Page 1


marco maggi  hipo real

e o urbanismo de grandes fachadas como

Within this scenario, the swiftness and the banalization of gaze

cartoon ou caricatura, que podem ser

and visuality pose a threat to aesthetic decadence. The risk: an

compreendidos e apreciados com um só lance

architectural design and an urban planning might appear that

de olhos. A velocidade também encontra ímpeto

will introduce large cartoon- or caricature-like façades which

avassalador na mídia -- na televisão, na internet,

can be understood and appreciated at a single glance. Speed

na globalização. A ocorrência de notícias deve

is also given a compelling impetus in such media as television,

ser adequada a seu consumo diário e mediático,

the Internet, and other globalized networks. The amount

o que dá lugar ao fenômeno da produção (em

of events must also supply the media’s daily consumption,

oposição ao relato) de notícias. Na contramão

thereby spawning news production rather than reports. Going

desse movimento encontra-se a arte -- antiga,

against the grain, in this case, we have ancient, modern or

moderna ou contemporânea. A despeito da

contemporary art. Notwithstanding the unbridled multiplication

slow politics

slow politics

multiplicação desenfreada de obras, exposições,

of art works, shows, fairs, collections, museums, and biennial

feiras, coleções, museus, bienais e trienais,

Adriano Pedrosa

Adriano Pedrosa

a arte insiste em demandar uma desaceleração,

and triennial exhibitions, art insists in demanding a slowdown, a pause. (Possibly the exception is Andy Warhol, who to a certain

uma pausa (a exceção talvez seja Andy Warhol,

extent incorporated multiplication and acceleration in his work;

“O exame de uma resma da melhor qualidade de papel branco prova que é impossível encontrar uma folha absolutamente branca e silenciosa dentre 500 exemplares.” (Marco Maggi)

“Examining a ream of the best-quality white paper proves that it is impossible to find a single absolutely white, silent sheet in 500 examples.” (Marco Maggi)

but one needs time and dedication to fully understand this). The work of Marco Maggi (Montevideo, 1957) opens trenches in this clash with speed. “Paper is my purpose. Time, plus focus, is my preferred medium,” the artist stated. His work consists of

O grande movimento visual do século 20 é o da

The great movement of the 20th century is

finely traced, accurate, delicate and subtle drawings (at times

velocidade. Ela transforma radicalmente a paisagem, a cidade,

velocity. Speed radically transforms landscape,

rendered without graphite or ink) of intricate patterns that albeit

a arquitetura e as coisas; se não as banaliza, ao menos as

city, architecture, and things; and, if it does not

being abstract and geometric, relate to architectural designs,

simplifica visualmente. Com a invenção e a popularização

banalize them, it visually simplifies them. Thanks

networks, landscapes, maps or grids, whether they be real,

do automóvel, o sujeito pode deslocar-se rapidamente

to the invention and disseminated use of the

imaginary, fabulous or idealized. Maggi’s drawing resorts

pela cidade e seu olhar percorre as ruas e estradas em alta

automobile, people travel rapidly across the city

to different media that include graphite on paper and graphite

velocidade. Sua experiência visual e perceptiva transforma-se completamente. A partir de então, o sujeito não é mais capaz

and their gazes scan streets and highways at high speed. Their visual and perceptive experience is

Andreas Fault, 2008); dry point on aluminum foil, which in turn

de perceber, por exemplo, os detalhes de ornamentação

completely transformed. On account of the swift

e acabamento das casas e dos edifícios típicos da era pré-

motion, the individual can no longer perceive the

moderna. A fachada e a paisagem precisam simplificar-se

finishing and decorative details on façades of pre-

para serem percebidas pelos olhos que passam por ela com

modern houses and other buildings, for example.

rapidez. A arquitetura e o paisagismo modernistas, com suas

Façade and landscape must be simplified so they

linhas retas e superfícies planas, são, em grande medida,

can be captured by the gaze that fleetingly scans

uma resposta à aceleração. Nesse panorama, a rapidez e a banalização do olhar e da visualidade se tornam uma

them. The modernist architecture and landscape

ameaça para a decadência estética. O risco: a arquitetura

to a great extent a response to acceleration.

on the passe-partout of the picture frame (such as in San

design of straight lines and flat surfaces are Slow shadow  2008 -- recortes em plexiglas/cuts on plexiglas -- 71 × 55,8 cm


