Issuu on Google+

Diário

de Petrópolis 57 anos

E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Site: www.diariodepetropolis.com.br

Preço do exemplar: R$ 1,20

Nº 16.050 - Terça-feira, 17 de janeiro de 2012 Arquivo

projeto está orçado em R$ 11 milhões

Movimentação de terra vai ser proibida pela Meio Ambiente

Criado grupo para debater revitalização da Rua Teresa Ascom PMP

A Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável a movimentação de terra, corte, aterro e supressão de vegetação em encostas e taludes com declive igual ou superior a 30% até 31 de março. A medida foi motivada pelo aumento na incidência de escorregamentos e deslizamentos de terra na época de chuvas, segundo o secretário da pasta Leandro Vianna (foto). (Página 3)

agenda Hoje, 19h30, tem ‘O Caminho do Yoga’, organizado pela Sociedade Teosófica do Brasil, no Cine Humberto Mauro do Centro de Cultura Raul de Leoni, censura livre, entrada franca. Todas as terças tem Ginástica Chinesa no Palácio de Cristal e TaiChi-Chuan, no Museu. (Página 6)

bairros O presidente Alfredo Pires, o Alfredão, da Associação de Moradores do Bairro São Sebastião – AMOS – informou um projeto de cidadania para atender as entidades de toda a cidade. O anúncio foi feito na festa da posse dele e da nova diretoria da entidade que aconteceu na sede da Rua Álvaro Machado, durante o dia de domingo com samba e pagode. (Página 9)

Esportes

O secretário de Governo, Charles Rossi, que conduziu a reunião, disse que o debate em torno do projeto deve ser democrático

Com a participação efetiva de empresários, representantes de entidades comerciais, além de secretários municipais e do estado, na reunião de trabalho realizada ontem, na Concha Acústica do Museu Imperial, ficou definido que um grupo de trabalho será criado para debater os assuntos relacionados com o projeto de revitalização da Rua Teresa. As intervenções orçadas em R$ 11 milhões não estão agradando os comerciantes do local. (Página 3)

Motoristas aprovam a volta da mão dupla na Rua Silva Jardim

Fotos: Alan Alonso

Desde ontem o trânsito na Rua Silva Jardim, no Cen tro, voltou a ser em mão dupla. O objetivo da medida é facilitar o acesso aos bairros Esperança (Provisória), Quissamã, Floresta e Cascatinha. O acesso à Rua Silva Jardim se dá pela Praça Duque de Caxias. Apenas não é permitida a passagem de ônibus e caminhões na pista sentido bairro, já em direção ao Centro, os veículos de maior porte continuam acessando normalmente a via. Motoristas que trafegam pela via aprovaram a mudança, mas ressaltam que é preciso estar atento à nova sinalização para evitar acidentes. (Página 3)

Empresa oferece 40 vagas de emprego na cidade com salários de R$ 800 a R$ 3,6 mil (Página 5)

Agentes da CPTrans estão posicionados em pontos diferentes para prestar esclarecimentos aos motoristas

GM apreende CDs, DVS e jogos piratas

Os times Profissional e de Junior do Imperial se enfrentaram em treino no Estádio Osório Júnior, em Cascatinha, onde a equipe petropolitana mandará seus jogos na Série B do Estadual. Os times estão começando a se habituar ao campo de jogo e finalizando a preparação para a estreia no Campeonato Carioca. O treinador do profissional, Gilson Maciel, ficou satisfeito com a atuação dos jogadores. (Página 10)

A Guarda Municipal apreendeu no último fim de semana mais de 500 mídias pirateadas, entre DVDs, CDs e jogos de Playstation no Terminal de Itaipava, na tarde de sexta-feira, por conta de denúncias anônimas. Já no sábado, dessa vez no Terminal do Centro, reteve 30 jogos de quebra-cabeça e16 kits infantis, com livros e DVDs. (Página 5)

Governo do Rio amplia programas de Renda Melhor e Renda Melhor Jovem De acordo com o comandante da GM, Eliel Silveira, a fiscalização nos Terminais vai aumentar

Anuncie no Classidiário. É grátis até 12 palavras n Escreva cada letra ou sinal de pontuação nos quadradinhos n Entre uma palavra e outra, deixe um quadradinho em branco n Preencha com letra de forma bem legível e entregue na sede do Diário

Nome:........................................................................................................................................... Identidade:................................................................................................................................... Endereço:.....................................................................................................................................

(Página 7)


2

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

Onde fica o haiti? Não será aqui?

Considerações sobre a política pública de Juventude n Prof. Dr. Frei

Antônio Moser

n Gabriel Souza

Desde a inauguração da política de juventude do primeiro governo Lula, houve uma intensificação veloz do debate sobre o tema no Brasil, envolvendo diversos atores, como acadêmicos, gestores ou simplesmente militantes da pauta. Alguns consensos já foram consolidados. Desde o debate das “políticas de/para/com a juventude” até a disputa da “proteção” versus “emancipação” da juventude, passando pela questão da “transversalidade”, “bônus demográfico”, entre outros. Isso é tão verdadeiro que dificilmente você lerá algo sobre o assunto que não aborde algum desses conceitos, o que é ótimo. Portanto, avançamos bastante. Hoje temos uma base teórica – e isso é algo que a academia colaborou bastante – considerável para qualquer iniciante que se interesse em adquirir algum conhecimento sobre juventude e políticas públicas. Sabemos também que a mobilidade social promovida no Brasil na última década catapultou os jovens como atores do desenvolvimento, pois, se estamos compondo considerável parte das (novas) classes consumidoras, somos motores de proa do crescimento brasileiro. Essa convicção já não é só nossa, militantes da temática, mas também do próprio mercado, que traça estratégias e mais estratégias de vendas visando atingir o imenso público jovem. O bê-a-bá da economia ensina que, com maior distribuição de renda e disponibilidade de crédito, haverá mais pessoas melhorando sua condição sócio-econômica, possibilitando a elas consumirem mais e, por consequência, demandarem mais do mercado, que por sua vez contratará mais pessoas, que terão mais renda, que consumirão mais, e assim por diante. Os reflexos desse sistema a longo prazo, é claro, pode ser danoso ao país se não tivermos outras políticas de desenvolvimento, tais como fortalecimento da indústria, controle da taxa de juros, do endividamento, etc. Mas, nesse ensaio, o que importa é que temos milhões de jovens ascendendo socialmente, ajudando a girar a roda da economia. Tem se descoberto, pouco a pouco, que esses jovens são muito mais que apenas consumidores, mas também formadores de opinião em suas famílias, dado que é muito mais relevante. Chegou-se recentemente ao conceito de que esses jovens-formadores-de-opinião são os “jovens-pontes” e há uma importante pesquisa que identifica oito entre cada cem jovens com essas características. Cá pra nós, isso é mais do que importante porque ajuda a derrotar a visão preponderante do jovem-alienado-problema e faz emergir a (correta) visão do jovem-informado-solução. O jovem-informado-solução, ou “jovem-ponte”, é o estereótipo do cidadão que galgou graus relevantes de cidadania, está minimamente incluído socialmente e tem opinião crítica (talvez até bastante politizada) sobre vários temas importantes e atinentes não só a ele mas também ao mundo. A parcela mais conservadora da sociedade olha com surpresa para esse fenômeno, impressionada com a capacidade de articulação dessa, digamos, “nova” juventude brasileira, que tem mais condições de construir sonhos e projetos de vida que as gerações passadas. Mas, num rápido olhar panorâmico sobre as políticas públicas de Juventude no Brasil, notamos que ainda faltam preenchermos algumas lacunas, que talvez tenham surgido na esteira desses acontecimentos da década de 2000. O fim de um ciclo e o início de outro Não sou apenas eu que afirmo, mas também qualquer instituto de pesquisa de opinião pública: a população considera as políticas e programas já implementados como patrimônio dela, como algo que já foi incorporado ao seu bureau de serviços oferecidos pelo Estado. Assim, por exemplo, quando se trava uma disputa eleitoral, os candidatos tendem a expor com mais ênfase suas realizações e benfeitorias realizadas num tempo próximo, recente. As demais ações que ocorreram em um tempo mais distante daquele, muito embora possam inclusive terem sido mais benéficas para a população, não geram tanto impacto quanto as mais recentes. É por isso também que muitas correntes do campo progressista da política nacional estejam defendendo uma alteração no discurso comparativo entre os governos tucanos da década de 90 com os governos petistas de 2000 e o de agora. Isso porque, conforme o tempo passa, as lembranças das pessoas sobre as políticas daquele tempo se esmorecem e, na juventude então, elas mal foram vividas! Ainda, o que se tem como forte lembrança – e isso sim ainda é vivo na memória – são as políticas do período imediatamente anterior, que criaram a atual conjuntura política. E aqui volto às PPJs. Veja o seguinte: o governo Lula criou a Secretaria Nacional de Juventude, o Conselho Nacional de Juventude e um programa carro-chefe da política, o PROJOVEM. Isso, todos sabemos, disparou um processo de ampliação virtuosa de organismos de juventude no país, além do tal boom do debate sobre o tema que mencionei no primeiro parágrafo desse texto. A rigor, essas conquistas já estão incorporadas pelo meio político e pela população juvenil. Esse ciclo de PPJs encerrou-se, findou-se. E, registre-se, esse ciclo foi ótimo, vitorioso. Não é para menos que o Brasil virou referência internacional em política pública de juventude. Orgulhemo-nos! Sim, mas e agora, vamos para onde? O que faremos de diferente, inovador, positivo, que façam as conquistas do ciclo anterior avançarem? Por onde começamos?

n Presidente nacional da Juventude do PMDB, suplente de

Deputado Estadual (PMDB - RS), ex-assessor da Secretaria Nacional de Juventude

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

D

uas tragédias ganharam destaque nos meios de comunicação na primeira quinzena de janeiro: a da Região Serrana do Rio de Janeiro e a do Haiti. No primeiro caso, lembra-se o primeiro aniversário; no segundo, dois anos do terremoto devastador do Haiti. Em ambos a tônica é a mesma: o descaso das autoridades fez com que nada de mais substancial acontecesse; seja antes, seja depois das tragédias. O que deve ser ressaltado é a solidariedade das pessoas e instituições, fazendo o contraponto com aqueles que não cumprem suas promessas. Angra dos Reis, há dois anos, Sapucaia e inúmeros municípios do Rio de Janeiro e de Minas Gerais, vieram apenas reforçar os mesmos paradoxos: de imprevidência e de soli-

dariedade. Obviamente, não se pode comparar o Haiti com o Brasil, sob nenhum aspecto. Nosso país, além de gigantesco, é cada vez mais uma potência emergente, que começa até a sugerir soluções para crises enfrentadas até pelas denominadas nações ricas. Subindo rapidamente no ranking do Produto Interno Bruto, ultrapassa até a orgulhosa Inglaterra. Enquanto isso o coitado do Haiti, além de ser geograficamente pequeno, contando com uma população de 11 milhões de habitantes, apresenta-se como a nação mais pobre das Américas e uma das mais instáveis politicamente. Para muitos analistas é um país sem futuro, ao menos não à curto prazo. Assim, baseando-se nesses evidentes contrastes, sob todos os pontos de vista, ninguém mais se admira que um crescente número de haitianos olhe para o Brasil como uma espécie de “terra da promessa”. Se forem

analisados os preços pagos, pelos emigrantes clandestinos do Haiti, àqueles que os trazem para as fronteiras do Brasil, logo se chega a uma conclusão: os que vêm para cá não estão entre os mais pobres, mas sim entre os que dispõem de mais recursos financeiros e de melhor qualificação profissional. Esta nova onda de imigrantes começa a levantar certas interrogações, mas tudo leva a crer que se está caminhando para uma boa solução, no sentido de não abrir simplesmente as portas para clandestinos, mas de se estabelecer uma política decente, lembrando um pouco as imigrações dos séculos XIX e XX, oriundas, sobretudo, da Europa e do Oriente. Tudo isso é louvável, como também é louvável o empenho do Brasil ao gastar cerca de 1 bilhão de reais num gesto de solidariedade, sobretudo, em termos de segurança, mantendo no Haiti uma tropa qualificada. E, no entanto, esses louvores devem ser con-

trabalançados por algumas interrogações inquietantes. Para começar, por coincidência ou não, se a população do Haiti é de 11 milhões de habitantes, os moradores de nossas favelas também somam a mesma quantia. Em seguida, embora seja lisonjeiro o crescimento do PIB, em termos de IDH ocupamos um vergonhoso 84º lugar, ficando entre os mais desequilibrados do mundo. Com apenas estas duas observações já se justifica a pergunta feita acima: Onde fica o Haiti? E a segunda pergunta vem completar a primeira: Não será aqui? Se não for, ao menos o Brasil carrega um Haiti em seu bojo. Apesar do inegável avanço em quase todos os campos, torna-se igualmente inegável um fato: não temos muitas razões para nos gloriar e muito menos para nos exaltar diante do Haiti. n Presidente da Editora Vozes e diretor do Educandário Terra Santa

