Issuu on Google+

Jornal

Grupo Latinoamericano de Emisores de Normas de Información Financiera Câmara

do

CFC

dos Deputados homenageia o Group of Latin-american Accounting Standard Dia do Contabilista Brasília-DF – ano 14, n.o 108 Abril / Maio / Junho de 2011 Distribuição gratuita

Setters (GLASS)

Pág. 6 e 7

BRASIL LIDERA GRUPO DE EMISSORES DE NORMAS CONTÁBEIS DA AMÉRICA LATINa Pág. 3

Grupo Latinoamericano de Emisores de Normas Lopes de Sá de Información Financiera

recebe homenagem

Pág. 13 Group of Latin-american ccounting Standard Setters Para o uso dos correios (Sr. Carteiro, assinale o motivo)

Mudou-se

Não existe o n.o indicado

Não procurado

Desconhecido

Endereço insulficiente

Ausente

____________

Informações escritas pelo porteiro reintegrado ao Serviços Postal em _____/_____/______

CFC publica resultado da primeira edição do Exame de Suficiência Págs. 4 e 5

Responsável

Visto

Conselho Federal de Contabilidade - SAS, Quadra 05 Bloco J - Edifício CFC - CEP 70070-920 - Brasília - DF


Palavra do Presidente Juarez Domingues Carneiro Plenário do CFC Presidente Contador Juarez Domingues Carneiro Vice-presidentes Contador Enory Luiz Spinelli Contador Antonio Miguel Fernandes Contador Nelson Mitimasa Jinzenji Contadora Lucilene Florêncio Viana Contador Sérgio Prado de Mello Contadora Maria Clara Cavalcante Bugarim Contadora Silvia Mara Leite Cavalcante Conselheiros Efetivos Contador Antonio Miguel Fernandes Contador Edson Cândido Pinto Contador Enory Luiz Spinelli Contador Francisco Fernandes de Oliveira Contador João Altair Caetano dos Santos Contador João de Oliveira e Silva Contador José Wagner Rabelo Mesquita Contador Juarez Domingues Carneiro Contador Luis Carlos de Souza Contador Luiz Henrique de Souza Contador Nelson Mitimasa Jinzenji Contador Osório Cavalcante Araújo Contador Paulo Vieira Pinto Contador Sergio Prado de Melo Contadora Gardênia Maria Braga de Carvalho Contadora Lucilene Florêncio Viana Contadora Maria Clara Cavalcante Bugarim Contadora Silvia Mara Leite Cavalcante Técnico em Contabilidade Bernardo Rodrigues de Souza Técnico em Contabilidade Edvaldo Paulo de Araújo Técnico em Contabilidade José Augusto Costa Sobrinho Técnico em Contabilidade José Carlos Fernandes Técnico em Contabilidade José Cleber da Silva Fontineles Técnico em Contabilidade José Odilon Faustino Técnico em Contabilidade Juliana Aparecida Soares Martins Técnico em Contabilidade Miguel Ângelo Martins Lara Técnico em Contabilidade Paulo Viana Nunes Conselheiros Suplentes Contador Carlos De La Roque Contador Edson Franco de Moraes Contador Flávio Azevedo Pinto Contador Jadson Alves Ricarte Contador João Eloi Olenike Contador Joaquim de Alencar Bezerra Filho Contador José Corrêa de Menezes Contador José Nilton Junckes Contador Luiz Antonio Balaminut Contador Pedro Alves Contador Rivoldo Costa Sarmento Contador Roberto Calos Fernandes Dias Contadora Ana Tércia Lopes Rodrigues Contadora Elizabete Coimbra Lisboa Contadora Luci Melita Vaz Contadora Maiza de Barros Bumlai Contadora Maria do Rosário de Oliveira Contadora Verônica Cunha de Souto Maior Técnico em Contabilidade Antônio Roberto de Souza Técnico em Contabilidade Auridan José de Lima Técnico em Contabilidade José Amarísio Freitas de Souza Técnico em Contabilidade Maria das Graças Santana Técnico em Contabilidade Mário César de Magalhães Mateus Técnico em Contabilidade Osvaldo Rodrigues da Cruz Técnico em Contabilidade Paulo Luiz Pacheco Técnico em Contabilidade Pedro Miranda Técnico em Contabilidade Vivaldo Barbosa Araújo Filho CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE SAS - QUADRA 5 - BLOCO J - Ed. CFC CEP 70070-920 - BRASÍLIA-DF TEL: (61) 3314-9600 - FAX: (61) 3326-6547 www.cfc.org.br - cfc@cfc.org.br

Expediente Diretora Executiva Elys Tevania de Carvalho Jornal do CFC Ano 14 - N° 108 - abril/maio/junho 2011 Edição/Jornalista responsável: Fabrício Santos – DF 2887JP Redação: Fabrício Santos e Maristela Girotto Projeto gráfico: Igor Outeiral e Marcus Hermeto Diagramação: Tiago Castro Revisão: Maria do Carmo Nóbrega Colaboração: Rosangela Bekman, Maria do Carmo Nóbrega, Thaiza Marques e Dione Maycon TEL: (61) 3314-9513 comsocial@cfc.org.br Tiragem: 65.000 exemplares Permitida a reprodução de qualquer matéria, desde que citada a fonte.

Caros leitores, pareceram. A integração e os relevantes temas tratados só reafirmaram a crescente participação da mulher contabilista no cenário contábil brasileiro. Meus sinceros agradecimentos a todos aqueles que, de alguma forma, contribuíram para o sucesso do Encontro. Para todos os que aguardam o 19º Congresso Brasileiro de Contabilidade, temos uma boa notícia: as inscrições já estão abertas: www. congressocfc.org.br. Nossa expectativa é de que possamos reunir cerca de 5 mil profissionais da Contabilidade! Em recente visita ao Pará, apresentei o projeto do Congresso para o governador do Estado, Simão Jatene, que declarou apoio incondicional ao nosso evento! Quero, também, externar os meus sinceros agradecimentos ao povo de Belém pela entrega do título de Cidadão a mim concedida. Sintome muito honrado em fazer parte desse povo trabalhador e acolhedor. Em breve, estaremos atingindo a marca de 500 mil profissionais e parabenizo todos os contabilistas que ajudam a dignificar, diariamente, a profissão que tanto nos orgulha. A importância da Contabilidade para as organizações públicas e privadas, e até mesmo para sociedade, já se tornou uma realidade. Boa leitura!

Ao ler as matérias desta edição do Jornal do CFC, fiquei impressionado com o rumo que a nossa profissão tem tomado. São muitas conquistas nesses quase dois anos de mandato. De fato, a Contabilidade brasileira e mundial vive um grande momento e, nesse sentido, gostaria de ressaltar o posicionamento estratégico que o Brasil tem assumido perante os órgãos internacionais, tornando-se referência em termos de Contabilidade no mundo. No Brasil, estamos conquistando espaço no Congresso Nacional para dignificarmos, ainda mais, a nossa profissão. Uma das nossas maiores conquistas foi a volta do Exame de Suficiência com a sanção da Lei n.º 12.249/10. Por vários anos, o CFC trabalhou para a instituição do Exame por meio de lei federal. Todo o esforço que fizemos nesse período foi motivado pela forte convicção de que é nossa missão lutar, integralmente, pelo fortalecimento da profissão contábil no Brasil e pela melhoria do ensino da Contabilidade. O jornal traz o resultado da primeira etapa do Exame, com mais de 16 mil candidatos inscritos em todo o País. Outro assunto que merece destaque é sobre o VIII Encontro Nacional da Mulher Contabilista, ocorrido de 19 a 21 de maio, em Caldas Novas (GO), ao qual cerca de duas mil pessoas com-

Nesta edição Brasil lidera grupo de emissores de normas contábeis da América Latina