Complete coverage on Richter  2008 -recortes em papel/cuts on paper -- 92 × 61 cm

que, em certa medida, incorporou a multiplicação e a

is framed (such as in Slow Foil, 2008), or framed

aceleração em sua obra, embora sejam necessários tempo

in slide mounts (such as in Sliding, 2008) or yet

e dedicação para compreender isso). A obra de Marco Maggi (Montevidéu, 1957) finca

framed on the foil roll itself; making incisions on

trincheiras nesse embate com a velocidade. “O papel é meu propósito. O tempo, assim como o foco, é meu meio predileto”, afirmou o artista. Seu trabalho consiste em finos, precisos, delicados e sutis desenhos (às vezes feitos mesmo sem grafite ou tinta) de intrincados padrões, em geral abstratos e geométricos, mas que remetem a arquiteturas, grades, teias, paisagens, mapas ou diagramas -- reais, imaginários, fabulosos ou idealizados. O desenho de Maggi assume diferentes meios: em grafite sobre papel ou sobre o passe partout da própria moldura (como em San Andreas Fault, 2008); feito com ponta seca em papel alumínio, que por sua vez é apresentado emoldurado (como em Slow Foil, 2008), enquadrado por molduras de slides (como em Sliding, 2008) ou no próprio rolo do laminado; em incisões sobre acrílico (como em Slow Shadow, 2008, no qual, sob a luz, os riscos no acrílico transparente que emoldura o quadro geram finas linhas de sombra no papel em branco), ou sobre pilhas de papel. As obras são, em geral, de pequenas dimensões e, no caso de grandes instalações, são compostas por um conjunto de várias pilhas de papéis que dificilmente são percebidas de longe, feitas com paciência, concentração, atenção ao detalhe e precisão. Aqui, não há gestos bruscos, violentos, grandiosos e expressivos. Embora haja excesso. Nesse contexto, é preciso se aproximar das obras para compreender o microuniverso, pequeno e vasto, que elas contêm. Não por acaso, os trabalhos de Maggi são difíceis de ser reproduzidos e registrados em fotografia; é preciso vê-los ao vivo, inspecionar sua superfície, sua linha, seu corte, sua sombra, seu relevo, sua transparência. Desacelerar, demanda-nos Maggi. A referência surge mais obviamente em dois de seus títulos, em São Paulo:

the light shining on lines incised on the transparent

acrylic (such as in Slow Shadow, 2008, in which plexiglas frame casts fine shadow lines on the blank paper), or on piles of paper. By and large, Maggi’s works are small (even the large installations that he creates are made up of numerous piles of paper that can hardly be distinguished from the distance); they are patiently made with precision and careful attention to detail. There are no sudden, violent, expansive, or expressive gestures. Although there is excess. In this context, one needs to view the works from up close to understand the small and vast micro-universe that they contain. Not by chance, Maggi’s works are difficult to reproduce or record in photography. One should strive to view them live and to inspect their surface, line, cut, shadow, relief and transparency. Maggi asks us to slow down. The reference comes up more obviously in two of his titles shown in São Paulo: Slow Foil, and Slow Shadow. It also comes up in Sliding, a work made up of photo slide mounts, thus evoking a photogram or still, i.e., the suspension of the cinematic movement. The slowdown also appears in a more oblique, though penetrating manner in a series that the artist has been developing since 2005 named The Ted Turner Collection -- From CNN to the DNA. The title is an ironic reference to celebrated U.S. media tycoon Ted Turner, the highly influential developer of the television news station Cable News Network (CNN) that revolutionized the market of news fabrication, broadcasting, and consumption. With this series, Marco Maggi intersects different speeds in life, in


DDD drawing  2008 -- recortes em papel /cuts on paper -- 92 × 61 cm

cortes na superfície, criando pequenos relevos em papel

structure for the works brings to mind a few reliefs

e revelando, aqui e ali, filamentos e fragmentos das obrasprima ocultas. O resultado, em geral, assume características

of Pape’s “Grupo Frente” series (1954-56). The game that Maggi proposes is replete with

de uma grade minimalista quase que completamente branca

great concealments and strategic revelations. The

-- com exceção dos pequenos fragmentos e filamentos

viewer must take the time for careful observation.

coloridos das obras apropriadas. O título individual de

The reward may relate to Jorge Luiz Borges’ Aleph,

cada um dos trabalhos faz outra referência ao perverso mundo da mídia, no qual muito se mostra e pouco se vê:

the small, brilliant and pulsating sphere that

Complete Coverage (Cobertura Completa). Para São Paulo

silent, delicate and slow game. In this sense, here

contains the entire universe. However, this is a

Maggi trouxe “coberturas completas” de obras de Gerhard

we have a subtle political vein, even if masked

Richter e de Warhol, bem como de figuras fundamentais do

by the beauty and dazzle of the works. The

modernismo latino-americano, como Lygia Clark, Jesus Soto,

slowdown is anti-modern, anti-progressive, anti-

the media and in the globalization of art. In his own

Hélio Oiticica, Lygia Pape e Mira Schendel. Nesse contexto

capitalist, anti-urban, and anti-globalization. Much

(Sombra Vagarosa). Surge também em Sliding (Deslizando,

words, “From CNN to the DNA, I focus my attention

específico, a estrutura de grade branca dos trabalhos lembra

que, no original em inglês, remete ao objeto slide, cuja

on reading surfaces without the minor hope to get

alguns relevos de Pape da série Grupo Frente (1954-56).