DÍZIMO, você sabe o significado? n Fernando

Costa

N

o sentido etimológico da palavra dízimo origina-se do latim “decimare”, significa suprimir um em cada grupo de dez enfim, para dizer que o dízimo significa a décima parte de tudo o que arrecadamos. O Antigo Testamento faz pelo menos trinta e cinco referências à palavra dízimo e o Novo Testamento nos aponta pelo menos três. Neste diapasão, pedimos licença e atenção dos aos incontáveis fiéis leitores e irmãos em Cristo ante à responsabilidade que temos para com nossa Igreja. Há mais de quarenta anos sou paroquiano da Catedral São Pedro de Alcântara e dizimista convicto e, por afeição, da Capela do Colégio Santa Isabel onde sou, com muito gosto , devoção e humildade encarregado da liturgia às

segundas-feiras, mantendo idêntico carinho pela Igreja do Sagrado coração de Jesus e pelo Trono de Fátima onde mantenho regular freqüência.Não podemos confundir as contribuições espontâneas que fazemos aos domingos ou em ocasiões em que participamos das celebrações. Mas precisamos nos conscientizar de que a Igreja não pode contar somente com a contribuição esporádica, eventual e aleatória, pois as despesas são fixas e contínuas. As Paróquias possuem diversas Pastorais,algumas pela própria natureza mais em evidências tais como as do matrimônio, batismo, saúde e etc. Mas a PASTORAL DO DÍZIMO é também por demais importante! É uma tarefa espinhosa eu sei, sabemos todos nós, pois as dificuldades do dia-a-dia são comuns a todos na luta pela sobrevivência, mas é uma questão de conscientização nos engajemos nessa empreitada. No domingo, após a missa

das 11:30m conversando com Roberto Agra, Coordenador da Pastoral do Dízimo de nossa Catedral, de cuja equipe tenho o prazer de fazer parte, nos lembrávamos de que esse grupo se reúne às quartas - quintas feiras de cada mês no Salão Paroquial da Catedral. Todos quantos estejam interessados e que sensibilizem-se a este clamor, venham participar de nosso grupo e,caso não disponham de tempo, pelo menos contribuam sendo dizimista, entre em contato conosco antes ou após às Santas Missas e lhe daremos todas as informações suplementares . Se preferirem, dirijamse diretamente à Secretaria da Catedral providenciando seus cadastros.Ela funciona de segunda à sexta-feira desde 8:h. É gratificante chegarmos ao belo templo e vermos as belas imagens, os castiçais, os granitos reluzindo, o mobiliário conservado, os imensos lustres espar-

gindo luz por todos os cantos da gótica Catedral. A aparelhagem de som é de alto nível, a equipe de funcionários solícitos, sem contar que as velas, as flores, as partículas, o material litúrgico, tudo, sem falar da despesa de água, luz, telefone...Se eu fosse descrever as demais despesas preencheria laudas diversas, no entanto essas são pálida mostra. Que cada paroquiano interprete esse dever de contribuir como um ato de fé e de gratidão a Deus pelo dom da vida,pelo sol que nos aquece, pela chuva, pelas flores, pela natureza, não obstante a palavra dízimo signifique 10%, essa contribuição fica a cargo de nosso coração e da gratidão a ser materializada por cada Cristão. Deus é amor e está insculpido em João 1,4-8. Contribuamos com a evangelização cumprindo nosso apostolado e seja ad majorem Dei gloriam n Jornalista e advogado

Qual a urgência na Educação brasileira? n Raul Christiano

A

partir de pesquisa realizada pela Diretoria de Acompanhamento e Integração Acadêmica (Daia), da UnB – Universidade de Brasília, constatou-se uma evasão de 34% dos seus alunos entre 2002 e 2006. Nos cursos de ciências sociais e história, esse percentual salta para mais de 60%, enquanto da área de ciências exatas 44% se desligaram no período analisado. Na rede, comentando esses números, o senador Cristovam Buarque, primeiro ministro da Educação do governo Lula, alimentou o debate sobre a necessidade de redefinir o foco governamental sobre a questão educacional. Como na maioria das suas intervenções e interatividade com internautas, o senador defende que o baixo rendimento, apontado como principal motivo da evasão acadêmica, seria revertido com o governo federal priorizando o ensino básico. Durante o governo FHC, o ministro Paulo Renato Souza (Educação) optou claramente em melhorar as condições da escola fundamental, organizando o sistema de

informações educacionais (“refundou” o Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), criando mecanismos de avaliação do aprendizado, institucionalizando novas fontes de financiamento a partir do Fundef – Fundo de Desenvolvimento da Educação e de Valorização do Magistério, universalizando a matrícula de crianças de 7 a 14 anos de idade, avaliando os livros didáticos e elaborando os PCNs – Parâmetros Curriculares Nacionais entre outras medidas. A comunidade das IFES – Instituições Federais do Ensino Superior reagiu à essa orientação e politizou o debate, argumentando que FHC havia abandonado e sucateado as universidades. Em nenhum momento, nessa discussão, houve honestidade por parte dos seus interlocutores, nos partidos de oposição principalmente, em confirmar que o orçamento federal não fora reduzido e que os maiores percentuais sempre foram investidos nas próprias IFES. Para algumas vozes, que se dizem da esquerda brasileira, o governo Lula foi eleito para “salvar a educação pública”, mas não tem conse-

Diretor-Presidente e Jornalista responsável: Paulo Antônio Carneiro Dias Editora: Jaqueline Gomes

guido resolver minimamente a questão do acesso às vagas públicas de ensino superior. Ainda segundo elas, as políticas apresentadas como “democratização do acesso” apenas têm criado uma cortina de fumaça que esconde o real problema da necessidade de abrir mais vagas, criticando que o ‘Novo Enem’, o ‘SISU’, ‘ProUni’ e ‘Fies’ são drenos de dinheiro público que poderia ser usado para aumentar as vagas nas universidades públicas. Está cada vez mais claro que a questão da Educação no Brasil não se resolve apenas com mais recursos no orçamento do MEC – Ministério da Educação. Nos últimos dez anos, o dinheiro para essa pasta subiu de R$ 19 bilhões para R$ 69 bilhões, mas a qualidade do ensino não acompanhou na mesma proporção, tanto em relação aos números de beneficiados quanto na eficiência da gestão de programas que apresentam falhas contínuas e perdem qualidade. Conforme diretrizes do Reuni – Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais, do MEC, pensando no financiamento como um dos pontos centrais para a

de Petrópolis Diário 57 anos Uma publicação da PJ Editora e Gráfica e Jornalística Ltda

Preço do Exemplar 3ª a sábado R$ 1,20 Domingo R$ 1,80 Atrasado R$ 2,50

Assinatura Trimestral Petrópolis R$ 80,00 Rio e outros R$ 160,00

Assinatura Mensal Petrópolis R$ 28,00 Rio e outros R$ 56,00

Assinatura Semestral Petrópolis R$ 152,00 Rio e outros R$ 304,00

mudança profunda da educação e para que a universidade possa seguir seus caminhos de forma autônoma, cogitam aplicar no mínimo 75% do orçamento no ensino superior. Não prevêem de onde virão os recursos para atender a essa perspectiva, muito menos como Estados e Municípios suportarão as demandas do ensino básico sem outras fontes além do suposto fundo social do Pré-Sal, que seria constituído com 50% de dinheiro carimbado para a Educação. Ora, o debate do financiamento da Educação brasileira em todos os níveis precisa ser priorizado. O senador Cristovam fala em um Ministério da Educação Básica e na federalização do financiamento do ensino básico, apenas para começar a corrigir as distorções do sistema educacional e construir o aprendizado de maneira sólida e com perspectivas melhores. Entre os resultados negativos do ensino superior e a politização das IFES sem caminhos mais concretos, sou defensor intransigente de que a Educação básica seja uma urgência do Brasil. n Jornalista, escritor, poeta e

professor universitário

Site: www.diariodepetropolis.com.br E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Diretoria 2246-3807 Assinatura 2246-3807 Publicidade 2237-7849 Classificado 2246-3807 Redação 2235-7165

Rua Joaquim Moreira 106 Centro - Petrópolis - RJ Cep 25.600-000 CNPJ 02.424.864/0001-66

ABRAJORI - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS JORNAIS DO INTERIOR

As opiniões emitidas em artigos assinados não representam, necessariamente, o pensamento do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores. Da mesma forma, as informações e opiniões nas colunas são de responsabilidade de seus titulares.


57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

3

cidade

Rua Teresa: grupo de trabalho será criado Uma reunião de trabalho realizada ontem na Concha Acústica do Museu Imperial teve como principal objetivo fortalecer o debate democrático em torno do projeto de revitalização da Rua Teresa, além de colocar em pauta diversos assuntos relacionados com o desenvolvimento econômico do polo de modas. Com a participação efetiva de empresários, representantes de entidades comerciais, além de secretários municipais e do estado, ficou definido que um grupo de trabalho será criado para debater os assuntos relacionados com o projeto. - Desde o princípio, quando o projeto foi apresentado, o prefeito Paulo Mustrangi teve a preocupação de ouvir lojistas e trabalhadores da Rua Teresa e demais entidades representativas da sociedade civil. Realizamos reuniões periódicas, não houve uma semana sequer que não tenha recebido representantes da Rua Teresa para dialogar sobre a constituição do projeto de revitalização. O que aconteceu aqui hoje (ontem) foi uma demonstração clara de empenho do governo municipal em democratizar o debate e não realizar nenhuma intervenção sem deixar de ouvir ninguém. Por

isso estamos aqui hoje compondo um grupo de trabalho com a presença de diversas entidades para que o projeto seja discutido da forma mais abrangente possível - disse o secretário de Governo, Charles Rossi, que conduziu a reunião. O subsecretário de Projetos de Urbanismo do governo do Estado, Vicente de Paula Loureiro, afirmou que “todos precisam saber qual o conceito querem para a Rua Teresa. Deve ser feito um amplo debate sobre a importância do projeto para a cidade. Temos que lembrar que nenhum estado do país terá uma agenda tão positiva como o Rio de Janeiro”, afirmou. Ainda foram discutidos temas como o estacionamento para ônibus e automóveis, a utilização de espaços ociosos, acessibilidade, desenvolvimento econômico, problemas para turistas e compradores acessar a cidade de Petrópolis, aumento do número de feirinhas na baixada, entre outros assuntos relacionados com a realidade atual da Rua Teresa. A Rua Teresa hoje possui 1,2 mil lojas e emprega mais de 40 mil pessoas de forma direta e indireta. O projeto está orçado em R$ 11 milhões e de acordo com a apresentaAlan Alonso

Agentes da CPTrans em diversos pontos, inclusive na curva do S

Mão dupla na Rua Silva Jardim começa a funcionar O tráfego em mão dupla na Rua Silva Jardim, no Centro, passou a ser permitido ontem a partir da sinalização horizontal e vertical ao longo da via e arredores implantada pela Companhia Petropolitana de Trânsito e Transporte (CPTrans). O objetivo da medida é facilitar o acesso aos bairros Esperança (Provisória), Quissamã, Floresta e Cascatinha. O acesso à Rua Silva Jardim se dá pela Praça Duque de Caxias. Apenas não é permitida a passagem de ônibus e caminhões na pista sentido bairro, já em direção ao Centro, os veículos de maior porte continuam acessando normalmente a via. Para garantir a fluidez no trânsito, não existem áreas de estacionamento ao longo da via. - Acho que toda via que fosse possível deveria ser mão dupla em Petrópolis. Eu concordo com a medida, que pode até prejudicar alguns comerciantes, mas será melhor para a maioria – disse o morador Eli Paisanti Andrade. A velocidade máxima permitida é de 40 km/h, além disso, agentes da CPTrans estão posicionados em pontos diferentes e também na curva do S para prestar esclarecimentos aos motoristas e coibir irregularidades no trânsito, principalmente de motoristas desatentos à nova sinalização. - Ficou muito bom, mas o pessoal tem que prestar mais atenção nas placas de sinalização. Agora mesmo um rapaz quase bateu tentando uma ultrapassagem – disse Márcio Rodrigues Pinheiro, taxistas há 36 anos. O mesmo pensamento compartilha Ricardo

Henrique, dono de uma oficina próxima à curva do S. - Acho que vai ficar muito perigoso. Já era (perigoso), mas só com o tempo mesmo os motoristas vão se acostumar porque a rua é muito estreita. O motorista tem que ir se educando. Em relação ao fluxo, acho que melhora bastante – disse. A volta da mão dupla na Rua Silva Jardim é um pedido antigo dos motoristas, principalmente dos taxistas que dependem da fluidez no trânsito e precisam de opções para acessar diversos bairros. - Para voltar para o ponto ficou bem melhor e também vai permitir que, mesmo quando se formar um engarrafamento, o passageiro que vai para Floresta, Provisória e outros locais para aquele lado possa pegar o táxi na praça (Duque de Caxias) e seguir para o bairro, sem precisar dar a volta e pegar todo o trânsito – disse o taxista Márcio. O colega de trabalho Paulo César Nunes, taxistas há 15 anos, afirma que houve progresso com a medida. - Eu acho que foi ótimo porque desafoga o trânsito, mas só vamos poder avaliar melhor quando as férias acabarem – lembrou. Expedido V. do Carmo, também taxista, ressalta que essa medida é importante, mas chama a atenção para outros problemas no trecho em torno do Terminal Centro, que atrapalham o trânsito na redondeza. - Dirijo há mais de 40 e a gente vê que não é só aqui. Tem que ser um conjunto, melhorar próximo da antiga rodoviária, voltar a mão dupla no Relógio das Flores e outros pontos – afirmou.

