Page 1

Ano I | N° 4 | Fevereiro | 2017

Unica, Facil, Util e Expresso Recreio

Ivete

Sangalo ESTRELA DO CARNAVAL BAIANO VAI BRILHAR NA SAPUCAÍ COMO ENREDO DA GRANDE RIO


Centro Histórico Avenida Ipiranga, 524 (24) 2237-6401 De quarta a domingo

A qualidade e os sabores de Itaipava, agora no Centro Histórico de Petrópolis

L ente A zul | Fotos Sarah Mantovani

clubedofilet.com.br

Itaipava Estr. União e Indústria, 9.153 (Granja Brasil) (24) 2232-1213 De quinta a domingo

Conheça também nossos pratos executivos (disponíveis apenas no Centro Histórico) avalie no

Salmão de Coentrada (salmão grelhado com pesto de coentro, servido com jardineira de legumes)

4

|

Fevereiro 2017


Filet The Place (ao molho madeira, com passas brancas, bacon e amêndoas torradas) Tradição do filet com casquinha crocante e macio por dentro

Roast Beef (cortes de filet mignon em crosta, ao molho de ervas finas)

Fevereiro 2017

|

5


A linha que faz o trajeto Petrópolis x Rio, tendo como ponto final o Terminal Alvorada, agora poderá fazer conexão com a SV2333 da Expresso Recreio operada pelo Moov.

Seu ônibus mais seguro, rápido e eficiente.

Um aplicativo que permite a compra

crédito. O Moov transporta apenas

antecipada de passagens para ônibus

usuários

executivo, onde o passageiro agenda a

aplicativo,

data/hora de sua viagem, escolhe o

segurança dos passageiros e diminuin-

ponto de embarque e desembarque e o

do o tempo de viagem, uma vez que o

assento, tudo isso em poucos cliques

ônibus acaba fazendo menos paradas

no celular. Os pagamentos podem ser

durante o percurso.

feitos via Rio card, dinheiro e cartão de

Baixe o app e comece já! DISPONÍVEL NA

6

|

Fevereiro 2017

Disponível na

que

tenham

aumentando

cadastro

no

assim

a


Alexandre Macieira | Riotur

22 Fevereiro | 2017 Unica, Facil, Util e Expresso Recreio

Divulgação

Sarah Mantovani

Sumário

46 40

10 CERVEJARIA BOHEMIA 16 NA ONDA DO SURF 20 AGENDA DO FOLIÃO 22 IVETE SANGALO 26 RAINHAS DO CARNAVAL 30 ESCOLAS DE SAMBA 35 BLOCOS DE RUA 40 GIOVANNA ANTONELLI 46 JOÃO UCHÔA 52 AGENDA CULTURAL 66 Unica-FACIL


Escolha o seu

destino UNICA FACIL

UTIL

Expresso Recreio

unica-facil.com.br

util.com.br

expressorecreio.com.br

Principais Destinos

Principais Destinos

Linhas Urbanas Executivas

Petrópolis, Niterói, Juiz de Fora, Cabo Frio, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Itaipava e Rio de Janeiro (Rodoviária, Castelo, Madureira, Campo Grande, Cidade Universitária e Barra da Tijuca).

Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Juiz de Fora, Brasília e Campinas. Rio de Janeiro

Cabo Frio, Macaé, Miguel Pereira, Paty de Alferes, Arcozelo, Vassouras, Valença, Conservatória, Barra do Piraí, Mendes, Paulo de Frontin, Paracambi e Angra dos Reis.

Minas Gerais

Matias Barbosa, Mar de Espanha, Bicas, São João Nepomuceno, Carandaí, São João Del Rei, Barbacena, Santos Dumont, Conselheiro Lafaiete, Mariana, Itabirito, Congonhas, Ouro Preto, Contagem e Paracatu. São Paulo Ubatuba, Caraguatatuba, São Sebastião, Mogi das Cruzes, Santos, Praia Grande e Ribeirão Pires.

Fale Conosco

0800 886 1000 Compra de passagens direto nos sites das empresas

8

|

Fevereiro 2017

Recreio, Barra da Tijuca, Castelo, Barra de Guaratiba, Campo Grande, Santa Cruz e Itaguaí.


Direção Castor castor@debordo.com.br (21) 9.8100-4121 Editor Márcio Gomes editor@debordo.com.br Direção de Arte Gerson Tavares arte@debordo.com

editorial Caro Viajante A deBORDO chega à sua primeira edição de Carnaval com muita informação para quem deseja aproveitar o que há de melhor na folia carioca. O que não falta é criatividade e opção. Confira, nesta edição, a Agenda do Folião, que traz tudo sobre os

Redação Guilherme Simão e Juliana Fernandes

desfiles dos blocos e bandas de rua que invadem as Avenidas da

Revisão Aline Mello

é um dos mais animados, democráticos, e o melhor: não precisa

Publicidade R. Gimenez & Associados Ltda. Direção: Ricardo Gimenez (21) 9.9007-7974 rgimenez@debordo.com.br

Já Ivete Sangalo, homenageada como enredo da Grande Rio e a

Zona Sul, Centro e Subúrbio da cidade. Afinal, o Carnaval de rua pagar para se divertir.

estrela da capa da deBORDO, promete fazer a Sapucaí tremer no desfile de domingo. Na conversa com a nossa reportagem, ela

Produção / Financeiro Bioschannel Produções Direção: Luiz Carlos (21) 9.8261-6319 luizcarlos@debordo.com.br

não escondeu a emoção ao saber que terá sua vida contada na

Fotografia Sarah Mantovani

João Uchôa. Responsável por realizar projetos grandiosos como

Agradecimento especial Regina Peixoto e Mirian Fonseca

do hotel Grand Meliá, o simpático arquiteto mostrou que é ‘o cara’

debordo.com.br (24) 2221-0052 Agenda CNPJ 14.947.435/0001-52 contato@debordo.com.br Petrópolis – Rio de Janeiro – Brasil

Passarela do Samba. Além do Carnaval, outra novidade imperdível é o encontro com os palcos Mundo e Sunset, para o Rock in Rio e o novo Rooftop quando o assunto é arquitetura, com muita história para contar. Não deixe de dar uma conferida no bate-papo com Giovanna Antonelli. A atriz, protagonista da trama de “Sol Nascente”, novela das 18 horas, garante que passou sem crises pelos 40 anos.

Tiragem: 15.000 exemplares Impressão: WalPrint Distribuição Gratuita

Para quem não deseja embarcar na folia de Momo, uma boa

Jornalista responsável: Maria Regina Peixoto Pereira MTb/RJ 18506

bordo do Surf Bus. O prazer e visual são garantidos.

alternativa é dar uma passada no Museu do Surf e conhecer a história do esporte ou se aventurar pelas praias da cidade a

Curta o Carnaval, mas com precaução. Não se esqueça! Comentários e sugestões redacao@debordo.com.br

Márcio Gomes, editor

PARA ANUNCIAR: PUBLICIDADE@DEBORDO.COM.BR (24) 2221-0052 Fevereiro 2017

|

9


Sarah Mantovani

CERVEJARIA BOHEMIA

A PRIMEIRA DO BRASIL Há mais de 150 anos na cidade colonizada por imigrantes alemães, surgiu uma pequena fábrica de cerveja, que até hoje oferece produtos diferenciados, além de um prédio histórico cheio de atrativos. A visita vale a pena. Texto: Juliana Fernandes

10

|

Fevereiro 2017


M

TURISMO

ais antiga cervejaria do país, a Bohemia foi criada em Petrópolis, em 1853, por Henrique Leiden, apenas 10 anos após a fundação da cidade. A então chamada Imperial Fábrica de Cerveja Nacional começou sua expansão cerca de 10 anos depois, ao passar às mãos de Henrique Kremer e sua família, e acabou rebatizada, em 1898, com o nome que mantém até hoje: Cervejaria Bohemia. Ali eram produzidas as cervejas Viena, Quitandinha, Bohemia, Petrópolis, Bock Malte e Bola Preta, além de chope claro e escuro e de refrigerantes. Da instalação aos dias de hoje, muita coisa aconteceu, e a história que se desenrolou teve lances surpreendentes. A pequena cervejaria, que começou produzindo uma bebida com características alemãs - mais escura, encorpada e amarga - mudou, cresceu e ganhou reconhecimento no Brasil.

Tour Cervejeiro - Essência de Bohemia

Tour Cervejeiro

Fevereiro 2017

|

11


Sarah Mantovani

Entretanto, no final dos anos 90, fechou as portas da antiga fábrica na cidade, no que parecia o fim da história da Cervejaria Bohemia em Petrópolis. Mas a história reservava um novo capítulo, e trouxe surpresas 14 anos depois. O antigo prédio de tijolinhos, revitalizado, reabriu as portas, enriquecido por novos atrativos. E ganhou um interessantíssimo museu da cerveja semelhante ao famoso museu de Amsterdã, na Holanda.

Um programa imperdível No coração do Centro Histórico de Petrópolis, a fábrica da Bohemia remete o visitante a um passeio no tempo, através de um programa que oferece diferentes prazeres. Começa pelo tour no Museu da Cerveja, onde telas interativas, painéis e vídeos desvendam toda a história da bebida, desde suas origens na Pré-História, e oferecem detalhes sobre a indústria cervejeira no Brasil e no mundo.

