Issuu on Google+

31 Diário do Alentejo 3 maio 2013

Segundo relatório do Centro de Sismologia de Casével, o sismo sentido no Alentejo no passado fim de semana teve epicentro no concerto dos Buraka Som Sistema na Ovibeja. Má classificação do Desportivo de Beja no campeonato distrital: direção do clube diz que a situação podia ser pior pois ainda não chegaram ao nível do Sporting. facebook.com/naoconfirmonemdesminto

Bombista de Boston era apreciador de pastelinhos de Safara e só ouvia Tonicha no iPod Os media portugueses, na sua obsessão por encontrar qualquer coisa tuga nas notícias internacionais, descobriram que um dos bombistas de Boston tinha uma namorada que era “um quarto portuguesa”, um pouco como um quarto de queijo flamengo mas em pessoa. A “Não confirmo, nem desminto” não se quis ficar atrás e revela mais factos surpreendentes: para além da namorada portuguesa, descobrimos que era apreciador de pastelinhos de Safara (caro leitor, pode inserir uma piadola sobre bombas calóricas), fanático dos Trio Odemira e representante dos chouriços de porco preto do Talho “Túbaros e Dobrada” na América do Norte e na Gronelândia. Tamerlan Tsarnaev era tão apegado ao Alentejo que, segundo apurámos, o próximo alvo do bombista seria o jornalista Pedro Mourinho, que se celebrizou com uma reportagem em que se criticavam investimentos públicos feitos em Beja – o objetivo era raptar o jornalista e cortar-lhe o cabelo com um corta-unhas num hangar do aeroporto alentejano. Este ato terrorista seria reivindicado nas páginas do “Notícias de Beja”.

Última Hora: Foram aprovados, em reunião da Assembleia Municipal e Beja, os nomes a serem distinguidos com a medalha de mérito da cidade É uma notícia que acaba de chegar à nossa redação: em reunião da Assembleia Municipal de Beja foram aprovados os nomes a serem agraciados com a medalha de mérito da cidade. Da lista a que tivemos acesso, destacam-se nomes como Bruno Ferreira, Jorge Serafim, D. António Vitalino Dantas e a Associação Cantinho dos Animais, entre outros. Para além destas individualidades, há outras que aparecem como suplentes para o caso de alguma das individualidades ter deixado o arroz ao lume e ter de sair mais cedo. São eles: Diogo Gouveia, Eça de Queiróz, Nemanja Matic, Dmitri Dmitriyevich Shostakovich, Manuel Luís Goucha, o Inspetor Max, o puto gordo do “Verão Azul”, Wanda Stuart e Vlad, o Empalador.

Governo quer reduzir número de camas no Hospital de Beja: pacientes melhor classificados em eventos desportivos é que passam a ter direito a cama

Assunção Cristas imediatamente antes de entrar numa reunião de Conselho de Ministros

Assunção Cristas visitou a Ovibeja por considerar que sempre “é mais sossegado do que ir a uma reunião de Conselho de Ministros” Assunção Cristas faltou ao primeiro dia de Ovibeja por, segundo informações oficiais, se ter sentido indisposta. Ao que apurámos, a ministra da Agricultura, do Ambiente, do Mar, Ordenamento do Território e dos testes do pézinho, sofre do “Síndrome de jánãopossoouviroGrândola”. Ao longo da história, outros ministros da Agricultura também foram acometidos de patologias semelhantes, nomeadamente do “Sindrome nãoseiondeficaBeja”, do “Síndrome estasemananãodáporquejogaoSporting” e do “Síndrome oCastroeBritonãogostademim”. Todavia, a ministra acabou por aparecer no último dia de feira e confidenciou-nos, em exclusivo, o porquê desta visita: “Sinceramente, esta visita é um alívio. Sempre é mais sossegado visitar a Ovibeja com 300 mil visitantes do que ir a uma reunião do Conselho de Ministros. Pelo menos aqui não corro o risco de pisar nenhuma mina. Já não posso com os olhares fulminantes, as acusações, as AK-47 e os lança-chamas. Há muito que o ar se tornou irrespirável no Governo. E o pior deles todos é o Vítor Gaspar: com aquele ar de quem não parte um prato, mas é o mais danado para a porrada!”, declarou.

Em muitos hospitais por esse mundo fora os pacientes estão no hospital deitados em camas ou mesmo em macas. Mas esse mundo de luxo e ostentação está prestes a terminar. O executivo pretende reduzir o número de camas do Hospital de Beja atribuindo-as aos pacientes que tiverem a melhor performance nos recém criados Jogos Hospitalares 2013 – uma espécie de Jogos sem Fronteiras mas com diabetes tipo 2. Os pacientes terão de ultrapassar provas desportivas como o “lançamento do balão de soro”, os “100 metros arrastadeiras”, “luta greco-romana com um enfermeiro obeso”, “grande prémio da rampa de acesso às urgências em cadeira de rodas”, “tiro ao médico espanhol”, “jogo da malha com seringas” e “malabarismos com recém nascidos”. Depois de ultrapassar estas etapas de atividade física e diversão garantidas, os pacientes melhor classificados deverão responder corretamente a 125 perguntas sobre literatura escandinava do Séc. XIX.

“A Não confirmo, nem desminto” está na DATV! Quem já viu diz que “é uma espécie de Big Brother Vip, mas sem clamídia” É verdade, prezado leitor, a “Não confirmo, nem desminto” está na DATV! Estamos uns modernaços, é o que é! Segundo a empresa GFK, cerca de 450 milhões de pessoas viram a primeira edição da “Não confirmo, nem desminto” no canal do “Diário do Alentejo” no MEO, enquanto que apenas seis telespectadores viram o Marítimo X Benfica da passada segunda-feira. No Youtube o nosso primeiro programa teve mais de 1 500 visualizações em dois dias – e apenas 97 por cento dessas visualizações pertenceram ao autor desta página! Apelamos aos nossos fãs espalhados pelo mundo inteiro, e também em Marvão, que vejam o nosso programa no Youtube – mais duas semanas e batemos o recorde daquele gordalhufo coreano do Gangnam Style.


Ediçao N.º 1619