Divulgação

Subsecretário de Projetos de Urbanismo do governo do estado, Vicente de Paula Loureiro, disse que deve ser feito um amplo debate

ção feita em uma audiência pública realizada no ano passado, a concepção do projeto prevê a revitalização do início da Rua Aureliano Coutinho (altura do Teatro Santa

Cecília), toda extensão da Rua Teresa e ainda se prolongará até a Rua Chile, em um percurso de 1,6 mil metros. O projeto prevê ainda a manutenção de grande parte

das áreas de estacionamento, acessibilidade para portadores de necessidades especiais, novo mobiliário urbano, iluminação, sinalização, entre outras mudanças. Outro pon-

to destacado no projeto será o aterramento das galerias para as redes de luz, telefonia, gás e transmissão de dados, além das redes de esgoto e água.

Resolução do Meio Ambiente proibirá movimentação de terra Será proibida a movimentação de terra, corte, aterro e supressão de vegetação em encostas e taludes com declive igual ou superior a 30% no período entre 1º de novembro e 31 de março, a partir de uma resolução da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. A medida foi motivada pelo aumento na incidência de escorregamentos e deslizamentos de terra na época de chuvas, segundo o secretário da pasta Leandro Vianna. A estatística geral da Defesa Civil de Petrópolis (DC) mostra que 64,5% das ocorrências registradas em 2011 foram no mês de janeiro. Já o mês de março ficou em segundo lugar. Deslizamento de terra é a segunda maior ocorrência, perdendo apenas para alagamentos. A publicação está prevista para até o dia 20 de janeiro desta semana no Diário Oficial do município, quando passará a entrar em vigor e será aplicada aos pareceres técnicos e requerimentos de licenciamento analisados posteriormente à vigência. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, o objetivo da

Arquivo

Outras orientações básicas para evitar deslizamentos:

Secretário afirma que até dia 20 documento será publicado

resolução é disciplinar os casos de atividades e empreendimentos passíveis de licenciamento ambiental pelo município. Fazem parte todas as atividades potencialmente poluidoras, de pequeno e médio porte. - A supressão de vegetação, a movimentação de terra, o corte e aterro são fatores que aumentam significativamente o risco de escorregamento no período de maior índice pluviométrico – afirma o documento. Nos casos de obras e serviços públicos em que esteja caracterizado o interesse social ou a utilidade pública da intervenção, a regra não se aplicará,

bem como se estiver caracterizada, em parecer técnico, a necessidade da intervenção para estabilizar, conter ou realizar qualquer medida de redução de riscos de deslizamentos de talude ou encosta ou quando houver necessidade de corte de árvore que estiver em risco de queda ou quando o estado fitossanitário tenha comprometido a vida e/ou a estabilidade da mesma. De acordo com o documento, nos casos já licenciados pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável em que se verificar, em parecer técnico, a necessidade de interrupção da

•  Instalação de calhas; •  Captação da água no terreno; •  Não realizar corte irregular de encostas; •  Não mexer no solo no período de verão; •  Não iniciar construções sem orientação técnica. realização da movimentação de terra ou supressão de vegetação, o requerente deverá ser comunicado formalmente com o prazo mínimo de 48 horas de antecedência à paralisação. Além da comunicação de crime, serão aplicadas as normas previstas nos artigos 70 a 76 da Lei Federal n° 9.605/98, sujeitando o infrator, entre outras, às capitulações e penalidades previstas no Decreto Federal n° 6.514, de 22 de julho de 2008, que prevêem multa de R$ 500 a R$ 10.000.000 - artigo 65 do Decreto.

Chuva no fim de semana aumenta para 584 ocorrências na cidade A Coordenadoria de Defesa Civil da Prefeitura de Petrópolis informa que desde o dia 1º até ontem foram registradas 584 ocorrências, sendo 403 emergenciais e 181 preventivas, sem registro de vítimas. Os bairros mais afetados com as chuvas foram Cascatinha (70), Araras (52), Posse (40), Floresta (37), Itaipava (36) e Carangola (33). Até ontem, 58 residên-

cias foram interditada e 16 famílias estão desabrigadas, sendo duas da Posse; cinco do Retiro; duas de Araras; uma do Duques; cinco da Floresta; e uma do Samambaia. Todas estão sendo assistidas pela prefeitura. Já o número de desalojados se mantém em 56. Segundo o balanço da Defesa Civil foram registrados os seguintes tipos de ocorrências pelos distritos:

alagamentos (2); ameaças diversas (33); danos a muros (19); danos e afundamentos das vias (11); deslizamentos (325); desmoronamentos (10); desplacamento de blocos (11); infiltrações (16); queda de árvores (8); rachaduras em edificações (43); risco de deslizamento (27); risco de queda de muro (17); risco de queda de árvore (53); e colapso de estrutura (3).

A Defesa Civil de Petrópolis informa que opera em estado de vigilância, em função do aviso meteorológico enviado pelo SIMERJ, com possibilidade de pancadas de chuva (típicas de verão), na Região Serrana. Todos os órgãos que fazem parte do comitê estão mobilizados para qualquer tipo de emergência. As solicitações podem ser feitas pelo telefone 199.

Partidos e vereadores Sine realiza processo na justiça por mandatos seletivo para 40 vagas As audiências na justiça sobre os mandatos dos vereadores Baninho, Gil Magno e Thiago Damaceno foram realizadas na tarde de ontem. Eles tentam se manter na Câmara Municipal após terem mudado de partido, enquanto as siglas que os elegeram querem os mandatos de volta. Baninho e Gil Magno

eram do PSB e foram para o PSD. Já o vereador Thiago Damaceno, que era do PV, se filiou ao PP. Embora a audiência não tenha sido ontem, também está com processo em andamento o PDT para resgatar o mandato do vereador Marcelo Motorista que saiu do partido para se filiar ao PR.

Os petropolitanos que estão em busca de uma vaga no mercado de trabalho tem hoje, dia 17, a oportunidade de participar de um processo seletivo para 40 vagas no comércio. Realizada pelo Sistema Nacional de Emprego (Sine), em parceria com a Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), a seleção acontece das 8h30 às 17h.

As vagas são para gerente, supervisor, vendedor, caixa e assistente de loja. Os contratados receberão como benefícios vale transporte, vale refeição, auxílio creche, seguro de vida e planos de saúde e odontológico. Os interessados devem procurar a Setrac (Avenida Ipiranga, 544, Centro) com currículo, identidade, CPF e carteira de trabalho.


4

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

57 anos

TERÇA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2012

Feijoada de aniversário

Alexandre Machado

No domingo, o querido Jorge Luiz Martins Machado recebeu alguns familiares e amigos para uma saborosa feijoada, em sua ampla residência do condomínio ASCB (Taquara). De sobremesas, bolo, sorvete e pudim de tapioca. Uma tarde muito agradável, com pessoas agradáveis... As fotos do colunista registram...

colunadoalexandre@gmail.com (21) 8341-8558

Sônia Soares Pereira, Fátima Montesso e Marly Baffa

O aniversariante com sua mulher Célia e o filho Luiz Renato

Jorge Luiz com sua mulher Célia e seus pais Neusa e Nilson

As primas Suely, Neusa, Neyse e Shirley

Comandante Arnaldo Paulo e Carminha Jacques

Sueli e José Karl (ela, presidente do Rotary Itaipava)

Andrea e Tadeu Garcia

Pão francês - R$ 5,99kg (somente no balcão)

Entrega em domicílios Rua Epitácio Pessoa, 100 (atrás dos Correios)

Centro - Petrópolis - RJ Tel. 2231-2160

Direitos Autorais Registro de Músicas Livros Eventos Culturais Agente: Domingos Capistrano Operando no Mercado a 32 anos

Leia e assine o Diário de Petrópolis

Tels.: (24) 2237-3210 (24) 9832-0327 Petrópolis - RJ (22) 9907-4947 Cabo Frio - RJ


57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

5

cidade

Guarda Municipal apreende 500 DVDs piratas Mais de 500 mídias pirateadas, entre DVDs, CDs e jogos de Playstation, foram apreendidas no Terminal de Itaipava, na tarde da última sexta-feira, por conta de denúncias anônimas. Já no sábado, dessa vez no Terminal do Centro, a Guarda Municipal (GM) reteve 30 jogos de quebra-cabeça e16 kits infantis, com livros e DVDs. Nessa ocasião, o guarda que trabalha na segurança do local percebeu a ação e acionou a fiscalização de fazenda, que fez o auto de apreensão. Em nenhum dos casos, os vendedores foram localizados. Se encontrados, eles são autuados por crime contra propriedade material. De acordo com o comandante da GM, Eliel Silveira, houve um acordo entre o órgão e as administrações dos terminais para aumentar a fiscalização nesses locais, não só para o combate a venda de produtos falsificados, como a circulação de ambulantes. - O que acontece é uma concorrência desleal, pois o

comerciante aluga um box nesses terminais, enquanto outras pessoas acabam indo para esses locais venderem sem pagar nada por isso. É bom frisar que a guarda só tem o poder de reter a mercadoria. A apreensão quem faz é fiscalização de fazenda - explica o comandante. Ainda segundo ele, é nítida a diminuição da presença de pessoas vendendo CDs e DVDs piratas nas ruas da cidade. Ele atribui esse fato a união entres os grupamentos, principalmente por conta do setor de monitoramento, que utiliza câmeras para fiscalizar qualquer tipo de irregularidade, como os o grupamentos de guarda Turística, Trânsito e de apoio a Postura Municipal. - A partir de 2009 houve essa união. O grupamento de apoio a postura municipal, que trabalha apaisana, assim como o trabalho de monitoramento, foram fundamentais para que sufocássemos esse tipo de atividade em Petrópolis - completou Silveira.

Arquivo

A concessionária de Itaipava funcionou por apenas cinco meses

Itaipava: Hyundai fecha O aumento do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) e o baixo estoque provocaram o fechamento temporário da Concessionária Joavi Motors, representante da Hyundai em Itaipava. A marca possui uma unidade no Quitandinha. A agência funcionou

em Itaipava havia cinco meses e encerrou as atividades na última semana. Mas segundo informações o baixo número de veículos para atender os clientes provocou a suspensão dos serviços. Ainda de acordo com uma fonte, a loja de Itaipava deve ser reaberta, assim que o estoque for aumentado.

Empresa oferece 40 vagas Uma grande empresa deverá se instalar ainda este ano na cidade e já está com as vagas de empregos abertas. São 40 vagas disponíveis para gerente de loja, supervisor, vendedor, atendente e caixa. Os salários variam R$ 3.600 e R$ 800. Todos têm direito à vale refeição, vale creche, plano de saúde e odontológico, seguro de vida e vale transporte.

Interessados devem comparecer à sede da Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), que fica na Avenida Ipiranga, número 544, no Centro. É necessário levar currículo, carteira de trabalho, identidade, CPF e número do Pis. O nome da empresa contratante não foi revelado. Confira abaixo o salário de cada vaga:

Acidente fere 3 em Araras Um acidente envolvendo um caminhão que transportava botijões de gás deixou, pelo menos, três pessoas feridas no início da noite de ontem, na BR-040. De acordo com informações testemunhas, o veículo teria tombado na altura do quilômetro 65, próximo à entrada de Araras. Os botijões estariam vazios no momento do acidente. Se-

gundo o Corpo de Bombeiros, as vítimas foram levadas para o Hospital Santa Teresa, mas não apresentavam ferimentos graves. O acidente interrompeu o fluxo de veículos no local. O trânsito precisou ser desviado para a um refúgio. A rodovia chegou a registrar mais de três quilômetros de engarrafamento.