3

Resultado da primeira edição do Exame de Suficiência

4e5

Sessão da Câmara dos Deputados homenageia profissionais da Contabilidade

6e7

Dia do Contabilista é comemorado na Câmara Legislativa do DF VIII Encontro Nacional da Mulher Contabilista

7 8e9

Programa de Voluntariado da Classe Contábil realiza seminário

10

Presidente do CFC recebe título de Cidadão de Belém (PA)

11

CRCES comemora o Dia do Contabilista

12

Governador do Pará apoia o 19º Congresso Brasileiro de Contabilidade

12

Lopes de Sá recebe homenagem da classe contábil

13

Presidente do CFC trata de temas de interesse da classe contábil em Roraima

14

Deputado federal Gean Loureiro toma posse na Câmara dos Deputados

14

Vice-presidência de Registro realiza Reunião Nacional com CRCs

15

Melhores do mundo em Auditoria Interna são brasileiros

15

Vitória recebe a V edição da Anpcont

16


Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

3

Foto: Fabrício Santos

Brasil lidera grupo de emissores de normas contábeis da América Latina Foto: Divulgação CFC

Mensagem do presidente do Glenif

Juarez Domingues Carneiro

Corpo diretivo do Glenif

A partir de agora, o Brasil, por meio do Conselho Federal de Contabilidade, lidera o grupo de emissores de normas contábeis de países da América Latina. A eleição ocorreu no dia 28 de junho de 2011, em Buenos Aires, Argentina, durante a Conferência CReCER. O contador Juarez Domingues Carneiro, que foi eleito, por unanimidade, presidente do grupo disse que “o dia histórico foi, sem dúvida, um grande passo dado pela Contabilidade brasileira. Pois, teremos voz perante os outros países”, diz Juarez. O Grupo Latino-Americano de Normatizadores Contábeis (GLASS) sigla em inglês para Group of Latin-American Accounting Standard Setters tem como objetivo trabalhar em parceria com o Iasb em aspectos técnicos, respeitando a soberania nacional de cada país membro; promover a adoção da convergência das normas internacionais emitidas pelo Iasb; cooperar com governos, reguladores e outras organizações regionais, nacionais e internacionais que contribuam para a melhor qualidade financeira dos estados; e colaborar com a difusão das normas emitidas pela Iasb. Recentemente, o então presidente do Iasb, David Tweedie, Amaro Gomes e autoridades reguladoras do Brasil, Argentina, Chile, Venezuela e México participaram do Seminário Latino-Americano. Na oportunidade, Tweedie ficou impressionado com o trabalho realizado pelos contabilistas brasileiros e afirmou que

"a América do Sul tem um grande potencial e pode contribuir efetivamente com o trabalho que vem sendo realizado pelo Iasb." Ao ser informado sobre a criação do Glenif, Tweedie disse que “os países vizinhos também criarão blocos de trabalho que contribuirão para o desenvolvimento econômico, além de tornar a Contabilidade única no mundo." Para Nelson Carvalho, coordenador de Relações Internacionais do CPC, a liderança do grupo pelo Brasil será de suma importância e “nós temos alguns aspectos de liderança regional e mundial que agora estão aflorando e sendo percebidos internacionalmente. A nossa posição ao liderarmos esse grupo vai ser absolutamente vital para que possamos consolidar a voz da região no diálogo com o Iasb, não mais como um país isolado, mas como um conjunto de países que fala sobre temas comuns.” Além do Brasil, integram a diretoria do Glenif a Argentina (vice-presidente Jorge Gil), Venezuela (Rafael Rodrigues Ramos), México (Felipe Pérez Cervantes), Uruguai (Winston Fernandez) e o Chile (Mario Muñoz Vidal). Ainda, segundo Juarez, "o Brasil conquistou o reconhecimento dos normatizadores da América do Sul e do Caribe. Como presidente do grupo – representando o Brasil – sinto-me orgulhoso desta conquista em levar a voz da Contabilidade latina para o Iasb". Por Fabrício Santos

O Brasil conquistou o reconhecimento dos normatizadores da América Latina, elegendo-me, por unanimidade, como presidente do órgão que agora representa no Iasb os normatizadores da América Latina. Então, para mim, evidentemente como presidente do CFC e agora como representante do País no Glenif, sinto-me orgulho e satisfeito em poder levar a voz da América Latina ao Iasb, que é o órgão normatizador no mundo. É uma vitória que a gente reputa a um trabalho em equipe. Quero destacar os trabalhos de profissionais, como Amaro Gomes, Nelson Carvalho, Nelson Mitimasa e Ricardo Lopes, principalmente porque estiveram desde o começo ajudando a construir esse novo grupo. Hoje, além do Glenif existem dois grupos organizados a Oceanian Standard-Setters Group (AOSSG) e o European Financial Reporting Advisory Group (EFRAG). O grupo da América Latina agora é uma realidade. Somos o quarto grande bloco que vai influenciar e contribuir para a construção de normas contábeis internacionais. É um momento importante e de reconhecimento, pois o Brasil passa a liderar esse grande bloco e mais esse desafio. Deixaremos de receber as normas, que são construídas e elaboradas por outros entes internacionais capitaneados pelo Iasb, e vamos agora passar a interferir no processo.


4

Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Exame de Suficiência

Resultado da primeira ediçã O CFC publicou no dia 26 de maio, no Diário Oficial da União, os resultados das provas da primeira edição de 2011 do Exame de Suficiência. As provas para bacharéis em Ciências Contábeis e para técnicos em contabilidade foram realizadas em todos os Estados no dia 27 de março. Os resultados publicados contemplaram a anulação das seguintes questões: n.o 26, da prova para bacharel em Ciências Contábeis; e n.o 01, da prova para técnico em contabilidade. Segundo a vice-presidente de Desenvolvimento Profissional e Institucional do CFC e coordenadora da Comissão Estratégica para

1º Exame de Suficiência

2011

validação das provas e procedimentos para a realização do Exame de Suficiência, Maria Clara Cavalcante Bugarim, o índice de aprovação nas provas – 30,83% para bacharel em Ciências Contábeis e 24,93% para técnico em contabilidade – foi considerado baixo, fato

que era previsto pelos membros da Comissão, mesmo sabendo que o nível das provas não era considerado difícil. Segundo estabelecido no edital n.o 01/2010, o Exame de Suficiência tem por objetivo comprovar conhecimentos médios, consoante os conteúdos programáticos desenvolvidos no curso de Bacharelado em Ciências Contábeis e no curso de Técnico em Contabilidade. “O CFC lutou muito pela instituição legal do Exame de Suficiência porque tinha ciência do nível insatisfatório do ensino de grande número de faculdades de Ciências Contábeis

