Page 1

BARREIRO Info Mail

Informação da Câmara Municipal do Barreiro MILHARES DE PESSOAS TESTEMUNHAM INAUGURAÇÃO DE MONUMENTO AO FUZILEIRO

O monumento alusivo aos Fuzileiros foi inaugurado pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, acompanhado pelo Presidente da Câmara Municipal do Barreiro, Carlos Humberto de Carvalho, e pelo Presidente da Associação de Fuzileiros, Comandante Lhano Preto, no dia 2 de Julho, na Praça dos Fuzileiros, na presença de milhares de pessoas. PÁG. 11

www.cm-barreiro.pt

JULHO • 2011

ZONA RIBEIRINHA DA VERDERENA GANHA NOVA VIDA A zona ribeirinha da freguesia da Verderena está a ser objecto de ampla requalificação. Aumentar a sua atractividade e promover o usufruto da população são objectivos da estratégia da Câmara Municipal para o desenvolvimento sustentável do Barreiro. PÁGs. 8 E 9

INAUGURAÇÃO DA ETAR BARREIRO/MOITA “Estamos a fazer história, a dar contributos importantes para construir desenvolvimento, para regenerar o Tejo e para requalificar a Frente Ribeirinha” disse o Presidente Carlos Humberto de Carvalho, na cerimónia de inauguração desta importante infra-estrutura. PÁG. 5


Divisão de Comunicação (DC) Tel.: 21 206 80 27 E-mail: dc@cm-barreiro.pt Recolha, tratamento de informação, redacção, design, paginação e fotografia

FICHA TÉCNICA Propriedade Câmara Municipal do Barreiro R. Miguel Bombarda • 2830-355 Barreiro Tel. 21 206 80 00 E-mail: geral@cm-barreiro.pt Internet: www.cm-barreiro.pt

Depósito Legal nº 179088/02 Registo ISSN nº 1645-3980

Distribuição gratuita

Tiragem: 40.000 exemplares

Periodicidade: Quadrimestral

Impressão: Belgráfica

Gabinete de Apoio ao Empresário Rua Miguel Bombarda, 2830-355 Barreiro Tel.: 21 206 81 11 › Fax: 21 206 81 13 E-mail: gae@cm-barreiro.pt

Departamento de Águas e Saneamento Secretaria do Departamento: 21 206 48 40; 48 60; 48 41 › Divisão Comercial: Atendimento: 21 206 81 88; 80 74 Facturação (e contadores): 21 206 48 63

CONTACTOS Divisão de Higiene Urbana e Divisão de Jardins e Espaços Verdes Rua José Magro nº 2 A • Tel.: 21 206 86 54 Recolha de Monos - 21 206 86 41 R. Miguel Bombarda - Armazéns do Nicola Sacos Entulho - 21 206 87 19

Comissão de Protecção de Crianças e Jovens do Barreiro Rua Stinville, 14, Parque Empresarial da Quimiparque | Tel.: 21 206 82 49 E-mail: cpcj.barreiro@iol.pt

Centro de Informação Autárquico ao Consumidor Rua Stinville, 14, Parque Empresarial da Quimiparque O atendimento personalizado é feito às 2ª, 3ª, 5ª e 6ª feiras, das 14h00 às 16h30. Tel. 21 206 81 84 E-mail: clarisse.jesus@cm-barreiro.pt

Espaço Criança “O Mercadinho” Av. Alfredo da Silva, Mercado Municipal 1º de Maio | 2830 Barreiro | Tel.: 21 099 12 23 E-Mail: ecomercadinho@gmail.com

Convento da Madre de Deus da Verderena Divisão de Cultura Património Histórico e Museológico | Tel.: 21 214 87 65

Galeria Municipal de Arte Av. Alfredo da Silva, nº 15, Barreiro Tel.: 21 207 67 59

Auditório Municipal Augusto Cabrita Parque da Cidade Tel.: 21 214 74 00 (geral) Tel.: 21 214 74 10 (bilheteira) E-mail: bilheteira@cm-barreiro.pt

Espaço J Av. Alfredo da Silva, Mercado Municipal 1º de Maio, 1º Andar, Barreiro Tel.: 21 099 70 07 • E-mail: cmb.juventude@gmail.com

Espaço Internet Biblioteca Municipal do Barreiro Rua da Bandeira • Tel.: 21 207 01 16 E-mail: espaconet.barreiro@sapo.pt

Espaço Cidadania Rua Stinville, 14, Parque Empresarial da Quimiparque Tel.: 21 206 82 87

Transportes Colectivos do Barreiro Av. Resistentes Anti-Fascistas, Lavradio Tel.: 21 206 48 00 | Fax: 21 207 83 68

Piscina Municipal do Lavradio R. D. Luís F. Albuquerque, Lavradio Tel.: 21 204 55 37

Piscina Municipal do Barreiro Av. Bento Gonçalves › Tel.: 21 206 82 42

Pavilhão Municipal Luís de Carvalho Empreendimento Cidade Sol, Rua 9, Lote 9003 Tel.: 21 214 93 70 | Fax: 21 214 93 79

da Câmara Municipal do Barreiro BARREIRO Informação JULHO 2011

.02

BARREIRO .04 EM IMAGENS

COMEMORAÇÕES DA “REVOLUÇÃO DOS CRAVOS”

1. 2. 3. Centenas de pessoas participaram no tradicional Desfile da Liberdade, da Avenida de Santa Maria, ao Parque da Cidade. Foi neste local que se juntaram à restante população para assistir ao Concerto da Liberdade que, pela primeira vez, juntou mais de uma centena de músicos das bandas Municipal do Barreiro e da URCD de Coina e vozes do CorUTIB (da Universidade da Terceira Idade) e Coral TAB (Trabalhadores das Autarquias do Barreiro). Na manhã de 25 de Abril, nos Paços do Concelho realizou-se a cerimónia solene do Hastear da Bandeira, na qual participaram o Executivo Municipal e eleitos autárquicos. Na ocasião teve lugar a formatura das corporações dos Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Pública e Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste e as actuações das respectivas fanfarras da Banda Municipal e, após a intervenção do Presidente da CMB, a Escola de Jazz interpretou canções de Zeca Afonso. Ao longo do dia, o Parque da Cidade recebeu inúmeras actividades desportivas para toda a população.

6. O Mês da Dança 2011 levou ao Terminal Rodo-Ferro-Fluvial uma manifestação espontânea – flah mob – de dança. O grupo Exclusive Dancers arrancou a quem passava, a 9 de Maio último, um sorriso e, até, um pezinho de dança.

.01

.02

.03 .05

“ESPAÇO VIVOS” DA CIDADE RECEBEM ANIMAÇÃO

4. 5. Até Setembro, a música, o teatro, a dança, o cinema, a formação, as feiras temáticas, o desporto e as festas populares são algumas das actividades socioculturais que dão vida ao espaço público enquanto “espaço de todos e para todos”.

GRUPO EXCLUSIVE DANCERS

.06


Informação da Câmara Municipal do Barreiro JULHO 2011

EDITORIAL

.03

BARREIRO

CARLOS HUMBERTO DE CARVALHO Presidente da Câmara Municipal do Barreiro

Temos afirmado sempre que as condições e os condicionalismos económicos que afectam o nosso Concelho exigem, de todos nós, um esforço imenso no sentido do trabalho conjunto e da co-responsabilização de todos os intervenientes – Município, empresas, associações, cidadãos – na prossecução dos objectivos de desenvolvimento que precisamos de alcançar e na consolidação de uma estratégia de serviço público que sirva, efectivamente, os Barreirenses.

