Issuu on Google+

Diário

de Petrópolis

E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Site: www.diariodepetropolis.com.br

57 anos

Preço do exemplar: R$ 1,20

Nº 16.168 - Terça-feira, 12 de junho de 2012

documento prevê que obra custará R$ 80 mi

Concer terá que duplicar Serra até 2013, diz ANTT Um documento da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), de agosto de 2011, mostra que a execução da obra de duplicação da Serra de Petrópolis custará em torno de R$ 80 milhões. No entanto, a Concer, concessionária que administra o trecho entre Rio e Juiz de Fora da BR-040, prevê que, para construir a nova pista de subida serão neceseditorial

Descaso da Concer O trecho entre Rio e Juiz de Fora da BR-040 foi concedido pelo poder público a uma empresa privada em 1995 para os 25 anos seguintes. No contrato de concessão, ficou claro que caberia à Concer, a concessionária, duplicar a via de acesso a Petrópolis, além de trazer melhorias para a rodovia. Ao poder concedente, na figura da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), caberia a fiscalização. Nada disso aconteceu até agora, e tudo indica que nem acontecerá. Mesmo com uma tarifa de pedágio caríssima – R$ 8 em cada uma das três praças de pedágio em um trecho de 180,4 quilômetros –, a Concer alega não ter recursos suficientes para duplicar a atual pista de descida para que funcione como subida e descida. Enquanto isso, Petrópolis fica no prejuízo. É unânime a opinião, entre empresários, comerciantes e associações de lojistas, que a dificuldade no acesso ao município prejudica o comércio e o turismo da cidade. A Serra de Petrópolis se tornou um obstáculo para a vinda de turistas. A Rua Teresa e o polo de modas do Bingen estão entre os principais prejudicados. Se a Concer não tem recursos para fazer as obras e nem tem acesso aos créditos, algo está acontecendo. O Ministério Público Federal tem que abrir uma auditoria para saber por que no caixa da concessionária não sobraram verbas. Quando os diretores da Concer vêm a Petrópolis, vêm sempre com um ar de arrogância, de soberba. Que se rompa o contrato e se abra uma nova licitação, porque a Concer já deixou claro que não vai pagar pelas obras de duplicação. É preciso uma nova empresa administrando a rodovia para pôr fim a uma equação que, para Petrópolis, nunca fecha: a Concer cobra o pedágio que quer,a ANTT não fiscaliza, e os usuários da via não recebem da concessão a contrapartida, prevista em contrato.

sários mais de R$ 800 milhões. A estimativa foi publicada no Programa de Exploração de Rodovias (PER) da ANTT para a BR-040, no Diário Oficial da União no dia 16 de agosto do ano passado. Segundo o programa, o projeto para a implantação da nova subida da serra deveria estar concluído até 2011, e a execução da obra realizada até 2013.

(Página 3)

Turb começa a circular, mas Expresso Brasileiro atrasa e tem novo prazo Alan Alonso

As duas novas empresas de ônibus que venceram a licitação em Petrópolis deveriam ter começado a circular no último domingo, mas apenas a Turb entrou em operação, fazendo as linhas da empresa Petrópolis, já que a Autobus, que também faz parte de seu lote, está sob a direção dos antigos proprietários por determinação judicial. Segundo o secretário de Governo e presidente da Comissão de Licitação, Charles Rossi, uma nova data foi marcada para que os coletivos da Expresso Brasileiro, responsável pelas linhas que hoje continuam com os antigos veículos da Esperança, cheguem à cidade. (Página 5)

PRF divulga balanço de acidentes nas estradas do Rio na Operação Corpus Christi (Página 5)

Os usuários dos ônibus da Turb, linhas anteriormente operadas pela Viação Petrópolis, estão satisfeitos

Divulgação

Ascom PMP

O prefeito e a primeira dama apresentaram o projeto para Benedita da Silva

Os restaurantes dos hotéis e pousadas estão preparando uma noite diferente

Casa Pão e Rosas, no Vale do Cuiabá, recebe deputada Benedita da Silva

Expectativa para comemoração do Dia dos Namorados é grande na cidade

A deputada federal Benedita da Silva, acompanhada pelo prefeito Paulo Mustrangi e a primeira dama Marileine, esteve presente no evento que reúne ações de capacitação em áreas como panificação, confeitaria, petwork, encadernação e jardinagem para os moradores do Vale do Cuiabá, o Casa Pão e Rosas.

Os restaurantes de Petrópolis estão com grande expectativa para a comemoração do Dia dos Namorados. A maioria dos estabelecimentos preparou pratos especiais ou lembrancinhas para os casais, tudo para atrair mais clientes e tornar a noite dos apaixonados ainda mais especial.

(Página 3)

Feriadão com grande movimento em Petrópolis

(Página 5)

Simulados ganham adesão de moradores

(Página 7)

Anuncie no Classidiário. É grátis até 12 palavras n Escreva cada letra ou sinal de pontuação nos quadradinhos n Entre uma palavra e outra, deixe um quadradinho em branco n Preencha com letra de forma bem legível e entregue na sede do Diário

Nome:........................................................................................................................................... Identidade:................................................................................................................................... Endereço:.....................................................................................................................................

(Página 7)

Traficantes são presos no fim de semana (Página 5)


2

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 12 de junho de 2012

O exilado www.sebastiaonery.com.br

A CHINA DE BRAGA RIO – Leopoldo Braga foi um grande poeta baiano. Humberto Braga, seu filho, é um fecundo intelectual baiano. Professor de Filosofia e Direito, foi secretário e principal cabeça pensante do exemplar Governo Negrão de Lima, na antiga Guanabara. Depois, ministro e presidente do Tribunal de Contas do Rio. Mas é sobretudo um homem de cultura, Em 1979, quando a China ainda não havia invadido o Ocidente com sua milenar sabedoria e capacidade de trabalho, produção, e criatividade, e era apenas um distante, longínquo e misterioso dragão do Oriente, Humberto Braga esteve lá e previu o que só agora, décadas depois, estamos vendo e sabendo. ORIENTE VERMELHO Na volta, publicou um primoroso livro de viagem, editado pela Civilização Brasileira: “ O Oriente é Vermelho”. Os livros de viagens vadias costumam ser vadios, às vezes supérfluos, muitas vezes inúteis. O de Humberto era um modelar roteiro sobre a China, que calorosamente saudei aqui, porque, tendo estado lá anos antes, não havia percebido detalhes fundamentais, que ainda não encontrara em outros livros. Para entender os mistérios daquela terra e gente que a cada geração surpreende e espanta o mundo, inclusive agora, com uma estranhíssima e alucinada política econômica e internacional inteiramente contrária a tudo que se sabia da China, é preciso sobretudo buscar desvendar seus segredos em seus clássicos, de Confúcio a Lao Tsé, Chuang Tsé, Sun Ya Tsen e Mao Tsé Tung. E. Humberto Braga nos deu um painel admirável da velha e nova sabedoria chinesa, que reli nestes dias de chuva:

SABEDORIAS

1. - “Quem escuta os dois lados terá o espírito esclarecido. Quem só escuta um permanecerá nas trevas”. (Wei Tcheng, para os militares não quererem ficar sabendo apenas das próprias versões de suas violências). 2- “As palavras corretas nem sempre são agradáveis. As palavras agradáveis nem sempre são corretas”. (Lao Tsé, para nós todos jornalistas). 3.-“O homem de sabedoria foge ao primeiro sinal de Governo, vivendo o mais afastado possível dos filósofos e dos reis”. (Chuang Tsé, para a Universidade brasileira, excessivamente elitista e governamental). 4.-“Não é por se receber o inimigo que se começa a adotar a sua linha”. (Mao Tsé Tung, para os que se admiraram do encontro de Dilma com Fernando Henrique ). 5. –“Com os anos, a não ser a China, tudo na terra passa” (Eça de Queiroz). Mais espaço houvera, mais a China eu citaria. OLIVEIRA Meu saudoso colega Oliveira Bastos, talento e cultura que eram um espanto e ás vezes desperdício em tantas de nossas medíocres redações, dizia que o fiasco e os tropeços de certa imprensa brasileira existem porque , no Brasil, jornalista não lê, só escreve. Os exemplos são diários. No fim de semana, um gordinho sinistro da direção nacional do PT, o Pepe Vargas, com esse nome de cantor de bolero em filme mexicano de Chaves, ficou ainda mais histérico e disse que o Supremo Tribunal “cedeu a pressões e não tem austeridade”, porque marcou a data do julgamento do Mensalão de Lula e José Dirceu para começar em 1 de agosto, apesar de toda a chantagem de Lula sobre o ministro Gilmar Mendes e vários outros. MARCO AURELIO O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal, que sabe das leis e das letras, respondeu com uma expressão antiga de séculos : que o PT está apenas exercendo o “jus sperniandi”, “o direito de espernear”. “O Globo”, que se nega a fazer o Enem, publicou em manchete de pagina inteira:- “Para ministro, reação do PT é “jus esperneandis”(sic!.). Não é nada disso, censor Luis Garcia. É “sperniandi”, sem o primeiro e o terceiro “e” e sem o “s” final.Qualquer escrivão de delegacia sabe disso. www.sebastiaonery.com.br - sebastiaonery@ig.com.br

nAlberto Dines

A

costumados pela praga das ditaduras a considerar todos os desterrados como refugiados políticos, eliminamos uma categoria inteira, especialíssima, dos autobanidos, exilados voluntários. Tropa de elite sofrida, exigente, inconformada, inovadora. Ivan Lessa foi um deles. E está em excelente companhia: Ovídio, Sêneca, Dante, Camões, Rousseau, Heine, Victor Hugo, Joyce, Nabokov [com os agradecimentos a Maria José Queiroz pelo seu belo Os Males da Ausência, ou a Literatura do Exílio (Topbooks, 1998)]. Empurrado para fora do país pela estupidez fardada, não se animou a retornar depois da redemocratização sim-

plesmente porque para ele a tal abertura não eliminou a poderosa, arraigada, descomunal burrice entrementes institucionalizada – o “bananão”. Foi um nostálgico à sua maneira: queria de volta o magnífico Rio de Janeiro dos anos 1950 e 60. Intacto e inteiro. Colecionava informações, vivências, mapas, filmografias, bibliografias, iconografias, músicas, jingles, times de futebol, pessoas, rostos, parentescos, alcunhas, dados históricos, atmosferas, modismos, passadismos. Sabia de cor o itinerário de todas as linhas de ônibus e bondes de Copacabana para o centro – mesmo duas décadas depois de deixar o país. Mas o que perseguia com empenho, incansável, era a inteligência, a verve, o talento. Não conseguiu recuperá-los nem reencontrá-los. Dizia que o tempo tem sido impla-

cável com o Brasil, as novas gerações canibalizam, sequer ruminam, não devolvem. Em Londres, ao menos desfrutava das benesses da cultura cosmopolita, sempre oxigenada. Elitista? E por que não? Sem elites exigentes, severas, não se processam renovações. Quando a exigência é espirituosa, engraçada, sarcástica, é duplamente bem-vinda. Ivan Lessa era irresistível, sobretudo quando resmungava tentando ser mal-humorado. Não deixou uma obra extensa, mas distribuiu generosamente o seu engenho, suas percepções e seu carinho a algumas gerações de jornalistas-escritores como ele. Não se considerava jornalista, era mais do que isso: crítico intransigente, cultor do esmero, carrasco do descaso e da ignorância. Alma-gêmea de Paulo Francis – se imitavam mutuamente,

até mesmo no timbre de voz abaritonada, quase de baixo, musical. Estava longe, mas não ausente. Mario Sergio Conti, então diretor da revista piauí, conseguiu trazê-lo ao Brasil há alguns anos para uma breve temporada; voltou correndo, mais decepcionado com o que viu do que intuía. Sofreu muito, no último ano foi obrigado a passar 15 horas diárias numa campana para respirar. Emagreceu, não sentia mais sabores. O pior: percebia que estava sendo esquecido, isso incomoda mais do que a falta de ar. O exilado, forçado ou voluntário, espera sempre uma retribuição. Oxalá saibam trazê-lo de volta. Vai adorar. Fonte: Observatório da Imprensa n Jornalista

Abismo da educação média

n Arnaldo Niskier

S

e há um grau de ensino, no Brasil, que anda rateando há muito tempo é o de nível médio. Assinalam-se feitos no ensino fundamental (mais de quantidade do que de qualidade), nossa pós-graduação é digna de ombrear-se com a de países industrializados, há boas perspectivas de avanços na educação infantil, mas o ensino médio representa uma entropia no sistema. Agora mesmo, há estranheza quanto ao número de reprovados em geral e também aos que abandonam os estudos, desinteressados do seu futuro profissional. Segundo dados oficiais, o índice de repetição em 2011 foi de 13,1% (é o pior desde 1999).

