Issuu on Google+

évoralocal

159

Câmara Municipal de Évora / Director: Manuel Melgão // Semanário, 12 Setembro de 2013

De 14 a 22 de Setembro: Vai começar o Bikévora mais colorido de sempre É já no sábado, dia 14 de Setembro, que terá início a sexta edição do Bikévora, mais colorido de sempre. Nesta data terá lugar um passeio de ciclismo internacional que ligará os templos romanos de Mérida e Évora, na extensão de 200 quilómetros aproximadamente. Contudo, o ponto alto do Bikévora volta a ser o famoso Passeio da Família que este ano surge com um novo formato - Family Color Bikévora (dia 22), uma inovação que vai deixar todos os participantes muito mais coloridos.

Deliberações

da C.M. de Évora

pág.05

pág.07

Sabia que... O pintor eborense

José de Carvalho se notablizou no estilo neo-expressionista?

TEATRO

Cinema

pág.09 pág. 09

Garcia de Resende


évoralocal / pág. 02


De 14 a 22 de Setembro: Vai começar o Bikévora mais colorido de sempre

É já no sábado, dia 14 de Setembro, que terá início a sexta edição do Bikévora, mais colorido de sempre. Nesta data terá lugar um passeio de ciclismo internacional que ligará os templos romanos de Mérida e Évora, na extensão de 200 quilómetros aproximadamente. Contudo, o ponto alto do Bikévora volta a ser o famoso Passeio da Família que este ano surge com um novo formato - Family Color Bikévora (dia 22), uma inovação que vai deixar todos os participantes muito mais coloridos. O Bikévora vai estar, assim, associado às corridas mais coloridas do Mundo e para além do tradicional passeio familiar em bicicleta, num percurso de apenas 10 quilómetros e de dificuldade reduzida, este ano também vai haver a Caminhada da Família, de apenas cinco quilómetros, onde a magia das cores, a festa e a diversão vão surpreender todos. O Family Color Bikévora e a Caminhada da Família vão apresentar um novo conceito de atividade: o Color Run. Em cinco locais estratégicos os participantes irão ser “borrifados” com diversas cores, vivas e alegres, transformando o equipamento desportivo numa extraordinária paleta cromática. Mais. Quem participar (5 euros) recebe, para além de uma t’shirt e do respetivo seguro,75 gramas de pó colorido para um final apoteótico e único em Évora. As inscrições – obrigatórias – devem ser feitas aqui:  http://bikevora.cm-evora.pt O Bikévora, organizado pela Câmara Municipal de Évora juntamente com uma série de entidades e coletividades, tem atraído milhares de pessoas e na edição deste o programa integra ainda: provas de estrada e campo em circuitos de competição e lazer, uma Feira “Low Cost” da bicicleta, para além do 1º Family Color BikÉvora. Este ano, a organização promete um conjunto de atividades de todo o tipo e características distintas, destinado a um público bastante diversificado, que pode seguir em http://bikevora.cm-evora.pt Recorde-se que em 2008, foi o ano de arranque do evento Bikévora, com a participação de milhares de pessoas repetindo-se o mesmo sucesso nos anos seguintes. O evento tem tido um enorme impacto e a edição 2013, com uma aposta em iniciativas inovadoras, coincide, durante uma semana, com a Semana Europeia da Mobilidade.

 

Do programa consta logo no dia 14, um passeio de ciclismo de cerca de 200 quilómetros, entre os templos romanos de Mérida e Évora, organizado pelo Clube de Ciclismo de Évora, devendo as inscrições ser feitas em www.ccevora.com até ao próximo dia 11. No dia 15, entre as 10 e as 12 horas, será realizado o Passeio BTT à Descoberta, uma prova de orientação com partida do Rossio, organizada pelo Mundo BTT, cujas inscrições devem ser feitas em http://amundobtt.pt O tradicional passeio noturno realiza-se no dia 20, entre as 21 e as 24 horas, com partida do Rossio e é promovido pelo BTT Malagueira, devendo os participantes obter mais informações e inscrever-se em http://bttmalagueira.blogs.sapo.pt  Durante todo o dia 21 decorre a Super Maratona BTT, com início no Rossio até à Serra de Monfurado, dinamizada pelo Clube de Ciclismo de Évora (www.ccevora.com) . Saliente-se ainda que nos dias 21 e 22 a Praça de Giraldo receberá a Feira “Low Cost” de Bicicletas, e no dia 22 terá lugar o tão aguardado Family Color Bikevora, com partida do Rossio. 

