Issuu on Google+

Diário

de Petrópolis 57 anos

E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Site: www.diariodepetropolis.com.br

Preço do exemplar: R$ 1,20

Nº 16.201 - Sábado, 21 de julho de 2012 Ascom PMP

concorrentes expõem propostas

Cidade apresentará projetos para o PAC de Mobilidade Urbana do governo

Candidatos a prefeito participam de debate Denise Pereira

O vice-prefeito Oswaldo da Costa Frias (na foto com a ministra Miriam Belchior) e o secretário de Planejamento e Urbanismo, Roberto Rizzo Branco participaram do lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) de Mobilidade Urbana para cidades de médio porte. O município prepara projetos para participar do Programa. (Página 6)

bairros A presidente Myriam Vianna Born, da Associação de Moradores e Amigos do Centro Histórico – AMA Centro Histórico – confirmou ontem que a revitalização turística do Trono de Fátima, no Valparaíso, continua sendo trabalhada. Uma reunião com autoridades municipais foi realizada na noite de anteontem para que o monumento volte a atrair público. (Página 9)

agenda

O Festival Sesc Rio de Inverno 2012 continua hoje. Às 22h30, no Café Concerto do Sesc Quitandinha tem ‘Clube do Balanço’, um conjunto paulistano de samba-rock. Formada apenas para uma festa, a banda já tem 12 anos, vários shows pelo país afora, três álbuns gravados e já se apresentou em diversos países. (Página 10)

Os cinco candidatos a prefeito participaram do primeiro debate e puderam expor suas propostas de governo em um programa de TV

O primeiro debate entre os cinco candidatos a prefeito de Petrópolis, Paulo Mustrangi (PT), Rubens Bomtempo (PSB), Nelson Sabrá (PDT), Bernardo Rossi (PMDB) e Alex Dias (PSOL), aconteceu na noite da última quintafeira. Pelas regras do programa, realizado pela Rede Petrópolis de Televisão, cada candidato teve três minutos para expor suas propostas para os cinco temas escolhidos pela produção: trânsito e transporte; turismo; educação; saúde; e infraestrutura. (Página 3)

Petrópolis deve receber 2 milhões de turistas e visitantes este ano

Divulgação

Petrópolis está entre os 65 destinos indutores do Brasil e entre os cinco do estado do Rio, segundo o Ministério do Turismo, e, por isso, recebeu um recurso de R$ 530 mil do governo federal para poder construir o portal turístico da cidade. Hoje o site já recebe cerca de dez mil acessos por mês e é mais um atrativo para o município. De acordo com o diretor de turismo da Fundação de Cultura e Turismo de Petrópolis, Aníbal Duarte, a expectativa é de que a cidade deverá receber mais de dois milhões de turistas e visitantes este ano. (Página 5)

Crédito Cidadão beneficia mais 19 microempreendedores e libera R$ 45 mil em empréstimos (Página 5)

Esportes

O site lançado recebe hoje mais de dez mil acessos por mês e atrai turistas e visitantes para a cidade Alan Alonso

PMP divulga na segunda-feira empresas aptas para licitação Quatro empresas apresentaram ontem suas propostas para a licitação dos radares de velocidade no município. Após a análise da documentação entregue, as empresas aptas a concorrer serão anunciadas na próxima segundafeira (23). Somente depois de realizada esta formalidade é que os envelopes serão abertos e a vencedora será conhecida. Ela terá o prazo de 15 a 75 dias para a instalação dos radares.

(Página 5)

Jogando ontem pela Copa Zico, o Sub11 do Petropolitano goleou o Angra dos Reis por 5 a 0. O time dirigido por Rafael Lima jogará as semifinais hoje, a partir das 9h contra o Carangola, reeditando a final do Campeonato Municipal desta temporada. (Página 12)

Estudante passa horas perdido no Morro do Açu Das vinte empresas que retiraram o edital de licitação, apenas quatro participaram da concorrência

Anuncie no Classidiário. É grátis até 12 palavras n Escreva cada letra ou sinal de pontuação nos quadradinhos n Entre uma palavra e outra, deixe um quadradinho em branco n Preencha com letra de forma bem legível e entregue na sede do Diário

Nome:........................................................................................................................................... Identidade:................................................................................................................................... Endereço:.....................................................................................................................................

(Página 6)


2

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

“Menos palavras vãs, mais ações concretas”

A tentação autoritária n Marcus

n Gastão Reis

A

construção da democracia e sua preservação é um processo bem mais complicado e difícil do que possa parecer à primeira vista. Tomemos o caso brasileiro. Num seminário sobre nossa temática político-institucional realizado pouco antes do plebiscito de 1993, no Hotel Glória, no Rio de Janeiro, um amigo me confidenciava à boca pequena: a sociedade da época em que viveu Dom Pedro I era mais autoritária do que ele. Vale completar: aqui e em Portugal. Ao abdicar do trono brasileiro e partir para a luta contra seu irmão absolutista Dom Miguel, que usurpara o trono de sua sobrinha, Pedro I encontrou um ambiente nada simpático à sua justa Causa. O povo português nutria fortes simpatias por Dom Miguel e sua postura autoritária. Não cabe aqui descrever a brilhante campanha em que Pedro I saiu vitorioso contra obstáculos que inicialmente pareciam intransponíveis. Essa luta épica foi para que Portugal tivesse uma constituição democrática que limitava o poder real. Morreu exaurido pela luta logo após ver sua filha brasileira, D. Maria II, subir ao trono português dando vivas à nova constituição, que deu a Portugal um longo período pacífico. Coisa muito parecida ao que aconteceu no Brasil sob o Segundo Reinado de Pedro II, seu filho que deixou em terras brasileiras com apenas cinco anos de idade. Não cabe aqui ver na figura de Pedro I o democrata perfeito, mas registrar o seu mérito ímpar de quem foi criado numa tradição absolutista e soube dar o passo certo em direção à democracia. Ser criado numa tradição democrática e ser democrata é fácil, difícil é optar pela democracia partindo de um berço absolutista. Foi exatamente isso que ele fez a ponto de ser conhecido na Europa de seu tempo como um doidivanas liberal. Infelizmente, lá e cá, meio século de práticas democráticas, em que a liberdade de imprensa, pensamento e expressão vigorou não foi suficiente para consolidar a democracia. No Brasil, no final do século XIX, nossa intelectualidade e os militares se deixaram encantar pelo canto da sereia do positivismo comtiano. Segundo essa doutrina, assim como não havia liberdade em física e química (hoje visto de outra forma), não deveria havê-la em política. Nesta esfera, era preciso implantar uma ditadura científica. Certamente não se trata de uma visão de mundo democrática. Ela teve importante papel na proclamação da república e nas práticas ditatoriais que lhe seguiram por um longo período. De 1930 a 1945, nova recaída auto-ritária com a ditadura de Getúlio Vargas, positivista convicto. Na década de 1930, é ouvido novo canto da serpente autoritária na obra de Caio Prado Júnior, que, após uma viagem à falecida URSS – União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, se encantou com aquele “novo” mundo comunista. Desiludido com a ditadura varguista, resolve optar por outro tipo de ditadura, a do proletariado. Foi seguido por muitos intelectuais que passaram a ver no marxismo a saída para nossos dilemas políticos, sociais e econômicos. As ciências sociais brasileiras, em meados do século XX, e até quase o seu final, foram tomadas por esse tipo de abordagem que só recentemente começa a retroceder, quase duas décadas depois do fim da URSS e da virada da China em direção a uma economia de mercado. Deixou uma herança de equívocos fatais semelhante à da intelectualidade francesa em seu caso de amor com o comunismo no pós-guerra. Merece registro nossa última ditadura, de 1964 a 1985, em que os militares tiveram papel de protagonistas. Um golpe, que se pretendia de curta duração, perdurou por 21 anos. Cerca de 75 anos após proclamarem a república, cedem, mais uma vez, à tentação autoritária. Os pendores de salvadores da pátria misturados ao exercício espúrio de um suposto poder moderador se dão as mãos para mais um longo período de arbítrio. Pesquisa relativamente recente feita no Brasil e no resto da América Latina não retratou um entusiasmo popular maciço pela democracia, persistindo boa dose de tolerância em relação a práticas autoritárias. Pelo jeito, os pesquisados estavam dando um tiro nos próprios pés ao não se darem conta de que decisões tomadas à revelia do principal interessado, o povo, acabam dando em besteira a médio e longo prazos. Se golpes de Estado, intervenções militares e práticas ditatoriais resolvessem alguma coisa, a América Latina seria Primeiro Mundo desde o século XIX. Em nossos dias, ainda temos que nos deparar com propostas do tipo “controle social dos meios de comunicação”, apenas um palavrório enganoso para ceder à tentação autoritária do tipo o-governo-sabe-o-que-é-melhor-para-você. A despeito da secular perda de tempo, felizmente, o Brasil atual parece ter adquirido certa musculatura para resistir a essas recaídas autoritárias. Caetano Veloso afirmou recentemente que foi um luxo ter tido FHC e Lula como presidentes. Luxo maior foi ter tido meio século de governo civilizado sob Pedro II, cujos padrões de homens públicos de qualidade foram atirados ao lixo por mais de um século. Maior luxo ainda será retomar essa mentalidade de genuíno respeito ao interesse público com intelectuais, pensadores e homens públicos dignos de respeito e à prova de modismos que a História simplesmente descartou. A saída passa pelo estudo aprofun-dado de nossas instituições políticas do século XIX, em especial pelo poder moderador nas mãos de quem deve exercê-lo, legitimamente, para o bem comum. n Empresário e economista e-mail: gastaoreis@smart30.com site: www.smart30.com.br

sábado, 21 de julho de 2012

A

Pestana

Câmara dos Deputados deveria ter encerrado suas atividades na última quinta-feira. A intransigência do Palácio do Planalto, a inabilidade da ministra Ideli Salvatti, as insatisfações da base do governo, a falta de diálogo com os servidores federais em greve, a diversidade de temas presentes nas MPs 563 e 564 formaram o ambiente para o sucesso do processo de obstrução das oposições – instrumento parlamentar legítimo – e levaram a sucessivas derrubadas das reuniões da Comissão Mista do Orçamento, do plenário da Câmara dos Deputados e do Congresso Nacional. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o Or-

çamento Geral da União de 2013 não foi votada. A Constituição prevê que o recesso parlamentar só pode ter início se votada a LDO. Seria cômico, se não fosse trágico, o esforço de lideranças do governo Dilma em culpar as oposições pela não votação da LDO, na semana passada, e pelo risco das MPs 563 e 564 caducarem. Ora, senhores governistas, as oposições se resumem ao PSDB, ao DEM, ao PPS e ao PSOL. Quando muito chegamos, em algumas votações, a cem votos na Câmara dos Deputados. Excepcionalmente, com rachas na base do governo, chegamos a 160 votos. E raramente, como no caso do Código Florestal, o governo é derrotado. São mais de 400 deputados na base do governo. O quórum necessário é de 257 deputados. Portanto: “menos palavras vãs, mais ações

concretas”. Mãos à obra. A desarticulação política do governo é preocupante, a ministra responsável não goza da simpatia nem das lideranças petistas, comete erros primários e fala mais do que devia. Há uma competição visível entre os líderes do PT na Câmara e o Palácio do Planalto. Há insatisfação clara dos outros partidos da base de Dilma, como a que assisti do líder do PDT falando que se não reagisse seria deposto. As MPs 563 e 564 sintetizam o chamado programa “Brasil Maior”, que se propõe a estimular a economia frente à crise internacional. São estímulos e desonerações pontuais e insuficientes, mas importantes para o Brasil. O governo, ao invés de encarar a agenda das reformas estruturantes, desencadeia mais um pacote tímido. Porém, melhor alguma coisa do que nada.

Já a LDO introduz o OGU/2013 no campo da ficção científica a partir de seus pressupostos de crescimento de 4,5% do PIB em 2012 e Selic de 9,5% (já está em 8%). A maioria dos deputados não acompanha discussões como essas. Estão preocupados com empenho e pagamento de emendas parlamentares. É uma agenda pequena, obtusa, medíocre e humilhante para o Congresso. Fico imaginando se Ulysses Guimarães reunia a “Turma do Poire” no Piantella para ficar discutindo quem empenhou quanto e quanto o governo pagou das emendas de cada um. Precisamos urgentemente mudar a agenda e a dinâmica das relações entre governo e Congresso Nacional. n Deputado federal

pelo PSDB-MG

A herança da ditadura nos quartéis n Wadih Damous

A

ssim como eu, muitos leitores devem ter ficado estarrecidos ao tomarem conhecimento, na coluna Panorama Político na edição do jornal O Globo do último dia 12, das músicas cantadas na véspera por soldados do I Batalhão da Polícia do Exército em exercício pelas ruas da Tijuca. "Bate, espanca. Quebra os ossos. Bate até morrer", berravam os soldados, marcando as passadas. O instrutor retrucava: "E a cabeça?". "Arranca a cabeça e joga no mar", gritavam os soldados. Por fim, o instrutor perguntava: "E quem faz isso?" E os soldados respondiam: "É o esquadrão caveira." Naquele quartel funcionou, na década de 70, o famigerado DOI-Codi, o principal palco de torturas e assassinatos de presos políticos no estado. Pelo visto, sua filosofia permanece em vigor. E, mais do que o desequilíbrio de um tenente ou sargento instrutor, o episódio revela coisa pior.

Não se procedeu à extirpação das heranças da ditadura, pois que no Brasil não houve uma Justiça de Transição, como em outros países do Cone Sul. Sequer os arquivos dos órgãos militares que participaram da repressão política ou decretos secretos do regime militar são conhecidos - mais de 25 anos depois do fim da ditadura. Torturadores foram homenageados há pouco tempo em clubes militares. E, recentemente, o paraninfo da turma de jovens oficiais formados na Escola de Agulhas Negras foi o general Médici, responsável pelo período mais duro do regime militar. Como se vê, a música dos soldados nas ruas da Tijuca não é episódio isolado. Algo está fora dos eixos nas nossas Forças Armadas e na formação de seus oficiais e soldados. A recém-criada Comissão Nacional da Verdade pode ajudar a mudar esse quadro e lançar luz sobre episódios tenebrosos ocorridos na ditadura. Se fizer isso, estará ajudando a semear na sociedade a rejeição a torturas e assassinatos de cidadãos sob a guarda do Estado, e criando

anticorpos para que a barbárie não se repita. No Brasil de hoje, os militares já não estão no primeiro plano da política, mas, dos bastidores, ainda se reservam o direito da última palavra em questões que lhes digam respeito diretamente, como a formação de quadros nas Forças Armadas. Tudo funciona como se, na democracia em que vivemos, os militares não se imiscuíssem diretamente na política, mas tivessem salvoconduto para fazer nas Forças Armadas o que bem desejam. A herança da ditadura e a influência dos militares em terrenos que não deveriam dizer-lhes respeito se fazem notar também em outros lugares do aparelho do Estado - vejase, por exemplo, a decisão do Supremo Tribunal Federal, que estendeu os benefícios da Lei da Anistia a torturadores e assassinos de presos. Tal situação não é aceitável na democracia. As Forças Armadas são uma instituição nacional, devendo servir para defender o país contra agressões externas; e, no plano interno, garantir a ordem democrática e o estado de direito.