BACHAREL EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS UF

Total Inscritos

Total Presentes

AC

74

62

AL

77

71

AM

251

218

Total Aprovados

(%) Aprovados

Total Reprovados

(%) Reprovados

Total Ausentes

(%) Ausentes

3

4,84%

59

95,16%

12

19,35%

17

23,94%

54

76,06%

6

8,45%

25

11,47%

193

88,53%

33

15,14%

AP

33

30

5

16,67%

25

83,33%

3

10%

BA

702

639

198

30,99%

441

69,01%

63

9,86%

CE

226

211

72

34,12%

139

65,88%

15

7,11%

DF

262

238

114

47,9%

124

52,1%

24

10,08%

ES

363

344

100

29,07%

244

70,93%

19

5,52%

GO

384

361

68

18,84%

293

81,16%

23

6,37%

MA

225

210

31

14,76%

179

85,24%

15

7,14%

MG

1379

1301

448

34,44%

853

65,56%

78

6%

MS

252

238

47

19,75%

191

80,25%

14

5,88%

MT

515

475

71

14,95%

404

85,05%

40

8,42%

PA

531

496

88

17,74%

408

82,26%

35

7,06%

PB

205

201

77

38,31%

124

61,69

4

1,99%

PE

307

291

104

35,74%

187

64,26%

16

5,5%

PI

237

218

38

17,43%

180

82,57%

19

8,72%

PR

1314

1255

458

36,49%

797

63,51%

59

4,7%

RJ

853

803

334

41,59%

469

58,41%

50

6,23%

RN

331

312

72

23,08%

240

76,92%

19

6,09%

RO

218

200

35

17,5%

165

82,5%

18

9%

RR

89

85

8

9,41%

77

90,59%

4

4,71%

RS

772

725

271

37,38%

454

62,62%

47

6,48%

SC

661

642

2358

36,6%

407

63,4%

19

2,96%

SE

83

78

25

35,9%

50

64,1%

5

6,41%

SP

3744

3524

1158

32,86%

2366

67,14%

220

6,24%

TO

167

156

21

13,46%

135

86,54%

11

7,05%

14255

13384

4126

30,83%

9258

69,17%

871

6,51%


Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Exame de Suficiência

5

Foto: Robson Cesco

ão do Exame de Suficiência

Maria Clara avalia 1ª edição 2011

brasileiras”, afirmou Maria Clara. Para a vice-presidente do CFC, o baixo índice de aprovação no Exame de Suficiência deverá forçar as Instituições de Ensino Superior (IES) a melhorar em os seus cursos de graduação, caso contrário, poderão ver seus alunos migrarem para faculdades que apresentaram resultados satisfatórios no Exame. “Os estudantes vão cobrar a melhoria do ensino de Ciências Contábeis de suas IES”, disse Maria Clara, acrescentando que, em função dessa realidade, a tendência é de que,

nas próximas edições do Exame de Suficiência, o índice de aprovação seja maior.

Segunda edição Segundo a Resolução CFC n.o 1.301/10, que regulamenta o Exame de Suficiência como requisito para obtenção ou restabelecimento de Registro Profissional em Conselho Regional de Contabilidade (CRC), as provas para bacharéis em Ciências Contábeis e para técnicos em contabilidade serão aplicadas duas vezes ao ano. Por Maristela Girotto

TÉCNICOS EM CONTABILIDADE UF

Total Inscritos

Total Presentes

Total Aprovados

(%) Aprovados

Total Reprovados

(%) Reprovados

Total Ausentes

(%) Ausentes

AC

1

1

0

0%

1

100%

0

0%

AL

12

12

2

16,67%

10

83,33%

0

0%

AM

15

11

2

18,18%

9

81,82%

4

36,36%

AP

3

2

1

50%

1

50%

1

50%

BA

112

94

28

29,79%

66

70,21%

18

19,15%

CE

46

36

8

22,22%

28

77,78%

10

27,78%

DF

131

122

28

22,95%

94

77,05%

9

7,38%

ES

24

18

3

16,67%

15

83,33%

6

33,33%

GO

21

20

5

25%

15

75%

1

5%

MA

15

14

0

0%

14

100%

1

7,14%

MG

232

210

50

23,81%

160

76,19%

22

10,48%

MS

31

26

1

3,85%

25

96,15%

5

19,23%

MT

8

4

0

0%

4

100%

4

100%

PA

12

10

5

50%

5

50%

2

20%

PB

16

16

2

12,5%

14

87,5%

0

0%

PE

67

58

14

24,14%

44

75,86%

9

15,52%

PI

16

13

4

30,77%

9

69,23%

3

23,08%

PR

112

94

31

32,98%

63

67,02%

18

19,15%

RJ

212

192

42

21,88%

150

78,12%

20

10,42%

RN

5

5

0

0%

5

100%

0

0%

RO

8

6

0

0%

6

100%

2

33,33%

RR

0

0

0

0%

0

0%

0

0%

RS

330

298

73

24,5%

225

75,5%

32

10,74%

SC

43

33

12

36,36%

21

63,64%

10

30,3%

SE

14

11

1

9,09%

10

90,91%

3

27,27%

SP

860

790

212

26,84%

578

73,16%

70

8,86%

TO

7

6

0

0%

6

100%

1

16,67%

2353

2102

524

24,93%

1578

75,07%

251

11,94%


6

Dia do Contabilista

Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

oferecer contribuições mais efetivas à reforma tributária do que os contadores”. O deputado Amauri Teixeira (PT/BA) afirmou que os contadores “talvez sejam os profissionais que mais têm a necessidade de dominar conteúdos e conhecimentos para o exercício da profissão”, em função da profusão e da complexidade das normas brasileiras. O parlamentar baiano destacou ainda o papel funPresidente do CRCCE, Cassius Coelho; deputado federal Gean Loreiro; deputado federal Izalci Lucas; presidente Juarez Carneiro; presidente da Fenacon, Valdir Pietrobon; e deputado federal Chico Lopes damental dos contabilistas para a gestão dos recursos públicos, para a ampliação da transparência contribuição dos profissionais e dos empreendiA Câmara dos Deputados realizou Sessão das informações e para o aprofundamento da mentos contábeis, nas esferas pública e privada, Solene, no dia 30 de maio, no Plenário Ulysses democracia brasileira. para o desenvolvimento do País”. A mensagem Guimarães, para homenagear os profissionais Além de destacar a importância da Contabitambém destacou vários avanços e conquistas da e os empresários da Contabilidade. Os autores lidade para o País, o deputado Chico Lopes anunclasse contábil, como o restabelecimento legal do do requerimento de solicitação da Sessão ciou a criação, nas próximas semanas, de uma Exame de Suficiência, o processo de adoção das foram os deputados e contabilistas Arnaldo frente parlamentar específica da área contábil. Normas Internacionais de Contabilidade (IFRS), a Faria de Sá (PTB/SP), Izalci Lucas (PR/DF) e “Essa união de parlamentares irá defender os criação da Rede Nacional para a Simplificação do Chico Lopes (PCdoB/CE). nossos interesses aqui, no Congresso Nacional, Registro e da Legalização de Empresas e Negócios O Dia do Contabilista é celebrado, desde e também lá fora”, disse o deputado cearense, (Redesim) e a criação e o aperfeiçoamento do 1926, em 25 de abril; e o Dia Nacional do Emacrescentando que os contabilistas não podem Simples Nacional, entre outros. presário Contábil, recentemente criado pela Lei ficar fora das discussões da reforma tributária. As conquistas da classe, a importância da n.o 12.387/11, é festejado em 12 de janeiro.  O deputado Gean Loureiro (PMDB/SC), por educação profissional continuada e o papel A Sessão foi assistida por um grande númesua vez, ressaltou que a “a natureza e a amplipreponderante da profissão contábil para o dero de representantes das principais entidades tude da assistência, a segurança proporcionada senvolvimento brasileiro foram temas destacados contábeis brasileiras, como o Conselho Federal e o ganho em termos de planejamento e organos pronunciamentos seguintes. O deputado de Contabilidade (CFC), os Conselhos Regionais nização financeira têm tornado o contabilista Izalci Lucas ressaltou que, há séculos, a Contabide Contabilidade (CRCs), a Federação Nacional um profissional extremamente requisitado”. lidade é um instrumento em constante evolução das Empresas de Serviços Contábeis e das O parlamentar também destacou a parceria a serviço do progresso. Para ele, no momento Empresas de Assessoramento, Perícias, Inforformada pelas instituições representativas dos político-econômico atual, quando se discute uma mações e Pesquisas (Fenacon) e os Sindicatos contabilistas – entre elas o CFC, os CRCs e a reforma tributária, a participação dos profissiodas Empresas de Serviços Contábeis (Sescon/ Fenacon –, com o Congresso Nacional. nais é ainda mais importante: “Ninguém pode Sescap). Estudantes de Ciências Contábeis O deputado Francisco Escórcio (PMDB/MA) também prestigiaram a Sessão Solene. fez o discurso seguinte, enfatizando a imporA Mesa da Sessão foi composta pelos detância da Sessão Solene para fazer justiça “a putados Izalci Lucas e Chico Lopes; pelo presiuma das maiores profissões brasileiras”. dente do CFC, Juarez Domingues Carneiro; pelo O presidente da Fenacon, Valdir Pietrobon, presidente da Fenacon, Valdir Pietrobon; pelo mencionou, em seu discurso, as principais presidente do CRC do Distrito Federal, Adriano conquistas da entidade em seus 20 anos de de Andrade Marrocos; e pelo presidente do criação. Não seria possível nomear aqui tudo CRC do Ceará, Cassius Coelho. o que já conseguimos”, disse, destacando lutas A Sessão – Presidindo a Sessão, o deputado que ainda há pela frente, como a diminuição da Izalci Lucas leu a mensagem do presidente da Câcarga tributária e da burocracia brasileira.  mara, Marco Maia (PT/RS), com as congratulações “Sabemos que a classe contábil brasileira, aos profissionais e empresários contábeis. “Nesta desde a sua origem, foi animada pela busca do homenagem, a Câmara dos Deputados manifesta bem comum e movida sempre por elevado espíJuarez Carneiro profere discurso o seu respeito pelo pleno êxito da profissão e pela Foto: Robson Cesco