évoralocal / pág. 03


évoralocal / pág. 04


Deliberações da Câmara Municipal de Évora Em reunião de 15 de Julho Câmara de Évora contra o encerramento de qualquer escola no Concelho A Câmara Municipal de Évora aprovou por unanimidade um parecer contra o encerramento das escolas do 1º ciclo do Ensino Básico de S. Miguel de Machede, Vendinha e Torre de Coelheiros, mantendo a autarquia o parecer aprovado em reunião pública de Câmara de 14 de junho de 2013 em que se pronunciava contra o encerramento de qualquer escola no Concelho. Esta decisão vem no seguimento do posicionamento da Câmara face às solicitações da Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares – Direção Serviços da Região Alentejo (DGEstE – DSRA) de 3 de julho de 2013 a propor o encerramento das referidas escolas e às quais o Município eborense se opõe em absoluto. Aquando do recebimento do ofício da DGEstE – DSRA, a Câmara auscultou todos os Agrupamentos de escolas e as Juntas de freguesia com estabelecimentos de ensino a funcionar com menos de 21 alunos no próximo ano letivo e não foi manifestado por nenhuma destas entidades interesse em encerrar nenhum estabelecimento. Mais acresce a esta posição da Câmara Municipal o facto de se manterem as condições de financiamento dos circuitos dos alunos transportados, acordadas entre o Ministério da Educação e a Associação Nacional dos Municípios Portugueses, segundo as quais é difícil à autarquia assegurar esse transporte. Para além deste assunto do reordenamento da rede que afeta diretamente os estabelecimentos do 1º ciclo e indiretamente os jardins-de-infância, a VicePresidente e Vereadora do Pelouro da Educação, Cláudia Sousa Pereira, quis partilhar com a Câmara as preocupações que chegam quer dos serviços camarários, quer da comunidade educativa, uma vez que a autarquia está presente em todos os Conselhos Gerais de Évora. “O que nos preocupa em particular”, explicou a autarca, “ é a indefinição sobre as Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC’S), não apenas para a nossa organização interna – essa até seria ultrapassável – mas porque julgamos que a estabilidade e a oferta que conseguimos no Concelho se vê ameaçada: é a relação entre a Câmara e as associações que, por exemplo, assegurem as AEC’s para as Necessidades Educativas Especiais, é a

flexibilização de horários que estava a entrar de forma harmoniosa na vida letiva e no envolvimento das próprias AEC’s com os professores titulares. Preocupações que incidem de igual modo na “redistribuição da oferta formativa, feita de forma absolutamente unilateral e, mais grave, a tomada de decisões relativamente aos cursos profissionais – no secundário e no 3º ciclo do Ensino Básico (cursos de educação e formação); esta transferência que parece estar a devolver ou limitar estes cursos às escolas profissionais não só deixa inúteis investimentos feitos nesta área, como a deixar que a escola pública seja o espaço integrador, que esbate a diferença social e faz conviver as vias científica ou profissional não favorece o clima de estabilidade que a área da educação exige”. Finalmente, “também a não-informação, quer das direções, quer das famílias, relativamente a inscrições/matrículas/disponibilidade de oferta educativa (a par de todas as instabilidades que vivemos) ”. Cedência de espaço à GARE para educação rodoviária Foi aprovada por unanimidade a proposta de protocolo entre a Câmara Municipal de Évora e a GARE – Associação para a Promoção de uma Cultura de Segurança Rodoviária, relativa à cedência de espaço municipal, polidesportivo descoberto, sito no Parque Industrial e Tecnológico de Évora, com vista à criação de um local de educação rodoviária que se designará por GARODROMO. O protocolo será válido por um período de cinco anos, contados a partir da data da sua assinatura, sendo tacitamente renovável. A GARE colocará em funcionamento as instalações no prazo de seis meses após a data da assinatura deste.

évoralocal / pág. 05


évoralocal / pág. 06


Sabia que

O pintor eborense José de Carvalho se notablizou no estilo neo-expressionista?

José de Carvalho (1949-1991) Nasceu e morreu em Évora. Personalidade intensa e irrequieta, encontrou no neo-expressionismo a oportunidade de reinventar o desenho impulsivo, com traçado informal derivado do uso da tinta espessa num suporte áspero. "O meu trabalho é feito à escala universal. O novelo que sinto cá dentro tenho de o revelar. Todos nós temos um novelo e, se reunirmos as condições ideais para o revelarmos, somos artistas (...)" José de Carvalho. "Sofro muito aquilo que faço, mas gosto, sou condenado a fazer este trabalho. Dentro da condenação devemos encontrar algo de útil e importante e darmos isso ao mundo." José de Carvalho.

évoralocal / pág. 07


évoralocal / pág. 08


Cinema de Verão | Pátio do Inatel (R. Serpa Pinto)

évoralocal / pág. 03


évoralocal / pág. 10


évoralocal / pág. 11



Évora local159