Daí que a formação de seus integrantes deve prepará-los para essas funções e, também, para algo inseparável delas: o respeito aos direitos humanos. Mesmo numa guerra, não é aceitável que militares "espanquem o inimigo até que este morra", ou que "cortem sua cabeça e a joguem no mar", como reza a música cantada pelos soldados da PE. Afinal, também os conflitos armados têm seus códigos e regras. Educar os militares com base em tais concepções significa prepará-los para o desrespeito às convenções que regem as guerras. E - ainda pior - para o desrespeito aos direitos humanos, mesmo em períodos de paz. Por isso, a formação dos militares deve ser assunto da sociedade como um todo, e não monopólio de viúvas de uma era tenebrosa que os brasileiros não querem mais de volta. É preciso reformar e adequar as Forças Armadas à democracia. n Presidente da OAB

do Rio de Janeiro

Depois do Inferno n Marco

Lucchesir

O

Instituto Moreira Salles abriu neste fim de semana duas exposições dedicadas ao trabalho memorável de Nise da Silveira. Salta aos olhos a coragem da ”psiquiatra rebelde”, como propõe o itinerário de leitura de Luiz Carlos Mello, sendo impossível não sair de lá emocionado. Não sair arrebatado com as obras realmente fascinantes de Emygdio e Raphael, considerados, por Heloísa Espada e Rodrigo Naves, “dois modernos no Engenho de Dentro”. Lembro-me da voz pequena e frágil da doutora Nise, de olhos severos e agudos, ao defender uma nova ética dentro do hospital. Nise tomou emprestada de uma paciente a expressão que definia aquela visão renovadora, conhecida como a “emoção de lidar”. Toda uma postura diante da fragilidade existencial dos que habitam as entranhas do manicômio. O tempo não diminui em nada a centelha poética das pesquisas da doutora Nise. Ela permanece

visceralmente atual, dentro de uma ética inegociável e das intuições que abriram caminhos impensados, em que hoje se movem os profissionais da área da saúde mental. Quase na véspera da abertura da exposição do Instituto Moreira Salles, a justiça concedeu liminar – a pedido do Ministério Público estadual –, determinando a transferência de todos os pacientes da Clínica das Amendoeiras, em Jacarepaguá, para outras unidades de saúde conveniadas ao Sistema Único de Saúde. A promotora Anabelle Macedo da Silva relatou a O Globo um total abandono dos pacientes, “pessoas nuas se arrastando no chão sobre as fezes”, alimentação precária, portas trancadas, ambiente sombrio, longe de qualquer atendimento psíquico. Abandono deplorável que não destoa do histórico dos últimos anos da instituição, mas que contrasta vivamente com o conteúdo do site a respeito dos serviços prestados aos clientes. Se a resposta inequívoca do Ministério Público cumpre claramente suas atribuições legais, a sociedade civil não deve perder essa

Diretor-Presidente e Jornalista responsável: Paulo Antônio Carneiro Dias Editora: Jaqueline Gomes

D

ocasião para ampliar a vigilância e zelar pelo cumprimento da lei sobre a rotina de um número expressivo de clínicas psiquiátricas, credenciadas ou não ao SUS. Deixemos de lado a hipocrisia. O problema não se esgota em escala episódica ou varejista. Temos uma epidemia de casas suspeitas. É preciso combater o monopólio da infâmia, que conta muitas vezes com a parceria do estado, como sócio e corréu no crime atacadista perpetrado contra a saúde mental em nosso país. Uso termos de escala comercial, porque não é outra a vocação desse monstruoso holocausto, feito de modo discreto, quase invisível, em conta-gotas, onde a tortura a que são submetidos os pacientes é prática considerada natural. Muitas vezes bem mais sutil do que se possa imaginar, como no uso das camisas de força químicas, diagnosticadas e combatidas pela doutora Nise: os pacientes vegetam noite e dia sem dar trabalho, porque dopados em doses estratosféricas. Na qualidade de biodigestores de uma farmácia homicida. Ou, ainda, através do exercício de uma terapia fria e sem

iário de Petrópolis 57 anos

Uma publicação da PJ Editora e Gráfica e Jornalística Ltda

Preço do Exemplar 3ª a sábado R$ 1,20 Domingo R$ 1,80 Atrasado R$ 2,50

Assinatura Trimestral Petrópolis R$ 80,00 Rio e outros R$ 160,00

Assinatura Mensal Petrópolis R$ 28,00 Rio e outros R$ 56,00

Assinatura Semestral Petrópolis R$ 152,00 Rio e outros R$ 304,00

compromisso. Terapia meramente protocolar, visando a atender requisitos de convênio, ou preencher lacunas politicamente corretas, onde o paciente é pouco mais que uma peça publicitária, produto desprotegido pela sociedade e pelos olhos míopes do estado. Cito as palavras de Nise a respeito de Fernando Diniz no hospital do Engenho de Dentro, quando à desagregação da personalidade se somavam outros riscos: “Todo o curso de sua vida foi demasiado trágico e os métodos de tratamento usados no hospital psiquiátrico paradoxalmente massacraram cada vez mais sua autoimagem”. Não podemos permitir o modelo dessas casas de extermínio, físico ou mental depois da lei Paulo Delgado e da implantação dos Centros de Atenção Psicossocial. Vivemos uma fase de transição. De ajustes e de alguma teimosa esperança. Como dizia Nise, “é necessário se espantar, se indignar e se contagiar, só assim é possível mudar a realidade.” n Membros da Academia Brasi-

leira de Letras

Site: www.diariodepetropolis.com.br E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Diretoria 2246-3807 Assinatura 2246-3807 Publicidade 2237-7849 Classificado 2246-3807 Redação 2235-7165

Rua Joaquim Moreira 106 Centro - Petrópolis - RJ Cep 25.600-000 CNPJ 02.424.864/0001-66

ABRAJORI - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS JORNAIS DO INTERIOR

As opiniões emitidas em artigos assinados não representam, necessariamente, o pensamento do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores. Da mesma forma, as informações e opiniões nas colunas são de responsabilidade de seus titulares.


57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

sábado, 21 de julho de 2012

3

cidade Divulgação

Da esquerda para a direita, os cinco candidatos a prefeito de Petrópolis: Bernardo Rossi (PMDB), Nelson Sabrá (PDT), Paulo Mustrangi (PT), Alex Dias (PSOL) e Rubens Bomtempo (PSB)

Candidatos apresentam propostas em debate n  Vinicius Henter viniciushenter@diariodepetropolis.com.br

Os cinco candidatos a prefeito realizaram o primeiro debate destas eleições sem muito confronto e troca de far-

pas. Na noite da última quinta-feira, no Hotel Casablanca, os poucos atritos no debate realizado pela Rede Petrópolis de Televisão foram entre o prefeito Paulo Mustrangi (PT), candidato à reeleição, e os candidatos Rubens Bomtempo (PSB) e Nelson Sabrá (PDT), quando houve crítica ao atu-

al governo e ao anterior. Cada candidato teve três minutos para falar sobre suas propostas para cada um dos cinco temas escolhidos pela produção: trânsito e transporte; turismo; educação; saúde; e infraestrutura. Não houve perguntas entre os candidatos no debate, que durou três horas.

Bernardo Rossi rossi Bernardo

Nelson Sabrá sabrá Nelson

Paulo Mustrangi Paulo mustrangi

Alex Dias Alex dias

Rubens Bomtempo Rubens bomtempo

Trânsito e transporte

Trânsito e transporte

Trânsito e transporte

Trânsito e transporte

Trânsito e transporte

Bernardo prometeu a duplicação das Ruas Hermogênio Silva e Washington Luiz, resolver o trânsito de Itaipava e o das Duas Pontes, aumentar as linhas interbairros, além de buscar soluções a longo prazo, como os veículos leves sobre trilhos (VLTs) e estacionamentos subterrâneos. - O próximo prefeito tem que ter atitude. Petrópolis já teve os VLTs, que foram os bondes – disse. Ele afirmou que o transporte e o trânsito “precisam ser levados mais a sério”, porque, como argumentou, atingem 100% da população. - As últimas grandes intervenções foram nos anos 80, com a duplicação da Avenida Barão do Rio Branco e da Rua Bingen. Desde então, só teve gelo baiano e inversão de mão – disse.

Sabrá afirmou que irá decretar estado de emergência no transporte, pois, segundo ele, Petrópolis precisa de um prefeito que tome atitudes rápidas. Ele afirmou que implantará, no sistema tronco de ônibus, estações locais de integração, “de forma que haja conforto e que o ônibus chegue a tempo de atender o passageiro”. Sabrá falou também que criará o sistema de subsídio na tarifa dos ônibus.

Mustrangi defendeu as realizações do seu governo na área, como a intervenção nas viações Autobus, Petrópolis e Esperança, e a licitação vencida pela empresas de ônibus Expresso Brasileiro e Turb. Ele lembrou que, em 2009, derrubou o “transtorno” do Alto da Serra e abriu o Terminal do Centro. - Tivemos duas empresas vencedoras do processo e que hoje estão investindo R$ 80 milhões, R$ 60 milhões só em compra de ônibus novos, já circulando nas antigas Esperança e Petrópolis. Continuamos ainda na batalha judicial com a Autobus – disse.

Alex Dias afirmou que o próximo prefeito deverá analisar os pontos de retenção da cidade, como Duas Pontes, Carangola, Bingen e Trevo de Bonsucesso. Ele disse que buscará a implantação dos veículos leves sobre trilhos (VLTs), incentivar o transporte coletivo, “com qualidade e eficiência”, construir estacionamentos, ciclovias e bicicletários. Ele também prometeu a ligação entre os bairros Bingen e Quitandinha. Segundo ele, há hoje um ponto que poderia ser o retorno. Ele também propôs que a ligação entre Bingen e Valparaíso pela Vila Militar fique aberta até às 22h.

Bomtempo afirmou que reverá o que chamou de “concessão financeira” dada pela prefeitura às empresas de ônibus depois da intervenção. Prometeu também pensar em um grande plano de mobilidade urbana e renovar os ônibus. O ex-prefeito defendeu as medidas tomadas quando estava à frente do governo. - Existem avanços importantes, como a conquista da tarifa única na nossa cidade. Conseguimos fazer a integração em mais de 80% das linhas, permitindo que o petropolitano pudesse ir do Alto da Serra até a Posse pagando apenas uma passagem. Também implantamos o bilhete eletrônico, com a possibilidade de sair da estação de transbordo durante uma hora – disse.

Turismo Rossi afirmou que criará uma estatística oficial do setor e um centro de convenções. - Petrópolis tem como vocação o turismo. Infelizmente o turismo, sem parceria do poder público, vem andando sozinho – disse. Ele prometeu resgatar os polos de moda do Bingen e da Rua Teresa, além de abrir “outros centros turísticos fechados por falta de parceria com o poder público”. Educação Bernardo prometeu zerar o analfabetismo em Petrópolis, ampliar as bolsas na Universidade Católica de Petrópolis (UCP) para estudantes das escolas municipais, capacitar os professores da rede e criar o ônibus da educação, que fará em todas as escolas exames de oftalmologista e audiometria nas crianças. - Vou criar uma creche por bairro. É possível, é viável, com recurso do Ministério da Educação – disse. Saúde Para Rossi, o problema da saúde em Petrópolis é de gestão, e não falta de recursos. Ele afirmou que faltam médicos e medicamentos no município. Também disse que, se eleito, vai tirar três horas por dia para conversar com médicos, enfermeiros e pacientes, para “cuidar pessoalmente dessa área que é o calcanhar de Aquiles de Petrópolis”. O primeiro passo do seu governo será contratar um grupo de multiprofissionais, ligados a essa área. Prometeu defender criar, com verbas estaduais e federais, o Hospital da Mulher e da Criança. InfraestruturA - O Rio está na moda. Vejo os municípios vizinhos nossos, como Três Rios, em que o jovem prefeito, do meu partido, soube aproveitar essa maré do Rio e levou 900 empresas para lá – disse Bernardo, afirmando que, se eleito, aproveitará melhor as oportunidades para trazer empresas para o município. Ele afirmou que atualizará os ultrapassados Plano Diretor, Lupos e Código de Obras de Petrópolis, além de criar um plano de habitação e um centro de prevenção às chuvas.

Turismo Nelson Sabrá afirmou que irá separar cultura do turismo, hoje unidos na Fundação de Cultura e Turismo. - É preciso que haja gestão. Turismo tem um viés econômico muito forte. Vamos fazer essa separação e criar o museu do Mauá, o museu da república, e incorporar os cinemas Petrópolis e Capitólio nesse acervo. Vamos trazer o ecoturismo – disse. Educação Nelson Sabrá argumentou que a educação sempre norteou o PDT, lembrando que, em 1983, o ex-governador Brizola criou os Cieps. - Vamos criar o cargo de agente de educação, para acompanhar o desempenho dos alunos. O Mais Educação é uma das grandes obras do governo federal, para a criança no contraturno ter espaço de artes, idiomas, dentro de toda a concepção moderna. Vamos acompanhar a transição do ensino fundamental para o ensino médio, onde há uma evasão muito grande – disse Sabrá. Saúde - É preciso que se trabalhe com a razão e o coração. Os casos apresentados através da imprensa revelam uma certa crueldade. Uma criança, há 60 dias, ficou com fêmur quebrado por 10 dias, porque não tinha pino. Isso é crueldade. Vamos acabar com isso – disse. Sabrá criticou a quantidade de postos de emergência em Petrópolis, o que considera falta de gestão. - É como se aqui fosse um hospital, uma cidade doente, com capacidade para atender um milhão de pessoas, o que não é verdade – disse. – Fizeram dois mini hospitais de emergência aparelhados. Vamos adequar para que as pessoas possam ser atendidas nos seus bairros, pelo mesmo médico. Isso se chama prevenção. Infraestrutura Sabrá afirmou que criará o centro administrativo onde é a fábrica Dona Isabel, para funcionar todas as secretarias, o que representará, segundo ele, uma economia de R$ 2,5 milhões por ano aos cofres municipais. Pela proposta, lá também funcionará um estacionamento, o que ajudará o turismo e o comércio na Rua Teresa. Ele disse que fará uma reforma administrativa, com a criação de secretarias de articulação do jovem, da mulher e de terceira idade, “todas enxutas”. Haverá uma subprefeitura em cada distrito, além da criação dos distritos de Nogueira, Araras e Meio da Serra.