Preso dirigindo bêbado Um homem de 25 anos foi preso na noite do último domingo por estar dirigindo uma moto alcoolizado, na Praça do Itamarati. A Polícia Militar foi acionada por populares por volta das 23h30. O rapaz foi conduzido até um posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para passar pelo teste do etilômetro, onde foi apontado nível de álcool no sangue superior ao permitido. Em seguida ele foi levado à 105ª DP (Retiro), onde foi autuado por embriaguez e direção perigosa. A moto

dele, uma Yamaha YBR, Preta, também foi apreendida. MOTO É RECUPERADA NA POSSE Uma moto Twister, preta, foi apreendida pela Polícia Militar (PM) na manhã do último sábado. Ela estava abandonada próximo ao DPO da Posse e tinha restrição policial. O veículo havia sido furtado no último dia12, na área do 1º distrito. A moto ficou apreendida na 106ª DP (Itaipava), passaria por perícia e seria devolvida ao proprietário.

Fotos: Alan Alonso

O material foi apreendido nos terminais de ônibus do Centro Histórico e de Itaipava após denúncia anônima que chegou à Guarda Municipal

Mais de 1,4 mil famílias esperam por casa popular da Prefeitura Somando as famílias atingidas pelas chuvas desde 2001 até o ano passado, 1.403 recebem aluguel social e esperam por uma casa popular, que segundo a Prefeitura de Petrópolis, serão construídas. Está em andamento o processo para 345 unidades, sendo 144 na Posse, 140 na Mosela e 61 em Cuiabá, em parceria com a Firjan. No ano passado, o aluguel social dado pelo governo do estado foi renovado por mais 12 meses, já que as casas populares não saíram do papel para que elas pudessem deixar os benefícios. A caseira Ana Maria Ioras, que foi uma das sobre-

viventes da tragédia no Vale do Cuiabá, em Itaipava, espera que as casas populares prometidas no ano passado sejam entregues. Embora ela não esteja incluída no programa, a caseira afirma que o sofrimento seria amenizado se pelo menos as unidades fossem construídas no bairro, o que traria novamente alguns moradores para o local. - Moro na mesma casa há 20 anos e no mesmo bairro desde que nasci, há 48. É uma tristeza olhar todo dia para essas casas destruídas, a rua vazia. Às vezes a gente está feliz e do nada fica triste, volta aquele sentimento de vazio, de saudade, de medo.

Isso vai ficar no peito para o resto da vida – disse. O objetivo do governo municipal, segundo o coordenador do Comitê de Ações Emergenciais, Luis Eduardo Peixoto, em entrevista anterior, é que as construções beneficiem os moradores que tem uma história com o local. - O aluguel social dado pelo Estado foi renovado por mais 12 meses e nenhuma família ficará sem até ser resolvida a questão da casa própria. Já foram entregues 54 casas no Carangola, permitindo que tirássemos esse mesmo número de famílias do aluguel social, pessoas

que eram de enchentes entre 2001 e 2011. Serão 174 casas na Posse e na fila de espera vamos dar prioridade a quem é da Posse porque a pessoa fica mais dentro da sua realidade, perto de amigos e parentes – destacou, na ocasião. Com a prorrogação por 90 dias do estado de calamidade pública na cidade, a partir do Decreto nº 760, por determinação do governo do estado aos municípios atingidos pela chuva, podem agilizar as construções para que os moradores de áreas atingidas e que vivem em aluguel social possam receber a casa própria.

Apesar da derminação do MP para sair, auto-escolas continuam no Quitandinha

O impasse sobre a definição das áreas para realização de exames e treinamentos das auto-escolas permanece. A dor de cabeça e insatisfação dos moradores do Bairro Quitandinha também. Mesmo com a determinação do Ministério Público Estadual para que as aulas e provas fossem transferidas para Avenida dos Pinheiros, no Quarteirão Italiano, local que inclusive já recebeu as marcações necessárias, ontem pela manhã os exames continuavam sendo realizados na Avenida Getúlio Vargas, descumprindo o acordado. Na última reunião, em 29 de novembro de 2011, o promotor de justiça Vinícius Ribeiro determinou que o prazo para o cumprimento do acordo, já protelado duas vezes, seria estendido mais uma vez, para 25 dias partir daquela data, com o descumprimento acarretando multas de R$ 5 mil para cada dia. O documento foi assinado

Os veículos das auto-escolas continuam realizando exame no bairro

pelo presidente da Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes (CPTrans), Roberto Naval. Passado o tempo estipulado e nada ainda resolvido. A presidente da Associação de Moradores do Conjunto do Patrimônio Arquitetônico e Paisagístico do Hotel Quitandinha (Amopaq), Liliana Breves, teme que o

prazo para o cumprimento do acordo seja novamente prorrogado. - É uma situação insustentável. Nenhum morador agüenta mais. Estão ameaçando frontalmente o direito de ir e vir do morador, que precisa da autorização e da boa vontade das auto-escolas para passar pela própria rua. A CPTrans e as auto-escolas

estão desafiando o Ministério Publico e isso é muito grave - reclama a presidente. Segundo ela, a insatisfação dos moradores com a situação já motivou a presença da Polícia Militar no local. Indignado com a realização de aulas de moto em frente ao portão da casa, o morador discutiu com instrutores, acionou a polícia e mostrou os documentos assinados, o que fez com os policiais dessem razão a ele e quisessem levar as partes a delegacia. - Todos reclamam. Interrompe os ônibus, impedem as pessoas de transitar, os moradores do BNH ficam com acesso impedido. Montam balizas até em frente à um colégio, o que é proibido por lei - argumenta a moradora Cláudia Marinho. Até o fechamento desta edição a assessoria de comunicação social da Prefeitura não enviou resposta sobre o problema.

Casa do Servidor/Fundo de Saúde iniciará hoje as atividades para melhor qualidade de vida em 2012 O Fundo de Saúde/Casa do Servidor realizará hoje, dia 17, a primeira atividade de 2012 visando o incremento da qualidade de vida dos servidores públicos. A partir das 15h, ocorrerá uma palestra sobre Oficina de Memória

com atividades de Biodanza, em seguida será servido um lanche, tudo isto para iniciar este novo ciclo com o pé-direito. Para participar basta comparecer à sede do Fundo, na Rua Ipiranga, 193. A Biodanza se vale de mo-

vimentos corporais integrados que, aliados a estímulos musicais específicos, realizados em grupo, possibilitam a expressão das emoções e de uma melhor comunicação pessoal. Também investe no potencial nato do indivíduo,

desenvolvendo nele suas capacidades de renovação biológica, criativa, de amor e de coragem para transformar o meio ao seu redor. Casa do Servidor/Fundo de Saúde. Rua Ipiranga, 193. Telefone: 22205800.


6

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Agenda Cultural

marciosalerno@diariodepetropolis.com.br

Na cidade INSTITUTO OMAR CARDOSO

HORÓSCOPO Áries - (21/03 a 20/04) Procure começar o dia com deliberação e propósito para conseguir tudo aquilo que deseja no plano amoroso e profissional. Fase astral excelente. Deve aproveitá-la. Se o sucesso de hoje não for completo, terá uma fase favorável para levar a bom termo seus objetivos.

Touro - (21/04 a 20/05)

Dia em que sua moral e reputação estarão em jogo, se entrar em contato com pessoas de caráter duvidoso. Por outro lado, o fluxo será dos melhores para negócios relacionados com metais e materiais para construção.

Gêmeos - (21/05 a 20/06)

Ótima influencia astral para os casados ou união, ao noivado, namoro, as novas associações e para lucrar em negócios junto ao sexo oposto. Todavia, tome cuidado com rivalidades. O seu gosto estará bastante incomum.

Câncer - (21/06 a 22/07)

Dia dos mais felizes ao casamento e as coisas que estão ligadas ao seu coração. Bons lucros devido aos bons contatos com o sexo oposto e elevação social através da influencia de amigos.

Leão - (23/07 a 22/08)

Você pode sentir um apreço especial pela literatura, artes e por todas as pessoas envolvidas nesse campo. Procure cuidar de seus afazeres e não se envolva em questões que não lhe digam respeito. Sentirá necessidade de ser mais amado e mais compreendido.

Virgem - (23/08 a 22/09)

Dia em que terá muito sucesso ao tratar com autoridades civis e na solução de seus problemas profissionais, financeiros e pessoais. Fará poucas amizades, mas será bem sucedido. A ansiedade estarão invadindo o seu interior.

Libra - (23/09 a 22/10)

Dia em que terá forte magnetismo pessoal, o que contribuirá para o seu sucesso, junto as mais altas personalidades de nossa sociedade. O êxito financeiro será óbvio e conseguirá obter o que pretende no trabalho.

 Escorpião - (23/10 a 21/11) Muito bom dia para fazer novas experiências cientificas ou psíquicas para a assinatura de contratos e às diversões, prazer e a vida sentimental e amorosa. Pode iniciar longas viagens, o fluxo favorece.

Atividades culturais para terça no Museu e Palácio Hoje, 19h30, tem ‘O Caminho do Yoga’, organizado pela Sociedade Teosófica do Brasil, no Cine Humberto Mauro do Centro de Cultura Raul de Leoni, censura livre, entrada franca. Todas as terças, às 09h30, tem Ginástica Chinesa do Dr. Zhuang Yuen Ming, com aulas ministradas pela professora Sônia Pollaco, no Palácio de Cristal, censura livre, aulas gratuitas. Às terças e quintas, de 08h às 09h e de 09h às 10h, tem Tai-Chi-Chuan, uma atividade promovida pelo Programa de Assistência Integral do Idoso (PAISI) da Secretaria Municipal de Saúde. Professor Rafael Motta da Silva. No Museu Imperial - Pátio da Ala Direita (em

Ingressos: terças e quartas ingresso promocional a R$ 6 para todos (exceto feriados). Preço de ingressos as quintas e sextas - inteira R$ 14 e meia R$ 7. Preço de ingressos aos sábados e domingos - inteira R$ 16 e meia R$ 8. O yoga é tema de filme a ser exibido hoje no Centro de Cultura

caso de chuva as atividades ocorrerem no Pátio Lacombe – Locomotiva). Censura

No Museu

Visitas guiadas são atração especial para início do ano As visitas são conduzidas por monitoras capacitadas pelo setor de Educação do Museu Imperial. Ao longo do ano, elas são responsáveis por acompanhar grupos de estudantes e, no período de férias escolares, estão à dis-

posição do público. O serviço está incluído do valor do ingresso de visitação, sem custo adicional. Para mais informações sobre o Museu Imperial e suas atividades, acesse www.museuimperial.gov.br.

Manifestação

Especial

Uma caminhada contra a crueldade com animais

Café Digital acontece na UCP nesta quarta-feira

Sagitário - (22/11 a 21/12)

 Capricórnio - (22/12 a 20/01) Lute com tenacidade e perseverança, por tudo que pretenda realizar neste dia, pois, esforçandose, conseguirá resultados surpreendentes. Sua capacidade pessoal será reconhecida e recomendada por alguém. Aquário - (21/01 a 19/02)

Notáveis probabilidades de sucesso nas questões relacionadas com vocação, concurso, testes, empregos, aumento de vencimentos e rendimento. O contato com desconhecidos lhe será útil. Por isso, medite um pouco sobre os seus problemas.

 Peixes - (20/02 a 20/03) Vizinhos ou parentes muito chegados procurarão ter questões com você neste dia, não dê, portanto, motivos para isso. A influencia também não é propicia ao amor. Excelente, contudo para o trabalho e para os negócios.

livre, aulas gratuitas. Mais informações: artesguerreiras@gmail.com.

Todo o segmento teatral petropolitano fica convocado para a reunião de oficialização dos nomes do futuro conselheiro e seu suplente junto ao Conselho Municipal de Cultura. A reunião acontecerá na próxima segunda-feira, dia 23, às 18h, no Centro de Cultura Raul de Leoni. É indispensável a presença de todos para que os próximos dois anos tenham a representação do nosso segmento na discussão e formulação das políticas culturais para a cidade. E foi prorrogada para o dia 20 deste mês janeiro a entrega da documentação das instituições da sociedade civil sem fins lucrativos (escolas de samba, blocos carnavalescos, blocos de enredo, clubes, associações de moradores e congêneres), interessadas em participar dos desfiles carnavalescos na cidade de Petrópolis no Carnaval 2012 para se candidatarem ao recebimento de verba através de convenio de subvenção social.

Você poderá ter algumas decepções, hoje. Não se deixe enganar. Chances de sucesso profissional e social. Dia neutro para os nativos de seu signo, com alguns imprevistos no setor familiar e profissional, mas tudo será facilmente resolvido.

