Page 1

Governo do Estado do Pará Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará Diretoria de Estudos e Pesquisas Socioeconômicos e Análise Conjuntural Coordenadoria do Núcleo de Indicadores Socioeconômicos

Março/2011

IPC / RMB ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM


GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ

Simão Robison Oliveira Jatene VICE-GOVERNADOR Helenilson Pontes

PRESIDENTE Maria Adelina Guglioti Braglia DIRETOR DE ESTUDOS E PESQUISAS Cassiano Figueiredo Ribeiro GERÊNCIA DE INDICADORES SOCIOECONÔMICOS

Maria Augusta Esteves Pereira

EQUIPE EXECUTORA

Daniel Carlos Nascimento Serpa José Luiz dos Santos Lobato Nilceli Figueiredo Montalvão ESTAGIÁRIO

Emmanuel Oliveira da Silva COLETADORES DE CAMPO

Ana Carla Moreira do Vale, André Anderson Marcia Vale, Elizabeth Valadares da Silva, Flávio Ruanito Rodrigues Coelho, Helaine Thaís Pimentel Cardoso, Iraelson Monteiro Pereira, Jeferson Pinho Barbosa, Karla Karoline Botelho Gomes, Kelly Pereira Quaresma, Willani Henrique Freitas Lima.

Objetivo principal mensurar através da média aritmética, pelo método de Laspeyres com base modificada, as variações de preços médios que compõem a cesta básica de consumo dos bens e serviços dos belenenses, considerando os intervalos de rendimentos entre 1 e 8 e 1 e 40 salários mínimos.


Governo do Estado do Pará Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará Diretoria de Estudos e Pesquisas Socioeconômicos e Análise Conjuntural Coordenadoria do Núcleo de Indicadores Socioeconômicos

Serviços pressionam a inflação na RMB com taxa de 0,81% em março O Índice de Preços ao Consumidor – IPC, calculado e divulgado pelo Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará – IDESP, no mês de março registrou taxa de 0,81%, ficando acima 0,69% em relação ao mês de fevereiro/11, quando a taxa foi de 0,12%. Os itens responsáveis por esta inflação foram os Serviços que tiveram seus preços médios majorados na ordem de 5,79% e sua contribuição no Índice Geral foi de 0,90%. Vale ressaltar que os “Serviços”, como são itens de consumo restritos e não são bens de consumo imediato como os alimentos, a inflação registrada nesse setor não é muito preocupante, em parte porque com o aumento da renda e as facilidades encontradas para adquirir esses bens, que alguns profissionais oferecem, está fazendo com que a procura aumente bastante, forçando aumento nos preços. Mas vale ressaltar os outros fatores que também estão ligados a esses aumentos

expressivos: aumento do salário mínimo, as

embalagens, onde as matérias-primas utilizadas são as resinas plásticas, um derivado do petróleo, que vêm sofrendo aumentos sucessivos diante da crise no mercado externo. No grupo Despesas e Serviços Pessoais, onde a maioria dos serviços é alocada no mesmo, a taxa de 5,43% determinou a superioridade da inflação no mês de março, ocasionados pelo reflexo da comercialização de alguns produtos/serviços com preços médios acima do índice geral, como: ingresso de futebol (23,22%), locação de DVD (5,02%), sapateiro (10,51%), manicure e pedicure (18,21%), funeral (20,08%) e cigarro (5,37%). Outra explicação para esta aceleração foi que os profissionais que trabalham por conta própria cobram mais pelos “serviços”, tendo em vista o aumento dos preços dos alimentos, e ainda de terem que arcar com todas as despesas do aumento do salário mínimo e dos produtos utilizados com seus instrumentos de trabalho, fizeram com que a taxa do grupo chegasse ao patamar de 1,35%. A aceleração nos preços médios do grupo Alimentação e Bebidas foi ocasionada pelas pressões nos itens Tubérculos e Raízes (7,64%), fato explicado em parte pela especulação dos grandes centros produtores e ainda pelos problemas climáticos, que afetaram principalmente os seguintes produtos: batata inglesa (5,37%) e tomate (9,72%), frutos (2,35%) – laranja pêra (7,14%) e mamão (13,59%). Ainda no setor alimentos, vale ressaltar que outros


produtos de maior consumo também foram responsáveis pela aceleração do grupo, tais como os Peixes e crustáceos (15,21%), com destaques individuais para: tainha (15,45%), pescada (4,63%), piramutaba (37,17%), camarão fresco regional (1,61%), caranguejo (3,68%), filhote (17,63%), dourada (12,04%) e corvina (9,32%). Outros produtos que também são de grande consumo do belenense e que tiveram seus preços médios majorados acima da média, principalmente para famílias inclusas na faixa de renda entre um e oito e salários mínimos, foram: ovo de galinha (

2,40%), açaí (21,94%), arroz polido (0,53%), leite em pó integral

(2,75%), óleo de soja (1,30%) e café moído (2,75%). O subgrupo que também contribuiu significativamente para que o índice médio do grupo Alimentação e Bebidas chegasse a esse patamar foi Alimentação Fora do Domicílio (2,65%), deixando caracterizado que o consumidor belenense que preferir alimentar-se fora de sua casa vai, conseqüentemente, gastar muito mais do seu orçamento. Os itens responsáveis foram: almoço e jantar (0,92%), café com leite, leite e chocolate, etc. (9,46%), pão com manteiga (2,86%), sanduiche (1,43%) e cafezinho (4,85%). Os seis grupos de despesas responsáveis pela aceleração da taxa mensal foram: Despesas e Serviços pessoais (5,43%), Alimentação e Bebidas (1,35%), Móveis e Equipamentos Domésticos (0,79%), Transportes (0,42%), Vestuário (0,20%) e Saúde e Cuidados Pessoais (0,16%). Os outros três grupos que registraram taxas negativas, atenuando o índice final, foram: Comunicação (0,74%), Habitação (1,39%) e Educação, Leitura e Papelaria (1,43%). Despes as e Serviços Pes soais Alimentação e Bebidas