Turismo - No meu governo, eu fortaleci a Bauernfest, que foi um absoluto sucesso neste ano, com mais de 300 mil pessoas nesta cidade. O museu da cerveja, que é um exemplo para o mundo, coloca a cidade na capital da cerveja no mundo. Deixamos a festa da Itália muito mais atraente, trazendo novos turistas – disse Mustrangi. O candidato do PT também lembrou os investimentos na Casa de Santos Dumont e a formação da guarda municipal turística. Educação Mustrangi afirmou que a educação foi uma prioridade do seu governo, citando a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) do setor, a criação de laboratórios de informática em todas as escolas e a distribuição de netbooks para os alunos “participarem da inclusão digital”. - Estamos construindo em Cascatinha o centro de referência em educação, pra fazer o contraturno. Não vai ser só em Cascatinha, será no Bingen, Mosela, Independência, Alto da Serra, Morin, vamos investir pesadamente paras as crianças terem o tempo integral. Saúde O candidato à reeleição pelo PT afirmou que investiu maciçamente no setor e continuará investindo. Mustrangi disse que está reformando a urgência do Hospital Alcides Carneiro (HAC) para transformá-la em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) voltada para os distritos, a terceira de Petrópolis. Dentro de 60 dias, segundo ele, será inaugurado o Centro de Especialidades ao lado da UPA Centro. Entre as obras do governo, o prefeito citou a reforma do Pronto Socorro do Alto da Serra e o convênio com o Hospital Santa Teresa. Infraestrutura Mustrangi afirmou que, até o fim do governo, haverá tratamento de esgoto em 85% da cidade. Ele disse que está investindo em estações de esgoto, no fornecimento de água tratada para a população e no asfaltamento de ruas. - Vou continuar a investir nas comunidades, na reforma de servidões. O meu olhar será sempre para dar conforto às comunidades. Estamos fazendo obra de ponta a ponta – disse Mustrangi.

Turismo - Vamos preparar Petrópolis para a Copa, a Olimpíada e a Jornada Mundial de Juventude. Temos que preparar toda a cidade para o atendimento no curso de idiomas. Taxistas, guias, motoristas de ônibus, ambulantes, comerciantes. Hoje há a necessidade da integração do turismo histórico com a Rua Teresa, e a jardineira seria uma boa integração – disse. Alex Dias afirmou que há um esvaziamento na Rua Teresa, porque o turista demora, segundo ele, duas horas para entrar e duas horas para sair no trânsito. - É um tempo em que ele estaria consumindo, nas lojas e restaurantes do Centro – disse. Educação Em relação à educação, Alex Dias disse que implantará o tempo integral em todas as escolas municipais de Petrópolis, com um estagiário na sala de aula para auxiliar o professor, fixando o aluno no bairro em que reside. Ele afirmou que, hoje, o aluno sai despreparado da escola. O tempo integral, com ênfase nos cursos de idiomas, permitirá, ainda de acordo com Alex Dias, que o aluno saia preparado para o primeiro emprego. Saúde - Iremos trabalhar com a prevenção da saúde, focar no saneamento básico. R$ 1 no saneamento economiza R$ 10 na saúde – disse Alex Dias. Ele afirmou que fará uma campanha contra pragas urbanas, como ratos e baratas, e trabalhar com postos 24 horas para haver esvaziamento dos hospitais, que passariam a atender apenas os casos mais graves. Alex Dias prometeu ainda disponibilizar ambulâncias nos grandes bairros, como Posse e Secretário, e equipar e ampliar os hospitais da cidade.

Turismo Rubens prometeu a criação do centro de convenções, “para agregar e atender todas as pousadas”. Ele também afirmou que pagará o pedágio na BR-040 dos ônibus e vans de turistas que vão comprar na cidade, aumentando assim as vendas e a participação de Petrópolis no ICMS. Outra proposta de Bomtempo é reativar o teleférico, em uma parceria público-privada, e os circuitos turísticos de Taquaril e Brejal. - A lei de incentivos fiscais de 2003 permitiu a reabertura do Grande Hotel e outras pousadas, aumentando a oferta de leitos em Petrópolis – disse, ressaltando as medidas tomadas pelo seu governo. Educação O candidato do PSB afirmou que nomeará um secretário de Educação que possa dar continuidade a um projeto para os próximos quatro anos. Ele afirmou que a primeira medida que tomará no setor será contratar professor. - Existe um binômio, educação e aluno na rede pública, que está faltando. No ensino superior, criamos as bolsas de estudo na UCP, que foi um instrumento importante para criar uma expectativa maior paras as crianças. Temos que dar continuidade a essa politica, ampliando para outras universidades – disse. Saúde Bomtempo lembrou que é médico e que a saúde será o maior desafio do próximo prefeito. - Aqui estou assumindo um compromisso de trabalhar na melhoria da atenção básica, nas regiões que ficaram faltando no nosso governo. Vamos colocar mais 14 PSFs na rede. Vamos melhorar o Hospital Alcides Carneiro, dar continuidade ao trabalho que estava fazendo, como hospital de ensino, com a parceria da Faculdade de Medicina – disse.

Infraestrutura

Infraestrutura

Alex afirmou que realizará a construção de galerias pluviais na prevenção de enchentes. Também fará obras nas calçadas da cidade, “facilitando um melhor deslocamento dos nossos idosos e dos nossos deficientes”. Ele prometeu trabalhar com obras no Vale do Cuiabá, reformas e modificações viárias.

O ex-prefeito prometeu criar uma secretaria extraordinária para reconstrução do Vale do Cuiabá, um programa de mutirão remunerado e o programa Engenheiro e Arquiteto de Família. Bomtempo afirmou que Petrópolis sofreu pelo desordenamento do espaço urbano, principalmente nos anos 80.


4

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

57 anos

SÁBADO, 21 DE JULHO DE 2012

Teatro

Tributo

O espetáculo “Galanga, Chico Rei” traça um panorama da fabulosa história da vida de Chico, rei de uma tribo do Congo que é trazido como escravo para o Brasil e torna-se herói. Na peça usa-se a congada - bailado dramático tradicional em vários estados brasileiros. Inédito em Petrópolis neste sábado, às 21h, no Sesc Quitandinha.

Um Tributo a Vinícius de Moraes é o destaque deste sábado no Projeto Som & Cristal que ocorre logo mais, às 20h, no Palácio de Cristal. A apresentação é um dos trabalhos do Jassambô – projeto dos músicos Gabriel Lobo (voz e guitarra), Anderson Maia Cachão (bateria), Breno Morais (sax e flauta) e Felipe Depoli (baixo acústico).

socialmarise@yahoo.com.br

Carlos Gomes

Poucas & Boas

O Projeto Musicanto, que tem a frente músicos altamente qualificados, realiza neste sábado às 18h, no Castelo Country Club, uma homenagem ao grande compositor Carlos Gomes. Trata-se do segundo evento da série Concertos no Castelo. Para participar basta retirar o ingresso na secretaria do clube por R$ 5,00 para maiores de 65 anos e estudantes. O evento conta com o apoio do Laboratório Baffi.

ELIANE FREIRE FIGUEIRINHO, profissional respeitada e querida, a frente da Odontocenter, comemorou essa semana 15 anos de formada pela Faculdade de Odontologia de Valença.

Lions Itaipava

 UMA SUGESTÃO da chef Valéria Barros para esta semana fria no charmoso bistrô de Secretário... Caldo verde de entrada, seguido de sobrecoxas na cerveja preta, mini cebolas e batatas, prato delicioso. Para encerrar com chave de ouro, cuca de banana com creme.

No próximo dia 26, no Palácio Rio Negro, às 19h, o Lions Itaipava vai agraciar personalidades durante um evento. Ocasião em que também ocorrerá a posse dos novos associados. O evento terá, entre as atrações, um desfile da Orgânica, moda elaborada com produtos naturais. A coluna agradece a homenagem.

Fina feijoada É possível comer bem reduzindo calorias sem abrir mão do sabor da qualidade? A resposta vem sob a forma de um evento que a nutricionista ortomolecular Fernanda Machado coordena amanhã, no Shopping Luiz Salvador, em Itaipava, a partir das 13h. Trata-se de uma deliciosa feijoada elaborada com ingredientes exclusivos, saborosos e saudáveis.

DESEMBARGADOR Newton De Lucca. (Foto: divulgação)

Presidente do TRF fará palestra na UCP O presidente do Tribunal Regional Federal da terceira região, Dr. Newton De Lucca, estará na UCP, dia 15 de agosto, para uma palestra no seminário: Aspectos Relevantes da Atividade Empresarial. O desembar-

gador federal recebeu o convite do empresário e organizador do evento, Gélio Infante Vieira, e vai falar sobre a Atividade Empresarial no Projeto do Novo Código Comercial, que está em tramitação no Congresso Nacional.

Segredos de Mulher

VENHA CASAR NA SERRA! Os organizadores do Serra Noivas, Cristiano Janiques, Rosana Pereira e Amaury Jaime de Lima reúnem profissionais no principal evento que ocorre de 17 a 19 de agosto, no Solar Portugal. (Foto: Érico Leoni)

KINPAI, Sushi Imperial e Wasab participam da 4ª edição do Bunka-sai – Eventos da Cultura Japonesa em Petrópolis, que ocorre de 3 a 5 de agosto, no Espaço Gastronômico que fica na praça Visconde de Mauá.

A atriz Beta Machado voltará a encarnar Maria Aparecida na peça “Coisas de Mulher”, autoria de Christiane Michelin com participações especiais de Mauro Xavier e Alberto Magno ( músico, no próximo dia 29, às 18h, no Teatro Afonso Arinos, no Centro de Cultura. Os textos de autoria da própria jornalista sobre o cotidiano feminino levam à diversão e à reflexão.

Direitos Autorais Registro de Músicas Livros Eventos Culturais Agente: Domingos Capistrano Operando no Mercado a 32 anos

Tels.: (24) 2237-3210 (24) 9832-0327 Petrópolis - RJ (22) 9907-4947 Cabo Frio - RJ

NÉA BERNARDO leva a gastronomia do Kinpai ao Bunka-sai. (Divulgação)

 O CARDÁPIO do New

Horse está recheado de delícias! A novidade fica por conta do Bobo––––zinho de Camarão, mas também tem polenta frita, Drumete Crocante com Molho de Gorgonzola, Chilli Gratinado com Queijo e Nachos, Onion Rings e muito mais! PETROPOLITANOS que amam Cabo Frio, independente do clima assistiram gravações da novela Avenida Brasil, que usou a cidade como locação. De quebra, aproveitaram para tirar fotos com Murilo Benício, Adriana Esteve e grande elenco.


57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

sábado, 21 de julho de 2012

5

cidade

Petrópolis deve receber 2 milhões de turistas n Roberta Müller robertamuller@diariodepetropolis. com.br

Responsável por movimentar a economia na região, os cerca de dois mil atrativos turísticos de Petrópolis foram catalogados e estão hoje em um inventário disponível na internet. A cidade está entre os 65 destinos indutores do Brasil e entre os cinco do estado do Rio, segundo o Ministério do Turismo, e, por isso, recebeu recursos do governo federal para poder construir o portal turístico da cidade na rede (http://www.destinope-

tropolis.com.br/). Lançado em 2011, hoje o site já recebe cerca de dez mil acessos por mês e é um atrativo para conquistar cada vez mais amantes da região. Durante todo este ano, a expectativa é de que a cidade deverá receber mais de dois milhões de turistas e visitantes. De acordo com o diretor de turismo da Fundação de Cultura e Turismo de Petrópolis, Aníbal Duarte, em 2010 o governo federal contratou o Instituto Idéias para fazer o inventário de oferta turística. Um recurso de R$ 530 mil foi, então, disAlan Alonso

Veículos novos ainda estão circulando sem placas pela cidade

Ônibus novos começarão a ser vistoriados pelo Detran Os novos ônibus das empresas vencedoras da concorrência pública que já começaram a operar nas linhas da cidade ainda estão circulando sem placas. Ao todo são aproximadamente 120 veículos da Turb e da Expresso Brasileiro, cujo nome fantasia é Cidade Real. A primeira viação está operando desde o dia 10 de junho nas linhas que pertenciam à Petrópolis, já a segunda mencionada está desde o dia 1º de julho em circulação nas regiões do Bingen e Mosela, onde atuava a Esperança.

As duas empresas, por meio da diretoria operacional, alegam que por causa das intervenções nos postos do Detran-RJ tiveram dificuldades para agendar as vistorias. De acordo com a direção da Turb, agora todos os ônibus já estão com vistorias agendadas e, caso não haja nenhum contratempo por parte do Detran, elas serão iniciadas na próxima semana. Já a direção da Cidade Real afirmou que esteve em contato com o Departamento de Trânsito para que as vistorias possam ser agendadas, mas ainda não há previsão.

Crédito Cidadão beneficia mais 19 empreendedores O programa Crédito Cidadão continua auxiliando o pequeno e microempreendedor. Na manhã de sexta-feira, dia 20, mais 19 pequenos empresários foram contemplados com o benefício, totalizando mais de R$ 45 mil em empréstimo. A entrega dos cheques foi realizada pela primeira vez na Casa do Trabalhador, inaugurada no último dia 02. Financiado pela prefeitura, o valor do empréstimo varia de R$ 500 a 2.500 e os juros são de apenas 1% ao mês. O objetivo do benefício é conceder pequenos financiamentos a empreendedores e profissionais autônomos.

Sua finalidade é possibilitar que os microempresários realizem melhorias nos negócios, seja na compra de equipamentos, matéria-prima, reformas ou até mesmo como capital de giro. Os micros e pequenos empreendedores que quiserem solicitar o crédito devem ir até a Casa do Trabalhador, localizada à Rua D. Pedro I, 253 – Centro, entre 8h e 17h,. O que levar: cópia da seguinte documentação: RG, CPF e comprovante de residência do solicitante e do cônjuge, se houver. E RG, CPF, comprovante de renda e de residência do avalista e cônjuge, se houver.