Cave Empório Bohemia

12

|

Fevereiro 2017

Depois de percorrer os milênios de história ali contada, o tour continua, então, através da fábrica, onde poderá ser visto todo o processo de produção, com direito às explicações do mestre-cervejeiro e a degustações, que incluem a bebida recémproduzida e um dos tipos especiais de cerveja ali fabricados.


TURISMO Nessa viagem é possível entender o processo de produção e conhecer melhor os ingredientes. Há até receitas de algumas das principais cervejas fabricadas pela Bohemia. Desde 2012, esse tour já atraiu mais de 350 mil visitantes. Pelos corredores do prédio da primeira cervejaria do país, que mantém todas suas características originais, você ainda vai perceber algumas relíquias preservadas entre o século XIX e XXI, como o Chrysler 1929 utilizado como transporte pela indústria para escoar a produção.

Outras surpresas Mas as experiências a serem vividas em uma visita à Cervejaria Bohemia não se acabam no tour. Há mais para conhecer e degustar. No amplo e elegante restaurante, no 2º andar, o visitante poderá encontrar pratos inspirados na história da cidade, e uma extensa carta de cervejas com os mais de 10 rótulos de Bohemia disponíveis, além de outros líquidos premiados. No bar, há réguas de degustação harmonizadas para quem desejar conhecer as particularidades dos estilos. E ainda há no prédio a Empório Cave, espaço

Restaurante Bohemia Loja Empório Cave

Fevereiro 2017

|

13


TURISMO onde os amantes de cervejas premiadas em edições limitadas encontram exemplares que são envelhecidos em barris para atingir seu potencial máximo de sabor, como a Bohemia Reserva, e a loja com produtos exclusivos. Você acha que acabou? Pois tem, ainda, um espaço com produtos de Petrópolis. É possível encontrar cervejas da Buda Beer, geleias de Mr. Paul e chocolates do Katz, por exemplo. “A Cervejaria Bohemia enriqueceu a vida cultural e social da cidade de Petrópolis, tornando-se um ponto de atração para os moradores, turistas nacionais e internacionais” declara Raphael Rizzo, gerente do complexo da Cervejaria Bohemia. “O complexo fortalece a cultura cervejeira da Cidade Imperial, além de possibilitar mais conhecimento histórico, de ritos e mitos da bebida no Brasil. É um centro de experiência cervejeiro inédito no país”, frisa. Eleita a novidade do ano 2013 pelo Guia Quatro Rodas, a Cervejaria Bohemia recebeu também o Certificado de Excelência do TripAdvisor. Hoje, está entre as cervejarias da região presentes na Rota Cervejeira, movimento que vem fortalecendo o turismo na Região Serrana e fomentando a produção de cerveja artesanal no Estado.

informações Rua Alfredo Pachá, 166 – Centro histórico (24) 2020-9050 / bohemia.com.br Horários de funcionamento: Tour Cervejeiro Terças a Quintas: 13h às 17h Sextas: 10h às 17h Sábados e Feriados: 10h às 18h30 Domingos: 10h às 17h30 Restaurante Terças e Quartas: 12h às 16h Quintas, Sábados e Feriados: 12h às 23h30 Sextas: 11h às 23h30 Domingos: 12h às 16h Empório Cave Terças a Quintas: 12h30 às 19h Sextas: 10h às 19h Sábados e Feriados: 10h às 20h Domingos: 10h às 19h Bar Terças a Sextas: 16h às 23h30 Sábados e Feriados: 11h às 23h30 Domingos: 11h às 21h Sarah Mantovani

14

|

Fevereiro 2017


Fevereiro 2017

|

15


VERÃO

Na onda do surfe Atrações imperdíveis para quem gosta do esporte, o Museu do Surf e o Surf Bus Beach são opções de entretenimento e lazer no mês do Carnaval. Texto: Guilherme Simão

A

provado como esporte olímpico para a próxima edição dos Jogos de Tóquio (Japão), em 2020, o surfe continua em alta no Rio de Janeiro. Embalado pelo sucesso de uma geração talentosa como a de Gabriel Medina, campeão mundial de surfe da ASP World Tour, de 2014, o AquaRio traz a exposição Museu do Surf by Rico, que reúne um acervo de fotos e

16

|

Fevereiro 2017

pranchas históricas de Rico de Souza, considerado embaixador da modalidade no Brasil. “As pessoas que passam pelo AquaRio buscam conhecer a vida marinha e se aproximar desse mundo. E ao terminarem a visitação, antes da saída, têm a oportunidade de conhecer o Museu do Surf com suas curiosidades e histórias sobre o esporte”, explica Rico.


Alexandre Macieira

Na mostra, que tem como objetivo apresentar uma sequência cronológica da evolução da modalidade, é possível fazer uma viagem no tempo e descobrir relíquias do esporte como a primeira prancha usada por Rico, de madeirite, feita numa marcenaria no Arpoador, em 1964. “Estou satisfeito com a parceria com o AquaRio. Quero trazer a cultura do surfe para o público, até para os que não praticam o esporte”, diz. Outro ponto alto fica por conta da exposição das pranchas usadas pelos primeiros campeões mundiais do Brasil, Gabriel Medina (2014) e Adriano de Souza, o Mineirinho (2015). “O impacto do título deles foi muito importante. Antes, a gente só conseguia informações sobre o esporte com a mídia especializada. Hoje a grande mídia acompanha campeonatos, apresenta etapas e resultados. Essa nova safra tem ajudado na divulgação do surfe pelo país”, explica.

Alexandre Macieira

Alexandre Macieira

Marcio Irala

Fevereiro 2017

|

17


Marcio Irala

VERÃO

Hoje, Rico administra um quiosque na Praia da Macumba e o site Rico Surf, no qual faz boletins e comentários sobre as condições das praias do Rio. Nascido em uma família de classe média, no bairro do Leblon, ele chegou a cursar a faculdade de Direito, mas a vocação para o esporte falou mais alto: aos 18 anos, conquistou o primeiro dos seus três títulos brasileiros (1969, 1972 e 1973).

Pé na estrada e boas ondas Outro programão para quem deseja conhecer de perto as melhores praias cariocas é o serviço do Surf Bus Beach Tour. Com uma viagem diferente, prazerosa, no melhor estilo informal dos surfistas, é possível percorrer boa parte da orla da cidade com conforto e segurança. ”O Surf Bus é um projeto inédito, não existe no mundo nada similar”, diz Antonio Carlos Guanabara, surfista e idealizador do projeto. Uma mão na roda para quem deseja conhecer as praias mais distantes da cidade, o Surf Bus transporta até 50 pranchas por viagem. Ele passa todos os dias pelas orlas de Botafogo, Copacabana, Ipanema, Leblon, São Conrado, Divulgação

18

|

Fevereiro 2017


Divulgação

Barra da Tijuca, Reserva, Recreio, Macumba e Mirante da Prainha. “Sou surfista, voador de asa-delta, um apaixonado pelo Rio de Janeiro. Criei um serviço diferenciado para atender a cidade, incluindo moradores, turistas nacionais e internacionais, e praticantes dos esportes do mar”, conta. A passagem custa 10 reais por trecho e o serviço é destinado para turistas e banhistas, que podem consultar um guia atendente - em três idiomas para orientações sobre a viagem e os itinerários. O ônibus estilizado é equipado com TV LCD de 32 polegadas, com som ambiente e ventilador. Divulgação

O passageiro pode embarcar no Surf Bus em qualquer ponto do itinerário das praias e deve combinar com o atendente o horário da volta.

informações Museu do Surf by Rico no AquaRio (Via Binário do Porto, 194, Gamboa) | (21) 3613-0700 | Diariamente, das 10h às 18h (entrada no circuito até as17h) | R$80 / R$40 e R$60 / R$30 (promoção para moradores e pessoas nascidas no Estado do Rio de Janeiro) | Livre | Site: aquariomarinhodorio.com.br Surf Bus Beach Tour| Reservas pelo telefone (21) 9 9799-5039 | Diariamente | Saídas do Largo do Machado às 7h, às 10h e às 14h e volta do Mirante da Prainha às 8h30h, às 12h30 e às 16h | R$10 (ida) e R$20 (ida e volta) Site: surfbus.com.br

Fevereiro 2017

|

19


20

|

Fevereiro 2017


Raphael David | Riotur

Especial Carnaval

Agenda do Folião

Texto: Márcio Gomes

C

hegou, enfim, a comemoração mais esperada na Cidade Maravilhosa: o Carnaval. Maior espetáculo da terra, a festa da folia carioca atrai os holofotes e chama a atenção do mundo para o Rio de Janeiro. São milhares de turistas de todos os países e estados brasileiros. A festa da alegria e da irreverência faz a cidade fervilhar, com uma energia contagiante, típica do carioca, nas ruas, nos bares, nas casas de show, nos salões de dança, nas quadras das escolas de samba e, principalmente, no espaço mais valorizado da folia: a Marquês de Sapucaí. É lá, na Passarela do Samba, que o espetáculo de luzes e cores acontece e emociona arquibancadas, frisas, camarotes e quem assiste pela TV. O desfile das escolas de samba, realmente, é um espetáculo à parte. É impossível não se emocionar com a coreografia da comissão de frente, arregalar os olhos para a criatividade das fantasias e o luxo dos carros alegóricos. E como não se comover com a ala das baianas, tradição das escolas, em plena Marquês de Sapucaí, templo da folia? Mas o Carnaval não é somente o desfile das escolas de samba. Acolhedora, colorida e democrática, a folia carioca presenteia moradores e turistas com inúmeras opções de lazer e diversão, que são capazes de atender a todos os perfis. Aqui valem das sofisticadas, que procuram os grandes e luxuosos bailes de salão e os camarotes do Sambódromo, aos mais informais, os que gostam de cair no trinômio samba-suor-e-cerveja, misturados à multidão que dança pelas ruas atrás de blocos e bandas. Para ajudar você a viver dias de sonho e alegria, trazemos informações valiosas sobre os eventos mais importantes do Carnaval carioca. Programese, arme-se de muita disposição e não se esqueça de todos os cuidados para manter a saúde e a alegria durante e depois do Carnaval. Divirta-se! Dezembro Fevereiro 2017 2016

|

21


Especial Carnaval

Ivete Sangalo:

Axé e Samba na Sapucaí Estreante na Marquês de Sapucaí, Ivete Sangalo é enredo da Acadêmicos do Grande Rio e promete colocar o Sambódromo para ferver. Alexandre Macieira | Riotur

22

|

Fevereiro 2017


S

em dúvida, Ivete Sangalo, hoje, é a personalidade mais popular no mundo do entretenimento nacional. Literalmente do povão, a cantora baiana usa a irreverência e simplicidade como suas marcas pessoais. E é difícil não se render aos encantos dessa baiana porreta, que este ano é o enredo da Acadêmicos do Grande Rio. Sim, Ivete vai ver toda a sua vida contada entre alas, fantasias, adereços e no samba-enredo. Não vai faltar emoção. Acostumada a subir aos palcos ou em trios elétricos, dessa vez, ela não esconde a ansiedade. “Acho que estou preparada para pisar na Marquês de Sapucaí e receber essa linda homenagem. Mas é muita emoção e não sei como será na hora!”, dispara.

A homenagem da escola de Duque de Caxias vem num momento especial. Mãe de Marcelo, de sete anos, e casada há nove com o nutricionista Daniel Cady, e ainda no auge da carreira, a baiana tem convicção que histórias não faltaram para compor o enredo. Ivete saiu de Juazeiro, foi para Salvador e ganhou o mundo. “Sou homenageada no ápice da minha carreira, num momento de muita alegria, de coisas especiais acontecendo. Ver contada a minha história e a de Juazeiro, de onde venho, com esse comprometimento todo, dá prazer. Estou envaidecida e emocionada. É uma alegria saber que meu filho e minha família vão viver e ver tudo isso”, diz a cantora. Divulgação

Divulgação

Fevereiro 2017

|

23


Divulgação

Divulgação

Avessa a rótulos, Ivete quer é se divertir. Ela vai cair no samba e promete incendiar as arquibancadas, isso já no Setor 1, famoso por ser o esquenta das agremiações no Sambódromo. Poder para isso tem. “Muitos dizem que será uma loucura, mas é um movimento de amor. É tão bom que a última coisa que vou pensar na hora é no cansaço. Estou preparada”, conta. E como não poderia deixar de ser, a baiana participou intensamente do Carnaval da escola. Com o samba na ponta da língua, esteve em contato direto com a comunidade e, hoje, sentese em casa. “Desde o início, eu quis estar presente ajudar em tudo, quis contar a minha história. Fui aos ensaios, gravei com eles. Fugi do script, do que está estabelecido. Mas saber que uma escola de samba do Rio de Janeiro me homenageará e que tenho toda uma comunidade dedicada para esse momento, deixa-me palpitante!”, revela.  

Exigências? Que nada!

Sem estrelismo, Ivete nem quis saber de fazer cobranças para participar do Carnaval da Grande Rio. “Toda a espontaneidade deve ser preservada. Falar que eu vou ser homenageada e começar a criar critério, isso é ser muito sem noção. Na hora, quando soube que o enredo da escola contaria a minha vida, fiquei sem acreditar. Pensei: ‘Meu Deus, mais uma graça que me concede, tudo tão especial’. Agradeço muito”, diz.  

24

|

Fevereiro 2017


Especial Carnaval Ironia ou não do destino, ela relembra que perto dos seus 13 ou 14 anos não podia sozinha curtir o Carnaval da Bahia. A solução era ficar em casa com os pais assistindo aos desfiles das escolas de samba, um programa que adorava. “E agora sou a homenageada na Sapucaí! Em casa, painho não me deixava ir para o Carnaval de Salvador. Só se eu fosse acompanhada dele ou de 80 irmãos. Eu sou a caçula da casa. E ficávamos em casa vendo as escolas de samba eu, ele e mainha, enquanto meus irmãos saíam. Eu tenho uma memória afetiva com isso. Era o que não me deixava triste por não curtir junto com os meus irmãos uma festa de adulto”, relembra. Para aguentar mais de uma hora de desfile, ela dá a receita: “Eu nunca paro porque o meu show pede muita preparação física. Sou uma cantora movida a energia vital, sem aditivos. E me preparo o ano inteiro. Tenho uma equipe que trabalha comigo para garantir meu descanso e que tudo saia a contento. É uma maratona, mas que meu corpo já reconhece. O Carnaval já me deixa inebriada, mas vai ser complicado dormir nestes dias”, garante.    Sem dar muitos detalhes da fantasia, que será leve e terá um contexto dentro do enredo, Ivete Sangalo garante que a festa que pretende fazer na Marquês de Sapucaí será inesquecível. “Nos últimos tempos, eu tenho recebido homenagens lindas. A da Grande Rio é um sonho. E tenho certeza que vai ser para a vida inteira”, finaliza. O Divulgação

Manu Scarpa

Fevereiro 2017

|

25


Especial Carnaval

Rainhas do Carnaval Elas são um espetáculo à parte no Carnaval. Donas de corpos sarados, pernas torneadas e com muito samba no pé, as rainhas das escolas de samba comandam a festa da folia com maestria. À frente de suas baterias, elas dão um show de graça e beleza em plena Marquês de Sapucaí. E fazem a alegria do público, sendo ovacionadas já no Setor 1.

Juliana Alves Unidos da Tijuca

Divulgação

E

m mais um ano à frente da bateria da Unidos da Tijuca, Juliana Alves está pronta para brilhar no desfile da escola, que traz para a Marquês de Sapucaí o enredo “Música na Alma, Inspiração de uma Nação”. Para fazer bonito, a atriz intensificou a preparação física, em especial os treinos aeróbicos, para atravessar o Sambódromo sem cansar e dar show no desfile da escola tijucana.

26

|

Fevereiro 2017


Milena Nogueira Império Serrano

Divulgação

R

ainha de bateria da Império Serrano e musa do Salgueiro, Milena Nogueira é experiente no posto: ocupou o reinado em escolas como Águia de Ouro e Caprichosos de Pilares. Para o desfile da escola verde e branco, de Madureira, a mulher do cantor Diogo Nogueira aumentou o ritmo dos exercícios de musculação e das aulas de dança, tudo para ter um bom condicionamento físico para o Carnaval.

Fevereiro 2017

|

27


Especial Carnaval

Sabrina Satto Vila Isabel

Divulgação

A

bsoluta no posto de rainha de bateria da Vila Isabel desde 2011, Sabrina Sato é outra veterana que vai pisar na Avenida do Samba. Com muita garra e sempre inovando nas fantasias, para este ano a apresentadora gostaria de representar uma cantora, já que o tema do Carnaval da escola é “O Som da Cor”.

28

|

Fevereiro 2017


Viviane Araújo Salgueiro

Divulgação

H

á 10 anos desfilando pelo Salgueiro e pronta para incendiar a Passarela do Samba junto com a bateria Furiosa, nome como são conhecidos os ritmistas do Salgueiro, Viviane Araújo vai em busca de seu segundo título pela escola vermelho e branco. O primeiro campeonato com a agremiação foi em 2009. Agora ela se prepara para fazer bonito e ganhar mais um Carnaval com a escola da Tijuca, que traz como enredo “A Divina Comédia do Carnaval”.

Fevereiro 2017

|

29


Especial Carnaval

Desfiles das Escolas de Samba do Rio Gabriel Santos | Riotur

30

|

Fevereiro 2017


Fernando Grilli | Riotur

Fernando Grilli | Riotur

É

na Marquês de Sapucaí que acontece o maior e mais bonito espetáculo da terra, o Carnaval carioca. São 100 mil foliões desfilando pela Marquês de Sapucaí ao longo de cinco noites, e com a arquibancada concentrando o dobro de pessoas que se vê no nos desfiles, torcendo por sua escola favorita, caindo no samba, com alegria e irreverência, que é a marca da festa no Rio. Mas é no domingo e na segunda de Carnaval – os dias mais concorridos por concentrar as escolas de samba do grupo especial – que o show de luzes e cor ganha espaço e a festa chega ao seu ápice. Ao todo, 12 escolas, seis para cada dia, disputam o título de a grande campeã. A briga é acirrada. Às vezes, centésimos fazem a diferença. É mágico o que se vê no Sambódromo. Figurinos lindos, carros alegóricos espetaculares e bateria, que sacode a Marquês de Sapucaí. Isso sem falar na beleza e plasticidade das comissões de frente e no bailar do casal de mestresala e porta-bandeira. E os passistas, esses sim, são um capítulo à parte, superam-se a cada ano.