As causas? Podem ser variadas, mas algumas são pontuais. Por exemplo, o excesso de matérias nos confusos currículos existentes. Em nenhum lugar do mundo desenvolvido há tanta diversificação. O Conselho Nacional de Educação colabora para aumentar a confusão, quando sugere a incorporação de mais Sociologia e Filosofia ao currículo. Não havia disponibilidade de tempos vagos para que isso acontecesse. Em algumas escolas públicas, essas duas matérias surgiram com a redução de aulas de Língua Portuguesa e Matemática. É claro que os resultados só poderiam ser desastrosos. Os problemas do ensino médio se agravam em virtude da fase de transição por que passam os jovens, além da natural imaturidade proveniente da adolescência. Some-se a isso o

desinteresse dos pais, na maioria dos casos, e estão criadas as condições para justificar o fenômeno, a que se deve agregar a falta de um bom programa de bolsas de estudo para jovens de baixa renda. É essencial criar um projeto seguro de financiamento estudantil, no ensino médio, como existe o ProUni para o ensino superior. Quem sabe, aproveitando a estrutura nacional dos Centros de Integração Empresa-Escola, que nos seus quase 50 anos de vida promoveram quase 10 milhões de estágios para os nossos jovens. É preciso sempre mais. A Universidade Aberta do Brasil (UAB) já possui 639 pólos de educação pública à distância, aproximando-se de 900 mil alunos. É um avanço considerável e a intenção da presidente Dilma Rousseff de ampliar o número dos

atuais 38 Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia tem o mais amplo apoio da sociedade. Mas isso tudo é para quando? O ritmo dessas obras não é dos mais animadores. Já surgiu alguém fazendo graça com o problema que é sério: sugeriuse entregar a coordenação das obras à Fifa. Ela sabe apertar o governo. Com Enem ou sem Enem, queremos um ensino médio mais inteligente, preparando os nossos jovens para a sociedade do conhecimento e da inovação. Deseja-se dar um salto no número de universitários brasileiros, hoje na casa dos 8 milhões. Isso não será alcançado com um ensino médio ultrapassado e desinteressante. Fonte: O Globo n Membro da Academia

Brasileira de Letras

Investir

n Delfim Netto

J

á devíamos ter aprendido que a única constante da evolução econômica é a ciclotimia que, a cada crise, coloca a ideia de que é preciso mudar tudo. Quando se olha o enorme fracasso das economias centralizadas no século 20 com relação às descentralizadas, mesmo as que se mantiveram politicamente fechadas, temos quase um experimento em condições controladas: a organização das atividades econômicas através dos mercados bem regulados e apoiados num Estado que mantém com eles relações amigáveis provou ser muito mais produtiva. A volta à centralização não parece, pois, ser a so-

lução. A explicação é que os mercados produzem incentivos que conciliam melhor os interesses individuais com os coletivos. Os preços relativos que se formam estimulam o uso mais eficiente dos fatores produtivos e dão maior liberdade de escolha aos consumidores. Em compensação, são menos estáveis: há maior flutuação da atividade e do nível de emprego. O caso chinês é paradigmático: a combinação de economia de mercado selvagem do século 18 com ausência quase total de liberdade política construiu, em 35 anos, a segunda potência econômica mundial. Na Constituição de 1988, o Brasil escolheu para si a combinação de um Estado forte -constitucionalmente limitado pela vigilância do STF-, capaz

Diretor-Presidente e Jornalista responsável: Paulo Antônio Carneiro Dias Editora: Jaqueline Gomes

D

de regular amigavelmente o setor privado com um comportamento republicano e democrático e cujo objetivo é o de uma sociedade em que a igualdade de oportunidades vá ampliando cada vez mais o seu espaço. No momento em que o mundo está caindo aos pedaços e parece reduzir-se o entusiasmo com a economia brasileira, é preciso reafirmar nosso compromisso com aquela construção. Temos melhorado muito. Infelizmente, a taxa de crescimento anual continua medíocre: entre 1985 e 1995, ela foi de 3%, e, entre 1996 e 2011, de 3,1%, mas houve uma redução importante da taxa de inflação, que caiu de 933% ao ano para 6,5% no período. Houve, também, uma significativa melhora na distribuição de renda: em

iário de Petrópolis 57 anos

Uma publicação da PJ Editora e Gráfica e Jornalística Ltda

Preço do Exemplar 3ª a sábado R$ 1,20 Domingo R$ 1,80 Atrasado R$ 2,50

Assinatura Trimestral Petrópolis R$ 80,00 Rio e outros R$ 160,00

Assinatura Mensal Petrópolis R$ 28,00 Rio e outros R$ 56,00

Assinatura Semestral Petrópolis R$ 152,00 Rio e outros R$ 304,00

1996, a relação entre as rendas dos 20% mais ricos e os 20% mais pobres era de 32. Em 2009, havia caído para 21. A mudança mais importante foi no setor externo, no qual soubemos aproveitar os bons ventos. Depois de termos frequentado o FMI por duas vezes (1998 e 2002), somos hoje credores daquele organismo e temos reservas da ordem de US$ 370 bilhões. Nossa situação interna e externa é melhor do que a da maioria dos países, mas não podemos retardar mais o esforço para aumentar a eficiência do setor público e ampliar os investimentos, cooptando o setor privado, diante do crescimento anual do PIB de 1,9% no primeiro trimestre de 2012. n Professor emérito da FEA-USP,

ex-Ministro da Fazenda e Agricultura

Site: www.diariodepetropolis.com.br E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Diretoria 2246-3807 Assinatura 2246-3807 Publicidade 2237-7849 Classificado 2246-3807 Redação 2235-7165

Rua Joaquim Moreira 106 Centro - Petrópolis - RJ Cep 25.600-000 CNPJ 02.424.864/0001-66

ABRAJORI - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS JORNAIS DO INTERIOR

As opiniões emitidas em artigos assinados não representam, necessariamente, o pensamento do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores. Da mesma forma, as informações e opiniões nas colunas são de responsabilidade de seus titulares.


terça-feira, 12 de junho de 2012

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

5

cidade

ANTT prevê duplicação da serra mais barata Arquivo

n Vinicius Henter viniciushenter@diariodepetropolis. com.br

A Concer, concessionária que administra o trecho entre Rio e Juiz de Fora da BR-040, estima que, para construir a nova pista de subida da Serra de Petrópolis, serão necessários mais de R$ 800 milhões. No entanto, um documento da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), de agosto de 2011, mostra que a execução da obra custará em torno de R$ 80 milhões. A estimativa foi publicada no Programa de Exploração de Rodovias (PER) da ANTT para a BR-040, no Diário Oficial da União no dia 16 de agosto do ano passado. Segundo o programa, o projeto para a implantação da nova subida da serra deveria estar concluído até 2011, e a execução da obra realizada até 2013. No documento da ANTT é informado que os serviços a serem executados terão “seus preços aprovados e apropriados ao PER pela ANTT”. O valor real da obra, a menos ou a mais da estimativa prevista, será negociado com a ANTT, ainda segundo PER. No entanto, o projeto que a Concer tem pronto é 900% mais caro, e as obras ainda nem começaram, apesar de a empresa já ter todas as licen-

Praça de pedágio da BR-040: segundo a ANTT, a nova subida da serra custará R$ 80 milhões, mas a Concer calcula que serão R$ 800 mi

ças ambientais necessárias. Em 2010, a Concer anunciou as obras, que começariam no início do ano seguinte, mas foram adiadas por mais de vez por causa da espera da concessionária pela licença ambiental. Em dezembro do ano passado, a Concer rece-

Mais de 400 visitantes no Palácio Amarelo em maio Com características neoclássicas que encantam brasileiros e estrangeiros, o Palácio Amarelo – sede da Câmara de Vereadores – vem se consolidando entre os pontos turísticos que despertam a atenção e o interesse dos visitantes que chegam a Petrópolis. O monumento, que faz parte do inventário turístico da Cidade Imperial, é um atrativo a mais entre tantos prédios históricos. Somente no mês de maio, o Palácio Amarelo recebeu 429 turistas. Pelo menos 30 desses visitantes foram estrangeiros interessados em conhecer de perto a história de um dos mais importantes imóveis do conjunto arquitetônico tombado de Petrópolis. O Palácio recebeu no mês passado turistas vindos de países como Estados Unidos, Portugal, França, Alemanha e Japão. Aberto à visitação pública em 2009, o prédio, que foi construído em 1850, já recebeu mais de 22 mil visitantes atraídos pelos ornamentos em estilo rococó. Dentro do solar chama atenção o plenário que tem o teto coberto por madeira, gesso e uma pintura que encanta os visitantes. A decoração do Salão Hermogênio Silva – onde hoje são realizadas as sessões plenárias – é considerada como a mais bela do gênero e leva a assinatura do escultor Henrique Levy. - Abrir as portas do Palácio para os visitantes a Câmara incentiva o resgate da história de Petrópolis e contribui para o turismo da nossa cidade. Nosso objetivo é oferecer às pessoas que chegam a nossa cidade, um serviço de qualidade e uma recepção diferenciada. Manter esta estrutura funcionando é uma forma direta de incentivo ao turismo – afirmou o presidente da Câmara, Paulo Igor (PMDB). A visitação pode ser feita todos os dias (inclusive domingos e feriados), entre

9h e 17h. As visitas, gratuitas, são guiadas por estagiários bilíngues treinados para mostrar o melhor da história do palácio. - Além de despertar atenção de quem passa, por conta da sua beleza, o Palácio Amarelo tem muito a oferecer turisticamente à cidade. Os visitantes, principalmente os estrangeiros, se surpreendem com toda riqueza artística e arquitetônica que encontram aqui. Os turistas ficam muito impressionados também por, apesar do contexto histórico, o palácio abrigar a sede do Legislativo – contou o estagiário do curso de Gestão em Turismo do Cefet, João Pedro Rocha Siqueira, que há dois meses, junto com outros dois estagiários, recebe os visitantes na Câmara. Atualmente, o prédio está sendo totalmente restaurado. As obras, autorizadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural do Estado (Inepac) não interferem na recepção dos visitantes, que vem sendo feita normalmente. As intervenções prevêem a recuperação de toda extensão da fachada, cobertura do prédio, substituição da parte elétrica, recuperação do telhado e cobertura da casa anexa. - É importante que se valorize e incentive tudo que está relacionado ao setor de turismo, principalmente neste momento em que o Rio de Janeiro será palco de eventos de visibilidade internacional. Petrópolis, com seus prédios históricos e os legados arquitetônico e cultural deixados pela família Imperial, tem vocação natural para o turismo e muito a oferecer aos nossos visitantes. O que pudermos fazer para que o turista se encante pela cidade e fique por mais tempo aqui deve ser feito – afirmou Paulo Igor.

beu do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) as licenças Ambiental Prévia e de Instalação. Pelo projeto da Concer, a concessionária não está disposta a arcar sozinha com os R$ 800 milhões sem que

tenha uma contrapartida do poder público ou dos usuários da rodovia. Para realizar a obra, a Concer já reivindicou o aumento da tarifa do pedágio – hoje de R$ 8, em cada uma das três praças nos 180,4 quilômetros do trecho concedido – ou a prorrogação da

concessão. Iniciada em 1995, a concessão é por 25 anos. Documento prevê integração com Rio O PER determina que a concessão da BR-040 “terá um papel importante na indu-

ção da atividade econômica ao longo de toda a rodovia, principalmente da cidade de Petrópolis já integrada ao Rio de Janeiro”. No entanto, a opinião de comerciantes e empresários mostra que essa determinação não vem sendo cumprida. O presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sicomércio), Marcelo Fiorini, já declarou que a Serra de Petrópolis tem se mostrado um obstáculo para turistas, porque, segundo ele, o preço cobrado no pedágio é caro, e o serviço prestado é ruim. A ANTT informou ainda que o programa de concessão centrou suas atenções em quatro objetivos básicos a serem alcançados: segurança do usuário, conforto ao usuário, viabilidade econômica da concessão e controle institucional da concessão. Vereadores, deputados estaduais e o deputado federal de Petrópolis vêm se pronunciando contrários à administração da Concer, afirmando que esses quatro pontos estão longe de ser atingidos. A assessoria de comunicação da Concer informou que deverá se pronunciar hoje sobre a diferença dos valores estimados pela concessionária e pela ANTT para a nova subida da Serra de Petrópolis.