Foto: Robson Cesco

Sessão da Câmara dos Deputados hom


Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Dia do Contabilista

7

menageia profissionais da Contabilidade Foto: Robson Cesco

rito público, o que vem norteando as suas ações pelo princípio da legalidade”, afirmou, em seu pronunciamento na Câmara dos Deputados, o presidente do CFC, Juarez Domingues Carneiro. Depois de mencionar os principais registros históricos da organização da profissão no Brasil, ele lembrou que, recentemente, consolidando uma nova e importante meta, o Conselho Federal de Contabilidade teve atualizado o seu Decreto-Lei n.o 9.295/46, com a publicação da Lei n.o 12.249/10. Segundo Juarez Carneiro, “a Contabilidade deixou de ser uma opção para se tornar uma escolha profissional que nos leva à realização dos nossos sonhos”. Diante da realidade

atual, o presidente do CFC destacou que, mais do que nunca, hoje os profissionais da área são geradores de informações vitais para o processo de decisão das organizações que tenham foco no futuro e a visão no crescimento. “Além da inestimável contribuição para o desenvolvimento econômico do País, por meio da contabilidade privada, nós, contabilistas, no exercício natural da cidadania, jamais nos negamos a trabalhar pelo bem-estar da sociedade”, afirmou Juarez Carneiro, acrescentando que a classe está disposta a colaborar ainda muito mais. Por Maristela Girotto

Juarez: "a contabilidade deixou de ser uma opção para se tornar uma ecolha profissional

Foto: Robson Cesco

Dia do Contabilista é comemorado na Câmara Legislativa do DF

Mesa de Honra da Solenidade

Representantes da Contabilidade brasiliense participaram, na noite do dia 11 de abril, no auditório da Câmara Legislativa do Distrito Federal , de uma Sessão Solene alusiva ao Dia do Contabilista, comemorado no dia 25 de abril. Proposta pelo deputado distrital Evandro Garla (PRB/DF), a solenidade contou com a presença do deputado federal Izalci Lucas; do presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Distrito Federal (CRCDF), Adriano Marrocos; do subsecretário da Receita Federal, Francisco Otávio Moreira; do secretário de Estado, Transparência e Controle, Carlos Alencar; do subsecretário de Contabilidade Pública da STN, Gilvan da Silva Dantas; do conselheiro do CFC Miguel Ângelo; do presidente do Sescon-

DF, Francisco Cláudio Martins; e do presidente do Sindconta - DF, Marcelo José Moreira. Ao iniciar os trabalhos, o deputado Garla ressaltou a importância da Contabilidade para o País ao dizer que "a Casa presta esta justa homenagem aos profissionais que cuidam tão bem do nosso patrimônio". O presidente do CRCDF, Adriano Marrocos, fez um breve histórico sobre a profissão e disse, também, que "somos a primeira entidade de classe registrada no Distrito Federal." O conselheiro do CFC, Miguel Ângelo, que representou o presidente do CFC, Juarez Domingues Carneiro, disse que a Contabilidade "vem evoluindo" e passando por novas linguagens e adaptações, como o Sistema Público de

Escrituração Digital (SPED) e a adesão às normas internacionais de contabilidade. Ângelo lembrou-se da importância e do impacto da Lei n.o 12.249/10 para a profissão, e disse que "entre outras prerrogativas, a lei traz a volta do Exame de Suficiência, o que possibilita filtrarmos melhor os profissionais que irão atuar no mercado de trabalho".

Dia 25 de abril "Trabalhemos, pois, bem unidos, tão convencidos de nosso triunfo, que desde já consideramos o dia 25 de abril como o Dia do Contabilista Brasileiro". Esta foi a fase dita pelo senador e Patrono dos contabilistas, João Lyra, ao instituir o Dia do Contabilista durante discurso de agradecimento en homenagem recebida da classe contábil. A data foi prontamente adotada pelos contabilistas e já foi oficializada em grande número de municípios. Segundo dados do Conselho Federal de Contabilidade, existem 500 mil profissionais e 75 mil organizações contábeis em plena atividade no País. Por Fabrício Santos


8

Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

VIII ENMC

VIII Encontro Nacional

Mais de 2 mil pessoas participam do Encontro

Cerca de dois mil profissionais assistiram, na noite do dia 19 de maio, à Solenidade de Abertura do VIII Encontro Nacional da Mulher Contabilista, em Caldas Novas (GO). Para dar início aos trabalhos, o maestro João Carlos Martins executou ao piano o Hino Nacional. Em seguida, a contadora Maria Clara Cavalcante Bugarim fez o primeiro discurso da noite, agradecendo ao Conselho Federal de Contabilidade e a todos os presidentes dos Conselhos Regionais pela dedicação, carinho e esforço na realização do evento. Maria Clara lembrou com orgulho a trajetória de duas décadas de sucesso do Encontro Nacional da Mulher Contabilista. “O evento de hoje fortalece a união dos contabilistas e a continuidade da trajetória de êxito que a profissional feminina tem alcançado em que somos líderes autênticas e pioneiras idealistas. Estamos elevando o padrão da Contabilidade brasileira”, afirmou, Maria Clara. O secretário de Turismo de Caldas Novas, Ivan Garcia, que representou o prefeito Ney Gonçalves de Souza, ressaltou a importância da cidade no complexo turístico nacional e elogiou a competência das mulheres na organização de um evento de suma importância para a classe contábil. O presidente do CFC, Juarez Domingues Carneiro, disse, por sua vez, que o Encontro une a beleza, a ternura e a inteligência da mulher contabilista. Juarez Carneiro fez questão de destacar o trabalho do Sistema CFC/CRCs em realizar eventos que levam a linguagem universal da Contabilidade a todos os profissionais. “O Brasil já faz parte de um grupo seleto no meio internacional, por isso, a importância da transferência dos conhecimentos contábeis para a classe. O evento permite essa integração, tendo como base a força e profissionalismo das mulheres contabilistas”, disse Juarez Carneiro.