Caro Munícipe, O esforço que temos procurado levar a cabo ao longo dos últimos anos no sentido de dotar o nosso Concelho e as suas populações de melhores condições de vida, estendendo-se por várias áreas e integrando múltiplas preocupações, vem ganhando, a pouco e pouco, corpo. Concluída a ETAR Barreiro/Moita, actualmente em fase experimental, continuamos agora a trabalhar juntamente com a Simarsul no sentido de serem criadas as condições que permitirão, quando possível, que toda a rede de saneamento do Concelho – bem como todas as indústrias nele existentes – se encontre ligada àquela infra-estrutura. Paralelamente, fruto de outras parcerias, continuam também a ganhar corpo as obras da última fase da Avenida da Liberdade e Zona Polis, estabelecendo a ligação ribeirinha entre as Freguesias da Verderena e de Santo André. Temos afirmado sempre que as condições e os condicionalismos económicos que afectam o nosso Concelho exigem, de todos nós, um esforço imenso no sentido do trabalho conjunto e da co-responsabilização de todos os intervenientes – Município, empresas, associações, cidadãos – na prossecução dos objectivos de desenvolvimento que precisamos de alcançar e na consolidação de uma estratégia de serviço público que sirva, efectivamente, os Barreirenses. Este pressuposto está hoje, mais do que nunca, claro. Não é possível ao Município – a qualquer Município – por si só, construir as soluções e alcançar os resultados que nos lançarão na conquista de um Barreiro melhor, com melhores condições de vida, onde todos tenhamos condições para viver, estudar, produzir cultura, aprender ou trabalhar. As Festas do Barreiro, que uma vez mais se avizinham, são bem o exemplo desta ideia. Espaço de festa, encontro, cultura, solidariedade, desporto e divulgação, a sua realização apenas é possível pela confluência de um vasto conjunto de esforços – da Câmara e dos seus trabalhadores, de agentes económicos, do movimento associativo, da comunidade católica, entre outros – e pela confiança que todos, crescentemente, depositamos no seu sucesso e na ligação efectiva que as mesmas estabeleceram com as populações do Barreiro. O momento que vivemos, todos o sabem, não é fácil. Bem pelo contrário. Aproveitemos as Festas do Barreiro – 2011 para, também por sua via, encontrarmos, em conjunto, a força, a determinação e o espírito comum que nos permita ultrapassá-lo. Contamos com todos vós! Encontrar-nos-emos, seguramente, nestes dias de Festa.


.04

CONCELHO EM CONSTRUÇÃO

da Câmara Municipal do Barreiro BARREIRO Informação JULHO 2011

CENTRO COMUNITÁRIO DO LAVRADIO

AUDITÓRIO MUNICIPAL EM OBRA

REQUALIFICAÇÃO DO BAIRRO ALFREDO DA SILVA

REQUALIFICAÇÃO DO BAIRRO 25 DE ABRIL

CEMITÉRIO DA VILA CHÃ COM MAIS ÁRVORES E ARBUSTOS

CENTRO COMUNITÁRIO DO LAVRADIO – SALA POLIVALENTE EM ESTUDO Membros do Executivo da Câmara Municipal do Barreiro (CMB) visitaram, no passado dia 13 de Julho, as instalações do Centro Comunitário do Lavradio/AURPIL – Associação Unitária dos Reformados, Pensionistas e Idosos do Lavradio no sentido de estudarem soluções com vista à reformulação do espaço do Auditório Ermelindo Batista, tornando-o mais polivalente, indo ao encontro das necessidades da população utente do Centro. A equipa da Autarquia – composta pelo Presidente da CMB, Carlos Humberto de Carvalho, os vereadores Regina Janeiro, actualmente Vice-Presidente, responsável pela Intervenção Social, Rui Lopo, com a área do Planeamento e Gestão Urbana, e Mónica Duarte, responsável pela Cultura, Juventude, Inovação e Comunicação, e um arquitecto da Divisão de Obras, Estudos e Projectos da CMB – reuniu com o Presidente da Junta de Freguesia do Lavradio, Adolfo Lopo, o Presidente da Direcção da AURPIL, Ermelindo Batista, e a arquitecta da Segurança Social, Maria Angelina Santos. Da reunião resultou o compromisso da parte da Autarquia de apresentar um estudo com soluções

a serem lançadas para a mesa de discussão para reconverter o espaço. O Auditório, em anfiteatro, recorde-se, tem um palco, que se pretende manter. As soluções a apresentar passarão por nivelar o piso, prevendose a intervenção da área da engenharia. AUDITÓRIO MUNICIPAL EM OBRA Decorrem a bom ritmo as obras de conservação do Auditório Municipal Augusto Cabrita. A empreitada tem uma duração prevista de sete meses e está orçada em 330 mil euros. Estão a ser reparadas as anomalias existentes no exterior do edifício (coberturas e fachadas), e as áreas interiores afectadas por infiltrações, nomeadamente a reparação de rebocos, pinturas, novas guarnições de janelas e alguns revestimentos da cobertura. REQUALIFICAÇÃO DOS BAIRROS ALFREDO DA SILVA E 25 DE ABRIL O Bairro Alfredo da Silva, situado na freguesia do Alto do Seixalinho, está a ser objecto de obras de requalificação. A intervenção compreende a instalação de redes de drenagem e de

águas. Seguem-se os trabalhos de iluminação pública, pavimentação de passeios e arruamento, estacionamentos e arborização, com rede de rega. Os trabalhos deverão estar concluídos até final de Setembro deste ano. Por seu lado, a empreitada em curso no Bairro 25 de Abril, na freguesia de Santo André, está abrangida pelo Programa POLIS, com co-financiamento do Estado. Encontra-se em execução a remodelação das redes de águas e drenagem. Está para breve a intervenção no troço poente da Rua Rodrigues Conceição, que irá contemplar o reperfilamento do arruamento com a execução de passeios, estacionamentos, pavimentação, arborização, execução de muro e rede de rega. A intervenção está adjudicada pelo valor de, aproximadamente, 130 mil euros. CEMITÉRIO DA VILA CHÃ COM MAIS ÁRVORES E ARBUSTOS O cemitério é um local de respeito. Para lhe conferir a dignidade que merece, estão a ser plantadas novas árvores e arbustos e colocada uma rede de rega. Esta operação tem o valor de cerca de 28 mil euros.


Informação da Câmara Municipal do Barreiro JULHO 2011

JÁ ESTÁ EM FUNCIONAMENTO ETAR BARREIRO/MOITA

“Estamos a fazer história, a dar contributos importantes para construir desenvolvimento, para regenerar o Tejo e para requalificar a frente ribeirinha”. Estas foram palavras do Presidente da Câmara Municipal do Barreiro (CMB) aquando da inauguração da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) Barreiro/Moita, que aconteceu a 12 de Abril último, 35 anos após a aprovação da minuta do contrato para a elaboração do projecto de revisão e ampliação do sistema regional de esgotos dos dois concelhos.

