Issuu on Google+

CARTA DE APRESENTAÇÃO

Quem Somos? Somos integrantes da Chapa 2, a qual se intitula Ajuri da Mudança: consolidar forças para renovar, concorrendo no triênio 2014-2017, para Gestão do CRESS 15ª Região, para em conjunto lutarmos na garantia de condição de trabalho digno, conforme previsto na Lei de Regulamentação 8662/93. Sendo assim, a Gestão do Triênio 2014-2017 não se materializará sem a participação de toda a categoria profissional. A chapa foi pensada a partir de inquietações de profissionais, que vivenciam as mais diversas problemáticas no exercício profissional e representa a mobilização de assistentes sociais com trajetória profissional e militância nas áreas da Saúde, a Docência, a Assistência Social, Educação, Meio Ambiente, Terceiro Setor, Instituições Públicas e Privadas. Por que Ajuri da mudança? Estamos em um tempo desmonte dos direitos sociais conquistados pelos trabalhadores em favor da cidadania, portanto precisamos de um CRESS atento e atuante em relação as demandas profissionais, capaz de aglutinar e mobilizar os assistentes sociais a fim de fortalecer e criar identidade política-profissional do assistente social Amazonas e Roraima. Como assistentes sociais acreditamos que a luta do Serviço Social abrange e deve acontecer com todos os profissionais, de forma coletiva, envolvendo acadêmicos e as Instituições na área de Serviço Social. Por isso, a Chapa Ajuri da Mudança visa principalmente motivar assistentes sociais para trabalharmos juntos no CRESS/15ª AM/RR, conforme preconiza a Lei de Regulamentação da profissão, o Código de Ética e Projeto Ético Político que defende o compromisso da categoria em ações, mobilizações e debate em prol de um Serviço Social ético, democrático e participativo. Que mudanças queremos? a)

Condições dignas para o trabalho do assistente social;

b)

Maior integração dos profissionais de Serviço Social nos espaços acadêmico,

profissional, político, sindical e recreativo;


c)

Ampliação do mercado de trabalho com garantia plena dos aspectos legais e

normativos dos direitos dos trabalhadores; d)

Dar maior visibilidade política ao CRESS 15ª Região perante aos movimentos

sociais, usuários dos serviços, profissionais e acadêmicos. e)

Garantir uma categoria profissional de Serviço Social mais organizada, unida e

mobilizada. f)

Ampliação e/ou ocupação dos assentos e participação efetiva dos profissionais de

Serviço Social junto aos Conselhos de Direitos e Fóruns deliberativos das políticas Públicas; g)

Dar visibilidade aos profissionais de Serviço Social, por meio da valorização e

divulgação de boas práticas no processo de ampliação dos direitos sociais e reconhecimento da cidadania no Amazonas/AM e Roraima/RR; h)

Fortalecer o processo efetivo de supervisão acadêmico-institucional, reafirmando o

estágio como dimensão fundamental de formação profissional. Por que renovar? Porque entendemos que renovar é oportunizar a participação de forma democrática de profissionais do Serviço Social nos espaços de representatividade da categoria. Renovar também o nosso compromisso como profissional e cidadão na defesa dos direitos constituídos.


PROPOSTAS:

- Potencializar as ações de fiscalização nos locais de trabalho dos profissionais assistentes sociais, visando assegurar uma prática condizente com o preconizado na lei no. 8.662/93; - Estabelecer parcerias com sindicatos que possuam profissionais de Serviço Social filiados, visando o fortalecimento da luta em prol da isonomia salarial da categoria, em níveis local e nacional; - Estabelecer parceria com o Sindicato de Assistentes Sociais do Amazonas – SASEAM, em prol do cumprimento das 30 (trinta) horas semanais nos espaços socio-ocupacionais do Serviço Social e com o movimento pela isonomia no SUS, pela jornada de 20 horas semanais na área da Saúde, conforme preconizado na lei n 8.080; - Fomentar Fóruns e Encontros temáticos de interesse do Serviço Social em polos descentralizados nos municípios, promovendo a inserção de temas e questões inerentes à prática profissional, visando à valorização e a qualidade da atuação no mercado de trabalho regional; - Apoiar o Fórum deliberativo de Estágio Supervisionado em Serviço Social, com ampla participação das Instituições de Ensino Superior – IES, fortalecendo o processo efetivo de supervisão acadêmico-institucional e reafirmando o estágio como dimensão fundamental de formação profissional; - Empreender ações de Educação Permanente – ED em serviço social, em conjunto CFESS/CRESS, na perspectiva da qualificação do trabalho profissional; - Lutar pela ampliação dos assentos e a participação efetiva dos profissionais de Serviço Social junto aos Conselhos de Direitos e Fóruns deliberativos das políticas Públicas na capital e municípios do Amazonas e Roraima; - Defender, em conjunto CFESS/CRESS, Planos, Programas e Projetos voltados a inserção profissional nos espaços sócio-ocupacionais na capital e municípios do Amazonas e Roraima; - Realizar Mostras de Trabalhos exitosos em Serviço Social, voltadas à valorização profissional e divulgação de boas práticas no processo de ampliação dos direitos sociais e reconhecimento da cidadania no Amazonas/AM e Roraima/RR;


- Manter atualizado o Banco de Dados com informações profissionais dos assistentes sociais, democratizando informações em matéria de interesse da categoria; - Apoiar institucionalmente os profissionais de Serviço Social que atuam nos municípios do Estado Amazonas/AM e Roraima/RR, promovendo a socialização e a integração entre CRESS/ capital e Seccional; - Motivar a participação dos profissionais nas Reuniões do Pleno, dando visibilidade as ações organizativas e administrativo-financeiras do Conselho; - Apoiar a luta dos grupos sociais que sofrem com as múltiplas formas de violação dos Direitos Humanos; - Articular campanhas para realização de concurso público para assistentes sociais nos diversos espaços ocupacionais e provimento de cargos de novos agentes fiscais CRESS AM/RR;

- Promover anualmente reuniões e encontros descentralizados nos municípios polos do Amazonas e Roraima, como espaços de prestação de contas, divulgação das ações e atividades realizadas pelo conjunto CFESSCRESS AM/RR; - Dar visibilidade as ações e eventos do serviço social, realizados nos municípios do Amazonas e Roraima, por meio das mídias eletrônica e impressa do CRESS-AM/RR; - Realizar eleições descentralizadas para a gestão do triênio 2017-2019 do conjunto CFESS-CRESS AM/RR em polos do interior do Amazonas e Roraima.


Conheça as propostas da chapa 2