Ajude quem não tem voz para pedir socorro

No próximo sábado, dia 22, uma caminhada especial está sendo convocada em Petrópolis. Trata-se de uma manifestação em favor dos animais e dos maus tratos que estes vêm recebendo, seja na nossa cidade, no país ou em qualquer ligar do mundo. Em 2012 nos deparamos com várias atrocidades cometidas contra indefesos animais. Aliás, a caminhada acontecerá, simultaneamente, em 108 cidades brasileiras e em

IMORTAIS – Censura 16 anos – com Mickey Rourke – Horários: 19h40, terça a domingo – Sessão extra sexta e sábado, 21h50 COMPRAMOS UM ZOOLÓGICO – Censura livre – Dublado – com Matt Damon – Horários: 15h e 17h20, terça a domingo

COMUNICADO IMPORTANTE

Durante os meses de janeiro e fevereiro, o Museu Imperial conta com uma novidade para o seu público. De terça-feira a sábado, são oferecidas visitas guiadas de hora em hora, das 11h às 16h.

CINE ITAIPAVA Est. União & Indústria, 11.000 Itaipava

Nova York. A concentração se dará às 10h do sábado, em frente à Catedral de Petrópolis, Centro. Se você tem animais de estimação, ou tem simpatia pelos bichinhos, que não têm como expressar suas dores e frustrações através da voz, lembre-se que só nós, humanos, podemos fazer alguma coisa para ajuda-los a ter uma existência melhor, apesar de alguns de nós fazermos exatamente o contrário. Não sejamos como estes, portanto.

Uma nova edição do Café Digital da Universidade Católica de Petrópolis acontece amanhã, a partir de 19h, no campus BC (Rua Benjamin Constant, 213), sala 125. O evento inclui palestras e bate-papo com profissionais do mercado para discutir as tendências da comunicação digital, do marketing e das novas tecnologias. Enquanto isso, um simpático lanche sem faltar o café, é claro- é servido aos participantes. Os encontros são mensais e na apresentação da próxima quarta, o primeiro bate-papo será com Carol Hoffmann. Ela é pós-graduada pela ESPM em Marketing e Design Digital pela ESPM e vai discutir sobre “Marketing de Relacionamento em Marketing Digital e Redes Sociais”. No segundo bloco do evento, acontece a transmissão, ao vivo, pela Internet, da palestra “Como a Internet pode Mudar o Mundo Líquido”, com Conrado Adolpho, criador dos 8 P´s do Marketing Digital e professor da ESPM. O consultor certificado 8P´s e consultor de Marketing Sergio Costa Taldo, também participa da palestra e discute com os participantes os termos que serão dispostos por Conrado. O evento é gratuito e as inscrições podem ser feitas pelo e-mail marketing@ucp.br.

CINE BAUHAUS R. Dr. Nelson de Sá Earp, 89 Shopping Center Bauhaus Centro SALA 1 AS AVENTURAS DE AGAMENON, O REPÓRTER – Censura 14 anos – com Marcelo Adnet – Horários: 14h20, 16h, 17h40, 19h20 e 21h SALA 2 SHERLOCK HOLMES:O JOGO DE SOMBRAS – Censura 14 anos – com Robert Downey, Jr. – Horários: 14h, 16h30, 19h e 21h30 Preços: Segunda é dia de cinema. Ingressos a R$ 3 em todas as sessões. Terça a quinta (exceto feriados): Sessões iniciadas até 15h59min Inteira: R$ 10 (meia: R$ 5). Após 16h inteira: R$ 12 (meia: R$ 6). Sexta a domingo e feriados: Sessões iniciadas até 15h59min inteira: R$ 12 (meia R$ 6) Após 16h inteira: R$ 14 (meia R$ 7). Lembrando que estamos com uma promoção de terça a domingo: todas as pessoas pagam meia entrada.

TOP CINE HIPERSHOPPING ABC Rua Teresa, 1415 / 2º piso Alto da Serra – Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br SALA 1 GATO DE BOTAS – Censura livre – Horários: 15h e 17h AS AVENTURAS DE AGAMENON, O REPÓRTER – Censura 14 anos – com Luana Piovani – Horários: 19h e 21h SALA 2 ALVIM E OS ESQUILOS 3 – Censura livre – Horários: 14h30, 16h30, 18h30 e 20h30 TOP CINE HIPERSHOPPING MERCADO ESTAÇÃO Rua Paulo Barbosa, 310 / 1º piso Centro - Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br SALA 1 COMPRAMOS UM ZOOLÓGICO – Censura livre – com Martt Damon – Horários: 14h30 IMORTAIS – Censura 14 anos – com Mickey Rourke - Horários: 16h40, 18h50 e 21h10 SALA 2 SHERLOCK HOLMES – o jogo de sombras – Censura 12 anos – com Robert Downey, Jr. – Horários: 14h, 16h20, 18h40 e 21h SALA 3 MISSÃO IMPOSSÍVEL: Protocolo Fantasma – Censura 12 anos – com Tom Cruise - Horários: 18h CAVALO DE GUERRA – Censura 12 anos – com Peter Mullan – Horários: 15h10 e 20h30 - duas indicações ao Globo de Ouro 2012

Filmes na TV CAÇADORES DE DRAGÔES – GLOBO – 16H05 – Um dragão está prestes a destruir o mundo! Uma garota decide ajudar seu tio, Lord Arnold, dono de um imenso castelo e de uma fabulosa fortuna, sai a procura de heróis iguais aos que ela conhece dos contos de fadas, mas ao invés disso encontra Gwizdo e Lian-Chu, dois atrapalhados caçadores de dragões. A HORA DO RUSH 2 – SBT – 23H – COM CHRIS TUCKER Jackie Chan e Chris Tucker estão de volta. Os detetives Lee e James Carter entram em ação em Hong Kong, onde Carter pretendia tirar férias, mas acaba investigando a explosão de uma bomba na embaixada americana.


terça-feira, 17 de janeiro de 2012

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

7

geral

Concurso: Ceperj divulga gabaritos das provas Os 28.147 candidatos que fizeram provas para os concursos do Novo Degase e da Secretaria de Estado de Fazenda, realizados no domingo (15/01), poderão conhecer seus erros e acertos nesta terça-feira (17/01). A partir das 10h, a Fundação Ceperj (Centro Estadual de Estatísticas, Pesquisas e Formação de Servidores Públicos do Rio de Janeiro) disponibilizará em seu portal – www.ceperj.rj.gov. br - os gabaritos preliminares que também estarão no Diário Oficial do Estado. São 27.648 profissionais concorrendo às 500 vagas imediatas em 27 cargos de níveis superior, médio técnico e médio do Departamento

Geral de Ações Socioeducativas, e 499 disputando as 80 oportunidades para seguirem a carreira de analista de controle interno da Sefaz. Depois de conferir as respostas dos integrantes das bancas examinadoras, o candidato que se julgar prejudicado poderá recorrer contra os gabaritos preliminares, a partir das 10h de quarta-feira (18/01). A Ceperj colocará em sua página o modelo de formulário para os que querem entrar com recursos, cujo prazo termina às 16h de 26 de janeiro para todos os cargos do Novo Degase, exceto Pedagogo e professor de Educação Física, que vais até o dia 27, como também

para os que concorrem ao cargo de analista da Secretaria de Estado de Fazenda. O diretor de Concursos e Processos Seletivos da Fundação, Marcus São Thiago, pede aos que pretendem entrar com requerimentos que fiquem atentos às datas estabelecidas nos cronogramas, pois elas não serão prorrogadas. O recurso deverá ser redigido em formulário próprio, por questão, com indicação precisa daquilo em que o candidato se julgar prejudicado e devidamente fundamentado. O documento preenchido deve ser entregue na sede da Ceperj, na Avenida Carlos Peixoto, 54, térreo, Botafogo, Zona Sul do Rio. O atendi-

Governo do estado amplia programa renda melhor Divulgação

nPriscilla Souza/Imprensa RJ

Retirar famílias da situação de extrema pobreza. Esse é o objetivo do programa Rio sem Miséria que atenderá 1,3 milhões de pessoas até 2014, com investimento de R$ 1 bilhão em programas de complementação de renda. Para isso, o Governo do Estado dará, até o final de fevereiro, um salto na expansão do Renda Melhor e do Renda Melhor Jovem. De quatro municípios beneficiados em 2011 (Japeri, Belford Roxo, Magé e São Gonçalo), o estado passará a atender 51 cidades com investimento de R$ 250 milhões nessa expansão. Na lista de municípios que serão beneficiados a partir deste ano, foram incluídos 13 das regiões Norte e Noroeste fluminense atingidos pelas chuvas. A ideia é alcançar os 92 municípios do estado nos próximos dois anos. - A nossa meta é erradicar a pobreza extrema até 2014, aproveitando também o ciclo de desenvolvimento atual do estado. Nós estimamos que cerca de 6% da população vivam nessa linha de pobreza. Nosso objetivo é incluir 75% dessas famílias ainda este ano e o restante em 2013. Queremos fazer do Rio de Janeiro o primeiro estado a superar as metas do programa Brasil sem Miséria, do Governo Federal – afirmou o secretário de Assistência Social, Rodrigo Neves. O valor do benefício do Renda Melhor varia de R$ 30 a R$ 100 e é calculado com base na renda per capita estimada das famílias que já recebem o Bolsa Família, programa de transferência de renda do Governo Federal. Os

mento, durante o prazo de recebimento estabelecido em cronograma, é feito das 10h às 16h. Os candidatos às 500 vagas do Novo Degase poderão enviar o recurso via Sedex, postado até o último dia previsto, para a Coordenadoria de Planejamento da Diretoria de Concursos e Processos Seletivos, sala 203 do mesmo endereço. O CEP é 22.290090. Para este concurso, a Ceperj inscreveu candidatos no Rio e em mais seis municípios: Araruama, Campos dos Goytacazes , Nova Friburgo, Nova Iguaçu, São Gonçalo e Volta Redonda. Marcus São Thiago explica que, no formulário, o candidato precisa comprovar suas alegações com a

citação de artigos de legislação, itens, páginas de livros, nomes de autores, juntando, sempre que possível, cópias dos comprovantes. Ele acha importante frisar que será indeferido liminarmente o recurso que não estiver fundamentado ou for entregue fora do prazo previsto nos cronogramas, ou que contiver, como fundamentação, cópias dos argumentos apresentados em outros recursos. Não serão aceitos requerimentos encaminhados por fax ou internet. Após julgamento dos recursos interpostos, os pontos correspondentes às questões porventura anuladas serão atribuídos a todos os candidatos, indistinta-

mente. Se houver alteração do gabarito, por força de impugnações, ela valerá para todos, independentemente de terem recorrido. Os pareceres dos recursos julgados indeferidos serão anexados aos respectivos processos, que ficarão à disposição dos interessados, para ciência, pelo prazo de 30 dias, no protocolo da Fundação Ceperj, nos dias úteis, das 10h às 16h. Quando a organizadora divulgar os resultados preliminares das provas objetivas, marcados para 7 de fevereiro (Sefaz) e dia 10 do mesmo mês (Novo Degase), todos os candidatos terão acesso à imagem de seus cartões-resposta.

Novas medidas de incentivo à indústria nacional serão adotadas Daniel Mello/ABr

O ministro interino do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), Alessandro Teixeira, disse que o governo vai adotar novos incentivos a indústria nacional. Segundo ele, o governo quer garantir que o setor no mínimo mantenha o desempenho alcançado no ano passado. “Nós teremos medidas que vão auxiliar a defesa da indústria, medidas que vão fortalecer a produção local

e também em relação ao crédito, que é muito importante para a indústria, especialmente em um ano em que a liquidez internacional está cada vez mais reduzida”, disse ao participar da abertura da Feira Internacional de Calçados, Artigos Esportivos e Artefatos de Couro (Couromoda). O evento, que ocorre na capital paulista até quintafeira (19) é anunciado como o maior da América Latina no ramo. Estão reunidas no Pavilhão do Anhembi cerca de mil empresas de 13 esta-

dos brasileiros. O presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), Milton Cardoso, cobrou mais rigor no combate ao dumping praticado principalmente por empresas chinesas. Ele ressaltou que o setor calçadista tem uma extensa cadeia produtiva que vai desde a produção das matérias-primas a montagem do produto final. “Essas coisas não podem ser destruídas de uma hora para outra por uma concorrência desleal”.

foto do dia Jorge Freire

A ampliação dos programas foi divulgada em coletiva de imprensa

beneficiados precisam fazer parte do Cadastro Único e o pagamento é feito por meio

de um cartão compartilhado dos dois programas: estadual e federal.

ESTÍMULO À PERMANÊNCIA NA ESCOLA Com o objetivo de reduzir os índices de repetência, evasão escolar e defasagem idade-série, o Renda Melhor Jovem oferece uma poupança-escola anual aos jovens de até 18 anos e que estejam matriculados no Ensino Médio estadual. O estudante recebe o benefício ao ser aprovado ao final de cada ano letivo. Ao final da 1ª série, são R$ 700; da 2ª série, R$ 900; e da 3ª série, R$ 1 mil. Após a conclusão do Ensino Médio, o aluno pode receber mais R$ 500, caso apresente bom desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). No ano passado, mais de quatro mil jovens começaram a receber o benefício e a estimativa é que, este ano, o programa passe a atender cerca de 20 mil jovens. - Nós acompanhamos o estudante desde o início e a cada dois meses para saber se ele está evoluindo e se não abandonou os estudos – disse o secretário de Educação, Wilson Risolia. Para garantir que as famílias assistidas tenham acesso às oportunidades econômicas e sociais, o Rio sem Miséria faz o acompanhamento dos beneficiados através do Sistema Único de Assistência Social.