like a contemporary Faust, the artist seems to say “This passing instant may stop”, but his wish

Slow Foil (Papel Alumínio Vagaroso) e Slow Shadow

O jogo que Maggi nos propõe é repleto de grandes

will hardly come true. It is precisely this trace of

moldura é utilizada na obra), onde o slide evoca o still

informed. Every day, we are condemned to know

ou o fotograma, a suspensão do movimento cinemático. A desaceleração surge também, de forma mais oblíqua,

more and understand less.” In the works of this

ocultamentos e estratégicas revelações. É preciso olhar

resistance that makes art so fundamental for

series, Maggi appropriates reproductions of works

com tempo. A recompensa pode recordar o aleph,

our daily life.

porém penetrante, em uma série que o artista desenvolve

by modern masters Jasper Johns, Sol Lewitt, Lucio

de Jorge Luis Borges, aquela pequena esfera brilhante

desde 2005 denominada The Ted Turner Collection --

Fontana, Kasimir Malevich, Piet Mondrian and Robert

em movimento pulsante que encerra nela todo um universo.

from CNN to the DNA (A Coleção Ted Turner -- da CNN ao

Ryman --, turns the work with its back to the viewer,

Contudo, trata-se de um jogo silencioso, delicado, vagaroso. Nesse sentido, encontramos aqui um sutil viés político,

DNA). O título refere-se, ironicamente, ao norte-americano

adds piles of paper to it, and then slits its surface,

Ted Turner, um dos mais celebrados magnatas da mídia, conhecido por ser o fundador da rede de televisão a cabo

creating small paper reliefs and sparsely revealing

ainda que mascarado pela beleza e pelo deslumbramento

filaments and fragments of hidden masterpieces.

das obras. A desaceleração é antimoderna, antiprogressista,

CNN, que revolucionou o mercado de consumo, distribuição e

The overall result boasts characteristics of a nearly

anticapitalista, antiurbana e antiglobalização. Como uma

fabricação de notícias. Com essa série, Maggi cruza diferentes

all-white minimalist grid, except for the small

espécie de Fausto contemporâneo, o artista parece nos dizer:

velocidades -- da vida, da mídia, da globalização, da arte.

color fragments and filaments of the appropriated

Nas palavras do artista: “Em Da CNN ao DNA, eu foco

works. The title of each individual work relates to

atendido, e é justamente por esse seu traço de resistência

minha atenção na leitura de superfícies sem que eu tenha a

the perverse realm of the media, in which much

que a arte se torna tão fundamental em nosso cotidiano.

menor esperança de me informar sobre elas. Todos os dias

is shown but little is actually seen: Complete

estamos condenados a saber mais e compreender menos.”

Coverage. Maggi has brought to São Paulo,

Nos trabalhos da série, Maggi se apropria de reproduções de obras de grandes artistas modernos -- como Jasper

“complete coverages” of works by Gerhard Richter

Johns, Sol Lewitt, Lucio Fontana, Kasimir Malevich, Piet

the Latin-American modernism that include Lygia

Mondrian e Robert Ryman --, vira a imagem de costas para

Clark, Jesus Soto, Helio Oiticica, Lygia Pape and Mira

o espectador, adiciona pilhas de papéis a ela e então realiza

Schendel. In this specific context, the white grid

“Pára, instante que passa”. Seu pedido dificilmente será

and Warhol, as well as foundational characters of Sliding  2008 -- lápis sobre alumínio e molduras de slide /pencil on aluminum and slide holders -- 71,7 × 56,5 cm


texto/text

abertura/opening

adriano pedrosa

21.08.2008

/detail from Slow Foil  2008

encontro com o artista

-- lápis sobre alumínio/pencil on

/meeting with the artist  19h abertura/opening  20 > 23h

aluminum -- 71 × 55,8 cm

fotografia/photography ding musa

[capa/cover] detalhe de

produção/production exposição/exhibition

teresa halfin projeto gráfico/graphic design tecnopop

22.08 > 13.09.2008 seg/mon > sex/fri  10 > 19h sáb/sat  11 > 15h

assessoria de imprensa/press agent marcy junqueira tradução/translation izabel burbridge revisão/revision paulo brito patrocínio/sponsorship

apoio/support

avenida europa 655 são paulo sp brasil 01449-001 t 55 (11) 3063 2344 f 55 (11) 3088 0593 info@nararoesler.com.br www.nararoesler.com.br

convite_marco_maggi_080825_1219715871  

de perceber, por exemplo, os detalhes de ornamentação de olhos. A velocidade também encontra ímpeto networks, landscapes, maps or grids, whe...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you