Fevereiro 2017

|

31


Gabriel Santos | Riotur

Fernando Grilli | Riotur

Mas nas noites de sexta e sábado são as escolas do Grupo A que tomam conta da Avenida. Muitas já foram vencedoras de outros carnavais, disputando o retorno ao grupo Especial. A maratona do samba na Sapucaí termina na terça-feira, com os desfiles das escolas mirins, que tem entrada franca. É incrível ver como o samba, a musicalidade desses mais jovens é forte. Eles também fazem bonito e mostram intimidade com o mundo do chocalho, pandeiro e do repique. Os preços dos ingressos dependem do setor e tipo de lugar escolhido: camarotes, frisas, cadeiras numeradas ou arquibancadas. Mais informações, com os organizadores, Riotur (21 2088-8000 / 2298-7890) e LIESA - Liga Independente das Escolas de Samba: (21 2233-8151 ouliesa.com.br). ​ ​

32

|

Fevereiro 2017


Desfiles do Grupo Especial

Gabriel Santos | Riotur

Especial Carnaval

Domingo, 26 de fevereiro: 22h – Paraíso do Tuiti; 23h05 – Grande Rio; 0h10 – Imperatriz; 01h15 – Vila Isabel; 02h20 – Salgueiro; 03h25 – Beija-Flor

Segunda-feira, 27 de fevereiro: 22h – União da Ilha do Governador; 23h05 – São Clemente; 0h10 – Mocidade; 01h15 – Unidos da Tijuca; 02h20 – Portela; 03h25 – Mangueira

Desfiles das Campeãs, 04 de março: 21h – sexto lugar; 22h05 – quinto lugar; 23h10 – quarto lugar; 0h15 – terceiro lugar; 01h20 – vicecampeã; 02h25 – campeã

CD Sambas DE Enredo 2017 Atual campeã, Mangueira, abre os trabalhos cantando a religiosidade do brasileiro, com o tema “Só com a Ajuda do Santo”. Outro grande colecionador de campeonato, o Salgueiro, chega para animar o Sambódromo cantando o enredo “A Divina Comédia do Carnaval” e propõe uma viagem aos antigos carnavais. A Portela, uma das escolas mais tradicionais do grupo especial, traz “Quem Nunca Sentiu o Corpo Arrepiar ao Ver Esse Rio Passar”. O cd ainda conta com os sambas-enredo das escolas Beija-flor, Unidos da Tijuca, Imperatriz Leopoldinense, Grande Rio, Vila Isabel, Mocidade Independente de Padre Miguel, União da Ilha e Paraíso do Tuiuti.

Fevereiro 2017

|

33


www.maisondelaplage.com.br

creperia e bed & breakfast Quartos privativos e compartilhados Ambiente aconchegante

Café da manhã incluso

Crepes franceses e Sopas

Perto do metrô

700 m da praia

Fondue e Chá da tarde

Wifi gratuito

Tarifas e Condições Especiais Para Grupos!

Faça já a sua reserva! Rua Siqueira Campos 182 - Copacabana maisondelaplage.com.br 34

|

Fevereiro 2017

( 21 ) 3082-1261

maison.reservas@gmail.com


Especial Carnaval

Blocos e Bandas de Rua Fernando Maia | Riotur

O

Carnaval de rua é garantia de alegria, brincadeira, descontração e informalidade! Blocos e bandas começam a sair pelas ruas da cidade e só param depois do Carnaval. E tem para todos os perfis: tradicionais, inovadores, irreverentes, temáticos, românticos, pop... Fantasias são bem-vindas, mas não imprescindíveis. E não tem custos, é só se juntar aos foliões.

​ nde você estiver, haverá sempre um cordão de O foliões nos dias defesta. Mas se quiser conhecer alguns dos principais, veja nossas indicações. Alguns blocos só confirmam horários dias antes do desfile, por isso, vale a pena dar uma conferida na véspera. ​ ​A programação é sujeita a alterações. Para conferir, ligue para a Riotur: (21 2088-8000 / 2298-7890)

Fevereiro 2017

|

35


Fernando Maia | Riotur Fernando Maia | Riotur

​ ordão do Boitatá | Centro C Carnaval como antigamente: marchinhas e muita brincadeira entre os foliões, todos com fantasias, caprichadas ou divertidas. Data: 19 fev (dom), às 9h Onde: Arcos da Lapa Data: 26 fev (dom), às 9h Onde: Praça XV de Novembro ​ Bloco da Preta | Centro Dona de uma irreverência e alegria já conhecidas, a cantora Preta Gil anima os foliões com seus grandes sucessos, além de diversos hits brasileiros. Data: 19 fev (dom), às 10h Onde: Rua Primeiro de Março, entre Rua Buenos Aires e Rua do Rosário

Empolga às 9 | Ipanema Bloco parado em duas versões: Ipanema e Copacabana. Juntas, reúnem cerca de 100 mil foliões. Data: 19 fev (dom), às 11h Onde: Praia de Ipanema, Posto 9, em frente à Rua Joana Angélica Melhor forma de chegar: metrô estação General Osório Data: 25 fev (sáb), às 11h Onde: Av. Atlântica, Posto 6, em frente à Rua Rainha Elizabeth. Carmelitas | Santa Teresa A irreverência no bairro mais alternativo do Rio: letras satirizando políticos e celebridades. O uso do véu das freiras carmelitas é sua marca. Data: 24 fev (sex), às 15h

​ Sovaco do Cristo | Jardim Botânico Formado por vários cordões que se agregam. Destaque para o Cordão da Maria Angélica, local de origem do bloco, pela originalidade das fantasias. Data: 19 fev (dom),às 10h Onde: Bar Jóia, na esquina da Rua Jardim Botânico com Rua Faro Melhor forma de chegar: metrô estação integração Hospital da Lagoa

36

|

Fevereiro 2017

Onde: Rua Dias de Barros, esquina com Ladeira de Santa Teresa Data: 28 fev (ter), às 10h Onde: Largo do Curvelo Melhor forma de chegar: metrô estação Glória e apanhar um táxi


Tata Barreto | Riotur

Fernando Maia | Riotur

Céu na Terra | Santa Teresa Bonecos gigantes e pernas de pau fazem parte do desfile, com músicas de frevo, maxixe, ciranda, samba e marchinhas. Data: 25 fev (sex), às 8h Onde:Largo dos Guimarães – Rua Almirante Alexandrino – Largo do Curvelo

Bloco dos Barbas | Botafogo Para brincar o carnaval num grupo grande, mas sem exageros. Animado, tem muito mais cariocas do que turistas e é alegria na medida certa. Data: 25 fev (sáb), às 15h Onde: Esquina da Rua Arnaldo Quintela com Rua Assis Bueno Melhor forma de chegar: metrô estação Botafogo

Cordão da Bola Preta | Centro O bloco mais antigo (com quase cem anos), e também o maior, arrasta pelas ruas do Centro uma multidão que já ultrapassou a cifra do milhão. Data: 25 fev (sáb), às 9h30 Onde: Rua Primeiro de Março, entre Rua Buenos Aires e Rua do Rosário

Banda de Ipanema | Ipanema Democrática, irreverente, é a gigante do bairro. Une pessoas de todas as idades e classes, heterossexuais e gays. Drag-queens dão um show à parte. Datas: 25 fev (sáb), às 17h30;28fev (ter), às 17h30 Onde: Rua Jangadeiros, esquina com Rua Gomes Carneiro Melhor forma de chegar: metrô estação General Osório ​

Bloco da Favorita | Copacabana O festejo conta com muito funk e a presença de diversas celebridades para animar os foliões. Data: 25 fev (sáb), às 10h Onde: Avenida Atlântica, esquina com Av. Rainha Elizabeth

Bangalafumenga | Flamengo Bloco parado. Tem tanto sucesso que acabou gerando uma banda que faz shows durante o ano inteiro. Data: 26 fev (dom), às 10h Onde: Aterro do Flamengo, entre MAM e Marina da Glória Melhor forma de chegar: metrô estação Catete Fevereiro 2017

|

37


Especial Carnaval Fernando Maia | Riotur

Gabriel Santos | Riotur

​ rimeiro Amor Samba Retrô | Barra da Tijuca P Os românticos e os apaixonados têm seu lugar garantido no bloco que desfila na Barra da Tijuca. No meio da farra, casais podem aproveitar o clima para curtir agarradinhos. Data: 26 fev (dom), às 10h Onde: Avenida do Pepê, em frente à Rua Érico Veríssimo Simpatia é Quase Amor | Ipanema Fundado em 1985 é hoje a segunda maior festa do bairro, com quase 100 mil foliões. Data: 26 fev (dom), às 16h Onde: Praça General Osório Melhor forma de chegar: metrô estação General Osório

38

|

Fevereiro 2017

Bloco Virtual | Leme Muita animação ao som dos mais variados ritmos carnavalescos, como frevos, olodum, marchinhas, maracatus e outros. Data: 27 fev (seg), às 9h Onde: Avenida Atlântica, Posto 1 - calçadão AfroReggae | Centro Um dos maiores blocos do carnaval mais famoso do mundo. No repertório, além das próprias músicas, composições de Jorge Benjor, Tim Maia, Seu Jorge e Ivete Sangalo são interpretadas com novos arranjos. Data: 27 fev (seg), às 10h Onde: Rua Primeiro de Março, esquina com Rua Buenos Aires