6,00%

Móveis e Equip. Domésticos

5,43%

Transporte

5,00%

Vest uário

4,00%

Saúde e Cuidados Pes soais Comunicação

3,00%

Habitaç ão

1,35%

2,00%

0,79%

1,00%

Educação, Leitura e Papelaria

0,42% 0,20% 0,16%

0,00% -0,74%

-1,00%

-1,39% -1,43%

-2,00% Fonte: IDESP

A taxa de 0,79% para o grupo Móveis e Equipamentos Domésticos é reflexo da demanda por bens duráveis como: Mobiliário (2,79%) – em destaque para: conjunto de estofado (12,55%), guarda-roupa (2,70%), colchão (2,32%) e rede (6,44%). Seguindo esta tendência altista, os Eletrodomésticos e Equipamentos (1,89%) – liquidificador (8,48%), máquina de lavar roupas (2,97%), ventilador (10,01%), forno de microondas (5,51%) e DVD (4,40%). Estas taxas acima do índice médio foram também bastante influenciadas pelas altas taxas de juros cobradas ao consumidor final.


No grupo Transportes a taxa de 0,42% foi pressionada por alguns itens que, dentro da estrutura de consumo, têm sua participação significativa como: câmara e pneu (6,77%), IPVA (1,65%), motocicleta (4,78%) e óleo diesel (0,47%). Os demais itens - passagens de ônibus intermunicipais, interestadual, urbano, transporte alternativo e táxi - permaneceram com seus preços inalterados, ou seja, não tiveram reajustes. Já em Vestuário a taxa de 0,20%, que está relacionada ao setor comércio, as altas taxas de juros são reflexos dos aumentos nos itens que fazem parte da cesta de consumo do grupo como: calçados (1,87%), tecidos (2,38%), acessórios femininos e masculinos (1,71%), roupas de mulheres (0,60%) e roupas de crianças (1,03%). No grupo Saúde e Cuidados Pessoais registrou a taxa de 0,16%. Os itens responsáveis foram os “Serviços”, como: atendimento médico (1,82%) e plano de saúde (4,27%). No subgrupo Higiene Pessoal a taxa de 1,81% está sendo provocada pelo aumento dos insumos usados nas embalagens plásticas, fruto da crise no mercado externo. Os itens que tiveram registro acima da média foram: perfume (6,33%), talco (1,41%), esmalte, base, acetona, etc. (3,23%) e lâmina de barbear (9,08%). A deflação registrada no mês para os grupos Comunicação (0,74%), Habitação (1,39%) e Educação, Leitura e Papelaria (1,43%) conseguiu atenuar a taxa do Índice Geral. Na análise desagregada, a taxa negativa de 0,74% no grupo Comunicação foi pressionada pelos itens constantes nas tarifas de telefone fixo, celular e assinatura para TV. O item que registrou taxa negativa foi aparelho celular (7,74%) e o que registrou taxa positiva foi aparelho telefônico convencional (7,64%). No grupo Habitação (-1,39%) foi em decorrência das taxas constantes dos bens administrados pelo governo ( tarifa de água e esgoto e energia elétrica). Mas o item de maior importância dentro da estrutura de consumo do grupo registrou taxa negativa: o gás de bujão - em função da concorrência entre as distribuidoras na RMB. Os itens que tiveram comportamento inverso foram: aluguel (0,82%), condomínio (0,91%), materiais de pintura em geral (5,10%) e o subgrupo Artigos de Limpeza Descartáveis (0,95%). O grupo Educação, Leitura e Papelaria (-1,43%) foi em função de alguns itens como matrículas e mensalidades escolares estarem com seus preços médios constantes e ainda as taxas negativas em alguns materiais escolares como: livro e revistas técnicas (3,92%), livro escola do fundamental e médio (7,62%) e outros artigos de papelaria (8,74%). Mas vale ressaltar que dentro deste contexto houve itens que tiveram comportamento inverso, registrando taxas positivas como: fotocópia xérox (8,33%) e uniforme escolar (0,85%).