TRE define locais onde a propaganda é proibida Uma reunião foi realizada no dia 22 de junho com os presidentes dos partidos da cidade, ficando estabelecido e acordado que não haverá propaganda móvel dos candidatos nos seguintes locais: - Esquina da Rua do Imperador com a Rua Paulo Barbosa (Praça Alcindo Sodré); - Palácio de Cristal - gradil e calçadas que o cercam; - Museu Imperial - gradil e calçadas que o cercam; - Câmara Municipal e a sua Praça da Águia; - Catedral; - Avenida Koeler inteira até a Praça com o monumento à Júlio F. Koeler; - Relógio das Flores;

- Praça da Liberdade em seu interior; - Obelisco em seus três Canteiros; - Antigo Fórum atual Cefet - gradil e calçadas que o cercam; - Na Praça Dom Pedro - permitida a propaganda móvel desde que respeitando o fluxo dos pedestres e não atrapalhando a visão do monumento à Dom Pedro II. Carro de Som no Centro Histórico é terminantemente proibido. DISQUE DENÚNCIA: - Tels do TRE/RJ (21) 3513-8144 e ou 3513-8249 - Email - denunciapropaganda@tre-rj.jus.br

ponibilizado para a cidade. Dos destinos indutores do país, 27 são capitais. No estado, além de Petrópolis, os outros são: a cidade do Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Búzios e Paraty. Todos esses recebem atenção especial do Ministério do Turismo por terem a obrigação de induzir e desenvolver o turismo na região, inclusive nas cidades vizinhas. - Passamos três meses mapeando o que o município tinha para oferecer ao turista. Na época, foram mapeados dois mil itens. Depois disso o instituto enviou uma

equipe de pesquisadores que percorreu todos estes pontos e fez um trabalho de avaliação, uma lista extensa, detalhada. E para o inventário não ficar defasado, porque as coisas vão mudando, estabelecimentos fecham, outros abrem, então o portal na internet é algo que mantém tudo sempre atualizado – explicou ele. No site, o turista pode encontrar desde hotéis, restaurantes e pontos turísticos, até serviços como chaveiro e reboque, por exemplo. Há também a possibilidade do visitante abrir um mapa e

marcar todos os pontos que pretende conhecer, depois basta imprimi-lo e levar na viagem. O portal foi lançado em fevereiro de 2011. No início recebia apenas cerca de 200 acessos por mês e agora o número já chega a 10 mil. - O importante é que os atrativos estão sempre atualizados. Por exemplo, o dono de um restaurante, de um hotel, é responsável por aquele espaço, então qualquer mudança, ele mesmo atualiza, da empresa dele. Já os pontos turísticos como a Casa de Santos Dumont, en-

tre outros, a responsabilidade é da Fundação de Turismo – completou Aníbal. Este ano, a novidade será a mudança em relação à língua utilizada no portal. Atualmente, a versão está disponível apenas em português. Mas o município vinha percebendo que 10% dos acessos tinham uma permanência pequena na página. Eles acabaram descobrindo que esse percentual vinha de pessoas que estavam fora do país. Por isso, dentro de cerca de três meses o site também terá uma versão em inglês.

Moradores que ficam na margem da BR-040 não têm para onde ir Mesmo com uma decisão da justiça, moradores de comunidades que ficam na margem da BR-040, como em alguns trechos na altura de Itaipava e Barra Mansa, continuam se recusando a sair de suas casas. Na semana passada, alguns deles (aproximadamente 15 famílias) receberam as últimas notificações obrigando a desocupação dos imóveis para demolição. O prazo termina hoje (21), mas ninguém saiu. Eles alegam que não têm como deixar suas residências em tão pouco tempo e pedem um apoio tanto da Concer, concessionária que administra aquele trecho da rodovia, quanto da Prefeitura de Petrópolis. A maioria dos moradores tem baixa renda. Muitos moram no local há mais de 20 anos e se sentem perdidos. A Concer havia entrado na justiça com o pedido de retirada das famílias e ganhou a causa. As notificações teriam começado a ser entregues em maio deste ano. Parte das famílias que residem em imóveis nas margens da rodovia ainda não recebeu a ordem,

mas todos estão preocupados, já que também se encontram em situação irregular. Sueli Rosa Rodrigues, que trabalha como acompanhante de uma idosa, mora na altura de Barra Mansa, em Pedro do Rio. A família dela foi uma das notificadas. E apesar do prazo, ela disse que ainda não tem condições de sair do imóvel. - Moro aqui há uns nove anos. O oficial de justiça entregou a notificação e disse que depois do prazo minha casa seria lacrada. Não tenho condições de sair, a situação está complicada. Não consigo mais dormir direito, estou com pressão alta a semana inteira. O que nós queremos é uma ajuda do prefeito. Estou cadastrada na Setrac (Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania), mas continuo esperando. Só quero conseguir deitar na minha cama e saber que ninguém vai me tirar daqui – explicou ela. A mesma situação é enfrentada pelos moradores de comunidades que ficam na altura de Itaipava. A domésti-

ca Joceli Cardoso, que mora no quilômetro 57, é uma delas. Ela também não tem condições financeiras de alugar um imóvel e não sabe o que vai fazer daqui pra frente. Por isso, ela e todos os moradores que estão na mesma situação continuam nas residências. - O prazo é até amanhã (hoje) pra desocuparmos, mas não vamos sair. Estamos tentando entrar em contato com a Concer e com a prefeitura para ver se chegamos a algum acordo. Não temos para onde ir. Recebi o ofício na sexta-feira passada (13), como vamos sair em uma semana? – questionou a moradora, lembrando que centenas de famílias ao longo da rodovia também sofrem com o mesmo problema. Prefeitura afirma dar apoio às famílias Questionada sobre o problema, em nota, a Prefeitura de Petrópolis respondeu que “cabe à Concessão Rodoviária Juiz de Fora– Rio de Janeiro (CONCER), enquanto autora do processo, a responsabilidade judicial em rela-

ção aos moradores residentes entre os quilômetros 54 e 57 da BR-040”. A prefeitura disse ainda que “presta assistência à Concer em relação à situação dessas famílias e reitera que, além do cadastro de casas populares realizado pela Secretaria de Habitação, articula com a concessionária o reassentamento dos moradores da comunidade Arranha-Céu, localizada entre os quilômetros 57 e59 da BR-040, onde foi realizado um estudo por uma empresa contratada pela prefeitura e que objetiva analisar as condições socioambientais da comunidade, bem como elaborar estudos preliminares em novos terrenos visando o reassentamento destas pessoas. Desta forma, o município articulou com a Concer que deverá participar do processo inclusive contribuindo para a compra do terreno”. O Diário também tentou entrar em contato com a Concer para saber sobre o problema, mas até o fechamento desta edição não recebemos nenhuma resposta.

Licitação dos radares: empresa vencedora será conhecida dia 23 Das vinte empresas que retiraram o edital de licitação dos radares de velocidade de Petrópolis, apenas quatro participaram da concorrência, sendo elas a Suprema Sistemas Viários (Ponta GrossaPR), Splice (Votorantim-SP), Serget (São Paulo-SP) e Kopp (Porto Alegre-RS). A abertura dos envelopes começou às 10h, de ontem (20). Após a análise da documentação entregue, as empresas aptas a concorrer serão anunciadas na próxima segunda-feira (23). Toda a documentação apresentada passará pela análise da comissão de licitação e pelos técnicos da Companhia Petropolitana de Trânsito e Transporte (CPTrans). As empresas concorrentes terão o prazo de cinco dias, após o resultado, para apresentar recurso caso não concordem com a avaliação da banca. Somente depois de realizada esta formalidade é que os envelopes serão abertos e a vencedora será conhecida, de acordo com o critério de menor preço. A empresa vencedora terá o prazo de 15 a 75 dias para a instalação dos radares. No entanto, o presidente da CPTrans, Rosano Kronemberger afirmou que tentará reduzir esse prazo. -É de interesse da empresa agilizar essa instalação, já que quanto mais rápido os

Alan Alonso

Toda a documentação apresentada passa pela análise da comissão de licitação da CPTrans

radares estiverem funcionando, mais rápido ela começa a receber pelo serviço. Acredito que dentro de 40 dias nós consigamos instalar pelo menos os radares que ficarão nos pontos mais críticos – afirmou Rosano Kronemberger. A licitação dos radares já havia sido adiada três vezes. Segundo o presidente da CPTrans, a demora decorreu da análise do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que já atestou a legalidade do processo licitatório. - Nós não precisávamos

enviar o processo ao TCE antes, mas fizemos questão dessa análise para que pudesse haver total transparência e lisura, e para que não houvesse problemas posteriores como ocorreu com a outra licitação - afirmou. Rosano ressaltou a importância dos radares, visto que desde dezembro de 2010, de acordo com ele, quando os equipamentos instalados no município foram desligados devido a investigações do processo de licitação realizado na administração passada, o número de acidentes de trânsito

cresceu consideravelmente. Serão instalados na cidade 34 radares do tipo discreto, sendo 28 ativos e seis inativos, que farão rodízio e serão todos sinalizados. Rosano esclarece que a sinalização dos equipamentos não é obrigatória, mas será feita já que a intenção não é a arrecadação de multas. - Nosso propósito é diminuir o número de acidentes, e não arrecadar dinheiro. Para isso nós fizemos um estudo para remodelar os pontos de instalação dos radares, priorizando os locais críticos.


6

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

sábado, 21 de julho de 2012

cidade Divulgação

Marilene Ramos, presidente do Inea, está apoiando o diálogo

Planejamento e Gestão na prevenção de desastres A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão, com apoio do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), iniciou ontem os Diálogos de Planejamento do estado com a realização do Simpósio Estadual de Políticas para a Previsão de Deslizamentos de Terra e a Prevenção de Desastres, no Hotel Windsor Atlântica. A abertura do evento foi realizada pelo tenente coronel Sérgio Simões; Luiz Edmundo Costa Leite, secretário da Ciência e Tecnologia; Marilene Ramos, presidente do Inea; Francisco Caldas, da Seplag; e Flávio Erthal, presidente do Departamento de Recursos Minerais do Estado. Entre o assunto abordado, uma opinião foi unânime: Planejamento é essencial para a prevenção de deslizamentos e desastres naturais. Abrindo a mesa, Sérgio Simões disse que estamos vivendo um momento ímpar na prevenção de desastres, e que o grande desafio é ser capaz de transformar conhecimentos científicos em questões práticas de prevenção. - É preciso elaborar planos prevendo o que dá errado e não o que dá certo - disse. Luiz Edmundo falou que quando foi secretário de Obras do Estado,em 1987, tomou consciência do assunto catástrofes naturais. Na sua atual gestão, agora na Ciência e Tecnologia, tomou ações para que desastres fossem evitados, como transferir o sistema de meteorologia SIMERJ para a Defesa Civil. Ele citou o exemplo de Cuba, “um país pobre onde raramente há vítimas em função desses eventos, por conta de um sistema eficiente de prevenção.” Já Marilene Ramos, presidente do Inea, agradeceu a Seplag pela iniciativa de or-

ganizar o debate. Ela destacou nossa situação privilegiada em relação aos fenômenos naturais, uma vez que no Rio de Janeiro temos que nos preocupar apenas com enchentes e deslizamentos, enquanto em outros países, como o México, também é preciso se preocupar com furacões, erupções vulcânicas e terremotos. Flávio Erthal, presidente do Departamento de Recursos Minerais do Estado, informou que ao se discutir deslizamentos e desastres naturais, os geólogos não eram ouvidos. Esse quadro foi mudado só a partir de 2009. De acordo com Erthal, hoje há um centro de gestão na Defesa Civil. - Esse seminário é fundamental para sabermos como fazer a prevenção de desastres, e a gestão é muito importante para isso. É preciso investigar a fundo e trazer soluções. Por fim, o subsecretário Francisco Caldas afirmou que esse é um seminário de prevenção e que, nessa área, o estado tem feito muito esforço de Planejamento. - É preciso investir em políticas públicas que minimizem riscos futuros. Segundo o subsecretário, o objetivo é combinar a presença de acadêmicos assim como diversos órgãos, e tentar trazer o conhecimento para a gestão. - É para tentar entender quem faz o quê, quando - disse. Para Francisco, a Seplag não é um dos autores principais do processo, mas vai auxiliar com sua experiência na gestão. O encontro continua nesta segunda-feira, dia 23, com a presença de palestrantes da Suécia, Estados Unidos e Itália, entre outros.

Petrópolis apresentará projetos para o PAC de Mobilidade Urbana O vice-prefeito Oswaldo da Costa Frias e o secretário de Planejamento e Urbanismo, Roberto Rizzo Branco estiveram na última quinta-feira (19) em Brasília e participaram do lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) de Mobilidade Urbana para cidades de médio porte, com a presença da presidente Dilma Rousseff. Em evento no Palácio do Planalto, o governo federal anunciou a liberação de R$ 7 bilhões em financiamentos para essesmunicípios com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Os representantes do município tiveram a oportunidade de conversar com o ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro e com a ministra de Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior. Técnicos da prefeitura agora preparam as adaptações necessárias aos projetos existentes para o cadastramento e envio das Cartas-Consulta, que se iniciam na próxima segunda-feira (23). Oswaldo e Rizzo também estiveram reunidos com o secretário nacional de transporte e da mobilidade urbana, Júlio Eduardo dos Santos. As cidades beneficiadas,

Divulgação

O vice-prefeito Oswaldo Costa Frias, à direita, representou Petrópolis no lançamento do Programa

de acordo com informações do Ministério das Cidades, terão que dar contrapartida de 5% do valor das obras financiadas. O objetivo do programa federal é tentar aquecer a economia por meio de compras públicas, além de privilegiar a aquisição de equipamentos nacionais. A União pretende destravar investimentos e fomentar o

crescimento da economia doméstica em meio à crise financeira internacional. O pacote será voltado para 75 municípios de 18 estados com população entre 250 mil e 700 mil habitantes, perfil no qual Petrópolis está inserida. O PAC Mobilidade Urbana para médias cidades não irá financiar a compra de ônibus,

pavimentação, recapeamento de pistas, canalização de córregos e obras de drenagem. O governo federal vai atender até dois projetos por município. As propostas poderão ser apresentadas por prefeituras e governos estaduais ao Ministério das Cidades até o fim de agosto, e em 14 de dezembro serão anunciadas as obras que serão atendidas

Verão 2012/13: Firjan realiza evento no fim do mês e apresenta tendência O Sistema Firjan, através do Senai Moda e Design, promove em Petrópolis no fim deste mês mais uma edição do Giro Senai Moda, evento voltado para profissionais do mercado da moda na região. De acordo com a estilista Bruna Pinheiro, no encontro, que será realizado no dia 31, a partir das 9h30, na sede da Representação Regional da Firjan na Região Serrana (Av. Dom Pedro I, 579, Centro), serão apresentadas as confirmações das tendências do Verão 2012/2013 e uma prévia do que virá nas coleções de

inverno do ano que vem. Segundo Bruna Pinheiro, mudanças recentes no calendário da moda no Brasil fizeram com que o Senai também se antecipasse. - Vamos confirmar o que foi falado na última palestra de Verão 2013, trazendo mais informações, com imagens de moda de rua em Barcelona e Berlim, e depois vamos falar sobre as macrotendências e tendências Inverno 2013 - explicou ela, que estará ao lado da modelista Ana Arrighi. Para os interessados, a dupla já avisa: o inverno 2013

vem com destaque para o vinho bordô, o amarelo alaranjado, o laranja e azul bic. - Em tendências destaco o barroco, os metalizados, peplum, mistura excêntrica de materiais, cintura marcada, jacquard, muitos bordados e apliques, punhos trabalhados e ombros gladiadores - revela Bruna. O evento tem como objetivo colaborar com as empresas na identificação dos diversos perfis de consumidores de moda, além de apontar as principais correntes de comportamento que irão

orientar as próximas ações do setor. Durante o encontro, será lançado a publicação Dossiê Digital “Perfil Moda Inverno 2013” com as macro tendências de comportamento, que vão orientar o desenvolvimento de novos produtos e os pontos fortes detectados nas mais importantes feiras internacionais. Serviço As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.firjan.org.br . Mais informações ligar para 0800 0231 231.

