Issuu on Google+

Diário

de Petrópolis

E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Site: www.diariodepetropolis.com.br

Preço do exemplar: R$ 1,20

Nº 15.988 - Terça-feira, 1 de novembro de 2011 Divulgação

Dilma vai se reunir com países do Brics e G20 na França A presidente Dilma Rousseff viajou ontem à noite para Cannes, no Sul da França, onde participa da reunião de cúpula do G20 para discutir os impactos da crise econômica internacional. Dilma aproveita para se reunir também com representantes dos países do Brics. (Página 8)

Cemitérios estão sendo preparados para o Dia de Finados A Secretaria de Administração e Recursos Humanos realizou a pintura, lavagem, capina e roçada dos sete cemitérios municipais para que possam atender o intenso fluxo de pessoas esperado para amanhã, Dia de Finados. A expectativa é de 15 mil no Centro e cinco mil nos distritos. (Página 7)

agenda A gastronomia está em festa. As saborosas garfadas do Petrópolis Gourmet estão de volta em sua 11ª edição, que será realizada entre a próxima quarta, dia três, até 26 de novembro. Com grande destaque ao roteiro gastronômico da Cidade Imperial, o festival esse ano homenageia a culinária italiana, uma das mais completas, ricas e deliciosas do mundo.

57 anos

subida da serra fica interditada

Acidentes mostram o despreparo da Concer

Os constantes acidentes na Serra de Petrópolis vêm evidenciando o despreparo da Concer na administração da BR-040. Na noite de ontem mais um acidente com um caminhão interditou as duas pistas de subida da via. A rodovia apresentou retenção de cinco quilômetros, com engarrafamento chegando à praça de pedágio de Xerém. Em apenas cinco dias, este foi o terceiro acidente envolvendo veículos deste tipo que causou transtornos aos usuários da BR-040. Por isso, deputados estaduais pediram urgência às comissões de Transporte e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj) na convocação do diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Bernardo Figueiredo, para audiência. (Página 5)

Usuários denunciam falta de policiais no posto da PRF Fotos: Alan Alonso

Preocupados com a segurança na BR-040, na subida da Serra de Petrópolis, usuários da rodovia denunciam a falta de policias no posto da Polícia Rodoviária Federal, que fica na altura do Belvedere. Uma equipe de reportagem do Diário de Petrópolis esteve ontem no local e pode constatar que não havia nenhum policial na cabine. A PRF informou que um agente fica durante todo o dia no posto, mas, pode se ausentar para ir banheiro. (Página 5)

Vem aí a 20ª edição do Fashion Business (Página 7)

A reportagem do Diário esteve ontem em dois horários diferentes no posto da PRF no Belvedere e não encontrou nenhum policial Divulgação 105ª DP

(Página 10)

Bairros Moradores do Alto da Serra pedem há seis semanas a presença de guardas de trânsito aos domingos, no cruzamento entre as ruas Teresa e Santo Antônio. Segundo eles, várias irregularidades no trânsito são cometidas e não há fiscalização no local. Frequentadores da feira livre realizada no bairro também reclamam. (Página 9)

Esportes O atleta da Pé de Vento/MEP Gilmar Silvestre Lopes foi o terceiro colocado na etapa de Porto Alegre do Circuito Caixa. Em primeiro lugar ficou o adversário Giomar Pereira que reassumiu a liderança do campeonato. Com o resultado, o representante da equipe petropolitana caiu para a segunda colocação. (Páginas 9 e 10)

A balança usada na pesagem de cargas na descida da Serra continua desativada

As prisões e apreensões foram feitas por meio de denúncias anônimas

Balança da ANTT para fiscalização do peso de cargas continua desativada

Polícia prende seis pessoas por tráfico de drogas no último fim de semana

A balança da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), que serve para fiscalizar o peso de cargas transportadas em caminhões e carretas na rodovia BR-040, estava desativada na tarde de ontem. De acordo com Milton Valente, dono de uma oficina mecânica localizada ao lado da balança, o serviço de pesagem não vem funcionando regularmente.

(Página 5)

Anuncie no Classidiário. É grátis até 12 palavras n Escreva cada letra ou sinal de pontuação nos quadradinhos n Entre uma palavra e outra, deixe um quadradinho em branco n Preencha com letra de forma bem legível e entregue na sede do Diário

Nome:........................................................................................................................................... Identidade:................................................................................................................................... Endereço:.....................................................................................................................................

Seis homens foram presos em flagrante no último fim de semana por tráfico de drogas. Ao todo a polícia apreendeu mais de 150 cápsulas e 9 papelotes de cocaína, 2 tabletes e uma trouxinha de maconha, além de cerca de R$ 400 em espécie proveniente da venda de drogas. Os acusados foram encaminhados à 105ª DP ( Retiro), onde ficaram presos e os casos foram registrados.

(Página 5)


2

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 1 de novembro de 2011

O fim da cultura do litígio www.sebastiaonery.com.br n Ricardo

O FILHO DO VAQUEIRO RIO – Teotônio Vilela, nordestino de aço, largou a doença maligna entre os lençóis dos hospitais de São Paulo, pegou o avião, desceu em Maceió e entrou, como o peregrino da resistência democrática naqueles anos, na convenção do PMDB de Alagoas, para escolher o deputado José Costa candidato da oposição ao governo do Estado. Fez um discurso magnífico, emocionado pela força do que dizia e, sobretudo, pela força da lição de luta que dava. No dia seguinte, Ulisses Guimarães, José Costa candidato ao governo, José Moura candidato ao Senado, Gerardo Melo Mourão, exdeputado, eu, fomos todos a Arapiraca para um grande comício no segundo maior colégio eleitoral de Alagoas. TEOTONIO Na volta, no aeroporto de Maceió, encontramos o senador Luís Cavalcanti, do PDS, “o major” como carinhosamente o chamavam os alagoanos desde que foi governador. Luís Cavalcanti, conversando com a comitiva do PMDB, deu um depoimento para a História: - Não sei se vocês sabem. O fim dos atos institucionais começou na entrevista de Teotônio Vilela com o então presidente Geisel, quando Teotônio comunicou a Geisel que, embora senador da Arena, ia sair pelo País a fora pregando o fim dos atos institucionais, o fim da ditadura, o começo da distensão, para a abertura democrática. Geisel ficou muito impressionado com a decisão e os argumentos de Teotônio. Por isso é que, sempre que eu encontro o Teotônio, eu digo a ele: - Teotônio, você é um “Aicida”.

Ferraço

E

ntrar com ação judicial é encarar desgaste sem conta. É preciso paciência de Jó e nervos de aço para enfrentar a burocracia e esperar anos, às vezes décadas, por uma decisão. Fora o dinheiro para bancar um advogado capaz de esmiuçar brechas jurídicas a cada passo do processo, e uma boa dose de confiança diante da hipótese de impunidade. Toda essa dor de cabeça muitas vezes é desnecessária. De acordo com relatório do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), boa parte dos conflitos poderia perfeitamente ser resolvida de comum acordo entre as partes, sem a necessidade de ação judicial. A cultura do litígio, no entanto, insiste em engrossar a fila interminável de processos que caminha a passos de tartaruga e congestiona os tribunais, alimentando o ceticismo quanto à eficiência do Judiciário brasileiro. Na contramão dessa história, cresce o esforço para a consolidação de uma cultura de conciliação no Brasil. O CNJ já capacitou mais de 400 magistrados em media-

ção e determinou a implantação dos Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania, por meio da Resolução nº 125. Experiências de núcleos de mediação vêm se multiplicando Brasil afora, com a capacitação de lideranças comunitárias, policiais, defensores públicos, psicólogos, assistentes sociais e tantos outros profissionais. A figura de um mediador imparcial, capaz de facilitar a comunicação entre as partes envolvidas no conflito, pode ser o ovo de Colombo para a negociação de soluções de forma direta, simples e rápida. Soluções satisfatórias para ambas as partes, adotadas a partir da flexibilização de posições pessoais, sem qualquer caráter impositivo. No caso de decisões sobre divórcios, partilhas e guarda de filhos, a neutralidade emocional de um mediador evita que relações pessoais já debilitadas acumulem ainda mais desgaste com uma briga na Justiça. A mediação também é atalho considerável para resolver cobranças de dívidas, conflitos trabalhistas, administrativos e tantos outros, na esfera pública e privada. Otimismo? Nada disso. Nos Jogos Pan- Americanos de 2007, 18 núcleos de me-

ALDO Teotonio era usineiro e fazendeiro em Viçosa, Alagoas. Entendia de pasto e de vaca. Mas na fazenda dele vivia alguém que entendia mais de vaca e de pasto do que ele. Era o vaqueiro José Figueiredo, que tinha um punhado de filhos e cuidava da fazenda de Teotônio. Um dos filhos do vaqueiro José Figueiredo, José Aldo Rebelo Figueiredo, nascido em 1956. gostava de montar nos cavalos e sair pelas roças e pastos. Mas aprendeu a ler e gostava mais ainda de ler. Foi estudar no Colégio Agrícola Floriano Peixoto, de Alagoas, tornou-se jornalista. No meio do curso de Direito, transferiu-se para São Paulo, onde em 1980 se elegeu presidente da UNE (União Nacional dos Estudantes). Correu mundos.Um dia, em 89, nos encontramos na Líbia de Kadafi. Em 88 tinha sido eleito vereador por São Paulo, na legenda do PC do B, de cuja direção nacional era membro. Em 90, elegeu-se deputado federal e até hoje se reelege, tendo sido presidente da Camara de 2005 a 2007. Candidato a vice-prefeito de São Paulo na chapa de Marta Suplicy em 2008, foi derrotado com ela, perdendo para o múltiplo Gilberto Kassab. MANDIOCA Aldo é autor na Camara de alguns projetos polêmicos, tanto mais polêmicos quanto mais necessrios, como o que restringe o uso de palavras estrangeiras em documentos ou obras publicas nacionais, para conter um pouco essa cretina, suburbana e colonizada mania de dar nomes estrangeiros a edificios, lojas, salões de cabeleireiros, termas e puteiros. Outro projeto que mobilizou contra ele poderosos grupos externos e internos foi a adição de 10% de raspa de mandioca na farinha de trigo destinada à fabricação do “pão francês” (o pãozinho de sal), consagrado estudo da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisas Agrícolas) de Cruz das Almas, na Bahia. O Brasil é o maior produtor mundial de mandioca. O projeto continua enfiado em alguma gaveta da Camara, escondido pelos conhecidos faturadores de interesses inconfessáveis contra o pais. MINISTRO Quando vi o filho do vaqueiro, Aldo, relator do Código Florestal, sabia que mais uma vez ele iria enfrentar dificuldades. Mas também sabia que pouca gente, no Congresso, entende de roça e campo quanto ele. Agora, Aldo foi convocado pela presidente Dilma para pôr um fim na intoleravel rapinagem das ONGs partidárias no ministério dos Esportes. Se o governo fizer como Teotônio e lhe der cavalo e pasto, Aldo vai longe. www.sebastiaonery.com.br - sebastiaonery@ig.com.br

mediação na esfera privada e em órgãos públicos, como conselhos tutelares, Procon, presídios, escolas e Defensoria Pública, oferecendo à sociedade alternativa mais simples e eficaz para a solução de conflitos. Só com essa diretriz nacional será possível,também,abrir o mercado de trabalho para mediadores devidamente capacitados e desenvolver estatísticas confiáveis sobre os resultados da mediação. Vale observar que vários países já regulamentaram essa matéria, entre eles os Estados Unidos, a Argentina, o Japão, a Austrália e a França. No Brasil, a mediação foi objeto do II Pacto Republicano, assinado pelos três Poderes da Federaçãoem2009. Estimular a mediação é apostar numa cultura de paz, na capacidade de negociação e diálogo para que as partes envolvidas num conflito tenham a chance de chegar, por si próprias, a soluções consensuais. É também evitar que uma simples briga na escola, uma cobrança indevida, ou até um bate-boca entre vizinhos continuem sufocando ainda mais o Judiciário. Correio Braziliense n Senador pelo PMDB-ES

Preservar o modelo

A VACA Teotônio não era apenas o apóstolo da redemocratização. Era um aplicado discípulo do Cristo. Como Ele, gostava de falar por parábolas. No Clube dos Repórteres Políticos do Rio, eu lhe perguntei por que o governo e a Arena tinham tanto medo das eleições diretas. Ele sorriu e contou: - A vaca do compadre pobre apareceu no pasto do compadre rico. O compadre pobre pediu ao compadre rico uma corda para tirar a vaca de lá. O compadre rico desconversou: - Agora, eu vou à missa. - Mas, compadre, o que é que tem minha vaca com a sua missa? - Compadre, quando a gente não quer, qualquer desculpa serve.