IPC – ÍNDICE DE PREÇO AO CONSUMIDOR E IPCA – ÍNDICE DE PREÇO AO CONSUMIDOR AMPLO IPC/SEPOF/PA Mensal Acumulado no ano Acumulado em seis meses Acumulado em doze meses IPCA/SEPOF/PA Mensal Acumulado no ano Acumulado em seis meses Acumulado em doze meses

(%) Março/11 Fevereiro/11 0,81 0,12 2,76 1,93 6,34 5,68 9,35 9,42 1,13 3,05 6,30 8,92

(%) Março/10 Fevereiro/10 0,87 1,68 3,99 3,09 5,12 4,27 7,96 7,72

0,23 1,89 5,36 8,82

1,04 4,08 5,20 8,35

1,28 3,01 4,35 7,79

FONTE: SEPOF/DIPLAN/GERIN

CESTA BÁSICA DA RMB REGISTRA A TAXA DE 1,43% EM MARÇO/2011 A Cesta Básica do mês de Março/11 foi de R$ 210,35 (Duzentos e dez reais e trinta e cinco centavos), correspondendo a 38,60% do salário mínimo vigente, de R$ 545,00 (Quinhentos e quarenta e cinco reais), apresentando variação de 1,43% em relação ao mês de Fevereiro/11, quando a Cesta Básica registrou o valor de R$ 207,39 (Duzentos e sete reais e trinta e nove centavos). Dos produtos que compõem a Cesta Básica, no mês em análise, seis produtos apresentaram taxa positiva: carne de segunda (0,82%), arroz polido (0,50%), tomate (9,72%), café moído (2,75%), manteiga (0,02%) e óleo de soja (1,30%). Os que apresentaram taxas negativas foram: leite in natura (3,32%), feijão rajado (0,78%), farinha de mandioca (2,14%), banana prata (1,18) e açúcar refinado (3,53%). O único produto que apresentou preço inalterado foi o pão comum. Para adquirir os produtos da Cesta Básica em Fevereiro/11, o trabalhador precisou cumprir uma jornada de trabalho de 92 horas e 38 minutos.

Gasto do Salário Mínimo com Cesta Básica em Belém Fevereiro/11 Cesta Básica

38,60%

Fonte: IDESP

61,40%

Outras Despesas


CESTA BÁSICA* – FEVEREIRO/2011 Tabela 1: Gastos Mensais e Variação. Produtos

Quantidade

Carne de 2ª Leite in natura Arroz polido Feijão rajado Farinha de mandioca Tomate Pão comum Café moído Banana prata Açúcar refinado Manteiga Óleo de Soja

4,5 Kg 6,0 Lt 3,6 Kg 4,5 Kg 3,0 Kg 12,0 Kg 6,0 Kg 300 G 7,5 Dz. 3,0 Kg 750 g 900 Ml

Gasto total mensal/R$ Gasto salarial (%) Salário mínimo/R$ Horas trabalhadas

Gastos em Março/11 (R$)

Gastos em Fevereiro/11 (R$)

38,57 13,98 6,80 12,11 8,25 42,00 45,90 3,14 18,83 7,38 10,28 3,11 210,57 38,60% 545,00 92h e 38 min

38,25 14,46 6,77 12,20 8,43 38,28 45,90 3,06 19,05 7,65 10,28 3,07 207,39 38,41% 540,00 92h e 10 min

Variação Mensal

0,82 -3,32 0,50 -0,78 -2,14 9,72 0,00 2,75 -1,18 -3,53 0,02 1,30 1,43%

Fonte: IDESP (*) A Cesta Básica representa os gastos com alimentação de um trabalhador adulto, (Decreto Lei nº399/38 de 30.04.1938).

Tabela 2: Gastos Mensais, Taxas mensais, Taxas acumuladas no ano. 2011 Mês

(Cesta Básica*) 2010

Taxa Gasto Taxa Gasto Taxa Acumulada no Mensal (R$) Mensal (%) Mensal (R$) Mensal (%) Ano (%)

Taxa Acumulada no Ano (%)

Janeiro

203,35

1,13

1,13

195,60

1,31

1,31

Fevereiro

207,39

1,99

3,14

199,47

1,98

3,32

Março

210,35

1,43

4,62

206,57

3,56

6,99

Fonte: IDESP (*) A Cesta Básica representa os gastos com alimentação de um trabalhador adulto, (Decreto Lei nº399/38 de 30.04.1938).


PARTICIPAÇÃO NO ORÇAMENTO FAMILIAR – MARÇO/2011 Participação relativa no orçamento familiar, variação no mês, do Índice de Preços ao Consumidor da Região Metropolitana de Belém, segundo grupos de consumo, na faixa de rendimento familiar entre: Tabela 1:

1 e 8 Salários Mínimos Contribuição em pontos percentuais

Grupos

Participação no Orçamento

GERAL

100,0000

0,81

Alimentação e Bebidas

34,1035

1,35

0,46

Vestuário

9,7721

0,20

0,02

Habitação

12,0788

-1,39

-0,17

Móveis e Equipamentos Domésticos

7,8599

0,79

0,06

Saúde e Cuidados Pessoais

10,5623

0,16

0,02

Transporte

11,1953

0,42

0,05

Despesas e Serviços Pessoais

8,3406

5,43

0,45

Educação, Leitura e Papelaria

2,9512

-1,43

-0,04

Comunicação

3,1363

-0,74

-0,02

Variação no mês (%)

Fonte: IDESP

Tabela 2:

1 e 40 Salários Mínimos

Grupos GERAL

100,0000

Alimentação e Bebidas

30,8024

0,98

0,30

Vestuário

9,2880

0,22

0,02

Habitação

11,5427

0,88

0,10

Móveis e Equipamentos Domésticos

6,9599

0,60

0,04

Saúde e Cuidados Pessoais

11,1358

0,16

0,02

Transporte

13,8161

2,07

0,29

Despesas e Serviços Pessoais

9,1831

4,51

0,41

Educação, Leitura e Papelaria.

