Issuu on Google+

JORNAL MURAL DO PARQUE DR. FERNANDO COSTA

Parque

V vo

Obras na captação de águas pluviais são iniciadas Dayane Souza e João Paulo Brito

J

á estão em andamento as “Obras para Melhoria do Sistema de Captação de Águas Pluviais” do Parque da Água Branca. Os trabalhos eliminarão os alagamentos, visíveis em alguns pontos do local, durante o período de chuvas. As obras prosseguirão até o segundo semestre de 2011. Porém, a primeira fase do projeto, que inclui as ruas do estacionamento,

dos pavilhões e do lago, deve ser concluída pela Administração do Parque até dezembro deste ano. Durante a execução das obras, serão implantados ralos e sarjetas. A reposição do pavimento será realizada simultaneamente e o asfalto será trocado por cimentado, que possui maior tempo de vida útil e manutenção mais fácil. Devido ao fenômeno da impermeabilização do solo, as águas das chuvas não conseguem se infiltrar na terra. Elas se

João Paulo Brito

EDIÇÃO 14/2010

acumulam na superfície e inundam os locais mais baixos. A região de Perdizes, onde se localiza o Parque Dr. Fernando Costa, sofre com o problema. A Avenida Francisco Matarazzo, uma das partes mais baixas do bairro, por exemplo, costuma ser afetada por alagamentos sempre que chove forte. A melhoria do Sistema de Captação de Águas Pluviais do Parque terá um impacto positivo dentro do Parque e, também, em toda a vizinhança.


Parque

E

Divulgação

Acervo do Centro Histórico e Pedagógico da Agricultura Paulista

Bruna Dezordi e Bruna Siqueira

m outubro, mês das crianças, o Espaço PraLer homenageia um dos maiores escritores da literatura infanto-juvenil brasileira: Monteiro Lobato. O espaço oferece, também, programação especial para a garotada. São brincadeiras, apresentações de teatro, cinema e contação de histórias, entre outras diversões. A exposição que homenageia Monteiro Lobato exibe a vida, a obra

Momentos do Parque

Divulgação

Monteiro Lobato é tema no mês das crianças

V vo

e a coleção completa de livros do escritor. Já a programação especial conta com brinquedoteca, interação com os personagens do Sítio do Pica-Pau Amarelo e Caça ao Tesouro. Saci Pererê, Emília e Visconde de Sabugosa fazem jogos e brincadeiras, enquanto o grupo Triii, nas próximas duas semanas, canta sucessos da trilha sonora do Sítio do Pica-Pau Amarelo. Para encerrar, a Companhia de Teatro Vaga-Lume apresenta o espetáculo teatral de bonecos “A cigarra e a formiga”, obra adaptada por Monteiro Lobato.

O

prédio “Fazendeiro”, localizado atrás da Administração do

Parque, foi construído em arquitetura francesa, estilo normando, como a maioria dos edifícios do Parque da Água Branca. Ele possui escadaria circular que o caracteriza e diferencia dos demais. Em seu interior, funcionam escritórios e associações, como o Escritório de Desenvolvimento Rural de São Paulo, a Associação dos Criadores de Búfalos e a Federação Ornitológica do Brasil. Atualmente, o “Fazendeiro” está passando por restauração.

Expediente

Parque Vivo, o jornal mural do Parque Dr. Fernando Costa, é uma publicação realizada em parceria pelo curso de Jornalismo da Uninove e a Administração do Parque da Água Branca PARQUE DR. FERNANDO COSTA ÁGUA BRANCA Av. Francisco Matarazzo, 455 DIRETORIA TÉCNICA DO PARQUE DR. FERNANDO COSTA Toninho Teixeira e Equipe UNINOVE Universidade Nove de Julho www.uninove.br MEMORIAL Rua Adolfo Pinto, 109

VILA MARIA Rua Diamantina, 310 VERGUEIRO Rua Vergueiro, 235/249 SANTO AMARO Rua Amador Bueno, 389

PROFESSORES-ORIENTADORES Prof. Alexandre Barbosa Profª. Debora Cristine Rocha

DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, TURISMO E SERVIÇO SOCIAL

PROJETO GRÁFICO E DIAGRAMAÇÃO Dayane Souza João Paulo Brito

Profª Gabriela Pavanato Sardinha COORDENAÇÃO DO CURSO DE JORNALISMO Prof. Alexandre Barbosa Profª Ana Lúcia Tsutsui Profª Débora Cristine Rocha

EDITOR João Paulo Brito

REDAÇÃO Bruna Dezordi Bruna Siqueira Dayane Souza João Paulo Brito

CONTATOS Fones: (11) 3865-4130/31 www.parqueaguabranca.sp.gov.br


Edição 14