Issuu on Google+

RELATÓRIO

4 ANOS

GESTÃO 2008 | 2012


Gestão 2008 - 2012

Reitor

Alvaro Toubes Prata Vice-Reitor

Pró-Reitora de Pós-Graduação

Carlos Alberto Justo da Silva

Maria Lúcia de Barros Camargo

Chefe do Gabinete do Reitor

Secretária de Cultura e Arte

José Carlos Cunha Petrus

Maria de Lourdes Alves Borges

Pró-Reitor de Assuntos Estudantis

Secretário de Planejamento e Finanças

Cláudio José Amante

Luiz Alberton

Pró-Reitor de Desenvolvimento Humano e Social

Secretário de Relações Institucionais e Internacionais

Luiz Henrique Vieira Silva

Enio Luiz Pedrotti

Pró-Reitora de Ensino de Graduação

Diretor Geral do Campus Araranguá

Yara Maria Rauh Muller

Sergio Peters

Pró-Reitor de Infraestrutura

Diretor Geral do Campus Curitibanos

João Batista Furtuoso

Cesar Damian

Pró-Reitora de Pesquisa e Extensão

Diretor Geral do Campus Joinville

Débora Peres Menezes

Acires Dias

Direção e edição Moacir Loth - Textos Gabinete do Reitor Revisão Arley Reis e Paulo Clóvis Schmitz Projeto Gráfico Sistema de Identidade Visual UFSC (Agecom)

Agência de Comunicação da UFSC

www.identidade.ufsc.br - Andrezza Pereira, Cristiane Amaral (estagiárias) - Coordenação Vicenzo Berti - (48) 3271-9601 - www.agecom.ufsc.br Colaboração Ana Carine Montero Imagens

Adriana Füchter, Adriano Ebenriter, Eduardo Fortkamp, Eduardo L. Favero Alend, Márcio Henrique P. dos Santos, Vicenzo Berti, Joi Cletison, Wagner Behr, Velho Bruxo, ColorSystem, Lucini, Sandro Nunes, Prefeitura de Joinville, Paulo Noronha, Fabio Raulino, Marcio Vieira e equipes de produção de eventos e projetos.


APRESENTAÇÃO

Este relatório apresenta as principais realizações da Gestão 2008-2012, da Universidade Federal de Santa Catarina e está dividido em atividades de Ensino, Pesquisa, Extensão, Cultura e Arte, e Gestão. Ele evidencia os progressos obtidos na direção de colocar a Universidade nas melhores condições de atender a sociedade catarinense e brasileira e alcançar um patamar de excelência cada vez maior. Foi um período de avanços e conquistas, de consolidação da interiorização e da internacionalização da Universidade, da expansão dos cursos e vagas, de investimentos em obras físicas e infraestrutura, da consolidação das políticas de ações afirmativas e de avaliações cada vez mais positivas do desempenho da instituição nos campos do ensino, da pesquisa e das publicações científicas.  Deve ser ressaltado que, além da qualidade no ensino de graduação, bem avaliado pelo ENADE, e na pós-graduação, igualmente bem avaliado pela CAPES, as pesquisas realizadas na instituição a colocam em destaque entre as universidades brasileiras e da América Latina. A UFSC ocupa a quinta posição no Ranking Web of World Universities (http://www.webometrics.info, julho de 2011), que usa indicadores cientométricos (número de trabalhos publicados e citações, relatórios e outros documentos, nos últimos 10 anos) e se baseia na presença das instituições na web, analisando a visibilidade, tamanho, produtividade e impacto dos trabalhos publicados. Pela mesma avaliação, a UFSC está entre as seis principais universidades da América Latina ocupando a 206ª posição no ranking mundial dentre as 20 mil instituições analisadas. 

Alvaro Toubes Prata Reitor

A UFSC no Século XXI deverá seguir avançando em prol do conhecimento, do ensino, da pesquisa, da extensão, da arte e da cultura. A partir de sua excelência, a Instituição deverá continuar a servir cada vez mais e melhor a sociedade que a sustenta.

Carlos Alberto Justo da Silva Vice-Reitor


SUMÁRIO

Prêmio Destaque Pesquisador UFSC 50 anos................. 20 Prêmio Destaque Pesquisador 2011............................... 21 Internacionalização da universidade.............................. 21 Cooperação internacional na graduação........................ 22 ENSINO........................................................................ 5 Graduação..................................................................... 5 Graduação presencial.................................................... 6 Vagas nos vestibulares................................................... 6

CULTURA E ARTE......................................................... 23 Principais produções — teatro....................................... 24 Principais produções — cinema..................................... 24

Número de alunos matriculados.................................... 7

EXTENSÃO.................................................................... 25

Curso pré-vestibular...................................................... 7

Ações de extensão registradas....................................... 25

Exame nacional de desempenho de estudantes (ENADE)................................................. 8

Principais projetos e programas..................................... 26

Investimento em bolsa permanência.............................. 8 Investimento na Biblioteca Universitária........................ 9 Pós-graduação............................................................... 10 Conceitos dos cursos de pós-graduação: mestrado.............................................. 10

GESTÃO........................................................................ 27 Ingresso de servidores na UFSC..................................... 27 Capacitação de servidores............................................. 28 Plano de Saúde do servidor........................................... 28 Restaurante Universitário.............................................. 29

Conceitos dos cursos de pós-graduação: doutorado............................................ 11

Hospital Universitário Ernani Polydoro São Thiago - HU............................................. 29

Cursos de pós-graduação stricto sensu criados de 2008 a 2011............................. 11

Implantação dos campi Joinville, Curitibanos e Araranguá................................................ 29

Pós-graduação lato sensu: especialização...................... 12

Campus da UFSC em Araranguá................................... 30

Recursos PROF/CAPES.................................................. 13

Campus da UFSC em Joinville........................................ 31

Número de alunos na pós-graduação............................ 13

Campus da UFSC em Curitibanos.................................. 32

Bolsas de pós-graduação com recursos do MEC — CAPES e REUNI............................. 14

Obras finalizadas, em andamento, em licitação e a licitar.................................................... 33

PESQUISA..................................................................... 15 Projetos de pesquisa registrado no sistema NOTES / UFSC e pessoal envolvido.................. 15 Parcerias institucionais................................................... 16 Recursos envolvidos em projetos de pesquisas e esenvolvimento financiados por outras instituições........ 17 Valores aplicados em bolsas de iniciação científica com recursos internos e externos.................... 18 Recursos do CT-INFRA.................................................. 18 Visibilidade da UFSC em base de dados......................... 19 Bolsas de produtividade em pesquisa............................ 20

Orçamento executado................................................... 34 Segurança no campus................................................... 35 Outras ações e atividades.............................................. 36 Reestruturação TV UFSC............................................... 37 Tutoria na implantação da Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS...................................... 37 Comunicação pública.................................................... 38 Expansão para a Baía Sul............................................... 39 Expansão para o Sapiens Parque................................... 39


ENSINO

Para perseguir novos e mais altos patamares de excelência, buscou-se assegurar a qualidade do ensino em todos os níveis, institucionalizar ações inovadoras, ampliar o acesso qualificado e a efetividade dos processos de formação, implementar ações de apoio pedagógico, além de expandir a oferta de cursos e institucionalizar ações de interação com os egressos.