Na Praça Visconde de Mauá, em frente à Câmara, a estátua da águia mostra sinais de abandono. O lodo já cresce na parte de baixo do monumento e a água ao redor está suja.

enquete

O que você acha que deve ser feito para evitar a mistura de álcool com a direção de motos? Fotos: Alan Alonso

Doracir Vasconcelos, 60 anos, porteiro. “As autoridades precisam fazer alguma coisa em relação a isso. É muita irresponsabilidade. Com certeza é preciso ter mais fiscalização nas ruas pra evitar isso”.

Rafael Buys, 27 anos, fotógrafo. “Em Petrópolis vejo bastante operação contra o uso de motos irregulares, mas acredito que as ações para evitar que pessoas alcoolizadas andem de moto precisam ser feitas em locais mais específicos”,

David Ferreira, 21 anos, auxiliar de serviços gerais. “Não sei o que ao certo, mas as autoridades precisam tomar uma providência. Estão ocorrendo muitos acidentes com gente alcoolizada, sem carteira de habilitação, menor pilotando”,

João Pedro Pettersen, 18 anos, estudante “Acho que deveria ter mais operações da lei seca na cidade, porque as blitzes comuns já têm, mas as específicas para coibir motociclistas alcoolizados não”.

Diego Neumann, 22 anos, estudante “Acredito que já tem uma boa fiscalização na cidade, com blitzes voltadas para motos, mas não vejo essas operações nas saídas de boates, bares, e lugares que as pessoas costumam beber”, .


8

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

ECONOMIA

Porto do pré-sal de R$ 5,4 bilhões será em maricá Taxa de juros cai para pessoa física e empresas n Wladimir D’Andrade/Agência Estado

As taxas de juros médias para operações de crédito para pessoa física e para empresas voltaram a cair em dezembro ante o mês anterior após uma alta verificada em novembro, mostra pesquisa da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), divulgada nesta segunda-feira, 16. Para pessoa física, a taxa média caiu de 6,67% ao mês (117,02% ao ano) em novembro para 6,58% ao mês (114,84% ao ano) em dezembro. Para pessoa jurídica, passou de 3,99% ao mês (59,92% ao ano) para 3,87% ao mês (57,72% ao ano), na mesma base de comparação. A taxa média para pessoa física é a menor da série histórica da Anefac, iniciada em 1995. Das seis linhas de crédito pesquisadas, apenas uma se manteve estável (cartão de crédito rotativo, em 10,69% ao mês ou 238,30% ao ano). O restante apresentou queda em dezembro. Entre elas, a maior queda foi verificada em empréstimos pessoal-financeiras (-0,22 ponto porcentual), cuja taxa média passou de 8,88% ao mês em novembro para 8,66% em dezembro, a menor da série

histórica. Também apresentaram recuo as taxas de empréstimo pessoal-bancos, que passou de 4,39% para 4,21% no mesmo período - a menor da série histórica -; juros do comércio, que saiu de 5,46% para 5,36% - a menor da série histórica -; cheque especial, que caiu de 8,41% ao mês para 8,36% ao mês; e CDC-financiamento de automóveis, que apresentou uma redução de 2,20% ao mês em novembro para 2,18% ao mês em dezembro. No caso das operações de crédito envolvendo pessoa jurídica, a taxa média é a menor desde fevereiro de 2011. Todas as três linhas pesquisadas mostraram recuo em dezembro ante novembro. Em desconto de duplicatas, a taxa caiu de 3,14% ao mês para 2,96% ao mês de novembro para dezembro - a menor desde fevereiro de 2011 -; em capital de giro recuou de 2,67% para 2,52% ao mês - a menor da série histórica -; e em conta garantida foi de 6,17% para 6,14% ao mês - a menor taxa desde outubro de 2011. Juros - A pesquisa da Anefac também relacionou os juros cobrados nas operações de crédito com a taxa Selic. No período de dezembro de 2010 ao mesmo mês de 2011, a Selic passou de 10,75% ao ano para 11% ao ano.

Divulgação

n Ascom Sedeis

O Estado do Rio de Janeiro vai ganhar um importante complexo com investimentos avaliados em R$ 5,4 bilhões. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços, Júlio Bueno, o Terminal Ponta Negra (TPN), a ser instalado na Praia de Jaconé, em Maricá, pela empresa DTA Engenharia, já é chamado de Porto do Pré-Sal, por ser destinado à tancagem do óleo a ser produzido naquela região. A área também tem vocação para se tornar uma das principais âncoras para escoar tanto o óleo do pré-sal para o Complexo Petroquímico do Estado do Rio de Janeiro (Comperj), em Itaboraí, como receber de volta os derivados petroquímicos lá produzidos. O porto terá capacidade para receber 850 mil barris de petróleo por dia, o equivalente a 40% da atual produção do país, e vai contar com uma nova tecnologia contra vazamento de óleo. - Criamos uma tecnologia, que vamos patentear, que reduz o impacto de um eventual vazamento de óleo. Será uma cortina que liga os molhes (estruturas de pedra que cercam o porto, reduzindo as ondas no terminal). No caso de derramamento, ela subirá e deixará o óleo restrito à área do porto, diz João Acácio Gomes de Oliveira Neto, presidente da DTA, empresa que

O Terminal Ponta Negra, será instalado na Praia de Jaconé, em Maricá, pela empresa DTA Engenharia

planejou mais de 30 portos no Brasil e no exterior. O projeto tem total apoio do Governo do Estado do Rio de Janeiro, que vai criar acessos ao novo porto a partir do Arco Metropolitano do Rio e pela Estrada de Ferro Leopoldina. A previsão é que a obra seja concluída até 2015, a fim de coincidir com a inauguração do Comperj. Além da infraestrutura portuária e terminais de armazenagem de combustíveis, o TPN vai contar também com um estaleiro de reparos offshore. - Vamos ter um excelente aproveitamento da área que oferece condições naturais

para as embarcações, com calado de 30 metros muito próximo à costa - destaca o secretário Julio Bueno. Ele lembra também que a área possui poucos entraves ambientais, por não se tratar de uma área com mata nativa. O local abrigou em décadas passadas o campo de golfe que pertenceu ao empresário Roberto Marinho. Posteriormente, chegou a ser alvo de um empreendimento turístico que teria o mesmo campo de golfe como principal atrativo, até que a área fosse adquirida pela DTA. - Não vemos problemas ambientais e acreditamos que a licença não vai tardar a sair - disse o secretário.

Ainda segundo Bueno, o porto pode ser o início da redução de uso do Tebig (o terminal mais usado pela Petrobras no estado, em Angra dos Reis). - É a chance de retirar a atividade de petróleo de um paraíso como o de Ilha Grande – acrescentou o secretário. Segundo os investidores, o porto deve destinar cerca de 30% de sua capacidade à Petrobras. O restante será voltado para as companhias estrangeiras que atuarão no pré-sal. A expectativa do presidente da DTA é de que haja até mesmo overbooking, já que há mais interessados do que área disponível.

AVISOS E EDITAIS

SEPULTAMENTO

Há 30 anos era publicado

CEMITÉRIO MUNICIPAL

Em sua edição número 2,331, de 17 de janeiro de 1982, um domingo, o DIÁRIO publicou os seguintes destaques:

DOMINGO 15-01-2012 Dernir Margarida dos Santos Fontes, 67 anos, 11 horas, São Luiz do Maranhão Lúcia Maria Ribeiro Pantaleão, 59 anos, 14 horas, Independência Arikson da Silva Araújo, 45 anos, 15 horas, Cascatinha Segunda-feira 16/01/2012 Ildefonso Moacyr Schmit, 86 anos, 11h30, Quitandinha Selma Ingo D’Ângelo, 70 anos, 15h, Juiz de Fora Ailton Gonçalves de Oliveira, 63 anos, 16 horas, Alto da Serra Gloria Maria da Costa, 53 anos, 16h30, Cascatinha José Quilina de Albuquerque, 81 anos, 16h30, Araras CEMITÉRIO DE ITAIPAVA Os sepultamentos de domingo não foram informados e ontem não houve sepultamento. OBS. AS INFORMAÇÕES ACIMA SÃO FORNECIDAS AO DIÁRIO POR FUNCIONÁRIOS DAS SECRETARIAS DOS CEMITÉRIOS,

MANUTENÇÃO E MELHORIA NA REDE COM INTERRUPÇÃO NO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA Visando prestar um serviço de melhor qualidade, a AMPLA comunica a seus clientes que interromperá o fornecimento de energia elétrica, para possibilitar a execução de obras e melhoramentos da rede, no município de Petrópolis nas seguintes localidades: 20/01/2012, das 08:30h às 11:30h, Centro: Rua 7 de Abril nº 340 e adjacências. Das 13:00h às 16:30h, Centro: Rua A. Coutinho nº 33 e adjacências. Das 09:00h às 16:00h, Nogueira: Estrada Mineira, Ruas B, Sítio da Ponte, Luiz Antônio S. da Costa, A. Félix Santos e adjacências. Das 12:00h às 16:30h, Mosela: Estrada da Fazenda Inglesa nº 1.649, Vila Pedro Lahr nº 1.684 e adjacências. Cliente Especial: Mecânica Industrial Silfer Ltda. Das 13:00h às 16:00h, Secretário: Estrada Fagundes, Rua Anápolis Country Club e adjacências. Das 09:00h às 11:00h, Itaipava: Estrada União e Indústria e adjacências. O restabelecimento de energia poderá voltar antes do horário previsto.

COMANDOS DO DIÁRIO - “Nem tudo está perdido”, foi o que disse ontem o padre Casemiro da Silva, vigário substituto da igreja de São José, em Itaipava, e diretor da Casa de Repouso João de Deus, que tem esperança na providência divina e acredita que tudo será resolvido. Frisou que Deus está lá em cima, olhando por todos nós e na hora certa ele mandará os recursos necessários. FALTA DE VERBA - “Se não conseguir o mínimo de 10 milhões de cruzeiros necessários hoje para lançar uma candidatura a prefeito nas ruas, eu deixo a política”. O comentário foi feito por Oswaldo Costa Frios Filho, cotado para uma das sublegendas a prefeito pelo PMDB, em conversa presenciada pelo presidente do diretório municipal do partido, Ney Botafogo. ÁGUA - A população de Pedro do Rio continua reivindicando da Prefeitura a instalação de um sistema, ainda que provisório, de abastecimento de água e de canalização de esgoto. O movimento de defesa do distrito está sendo coordenado por Risada e Jorge Cavada, no Bar Moderno, que fica no ponto final do ônibus para Pedro do Rio.

Cartório de 3º Ofício de Petropolis Terceiro Ofício - Petropolis - RJ

Relação do Edital dia 17/01/2012 Acham-se afixados neste cartório, conforme a lei 9492/97, art. 15 $1 - Processo 89.877/99 CGJ/RJ, para serem protestados os títulos de responsabilidade de: Protestar em 18/01/2012

010425050000174

R VISCONDE DE TAUNAY, 880

Número: 1064699509

DUPLICATA MERCANTIL

Emissão:31/03/2011

Vencto: 26/12/2011 Cheque Administrativo

Custas

Valor:

113,35 Total

010425050000174

Número: 1064687909

DUPLICATA MERCANTIL

Emissão:31/03/2011 Custas

Valor:

LADEIRA DOS GUARARAPES 289 COSME VELHO RJ

Custas

Valor:

Protestar em 18/01/2012

00752003763

Emissão:27/07/2009 Custas

Valor:

Protestar em 18/01/2012 RUA ROCKFEELER 332

Cheque Administrativo

Custas

Protestar em 19/01/2012 TALEX PARTICIPACOES LTDA

Petrópolis

( 2235-7165

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

16/01/2012

Valor:

126,67 Cpmf

0,00 Tarifa

14,72 Total

Portador/ Cedente / Sacador CAIXA ECONOMICA FEDERAL(AG IMPERIAL)

13/01/2012

126,67 Cpmf

0,00 Tarifa

14,72 Total

16.836,73

Portador/ Cedente / Sacador

Protocolo

341 - BANCO ITAU SA

903

MARTINS TEXTIL LTDA ME

13/01/2012

1079,00 128,15 Cpmf

0,00 Tarifa

14,72 Total

Terceiro Ofício - Petropolis - RJ GARCIA BARBOSA 040402265000130 PAULO ROBERTO

R. do Imperador, 1021 SOARTES - Centro COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

AV TREZE DE MAIO 13 RIO DE JANEIRO

Protocolo 947

Cartório de 3º Ofício de Portador/ Petropolis Cedente / Sacador CNPJ / CPF Número: Relação do440Edital

DUPLICATA MERCANTIL

25.741,39

CAIXA ECONOMICA FEDERAL(AG IMPERIAL)

1.207,15 ou Dinheiro Custas

128,15 Total

Protocolo 1032

MARTINS TEXTIL LTDA ME

Número: 2764 Emissão:30/09/2011

Vencto: 20/12/2011

927,36

16695,34

001174560000125

DUPLICATA MERCANTIL

14,72 Total

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF

MARCOBRUN IND.E COM.DE ROUPAS

0,00 Tarifa

PAULO ROBERTO GARCIA BARBOSA

16.822,01 ou Dinheiro Custas

126,67 Total

122,23 Cpmf

CAIXA ECONOMICA FEDERAL(AG IMPERIAL)

Número: 353-11

Nota Promissoria

Cheque Administrativo

13/01/2012

WURTH DO BRASIL PECAS DE FIXACAO LTDA.