Corpo de Bombeiros utiliza helicóptero para resgatar estudante perdido no Açu O estudante Lucas Oliveira, de 22 anos, foi resgatado na tarde desta quinta-feira no Morro da Luva (Elevador), no Açu. Ele estava perdido na mata do local desde quarta-feira por volta das 15h quando se perdeu das outras seis pessoas que faziam a trilha, devido ao nevoeiro e forte chuva que caia no local. Lucas não carregava barraca. Ele conseguiu se abrigar em uma pedra no local, mas contou que passou muito frio. - Depois do Elevador eu tentei acompanhar o pessoal que estava na frente, mas me perdi. Voltei porque tinha outras pessoas atrás, mas também não achei ninguém. Eu tinha alimentação e água, mas o pior de tudo o frio porque ventava muito – contou Lucas. A mãe de Lucas, Ana Alice recebeu a notícia ainda na tarde de quarta-feira, quando um amigo do filho ligou, mas tinha poucas informações. - Naquela noite eu nem dormi. Eu não sabia que ele estava sozinho. Achei que estava perdido com o grupo, mas foi até melhor assim, porque se não a preocupação teria sido maior ainda – desabafou. O grupo que fazia a trilha prosseguiu para a Pedra do Sino, e um guia que os acompanhava retornou em busca do jovem. O Corpo de Bombeiros de Petrópolis foi informado da situação na noite de quarta feira. Nesse momento a equipe de Teresópolis já realizava as

Alan Alonso

Equipe de resgate do Corpo de Bombeiros que salvou o estudante

buscas. Os bombeiros também tiveram ajuda do Ibama, através dos guias do Parque Nacional da Serra dos Órgãos. Quatro unidades do Corpo de Bombeiros, com cerca de 60 homens, foram mobilizadas para o resgate. A operação contou com a participação dos seguintes comandantes e destacamentos de Itaipava (tenente coronel Ramon Camilo), Região Serrana (coronel Souza Vianna), I Grupamento de Socorro Florestal e Meio Ambiente (tenente coronel Lira) e Grupo de Operações Aéreas (tenente coronel Roget). - Na quinta-feira, duas guarnições subiram à procura do rapaz, mas ele já havia sido localizado por um do guias, e por isso somente uma das guarnições continuou subin-

do. As equipes de Petrópolis e Teresópolis se encontraram no local e levaram rapaz ao abrigo do Açu, onde pernoitaram já que nós não sabíamos se as condições do tempo pela manhã permitiriam o uso da aeronave – contou o comandante do destacamento de Itaipava. Lucas andou durante horas no primeiro dia, mas contou que no segundo já estava muito cansado. Ele descreveu como foi o momento em que foi localizado. - Eu ouvi um apito e comecei a gritar. Mas eu ainda não sabia o que era realmente. Quando eles me responderam fiquei muito feliz. Foi um grande alívio quando eles apareceram. Eu não esperava ser resgatado ali. No abrigo, o estudante

pode tomar banho, e recebeu roupas novas. Na manhã de sexta-feira se iniciou a descida de volta, que durou cerca de três horas e meia de caminhada. Com o tempo limpo, eles pararam em um platô onde foram resgatados por um helicóptero do Corpo de Bombeiros. Reencontro com a mãe - Eu só tenho a agradecer a Deus que protegeu meu filho. Foi muito ruim passar por isso – contou Ana. Lucas é morador da cidade do Rio de Janeiro. Das outras pessoas, cinco vieram de Recife. Apenas um dos amigos, que também veio do Rio de Janeiro, conhecia o trajeto do Morro do Açu. O estudante não sofreu nenhuma sequela, mas o coronel Souza Vianna ressaltou a necessidade de que antes de fazer essas caminhadas em trilhas, as pessoas se informem sobre as condições do local e o equipamento correto que deve ser levado, além da contratação de um guia experiente. - Eles não tinham experiência e esse é um percurso muito difícil e que exige muito da pessoa. Mesmo depois do susto, Lucas pretende completar o trajeto que foi interrompido de forma inesperada. - Eu andei aquele mato todo, agora eu tenho que chegar lá do outro lado - brincou Lucas.


SÁBADO, 21 de julho de 2012

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

7

cidade

Encontro da Maturidade faz evento no Bingen foto do dia Alan Alonso

Os postes do Centro Histórico ficam cobertos de cartazes

É amanhã o Quinto Encontro da Maturidade de Petrópolis. O evento deste ano será no clube Magnólia, no Bingen e oferecerá um dia inteiro de serviços gratuitos, atividades físicas e muita diversão para a terceira idade. “É um projeto itinerante, já esteve duas vezes no centro histórico de Petrópolis e no bairro Quissamã. Agora vamos levar o encontro para os moradores do Bingen”, comenta a coordenadora do evento, Silvana Coelho. Na parte da manhã haverá feira de saúde com exames gratuitos, aferição de pressão, shiatsu terapia e oficina da memória. Será disponibilizado também um espaço para cuidar da beleza com manicure e cabeleireiro. O ponto alto do encontro será o baile da “Feliz Idade” que começa às 15h. A atração será aberta pelo tradicional

Divulgação

e orientação para alunos de ensino médio sobre a relação com o idoso em casa. O encontro é patrocinado pelo governo do Estado do Rio de Janeiro e conta com o apoio da Unimed Petrópolis, Café Favorito, Promover Saúde, Programa DST/Aids, Telex Soluções auditivas, Instituto Carvalho Monteiro, Spa do Corpo e Rio 2016.

SERVIÇO:

Os idosos terão um dia inteiro de serviços gratuitos e diversão

desfile de modas com modelos acima de sessenta anos e comandada pela orquestra “Pássaro de Prata”. “Além de cuidar do bem estar e da saúde do idoso, o objetivo do evento é levantar a auto-estima desse público”, completa Silvana. O evento é realizado em Petrópolis há cinco anos pelo

Esporte Clube Magnólia Rua Bingen, 1738 – Bingen Informações: (24) 88076347 Horário: das 9h às 19h. Entrada franca Para saber mais acesse: www.projetomaturidade. com.br

Projeto Maturidade, coordenado pela radialista Silvana Coelho, e acontece no mês de julho em comemoração ao dia dos avós (26/07). O Projeto Maturidade é responsável por diversas iniciativas para melhorar a vida do idoso, através de palestras sobre direitos e deveres na terceira idade, sexualidade,

enquete Você faz compras pela internet? Fotos: Alan Alonso

Jonas Corrêa, 45 anos, operador de máquinas. - Não. Pois não confio na procedência dos produtos e nem nos vendedores.

Alexandre Ramos, 26 anos, auxiliar de serviços gerais. - Não gosto de comprar pela internet, não confio.

Fábio da Silva, 41 anos, ferramenteiro. -Não faço, mas meu filho faz. Nunca tive problemas com produtos comprados pela internet.

Adriano Oliveira, 35 anos, desempregado. - Muito pouco, não acho tão seguro.

José Fernando, 44 anos, encarregado de injeção. - Não tenho hábito de fazer esse tipo de compra.

Com os Programas Rio Leite e Rio Genética, a produção e a qualidade do leite do Rio de Janeiro só vêm evoluindo. A evolução da produção e da qualidade do leite no Rio de Janeiro é como o próprio leite: líquida. E certa. Com os Programas Rio Leite e Rio Genética, do Governo do Estado, somados à instalação de mais de 50 indústrias de laticínios, como Nestlé, Bom Gosto, Parmalat e Marília, entre outras, e à criação de mais de 5 mil empregos, a meta é chegar a 1 bilhão de litros de leite/ano em 2015. E fazer com que o Rio volte a ser um dos 10 maiores produtores de leite do Brasil. Um objetivo para 22 mil produtores e o estado inteiro comemorarem. Com um copo geladinho e gostoso de leite, é claro.

2015

2011

2009

2006

460 MILHÕES DE LITROS

600 MILHÕES DE LITROS

O GOVERNO DO ESTADO CRIA O RIO GENÉTICA

1 BILHÃO DE LITROS


8

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

sábado, 21 DE julho de 2012

ECONOMIA

Governo reduz em R$ 13,3 bi estimativa de arrecadação TIM entra com mandado de segurança contra Anatel n Agência Brasil

A empresa de telefonia TIM entrou ontem (20) com mandado de segurança contra a decisão da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) de suspender a venda e ativação de novos chips da operadora a partir da próxima segunda feira (23). O mandado foi protocolado na 4ª Vara Federal no Distrito Federal, e está sob julgamento do juiz Tales Krauss Queiroz, que pode tomar uma decisão ainda hoje.

Em nota oficial divulgada na última quinta-feira, a TIM disse discordar da decisão da Anatel e que a medida trará prejuízos ao setor de telecomunicações. “Tal medida desproporcional da Anatel certamente afetará a competição no setor de telecomunicações no país”. Na última quarta-feira (18) a agência reguladora proibiu, temporariamente, a venda de novos chips da TIM em 18 estados e no Distrito Federal. As operadoras Oi e Claro, também receberam punições em cinco e três estados respectivamente.

AVISOS E EDITAIS

n Wellton Máximo/ABr

O desaquecimento da economia e as desonerações de impostos promovidas pelo governo estão interferindo na arrecadação tributária. Relatório divulgado ontem (20) pelo Ministério do Planejamento diminuiu em R$ 13,3 bilhões a previsão de arrecadação da Receita Federal, para 2012, de R$ 890 bilhões para R$ 876,7 bilhões. O impacto nos cofres federais só não será maior por causa da Previdência Social e de receitas que não estão diretamente relacionadas ao comportamento da economia, como dividendos das estatais. Os números constam do Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas, apresentado a cada dois meses pelo ministério com previsões sobre a economia e o Orçamento. Esta é a segunda vez seguida em que a estimativa de arrecadação é reduzida. No relatório anterior, a projeção havia sido reduzida em R$ 10 bilhões. Em contrapartida, o governo reajustou as projeções

de recursos de outras fontes. A equipe econômica aumentou em R$ 3 bilhões a estimativa de arrecadação líquida da Previdência Social, por causa da formalização do mercado de trabalho, e em R$ 6,236 bilhões a projeção para as receitas atípicas (não administradas pela Receita e sem relação direta com o comportamento da economia). A elevação das receitas não administradas pela Receita foi provocada por diversos fatores. A equipe econômica elevou em R$ 3 bilhões – de R$ 23,5 bilhões para R$ 26,5 bilhões – a previsão de pagamento de parte dos lucros das estatais para o Tesouro Nacional. Além disso, o governo reajustou em R$ 4,2 bilhões a estimativa de outras receitas atípicas, como cota-parte de compensações financeiras e salário educação. A única fonte de receita atípica que apresentou queda foi a venda de frequências para a telefonia 4G. De acordo com o Planejamento, os valores arrecadados nos leilões, em junho, ficaram R$ 900 milhões

abaixo das projeções iniciais. Mesmo com a redução das receitas previstas, o governo não aumentou o volume de recursos contingenciados (bloqueados) para cumprir a meta de superávit primário (economia de recursos para pagar os juros da dívida pública). O montante do Orçamento Geral da União bloqueado foi mantido em R$ 55,073 bilhões. O relatório elevou em R$ 412,2 milhões a previsão de gastos obrigatórios, por causa do aumento das despesas com subsídios, com convênios e com os fundos de Desenvolvimento da Amazônia (FDA) e do Nordeste (FNDE). O documento prevê ainda despesas de R$ 500 milhões de créditos extraordinários ao Orçamento, o que resulta em elevação final de R$ 932,2 milhões nos gastos federais. No entanto, de acordo com o Planejamento, não foi necessário alterar o volume de verbas bloqueadas para alcançar a meta de R$ 97 bilhões de superávit primário para o Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência

Social e Banco Central). O contingenciamento não foi ajustado porque tanto a diminuição das receitas primárias como os gastos extras foram compensados pela diminuição em R$ 4,932 bilhões das transferências federais aos estados e municípios. Segundo o documento, a projeção das transferências constitucionais foi reduzida por causa da diminuição da arrecadação do Imposto de Renda (IR), Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide). Esses três tributos são compartilhados com prefeituras e governos estaduais. Neste ano, as empresas estão pagando menos IR porque estão lucrando menos. Já a arrecadação do IPI está sendo afetada pela redução da produção industrial e pelas desonerações para veículos e produtos da linha branca (geladeira, fogões, tanquinhos e máquinas de lavar). E, no fim de junho, a Cide foi zerada para evitar a elevação do preço da gasolina e do diesel.

Saldo de empregos nos bancos cai 83% n Fernando César Oliveira/ ABr O saldo de empregos gerados pelo sistema financeiro nacional foi 1.144 postos de trabalho no primeiro trimestre deste ano. O resultado representa uma queda de 83,3% em relação ao primeiro trimestre de

2011, quando o setor registrou um saldo positivo de 6,8 mil vagas. De janeiro a março de 2012, os bancos contrataram cerca de 11,1 mil trabalhadores e demitiram 10 mil. Os números, compilados pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômico (Die-

ese) a partir de dados oficiais do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), foram divulgados nesta sextafeira (20). O salário médio dos bancários demitidos era R$ 4,3 mil. Já o dos novos contratados, R$ 2,6 mil, o equivalente a 61,2% da remuneração dos dispensados.

“Estamos muito preocupados, esses dados são alarmantes”, afirmou o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), Carlos Cordeiro, durante entrevista coletiva em Curitiba. “Os bancos fazem uso da estratégia cruel da rotatividade para reduzir suas despesas com pessoal.”