3,4621

-0,72

-0,02

Comunicação

3,8099

-0,41

-0,02

Fonte: IDESP

Variação no mês (%)

Contribuição em pontos percentuais

Participação no Orçamento

1,13


ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM, SEGUNDO FAIXAS DE RENDIMENTOS FAMILIARES, CONSIDERANDO O ÍNDICE GERAL E ALIMENTAÇÃO E BEBIDAS. MARÇO/2011 ÍNDICES MENSAIS

Base: Ago/94 = 100 1 a 8 salários Mínimos

Período Geral

Alimentação e Bebidas

1 a 40 Salários Mínimos Geral

Alimentação e Bebidas

Jan

486,94

2009 420,97

553,82

410,01

Fev

489,47

425,90

558,25

414,77

Mar

492,60

425,72

561,15

415,17

Abr

493,68

422,83

562,72

413,18

Mai

495,01

425,96

563,85

416,77

Jun

498,43

428,52

466,82

418,60

Jul

500,97

422,65

469,85

412,61

Ago

505,83

421,30

474,41

411,70

Set

506,13

414,43

475,45

405,15

Out

507,34

418,57

476,30

408,92

Nov

509,01

421,50

479,30

411,74

Dez

511,61

429,13

480,79

419,52

Jan

518,72

2010 438,79

489,01

430,55

Fev

527,43

452,92

495,27

443,64

Mar

532,02

456,90

500,42

447,37

Abr

534,36

463,71

500,62

452,33

Mai

540,14

471,83

506,23

460,16

Jun

Dez

541,92 545,33 546,10 547,08 551,89 560,39 566,16

467,35 471,13 462,13 464,72 582,76 606,07 617,22

507,29 511,75 511,55 512,73 516,62 524,73 528,93

454,50 458,86 450,19 451,93 463,86 482,79 491,58

Jan

576,41

2011 632,77

537,71

499,74

Fev

577,10

623,78

538,95

494,14

Mar

581,78

632,21

599,85

498,98

Jul Ago Set Out Nov

Fonte: IDESP


PREÇOS MÉDIOS E VARIAÇÃO PERCENTUAL DE ALGUNS PRODUTOS/SERVIÇOS COMPONENTES DA CESTA DE CONSUMO DO IPC/BELÉM MARÇO/2011 Descrição

Fev/11

Mar/11

Variação (%)

Descrição

Fev/11

Mar/11

Variação (%)

ARROZ POLIDO

1,88

1,89

0,53

MORTADELA

FEIJÃO PRETO

2,85

2,78

-2,46

CAMARÃO SECO

4,73

4,82

1,90

26,16

26,54

FEIJÃO JALO

2,85

2,75

-3,51

PIRARUCU

30,99

1,45

31,02

0,10

FEIJÃO RAJADO

2,71

2,69

-0,74

SALSICHA (VAREJO)

5,04

5,36

6,35

CREME DE ARROZ

2,11

2,11

0,00

PRESUNTO DE QUALQUER TIPO

11,07

11,39

2,89

FUBÁ DE MILHO

1,87

1,75

-6,42

FRANGO ABATIDO

4,53

4,47

-1,32

FARINHA DE TRIGO

2,28

2,27

-0,44

FRANGO CONGELADO

4,20

4,21

0,24

FARINHA DE MANDIOCA

2,81

2,75

-2,14

OVO DE GALINHA

3,75

3,84

2,40

FÉCULA DE MANDIOCA (GOMA)

2,45

2,24

-8,57

PEITO DE FRANGO

8,56

8,25

-3,62

FARINHA LÁCTEA

5,75

5,47

-4,87

LEITE IN NATURA (CAIXA )

2,41

2,33

-3,32

MACARRÃO SEM OVOS

1,71

1,67

-2,34

LEITE EM PÓ INTEGRAL

6,19

6,36

2,75

MACARRÃO COM OVOS

2,54

2,54

0,00

LEITE CONDENSADO

2,39

2,71

13,39

BATATA INGLESA

2,42

2,55

5,37

CREME DE LEITE

2,00

2,22

11,00

CENOURA

2,26

2,52

11,50

IOGURTE DE QUALQUER SABOR

1,66

1,66

0,00

CEBOLA

1,84

2,03

10,33

MANTEIGA COM SAL

13,70

13,71

0,07

COUVE

1,15

1,33

15,65

QUEIJO PRATO

19,02

18,09

-4,89

REPOLHO

1,69

1,83

8,28

QUEIJO MUSSARELA

18,92

16,15

-14,64

CHEIRO VERDE

2,48

1,30

-47,58

PÃO FRANCÊS

1,53

1,53

0,00 -4,66

TOMATE

3,19

3,50

9,72

BISCOITO SALGADO

2,36

2,25

ALFACE

1,55

1,55

0,00

BISCOITO DOCE

1,49

1,56

4,70

PIMENTÃO

3,88

4,01

3,35

ÓLEO DE SOJA

3,07

3,11

1,30

BANANA PRATA

2,54

2,51

-1,18

MARGARINA VEGETAL COM SAL

2,95

2,95

0,00

LARANJA PÊRA

1,82

1,95

7,14

REFRIGERANTE

3,86

3,77

-2,33

LIMÃO COMUM

2,57

2,23

-13,23

SUCO DE FRUTAS (ENGARRAFADO)

2,72

2,77

1,84

MACA

3,74

3,43

-8,29

SUCO DE FRUTAS (ARTIFICIAL)