diação criados pela Secretaria Nacional de Segurança Pública no Rio de Janeiro foram fundamentais para desafogar o trabalho da polícia e da Justiça. Em Minas Gerais, o Programa Mediação de Conflitos atendeu mais de 55 mil casos entre 2005 e 2008. Em dois anos, o Projeto Mediar, implantado nas delegacias do estado, reduziu em 45,51% o número de ocorrências policiais. No Espírito Santo, a instalação de um núcleo para mediação interna no Tribunal de Justiça foi a solução encontrada diante da dificuldade nas relações de trabalho entre servidores e magistrados. E não faltam outros bons exemplos—no Ceará, em Pernambuco e nos demais estados. O problema é que, no meio do caminho, sempre teima em haver uma pedra. E a pedra, no caso, é a inexistência de legislação federal capaz de padronizar o instrumento da mediação em todo o território nacional. Quais são exatamente as competências e os limites do mediador? Qual deve ser sua qualificação? Que órgão deve ser responsável pelo cadastro e pelo controle do trabalho desses profissionais? Só com diretriz de caráter nacional será possível fomentar a implantação da

n Pepe

Vargas

A

arrecadação do Regime Geral de Previdência Social (RGPS) registra considerável aumento nos últimos anos, em função do crescimento dos empregos formais e da elevação da massa salarial. O regime contributivo dos segurados urbanos registrou superávit de R$7,704 bilhões em 2010 e, até agosto de 2011, de R$10,388 bilhões. Ajustada ao INPC, a arrecadação previdenciária urbana líquida cresceu 41% de 2006 a 2010 frente a 22% de aumento da despesa. Mesmo considerando o regime dos segurados especiais (agricultores familiares, extrativistas e pescadores artesanais), que têm baixa capacidade de arrecadação, a necessidade de financiamento da previdência social caiu

de 1,8% para 1,2% do PIB no mesmo período e chegou a 0,96% em julho deste ano. Estes resultados derrubam as previsões apocalípticas que economistas de inspiração neoliberal faziam a respeito do RGPS nos anos 90. Hoje, para sustentar o surrado discurso da necessidade de uma reforma regressiva da previdência, justificam que haverá envelhecimento da população. De fato, pela projeção do IBGE, a população acima dos 65 anos sairá dos atuais 6% para cerca de 22% em 2050. No mesmo período, no entanto, a população economicamente ativa (PEA) permanecerá estável, e a de crianças cairá pela metade. A PEA, inclusive, crescerá, chegando a algo em torno de 70% por volta de 2025, para depois retornar aos atuais 65% da população em 2050. O fato mais importante, desconsiderado pelos defen-

sores das reformas regressivas, é que há expressivo contingente a ser incluído como contribuinte do RGPS. A cobertura previdenciária, que havia declinado de 66,4% para 61,7% entre 1992 e 2002, atingiu 69,3% da PEA em julho de 2011. Ainda temos, portanto, cerca de 30% da PEA, que permanecerá numerosa, para incluir como contribuinte da previdência. Os fatos demonstram que as receitas neoliberais aplicadas na previdência social produziram fracassos retumbantes e, ao contrário do que preconizavam, desequilibraram as contas do RGPS e diminuíram a cobertura previdenciária entre a população. Por outro lado, evidenciam a viabilidade do modelo previdenciário inspirado no Estado de bem-estar social, que vem reorganizando as contas do RGPS, ampliando a cobertura previdenciária e promovendo expressiva

elevação do valor do piso dos benefícios. O futuro do RGPS depende, em última instância, do modelo econômico que o Brasil escolher. Um eventual retorno às políticas neoliberais o colocará em risco. O aprofundamento da atual política econômica, de crescimento com distribuição de renda, permitirá seu constante aprimoramento. A continuidade da formalização da economia e da elevação da massa salarial é o passaporte para um futuro no qual todos os brasileiros tenham direito à proteção social. Nele, os ajustes atuariais decorrentes da transição demográfica poderão se ancorar na evolução social do país, e esta, na virtuosidade de um regime de previdência que dinamiza a economia ao prover renda para milhões de pessoas. n Deputado federal - PT/RS

A valorização da latinidade

n Arnaldo Niskier

A

jornalista e escritora Dad Squarisi deu uma oficina literária para 120 jovens estagiários, no CIEE de Brasília. Confesso que me deliciei com a desenvoltura com que a conferencista galvanizou o interesse da plateia, que demonstrou enorme curiosidade pela forma como foi sendo desenvolvido o conteúdo linguístico por ela dominado. Num dos intervalos, Dad Squarisi abordou o seu grande interesse pela expansão da latinidade, o que naturalmente envolve questões estratégicas, sobretudo o relacionamento entre o Brasil e a França, que hoje está voltando a ser importante, depois de um período cinzento. Lembrei, então, de um fato do qual fui testemunha. A Academia Francesa homenageou há tempos a sua

coirmã brasileira, a Academia Brasileira de Letras, com uma sessão solene, em sua belíssima sede, “sous la coupole”. Quinze imortais brasileiros e outros tantos franceses, sob a liderança da Secretária perpétua Hélène Carrère D’Encause, discursaram num revezamento na qualidade das análises feitas. Predominou o relacionamento cultural de Brasil e França. O poeta Ivan Junqueira falou sobre o percurso literário de autores franceses. Jean D’Ormesson lembrou os anos vividos no Rio de Janeiro. Foi um simpático momento de descontração. O saudoso Maurice Druon, autor do clássico “O menino do dedo verde”, discorreu sobre o prazer com que nos visitou algumas vezes. Numa delas, em 1998, lançou as sementes do Prêmio da Latinidade e da Academia da Latinidade, tendo a delicadeza de salientar a nossa participação favorável às iniciativas, quando na presidência da ABL. A vontade expressa de

Diretor-Presidente e Jornalista responsável: Paulo Antônio Carneiro Dias Editora interina: Jaqueline Gomes

D

valorizar a latinidade passou a contar com a simpatia das Academias da Bélgica e da Romênia , como nos afirmou convictamente o embaixador Jerônimo Moscardo. Desses países está emergindo um movimento natural de criação do Conselho da Latinidade, que contará com a simpatia de intelectuais brasileiros interessados na matéria. A nosso ver, o ponto alto da solenidade foi o discurso do ex-presidente José Sarney. Foi muito aplaudido. Disse que “nossas academias são guardiãs do patrimônio representado pelas línguas, saídas do mesmo berço do Lácio. Não queremos perder nossas identidades nem a maneira de pensar e viver.” Sarney falou das várias manifestações culturais existentes em São Luís, onde a força da França perdura na alma popular, em suas estátuas, canções e na magia de pensar. “A França ali é aquela mulher mais bela, esvoaçante, símbolo da liberdade que flutua na alma rebelde da cidade.”

iário de Petrópolis 57 anos

Uma publicação da PJ Editora e Gráfica e Jornalística Ltda

Preço do Exemplar 3ª a sábado R$ 1,20 Domingo R$ 1,80 Atrasado R$ 2,50

Assinatura Trimestral Petrópolis R$ 80,00 Rio e outros R$ 160,00

Assinatura Mensal Petrópolis R$ 28,00 Rio e outros R$ 56,00

Assinatura Semestral Petrópolis R$ 152,00 Rio e outros R$ 304,00

Recebemos uma forte influência cultural francesa, que só começou a perder substância a partir do fim da II Guerra Mundial. A troca pelos efeitos da cultura norteamericana, por intermédio de filmes, músicas, vídeo, televisão etc, foi uma realidade. O que se questiona é se houve vantagem para a nação em desenvolvimento. Na dúvida, restituí-mos a língua francesa aos nossos currículos, a partir de 1980, com enorme sucesso. Pena que não tivesse ocorrido a necessária continuidade. Concordamos com Sarney quando afirmou que a cultura, hoje, necessita de vigilante proteção. “Numa sociedade voltada para o consumo, para a riqueza, há uma constante e perigosa diminuição dos elementos que construíram a nossa civilização... Por que não pensar também que uma potência cultural gera desenvolvimento econômico e político?” n Membro da Academia

Brasileira de Letras

Site: www.diariodepetropolis.com.br E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Diretoria 2246-3807 Assinatura 2246-3807 Publicidade 2237-7849 Classificado 2246-3807 Redação 2235-7165

Rua Joaquim Moreira 106 Centro - Petrópolis - RJ Cep 25.600-000 CNPJ 02.424.864/0001-66

ABRAJORI - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS JORNAIS DO INTERIOR

As opiniões emitidas em artigos assinados não representam, necessariamente, o pensamento do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores. Da mesma forma, as informações e opiniões nas colunas são de responsabilidade de seus titulares.


DORA KRAMER Menos é muito mais

D

oença é assunto delicado nem sempre abordado com a devida delicadeza quando se trata de pessoas públicas. A imprensa, no cumprimento da tarefa de informar, de quando em vez resvala pelo perigoso terreno da morbidez, embora esse não seja o aspecto mais desconfortável de situações como a que agora diz respeito ao câncer na laringe diagnosticado no ex-presidente Luiz Inácio da Silva. Não falemos do que andou no fim de semana pela internet (Twitter, blogs, Facebook etc.), porque aí falaríamos mesmo é da natureza humana e sua sordidez em expansão num ambiente em que tudo é permitido muitas vezes sob a égide do anonimato. Assim como ocorreu quan-

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

TERÇA-FEIRA, 1 DE NOVEMBRO DE 2011

do a então ministra da Casa Civil e pré-candidata à Presidência Dilma Rousseff descobriu que estava com câncer linfático, agora com Lula o pior são as ilações de caráter político. Eivadas de precipitação, há inadequações para todos os gostos: por parte daqueles que professam o credo lulista e também dos que não reconhecem em Lula o santo de sua maior devoção. Entre os primeiros, busca-se santificar. No segundo grupo manifesta-se uma tendência de mal disfarçado regozijo. Ambas as correntes preocupam-se menos com a situação do doente, cujo momento requer respeito e sobriedade, e mais com o proveito que possam tirar da situação. Com Dilma, o grupo que se preparava para sustentar sua

candidatura chegou a ensaiar a construção da sacralização de um misto de vítima e combatente. Na seara adversária fizeramse prognósticos terríveis, dando por extinta a candidatura. A respeito de Lula também se fazem suposições tão açodadas quanto. Segundo alguns autores, a descoberta do câncer vai alterar o cenário eleitoral de 2012, pois o principal agente mobilizador do eleitorado estaria fora de combate. De outro lado, dos correligionários, há uma evidente tentativa de tirar proveito político da solidariedade. Dificuldades pessoais não se prestam a estratégias, inclusive porque há o imponderável. Até onde se sabe pelas infor-

mações dos médicos, o tumor na laringe é dos mais curáveis, foi descoberto no início e está localizado. O ex-presidente começou ontem (31) um tratamento quimioterápico previsto para durar de três a quatro meses. Tudo saindo conforme o previsto - e nada há no cenário exposto que faça supor o contrário - no primeiro trimestre de 2012 estará de volta às lides da política. O resto é precipitação. O episódio é importante. Requer compostura e, na medida do possível, um arquivamento temporário das paixões. Marcelo Freixo - De caráter diverso - embora também causador de apreensão - é o caso do deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ), que decidiu levar a família para fora do País por um tempo devido às ameaças de morte que vem recebendo por parte das milícias no Rio. Milícias são grupos de policiais e ex-policiais que, a pretexto de combater a criminalidade, tomam o lugar dos bandidos tradicionais e passam a dominar uma comunidade controlando todos os serviços na base do terror. Segundo o secretário de

3

Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, “são bandidos duas vezes”. Pois bem, Marcelo Freixo comandou em 2008 uma CPI das Milícias na Assembleia Legislativa, cujas investigações resultaram em mais de 500 prisões. Inspirou, por seu trabalho, personagem do filme Tropa de Elite-2. E também por seu trabalho chegou ultimamente a receber sete ameaças de morte por mês. Numa cidade em que uma juíza (Patrícia Acioly) foi assassinada a mando de um então integrante da cúpula da polícia, não é um fato irrelevante. Freixo decidiu então, a convite da Anistia Internacional, sair por um período do Brasil, a fim de aliviar a tensão familiar. Mais que compreensível. Exceto para aqueles que fazem ilações político-eleitorais buscando dar à decisão do deputado o caráter de um golpe publicitário para impulsionar sua candidatura à Prefeitura do Rio. Coisa de quem, a pretexto de “entender tudo”, mostra que não entende nada de um problema que não é particular. É público.

CIDADE

Secretaria realiza obras em mais quatro pontos Nos últimos dias, o secretário de Obras do município, Stênio Nery, vistoriou algumas melhorias no primeiro distrito da cidade. Tais intervenções fazem parte do cronograma de trabalho da prefeitura, servindo como medidas preventivas para as chuvas de verão. Uma das operações concentra-se na Rua Lopes de Castro, no bairro Chapa 4. Lá, será feita a reurbanização da rua, drenagem, recapeamento, colocação de meio fio e asfaltamento. O estudante Wellinton da Silva resumiu a antiga situação da via: - O acesso era precário. Os carros enfrentavam muitos problemas para subir e manobrar. Agora, ela está mais larga, o que facilita a circulação. Outra obra em andamento é na Rua Raul Veiga, no bairro Quitandinha. No local, está sendo construída uma nova rede de águas pluviais,

além da restauração das redes já existentes. Após as fortes chuvas que atingiram a região, parte do sistema foi danificado. - O rio estourou os canos. Mina solicitação foi atendida muito rapidamente - disse o comerciante, João Luiz Thomaz. A terceira vistoria do secretário aconteceu na Servidão Mário Barbatti, no bairro Alto da Serra, onde uma equipe trabalha na recomposição da passagem e construção de um muro de contenção. Atendendo a um pedido dos moradores, a Secretaria Municipal fará os reajustes na captação de águas provenientes das chuvas e instalará um novo sistema de iluminação. - O bairro tem muitos idosos e a visibilidade à noite torna o caminho perigoso. Nossa expectativa é muito boa - disse a moradora. O secretário acompa-

Daniel Carvalho/Ascom PMP

Obras na Servidão Mário Barbatti, no bairro Alto da Serra: recomposição da passagem e construção de um muro de contenção

nhou, ainda, o andamento da reforma do sistema de captação de águas na Rua Augusto Severo, no bairro Morin. A região enfrentava sérios pro-

blemas, como relata a dona de casa Tânia Henrichs: - Quando chovia forte, a água retornava e inundava todo meu banheiro. A chuva

do início do ano me causou muitos prejuízos. Agora, me sinto segura com as obras. Segundo Stênio Nery, a Secretaria de Obras vem tra-

balhando intensamente em diversas frentes do município, no intuito de melhorar a estrutura e proporcionar mais segurança aos moradores.