“ESTAMOS A CONCRETIZAR aquilo que em 1976 já era um objectivo”, reconheceu o Presidente da CMB, que saudou os envolvidos no processo, ao longo dos anos. “Com entrada em funcionamento desse conjunto de ETAR’s estamos a dar um bom contributo para a sustentabilidade ambiental mas este facto obriga a uma revisão das tarifas da factura da água”, referiu, na ocasião, Carlos Humberto de Carvalho. O Autarca afirmou que a estratégia nesta área passa por tornar auto-sustentável o sistema de águas, saneamento e resíduos sólidos, continuar o investimento no sector para ultrapassar condicionalismos e limitações, intervir, de forma paulatina, visando a construção de redes separativas de águas pluviais e residuais – e, assim, ultrapassar os 70 por cento actualmente registados no Concelho –, trabalhar conjuntamente com a Baía do Tejo e as empresas industriais do Parque – para o tratamento das águas provenientes da sua actividade – e pela aposta na recuperação e requalificação das zonas ribeirinhas do Coina e do Tejo.

“O HOMEM SONHA, A OBRA NASCE” O Presidente da Câmara Municipal da Moita, João Lobo, enfatizou, igualmente, que a inauguração desta ETAR é o culminar de um projecto sonhado por muitos nas últimas três décadas. “Um projecto pensado e direccionado para o futuro da nossa Região, para o seu desenvolvimento sustentável e em harmonia com um melhor ambiente”. “Temos defendido sempre o ambiente que nos rodeia e demos um passo decisivo para acabarmos com a poluição no Estuário de Tejo, o que significa uma melhoria das condições de vida, em termos ambientais, das populações dos concelhos da Moita e do Barreiro, da Península de Setúbal e da Área Metropolitana de Lisboa, em geral”, salientou. Considerando o momento como um marco histórico que é, em simultâneo, o fim de um ciclo, há muito aguardado pelas populações, o Presidente do Conselho de Administração da SIMARSUL – Sistema Integrado Multimunicipal de Águas Residuais da Península de Setúbal, SA, Arnaldo Pêgo, con-

.05

BARREIRO

textualizou tecnicamente a ETAR, manifestandose satisfeito com o êxito do modelo. A ETAR Barreiro/Moita, refira-se, constitui, pela sua dimensão, a maior infra-estrutura da SIMARSUL, empresa concessionária da gestão e exploração do Sistema Multimunicipal de Saneamento de Águas Residuais da Península de Setúbal, representando, conjuntamente com a rede de interceptores e emissários e as estações elevatórias que lhe estão associadas, um investimento total superior a 34 milhões de euros, 17 milhões dos quais correspondem à ETAR Barreiro/Moita, cofinanciados pelo Fundo de Coesão da União Europeia, no âmbito do "Programa Operacional Temático Valorização do Território", do QREN – Quadro de Referência Estratégico Nacional. O Subsistema de Saneamento de Águas Residuais do Barreiro/Moita reveste-se de grande importância local e regional, dado que recolherá e tratará a quase totalidade das águas residuais produzidas nos concelhos do Barreiro (90 por cento) e da Moita (92) e, ainda, parte do concelho de Palmela, lançando-as, posteriormente, no estuário do Rio Tejo, em condições técnica e ambientalmente adequadas. Encerrou a sessão, a, na altura, Ministra do Ambiente e do Ordenamento do Território, Dulce Álvaro Pássaro. No passado, o modelo de desenvolvimento industrial não assegurava questões ambientais. Segundo a Governante, a partir dos anos 90 a aposta em inflectir esta tendência foi decisiva. “A tomada de consciência e a disponibilidade de fundos financeiros foram determinantes para a definição de políticas e de planos estratégicos que definiram prioridades e modelos”. Relativamente à infra-estrutura actualmente em funcionamento, e após fase de testes, Dulce Pássaro salientou que cumpre todos os requisitos ambientais exigidos por Lei. “Com os atrasos às vezes perde-se mas, neste caso, também se ganhou”. A finalizar deu os parabéns aos autarcas e respectivas populações por, finalmente, terem os seus efluentes urbanos adequadamente tratados. “Todo o estuário beneficia de iniciativas como esta”.

ÁGUAS › SANEAMENTO › RESÍDUOS

TARIFÁRIOS ESPECIAIS COM MEDIDAS POSITIVAS NOVO REGULAMENTO Um novo tarifário dos serviços de águas, saneamento e resíduos da CMB entrou em vigor no passado dia 15 de Maio. Com a finalidade de salvaguardar a situação socioeconómica dos utilizadores, especialmente daqueles que se encontram nos escalões mais baixos dos consumos domésticos, foram criadas tarifas especiais destinadas aos consumidores com menores rendimentos, aos agregados familiares numerosos, às pequenas empresas e a entidades sem fins lucrativos de reconhecida utilidade pública cuja acção social o justifique. Para os consumidores domésticos existem dois tipos de tarifários especiais - o TARIFÁRIO SOCIAL que abrange pessoas cujo rendimento do agregado familiar seja inferior à retribuição mínima nacional, e o TARIFÁRIO FAMILIAR que inclui agregados familiares constituídos

por cinco ou mais elementos, ascendentes ou descendentes, desde que incluídos como dependentes no mesmo IRS. Para os consumidores não domésticos, nos quais surgem incluídas a indústria, empresas, o Estado, Autarquias, etc., existe o Tarifário Especial MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS (para todos aqueles com volumes de facturação anual abaixo dos 150 mil euros). Trata-se de um tarifário bonificado, que confere 50 por cento de redução nos primeiros 25 metros cúbicos e serve para quase todo o pequeno comércio do Concelho. Por último há um Tarifário para INSTITUIÇÕES E ASSOCIAÇÕES. Também ele bonificado, serve todas aquelas instituições/associações com características de utilidade pública (IPSS, ONG, Associações, entre outras). Para passar a beneficiar de qualquer um destes

tarifários especiais, é imprescindível o contacto com os serviços da CMB. Dúvidas sobre a abrangência de determinado tarifário especial podem ser esclarecidas junto dos serviços municipais, através do telefone 212 068 068 e do e-mail dar.mail@cm-barreiro.pt, ou no Site da CMB, em http://www.cm-barreiro.pt/pt/conteudos/ municipio/Aguas+e+Residuos/, para saber quais são as respectivas REGRAS de ACESSO. Com a entrada em vigor destes novos tarifários, a CMB encerra mais uma etapa do caminho iniciado com a aprovação do Plano Geral de Águas e Saneamento, do novo Regulamento Municipal de Abastecimento de Água e Drenagem de Águas Residuais do Município do Barreiro, e das Normas Técnicas Relativas à Concepção e Execução dos Sistemas Públicos de Distribuição de Água e de Drenagem de Águas Residuais.