Paulo Mustrangi apresenta ações da Casa Pão e Rosas no Vale do Cuiabá O prefeito Paulo Mustrangi, acompanhado pela primeira-dama Marileine Mustrangi, participou da apresentação das ações preconizadas pela Casa Pão e Rosas, no Vale do Cuiabá. A deputada federal Benedita da Silva também esteve presente no evento que reúne ações de capacitação em áreas como panificação, confeitaria, petwork, encadernação e jardinagem para os moradores do Vale do Cuiabá. Atualmente 14 alunos participam do curso de panificação, que é realizado todas as segundas-feiras, de 9h às 17h. Logo após a tragédia, a atriz Gisele Fraga, por intermédio da deputada federal Benedita da Silva, fez uma doação as vítimas das chuvas de R$ 25 mil, que se transformou em série de equipamentos que hoje compõem a panificação da Casa Pão e Rosas. Amassadeira, prensa, estufa, forno, modeladora, balança de precisão, batedeira industrial, freezer, fogão industrial e geladeira foram alguns dos itens adquiridos por intermédio da doação recebida pela prefeitura. Mustrangi acompanhou todo o processo de criação feito pelos alunos da área de panificação.

- Este trabalho resgata a esperança e retrata as boas ações que podem ser feitas quando o poder público e a iniciativa privada caminham em um mesmo sentido. Hoje temos o Vale do Cuiabá verde novamente e tenho certeza que o projeto que aqui é desenvolvido vai proporcionar novas oportunidades de vida para seus alunos – disse o prefeito. - Estar presente no Vale do Cuiabá em um momento como esse é gratificante. Quero parabenizar o prefeito Paulo Mustrangi pela condução de todo processo de revitalização do Cuiabá e salientar a presença constante da primeira-dama Marileine, que lutou muito para que diversas famílias pudessem recompor suas vidas. Digo sempre que o pão é base da alimentação de povos em todo mundo, e aqui não é diferente. Todos estão de parabéns – ressaltou Benedita da Silva. Marileine Mustrangi é uma das idealizadoras do espaço. Durante suas visitas diárias ao Vale do Cuiabá apostou em um lugar que servisse como ponto de encontro e resgate da estima dos moradores da região afetados pelas fortes chuvas de janeiro do ano passado.

Ascom/PMP

O prefeito e a deputada Benedita da Silva durante o evento

- Passei um ano presente na vida desta comunidade (Cuiabá) e comecei a perceber que era necessária a criação de um ponto de encontro, onde as pessoas pudessem trocar experiências, falar sobre a situação pela qual todos os moradores passaram. O processo foi amadurecendo, contou com a presença da Maria Cecília de Almeida e Silva, que ofertou esse belo espaço. Com essa convergência de forças e o respaldo do poder público, a Casa Pão e Rosas hoje é uma realidade que ajuda diversas pessoas e se torna a cada dia um local de referência para a

comunidade – disse ela. A residência foi nomeada como Casa Pão e Rosas, em homenagem as operárias norte-americanas de uma fábrica têxtil em Massachusetts, que, no começo do século XX, protagonizaram uma importante greve na luta pelos seus direitos e levavam como bandeira o direito ao pão, mas também às rosas. O pão representando não apenas a comida, mas condições necessárias para viver, e, as rosas, o direito à cultura, à arte, ao lazer e à possibilidade de se desenvolverem plenamente enquanto mulheres.

PSOL confirma candidatura própria A convenção municipal do PSOL, realizada no último domingo, teve a participação de 52 filiados e 43 simpatizantes, em uma reunião que definiu as candidaturas do partido para a prefeitura e para a Câmara Municipal para as eleições de outubro. Foi confirmado como candidato a prefeito, por unanimidade, o nome de Alex Dias, sendo seu vice o pastor Alex Lopes. Na ocasião, Alex Dias informou que as propostas para a cidade serão baseadas em políticas inclusivas, educativas, ambientais e participativa. Ele também afirmou que

Divulgação

Candidatos do PSOL a vereador e a prefeito posam na convenção

o partido seguirá propostas de coletividade para as áreas de habitação, urbanismo, mobilidade urbana, saúde, transporte, educação e cultura, com a participação da sociedade civil. Caso eleito, o secretariado será composto, segundo Alex Dias, por pessoas técnicas em cada área, com conhecimento específico de suas funções. O candidato a prefeito participará, no próximo dia 18, no campus do Relógio das Flores da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), para o debate organizado pela Associação Petropolitana de Engenheiros e Arquitetos (Apea), das 19h às 21h.


4

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

Très Chic - A Festa de entrega do Troféu Cidade Imperial 2012 estava maravilhosa - Buffet, open bar de drinks e a decoração do I.S.Buffet - Ivone e Sandra. - Show de Paulo Maurício e Banda - Som e luz do Mignon. - Alan Freitas e Karine Mussel apresentaram. - Fotografias e transmissão em telão da Zoom Photo e Video. - Teve exposição do lançamento das motos Suzuki e dos novos modelos da Fiat Dicasa. - Exposição de bolsas e acessórios da Corium. - As mesas e cadeiras foram da BRT Locações. - Tudo perfeito sob o comando de Rosane Campos e Regina Corrêa.

Andréa Lopes andrealopes@diariodepetropolis.com.br

TERÇA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2012

Debutantes II O Baile do Imperador será realizado no Solar Portugal, na próxima sexta-feira (15), às 20h. Vinte aspirantes da Escola Naval vão marcar presença dançando a valsa com as debutantes.

Aprendendo Um grupo de professores de primeira categoria criou o ‘Aprendendo a Aprender’, que oferece aulas de reforço para todas as matérias do Ensino Fundamental e Ensino Médio. Fica na sala 108 do Edifício Arcádia – Telefone: 2243-6702.

Debutantes I As senhoras da Casa da Amizade da Família Rotária de Petrópolis estão a mil por hora com os preparativos do Baile do Imperador. As próprias senhoras confeccionaram os vestidos das debutantes com tecidos doados pela Fábrica de Tecidos Werner. As meninas serão penteadas pelo salão Rick’s e Juna’s e fotografadas por Alessandra Amaral.

Brilhando I

Homenagem

Fofinha! Na foto especial para a coluna, Padre Jac com a pequena e fofinha Maria Cecília em missa dominical na Catedral São Pedro de Alcântara.

Justa homenagem foi prestada ao Coral Meninas Cantoras de Petrópolis. O maestro, Marco Aurélio Xavier, regente e mentor das meninas com as vozes mais belas e afinadas da cidade, recebeu o Troféu Cidade Imperial 2012 na noite da última quarta-feira (06) em suntuosa festa no salão da sede social do Clube Petropolitano. Parabéns!

Pão francês - R$ 6,99kg (somente no balcão) Entrega em domicílios Rua Epitácio Pessoa, 100 (atrás dos Correios) Centro - Petrópolis - RJ Tel. 2231-2160

Direitos Autorais Registro de Músicas Livros Eventos Culturais Agente: Domingos Capistrano Operando no Mercado a 32 anos

Tels.: (24) 2237-3210 (24) 9832-0327 Petrópolis - RJ (22) 9907-4947 Cabo Frio - RJ

Luka Dias, nossa editora do Caderno de Modas ‘Fashion Style’ não brilha somente entre roupas, modelos, maquiagem, penteados e editoriais. Nossa Lukinha agora está galgando degraus políticos e no próximo dia 28 de junho será nomeada a primeira Mulher Presidente do PR – Partido da República, na Serra. Nasce mais uma liderança feminina na cidade e essa vem com força total. Parabéns!

Brilhando II Nossa Diva Luka assumiu a produção do desfile de roupas de Roberta Calazans na III Mostra Casando com Estilo e Eventos, que ocorre no Castelo Itaipava, no sábado, dia 21 de julho, das 11h à 22h e domingo, 22, das 11h às 19h. A entrada é franca.


terça-feira, 12 de junho de 2012

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

5

cidade

Novo prazo para Expresso Brasileiro operar As empresas Turb e Expresso Brasileiro tinham o dia 10 de junho como prazo para iniciar a operar na cidade com ônibus novos, mas apenas a primeira viação conseguiu cumpri-lo. Segundo o secretário de Governo e presidente da Comissão de Licitação, Charles Rossi, uma nova data foi marcada para que as linhas que hoje continuam com os antigos veículos da Esperança possam contar com coletivos novos. - O prazo era domingo (10), mas em função do atraso demos mais prazo até o próximo fim de semana. Acredito que talvez não consigam cumprir novamente, mas até o final de junho a Expresso Brasileiro estará operando. Os funcionários já aderiram à nova empresa e só estamos esperando os ônibus chegarem – afirmou. Cansados dos veículos velhos que quebravam frequentemente, os usuários dos ônibus da Turb, linhas anteriormente operadas pela

Viação Petrópolis, estão satisfeitos. - Para mim foi muito bom porque agora não temos mais ônibus arranhados, quebrados – disse o garçom Rodrigo da Silva Antunes. - Melhorou um pouco, mas falta ter mais horário. Antigamente para Araras tinha ônibus de 15 em 15 minutos, agora a gente fica muito tempo esperando. Outra coisa é que deveria ter também horário com ônibus direto para Araras, sem parar no terminal – disse Edgar Ascoli, da Associação de Moradores do Malta. Entretanto, para os usuários dos ônibus que têm Bingen e Mosela como destino, cujo transporte ainda é realizado com os veículos da Esperança, nada mudou. - Está um porcaria. Disseram que ia chegar os ônibus, mas até agora nada. Demora muito e tem dia que a gente fica mais de uma hora esperando o (ônibus) Manoel Torres. Acho engraçado que na Petrópolis

começou, mas aqui continua tudo a mesma coisa. Vamos ver quando os ônibus novos chegarem – declarou a acompanhante Cláudia Pereira. - Só pego o 100 (rodoviária) e todo dia tem algum ônibus que quebra – disse o estudante Jonatas Paulino Ferreira. - Para ser sincera, eu não espero nenhuma mudança. Pego todos os dias os ônibus da Esperança. Chego 4h30 da manhã para pegar o ônibus e muitas vezes fico até às 5h30 porque não passa ônibus porque não tem – disse Márcia da Conceição, que trabalha como caixa. Embora a Turb tenha sido vencedora do lote 2, composto pelas linhas da Petrópolis e Autobus, assumiu apenas uma delas. A medida é por causa da liminar na justiça concedida aos donos da Autobus, que puderam retornar à direção da empresa. Dessa forma, a Turb opera os itinerários feitos pela Petrópolis e a Autobus continua nas mesmas linhas.

Alan Alonso

Novos ônibus da Turb começaram a circular no domingo. A Expreso Brasileiro ganhou nova data

Restaurantes e pousadas têm grande expectativa para o Dia dos Namorados Esta semana, quem procura emprego continua com boas oportunidades no Sistema Nacional de Emprego (Sine) de Petrópolis. Só para a profissão de ajudante de eletricista e eletricista são 20 vagas no total que estão sendo oferecidas. No geral, são 93 vagas para diversas profissões, como

encarregado de frios, porteiro, ajustador mecânico, auxiliar de limpeza, babá, costureira, entre outros. Interessados devem comparecer a sede do Sine, que fica na Rua General Osório, 12, no Centro da cidade. Na tabela abaixo é possível conferir os principais cargos disponíveis e o número de vagas.

Cargos

Vagas

Ajudante de cozinha

2

Ajudante de eletricista

10

Ajustador mecânico

5

Auxiliar de limpeza

3

Babá

1

Balconista de lanchonete

2

Carpinteiro (telhados)

2

Confeiteiro

2

Costureira de maquina de overloque

2

Costureira em geral

2

Cozinheiro de restaurante

2

Eletricista de instalações

5

Eletricista

10

Encarregados de frios

5

Estoquista

2

Garçom

2

Gerente administrativo

2

Lavador de automóveis

2

Porteiro

3

Sommalier

2

Técnico automotivo

2

Vendedor de serviços

2

Queda no número de acidentes na BR-040 durante o feriadão A BR-040 apresentou queda no número de acidentes com vítimas no feriado de Corpus Christi. Vinte ocorrências foram registradas entre quinta-feira e domingo, contra 28 no mesmo período do ano passado. O número de vítimas caiu 43%, somando 27 pessoas feridas contra 47 em 2011. Um óbito foi registrado no período. Já o número de acidentes sem vítimas foi de 71 ocorrências. Ao todo, 281,3 mil veículos passaram pelo trecho de concessão da Concer durante o feriadão. Equipes de serviços mecânicos e médicos da Concessionária realizaram 804 atendimentos na rodovia nesses quatro dias. PRF divulga balanço da Operação Corpus Christi A Polícia Rodoviária Federal registrou 229 acidentes, 67 feridos e 13mortos na Operação Corpus Christi de 2012, que ocorreu no período de 6

a 10 de junho, com a duração de 5 dias. Neste ano, houve uma sensível redução no número total de acidentes. Contudo, registrou uma considerável redução no número de vítimas. Em comparação ao mesmo período de 2011, houve uma redução de 41 % no número de feridos (67 contra 113 de 2011) e redução de 19 % no número de mortos (13 contra 16 de 2011). De um modo geral, este resultado mostrou-se melhor para o trânsito das rodovias federais no Rio de Janeiro em comparação ao ano passado, visto que dos 229 registros realizados (foram 230 em 2011), houve uma diminuição no resultado violento das colisões. Na sua maioria, as policias foram acionados para atendimento das ocorrências que deixaram apenas danos patrimoniais (182 acidentes não deixaram feridos).