0,84

0,65

-22,62

MAMÃO

2,06

2,34

13,59

CAFÉ MOÍDO

2,55

2,62

2,75

MELANCIA

1,40

1,39

-0,71

CAFÉ SOLÚVEL

5,29

5,40

2,08

UVA

7,21

7,19

-0,28

AÇAÍ (EMULSÃO)

9,71

11,84

21,94

CUPUAÇU

4,33

3,69

-14,78

CERVEJA

2,04

1,84

-9,80

COCO SECO DA BAHIA

3,52

3,71

5,40

VINHO

5,43

5,55

2,21

FILE MIGNON

28,98

27,43

-5,35

AÇÚCAR REFINADO

2,55

2,46

-3,53

CONTRAFILÉ

16,42

16,10

-1,95

2,54

2,58

1,57

ALCATRA

17,11

16,53

-3,39

AÇUCAR CRISTAL CHOCOLATE EM PÓ DE QUALQUER MARCA

3,23

3,17

-1,86

CHÁ DE DENTRO

14,73

14,39

-2,31

BOMBOM DE QUALQUER MARCA

3,74

3,55

-5,08

CABEÇA DE LOMBO

14,65

14,64

-0,07

PATÊ DE CARNE EM CONSERVA

2,35

2,46

4,68

LAGARTO REDONDO

14,40

13,89

-3,54

CARNE DE BOI EM CONSERVA

2,77

2,75

-0,72 -5,00

AGULHA

8,88

8,25

-7,09

SALSICHA EM CONSERVA

1,80

1,71

8,50

8,57

0,82

SARDINHA

2,16

2,23

3,24

MÚSCULO DE BOI

10,36

10,20

-1,54

AZEITONA

3,94

4,13

4,82

PEITO (DE BOI)

8,14

8,28

1,72

0,96

0,90

-6,25

COSTELA DE BOI

7,54

7,42

-1,59

SAL REFINADO TEMPERO MISTO INDUSTRIALIZADO (ALHO+SAL,ETC

1,56

1,56

0,00

CARNE MOÍDA DE PRIMEIRA

13,26

13,28

0,15

COLORAU

0,51

0,47

-7,84

BUCHO DE BOI

7,32

7,28

-0,55

VINAGRE DE ÁLCOOL

1,74

1,74

0,00

FÍGADO DE BOI

8,69

8,73

0,46

MAIONESE

1,88

2,07

10,11

TAINHA

8,74

10,09

15,45

ALHO ALIMENTOS PREPARADOS OU SEMIPREPARADOS

17,71

16,60

-6,27

5,37

4,80

-10,61

13,57

13,86

2,14 2,20

SERRA

8,39

8,47

0,95

PESCADA

11,89

12,44

4,63

PIRAMUTABA

7,64

10,48

37,17

FRANGO ASSADO MASSAS PRONTAS (PREPARADAS PARA CONSUMO)

9,08

9,28

CAMARÃO FRESCO (REGIONAL)

19,86

20,18

1,61

ALMOÇO E JANTAR

36,83

37,17

0,92

CARANGUEJO

1,36

1,41

3,68

LEITE,CAFÉ COM LEITE,CHOCOLATE,ETC,

1,48

1,62

9,46

FILHOTE

17,25

17,53

1,62

PÃO COM MANTEIGA

1,40

1,44

2,86

DOURADA

11,80

12,04

2,03

SANDUÍCHE

2,79

2,83

1,43

CORVINA

8,82

9,32

5,67

CAFEZINHO

1,03

1,08

4,85

CARNE SECA

14,25

14,24

-0,07

3,01

2,96

-1,66

LINGÜIÇA (VAREJO)

8,28

8,25

-0,36

REFRIGERANTE BOMBOM,CHICLETE,CHOCOLATE EM BARRA,PICOLÉ,

1,66

1,89

13,86

Fonte: IDESP


Descrição

Fev/11

Mar/11

Variação (%)

Descrição

Fev/11

Mar/11

Variação (%) -4,15

TACACÁ

4,57

4,57

0,00

RELÓGIO DE PULSO DE HOMEM

192,13

184,15

SALGADINHO

2,40

2,48

3,33

RELÓGIO DE PULSO DE MULHER

159,71

165,91

3,88

AGUARDENTE

4,65

4,92

5,81

BIJUTERIA

31,17

29,66

-4,84

CERVEJA

3,57

3,65

2,24

ÓCULOS SEM GRAU ESPORTIVO

188,09

149,84

-20,34

ÁGUA MINERAL

1,38

1,52

10,14

TECIDOS

11,75

12,03

2,38

SUCO

2,25

2,33

3,56

3,33

3,78

13,51

1607,07

1620,28

0,82

424,96

428,83

0,91

REFRIGERANTE

2,47

2,55

3,24

ARTIGOS DE ARMARINHO ALUGUEL DO IMÓVEL (DOMICILIO PRINCIPAL)

BERMUDA (HOMEM)

57,42

55,86

-2,72

CONDOMÍNIO (DOMICILIO PRINCIPAL)

SHORT (HOMEM)

46,53

41,57

-10,66

AGUA E ESGOTO (RESID) - 1 A 8 SM

1,60

1,60

0,00

CALÇA COMPRIDA (HOMEM)

73,68

75,97

3,11

AGUA E ESGOTO (RESID) - 1 A 40 SM

3,34

3,34

0,00

CAMISA (HOMEM)

42,91

41,76

-2,68

39,00

37,33

-4,28

CAMISETA (HOMEM)