.06

da Câmara Municipal do Barreiro BARREIRO Informação JULHO 2011

27º ANIVERSÁRIO DE ELEVAÇÃO A CIDADE

O Município homenageou 11 entidades e individualidades com o Galardão Barreiro Reconhecido 2011 por ocasião das Comemorações do 27º Aniversário do Dia da Cidade. Na Cerimónia, realizada no Largo do Mercado 1º de Maio, na noite de 28 de Junho, Feriado Municipal, acompanhada por inúmeros populares, foram destacados cidadãos em nove áreas da sociedade civil – Acção Social, Solidariedade e Multiculturalidade, Associativismo, Ciência, Investigação e Conhecimento, Cultura, Artes e Letras, Desenvolvimento Económico, Desporto, Educação, Trabalho e Resistência Anti-Fascista, Democracia, Cidadania e Luta Pela Liberdade. PRESIDIRAM à sessão o Executivo da Câmara Municipal do Barreiro (CMB), Presidente da Assembleia Municipal e os presidentes das oito Juntas de Freguesia do Concelho. A conjuntura actual voltou a estar na base da intervenção do Presidente da CMB. “Foram momentos de esperança para o Concelho” aqueles que se seguiram à elevação do Barreiro a Cidade. Porém, reconheceu Carlos Humberto de Carvalho, os tempos que sucederam não foram de facilidades. “A qualidade de vida da nossa cidade constrói-se na qualidade e vida de cada um de nós, de cada instituição, de cada cidadão”. “O Barreiro estará bem quando os seus cidadãos estiverem bem e quando o País estiver bem”, reconheceu. Segundo o Presidente, “é preciso entender os tempos de hoje com base nas decisões tomadas no passado, gerir contradições provenientes da

actual situação”. “Não é possível encontrar soluções fáceis para problemas complexos”, alertou. GALARDOADOS Um-a-um, subiram ao palco os 11 distinguidos ou seus representantes, em simultâneo com a leitura de uma Biografia dos homenageados (publicada no Sítio Oficial, na página www.cm-barreiro.pt). • Acção Social, Solidariedade e Multiculturalidade – Centro Social Paroquial Padre Abílio Mendes (recebeu o Galardão o Presidente do Centro Social Paroquial, Pároco da Igreja de Santa Cruz, Padre António Estêvão); • Associativismo – Alfredo Gonçalves; • Ciência, Investigação e Conhecimento – Carlos Lourenço; • Cultura, Artes e Letras – Cooperativa Operária

Barreirense “Os Corticeiros” (Presidente da Direcção, António João Sardinha); • Desenvolvimento Económico – Sovena Portugal Consumer Goods, SA (Director Industrial, Nuno Santos); • Desporto – Plano de Desenvolvimento de Xadrez do Barreiro (Responsável, António Bravo); • Educação – Escola Profissional Bento de Jesus Caraça (Director da Delegação do Barreiro, Pedro Leite da Silva); • Resistência Anti-Fascista, Democracia, Cidadania e Luta Pela Liberdade – Joaquim da Palma Cadeireiro; • Trabalho – Francisco Mendes da Costa; • Trabalho – José Alves Pereira; • Trabalho – Manuel Revez Correia. O Combo da Escola de Jazz do Barreiro abriu a Cerimónia Barreiro Reconhecido 2011, que encer-


Informação da Câmara Municipal do Barreiro JULHO 2011

.07

BARREIRO

MUNICÍPIO HOMENAGEOU 11 ENTIDADES/INDIVIDUALIDADES COM GALARDÃO BARREIRO RECONHECIDO 2011

CULTURA, ARTES E LETRAS – COOPERATIVA OPERÁRIA BARREIRENSE “OS CORTICEIROS” (RECEBEU O GALARDÃO O PRESIDENTE DA DIRECÇÃO, ANTÓNIO JOÃO SARDINHA)

CIÊNCIA, INVESTIGAÇÃO E CONHECIMENTO – CARLOS LOURENÇO

ACÇÃO SOCIAL, SOLIDARIEDADE E MULTICULTURALIDADE – CENTRO SOCIAL PAROQUIAL PADRE ABÍLIO MENDES (PRESIDENTE DO CENTRO SOCIAL PAROQUIAL, PÁROCO DA IGREJA DE SANTA CRUZ, PADRE ANTÓNIO ESTÊVÃO)

EDUCAÇÃO – ESCOLA PROFISSIONAL BENTO DE JESUS CARAÇA (DIRECTOR DA DELEGAÇÃO DO BARREIRO, PEDRO LEITE DA SILVA)

ASSOCIATIVISMO – ALFREDO GONÇALVES

TRABALHO – JOSÉ ALVES PEREIRA

DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO – SOVENA PORTUGAL CONSUMER GOODS, SA (DIRECTOR INDUSTRIAL, NUNO SANTOS)

DESPORTO – PLANO DE DESENVOLVIMENTO DE XADREZ DO BARREIRO (RESPONSÁVEL, ANTÓNIO BRAVO)

TRABALHO – MANUEL REVEZ CORREIA

TRABALHO – FRANCISCO MENDES DA COSTA

RESISTÊNCIA ANTI-FASCISTA, DEMOCRACIA, CIDADANIA E LUTA PELA LIBERDADE – JOAQUIM DA PALMA CADEIREIRO

rou com o espectáculo “Teatro em Andas”, pela ArteViva – Companhia de Teatro do Barreiro. PARABÉNS As iniciativas que este ano assinalaram a elevação do Barreiro a Cidade decorreram, ininterruptamente, durante 24 horas, e reuniram um alargado conjunto de vertentes desportivas culturais. A Sessão Solene do Hastear da Bandeira, nos Paços do Concelho, foi o ponto alto das acções protocolares da manhã do Feriado Municipal. O Concelho “construirá o seu futuro com as suas próprias mãos, com o seu próprio esforço, com a sua própria combatividade”, referiu, na ocasião, o Presidente da CMB, salientando que o Barreiro é, igualmente, uma terra onde reside uma enorme esperança. “Uma esperança imensa em si mesma. Uma esperança imensa que tem no seu povo”. Entre outras actividades, o Parque Catarina Eufémia foi palco, no período da manhã, da iniciativa “Desporto no Largo” e de um Peddy-Paper, a Galeria Municipal de Arte acolheu um Ateliê Infantil e os espaços públicos da Freguesia contaram com a presença do “Violino de Carlos Santa Clara”.

RAFAEL É O BEBÉ DA CIDADE 2011 Rafael é o Bebé da Cidade 2011. Filho e mãe – Anilce Tavares Pereira – foram, na manhã do dia seguinte, 29 de Junho, ao nascimento, visitados, no Hospital de Nossa Senhora do Rosário, no Barreiro, pela Vereadora responsável pela área da Intervenção Social e Educação da Câmara Municipal do Barreiro, Regina Janeiro. A recebê-los estiveram a enfermeira

especialista em saúde materna, Maria do Anjo Vermelho, em substituição do coordenador do serviço, Luís Miranda, e a Vogal Executiva da Administração do Centro Hospitalar Barreiro Montijo, EPE, Nina Geraldes Rodrigues. Ao novo cidadão barreirense foi oferecido um simbólico Diploma de Bebé da Cidade, acompanhado de uma oferta em nome do Município.


.08

da Câmara Municipal do Barreiro BARREIRO Informação JULHO 2011

ZONA RIBEIRINHA DA VERDERENA GANHA NOVA VIDA

A zona ribeirinha da freguesia da Verderena está a ser objecto de ampla requalificação. Possibilitar uma maior mobilidade da população, recuperando ou criando novas vias de trânsito, e remodelar a rede de abastecimento de água são algumas das apostas da Câmara Municipal do Barreiro.

