Page 1

SUL Pub.

diário do

EDIÇÃO FIM-DE-SEMANA

FUNDADOR E DIRECTOR: MANUEL MADEIRA PIÇARRA DIRECTORES ADJUNTOS: MARIA DA CONCEIÇÃO PIÇARRA e MANUEL J. PIÇARRA PERIODICIDADE DIÁRIA SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013

ANO: 44.º NÚMERO: 12.171

EXPORTAÇÕES EM ALTA Os números oficiais não enganam e servem para ilustrar o sucesso alcançado pelo Porto de Sines em 2013. Em claro contraciclo com a crise nacional. O movimento de contentores no Terminal XXI atingiu os 692011 TEU (a medida standard utilizada para calcular o volume de um contentor, equivalendo cada unidade a 20 pés) nos primeiros nove meses do ano, o que traduzia um aumento de 76,5% em relação ao período homólogo de 2012.

PREÇO AVULSO: 0,75 € (75 CÊNTIMOS )

SINES

PUBLICAÇÕES PERIÓDICAS

Rossio - Évora

Porto alcança ano histórico

PÁG. 9

ORÇAMENTO PARA 2014

DESPORTO Desportalegre animou idosos de Marvão ******************** Joga à bola no B.º de St.º António ******************** Aminata com Campeões Zonais PÁG. 10

Pub.

SAÚDE GRÁTIS

20 milhões/ milhões/€ € Mais de 1 milhão para Município vacinados de Portalegre contra a gripe PÁG. 7

ÚLT. PÁG. Pub.


diário do SUL

Regional

2

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Museu de Évora acolhe exposição de Rodrigo Bettencourt da Câmara

Os “bastidores” da Trienal no Alentejo em fotografia n Marina Pardal Fotos Exclusivas

R

odrigo Bettencourt da Câmara é o artista que fotografou os artistas da Trienal no Alentejo durante os seus trabalhos de investigação. O resultado é “Making Meaning”, uma exposição inaugurada no passado dia 12 no Museu de Évora, onde vai ficar patente até 2 de Fevereiro do próximo ano. De acordo com o director deste espaço, António Alegria, “este projecto foi apresentado ao museu há alguns meses e nós achámo-lo interessante, pois naturalmente é um projecto que diz respeito ao Alentejo”. O responsável salientou ainda que “relacionada com a Trienal deverá haver uma outra exposição aqui no museu, em Março ou Abril de 2014, já do

A inauguração da mostra contou com a presença da anterior directora regional de Cultura do Alentejo, Aurora Carapinha, que ainda exercia funções nessa altura; António Alegria, director do Museu de Évora; D. André de Quiroga, comissário da exposição; Filomena Marques, directora da Trienal no Alentejo, e do fotógrafo Rodrigo Bettencourt da Câmara.

trabalho que estão a desenvolver neste momento”, adiantando que “o projecto final deverá ser apresentado em Outubro ou Novembro desse mesmo ano, possivelmente também no museu”. Em relação à presente exposição, o fotógrafo Rodrigo

tive a acompanhá-los durante esse trabalho de pesquisa”, caracterizando estas fotografias como “um trabalho de bastidores”. No total, estamos perante seis fotografias de grandes dimensões, nas quais aspectos como o mármore, o canto alentejano, os teares ou a olaria servem de “matéria-prima”. “Making Meaning” é comissariada por D. André de Quiroga, que realçou o facto “desta exposição representar a terceira mostra de mais de 30 que estão programadas dentro da Trienal”.

Para D. André de Quiroga, “é uma oportunidade para mostrar o trabalho deste fotógrafo, muito talentoso, e ao mesmo tempo serve para ilustrar e para revelar o trabalho dos artistas que estão a trabalhar na Trienal no Alentejo” Entre as actividades já realizadas, destacam-se o ciclo de cinema gastronómico e as conferências sobre arte e gastronomia, em Reguengos de Monsaraz, bem como um outro ciclo de conferências na Universidade de Évora. Vão seguir-se mais iniciativas, entre elas outras exposições e con-

ferências ou o almoço das 500 avós alentejanas. Segundo informação disponibilizada pela Direcção Regional de Cultural do Alentejo, “a Trienal no Alentejo é organizada e promovida pela Associação Aspas e Parenteses, em conjunto com diferentes entidades regionais, nacionais e internacionais”. Esta iniciativa pretende “dotar o Alentejo de um evento de projecção global através da produção e instalação de trabalhos de artistas contemporâneos de renome internacional, promovendo os factores únicos

Bettencourt da Câmara explicou que “assenta em imagens tiradas no momento em que alguns artistas convidados para a Trienal vieram fazer investigação para compreenderem o que é que queriam fazer sobre o Alentejo”. Acrescentou ainda que “esPub.

Pub.


diário do SUL

NOTA NOTA DO DO DIA DIA

Tema de Abertura SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

DIRECTOR MADEIRA PIÇARRA

E foi dizendo que teria sido errado o tanto apertar Já falámos várias vezes na Troika. Esses representantes do dinheiro que nos emprestam estão do cinto da austeridade. Mas só disse e ao que me conste não elaborou um projecto imediato de longo a cumprir a sua tarefa. prazo. Dão-lhes sugestões para apreciarem e decerto que O País precisa de 50 anos para se livrar da dívida os de cá fazem tudo para lhes agradar e vir mais uma tranche de milhões indispensáveis ao País para pagar e os juros terão que ser exíguos. Receberão em troca bom sol e boa praia. encargos.

3

(...) Só isto travará o descalabro do País que dia a dia se desertifica. E os senhores deputados quererão dizer de sua justiça ...

Os empréstimos do FMI e associados devem ter boa parte para recuperar o emprego através da Para se equilibrar a Economia é preciso exportar e estabilização empresdarial e devem multiplicar-se com efeito ela tem melhorado mas o cidadão de Planos de Formação Profissional e apoio imediato poucos recursos é que se vê limitado e não adquire aos Cursos Profissionais como se faz na Alemanha. senão o indispensável. Voltou aos anos 50. Só isto travará o descalabro do País que dia a dia Oiça também na Há dias a senhora Lagarde que é quem manda no se desertifica. E os senhores deputados quererão FMI mostrou a sua preocupação pelas mazelas que dizer de sua justiça sobre o que disse a senhora a crise faz em Portugal com as panaceias de Lagarde? pela manhã ou em É que não os ouço... ajustamento feitas em prazo tão curto. www.diariodosul.com.pt A jusante do problema é que está o bico de obra.

Pub.


4

diário do SUL

Sociedade

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

VIDA RELIGIOSA Mensagem de Natal do Arcebispo de Évora

O evangelista S. Lucas, ao relatar o nascimento de Jesus, diz-nos que Sua Mãe “o recostou numa manjedoira por não haver lugar para eles na hospedaria” (Lc. 2,7). Ao ler esta frase do Evangelho, lembreime da conversa que tive com uma senhora, num lar de terceira idade. A certa altura da conversa, dizia-me ela: olhe, tive cinco filhos, a minha casa não era grande mas cabíamos lá todos e gostávamos de estar uns ao pé dos outros. Agora estou aqui. Pub.