Assim como o Natal é a melhor data para o comércio, o Dia dos Namorados é o mais esperado pelos restaurantes. Em Petrópolis, a maioria dos estabelecimentos preparou pratos especiais ou lembrancinhas para os casais, tudo para atrair mais clientes e tornar a noite dos apaixonados ainda mais especial. A expectativa este ano é que o movimento fique acima do registrado no ano passado. Em 2012 tem restaurante que vai até dar máscaras para os casais se divertirem depois do jantar. As promoções ocorrem tanto no Centro Histórico quanto nos distritos, principalmente em Itaipava. Os restaurantes dos hotéis e pousadas também estão preparando uma noite diferente, alguns com menu especial preparado apenas para a data. O administrador do restaurante Massas Luigi, no Centro, Eduardo Seleri, confirmou que esta é a melhor data do ano pra o setor. Além de ser um dia bastante procurado para este tipo de comemoração, o perfil dos clientes é diferente de outras datas como o Dia das Mães, por exemplo, já que os casais costumam jantar e sair para continuar a comemoração em outros lugares. - Nós preparamos um

Divulgação

Algumas pousadas estão decorando os quartas para a data

presente para os casais, vamos dar uma máscara veneziana, além disso, se eles comprarem um determinado vinho irão ganhar uma garrafinha de espumante. Também vamos ter pratos especiais, um deles é o Afrodite, uma massa fina, com um molho que leva berinjela, pimenta e filé mignon de porco, bem picante. Terá também salada com broto de banana, entre outros – explicou. Na Churrascaria Majórica, também no Centro, será preparado um prato especialmente para a data, com picanha nobre, arroz a piamontese ou arroz maluco e batata soute, além da sobremesa de profitelores. Já o Don Bistrô, em Itai-

pava, igualmente vai oferecer um jantar diferenciado para o Dia dos Namorados. Aliando o preparo requintado do Bistrô ao romantismo que a data proporciona, será oferecido um risoto de brie com crocante de Parma, sugestão especial do chef Sebanias Peixoto. No Solar Fazenda do Cedro os casais que quiserem curtir o friozinho na serra de Petrópolis vão pagar uma diária especial, que incluirá café da manhã em apartamento standard ou petit e um mini-espumante de boas vindas, além de uma taça de espumante para brindar a grande data romântica. Ainda em pousadas, muitos casais poderão comemorar

à luz de velas com cenários preparados pelos estabelecimentos, alguns vão espalhar pétalas de rosas vermelhas pelos quartos. Lembrando que no dia, vários empreendimentos vão oferecer o sistema Day Use, que é uma opção para o petropolitano ou visitante aproveitar as atividades e qualidade da hotelaria da região sem necessariamente pernoitar no hotel ou pousada. A Pousada Paraíso, por exemplo, terá sopa de entrada, fondue de carne, queijo e chocolate, em restaurante romanticamente decorado, com direito a brinde surpresa, onde a noite poderá se estender nas suítes com pétalas de rosas. O Bistrô da Valéria vai deixar o espaço à luz de velas e aquecido com lareira, só para aqueles apaixonados que quiserem saborear o cardápio da noite. O Hotel e Pousada D. Pedro II vai disponibilizar um vinho chileno ou argentino para os casais que estiverem hospedados na data. O Restaurante Barão Gastronomia oferecerá um menu com 3 pratos afrodisíacos, além de uma taça de espumante aos enamorados. Já o Caponata Restaurante adoça com uma sobremesa grátis os casais que pedirem qualquer prato do menu à la carte.

plantão de Polícia Duas pessoas presas por tráfico de drogas No último sábado (9), por volta das 9h30 uma equipe da P/2 se dirigiu com um mandado de prisão por tráfico de drogas à residência de uma mulher de 34 anos, na Rua Washington Luiz, no Centro. No local os policiais encontraram 38 cápsulas com cocaína, 22 cápsulas vazias, 400 saquinhos para endolação além de um pote de fermento que seria usado para misturar a droga. A mulher disse que conseguia a droga com um rapaz de 29 anos e que estava aguardando que ele trouxesse mais 65 cápsulas de cocaína. Os policias aguardaram a chegada do indivíduo que levava uma quantidade de drogas ainda maior do que a informada. No carro dele foram encontradas 355 cápsulas de cocaína. O homem e a mulher foram levados à 105ª Delegacia de Polícia, no Retiro, onde foi constatado que a droga apreendida chegou a 578,8 gramas. Os dois foram presos por tráfico de drogas. À noite, por volta das

23h, uma guarnição no bairro Fazenda Inglesa abordou um carro Vectra, e no painel do veículo foram encontradas 22 cápsulas de cocaína (51,7g) e R$ 120 em espécie. O indivíduo de 35 anos foi preso e levado à 105ª DP. Homem preso com droga na cueca Após denúncia anônima, a Polícia Militar realizou uma operação, que acabou abordando um ônibus que vinha do Rio de Janeiro pela BR-040 na altura do posto da Polícia Rodoviária Federal. A abordagem foi feita às 14h30. Um homem de 28 anos trazia na mochila duas mil cápsulas vazias e vários sacolés para a endolação de cocaína, além de uma pedra de pouco mais de 200g de crack que estava escondida na cueca do homem e seria usada para misturar com a cocaína. O rapaz admitiu que a droga que estava sendo trazida da favela da Mangueira, no Rio de Janeiro, seria comercializada em Petrópolis na Rua 24 de Maio, onde segundo ele estariam se ins-

talando pessoas do Comando Vermelho devido à repressão das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) nas favelas do Rio de Janeiro. Ele afirmou ainda que estava usando a casa de uma mulher localizada na 24 de Maio, mas em revista nada foi encontrado no local. Chegando à 105ª DP o rapaz recebeu uma ligação pelo celular do chefe do tráfico, que ofereceu R$ 50 mil para que o rapaz e a droga fossem liberados. Ele foi preso por tráfico de drogas. Rapaz PEGO com moto sem placa Também na BR-040, em frente à entrada do bairro Vila Rica, os sargentos Rossi, Saar, e o soldado Gustavo do DPO de Pedro do Rio avistaram um homem apelidado como “Cabeça”, que já era conhecido pelos policiais. O rapaz de 31 anos estava com uma moto, sem placa, parado na beira da estrada e tentou se evadir quando avistou os policiais, que o impediram de fugir. Na bolsa dele foram en-

contrados três embalagens plásticas, uma contendo uma pedra de aproximadamente 25g de cocaína, outro com 20 papelotes de droga (20g), e o terceiro com um tablete de maconha (9,15g), além de R$ 224 em espécie. No caminho para a 106ª Delegacia de Polícia, Cabeça ofereceu R$ 200 para que não fosse preso. Ao chegar à delegacia foi constatado que ele já tinha um mandado de prisão e quatro anotações criminosas: uma por homicídio, uma por lesão corporal, uma por tráfico de drogas, e outra por roubo. A moto foi apreendida e o indivíduo vai responder por tráfico de drogas e corrupção ativa. Nota Na Rua Washington Luiz, no Centro, uma patrulha que visava coibir os roubos a taxis abordou um veículo Prisma onde o passageiro de 45 anos transportava três cápsulas de cocaína (4,2g). O homem foi encaminhado à 105ª DP e vai responder em liberdade por posse e uso de entorpecentes.


6

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 12 de junho de 2012

Agenda Cultural

marciosalerno@diariodepetropolis.com.br

Poesia INSTITUTO OMAR CARDOSO

HORÓSCOPO Áries - (21/03 a 20/04) A maior parte do seu interesse continuará voltada para o mundo das ideias, dos conceitos filosóficos e da busca de elevação e ampliação dos horizontes. O sol indica a necessidade de ter de se adaptar a certas condições materiais, especialmente na vida a dois.

Touro - (21/04 a 20/05)

Sua criatividade pessoal e participação de outras pessoas favorecerão o desenvolvimento da carreira profissional. Início de uma fase de mudanças nas suas emoções e na maneira de se relacionar com as pessoas.

Gêmeos - (21/05 a 20/06)

É bom que você busque um compreensão mais profunda sobre o seu psiquismo e sobre a maneira como se relaciona com as pessoas. Compreendendo melhor a si mesmo, você poderá adquirir mais segurança emocional.

Câncer - (21/06 a 22/07)

Ocorrerão mudanças no trabalho, devido à necessidade de planejar melhor suas ações. E’ bom que você se mantenha dentro do que foi planejado para que não haja enganos. Não remoa mágoas antigas e dê chance de as pessoas se aproximarem de você.

Leão - (23/07 a 22/08)

Muita atividade junto aos amigos, mas, procure não se envolver em atrito com eles. Novas oportunidades na carreira profissional permitirão uma grande melhoria através de empreendimento pessoal ou de promoção no trabalho.

Virgem - (23/08 a 22/09)

Diminuirão os problemas na vida cotidiana, e nos estudos, graças a atitudes mais firmes no que toca a esses assuntos. Estímulo positivo para a vida social, a participação comunitária e as relações de amizade.

Libra - (23/09 a 22/10)

Dúvidas e sentimentos pouco claros trarão certo conflito interior. Talvez você precise aprender a ser agressivo de uma forma diferente da que lhe é habitual. Condições tranquilas e positivas no trabalho.

 Escorpião - (23/10 a 21/11) Dia excelente para estudos, testes, férias, amor e contatos pessoais. Melhor ainda para contratar servidores, contar com favores, fianças, etc. A impulsividade será negativa para a carreira profissional. Cuidado com discussões.

Sagitário - (22/11 a 21/12)

Vigor físico, agressividade e impulsividade no seu modo de agir são qualidades que estarão reforçadas em seu caráter. A vida amorosa fará com que tenha impulsos apaixonados que podem criar situações tensas.

 Capricórnio - (22/12 a 20/01) Novos planos para a sua elevação de cargo, de conhecimentos profissionais deverão ser estudados agora. De resto, a influência será ótima para a vida amorosa e familiar e para tratar com amigos e personalidades de nossa sociedade.

Sexto sarau da Confraria da Poesia Informal nesta quarta Amanhã, de 19h às 24h, será realizado o Sexto Sarau da Confraria da Poesia Informal, no Estúdio S de Música, à Rua Quissamã, nº 120. O evento é gratuito e conta com a participação de poetas, músicos, fotógrafos, artistas plásticos e outros artistas. A Confraria da Poesia Informal foi fundada em agosto de 2011, pela pedagoga e produtora cultural Catarina Maul, para fomentar a poesia e criar elos entre diversos escritores espalhados pelo país, incentivando uma troca de estilos, aprendizados, versos e escolas, além de amizade e parceria. Hoje o grupo conta com um total de 180 membros espalhados por todo o Brasil, sendo alguns do exterior, apesar de ter sido criada em Petrópolis e na cidade concentrar uma grande parte de seus membros.

 Peixes - (20/02 a 20/03) Raciocínio rápido, excelente intuição e mente voltada somente para o bem, é o que lhe pressagia o fluxo astral. Contudo, evite excesso de velocidade ao dirigir e seja mais constante em seus projetos.

O grupo expõe para o mundo sua produção através de alguns canais eletrônicos, como o blog “confrariadapoesiainformal.blogspot.com. br” e o canal no youtube

Na cidade

Arte Garagem visa suprir falta de espaço na região A oitava edição do Projeto Arte Garagem acontece no Palácio Rio Negro (Museu da República/IBRAM/minC), em Petrópolis (RJ), em cartaz até o dia 29 de julho. Criado por iniciativa dos artistas plásticos Rosa Paranhos e Claudio Partes, residentes em Petrópolis (RJ), o Arte Garagem é um projeto pioneiro na cidade. Dividido em visitas guiadas, apresentação de vídeos de arte e mesa redonda, ele visa encorajar a produção de artes visuais na região serrana do estado buscando um maior intercâmbio de ideias, criando via de acesso para o diálogo aberto com o público, contribuindo para a reflexão acerca da arte contemporânea e/ou do mundo por meio desta, integrando e promovendo o desenvolvimento da tríade arte-cultura-educação. Esta edição foi realizada com patrocínio do Governo do Rio de Janeiro e da Secretaria de Estado de Cultura - Edital Artes Visuais 2011 e conta com a presença de 26

Arte Trabalho das ruas em mostra que termina nesta sexta

Aquário - (21/01 a 19/02)

Seu forte magnetismo pessoal hoje deverá atrair a simpatia alheia, o que lhe trará muitos benefícios e uma nova postura sobre a vida. Novas e duradouras amizades também estão previstas. Êxito em trabalhos manuais.