Vacinação contra HPV é Semana de Comunicação divulgada em caminhada recebe fotógrafo do Extra O deputado estadual Bernardo Rossi (PMDB) participou sábado (29) da caminhada do Outubro Rosa, campanha de detecção precoce do câncer de mama realizada nas ruas do Centro Histórico de Petrópolis, aproveitando para divulgar a vacinação contra o vírus HPV, principal causa do câncer de útero. O estado do Rio será o primeiro a vacinar contra o HPV na rede pública de saúde, projeto de Bernardo Rossi e Rafael Picciani (PMDB) sancionado pelo governador Sérgio Cabral. - As campanhas de prevenção e detecção precoce da doença são fundamentais. O tratamento da doença é doloroso, desestrutura famílias. Toda ação de preveção e conscientização, como a caminhada do Outubro Rosa que a cada ano reúne mais adeptos é positiva. São multiplicadores de informação – disse Rossi. A caminhada foi realizada pela Associação Petropolitana de Pacientes Oncológicos (APPO) e Centro de Tratamento Oncológico (CTO) com apoio de entidades e instituições da área de saúde, associações de moradores, líderes comunitários e voluntários envolvidos com o Outubro Rosa. Até setembro deste ano, o CTO registrou 106 novos casos de câncer de mama em

O deputado Bernardo Rossi na caminhada do Outubro Rosa

Petrópolis. Em 2010, foram contabilizados 115. Com o diagnóstico precoce, 95% dos casos podem ser curados. Antes de colocar a campanha de vacinação contra o HPV em prática, o governo do estado vai sensibilizar e conscientizar da importância da imunização envolvendo órgãos estaduais como secretárias de Saúde e Educação. - Não basta comprar a vacina. É preciso estimular as mulheres a se vacinar. A campanha Outubro Rosa em escala nacional e realizada com brilhantismo em Petrópolis mostra que essa mobilização faz a diferença – disse Rossi. Mulheres fluminenses –

população estimada em sete milhões – são o foco do Programa Estadual de Vacinação contra o HPV (Human Papiloma Virus), que é a principal causa do câncer de útero – 137 mil registrados em todo o país, sendo mais de 18 mil novos casos por ano. O vírus HPV é transmitido por contato sexual e atinge cerca de 630 milhões de pessoas no mundo, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Estudos do (Inca) mostram que há 4.800 mortes por ano em todo o país. Hoje, a vacina já existe, mas apenas na rede particular e cada dose (são necessárias três para a imunização) custa R$ 300.

A Universidade Estácio de Sá realizou, na sexta-feira (28), o último dia da Semana Nacional de Comunicação. O fotógrafo do jornal Extra, Bruno González; e o publicitário Gláucio Reynaud estiveram no campus II da instituição e falaram sobre os desafios nas duas áreas. Ainda na sexta, foram realizadas duas oficinas: “Texto para TV”, com o professor e jornalista Rogério Sacchi; e “Photoshop – Como fazer uma fotomontagem”, com Willian Tang. A Semana foi encerrada com a oficina sobre Storyboard, ministrada por Cláudia Cartaxo. Bruno González mostrou imagens de grandes coberturas, como a ocupação do Complexo do Alemão, no fim de 2010. O fotógrafo destacou que, com o perfil multimídia das coberturas jornalísticas, é pedido pelos jornais, que, além das fotos, sejam produzidos vídeos para serem postados no site. Ele explicou, no entanto, que o fotógrafo decide se deve ou não cobrir eventos que possam causar risco à integridade física. - O Extra, pelo menos, sempre nos deixou bastante à vontade. Só cobrimos quando sentimos que temos condições – afirmou. Gláucio Reynaud, por sua vez, falou sobre marke-

Fotos: Divulgação

Bruno Gonzáles, fotógrafo do jornal Extra, durante palestra

ting promocional, ativação e eventos e a necessidade da constante inovação. Diretor de arte na Total On Demand, empresa que trabalha com o conceito de marketing integrado, ele mostrou diversas ações de ativação realizadas pela empresa nas ruas do Rio de Janeiro, além de apresentar vencedores de concursos internacionais. E deu um conselho para os estudantes: - Vocês devem enxergar cada oportunidade, porque elas estão sempre surgindo. Ao todo, onze palestras foram realizadas durante a Semana de Comunicação.

Temas dos mais diversos, como Comunicação Digital e Comunicação e Marketing nas Empresas foram tratados. Duas palestras foram teletransmitidas: a do publicitário Roberto Dualibi, fundador da agência DPZ; e dos jornalistas Fábio Ramalho e Mariana Leão, apresentadores do “Hoje em Dia – Rio”, da TV Record. A faculdade também realizou dez oficinas, abertas também a estudantes que cursam ou já concluíram o ensino médio, com temas como Fotopublicidade, Radiojornalismo, Edição de Vídeo e Jornalismo Online.


4

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

57 anos

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Alexandre Machado

Fábio Silva

II Mostra Casando com Estilo

colunadoalexandre@gmail.com 8131-6401

Um grande público prestigiou a II Mostra Casando com Estilo, que reuniu profissionais de eventos e casamentos, nos dias 29 e 30, no Espaço Terra Santa. Cada profissional apresentou seus produtos e serviços. As organizadoras do evento: Márcia e Carla

Os amigos Paulo Amorim e Leandro Leal na noite da boate Tamboatá

Fábio Silva

Nota de pesar A coluna expressa seu profundo pesar pelo falecimento de D. Ondina, mãe da tabeliã Sônia Soares Pereira (leia-se Cartório 2º Ofício) e avó do presidente do Rotary Cidade Imperial, Gustavo Espinho, ocorrido ontem, no Rio de Janeiro. Nossas condolências aos familiares e amigos.

Curtas Desde sábado, Pitágoras Muller está acompanhando alguns familiares do Sul, que dividem o tempo entre Rio e Itaipava. Eles estão hospedados na Pousada Sítio do Rumo, no Vale do Cuiabá. n

Heloísa e Hélio Werneck de Carvalho foram conferir a mostra Casando com Estilo, no Espaço Terra Santa. O filho Helinho era um dos expositores, juntamente com seu sócio Dudu Cirelli (leia-se Idea Prima Eventos). n

Um dos destaques no restaurante Sr. Tacho, em Itaipava, são as sobremesas, todas feitas por uma das sócias, Manuela Carreira. n

Retornando de Portugal, após vinte dias de muito lazer, o querido casal Rosana e Mateus Scagliarini Jr. n

Também circulando na mostra Casando com Estilo, Carla Coelho, Daniely Corrêa e Letícia Amemiya

Rula Simões comemora aniversário amanhã. Parabéns! n

Tranqüilidade para a sua empresa

Contabilidade de última geração, sistema avançado de informática Escrita Fiscal – Rotinas Trabalhistas e Folha de Pagamento Sistemática Departamento Jurídico – Direito Cível – Direito Trabalhista Projetos Econômicos – Análise de viabilidade e capacidade de sua empresa – Administração de Bens e Serviços – Corretagem e Administração de Imóveis – Equipe com treinamento especializado Direção Técnica: Márcio Tesch Economista – Corecon 10582 Advogado – OAB/RJ 59.566 Tec. Contab. – CRC/RJ 25.384-0

Rua do Imperador, 772 – Gr 105/106 – Centro Petrópolis – RJ. Tel/Fax: (024) 2231-6212 / 2231-3322

Pão francês - R$ 5,99kg (somente no balcão)

Entrega em domicílios Rua Epitácio Pessoa, 100 (atrás dos Correios)

Centro - Petrópolis - RJ Tel. 2231-2160

Direitos Autorais Registro de Músicas Livros Eventos Culturais Agente: Domingos Capistrano Operando no Mercado a 32 anos

Tels.: (24) 2237-3210 (24) 9832-0327 Petrópolis - RJ (22) 9907-4947 Cabo Frio - RJ


terça-feira, 1 de novembro de 2011

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

5

cidade

Acidente interdita a Serra novamente Divulgação

Os homens foram presos e as drogas apreendidas pela polícia

Seis homens são presos por tráfico de drogas Seis pessoas foram presas em flagrante por tráfico de drogas no fim de semana. Somando todas as ocorrências, a polícia apreendeu mais de 150 cápsulas e 9 papelotes de cocaína, 2 tabletes e uma trouxinha de maconha, além de cerca de R$ 400 em espécie proveniente da venda de drogas. Os acusados foram encaminhados à 105ª DP ( Retiro), onde ficaram presos e os casos foram registrados. A primeira ocorrência foi registrada na madrugada de sexta-feira para sábado, quando um jovem de 19 anos foi preso portando 9 papelotes de cocaína. A prisão foi feita por agentes do Serviço Reservado (P2) da Polícia Militar (PM), atendendo a uma denúncia anônima informando sobre o tráfico de drogas no Sertão do Carangola. A informação dava conta de que dois homens traficavam na região, porém apenas um foi localizado. Segundo a polícia, a droga foi encontrada na casa do acusado e também foram apreendidos R$ 100 em espécie. O jovem confessou aos policias que traficava. Já no sábado(29), outro jovem de 19 anos foi preso, quando chegava à cidade em um ônibus vindo de Caxias. A equipe do Grupamento de Ações Táticas (GAT) da PM, comandada pelo sargento Clemente, interceptou o ônibus na altura do Quitandinha, próximo ao pórtico. Na mochila do rapaz foram encontradas 45 cápsulas de cocaína e 2 tabletes de maconha. De acordo

com a polícia, a droga que o acusado disse ter comprado na favela Mandela, seria vendida no bairro Jardim Salvador. O acusado ainda disse aos agentes que cada uma das cápsulas teria sido comprada por R$ 10 e que havia usado todo o salário dele para a compra dos entorpecentes. No domingo, a PM fez duas apreensões. A primeira ocorreu por volta das 8h40, na Rua Albino Siqueira, próximo ao Colégio Santo Antônio, Alto da Serra. Os agentes abordaram três jovens, de 17, 20 e 21 anos, que estavam em um ponto de ônibus e demonstraram nervosismo com a aproximação dos policiais. Com eles foram encontradas 80 cápsulas de cocaína, 3 sacolés da mesma droga e mais 2 tabletes de maconha. Os dois maiores foram presos e autuados por tráfico e associação, além de corrupção de menor. Já o menor foi apreendido e responderá por ato análogo. Ainda ontem ele seria encaminhado a justiça. No mesmo dia por volta das 14h30, na Rua Souza Franco (Rua da Feira), Centro, um homem de 24 anos foi preso por um PM que fazia patrulhamento a pé pela região. Ele foi abordado após demonstrar atitude suspeita e com ele foram encontradas 26 cápsulas de cocaína e mais R$ 300 em espécie proveniente da venda de drogas. O homem já havia sido preso e condenado há cerca de dois anos por conta de um homicídio.

Polícia prende jovem por receptação no Cascatinha Uma mulher de 21 anos foi presa em flagrante na tarde do ultimo domingo, na Rua Pouso Alegre, no Cascatinha, autuada por receptação. Na casa dela foram encontrados vários pertences da vítima, que registrou a ocorrência de furto seis dias antes da prisão da jovem. A vítima teria dado falta de diversas peças de roupa, roupas íntimas, celular e jóias, entre outros, e feito o registro no último dia 24. Ao passar em frente à casa da acusada, a vítima reconheceu algumas de suas peças de roupa penduradas em um varal e chamou a polícia. Os agentes conduziram a proprietária do imóvel à delegacia, onde ela inicialmente afirmou que teria comprado as roupas na Rua Teresa e não furtado. Diante das evidências, no entanto, ela acabou confessando o crime. O delegado adjunto da 105ªDP (Retiro), Fabrício Pereira, após autuar a mulher por receptação solicitou que os policiais voltassem à residência e fizessem buscas

pelos demais pertences relatados pela vítima na primeira ocorrência. A jovem de 21 anos acompanhou o trabalho dos policiais que aos poucos foram encontrando todos os materiais furtados. De acordo com o registro, ela inicialmente negava que as roupas fossem produto de furto, mas no fim acabou ajudando os agentes e indicou onde estavam escondidos dois anéis de ouro. - Quando ela percebeu que iria ficar presa e, até para tentar atenuar a pena, ela acabou confessando que havia furtado. Ela disse que entrou por uma janela da casa, em uma hora em que sabia que não teria ninguém. A motivação, segundo ela, seria por causa das constantes humilhações que sofria da vítima- explicou o delegado, acrescentando que no prosseguimento das investigações, a mulher deverá responder por furto. Ela pagou fiança e responderá em liberdade, inicialmente pelo crime de receptação.

A subida da Serra ficou mais uma vez interditada, na noite de ontem, por causa de um acidente envolvendo um caminhão. Na altura do quilômetro 98 da BR-040, em Duque de Caxias, a carga de um veículo que transportava refrigerantes se desprendeu e, para evitar que os engradados caíssem na pista, outro caminhão emparelhou com ele e escorou a carga, bloqueando, assim, as duas faixas da pista de subida. Até a Concer – concessionária que administra a via – teve dificuldade em chegar ao local do acidente. O guincho para retirar o caminhão precisou descer pela contramão. A rodovia apresentou retenção de cinco quilômetros, com

engarrafamento chegando à praça de pedágio de Xerém. Em cinco dias, este é o terceiro acidente envolvendo caminhões que causa transtornos aos usuários da BR-040. No sábado, o risco que os motoristas passam ao transitar pelo trecho de Petrópolis foi comprovado. Na altura do quilômetro 72, sentido Rio de Janeiro, o motorista de um caminhão dos Correios, que seguia sentido Juiz de Fora, acabou perdendo o controle do veículo e caiu na pista contrária. Ele precisou ser socorrido por uma equipe de socorro e encaminhado ao Hospital Santa Teresa, no Bingen, com ferimentos moderados. O acidente aconteceu à meia

noite, mas até a tarde do dia seguinte o veículo ainda continuava no local. Já na quarta-feira passada, o tombamento de uma carreta bi-trem, que transportava 24 toneladas de chapas de madeira, na pista de subida da Serra, também provocou retenção de quatro quilômetros ao longo de todo dia, a partir do Km 99, em Duque de Caxias. O acidente ocorreu por volta das 6h, e até o início da noite o tráfego ficou em meia pista. A carreta tombou sobre um automóvel Corsa. Tanto o caminhoneiro quanto o motorista do carro sofreram apenas ferimentos leves e foram atendidos no local pelo socorro médico da Concer. Por causa dos constan-

tes acidentes, os deputado estaduais Bernardo Rossi (PMDB) e Marcus Vinícius (PTB) pediram urgência às comissões de Transporte e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj) na convocação do diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Bernardo Figueiredo, para audiência no parlamento estadual. O apelo decorre deste acidente de quarta-feira, “que evidenciou os riscos para os motoristas do trecho da serra de Petrópolis, a falta de fiscalização de cargas e a inoperância da Concer, empresa que administra a rodovia, em manter pistas em boas condições e sinalizadas”.