Fernando Maia | Riotur

Fernando Maia | Riotur

Sargento Pimenta | Flamengo Bloco parado. Toca músicas dos Beatles, em ritmo de marchinhas e letras em português, para cantar e dançar. Data: 27 fev (seg), às 10h Onde: Aterro do Flamengo, entre MAM e a Marina da Glória Melhor forma de chegar: metrô estação Catete

Mulheres de Chico | Leme Bloco parado. Criado por batuqueiras, atrai 30 mil pessoas que cantam e dançam ao som de Chico Buarque de Hollanda. Data: 04 mar (sáb), às 16h Onde: Praia do Leme, próximo ao Costão

​ rquestra Voadora | Flamengo O Banda de Metais, com músicos de diversos blocos. Tocam de samba a temas de desenhos animados, passando por rock, funk, salsa, soul etc. Data: 28 fev (ter), às 15h Onde: Aterro do Flamengo, na altura da Praça Luis de Camões. Melhor forma de chegar: metrô estação Glória

Monobloco | Centro São 120 músicos que encerram o Carnaval com samba, xote, jongo e música pop, arrastando centenas de milhares de foliões. Data: 05 mar (dom), às 9h Onde: Rua Primeiro de Março, entre Rua Buenos Aires e Rua do Rosário

Fevereiro 2017

|

39


Giovanna Antonelli

De bem com a vida Texto: Mรกrcio Gomes

40

|

Fevereiro 2017


TV Globo | Divulgação

ARTISTA

“N

À vontade, Giovanna Antonelli conta à deBORDO ter passado sem crise pelos 40 anos e diz que prioridades na vida são o marido Leonardo Nogueira e os filhos Pietro, Antônia e Sofia.

TV Globo | Divulgação

ão tenho tempo para ter crise. Acho que quando tiver mais esse tempo, pode ser que aconteça”. É dessa forma prática, brincalhona e positiva que Giovanna Antonelli lida com a vida. Tanto que chega aos 40 sem conflitos, garantindo que a maturidade trouxe sabedoria. “Sou calejada, uma pessoa que já tombou e aprendeu a se levantar. A Giovanna de hoje não mudou em nada para a de 20. Tenho o mesmo jeito de ser. Então, posso dizer que está tudo certo”, afirma.

E, realmente, ela está num momento pleno. Casada com o diretor Leonardo Nogueira e mãe de Pietro (fruto do relacionamento com Murilo Benício), Antônia e Sofia, Giovanna é uma das atrizes mais respeitadas e bemsucedidas de sua geração. E busca na palavra equilíbrio a forma para conduzir a vida. “Sou pisciana. Então, já viu, tenho o lado da emoção bem forte. E por conta da profissão existe um canal aberto com a emoção. Afinal, a gente brinca com isso o tempo todo”, garante a atriz, que completa: “Mas a idade me deixou mais racional. Acabei aprendendo a ser assim por conta de tudo o que apanhei na vida, que, realmente, nos ensina”, revela.

Fevereiro 2017

|

41


Família em primeiro lugar Mesmo com a vida corrida e tendo que dar conta do lado mãe, esposa, atriz e empresária, ela não abre mão de ter a família e o marido por perto. “Eles são a minha prioridade. As crianças são pequenas e trabalho muito. Então, os momentos que tenho livre, eu dedico à família. E no trabalho, ainda conto com vários parceiros que me ajudam. Mas sou daquelas que se metem em tudo (risos) e nada é aprovado sem passar por mim. Do contrário, não vale a pena. É melhor fazer outra coisa”, garante. E Giovanna sabe o seu poder. Seja sorte, carisma ou pura simpatia, tudo que ela usa na TV se transforma em tendência e dita moda. Foi assim na época da Jade, de “O Clone”; da Helô, de “Salve Jorge”; da Atena, de “A Regra do Jogo”, e agora com Alice e seus quimonos, de “Sol Nascente”. “Adoro e vocês (imprensa) é que me dão essa moral. Quando vejo uma roupa da personagem ser vendida na 25 de Março (São Paulo) ou no Saara (Rio de Janeiro), fico feliz porque a voz do povo é a voz de Deus. É uma troca de amor e carinho”, conta.

42

|

Fevereiro 2017

TV Globo | Divulgação

E essa tal sabedoria é colocada em prática. Não é à toa que Giovanna aprendeu que não vale a pena insistir no que não irá dar certo. “Este ano a minha meta é não perder mais tempo e nem energia com o que não vai para frente. E isso faz parte de se compreender, amadurecer. É dizer: hoje eu preciso olhar o mar, brincar na praia com os meus filhos, porque isso vai ser mais importante do que as 365 coisas que eu tenho para fazer durante o dia”, explica a atriz.


Mas o sucesso na trama de “Sol Nascente” vai além dos quimonos usados por sua heroína, em especial no começo da trama. Protagonista da novela de Walther Negrão, Giovanna acredita que o público tem se identificado com o folhetim pelo fato da história abordar três valores fundamentais: amor, família e amizade. “Isso acaba sendo a base para se viver bem e feliz. Sem falar que ‘Sol Nascente’ é uma novela solar, linda. Eu saí de uma vilã (Atena, em “A Regra do Jogo”) para interpretar Alice, uma mulher objetiva, determinada. Entrei numa alma japonesa, que é algo bem distante da minha realidade. E isso torna o trabalho ainda mais desafiador”, fala.

TV Globo | Divulgação

ARTISTA

Ela completa: “Volto a fazer um folhetim com o Negrão (Walther Negrão, autor), com quem fiz a minha primeira novela, ‘Tropicaliente’, em 1993, na TV Globo, e com a Suzana Pires, que trabalhei na TV Manchete. E sou dirigida pelo Léo (Leonardo Nogueira, marido). Brinco que tem gostinho especial porque nos sete anos de casados a gente dribla o tempo para se encontrar. E aqui estamos juntos, vamos terminar a novela ao mesmo tempo, isso facilita curtirmos nossas férias”, conta.

TV Globo | Divulgação

Fevereiro 2017

|

43


ARTISTA TV Globo | Divulgação

Parceria que deu certo E, pelo visto, trabalhar com o marido tem sido um prazer a mais na vida da atriz, já que os dois trocam ideias e falam, sim, sobre trabalho quando estão em casa. “É gostoso trabalhar com o Léo. Temos muito respeito um pelo outro. E quando estamos em casa falamos da novela, trocamos ideias. Pergunto tudo! Ele sabe que sou palpiteira e gosto de falar (risos)”, diz. Assim que terminar a trama de “Sol Nascente”, prevista para ter seu último capítulo no ar em março, Giovanna irá se desligar de Alice e pensar em novos desafios na carreira. “Quando acabo uma novela e começo outra, eu sempre quero me reinventar. O trabalho do artista é artesanal. Se não for, não tem graça. É aquele pedacinho por pedacinho, construído a cada dia. Um exercício diário, mas que acaba te fazendo crescer”, finaliza.

TV Globo | Divulgação

44

|

Fevereiro 2017


伀 䴀䔀䰀䠀伀刀 䐀伀 䈀刀䄀匀䤀䰀Ⰰ 䄀䤀一䐀䄀 䴀䄀䤀匀 䈀刀䄀匀䤀䰀䔀䤀刀伀℀ 匀甀愀 瀀爀椀洀攀椀爀愀 漀瀀漀 搀攀 栀漀猀瀀攀搀愀最攀洀 渀愀 刀攀最椀漀 搀漀猀 䰀愀最漀猀Ⰰ 漀 䈀攀猀琀 圀攀猀琀攀爀渀 倀氀甀猀 伀猀椀猀 䌀愀戀漀  䘀爀椀漀Ⰰ 瀀愀猀猀愀 愀 猀攀爀 䴀愀琀椀稀 伀猀椀猀 䌀愀戀漀 䘀爀椀漀⸀ 䄀 洀攀氀栀漀爀 攀砀瀀攀爀椀渀挀椀愀 攀洀 栀漀猀瀀攀搀愀最攀洀Ⰰ 愀最漀爀愀 挀漀渀琀愀  挀漀洀 戀愀渀搀攀椀爀愀 渀愀挀椀漀渀愀氀⸀ 䔀砀挀攀氀渀挀椀愀 攀洀 愀琀攀渀搀椀洀攀渀琀漀 瀀愀爀愀 洀漀洀攀渀琀漀猀 椀渀挀爀瘀攀椀猀⸀

䴀愀琀椀稀 伀猀椀猀 䌀愀戀漀 䘀爀椀漀 

䄀瘀⸀ 嘀攀爀攀愀搀漀爀 䄀渀琀漀渀椀漀  䘀攀爀爀攀椀爀愀 搀漀猀 匀愀渀琀漀猀Ⰰ 㘀㜀  ⴀ 䈀爀愀最愀 䌀愀戀漀 䘀爀椀漀 ⴀ 刀䨀 ⴀ 䌀䔀倀 ㈀㠀㤀 㠀ⴀ㈀  

䌀攀渀琀爀愀氀 搀攀 刀攀猀攀爀瘀愀猀 ⠀㈀㈀⤀ ㈀㘀㐀㠀 㤀㄀ ㄀  㠀    ㄀  㐀 㐀  Fevereiro 2017

|

45


Divulgação

João Mago dos traços

Palco Mundo, projetado desde 2006, Rock in Rio Lisboa

46

|

Fevereiro 2017


GENTE

Arquiteto e idealizador de projetos para o Rock in Rio e o novo Rooftop do hotel Gran Meliá Nacional, João Uchôa bateu um papo exclusivo com a deBORDO e falou da vida dedicada à arte.