AVISOS E EDITAIS

Há 30 anos era publicado Em sua edição número 2.440, de 21 de julho de 1982, uma quarta-feira, o DIÁRIO publicou os seguintes destaques: CIGARRO - O preço do cigarro é como mulata: quanto mais alto, melhor. Esta opinião é de Waldomiro Barbosa, dono do Café Brasil, que não acredita na queda da venda após a próxima segunda, quando os cigarros passarão a ser vendidos com novos preços. REUNIÃO

Cartório de 3º Ofício de Petropolis R. do Imperador, 1017 / 1021 - Centro - Petropolis - RJ Telefone: 22420565

22426363

Listagem de titulos enviados para Edital em em 21/07/2012 Acham-se registrados neste cartório, conforme lei 9.492/97 Art. 15 - Processo 89.877/99 CGJ/RJ, para serem protestados os títulos de responsabilidade de : Sacado

CNPJ/CPF

DERMATOLOJA PROD. MEDICOS LTDA

05/07/2012

Cheque Administrativo: Custas :

122,23

Total:

Valor:

544,80

667,03

Número:

3691-L

Pagamento A

Petropolis, 20/07/2012

Leia o Diário na Internet www.diariodepetropolis.com.br

clientes que interromperá o fornecimento de energia elétrica, para possibilitar a execução de obras e melhoramentos da rede, nos municípios de Petrópolis e São José do Vale do Rio Preto, nas seguintes localidades:

24/07/2012,

das 09:00h às 16:30h, Petrópolis - Bejal: Estradas Arnaldo Dyckerhoff, dos Caboclos e adjacências. Alto da Serra: Rua Teresa, Vila Margarida e

OBS. AS INFORMAÇÕES ACIMA SÃO FORNECIDAS AO DIÁRIO POR FUNCIONÁRIOS DAS SECRETARIAS DOS CEMITÉRIOS,

05/06/2012

24/07/2012 09:21:00

Intimo-os a pagar ( através de cheque administrativo ou dinheiro, com guia de pagamento a ser retirada neste tabelionato ), ou no caso de falta de aceite, comparecer para aceita-lo, ou dar-me as razões por que não o faz.

Visando prestar um serviço de melhor qualidade, a AMPLA comunica a seus

Cemitério de Itaipava Não houve sepultamentos

11.244 19/07/2012 09:21:00

LAB OSLER DO BRASIL LTDA

Emissão:

MANUTENÇÃO E MELHORIA NA REDE COM INTERRUPÇÃO NO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA

Nelson Linoz Ferreira, (idade não informada), (bairro não informado), 14 h Maria das Dores Ferreira, 88 anos, Centro, 16h30

BANCO ITAU SA

15.272.260/0001-93

Copia Duplicata Mercantil por Indicação Vencto:

Protocolo

LAB OSLER DO BRASIL LTDA

- Dia 20 de agosto o prefeito Jamil Sabrá entregará ao município o segundo andar do Hospital Municipal de Petrópolis, com mais nove ambulatórios e enfermarias e novos serviços ampliados em salas construídas na gestão do dr.Célio do Carmo Magrani, diretor geral da autarquia.

adjacências. Moinho Preto: Estrada da Fazenda Inglêsa, Rua Engenheiro José Lima Filho e adjacências. Cuiabá: Rua Elvira Maria Cabral, Estrada da Cachoeira e adjacências.

Portador/Cedente/Sacador

R. GENERAL OSORIO,65

AMBULATÓRIOS

Sexta-feira 20-07-12 Cemitério Municipal

Tabelião

Cep. 25620-003

Ficando assim já intimado do respectivo protesto no prazo estipulado na forma da lei.

- Na reunião preliminar marcada para a próxima terça, o PDS pretende definir os principais pontos a serem discutidos na convenção municipal, a ser realizada no dia 30, na Câmara Municipal. Dois nomes estão confirmados para disputarem a vaga de prefeito: João Esio Caldara e Rubens Bomtempo.

SEPULTAMENTO

Tabeliâo de Protesto

25/07/2012, das 09:00h às 16:00h, Petrópolis -

Independência: Ruas das Azeléas, Angelo João Brand e adjacências. São José do Vale do Rio Preto - Águas Frias: Estrada da Grota Funda e adjacências. 26/07/2012, das 08:00h às 16:30h, Petrópolis - Quitandinha: Rua General Rondon e adjacências. Morin: Rua D. Reymarus, Servidão Carmelo D. Galluzzi e adjacências. Estrela: Rua A, Estrada Velha da Estrela e adjacências. O restabelecimento de energia poderá voltar antes do horário previsto.

Leia e assine o Diário (2235-7162


MOSELA Hoje é dia de São Lourenço de Brindisi e dia em comemoração do nascimento de Lasar Segalli. Na paróquia de São Judas Tadeu a secretaria tem expediente de terça-feira a sexta-feira de 16h30 as 18h30 e os eventos religiosos são informados pelo telefone 2245 7344.

D

iário nos

B

airros

diarionosbairros@diariodepetropolis.com.br

Volta do ônibus confirmada Associação do Centro Histórico confirma entendimentos com autoridades para integrar Trono de Fátima no turismo da cidade

A presidente Myriam Vianna Born, da Associação de Moradores e Amigos do Centro Histórico – AMA Centro Histórico – confirmou ontem que a revitalização turística do Trono de Fátima, no Valparaíso, continua sendo trabalhada. Uma reunião com autoridades municipais foi realizada na noite de anteontem para que o monumento volte a atrair o público. - Uma das iniciativas é a volta da linha de ônibus que ligava o Trono de Fátima. Com isto, o acesso tanto de moradores ou turistas vai voltar a ser acessível – informou. – O monumento está tombado pelo patrimônio histórico e precisa ser resgatado com ações positivas e funcionais mobilizando todos os segmentos da sociedade petropolitana.

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

sábado, 21 de julho de 2012

Myriam Born confirmou que na reunião representantes da Secretaria de

Obras asseguraram a execução de serviços no monumento. Disse também,

que a AMA Centro Histórico está articulando toda a mobilização para que o Trono de Fátima volte a fazer parte do roteiro turístico da cidade e que estão sendo viabilizadas verbas em nível federal. - Estamos procurando projetar melhorias junto ao Ministério da Cultura – confirmou. O Trono de Fátima que foi erguido na década de 1940 é um monumento da Congregação Mariana e, segundo Myriam Born, a instituição não tem condições de executar serviços com recursos próprios, precisando do apoio da sociedade. A presidente da AMA ao encerrar, afirmou que os projetos em benefício do monumento estão em andamentos satisfatórios.

viagens. Com a entrada dos novos ônibus agora viajamos com tranquilidade e sabemos que vamos chegar aos nossos destinos – emitiu a opinião Sandra Helena Rodrigues Contin, moradora da Rua Paulo Hervê, no Bingen, ao lembrar que muitas vezes ficou a pé por

motivo de quebra dos ônibus no itiner��rio. - Além das viagens tranquilas, estamos contanto com os horários corretos de saída e chegadas nos pontos – completou. Os coletivos da Viação Expresso Brasileiro estão operando nos itinerários do

Bingen e Mosela há vinte dias. Durante todo este período, moradores locais e usuários de outras localidades que usam o trajeto estão opinando sobre a melhoria no transporte e destacando o emprenho das autoridades municipais em resolver o problema.

Foto histórica do Trono de Fátima. Reintegração ao turismo da cidade

9

ALCOÓLICOS ANÔNIMOS Reuniões de hoje 19h: Grupo 27 de Maio, Rua Bingen, 261. 19h30: 28 de Janeiro, Rua Paulo Barbosa, 180, Centro; Amor e Atração, Av. Leopoldina, 596, Nogueira; Bingen, Rua Santa Rita de Cássia, 30, Castrioto; Castelânea, Praça Pasteur, 79; Petropolitano, Rua Santos Dumont, 100.

Unidos Venceremos continua a chamada de moradores ao dia 10 Moradores continuam sendo convocados para comparecer no dia dez de agosto na entrega dos mais de 80 títulos de propriedade que ficaram faltando às famílias da Comunidade Unidos Venceremos, do Quarteirão Brasileiro. O total vai somar aos 195 documentos que foram conferidos aos titulares de residências da localidade no mês passado.

A confirmação foi feita pelo presidente Hailton Francisco de Souza, da Associação de Moradores da Comunidade Unidos Venceremos. Ele esteve no último dia 12 no Instituto de Terras e Cartografias do Rio de Janeiro – ITERJ – onde o órgão confirmou a data de entrega dos títulos de propriedade e está solicitando a presença dos titulares das famílias no dia 10.

Projeto social familiar termina hoje no Vale do Carangola Termina hoje o Projeto Familiar É Hora de Viver, na Escola Municipal Lúcia de Almeida Braga, no Vale do Carangola. O evento que teve início no dia 16 do mês passado e realiza palestras sobre saúde, exibe filmes, promove cursos, oferece brindes, entre outros segmentos com menores, jovens, adultos e idosos. Os organizadores estão convidando os moradores

para prestigiar o encerramento. Um dos cursos que foi destaque é o de como deixar de fumar e beber. A Hora de Viver é uma ONG do Rio de Janeiro e realiza o projeto no Vale do Carangola com segmentos evangélicos da comunidade. O evento foi realizado diariamente, inclusive aos sábados e domingos sempre iniciando as 18h30.

Rua Washington Luiz é destaque Circulação de ônibus novos volta ser opinada por leitores do Bingen de amanhã no Diário nos Bairros

Durante toda a semana o Diário nos Bairros recebeu mensagens com opiniões sobre a entrada de ônibus novos nos corredores do Bingen e Mosela. Ontem mais uma leitora se manifestou a respeito: - Finalmente ficamos livres de problemas nas

O Diário nos Bairros divulga amanhã a página Washington Luiz, uma via que começou se chamando Caminho da Renânia, por estar num local com o nome do quarteirão demarcado por Julio Frederico Koeler. A fábrica têxtil extinta em 1982 e que ainda mantém a arquitetura centenária também é enfocada na edição deste domingo.

O trânsito hoje é o maior problema para os moradores e comerciantes locais que pedem as autoridades do setor, um novo estudo para favorecer as pessoas. As badernas de adolescentes nas noites dos finais de semana também são reclamadas na comunidade que reivindica segurança do poder público.

Tranqüilidade para a sua empresa

Contabilidade de última geração, sistema avançado de informática Escrita Fiscal – Rotinas Trabalhistas e Folha de Pagamento Sistemática Departamento Jurídico – Direito Cível – Direito Trabalhista Projetos Econômicos – Análise de viabilidade e capacidade de sua empresa – Administração de Bens e Serviços – Corretagem e Administração de Imóveis – Equipe com treinamento especializado Direção Técnica: Márcio Tesch Economista – Corecon 10582 Advogado – OAB/RJ 59.566 Tec. Contab. – CRC/RJ 25.384-0

Rua do Imperador, 772 – Gr 105/106 – Centro Petrópolis – RJ. Tel/Fax: (024) 2231-6212 / 2231-3322

Leia e assine o Diário de Petrópolis

( 2235-7165

Pão francês - R$ 6,99kg (somente no balcão) Entrega em domicílios Rua Epitácio Pessoa, 100 (atrás dos Correios) Centro - Petrópolis - RJ Tel. 2231-2160


DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

sábado, 21 de julho de 2012

Agenda Cultural

marciosalerno@diariodepetropolis.com.br

Inverno

Gêmeos - (21/05 a 20/06)

Viver em paz e sem perturbação será muito impor-tante agora. Para que tudo isso aconteça, evite participar de falatórios, intrigas e rivalidades com quem quer que seja. Feli-cidade no amor e nas diversões.

Câncer - (21/06 a 22/07)

Devido ao bom aspecto de Mercúrio em seu horós-copo, você poderá progredir bastante, profissional e social-mente. Lucrará no comércio de livros e material de ensino, de um modo geral. Você está sob uma forte influência de sua família e isto poderá beneficiá-lo.

Leão - (23/07 a 22/08)

Procure pessoas amigas para favorecem suas possibili-dades de êxito. Grandes chances de se destacar nos jogos, na vida pública e nos sorteios. Lucros pelo esforço profissional e êxito social, também se apresentarão.

Virgem - (23/08 a 22/09)

A posição da lua e ótima para compra e venda de propriedades, e para construir casa própria se ainda não tem. Todos os esforços que tem empreendido para elevar-se e prosperar profissionalmente, se farão sentir com maior força neste período.

Libra - (23/09 a 22/10)

Há possibilidades de se sentir um pouco indisposto no período da manhã. À tarde e a noite, tudo estará melhor. Cuide do sistema nervoso. Você atravessa um grande período de vantagem material e financeira. Analise e verá quanto progre-diu e prosperou.

 Escorpião - (23/10 a 21/11) Procure evitar as ações violentas e as palavras ásperas. Dia favorável para novas amizades que o ajudarão a progredir muito. Sucesso nas associações, nos negócios, nos assuntos de dinheiro e no amor. Ótima oportunidade no setor comercial.

Sagitário - (22/11 a 21/12)

Será muito bem sucedido nas próximas horas. A lua haverá de favorecê-lo em trabalho de toda ordem. Cuidado com amor à primeira vista. Confie em si, e fará associações que trarão bons resultados. Sua saúde será bastante boa, o que deverá dar-lhe maior disposição.

 Capricórnio - (22/12 a 20/01) Dia em que terá forte magnetismo pessoal, o que contribuirá para o seu sucesso, junto às mais altas perso-nalidades de nossa sociedade. O êxito financeiro será óbvio e conseguirá obter o que pretende no trabalho. Bom também, para assuntos familiares.

Aquário - (21/01 a 19/02)

Lute com tenacidade e perseverança, por tudo que pretenda realizar neste dia, pois, esforçando-se, conseguirá resultados surpreendentes. Fará boas amizades e receberá o apoio de pessoas que exercem muita influência em seu meio.

 Peixes - (20/02 a 20/03) Suas boas qualidades e habilidades, influenciarão de maneira benéfica, pessoas importantes para você. Nervosismo à flor da pele, tenha mais calma. Faça de tudo para aumentar seu círculo de relações e de amigos neste período.

Teatro Circense Andança apresenta hoje sua mostra no D. Pedro A “Mostra Andança de Teatro - 19 anos de grupo” está chegando ao fim, depois de mais de 20 apresentações em Petrópolis, Areal, Niterói e Maricá. Para finalizar o evento, o Grupo Circense Andança estará apresentando hoje, às 20h, o espetáculo ‘Depois da Chuva’. A censura é 14 anos. O espetáculo é vencedor de seis prêmios no Festival Nacional de Teatro de Congonhas - MG e do Prêmio Maestro Guerra-Peixe 2012, categoria teatro, pela direção de arte de Raquel Theo. Amanhã, a partir de 14h, na Pç. da Mosela, o grupo festeja com uma roda de choro com o Grupo Taruíra. Produtos estarão sendo expostos na Casa da Rose. ‘Depois da Chuva’ narra a estória de três mulheres interioranas que tem sua rotina, suas vidas transformadas quando surge, após uma bruta chuva, no quintal da casa onde moram, um velho, decrépito e largado, com umas asas enormes. Estabelece-se entre eles, gradativamente, uma relação que vai desde a estranheza até uma profunda aproximação e identificação.

Poeta Projeto Som & Cristal traz tributo a Vinícius hoje Um dos monumentos mais famosos de Petrópolis – o Palácio de Cristal – serve de palco para apresentações musicais de artistas locais, fomentando a cultura petropolitana e oferecendo ao público o melhor da MPB, do chorinho, da música clássica e contemporânea. Às 20h, censura livre, entrada franca. Hoje acontece lá um tributo à Vinícius de Moraes. O ‘Jassambô’ une o bom gosto na escolha do repertório com a espontaneidade dos improvisos. Sempre levando ao público temas belíssimos da bossa nova e do jazz, o grupo também costuma botar todo mundo pra sambar. Com o Especial Vinícius de Moraes traz momentos da carreira do poeta revisitados com muito carinho. Com Gabriel Lobo (voz e guitarra), Anderson Maia Cachão (bateria), Breno Morais (sax e flauta) e Felipe Depoli (baixo acústico). A produção é de Anderson Maia (Cachão).