O presidente também revelou sua curiosidade a respeito do segredo feminino de realizar tão bem tantas coisas ao mesmo tempo. "Ainda não descobri tal segredo, mas tenho a certeza de que nós, homens, ainda temos muito o que aprender com vocês, mulheres”, concluiu o presidente do CFC. À Mesa de Honra estiveram presentes Juarez Domingues Carneiro; o secretário de Turismo de Caldas Novas, Ivan Garcia; o presidente da Fundação Brasileira de Contabilidade, José Martonio Alves Coelho; a presidente da Academia Brasileira de Ciências Contábeis e coordenadora nacional da Mulher Contabilista, Maria Clara Cavalcante Bugarim; as integrantes da Comissão Nacional da Mulher Contabilista (Celina Coutinho, Márcia Ruiz Alcazar, Marta Maria Ferreira Arakaki, Tânia Moura da Silva, Leila Márcia Elias, Maria Luzia da Silveira Rodrigues e Emília de Oliveira Furlaneto).

Palestra – Maestro João Carlos Martins

Emoção – A emoção foi, certamente, o sentimento que invadiu o ambiente e embalou o público durante a apresentação do maestro João Carlos Martins. Durante sua palestra, o maestro, por meio de uma narrativa envolvente, demonstrou que é um exemplo de superação: sua enorme capacidade de vencer as adversidades e fazer delas um estímulo para seguir em frente.

Mesa Redonda O Brasil rumo à Convergência

A Mesa Redonda, composta por Verônica Souto Maior, Sandra Campos, Ana María Elorrieta e Cláudia Costa de Albuquerque Lima, moderada por Fábio Moraes (Fucape), abordou e discutiu temas ligados à Contabilidade Pública (IPSAS), às normas internacionais de contabilidade (IFRS, sigla em inglês), às Normas de Auditoria (ISAS), e ao XBRL (padrão que serve para comunicar os dados financeiros). A conselheira do CFC Verônica Souto Maior iniciou os debates ao definir IFRS para pequenas e médias empresas. “Quero ressaltar que o conceito fiscal de IFRS não é o mesmo trazido pela norma internacional”, avisa Verônica. O objetivo principal das IFRS é dar informações sobre a posição financeira, as mudanças nessa posição e os resultados de determinada entidade, que sejam úteis aos investidores, governos, instituições financeiras no momento da tomada de decisão. Já a IFRS para PMEs é um excelente modelo de prestação de contas para entidades menores, por ser mais adaptável ao porte das operações e à estrutura societária dessas empresas. Isso deve facilitar o acesso das pequenas e médias empresas a fontes de financiamento. Já a contadora Sandra Campos fez uma abordagem sobre as Normas de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público (IPSAS), ressaltando que, “representam para o setor público o mes-


Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

VIII ENMC

9

da Mulher Contabilista mo que as IFRS representam para as empresas privadas, sendo de extrema importância que todos os profissionais conheçam a funcionalidade das IPSAS”. A presidente do Ibracon, Ana María Elorrieta, fez um retrospecto do trabalho que está sendo realizado, em parceria com o CFC, acerca das normas de auditoria (ISAS). “Essas normas são fundamentais para que os auditores possam aplicá-las”, disse Elorrieta. Outro assunto abordado pela presidente do Ibracon foi sobre a ética profissional, que ressaltou que “o bom auditor é aquele que trabalha com ética, zelo e amor pela profissão”. Para encerrar os debates a contadora Cláudia Costa de Albuquerque explicou detalhadamente como funciona o XBRL.

Empreendedorismo: a importância do profissional contábil no sucesso das organizações

Palestra - A arte da leveza

Palestra - A boa gestão fiscal e a economia lícita de tributos A jornalista e escritora Leila Ferreira fez uma brilhante reflexão sobre a gentileza que gera gentileza. Leila enfatizou as principais características de seu livro “A arte da leveza”, no qual destaca a capacidade de viver no limite das coisas e, mesmo assim, conseguir levar a vida de forma mais leve e mais elegante. O ponto alto da palestra foi quando a escritora falou sobre a importância de se recuperar a cordialidade e a delicadeza. “Os valores atuais estão nos afastando da sonhada qualidade de vida. Precisamos recuperá-los para viver melhor e mais feliz”, afirmou a jornalista.

Palestra - Técnico da Seleção Brasileira de Vôlei Feminino O painel com o deputado federal João Campos e Helen Rego, do Sebrae-Nacional, foi mediado pelo contador Adeildo Osorio de Oliveira, diretor da FBC. Durante as exposições, ficou evidenciada a capacidade de empreender do povo brasileiro, com seu meio milhão de empresas abertas anualmente, mas que, infelizmente, há uma alta de mortalidade dessas empresas ainda nos primeiros anos de vida, comprovadamente por falta de planejamento. Falou-se também do papel do contador, que é o principal, ou mesmo, o único consultor dessas empresas, e que é preciso que ele assuma seu compromisso social com a economia brasileira e desempenhe sua função de parceiro do desenvolvimento nacional.

Outro destaque da apresentação foi a abordagem do trabalho em equipe e como obter um grupo motivado em todos os momentos. Segundo José Roberto Guimarães, “motivação é a principal ferramenta em qualquer área e, principalmente, em equipes; é preciso ter maturidade e sempre tentar diminuir o individualismo.”

O técnico José Roberto Guimarães abordou temas como trabalho em equipe, planejamento e estratégias, motivação e a busca do sucesso. O técnico mostrou ao se, para trabalhar com um grupo de mulheres, é necessário ter muita sensibilidade. “para entendê-las nas entrelinhas; não deixar transparecer muito os sentimentos, afinal, mulher é muito mais emoção do que razão”, afirmou Guimarães. José Roberto ressaltou, também, as diferenças entre liderar um time masculino e um feminino. "Com as mulheres o fundamental é conhecer os comportamentos, além de ouvir mais e falar menos", afirmou o técnico.

A presidente do Centro de Estudos Avançados de Direito Tributário e Finanças Públicas do Brasil (CEAT), Mary Elbe Queiroz, ao proferir a palestra, enfatizou que o tema é de grande importância para os profissionais da Contabilidade. A boa gestão e, por consequente, a economia lícita de tributos podem levar, de forma mais eficiente para as empresas, uma redução nos seus custos.

Palestra - Gestão feminina na era da oportunidade

A presidente da rede Blue Tree Hotels, Chieko Aoki, falou sobre a crescente participação feminina no mercado de trabalho e o quanto é importante saber aproveitar o momento de oportunidades pelo qual o País está passando para consolidar o papel da mulher no crescimento socioeconômico brasileiro. Chieko fez, ainda, uma abordagem do trabalho realizado pelas mulheres japonesas. Por Fabrício Santos Danielle Rodrigues Hélia Maria Domingues Fotos: Robson Cesco


10

Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

Foto: Divulgação CFC

Programa de Voluntariado da Classe Contábil realiza seminário

Participantes do Seminário

A Comissão Gestora Nacional do Programa de Voluntariado da Classe Contábil (PVCC) realizou seminário durante o dia 10 de junho, na sede do CFC, com membros dos Comitês Operacional e de Assessoramento e com os coordenadores estaduais do Programa. Também participou do evento a vice-presidente de Administração do CFC, Silvia Mara Leite Cavalcante, responsável pela condução nacional do PVCC. O Seminário teve como objetivo discutir as ações que estão sendo realizadas e fazer o planejamento para o segundo semestre deste ano. Também constaram da pauta apresentações das ONGs Parceiros Voluntários e Ação Fome Zero, além de orientações relacionadas

a doações ao Funcriança e aos Conselhos de Alimentação Escolar (CAEs). Atualmente, com cerca de 1.800 contabilistas cadastrados, o PVCC desenvolve atividades relacionadas a cinco projetos institucionais: Gestão Eficiente da Merenda Escolar; Assistência a Organizações da Sociedade Civil (OSCs); Mobilização Social Para Doações ao Funcriança; Rede Nacional de Cidadania Fiscal; e Ações Localizadas de Voluntariado em Políticas Sociais e Comunitárias. A Comissão Gestora Nacional do PVCC passou a ter como coordenadora, a partir de abril deste ano, a conselheira do CFC Gardênia Maria Braga de Carvalho, em substituição a Pedro Gabril Kenne da Silva, vice-presidente de Relações Institucionais do Conselho Regional de Contabilidade

do Rio Grande do Sul (CRCRS), que permaneceu à frente da Comissão Nacional desde 2008, quando o PVCC foi criado pelo CFC.