ACESSO À QUINTA DA MACEDA

AVENIDA DA LIBERDADE


Informação da Câmara Municipal do Barreiro JULHO 2011

.09

BARREIRO

mento e ao nível da mobilidade e, ao mesmo tempo, recuperar algumas vias de trânsito em mau estado. Em relação à obra de reperfilamento da Avenida da Liberdade, e apesar dos trabalhos em curso terem sofrido algum atraso, em virtude de dificuldades ao nível das infra-estruturas, foi concluída a primeira fase. Deste modo, a faixa de rodagem junto ao rio está aberta à circulação automóvel (nos dois sentidos). O trânsito encontra-se interdito na outra faixa, visto decorrer a segunda fase dos trabalhos que compreende a execução de nova conduta de abastecimento de água, um acerto no separador central, a execução de passeios para peões, a colocação de iluminação pública, pavimentação e a conclusão da rotunda na Avenida da Liberdade/Avenida do Bocage. Esta infra-estrutura permitirá resolver a circulação automóvel naquele cruzamento. PRACETA DA VERDERENA COM NOVA IMAGEM A Câmara Municipal considerou que a configuração da Praceta da Verderena era desadequada, (na altura com a rotunda), tendo em conta todas as ruas em redor da superfície comercial. A rotunda foi retirada e em sua substituição foi criada uma via que liga a Avenida D. João I à Rua Miguel Bombarda. Para breve, está previsto um pequeno arranjo ao nível do estacionamento, das zonas verdes envolventes e dos passeios.

AS OBRAS a decorrer, ou já concluídas, na Avenida da Liberdade, Praceta da Verderena e Avenida D. João I, para além de serem de grande importância, são muito exigentes do ponto de vista

AVENIDA D. JOÃO I

técnico e logístico. Elas são da responsabilidade do promotor (Sonae, SA) e da Câmara Municipal do Barreiro e vêm permitir resolver vários problemas de fundo ao nível das águas e sanea-

PRACETA DA VERDERENA

JÁ É MAIS FÁCIL CHEGAR AO PARQUE DA CIDADE No âmbito destas obras, e já na zona da Freguesia do Alto do Seixalinho, está concluído o atravessamento para a Quinta da Maceda, via Avenida Escola de Fuzileiros Navais, que vem garantir mais um acesso automóvel ao Parque da Cidade e ao Auditório Municipal Augusto Cabrita que apenas tinha uma entrada e saída para os veículos. De salientar que as vias de trânsito envolventes à superfície comercial (que se apresentavam em mau estado), têm agora um tapete novo, fruto de um acordo entre a Autarquia e os responsáveis pela obra.


.10

da Câmara Municipal do Barreiro BARREIRO Informação JULHO 2011

DIA MUNICIPAL DO BOMBEIRO “SOLDADOS DA PAZ” EXIGEM MAIS APOIO

A criação de um gasóleo especial para os bombeiros e a passagem da tutela para o Conselho de Ministros foram algumas das sugestões referidas na Conferência “Ser Voluntário, com as temáticas: Medidas de Autoprotecção, Voluntariado e Sustentabilidade Financeira. A iniciativa marcou o início das comemorações do Dia Municipal do Bombeiro realizadas pela Câmara Municipal do Barreiro, em estreita cooperação com as duas Associações Humanitárias de Bombeiros do Concelho – Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste e Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Pública, nos passados dias 28 e 29 de Maio. A CONFERÊNCIA decorreu no Forum Barreiro, a 28 de Maio, e na mesa de oradores estiveram Oliveira Soares, Presidente da Associação Humanitária de Salvação Pública, José Eduardo Correia, Presidente da Associação Humanitária Sul e Sueste, António Reis, Comandante dos Bombeiros Voluntários Sul e Sueste e José Figueiredo, Comandante dos Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Pública e o Vereador Carlos Moreira, responsável pela área da Protecção Civil (moderador). Para o Comandante José Figueiredo a manutenção e limpeza da Mata da Machada devam ser feitas antes da época de fogos e aconselha que o local seja interdito à população em época de risco máximo de incêndio, para evitar outros danos. “O Voluntariado e Sustentabilidade Financeira” foram temas abordados por José Eduardo Correia e Oliveira Soares. Segundo Eduardo Correia a tutela dos Bombeiros

é do Ministério da Administração Interna, mas os bombeiros “acabam por ter uma tutela formal e três tutelas na prática o que leva a alguns dissabores…”, lamentou. Referiu-se, ainda, ao Despacho do Secretário de Estado da Saúde, de Dezembro de2010, que veio limitar o transporte de doentes não urgentes, “o que teve claras implicações na estrutura e funcionamento dos bombeiros”. Defendeu, assim, que a tutela dos bombeiros deva estar na Presidência do Conselho de Ministros. Para Eduardo Correia a sustentabilidade financeira assenta em três vértices de um triângulo que engloba a Administração Central, a Administração Local e as próprias associações humanitárias dos bombeiros, contudo o apoio financeiro tem vindo mais dos municípios, sendo 93% das situações resolvidas no âmbito local. A criação por parte da Administração Central, de um gasóleo especial para os bombeiros, a preço

mais acessível foi uma sugestão deixada por Oliveira Soares. NOVE BOMBEIROS HOMENAGEADOS No mesmo dia realizou-se a Sessão Comemorativa do Dia Municipal do Bombeiro Pública, na presença do Presidente da Câmara Municipal do Barreiro, Carlos Humberto de Carvalho, de eleitos autárquicos, de um representante do Governo Civil e de dezenas de bombeiros das duas corporações. O Autarca salientou o importante papel que os bombeiros têm ao serviço da comunidade. Perante a difícil situação económica que o País atravessa o Autarca defende que “mais do que nunca é preciso rentabilizar os meios, estarem mais atentos à oportunidades que nos vão surgindo, sermos mais solidários uns com os outros”. Nesta cerimónia foram distinguidos com as medalhas de bons serviços e dedicação – 25 anos – os bombeiros Paulo Alexandre Pires Figueiredo, Bombeiro de 1ª classe e Victor Manuel Ferreira dos Santos, Bombeiro de 1ª Classe. A Medalha de Bons Serviços e Dedicação – 15 anos – foi entregue a Daniel Filipe Assunção Batista, Bombeiro de 2ª Classe e Ricardo Miguel Iglésias Boleto, Bombeiro de 1ª Classe. Os bombeiros Armindo Ezequiel Garcia Mendes, Bombeiro de 2ª Classe, João Paulo Barros Gonçalves, Bombeiro de 3ª Classe, Maria Gabriela Atalaia Alferes, Bombeiro de 2ª Classe, Miguel Ângelo Luz Saldanha, Bombeiro de 2ª Classe, e Patrícia Alexandra Rodrigues da Costa, Bombeiro de 3ª Classe, receberam a Medalha de Bons Serviços e Dedicação – 10 anos. No dia seguinte, a 29 de Maio, decorreram as cerimónias solenes do Hastear da Bandeira no Quartel dos Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste e no Quartel dos Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Pública, respectivamente. O tradicional desfile de fanfarras e viaturas das duas corporações encheram as ruas do centro da cidade.