Texto: Márcio Gomes Fotos: Sarah Mantovani

N

a chegada para a entrevista com o arquiteto João Uchôa, de imediato o que chama a atenção é a reforma do casarão, no bairro de Botafogo, no Rio de Janeiro, realizada por ele e que hoje abriga sua empresa, a Ciclo. Após três meses de obras, no espaço de 350 metros quadrados, João diz que o local, abandonado por anos, ficou do jeito que queria. “Está funcional e descontraído. Aproveitei as pedras, trouxe containers para dentro das salas que deram um toque diferente ao espaço”, explica.

Uchôa e do papel

Talento precoce, a arte acompanha João Uchôa desde pequeno. Não é à toa que, aos nove anos, já pintava quadros em óleo e chegou a fazer uma exposição de 45 telas em Brasília, no Hotel Nacional. Foi ator, subiu aos palcos por sete anos e encenou clássicos como “O Guarani” e “Capitães de Areia”. “Fiz isso enquanto estudava arquitetura”, conta.

Fevereiro 2017

|

47


Residência Mussi, Búzios. 2010

Sempre ligado ao mundo das ideias, da criação, João ainda se enveredou pelos caminhos da moda, trouxe para o mercado a marca Bananas e passou a fazer mochilas, bolsas, calças, acessórios. “Desenhava os modelos e a minha vida estava com a confecção, o teatro e a arquitetura. Sempre fui um cara acelerado”, entrega.

Do mundo Com espírito aventureiro, depois de formado em arquitetura, arrumou as malas e foi rodar a Europa por quatro meses. “Eu gastei a grana toda. E voltei sem saber o que fazer. Até que surgiu a ideia de dirigir a TV e Rádio Búzios. Larguei tudo e fui descobrir a comunicação, que uso até hoje no meu trabalho. A arquitetura que eu faço é a que se comunica. Ela não pode ser somente forma e função”, diz.

48

|

Fevereiro 2017

Divulgação


Divulgação

GENTE E foi na arte de criar, de trazer o novo com um toque pessoal, que ele se encontrou. Sem fronteiras, passou a imprimir a sua marca pelo mundo. Desde 2001 é o nome da arquitetura das edições nacionais e internacionais do Rock in Rio, festival idealizado por Roberto Medina (fundador da Artplan), criando palcos – como o Sunset e o Mundo. “Para a edição deste ano teremos uma Rock Street que traz como tema a África. Vai ficar incrível essa homenagem ao continente que abriga cidades como Marraquexe e Madagascar. Estamos estudando a possibilidade de um palco alimentado por luz solar”, fala. Apaixonado pelo traço modernista de Oscar Niemeyer e fã incondicional da obra de Sérgio Bernardes, ele afirma que nem sempre dinheiro é sinônimo de sucesso. “Claro que não! Um exemplo é o show do Caetano (Veloso), quando eu estava na TV Búzios, que serviu para chamar a atenção para a preservação da praia da Lagoinha. Essa praia foi o local do palco, um simples tablado de madeira, com um metro de diâmetro, e mais um banco. Caetano não cobrou cachê e todos foram vestidos de branco. Foi um dos melhores produtos que fiz até hoje”, conta.

Centro de Treinamento do C.R. Flamengo, Rio. 2016 Divulgação

Palco Sunset, remontado em todas edições do Rock in Rio (Lisboa, Las Vegas e Rio)

Fevereiro 2017

|

49


GENTE Com um currículo recheado de projetos de sucesso como o Centro de Treinamento do C.R. Flamengo, o Residência Mussi e o palco flutuante do Amazon Live, entre outros, João tem um novo desafio pela frente: criar o espaço do Rooftop do hotel Gran Meliá Nacional. “A ideia é fazer um bar não estático, com pessoas circulando e aproveitando a vista espetacular de São Conrado. Estamos caminhando com o projeto”, afirma. Casado com a portuguesa Francisca Uchôa, pai de Joana, de 20 anos, e de Miguel, de 9, João conta que cada novo trabalho é um desafio. “É uma delícia entregar um projeto e já começar outro. Pode ser um trabalho grande, pequeno, o prazer em criar é o mesmo”, afirma, dizendo que não abre mão em ter por perto o velho e bom lápis e papel para realizar as suas criações. Simples e muito boa praça, ele diz que a experiência de vida trouxe maturidade. “Sou urbano, já viajei o mundo, mas gosto é daqui. As pessoas falam em morar na Dinamarca, na Noruega, mas falta aquele lesco-lesco (risos). O importante é encontrar o equilíbrio, a alegria para se viver bem. E é isso que eu tenho feito”, finaliza.X

João Uchôa e Juliana Andrade, Coordenadora de Projetos Especiais da Ciclo Torre da Tirolesa, Rock in Rio Las Vegas. 2015

50

|

Fevereiro 2017

Divulgação


Fevereiro 2017

|

51


AGENDACULTURAL

O Escândalo Philippe Dussaert  Teatro | Até 16 Mar | Rio de Janeiro 

E

ncenada pela primeira vez no Brasil no final de 2016, a peça marcou a estreia do ator Marcos Caruso em um monólogo nos palcos. Após sucesso de público e crítica, o espetáculo volta para uma nova temporada no Teatro Maison de France. A montagem traz uma reflexão bem-humorada, com ares de stand-up comedy, sobre os limites da arte contemporânea, o lugar e o valor da arte no mundo atual e o que é e o que não é considerado um trabalho artístico. A peça, que está em cartaz há quase uma década na França, é baseada no texto premiado do dramaturgo Jacques Mougenot. Na trama, o pintor Philippe Dussaert começa a fazer muito sucesso ao reproduzir quadros famosos de grandes nomes da pintura, como Leonardo da Vinci, Édouard Manet e Paul Cézanne. Adepto da escola do minimalismo, corrente artística marcada pelo uso de poucos elementos,

52

|

Fevereiro 2017

Philippe Dussaert apresenta a proposta de excluir das pinturas famosas todos os personagens humanos ou animais, preservando apenas o cenário ao fundo. Por conta do trabalho em “O Escândalo Philippe Dussaert”, Marcos Caruso está indicado na categoria de melhor ator em quatro dos principais prêmios de teatro do Rio de Janeiro: Shell de Teatro, Cesgranrio de Teatro, Associação dos Produtores de Teatro (APTR) e Botequim Cultural. A direção da peça é de Fernando Philbert e a tradução do texto é de Marilu de Seixas Corrêa.

Teatro Maison de France (Av. Presidente Antonio Carlos, 58, Centro) | (21) 2544-2533 | De 6 de jan a 26 de mar; quinta e sexta às 20h; sábado às 21h; domingo às 18h | R$60 / R$30 (qui e sex) e R$70 / R$35 (sáb e dom) | Venda pelo site ingresso.com | 12 anos


A História de Nós 2 Teatro | Até 26 Mar | Rio de Janeiro Dalton Valério

A comédia romântica, vista por mais de 800 mil espectadores desde 2009, volta ao Rio de Janeiro com os atores Alexandra Richter e Bruno Garcia. Com direção de Ernesto Piccolo, a peça conta as aventuras e desencontros de um casal já separado, que revê sua história na noite em que o marido vai buscar seus pertences no apartamento. A montagem foi eleita pelos leitores do jornal O Globo, em 2009, como a melhor peça. E o texto assinado por Lícia Manzo, autora de novelas como “A Vida da Gente” e “Sete Vidas”, já foi indicado ao prêmio Shell.

Teatro Vannucci (Shopping da Gávea - R. Marquês de São Vicente, 52) | (21) 2274-7246 | Até 26 de mar, de quinta a sábado, às 21h30 e aos domingos, às 20h | R$70/R$35 (qui e sex) e R$80/R$40 (sáb e dom) | Venda pelo site ingresso.com | 12 anos

Ivan Lins

Shows | 18 e 19 Fev | Rio de Janeiro

Divulgação

O cantor e compositor Ivan Lins faz duas apresentações interpretando seus maiores sucessos como “Madalena” (imortalizado pela cantora Elis Regina), “Abre Alas”, “Começar de Novo”, “Somos Todos Iguais Nesta Noite” e “Bandeira do Divino”. Um dos artistas nacionais mais reconhecidos no exterior, em especial nos EUA, Ivan Lins já viu suas canções serem regravadas por grandes nomes da música de língua inglesa como Quincy Jones, George Benson, Ella Fitzgerald, Sarah Vaughan e Barbra Streisand.

