Page 27

nome científico: nome popular: porte: madeira: frutificação: desenvolvimento: utilidade: Curiosidade:

nome científico: nome popular: porte: madeira: frutificação: desenvolvimento: utilidade:

Curiosidade:

Maclura tinctoria Amora-brava 15-30 metros. Moderadamente pesada, de alta resistência a organismos xilófagos. Entre os meses de dezembro e janeiro. Crescimento rápido Comestível, atrativa para fauna, reflorestamentos mistos em áreas degradadas. Utilizada na medicina popular.

Margaritaria nobilis Figueirinha 8-16 metros. Leve, de baixa resistência mecânica, muito sujeita ao apodrecimento quando exposta as intempéries. Os frutos amadurecem a partir de dezembro. Crescimento moderado Sua madeira é empregada apenas para caixotaria leve, brinquedos e embalagens leves. A árvore possui qualidades ornamentais que a recomendam para o paisagismo, principalmente para arborização de parques e praças e por ser tolerante à áreas abertas, apresenta bom potencial para uso na composição de reflorestamentos heterogêneos destinados à recuperação ambiental de áreas incultas. Árvore exuberante.

nome científico: nome popular: porte: madeira: frutificação: desenvolvimento: utilidade:

Curiosidade:

Maytenus ilicifolia Espinheira-santa 4-8 metros. Pesada, textura média, de baixa durabilidade natural. Os frutos amadurecem a partir do mês de maio. Crescimento moderado. Sua madeira é empregada na confecção de móveis e utensílios domésticos. A árvore possui porte ornamental, podendo ser utilizada com sucesso no paisagismo em geral e por seus frutos serem avidamente procurados pela avifauna, é também recomendada para a composição de reflorestamentos heterogêneos destinados ao repovoamento de áreas degradadas. Planta medicinal.

27

Catalogo Flora Londrina e Flora Paulista - Volume 01  

Nós dos viveiros Flora Londrina e Flora Paulista, acabamos de lançar o primeiro volume do nosso catálogo de plantas. Nesta edição estamos ap...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you