Os meus filhos, todos têm uma casa melhor do que a minha, onde eles nasceram e foram criados. E quer lá saber uma coisa? Nenhum deles tem lugar para mim. No olhar daquela senhora podia ler-se um misto de alegria e de tristeza. A alegria maternal da mulher que se sente recompensada de todas as canseiras da vida, ao pensar no bem estar dos seus filhos. A tristeza de quem não pode ocultar a ingratidão daqueles por quem tinha gastado a vida. Nunca mais esqueci aquela curta conversa. E fiquei a pensar que, afinal, a mãe, que gerou, alimentou, protegeu e ajudou os filhos a crescer, devia ter lugar na casa e no coração dos filhos. Mas não teve. E eu continuei a pensar na seme-

lhança entre ela e o Verbo Encarnado no seio de Maria: “veio para o que era seu e os seus não o receberam” (Jo 1,11). É essa uma situação que continua a repetir-se constantemente, com um sem número de pessoas que não têm onde morar. Na grande hospedaria do mundo, nos nossos dias e ao nosso lado, há muitos que não encontram lugar. Não encontram lugar na família, nos ambientes de trabalho, nas escolas, no emprego, nas casas de habitação, nos hospitais. Resta-lhes a rua e as instituições de caridade que os socorrem. A sociedade dos humanos, que não recebeu o Salvador, continua a não ter lugar para acolher os que precisam. Mas, ao mesmo tempo, no coração humano, há muitos lugares disponíveis para a defesa

dos interesses individuais. É mais fácil acolher a exploração do que a promoção; a avareza do que a generosidade; os excessos do que a compaixão; o hedonismo do que a renúncia; a vaidade do que a simplicidade; o egoísmo do que a caridade. É mais fácil encontrar lugar para o messianismo explorador das pessoas e dos povos do que para a redenção que nos trouxe o Messias, nascido na humildade da gruta, em Belém. É mais fácil encontrar lugar para o Natal do consumismo do que para o Natal da partilha, da promoção da dignidade da pessoa humana e da defesa dos valores da vida. O Filho de Deus não teve lugar na hospedaria. Nasceu numa gruta, na pobreza e na humildadew, para redimir a humanidde do pecado

da exclusão social e do apego exagerado e do uso injusto dos bens materiais, que afinal, pertencem a toda a humanidade. Por isso, a autêntica celebração de Natal é aquela que se esforça por ampliar as dimensões da hospedaria do

mundo, de forma que haja lugar para todos os seres humanos. Todos são portadores da mesma dignidade original, todos têm direito a um lugar e a uma vida digna. JOSÉ, Arcebispo de Évora

Borba: Presépio de rua

São mais de 50 figuras no Presépio de rua até 6 de Janeiro. O Município apoiou e o artista Carlos Bacalhau organizou. O Município também elaborou “É Natal em Borba”. Igualmente estão em exposição vários presépios no Celeiro da Cultura. Vá ver.

• Vila Viçosa: Pe. Mário Aparício Pereira

Já está na sua residência em convalescença da doença que o reteve no Hospital de Évora o rev. Mário Aparício Pereira.

• Mourão: Pe. Inácio Nunes

Já reassumiu as paróquias da Luz; Mourão e Granja o Pe. Inácio Oliveira Nunes que esteve doente.

Comentários O que é feito dos avisos de recepção? Nos correios de Beja, nos dias 27 de novembro de 2013 e 04 de dezembro de 2013, meti 2 (duas) cartas registadas com aviso de receção, destinadas ao Diretor Nacional da Polícia de Segurança Pública, Largo da Penha de França, n.º 01 1199 - 010 Lisboa. Passados 22 e 14 dias (!) respetivamente, ainda não recebi os avisos de recepção correspondentes. De salientar, que nos citados dias, enviei duas cartas com o mesmo teor, dirigidas ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (Estrasburgo – França) e outras duas cartas, igualmente com o mesmo teor, destinadas ao Ministro da Administração Interna (Lisboa), tendo recebido os quatro avisos de recepção. José Cabaça

Pub.


diรกrio do SUL

Publicidade

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

5

Pub.


6

diário do SUL

Regional SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Pub.

Pub.

Operação de fiscalização no âmbito do bem-estar animal

O Núcleo de Proteção Ambiental, do Destacamento Territorial de Montemor-Novo realizou esta semana, uma ação de fiscalização conjunta com a Direção Geral de Alimentação e Veterinária, às matérias de controlo sanitário e proteção animal, naquela localidade, tendo fiscalizado 35 viaturas de transporte de animais vivos, de onde resultou a elaboração de 14 autos de contraordenação por Pub.

Pub.

falta de licenciamento e incumprimento das normas para transporte de animais vivos. Da elaboração dos 14 autos de

contra ordenação resultou a aplicação, aos respetivos arguidos, no mínimo, de €6.500 em coimas.

BEJA

Despistes causam três feridos

Três pessoas sofreram ontem ferimentos ligeiros em dois despistes ocorridos no distrito de Beja, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS). Um dos acidentes, o despiste de um automóvel, entre Ferreira do Alentejo e Canhestros, cerca das 09:25, provocou dois feridos leves. Antes, cerca das 09:05, na estrada entre Vidigueira e Pedrógão, o despiste de um outro automóvel causou um ferido ligeiro, indicou a fonte.


diário do SUL

Regional

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Orçamento da Câmara de Portalegre para 2014 ronda os 20 ME O orçamento da Câmara de Portalegre para 2014 ronda os 20 milhões de euros, um valor que a autarca, Adelaide Teixeira, classificou como o “possível”, por causa das dívidas contraídas pelo município nos últimos anos. “Nós temos feito um esforço para diminuir a dívida e vamos fechar este ano com cerca de menos 11 milhões de euros de dívida, mas ainda faltam pagar 41 milhões de euros”, disse a autarca, eleita por um movimento independente, em declarações à agência Lusa. O orçamento, inferior ao deste ano em cerca de 3,5 milhões de euros, foi aprovado por maioria na última reunião de câmara, com os votos favoráveis dos quatro

eleitos pela Candidatura Livre e Independente por Portalegre (CLIP) e os votos contra dos dois vereadores do PS e um da CDU. “Este é um orçamento muito realista, onde está a despesa equilibrada com a receita real”, afirmou.

A autarca explicou que a receita tem vindo a “descer”, por via de impostos que não entram nos cofres da câmara, e que, por isso, surge a redução em cerca de 3,5 milhões de euros em relação ao orçamento deste ano. Com o orçamento para 2014,

Adelaide Teixeira garantiu que não vai “descurar” determinadas áreas, como a educação, a cultura e o desporto, embora a “prioridade” passe pela área social e reabilitação urbana. A redução da dívida é, no entanto, segundo a autarca, um dos “objetivos a seguir” em 2014. “Ao reduzir o passivo, estamos a ajudar a população” de Portalegre, sublinhou. O orçamento da Câmara de Portalegre e o Mapa de Pessoal para 2014, bem como as Grandes Opções do Plano, foram aprovados na quarta-feira, sendo os documentos submetidos à Assembleia Municipal, no dia 27 deste mês.

7

Duas unidades de cuidados continuados abertas em Serpa, num investimento de 3 ME Duas unidades de cuidados continuados integrados, uma de média e outra de longa duração e com capacidade total para 30 doentes dependentes, são inauguradas hoje, em Serpa, num investimento de três milhões de euros. As Unidades de Cuidados Continuados Integrados Senhora de Guadalupe, situadas no mesmo edifício, foram construídas e são geridas pela Santa Casa da Misericórdia de Serpa (SCMS) e estão integradas na Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados. As unidades, cada uma com capacidade para 15 utentes, pres-

tam cuidados médicos, de enfermagem e outros a doentes dependentes, 24 horas por dia, uma em regime de internamento de média duração (30 a 90 dias) e outra de longa duração (mais de 90 dias), disse hoje à agência Lusa a provedora da SCMS, Maria Ana Pires. Pub.


8

diário do SUL

Empresarial SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Laboratório de Análises Dr. Flaviano Gusmão

Há mais de cinco décadas a trabalhar no serviço de diagnóstico no Alentejo Praceta Horta do Bispo, nº 30 r/c, em Évora Tel. 266759590 Fax 266759598 Email geral@flavianogusmao.labco.pt Atendimento e entrega de Resultados: Todos os dias úteis das 08:00h às 18:00h, Sábados das 09:00h às 12:00h Colheitas: Todos os dias úteis das 08:00h às 12:00h, Sábados das 09:00h às 12:00h

Nuno Vargas, gestor operacional do Laboratório Flaviano Gusmão n Maria Antónia Zacarias Fotos Exclusivas

