Issuu on Google+

EU SEM VOCÊ


1. PÁSSARO DE FOGO Vai se entregar pra mim Como a primeira vez Vai delirar de amor Sentir o meu calor Vai me pertencer Sou pássaro de fogo Que canta ao teu ouvido Vou ganhar esse jogo Te amando feito um louco Quero o teu amor bandido Minha alma viajante Coração independente Por você corre perigo Tô a fim dos teus segredos De tirar o teu sossego Ser bem mas que um amigo Não diga que não Não negue a você

Um novo amor, uma nova paixão Diz pra mim Tão longe do chão, serei os teus pés Nas asas do sonho, rumo ao teu coração Permita sentir, se entrega pra mim Cavalgue em meu corpo, oh, minha eterna paixão (repetir desde o inicio) Tão longe do chão, serei os teus pés Nas asas do sonho, rumo ao teu coração Permita sentir, se entrega pra mim Cavalgue em meu corpo, oh, minha eterna paixão


Ei, escuta, tudo nesse vida tem seu preço Escuta, se chegou a hora de colher o que plantou Você mesmo quem regou, não fui eu Não fui eu Eu sei o que dirá Vai me culpar Por um erro seu Se alguém me perguntar Irei dizer que não fui eu Não fui eu

2.NÃO FUI EU Ei, escuta, para de agir feito criança Escuta, sinto em te dizer, mas foi você quem procurou Quem partiu um coração, não fui eu

Ei, escuta, para de agir feito criança Escuta, sinto em te dizer, mas foi você quem procurou Quem partiu um coração, não fui eu


3. EU SEM VOCÊ Eu tô carente desse teu abraço Desse teu amor que me deixa leve Eu tô carente desses olhos negros Desse teu sorriso branco feito neve Eu tô carente desse olhar que mata Dessa boca quente revirando tudo Tô com saudade dessa cara linda Me pedindo “fica só mais um segundo” Tô feito mato, desejando a chuva Madrugada fria, esperando o Sol Tô tão carente feito um prisioneiro Vivo um pesadelo, beijo sem paixão Tô com vontade de enfrentar o mundo Ser pra sempre o guia do seu coração Sou a metade de um amor que vibra Numa poesia em forma de canção Sem você, sou caçador sem caça

Sem você, a solidão me abraça Sem você, sou menos que a metade Sou incapacidade de viver por mim Sem você, eu sem você Eu tô carente desse teu abraço Desse teu amor que me deixa leve Eu tô carente desses olhos negros Desse teu sorriso branco feito neve Eu tô carente desse olhar que mata Dessa boca quente revirando tudo Tô com saudade dessa cara linda Me pedindo “fica só mais um segundo” Tô feito mato desejando a chuva Madrugada fria esperando o Sol Tô tão carente feito um prisioneiro Vivo um pesadelo, beijo sem paixão


4. SENSAÇÕES Eu me perdi, perdi você Perdi a voz, o seu querer Agora sou somente um Longe de nós, um ser comum Agora sou um vento só, a escuridão, eu virei pó Fotografia, ou lembrança do passado Agora sou a prova viva de que nada nessa vida É pra sempre até que prove o contrário Estar assim, sentir assim Um turbilhão de sensações dentro de mim Eu amanheço, eu estremeço, eu enlouqueço Eu te cavalgo embaixo do cair da chuva, eu reconheço

Estar assim, sentir assim Turbilhão de sensações dentro de mim Eu me aqueço, eu endureço, eu me derreto, eu evaporo


5. AMANHECER

Caminhando o dia sobre o céu A solidão fui eu e o sol ainda dormia Perdida em noite eterna, estava eu Há tanto tempo que eu não amanhecia

E os meus olhos encontraram os teus Acesos pra me achar Feito um milagre, tocaram os meus A luz do dia eu vi naquele olhar Ali eu vi amanhecer O amor que um dia adormeci Me despertar, amar você Luz de amor, eu sou porque te vi Cada vez que em meus olhos os teus me tocar Vi nascer o poder da paixão Quero ver todo dia a luz desse olhar Esquecer que eu já fui solidão


6. PARA VOCÊ

Eu quero ser pra você A alegria de uma chegada Clarão trazendo o dia Iluminando a sacada Eu quero ser pra você A confiança, o que te faz Te faz sonhar todo dia Sabendo que pode mais