O PVCC O objetivo geral do PVCC é estimular a prática da cidadania e o espírito de responsabilidade social entre os profissionais da Contabilidade, por meio da difusão do voluntariado organizado, incentivando-os a se comprometerem com questões sociais relevantes para o País. Os profissionais da Contabilidade podem se cadastrar no Programa por meio do site do CFC: http://www.cfc.org.br. Por Maristela Girotto

Assine a RBC! rbc@cfc.org.br A RBC está presente no cenário contábil há quase 100 anos!

Faça parte desta história!


Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

11

Foto: Divulgação CRCPA

Presidente do CFC recebe título de Cidadão de Belém (PA)

Presidente do CFC recebe título do vereador Adalberto Aguiar (centro)

No dia, 25 de abril, Dia do Contabilista, o presidente do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Juarez Domingues Carneiro, foi homenageado em Sessão Solene, na Câmara Municipal da capital paraense, com a entrega do título honorífico de Cidadão de Belém. "Atribuo a entrega deste título ao grande reconhecimento que a profissão contábil tem hoje no Brasil inteiro", afirmou Juarez Carneiro, lembrando que a homenagem se faz ainda mais especial por acontecer em uma data tão importante para a classe contábil. A entrega do título de Cidadão de Belém ao presidente do CFC foi proposta pelo vereador Adalberto Aguiar. Segundo ele, o projeto de lei foi aprovado por unanimidade pelos 35 vereadores da Câmara de Belém. "Esta é uma justa homenagem a uma pessoa que tem contribuído

com o desenvolvimento e com o aumento da visibilidade do nosso município e, ainda, tem se empenhado em apoiar o Conselho Regional de Contabilidade do Pará sempre que necessário", disse Aguiar. Segundo o vereador, também tem sido muito importante a presença do presidente do CFC em Belém para participar das conversações com o Governo do Estado visando assegurar apoio para a realização do 19o Congresso Brasileiro de Contabilidade (CBC). Previsto para agosto de 2012, em Belém, o 19o CBC deverá reunir cerca de seis mil contabilistas brasileiros na capital paraense. Agradecendo à concessão do título, Juarez Carneiro afirmou: "Sinto-me muito honrado em fazer parte de um povo ordeiro, trabalhador e acolhedor. Estarei habitando, não fisicamen-

19

CONGRESSO BRASILEIRO DE CONTABILIDADE 26 a 29 de agosto 2012 - Belém/Pará

DE 26 A 29 DE AGOSTO DE 2012

BELÉM | PARÁ

WWW.CONGRESSOCFC.ORG.BR

te, mas com meu coração na bela e próspera Belém. Agradeço aos parlamentares do município pela especial deferência que me concedem e aos contabilistas belenenses que integram o dinâmico CRC, pelo carinho que sempre me dispensaram". Assembleia Legislativa - Após a Sessão Solene na Câmara Municipal de Belém, Juarez Carneiro participou também de Sessão Especial Comemorativa ao Dia do Contabilista, na Assembleia Legislativa do Estado do Pará, ao lado da presidente do CRCPA, Regina Célia Vilanova, e de outros representantes da classe contábil no estado. Por Comunicação CRCPA


12

Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

CRCES comemora o Dia do Contabilista

Conselheiros do CFC participam da homenagem

O presidente do Conselho Federal de Contabilidade, Juarez Domingues Carneiro, participou, no dia 4 de maio, na sede do Conselho Regional de Contabilidade do Espírito Santo, da comemoração do Dia do Contabilista. Na oportunidade, foram inaugurados o Museu Contador Itamar Silva, a plataforma de acessibilidade, e a biblioteca virtual e lançado o Balanço Social 2010. Durante a Solenidade, foi apresentado um vídeo sobre a História da Contabilidade e a importância do Museu para os profissionais daquela região. Para o presidente do CRCES, Walter Alves Noronha, "o Dia do Contabilista, assim como a

inauguração do museu, da biblioteca e da plataforma de acessibilidade, reflete a importância que o Regional está dando para os profissionais capixabas". Já o presidente do CFC disse que o Regional está dando exemplo por agregar a responsabilidade social no dia a dia da entidade e que essas obras possuem um forte caráter social, "com isso ao incorporá-las, temos a certeza de que estamos adotando práticas que reforçam, ainda mais, a Contabilidade como fator de proteção da sociedade", afirmou Juarez Carneiro. O presidente do CFC lembrou-se do momento ímpar pelo qual passa a profissão, enfatizando que "em breve estaremos liderando o bloco contábil

na América Latina, o que significa que o Brasil será referência na Contabilidade mundial". Compuseram a Mesa de Honra a vicepresidente de Desenvolvimento Profissional do CRCES, Carla Cristina Tasso; o conselheiro do CFC, Paulo Vieira Pinto; o presidente do Sescon-ES, Jacintho Ferriguetto; e o presidente do Sindicato dos Contabilistas do Espírito Santo, Mardi Fernando Drumond. Também prestigiaram a cerimônia os conselheiros do CFC, Miguel Ângelo Martins Lara, José Augusto Costa Sobrinho, Flávio Azevedo Pinto, Rivoldo Costa Sarmento, Edson Franco de Morais e a conselheira Elizabete Coimbra Lisboa. Por Fabrício Santos Fotos: Renato Vicentini

Foto: Divulgação CRC

Governador do Pará apoia o 19o Congresso Brasileiro de Contabilidade evento. "O governador é um homem bastante sensível com relação aos acontecimentos que envolvem o crescimento da Amazônia e esse evento é Leila Elias, vice-presidente do CRCPA; Regina Célia, presidente do CRCPA; governador Simão Jatene; Juarez Carneiro; e Elys Tevania uma oportunidade para divulgar o estado e agregar valor não apenas para a classe contábil, mas para toda a O presidente do CFC, Juarez Carneiro, sociedade paraense", declarou Juarez. participou de audiência com o governador Na audiência, acompanharam o presidente do Estado, Simão Jatene, para apresentar o do CFC; a presidente do CRCPA, Regina Vilaprojeto do 19o Congresso Brasileiro de Connova; a vice-presidente de Desenvolvimento tabilidade, que será realizado na capital, em Profissional e coordenadora da Comissão agosto de 2012. Parlamentar do CRCPA, Leila Elias; e a diretora Juarez apresentou as propostas do projeto executiva do CFC, Elys Tevania. e pediu o apoio do estado na realização do

Durante sua estada em Belém, o presidente Juarez Carneiro participou de uma reunião com conselheiros do CRC, oportunidade em que foi evidenciado o planejamento que se deve adotar durante o período que antecede a realização do Congresso. Por se tratar de uma realização do CFC, que conta com o apoio do CRCPA, o presidente pediu a parceria de todos os profissionais da classe contábil paraense, ressaltando que "temos que manter essa atitude parceira cujo trabalho de todos será essencial. O sucesso deste Congresso depende da dedicação de cada profissional, que fará do Pará a capital brasileira da Contabilidade." Por Comunicação CRCPA


Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

13

Lopes de Sá recebe homenagem da classe contábil

Mesa de Honra

No dia em que completaria 84 anos de idade, Antônio Lopes de Sá recebeu uma homenagem póstuma do Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais (CRCMG) e do Conselho Federal de Contabilidade (CFC). A partir de agora, a sede do CRCMG passa a ser chamada Edifício Professor Doutor Antônio Lopes de Sá, que conta com uma placa comemorativa e um busto instalado na entrada principal do Regional. Conselheiros, autoridades, presidentes de 20 Conselhos Regionais, da Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon), do CFC, da Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC), entre outros, estiveram presentes à cerimônia. A solenidade teve início com o discurso do ex-presidente do CRCMG, Paulo Cezar Consentino, que disse que "o professor Lopes de Sá foi um digno representante da nossa categoria". Já a presidente da Abracicon, Maria Clara Cavalcante Bugarim, fez um discurso recordando-se dos inesquecíveis momentos ao lado do professor, declarando que "serei eternamente grata pelos ensinamentos deste sábio homem. Lembro-me de um evento realizado em Portugal, onde pude presenciar cerca de cinco mil profissionais aplaudirem de pé o professor Lopes de Sá". Para o presidente da FBC, José Martonio Alves Coelho, "este zeloso e ético profissional expressava palavras de carinho a todos os que o conheciam. Sem dúvida, vivemos momentos espetaculares ao lado do Mestre".