GRADUAÇÃO 2012

13

2011

13

2009

13

2008

13

2006

5

2005

4

2002 2001 2000

84 78 67

12

2007

2003

87

13

2010

2004

88

64 64 63

0

62

0

62

0

62

0

62

0

Modalidade EaD

62 Modalidade Presencial

Evolução dos cursos de graduação implantados nas modalidades presencial e a distância

Nos últimos quatro anos foram criados 26 cursos de graduação presenciais, sendo 19 na sede e sete nos campi de Joinville, Curitibanos e Araranguá. Esse crescimento resultou num aumento de 33% no número de cursos de graduação presencial oferecidos pela Instituição.

5 //

Relatório de Gestão 2008-2012


GRADUAÇÃO PRESENCIAL Cursos de graduação criados de 2008 a 2011 Campus Florianópolis Antropologia (Centro de Filosofia e Ciências Humanas)

Química – Licenciatura (Centro de Ciências Físicas e Matemáticas)

Arquivologia (Centro de Educação)

Letras - Língua Brasileira de Sinais/Bacharelado (Centro de Comunicação e Expressão)

Artes Cênicas (Centro de Comunicação e Expressão)

Letras - Língua Brasileira de Sinais/Licenciatura (Centro de Comunicação e Expressão)

Ciências Biológicas/Licenciatura Noturno (Centro de Ciências Biológicas)

Licenciatura Intercultural Indígena (Centro de Filosofia e Ciências Humanas)

Ciência e Tecnologia Agroalimentar (Centro de Ciências Agrárias)

Meteorologia (Centro de Ciências Físicas e Matemáticas)

Design - Habilitação em Design (Animação e Produto) (Centro de Comunicação e Expressão)

Museologia (Centro de Filosofia e Ciências Humanas)

Educação do Campo (Centro de Ciências da Educação)

Oceanografia (Centro de Filosofia e Ciências Humanas)

Engenharia Eletrônica (Centro Tecnológico)

Relações Internacionais (Centro Sócio-Econômico)

Fonoaudiologia (Centro de Ciências da Saúde) Geologia (Centro de Filosofia e Ciências Humanas)

Zootecnia (Centro de Ciências Agrárias)

Campus Joinville

Campus Curitibanos

Engenharia de Computação

Ciências Rurais

Engenharia de Energia

Medicina Veterinária

Fisioterapia

Campus Joinville

Tecnologias da Informação e Comunicação

Engenharia da Mobilidade

VAGAS NOS VESTIBULARES 5276 3920

3920

2006

2007

6111

6091

6061

2010

2011

2012

4098

2008

2009

Vagas Oferecidas

Desde 2008, houve um incremento de aproximadamente 50% nas vagas oferecidas no concurso vestibular, resultando em mais de 2.000 novas entradas anuais.

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 6

A expansão de vagas nas universidades é fundamental para se reduzir a exclusão no ensino superior, principalmente neste momento em que se verifica um forte crescimento do país e consequente procura por mão de obra qualificada.


NÚMERO DE ALUNOS MATRICULADOS Como reflexo da ampliação de cursos e de vagas, verificou-se uma evolução importante nas matrículas nos cursos de graduação presencial.

17.391

18.108

18.820

18.491

18.151

2001

2002

2003

2004

2005

19.696

20.220

20.467

21.425

2006

2007

2008

2009

23.123

24.615

2010

2011

Matrículas nos cursos de graduação presencial

CURSO PRÉ-VESTIBULAR

3500

3500 3119

700 700

2008 Nº Total de Alunos

725

440

245 2009

1200

1250

1000

2010

Vestibulandos UFSC, UDESC e IFSC

O Pré-Vestibular da UFSC foi implantado para atender aos estudantes que não dispõem de recursos financeiros para cursos preparatórios. Esse projeto beneficiou a população que tem grande dificuldade em ingressar no ensino superior. Gratuito e viabilizado em parceria com a Secretaria de Estado da Educação de Santa Catarina, o Pré-Vestibular da UFSC busca o desenvolvimento da educação local e da cidadania, assim como o melhor preparo da comunidade para o mercado de trabalho.

720

2011 Aprovados UFSC, UDESC e IFSC

A parceria entre a UFSC e a Secretaria de Estado da Educação, estabelecida em 2010, permitiu que 3.119 alunos fossem beneficiados pelo projeto no ano de 2011. Em oito anos o projeto contemplou mais de 16 mil estudantes.

7 //

Relatório de Gestão 2008-2012


EXAME NACIONAL DE DESEMPENHO DE ESTUDANTES (ENADE) 11

2006 2007

9

2008

Número de cursos

2009

7

2010

5

3

1 Conceito 1

Conceito 2

Conceito 3

Conceito 4

Conceito 5

Resultado ENADE

O ENADE avalia o rendimento dos alunos dos cursos de graduação, ingressantes e concluintes, em relação aos conteúdos programáticos. No ranking nacional, 12 cursos da UFSC são líderes nacionais (posição de 1º a 5º).

Entre as universidades federais, 18 cursos se destacam (posição de 1º a 5º) e no ranking estadual a UFSC tem 27 cursos de graduação nas primeiras colocações.

INVESTIMENTO EM BOLSA PERMANÊNCIA Recentemente, foram dobrados os investimentos em bolsa permanência, permitindo aos jovens com vulnerabilidade socioeconômica permanecerem na Instituição. Além disso, o valor da bolsa foi atualizado a partir de outubro de 2011. R$ 5.058.256,00 R$ 4.299.568,00 R$ 3.321.864,00 R$ 2.011.100,00

2008 Valor (R$)

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 8

2009

2010

2011

Investimento anual da UFSC em bolsa permanência


INVESTIMENTO NA BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA A Biblioteca Universitária recebeu investimentos significativos nos últimos quatro anos, enriquecendo o acervo e melhorando a qualidade dos serviços prestados à comunidade interna e externa à universidade, incluindo o conforto ambiental com instalação de ar condicionado central. Priorizou-se a aquisição de livros. Somente em 2011 o investimento em livros somou R$2.5 milhões. Nos últimos anos, foram aperfeiçoados os sistemas informatizados de empréstimos e estabelecidas parcerias com órgãos públicos para melhoria da qualidade dos serviços.

2011

R$ 4.257.494,82

2010

R$ 6.869.917,49

2009

R$ 1.041.462,48

2008 2007

R$ 1.776.470,35 R$ 422.332,23

2006

R$ 278.112,38

2005

R$ 263.577,37

2004

R$ 258.450,79

2003

R$ 232.682,33

2002

R$ 614.918,85

2001

R$ 81.070,28

2000

R$ 91.075,00 Investimento realizado na Biblioteca Universitária

9 //

Relatório de Gestão 2008-2012


PÓS-GRADUAÇÃO Verifica-se, nos últimos anos, um incremento importante no número de cursos de pós-graduação. Neste período, a PróReitoria de Pós-Graduação dinamizou e ampliou o programa de apoio à participação de pós-graduandos em eventos científicos e as opções de mobilidade em projetos de co-

60 39

67

62 40

21

22

2000

2001

69

43

44

24

25

2002

2003

Mestrado

81

74

48

47

operação com outras universidades do país e do exterior. Criou-se o Departamento de Educação Continuada, implantou-se o Programa de Bolsas de Pós-Doutorado/REUNI e destinaram-se vagas para a contratação de docentes para atendimento às demandas originadas da pós-graduação.