Falta de fiscalização permite que caminhões tenham excesso de carga A balança da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) localizada na descida da BR-040 para verificar o peso das cargas de caminhões que trafegam diariamente pela rodovia não estava em funcionamento na parte da tarde de ontem. A pista para entrada dos veículos para pesagem estava bloqueado com placas de sinalização e blocos. De acordo com o dono de uma oficina mecânica, Milton Valente, localizada ao lado da balança, uma equipe esteve no local na parte da manhã, mas a via não chegou a ser aberta. Ele afirma que, além da pesagem de cargas de caminhões, a balança também funciona como um inibidor de velocidade para os veículos de passeio. Por conta da imprudência de um motorista, o filho do mecânico foi atropelado em agosto deste ano no acostamento, poucos metros da balança e continua internado em estado grave. - Quando está funcionando, os motoristas avistam a equipe de pesagem e ficam intimidados, passando mais devagar. Sem balança, eles passam voando, a mais de 180 km/h. Meu filho foi atropelado por um louco que quis fazer uma ultrapassagem pelo acostamento. Ele teve traumatismo intracraniano e está há 69 dias no Hospital Santa Teresa, onde está até hoje em estado grave. Quebrou também os dois braços, o úmero e o tórax – declarou Milton. Ele afirmou que o serviço de pesagem não vem funcionando regularmente, embora na via trafegue frequentemente veículos de carga. Por

Fotos: Alan Alonso

O mecânico Milton Valente afirmou que o serviço de pesagem não funciona regularmente

minuto, passam entre 8 e 10 caminhões. - Eles ficam aqui no máximo quatro horas por dia com o serviço de balança, mas não é todo dia. Hoje (ontem), eles nem fizeram a pesagem, ficou fechado. Tem dias que trabalham por uma hora, outros duas. Geralmente ficam das 6h da manhã às 9h – disse o mecânico. A balança serve para fiscalizar o peso transportado na rodovia, evitando caminhões com excesso de peso. O Diário publicou uma série de matérias denunciando a desativação da balança, que preocupava os motoristas. O Ministério Público Federal (MPF) abriu um inquérito civil para apurar o caso, o que causou a reaber-

tura do equipamento no dia 11 de abril para que a fiscalização pudesse ser feita. Outro problema abordado pelo Diário de Petrópolis em março foi a localização do equipamento, no fim da descida, possibilitando que um caminhão com um peso acima do permitido desça toda a Serra de Petrópolis sem passar por nenhum posto de fiscalização até chegar em Xerém. Também em relação a este assunto, o inquérito civil trouxe resultados, já que a ANTT informou, na época, que estudava um novo local para o posto de pesagem. “Encontra-se em análise nesta ANTT um estudo para alteração dos postos de pesagem existentes no trecho concedido

na rodovia BR-040”, informou Rubens Narciso Peduti Dal’ Molin, gerente de Fiscalização e Controle Operacional de Rodovias da ANTT, em ofício encaminhado ao MPF em abril. “Entretanto, para efeito de fiscalização é estudada a malha viária do entorno da rodovia e a posição dos postos de pesagem de tal forma que seja composto um conjunto de postos que cubram a maior parte de rotas alternativas, a fim de se reduzir as rotas de fuga”, completou. Para esta matéria o Diário de Petrópolis ligou para a assessoria de imprensa da ANTT, mas caiu em um serviço eletrônico, sem conseguir uma resposta até o fechamento desta edição.

Posto da PRF no Belvedere sem policial A equipe do Diário passou em dois horários diferentes no Posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-040, localizado no Belvedere, e não viu agente algum. A primeira vez ocorreu às 16h14 ainda na pista de descida, avistando o posto do alto, e a segunda foi às 17h11 no trecho de subida, quando a equipe parou no local, bateu na porta, chamou por algum policial e aguardou por 20 minutos, mas ninguém apareceu. De acordo com o assessor de imprensa da PRF, inspetor Erlei Molter, o posto está funcionando normalmente com policial nas 24 horas. Ele disse que por volta das 16h ele mesmo passou no local e o agente estava no posto, já no segundo horário disse que foi informado de que o policial se ausentou para tomar café. O inspetor afirmou ainda que para se afastar do posto, o policial precisa avisar o seu superior pelo rádio. A ida ao local foi motivada após leitores entrarem em contato com a redação do

A cabine da PRF estava vazia durante a visita da equipe do Diário

jornal informando que o posto estaria novamente desativado, pois não viam policial no local. As mais recentes foram ontem ao meio-dia; no sábado passado, dia 29 de outubro, às 17h e às 21h30; e no domingo retrasado, dia 23 de outubro, às 18h30. Em março desse ano até a reabertura em setembro, o

posto ficou fechado por falta de condições estruturais. Após reivindicações de políticos e da imprensa, acabou sendo reaberto com agente 24 horas de plantão, depois de receber obra na parte elétrica, acabamento, esgoto, pintura e infiltração. A unidade é considerada estratégica por ser próxima aos retornos nas pistas

de descida e de subida. A insegurança gerada pelo fechamento do posto foi denunciada pelo Diário de Petrópolis, pela primeira vez, na edição do dia 19 de maio, quando a unidade já estava havia dois meses sem funcionar. Em agosto, dois sequestros na mesma semana envolvendo a Serra de Petrópolis comprovaram o risco por que passavam os motoristas que trafegam na via, já que aquele posto é considerado estratégico. O posto foi construído no governo do ex-prefeito Rubens Bomtempo e foram gastos pelo município cerca de R$ 230 mil, em 2006. Toda a estrutura, a iluminação e área externa partiram da prefeitura. Na ocasião, Bomtempo explicou que o objetivo do empreendimento era inibir a ação de bandidos na região. Por isso, o posto foi instalado em um local que facilitasse a movimentação dos agentes pelas duas pistas da Serra, próximo aos retornos nos dois sentidos.


6

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Agenda Cultural

marciosalerno@diariodepetropolis.com.br

Degustação INSTITUTO OMAR CARDOSO

HORÓSCOPO Áries - (21/03 a 20/04) Evite que seus problemas pessoais possam causar dificuldades para a sua família. Procure passar os dias em paz que tudo deverá rumar para um bom caminho. O dia não e favorável para que os seus problemas mais complicados sejam resolvidos.

Touro - (21/04 a 20/05)

Dê importância às conveniências sem se esquecer da utilidade prática das coisas. A construção, sem estabilidade de qualquer assunto, pode trazer aborrecimentos imediatos. Pense, aja e fale de modo mais agressivo para conseguir o que pretende.

Gêmeos - (21/05 a 20/06)

Dia positivo para a realização de negócios além de suas condições monetárias, e também propício ao seu progresso profissional, moral e social. Procure conhecer novas pessoas ou faça uma pequena viagem de recreio.

Câncer - (21/06 a 22/07)

Propícia influência para cultivar os dons de seu intelecto, seu espírito filosófico e otimista e seu desenvolvimento mental. Fará ótimas relações sociais e propícias amizades. Procure expressar-se serenamente, com palavras e gestos

Leão - (23/07 a 22/08)

Melhora total em todos os assuntos profissionais, sociais e financeiros se farão sentir neste dia. Terá uma noite feliz para os passeios e para unir-se com amigos e entes queridos. A influência dos astros estarão irradiando você de muita disposição e coragem.

Virgem - (23/08 a 22/09)

Dia que lhe propícia alguns resultados satisfatórios, principalmente em se tratando de planos para o futuro. Evitar desordens que possam afetar sua moral. Tudo tende a melhorar. Deixe as emoções fluírem livremente e procure observar os erros e os defeitos.  Libra - (23/09 a 22/10) Boas notícias estarão previstas para você hoje. O fluxo é dos melhores para as associações, ao casamento, a vida conjugal e para uniões. Absorva essa boa vibração planetária e invista em seus sonhos, o dia é ideal para isso. Felicidade sentimental e amorosa.

 Escorpião - (23/10 a 21/11) Não é possível acertar todos os setores da sua vida, se você mesmo não está se importando em querer fazer algo para mudar tudo isso. Muita habilidade literária mente clara e penetrante e muita tendência aos assuntos elevados, estão previstos para você hoje.

Sagitário - (22/11 a 21/12)

O sucesso que obtiver será repetido nos próximos dias, pois terá a colaboração de amigos e pessoas bem situadas financeiramente. Fará viagens agradáveis que redundarão em lucros. Êxito no campo profissional.

 Capricórnio - (22/12 a 20/01) Bons prenúncios. Este dia lhe trará êxito. Não perca tempo com minúcias. Com senso e objetividade atingirá sucesso. O dia poderá ser mais atribulado, com suas atenções voltadas para o setor profissional e para os problemas domésticos.

Aquário - (21/01 a 19/02)

Bom ganho de dinheiro proporcionado pelo esforço em seu trabalho ou negócios iniciados há tempos. Todavia, tome cuidado com acidentes provocados por produtos inflamáveis e corrosivos. Arrisque-se em projetos mais audaciosos mesmo que os outros não acreditem.  Peixes - (20/02 a 20/03) Suas possibilidades de êxito estão aumentadas neste dia. Pode conseguir grande progresso em muita coisa agora. Confie nas pessoas que o cercam. Determinação e coragem em tudo o que empreender. O dia pode apresentar algumas dificuldades passageiras.

SINUSITE? cloreto de sódio

Alívio contra a sinusite SINUSTRAT É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE O MÉDICO E O FARMACÊUTICO. LEIA A BULA. SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO

SINUSTRAT DESCONGESTIONANTE NASAL - Composição: Cloreto de Sódio. Medicamento de Notificação Simplificada RDC Anvisa n° 199/2006. AFE n° 1.00174-0. Indicação: fluidificante e descongestionante nasal. Contraindicação: hipersensibilidade individual aos componentes da formulação. SINUSTRAT DESCONGESTIONANTE NASAL ADULTO - Composição: Cloreto de Sódio.Reg. M.S 1.0174.0034.008-3. Indicação: fluidificante e drenador das secreções nasais e paranasais e redutor da obstrução nasal, em casos de resfriados, rinites e sinusites agudas ou crônicas. Contraindicação: hipersensibilidade individual aos componentes da formulação.

XI Petrópolis Gourmet deste ano homenageia a Itália A gastronomia está em festa. As saborosas garfadas do Petrópolis Gourmet estão de volta em sua 11ª edição, que será realizada entre a próxima quarta, dia três, até 26 de novembro. Com grande destaque ao roteiro gastronômico da Cidade Imperial, o festival esse ano homenageia a culinária italiana, uma das mais completas, ricas e deliciosas do mundo. Petrópolis é famosa por ser o quinto melhor pólo gastronômico do país. Possui vasta rede de restaurantes, bares, cafés, o lugar perfeito e adequado para quem aprecia a boa comida. Nada melhor então do que um festival para destacar toda essa boa gastronomia, além das belezas naturais, patrimônio histórico e riquezas culturais. A cidade recebe visitantes de todos os lugares do Brasil e do mundo, e o Petrópolis Gourmet impulsiona diversos setores da economia como turismo, gastronomia, hotelaria, comércio e serviços. Mantendo a tradição de escolher o tema do festival com base em datas importantes ou comemorações históricas, a ideia foi destacar a gastronomia italiana, já que

2011 é o Ano da Itália no Brasil, que será marcado por um calendário especial de eventos em todo o país até meados de 2012. Os restaurantes participantes deverão elaborar então um menu inspirado nesta culinária, buscando seus ingredientes mais peculiares e seus sabores mais característicos. “Sem dúvida a homenagem à Itália é um grande atrativo, ela está presente na vida da maioria das pessoas e os restaurantes de Petrópolis vão ter a oportunidade de explorar clássicos e novidades desta culinária”, falou Bruno Wanderley, presidente do Petrópolis Convention & Visitors Bureau, realizador do evento. De acordo com Bruno, as expectativas são as melhores possíveis. “Não é qualquer evento que chega a sua 11º edição, o festival passou por muitas fases diferentes e está sempre se aprimorando, de forma a chegar ao objetivo de trazer turistas para Petrópolis em período de baixa temporada e beneficiando a economia da cidade como um todo”, disse Bruno. “Este ano o Petrópolis Gourmet estará focado principalmente nos restaurantes e agregando atividades culturais variadas

Arte

Mostras permanentes estão em cartaz em espaços da cidade Há opções de visitar exposições permanentes de arte na cidade. De terça a domingo, 10h às 19h, o Ateliê Sonia Maria Artes mostra pinturas, desenhos e gravuras da artista plástica que sempre se dedicou à uma busca constante do belo nas diversas técnicas utilizadas. Na Av. Country Club, 2.360, Calembe, Nogueira. Visitação mediante agendamento prévio: tel: (24)

2221-6393 Diariamente, de 10h às 16h, a Associação Artesanato Petrópolis, criada em 2007, com o objetivo de levar o melhor do artesanato em Petrópolis, oferece através de 30 artistas, trabalhos diversificados, únicos e todos feitos a mão. No Centro de Informações Turísticas Pórtico do Quitandinha, Avenida Ayrton Senna, s/nº.

Na cidade

Órgão clássico peça e música portenha serão as atrações Nesta quinta-feira, dia três, às 20h, acontece um Concerto do Órgão Guilherme Berner, com a concertista Domitila Ballesteros, na Catedral de São Pedro de Alcântara. A censura é livre e a entrada, franca. Também na quinta, às 15h, o projeto Sesi Cultural 2011 apresenta “De Férias no Sítio”, um espetáculo infantil do Centro Teatral e Etc. e Tal que, através da técnica corporal da mímica, uma bela história envolvendo personagens criados por Monteiro Lobato, gênio da literatura infanto-juvenil. No Theatro D. Pedro, censura livre, ingressos a R$ 10. Na sexta-feira, dia quatro, às 20h, o projeto Sesi Cultural 2011 apresenta Harmonitango. O trio sobe ao palco com

O órgão construído por Guilherme Berner terá execução nesta quinta

um repertório em homenagem aos 90 anos do compositor argentino Astor Piazzolla, um dos grandes ícones do tango. Piano: Sheila Zagury / Violoncelo: Ricardo Santoro / Gaita: Jose Staneck. No Palácio de Cristal, censura 16 anos, ingressos a R$ 10.

