Page 1

évoralocal

01

Camâra Municipal de Évora / Director: José Ernesto D’Oliveira // Semanário, 15 de Abril 2010

Évora é a primeira InovCity portuguesa Quase dois anos e meio depois do seu lançamento, o projecto de rede eléctrica inteligente da EDP InovGrid arrancou em Évora, cidade "piloto" escolhida para a instalação de 31 mil contadores inteligentes que permitem mais comunicação cliente-empresa.

Deliberações

da C.M. de Évora

pág.05

Sabia que... a obra de

pág.07

António Charrua está representada na Fundação Calouste Gulbenkian

CINEMA

Programação

pág.09


évoralocal / pág. 02


Évora é a primeira InovCity portuguesa

Quase dois anos e meio depois do seu lançamento, o projecto de rede eléctrica inteligente da EDP InovGrid arrancou em Évora, cidade "piloto" escolhida para a instalação de 31 mil contadores inteligentes que permitem mais comunicação cliente-empresa. Os novos contadores inteligentes (chamados Energy Box) são a face mais visível do projecto e garantem não só a telecontagem dos consumos de energia em tempo real, mas também a mudança de tarifa à distância por solicitação do cliente e uma gestão mais eficiente dos consumos individuais de electricidade. O projecto InovGrid de Évora - feito através de parceria da EDP com o INESC Porto, a EFACEC e a JANZ, entre outras - passa não só pelos contadores inteligentes (e-boxes), como por terminais de comunicação ligados a vários pontos de transformação da cidade. Em conjunto, os novos aparelhos permitirão ainda a um cliente que tenha um aparelho de microgeração de energia saber quanta electricidade está a injectar na rede. Mas a rede eléctrica inteligente que arranca esta terça-feira - numa cerimónia que contou com a presença do primeiro-ministro, José Sócrates, e com o presidente da EDP, António Mexia - na

prática também cria um novo sistema de monitorização e controlo de toda a rede de distribuição. Esta característica também permitirá uma gestão mais eficiente dos 16 pontos de carregamento de veículos eléctricos que irão ser montados na cidade alentejana. Inovações na rede e na mobilidade eléctrica que, conjugadas, levaram a EDP e a autarquia local a "baptizar" Évora como a primeira InovCity portuguesa, experiência que mais tarde a eléctrica pensa alargar a outras cidades do país. Na cerimónia de lançamento da InovCity, o Presidente da Câmara Municipal de Évora, José Ernesto D’Oliveira, ao dirigir-se à plateia, salientou que “em Évora queremos dar lugar à criatividade e à excelência. Queremos, por isso, acrescentar valores de futuro aos séculos de história herdados, pelo é com um redobrado orgulho que recebi a notícia de que o nosso concelho foi escolhido para liderar o projecto InovCity”. “Acredito que a população, sempre habituada a estar na linha da frente das tecnologias, irá receber com entusiasmo, mais esta inovação, cujo impacto ultrapassará em muito as fronteiras do Concelho”, referiu.

évoralocal / pág. 03


évoralocal / pág. 04


Deliberações da Câmara Municipal de Évora Em reunião pública de 30 de Março Câmara de Évora aprovou Regulamento Municipal de Edificação, Urbanização e Taxas Urbanísticas Em reunião pública extraordinária, a Câmara Municipal de Évora aprovou o Regulamento Municipal de Edificação, Urbanização e Taxas Urbanísticas com os votos favoráveis do PS e PSD e os votos contra da CDU, a qual considerou que o princípio da per equação na forma em que foi até agora aplicado não deveria ser alterado. Trata-se da proposta final, decorrido que é o período de apreciação pública e introduzidas diversas alterações ao projecto aprovado no passado dia 27 de Janeiro. O documento, que vem na sequência da revisão do Plano Director Municipal, visa regular aspectos procedimentais relativos ao regime jurídico da urbanização e edificação e fixar para o Concelho de Évora as taxas por realização, reforço e manutenção das infra-estruturas e um sistema de compensações urbanísticas. A fase de discussão pública terminou no dia 23 de Março. A Comissão de redacção e acompanhamento da elaboração do Regulamento promoveu a ponderação dos contributos chegados, propondo algumas alterações ao texto aprovado. Foram ainda efectuados pequenos ajustamentos à redacção, seja a benefício de sentido, seja por necessidade de articulação com os normativos legais imperativos. Aprovado Regulamento e Tabela de Taxas e Outras Receitas do Município de Évora O Regulamento e Tabela de Taxas e Outras Receitas do Município de Évora foi aprovado com quatro votos a favor (PS e PSD) e três contra (CDU).