86

82

51

48

35

27

33

34

2004

2005

2006

Doutorado

2007

101

103

105

56

57

58

57

38

42

44

45

2008

2009

2010

2011

92

54

98

48

2012

Mestrado + Doutorado

Evolução do número de cursos e de programas de pós-graduação

Além disso, em função do apoio especial dedicado aos programas, na avaliação trienal 2010 realizada pela CAPES, foram duplicados os cursos com nota 6 e 7 (de 5 para 10), reduzidos os conceitos 3 (de dez cursos para quatro) e 20 pós-graduações tiveram suas notas aumentadas.

CONCEITOS DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO: MESTRADO 21 Evolução dos conceitos dos Cursos de Mestrado, obtidos através da avaliação da CAPES

22 18 18 18

15 11 7

7

6

7

4

3 1

3 2007 Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 10

4 2010

2012

5

6

7

3


CONCEITOS DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO: DOUTORADO 20 18

Evolução dos conceitos dos Cursos de Doutorado, obtidos através da avaliação da CAPES

19 19

14 10 7

7

4 1

1

4 2010

3

1

3 2007

3

1 5

6

7

2012

CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU CRIADOS DE 2008 A 2011 No período foram criados 22 cursos de pós-graduação – 13 acadêmicos e 09 profissionais

Cursos de Pós-Graduação Acadêmicos e ano de criação

Cursos de Pós-Graduação — Mestrados Profissionais e ano de criação

Arquitetura e Urbanismo: Doutorado (2010)

Agroecossistemas: 2009

Biologia Celular e do Desenvolvimento: Mestrado e Doutorado (2009)

Farmacologia: 2009

Ciência da Computação: Doutorado (2012)

Gestão Ambiental: 2010

Ciência da Informação: Doutorado (2012)

Administração Universitária: 2010

Ecologia: Doutorado (2011)

Enfermagem: 2009

Economia: Doutorado (2012)

Perícias Criminais Ambientais: 2011

Estudos da Tradução: Doutorado (2009)

*Cuidados Intensivos e Paliativos: 2011

Multicêntrico em Ciências Fisiológicas: Mestrado e Doutorado (2009)

*Multidisciplinar em Saúde: 2011

Nanotecnologia Farmacêutica: Doutorado (2011)

Saúde Mental e Atenção Psicossocial: 2011

Nutrição: Doutorado (2012)

*Associados à Residência Médica

Relações Internacionais: Mestrado (2011) Saúde Coletiva: Doutorado (2009) Serviço Social: Doutorado (2011)

11 //

Relatório de Gestão 2008-2012


PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: ESPECIALIZAÇÃO 8.233

7.385

4.307 2.773

3.115

3.027

2.866 1.972

1.882

2007

2008

2.693

581 2001

2002

2003

2004

2005

2006

2009

2010

2011

Vagas Vagas oferecidas pela UFSC em seus cursos de especialização

A partir de 2008, houve um expressivo crescimento nas vagas oferecidas na pós-graduação em nível de especialização.Os cursos são gratuitos para aproximadamente 94% dos alunos e a maioria é financiada por órgãos públicos, como os Ministérios da Educação e da Saúde, e por empresas privadas da área tecnológica.

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 12


RECURSOS DO PROF / CAPES Agora extinto, e substituído pelo PROAP, o PROF/CAPES repassou à UFSC recursos crescentes desde 2007, em razão do bom desempenho de seus cursos de pós-graduação. De 2007 a 2010 houve um incremento real de 65% nos valores recebidos para financiar a Pós-Graduação.

R$ 20.101.348,00

R$ 12.179.648,61 R$ 11.423.677,00 R$ 11.619.037,00 R$ 11.347.099,49

R$ 8.575.037,00

R$ 9.217.945,00

R$ 9.284.873,00

2005

2006

2004 Valor nominal

R$ 10.410.603,00

R$ 13.989.886,75

R$ 12.663.428,00

2007

R$ 15.190.743,32

R$ 14.343.068,00

2008

2009

2010

Valor corrigido base dez/2011 Total dos recursos investidos pela CAPES na Pós-Graduação da UFSC

NÚMERO DE ALUNOS NA PÓS-GRADUAÇÃO 4388 3691

3584 3196

1685

2004 Mestrado

3845

3864

3539

3111 2213

1931

2005

3882

2197

2360

2462

2719

2773

1826

2006

2007

2008

2009

2010

2011

2012

Doutorado Matrículas nos cursos de mestrado e doutorado desde 2004

Nos últimos anos, evidencia-se um aumento significativo no número de matrículas nos cursos de doutorado.

13 //

Relatório de Gestão 2008-2012


BOLSAS DE PÓS-GRADUAÇÃO COM RECURSOS DO MEC — CAPES E REUNI Nos últimos quatro anos, foi possível um efeito crescimento no número de bolsas concedidas aos alunos da pós-graduação com recursos do Ministério da Educação.

1039 842 516

431 356

676

356

447

301 203 148

124

2005

2004 Mestrado

296

148

2006

2008

2009

2010

2011

Doutorado Número de bolsas de pós-graduação com recursos originados do MEC

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 14


PESQUISA Um dos destaques na área da pesquisa neste período, foi a implantação do Laboratório Central de Biologia Molecular Estrutural (CEBIME), estratégico para o desenvolvimento de pesquisas avançadas na UFSC. Nessa unidade estão instalados equipamentos de última geração que contribuem para o desenvolvimento das áreas de biotecnologia, ciência dos materiais, química fina, física aplicada, saúde e engenharias. A Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão também reestruturou o Departamento de Inovação Tecnológica, fortaleceu os Programas PIBIC e PIBITI, aumentando o número de bolsas com recursos do CNPq. Foram atualizados

Buscou-se promover a implantação de estruturas inovadoras de pesquisa, estimular estudos de qualidade, fortalecer a inserção regional e a responsabilidade social, além de ampliar a internacionalização das atividades.

formulários de registros de atividades de pesquisa e extensão, reativado o levantamento da produção científica, técnica e artística da UFSC, interrompido desde 2003, e organizada a publicação sobre grupos registrados no Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq. Além disso, agilizou-se a tramitação de projetos de pesquisa no âmbito da PRPE e implantou-se o Programa PIBIC Ensino Médio. A PRPE, junto com a PREG, indicou membros para a comissão que elaborou nova proposta com normas para avaliação docente com vistas à progressão funcional.

PROJETOS DE PESQUISA REGISTRADOS NO SISTEMA NOTES / UFSC E PESSOAL ENVOLVIDO Desde 2008, houve um aumento superior a 50% no número de projetos de pesquisa envolvendo docentes, STAE e discentes. Esse crescimento demonstra a vocação e o comprometimento da Universidade com a pesquisa.

