Issuu on Google+


Musical

A produção musical do espetáculo é primorosa. Com orquestra,

equipe de backing vocal, coro e solistas. São 17 músicas unindo teatro e dança em cerca de 90 minutos de apresentação. Este

ano 11 canções são inéditas e compostas pela cantora brasiliense Vanessa Pinheiro, especialmente para este musical.


Maquiagem

A maquiagem do espetáculo foi elaborada com o objetivo de contextualizar o elenco

com as características físicas do povo da época. Personagens e solistas recebem maquiagem mais elaborada observando os efeitos visuais no palco e vídeo. A linha

adotada pela equipe é fruto de estudo, usando como fonte base, a Bíblia e ampliando de forma a contemplar as artes cênicas. Há o investimento em produtos de ponta adquiridos em lojas especializadas. Personagens como Jesus e Diabo demandam cerca de 4 horas de preparação. Neste musical, além de apliques em látex, serão usadas próteses dentárias e lentes de contato especiais. Vários testes são realizados a fim de ajustar conceito e finalização para o melhor resultado no palco.


Cenário

Soluções criativas e engenhosas foram usadas para a concepção do cenário que evolui de maneira equilibrada a cada cena. Módulos deslizantes cumprem a função de trocar ambientes. A equipe se orientou por descrições Bíblicas e por relatos de voluntários que já estiveram em regiões relacionadas. Geografia, paisagem e arquitetura foram avaliadas e usadas como referência na criação. A iluminação realça áreas do cenário criando o ambiente ideal para envolver o público. Vários objetos e mobiliário complementam a ambientação.


Figurino

Refletir uma época, um povo, uma cultura. Esse é o prisma da criação do vestuário. Para uma representação coesa foi realizada uma busca minuciosa de tecidos, passamanarias e acessórios. O estudo permeou costumes, tradições e características de gênero. Todas as peças foram confeccionadas de forma a dar a devida sobriedade aos figurinos, vários costurados a mão. Personagens contam com uma riqueza de detalhes aproximando a customização do que é retratado na Bíblia.


Voluntariado

O musical O Caminho compreende meses de pesquisa, produção e ensaios. Todas as etapas são marcadas pela participação ativa de voluntários. Pessoas que dispõem tempo, formação e talento a serviço do espetáculo. Mais de 350 pessoas atuam no palco, na coxia, produção e organização do evento. Criando, assim, uma rede de colaboradores que exercem de forma consciente a cidadania, solidariedade e a responsabilidade social através desta produção cultural.


Ação Social

O espetáculo parte da premissa de promover a cultura reunindo várias expressões

artísticas, e resulta em ações que ultrapassam a fronteira do palco. Os ingressos são

trocados por alimentos encaminhados a comunidades carentes do DF e entorno. Ônibus são disponibilizados na Estrutural e Varjão. O mesmo é feito em instituições de apoio como Cristolândia e FALE. Todos recebem um lanche após a apresentação, uma forma de agradecer a presença e a oportunidade de partilhar o espaço, as ideias e o entretenimento.


Inclusão Social e acessibilidade Surdos fazem parte do elenco e todas as apresentações contam com intérprete

de Libras. Há lugares reservados a pess oas com dificuldades de locomoção. A

divulgação também visa todos os públicos, com cartazes, flyers e um vídeo em Libras. Assim, o Auto de Páscoa promove a inclusão social e a acessibilidade, reforçando o compromisso com a comunidade.



Presskit