R

igor técnico fundamentado no acompanhamento permanente das novas metodologias analíticas com vista à redução de eventuais erros e fiabilidade dos resultados apresentados aos utentes tem sido, ao longo de mais de 60 anos, a missão do Laboratório de Análises Dr. Flaviano Gusmão (LFG). O mais antigo laboratório, sediado em Évora, tem vindo a crescer e, à data de hoje, continua bem presente na região e a expandir-se, cada vez mais. O gestor operacional do LFG, Nuno Vargas, explica que esta instituição foi um projecto pessoal do Dr. Flaviano Gusmão, e daí o nome, tendo ao longo dos tempos vindo a consolidar-se. “Temos vindo a crescer devido a uma crescente procura de serviços de saúde. A informação, o avanço das tecnologias e os conhecimentos existentes a nível da medicina fizeram com que a área dos exames complementares de diagnóstico, incluindo as análises clínicas onde nós trabalhamos, passasse a ser um instrumento cada vez mais importante no auxílio ao diagnóstico do paciente”, sustenta. Uma rede com mais de 30 postos de colheita e parcerias com instituições e clinicas que vai desde Nisa a Portel, com uma política de grande proximidade ao utente, pretende oferecer um serviço de excelência. “Durante estes anos, o laboratório teve sempre o cuidado de estar próximo das pessoas e o exemplo disso é que temos uma rede que cobre todo o Alentejo, com postos de colheita de norte a sul da região a que correspondem 300 quilómetros”, justifica. Tendo em conta que, cada vez

mais, a prestação de qualquer serviço apresenta características e exigências que devem ser desenvolvidas numa perspectiva de competição, o laboratório Flaviano Gusmão aposta em análises de referência. Nuno Vargas salienta que esta diferenciação resulta também do facto do laboratório fazer parte do grupo líder na Europa no diagnóstico laboratorial e o primeiro Grupo de Análises Clínicas em Portugal, o grupo Labco.

Laboratório faz testes exclusivos na região O gestor operacional do LFG sublinha que isto permite que, neste momento, seja possível fazer neste laboratório todo o tipo de testes que sejam prescritos pelo médico, bem como alguns testes especiais que são exclusivos no Labco. “Por exemplo, o teste A200 que é um teste de intolerância alimentar para a dieta mediterrânica, inovador e que diagnostica várias intolerâncias alimentares que se podem agravar ao longo dos anos. Temos também o teste BrainScreen que é um estudo nutricional para o bom funcionamento cerebral”, frisa. Entre esta panóplia de testes existem todos os outros e os menos frequentes e mais específicos são efectuados nos nossos Laboratórios Centrais do Grupo Labco.

Qualidade desde o início do processo até ao resultado final Os responsáveis pelo laboratório consideram a opção pela certificação como um passo fundamental para o reconhecimento da qualidade dos serviços prestados. A afirmação é feita por Maria Gabriel Barroca, responsável pela

qualidade e pela secção de microbiologia. “Entende-se que não basta aceitar o desafio permanente do avanço da tecnologia, mas essencialmente estar preparado para a sua aplicação e controlo com base em normas internacionais. Daí, a opção do LFG pela certificação de acordo com norma ISO 9001”, explicita. O laboratório encontra-se certificado pela Empresa Internacional de Certificação (EIC) desde 2004, encontrando-se já no seu segundo ciclo de certificação. A EIC audita o LFG uma vez por ano, e de uma forma mais exaustiva de três em três anos para efeitos de renovação da certificação. É ainda auditado anualmente pela Bolsa Interna de Auditores do Grupo Labco. De salientar que neste espaço há ainda uma Estação de Tratamento de Águas Residuais. Esta política de qualidade é seguida, segundo Maria Gabriel Barroca, nos três processos que compreendem a fase pré-analítica, a analítica e a pósanalítica, isto é desde o início até à entrega dos resultados. “O utente tem o primeiro contacto com o laboratório na recepção, onde é iniciada a fase pré-analítica, são-lhe dadas todas as informações necessárias ao correcto atendimento para a execução dos exames que são solicitados na requisição médica, É feita a inscrição do utente que depois é chamado para o gabinete de colheitas onde é recolhida a amostra biológica pretendida. O contacto do utente com o laboratório acaba aqui”, afirma. De seguida, a colheita seguirá para a fase de triagem, onde termina a fase pré-analítica. Na triagem, a responsável evidencia que vai ser feita a obtenção da amostra que é pretendida para a

análise, seja soro, plasma ou sangue total. A fase seguinte é a analítica onde são executados todos os procedimentos técnicos necessários para se alcançar os resultados. “A seguir temos a fase pós-analítica em que há uma validação biopatológica e todo o processo administrativo em termos de emissão de boletins de resultados, de emissão de recibos e entrega do resultado ao utente”, conta. Nas análises de rotina, os resultados são entregues entre as 24 e as 48 horas seguintes à colheita. Em situações de urgência, no próprio dia. Há outras, contudo, mais específicas que podem demorar mais algum tempo.

Grande volume de trabalho não impede acompanhamento

dos utentes

Maria Gabriel Barroca adverte que, apesar do volume de trabalho, o laboratório quer distinguir-se por continuar a estudar as situações mais complexas. “Conseguimos acompanhar todo o rastreamento de cada doente e é interessante seguirmos determinados casos, que pela sua especificidade ou patologia, nos despertam algum interesse e até efectuamos pesquisa sobre o assunto”, reitera. Quanto ao futuro, os principais desafios apontados pelos responsáveis pelo Laboratório Flaviano Gusmão são acompanhar todo o avanço tecnológico em benefício do utente, no sentido de melhorar, sempre e cada vez mais, o serviço prestado ao


diário do SUL

Regional

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Exportações em alta em 2013

Porto de Sines alcança ano histórico n Roberto Dores

Os números oficiais não enganam e servem para ilustrar o sucesso alcançando pelo Porto de Sines em 2013. Em claro contraciclo com a crise nacional. O movimento de contentores no Terminal XXI atingiu os 692011 TEU (a medida standard utilizada para calcular o volume de um contentor, equivalendo cada unidade a 20 pés) nos primeiros nove meses do ano, o que traduzia um aumento de 76,5% em relação ao período homólogo de 2012. É caso para dizer que o ano que está a chegar ao fim é histórico para o porto alentejano. José Carlos Simão, diretor de sistemas e planeamento na Administração do Porto de Sines(APS), sublinha que 2013 foi “o melhor

ano de sempre” também ao nível dos navios recebidos em mercadorias movimentadas, “o que permite terminar este ano com grande satisfação”, diz. Também aqui os números falam por si. Foram movimentadas um total de 27,4 milhões de toneladas de mercadorias, o que representa um crescimento de 29% relativamente ao ano anterior. Os segmentos de carga que apresentaram uma melhor prestação foram os granéis líquidos e a carga geral. Já no que diz respeito ao número de navios que entraram no porto, foi registado um total de 1477 embarcações, com um crescimento de 36% do GT (Gross Tonnage) acumulado, o que não deixa de ser curioso em tempos de crise. “O facto de termos uma competitividade muito boa, permite-nos crescer

Moura contra fecho das Finanças A Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos do concelho de Moura manifestou-se contra o encerramento da repartição de Finanças da cidade. A iniciativa surgiu após o Governo ter admitido o fecho das Finanças de Moura. Segundo a Associação, a medida é “mais gravosa quando sabemos que este serviço de proximidade responde às Pub.

necessidades de uma população envelhecida, com dificuldades de mobilidade e que é servida por uma deficiente rede pública de transportes”. A concretizar-se o fecho, os cidadãos de Moura serão obrigados a deslocar-se a Beja sempre que quiserem pagar o IRS, IMI entre outros impostos ou multas, diz Manuel Baleizão, presidente da Associação.

no segmento dos grandes navios de última geração”, refere, admitindo que o arranque da nova fábrica de gasóleo na Refinaria de Sines “motivou um acréscimo bastante significativo dos granéis líquidos”. De resto, um dos argumentos que sustenta os bons resultados da infra-estrutura portuária do Litoral Alentejo radica no crescimento da exportação de refinados. “Já exportávamos gasolina, Pub.

mas agora também exportamos gasóleo, o que reforça a nossa posição”, acrescenta José Carlos Simão, para quem as perspectivas continuam animadas para 2014, justamente, com a consolidação da parte da refinaria. “Poderá ter alguns períodos de menor actividade, em face de eventuais intervenções de manutenção, mas o crescimento será uma realidade”, resume o mesmo responsável.

9


10

diário do SUL

Desporto

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Pub.

Joga à bola no Bairro de Santo António Realizou-se no passado Sábado o primeiro convívio misto “Joga à Bola”. Este evento que teve a participação de 200 jovens futebolistas realizou-se nas instalações do Grupo Desportivo de Santo António. A prova englobou os escalões de traquinas e petizes e fez

lembrar os históricos convívios com crianças, pais e avós em clima de grande festa e confraternização. De realçar o empenhamento do Clube organizador para que as actividades decorrem-se da melhor forma. O próximo convívio realiza-se em 2012.