Informação da Câmara Municipal do Barreiro JULHO 2011

.11

BARREIRO

PRESIDENTE DA REPÚBLICA INAUGURA MONUMENTO AOS FUZILEIROS O monumento alusivo aos Fuzileiros foi inaugurado pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, acompanhado pelo Presidente da Câmara Municipal do Barreiro (CMB), Carlos Humberto de Carvalho, e pelo Presidente da Associação de Fuzileiros, Comandante Lhano Preto, no dia 2 de Julho, na Praça dos Fuzileiros, na presença de milhares de pessoas. A cerimónia fez parte das comemorações do 50º Aniversário da Escola de Fuzileiros, no Barreiro e nela marcaram presença o Secretário de Estado Adjunto e da Defesa Nacional, Paulo Braga Lino, o Chefe de Estado Maior da Armada, Almirante José Carlos Torrado Saldanha Lopes, o Comandante Naval, Monteiro Montenegro, o Contra-Almirante, Picciochi, Comandante do Corpo de Fuzileiros, o Comandante da Escola de Fuzileiros, António Augusto Pereira Leite, o Presidente da Assembleia Municipal do Barreiro, Frederico Fernandes Pereira, os presidentes das juntas do Concelho, eleitos municipais e centenas de convidados.

APÓS o momento formal da inauguração (com o descerramento da placa e a bênção do Capelão da Escola de Fuzileiros), teve lugar a homenagem aos militares mortos com a colocação de uma coroa de flores junto ao monumento e a interpretação do hino dos Fuzileiros pelo Coral TAB (Trabalhadores das Autarquias do Barreiro). Seguiu-se o desfile militar acompanhado pela Banda da Armada. “Bem-vindos ao Barreiro”, foi como o Presidente da CMB saudou todos os presentes. Apresentando o Barreiro como uma “terra, com o seu passado, o seu presente e seu futuro. Todos feitos de Resistência, Combate, Liberdade, Democracia de trabalho e de sonho”. Um povo com o qual “se pode contar para a cri-

ação de mais riqueza, mais emprego, maior produtividade e mais desenvolvimento”. Em relação à difícil situação económica do País, para o Presidente da CMB, “muitas das opções que estão a ser tomadas afectarão o futuro próximo da generalidade dos portugueses; no entanto acreditamos nas capacidades dos barreirenses e dos portugueses para encontrar as soluções adequadas à situação”. Segundo o Presidente da CMB, o Barreiro pretende concretizar uma estratégia futura, “mas apenas o esforço integrado pode chegar a resultados que precisamos alcançar”, advertiu. O conjunto de projectos existentes, uma vez concretizados, “permitirão afirmar o Barreiro, uma vez

mais, como um pólo de crescimento e de progresso. Necessitamos que o antigo território da CUF (actualmente património do Estado) se reerga; para tal, contamos com o apoio de muitos parceiros associados à construção da Terceira Travessia do Tejo para afirmação de Lisboa como grande Cidade-Região, com importância internacional”. BARREIRO – “UMA LABORIOSA CIDADE” O Barreiro foi definido pelo Presidente de República como uma “laboriosa cidade”, “tão ligada à Marinha e aos Descobrimentos, tanto ao nível da construção naval, como da produção de mantimentos para o abastecimento das nossas frotas”. Aníbal Cavaco Silva endereçou uma palavra especial ao Barreiro “pela forma como tem acolhido e acarinhado os seus Fuzileiros, traduzida num forte sentimento de mútua pertença, de que todos, justamente, se orgulham”. Saudou a união de esforços entre a Associação de Fuzileiros e a CMB que “permitiu a criação de um monumento que se perpetuará no tempo e que dá expressão ao reconhecimento do Fuzileiro como pilar de coragem, de galhardia e de respeito pelos valores pátrios”. No actual contexto económico do País, o Presidente da República proferiu palavras encorajadoras. “Os portugueses são um povo lúcido, valente e com uma sabedoria ancestral que lhes permite, em situação de grande crise, escolher um caminho seguro rumo à estabilidade e à garantia da sua independência”. O MONUMENTO A obra foi realizada pelo artista Tolentino Abegoaria, mais conhecido por “Tolentino de Lagos”, sua terra natal. É autor de inúmeros trabalhos em espaços públicos, como o monumento ao pescador da cidade de Lagos. O monumento ainda não está completo. Ficam por colocar cinco pedras que representam os cinco continentes, ligados por uma amarra representando a ligação dos continentes através do mar.


.12

da Câmara Municipal do Barreiro BARREIRO Informação JULHO 2011

BIBLIOTECA E ARQUIVO

ACTIVIDADES DE ANIMAÇÃO 2011/12 PARA PÚBLICO ESCOLAR Dirigido ao público escolar, a Câmara Municipal do Barreiro preparou um vasto calendário de Animação, no âmbito das actividades da Biblioteca e do Arquivo municipais.

Brinquedo Tradicional Pião «Brincar Com(Os) Avós» | Projecto com escolas, faseado e abordando várias temáticas, tendo por base o pião tradicional. Culminará numa exposição dos trabalhos das crianças e jovens, em Maio de 2012. Contactos: AM

AS INICIATIVAS, NESTA ALTURA, PREVISTAS SÃO AS SEGUINTES: Ateliês (por marcação) Hora do Conto | 1º e 2º ciclos; Local: Escolas; Contactos: BM O Baú dos Contos | Pré-escolar e 1º Ciclo; Local: BM; Contactos: BM Papel Marmoreado | 1º Ciclo; Local: Escolas; Contactos: AM Vamos Fazer Uma Folha de Papel | 1º Ciclo e Pré-Escolar; Local: Escolas; Contactos: AM Escrita Com Pena “Scriptorium Medieval” | 1º Ciclo; Local: Escolas; Contactos: AM Os Brasões do Concelho | 1º Ciclo; Local: Escolas; Contactos: AM Vamos Aprender Com o Arquivo | 1º e 2º ciclos; Local: Escolas; Contactos: AM Breve História do Barreiro | 1º Ciclo; Local: Escolas; Contactos: AM Breve História do Barreiro | 3º Ciclo e escolas secundárias; Local: AM; Contactos: AM A Fotografia Como Documento | 1º e 2º ciclos; Local: Escolas; Contactos: AM Enfeites de Natal em Papel Reciclado | Pré-Escolar e 1º ciclo; Local: Escolas; Contactos: AM Cabeçudos de Papel | 1º Ciclo; Local: Escolas; Contactos: AM Cianotipia | Escolas secundárias; Local: BM; Contactos: AM Acção de Formação “Breve História do Barreiro” | Público: Professores; Local: BM; Contados: AM Peça de Teatro “Serafim e Malacueco na Corte do Rei Escama” | 1º e 2º ciclos; Local e contactos: BM PROJECTOS PARA TODO O ANO LECTIVO Artistas de Palmo e Meio | Concurso de expressão plástica dirigido ao 1º Ciclo. Tema: Escolhendo o livro favorito os alunos criarão uma capa alternativa, utilizando vários materiais. Contactos: BM Restyling Sofás | Projecto a desenvolver com escolas e que tem como objectivo a recriação e reaproveitamento de sofás. O resultado final será exposto, com a apresentação final dos sofás reaproveitados/recriados por estas escolas. Contactos: BM