2710 2453 2007 1797

1891

1641

1767

1590

1207

1355

66 2008 STAE

2487

2312

Docente

121

137

156

2009

2010

2011

Discente

Projetos de pesquisa registrados por docentes, servidores técnicoadministrativos e discentes

Número de Projetos

15 //

Relatório de Gestão 2008-2012


PARCERIAS INSTITUCIONAIS Com apoio externo, a UFSC conseguiu ampliar significativamente o número de seus projetos de pesquisa em várias áreas do conhecimento.

10 7

FINEP

92

P&D de Concessionárias Públicas de Energia Elétrica

20 29 30

P&D de Concessionárias de Petróleo e Gás

10 7 35 14

Outras Instituições Públicas

80

22

Setor Empresarial

106

76

Total

663

2009

619

229

1448 2010

2011

Número de projetos de pesquisa financiados por instituições externas

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 16


RECURSOS ENVOLVIDOS EM PROJETOS DE PESQUISAS E DESENVOLVIMENTO FINANCIADOS POR OUTRAS INSTITUIÇÕES Além do crescimento no número de projetos, destaca-se o aumento nos recursos captados.

FINEP

P&D de P&D de Concessionárias Concessionárias Públicas de de Petróleo Energia Elétrica e Gás

Outras Instituições Públicas

Setor Empresarial

Total

2009

16.059.303,

6.025.288,67

10.638.569,84

9.902.822,87

3.749.846,22

46.375.831,53

2010

16.822.195,

4.892.791,96

7.376.496,61

83.151.888,40

8.198.857,92

120.442.230,33

2011

6.892.875,9

9.814.746,53

18.205.474,28

89.774.250,95

14.531.257,71 139.218.605,38

Recursos externos aplicados em projetos de pesquisa e desenvolvimento Obs: Não estão incluídos os projetos de pesquisa financiados pelo CNPq, que são gerenciados pelos próprios pesquisadores.

17 //

Relatório de Gestão 2008-2012


VALORES APLICADOS EM BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA COM RECURSOS INTERNOS E EXTERNOS 2.808.000,00 583.200,00

2011-2012

108.000,00 216.000,00 1.900.800,00

2.733.600,00 518.400,00

2010-2011

108.000,00 194.400,00 1.913.760,00

1.954.800,00 378.000,00

2009-2010

72.000,00 18.000,00 1.486.800,00

Total

BIPI/UFSC

PIBIC/AF/CNPq

PIBIT/CNPq

Investimentos de fontes diversas destinados à bolsas de pesquisa

PIBIC/CNPq

Nos últimos dois anos houve um importante investimento em bolsas de iniciação científica, com aumento de 43,6% nos recursos aplicados.

RECURSOS DO CT-INFRA 12.819.588,00 9.631.610,00 9.567.868,00 3.093.000,00

4.690.068,00

2.700.803,00 2004

2005

2.890.000,00 2006

2007

2008

2010

Recursos anuais originados do CTINFRA e aplicados na Instituição *O Edital de 2011 está ainda em andamento

Valor (R$)

O Fundo de Infraestrutura (CT-INFRA) foi criado pela FINEP para viabilizar a modernização e ampliação da infraestrutura e dos serviços de apoio à pesquisa em instituições públicas de ensino superior, por meio de criação e reforma de laboratórios e compra de equipamentos. A UFSC tem recebido, sistematicamente, esse apoio para financiar os seus projetos institucionais, e pela qualidade dos seus projetos tem se colocado como uma das instituições que mais recebem recursos do CT-INFRA.

Relatório de Gestão 2008-2012

2009

\\ 18


VISIBILIDADE DA UFSC EM BASE DE DADOS 1490

1441 Fonte: Thomson Reuters (Web of Knowledge); Elsevier B.V. (SciVerde – Scopus); Bireme – SciELO (Os dados autorizados por Abel Packer e recuperados por Rogerio Mugnaini)

872

377

348

458 430 459 484

121 2001

149 2002

Web of Science

545

146 2003

689 594 615

751

964

1232 1158 1113 1063 1026

958

800

488 222

2004

273

242

2005

2006

Scopus

332

321

2007

2008

459

377

2009

2010

2011

SciELO

A visibilidade da UFSC pode ser percebida a partir da difusão dos artigos publicados por seus pesquisadores em bases de dados, como a Web of Science, a Scopus e a SciELO. O número total de artigos reproduzidos dentro do índice-h foi de 10.806 até dezembro de 2011, com um total de 8.442 artigos citados. Outro tipo de visibilidade é a geração de indicadores de comportamento científico, no qual a UFSC alcançou a 8ª posição entre os maiores produtores de pesquisa científica universitária no país (14ª na América Latina e 33ª nos países Iberoamericanos). De acordo com os índices na Web of Science, através do Institute for Scientific Information, a UFSC figura na 10ª colocação geral no país.

19 //

Relatório de Gestão 2008-2012


BOLSAS DE PRODUTIVIDADE EM PESQUISA Nos últimos oito anos houve um incremento de 88% no número de pesquisadores da UFSC com bolsa de produtividade em pesquisa do CNPq. Esse dado é um indicador confiável, que mostra a competência científica dos pesquisadores da Instituição.

213 2003

304

322

2008

2009

396

400

2010

2011

Total

Em Santa Catarina, 84% dos bolsistas de produtividade em Pesquisa estão na UFSC. Entre 54 Pesquisadores Seniores do CNPq, dois são do Estado e fazem parte do quadro docente da UFSC. Os docentes bolsistas em produtividade representam 23,52% do total de doutores da Universidade Federal de Santa Catarina, ou seja, aproximadamente para cada 4 doutores da Universidade, 1 possui bolsa de produtividade em pesquisa do CNPq.

Número de bolsistas de produtividade em Pesquisa da UFSC, desde 2003

PRÊMIO DESTAQUE PESQUISADOR UFSC 50 ANOS Em 2010, ano de seu cinquentenário, a UFSC homenageou pesquisadores que se destacaram no avanço do conhecimento e na formação de recursos humanos qualificados. Os docentes foram avaliados e indicados a partir de

seus Centros de Ensino. A premiação foi repetida em 2011. Atualmente, a UFSC possui 400 pesquisadores com bolsas de produtividade em pesquisa do CNPq e em 2010 foram publicados mais de mil trabalhos em periódicos indexados.

Prêmio Destaque Pesquisador 2010

Raul Antelo (CCE)

Wagner Figueiredo (CFM)

Markus Vinícius Nahas (CDS)

Ivete Simionatto (CSE)

Luiz Fernando Scheibe (CFH)

Antônio Carlos Wolkmer (CCJ)

Leda Scheibe (CED)

Alacoque Lorenzini Erdmann (CCS)

João Batista Calixto (CCB)

Ivo Barbi (CTC)

Jaime Fernando Ferreira (CCA)

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 20


PRÊMIO DESTAQUE PESQUISADOR 2011 Também, em 2011, a UFSC prestou homenagem aos pesquisadores que mais se destacaram no avanço do conhecimento e na formação de recursos humanos qualificados na UFSC.

