Ya,Walk! Talk!

Page 1

Ya,Walk!Talk! peça de performance | performance piece texto: Dally Schwarz | text: Dally Schwarz beats e bateria: Marcos Aganju | beats and drums: Marcos Aganju

Apoio à criação: Fundação Calouste Gulbenkian Estúdios Victor Cordon c.e.m - centro em movimento


Com a BOCA ABERTA ouvem-se gritos e espasmos. A aflição de um URRO! A Língua que bate no dente, deixa saliva, sangue e seiva no soco. Range um dente e bate no outro, deixa a saliva corroendo a palavra. Você sabia que a raiva toma o corpo todo e alastra (ela não dá só no cão, não!) ela viaja pelos nervos, entre os humanos e toma tudo que pode. ela tira sua mordaça e deixa doce, deixa dócil, deixa mole, chegando lá dentro do DNA que um dia foi história historia do ser humano vertical. e logo vai saber se deixou de ser humano

ou não. ser humano vertical. pés coluna vertebral cérebro intestino, clavícula, mandíbula, bacia, pelvis, axis, sistema nervoso central, rede neuronal e dedos polegares opositores um pé, outro pé um pé, outro pé e o peso de mais de milhões, e milhões de milhões de milhões em ação! Pra frente da onde? Ninguém mais faz nação!


Onde os corpos boiam brilhantes no mar em botes, cruzam a linha que define quem entra ou não. e o cão, ali, em rédea curta segura o homem, fazendo cativo quem cruza fronteira

E na minha cara a expressão de boca aberta perplexa deixa a baba pingar de tão horrorizada. Muitas pessoas hoje com cara de selfie. muitas pessoas hoje com boca de biquinho de selfie consomem toda informação e o tantão de gente que você segue, like, crush, love, match, curte, hate - share! Em meio a tudo isso, vamos ainda consumindo tudo que pode ser vivo ou morto. cara de selfie, boca de selfie,pau de selfie - selfie service olhos vidrados em telas, pescoços tortos


cabeça baixa - uma marcha.

uma marcha. uma marcha? uma marcha. uma marcha. uma marcha? uma marcha. já faz mais de 500 anos que a gente enrolou a língua nas outras gente, já faz mais de 500 anos que elas foram cortadas, mutiladas, cresceram e se transformaram em Q?

crocs? microchip? telescópio? cometa halley? Peppa pig? 5G? luz de led? Caneta bic? Elma Chips? Numa atividade predatória humanamente falha coloca tudo em saco plástico, ou embala em algum recipiente: embalagens, embalagens…. Tale away, take away, just take it away from here! Rasgar o lacre com dente, cuspir o plástico e mandar ver ! Uma carreira formigante de filtros entorpecentes. coloca tudo na boca ao mesmo tempo. e consome rápido! cospe rápido! numa explosão inesperada, Filtro Moon, lo-fi estética rápida de consumo, onde passa deixa RASTROOOOOOO resto de coisa plástica, perecível parecia meio pere cível. simplesmente perecível


Granadas em lata de sopa campbell, hidrocor em formato de batom vermelho, chicletes colados, plataformas de petróleo, crise financeira, goma mole javali selvagem multicolorido. MA áquinas. de apertar botões, de destruir e matar gente, de criar vírus, de medir temperaturas de fazer amor

MÁQuinas MÁQuinas MÁQuinas MÁQuinas MÁQuinas MÁQuinas MÁQuinas MÁQuinas de apalpar, de tocar, de amar, de morrer e de manter vivo. Controle d estado Controle fronteira Controle soldado miliciano chian chian chian chian chian chienne.

Um Riso e Risco a minha boca com o dedo e raaaaaaaaasgo um traçooooo Um Riso e Risco um limite do possível na superfície do planeta Enquanto desmatam puxam fumo sintético numa atividade paradoxal de ser e não ser ser humano vertical logo vai saber se deixou de ser humano ou não Já nem sabe o que é pé nem mão. e uma malhada toda vindo na contramão. E daí eu te pergunto: Vai desligar o bluetooth do mundo? E daí eu te pergunto:


Você vai atender ou vai deixar cair?

O corpo verga deixando a cabeça mais baixa que a cauda a décima terceira vértebra. os braços encurtam recuando cotovelos enquanto punhos quebram, Todo crânio infla crescendo a partir da mandíbula. da Cabeça dinossauro. Cabeça tiranossauro Cabeça rex

REX REX REX REX REX REX REX REX REX REX ! Por que o seu dedão, é uma plataforma flexível para correr e caminhar.