ACONTECE HOJE • Hoje a Nic Club & Lounge de Itaipava recebe o Barra Music Eletro Club. Farão parte da festa DJs renomados, como Jorge Kiiver, com Eletro House, e Eneida, com Dance Music e Eletro. Mas outros ritmos também estarão presentes, como a mistura do Funk e o Sertanejo do DJ Dinho. Além disso, claro, os DJs residentes André Junqueira, David RF e Paulo Costa também não ficarão de fora, junto com o VJ Guido. Uma das atrações principais é a ex-participante do No Limite Eneida. Ela se

define uma “buscadora”. O endereço é Estrada Itaipava/ Teresópolis, 89, Itaipava. • Hoje tem ‘Hora do Conto’ com Janaína Gall, às 11h na Livraria Nobel-Centro (Rua 16 de março, 399) e, às 16h, na Nobel-Itaipava (Estr. União e Indústria, 10.395-loja 02-Shopping Tarrafas). As estórias que serão contadas pela autora, que é petropolitana, além de contribuir para que as crianças adquiram o hábito da leitura, também visa incentivá-los a manter a higiene bucal.

Festa

Ingressos: promo = terças e quartas ingresso promocional a R$: 6 para todos (exceto feriados).-preço de ingressos segundas, quintas e sextas- inteira R$: 14 e meia R$: 7. -preço de ingressos sabados/domingos e feriados - inteira R$: 16 e meia R$: 8. CINE BAUHAUS R. Dr. Nelson de Sá Earp, 89 Shopping Center Bauhaus Centro Telefone – (24) 2237-1348

roupagem eis que volta a brilhar a banda Blitz, nascida no verão carioca de 1982 a partir um improvisado projeto do Circo Voador. Com músicas de letras engraçadas e performance teatral o grupo viveu anos dourados entre 1982 e 1986. Seus integrantes faziam parte da formação teatral “Asdrúbal Trouxe o Trombone”. O endereço é Estrada União & Indústria, 12.360, Itaipava. Maiores informações: Facebook (http://www. facebook.com/tamboata) e Twitter (http://twitter.com/ tamboata), ou através do email: atendimento@tamboata.com.br.

SALA 2 O ESPETACULAR HOMEMARANHA – Censura 10 anos – com Campbell Scott – dublado – Horários: 15h, 17h50 e 20h40 SALA 3 MADAGASCAR 3 – Os Procurados – Censura livre - animação – dublado – Horários: 14h50 E AI, COMEU? – Censura 14 anos – com Bruno Mazzeo - filme brasileiro – Horários: 16h50, 18h50 e 20h50 PREÇOS MERCADO ESTAÇÃO / HIPERSHOPPING

SALA 1 A ERA DO GELO 4 – Censura livre – animação – dublado – Horários: 15h, 16h50, 18h40 e 20h30 SALA 2 O ESPETACULAR HOMEM ARANHA – Censura 10 anos – com Andrew Garfield – Horários: 14h30, 17h30 e 20h45 Preços: Segunda Feira - Promoção R$ 3 - Terça a quinta (exceto feriados): Sessões iniciadas até 15h59min, inteira: R$ 10. Após 16h inteira: R$ 12. Sexta a domingo e feriados: Sessões iniciadas até 15h59min inteira: R$ 12. Após 16h inteira: R$ 14. TOP CINE HIPERSHOPPING ABC Rua Teresa, 1415 / 2º piso Alto da Serra – Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br SALA 1 A ERA DO GELO 4 – Censura livre - animação – dublado – Horários: 14h40, 16h40, 18h40 e 20h40 SALA 2

Banda Blitz é a atração da Tamboatá para esta noite Anos 80, explodindo nas rádios a música “Você Não Soube Me Amar”. Assim marcou época a carioca banda fenômeno Blitz, uma das precursoras do rock nacional. É ela que, liderada pelo cantor Evandro Mesquita, chega à Tamboatá para aquecer com o seu som o inverno da serra. O show divertido entoado pelos hits irreverentes da Blitz está marcado para sábado, 21 de julho, com abertura ao público a partir das 22h, na melhor casa de shows de Itaipava. A balada também conta com as apresentações dos residentes DJ Vitor Ventura e VJ Scali. Apresentando uma nova

E AÍ, COMEU? – Censura 14 anos – com Bruno Mazzeo – Horários: 19h10, de terça a domingo – Sessão extra dias 20 e 21/07, 21h20

VALENTE – Censura livre - animação – pré-estréia – dublado- Horários: 14h20, 16h20, 18h20 e 20h20 TOP CINE HIPERSHOPPING MERCADO ESTAÇÃO Rua Paulo Barbosa, 310 / 1º piso

2a a 5a feira, exceto feriados . sessões iniciadas até 15:59h . meia R$ 6,00 / inteira R$ 12,00 . sessões iniciadas após 16:00h . meia R$ 7,00 / inteira R$ 14,00 * continua a promoção - TODO MUNDO PAGA MEIA 6a a domingo e feriados . sessões iniciadas até 15:59h . meia R$ 7,00/ inteira R$ 14,00 . sessões iniciadas após 16:00h . meia R$ 8,00 / inteira R$ 16,00 * continua a promoção - TODO MUNDO PAGA MEIA 3a feira + do que barato!, exceto feriados . continua a promoção o dia todo; . meia R$ 3,00 / inteira R$ 6,00 * continua a promoção - TODO MUNDO PAGA MEIA a partir do dia 20/7 - 6a feira; . iniciamos a venda antecipada do filme; . Batman – cavaleiro das trevas ressurge; . nos cinemas abaixo: . PETRÓPOLIS – CINEMAXX MERCADO ESTAÇÃO - LEGENDADO . HORÁRIO: 11:00h / 14:20h / 17:35h / 20:50h – 6ª e sábado – dias 27 e 28/7 . HORÁRIO: 14:20h / 17:35h / 20:50h – de domingo a 5ª feira – 29/7 a 02/8 . PETROPÓLIS –TOP CINE HIPERSHOPPING ABC – DUBLADO . HORÁRIO: 14:10h / 17:25h / 20:40h

Filmes na TV ANJOS DA VIDA – MAIS BRAVOS QUE O MAR – GLOBO – 23H15 – COM KEVIN COSTNER Lendário especialista em resgates em alto-mar falha em uma missão e passa a dar aulas para jovens profissionais que querem fazer a mesma coisa. LOUCADEMIA DE POLÍCIA – SBT – 23H15 – COM STEVE GUTTEMBERG Prefeita de uma grande cidade americana decide abrir uma academia de polícia para novos recrutas, sem exigir nenhum pré-requisito. As coisas dão errado, claro...

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br Exclamação sentenciosa com que se termina uma narrativa (Gram.)

Tablet de Steve Jobs (Inform.)

© Revistas COQUETEL 2012

Utensílio do açougueiro

Desfile militar Países africanos que depuseram seus antigos governantes no episódio que ficou conhecido como Primavera Árabe, em 2011

Objeto despachado no check-in

Cada um dos canais pelos quais a baleia expele seu jato

Enfeitar; adornar Amapá (sigla) Fruto de origem antiObjeto lhana rico constituí- em vitamina C do por dois pedaços de pano bento (Catol.) Filme com Will Smith El. comp.: sobre o pugilista chifre Cassius Traje típico da Clay mulher indiana

Característica do glutão Vazias

Méritos de uma Aguarden- pessoa te ruim Prata (bras.) (símbolo) (?) Lubambo, guitarrista Via pública

Destino Samuel (?): inventou o revólver Doce apreciado por crianças (pl.) Vaga-lume Parte do porto por onde se embarca ou desembarca do navio

Malba (?), autor de "O Silvio Luiz, Homem locutor es- que Calculava" portivo

Urânio (símbolo) Mentira, em inglês

Plural (abrev.) Elétron (símbolo)

Produto adicionado ao banho de imersão Fundo Monetário Internacional

Estado de espírito (bras.) Unidade monetária instituída no Brasil em 1994 Assiduidade; frequência

BANCO

R

E O hemisfério acima do equador (abrev.)

A

L

(?)-tse: fundou o Taoismo Em+a

Francis Bacon, pintor irlandês

(?) Watts, atriz de "King Kong"

25

Solução

F A C A

Período em que deverá evitar novos negócios. Por outro lado, haverá progressos profissionais devido à influência de pessoas conhecidas. Os assuntos de ordem espiritual, inte-lectual, e amorosa estão beneficiados.

cidade, tem ‘Misto Quente’ com o Circo Girassol, às 11h. Trata-se de um espetáculo circense dinâmico e divertido, com números aéreos, de solo e de palhaço. Censura livre, entrada franca. Às 16h, no Salão de Convenções do Sesc Quitandinha, tem ‘O Hipnotizador de Jacarés’, com os palhaços Serragem, Farinha e Farofa, que se preparam para hipnotizar um jacaré-do-papo-amarelo, que está trancado em uma caixa cheia de furtos e correntes. Censura livre.

E P I A P A D

Touro - (21/04 a 20/05)

tandinha apresenta ‘Galanga, Chico Rei’, espetáculo que traça um panorama da fabulosa história da vida de Chico, rei de uma tribo do Congo, que é trazido como escravo para o Brasil e, aqui, torna-se herói. Na peça, usa-se a congada, um bailado dramático tradicional em vários estados brasileiros. A censura é livre, os ingressos saem a R$ 4 (associados Sesc Rio), R$ 8 (estudantes e idosos) e R$ 16 (inteira). Hoje também, desta vez na Praça D. Pedro, Centro da

O ESPETACULAR HOMEM-ARANHA – Censura 10 anos – com Martin Sheen – dublado – Horários: 20h40

P A R A D E A G I L T P O E A L I F B M I I A

O Festival Sesc Rio de Inverno 2012 continua hoje. Às 22h30, no Café Concerto do Sesc Quitandinha tem ‘Clube do Balanço’, um conjunto paulistano de sambarock. Formada apenas para uma festa, a banda já tem 12 anos, vários shows pelo país afora, três álbuns gravados e já se apresentou em diversos países. Censura livre, ingressos a R$ 4 (associados Sesc Rio), R$ 8 (estudantes e idosos) e R$ 16 (inteira). Também neste sábado, às 21h, o Teatro do Sesc Qui-

ERA DO GELO 4 – Censura livre - animação – dublado – Horários: 15h e 17h, de terça a domingo

A ERA DO GELO 4 – Censura livre - animação – dublado – Horários: 14h40, 16h40 e 18h40

S O N E M R A T A E R O L C I D A N A U R S C O I L A M N E A S T R L A O H N A O T A N C

Procure manter seu estado de ânimo mais calmo e otimista, neste e nos próximos dias para que não venha a so-frer prejuízos e embaraços. Êxito nos estudos, pesquisas e exaltação psicológica. O melhor que poderá fazer, será buscar a companhia de pessoas amigas.

SALA 1

CINE ITAIPAVA Est. União & Indústria, 11.000 Itaipava Telefone: 2222-3424

L

Áries - (21/03 a 20/04)

Atrações do Festival Sesc Rio de Inverno 2012 hoje

A S L A I R I L I S E A I N S

HORÓSCOPO

Centro - Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br

3/lie. 6/romero. 9/edacidade — epifonema. 11/escapulário.

INSTITUTO OMAR CARDOSO

E S O C B A P U L C A R I C O

10 57 anos


Sábado, 21 de julho de 2012

Alexandre Machado

colunadoalexandre@gmail.com

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

Jantar Beneficente Dançante

(21) 8341-8558

Visconde do Rio Preto

O Instituto Histórico de Petrópolis, em comemoração ao 210º aniversário de nascimento de Domingos Custódio Guimarães, convida para a palestra e lançamento do livro “Visconde do Rio Preto- sua vida, sua obra”, do historiador professor Rogério da Silva Tjader, dia 23 de julho, às 18h30, na Casa Cláudio de Souza (Praça da Liberdade).

Meu Pai, Meu Exemplo

Como acontece já há vários anos, o querido padre Jac está organizando a festa “Meu Pai, Meu Exemplo” que acontecerá dia 9 de agosto, no Petropolitano Futebol Clube, a partir das 20h30, com jantar e homenagens. Reservas de ingressos (R$25) na Rádio Imperial ou na secretaria da Catedral pelo telefone 2242-4300.

Festa em Cascatinha

11

Nathalia Pandeló, Vitor Minateli, Gisele Oliveira e Natanna Carvalho, estudantes de jornalismo, prestigiaram a 10ª edição da Feira Literária Internacional de Paraty

Hoje, após a missa das 18h, serão abertas as comemorações de Sant’Ana e São Joaquim, na Paróquia de Cascatinha. Em seguida, acontecerá a bênção das barracas. A festa termina no dia 29.

Idealizado por Linda Tavares de Albuquerque, com o aval da presidente Ana Cristina Coelho Mattos e o apoio de toda a sua equipe, a Associação Petropolitana dos Pacientes Oncológicos (APPO) realizará um belíssimo jantar dançante, marcando a abertura das atividades do Outubro Rosa 2012. Anote em sua agenda e programe-se desde já! A data do concorrido evento será no dia 4 de outubro, no magnífico espaço do Castelo de Itaipava, gentilmente cedido pela Lagos Incorporadora. Uma noite imperdível, com bufê especial do Barão Gastronomia, vinhos da Ary Delicatessen, decoração de Renato Venceslau e móveis da Chiavari. Abrilhantando a festa, teremos a música de Márcio Alves, o corpo de baile de Jane Feraudy e o som eletrizante do DJ Mau. O trabalho de conscientização e prevenção ao câncer de mama é das mais justas causas que vivemos em Petrópolis e sua força é imprescindível nesta batalha. Venha viver uma noite de sonhos cor-de-rosa! Sua presença transformará a realidade dos pacientes atendidos pela APPO! E em breve mais novidades...

