Page 1

Índice

Introdução Proposta Introdução à tipografia - Anatomia da letra

5 6-7 8-11

Escolha de Fontes

12-19

Palavra - Exemplos - Justificação

20-33

Frase - Exemplos - Justificação - Correcção

34-51

Imagem - Imagens - Exemplos - Justificação

52-73

Conclusão

74

Bibliografia e Webgrafia

75

1


2


Introdução

Este dossier serve de mostra de um processo de design ligado à tipografia. Inicía na escolha do tipo de letra, passa pela contrução estética da frase área de trabalho e por fim a junção de uma imagem, criando assim um todo.

3


Proposta de trabalho

4


Escrever a frase Homem apaixonado não ouve conselho. Retirada do livro “Dicionário de Provérbios, Adágios, Ditados, Máximas, Aforismos e Frases Feitas”

Processo

Formalização e Apresentação

1. encontrar a(s) palavras mais relevante(s) e realizar 5 exemplos; 2. escolher um dos 5 exemplos da(s) palavra(s) e, sem nenhuma alteração deste último, realizar 5 exemplos da frase. 3. escolher um dos 5 exemplos da frase e, sem nenhuma alteração deste último, realizar 5 exemplos incluindo uma imagem.

A(s) palavra(s) e a frase deverão estar escritas numa folha A4 utilizando o carácter tipográfico mais adequado, escolhido entre os que serão fornecidos. Todos os exemplos, entregues em fotocópias, serão agrupados num dossier que explique o inteiro processo (selecção das fontes, dimensão e posição das palavras no campo, selecção da imagem, etc.).

5


Introdução à

Tipografia

6


“A tipografia (do grego typos — “forma” — e graphein — “escrita”) é a arte e o processo de criação na composição de um texto, física ou digitalmente. (…) Na maioria dos casos, uma composição tipográfica deve ser especialmente legível e visualmente envolvente, sem desconsiderar o contexto em que é lido e os objetivos da sua publicação. (…)

No uso da tipografia o interesse visual é realizado através da escolha adequada de fontes tipográficas, composição (ou layout) de texto, a sensibilidade para o tom do texto e a relação entre texto e os elementos gráficos na página. (…)”

7


Anatomia da Letra braço

ascendente

altura de capitais

vĂŠrtice

haste

bico

loop

barb

espinha

contra-forma

stress

espora

8

serifas


barriga orelha

olho perna

uni達o

descendente

ombro

altura x

s

terminal

swash

barra

cauda 9


Tipo de Letra

10


Ap贸s bastante procura de tipos de letra que conseguissem transmitir paix茫o, estes que v茫o ser apresentados em seguida foram considerados os que mais se podiam adequar ao prop贸sito.

11


M Dorchester Script

12


13


Missionary

14


15


SodaScriptBold

16


17


Palavra

18


Apaixonado Exemplos

19


20


21


25


Justificação dos exemplos (por ordem) M Dorchester Script (bold, italic)

M Dorchester Script (bold, italic)

Missionary

Esta fonte foi escolhida pela sua elegância, inclinação e estilo clássico arredondado. Todas estas características tentam transmitir romance e paixão com a ajuda da composição regular da palavra centrada e bem visível na página dando ideia também de tranquilidade, força e equilíbrio.

Com a mesma fonte colocouse a palavra com tamanho superior, alinhada ao canto direito (folha ao alto), fragmentada de forma a não ver a palavra como um todo criando assim um paradoxo de união, pois estar apaixonado é ter uma relação emocional com outrem, uma união.

Uma fonte floreada e bastante redonda como esta serve para demonstrar o lado “lamechas” e “parolo” do sentido da palavra e do que estamos acostumados a ver ligado a isso. O “d” foi disposto com tamanho superior de forma a poder envolver o “a” criando a metáfora do cânone do homem (grande e forte) a envolver uma mulher (pequena e frágil).

30


SodaScriptBold

SodaScriptBold

Esta tipografia foi utilizada com a ideia de transmitir força e paz pelas suas linhas curvilíneas que remetem a plantas. Neste exemplo a palavra “apaixonado” foi repetida sequencialmente em colunas no interior do símbolo masculino. Essa representação consiste em demonstrar a quantidade de paixões e a força desse sentimento que um homem pode ter ou sentir ao longo da vida.

Este é exactamente igual ao anterior em disposição mas em negativo. Não é por razão nenhuma em especial, foi apenas uma experiência em relação à estética.

31


Frase

32


Homem apaixonado n達o ouve conselho.

Exemplos

33


36


Justificação dos exemplos (por ordem) 1.

2.

3.

Os elementos foram dispostos de forma reduzida com o objectivo de enfatizar a palavra apaixonado, e colocando “não ouve conselho” mais à frente da guia de alinhamento da esquerda, representando consequência.