Desportalegre animou idosos de Marvão João Lourenço, foi o vencedor dos últimos jogos promovidos pelo Centro Cultural e Desportivo Desportalegre, na Santa Casa da Misericórdia de Marvão e que põe ponto final a um ano de parceria a nível da animação recreativa dos idosos. Lurdes Leitão e Joana Cesário, ocuparam os restantes lugares de destaque. O titulo de vencedores do IIIº Troféu Comendador Rui Nabeiro de Jogos para idosos, da instituição marvanense foi para José Marouco

Pub.

diário do SUL

DIRECTOR E FUNDADOR: MANUEL MADEIRA PIÇARRA PROPRIEDADE: MANUEL MADEIRA PIÇARRA DIRECTORES ADJUNTOS: MARIA DA CONCEIÇÃO PIÇARRA; MANUEL J. PIÇARRA ADMINISTRAÇÃO / e-mail: administracao@diariodosul.com.pt EDITORES EXECUTIVOS: PAULO JORGE M. PIÇARRA (Cart. Prof. N.º 5214); JOSÉ MIGUEL S. M. PIÇARRA (Cart. Prof. N.º 5216); FOTOGRAFIA - DIÁRIO DO SUL e LUSA COORDENADORES PUBLICITÁRIOS: ANTÓNIO OLIVEIRA / CARLOS EVARISTO DINIZ

e Lurdes Leitão, que ganharam umas t-shirts da Delta Cafés relativa ao evento e um quadro com fotos. Na hora da despedida os utentes mostraram-se desencantados por deixarem de contar com os jogos do Desportalegre em 2014. O Desportalegre agradeceu a oportunidade que lhe foi dada e a forma simpática e acolhedora como sempre foram recebidos no Lar de Marvão, acreditando na concretização de futuras parcerias.

REDACÇÃO e ADMINISTRAÇÃO: Trav.ª de St.º André, 6-8 - Apart.: 2037 - 7001-951 ÉVORA Codex Tel.: 266 744 444 - FAX: 266 741 252 REDACÇÃO DE PORTALEGRE: TELEF. e FAX: 245 207465 REDACÇÃO / e-mail: redacao@diariodosul.com.pt REDACÇÃO: Roberto Dores (Cart. Prof. N.º 2863); Maria Antónia Zacarias (Cart. Prof. N.º 4844); Bruno Calado Silva (Cart. Prof. N.º 4479); Gabriel Raimundo (Cart. Prof. N.º 8642). Colaboradores Especializados: Marina Pardal (TP1082); Maria Luisa Silva (CO 899) COLABORADORES: A. Mira Ferreira; Dr. Carlos Zorrinho; Dr. Ana Paula Fitas; António Gomes Almeida; Dr. Carlos Almeida; Dr. Luís Galhardas; Dr. Afonso de Carvalho; Monarca Pinheiro; Mário Simões; António Candeias; João Aranha; J. Correia; Francisco Pandega; Sampaio da Silva; A. Moreira; M. O. Diniz Sampaio; Alexandre Oliveira; José Eliseu, Dr. Bravo Nico; Pe. Rui Rosas da Silva; Pe. Senra Coelho; Dr.ª Maria Reina Martin; Marcelino Bravo; Arq.º Fernando Pinto; Major Velez Correia; António Ramiro Pedrosa Vieira; Prof. Costa Coelho; Jorge Barata Santos; Dr.ª Paula Nobre de Deus; J. Ventura Trindade; José Eduardo Carreiro; Dr. Nelson Lage; Dr. Henrique Lopes; Dr. Francisco Costa; Dr. José Nascimento; Dr. Luís Assis; Orlando Fernandes; Pe. Madureira da Silva; Dr. Manuel Caldeira Pais; José Palma Rita.

Raquel Trabuco em terceiro no Grande Prémio de Natal Cidade de Lisboa Depois de ter participado na tradicional corrida de São Silvestre de Crato, a elvense, Raquel Trabuco foi a Lisboa alcançar um excelente terceiro lugar no 54º Grande Prémio de Natal Cidade de Lisboa, numa distância de cerca de 9 quilómetros. A prova percorreu algumas praças e avenidas da Cidade de Lisboa., tendo Raquel Trabuco percorrido os

nove quilómetros em 30.08 minutos. Participarão na prova mãos de 500 atletas.

Aminata com campeões zonais O Aminata Évora Clube de Natação marcou presença no Torneio Zonal de Juvenis (zona Sul) que decorreram no ultimo fim de semana em Tomar. O Aminata fez-se representar por onze atletas no total, participando em 28 provas individuais e três estafetas. Foi bem visivel a forma determinada como todos se empenharam perante adversários de grande qualidade, mostrando que estavam lá para lutar pelos lugares cimeiros da classificação final elevando assim a qualidade do Torneio. Foram conseguidos 17 recordes pessoais e 12 minimos para os campeonatos nacionais. Mínimos para Campeonato Nacional: Miguel Baltazar – 1500 livres, 100 costas, 200 costas e 200 estilos; João Barrulas – 100 bruços (MAC); Bernado Escada – 100 livres, 200 livres; Carolina Escada – 400 livres; Tiago Escada – 200 livres, 200 bruços, 200 estilos (MAC). Carolina Escada, Beartiz Bilro, Inês Fadista e Ana Cruz constituiram a estafeta de 4x100Estilos que obteve minimos para os Campeonatos Nacionais. Tiago Escada, João Barrulas Bernardo Escada e André Batalha constituiram as estafetas de

4x100Livres e 4x100 Estilos com marcas que garantem a participação nos campeonatos nacionais. Gostaríamos de destacar o atleta Tiago Escada pela conquista do 1º lugar (Campeão Zonal) nos 200 costas (2’11’’70), pelo 2º lugar ( Vice Campeão Zonal) nos 100 costas (1’02’’67) e 200 estilos (2’18’’44). A estafeta masculina, constituida por Tiago Escada, Bernardo Escada, João Barrulas e André Batalha, conquistou o 3º lugar na prova 4x100 livres (3’57’’46) e o 1º lugar (Campeões Zonais) na prova 4x100 Estilos (4’18’’44). Para terminar, também queriamos destacar o atleta João Barrulas pelo tempo alcançado na prova de 100 bruços (1’11’’06/4º lugar) e o Miguel Martins na prova de 200 bruços (2’35’’90/5º lugar). Parabéns ao Aminata pela excelente prestação durante o decorrer deste Campeonato Zonal de Juvenis (Zona Sul)!

ADMINISTRAÇÃO e PUBLICIDADE:

• Tel: 266 730 410 • Fax: 266 730 411 administracao@diariodosul.com.pt

E-mail’s:

redacao@diariodosul.com.pt publicidade@diariodosul.com.pt

IMPRESSÃO ROTATIVA Piçarra - Distribuição de Jornais, Lda. ÉVORA TIRAGEM: 5.000/Dia N.º Registo: 100262 NIPC: 123 329 019 ISSN 1647-6816

MEMBRO:

NOTÍCIAS DE PORTUGAL

Todos os direitos reservados. Interdita a reprodução, mesmo que parcial, de textos, fotografias ou ilustrações sob quaisquer meios, e para quaisquer fins, mesmo que comerciais.

