Page 17

Os dispositivos ópticos surgiram como novas formas

para ver e observar o mundo, com o intuito de nos proporcionarem a visão e o registo de coisas e momentos.

O caleidoscópio, como o próprio nome indica, do

“grego kalos (=belo), eidos (=imagem) e scopéo (=vejo)” (vejo lindas imagens) fornece-nos imagens simétricas resultantes da interacção dos espelhos existentes no dispositivo. Os dispositivos ópticos eram tidos até aos séculos XVIII/XIX como enganadores.

O espelho, protótipo da maioria dos dispositivos

ópticos, que nos dá uma visão invertida da esquerda para a direita, e a ideia de duplo que este nos confere torna por vezes a sua experiência algo de fantasmagórica. É neste sentido que a obra “eidos” surge. Esta tem paradoxalmente duas ideias subjacentes; enquanto experiência individual e delimitador do espaço (não só visual mas também do movimento) causa ao espectador o senti- XVII -

Profile for Diana Teixeira

Livro de Artista 2011  

Livro de artista relativo ao ano 2010/2011

Livro de Artista 2011  

Livro de artista relativo ao ano 2010/2011