Eu quero ser ao teu lado Encontro inesperado O arrepio de um beijo bom Eu quero ser sua paz, a melodia capaz De fazer você dançar Eu quero ser pra você A Lua iluminando o Sol Quero acordar todo dia Pra te fazer todo o meu amor Eu quero ser pra você

Braços abertos a te envolver E a cada novo sorriso teu Serei feliz por amar você Eu quero ser pra você A alegria de uma chegada Clarão trazendo o dia Iluminando a sacada Eu quero ser pra você A confiança, o que te faz Te faz sonhar todo dia Sabendo que pode mais e mais e mais Eu quero ser ao teu lado Encontro inesperado O arrepio de um beijo bom Eu quero ser sua paz, a melodia capaz


7. PIRAÇÃO Não sei o que faço, perdi o juízo Cansei de jogo, esse amor eu preciso Amor é verdade, você me faz falta Agora aqui fora sem teto, sem casa Com peito ferido queimando em brasa Amor que saudade, tô sentindo falta Agora eu vou dizer, amor A história ainda não acabou Quando eu te vejo amor, eu fico assim Longe do teu beijo a vida é tão ruim Quando eu te vejo amor, é piração Morro de desejo e sinto o céu no chão Quando eu te vejo, amor Não sei o que faço, perdi o juízo Cansei desse jogo, esse amor eu preciso Amor é verdade, você me faz falta Agora aqui fora sem teto, sem casa Com peito ferido queimando em brasa Amor que saudade, tô sentindo falta.


8. JEITO DE MATO De onde é que vem esses olhos tão tristes? Vem da campina onde o Sol se deita Do regalo de terra que o teu dorso ajeita E dorme serena, no sereno sonha De onde é que salta essa voz tão risonha? Da chuva que teima, mas o céu rejeita Do mato, do medo, da perda tristonha Mas que o Sol resgata, arde e deleita Há uma estrada de pedra que passa na fazenda É teu destino, é tua senda, onde nascem tuas canções As tempestades do tempo que

marcam tua história Fogo que queima na memória e acende os corações Sim, dos teus pés na terra nascem flores A tua voz macia aplaca as dores E espalha cores vivas pelo ar Ah, ah, ah Sim, dos teus olhos saem cachoeiras Sete lagoas, mel e brincadeiras Espumas ondas, águas do teu mar Ah, ah, ah Êeh, laiá Add a playlist Cifra Imprimir Corrigir


9. NÃO PRECISA (PART. VICTOR E LÉO)

Você diz que não precisa Viver sonhando tanto Que vivo a fazer Demais por você Diz que não precisa A cada vez que canto Uma canção a mais pra você Mas tem que ser assim Pra ser de coração Não diga “não precisa” Tem que ser assim É seu meu coração Não diga não precisa Eu já sonhei com a vida Agora vivo um sonho Mas viver ou sonhar Com você, tanto faz

Não diga “não precisa” Eu digo que é preciso A gente se amar demais Nada a mais Mas tem que ser assim Pra ser de coração Não diga “não precisa” Tem que ser assim É seu meu coração Não diga “não precisa” Eu já sonhei com a vida Agora vivo um sonho Mas viver ou sonhar Com você, tanto faz


10.

A PAZ DESSE AMOR

Na hora que você deixou de lado aquele meu abraço E a relação foi pro espaço Fiquei sem chão Na hora que você ficou em dúvida do sentimento Eu tava aí dentro, do seu coração Agora eu já sei, pintou saudade Quer tentar de novo E a nossa vida está em jogo Eu te falei Que a hora de você vir me dizer que você está de volta E bater a porta e se arrepender Saiba que eu Não vivo sem seu toque, sem o teu sorriso E me doeu, sentir que me deixar pra você, foi preciso Saiba que não Eu nunca duvidei que você me amasse Eu esperei que você voltasse pra nós


1. Pássaro de Fogo 2. Não Fui Eu 3. Eu Sem Você 4. Sensações 5. Amanhecer 6. Pra Você 7. Piração 8. Jeito de Mato 9. Não Precisa (part. Victor e Léo) 10. A Paz Desse Amor


CD PAULA FERNANDES - PUC