32,10

30,71

-4,33

GÁS DE BUJÃO TX. DE ENERGIA ELETRICA(RESID.) - 1 A 40 SM TX. DE ENERGIA ELETRICA(RESID.) - 1 A 8 SM

332,02

332,02

0,00

CUECA (HOMEM)

20,82

17,68

-15,08

209,70

209,70

0,00

MEIAS (HOMEM)

11,15

11,33

1,61

TINTA PARA CASA

38,24

38,84

1,57

BERMUDA (MULHER)

54,73

54,66

-0,13

MATERIAL DE PINTURA EM GERAL

7,65

8,04

5,10

SHORT (MULHER)

43,27

47,47

9,71

MATERIAL HIDRÁULICO

27,30

23,51

-13,88

BLUSA (MULHER)

41,82

42,38

1,34

FERRAGENS

13,08

12,99

-0,69

CALÇA COMPRIDA (MULHER)

70,14

70,45

0,44

MATERIAL ELÉTRICO EM GERAL

7,93

12,48

57,38

CALCINHA (MULHER)

14,61

14,72

0,75

ÁGUA SANITÁRIA

1,76

1,72

-2,27 3,85

SUTIEN (MULHER)

29,87

29,19

-2,28

ESPONJA DE LIMPEZA

2,08

2,16

MAIÔ (MULHER)

52,32

51,01

-2,50

VASSOURA DE QUALQUER TIPO

5,73

6,13

6,98

BIQUÍNI (MULHER)

37,06

36,98

-0,22

DETERGENTE

1,22

1,18

-3,28

SAIA (MULHER)

53,87

54,95

2,00

SABÃO EM BARRA

3,31

3,34

0,91

VESTIDO (MULHER) CONJUNTO DE SAIA E BLUSA (MULHER)

77,54

72,04

-7,09

SABÃO EM PÓ

4,44

4,43

-0,23

33,90

35,23

3,92

FÓSFOROS

1,56

1,56

0,00

BERMUDA (CRIANÇA)

39,38

42,66

8,33

VELAS DE ILUMINAÇÃO

2,61

2,50

-4,21

SHORT (CRIANÇA)

30,50

30,95

1,48

LÂMPADA

6,66

7,78

16,82

BLUSA (CRIANÇA)

28,05

28,57

1,85

PALHA DE AÇO

1,59

1,73

8,81

CAMISA (CRIANÇA)

31,99

31,88

-0,34

DESINFETANTE

2,13

2,18

2,35

CALÇA COMPRIDA

55,99

56,28

0,52

CONJUNTO ESTOFADO COMPLETO

1169,17

1315,91

12,55

CALCINHA (CRIANÇA)

9,51

9,94

4,52

ESTANTE PARA SALA

761,63

725,36

-4,76

CUECA (CRIANÇA)

10,76

10,59

-1,58

SALA DE JANTAR

1651,06

1569,16

-4,96

FRALDA DESCARTÁVEL (CRIANÇA)

16,78

17,01

1,37

GUARDA - ROUPA

874,67

898,29

2,70

FRALDA DE TECIDO (CRIANÇA)

20,69

18,68

-9,71

CAMA

419,98

415,90

-0,97

SAIA (CRIANÇA)

39,41

42,90

8,86

COLCHÃO

421,05

430,81

2,32

VESTIDO (CRIANÇA) CONJUNTO DE BERMUDA E CAMISA (CRIANÇA) CONJUNTO DE SAIA E BLUSA (CRIANÇA)

48,93

49,25

0,65

CÔMODA QUARTO

401,59

409,71

2,02

40,10

39,37

-1,82

ARMÁRIO COPA E COZINHA

499,58

518,07

3,70

44,25

41,69

-5,79

MESA E CADEIRAS

610,86

596,00

-2,43

CARTEIRA DE HOMEM

82,14

68,66

-16,41

REDE

28,74

30,59

6,44

BOLSA DE MULHER

104,26

115,68

10,95

MANUTENÇÃO DE MÓVEIS

199,31

220,56

10,66

CINTO DE HOMEM

35,47

42,79

20,64

ROUPA DE CAMA

48,77

48,64

-0,27 -1,07

CINTO DE MULHER

45,05

40,19

-10,79

TOALHA DE BANHO

21,50

21,27

MOCHILA (EXCETO ESCOLAR)

88,98

88,18

-0,90

ROUPA DE MESA

26,04

25,91

-0,50

SAPATO DE HOMEM

118,36

125,92

6,39

FOGÃO

796,77

774,45

-2,80

TÊNIS DE HOMEM

177,71

178,05

0,19

FREEZER

1629,87

1576,43

-3,28

SANDÁLIA DE HOMEM

46,05

48,27

4,82

GELADEIRA

1492,45

1531,57

2,62

SANDÁLIA DE MULHER

47,79

49,60

3,79

LIQUIDIFICADOR

102,36

111,04

8,48

SANDÁLIA DE BORRACHA

27,89

28,07

0,65

FERRO ELÉTRICO

59,15

57,68

-2,49

SAPATO DE MULHER

84,47

88,66

4,96

MAQUINA DE LAVAR ROUPAS

1153,19

1187,41

2,97 10,01

SANDÁLIA DE CRIANÇA

39,18

37,46

-4,39

VENTILADOR

112,52

123,78

SAPATO DE CRIANÇA

58,37

54,36

-6,87

MAQUINA DE COSTURA (ELÉTRICA)