25600,00

RUA GENERAL OSORIO 89 APT 605

Vencto: 27/07/2009

842

WURTH DO BRASIL PECAS DE FIXACAO LTDA.

CNPJ / CPF

MARCIO DE MOURA MEJOULARIO

578,52

Protocolo

237 - BANCO BRADESCO S A

25.726,67 ou Dinheiro Custas

126,67 Total

14,72 Total

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

Número: 435/11 Emissão:09/12/2011

0,00 Tarifa

790,41

43070647715

DUPLICATA MERCANTIL

113,35 Cpmf

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF

HUMBERTO MARTINS DA SILVEIRA

Cheque Administrativo

13/01/2012

WURTH DO BRASIL PECAS DE FIXACAO LTDA.

912,64 ou Dinheiro Custas

122,23 Total

Protestar em 19/01/2012

Vencto: 09/01/2012

WURTH DO BRASIL PECAS DE FIXACAO LTDA.

450,45

R VISCONDE DE TAUNAY, 880

Cheque Administrativo

841

CNPJ / CPF

HOFFMANN MOVEIS E DECORACOES LTDA

Protocolo

237 - BANCO BRADESCO S A

563,80 ou Dinheiro Custas

Protestar em 18/01/2012

Vencto: 26/12/2011

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF

HOFFMANN MOVEIS E DECORACOES LTDA

1.221,87 17/01/2012

Protocolo 1033 Pag: 2 16/01/2012

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA dia 17/01/2012

4996,67 Emissão:17/11/2011 Valor: Vencto: 17/12/2011 Acham-se afixados neste cartório, conforme a lei 9492/97, art. 15 $1 - Processo 89.877/99 CGJ/RJ, para serem Cheque Administrativo ou Dinheiro Custas 117,81 Custas 117,81 Cpmf 14,72 Total Total 5.114,48 5.129,20 0,00 Tarifa protestados os títulos de responsabilidade de:

Protestar em 19/01/2012 TALEX PARTICIPACOES LTDA AV TREZE DE MAIO 13 RIO DE JANEIRO

Emissão:17/11/2011

Vencto: 17/12/2011 Cheque Administrativo

Custas

123,73 Total

Protestar em 19/01/2012 TALEX PARTICIPACOES LTDA

Valor:

Cheque Administrativo

Custas

126,67 Total

Protestar em 19/01/2012 TALEX PARTICIPACOES LTDA

Vencto: 25/11/2011 Cheque Administrativo

Emissão:25/06/2011 126,67 Total

16/01/2012

Valor:

0,00 Tarifa

14,72 Total

6.808,45

Protocolo

PAULO ROBERTO GARCIA BARBOSA

1035

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

16/01/2012

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

29615,84

29.742,51 ou Dinheiro Custas

126,67 Cpmf

0,00 Tarifa

14,72 Total

29.757,23

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF 040402265000130

Valor:

123,73 Cpmf

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF 040402265000130

Número: 102/11E

Custas

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

6.793,73 ou Dinheiro Custas

AV TREZE DE MAIO 13 RIO DE JANEIRO DUPLICATA MERCANTIL

1034

6670,00

Número: 102/11B Emissão:25/06/2011

Vencto: 25/08/2011

Protocolo

PAULO ROBERTO GARCIA BARBOSA SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

Número: 441

DUPLICATA MERCANTIL

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF 040402265000130

AV TREZE DE MAIO 13 RIO DE JANEIRO

o Diário de

Pag: 1

R. do Imperador, 1021 - Centro

DUPLICATA MERCANTIL

Leia e assine

17/01/2012

Protocolo

PAULO ROBERTO GARCIA BARBOSA

1036

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

16/01/2012

SOARTES COMERCIO DE MADEIRAS LTDA

29615,84

29.742,51 ou Dinheiro Custas

126,67 Cpmf

0,00 Tarifa

14,72 Total

29.757,23

Intimo-os a pagarem ( através de cheque administrativo ou dinheiro com guia de pagamento a ser retirada neste tabelionato ), ou no caso da falta de aceite, comparecer para aceita-lo, ou dar-me as razões por que não o faz. Ficando assim já intimado do respectivo protesto no prazo estipulado na forma da lei. Petropolis, 17/01/2012 João Correia Lima Neto - Escrevente


ALTO DA SERRA Hoje é dia de Santo Antão do Egito e dia dos tribunais de contas da União. A secretaria da Paróquia de Santo Antonio, do Alto da Serra, funciona de 2ª feira a sábado de 14h30 às 19h. Agendamentos para batizados, casamentos e outras informações são dadas pelo telefone 2242 4310.

D

iário nos

B

airros

diarionosbairros@diariodepetropolis.com.br

Posse com samba e pagode

Nova diretoria da Associação do São Sebastião toma posse e, além de obras, anuncia projeto de cidadania para toda cidade Um centro de capacitação comunitária com palestras e ensinamentos as associações de moradores e melhorias na quadra de esportes da sede. As propostas são da nova diretoria da Associação de Moradores do Bairro São Sebastião – AMOS – cujos diretores tomaram posse no domingo com festa animada com grupo de pagode e samba. Os diretores da AMOS pretendem com a conclusão

do centro de capacitação dar condições as associações de moradores de caminhar com suas “próprias pernas”, segundo informaram durante o evento de posse. O projeto já tem o apoio da Federação das Associações de Moradores de Petrópolis – FAMPE. Sobre a quadra o presidente empossado Alfredo Pires, o Alfredão, informou: - Precisamos cimentar o piso e o principal que é a co-

bertura dela – adiantou. – Já temos o projeto que será levado às autoridades municipais e pretendemos que o serviço seja feito em nível de Estado. Muitos eventos não podemos promover por causa do mau tempo e com a obra concluída vamos desenvolver todos. A festa da posse da diretoria começou às 10h e contou com a presença de dezenas de moradores na quadra da Rua Álvaro Machado, na

comunidade da Vital Brasil. No evento teve até lideranças de fora da cidade como foi o caso de Salomão Carreiro, da Associação dos Pequenos Produtores de Vila Inhomirim, de Raiz da Serra, Magé (RJ). As comemorações tiveram que ser interrompidas às 17h por causa do temporal, justamente pela falta da falta da cobertura da quadra, como Alfredão anunciou o projeto futuro da AMOS.

Rebio Araras relata barreiras e anuncia prevenção no bairro Os problemas relacionados às chuvas de verão são manchetes de jornais há muitas décadas, pouco se falando das causas e a culpa ficando com a natureza. A lembrança é do Projeto Araras que anuncia o deslizamento de terras na localidade, divulgando que até no interior de sítios acontecem desabamentos. - Quem é que desmatou? Quem assoreou o rio? Quem deixou construir em áreas de risco? Quem joga lixo nas encostas? – são as questões anunciadas sobre prevenções. - Elas é que precisam sair do campo das reflexões e partir para ações preventivas. Se o rio está assoreado não se deve apenas retirar a

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

TERÇA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2012

areia, mas não deixar que o esgoto seja jogado in natura, pois vai assorear de novo e a enchente vem outra vez. O Projeto Araras informa que várias pequenas barreiras caíram este mês na Estrada Bernardo Coutinho, na Rua das Perobas, no Santa Luzia e Vista Alegre. A Defesa Civil esteve nos locais e encaminhou as ocorrências aos órgãos responsáveis. Algumas ações foram realizadas pelos guarda parques da Rebio Araras que integra o Comitê de Ações Emergenciais da Prefeitura. Algumas áreas já foram limpas e outras interditadas. De acordo com Ricardo Ganen, chefe da Rebio Araras, foram desobstruídas

9

ALCOÓLICOS ANÔNIMOS Hoje 19h: Grupo 27 de Maio, Rua Bingen, 261 Amor e Atração, Avenida Leopoldina, 596, Nogueira. 19h30: 28 de Janeiro, Rua Paulo Barbosa, 180, Centro; Estrela de Araras, Escola Estadual de Araras; Morin, Igreja de Nossa Senhora da Glória; e Petropolitano Rua Santos Dumont, 100, Centro.

Moradores de Servidão do Caxambu estão sem luz e insiste o atendimento Desde dia 20 de dezembro os moradores da Servidão Maria Pinto Serrão, na Rua Bartolomeu Sodré, no Caxambu, estão com dificuldades de caminhar à noite. Um poste está com a luminária queimada e a escuridão além de deixar as pessoas com medo, tem o piso irregular e já provocou quedas em idosos da localidade. O morador Ronaldo Mauricio

informou que perdeu a conta de transmissões telefônicas para o departamento de iluminação pública da prefeitura. Lembrou que outros moradores também já telefonaram pedindo providências para a colocação da luminária. No final, ironizou: - A cidade ficou toda iluminada para o Natal e nós com a servidão as escuras. Quando vierem aqui pedir votos não vão ter.

A calçada da antiga fábrica de tecidos Dona Isabel, na Rua Teresa, voltou a fazer parte da relação de reclamações na manhã de domingo. Ao tropeçar num dos buracos da passagem, a garotinha chamada Alice, disse: - Este pessoal deixa tudo ruim mamãe – falou, dando a nítida conotação de reconhecer o problema. Acompanhada da mãe Silvia Luiza de Vasconcelos que identifi-

cou a menor de apenas cinco anos de idade, lembrou. - Não é a primeira vez que ela reclama. Passo aqui todos os dias e também quase sofri uma queda um dia desses. A calçada irregular da antiga fábrica é sempre alvo de reclamações de pessoas que pedem providências no sentido de nivelar a passagem. No lugar, ninguém sabe informar de quem é a responsabilidade.

Até menininha de cinco anos faz reclamação de buraco na calçada

Ônibus quebra e faz usuário perder o embarque no Terminal Bingen

Guardas do Rebio Araras retirando árvores que bloquearam passagem

vias onde aconteceram quedas de árvores. Ele também confir-

mou o registro de ocorrências em sítios e condomínios.

O ônibus de série 1049 da Viação Esperança quebrou ontem pela manhã na Avenida Piabanha e deixou dezenas de usuários com atraso. - Embarquei 6h40 na Rodoviária do centro com o objetivo de chegar ao terminal do Bingen pelo menos as 7h20. Agora não sei a que horas vou chegar e viajar para o Castelo, no Rio de Janeiro. Outros moradores no local reclamavam da situação e chegavam a

lamentar a condição dos rodoviários – motorista e cobrador. - São uns heróis em trabalhar nestes ônibus velhos e com defeitos aparentes – afirmou a doméstica que se identificou apenas como Vera Lúcia. O itinerário do ônibus era a integração das duas rodoviárias, mas ele quebrou logo após a saída da ponte que liga a Rua Montecaseros com a Avenida Piabanha.