ACTIVIDADES PARA ESCOLAS E PÚBLICO EM GERAL ”Uma História Antes de Jantar” | Público em geral; Local: BM; Contactos: BM “À Descoberta da Biblioteca” | Alunos do 1º, 2º e 3º ciclos; Local: BM; Contactos: BM “Ciclo de Cinema”– Música | Outubro; Escolas; Local: BM; Contactos: BM “Ciclo de Cinema” – Natal | Dezembro; Local: BM; Contactos: BM “Ciclo de Cinema” – Teatro | Março; Local: BM; Contactos: BM “Noite na Biblioteca” – Natal | As crianças poderão passar uma noite (dormir) na Biblioteca, com livros, histórias, música, filmes e jogos à mistura. Ateliê de prendas alusivas à quadra. Local: BM; Contactos: BM “Música Com Livros” (Mês da Música) | Outubro; Exposição temática, alusiva ao Mês da Música. (Legenda: BM – Biblioteca Municipal; AM – Arquivo Municipal) Contactos: Biblioteca Municipal, Rua da Bandeira; Telefone: 210 966 537/212 068 234. E-mail: biblioteca.municipal@cm-barreiro.pt. Arquivo Municipal, Rua Stinville, nº 14; Telefone: 212 068 140/911 042 285; E-mail: arquivo.barreiro@gmail.com.

CMB LEVOU MALETA PEDAGÓGICA A ESCOLAS DO CONCELHO

“Ingredientes da República” foi o título da Maleta Pedagógica Itinerante que a Câmara Municipal do Barreiro (CMB) apresentou, ao longo do ano lectivo, aos 3º e 4º anos de escolas do 1º Ciclo do Concelho. Este ano que passou, foram efectuadas três dezenas de visitas a estabelecimentos reunindo cerca de um milhar de alunos em torno do tema, com as comemorações do Centenário da República ainda frescas na memória colectiva nacional. A Maleta Pedagógica Itinerante foi concebida para ser desenvolvida na sala de aula, com o objectivo de reforçar a descentralização das actividades. É intenção repetir este formato no próximo ano lectivo.

ATÉ SETEMBRO DE 2011

MATA DA MACHADA E SAPAL DO RIO COINA PROPORCIONAM UM VERÃO DIFERENTE

Até ao dia 11 de Setembro, os fins-de-semana de Verão vão ser mais divertidos na Mata da Machada. Levar o público a conhecer melhor a Mata Nacional e o Sapal do Coina é o objectivo do Centro de Educação Ambiental da Mata da Machada e Sapal do Rio Coina (CEA). Este ano, o CEA volta a dinamizar workshops gratuitos para toda a população, mediante inscrição prévia. Este ano, a Agenda de Actividades – “Ambiente e Florestas 2011” associa-se às comemorações do Ano Internacional das Florestas, declarado pela ONU. As acções prevêem a observação da flora da Mata, observação de aves, anfíbios e insectos, sessões de astronomia, e Eco-Dicas: ateliês práticos para poupar em sua casa, ou passeios no Varino Pestarola. Fotografia de natureza, workshop de reutilização de Lixo Doméstico, Hortas Gourmet, desenho científico, escrita e desenho criativo são outros workshops que irão preencher os fins-de-semana de Verão, de forma enriquecedora. O Centro de Educação Ambiental funciona nos dias úteis, das 9h00 às 19h00, sábados das 9h00 às 19 h00 e domingos das 9h00 às 13h00. Para mais informações, consulte www.cm-barreiro.pt, ou ligue para a Linha Verde do Ambiente (grátis): 800 205 681.


Informação da Câmara Municipal do Barreiro JULHO 2011

CMB HOMENAGEIA INSTITUIÇÕES CENTENÁRIAS NO DIA NACIONAL DO ASSOCIATIVISMO

A Câmara Municipal do Barreiro (CMB) assinalou o Dia Nacional do Associativismo homenageando uma dezena de instituições centenárias do Concelho. Na cerimónia, realizada no passado dia 31 de Maio, nas instalações da Sociedade Filarmónica Agrícola Lavradiense (SFAL), o Município aderiu, formalmente, a cada uma das dez colectividades. SANTA CASA da Misericórdia do Barreiro, Jardim-de-Infância D. Pedro V, Sociedade Filarmónica Agrícola Lavradiense (SFAL), Sociedade Democrática União Barreirense “Os Franceses”, Sociedade de Instrução e Recreio Barreirense (SIRB) “Os Penicheiros”, Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Sul e Sueste, Sociedade Filarmónica União Agrícola 1º de Dezembro, Associação do Comércio, Indústria e Serviços do Barreiro e Moita, Cooperativa Cultural Operária Barreirense e Futebol Clube (FC) Barreirense foram as associações com cem anos ou mais de história – a mais antiga, a Santa Casa da Misericórdia, com 450 anos – evocadas. Nesta sessão marcaram presença o Presidente da CMB, Carlos Humberto de Carvalho, a Vereadora responsável pela área do Desporto, Associativismo e Cultura, Regina Janeiro, e representantes do movimento associativo (MA), entre os quais das instituições homenageadas.

“Se há tradição que marque a vida do Barreiro é a sua ligação ao Movimento Associativo”, reconheceu a Vereadora do Desporto, Associativismo e Cultura. “Mais de um milhar de pessoas que não baixam os braços, que não esperam que aconteça, que fazem acontecer”. Entre instituições, colectividades e associações juvenis existem no Concelho cerca de 200 entidades, esclareceu Regina Janeiro. “Este é, fundamentalmente, um acto simbólico”, um “agradecimento público”, referiu, na ocasião, o Presidente da CMB, reconhecendo um “sentido de gratidão”. Carlos Humberto de Carvalho realçou o “papel histórico determinante” do MA na “construção do Barreiro”, nas suas múltiplas funções. O apreço pelo associativismo no Concelho do Barreiro é tal, reflectiu o Presidente, que o seu símbolo (uma corda com nó aberto) está representado no Brasão da Cidade.

.13

BARREIRO

ECO-DESAFIO ADOPTA E PROMOVE NOVAS PRÁTICAS DE GESTÃO AMBIENTAL NAS COLECTIVIDADES No período da tarde, igualmente inserida nas Comemorações do Dia Nacional do Associativismo, teve lugar, no recuperado Eco-Moinho do Jim, a sessão de assinatura pública dos Acordos-Quadro de Desenvolvimento e Investimento de Produção e Reestruturação Ambiental e Energética integrados no Eco-Desafio, que decorre nas colectividades/associações do Concelho do Barreiro, com o intuito destas adquirirem práticas de gestão ambiental. Na iniciativa estiveram, além do Presidente e da Vereadora da CMB, os vereadores com as áreas da Sustentabilidade Ambiental, Nuno Banza, da Administração Geral e Patrimonial, Carlos Moreira, e dos Serviços Urbanos, Santa Clara Gomes, o administrador da Selfenergy, Rogério da Ponte, a Administradora Delegada da S.Energia – Agência Regional de Energia para os Concelhos do Barreiro, Moita, Montijo e Alcochete, Susana Camacho, e representantes das quatro colectividades envolvidas no projecto: SFAL, Grupo Dramático e Recreativo “Os Leças”, SIRB “Os Penicheiros” e o FC Barreirense. Conforme disse, na altura, o Vereador da Sustentabilidade Ambiental, aquela sessão no Eco-Moinho dava o “pontapé-de-saída de uma iniciativa da Autarquia” com relevância do “ponto de vista ambiental”. Com este projecto pioneiro, “que visa estimular a produção de energia através das fontes renováveis”, a “Autarquia dá um forte apoio às colectividades” – coloca-as “a produzir e a vender energia à rede” – e é mais um contributo no sentido de atingir o Pacto dos Autarcas. A Administradora Delegada da S.Energia salientou duas vertentes do projecto: por um lado, a efectiva redução da factura por eficiência energética, por outro a componente do sistema de produção de energia solar fotovoltaica, que permite retirar “algum proveito directo através da produção de energias renováveis”. Para o Administrador da Selfenergy, o projecto traduzir-se-á num “investimento com retorno” a longo prazo. O payback será, especificou, a seis/sete anos. “Estamos abertos para continuar a desenvolver este tipo de iniciativa”, manifestou. Este evento, recorde-se, celebrou os acordos entre a Selfenergy e as quatro colectividades, permitindo-lhes que se tornem produtoras de energia e assim contribuam para o cumprimento das metas nacionais de produção de energias renováveis. A decorrer desde o final do ano de 2009, o EcoDesafio está, já, implementado no Sporting Clube Lavradiense. Os resultados obtidos têm excedido as expectativas iniciais de gestão ambiental e de produção de energia. O Eco-Desafio pretende sensibilizar e promover as boas práticas, indicando os comportamentos mais adequados e partilhando informação sobre as tecnologias actuais que podem permitir que as instalações se tornem mais sustentáveis.