613,71

635,06

3,48

BOTA DE CRIANÇA

70,49

71,00

0,72

AR CONDICIONADO

952,05

934,93

-1,80

66,58

62,93

-5,48

TELEVISÃO EM CORES

949,24

929,31

-2,10

551,80

580,52

5,20

DVD

202,23

211,13

4,40

TÊNIS DE CRIANÇA JÓIAS

Fonte: IDESP


Descrição

Fev/11

Mar/11

Variação (%)

Descrição

Fev/11

Mar/11

Variação (%)

CONJUNTO DE SOM

1288,19

1257,19

-2,41

BRONZEADOR

22,84

21,03

-7,92

MICROCOMPUTADOR IMPRESSORA DE MICROCOMPUTADOR

1462,62

1309,08

-10,50

ESMALTE,BASE,ACETONA,ETC,

2,48

2,56

3,23

362,62

367,57

1,37

HIDRATANTE

5,77

5,53

-4,16

FORNO DE MICROONDAS

342,94

361,84

5,51

CRME DENTAL

2,00

1,88

-6,00

COPO COMUM DE VIDRO

4,25

4,19

-1,41

ESCOVA DE DENTES

6,68

7,08

5,99

PRATO DE LOUCA

7,20

7,74

7,50

SABONETE

1,05

1,05

0,00

FRIGIDEIRA,LEITEIRA,ETC,

41,02

44,71

9,00

SHAMPOO

5,04

5,04

0,00

TALHERES

6,55

5,52

-15,73

CONDICIONADOR

5,92

5,63

-4,90

UTENSÍLIOS DE PLÁSTICO

11,75

11,58

-1,45

DESODORANTE

6,44

6,09

-5,43

GARRAFA TÉRMICA MANUTENÇÃO DE APARELHOS DOMÉSTICOS CONSERTO DE TELEVISÃO (PECA+MÃO-DE-OBRA) CONSERTO DE MICROCOMPUTADOR (PEÇA+MDO)

42,26

45,53

7,74

LÂMINA DE BARBEAR

6,61

7,21

9,08

33,99

33,31

-2,00

ABSORVENTE HIGIÊNICO

2,80

2,90

3,57

35,00

35,00

0,00

PAPEL HIGIÊNICO

2,34

2,58

10,26

126,55

132,86

4,99

TÁXI

3,64

3,64

0,00

TAPETE

323,02

321,18

-0,57

BARCO

17,52

17,32

-1,14

CORTINA PRONTA

106,18

109,12

2,77

ÔNIBUS INTERMUNICIPAL

36,59

36,50

-0,25

ANTIINFECCIOSO

13,12

13,21

0,69

ÔNIBUS INTERESTADUAL

312,79

313,38

0,19

ANALGÉSICO E ANTITERMICO ANTIINFLAMATÓRIO E ANTIREUMATICO

5,79

5,62

-2,94

ÔNIBUS INTERMUNICIPAL ESPECIAL

36,59

36,45

-0,38

16,33

15,29

-6,37

ÔNIBUS URBANO ESPECIAL

3,05

3,05

0,00

ANTIGRIPAL E ANTITUSSÍGENO

14,84

14,41

-2,90

ÔNIBUS URBANO CONVENCIONAL

1,85

1,85

0,00

ANTIALÉRGICO VASODILATADOR/PRESSÃO ARTERIAL

12,87

12,87

0,00

TRANSPORTE ALTERNATIVO

2,00

2,00

0,00

21,53

20,86

-3,11

ÓLEO LUBRIFICANTE

24,50

21,75

-11,22

CALMANTE

12,05

12,05

0,00

IPVA

494,92

503,10

1,65

PARA O FÍGADO (HEPÁTICO)

13,21

16,38

24,00

LAVAGEM (SEM LUBRIFICAÇÃO)

15,62

35,30

125,99

PARA OS RINS (RENAL)

20,27

20,95

3,35

CAMERA E PNEU

268,86

287,06

6,77

ANTIÁCIDO

5,77

7,43

28,77

CONSERTO (PECA+MÃO-DE-OBRA)

160,03

160,03

0,00

ANTIANEMICO

16,22

16,22

0,00

OUTRAS PECAS E ACESSÓRIOS

82,63

81,64

-1,20

ANTICONCEPCIONAL

21,42

21,42

0,00

129,52

129,52

0,00

28846,54

26398,50

-8,49

10138,33

10622,58

4,78

DERMATOLOGICO

14,04

14,04

0,00

EMPLACAMENTO DE AUTOMÓVEL AUTOMÓVEL DE PASSEIO NACIONAL (USADO)

VITAMINA (EXCETO B12)

14,60

14,97

2,53

MOTOCICLETA

ANTI-HELMINTICO (VERMÍFUGO)

11,92

11,92

0,00

PECA ELÉTRICA OU MECÂNICA

65,25

66,98

2,65

LAXANTE E PURGATIVO

14,59

14,59

0,00

BATERIA

324,77

324,77

0,00

ANTIASMÁTICO

6,35

6,35

0,00

TRANSPORTE ESCOLAR

201,33

201,33

0,00

BRONCODILATADORES

16,89

16,89

0,00

PINTURA (MATERIAL+MÃO-DE-OBRA)

512,50

512,50

0,00

MATERIAL DE CURATIVO

2,08

2,08

0,00

EMPLACAMENTO DE MOTO

129,52

129,52

0,00

PRESERVATIVO MASCULINO

2,96

2,96

0,00

483,65

486,35

0,56 4,78

OFTALMOLÓGICO

10,11

10,11

0,00

CD PARA VEICULO AUTOMÓVEL DE PASSEIO NACIONAL (NOVO)