Teatro

Grupo jovem mostra trabalho nesta sexta no Raul de Leoni Nesta sexta, dia quatro, às 20h30, será montado o espetáculo “Palco da Vida”, peça teatral de estilo jovem que mostra a temática dos adolescentes nos dias atuais. Temas como drogas, sexo, vestibular, liberdade são abordados da maneira como eles os encaram e procuram resolvê-los a fim de prepararem um futuro melhor para o mundo e suas próprias vidas. No elenco, Bruna Duque,

Carolina Casari, Maria Gurjão, Pedro Xavier, Lorena Tavares, Thaís Perrotta, Natali Oliveira, Luiza Lischt e Tatiane Zuculoto. Músicos: Allana Pereira, Luis Resende e Roberto Perrotta. A direção e texto original são de Roberto Perrotta, a adaptação, do Grupo de Teatro à La Grega. No Teatro Afonso Arinos do Centro de Cultura Raul de Leoni, censura 12 anos, ingressos a R$ 12.

e muito interessantes”, complementou. Uma grande parceria conquistada em 2011 é a Casa D’Itália Anita Garibaldi, que atua desde 1987 com o objetivo de preservar a cultura, os costumes e as tradições italianas na Cidade Imperial. A instituição é responsável pela realização da Serra Serata – A Festa Italiana de Petrópolis, que ocorre todos os anos em homenagem aos imigrantes italianos. O evento é voltado para todos os públicos e estima-se que essa edição atraia aproximadamente 15 mil pessoas. Entre os principais objetivos, estão a geração de fluxo turístico para a região no período fora da alta estação, divulgação da cidade e seu potencial gastronômico, aumento da taxa de ocupação nos hotéis e restaurantes e a promoção de atividades culturais na região com enfoque em gastronomia. Mais informações sobre a programação completa do XI Petrópolis Gourmet no site www.petropolisgourmet. com.br. O festival também está nas redes sociais: Twitter - @PetroGourmet e Facebook – Petrópolis Gourmet.

Especial Areal RJ é premiado com 3º lugar em Festival Nacional de Dança Um evento promovido pela Prefeitura de Três Rios e Secretaria de Cultura e Turismo foi realizado no espaço do Clube Atlético Entre Rios (CAER), com apoio da Caixa Econômica Federal e Nestlê. O festival aconteceu entre 19 à 23 de outubro e contou com mais de 800 dançarinos de vários estados do Brasil. Na abertura apresentaram-se o casal de bailarinos Cícero Gomes e Mariana Rodrigues do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. A cidade de Areal foi representada pela Escola de Dança Nasta Abdu, que levou apenas uma coreografia que foi suficiente para trazer o terceiro lugar na categoria Jazz Avançado. Daniele Macedo é de Areal, bailarina e professora da Escola de Dança Nasta Abdu. Ela já participou de muitos outros festivais, inclusive o de Joinvile (SC) que é o maior festival de Dança do Brasil e mesmo assim ela se surpreendeu de forma positiva em relação à primeira edição do festival de Três Rios. “Eu adorei! Foi muito mais do eu esperava. Eu acho que por ser o primeiro foi excelente e valorizou muito o que é do local. Tinha estandes de roupas de danças das lojas da cidade, a produção, filmagens, locução, iluminadores, tudo gente de Três Rios. Eu fiquei encantada com o trabalho que Três Rios está fazendo na parte da cultura”, afirma. “O Vinicios Farah (prefeito de Três Rios), está de parabéns”, continua. “Lá mesmo eu soube que teve festival de teatro, de gastronomia, esse de dança e que em dezembro vai ter o de música. Gostei muito, porque no Brasil é muito difícil essa parte cultural, então tem que tirar o chapéu porque é muito bacana.” declarou a dançarina, que levou o nome de Areal para o festival com mais quatro bailarinas; Daniela Martins, Maria Clara Sanseverino,Priscila Vilela e Hotência Bonato. Também compõe o grupo o bailarino Marco Antonio Nogueira.

CINE ITAIPAVA Est. União & Indústria, 11.000 Itaipava AMIZADE COLORIDA – Censura 14 anos – Com Justin Timberlake - Horários: 15h, 17h20 e 19h40 todos os dias, exceto 2ª feira – Sessão extra sexta e sábado 21h50 O filme acompanha uma caçatalentos e um jovem talentoso, que começam a trabalhar juntos e acabam se tornando ótimos amigos. Quando o relacionamento avança e começa a ficar mais íntimo, as coisas se complicam. Eles tentam amenizar a situação impondo uma regra: tudo não passa de atração física e qualquer emoção deverá ser deixada de lado. Mas, será que funciona impor regras ao coração? Ingressos: terças e quartas ingresso promocional a R$ 6 para todos (exceto feriados). Preço de ingressos as quintas e sextas - inteira R$ 14 e meia R$ 7. Preço de ingressos aos sábados e domingos - inteira R$ 16 e meia R$ 8. CINE BAUHAUS R. Dr. Nelson de Sá Earp, 89 Shopping Center Bauhaus Centro SALA 1 CONTRA O TEMPO – Censura 12 anos – com Jake Gyllenhaall – Horários: 15h, 19h10 e 21h10 Ficção científica em que agente policial corre em e através do tempo, para impedir assassinatos. SALA 2 LARRY CROWNE – O AMOR ESTÁ DE VOLTA – Censura 10 anos – com Tom Hanks – Horários: 17h Romance americano, onde um casal maduro se apaixona e passa a viver aventuras que poderiam ter quando eram mais jovens. OS TRÊS MOSQUETEIROS – Censura 12 anos – com Mila Jovovich – Horários: 14h30, 16h40, 19h e 21h20 Versão moderna do clássico de Alexandre Dumas, desta vez dando a uma mulher a oportunidade de ofuscar a presença de Athos, Portos, Aramis e D’ Artagnan. Preços: Segunda é dia de cinema. Ingressos a R$ 3 em todas as sessões. Terça a quinta (exceto feriados): Sessões iniciadas até 15h59min Inteira: R$ 10 (meia: R$ 5). Após 16h inteira: R$ 12 (meia: R$ 6). Sexta a domingo e feriados: Sessões iniciadas até 15h59min inteira: R$ 12 (meia R$ 6) Após 16h inteira: R$ 14 (meia R$ 7). Lembrando que estamos com uma promoção de terça a domingo: todas as pessoas pagam meia entrada. TOP CINE HIPERSHOPPING ABC Rua Teresa, 1415 / 2º piso Alto da Serra – Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br SALA 1 GIGANTES DE AÇO – Censura 10 anos – Horários: 15h30, 18h e 20h30 2ª feira, dia 31, não haverá sessão Charlie Kenton é um boxeador que viu sua carreira acabar quando a luta entre humanos foi proibida e, em seu lugar, surgiu o boxe entre robôs. Ele passa a ganhar a vida como um promotor de lutas clandestinas que usa robôs de baixa qualidade. Quando ele se vê no fundo do poço, Charlie e seu filho Max constroem e treinam um novo robô, que se torna um grande lutador e lhes dá a chance de voltar ao topo. SALA 2 O ZELADOR ANIMAL – Censura livre – com Kevin James – Horários: 15h e 17h 2ª feira, dia 31, não haverá sessão Griffin Keyes tinha um trabalho que era o bicho: ser zelador de um jardim zoológico. Para ele, nada era mais normal do que conviver com leões, elefantes, girafas, ursos e gorilas. Seu problema era com os humanos, mais especificamente, com as mulheres e aí ele teve a ideia de arrumar um trabalho mais respeitável para melhorar a sua situação com elas. Foi a deixa para a bicharada entrar em pânico e querer ajudá-lo a conquistar uma namorada. O detalhe é que eles vão fazer isso “falando” e Griffin não estava preparado para essa surpresa animal. QUAL SEU NÚMERO? – Censura 12 anos – com Anna Faris – Horários: 19h e 21h 2ª feira – dia 31 – não haverá sessão

Boston. Ally Darling fica horrorizada ao ler, em uma revista feminina, que as mulheres têm em média 10,5 parceiros sexuais ao longo da vida. Acreditando que o número é baixo demais, ela puxa da memória todos os homens com quem já transou e passa a investigar junto a amigas qual é o número delas. É quando percebe que já teve relações sexuais com 19 homens, um número bem acima das colegas. Para piorar ainda mais a situação, a matéria diz que as mulheres que tiveram 20 ou mais parceiros têm muito mais dificuldades para se casar. TOP CINE HIPERSHOPPING MERCADO ESTAÇÃO Rua Paulo Barbosa, 310 / 1º piso Centro - Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br SALA 1 CAPITÃES DE AREIA – Censura 14 anos – Horários: 17h 2ª feira – dia 31 – não haverá sessão O longa narra as aventuras de meninos que viviam à margem da lei, nas ruas e praias de Salvador da década de 1940. Por terem a habilidade de sumir sem serem notados, eles ficaram conhecidos como os Capitães da Areia. A obra de Jorge Amado foi publicada em 1937 e é dividida em três partes: “Sob a lua, num velho trapiche abandonado”, “Noite da Grande Paz, da Grande Paz dos teus olhos” e “Canção da Bahia, Canção da Liberdade”. Atores-mirins de Salvador passaram meses se preparando para o longa. A direção é assinada por Cecília Amado, sobrinha do escritor baiano. AMIZADE COLORIDA – Censura 14 anos – com Justin Timberlake – Horários: 15h 19h e 21h 2ª feira, dia 31, não haverá sessão SALA 2 UMA PROFESSORA MUITO MALUQUINHA – Censura livre – com Paola Oliveira – Horários: 14h50 e 16h50 2ª feira – dia 31 – não haverá sessão Catharina foi enviada à cidade grande para estudar, quando era criança. Hoje, aos 18 anos, retornou à sua cidade natal e passou a lecionar em uma escola primária. O único problema é que sua chegada começa logo a provocar certos rebuliços na cidade porque seu comportamento totalmente diferente do tradicional, pessoal e profissionalmente falando, começa a incomodar as pessoas. Mas a cidade também recebe o padre Beto (Joaquim Lopes), discípulo de Monsenhor Félix, que também retorna e acaba sendo procurado pela tradicionais professoras que querem derrubar a querida professorinha que conquistou o coração de sua turma com seus métodos não convencionais de ensino. OS TRÊS MOSQUETEIROS – Censura 10 anos – com Milla Jovovich – Horários: 18h50 e 20h50 2ª feira, dia 31, não haverá sessão O clássico Romance francês Os Três Mosqueteiros que foi escrito por Alexandre Dumas está de volta nas telas dos cinemas, no filme D´Artagnan vai a Paris buscando se tornar membro do corpo de elite dos guardas do rei, os mosqueteiros. Chegando lá, após acontecimentos singulares, ele conhece três mosqueteiros chamados “os inseparáveis”: Athos, Porthos e Aramis. SALA 3 WINTER – o golfinho – Censura livre – com Nathan Gamble – Horários: 15h10 e 17h10 2ª feira - dia 31 - não haverá sessão O menino Sawyer, de apenas 11 anos, encontrou por acaso um golfinho encalhado na areia da praia, preso numa rede de pesca. Depois de ver o resgate do animal ser concluído pelo hospital marinho de sua cidade, Clearwater (Flórida), ele se sente atraído por saber mais sobre o destino do pobre animal e vai ao local visitá-lo. Lá, ele conhece o responsável pelo local, o Dr. Clay, e sua filha (Cozi Zuehlsdorff), e começam uma nova amizade. NÃO TENHA MEDO DO ESCURO – Censura 12 anos – com Guy Pearce – Horários: 19h10 e 21h10 2ª feira - dia 31 - não haverá sessão Sally Hurst é uma criança solitária e curiosa, que foi morar com seu pai Alex e Kim numa mansão do século 19. Um dia, enquanto explorava a enorme propriedade, ela descobre um local escondido e isolado, desde que o construtor da residência desapareceu um século atrás. É quando a menina acaba libertando estranhas criaturas que pretendem levá-la para o mundo das trevas e precisa convencer os adultos de que não se trata de uma fantasia, mas de uma assustadora realidade.