Imperator (R. Dias da Cruz, 170, Méier) (21) 2597-3897| 18 de fev (sábado), às 21h e 19 de fev (domingo), às 20h | R$80 / R$40 | Venda pelo site ingressorapido.com | Livre

Fevereiro 2017

|

53


AGENDACULTURAL

Martinho da Vila Show | 18 Fev | Rio de Janeiro

U

m dos maiores sambistas em atividade, o cantor Martinho da Vila apresenta o show do seu novo álbum de inéditas, “De Bem com a Vida”, gravado em abril de 2016, com participação especial da cantora potiguar Roberta Sá. Uma semana antes do início do Carnaval, o sambista de 78 anos promete dar uma verdadeira aula de samba com a autoridade de um bamba com mais de 40 anos de carreira. No repertório do sambista de Vila Isabel estão releituras das canções “Choro Chorão”, “Samba sem Letra” e “Muita Luz”, além dos seus grandes sucessos como os clássicos “O Pequeno Burguês”, “Quem é do Mar não Enjoa” e “Pra que Dinheiro”. O conceito da apresentação é a improvisação musical, marcada por referências às suas grandes paixões: o samba, o clube de futebol Vasco da Gama e a escola de samba Unidos de Vila Isabel, que, apesar dos pesares, segundo o artista, privilegiam a alegria. Além de compositor de samba, Martinho também é escritor e participa de projetos de música clássica. O novo álbum “De Bem com a Vida” conta com a participação de Gabriel de Aquino (violão), Alan Monteiro (cavaquinho e bandolim) e Gabriel Policarpo (percussão). Todos fizeram coro com Martinho, que também tocou cajón, pandeiro e outros pequenos instrumentos de ritmo. No show, se unem à banda o percussionista Bernardo Aguiar e o pianista Antonio Guerra, o baterista Paulinho Black e as filhas do cantor Juliana Ferreira e Maíra Freitas no vocal.  

Circo Voador (Arcos da Lapa) | (21) 2533-0354 | 18 de fev (sábado), às 22h | R$80 / R$40 (1º lote) - meia-entrada e promoção mediante doação de 1 kg de alimento | Venda pelo site ingressocerto.com.br | 18 anos

|

Fevereiro 2017

Divulgação

54


Pão com Ovo Teatro | Até 5 Mar | Rio de Janeiro

Divulgação

Lançada há cinco anos pela Cia. Santa Ignorância, a comédia já atraiu mais 700 mil espectadores, em vários estados do país. E após temporada lotada no fim de 2016, o espetáculo volta aos palcos com o elenco de atores maranhenses (César Boaes, Adeílson Santos e Charles Jr). Na trama, duas amigas de escola, de classes sociais diferentes, se reencontram anos depois e comentam em linguagem direta e simples seus hábitos e costumes no cotidiano. Tudo de forma bemhumorada. A direção e o texto são de César Boaes.

Teatro Miguel Falabella (Norte Shopping, Av. Dom Hélder Câmara, 5332, Cachambi) | (21) 2597-4452 | Até 5 de mar, de quinta a sábado, às 21h e aos domingos, às 20h | R$60 / R$30 | Venda pelo site tudus.com.br 12 anos

Simone Mazzer Show | 16 Fev | Petrópolis Rogerio Avelino

A cantora e atriz Simone Mazzer abre a temporada musical do SESI Cultural em 2017, que traz espetáculos de música e teatro. A artista paranaense mescla músicas do seu primeiro álbum “Férias em Vídeotape” com um repertório diversificado que inclui canções como “Tango do Mal”, “Dei um Beijo na Boca do Medo” e “Hyper-Ballad”, de Björk. Vencedora na categoria Cantora Revelação e indicada na categoria Melhor Cantora no 27º Prêmio da Musica Brasileira, realizado em 2016, Simone também faz homenagens aos cantores Itamar Assumpção, Ângela Ro Ro, Gilberto Gil e Caetano Veloso.

Theatro D. Pedro (Centro Histórico) |(24) 2235-3833 | 16 de fev (quinta), às 20h | R$34 / R$27 - meia-entrada e promoção para sócios do SESI | 16 anos Fevereiro 2017

|

55


AGENDACULTURAL

Nando Reis Show | 17 Fev | Rio de Janeiro Divulgação

O cantor Nando Reis é uma das atrações principais do projeto Verão na Lagoa, realizado pela rádio JB FM, onde irá interpretar os maiores sucessos de sua carreira. No repertório do show, baseado na última turnê chamada “Voz e Violão”, marcam presença músicas como “Luz dos Olhos”, “O Segundo Sol” e “Relicário”. Ele também apresenta a nova canção, “Só Posso Dizer”. O músico, ex-integrante do grupo de rock Titãs, apresenta-se ao lado da banda Os Infernais.

Clube Monte Líbano (Av. Borges de Medeiros, 701, Lagoa) | (21) 2512-8833 | 17 de fev (sexta), às 22h | R$80 / R$40 - 1º lote de pista; R$120 / R$60 - 1º lote da área VIP; R$260 / R$130 – 1º lote de camarote com open bar | Venda pelo site ingressocerto.com.br 18 anos

Os Vilões de Shakespeare Teatro | Até 26 Mar | Rio de Janeiro Divulgação

O ator Marcelo Serrado apresenta o espetáculo solo sobre vilões criados pelo lendário dramaturgo inglês William Shakespeare (1564–1616). Com direção de Sergio Módena e adaptação de Geraldo Carneiro, a peça trabalha com personagens famosos como Ricardo III, Coriolano e Hamlet. O texto premiado de Steven Berkoff, de 1998, investiga cenas de vilania dos personagens retratados numa espécie de jornada psicológica para tentar entender melhor os motivos e causas dos desequilíbrios de cada um, no lugar de simplesmente condenar e apedrejar os vilões.

Parque das Ruínas (R. Murtinho Nobre, 169, Santa Teresa) (21) 2215-0621 | Até 26 de mar; sábado, às 20h e domingo, às 19h – não haverá sessões nos dias 18, 19, 25 e 26 de fev| R$40 / R$20 | 12 anos

56

|

Fevereiro 2017


Fuerza Bruta Dança | Até 19 Fev | Rio de Janeiro Divulgação

A

pós passar por 29 países como Portugal, Inglaterra, Estados Unidos, Alemanha, França, Rússia e Espanha, chega ao Rio de Janeiro, pela primeira vez, o espetáculo argentino Fuerza Bruta, misturando dança, música, efeitos visuais e acrobacias de tirar o fôlego. A apresentação traz uma sequência incrível de números circenses e conta com a participação ativa do público. Os atores chegam a girar por cima da plateia, com a performance inspirada em festivais de rua, como o Carnaval. Como a ideia é quebrar a barreira do idioma, não há nenhuma fala ou diálogo durante o espetáculo. Fuerza Bruta já contabilizou mais de 5.800 apresentações, reunindo mais de cinco milhões de espectadores em todo o mundo. E foi um sucesso na off-Broadway por nove anos seguidos, sendo

visto por mais de 500.000 pessoas, em Nova York, com nomes de peso passando pela plateia como Leonardo DiCaprio, Beyoncé e Jim Carrey. O projeto foi criado em 2003, como um braço da companhia De La Guarda e mantém shows fixos em Buenos Aires. Diqui James, um dos fundadores, e Gaby Kerpel, compositor musical do grupo, se uniram e iniciaram a formação. Em seguida, entrou Alejandro Garcia, que assina a direção técnica, e Fábio D’Aquila, coordenador geral.

Metropolitan (Via Parque Shopping, Barra da Tijuca)| (21) 4003-6464 | De 6 de jan a 19 de fev; quintas às 21h30; sextas às 22h30; sábados às 19h e 22h30, domingos às 17h e 20h | R$180/R$90 (sex, sáb e dom) e R$160/R$80 (quin) | Venda pelo siteticketsforfun.com.br | 12 anos Fevereiro 2017

|

57


AGENDACULTURAL

Mulheres de Chico Show | 18 Fev | Rio de Janeiro Viviane Brandão

O bloco de carnaval Mulheres de Chico apresenta o show do “Baile de Máscaras - Noite dos Mascarados”, em referência a uma canção homônima do compositor Chico Buarque de Hollanda, músico homenageado pelo grupo. Criado há 10 anos, é o primeiro bloco de rua totalmente feminino e temático do Brasil. O tema do baile e do desfile deste ano é “Carnaval é das Mulheres”. Além do tributo a Chico Buarque, o grupo vai homenagear ainda Chiquinha Gonzaga, Dona Ivone Lara e Rita Lee. No show, será lançada a camiseta para o desfile deste Carnaval. Teatro Rival Petrobras (Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia – Centro) | (21) 2240-4469 | 18 de fev (sábado), às 19h30| R$60 / R$30 (lounge) e R$80 / R$40 (mesas) | Venda pelo site ingresso.com | 16 anos

Cordão da Bola Preta Show | 15 Fev | Rio de Janeiro Divulgação

O projeto “Quartas Brasileiras” promove baile de Carnaval com show do mais antigo bloco do Rio: o Cordão da Bola Preta. Fundado em 1918, ele desfila na manhã do sábado de Carnaval, no Centro da cidade, e é conhecido por reunir multidões, com mais de um milhão de foliões todos os anos. O repertório relembra a alegria dos antigos carnavais, repleto de marchinhas como “Cidade Maravilhosa”, “Mamãe eu Quero” e “Me Dá um Dinheiro Aí”. O público é incentivado a ir fantasiado por conta da premiação para as melhores fantasias nas seguintes categorias: a mais bonita, a mais original e a mais engraçada.