DISTRIBUIÇÃO (porta a porta)


diário do SUL �������� ������������� ��������������������������������� �������������������������������� ���������������������������������

Publicidade SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

����������������� �������������������������� ������������������������� ����������������������������� ������������������������������ ������������������������ �������

������������������������������ ��������������������������� ��������������������� ���������������� �������

���������������������

�������������������� �������������������� ��������������������������������� ���������������������

����������������������

�������

����������������������

�������

����������� ����������������������� ��������������������������� ������������������ �������

���������������� �������������������������

������������������������������ ��������������������� �������������������������������� ������������������ ��������������������������� �������������� ����������������������

��������������������������� �����������������������������

���������������������������

���������������

�����������������������������

���������������������

��������������������������������� �������

�������������������������� �������

��������������������

������������� ��������������������������������� ��������������������������������� �������

����������������������� ���������������������������� �����������������������������

��������������������

��������������������������� ������������������

��������������

�������

������������

��������������������� ��������������������������� �������������������������������

������������

�������������������� ����������������

���������������������� �������

���������������

������������������������ ������������������� ��������������������� �������

����������������� ���������������� ���������������� �������

�������������� ������������������������������� ��������������������������������� �������������������������������� ��������������������������� ������������ �������

������� ���������������������������� �������������������������� �������������������������� ����������� �������

��������������������

PROMOÇÃO

Tubos de inox de 1 metro desde 12,90, chapéus de inox desde 15,00€, várias medidas. Com fabrico próprio de lareiras por medida e churrasqueiras por medida

Horário: de segunda-feira a sábado das 9h às 13h e das 15h às 19h �������

������������������

�������������������������

Arlindo Lareiras

. Salamandras a partir de 125,00€ . Recuperadores com ventilação a partir de 534,99€ e Salamandras a pellets com comando 1090,00€. . Temos vidros para salamandras e recuperadores; fazemos a colocação do cordão nas portas e fazemos também a respectiva limpeza das chaminés. . Temos recuperadores em todas as medidas para lareiras já existentes e fazemos a colocação dos mesmos. . Temos todas as medidas de tubos inox e preto e acessórios

Agente de recuperadores e salamandras Fogo Montanha, Invicta, Supra, ADF, Chazelles, Chama, Nórdica e Jotul. Fazemos montagens das salamandras e recuperadores e fazemos a assistência técnica.

Estrada Nacional 114 (Sentido Évora - Montemor-o-Novo a 100 metros depois do Pingo Doce (ex. Feira Nova)) | T 919775898

- 266734394 | arlindolareiras@sapo.pt

11


12

diário do SUL

Publicidade SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

RAINHA SANTA ISABEL VIAGENS E TURISMO, LDA. Largo dos Combatentes da Grande Guerra 9 e 10 7100-111 ESTREMOZ Telef.: 268 333 228 Fax: 268 333 285 Edifício de Santa Catarina 12 - Loja 4 - Évora Tel: 266 747 871 Fax: 266 747 873 Alvará 668/93

* ÓBIDOS VILA NATAL – Dia 15 de Dezembro * Compras e Iluminações de Natal em LISBOA – Dia 21 de Dezembro * Excursão ao Santuário de Fátima – Dia 22 de Dezembro CONSULTE OS NOSSOS PROGRAMAS DE FIM DE ANO! * PUERTO DE SANTA MARIA – com visita a Sevilha e Cádiz – 3 DIAS – De 30 de Dezembro a 01 de Janeiro – VIAGEM CONFIRMADA! * SÃO PEDRO DO SUL – com visita a Viseu, Aveiro e São Macário – 3 DIAS – De 30 de Dezembro a 01 de Janeiro – VIAGEM CONFIRMADA! * GALIZA – PADRON – com visita a Padrón, Santiago de Compostela, La Toja, Grove e Pontevedra – 3 DIAS – De 30 de Dezembro a 01 de Janeiro * CASTELO BRANCO – com visita a Castelo Branco – 2 DIAS – De 31 de Dezembro a 01 de Janeiro JANEIRO 2014 * CIRQUE DU SOLEIL – ESPETÁCULO DRALION –DIA 05 DE

JANEIRO *ALMOÇO DE REIS em Palmela - com visita às Caves José Maria da Fonseca e Fábrica de Tortas de Azeitão – DIA 05 DE JANEIRO * ESPETÁCULO “CAIXA FORTE” – No Teatro Villaret com FERNANDO MENDES, Um Espetáculo que é um Espetáculo – DIA 12 DE JANEIRO * PRESÉPIO VIVO DE PRISCOS – Com visita a BRAGA e SAMEIRO – 2 Dias - De 11 a 12 de Janeiro * Teatro Politeama – GRANDE REVISTA À PORTUGUESA – Um espetáculo de Filipe La féria, com João Baião e Marina Mota – DIA 19 DE JANEIRO * ALMOÇO DE LEITÃO NA BAIRRADA – Com visita a Coimbra, Curia e Luso – DIA 19 DE JANEIRO * FIM DE SEMANA COM FADOS – Em restaurante típico de Lisboa, com visita a Sintra - DE 25 A 26 DE JANEIRO * Excursão ao Santuário de Fátima – DIA 26 DE JANEIRO * Teatro Maria Vitória “Parque Mayer” apresenta: LISBOA AMOR PERFEITO – com Carlos Cunha e Paulo Vasco – DIA 02 DE FEVEREIRO

PARA OUTROS DESTINOS E DATAS CONSULTE A NOSSA PROGRAMAÇÃO ANUAL **ALUGUER DE AUTOCARROS** VISITE-NOS EM www.rsi-viagens.com


diário do SUL

Sociedade

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

13

SOMEFE não esquece

A sempre amiga administração da SOMEFE prestigiada empresa eborense nunca se esquece do Diário do sul e na quadra natalícia envianos lembranças doces e uma linda imagem metálica do presépio. Ao nosso amigo eng. José M. Noites e seus familiares agradecemos desejando-lhe felicidades e êxitos empresariais.

ACEITA-SE IDOSO/IDOSA SINGULAR OU CASAL

Com acompanhamento médico e de enfermagem. Quartos amplos, duplos e individuais com wc privativo Ambiente familiar e máxima higiene. Espaço exterior envolvente com bastante arvoredo. Aceitamos idosos dependentes ou autónomos Situado em Évora Venha conhecer-nos! Tm: 961711292

NECROLOGIA FILIPINA ROSA RAMOS COELHO VERDUGO Missa de 2.º Mês

Seu marido, irmão, sobrinhos e família, na impossibilidade de o fazerem pessoalmente como seria seu desejo, vêm por este meio participar a todas as pessoas das suas relações e amizade que será celebrada Missa pelo eterno descanso do seu ente querido. Domingo, dia 22 de Dezembro, pelas 11h30m, na Igreja dos Álamos, agradecendo desde já a quem se dignar assistir a tão piedoso acto.

JOAQUIM ANTÓNIO PINHEIRO SERRANO Um ano de saudades imensas

Esposa, filhas e genros, participam que será celebrada Missa de 1º aniversário, no dia 24 de Dezembro, na Igreja da Sagrada Família dos Álamos, em Évora, pelas 18h30m. Deus levou-o para junto de si, mas viverá sempre em nossos corações, pois para os que amam o tempo é a eternidade.

SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE ÉVORA

SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE ÉVORA

A Santa Casa da Misericórdia de Évora de harmonia com o Art.º 8º no seu n.º 5. do Compromisso, manda celebrar na Igreja da Misericórdia nos Sábados 21/12/2013, 28/12/2013 e 04/01/2014 pelas 17,00 horas Missas por Alma da Irmã NATIVIDADE MARIA PEREIRA COSTA. Agradecemos desde já a quem participar nestes piedosos Actos.

A Santa Casa da Misericórdia de Évora de harmonia com o Art.º 8º no seu n.º 5. do Compromisso, manda celebrar na Igreja da Misericórdia nos Sábados 21/12/2013, 28/12/2013 e 04/01/2014 pelas 17,00 horas Missas por Alma da Irmã ANTONIA MARIA BARRANCOS BOTAS. Agradecemos desde já a quem participar nestes piedosos Actos.

O Provedor

O Provedor

(Luís Filipe Alfacinha de Brito)

(Luís Filipe Alfacinha de Brito)

JOAQUIM ANTÓNIO RAMALHO SANTOS

Agradecimento e Missa de 30.º Dia Seus irmãos, cunhados e sobrinhos, na impossibilidade de o fazerem pessoalmente, vêm por este meio agradecer a todas as pessoas das suas relações e amizade a forma como lhes manifestaram o seu pesar aquando do falecimento do seu ente querido. Aproveitam para participar que será celebrada Missa pelo seu eterno descanso hoje dia 20 de Dezembro, pelas 18h30m, na Igreja da Sagrada Família - Álamos, agradecendo desde já a quem se dignar assistir a tão piedoso acto.

