Issuu on Google+

PREVEIR PARA VECER Acção: Treino de Competências Parentais Duração: 3 sessões com a duração de 90 minutos População – Alvo: Pais e Encarregados de Educação da Escola Artística Soares dos Reis

Objectivos: • • • •

Proporcionar apoio, suporte, orientação e informação relacionada com a família. Desenvolver e reforçar competências parentais que permitam um melhor desempenho das funções educativas Discussão e treino de estratégias para prevenir/lidar com comportamentos desafiantes da parte da criança; Promover atitudes direccionadas para a promoção da Saúde

Planeamento: Sessão 1

Tema Apresentação dos elementos do grupo

A Família

Sessão 2

Tema Estilos Parentais

Treino de Competências Parentais

Objectivos - Favorecer o conhecimento mútuo dos participantes e a sua interacção; - Conhecer os nomes dos membros do grupo; - Proporcionar apoio, suporte, orientação e informação relacionada com a família. - Desenvolver e reforçar competências parentais que permitam um melhor desempenho das funções educativas Objectivos - Proporcionar informação relativamente às diferentes formas de orientar a educação da criança - Fornecer competências aos Pais relativamente à promoção do autoconhecimento e à promoção da auto-estima.

Métodos / Actividades - Apresentação individual de cada elemento. Pequeno debate sobre as expectativas do grupo.

Duração 10 min

- Exposição de informação Através de PowerPoint, promovendo a troca de experiências entre os elementos do grupo - “Comunicação Familiar”

40 min

- Debate de ideias

10 min

Métodos / Actividades - Exposição de informação Através de PowerPoint, promovendo a troca de experiencias entre os elementos do grupo

Duração 30 min

- “A importância dos pais para o desenvolvimento da auto-estima nas crianças”

30 min

20 min

30 min 10 min

Sessão 3

Tema Treino de Competências Parentais

Objectivos Fornecer competências aos Pais relativamente à promoção de: - Expressão emocional na comunicação interpessoal - Escuta Activa na relação Pais-Filhos - Atitude desafiante da parte da Criança - Promoção do AutoControlo - Implicações negativas do desânimo e pessimismo para a criança - Promoção da Saúde

- Debate de ideias Métodos / Actividades - Exposição de informação Através de PowerPoint, promovendo a troca de experiencias entre os elementos do grupo

Duração 40min

30min

- “Os Pais na Promoção da Saúde”

20min

- Debate de ideias para reflectir sobre as competências adquiridas pelos pais nesta formação

1


Actividade: 1 Comunicação Familiar Duração: 30 minutos Objectivos: •

Estimular a verbalização, a discussão e a reflexão sobre o conceito de comunicação, com destaque para a comunicação familiar, e dos diversos factores inerentes ao processo comunicacional; Fomentar o auto-conhecimento e relacionar as características pessoais com o modo como cada um comunica com os outros, com destaque para as relações familiares. Promover análise, a discussão e a reflexão da relação entre a comunicação e os conflitos.

Método: Improvisação de 4 situações familiares fornecidas pelo técnico. Após o visionamento das mesmas, pedir aos Pais para anotar as 3 primeiras frases que pensaram quando deparados com a situação problemática. Cada elemento irá partilhar as suas opções, seguido de um pequeno debate englobando todo o grupo, de forma a provocar a troca de experiencias e de diferentes soluções para a resolução do mesmo problema. Este vai ser o material com o qual vamos trabalhar de forma a desmistificar, corrigir ou alterar padrões de comunicação desajustados.

Situação 1: “Um filho que pede aos pais para sair à noite.”

Situação 2: “Um filho que chega tarde a casa da escola, contrariamente ao que é costume.”

Situação 3: “O Pai/Mãe que descobre que o filho tirou más notas na escola e pede explicações.”

Situação 4: “O Pai/Mãe encontra uma caixa de preservativos no quarto do filho.”

Debate e Análise da Actividade: O técnico deverá promover a troca de ideias relativamente às situações Pai/Mãe Rígido/a, Pai/Mãe passivo/a e inconsistência entre os pais, tentando levar o grupo a encontrar alternativas construtivas de comunicação na situação em causa. Introduzir o assunto Estilos Parentais, de forma a começar a integrar o grupo no tema da próxima sessão.

2


Actividade: 2 A importância dos pais para o desenvolvimento da auto-estima nas crianças Duração: 30 minutos Objectivos: •

• •

Procurar que os participantes reflictam sobre as seguintes questões: “Como estou a construir diariamente a imagem e a auto-estima do meu filho?”; “Faço-os sentir que eles têm valor?; “O que lhes digo?: És sempre muito…; Não esperava de ti outra coisa…; Lá vem o …”. Corrigir ou atenuar padrões de relação desajustados entre a figura parental e a criança Aumentar o conhecimento nos pais para a importância da auto-estima no desenvolvimento da criança.

Método: Promoções de um debate em grupo sobre determinadas atitudes dos pais, que além de poderem magoar os sentimentos das crianças, não promovem a sua auto-estima: • Criticar constantemente a criança em frente a outras pessoas. • Contar os segredos da criança a outras pessoas, de uma forma que as faça sentir humilhadas (“sabiam que ele ainda faz xixi na cama?”) • Pedir com insistência às crianças para desempenharem um determinado papel perante os outros (“ Anda lá, canta aquela musica que cantaste para o avô ouvir!”) • Esquecer os nomes dos amigos das crianças, ou confundi-los • Estar sempre a colocar perguntas de uma forma critica e negativas (“Já fizeste os deveres, ou não é para hoje?”) • Criticar as brincadeiras da criança (“Não sei como gostas de brincar com isso.. que coisa estúpida.”) • Desvalorizar ou não compreender os medos da criança (“Tens medo do escuro, mas porquê? O escuro não faz mal a ninguém…”)

Debate e Análise da Actividade: Procurar explicar aos participantes que uma auto-estima positiva: • É uma qualidade importante para ser feliz • Protege-nos contra os contratempos da vida e os insucessos, na medida em que uma pessoa com uma auto-estima positiva irá ter menos tendência a desvalorizar-se face a um desempenho infeliz. • Auto-estima positiva motiva a pessoa para trabalhar construtivamente na melhoria do seu comportamento e das suas relações futuras. • Importante a figura parental perceber que o estado da sua auto-estima, e a forma como este lida com ela, vai influenciar a auto-estima da criança, e sua forma de reagir à situação.

3


Actividade: 3 Os Pais na Promoção da Saúde Duração: 30 minutos Objectivos: •

• •

Procurar que os participantes reflictam sobre as seguintes questões: “Como estou a contribuir para a promoção da saúde do meu filho?”; “Transmito-lhe informação correcta relativamente a comportamentos adequados para a sua idade?”; “Eu próprio tenho comportamentos adequados? Serei um bom modelo para o meu Filho?” Corrigir ou atenuar padrões de comportamento desajustados relativamente à Saúde. Aumentar o conhecimento nos pais para a importância da Promoção da saúde junto do seu Filho.

Método: Promoções de um debate em grupo sobre atitudes dos Pais: • Relevância da Promoção da Saúde hoje em dia. • Os perigos da adopção de comportamentos de risco face à nossa Saúde. • Em que consiste a Promoção de Saúde?

Como se “faz” a Promoção de Saúde?

Debate e Análise da Actividade: •

Procurar explicar que a adopção de comportamentos saudáveis por parte dos Pais, terá impacto, tanto na sua vida, como na vida do seu filho.

4


PLANEAMENTO COMPETÊNCIAS PARENTAIS