COM A CONCLUSÃO DAS NEGOCIAÇÕES A DECORRER COM DIVERSAS ENTIDADES, O “SINTRA TAMBÉM É TUA!” DEVERÁ TER INÍCIO JÁ NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2011.

4


CAMINHANTE, SÃO TEUS RASTOS O CAMINHO, E NADA MAIS; CAMINHANTE, NÃO HÁ CAMINHO, FAZ-SE CAMINHO AO ANDAR. AO ANDAR FAZ-SE O CAMINHO, E AO OLHAR-SE PARA TRÁS VÊ-SE A SENDA QUE JAMAIS SE HÁ-DE VOLTAR A PISAR. CAMINHANTE, NÃO HÁ CAMINHO, SOMENTE SULCOS NO MAR. IN PRVÉRBIOS E CANTARES XXIX, ANTÓNIO MACHADO,

1912.

5


INFO@DINAMO.PT WWW.DINAMO.PT

6

/sintra_tambem_e_tua_sumario_PT  

http://dinamo.pt/downloads/sintra_tambem_e_tua_sumario_PT.pdf