ESPORTES

No Brasil, Fifa reclama de exigências do governo O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, reclamou das exigências feitas pelo governo federal em relação a realização da Copa do Mundo no país. O dirigente, que já havia criticado o atraso na aprovação da Lei Geral da Copa, afirmou que o país pediu mais que os outros que sediaram o Mundial. - Porque vocês ganharam cinco vezes a Copa, vocês acham que podem pedir, pedir - afirmou Valcke, ao lado do ministro do esporte, Aldo Rebelo, e do membro do conselho administrativo do COL (Comitê Organizador Local da Copa), Ronaldo. O dirigente se referia, principalmente, ao texto da Lei Geral da Copa, documento que deverá dar garantias

LEIA E ASSINE O DIÁRIO DE PETRÓPOLIS TEL.: 2246-3807 TRANQÜILIDADE

PARA A SUA EMPRESA

Contabilidade de última geração, sistema avançado de informática Escrita Fiscal – Rotinas Trabalhistas e Folha de Pagamento Sistemática Departamento Jurídico – Direito Cível – Direito Trabalhista Projetos Econômicos – Análise de viabilidade e capacidade de sua empresa – Administração de Bens e Serviços – Corretagem e Administração de Imóveis – Equipe com treinamento especializado Direção Técnica: Márcio Tesch Economista – Corecon 10582 Advogado – OAB/RJ 59.566 Tec. Contab. – CRC/RJ 25.384-0

Rua do Imperador, 772 – Gr 105/106 – Centro Petrópolis – RJ. Tel/Fax: (024) 2231-6212 / 2231-3322

à Fifa, dona do Mundial. A primeira versão do texto do projeto de lei, encaminhado ao Congresso Nacional em setembro de 2011, desagradou a entidade máxima do futebol. Após se reunir com Valcke, a presidente Dilma Roussef admitiu alterações no projeto de lei e novo texto foi redigido. O documento está sendo analisado pelos deputados. O governo e a Fifa esperam que ele seja votado até março. - Acho que agora é o momento de assinar o acordo. Todos nós estamos focando nessa lei - afirmou Valcke, que chegou a ironizar o que, segundo ele, é uma demora na aprovação do texto. - Agora nossa missão é fazer essa lei nascer. Agora é a hora

de fazer esse bebê nascer. A gente tem que fazer esse bebê nascer, já passaram os nove meses - disse. Apesar das críticas, Valcke tentou se mostrar alinhado com o governo e com o COL, que esteve representado por Ronaldo. “Não há nada errado na nossa relação”, declarou o dirigente. - Será a melhor Copa de todos os tempos- completou. Nesta terça-feira, a comitiva da Fifa visitará Fortaleza e Salvador. Na quinta-feira, haverá uma reunião com o COL no Rio de Janeiro. Faltando menos de três anos para o Mundial, a entidade planeja visitas ao Brasil a cada dois meses. Todas as 12 sedes receberão a comitiva até o final de 2012.


10

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

ESPORTES

esportedp@gmail.com

Imperial: profissional e juniores treinam forte Ari Gomes

Atletas das duas categorias do Imperial mostraram disposição durante o treino realizado no Estádio Osório Júnior, em Cascatinha

Na manhã do último sábado, os times Profissional e de Juniores do Imperial se enfrentaram em treino no Estádio Osório Júnior, em Cascatinha, onde a equipe petropolitana mandará seus jogos na Série B do Estadual. As equipes estão começando a se habituar ao campo de jogo e finalizando a preparação para a estreia no Campeonato Carioca. O treinador do profissional, Gilson Maciel, ficou satisfeito com a atuação do elenco. - Achei muito bom o treino, o time está melhorando, já está mais adaptado ao campo e as suas dimensões. Consegui dar mais velocidade nas jogadas aproveitando que o campo é maior do que o do Corrêas. Agora temos é que treinar mais aqui para poder nos acostumar mais e estar pronto para estréia - afirmou Gilson.

Petrô quer chegar bem

O Petropolitano inicia a semana preparando as suas equipes para os primeiros jogos das semifinais do Campeonato Municipal das categorias Sub-15 e Sub-17 relativos à temporada 2011. A exemplo do que ocorreu em 2010, as duas competições só foram encerradas no ano seguinte. Na decisão do Campeonato Municipal de 2010, categoria Sub-17, ocorrida em fevereiro de 2011, o Petrô conquistou o seu primeiro título oficial no ano do centenário ao vencer o Carangola no campo da Aalborg, por 1 a 0, gol do Diogo, hoje atleta do Imperial, a exemplo do Adolf, Pedro Henrique e Samuel, que foram campeões pelo Petrô.

A equipe recebeu diversas homenagens e hoje tem a foto personalizada, na sala de troféus, de todos os que participaram da memorável campanha. Este ano, o time dirigido por Nahor Júnior, tenta mais uma vez a conquista do título o que representaria o bicampeonato da categoria. Para isso vem se preparando e treinará três vezes durante a semana, deixando para sábado o apronto final. O jogo da semifinal será no próximo domingo contra o Secretário, a partir das 12h30, no Estádio Carlos Guinle. O segundo jogo está marcado para o domingo seguinte, 29 de janeiro, no campo do Secretário.

O treinador dos Juniores, Gustavo Leal, comemorou a primeira oportunidade de treinar no campo do Cascatinha e fez questão elogiar o desempenho da equipe. - Acho que foi positivo, o time evolui em relação ao último treino que fizemos contra os profissionais. Chegaram mais alguns jogadores para reforçar o elenco e também evoluímos técnica e taticamente. O time só sentiu uma diferença no campo, mas tenho certeza que vamos estar bem para a estréia - comentou Gustavo. O Profissional venceu o jogo por 1 a 0 com gol do centroavante Dudu. Agora a equipe se prepara para o amistoso que fará na próxima quarta-feira, contra o Artsul. Os Juniores também farão um amistoso na próxima sextafeira, mas o adversário ainda não está definido. Arquivo Pessoal

Já a equipe Sub-15, dirigida por Silmar Assumpção, tenta conquistar o campeonato, depois de realizar uma campanha na fase classificatória, alternando bons e resultados desfavoráveis, ficando em terceiro lugar no geral, também treinará durante a semana no Valparaíso, já com os jogadores do Sub-13 incorporados ao elenco. O primeiro jogo da semifinal da categoria será no domingo, 22 de janeiro, contra o Vera Cruz, a partir das 11h, no Estádio Carlos Guinle, fazendo a preliminar do jogo do Sub-17. Os segundos jogos das duas Categorias serão realizados no domingo seguinte com a inversão dos mandos de campo. Divulgação

Edilson dos Santos Tavares, craque de Petrópolis, deverá atuar hoje à tarde pelo Corinthians

Edilson volta à campo hoje pelo Corinthians Agência Corinthians

Jogadores do Sub-17 do Petropolitano vão treinar direto esta semana visando a próxima fase

TEM INÍCIO O PRIMEIRO GRAND-SLAM DO ANO - Esse ano teremos um Australian Open, mais que especial, pois a competição está completando seu centenário, um dos torneios mais tradicionais do planeta, chega aos 100 anos, pleno de vitalidade e com fantásticas histórias. Contaremos algumas - O torneio no início era disputado somente por homens, teve nomes diferentes e chegou até a ser realizado na Nova Zelândia. O torneio deste ano terá a maior premiação da história com o vencedor faturando R$ 4,1 milhões..... Entre os quatro mais torneios do planeta mesmo aos 100 anos o Australian Open é o caçulinha, pois Roland Garros tem 110 edições, Wimbledon com 125 e o mais antigo o Aberto dos Estados Unidos com 131 competições. Realmente muita e muita tradição em jogo. Os maiores campões masculinos foram o australiano Roy Emerson na era amadora, com seis títulos e na era ATP - Roger Federer da Suíça e Andre Agassis dos Estados Unidos com quatro títulos cada. Já no feminino as maiores campeãs - Margareth Court na fase amadora com sete títulos,

na fase WTA – profissional - Serena Willians dos Estados Unidos com cinco campeonatos. Os brasileiros nunca foram muito longe no torneio no masculino Guga alcançou a terceira rodada em 2004 e só, já no feminino a fabulosa Maria Esther Bueno alcançou o vice-campeonato da competição em 1965. O Recorde de público - 77043 pessoas assistiram em um único dia as competições em 2012. Os jogos mais longos - em 2009 - semifinal Nadal vencendo a Verdasco em cinco sets e cinco horas e quatorze minutos. Já no feminino Francesca Schiavone da Itália derrotando por dois sets a um a Svelana Kusnetsova após quatro horas e quarenta e quatro minutos. Os australianos foram os que mais faturaram o torneio com 50 títulos no masculino e 43 no feminino. Ou seja teremos duas semanas de jogos sensacionais e muita disputa nas quadras australianas e contaremos tudo para nossos leitores. POSSE DO NOVO CONSELHO - Tomou posse na última sexta-feira o novo conselho deliberativo do Petropolitano que tem agora a frente o querido Édson Herzog, tendo como vice o mais que dinâmico

Paulo Areas, como secretários os veteranos Alcides Santos, o Cidinho e Nelsinho Loureiro. Alberto Crespo antigo presidente esteve presente e importantes conselheiros tenistas veteranos e recém chegados também... Esperamos sinceramente que esses novos ventos que ora soprem no Petropolitano sejam benfazejos mais, mais e mais. SARDINHA ANIMADA - Mesa da Sardinha animadíssima nesse fim de semana com muita gente presente e também com a comemoração do aniversário do querido Serginho Matuque, que comentaremos na coluninha de quinta-feira. Muitos presentes nos dois dias como Marcelo Carioca, Arildo Tallon-Ines e filhas, Patrícia e Arnaldo Rippel, Décio Lobo, ALOISIO, Serginho Hot Dog, Jorginho Coelho Tania e Paulo Areas, professor Hugo Cross, Billie The Milton Lopes, José Aníbal dos Prazeres, Renatinho, Serjão, Ricardo Pinto , professor Manoel, o venturoso, Antonio Soares e muitos e muitos outros..... Um bom dia, fiquem com DEUS e até quinta-feira com mais Notícias do Tênis, 26 anos informando tudo do esporte branco.....

O jogo entre Corinthians e Primeira Camisa pelas oitavas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior já tem data e local definidos. A partida acontecerá hoje (17), às 16h, no Estádio Alfredo Chiavegato, em Jaguariúna. O Timãozinho continua invicto na competição e não tomou nenhum gol. Em seu último jogo na Copinha, o clube Alvinegro eliminou o Goi��s por 1 a 0, pela segunda fase do torneio. O Corinthians bem que tentou, mas foi difícil furar o ferrolho armado pelo Goiás. O Timão atacou o primeiro tempo todo. Quanto mais os jogadores tentavam, mais parecia difícil. No segundo tempo a história parecia se repetir. Porém, aos 31 min., o meia Matheuzinho foi oportunista e fez o gol que deu a classificação para o alvinegro. O jogo foi praticamente ataque contra defesa. O Timãozinho tentou diversas vezes abrir o placar, porém a bola sempre batia em alguém ou o goleiro adversário fazia uma bela defesa. A primeira grande chance Corinthiana foi aos 16 min., em uma bela jogada de Matheuzinho. Após passe de Anderson, o meia corinthiano entrou na área e chutou forte e a bola acertou a rede pelo lado de fora. Dois minutos mais tarde, Anderson arrancou do meio

campo, limpou a defesa do Goiás e mandou um belo chute para grande defesa do goleiro Leanderson. Giovanni, o maior destaque do time no primeiro tempo, recebeu um belo passe de Leonardo, invadiu a área e chutou com muito perigo. O Goiás só assustou o alvinegro aos 31 min. Em um contra-ataque Liniker avançou pela direita e chutou forte para grande defesa do goleiro Matheus. O Corinthians só voltou a assustar o time goiano no último minuto. Mais uma vez, Giovanni avançou pela esquerda, invadiu a área e chutou cruzado para difícil defesa do goleiro adversário. Segunda etapa O segundo tempo da partida foi como o primeiro. O Corinthians atacando e o Goiás se defendendo. Logo aos 5 min., Leonardo fez grande jogada pela esquerda e chutou para grande defesa de Leanderson. Aos 9 min., vendo que o Timãozinho sofria com a retranca do time goiano, o técnico Narciso resolveu mexer na equipe. Douglas deu lugar para o artilheiro do Timão, Leandro, e Leonardo saiu para a entrada de Paulinho. Poucos minutos mais tarde, Antônio Carlos acabou se contundindo e Nikolas entrou em seu lugar. Mais uma vez, o Timãozinho tentou, mas Leanderson

salvou o adversário. Denner fez grande jogada na entrada da área e mandou uma bomba e o goleiro goiano espalmou, Leandro pegou o rebote e bateu forte, e novamente a bola parou nas mãos do arqueiro do time de Goiás. Aos 27 min., foi a vez do Goiás assustar o Corinthians. Depois de uma trapalhada da defesa alvinegra, Assuério saiu cara a cara com Matheus que salvou o Timão com uma excelente defesa. E finalmente, aos 31 min., depois de tanto tentar, o Corinthians abriu o placar com Matheuzinho. Após uma tabela entre Leandro e Paulinho, a bola sobrou para o meia que tocou no canto direito e fez o gol da classificação do Timãozinho. Após o gol, o alvinegro reduziu o ritmo e controlou as ações do jogo. O Goiás não mostrou força de reação. No último minuto de jogo, após erro da arbitragem, Nikolas fez falta e recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Mas quem havia feito a falta foi o lateral esquerdo, Denner. O Corinthians, agora enfrenta o Primeira Camisa pelas oitavas-de-final da Copinha. Gol: Matheuzinho. Substituições: Leandro (Douglas), Paulinho (Leonardo), Nikolas (Antônio Carlos). Cartão amarelo: Nikolas. Cartão vermelho: Nikolas


diariodepetropolis