Prêmio Destaque Pesquisador 2011

Alkmar Luiz dos Santos (CCE)

Ruy Exel Filho (CFM)

Edio Luiz Petroski (CDS)

Newton Carneiro Affonso da Costa Junior (CSE)

Ruth Emília Nogueira (CFH)

José Rubens Morato Leite (CCJ)

Miguel Pedro Guerra (CCA)

Eloir Paulo Schenkel (CCS)

Reinaldo Naoto Takahashi (CCB)

Aloísio Nelmo Klein (CTC)

INTERNACIONALIZAÇÃO DA UNIVERSIDADE Criada em 2008, a Secretaria de Relações Institucionais e Internacionais (SINTER) é o órgão responsável pela inserção da UFSC no cenário internacional e pelo fortalecimento da cooperação e interação com instituições de ensino superior no exterior. O objetivo está sendo alcançado por meio da cooperação internacional e interinstitucional e do incentivo

2011

341

2010

347

2009

263

2008

227

2007 2006 Acordo de cooperação

aos professores, pesquisadores e alunos para que participem de intercâmbio com universidades conveniadas. Em três anos cresceu em 70% o número de acordos entre a UFSC e outras instituições de ensino e pesquisa nacionais e estrangeiras.

202 100

Número de acordos internacionais celebrados anualmente pela UFSC

21 //

Relatório de Gestão 2008-2012


Pesquisadores italianos na área de vitivinicultura visitam a UFSC

COOPERAÇÃO INTERNACIONAL NA GRADUAÇÃO Aumentou consideravelmente, também, o número de alunos da UFSC em missão de estudos no exterior a partir de 2008. Os dados demonstram a importância estratégica da SINTER na internacionalização da universidade e na mobilidade estudantil. A UFSC passou a receber e enviar mais alunos ao exterior. 501

454 383

403

343

273

261 167

2008 Alunos do exterior (in)

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 22

2009

2010 Alunos no exterior (out)

2011


CULTURA E ARTE Também criada em 2008, a Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte), potencializou o ambiente cultural e artístico na universidade, que busca consolidar-se como centro irradiador das artes e da cultura em Santa Catarina. Entre as principais realizações, destacam-se a Semana Ousada de Arte (parceria com a UDESC) e o Festival Internacional de Teatro de Animação, que consagrou-se como um dos principais eventos do gênero do país. Realizado na UFSC desde 2008, o Fita-Floripa promoveu em 2011 cerca de 40 apresentações de grupos brasileiros, latinoamericanos e europeus, direcionadas ao público infantil e adulto. Outro destaque foi o Festival de Música Universitária, que reuniu em dois dias de mostra não competitiva, público de aproximadamente 15 mil pessoas. A SeCArte incentivou, também, produções de teatro e cinema e criou em 2010 o Madrigal e a Orquestra de Câmara, compostos por estudantes da UFSC. Em 2010, ano de comemoração do cinquentenário da Instituição, foram realizadas apresentações internas e externas à universidade, além de centenas de atividades artístico-culturais, científicas e tecnológicas.

Entre as diversas ações realizadas, devem ser ressaltadas a reforma no palco do Centro de Cultura e Eventos, adequando-o à apresentações de grandes peças teatrais, a reforma do Museu Universitário e a construção do pavilhão de exposições anexo ao Museu, que recebeu o nome do eminente antropólogo e professor Sílvio Coelho do Santos. Destacamse, ainda, a criação da Bolsa Cultura, o fomento de projetos culturais nos Centros de Ensino e a criação da Comissão Permanente de Cultura, com participação de docentes, estudantes e servidores técnico-administrativos.

23 //

Relatório de Gestão 2008-2012


PRINCIPAIS PRODUÇÕES TEATRO Popoh Vuhl (2008) As Luas de Galileu (2009) Dom Quixote (2010) A Mandrágora de Maquiavel (2010) Inomináveis - Coletivo Becket (2010) Sonho de uma Noite de Verão (2011/2012) Setembro (2011/2012)

As Luas de Galileu

PRINCIPAIS PRODUÇÕES CINEMA O Contestado: restos mortais Direção: Sylvio Back (Festival de Gramado) Foi honrosamente selecionado para a competição no 15º Festival Internacional de Cinema “É Tudo Verdade”, tendo sido exibido seis vezes em São Paulo e no Rio de Janeiro.

A Antropóloga Filme de José Henrique Nunes Pires (Zeca Pires), foi um dos selecionados para a mostra competitiva de novos diretores do evento “Mostra Internacional de Cinema”, que aconteceu de 22 de outubro a 4 de novembro de 2010 em São Paulo. A Antropóloga resgata a cultura herdada dos colonizadores açorianos em uma comunidade remota de Florianópolis.

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 24


EXTENSÃO Procurou-se dar maior visibilidade aos projetos e ações de extensão desenvolvidos na UFSC junto à sociedade catarinense e nacional.

AÇÕES DE EXTENSÃO REGISTRADAS As ações de extensão da Universidade vêm sendo valorizadas a cada ano. Observa-se um aumento de 175% nestas ações desde 2007, evidenciando a forte interação da Instituição com a sociedade.

2011

8545

2010

6565

2009

4281

2008

4114

2007

3109

2006

2377

2005 2004

2062 1392

Número de ações de extensão registradas

25 //

Relatório de Gestão 2008-2012


PRINCIPAIS PROJETOS E PROGRAMAS Pró-Extensão

Pró-Bolsas

O Pró-extensão tem como objetivo apoiar os projetos de extensão de cunho sócio-comunitário com aporte financeiro direto. Foram lançados editais em 2008, 2010 e 2011, com recursos anuais da ordem de 320 mil reais permitindo o apoio a 90 projetos.

O Pró-bolsas tem por objetivo oferecer auxílio financeiro a estudantes de graduação para incentivar a participação em projetos de extensão desenvolvidos pela UFSC. A partir de 2009 as bolsas de extensão passaram a ser concedidas por 12 meses e tiveram uma ampliação significativa.

Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão (SEPEX) A SEPEX é um dos maiores eventos de divulgação científica de Santa Catarina e um dos principais da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Realizada anualmente, a SEPEX vem crescendo e se transformando. Desde 2009 a divulgação da produção acadêmica, artística e cultural da UFSC se dá através de cerca de 180 estandes e de um número semelhante de minicursos, atendidos pela comunidade interna e externa. Junto com a SEPEX são realizados outros importantes eventos: o Seminário de Iniciação Científica e a Mostra de filmes Ver Ciência, organizados anualmente, a Feira do Inventor (2009 e 2010), o Café Científico (2011), a Feira Estadual de Ciência e Tecnologia (2010 e 2011), além de dezenas de apresentações artísticas. Em comemoração à sua 10a. edição foi realizada uma exposição sobre a história do evento, exibida no Campus da UFSC em Araranguá, no Instituto Estadual de Educação, no Shopping Via Catarina e no vão central da tenda da SEPEX.

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 26

Bolsas de extensão concedidas Ano Número de bolsas 2009

200

2010

408

2011

430

2012

300* * não inclui as bolsas a serem concedidas em eventual 2o edital, de acordo com disponibilidade de recursos adicionais provenientes do fundo de bolsas, como aconteceu nos últimos anos.


GESTÃO

Foi institucionalizada a prática de planejamento estratégico. Implementaram-se ações inovadoras para melhoria do desempenho institucional e individual, fortaleceu-se a profissionalização da comunicação e aprimorou-se a gestão organizacional.