Um dos trabalhos que constará da exposição da Confraria

“cpinformal”. Para o sexto sarau, algumas exposições estão sendo preparadas. Uma grande homenagem poética a Ferreira Gulllar será tema do varal de poesias, assim como poemas escritos a partir da visualização da coleção de pinturas gráficas de Guilherme Constantino. O trabalho, intitulado, ‘ Sentimexpressão’, inspirou mais de 25 poetas e teve uma média de 40 poesias escritas à luz de seu magnetismo. Catarina Maul estará expondo sua instalação “Um Trago de Poesia”, que contou com artes gráficas de Alex Avena. Além dos poetas que sobem a Serra para o evento, pela primeira vez Petrópolis receberá o membro paulista Gregory, JG Poeta de Alma. No evento também será lançado o quarto fanzine da Confraria, com o título ‘Espelhos’.

Última semana para ver a mostra dedicada à ‘street art’ na Fase

Segue até esta sexta, dia 15, de segunda a sábado, de 9h às 18h, a ‘D’a ruA – Mostra Coletiva de Street Art’ no Centro Cultural Hercílio Esteves – campus FMP/Fase, censura livre, entrada franca. A mostra exibe os trabalhos de cerca de 20 artistas da chamada arte de rua (‘street art’) e tem como objetivo gerar pensamentos questionadores, revelando as sutilezas, ideais e diferenças desse universo desconhecido pela grande maioria das pessoas. Variados segmentos que compõem a ‘street art’, como o ‘graffiti’, o ‘bomb’, a pichação, o ‘sticker’, o ‘stencil’ e o lamblamb, serão representados em um cenário marcado pela diversidade de mídias, suportes e metodologias de criação.

Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br CINE ITAIPAVA Est. União & Indústria, 11.000 Itaipava OS VINGADORES – Censura 12 anos – com Robert Downey, Jr. – Horários: 15h e 20h, de terça a domingo O EXÓTICO HOTEL MARIGOLD – Censura 10 anos – com Bill Nighy – Horários: 17h40, de terça a domingo Ingressos: terças e quartas ingresso promocional a R$ 6 para todos (exceto feriados). Preço de ingressos as quintas e sextas - inteira R$ 14 e meia R$ 7. Preço de ingressos aos sábados e domingos - inteira R$ 16 e meia R$ 8. CINE BAUHAUS R. Dr. Nelson de Sá Earp, 89 Shopping Center Bauhaus Centro SALA 1 MIB – HOMENS DE PRETO 3 – Censura 10 anos – com Tommy Lee Jones – Horários: 14h30, 16h40, 18h50 e 21h SALA 2 MADAGASCAR 3 – OS PROCURADOS – Censura livre – com Ben Stiller – Horários: 14h15, 16h15, 18h15 e 20h30 Preços: Segunda é dia de cinema. Ingressos a R$ 3 em todas as sessões. Terça a quinta (exceto feriados): Sessões iniciadas até 15h59min Inteira: R$ 10 (meia: R$ 5). Após 16h inteira: R$ 12 (meia: R$ 6). Sexta a domingo e feriados: Sessões iniciadas até 15h59min inteira: R$ 12 (meia R$ 6) Após 16h inteira: R$ 14 (meia R$ 7). Lembrando que estamos com uma promoção de terça a domingo: todas as pessoas pagam meia entrada. TOP

CINE

HIPERSHOPPING ABC Rua Teresa, 1415 / 2º piso Alto da Serra – Petrópolis

SALA 1 OS VINGADORES – Censura 10 anos – com Tom Hiddleston – Horários: 15h40, 18h20 e 21h aventura – 5ª semana – dublado Segunda-feira, dia 11, não haverá sessão SALA 2 MADAGASCAR 3 – Os Procurados – Censura livre – animação – Horários: 14h50, 16h50, 18h50 e 20h50 Segunda-feira, dia 11, não haverá sessão TOP

CINE HIPERSHOPPING MERCADO ESTAÇÃO Rua Paulo Barbosa, 310 / 1º piso Centro - Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br PROGRAMAÇÃO DIA 07/6 – 5ª feira SALA 1 BRANCA DE NEVE E O CAÇADOR – Censura 14 anos – com Charlize Theron – Horários: 14h20, 16h40, 19h e 21h20 Segunda-feira, dia 11, não haverá sessão SALA 2 HOMENS DE PRETO 3 – Censura 10 anos – com Will Smith – Horários: 14h30, 16h50, 19h10 e 21h30 Segunda-feira, dia 11, não haverá sessão SALA 3 OS VINGADORES – Censura 10 anos – com Samuel L. Jackson – Horários: 17h Segunda-feira, dia 11, não haverá sessão HOMENS DE PRETO 3 – Censura 10 anos – com Tommy Lee Jones – Horários: 14h40, 19h30 e 21h40 Segunda-feira, dia 11, não haverá sessão

Filmes na TV CUPIDO - A MAGIA DO AMOR – GLOBO - 16H05 – COM LAUREN HOLLY Emma e Lilly são irmãs gêmeas, mas não idênticas. Muito pelo contrário. Emma é loura e atlética e Lilly, ruiva e sonhadora. Mas as duas têm uma grande amizade e um talento comum: são especialistas em unir casais apaixonados, apesar de nunca terem amado. Tudo vai bem até descobrirem que são filhas do Cupido de verdade e que se apaixonaram pelo mesmo garoto. Um dos projetos que estão à mostra no Arete Garagem deste ano

artistas: Aline Castella,Ana Luísa Flores, Ana Sigaud, Bia Penna, Claudio Partes, Claudio Copello, Cris Borzino, Cristiane Geraldelli, Evaldo Macedo, Gian Shimada, Grupo GOMO, Isabela Frade, Ivo

Cipriano, Katarina Welper, Luz de Lucena, Marcio Zardo, Nelson Ricardo, Piccoli (Sidnei), Raimundo Rodriguez, Rosa Damasceno Paranhos, Sandra Vissotto, Sara Malenchini e Saulo Marzochi.

Música

Solstício de inverno dá lugar a festival musical na cidade O ‘Solstício do Som’ está chegando à sua 4ª edição. O evento teve início em dezembro de 2010, quando João Felipe Verleun e Bárbara Ribeiro tiveram a iniciativa de disseminar em Petrópolis uma idéia que já ocorre em outras cidades pelo mundo – ocupação de espaços públicos para atividades culturais acessíveis a todos. A primeira edição na abertura do verão (o dia mais longo do ano), que, na data de 21 de dezembro de 2010, também coincidiu com a lua cheia. Nesta oportunidade, o grande desejo dos músicos de incrementar as produções artísticas da cidade uniuse aos demais entusiastas e ávidos consumidores de cultura. O objetivo é transformar a cidade num grande palco a céu aberto, com atividades artísticas espontâneas durante todo o dia. No final da tarde,

acontece uma grande confraternização em um palco aberto com participações mescladas entre os músicos na Praça da Inconfidência, em frente à Igreja do Rosário. Esta área subutilizada do Centro vem se mostrando como a mais indicada para o desenvolvimento do Corredor Cultural de Petrópolis. Haverá apresentações gratuitas de artistas petropolitanos nas ruas e praças da cidade, desta vez, na Praça da Liberdade, em um palco de concreto esquecido pela comunidade, de 14 a 19 de junho, com o desfecho tradicional no ‘Dia do Solstício’ que, no inverno, está marcado para 20 de junho. Na quinta, dia 14, às 18h, tem Anderson Agassis. Às 19h30, Pulse. Às 21h, Banda Fábrica. Na sexta, dia 15, às 18h, Bernardo Passos. Às 19h15, Trio Dona Flô. Às 20h30, Tribo de Gonzaga+ D’NA - Academia de Dança.


terça-feira, 12 de junho de 2012

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

7

geral

Cresce adesão de moradores em simulado Na manhã do último domingo (10), a Prefeitura de Petrópolis, por meio da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (Comdec), realizou mais um Simulado de Mobilização Comunitária para Chuvas Fortes, que contou com a participação e cadastramento de 481 pessoas. Das 18 torres de sirenes instaladas nas áreas de risco do 1º distrito e acionadas remotamente pelo Centro de Operações da Defesa Civil de Petrópolis (CEOP), apenas uma, localizada na Rua Adão Brand, não obedeceu ao comando, sendo necessário o envio de uma unidade móvel da Defesa Civil de Petrópolis, dotada de duas sirenes, para que o sinal do alarme fosse realizado e os moradores daquela região se deslocassem para o Ponto de Apoio correspondente. Vale frisar que ontem (11), uma equipe técnica do Governo do Estado, responsável pela manutenção das sirenes, esteve no local e realizou todos os reparos necessários, incluindo o teste.

Cerca de 70% das pessoas que participaram deste simulado não haviam participado dos simulados anteriores, demonstrando assim que o envolvimento da população tem aumentado. Para o coordenador da Comdec, coronel Francisco de Paula, os objetivos estão sendo alcançados. - Após o último simulado, identificamos a necessidade de realizar ajustes no sinal sonoro e direcionamento das cornetas, visando uma maior abrangência, fato este que somente tomamos conhecimento em função do retorno dado pela própria população participante dos simulados - destacou. As sirenes foram acionadas pontualmente às 10h, permanecendo com o sinal de mobilização até às 10h30. Após este período, o sinal sonoro de desmobilização foi acionado, indicando que os moradores das áreas de risco já poderiam retornar para suas residências. O simulado contou com o apoio da liderança comunitária, agentes de saúde, voluntários da Cruz Vermelha e da Rede

Ascom/PMP

Estado enviou equipe da Defesa Civil para acompanhar o acionamento remoto das sirenes na cidade

de Operações de Emergência de Radioamadores de Petrópolis (ROER). As equipes foram distribuídas pelos 23 pontos de apoio cadastrados e, conforme a população chegava aos pontos de apoio,

as dúvidas em relação ao funcionamento do sistema eram tiradas. De acordo com o coordenador, o fato isolado, ocorrido no bairro São Sebastião não atrapalhou a articulação

do treinamento, em razão da Defesa Civil contar com unidades móveis de sirenes para atuarem em locais onde não existem sirenes fixas ou em outras situações necessárias. - Estamos trabalhando

intensamente para que os moradores destas áreas possam se familiarizar com o alarme sonoro emitido pelas torres, bem como, com isso, possam atender ao chamado feito pela liderança comunitária, agente de saúde e vizinhos, deslocando-se para os pontos de apoio definidos pelo governo municipal - disse. No domingo, o Governo do Estado enviou uma equipe da Secretaria Estadual de Defesa Civil para acompanhar o acionamento remoto das sirenes em Petrópolis, através do Centro de Operações da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de Petrópolis, aprovando todo procedimento. Para obter mais informações sobre o sistema, acesse o site www.defesacivil.rj.gov. br. A Prefeitura de Petrópolis também disponibiliza em seu site (www.petropolis.rj.gov. br) todos os pontos de apoio para onde os moradores devem se dirigir no caso das sirenes serem acionadas. Os próximos simulados acontecerão sempre no dia 10 de cada mês, às 10h.