FELICIANO ANTÓNIO TIM TIM DESTAPADO Missa de 1.º Aniversário

Sua filha e restante família, na impossibilidade de o fazerem pessoalmente como seria seu desejo, vêm por este meio participar a todas as pessoas das suas relações e amizade que será celebrada Missa pelo eterno descanso do seu ente querido. Sábado, dia 21 de Dezembro, pelas 18h30m, na Igreja dos Salesianos, agradecendo desde já a quem se dignar assistir a tão piedoso acto.

FRANCISCA ROSA COELHO Agradecimento

Seus filhos, genro, nora, netos e bisnetos, na impossibilidade de o fazerem pessoalmente como seria do seu desejo, vêm por este meio agradecer a todas as pessoas das suas relações e amizade a forma como lhes manifestaram o seu pesar aquando do falecimento da sua ente querida.

FRANCISCO XAVIER FROES DAVID No dia 21 de Dezembro faz um ano que partiste! Seus filhos, irmãos e restante família, na impossibilidade de o fazerem pessoalmente, como seria seu desejo, vêm por este meio participar a todas as pessoas das suas relações e amizade, que no dia 21 de Dezembro (Sábado) às 16 horas, será feita a trasladação das cinzas para o Cemitério dos Remédios em Évora para o jazigo da família David. E às 18 horas será celebrada uma missa na igreja dos Salesianos em Évora. Agradecendo desde já a todos os que se dignarem a assistir a tão piedoso acto. Pub.

VITOR JOSÉ COSTA Missa de 8.º Aniversário

Seus familiares participam que será rezada missa dia 21 pelas 18:30 horas na Igreja da Sagrada Família - Álamos.


14

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

PROGRAMAÇÃO TELEVISÃO SIC RTP 2

RTP 1 SEXTA-FEIRA, 20 06:30 Bom Dia Portugal 10:00 Especial Santa Casa 12:11 Os Nossos Dias 13:00 Jornal da Tarde 14:15 Windeck - O Preço da Ambição 14:40 Depois do Adeus 15:43 Especial Santa Casa 18:00 Portugal em Direto 18:48 O Preço Certo 19:46 Direito de Antena 20:00 Telejornal 21:00 Sexta às 9 21:37 Bem-vindos a Beirais 22:27 Quem Quer Ser Milionário 23:22 5 Para a Meia-Noite 00:43 Kátia Guerreiro no Olympia 02:02 O Último Tango em Paris (Filme) 04:08 Ler +, Ler Melhor 04:16 Televendas 06:02 Biosfera SÁBADO, 21 06:30 Príncipes do Nada 07:00 Fórum África 2013 07:30 África 7 Dias 08:00 Bom Dia Portugal Fim de Semana 10:45 Voz do Cidadão 11:00 Natal dos Hospitais 2013 13:00 Jornal da Tarde 14:15 Aqui Portugal 20:00 Telejornal 21:15 Quem Quer Ser Milionário

Especial Crianças 22:15 Chefs Academy 00:00 Um Golpe de Sorte (Filme) 02:00 Miss Detetive (Filme) 04:00 Janela Indiscreta com Mário Augusto 04:30 Televendas 06:00 Biosfera DOMINGO,22 06:30 Príncipes do Nada 07:00 Músicas de África 2013 08:00 Bom Dia Portugal Fim de Semana 10:00 Eucaristia Dominical 11:00 Natal dos Hospitais 2013 (Compacto) 13:00 Jornal da Tarde 14:15 Só Visto! 15:15 Harry Potter e os Talismãs da Morte: Parte 2Estreia (Filme) 17:30 Sherlock Holmes: Jogo de Sombras Estreia (Filme) 20:00 Telejornal 21:15 Chefs Academy - Especial Natal 22:15 Hora da Sorte: Sorteio do Joker 22:30 2.º Concerto de Natal RTP 00:00 A Ressaca (Filme) 02:00 Os Mágicos 03:00 Só Visto! (R/) 03:45 Televendas 06:00 Nós

SEXTA-FEIRA, 20 07:00 Zig Zag 15:02 5 Minutos Com Um Cientista 15:09 Dois Homens e Meio 15:32 National Geographic (R/) 16:24 Iniciativa 16:28 Sociedade Civil 18:00 A Fé dos Homens 18:32 Iniciativa (R/) 18:38 Ler +, Ler Melhor 18:47 Zig Zag 20:44 Ler +, Ler Melhor (R/) 20:54 5 Minutos Com Um Cientista (R/) 21:01 National Geographic 21:51 Nada Tenho de Meu Estreia 22:00 Síntese 24 horas 22:22 Agora (Diários) 22:30 Clínica Privada 23:16 Viver é Fácil 23:42 Voo Directo - A Vida a 900 à Hora 00:35 1001 Escolhas 01:29 Agora (Diários) (R/) 01:35 Euronews SÁBADO, 21 07:00 Zig Zag 10:50 Universidade Aberta 11:15 Sozinho, 180 Dias no Lago Baikal (Doc) 12:08 Olhar o Mundo 12:37 A Família Bellamy 13:32 Conversas no Cabeleireiro 14:00 Parlamento

Tempo Évora Pub.

diário do SUL

Entretenimento

Sexta-feira 20 - Céu Limpo Máx.: 12º C | Min.: 3º C Sáb. 21 - Céu Limpo Máx.: 13º C | Min.: 1ºC Dom. 22 - Céu Limpo Máx.: 13º C |Min.: 1º C

15:00 Desporto 2 19:01 Janela Indiscreta com Mário Augusto 19:30 A Teoria do Big Bang 20:00 Zig Zag 20:51 Ler +, Ler Melhor (R/) 21:09 Surrender (2º episódio) 22:00 Bairro Alto 23:00 Margens do Paraíso 00:00 24 Horas 01:00 Palcos 02:00 Euronews DOMINGO, 22 07:00 Zig Zag 10:54 Caminhos 11:22 70x7 11:45 Nós 12:15 Biosfera 12:45 Zon North Canyon 13:30 Super Diva - Ópera para Todos 14:00 Eurodeputados 14:45 Voz do Cidadão 15:00 Desporto 2 19:00 A Entrevista de Maria Flor Pedroso 19:30 A Teoria do Big Bang 20:00 Zig Zag 21:00 Prodígios da Vida 21:45 Agora 22:23 Britcom 23:10 Portugal 3.0 00:00 24 Horas 01:03 Novos Autores 02:00 Onda Curta 02:30 Nós (R/) 03:00 Euronews

Beja

Sexta-feira 20 Céu Limpo Máx.: 13º C | Min.: 5º C

Portalegre

Sexta-feira 20 Céu Limpo Máx.: 8º C | Min.: 3º C

SEXTA-FEIRA, 20 07:00 Zig Zag 15:02 5 Minutos Com Um Cientista 15:09 Dois Homens e Meio 15:32 National Geographic (R/) 16:24 Iniciativa 16:28 Sociedade Civil 18:00 A Fé dos Homens 18:32 Iniciativa (R/) 18:38 Ler +, Ler Melhor 18:47 Zig Zag 20:44 Ler +, Ler Melhor (R/) 20:54 5 Minutos Com Um Cientista (R/) 21:01 National Geographic 21:51 Nada Tenho de Meu Estreia 22:00 Síntese 24 horas 22:22 Agora (Diários) 22:30 Clínica Privada 23:16 Viver é Fácil 23:42 Voo Directo - A Vida a 900 à Hora 00:35 1001 Escolhas 01:29 Agora (Diários) (R/) 01:35 Euronews SÁBADO, 21 07:00 Zig Zag 10:50 Universidade Aberta 11:15 Sozinho, 180 Dias no Lago Baikal (Doc) 12:08 Olhar o Mundo 12:37 A Família Bellamy 13:32 Conversas no Cabeleireiro 14:00 Parlamento

15:00 Desporto 2 19:01 Janela Indiscreta com Mário Augusto 19:30 A Teoria do Big Bang 20:00 Zig Zag 20:51 Ler +, Ler Melhor (R/) 21:09 Surrender (2º episódio) 22:00 Bairro Alto 23:00 Margens do Paraíso 00:00 24 Horas 01:00 Palcos 02:00 Euronews DOMINGO, 22 07:00 Zig Zag 10:54 Caminhos 11:22 70x7 11:45 Nós 12:15 Biosfera 12:45 Zon North Canyon 13:30 Super Diva - Ópera para Todos 14:00 Eurodeputados 14:45 Voz do Cidadão 15:00 Desporto 2 19:00 A Entrevista de Maria Flor Pedroso 19:30 A Teoria do Big Bang 20:00 Zig Zag 21:00 Prodígios da Vida 21:45 Agora 22:23 Britcom 23:10 Portugal 3.0 00:00 24 Horas 01:03 Novos Autores 02:00 Onda Curta 02:30 Nós (R/) 03:00 Euronews