INGRESSO DE SERVIDORES NA UFSC 300

283 275

126 124

122 92 41

96

82

67

46 25

19

2 2002

2003

Magistério superior

2004

62

45

35

2005

11

4 2006

2 2007

22

6 2008

43 21 2

2009

Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico

2010

2011

2012*

Técnico-Administrativo em Educação

* Até abril de 2012. No dia 15 de abril de 2012 foi realizado um concurso público para contratação de mais 154 servidores técnico-administrativos em educação.

Nos últimos quatro anos, 1343 servidores ingressaram na instituição. Este número representa aproximadamente 70% de todo o ingresso na instituição, desde 2002. Dos 1343 servidores, 47 são do ensino básico (para atendimento ao Colégio de Aplicação - CA que conta hoje com 945 alunos e do Núcleo de Desenvolvimento Infantil - NDI com 235 alunos), 532 do magistério superior e 764 STAE.

27 //

Relatório de Gestão 2008-2012


CAPACITAÇÃO DE SERVIDORES Investiu-se na capacitação dos servidores para melhor qualificá-los a exercer com plenitude e competência suas funções.

2011

2532

2010

2272

2009

2575

2008

1425

2007

825

2006

809

Número de servidores capacitados

PLANO DE SAÚDE DO SERVIDOR 12.656

13.388

10.982 9.630

8.559

2008

2009

2010

Servidores e beneficiários

Implantado em 2008, o Plano de Saúde da UFSC foi pioneiro na modalidade contrato em nível de instituições públicas federais de ensino, servindo, inclusive, de referência a muitos órgãos públicos das mais variadas esferas. Neste período, o plano de saúde da UFSC recebeu o prêmio “Case Nacional”, concedido pelas Federações das UNIMEDs do Brasil, tendo em vista o modelo inovador implantado. Hoje a UFSC é uma das maiores carteiras da UNIMED no Estado de Santa Catarina. Desde o início de 2012, o Plano de Saúde da UFSC cobre mais de 13.000 vidas, incluindo agregados (pais, padrastos, madrastas, filhos maiores e netos) de docentes e servidores técnico-administrativos.

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 28

2011

2012

Número de servidores e beneficiários cobertos pelo Plano de Saúde contratado com a Unimed.


RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO O Restaurante Universitário foi reestruturado, ampliado, climatizado e dotado de equipamentos modernos, posicionando-se como um dos melhores entre as Instituições Federais de Ensino Superior (IFES). Houve melhoria na qualidade das refeições e implantação e expansão da alimentação orgânica, livre de agrotóxicos. Promoveu-se um au-

mento de 128% na capacidade de atendimento, passando de 3.200 para 7.300 refeições diárias, com capacidade para servir, simultaneamente, até 1.500 usuários. O RU deixou de ser apenas um setor prestador de serviços e abriu suas portas à comunidade para o desenvolvimento de pesquisas relacionadas à alimentação e nutrição humanas.

1.206.643

615.094 581.864 319.519

754.731

593.958

823.637

1.103.895

893.428

590.717

388.830 271.405 *Em 2011, o RU paralisou suas atividades por 109 dias.

2000

2001

2002

2003

2004

2005

2006

2007

2008

2009

2010

2011

Refeições Servidas

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ERNANI POLYDORO SÃO THIAGO - HU A atual gestão prestou todo o apoio as iniciativas originadas do Hospital Universitário. Inaugurado em 1980, o HU foi concebido na perspectiva do trinômio ensino, pesquisa e extensão e atende a comunidade local, do Estado de Santa Catarina, turistas e visitantes de Florianópolis. Há uma grande demanda da população, que vê o HU como centro de atendimento público e gratuito de elevado

nível de competência técnica e atendimento humanizado. O HU começou, em 2009, a realizar transplantes de córneas e outros procedimentos de alta complexidade na área de oftalmologia. Está em fase de finalização a Unidade de queimados com área de 1.600m2. O HU tornou-se referência em diversas especialidades, com forte demanda na área de câncer e cirurgias de grande porte, atendendo exclusivamente pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Pelo trabalho realizado, conquistou o reconhecimento da população catarinense, assim como das instituições responsáveis pela gestão da saúde, em todos os níveis de governo.

IMPLANTAÇÃO DOS CAMPI JOINVILLE, CURITIBANOS E ARARANGUÁ Em 2009, foram criados e implantados os Campi da UFSC em Joinville, Curitibanos e Araranguá, com recursos do REUNI – Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais.

29 //

Relatório de Gestão 2008-2012


CAMPUS DA UFSC EM ARARANGUÁ Diretor Geral Sérgio Peters

Cursos Tecnologias da Informação e Comunicação Engenharia de Energia Fisioterapia Engenharia de Computação

Situação em abril/2012 Docentes: 39 STAE: 14 Alunos: 630

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 30


CAMPUS DA UFSC EM JOINVILLE Diretor Geral Acires Dias

Curso Engenharia da Mobilidade Segundo Ciclo: Tecnologia Veicular e Tecnologia de Transportes Terceiro Ciclo: Naval e Oceânica; Aeronáutica e Espacial; Automobilística; Ferroviária; Mecatrônica; Infraestrutura; Tráfego e Logística

Situação em abril/2012 Docentes: 42 Alunos: 1200 Servidores STAE: 15

31 //

Relatório de Gestão 2008-2012


CAMPUS DA UFSC EM CURITIBANOS Diretor Geral César Damian

Cursos Ciências Rurais Medicina Veterinária

Situação em abril/2012 Docentes: 34 STAE: 16 Alunos: 367 matriculados

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 32


OBRAS FINALIZADAS, EM ANDAMENTO, EM LICITAÇÃO E A LICITAR Como detalhado a seguir, nos últimos quatro anos foram finalizados 26.478m2 em obras; 27.478 m² estão em andamento, 5.285 m2 em licitação e 15.281 m2 a licitar em Local

CCA

CED

CFM

2012. Este total (74.522m2) representará um acréscimo de aproximadamente a 25% nas áreas cobertas da UFSC.

Finalizadas

Em andamento

Complementação Sala de aulas 2.666 m² (Orçamento + Convênio)

Usina de Alimentos 537 m² (Orçamento)

Ampliação do RU 200 m² (REUNI)

Complementação LAPAD 751 m²(Orçamento + Convênio)

Em licitação

A licitar

4.154 m²

Bloco C 1.190 m² (REUNI)

3.526 m²

Bloco D 2.336 m² REUNI) Ampliação Bloco 29 Ala B 620 m² (Orçamento) Bloco G-1 Física 1.817 m² (Orçamento + CTInfra)

Bloco I Salas de aula 6.735 m² (REUNI)

CSE

Pós-graduação 753 m² (Orçamento)

Bloco Gêmeo 2.170 m² (REUNI)

CTC

Eng. Sanitária 1.195 m² (Orçamento)

Eng. Mecânica 4034 m² (CTInfra)

Bloco Administrativo 3.442 m² (REUNI)

12.614 m²

2.923 m² Bloco Administrativo 1.843 m² (Orçamento)