Imperator (R. Dias da Cruz, 170, Méier) | (21) 2597-3897 | 15 de fev (quarta), às 16h | R$20 | Venda pelo site ingressorapido.com | Livre

58

|

Fevereiro 2017


Baile do Bloco da Preta Show | 26 Fev | Rio de Janeiro Midiorama

P

reta Gil volta a comandar um dos eventos mais aguardados do Carnaval de 2017: o Baile do Bloco da Preta. No repertório, ela intercala suas próprias canções com uma seleção de hits de diversos gêneros musicais brasileiros em ritmo carnavalesco.

Black Power, liderada pelo mestre Pablo que comanda dez ritmistas. O Bloco da Preta, que desfila desde 2010, já se tornou conhecido por arrastar multidões pelas ruas do Centro do Rio. E ainda é famoso por receber atrizes e celebridades como musas do desfile.

Conhecida pelo alto astral e pelo carisma, Preta Gil promete fazer o público dançar com seus maiores sucessos como “Sinais de Fogo”, “Stereo” e “Meu Corpo Quer Você”. Além das versões de hits do funk, samba, axé e sertanejo. Nos Bailes da Preta, a cantora é acompanhada por uma banda formada por Fabio Lessa (baixo), Ricardo Marins (guitarra), André Fernandes (bateria) e Geovanni Andrade (teclado).

Para animar a festa deste ano, Preta apresenta como novidade a mais nova canção “Eu Quero e Você Quer”, lançada em janeiro.

No desfile do Bloco da Preta, além da banda, a filha de Gilberto Gil leva para o palco a bateria

Clube Monte Líbano (Av. Borges de Medeiros, 701, Lagoa) | (21) 2512-8833 | 26 de fev (domingo), às 23h | R$120/R$60 (masculino) e R$100/R$50 (feminino) - 1º lote de pista; R$160/R$80 - 1º lote da área VIP; R$300/ R$150 – 1º lote de camarote com open bar | Venda pelo site ingressocerto.com.br | 18 anos Fevereiro 2017

|

59


Divulgação

Ensaios do Monobloco Shows | 17 e 24 Fev | Rio de Janeiro

U

m dos blocos de rua mais famosos do Carnaval carioca, o Monobloco, apresenta seus ensaios na Fundição Progresso, na Lapa, como um esquenta da folia, antes do desfile das escolas de samba.

o encerramento da folia no Rio. Este ano a atriz Emanuelle Araújo volta a ser a Rainha da Bateria (nas apresentações do Rio e São Paulo), e o desfile ainda conta com o cantor B Negão, compositor de rap e hip hop.

Durante os dois dias de apresentação, integrantes aproveitam para acertar os últimos detalhes para o desfile do bloco, que acontece no dia 05 de março, no Centro, com nove horas de duração. “É nesses ensaios que fazemos os ajustes finais de tudo que foi visto durante o ano nas oficinas do Monobloco. E assim chegamos ao nosso desfile, que costumo chamar de colação de grau dos nossos alunos, com tudo certo”, resume o cantor Pedro Luís, um dos fundadores do Monobloco. Ao todo, já são 17 anos de oficinas que formaram cerca de mil ritmistas.

Com uma bateria formada por 180 batuqueiros, alunos da oficina de percussão, este ano o Monoboclo vai homenagear os blocos tradicionais da cidade interpretando as marchinhas imortalizadas por esses blocos. Nos últimos anos, o grupo carnavalesco já arrastou mais de 500 mil foliões em cada desfile. Em 2017, além do Rio de Janeiro, terá apresentações em São Paulo (19 de fevereiro) e de Belo Horizonte (28 de fevereiro)

Com tudo pronto, o Monobloco sacode o Centro da cidade no primeiro domingo após o carnaval com sua tradicional festa, que é considerada por muitos

60

|

Fevereiro 2017

Fundição Progresso (Lapa) | (21) 3212-0800 | 17 e 24 de fev (sextas), às 23h | R$100/R$50 (1º lote) - meiaentrada e promoção mediante doação de 1 kg de alimento | Venda pelo site ingressocerto.com.br 18 anos


AGENDACULTURAL

Até o Final da Noite Teatro | Até 19 Fev | Rio de Janeiro Patrícia Stagi

Após sucesso da primeira temporada, no fim de 2016, o espetáculo volta ao Teatro Leblon, Sala Fernanda Montenegro, com a atriz Angela Vieira e Isio Ghelman vivendo o casal de protagonistas Ana Lucia e Olavo. No elenco ainda estão Letícia Cannavale e Rogério Garcia. A comédia aborda os contrastes de valores e os costumes entre dois casais de gerações diferentes. Com texto de Julia Spadaccini e direção de Alexandre Mello, a peça narra a história de Ana Lucia, uma mãe coruja que passa a sofrer da “síndrome do ninho vazio” após a decisão do filho único de ir trabalhar fora do país. Teatro do Leblon (R. Conde Bernadotte, 26, Leblon) | (21) 2529-7700 | Até 19 de fev, de quinta a sábado, às 21h30 e aos domingos, às 20h | R$50 / R$25 (qui); R$70 / R$35 (sex e dom) e R$80 / R$40 (sáb) | Venda pelo site tudus.com.br | 12 anos

Fevereiro 2017

|

61


RODOSEG Passagens Rodoviárias em Juiz de Fora Venda de passagens das empresas Unica e Util + Rio Doce - Brisa - Atual - Progresso - Transur Unida - Paraibuna - JM Rodrigues

Lente Azul

• Rua Halfeld, 513, loja 18 (Galeria Solar Palace) • (32) 3218-7902 - Serviço de tele-entrega • (32) 3236-1895 - Serviço de televendas UTIL e Brisa para todo o Brasil • agenciarodoseg@gmail.com • facebook.com/rodosegpassagensrodoviarias

Em Petrópolis, a tradição alemã na produção de cervejas especiais Pilsen - Blond Ale - Belgian Tripel - Imperial Stout V endas : (24) 99272.7896 | richard . schroderbier @ gmail . com | facebook . com / schroderbier 62

|

Fevereiro 2017


AGENDACULTURAL

Rio Music Carnival 2017 Festival | 24 a 28 Fev | Rio de Janeiro

A

Marina da Glória vai se tornar o palco principal da música eletrônica do Rio durante o Carnaval. Com vista privilegiada para o Pão de Açúcar e a Baía de Guanabara, a Esplanada da Marina vai receber a nona edição do Rio Music Carnival. Com 25 atrações confirmadas, o festival vai trazer grandes nomes da cena eletrônica para o Carnaval carioca: o holandês Afrojack, o alemão Sharam Jey e os irmãos belgas Dimitri Vegas & Like Mike, além dos brasileiros Vintage Culture e Dennis DJ, especialista em funk. Os DJs e artistas vão se apresentar em uma tenda tecnológica com capacidade para abrigar um público de até sete mil pessoas por noite. Os fãs da dance music poderão se divertir num ambiente com áreas livres e cobertas, composto por lounges, villages e bares temáticos. Outros destaques da

programação são as festas paulistas Tamo Gigante, Fextinha e a carioca Love Sessions. O Rio Music Carnival marca o encerramento da Rio Music Conference, o maior evento de música eletrônica da américa latina. O festival também vai abrigar o concurso DJ Talent Brasil. O vencedor receberá mais de R$ 15 mil em prêmios e participará da última noite do Rio Music Carnival, considerado o maior carnaval eletrônico do mundo. Marina da Glória (Av. Infante Dom Henrique, Glória) | (21) 2221-0132 | De 24 (sexta) a 28 de fev (terça), às 23h | R$220 / R$110 (masculino) e R$180 / R$90 (feminino) 2º lote – preço válido para uma noite – R$380 / R$190 (masculino) e R$300 / R$150 (feminino) - 1º lote - 2 DAYS PASS - passe válido para duas noites | Venda pelo site ingressocerto.com.br | 18 anos Fevereiro 2017

|

63


64

|

Fevereiro 2017


Fevereiro 2017

|

65


80ANOS DE HISTÓRIA O

Da Unica, de Petrópolis e da BR 040

ficialmente, nascia a Unica em 22 de dezembro de 1937. Ali começava uma história que vem sendo compartilhada, desde então, por ela, pela Cidade Imperial e até pela rodovia federal, cuja construção também tem tudo a ver com a história da nossa empresa. Por quê? Você vai saber este e outros lances interessantes dessa história, que será contada agora, mês a mês, e que, sem dúvida, trará algumas boas surpresas para o público. Principalmente os petropolitanos, que ainda ignoram os motivos que têm para se orgulhar da empresa, que sempre dedicou um amor especial à

cidade. E que, além disso, serve à população do estado do Rio,e até de parte de Minas Gerais, com um esquema de serviços continuamente aperfeiçoado e os ônibus mais seguros e confortáveis de nossas rodovias. Você conhecerá, aqui, cada capítulo dessa aventura, até novembro. E durante o mês de dezembro, terá as surpresas finais: você participará da grande comemoração da empresa junto aos seus usuários. Bem-vindos à nossa história e tenham sempre uma ótima viagem! Alex Farias

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

66

|

Fevereiro 2017


deBORDO nº 4 | fevereiro 2017  

Revista deBORDO Unica, Facil, Util e Expresso Recreio

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you