Foi repetido o exemplo anterior mas criando uma “caixa” preta em torno das palavras restantes da frase em branco, de forma a criar um maior contraste entre estas e a palavra principal.

Através do alinhamento vertical da palavra “não” a partir da letra “n” de “apaixonado”, estas criam um seguimento, uma ideia de continuação e consequência. Infelizmente a composição não se adequou ao efeito pretendido.

44


4.

5.

Seguindo a linhagem dos anteriores, joga-se novamente com a ideia de consequência mas criando uma maior importância ao homem, sendo este a personagem chave do provérbio.

Todas as palavras foram alinhadas ao centro com o intuito de focar melhor a atenção e continuar com a hierarquia da ordem da frase.

45


46


Correcção

Após realizados os cinco exemplos da frase foi escolhido um deles. Optou-se pela primeira, pois foi a que melhor representava paixão, com simplicidade, equilibrío e sem exageros. Esta foi então sujeita a uma correcção indicada pelo professor, em relação ao espaçamento de caracteres e ao alinhamento na vertical dos elementos da frase com as letras que mais se destacavam, ou seja, com as letras “p” e “d” pelo ascendente e descendente.

47


48


49


Imagem

Da recolha de pelo menos dez imagens, vĂŁo ser escolhidas as melhores tendo em conta o tamanho, negros e aspecto estĂŠtico.

Exemplos (tamanho reduzido)

50


É mostrada nesta figura, ao que parece, a angústia de um homem apaixonado que nao parece estar a atento ao que o amigo lhe diz.

51


Esta imagem bastante conhecida, mostra paix達o do homem pela mulher que esta a beijar, o que ilustra bem a frase.

52


Aqui Ê mostrado um momento de intimidade de uma relação, sempre ligado ao amor

53


Imagem retirada de um filme, talvez de um casal demonstrando o Ă vontade entre eles tendo em conta a ĂŠpoca.

54


A dimensão da palavra e da respectiva frase foi um factor importante para a escolha de imagem. A ideia inicial era sobrepor a frase numa imagem que preenchesse a folha A4, ou em grande parte dela. Após a recolha de imagens tanto de revistas como da Web, chegou-se à conclusão que arranjar uma imagem que fosse clara (factor de grande importância pois a frase era de difícil compreensão quando sobreposta em cima de uma

imagem escura) e grande suficiente para preencher uma folha A4 era muito difícil. Resolveu-se então utilizar uns tampões de ouvido para caracterizar e “fraca audição” por parte do homem quanto a conselhos dados.

55


58


59


60


61


62


63

63


67


68


Justificação dos exemplos (por ordem) Imagem 1. Esta experiência não foi feliz, pois os negros da imagem encobrem algumas palavras.

70

2.

3.

Esta imagem, tal como as outras, confunde-se com as palavras, ao contrário da anterior, não está presente o “óbvio” de paixão, mas sim a falta de audição do homem. Foi colocada à direita e atrás da palavra para se integrar melhor com esta.

Esta ocupa pouco mais de metade, e como já se tinha experiência da pouca visibilidade das palavras sobre as figuras, resolveu-se cortar a imagem de forma a deixar uma caixa branca em torno de texto. Este exemplo, com imagem parece ser o mais adequado por despertar interesse, estar ligado à frase e boa facilidade de leitura.


Tampões de ouvidos 1. Este é um bom exemplo pois cria um emaranhado de fios que representa a confusão do sentimento ligado à paixão que torna o homem inaudível a conselhos, daí os tampões. Consegue ainda ser melhor pelo facto de ser estéticamente belo e funcional.

2.

3.

Nesta imagem, os tampões confudem-se um pouco com a frase, o que dificulta a leitura.

Aqui, apesar de ser estéticamente pior, torna a leitura e compreensão mais facilitada.

71


Conclusão

72

Chegado ao fim, consegue-se então compreender melhor a composição e o uso da tipografia e a sua necessidade, ou não, de esta conjugar com o tema da imagem escolhida para a acompanhar. Esta, sendo uma decisão que normalmente tem de partir do própio que a usa, também tem as suas regras e objectivos tal como se pôde ver ao longo deste livro.


Bibliografia e Webgrafia

Dicionários temáticos, “Dicionário de Provérbios, Adágios, Ditados, Máximas, Aforismos e Frases Feitas”, Porto Editora Lda, 2000, Compilação de Maria Alice Moreira dos Santos. Wikipédia, Tipografia, retirado em 30 de Março, 2011, http://pt.wikipedia. org/wiki/Tipografia IMAGENS Letter Anatomy, retirado em 30 de Março, 2011, http://www.codeforsomething.com/2009/03/letter-anatomy/ Thinkingwithtype, Letter, retirado em 30 de Março, 2011, http://www.thinkingwithtype.com/contents/letter/

73

tipografia  

exercício de tipografia

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you