7.072 m²

Bloco Administrativo 2.755 m² (Orçamento)

CDS

2.755 m²

HU – Bloco E3 Didático-Pedagógico 3.457 m² (REUNI)

CCS

Total m2

6.361 m²

Bloco I Enfermagem 2.904 m² (REUNI+CTInfra)

CCS/CTC/HU

Engenharia Biomecânica 433 m² (Ministério da Saúde + Orçamento)

433 m²

HU

Unidade de Queimados 1.602 m² (Convênio DNIT)

1.602 m²

PRO-INFRA

Biotério de Roedores 1.200 m² (Orçamento + CTInfra)

1.200 m²

33 //

Relatório de Gestão 2008-2012


Local

Finalizadas

Em andamento

Em licitação

A licitar

Total m2

Bloco E 2.373 m² (REUNI) Bloco F 2.892 m² (PETROBRAS)

Ampliação do Bloco D 886 m2

CFH

7.278 m²

Anexo 1.127 m² (REUNI) CCE

Laboratórios e Salas de Aula 4.611 m² (REUNI)

4.611 m²

Campus Araranguá

Bloco Didático/ Administrativo 2.511 m²

Novo Bloco Didático/ Pedagógico 4.278 m² (REUNI)

6.789 m²

Campus Curitibanos

Bloco Didático/ Administrativo 4.925 m²

Conclusão Laboratórios

4.925 m²

Patrimônio

1.797 m² (Orçamento)

1.797 m²

RU

3.332 m² (REUNI)

3.332 m²

Moradia Estudantil

2.100 m² (REUNI)

Museu Universitário

1.936 m² (Orçamento)

Total geral

26.478 m²

2.100 m² 1.936 m²

27.478 m²

5.285 m²

15.281 m²

75.408 m²

Metragem de obras finalizadas, em andamento, em licitação e a licitar com base em abril de 2012.

ORÇAMENTO EXECUTADO O orçamento executado nos últimos quatro anos teve um crescimento real superior a 40%. R$ 1.127.056.863,02

Valor nominal e corrigido do orçamento anual executado pela UFSC desde 2000

R$ 559.361.345,66

R$ 294.663.990,62 2000

2001

2002

2003

Valor nominal

Relatório de Gestão 2008-2012

2004

2005

2006

Valor corrigido base 2011

\\ 34

2007

2008

2009

2010

2011


SEGURANÇA NO CAMPUS A Segurança do Campus mereceu atenção especial com a aquisição de mais veículos, 400 novas câmaras, sistema de alarme em quase a totalidade das salas e laboratórios e contratação de mais vigilantes. Estas medidas têm garantido maior segurança à comunidade universitária. Os investimentos resultaram na redução do número de ocorrências como arrombamentos e assaltos. Registrou-se um furto de veículo em 2009, nenhum furto em 2010 e 2011 e um furto em 2012. Estes números são muito baixos quando consideramos que no período compreendido entre 2004 e 2008 foram furtados 95 veículos no Campus.

222

247

265

254

270

142 2006

2007

2008

2009

2010

2011

Número de ocorrências registradas

35 //

Relatório de Gestão 2008-2012


OUTRAS AÇÕES E ATIVIDADES Transmissão em tempo real pela internet, desde 2009, das reuniões do Conselho Universitário

Celebração do cinqüentenário da UFSC com a organização de centenas de eventos

Implantação do Plano de Desenvolvimento Institucional - PDI

Em implantação o projeto WEB/TV com apoio da CAPES

Criação da CPAN – Comissão Permanente de Elaboração e Revisão de Atos Normativos

Implantação do Planejamento nos Centros de Ensino e nos Campi

Criação do site de Consulta Pública www.consultapublica.ufsc.br

Criação de padrões de eficiência na utilização de recursos energéticos

Criação da Superintendência de Compras

Implantação da Comissão de Ética Pública www.eticapublica.ufsc.br

Implantação do Programa “UFSC sem papel”

Implantação do Comitê de Mobilidade

Criação do Portal de Egressos www.egressos.ufsc.br

Reestruturação do NPD, que passou a ser uma Superintendência denominada SETIC

Criação da Divisão de Esportes na Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis

Valorização da Interdisciplinaridade – criação do Grupo de Gestão da Interdisciplinaridade

Divulgação ampla na mídia das atividades de Ensino, Pesquisa, Extensão e Cultura realizadas na UFSC, em mais de 20 cadernos especiais encartados em jornais de ampla circulação no Estado de Santa Catarina

Implantação do Projeto Ciclovia Eco-eficiente da UFSC com 8.600 metros de pista no Campus da Trindade – Projeto em fase de finalização

Apoiou-se a participação de servidores da Ouvidoria em treinamentos e em eventos nacionais e internacionais e ampliou-se o número de servidores. Desde 2008, foram recebidas 2.184 demandas, principalmente de alunos e servidores técnico-administrativos. A Ouvidoria da UFSC foi implantada em 1996 e foi uma das quatro primeiras entre as instituições de ensino superior no país. Completou e comemorou, recentemente, seus 15 anos. Neste período, tem exercido com competência e dinamismo o seu papel institucional. Transparência à comunidade universitária das atividades das Fundações de Apoio e a criação de Resolução Normativa que dispõe sobre as normas que regulamentam as relações entre a Universidade Federal de Santa Catarina e as suas Fundações de Apoio. Incrementou-se o oferecimento de cursos de curta duração a distância, através da SEAD - Secretaria de Educação a Distância que vem se destacando nesta modalidade, sobretudo na realização de cursos voltados às mais diversas áreas com foco em temáticas sociais. Nos últimos 4 anos foram ministrados 21 cursos de extensão com o oferecimento de 80.480 vagas, abrangendo-se todas as regiões do país. Criação, em setembro de 2008, do Comitê Assessor de Planejamento da UFSC (CAPLAN), que encerrou seus trabalhos em outubro de 2010. O CAPLAN apresentou resultados importantes e muito contribuiu para a elaboração do Planejamento da Instituição.

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 36

Traçado da ciclovia ecoeficiente da UFSC


REESTRUTURAÇÃO TV UFSC •

Implantação da programação 24 horas;

Reestruturação técnica (sistema de exibição automatizada com capacidade de 8 Tbytes) e administrativa e criação de um corpo técnico permanente;

A TV/UFSC participa do processo de reativação da TV Cultura canal 2;

Criação de programas: Universidade Já; Agenda Semanal; Reorganização do UFSC entrevista, Primeiro Plano (TCC dos alunos do Jornalismo e Cinema);

Parceria com o Ministério Público para gravação e exibição do Programa ALCANCE (entrevista).

TUTORIA NA IMPLANTAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL - UFFS Criada pela lei no 12.029, de 15 de setembro de 2009, a UFFS abrange os 396 municípios da Mesorregião Fronteira Mercosul – Sudoeste do Paraná, Oeste de Santa Catarina e Noroeste do Rio Grande do Sul. Desde sua criação, a UFFS tem cinco campi – Chapecó (SC) – sede da instituição -, Realeza e Laranjeiras do Sul (PR) e Cerro Largo e Erechim (RS). Com 33 cursos em 42 turmas ingressantes anualmente, a Universidade pretende abrigar mais de 10 mil alunos nos primeiros cinco anos.