Filmes na TV A HERANÇA DE MR. DEEDS – GLOBO – 16H10 – COM ADAM SANDLER Comédia baseada em um antigo sucesso de Frank Capra, estrelado por Gary Cooper. Mr. Deeds herda uma fortuna, mas não tem maldade no coração para agradar quem está de olho no dinheiro e quer usá-lo para fins escusos. OLHAR DE ANJO – SBT – 23H – COM JENNIFER LOPEZ Policial dedicada, que teve de entregar o próprio pai à lei, um dia ajuda um desconhecido na rua e acaba se apaixonando por ele. Mas o estranho tem um segredo explosivo.


terça-feira, 1 de novembro de 2011

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

7

CIDADE

Cemitérios se preparam para o Dia de Finados Os cemitérios do município se preparam, desde a última semana, para o intenso fluxo de pessoas esperado para amanhã (2), Dia de Finados. A Secretaria de Administração e Recursos Humanos realizou a pintura, lavagem, capina e roçada dos sete cemitérios municipais, localizados em Petrópolis, Itaipava, Secretário, Vale das Videiras, Brejal, Garibu e Quarteirão Worms. A expectativa é de que 20 mil pessoas compareçam aos cemitérios entre hoje e amanhã – 15 mil no Centro e cinco mil nos distritos. Apesar disso, algumas das campas tinham o aspecto de abandono. O Cemitério Municipal é o maior da cidade, com oito mil sepulturas, 2.600 gavetões, duas quadras com 1.800 covas rasas, 76 mausoléus, 2.080 ossários alugados e 940 ossários perpétuos, totalizando 67 mil sepultados. Várias das campas, ainda ontem, já estavam adornadas com coroas de flores. Sobre uma pequena sepultura, de uma criança, vários brinquedos estavam dispostos enfeitando a campa. Devido à expectativa de grande movimento, a prefeitura montou um esquema especial ao longo da Rua Fabrício de Mattos, onde é localizado o Cemitério Municipal. A Companhia Petropolitana de Trânsito e Transporte (CP-

Alan Alonso

Cemitério Municipal, com 67 mil sepultados: a previsão é que 20 mil pessoas compareçam aos cemitérios da cidade hoje e amanhã

Trans), em conjunto com a Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), disponibilizará três vans para o transporte de idosos e deficientes em todo o trecho da rua, que estará interditada

na quarta-feira. O serviço de vans estará disponível das 8h às 17h. A tendência também é que a prefeitura instale banheiros químicos. Uma ambulância para realização de atendimen-

tos e transporte aos hospitais também será disponibilizadas. A atuação de agentes de trânsito e Guardas Municipais será auxiliada pela montagem de um esquema especial de trânsito pela CPTrans em

conjunto com a Secretaria de Segurança Pública. Além disso, os GMs também auxiliarão na fiscalização que atuará em toda a Rua Fabrício de Mattos para coibir o comércio ilegal. Ao todo, 21 barracas estão

autorizadas e cadastradas na Divisão de Abastecimento e Produção da Secretaria de Agricultura para atuarem em frente aos cemitérios nos dias 31 de outubro, 1º e 2 de outubro, vendendo flores e velas. Um contingente de 48 funcionários do Cemitério Municipal estarão uniformizados, prestando esclarecimentos ao público. O Balcão da Administração auxiliará os visitantes na localização das sepulturas. Além dos funcionários que promovem a limpeza, moradores das proximidades também aproveitam para ganhar um dinheiro a mais limpando as sepulturas às vésperas do feriado dos mortos. Um deles é o aposentado Francisco Gomes da Silva, morador da Comunidade Oswaldo Cruz, mais conhecida como Canto do Cemitério. Apesar do mau tempo, que segundo ele afastou muitas pessoas que costumam também se prontificar ao trabalho, ele esteve no local promovendo a limpeza de algumas campas. De galochas e capa para se proteger da chuva, vassoura e balde em mãos, ele afirmou que realiza o trabalho todos os anos. - Já limpei algumas. Com isso a gente consegue um dinheirinho a mais. Não é muito, mas já ajuda – afirmou o aposentado.

Servidores públicos comemoram data festiva com torneio de futsal

Coordenador do evento, Felipe Rocha palestrou na Rua Teresa

Fashion Business deste ano terá oito marcas da cidade O Sindicato do Comércio Varejista de Petrópolis (Sicomércio) realizou, nesta sexta-feira (28), um encontro entre empresários da Rua Teresa e o coordenador dos núcleos criativos do Fashion Business, Felipe Rocha. O coordenador veio à cidade para acompanhar os preparativos das oito marcas que representarão a cidade na 20ª edição do Fashion Business. O evento apresentará as principais tendências para o outono/inverno 2012. Entre as oito empresas participantes estão a Empório Josephina, Mananciais, Calabrote, Detonação, Off Rio, Branca Maria e Watercolor que participaram da última edição do Fashion Business, em maio deste ano, e estarão na próxima edição. O encontrou traçou as principais diretrizes sobre o layout do estande de Petrópolis no evento, assim como toda a parte decorativa e funcional, com o objetivo de oferecer um maior conforto aos compradores. Além disso, os empresários discutiram detalhes sobre a apresentação de suas marcas no evento através de catálogos de moda, modelos e a abordagem das novas coleções. Para a proprietária da confecção M2+2, Márcia Macharotto, o evento atrai

visibilidade. - È muito positivo, como nossa empresa não tem ponto de venda, estar no Fashion Business é uma vitrine para o comprador. Ver a marca sendo vendida é muito gratificante. É uma ótima oportunidade de mostramos, juntos com as outras marcas petropolitanas, a moda de Petrópolis – disse. O Fashion Business tem o apoio institucional da Fecomércio-RJ e, em Petrópolis, é promovido pelo Sicomércio. O evento recebe compradores de todo o Brasil, além de exportar para outros países. Na última edição do evento, foi investido mais de R$ 16 milhões, valor que supera em 25% o que foi investido nos anos anteriores. Os empresários interessados em participar das próximas edições do Fashion Business, quando surgirem novas vagas, devem procurar a sede do Sicomércio e começar a participar das reuniões. O Fashion Business 2012 será realizado em janeiro. nContatos

com a imprensa: 3com comunicação empresarial (24) 2292-0191 (21) 4063-7873 www.3comunica.com.br

O evento organizado pela Secretaria de Esporte e Lazer reuniu 150 servidores que representaram os órgãos públicos, no último dia 28, em partidas de futsal. Realizado na quadra do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Petrópolis (Sisep) – na Rua Dr. Sá Earp, no Centro – os participantes receberam medalhas e as secretarias, um troféu. Alguns servidores já tinham o costume de se reunir para “bater uma bolinha”, como os da Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep). Os representantes da Secretaria de Segurança foram os grandes destaques, com a goleada de 8x4 contra a Fazenda/Saúde, sendo considerado um time de artilheiros. Um público de cerca de 500 pessoas presenciou o evento. Na votação feita durante os jogos, a torcida do Instituto de Previdência

Fotos:Divulgação

Servidores públicos durante competição de futsal na quadra do Sisep, na Rua Dr. Sá Earp

e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (Inpas) foi escolhida como a melhor pela animação e alegoria. Ano que vem a Secretaria

de Esporte e Lazer (SEL) planeja incluir as mulheres nessa animada atividade. Por meio de votação, será escolhida a modalidade que as mulheres disputarão, no

vôlei ou futsal. A Secretaria também planeja realizar um Campeonato de Futsal Masculino, e ao fim, realizar uma grande festa no Dia dos Servidores, em 2012.

Festival “Clic!” promove neste mês potencial fotográfico de Petrópolis Integrar as áreas de fotografia, turismo e hotelaria. Este é o objetivo do Clic! Petrópolis Festival de Fotografia, que vai ser realizado de 3 a 27 de novembro de 2011 em vários pontos da cidade. O evento, que foi programado para acontecer no mesmo período do Petrópolis Gourmet, pretende mostrar aos visitantes e petropolitanos, o enorme potencial fotográfico existente na região, partindo de seus aspectos históricos até os dias de hoje. A relação entre Petrópolis e a fotografia sempre foi muito intensa. D. Pedro II, em 1840, foi o primeiro fotógrafo a usar o daguerreótipo. Neste processo criado por Luiz Daguerre, em 1837, não há imagem negativa. Mais tarde, sendo um grande colecionador e mecenas dessa arte, o imperador atribuiu títulos e honrarias aos principais fotógrafos atuantes no

país. E esses foram apenas os primeiros passos dessa história fotográfica. Na cidade, também foi criado, um dos mais antigos Foto Clubes do Rio de Janeiro, a Sociedade Petropolitana de Fotografia (Sopef), fundada em janeiro de 1960. O patrimônio natural, histórico, cultural e arquitetônico reconhecido mundialmente faz de Petrópolis fonte inesgotável para fotógrafos profissionais e amadores. A qualidade marcante desses artistas foi apresentada na primeira mostra de fotografia que a Sopef realizou em 2010 comemorando seus 50 anos de fundação. Claudio Partes, presidente da Sopef, acredita que a parceria com o PC&VB agregou muitos benefícios ao projeto. - Este ano junto com o Petrópolis Convention & Visitors Bureau buscamos dar

mais visibilidade ao evento se comparado com o que organizamos no ano passado, além de reforçar a união de petropolitanos e turistas por um gosto em comum; a paixão pela fotografia – disse. Neste ano de 2011, o Clic! Petrópolis reúne exposições coletivas e individuais, projeções, palestras, oficinas, visitas técnicas, passeios fotográficos entre outras atividades no Centro Histórico e Itaipava, contando com o apoio e a parceria de vários profissionais e diversas instituições, entre elas o Museu Imperial, Casa Cláudio de Souza, Cefet/RJ - UnED Petrópolis e o Centro Cultural Fase. As atividades são gratuitas e abertas a todos os públicos, sendo que apenas duas oficinas técnicas apresentam taxa de inscrição, mas com material incluso. Vários temas estão sendo oferecidos

como: fotografia com celular, linguagem fotográfica, história da fotografia no Brasil, diversidade de linguagem, tema, formato e suporte, fotografia de natureza, de moda, de gastronomia. Outro fator que alavanca o Clic! Petrópolis é a participação de nomes conhecidos no cenário fotográfico brasileiro e internacional como: Custódio Coimbra, Gabriel Paiva, Luiz Alvarenga (fotojornalismo), Alexander Landau (gastronomia), Ricardo Cruz (moda), Príamo Melo (natureza) e outros. Para o presidente do PC&VB, Bruno Wanderley, a cidade deve se acostumar com estes festivais. - A idéia é aos poucos inserir Petrópolis, com todo seu potencial dentro dos roteiros dos eventos fotográficos realizados no país, contribuindo para o turismo e a economia da região – disse.


AVISOS E EDITAIS

8

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 1 de novembro de 2011

economia

Dilma vai para a França se reunir com G20 n Renata Giraldi e Luciana Lima- ABr

Volume de empréstimos do BNDES cai, mas deve cumprir meta de R$ 145 bi n Isabela Vieira- ABr

Apesar da queda de 28% do desembolso do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) entre janeiro e setembro deste ano em comparação com igual período de 2010, a estimativa do presidente do órgão Luciano Coutinho é cumprir a meta de liberar, até o final de 2011, entre R$ 140 bilhões e R$ 145 bilhões para as empresas. Segundo comunicado divulgado ontem pelo banco, nos primeiros nove meses do ano foram desembolsados R$ 91,8 bilhões ante R$ 128 bilhões no mesmo período de 2010. A queda de 28% leva em conta a operação de capitalização da Petrobras, em setembro do ano passado, quando foram liberados R$ 24,7 bilhões. Sem essa operação atípica, a queda ficaria em 11%. Mesmo com o cenário de “incertezas” em função da crise na Europa, Luciano Coutinho disse que os desembolsos devem subir entre outubro e dezembro. - Teremos um desem-

Luciano Coutinho

bolso entre R$ 140 [bilhões] e R$ 145 [bilhões]. Talvez, um pouco abaixo da expectativa de R$ 145 bilhões, mas não significativamente abaixo porque, em geral, há concentração nos últimos meses - disse. Sem nenhuma “indicação acentuada de crise” nas economias emergentes, Coutinho acredita na manutenção e até na ampliação do nível de desembolso em 2012. Para o presidente do BNDES, é consenso de que a economia brasileira continuará crescendo, com espaço para investimentos no setor de infraestrutura, em especial no de petróleo e gás. - Estamos em um momento peculiar de exacerba-

A presidenta Dilma Rousseff viajou ontem à noite para Cannes, no Sul da França, onde participa da reunião de cúpula do G20 (grupo que reúne as 20 maiores economias do mundo). Em discussão, os impactos da crise econômica internacional. Antes, Dilma se encontra, na quarta-feira (2), com o presidente da Rússia, Dimitri Medvedev; com o primeiro-ministro da Índia, Manmohan Singh; e com o presidente da África do Sul, Jacob Zuma; países que integram o Brics (acrônimo que representa os emergentes Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). Nas últimas viagens que fez à Europa e à África, Dilma defendeu que o Brics adote um discurso unificado nas reuniões do G20. Porém, deve predominar o clima de tensão, segundo negociadores que participam das reuniões preliminares em Cannes, porque a cúpula ocorre logo depois de a União Europeia (UE) definir a ajuda aos países da zona do euro que atravessam uma crise de solvência. Paralelamente, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) informou que podem faltar 40 milhões de vagas de emprego no mundo nos próximos dois anos, em decorrência da crise econômica, enquanto o governo dos Estados Unidos tenta evitar o agravamento da

ções das incertezas, olhando um período muito negativo do mercado internacional. Não posso pegar um trimestre em que o cenário internacional esteve muito carregado e tomar isso como uma tendência daqui para frente. Vamos aguardar o que acontece, mesmo vivendo um desafogo de expectativas em relação à Europa - declarou. Refletindo investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o comunicado do BNDES mostra que o setor de infraestrutura recebeu a maior parte dos desembolsos, R$ 38 bilhões, 4% a mais que no ano passado. Para a indústria, o BNDES liberou R$ 28,4 bilhões e o setor comércio e serviços ficou com R$ 17,9 bilhões. A agropecuária recebeu R$ 7,2 bilhões. Apesar do recuo no montante total de desembolsos, estão em alta as liberações para micro, pequenas e médias empresas. Nos últimos nove meses, o aumento foi 8%, em comparação com o mesmo período de 2010, e somou R$ 36,2 bilhões.