Inscrições para cursos no Feriado tem grande Cetep abrem nesta quarta movimento na cidade A unidade do Cetep Petrópolis, que fica na Avenida Getúlio Vargas 333, no Quitandinha, foi inaugurada em 1999 e, desde então, já realizou mais de 40 mil matrículas. Atualmente oferece dois cursos de línguas – Inglês e Espanhol-, que é concluído em dois anos, e dois cursos de graduação à distância - Assistente Administrativo e Promotor de Vendas-, em que o aluno recebe o diploma em seis meses. As inscrições para os cursos estarão abertas a partir de amanhã (13). Para se inscrever nos cursos de línguas é necessário ter acima de 15 anos e ter cursado o ensino fundamental completo. Para a graduação à distância a idade mínima é de 1 7 anos e ensino médio deve estar concluído. Neste ultimo caso, o agente administrativo da instituição em Petrópolis, Eneas Ferreira, recomenda que o aluno tenha alguns conhecimentos de informática, já que a maioria das atividades do curso é realizada pela internet, com apenas um dia de presença no local para atividades em grupo. Os alunos recebem um cartão com recarga de duas passagens de ônibus para os dias de aula.O material didático dos cursos de línguas não é fornecido pela instituição, mas há aqueles que não têm condições financeiras de comprar os livros têm uma opção. -Nós temos aqui uma

Divulgação

O movimento na cidade durante o feriado prolongado de Corpus Christ, de quintafeira até domingo, foi considerado dentro da expectativa. Segundo a Fundação de Cultura e Turismo de Petrópolis, os números da ocupação dos hotéis ainda não foram totalmente fechados, mas devem ficar em torno de 90%. Durante o período, o município esteve lotado de turistas e visitantes, principalmente vindos do Rio. O comércio e os polos gastronômicos tanto do Centro Histórico, quanto de Itaipava e arredores também faturaram. -A cidade estava cheia durante o feriado. No último dia 5 nossa previsão era de 72% de ocupação, mas como sempre acontece, este número

inscritos para que possam preencher as 545 vagas disponíveis. – explicou Eneas. Os sorteados pelo sistema da Faetec deverão se encaminhar à unidade do Cetep para efetivar a matrícula entre os dias 4 e 13 de julho. Durante o sorteio o sistema gera uma fila de espera que pode ser aproveitada caso haja desistência de algum dos sorteados. Os beneficiados por essa fila devem efetuar a matricula entre os dias 16 e 27 de julho. As aulas do segundo semestre de 2012 começam a partir do dia 6 de agosto. O site da instituição é o www.faetec.rj.gov.br

Aníbal: 72% de ocupação

aumentou. Muita gente faz reserva em cima da hora. Normalmente, passado o feriado, os números aumentam entre 10% e 20% - disse o diretor de turismo da Fundação, Anibal Duarte. Ele ainda lembrou que Petrópolis está caminhando

foto do dia

Unidade do Cetep fica na Avenida Getúlio Vargas, no Quitandinha

biblioteca solidária. A Faetec nos manda os livros, que são emprestados aos alunos durante as aulas. Isso facilita os estudos daqueles que não podem custear o material. – informou Eneas. Os turnos das aulas de inglês e espanhol são oferecidos de manhã, à tarde e à noite, e as aulas podem ser frequentadas uma ou duas vezes por semana de acordo com a disponibilidade do aluno. As inscrições devem ser feitas pela internet com o numero de CPF do próprio aluno, até o dia 2 de julho. - A partir do dia 3 julho a Faetec Rio realiza um sorteio informatizado, entre os

Arquivo

para a recuperação total após a tragédia com as chuvas no ano passado, que afastou os turistas do município. O diretor ainda informou que o movimento só tende a crescer já que uma campanha com investimentos do Ministério do Turismo – cerca de R$ 5 milhões – entrou no ar ontem exaltando as cidades da Região Serrana e estimulando o turismo. - A campanha era para ter saído no início do ano, mas atrasou e só saiu agora. Mesmo assim vai ser bom porque vai ajudar neste período de férias. Vai estimular também a vinda dos cariocas, principalmente daqueles que querem fugir do tumulto nas próximas semanas por causa da Rio+20 – completou ele.

Alan Alonso

Com as obras de recuperação, foi construído mirante na BR-495, que liga Itaipava a Teresópolis,

enquete Depois da derrota para a Argentina, você acha que a seleção brasileira tem condições de conquistar as Olimpíadas? Fotos: Alan Alonso

André Alic, 51 anos, vidraceiro. -Sim. O time está entrosado só falta treinar mais, o mano tem que apostar no Neymar. A derrota não reflete, pois jogamos com as seleções principais de Argentina e México, e a nossa é a Olímpica.

Luiz Carlos Carvalho, 44 anos, economista. -Vai depender da aplicação dos jogadores. Falta um pouco de competitividade, as outras seleções em torneios importantes se empenham muito. O próprio exemplo é o jogo de sábado contra a Argentina.

Sérgio Vieira, 37 anos, metalúrgico. -Está sim. Mas falta preencher ao certo as três vagas para veteranos, que é o que da experiência para a equipe. Não se inicia um trabalho trocando todo mundo.

Oziel Grijó, 42 anos, cozinheiro. -Não. A seleção é ruim. O técnico não tem pulso é fraco, na verdade falta técnico.

Laion de Araújo, 24 anos, cortador de confecção -Não vai arrumar nada nasOlimpíadas. Não tem como comparar Messi e Neymar.


8

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 12 DE junho de 2012

ECONOMIA

Balança comercial registra déficit de US$ 325 milhões Crise internacional pode ser entrave para Rio+20 n  Camila Maciel/ABr

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, disse ontem (11) que a crise financeira internacional pode ser um entrave para o sucesso da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, que começa nesta quarta-feira (13), no Rio de Janeiro. “A Rio+20 se realiza em um momento pouco propício. As principais economias estão voltadas para um processo de resistência à recessão e ao agravamento da crise, que reduz a capacidade de manobras no campo fiscal e o grau de flexibilidade para que possam contribuir de maneira razoável com os desafios que se colocam para a sustentabilidade global”, declarou o presidente do BNDES, durante a abertura da Conferência Ethos Internacional, que segue até o dia 13 e reúne, em São Paulo, empresários que vão definir uma plataforma empresarial para a conferência da ONU.

Coutinho, no entanto, propõe o desenvolvimento sustentável como um dos eixos para a superação da crise. “A crise atrapalha porque os países estão todos focados em seus próprios problemas, de desemprego, de desorganização fiscal. Ao mesmo tempo, pode ser uma oportunidade se nós soubermos persuadir as lideranças internacionais que o investimento, para o desenvolvimento social e ambiental sustentável, deve ser um eixo para a recuperação da economia mundial”, sugere. Ele aponta como setores fundamentais nesse sentido os investimentos em infraestrutura e energia. De acordo com o presidente do BNDES, o banco irá participar, durante a Rio+20, de um encontro com lideranças de bancos de desenvolvimento de todo o mundo. “É uma instituição de cooperação nova, o International Development Finance Club [IDFC]. Estamos tentando criar um compromisso durante a conferência para que todos os bancos trabalhem para ser um canal de propulsão dessa agenda sustentável”, declarou.

n Stênio Ribeiro/ABr

As exportações comerciais brasileiras somaram US$ 5,011 bilhões nos cinco primeiros dias úteis de junho, com retração de 5% em relação ao mesmo período do mês passado, e as importações cresceram 15,9% – tendo alcançado US$ 5,336 bilhões. Com isso, o saldo comercial ficou negativo em US$ 325 milhões.

Os números foram divulgados ontem (11) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e mostram que o saldo comercial é superavitário em US$ 5,941 bilhões no acumulado do ano – 42,8% menor que os US$ 10,488 bilhões contabilizados em igual período do ano passado. De janeiro até agora, as exportações somam US$ 102,872 bilhões e as importações, US$ 96,931 bilhões.

Na comparação com os cinco primeiros dias úteis de junho de 2011, houve retrações de 9,1% nas vendas de produtos básicos (petróleo, farelo de soja, milho em grão, café em grão, carnes e outros) e de 2,8% nas vendas de produtos manufaturados (automóveis, veículos de carga, açúcar refinado, suco de laranja, etanol etc). O déficit só não foi maior porque as exportações de semimanufaturados (ligas de ferro e aço,

ouro trabalhado, açúcar em bruto e óleo de soja) cresceram 10,5%. Considerando a média diária obtida nas exportações de junho de 2011, as exportações neste mês caíram 11,2% enquanto as importações aumentaram 16,4%. O país importou mais combustíveis e lubrificantes (87,2%), aeronaves e partes (36,6%), siderúrgicos (11,2%), equipamentos mecânicos (6,5%) e plásticos e obras (5,3%).

Caixa:novas regras para habitação nRenata Giraldi e Wellton Máximo/ABr

A partir de ontem (11), passam a valer as novas regras da Caixa Econômica Federal para os financiamentos habitacionais. Pelo novo modelo, os mutuários terão mais cinco anos para quitar os empréstimos. A Caixa ampliou o prazo do crédito habitacional de 30 anos para 35. Os empréstimos serão feitos com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE). Os financiamentos do SBPE beneficiam apenas os mutuários que ganham mais de R$ 5,4 mil por mês ou que

adquirirem imóveis de mais de R$ 170 mil. A Caixa também reduziu as taxas de juros para essas modalidades. Para imóveis financiados pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH), as taxas caíram de 9% para 8,85% ao ano. Para os imóveis fora do SFH, os juros passaram de 10% para 9,9% ao ano. A instituição também ampliou o prazo dos financiamentos para a construção de casas e apartamentos com recursos da poupança. A partir desta semana, as construtoras e incorporadoras terão 36 meses para pagar os

empréstimos. Antes, o prazo correspondia a 24 meses. Os juros dessas linhas também foram reduzidos de 11,5% para 10,3% ao ano. Para a construção de imóveis comerciais, os juros efetivos caíram de 14% para 13% ao ano. Nas operações de financiamento para a construção e aquisição de imóvel para uso próprio, a empresa pagará taxa de 12,5% ao ano, ante 13,5% cobrados atualmente. Em todos os casos, o mutuário também pagará a Taxa Referencial (TR), juros variáveis cobrados nos financiamentos imobiliários.

No entanto, as taxas efetivas podem ficar ainda menores se o mutuário for correntista da Caixa. As mudanças não valem para financiamentos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que inclui o Programa Minha Casa, Minha Vida. Para essas modalidades de financiamento, o prazo continua 30 anos. No dia 5, o vice-presidente de Governo e Habitação da Caixa, José Urbano Duarte, disse que o aumento do prazo dessas linhas de crédito depende de aprovação do Conselho Curador do FGTS.

AVISOS E EDITAIS

SEPULTAMENTO

Cemitério municipal Domingo 10-06-2012 Marília Martinez Mebus Vital, 71 anos, Centro, 10h José Maria Martins Cunha, 74 anos, Centro, 10h30 Cecília Elisa Cardoso Feitosa, 84 anos, Mosela, 11h Pedro Zanatta, 90 anos, Mosela, 11h Venina de Almeida Dias Vital, 78 anos, Valparaíso, 15h Romualdo Canizza, 87 anos, Bingen, 16h30 Nélio Queiroz Vital, 78 anos, Mosela, 16h30 Segunda-Feira 11-06-2012 Luiz Humberto Pecricci Peixoto, 84 anos, Campos do Jordão, 10h30 Nadyr Villa Real de Almeida, 84 anos, Alto da Serra, 11h José Maria Cardoso, 80 anos, Itamarati, 11h30 José Braz da Silva, 76 anos, Quitandinha, 14h Rinaldo Augusto Pereira, idade não informada, Mosela, 15h Lídia de Oliveira Sixel, 60 anos, Manoel Torres, 15h30 Sílvio Roberto de Oliveira, 72 anos, Quitandinha, 16h Maria Aparecida Silva dos Santos, 61 anos, Valparaíso, 16h30 Cemitério de Itaipava Domingo 10-06-2012

Há 30 anos era publicado Em sua edição número 2.409, de 12 de junho de 1982, um sábado, o DIÁRIO publicou os seguintes destaques: VENDA DE TV - A venda de aparelhos de TV aumentou cerca de 20% no período que antecedeu a abertura da Copa do Mundo. O índice foi considerado apenas razoável, dentro das perspectivas, pelos comerciantes da cidade, sobretudo da Casa Xavier e Magazin Gelli, que nada tiveram a reclamar da concorrência. CANDIDATOS - Desemprego por não ser especializado em nenhuma profissão, desemprego por estar formado através de curso superior em profissões com mercado de trabalho saturado e até casamento, são alguns dos motivos que levaram mais de três mil pessoas a se inscrever no concurso do Banco do Brasil, esta semana. NA PRAÇA - Uma casa está sendo construída em plena praça pública na Vila Cascatinha e, até o final da tarde de ontem, nenhum fiscal da Secretaria de Obras tinha estado no local, apesar dos protestos dos moradores e da promessa do assessor do secretário de que a construção irregular seria impedida.