TVI SEXTA-FEIRA, 20 07:00 Zig Zag 15:02 5 Minutos Com Um Cientista 15:09 Dois Homens e Meio 15:32 National Geographic (R/) 16:24 Iniciativa 16:28 Sociedade Civil 18:00 A Fé dos Homens 18:32 Iniciativa (R/) 18:38 Ler +, Ler Melhor 18:47 Zig Zag 20:44 Ler +, Ler Melhor (R/) 20:54 5 Minutos Com Um Cientista (R/) 21:01 National Geographic 21:51 Nada Tenho de Meu Estreia 22:00 Síntese 24 horas 22:22 Agora (Diários) 22:30 Clínica Privada 23:16 Viver é Fácil 23:42 Voo Directo - A Vida a 900 à Hora 00:35 1001 Escolhas 01:29 Agora (Diários) (R/) 01:35 Euronews SÁBADO, 21 07:00 Zig Zag 10:50 Universidade Aberta 11:15 Sozinho, 180 Dias no Lago Baikal (Doc) 12:08 Olhar o Mundo 12:37 A Família Bellamy 13:32 Conversas no Cabeleireiro 14:00 Parlamento 15:00 Desporto 2

19:01 Janela Indiscreta com Mário Augusto 19:30 A Teoria do Big Bang 20:00 Zig Zag 20:51 Ler +, Ler Melhor (R/) 21:09 Surrender (2º episódio) 22:00 Bairro Alto 23:00 Margens do Paraíso 00:00 24 Horas 01:00 Palcos 02:00 Euronews DOMINGO, 22 07:00 Zig Zag 10:54 Caminhos 11:22 70x7 11:45 Nós 12:15 Biosfera 12:45 Zon North Canyon 13:30 Super Diva - Ópera para Todos 14:00 Eurodeputados 14:45 Voz do Cidadão 15:00 Desporto 2 19:00 A Entrevista de Maria Flor Pedroso 19:30 A Teoria do Big Bang 20:00 Zig Zag 21:00 Prodígios da Vida 21:45 Agora 22:23 Britcom 23:10 Portugal 3.0 00:00 24 Horas 01:03 Novos Autores 02:00 Onda Curta 02:30 Nós (R/) 03:00 Euronews

Farmácia de Serviço Sexta-feira, 20 DISTRITO DE ÉVORA ALANDROAL – Alandroalense ARRAIOLOS – Misericórdia BORBA – Central ESTREMOZ – Carapeta Irmão ÉVORA - Branco MONTEMOR-O-NOVO – Central MORA – Central, Falcão MOURÃO – Central PORTEL – Fialho REDONDO – Casa do Povo REGUENGOS MONSARAZ – Moderna VENDAS NOVAS – Ribeiro VIANA DO ALENTEJO – Viana VILA VIÇOSA – Torrinha DISTRITO DE BEJA ALJUSTREL – Dias ALVITO – Nobre Sobrinho BEJA – Silveira CUBA – Misericórdia MOURA – Nova de Moura; Pub.

SERPA – Central; VIDIGUEIRA – Costa DISTRITO DE PORTALEGRE ALTER DO CHÃO – Alter; Portugal CRATO – Saramago Pais ELVAS – Moutta PONTE DE SÔR – Cruz Bucho; PORTALEGRE – Nova SOUSEL – Mendes Dordio; Andrade LITORAL ALENTEJANO ALCÁCER DO SAL – Misericórdia GRÂNDOLA – Costa SANTIAGO DO CACÉM – Corte Real SINES – Atlântico Sábado, 21 DISTRITO DE ÉVORA ALANDROAL – Alandroalense ARRAIOLOS – Misericórdia BORBA – Carvalho Cortes ESTREMOZ – Grijó ÉVORA - Ferro

MONTEMOR-O-NOVO – Misericórdia MORA – Central, Falcão MOURÃO – Central PORTEL – Fialho REDONDO – Casa do Povo REGUENGOS MONSARAZ – Paulitos VENDAS NOVAS – Ribeiro VIANA DO ALENTEJO – Viana VILA VIÇOSA – Torrinha DISTRITO DE BEJA ALJUSTREL – Dias ALVITO – Nobre Sobrinho BEJA – Palma CUBA – Misericórdia MOURA – Faria; SERPA – Oliveira Carrasco; VIDIGUEIRA – Costa DISTRITO DE PORTALEGRE ALTER DO CHÃO – Alter; Portugal CRATO – Misericórdia ELVAS – Rosado e Silva PONTE DE SÔR – Varela Dias; PORTALEGRE – Elvas SOUSEL – Mendes Dordio; Andrade LITORAL ALENTEJANO ALCÁCER DO SAL – Misericórdia GRÂNDOLA – Costa SANTIAGO DO CACÉM – Corte Real SINES – Atlântico Domingo, 22 DISTRITO DE ÉVORA ALANDROAL – Alandroalense ARRAIOLOS – Misericórdia BORBA – Carvalho Cortes ESTREMOZ – Grijó ÉVORA - Rebocho Pais MONTEMOR-O-NOVO – Freitas MORA – Falcão, Central MOURÃO – Central PORTEL – Fialho REDONDO – Casa do Povo REGUENGOS MONSARAZ – Paulitos VENDAS NOVAS – Ribeiro VIANA DO ALENTEJO – Viana VILA VIÇOSA – Torrinha DISTRITO DE BEJA ALJUSTREL – Dias ALVITO – Nobre Sobrinho BEJA – Central CUBA – Misericórdia MOURA – Ferreira da Costa; SERPA – Oliveira Carrasco; VIDIGUEIRA – Costa DISTRITO DE PORTALEGRE ALTER DO CHÃO – Alter; Portugal CRATO – Misericórdia ELVAS – Rosado e Silva PONTE DE SÔR – Varela Dias; PORTALEGRE – Cunha Miranda SOUSEL – Mendes Dordio; Andrade LITORAL ALENTEJANO ALCÁCER DO SAL – Misericórdia GRÂNDOLA – Costa SANTIAGO DO CACÉM – Corte Real SINES – Atlântico


diário do SUL

Regional

SEXTA-FEIRA , 20 DE DEZEMBRO DE 2013

15

Empresário eborense, Paulo Rosado, ganhou o Grande Prémio Portugal PME

Outsystems é considerada “o Ferrari” na tecnologia para o desenvolvimento empresarial Foto - Jorge Fonseca

n Maria Antónia Zacarias

G

anhar dimensão e visibilidade mundiais são os desafios de Paulo Rosado, eborense, e um dos fundadores da empresa Outsystems que venceu o grande prémio Portugal Pequena e Média Empresa (PME) este ano e que colocar os sistemas de informação a mudar à velocidade com que o negócio das empresas se altera. Em declarações à imprensa, Paulo Rosado, que juntamente com mais colegas decidiram um dia lançar-se no mundo do empreendedorismo, explica que o sonho de criar alguma coisa de grande, “uma mega-corporação tecnológica de base portuguesa e que mostre a qualidade da engenharia portuguesa” tem pernas para andar, assim, haja oportunidades. E parece que as há, uma vez que o software desenvolvido já conquistou inúmeros clientes, entre os quais uma igreja evangélica no Texas até grandes

empresas portuguesas, bancos no Norte da Europa e o próprio exército dos Estados Unidos da América. A inovação que valeu a distinção assenta na criação de sistemas de informação que permite às empresas “não parar no tempo”, isto é, manter actualizada a sua actividade, do ponto de vista informático, consoante os fluxos de negócio. “Até então, os sistemas de informação não conseguiam acompanhar a velocidade de mudanças dos negócios. Com o produto da Outsystems, os sistemas de informação passam a

ser construídos para mudar com a actividade da empresa, o que possibilita comprimir ciclos de desenvolvimento e fazer com que a produtividade aumente até dez vezes mais”, salienta Paulo Rosado. O empresário eborense afirma mesmo que a Outsystems “resolveu um problema endémico em todo o mundo”. Em entrevista ao Jornal de Negócios, Paulo Rosado explica que a empresa “tem uma plataforma de software