Congresso em SP

Os amigos Natalia Miranda e Thiago Lisboa nas baladas de Itaipava

Complexo Industrial vai a leilão

O antigo prédio da antiga fábrica de café solúvel, na BR 040, próximo da Fazenda Inglesa, irá novamente a leilão. São diversos galpões, prédio administrativo, assim como todas as benfeitorias, com área construída de aproximadamente 11.000 m² e terreno com 29.000 m². O leilão acontece na quarta-feira, dia 25, às 11 horas. Todos os detalhes no site www.joaoemilio.com.br

Grande Leilão Petrópolis

L² Studio Fotográfico

O antiquário Miguel Salles (leia-se Garage Salles), localizado no Itaipava Shopping, está movimentando a Serra com mais uma edição do Grande Leilão Petrópolis, que começou ontem. Quem perdeu, pode conferir hoje e nos dias 27 e 28. Na noite de 27, a leiloeira Maria Pia Athayde baterá o martelo para uma espetacular adega de 300 vinhos raros e preciosos, certificados pelo sommelier Cláudio Gomes (ex -Locanda della Mimosa), entre Imperiais (6 litros), Double Magnum (3 litros) e Magnum (1,5 litro) de Alion, Barca Velha, Viu e Antinori Tignanello, além de uma coleção de Chateau Mouton Rotschild de diversas safras. Os destaques do leilão de arte são as pinturas estrangeiras e nacionais, tapeçarias, marfins, ourivesaria e uma coleção de aproximadamente setenta miniaturas de imagens sacras. Lances antecipados pelo site www. miguelsalles.com.br

Douglas Guimarães, Alexsandro Medeiros, Elidio Junior e Wallace Vieira na noite da boate Tamboatá

Padre Jac, pároco da Catedral São Pedro de Alcântara, esteve recentemente em Presidente Prudente- SP, participando do XX Congresso Nacional do Encontro de Casais com Cristo, pois agora voltou a ocupar a Direção Espiritual Diocesana do ECC. Padre Jac foi recebido pelo casal Vera Lúcia e José Carlos Mendonça, da cidade de Regente Feijó, que fica ao lado de Presidente Prudente. Todos os participantes ficaram lisonjeados com a amabilidade das pessoas, com o capricho e atenção com que foram recebidos na cidade principal e nas cidades vizinhas que também acolheram os mais de mil participantes.

economia

Governo reduz projeção de crescimento do PIB n Eduardo Cucolo/

Agência Estado

O governo reduziu a previsão de crescimento da economia brasileira em 2012 de 4,5% para 3,0%, de acordo com estimativa feita pelo Ministério da Fazenda e divulgada nesta sexta-feira, 20, no relatório de revisão bimestral do Orçamento deste ano. Os novos parâmetros do Orçamento da União também consideram IPCA de 4,7% neste ano, mesma projeção divulgada no relatório orçamentário de maio. A projeção para o IGP-DI em 2012 passou de 4,9% para 6,19%. O governo trabalha com uma taxa Selic média de 8,86% ao ano, abaixo dos 9,86% ao ano utilizados na

revisão anterior. O Orçamento também considera câmbio médio de R$ 1,95 no ano, ante R$ 1,76 utilizados em maio. A projeção de crescimento da massa salarial nominal passou de 12,01% para 12,51%. A previsão para o preço médio do petróleo em 2012 subiu 2%, de US$ 111,64 para US$ 113,87. “A alteração dos parâmetros reflete a redução da projeção da taxa de crescimento real do PIB para 3,0%, da taxa de juros Selic e o aumento da Massa Salarial Nominal. Além disso, indica manutenção da projeção para o IPCA e depreciação cambial, que afeta as projeções para o IGPDI e para o preço médio do petróleo”, diz o Planejamento em nota.

• IBOVESPA -2,08% 54.195 pts • DOW JONES -0,87% 12.831 pts • NASDAQ -1,30% 2.927 pts • DAX -1,90% 6.630 pts • DÓLAR R$ 2,024 +0,497% • EURO R$ 2,462 -0,348% • LIBRA R$ 3,162 -0,032% • PETRÓLEO WTI US$ 91,56 -1,320% • OURO US$ 1.584,30/ onça troy

Demanda interna deve impulsionar economia brasileira neste semestre n

Divulgação

Kelly Oliveira/ABr

A economia brasileira deve acelerar neste semestre, impulsionada pela demanda interna por produtos e serviços. A avaliação é do Fundo Monetário Internacional (FMI), divulgada em relatório ontem (20). A expectativa é que a economia brasileira cresça 4% no último trimestre deste ano, em parte pela base de comparação fraca dos últimos três meses do ano passado e também pelos efeitos da política de corte de juros na economia. No último dia 16, o FMI já havia informado que espera que a economia brasileira cresça 2,5% este ano. Para 2013, o FMI projeta crescimento de 4,6%, ligeiramente acima do potencial – em parte por causa da atividade econômica gerada pelos preparativos para a Copa do Mundo de 2014. Para o ano da Copa, o crescimento previsto pelo fundo é 4%. O Fundo Monetário Internacional alerta que o principal risco no médio prazo seria o aumento da inflação ligeiramente acima do centro

Em nota, o presidente do BC, Alexandre Tombini, comentou a avaliação

da meta no ano que vem – as projeções indicam percentual de 5% no próximo ano. Com base em tal avaliação, o relatório da instituição prevê que o governo brasileiro comece a retirar os estímulos à economia possivelmente já no fim deste ano ou ao longo do próximo. Em nota para comentar a avaliação do FMI, o Banco Central (BC) enfatizou que o “relatório também aponta que as políticas adotadas desde

agosto de 2011 promoverão uma recuperação gradual da atividade econômica brasileira”. “O texto destaca que o ritmo de crescimento da economia brasileira vai se acelerar no segundo semestre de 2012, devendo crescer em torno de 4% a 4,5% ao ano em 2013-2014. Avalia ainda que a desaceleração observada no final de 2011 foi fruto, em grande parte, da deterioração mais forte do que a an-

tecipada do quadro externo, que afetou a confiança dos empresários”, diz o BC. Para o Banco Central, o FMI também considerou que as políticas monetária e fiscal implementadas pelo Brasil em 2011 e 2012 foram positivas e adequadas para enfrentar a crise econômica externa. “O relatório aponta ainda que a inflação está convergindo para o centro da meta e se manterá em torno dela em 2013. Sobre o sistema financeiro, a avaliação é que ele está robusto, bem regulado e tem supervisão e provisões adequadas”, acrescenta a nota. O Banco Central explica que um dos papéis do FMI é “o acompanhamento da política econômica de seus membros”, como o Brasil. Para elaborar o documento, o Brasil recebeu uma missão de economistas do fundo, que realizam visitas aos órgãos governamentais da área econômica e a algumas entidades do setor privado. A missão do FMI de “consulta do Artigo 4º” ocorreu no Brasil de 7 a 22 de maio deste ano.


12

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

SÁBADO, 21 de julho de 2012

ESPORTES

esportedp@gmail.com

Poker/PEC precisa da vitória hoje contra o Carlos Barbosa

Cleimar, presidente do Cascatinha, à esq. e Délio (dir.) do Petrô

Sessão solene nos 100 anos de fundação do Cascatinha Foi realizada nesta quinta-feira, em sua sede social, a sessão solene do Conselho Deliberativo do Esporte Clube Cascatinha comemorativa ao aniversário de 100 anos de sua fundação, ocorrida em 15 de julho de 1912. Tendo o conselheiro Lester Carneiro como mestre de cerimônias, o evento foi dirigido pelo presidente do Conselho Deliberativo, Clever de Castro e com a participação efetiva do presidente do Conselho Diretor, Cleimar de Barros. As festividades transcorreram num clima de muita alegria e cordialidade, marcada pela emoção de ex-

atletas do clube que há muito tempo não se viam. Estiveram presentes e foram homenageados os exjogadores do clube: Lézio, Bizuca, Edinho, Délio, Pirilo, Neudo, Claudir, Cláudio, Nissinho, Edésio, Ténorio, todos ex-craques petropolitanos e que por muitos anos defenderam a tradicional agremiação do Segundo Distrito. Também o ex-presidente Antônio Cleffs e o desportista Paulo César Rabello foram agraciados. O vice-presidente de esportes do Petropolitano, representando o alvinegro, fez a entrega de uma placa alusiva à data histórica ao E. C. Cascatinha.

A chegada de Paulo Mussalem para ser o técnico do Poker/PEC foi a notícia da semana. E é com esse ingrediente e cheio de entusiasmo que o time enfrenta o Carlos Barbosa hoje (21), às 13h, no Ginásio da UCP, no Bingen, pela segunda fase da Liga Futsal, com transmissão do canal Sportv. A partida é válida pelo grupo B, onde a equipe petropolitana está com um ponto em dois jogos disputados (uma derrota e um empate). Tanto Carlos Barbosa quanto Atlântico/Erechim (jogo de segunda-feira), são adversários a serem batidos para que o Poker/PEC continue na luta por uma das vagas à próxima fase da competição. Além da partida, um espectador importante mudou de lado neste tradicional confronto: ídolo da torcida gaúcha e campeoníssimo pela equipe,

Fotos: Divulgação

Cupim comandará o Poker/PEC pela última vez hoje à tarde

Paulo Mussalem agora é do Poker/PEC. Mas ainda não estará no comando. Quem o fará é Cupim, que também tem

em Mussalem um exemplo importante em sua vida: – Ele foi meu treinador quando eu tinha apenas 20

anos, na extinta Bradesco. Quando ele se transferiu para a Enxuta (também extinta) tentou me levar junto, mas recebi proposta para jogar na Espanha, onde fiquei por anos. Tive cerca de seis meses de convivência com o Mussalem, que foram preciosos pra mim. Agora voltaremos a trabalhar juntos, o que pra mim é uma honra – lembrou Cupim, que será auxiliar técnico de seu mestre. Ao falar especificamente sobre a partida contra o Carlos Barbosa, Cupim se mostra confiante num bom resultado. Destaca a tradição e o talento da equipe adversária, porém, acredita na vitória: – Precisamos vencer para seguir na Liga sem fazer contas para a conquista de uma das vagas. É um jogo dos mais difíceis, sempre. Mas, pra nós, vencer é fundamental nessa altura da competição – concluiu Cupim.

Sub-11 do Petrô goleia Angra dos Reis: 5 a 0

Time enfrentará na próxima fase a forte equipe do Carangola

Jogando na manhã de ontem pela Copa Zico, o Sub11 do Petropolitano goleou o Angra dos Reis por 5 a 0, gols de João Pedro, Rodolpho, Miguel, Leonardo e Matheus. O time dirigido por Rafael Lima jogará as semifinais amanhã, a partir das 9h contra o Carangola, reeditando a final do Campeonato Municipal desta temporada. O vencedor deste jogo fará a final na segunda-feira, 23 de julho, contra o vencedor da outra semifinal, no Estádio

João Havelange (Engenhão). A equipe Sub-13 jogará amanhã as quartas de final contra o Santa Rita, no Centro de Futebol do Zico, a partir das 11h. O vencedor fará no domingo o jogo pelas semifinais e o técnico Francisco Lima está confiante de conseguir estas duas vitórias, habilitando a equipe alvinegra à final da Copa Zico 2012 , a ser disputada também na segunda-feira no Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro.

Juvenil do Imperial busca a liderança no Campeonato Carioca de Futebol A equipe Sub-17 do Imperial entra em campo neste domingo, às 13h, no estádio do Boa Esperança para enfrentar a Cabofriense. A equipe petropolitana quer a vitória para assumir a liderança do grupo L do Campeonato Carioca BC de Juvenil. Atualmente, a equipe da região dos lagos é a líder do grupo, com três pontos, enquanto o Imperial está em segundo com dois, precisando vencer para passar o rival. O

NADAL ESTÁ FORA DAS OLIMPIÁDAS - O tenista espanhol Rafael Nadal está definitivamente fora dos Jogos Olímpicos de Londres, o número 3 do mundo, que seria o porta-bandeira da delegação espanhola, anunciou que não mais participará dos jogos devido a uma tendinite no joelho que o vem incomodando desde o início da temporada, Nadal estava em tratamento do joelho desde que fora precocemente eliminado no Torneio de Wimbledon ainda na primeira rodada. Nadal que é o atual campeão Olímpico e tentaria o bicampeonato e também participaria do torneio de duplas ao lado de Marcel Granolles, emitiu na quinta-feira um comunicado oficial que estaria fora dos Jogos Olímpicos. A tendinite já havia Nadal desistir de uma partida que realizaria contra o sérvio Novak Djokovic no último dia 14, no Estádio Santiago Bernabeu. Uma pena, pois Nadal já até havia recebido a bandeira do desfile em emocionante cerimônia no último sábado, ficaremos na torcida para que o espanhol ainda esteja muito bem em 2016 e jogue no Rio de Janeiro. CHUVA E FRIO - Vamos ver se o tempo dá uma colher de chá para nossos tenistas que estão tendo muitas dificuldades para bater sua bolinha em nossa cidade, a quadra coberta da sede social do Petropolitano pode ser a saída mais uma vez para nossos tenistas.

treinador da equipe serrana, Cebolinha, acredita na vitória da sua equipe. - Os garotos estão bem preparados para o jogo, nos-

sa última partida foi muito difícil, mas eles compraram a ideia e mostraram que querem vencer sempre e que sabem do potencial que tem. Por isso, nós vamos em busca de mais três pontos dentro de casa para chegar na primeira colocação - afirmou o comandante petropolitano. O Imperial tem um bom retrospecto em casa nesta competição, tendo vencido três dos quatro jogos que fez em seus domínios.

FINALMENTE BELLUCCI DERROTA YOUZHNY - Nada era animador no retrospecto para o desafio entre Thomaz Bellucci e Mikhail Youzny da Rússia, em três jogos contra o 28 do mundo, o brasileiro nunca havia vencido e a batalha do ano passado de mais de cinco horas na derrota brasileira na Copa Davis ainda estava engasgada, mas nada disso impediu que o tenista número 1 do Brasil e atual 60 do mundo, em sua luta para o bicampeonato de Gasstad, que em jogo verdadeiramente épico vencesse a seu ex-algoz por dois sets a hum, com excelente atuação, parciais de 6/4-2/6 e 6/4. Bellucci encarou ontem ao espanhol Feliciano Lopes, quinto cabeça de chave do torneio mas até fecharmos essa edição de nossa coluninha ainda não tínhamos o resultado final do confronto, de qualquer forma tá melhorando. FOTO DO DIA - Na cerimônia

de premiação do Carne Assada Open, que teve fantástica mesa de queijos, ofertada pelo Sítio Solidão a presença do campeoníssimo Christian Lacerda, de Calazans, de Flávio Bordallo, todo orgulhoso pelo título do filhão Matheus, Luizinho Balthazar, Manoel e o queridão WaldemarMamá. MESA DA SARDINHA GARANTIDA - Com qualquer tempo Billie The Milton Lopes garante reunião da Mesa da Sardinha no dia de hoje, confirmadíssimos Paulo Areas, José Aníbal dos Prazeres, Arnaldo Rippel, Édson Herzog, Décio Lôbo, Antônio Soares, Luis Enéas Arrochellas, Ricardo Pinto, Aloisio, coronel Gustavo, professor Hugo, Carlos Lemos e muitos e muitos outros de bem com a vida. ÓTIMO FIM DE SEMANA, FIQUEM COM DEUS E ATÉ A PRÓXIMA.

Jogadores em ação no torneio


diariodepetropolis