Não houve sepultamentos Segunda-feira 11-06-2012 Reinaldo Augusto Pereira, 65 anos, Estrada União Indústria, 11h30 OBS. AS INFORMAÇÕES ACIMA SÃO FORNECIDAS AO DIÁRIO POR FUNCIONÁRIOS DAS SECRETARIAS DOS CEMITÉRIOS,

Cartório de 3º Ofício de Petropolis

Tabeliâo de Protesto

R. do Imperador, 1017 / 1021 - Centro - Petropolis - RJ Telefone: 22420565

Tabelião

Cep. 25620-003

22426363

Listagem de titulos enviados para Edital em em 12/06/2012 Acham-se registrados neste cartório, conforme lei 9.492/97 Art. 15 - Processo 89.877/99 CGJ/RJ, para serem protestados os títulos de responsabilidade de : Sacado

CNPJ/CPF

ALCIMAR CARNEIRO DO VALLE

Portador/Cedente/Sacador OMIN S/A CRED FINANC INVESTIM

010.430.617-38

RUA BERNARDO DE VASCONCELLOS 77 14/01/2012

117,81

30/11/2006

Valor:

Total:

117,81

13/06/2011

Valor:

Total:

23947297

13/06/2012 00:00:00

BANCO VOLKSWAGEN SA

705.748.127-68

8.926

BANCO VOLKSWAGEN S/A

Cédula de Credito Bancário por Indicação

06/06/2012 00:00:00

BANCO VOLKSWAGEN S/A

Emissão: 117,81

11/04/2007

Valor:

Total:

1.957,09

Número:

14998723

Pagamento A

2.074,90

GUSTAVO LUIZ DA COSTA RACCO

13/06/2012 00:00:00

ELIANE CRISTINA CARNEIRO SOUZA

118.227.477-32

RUA BINGEM 517 APT 101

8.930

ELIANE CRISTINA CARNEIRO DE SOUZA

Cheque

06/06/2012 00:00:00

ELIANE CRISTINA CARNEIRO DE SOUZA 16/02/2012

Emissão:

Cheque Administrativo: Custas :

117,81

16/02/2012

Valor:

Total:

Número:

13/06/2012 00:00:00

OMIN S/A CRED FINANC INVESTIM

688.976.697-00

8.933

OMNI S/A CRED FINANC E INVESTIMENTO

Cédula de Credito Bancário por Indicação 117,81

26/03/2010

Valor:

Total:

4.990,55

Número:

Cartório de 3º Ofício de Petropolis13.972.192/0001-40

BANCO BRADESCO SA

R TREZE DE MAIO, 232

MARA NICOLAU ME

R. do Imperador, 1017 / 1021 - Centro - Petropolis - RJ

Copia Duplicata Mercantil por Indicação

22426363 Emissão: 128,15

Cep. 25620-003

03/04/2012

Valor:

Total:

10123600005510

Pagamento A

5.108,36

MAX LIVIO COMERCIO DE MAT. P/ CONSTRUCAO

Cheque Administrativo: Custas :

06/06/2012 00:00:00

OMNI S/A CRED FINANC E INVESTIMENTO

Emissão:

Cheque Administrativo: Custas :

Telefone: 22420565 Vencto: 14/05/2012

IU-500058

Pagamento A

RUA ALBERTO DE OLIVEIRA 810 10/03/2011

3.300,00

3.417,81

JORGE LUIS PIRES GOMES

Vencto:

Número:

Pagamento A

ESTRADA UNIIAO E INDUSTRIA 11305-A

Vencto:

1.010,22

1.128,03

GISELE DA SILVA

Cheque Administrativo: Custas :

8.925 06/06/2012 00:00:00

BANCO VOLKSWAGEN S/A

Emissão:

11/01/2012

13/06/2012 00:00:00

BANCO VOLKSWAGEN S/A

Cédula de Credito Bancário por Indicação

Vencto:

101236000023109

BANCO VOLKSWAGEN SA

076.189.147-10

Cheque Administrativo: Custas :

Número:

Pagamento A

RUA AURELIANO COUTINHO 49 APT 401 13/01/2012

1.369,40

1.487,21

CATIA DE SOUZA DORTE

Vencto:

06/06/2012 00:00:00

OMNI S/A CRED FINANC E INVESTIMENTO

Emissão:

Cheque Administrativo: Custas :

8.932

OMNI S/A CRED FINANC E INVESTIMENTO

Cédula de Credito Bancário por Indicação Vencto:

Protocolo

13/06/2012 00:00:00

Tabeliâo de Protesto 8.894 Tabelião 06/06/2012

2.502,34

Número:

012432/3

Pagamento A

2.630,49

13/06/2012 09:36:00

Listagem de titulos enviados para Edital em em 12/06/2012

MAX LIVIO COMERCIO DE MAT. P/ CONSTRUCAO

BANCO BRADESCO SA

13.972.192/0001-40

R TREZE DE MAIO, 232

09:36:00

MARA NICOLAU ME

8.895

MARA NICOLAU ME

06/06/2012 09:36:00

Acham-se registrados neste cartório, conforme lei 9.492/97 Art. 15 - Processo 89.877/99 CGJ/RJ, para serem protestados os títulos de MARA NICOLAU ME responsabilidade de : 03/05/2012 Emissão: 03/04/2012 Valor: 2.502,34 Número: 012432/2

Copia Duplicata Mercantil por Indicação Vencto:

Cheque Administrativo: Custas : Sacado

128,15

Total:

CNPJ/CPF

SERVICO DE PROTECAO CRED BCO DO BRASIL S/A

2.630,49

Portador/Cedente/Sacador

Cheque Administrativo: Custas :

8.986

FLAVIA DIAS JUSTEN

Sentenca Judicial 26/03/2011

13/06/2012 Protocolo09:36:00

FLAVIA DIAS JUSTEN

04.816.817/0001-93

AV 2 AV QUADRA 1-B LOTES 42/44 SALA 08 Vencto:

Pagamento A

11/06/2012 00:00:00

FLAVIA DIAS JUSTEN Emissão: 111,91

26/02/2010 Total:

Valor:

948,22

1.060,13

Número:

20090420286544

Pagamento A

14/06/2012 00:00:00

Intimo-os a pagar ( através de cheque administrativo ou dinheiro, com guia de pagamento a ser retirada neste tabelionato ), ou no caso de falta de aceite, comparecer para aceita-lo, ou dar-me as razões por que não o faz. Ficando assim já intimado do respectivo protesto no prazo estipulado na forma da lei. Petropolis, 12/06/2012

Financial JDM Acessória, Participações e Negócios S/S Ltda. CNPJ: 00.502.832/0001-06 Financial JDM Acessória, Participações e Negócios S/S Ltda Comunica a mudança de endereço de Rua Coronel Madureira, 40, loja 11 (parte), Centro, Saquarema – RJ, CEP: 28.990-000 para Estrada Bernardo Coutinho, 4000, lote 13, Condomínio Vale de São Fernando, Araras, Petrópolis – RJ, CEP: 25725-022 (Ponto de Referência), e seu registro do Cartório do Ofício Único de Saquarema para o Cartório do 6º Oficio de Petrópolis, prazo: indeterminado, Objeto: Prestação de serviços de assessoria, consultoria comercial, intermediação de negócios; Gestão financeira de negócios; Gestão de pessoas; Tecnologia da informação e Comércio Exterior, capital social: R$ 200.000,00 (duzentos mil reais) divididos em 200.000 (duzentas mil) cotas, no valor nominal de R$ 1,00 (um real) cada uma, com sócio administrador José Diney Matos.

www.diariodepetropolis.com.br


alto da serra Hoje é dia de Santo Onofre e Dia dos Namorados. A secretaria da Paróquia de Santo Antonio, do Alto da Serra, funciona de segunda feira a sábado de 14h30 às 19h. O Pároco é o Padre Francisco Montemezzo. As informações sobre eventos religiosos são pelo telefone 2242 4310.

D

iário nos

B

airros

diarionosbairros@diariodepetropolis.com.br

Risco de quedas no riacho Rua Professor Narciso, no Carangola, está cheia de problemas e moradores pedem que a via entre no projeto de pavimentação Dezenas de famílias da Rua Professor Narciso, no Carangola, estão com dificuldades no trânsito e em certos trechos é dificultoso até de caminhar a pé. - Carros, pedestres e principalmente crianças têm muitas dificuldades e são obrigados a passar por dentro de um verdadeiro pântano para chegarem aos seus destinos – lamentou o morador local Kleber Rossi. - Não são só as principais ruas do Bairro Carangola que necessitam de pavimentação. A Rua Professor Narciso está totalmente intransitável, principalmente no trecho entre os números 260 e 558. Kleber informou que

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 12 de junho de 2012

existe uma passagem de pedestres com uma faixa de apenas trinta centímetros beirando o abismo e causando perigo de quedas para idosos e crianças. Segundo ainda o morador, no local se alguém cair vai ser dentro de um riacho, pois não há mureta, corrimão ou qualquer outro material de proteção. - A rua é estreita dando passagem para apenas um veículo. Além disso, está toda cheia de buracos, causando danos aos carros. Eu mesmo com o meu carro já caí numa abertura quando desviei de outro. Não há escoamento pluvial e o esgoto corre a céu aberto. Ao finalizar, Kleber Rossi, informou que estão

ALCOÓLICOS ANÔNIMOS Hoje 19h: Grupo 27 de Maio, Rua Bingen, 261 Amor e Atração, Avenida Leopoldina, 596, Nogueira. 19h30: 28 de Janeiro, Rua Paulo Barbosa, 180, Centro; Estrela de Araras, Escola Estadual de Araras; Morin, Igreja de Nossa Senhora da Glória; e Petropolitano Rua Santos Dumont, 100, Centro.

Recicla Tecidos vai participar do Rio + 20 na próxima quinta feira O Projeto Recicla Tecidos da ONG Comando da Paz estará participando da Rio + 20 na tarde da próxima quinta feira no Espaço Arena da Barra, no Rio de Janeiro. A confirmação foi da gestora Claudia Martins Alves Carvalho, lembrando que a participação é possível por causa das parcerias com a Secretaria Municipal de Trabalho, Assistência Social e Cidadania e a filial de Petrópolis da Cruz Vermelha Brasileira.

O Recicla Tecidos confecciona mantas, edredons e colchas de forma artesanal utilizando retalhos doados por empresas do polo têxtil da cidade. As peças são confeccionadas na arte do patchwork, técnica de confecção que transformam os recortes em lindas peças. Os interessados em apoiar com doações podem levar na sede da entidade na Rua Visconde de Bom Retiro, 305, sala 101, no Centro.

Em Nogueira, filme Shaolin vai ser exibido no Centro Cultural Estação Obras de asfaltamento. Moradores querem a inclusão da Professor Narciso

sendo feitas obras de pavimentação no Carangola e solicitou que o serviço seja estendido a Rua Professor Narciso. Ontem, as transmissões ao telefone do agen-

te regional do bairro caiam na caixa postal e a assessoria de comunicação social da prefeitura ficou de confirmar se existem obras previstas para a via.

Grão Pará já planeja participação nas competições do 2º semestre Com a eliminação, porém, com uma boa participação no Campeonato Municipal nas categorias sub 15 e 17 do futsal, o Projeto Social Grão Pará, do Alto da Serra, vai começar a se preparar para competir nas divisões sub 9 / 11 e 13 no segundo semestre. Além disso, a equipe feminina também terá jogos em competições da cidade. A informação foi dada pelo coordenador Claudinei Raimundo, o Nei, ao lembrar que faltou experiência na participação das equipes sub 15 e que a sub 17 por pouco chegava à final do campeonato. Nei informa que o Grão Pará cresce a cada mês

9

e que tem convites para jogos até fora da cidade, comprovando que o trabalho ganha força, mesmo sendo voluntário e sem patrocínio. O coordenador lembra que as parcerias é que dão força na sequência do trabalho. Ele aproveitou a oportunidade para agradecer a Transportadora Autobus que cedeu coletivos para conduzir os atletas neste primeiro semestres e informou que ainda este mês o Grão Pará vai promover um passeio com os alunos ao Planetário da Gávea e a sede social do Botafogo. Em julho está confirmada a realização da 2ª edição da copa interna.

Tranqüilidade para a sua empresa

Contabilidade de última geração, sistema avançado de informática Escrita Fiscal – Rotinas Trabalhistas e Folha de Pagamento Sistemática Departamento Jurídico – Direito Cível – Direito Trabalhista Projetos Econômicos – Análise de viabilidade e capacidade de sua empresa – Administração de Bens e Serviços – Corretagem e Administração de Imóveis – Equipe com treinamento especializado Direção Técnica: Márcio Tesch Economista – Corecon 10582 Advogado – OAB/RJ 59.566 Tec. Contab. – CRC/RJ 25.384-0

Rua do Imperador, 772 – Gr 105/106 – Centro Petrópolis – RJ. Tel/Fax: (024) 2231-6212 / 2231-3322

Está confirmada a exibição do filme Shaolin às 19h da próxima quinta feira no Centro Cultural Estação Nogueira. A realização está no projeto Cinema na Estação e depois de o filme ser exibido, acontecerá o debate sobre a produção com o professor Luciano Vasconcellos, moradores locais, convidados, enfim, todos os interessados que estiverem presentes. O filme narra à experiência de

um senhor da guerra que por sua ganância e uma má astúcia tornase a origem de defeitos contra sua vida e a sociedade. Entretanto, ao se deparar com o sofrimento e encontro com a filosofia dos monges de Shaolin, ele se verterá em um homem ético. A classificação é 12 anos e a entrada é franca. O Centro Cultural Estação Nogueira fica na Praça São Cristóvão, no centro do bairro.