O presidente do CFC, Juarez Domingues Carneiro, por sua vez, disse que "o grande sucesso de Lopes de Sá foi apenas um reflexo do ser humano extraordinário e do cidadão exemplar que soube viver muito bem". O presidente da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas (OTOC), António Domingues de Azevedo, afirmou que todos os profissionais da Contabilidade devem lembrar-se da doutrina e dos pensamentos de Lopes de Sá. Segundo Azevedo, "o amor que ele tinha pela Contabilidade era também refletido pela vontade comum entre os dois países. A melhor forma de nos lembrar de Lopes de Sá é darmos continuidade ao seu trabalho". A pedagoga e viúva do professor, Édila Lopes de Sá, fez um discurso emocionado ao relembrar toda a trajetória do marido. Para ela, "esta solenidade reveste-se de expressiva significação, pois Lopes de Sá, pela sua irrestrita dedicação, deixa a todos os profis-

Valter Rooservett

sionais um trabalho de uma vida inteira." O presidente do CRCMG, Walter Roosevelt, fez o discurso de encerramento, proferindo de um trecho de uma das crônicas do professor: "O homem se qualifica especialmente pela inteligência, utilidade, capacidade de amar, conhecer, agir e refletir".

Maria Clara Cavalcante Bugarim

O propósito dessa homenagem a Lopes de Sá é de que ele se tornou um dos maiores profissionais da Contabilidade de que se tem notícia. Suas publicações (livros e artigos) são conhecidas em vários países da América Latina, além dos Estados Unidos, Itália, Espanha e Portugal. O professor recebeu, também, a Medalha João Lyra Tavares, considerada a maior comenda a um contador no Brasil. Compuseram também a Mesa de Honra o presidente da Academia Mineira de Ciências Contábeis, Marco Antonio Amaral Pires, e o mais novo membro da Academia (empossado no dia da homenagem), contador Luiz Fernando Coelho Lopes de Sá, neto do homenageado. Por Fabrício Santos Fotos: Eduardo Batista


14

Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

Presidente do CRCRR, Marcelo Bezerra; Juarez Carneiro; prefeito Iradilson Sampaio; José Maria Martin Mendes; e conselheiro do CFC Francisco Fernandes de Oliveira

O presidente do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Juarez Domingues Carneiro, esteve em Boa Vista (RR), nos dias 4 e 5 de maio, para tratar de temas de interesse da classe contábil do estado e participar de evento técnico. Juarez Carneiro encontrou-se com o prefeito de Boa Vista, Iradilson Sampaio, e, em seguida, participou de reunião com o governador do Estado, José de Anchieta Junior, e

com o Secretário de Estado da Fazenda, Luiz Renato Maciel de Melo. Na ocasião, foi assinado o Convênio Sefaz-CRCRR n.o 001/2011, que estabelece normas e métodos da cooperação técnica entre a Secretaria Estadual de Fazenda do Estado de Roraima e o Conselho Regional de Contabilidade do Estado (CRCRR), a serem aplicados na captação, integração, atualização, organização, sistematização, manutenção, intercâmbio e controle de informações pertinentes ao cadastro empresarial – físico ou eletrônico – e de contabilistas, profissionais liberais e escritórios de contabilidade atuantes em toda jurisdição do Estado de Roraima. Na oportunidade, o presidente do CFC participou da abertura do I Encontro de Contabilistas, Controladores e Gestores de Recursos Públicos do Estado de Roraima, evento que teve como tema "Recursos Públicos, Perspectiva e Desafios" e se destinou aos contabilistas, gestores, controladores e demais profissionais que atuam com recursos públicos. O I Encontro

Foto: Divulgação CRC

Foto: Divulgação CRC

Presidente do CFC trata de temas de interesse da classe contábil em Roraima

Presidente Juarez e Governador Anchieta

foi realizado por meio de parceria da Assembleia Legislativa de Roraima com o CRCRR. Juarez Carneiro também se reuniu com os conselheiros e o presidente do CRCRR, Marcelo Bezerra de Alencar; recebeu a visita de um grupo de alunos da Universidade Estadual de Roraima; e reuniu-se com o reitor da Universidade Estadual de Roraima, José Hamilton Gondim, para tratar de questões relacionadas à disponibilização de curso de Mestrado em Contabilidade no Estado. Comunicação CRCRR

Deputado federal Gean Loureiro toma posse na Câmara dos Deputados

Sergio Faraco, Gean Loureiro e Juarez Carneiro

Juarez Carneiro, Ideli Salvatti e Sergio Faraco

Joaquim Bezerra Filho, Dário Berger e Juarez Carneiro

Senadores, deputados, prefeitos, o vice-governador do Estado de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, e líderes de vários segmentos da sociedade catarinense participaram, no dia 3 de julho, na Câmara dos Deputados, em Brasília (DF), da Solenidade de Posse do deputado federal Gean Loureiro. O presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, ao empossar o deputado federal, disse que "toda a trajetória política do jovem parlamentar contribuirá para que os trabalhos realizados naquela Casa sejam em benefícios da sociedade e, principalmente, do povo catarinense."

No seu discurso, Gean Loureiro agradeceu a todos pela confiança nele depositada, reafirmando o seu "compromisso de ser leal ao meu partido e ao povo de Santa Catarina". Para os profissionais da Contabilidade, o jovem deputado disse que "por ser um legítimo representante dos contabilistas, assumirá o compromisso de representar os profissionais da Contabilidade de Santa Catarina e do Brasil no Congresso Nacional". Nascido em outubro de 1972, na cidade de Florianópolis, Gean Marques Loureiro alcançou seu primeiro mandato aos 19 anos de idade na eleição de 1992, por influência dos pais.