Dilma se reúne também com representantes dos países do Brics

situação no país. Será a segunda vez que Dilma participa de uma reunião de cúpula do G20. No ano passado, já eleita, ela acompanhou o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva em Seul, na Coreia do Sul. Na ocasião, Lula apresentou Dilma como “a futura presidenta do Brasil” dirigindo-se aos presidentes dos Estados Unidos, Barack Obama, e da França, Nicolas Sarkozy. Nas reuniões em Cannes serão discutidos temas como regulação financeira, agricultura, energia, mudanças climáticas e desenvolvimento sustentável. Também estarão em pauta educação, combate à pobreza e estímulos à redução das desigualdades sociais, assim como o respeito aos direitos humanos. O G20 deve fazer uma referência à violência que ocorre nos países árabes, principalmente na Síria, onde o presidente Bashar Al Assad é cobrado pela comunidade

Há 30 anos era publicado

AVISOS E EDITAIS

sepultamento

Cartório de 3º Ofício de Petropolis

Cemitério de Itaipava Santiago Lima de Souza, 10 anos, Pedro do Rio, 16h João Marcos Basílio Rossato, 42 anos, Nogueira, 14h Domingo 29-10-2011 Cemitério Municipal Eunice da Silva Botelho, 66 anos, Correas, 9h Acilea Muniz Galhego, 76 anos, Vale Florido, 11h30 Francisco Furtado Veiga, 81 anos, Castelânea, 15h Cemitério de Itaipava José Xavier Miranda, 62 anos, Pedro do Rio, 16h45 Manoel Pacheco de Medeiros, 73 anos, Posse, 14h OBS. AS INFORMAÇÕES ACIMA SÃO FORNECIDAS AO DIÁRIO POR FUNCIONÁRIOS DAS SECRETARIAS DOS CEMITÉRIOS,

Pag: 1

R. do Imperador, 1021 - Centro

Cemitério Municipal Cecília de Carvalho, 64 anos, Morin, 11h Aracy Moreira Pereira, 82 anos, Vila Felipe, 15h Maria Arlette de Paiva Leite, 60 anos, Jardim Salvador, 11h30 Arlete Maria Taborda, 85 anos, Areal, 11h

01/11/2011

Terceiro Ofício - Petropolis - RJ

Segunda-Feira 31-10-2011

Relação do edital dia 01/11/2011 Acham-se afixados neste cartório, conforme a lei 9492/97, art. 15 $1 - Processo 89.877/99 CGJ/RJ, para serem protestados os títulos de responsabilidade de: Protestar em 04/11/2011

005765315000143

R ROCHA CARDOSO, 72

Número: 4013425F

DUPLICATA MERCANTIL

Cheque Administrativo

Emissão:30/03/2011 Custas

114,73 Total

Protestar em 03/11/2011 SERVATUS SOLUCOES INDUSTRIAIS LTDA ME

Valor:

Cheque Administrativo

Emissão:21/09/2011 Custas

106,39 Total

16983

FAKINI MALHAS LTDA

31/10/2011

FAKINI MALHAS LTDA

643,25

Valor:

114,73 Cpmf

0,00 Tarifa

14,03 Total

772,01

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF 011921579000141

Número: 0074097 01

DUPLICATA MERCANTIL

Protocolo

001 - BANCO DO BRASIL SA

757,98 ou Dinheiro Custas

RUA TERESA, 608 LOJA 26 - ESCRITORIO

Vencto: 19/10/2011

Portador/ Cedente / Sacador

CNPJ / CPF

LERA DECORACOES LTDA

Vencto: 22/10/2011

Protocolo

237 - BANCO BRADESCO S A

16847

WEIDMULLER CONEXEL DO BRASIL CONEXOES

28/10/2011

WEIDMULLER CONEXEL DO BRASIL CONEXOES

358,12

464,51 ou Dinheiro Custas

106,39 Cpmf

0,00 Tarifa

14,03 Total

478,54

Intimo-os a pagarem ( através de cheque administrativo ou dinheiro com guia de pagamento a ser retirada neste tabelionato ), ou no caso da falta de aceite, comparecer para aceita-lo, ou dar-me as razões por que não o faz. Ficando assim já intimado do respectivo protesto no prazo estipulado na forma da lei. Petropolis, 01/11/2011 João Correia Lima Neto - Escrevente

MANUTENÇÃO E MELHORIA NA REDE COM INTERRUPÇÃO NO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA Visando prestar um serviço de melhor qualidade, a AMPLA comunica a seus clientes que interromperá o fornecimento de energia elétrica, para possibilitar a execução de obras e melhoramentos da rede, no município de Petrópolis, nas SEGUINTESLOCALIDADESs04/11/2011, das 08:00h às 10:00h, Centro: Rua Santos Dumont e adjacências. Das 10:00h às 16:00h, Araras: Parque Maria Comprida, Ruas das Hortências, das Açucenas, dos Gerânios, dos Lírios, Bernard Coutinho, das Camélias, das Orquídeas, dos Crisantemos, do Maquiné, dos Jasmins e adjacências. Das 09:00h às 12:00h, Correas: Rua José Joaquim Viana, Castelo São Manoel e adjacências. Das 13:30h às 16:30h, Correas: Ruas Castelo São Manoel, Martinho José Santana, Gesner P. Monteiro, Manoel W. Bechtufft e adjacências. Das 09:00h às 14:00h, Cascatinha: Ruas Gabriel Vieira, Marcolino S. Ferreira e adjacências.

O restabelecimento de energia poderá voltar antes do horário previsto.

AVISO DTR nº 044/10 – 28/10/11

Tranqüilidade para a sua empresa

Contabilidade de última geração, sistema avançado de informática Escrita Fiscal – Rotinas Trabalhistas e Folha de Pagamento Sistemática Departamento Jurídico – Direito Cível – Direito Trabalhista Projetos Econômicos – Análise de viabilidade e capacidade de sua empresa – Administração de Bens e Serviços – Corretagem e Administração de Imóveis – Equipe com treinamento especializado Direção Técnica: Márcio Tesch Economista – Corecon 10582 Advogado – OAB/RJ 59.566 Tec. Contab. – CRC/RJ 25.384-0

Rua do Imperador, 772 – Gr 105/106 – Centro Petrópolis – RJ. Tel/Fax: (024) 2231-6212 / 2231-3322

A Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes CPTRANS, através da Diretoria Técnico-Operacional e no uso de suas atribuições legais, comunica à população em geral e aos senhores motoristas em particular que, em virtude do feriado do Dia de Finados, 02/11/11, haverá interdição ao trânsito de veículos nos dias 01 e 02/11/11 da Rua Cel. Fabrício de Mattos, trecho que compreende o Cemitério Municipal, para a segurança dos pedestres que estarão fazendo suas visitas neste local .

Este órgão reserva-se no direito de proceder as alterações viárias que se fizerem necessárias.

ROBERTO FÁBIO PESSOA FRAGA Diretor Presidente

Leia e assine o Diário de Petrópolis

Para ser publicado nos principais jornais da Cidade, nos dias 29, 30, 31/10 e 01 e 02/11/11.

( 2246-3807

internacional para parar com a repressão às manifestações populares que pedem o fim do regime e tentar o diálogo com os manifestantes. Assad é alvo de protestos de manifestantes que o acusam de corrupção, violação de direitos humanos e desrespeito à democracia. O princípio do G20, criado há 12 anos, é buscar o diálogo ampliado. Das reuniões participam presidentes, primeiros-ministros e ministros da Fazenda dos países do grupo, além de dirigentes dos bancos centrais. O comando do grupo este ano está com a França (a presidência do G20 é rotativa). A presidenta deve viajar com os ministros da Fazenda, Guido Mantega, das Relações Exteriores, Antonio Patriota, da Secretaria de Comunicação Social, Helena Chagas e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Fernando Pimentel. Ela só deve retornar ao Brasil no dia 5.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA A AMOPAQ – Associação de Moradores do Conjunto do Patrimônio Arquitetônico-Paisagístico do Hotel Quitandinha, convoca seus associados à comparecerem na Assembléia Geral que será realizada no dia 26 de novembro de 2011 no CEPTI – Centro Educacional Profissional em Tecnologia da Informação à Av. Getúlio Vargas nº 335 – Quitandinha, para tratar da seguinte ordem do dia: a) Convocação de Eleições Gerais Marcio Jesus MacCulloch Presidente da AMOPAQ

Em sua edição número 2.334, de 1º, 02 e 03 de novembro de 1981, um domingo, o DIÁRIO publicou os seguintes destaques: DIA DOS MORTOS - O movimento registrado ontem, no Cemitério Municipal, ainda era calmo, mas deve aumentar em grandes proporções hoje, Dia de Todos os Santos que, segundo funcionários do cemitério, é o dia onde se verifica o maior número de visitações. Normalmente, se o tempo permanece bom, o Dia de Todos os Santos é o que leva a maioria das pessoas ao cemitério. SEM SUBSÍDIOS - Os professores, em Petrópolis e outros pontos do Brasil, não aceitam que pretendam caracterizar a sua profissão como um sacerdócio, não aceitam subsidiar a educação racional, através da percepção de remuneração aviltante, nem permanecer à margem do processo decisório educacional. A afirmação foi feita em Brasília, por uma comissão de professores que incluía Geraldo Palma, de Petrópolis. FLORES BARATAS - Os preços da feira-livre do Centro de ontem estavam mais baixos que os vigentes na última semana e que os vigentes no Rio de Janeiro. As flores, vendidas especialmente por ocasião do Dia dos Finados, estavam a preços mais baixos que os tabelados pela Sunab. Segundo feirantes que vendiam flores ontem, o movimento foi muito grande em suas barracas.

EDITAL PALMEIRA FUTEBOL CLUBE – Conselho deliberativo– consoantes às disposições estatutárias em vigor, convoco os senhores membros do egrégio Conselho Deliberativo, para reunião ordinária, em primeira convocação, na Sede Social do Clube no próximo dia 07 de Novembro 2011 (segunda-feira), as 19:30 h, a fim de tratarem dos seguintes assuntos: a) prestação de contas meses, maio, junho, julho e agosto 2011. b) assuntos gerais - não havendo quorum na primeira convocação ficam, desde já, convocados para segunda e última convocação, as 20:00 h no mesmo local e data da primeira, para tratarem da mesma ordem da primeira convocação. Assinado: Roberto Fábio Pessoa Fraga-Presidente.


ALTO DA SERRA A secretaria da Paróquia de Santo Antonio, na Rua Santo Antonio, do Alto da Serra, funciona de 2ª feira a sábado de 14h30 às 19h. O Pároco é o Padre Francisco Montemezzo e o Vigário Paroquial é o Padre Antonio Teixeira Pinto. Informações pelo telefone 2242 4310.

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 1 de novembro de 2011

D

iário nos

B

airros

diarionosbairros@diariodepetropolis.com.br

9

ALCOÓLICOS ANÔNIMOS Hoje 19h30: Grupo 27 de Maio, Rua Bingen, 261; 29 de Maio, Rua Hermogêneo Silva, 99, Retiro; 28 de Janeiro, Rua Paulo Barbosa, 180, Centro; Estrela de Araras, Escola Estadual de Araras; Cascatinha, Matriz de Santa e São Joaquim; São Sebastião, Matriz de São Sebastião.

Comunidade implora por guarda de trânsito Assembléia de Deus, de Nogueira, Continuam os abusos de motoristas no cruzamento das ruas Teresa e Santo Antônio aos domingos pela manhã Já é o sexto domingo seguido que pedestres, moradores e comerciantes do Alto da Serra pedem a presença de guardas municipais no horário da manhã no final da Rua Teresa. Um morador que pediu para não ser identificado fotografou o bloqueio na entrada da Rua Santo Antonio cujos motoristas não respeitam a ordem de estacionamento e até mesmo o regulamento de trânsito. Depois de fotografar um Siena parado na contra mão bloqueando a entrada de um ônibus na Rua Santo Antonio, o morador criticou: - É um absurdo uma coisa dessas. O motorista deste carro deve ter comprado a carteira – criticou, ao mostrar a fotografia do carro cuja placa não foi anotada por ele.

Outros moradores que frequentam a feira livre aos domingos pela manhã no Alto da Serra relataram a mesma reclamação de sempre, ou seja, a falta de guardas de trânsito para impedir as irregularidades no cruzamento das ruas Teresa e Santo Antônio. - Todo domingo é a mesma coisa. As autoridades do trânsito têm conhecimento da situação e não resolvem nada – disseram, praticamente em coro quatro consumidores de um estabelecimento comercial local. Novamente eles pediram que a Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes – CPTrans – ou a Guarda Municipal determinem a fiscalização no Alto da Serra aos domingos pela manhã.

Foto do leitor

atenção da Ampla – Energia e Serviços – para resolver o problema. O morador local Ademilton Marinho informou que a luminária queimada fica na altura do número 97 da Vila Vasconcellos. Afirmou que já pediu também ao

A Assembléia de Deus Ministério Geração de Adoradores, de Nogueira, continua pedindo doações ao público para a realização de um evento no próximo dia 13. A instituição informa que qualquer tipo de donativo será muito bem aceito e eles podem ser feitos na Avenida Leopoldina 1.204 no centro do bairro. O evento que será reali-

zado no dia 13 é em benefício da jovem Roberta, de 21 anos, portadora de câncer nos ossos. A realização vai ser no Alto da Serra, bairro onde ela mora, na Praça Miguel Couto de 9 às 17h. Vão acontecer distribuição de cestas básicas, almoço, vestuário, cortes de cabelo, assistência médica, advocatícia, atividades físicas, entre outros.

Esporte faz parte de planos na Comunidade Atílio Maroti Envolver todos os times de futebol da comunidade, tanto masculinos como femininos, para voltar a participar de eventos fora da comunidade. Também realizar campeonatos e festivais esportivos no interior da localidade, com isto, voltar a ter a credibilidade dos moradores e também dos simpatizantes que não residem no local. Carro estacionado na contra mão e bloqueando entrada na Rua Santo Antonio

Moradores reclamam luminárias públicas na Boening e Fragoso Há cinco meses que uma luminária pública está queimada na Vila Vasconcellos, na comunidade da Sargento Boening. A escuridão está causando dificuldades aos moradores de caminharem à noite e eles persistem em solicitar a

continua campanha por donativos

departamento de iluminação da prefeitura e confirmou que o pedido está protocolado sob o número72183166 e espera o atendimento das autoridades. FRAGOSO – Já no Caminho do Fragoso, na Estrada da Saudade, são três lâm-

padas que estão queimadas e as dificuldades de caminhar dos moradores a noite também são reclamadas. O problema está nas proximidades do número 178 e os pedidos de providências das autoridades foram feitos no final da semana passada.

Estes são mais itens do relatório de trabalho da nova diretoria da Associação de Moradores e Amigos da Atílio Maroti – AMAMTI. O presidente Adilson Aleixo destaca também que as reuniões mensais dos novos diretores também voltaram a ser agendadas no sentido de discutir e resolver o andamento dos trabalhos comunitários.

Programação de Finados amanhã na paróquia de Santo Antonio Amanhã no feriado de Finados as missas da paróquia de Santo Antonio do Alto da Serra serão celebradas na matriz às 7h e 19h. Nas capelas de Nossa Senhora da Glória, no Morin, as 8h30; São Cristóvão, na Praça Pasteur, 8h30; e na Sagrada Família, na Estrada do Paraíso, às 19h. As celebrações serão com o pároco Francisco Montemezzo e o

vigário paroquial Antonio Teixeira Pinto. Na sexta feira, Dia de Adoração ao Santíssimo Sacramento, as missas serão às 7h e 19h na matriz de Santo Antonio. Ontem também na matriz aconteceu a missa do Encontro de Casais com Cristo e a programação da paróquia no mês de novembro vai ser divulgada ainda esta semana.