X FEIRA PEDAGÓGICA De 26 de Maio a 1 de Junho o Parque da Cidade foi Uma Cidade Para Viver, Trabalhar e Usufruir. Durante seis dias consecutivos milhares de crianças visitaram esta grande festa que, de ano para ano, se tem vindo a afirmar como ponto de encontro anual de alegria, envolvendo toda a Comunidade Educativa. Este ano, a Feira Pedagógica comemorou a sua primeira década e ficou, uma vez mais, marcada pela presença assídua crianças e jovens, professores e educadores – auxiliares, pais e encarregados de educação. No espaço da Câmara Municipal e partindo da temática “As Profissões” todos quantos visitaram a Feira foram convidados a fazer de conta que eram funcionários da Autarquia e a experimentarem várias profissões de uma forma divertida. Num dia eram pintores, noutro, arquitectos ou jardineiros, mas também puderam ser pedreiros, canalizadores, engenheiros ou jornalistas, porque a brincar também se aprende. Esta edição ficou, igualmente, assinalada pela presença do atleta olímpico Nuno Delgado que conseguiu pôr cerca de 600 crianças a praticar desporto em simultâneo na “Maior Aula de Judo do Barreiro”. Tendo em conta que o Ensino um dos pilares mais importantes na construção da cidade e até do País, Carlos Humberto de Carvalho, afirmou que “apostar nesta área de formação é apostar no desenvolvimento do próprio Concelho”.


Informação da Câmara Municipal do Barreiro JULHO 2011

.15

BARREIRO

BARREIRO MARCA PONTOS NOS JOGOS DO FUTURO DA REGIÃO DE SETÚBAL

O Barreiro esteve, novamente, em destaque nos Jogos do Futuro da Região de Setúbal, realizados no último fim-de-semana de Maio, numa organização conjunta das câmaras municipais da Região, Movimento Associativo Popular, Escolas e Associações Distritais de modalidade aderentes. O Concelho, com organização da Câmara Municipal, acolheu os torneios de basquetebol e xadrez (este em parceria com o Clube de Xadrez, no âmbito do Plano de Desenvolvimento da modalidade), respectivamente, nos pavilhões Municipal Luís de Carvalho e da Escola Quinta Nova da Telha. Esta competição, na sua 2ª edição, englobou 11 modalidades (destinadas a jovens nascidos entre 1995 e 1999) e um convívio de desporto adaptado, dinamizando representantes dos concelhos, além do Barreiro, de Alcochete, Almada, Moita, Palmela, Seixal e Sesimbra.

BARREIRO ACOLHEU FASE FINAL FC BARREIRENSE CAMPEÃO NACIONAL O BARREIRO acolheu mais um ponto alto do basquetebol nacional e marcou pontos ao conquistar, no Pavilhão Municipal Luís de Carvalho, o título de Campeão Nacional de sub 20 masculinos. A jovem equipa do FC Barreirense venceu os três jogos da Fase Final, disputada de 20 a 22 de Maio, superiorizando-se, assim, ao FC Porto, 2º classificado, SL Benfica, 3º, e SC Vasco da Gama, 4º.

A nível individual, destacaram-se os barreirenses Pedro Pereira (melhor assistências) e Tiago Raimundo (jogador mais valioso). Na Cerimónia de Entrega de Prémios marcou presença a Vereadora responsável pelas áreas do Desporto, Associativismo e Cultura, Regina Janeiro. Mais uma vez o público aderiu, compondo as bancadas e deixando-se contagiar pelos momentos emotivos proporcionados pelos jogos.

RESULTADOS DO BARREIRO Xadrez – 1º lugar – Equipa Barreiro I; 2º Equipa Barreiro IV. Basquetebol – 1º Selecção Sub 16 Feminina; 2º Selecção Sub 14 Fem.; 2º Selecção Sub 14 Masculina. Ténis de Mesa – Escalão A – 2º Competição colectiva; 2º Escalão A – André Santos. Judo – 3º Competição colectiva; 2º (29kg – 34,5kg) António Frederico; 2º (48,1kg – 54,5kg) Pedro Pires; 3º (29kg – 34,5kg) Rodrigo Pinel. Natação – 3º Competição colectiva; 3º, 50m Mariposa – Gonçalo Pitarma; 2º, 100m Costas – Diogo Almeida; 3º, 100m Costas – Vanessa Fernandes; 3º, 100m Costas – José Ramos; 3º, 100m Livres – Vanessa Fernandes; 3º, 100m Livres – Gonçalo Pitarma. Ténis – 3º Miguel Rosa. Atletismo – 3º Competição colectiva, Estafeta; 2º, 60m masc. – Edgar Paula; 3º, 60m masc. – Tiago Gonçalves; 3º, 60m fem. – Ângela Costa; 1º Salto comprimento masc. – Edgar Paula. Futebol – 2º Futebol 7 masc.; 3º Futebol 11 masc.

FESTIVAL DE GINÁSTICA COROLÁRIO DA ÉPOCA DESPORTIVA PAVILHÃO MUNICIPAL LUÍS DE CARVALHO NA CIDADE SOL

O Pavilhão Municipal Luís de Carvalho, na Cidade Sol, recebeu, na noite de 9 de Junho, a VII edição do Festival de Ginástica. Integrado na calendarização do Plano de Desenvolvimento da Ginástica do Barreiro, este evento, o corolário da época desportiva, que contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal, é o reflexo do trabalho realizado na área pela CMB, movimento associativo, escolas e ginásios.Com muito público nas bancadas, participaram na iniciativa centenas de ginastas do FC Barreirense, GD Fabril, “Os Leças”, Luso FC, da Escola Quinta Nova da Telha, do Ginásio Bucha & Estica e a quase totalidade dos centros de Ginástica Sénior.


BOLETIM MUNICIPAL - Julho 2011  

Boletim municpal da Câmara do Barreiro

Advertisement