submetido a apreciação pública para recolha de sugestões. Observado que foi o período legalmente estabelecido para que os interessados dessem os seus apontamentos, sugestões e rectificações respeitantes ao projecto, a versão final do mesmo foi agora submetida a votação com as alterações introduzidas como resultado dos contributos reunidos no decurso do período de discussão pública. A CDU justificou o seu voto contra por discordar no que respeita ao escalonamento da taxa de saneamento, enquanto que o Vereador do PSD considerou que a proposta se adequa à realidade e a mesma lhe motiva concordância pelo equilíbrio que demonstra. O Presidente da Câmara Municipal congratulouse com a aprovação deste importante documento e mostrou apreço pela qualidade técnica do mesmo, saudando os serviços técnicos camarários que conceberam a proposta agora aprovada. Ambos os regulamentos seguem agora para aprovação definitiva na Assembleia Municipal de Évora. Abertura de concursos públicos na área da restau-ração Nesta reunião, foi ainda aprovada por unanimidade a autorização para o início do procedimento; aprovação das peças processuais e respectivos anexos; e nomeação do Júri do procedimento e posterior remessa do processo para a Assembleia Municipal para autorização da concessão referente a dois concursos públicos: a “Concessão do Bar-Restaurante da esplanada das Piscinas Municipais de Évora” e a “Concessão do Snack-Bar da Varanda das Piscinas Municipais de Évora”.

O projecto de Regulamento foi aprovado em reunião de Câmara de dia 27 de Janeiro, tendo, após publicação em Diário da República, sido

évoralocal / pág. 05


évoralocal / pág. 06


Sabia que...

a obra de António Charrua está representada na Fundação Calouste Gulbenkian António Charrua nasceu e foi criado em Lisboa, onde frequentou Arquitectura na Faculdade de Belas Artes, não tendo terminado porém o curso, recolheu a Évora para passar a viver em antiga casa de família na velha Rua da Mouraria. No nº27 montou o seu atelier. Integrou o movimento expressionista, expondo pela primeira vez, individualmente, em 1953, na Galeria António Carneiro, do Porto. Em 1959 fez parte dos 50 Artistas Independentes que expuseram na SNBA por oposição às orga-nizações do Secretariado (SNI). No ano seguinte é galardoado, pela Fundação Calouste Gulbenkian. No decurso da década de 60, que então se inicia, deixase seduzir pelo informalismo.

Abandona a verticalidade das formas e os eixos de manchas, passando a sua pintura a carac-terizar-se pelas pinceladas livres e pelas camadas espessas de tinta. Em 2001 o Museu de Évora organizou uma retrospectiva da sua obra. Quatro anos passados, a Câmara Municipal prestou-lhe homenagem colocando numa das rotundas da cidade a escultura “Diálogo de Ícaro com o sol”. A obra de António Charrua, que se fez eborense por opção, está representada na Fundação Calouste Gulbenkian, nos Museus Soares dos Reis (Porto), do Neo Realismo (em Vila Franca de Xira) e de Helsínquia (Filândia), e em diversas colecções particulares.

Fonte: José Frota – Évora Mosaico 01

évoralocal / pág. 07


évoralocal / pág. 08


CINEMA Programação 15 a 21 Abril - 18h00 e 21h30

LOBISOMEN Realização: Joe Johnston Elenco: Anthony Hopkins, Emily Blunt, Benicio Del Toro, Geraldine Chaplin Classificação: M/16 EUA/GB, 2010, Cores, 125 min. (Terror) Lawrence Talbot (Benicio Del Toro) é um aristocrata atormentado que abandonou Blackmoor, a pequena aldeia onde nasceu, após graves desavenças com o pai, Sir John Talbot (Anthony Hopkins). Alguns anos depois é contactado por Gwen (Emily Blunt), a noiva do seu irmão, que o informa do seu desaparecimento lhe suplica que regresse à aldeia para ajudar nas buscas. Já em Blackmoor, Lawrence depara-se com um cenário de terror: o seu irmão foi brutalmente assassinado e corre o rumor de uma terrível criatura meio humana à solta pelos bosques.

22 a 28 Abril - 18h00 e 21h30

UM HOMEM SÉRIO Realização: Ethan e Joel Coen. Elenco: Michael Stuhlbarg, Richard Kind e Fred Melamed. Classificação: M/12 EUA /FRA /GB, 2009, Cores, 105 min. (Comédia/Drama)

évoralocal / pág. 09


évoralocal / pág. 10


évoralocal / pág. 11


Évora Local  
Évora Local  

primeira edição

Advertisement