Agile que vende e que permite construir aplicações inovadoras e diferenciadoras, feitas à medida, que resolvem os problemas específicos”. O reconhecimento do trabalho desta empresa começou logo em 2003 quando recebeu o galardão da revista Fortune que a considerou como uma das seis melhores star-ups mundiais. Contudo, sublinha que os elogios que mais o satisfazem são os dos

compradores e lembra que houve um cliente que lhe disse: “A Outsystems é o Ferrari na tecnologia para o desenvolvimento empresarial”. Recorde-se que o projecto nasceu em Março de 2001, mas neste momento, a empresa distribuiu-se pelo mundo com escritórios em Atlanta e Sillicon Valley (EUA), em Ultrecht (Holanda), Londres e Singapura. No entanto, a casa-mãe é em

Linda-a-Velha, onde trabalham aproximadamente 200 pessoas. Paulo Rosado evidencia que tem um conjunto de colaboradores “extraordinários”, uma tecnologia “das melhores no mundo” e diz estar num segmento de indústria que está a crescer a rácios de 30 por cento anuais. Mas, o empresário eborense quer mais, diz precisar aumentar a visibilidade da marca mundialmente, considerando que há ainda muito trabalho a fazer. Pub.


Cinquenta colaboradores da empresa tiveram de enfrentar desafios

ANO: 44.º NÚMERO: 12.171 PVP: 0,75€ SEXTA-FEIRA, 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Deloitte Portugal promoveu acção de formação inovadora em Évora n Marina Pardal

Alcácer do Sal investe em centro de educação pré-escolar A Câmara Municipal de Alcácer do Sal anunciou um investimento de um milhão de euros na requalificação e ampliação de uma antiga escola, que vai passar a ser um centro de educação pré-escolar. O projeto prevê a construção de quatro novas salas de atividades, instalações sanitárias, biblioteca, salas de apoio aos professores, de informática e de

refeições, copa e respetivos equipamentos de suporte, indicou o município, em comunicado. Segundo a autarquia, vão também ser feitas obras nas instalações já existentes, além da intervenção na cobertura do edifício, “ainda em fibrocimento (com amianto)”, um material potencialmente cancerígeno cuja utilização é proibida pela

União Europeia desde 2005. Segundo o atual executivo, encabeçado por Vítor Proença (CDU), a candidatura a fundos comunitários “estava condicionada por falta de elementos”, que já foram desbloqueados. A Câmara de Alcácer do Sal informou também que a obra já foi adjudicada e que o processo aguarda o parecer do Tribunal de Contas.

Confederação dos Meios de Comunicação Social quer alteração da lei eleitoral autárquica O presidente da Confederação Portuguesa dos Meios de Comunicação Social (CPMCS), Albérico Fernandes, procurou sensibilizar o PSD para a necessidade de alteração da lei eleitoral autárquica, de forma a permitir a cobertura noticiosa das eleições. “A confederação está preocupada com o que aconteceu nas últimas eleições, em que os meios de comunicação social, se cumprissem o que a lei lhes impunha de ouvir todos os candidatos e dar a todos o mesmo tempo, não teria tempo para os ouvir a todos. Seria completamente impossível”, disse Albérico Fernandes. Em declarações à agência Lusa,

o presidente da CPMCS frisou que a lei eleitoral autárquica é de 1975, pelo que “está ultrapassada no tempo”. “Foi feita com outros objetivos, que não se verificam hoje”, afirmou. Considerando que aquela situação “não serve políticos, o público e os próprios meios de comunicação social”, a CPMCS decidiu fazer uma ronda pelos partidos políticos “para saber da disponibilidade em promover as alterações necessárias à lei”. A confederação mostrou-se, ainda, disponível para colaborar com os partidos na elaboração das alterações necessárias.

Da parte do PSD, a vice-presidente Nilza de Sena disse que o partido viu “com muita preocupação aquilo que se passou nas últimas eleições autárquicas”, que resultou numa “diminuição da informação por força de uma lei que está parada no tempo”. “Temos total abertura nesta questão”, afirmou a vice-presidente, acrescentando que o PSD está disponível para trabalhar nas alterações. A Confederação Portuguesa dos Meios de Comunicação Social já se reuniu também com o CDSPP e o PS, que também terão mostrado abertura para alterar a lei, indicou Albérico Fernandes.

Mais de um milhão de pessoas com mais de 65 anos vacinadas gratuitamente contra gripe Mais de um milhão de pessoas com mais de 65 anos foram vacinadas gratuitamente contra a gripe sazonal nos centros de saúde, segundo dados da Direção-Geral da Saúde (DGS). Até 19 de dezembro tinham sido vacinadas gratuitamente 1,1 milhão de pessoas com 65 ou mais anos, abrangendo 62% da população portuguesa pertencente a este grupo etário, número que ultrapassa a meta que tinha sido estabelecida pela DGS. A DGS tinha fixado o objetivo de vacinar 60% daqueles cidadãos.

Na época de gripe anterior (2012-2013) a cobertura vacinal antigripal foi de 45%, verifi-

cando-se, portanto, um acréscimo na época atual. A DGS sublinha que estes números vêm interromper “a tendência decrescente que vinha sendo observada desde a época 2009-2010”. O relatório do vacinómetro, divulgado hoje e que monitoriza em tempo real a taxa de cobertura da vacinação, indicava que até àquela data tinham sido vacinados perto de 1,5 milhões de portugueses com mais de 60 anos. O mesmo relatório dava conta de que restringindo a taxa de cobertura apenas às pessoas com mais de 65 anos, tinham sido vacinados

Mostrar a importância de trabalhar em equipa e de nos relacionarmos com os outros foi um dos principais objectivos da acção de formação realizada pela Deloitte Portugal. A iniciativa decorreu ontem, em Évora, envolvendo cerca de 50 colaboradores da empresa que tiveram de enfrentar diferentes desafios, divididos por grupos. Uma das equipas, constituída por Rita Romão, Gil Monteiro, Ricardo Gonçalves e Paulo Ferreira, esteve nas instalações do grupo Diário do Sul, para dar a conhecer este projecto. Até porque um dos seus desafios era conseguir que fosse feita uma reportagem num jornal da região. A par deste, os outros objectivos do grupo era que alguém desta zona os acolhesse em casa para almoçarem; realizar uma campanha de angariação de fundos no valor de 2000 euros para doar ao Hospital do Espírito Santo de Évora e fazer uma entrevista de vida a outra equipa, com algumas questões provocatórias, explicaram os participantes. De acordo com Rita Romão, “este

Paulo Ferreira, Gil Monteiro, Rita Romão e Ricardo Gonçalves, da Deloitte Portugal, quando foram recebidos nas instalações do Diário do Sul pelo editor executivo, Paulo Piçarra.

projecto está relacionado com a área de consultoria vocacionada para serviços de banca e serviços”, sublinhando que “nesta acção de formação dos nossos quadros, dos profissionais que todos dias estão com os clientes, pretendemos fazer algo de inovador e que nos desafiasse a encarar os problemas do dia-a-dia numa óptica diferenciada”. Destacou ainda que “esta iniciativa fez parte de um serviço piloto, num programa internacional de formação que pretende que em grupo, mas junto de comunidades que não conhecemos, consigamos ultrapassar determinados desafios”, justificando assim a escolha de Évora e “também porque é uma cidade

muito acolhedora, com boa gastronomia e excelente hotelaria”. No centro dos vários desafios esteve sempre uma ideia base, “a importância de nos relacionarmos com outras pessoas que não conhecemos e de trabalhar em equipa, já que isoladamente fazemos muito pouco”, garantiram os participantes. Rita Romão salientou ainda que “a Deloitte é uma multinacional de serviços”, sustentando que “em Portugal somos cerca de 2000 pessoas, treinadas essencialmente para servir empresas em diversas áreas de competências, como consultoria, consultoria financeira, consultoria fiscal e auditoria”. Pub.


Edicao ds dia 20 12 2013  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you