O presidente do Conselho Federal de Contabilidade, Juarez Domingues Carneiro, o conselheiro do CFC, Joaquim Bezerra Filho e o presidente do CRCSC, Sergio Faraco, prestigiaram a solenidade. Para Juarez Carneiro, "ter mais um representante de Santa Catarina no Congresso aproximará, ainda mais, a classe contábil aos parlamentares, como também promover a discussão de proposições de interesse dos profissionais da Contabilidade." Por Fabrício Santos Fotos: Fabrício Santos


Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

15

Foto: Robson Cesco

Vice-presidência de Registro realiza Reunião Nacional com CRCs

A Vice-presidência de Registro do Conselho Federal de Contabilidade (CFC) realizou em maio, a Reunião Nacional de Vice-presidentes e Chefes de Setores de Registro do Sistema CFC/CRCs. A abertura do evento, foi feita pelo vice-presidente e coordenador da Câmara de Registro do CFC, Antônio Miguel Fernandes, com a participação das conselheiras da Câmara, Luci Melita Vaz e Juliana Aparecida Soares Martins, além do conselheiro e membro da Câmara de Desenvolvimento Operacional José Odilon Faustino. "As atividades na área de Registro têm sido bastante intensas neste último ano, tanto no CFC quanto nos CRCs, em função, principalmente, da entrada em vigor da Lei n.o 12.249/10", afirmou Fernandes. Segundo o vice-presidente, a nova Lei provocou uma corrida de contabilistas aos CRCs para regularizar a situação dos registros, com a

finalidade de evitar a realização do Exame de Suficiência. Para Fernandes, a Vice-presidência de Registro do CFC é "uma caixa de ressonância dos Conselhos Regionais", uma vez que as questões que envolvem os CRCs reMesa de Honra fletem diretamente no Conselho Federal. Por isso, o vice-presidente destacou a importância da Reunião Nacional, que teve a finalidade de discutir os principais trabalhos e projetos em desenvolvimento atualmente. Participaram da Reunião mais de 60 pessoas, entre vice-presidentes e chefes dos setores de Registro dos Conselhos Regionais de Contabilidades (CRCs). Entre os temas da pauta da Reunião, constaram o andamento das comissões sobre o Termo de Transferência de Responsabilidade Técnica (TTRT) e da Carteira de Identidade Profissional, e a apresentação do Sistema de Processo Eletrônico de Registro (SPER), em fase implantação em alguns CRCs.

SPER

CFC/CRCs, o SPER tem por finalidade agilizar e dar maior eficácia e segurança ao andamento dos processos. O Sistema funciona da seguinte maneira: o contabilista interessado dá entrada na petição no Setor de Protocolo do CRC; o documento é protocolado e, no mesmo momento, é escaneado e inserido no Sistema de Processo Eletrônico de Registro, começando-se o andamento – como era feito anteriormente – agora por meio eletrônico. Com o SPER, toda a tramitação dos processos será on line, desde o encaminhamento ao Setor de Registro, passando pelo relato do Conselheiro Relator até a deliberação pela Câmara de Registro do CRC e a homologação pelo Plenário do Regional. Em caso de recurso, o processo será enviado, também por meio eletrônico, ao CFC. Para o desenvolvimento do SPER, o CFC instituiu uma comissão, que realizou, em fevereiro passado, um treinamento prático com a finalidade de colocar o Sistema em teste em alguns Conselhos Regionais. A partir deste mês, o Sistema deverá ser disponibilizado para teste em todos os CRCs e, em julho, entrará em pleno funcionamento. Por Maristela Girotto

Ferramenta eletrônica para tramitação e julgamento dos processos de Registro do Sistema

Melhores do mundo em Auditoria Interna são brasileiros

A entidade que atesta internacionalmente profissionais de Auditoria Interna – The Institute of Internal Auditor (IIA) – concedeu medalha de ouro a Igor Estrada Gouvêa e a de prata para Henrique Gonçalves de Carvalho. Os dois profissionais superaram cerca de 90 mil candidatos de 151 nações. O Certified Iternal Auditors (CIA) é a mais importante certificação internacional de um auditor interno. Trata-se de uma qualificação exigida por quase todas as empresas no mundo, que somente é obtida após concluir quatro provas complexas. Uma vez conquistado o título, o auditor interno necessitará realizar cursos de capacitação e reciclagem todos os anos, a fim de manter o documento válido."Esta dupla conquista é um marco

histórico na carreira do Auditor Interno no Brasil. O desempenho dos dois representa a comprovação de que nossos profissionais estão investindo em capacitação e se tornando competitivos, aptos a atuar em qualquer organização global", comenta Oswaldo Basile, presidente do Instituto dos Auditores Internos do Brasil.

Premiados A notícia foi uma enorme surpresa para Igor Gouvêa, que atua na área há oito anos e atualmente é gerente de compliance da Socopa Corretora Paulista. Segundo o auditor, de apenas 30 anos de idade, ao concluir as quatro provas, o IIA avisa ao candidato se ele obteve, ou não, o certificado,

mas não divulga a posição exata. "Eu sabia que havia passado bem e que talvez estivesse entre os melhores do Brasil, mas nunca como o primeiro do mundo, superando candidatos de países renomados, como EUA e Suíça", comemora Gouvêa. Já Henrique Carvalho, de apenas 25 anos, atua como auditor interno na Neoenergia, em Pernambuco, e também se mostrou surpreso. "O importante é colocar uma meta no ano e fazer de tudo para cumpri-la. A premiação foi uma grata surpresa e tenho certeza de que ela valorizará meu currículo e contribuirá para meu desenvolvimento profissional", prevê Carvalho. Por Fabrício Santos


16

Jornal do CFC - ABRIL/MAIO/JUNHO 2011

Notícias Contábeis

Vitória recebe a V edição da Anpcont

Aridelmo Texeira; Walter Noronha, Ilse Maria Beuren, Edgar Cornachione e Jorge Katsumi

Cerca de 250 pessoas – entre mestres, pós-graduados e doutores em contabilidade, participaram da solenidade de abertura do V Congresso da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Ciências Contábeis (Anpcont), em Vitória (ES), no dia 20 de junho. Com o lema "Contabilidade e desempenho no novo ciclo de desempenho", o evento apresentou uma programação técnica de qualidade para mestres e doutores ligados à Contabilidade. A presidente da Anpcont, Ilse Maria Beuren, disse que o eventoem sua quinta edição, "já se consolidou nos programas de pós-graduação existentes no País". Ilse fez um histórico sobre todas as edições realizadas, ressaltando que "temos um longo caminho a percorrer, mas temos a certeza de que estamos no caminho certo". O presidente do Conselho Regional do Espírito Santo (CRCES), Walter Noronha, que representou o presidente do Conselho Federal de Contabilidade, Juarez Carneiro, disse que a realização do evento "estimula, viabiliza e oportuniza a divulgação de trabalhos científicos. A atualização técnico-científica torna-se, dia após dia, fator imprescindível à credibilidade e à valorização do profissional contábil".

Walter Noronha

A Anpcont tem por objetivo atuar na área de educação, congregando e representando as instituições brasileiras que mantêm cursos de Mestrado e/ou Doutorado em Ciências Contábeis. Nesta quinta edição, a organização do Congresso recebeu 302 trabalhos técnicos, dos quais 95 desses foram recomendados para publicação por suas qualidades científicas. Segundo dados da Associação, existem no país 2.381 mestres e 191 doutores titulados em Contabilidade. A Mesa de Honra da solenidade foi composta pela presidente da Anpcont, Ilse Maria Beuren; pelo diretor-científico, Edgard Cornachione; pelo diretor-administrativo, Jorge Katsumi; pelo coordenador do Programa, Aridelmo Teixeira; e pelo presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Espírito Santo, Walter Noronha. O Congresso da Anpcont aconteceu nos dias 20, 21 e 22 de junho, em Vitória (ES), no hotel Golden Tulip.

Palestra de abertura A primeira palestra do evento, intitulada Publishing in internacional journals, foi proferida por Salvador Carmona – profissional de renome internacional que analisa a qualidade de artigos oriundos de várias partes do mundo. C a r m o n a fe z u m a explanação sobre os prós e contras para a publicação de um artigo especializado em jornais internacionais, comentando que "um artigo perfeito deve primar pela qualidade da escrita, concisão e principalmente, pelo tema escolhido".

Ainda, segundo Carmona, "é bom lembrar que os revisores dos artigos, ou seja, o corpo editorial que analisa os documentos, deve comunicar os autores sobre a qualidade do trabalho que foi desenvolvido, primando pelo profissionalismo sem faltar com a ética."

Ilse Beuren

Mais informações sobre a Anpcont podem ser obtidas pelo site www.anpcont.com.br. Por Fabrício Santos Fotos: Fabrício Santos

Participantes do evento


Jornal CFC nº 108