I Semana da Comunicação teve início ontem no Sagrado Coração Começa ontem na Matriz do Sagrado Coração de Jesus a I Semana de Comunicação, conforme a previsão dos organizadores. Intitulada Comunicatólica e sob o tema Silêncio e Palavra – Caminho de Evangelização, no primeiro aconteceu a palestra do frei Osvaldo Maffei Junior, seminarista franciscano, que falou sobre o título do evento.

A Semana de Comunicação vai até sexta feira sempre as 19h30. Hoje o tema será A Palavra de Deus como comunicação primeira: estudo da Encíclica Verbum Domini, cujo palestrante será o frei Ludovico Garmus que é tradutor das Sagradas Escrituras da Editora Vozes. Serão cinco palestras ao todo e o público continua sendo convidado.


10

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 12 de maio de 2012

ESPORTES

esportedp@gmail.com

Poker/PEC ainda tem chances na Liga Futsal Fotos: Divulgação

n Ascom - Poker/PEC

Equipe acredita na classificação para próxima fase do Carioca

Sub-20 do Imperial/Flu começa a decidir a vaga n Ascom - Imperial

O Sub-20 do Imperial/ Fluminense enfrenta nesta terça-feira o Vasco pelo primeiro jogo das semifinais do Campeonato Carioca de Futsal, às 20h30 na Vila Olímpica de Caxias. O time petropolitano busca um bom resultado para chegar à final da competição Juvenil. O treinador Ney Marcos acredita que a equipe tenha boas condições de sair com uma vitória. - Nós sabemos que será um jogo difícil, já enfrentamos o Vasco e eles tem um bom time, mas o time está focado e bem preparado para buscar esse importante resultado e vamos buscar a vaga na final - afirmou. A equipe treinou bem

FINAL ADIADA - O tempo muito chuvoso em Paris impediu que acontecesse no domingo a finalíssima da categoria masculina, o jogo entre Rafael Nadal e Novak Djokovic estava no quarto set, com vantagem de dois sets a hum para o espanhol, que perdia o terceiro set por 1/2 quando iria sacar. As parciais até a suspensão da finalíssima 6/4-6/3 2/6. O jogo foi suspenso no horário das 20h locais equivalente às 15h de Brasília. Até o final desta edição de nossa coluninha ainda não tínhamos o resultado final do jogaço, mas na quinta-feira com certeza comentaremos o resultado desse jogo que atraiu certamente os olhares de todo o planeta.... S H A R A P O VA , A NOVA RAINHA - Realmente a belíssima tenista russa Maria Sharapova está em uma fase incrível, com sua vitória no dia de sábado por dois sets a zero, com parciais de 6/3 e 6/2 ao derrotar a tenista italiana Sara Ernani , que vinha fazendo uma campanha irretocável, Sharapova com essa vitória conquistou o CAREER SLAM, ou seja o grand-slam só quem anos alternados, o verdadeiro grand-slam é quando a tenista fatura os quatro maiores torneios do planeta de forma seguida no mesmo ano Aberto da Austrália, Roland Garros, Wimbledon e Aberto dos Estados Unidos. A tenista russa que acabou de completar 25 anos, com a conquista tornou-se oficialmente com o ranking divulgado ontem pela WTA, Associação das Tenistas Profissionais, como a número 1, retornando assim ao local que ocupou anteriormente por dezoito semanas. Sharapova foi campeã em

durante o fim de semana na quadra do Boa Esperança, por ter dimensões maiores, e está pronta para encarar o desafio. - Treinamos muito forte, estamos nos acostumando com a quadra maior, mas os jogadores estão se adaptando bem e vão ter condições de fazer um bom jogo - explicou Ney. Para este jogo o time petropolitano terá a volta dos seis jogadores que desfalcaram a equipe na última sexta-feira. O Imperial/Fluminense terminou a primeira fase na terceira colocação e sendo dono da melhor defesa da competição. O segundo jogo da semifinal será na próxima sexta-feira, em local ainda não definido.

2004 em Wimbledon, com apenas 17 anos, no US Open em 2006, no Australian Open em 2008, ano em que teve sérios problemas no ombro direito, tendo acabado por ser submetida a uma intervenção cirúrgica que quase encerra sua brilhante carreira. Na história apenas nove tenistas conquistaram o CAREER SLAM a australiana Margareth Court, a alemã Steffi Graff e as norte-americanas Maureen Conolly, Doris Hart, Shirley Fry, Billie Jean King, Chris Evert Loyid, Martina Navratilona-tcheca naturalizada e Serena Willians. Sharapova agora garantiu que treina para Wimbledon e para evidentemente a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres que também serão disputados na grama sagrada de Wimbledon. NO ESTALEIRO 1 - Arnaldo Rippel, presidente do Petrô, desde quinta-feira com febre ficou quatro dias de cama, retornando nesta semana as suas atividades como médico ortopedista na Traumacenter e Hospital Santa Teresa e também no Petropolitano. NO ESTALEIRO 2 - Nosso querido Serginho Hot-Dog sofreu uma queda na noite do último sábado, acabando por sofreu uma fratura com desvio no número, tendo provavelmente de ser submetido a um tratamento cirúrgico para correção da fratura, caso isso ocorra realmente desejamos que tudo corra bem com o garotinho sardinheiro dos bons e que mora de pijamas no coração de todos nós. UMA SUPER SEMANA PARA TODOS ATÉ APRÓXIMA NOTÍCIAS DO TENIS, FIQUEM COM DEUS

Mesmo apostando todas as suas fichas buscando a classificação para a próxima fase da Liga Futsal, o Poker/ PEC perdeu para o São Caetano/Drummond/NS por 1 a 0 (gol de Thiago), na tarde deste sábado (9), no Centro Esportivo Joaquim Rabello, em São Caetano do Sul (SP), em jogo válido pela penúltima rodada da primeira fase. Os petropolitanos permanecem com 20 pontos em 18 jogos (cinco vitórias, cinco empates e oito derrotas). As conclusões equivocadas do Poker/PEC mais uma vez foram responsáveis diretas por mais uma derrota. O time teve o jogo nas mãos em toda a primeira etapa, mas concluía sem sucesso. Em uma das poucas oportunidades que teve, o São Caetano marcou o único gol da partida, com Thiago.

Ficha técnica

André é goleiro da equipe do Poker/PEC que disputa a Liga

No segundo tempo, a história se repetiu. O time ficou ainda mais ofensivo, tentou o goleiro-linha. Tudo em vão. O time amargou sua oitava derrota na competição e permanece em São Paulo ainda cheio de esperanças:

- Temos de buscar o resultado a qualquer preço. É um jogo dificílimo, contra um dos favoritos ao título, mas temos de vencer para não depender de mais ninguém para a conquista da vaga – ressaltou o goleiro André.

São Caetano/ Drummond/NS 1 x 0 Poker/PEC Centro Esportivo Joaquim Rabello – São Caetano do Sul (SP) Gol: 1ºT: Thiago (18min10s). São Caetano/Drummond/ NS: Erick, Daniel, Douglinhas, Wilsinho e Pescoço. Entraram: Portuga, Ítalo, Thiago e Alemão. Técnico: Marcel Guilhermo Rodrigues. Poker/PEC: André, Fuste, Augusto, Jaiminho e Fabrício. Entraram: Chico, Edu, Daniel Miranda, Arthur, Rafael e Daniel. Técnico: Bernardo Miloski Dias. Arbitragem: Michel Jean Bonnaud (BRA) e Valdir Teixeira Filho (SP).

Em jogos no Carlos Guinle, Petrô e Riachuelo ficaram no empate: 1 a 1 As equipes Sub-11 e Sub13 de futebol do Petropolitano realizaram no último sábado, no Estádio Carlos Guinle, amistosos contra o Riachuelo, tradicional clube da cidade de Paraíba do Sul. Foram dois bons jogos que agradaram aos torcedores presentes, terminando ambos com o resultado de 1 a 1. No domingo, pela manhã, no Estádio da Amizade, os times Sub-11 do Petropolitano e Carangola se enfrentaram pela última rodada da fase classificatória. O alvinegro venceu o confronto por 2 a 0 com gols de Pedro Lucas e Miguel. O Petropolitano, dirigido por Rafael Lima, venceu com Edson, Marcos, Miguel, Matheus Dias, Rodolpho, Léo, João, Pedro Lucas, Matheus, Lucas, Pedro, João Marcelo, João Boti, Christian, Davi, Heitor, Caíque, Igor, Marcelo e Leone. O Petrô terminou em primeiro lugar e aguarda a marcação pela Liga Petropolitana de Desportos dos jogos finais.

Os jogadores de Sub-11 do Petropolitano empataram com o adversário de Paraíba do Sul

Alvinegro perde no Sub-13 Já na categoria Sub-13, em jogo realizado no domingo à tarde no Estádio Carlos Guinle, o alvinegro perdeu para o Carangola, por 2 a 0. O time dirigido por Francisco Lima que já havia conquistado vaga na semifinal do Campeonato Municipal atuou desfalcado de alguns titulares, entre eles, o lateral Gabriel que se recupera de uma fratura no braço. O

atleta já está liberado e deverá jogar nos jogos semifinais a serem marcados pela Liga Petropolitana de Desportos. Encerrando sua participação no Campeonato Municipal, o Sub-20 do Petropolitano, dirigido por Nahor Júnior, empatou com o Corrêas em 3 a 3, em jogo realizado no Estádio Ernani Duarte.

Imperial encerra a participação na Série B enfrentando Angra dos Reis Gustavo Soares

n Ascom - Imperial

O Imperial enfrentou o Mesquita na tarde deste domingo e acabou saindo com a derrota por 1 a 0 para o time da casa. O time petropolitano dominou o jogo e chegava com perigo, mas acabou levando um gol no fim e não conseguiu reagir. O time de Petrópolis encerra sua participação na Série B no próximo sábado, às 15h contra o Angra dos Reis, no Estádio Osório Júnior, campo do Cascatinha. O jogo O jogo começou muito equilibrado, e brigado no meio, mas aos poucos o Imperial começou a pressionar e chegar com mais perigo. O time da casa cometia muitas faltas e a bola parada foi uma das principais armas do time petropolitano com o lateral-esquerdo Gabriel que levava muito perigo. Aos 25min a melhor chance, quando o camisa 6 cobrou escanteio na área, a bola foi desviada e raspou no travessão, saindo pela linha de fundo.

O técnico Gustavo Leal se reuniu com os atletas após a partida

Apesar da pressão petropolitana o time não conseguiu abrir o placar e o jogo foi para o intervalo com 0 a 0. Na volta para o segundo tempo o Imperial seguiu melhor no jogo e buscando mais o ataque. O Mesquita dependia apenas de um empate para garantir sua permanência na Série B e tentava manter o placar, enquanto o Imperial era melhor e chegava com mais perigo. O

time petropolitano tinha maior posse de bola, mas encontrava dificuldades em passar pela defesa adversária. O Imperial seguia melhor, porém, aos 16min teve seu goleiro, Jonathan, expulso e ficou com um homem a menos. Apesar da desvantagem o time buscava o empate. Aos 36min Raí partiu para o ataque pela esquerda, levou entrada dura e Rodrigo foi expulso. Aos 38min o time da casa

saiu no contra-ataque rápido e Marcelo entrou na área e marcou: 1 a 0. Nos minutos finais o Imperial seguiu pressionando, mas acabou não conseguindo marcar e saiu de campo com sua primeira derrota no grupo X. Ficha Técnica: Mesquita 1 x 0 Imperial Data: 10/06/2012 – 15h Local: Louzadão, Mesquita (RJ) Árbitro: Sidney Roberto de Moraes Salvino (RJ) Assistentes: Daniel da Silva Alexandre (RJ) e Thiago Pillar Leal (RJ) Gols: Marcelo (MES) Mesquita: Gustavo; Iuri, Bruno Paulista, Rodrigo Fabiano e Bruno Porto; Allan Silva, Jardel (Rodrigo Matheus), Leo e Bruno Silva (Yan); Marcelo e Flávio (Leonardo). Imperial: Jonathan; Marcello (Raí), Muniz, Sargento e Gabriel; Juninho, Deivson, Andrezinho (Vitinho) e Elivelto; Dudu e Amorim (Jeferson). Treinador: Gustavo Leal.


diariodepetropolis