ESPORTES

Felipe Azevedo assume Haras Monte Verde Seguindo em seu propósito de difundir o hipismo pelo interior do estado, o cavaleiro olímpico Luiz Felipe de Azevedo, anunciou ontem que assumiu a administração do Haras Monte Verde, localizado em Niterói, Região Oceânica. De sua residência atual, situada em Pedro do Rio, no Vale do Barão, no centro eqüestre denominado Fape Multisalto, Luiz Felipe concedeu entrevista exclusiva, contando um pouco de sua vida e falando sobre seus planos para o final desta temporada hípica: R – Com a habilidade que você tem no manejo de cavalos, você poderia estar trabalhando em qualquer lugar do mundo. Por quê em Petrópolis? L F – Porque meus amigos de infância estão aqui. No último verão, vim passar uma temporada no Haras Multisalto, em Pedro do Rio e me encantei com a região. Minha bisavó tinha casa em Petrópolis e a família do meu pai toda tem casa por aqui, Ademais, a acolhida que recebi dos petropolitanos me sensibilizou a ficar, muito embora possua outras propriedades do tipo em Miguel Pereira e na Bélgica. Acredito que fiz a escolha certa, eis que a cidade conta com diversos centros de treinamento, além de dispor de fácil acesso e excelente

clima. Não é por acaso que muitos do meio hípico estão na região. R - Depois de se instalar em Petrópolis, onde você administra dois centros eqüestres, qual sua próxima meta? L F – A idéia é expandir a marca FAPE pelo interior do estado, criando uma espécie de franquia, onde eu cederia a marca e administraria o centro eqüestre interessado. É claro que, nesta hipótese, eu e minha equipe estaríamos diretamente envolvidos no projeto, prestando toda a assistência necessária, inclusive ministrando aulas, formando profissionais e até organizando provas. R – Já há algo articulado neste sentido? L F – Nesta semana, estarei assumindo a administração do Haras Monte Verde, localizado na Região Oceânica, lá em Itaipu, Niterói. O estabelecimento possui boas instalações, pois conta com uma pista de areia medindo 100X70m e com um picadeiro coberto (60X20m), além de dispor de 42 cocheiras. Além do mais, o lugar também é estratégico, pois fica ao lado de Niterói e bem próximo do Rio de Janeiro, assim como das regiões Serrana e dos Lagos, tudo com fácil acesso, tanto para nós, quanto para o nosso público

Debora Lattouf

Luiz Felipe Azevedo, morador da cidade, fechou parceria

alvo, que, em síntese, são os admiradores do esporte. R – Isto quer dizer que você está trocando Petrópolis por Niterói? L F – Não. De modo algum, adoro Petrópolis e pretendo continuar morando por aqui. O combinado com o proprietário do Haras Monte Verde (José Lemos), foi uma parceria. Assim sendo, em princípio estarei lá duas vezes por semana para dar aulas. Mas, nesta semana, já estaremos enviando mais de dez cavalos para lá. Também estamos providenciando a instalação de uma filial de nossa selaria, a Fape Carioca, no Centro Eqüestre de Itaipu. Desde a

semana passada, dois membros de nossa equipe já se encontram trabalhando no local, onde ficarão residindo. Pretendo trabalhar lá da mesma forma que faço em Petrópolis, ou seja, passando para outros tudo que aprendi nesses cinqüenta anos de hipismo. R – Por falar no assunto, montando há tanto tempo, onde você encontra energia para continuar ensinando? L.F – Olha, apesar de estar com quase sessenta anos, na verdade, nunca parei de montar ou de ensinar, pois sempre me mantive em atividade, embora tenha ficado sem competir por um certo período.

O que mais me motiva mesmo é poder prestar esta colaboração ao esporte, pois ao longo de todo este tempo montando cavalos, em uma carreira vitoriosa (foram duas medalhas olímpicas, recorde de potência, pan americanos, mundiais, etc...), me sinto na obrigação de continuar, pois tenho compromisso com o esporte, ou seja, com os cavalos e os cavaleiros. Aliás, passar para os jovens tudo que aprendi mundo afora me deixa muito feliz, especialmente quando vejo eles superarem obstáculos que jamais sonharam em ultrapassar. É uma alegria imensa para todos e, especialmente para mim. É nesses momentos que me sinto realizado. R – Todo mundo sabe do seu talento e habilidade com os cavalos, mas poucos sabem de onde extraiu esses conhecimentos. Existe alguém que te ensinou ou é um dom natural? L.F – Talvez até eu tenha este dom para com os cavalos, mas, sem dúvida, no Brasil, quem mais me ensinou foi o Dr. Hermes Vasconcellos, um gênio do esporte. Sem dúvida o melhor de todos. O resto eu aprendi observando os melhores cavaleiros do mundo em ação, extraindo um pouco de cada um deles. Mas, quando eu digo em ação, isto não quer dizer apenas em competição. Também tem que se

observar os apetrechos que eles utilizam, como eles fazem o aquecimento e, se possível, até o treinamento. Daí você extrai o que lhe serve ou não. Nem todo método é adequado para você ou para seu cavalo. Você tem que ir experimentando, vendo o que dá certo e o que não dá. Não é muito difícil, mas, para tanto, se exige sensibilidade e observação, além de prática e habilidade. Sem talento, é claro que as coisas ficam mais complicadas. Mas, nada que seja impossível. Uns assimilam mais rápido que outros, tanto o cavalo, quanto o cavaleiro. Tem que se ter muita paciência. Lembro-me que, certa vez, um aluno me procurou dizendo que seu antigo professor lhe havia sugerido que, ao invés do hipismo, deveria tentar o tênis. Não sei se o que ele me disse era verdade, mas sei que, com os meus ensinamentos, ele terminou a temporada como campeão brasileiro. para as férias de verão, duas acontecerão no Fape de Miguel Pereira (janeiro) e outra no Manège Luiz Felipe de Azevedo, no Vale Florido, em Petrópolis (fevereiro), todas com número limitado de participantes, cujas reservas e informações poderão ser obtidas através do telefone 024-92365209, com Débora.


10

57 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

terça-feira, 1 de novembro de 2011

ESPORTES

esportedp@gmail.com

Gilmar fica em 3º na prova de Porto Alegre O atleta da Pé de Vento/ MEP Gilmar Silvestre Lopes foi o terceiro colocado na etapa de Porto Alegre do Circuito Caixa. Em primeiro lugar ficou o adversário Giomar Pereira que reassumiu a liderança do campeonato. Com o resultado, o representante da equipe petropolitana caiu para a segunda colocação. A prova foi marcada pelo fato de os africanos terem sido deixados para trás, com o melhor chegando na quarta colocação. Os atletas brigaram metro a metro pela vitória, que foi decidida apenas na reta final. Apesar de ter perdido a liderança, Gilmar ainda acre-

Luiz Doro/AdoroFoto

dita no título e faz questão de elogiar seu adversário. - Gosto demais do Gilmar, o admiro muito, é um grande atleta. Qualquer um de nós que terminar em primeiro, está bom. Vai ser uma briga boa, acho que o resultado vai ser decidido na São Silvestre - afirmou. Gilmar completou a prova dos 10 quilômetros em 29’16’’, 13 segundos após o vencedor. Gilberto Silvestre Lopes, irmão gêmeo do terceiro colocado ficou em sétimo na prova. A próxima etapa do Circuito Caixa será no dia seis de novembro, em Brasília.

Pódio do Circuito Athenas Os atletas José Gutembergue Ferreira e Eliezer de Jesus Santos subiram no pódio na Meia Maratona da terceira etapa do Circuito Athenas, disputado na manhã deste domingo, no Aterro do Flamengo. Gutembergue foi o se-

gundo colocado, completando a prova em 1h5’4’’ e Eliezer foi o quinto com o tempo de 1h6’23’’, sob forte calor os atletas tiveram um bom desempenho. Antonio Ribeiro, o Tonhão, também da equipe petropolitana ficou na nona colocação. Fotos: Divulgação

Gilmar Silvestre Lopes e seu irmão Gilberto se destacaram no pelotão de frente da etapa de Porto Alegre do Circuito Caixa

Poker/PEC vence e garante vaga antecipada no Estadual de futsal

As equipes Sub-9, Sub11 e Sub-13 do Petropolitano jogaram sábado, no Ginásio José Borzino, contra o Serrano, em partidas válidas pela última rodada do returno do Campeonato Municipal de Futsal. Um excelente público prestigiou os três jogos que foram realizados num clima de cordialidade e sem problemas disciplinares dentro e fora da quadra. No Sub-9, o Petrô venceu por 1 a 0, gol de Jonathan, mantendo a equipe na 1ª colocação geral. No Sub-11, houve um empate de 4 a 4, ficando o alvinegro em 2º lugar, enquanto no Sub-13, o Serrano venceu por 6 a 1, resultado que não alterou a colocação do Petrô que terminou a fase também no 1º lugar. Neste fim de semana deverão ser realizados os primeiros jogos das semifinais, com o confronto entre os primeiros contra os quartos colocados

e os segundos contra os terceiros, devendo as primeiras partidas serem realizadas nos ginásios dos clubes que obtiveram a segunda e a quarta posições. Devido às colocações do Petrô, todos os seus primeiros jogos das semifinais serão realizados nas quadras das equipes adversárias. A Liga Petropolitana deverá elaborar a tabela da fase semifinal até hoje. nCopa Light Pela Copa Light, o Sub11, dirigido por Ademilson, foi derrotada pelo Vasco da Gama por 6 a 0, em partida realizada no Estádio da Portuguesa Carioca, na Ilha do Governador. A equipe Sub13 não jogou neste fim de semana. O Sub-15 e o Sub-17 do Petropolitano folgaram na rodada do Campeonato Municipal de Futebol de Campo.

Em sua melhor atuação no Campeonato Estadual de Futsal 2011, o Poker/PEC venceu o Imperial por 5 a 1 (Vander Carioca, Sixel, Andrey, Régis e Pelé, para o tetracampeão estadual, com Guilherme descontando para o time da casa), na noite desta sexta-feira (28), no Ginásio do Corrêas. Com o resultado, além da classificação antecipada à próxima fase (independente do resultado da partida contra o Botafogo), o Poker/PEC segue invicto na competição, com 19 pontos (6 vitórias e um empate), na liderança do Grupo B. Com toques rápidos e precisos, o time buscou a vitória desde o início da partida. Com a vantagem de 2 a 0 na primeira etapa, voltou do intervalo disposto a manter o ritmo e garantir os três pontos. Foi o que aconteceu, fechando o jogo em 5 a 1. Autor de um dos gols, Rafael Sixel destacou a força do grupo e o empenho em busca do pentacampeonato. Segundo Sixel, cada jogador deu uma contribuição importante nesta vitória, provando mais uma vez o favoritismo para a conquista do título: – A cada jogo ganhamos mais confiança e mostramos a força do elenco. A competição agora vai afunilando e ficando os melhores. Mas o grupo está numa ótima fase, demonstrando muita vontade na conquista do título – complementou Sixel. Pela última rodada desta fase de classificação, o Poker/ PEC enfrenta o Botafogo na próxima sexta-feira (4), às 19h30, no Ginásio da UCP, no Bingen.

No último sábado, os times do Palmeira enfrentaram o Vera Cruz no Ginásio Luiz Vedovani, e

os resultados foram estes: Sub-9 – 11 x 1; Sub-11 – 11 x 2 ; Sub-13 (foto) – 12 X 1. O técnico Nei, das três

equipes do Vera Cruz , foi parabenizado pela torcida tricolor, trabalhando sozinho nas três partidas.

Atletas do Petropolitano posaram para foto antes do confronto

Petropolitano e serrano se enfrentaram em três jogos

Ari Gomes

Bananeira, capitão do Imperial Futsal, lutou muito, mas seu time não conseguiu vencer o Poker nImperial

pensa na próxima fase Agora o Imperial começa a pensar na segunda fase do campeonato estadual. O treinador da equipe lamentou a derrota, mas agora terá uma semana de trabalho até o início da segunda fase. - Nós não rendemos o que estamos acostumados, perdemos muitos gols e demos bobeira na defesa. A verdade é que faltou um pouco de maturidade ao nosso time e por isso saímos com o resultado negativo - analisou Ney Marcos. O jogo começou equilibrado com os dois times dando pouco espaço, até que aos oito minutos Sixel abriu o placar para o PEC logo em seguida, após contra-ataque Régis ampliou a vantagem do time visitante. Após os gols o Imperial

tomou conta do jogo e passou a pressionar mais até o fim do primeiro tempo, mas parava sempre na boa atuação do goleiro Rogério. O time da casa ainda teve um tiro de 10 metros a seu favor, mas Danilo entrou e fez a defesa. Na volta para o segundo tempo o Imperial continuava mandando no jogo, mas não conseguia configurar o seu domínio em gols. Aos 9min o ala Bruno do PEC foi expulso e o time da casa passou a ter um homem a mais em quadra intensificando ainda mais a pressão, mas a bola insistia em não entrar. O PEC apesar de ser pressionado se defendia muito bem e sai sempre com muito perigo nos contra-ataques. Foi assim que Andrey ampliou a vantagem para 3 a 0. O Imperial sentiu o golpe e um minuto depois levou o quarto

gol, marcado por Pelé. Faltando dois minutos para o fim Leo chutou cruzado e Guilherme desviou para o gol, diminuindo a vantagem adversária, mas há 30s do fim Vander Carioca marcou e deu números finais ao confronto. Imperial 1 x 5 PEC. Na próxima rodada o Imperial fica de folga e agora aguarda apenas a formação dos grupos da segunda fase e a divulgação da tabela de jogos. nFicha técnica: Imperial Futsal: Douglas, Daniel, Ramon, Edu, Bananeira, João, Leo, Diego, Araça, Sequinho, Michel e Guilherme. Treinador: Ney Marcos Poker/PEC: Cazuza, Chico, Régis, Pelé, Alvim, Sixel, Bruno, Vinícius, Vander Carioca, Rogério, Danilo e Andrey. Treinador: Cupim.


diariodepetropolis