37 //

Relatório de Gestão 2008-2012


COMUNICAÇÃO PÚBLICA Por meio da Agência de Comunicação (Agecom), a UFSC consolidou sua Política Pública de Comunicação. Além de gerir o site oficial da UFSC, publicar o Jornal Universitário (JU) e coordenar 20 cadernos especiais sobre a Universidade veiculados em jornais estaduais, a Agecom implementou as mídias sociais, fortaleceu o jornalismo cientifico e apoiou a TV-UFSC, a WEB/TV-Capes e os eventos comemorativos aos 50 anos da instituição. Cuidou ainda da Identidade Visual das campanhas do Vestibular, do resgate da memória, da comunicação interna, da comunicação educativa e do relacionamento com a mídia, destacando-se, nesta tarefa, o lançamento da terceira edição (impressa e online) do Guia de Fontes Científicas para Jornalistas. O JU, ganhador do Prêmio José Reis de Divulgação Científica (CNPq), foi reconhecido em quatro prêmios de Jornalismo.

A Agecom envolveu-se também com o Relatório Social, a Sepex, os 30 anos do Hospital Universitário (HU), a capacitação e o Plano de Saúde. Em 2012 lançou a nova campanha de identidade da Instituição. O site da UFSC foi acessado nos últimos 12 meses por 11,6 milhões de pessoas, ou seja, quase 1 milhão de vistas/mês, originadas de todas as partes do Planeta. O perfil da UFSC no Twitter conta com mais de 16 mil seguidores e no Facebook, com quase 6 mil leitores (base abril/2012).

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 38


EXPANSÃO PARA A BAÍA SUL A UFSC implantará o Parque Viva a Ciência (PVC) já operando no Campus Trindade, também no aterro da Baía Sul. O PVC oferece um espaço lúdico científico para os estudantes, um espaço de lazer ao público em geral e um espaço de formação continuada aos professores dos ensinos fundamental e médio.

EXPANSÃO PARA O SAPIENS PARQUE Em razão do Campus Reitor João David Ferreira Lima da UFSC não suportar as demandas para novas expansões, durante a gestão 2008/2012 a UFSC iniciou seu crescimento para o norte da Ilha (Sapiens Parque), para o sul da Ilha (Fazenda da Ressacada e antigo CEFA/CELESC) e também para a Baía Sul (PVC).

Vista aérea do Sapiens Parque

39 //

Relatório de Gestão 2008-2012


Projetos em construção Instituto do Petróleo, Gás e Energia (INPetro) Avançado Centro de Pesquisa e Desenvolvimento é resultado da parceria entre a UFSC e a Petrobras. Com investimento inicial da ordem de R$32 milhões, o Instituto atuará em projetos, prestação de serviços e formação de recursos humanos especializados. Até final de 2012, espera-se gerar cerca de 150 empregos e, em longo prazo, contratar 500 pessoas e envolver cerca de 300 pesquisadores. O Instituto terá uma área total de 9.000 m² em duas edificações que abrigarão 42 laboratórios especializados, incluindo instalações especiais como três poços secos de 120 metros e uma piscina de testes, como parte deste complexo.

Centro de Referência em Farmacologia Pré-Clínica Tornar o país menos dependente de tecnologias internacionais é apenas um dos objetivos do Centro que recebeu recursos da ordem de R$6 milhões da FINEP/MCT e do Ministério da Saúde.

Projetos em andamento Centro de Pesquisas em Energias DesignLab / Tecmidia Renováveis (CPERPS) Instituto que irá atuar na área de design, interagindo diretamente com o Cluster de Tecnomídias. O instituto está em fase de desenvolvimento de projetos e prevê um investimento de R$ 8 milhões.

Edificação sustentável ligando diversos departamentos da UFSC com geração de energia própria para se tornar referência no parque na área de sustentabilidade e energia com uma área total de 3.000 m2 com um investimento de R$ 4 milhões.

Gaseificador de Biomassa em Leito Fluidizado Recirculante

LPE – Laboratório de Propulsão Elétrica ( LPE)

Projeto de implantação de um protótipo para a geração de Edificação a ser construída com recursos da ANEEL e Edital energia através de biomassa, com um investimento de R$ Aquaviário / FINEP – área de 420 m2 com um investimen2,9 milhões do FUNTEC/BNDES. to inicial de R$ 500 mil.

Centro de Referência em Farmacologia Pré-Clínica

Relatório de Gestão 2008-2012

\\ 40


Projetos aprovados Itrans – Instituto Nacional de Laboratório de Gestão de Emergência Transporte e Logística e Crises e Centro de Treinamento Projeto de implantação de um centro para pesquisa na área de transporte e logística – sinergia com o módulo Scientia e Cluster de TIC. Previsão de 2.600 m2 com um investimento de R$ 6 milhões, sendo R$ 1 milhão de recursos próprios do Laboratório e R$ 5 milhões em recursos da Secretaria dos Portos. Projetos com a Secretaria dos Portos, Petrobras, Agência Nacional de Transportes Terrestres ANTT, DEINFRA, DNIT, TRANSPETRO, entre outros.

Projeto de implantação de um centro para pesquisa na área gestão de emergência e previsão contra desastres – sinergia com o módulo Scientia e Cluster de TIC. Contará com 2 centros específicos: Laboratório de Gestão de Emergência e Crises (LaGEC) e Centro de Treinamento e Prevenção (CeTrein). Previsão de 2.000 m2 com um investimento de R$ 3 milhões disponíveis na UFSC. Iniciativa que conta com o apoio da Secretaria Nacional de Defesa Civil, DNIT e Petrobrás.

Instituto BIOSANTA Projeto de implantação de um instituto de P&D&I multidepartamental que atuará nas áreas biomédica, biotecnológica e farmacêutica – sinergia com o módulo Scientia, Centro de Farmacologia Pré-clínica e Cluster de Life Sciences. Previsão de 5.000 m2 com um investimento de R$ 50 milhões para a construção da edificação e laboratórios de pesquisa. Iniciativa que conta com o apoio da FAPESC, BNDES, FINEP CNPq, CAPES, Ministério da Saúde, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, Ministério da Educação, Ministério da Agricultura, Petrobrás, entre outros.

41 //

Relatório de Gestão 2008-2012


Campi da UFSC

Campus Campus da da UFSC UFSC Joinville

Campus da UFSC Curitibanos Curitibanos Campus Campus da da UFSC UFSC Sede Sede

Campus Campus da da UFSC UFSC Araranguá Araranguá

Florianópolis Campus Universitário Reitor João David Ferreira Lima Trindade - Florianópolis - Santa Catarina - Brasil CEP: 88040-970

Araranguá Rua Pedro João Pereira, 150 Mato Alto - Araranguá - SC CEP: 88900-000

Curitibanos Rod. Ulisses Gaboardi Km 3 - Curitibanos - SC CEP: 89.520-000 - CP 101

Joinville Campus Universitário R. Pres. Prudente de Moraes, 406 Santo Antônio - Joinville - SC CEP: 89.218-000


Relatório 4 anos de gestão UFSC | 2008 - 2012