43634,22

45721,33

PARA DIABETES

10,95

10,95

0,00

GASOLINA COMUM

2,79

2,79

0,00

REDUTOR DE COLESTEROL

43,14

43,14

0,00

ÓLEO DIESEL

2,15

2,16

0,47

ANTIOSTEOPOROSE

59,10

59,10

0,00

ÁLCOOL

2,21

2,30

4,07

HORMÔNIO

33,52

33,52

0,00

EMPREGADO DOMÉSTICO

540,00

545,00

0,93

ANTIULCEROSO

18,14

18,14

0,00

BARBEIRO

21,23

21,40

0,80

ARMAÇÃO DE ÓCULOS

267,86

236,57

-11,68

CABELEIREIRO

84,49

79,47

-5,94

LENTE DE ÓCULOS (DE GRAU)

260,00

225,15

-13,40

MANICURE E PEDICURE

16,53

19,54

18,21

CONSULTA MEDICA

184,34

187,95

1,96

SAPATEIRO

7,71

8,52

10,51

TRATAMENTO DENTÁRIO

217,14

219,28

0,99

CARTÓRIO

113,92

113,92

0,00

EXAME DE LABORATÓRIO

26,90

24,63

-8,44

CINEMA

12,67

12,67

0,00

HOSPITALIZAÇÃO

339,91

334,30

-1,65

FUTEBOL

28,47

35,08

23,22

PLANO/SEGURO-SAÚDE

260,60

271,73

4,27

CLUBE (MENSALIDADE E TAXA)

56,00

61,00

8,93

ELETRODIAGNOSTICO

193,07

166,23

-13,90

REVELAÇÃO DE FILME

11,96

12,03

0,59

RADIOGRAFIA

157,40

151,57

-3,70

LOCAÇÃO DE DVD

6,38

6,70

5,02

SERVIÇOS DE CIRURGIA

535,19

536,32

0,21

ALIMENTOS DE CÃES

10,13

10,33

1,97

ESCOVA DE CABELOS E PENTE

10,17

9,34

-8,16

BOATE,DANCETERIA E DISCOTECA

16,75

16,75

0,00

PERFUME

11,22

11,93

6,33

MOTEL

74,10

74,10

0,00

TALCO

4,27

4,33

1,41

CD

20,77

20,05

-3,47

ARTIGOS DE MAQUIAGEM

25,75

23,97

-6,91

BICICLETA

411,96

401,44

-2,55

Fonte: IDESP


Descrição

Fev/11

Mar/11

Variação (%)

BRINQUEDOS E JOGOS

70,13

75,40

7,51

ACESSÓRIOS DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

32,63

35,28

8,12

MAQUINA FOTOGRÁFICA

503,32

503,29

-0,01

LOTOMANIA

1,25

1,25

0,00

MEGASENA

24,00

24,00

0,00

FUNERAL

1064,20

1277,89

20,08

CIGARRO

4,10

4,32

5,37

FÓSFORO (FUMANTE) MENSALIDADE / MATRICULA DE CURSO PRÉ-ESCOLA

0,16

0,16

0,00

522,94

523,14

0,04

UNIFORME ESCOLAR

31,59

31,86

0,85

PÓS-GRADUAÇÃO

378,13

378,13

0,00

CURSO DE FORMAÇÃO FUNDAMENTAL

520,44

520,44

0,00

CURSO DE FORMAÇÃO MÉDIO

568,57

568,57

0,00

CURSO DE NIVEL SUPERIOR

693,07

693,07

0,00

INFORMÁTICA

179,13

214,53

19,76

CURSO DE IDIOMA

135,86

126,89

-6,60

MENSALIDADE / MATRICULA

426,90

426,90

0,00

LIVRO E REVISTA TÉCNICA E OUTROS LIVROS DIDÁTICOS

91,94

88,34

-3,92

JORNAL

1,69

1,69

0,00

242,65

242,65

0,00

9,67

9,51

-1,65

LIVRO ESCOLAR DE PRIMEIRO E SEGUNDO GRAUS

103,62

95,72

-7,62

CADERNO

21,38

21,11

-1,26

OUTROS ARTIGOS E PAPELARIAS

6,52

5,95

-8,74

OUTROS ARTIGOS E PAPELARIAS

6,01

4,97

-17,30

LIVROS NÃO DIDÁTICOS

33,70

32,86

-2,49

FOTOCÓPIA XEROX

0,12

0,13

8,33

TV (ASSINATURA)

100,35

100,35

0,00

LINHA DE TELEFONE RESIDENCIAL (TARIFA + 230 Min)

46,44

46,44

0,00

APARELHO TELEFÔNICO (CONVENCIONAL)

107,08

115,26

7,64

ASSINATURA PERIÓDICO OUTRAS REVISTAS

TELEFONE PUBLICO (CARTÃO)

0,12

0,12

0,00

TELEFONE CELULAR (APARELHO)

410,05

378,31

-7,74

TELEFONE CELULAR (LINHA)

141,49

141,49

0,00

ACESSO A INTERNET

35,99

35,99

0,00

CORREIO

4,25

4,48

5,41

Fonte: IDESP

IPC0311  

Março/2011 ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM Governo do Estado do Pará Instituto de Desenvolvimento Econômico,...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you