Page 1

arquitetura interiores design arte lifestyle

bamboo 22 março 2013 brasil rs 18,90 issn 2236-1391

22

977 2236 139038

américa do sul américa do sol américa do sal abaixo do equador uma conversa com arquitetos, designers e artistas latinoamericanos

e mais álvaro puntoni barclay & crousse gerardo caballero josé maría sáez rafael iglesias solano benítez

guias de decoração aracaju por wesley lemos serra gaúcha por cristina mioranza


92 casa em puembo

josé maría sáez

mirante no vale

Texto SPBR Fotos Sebastián Crespo

estruturada com vigas metálicas idênticas, casa no equador se debruça sobre uma fascinante paisagem montanhosa

93


94 casa em puembo

josé maría sáez

95

Arquiteto José María Sáez arqsaez.com

o usuário, a função e a paisagem ao redor. é assim que o arquiteto define o princípio da casa

A casa, localizada em Puembo, no Equador, debruça-se sobre um vale com uma vista impressionante da paisagem montanhosa. São oito vigas metálicas idênticas, com 18 m de comprimento. Estão dispostas em ângulos retos, sobrepostas em planos diferentes nos eixos X, Y e Z. São essas oito vigas que definem as dimensões da casa. Dimensões no sentido mais amplo da palavra, tanto em relação aos ambientes que se organizam a partir delas quanto à sua presença na paisagem e sua relação com as montanhas que a acolhem. São as vigas que estabelecem uma escala intermediária na paisagem: a construção se relaciona diretamente com as

montanhas ao seu redor. Cada um de seus planos também define dimensões próprias: no comprimento, permitem os grandes balanços da estrutura; dispostas na vertical, são mastros que se contrapõem à paisagem horizontal do vale. Quando se encontram num canto, as alturas sobrepostas correspondem a um pé-direito agradável. Associado ao grid das vigas, um sistema em madeira faz a definição dos ambientes, organizados por perfis ritmados que ora penduram, ora apoiam as lajes de piso e cobertura dos pavimentos, completando um sistema de poucos elementos construtivos, mas que guardam coerência no modo como se relacionam entre si e com a paisagem.

Nos espaços mais amplos, a organização dos painéis parece dar conta de definir diversas funções sem necessariamente separar cômodo a cômodo. Na definição dos arquitetos, a casa se baseia em três principais pontos: o usuário, a função e a paisagem ao redor. O acesso é feito pela cobertura e os pavimentos se diluem em meios-níveis, alguns mais incrustados na montanha, outros completamente em balanço. Nas coberturas há sempre um espelho d’água que reflete a paisagem ao redor e encobre ainda mais a construção no seu entorno.

A estrutura criada, bem como a organização dos elementos em madeira, parecem enquadrar a natureza vasta em possíveis recortes e diferentes formas de apreciação. Faz um intermédio entre as linhas de uma extensão quase inapreensível e a escala doméstica. Aqui, o projeto parece exceder muito as expectativas de sua função ou de um simples usofruto de seu entorno. Estabelece um diálogo profundo com a paisagem por meio de contrapontos e enquadramentos, na medida em que dá significado novo a elementos em princípio unicamente estruturais e funcionais.

X, Y e Z Com estruturas que fazem relação direta com a paisagem ao redor, a casa parece dar novo sentido a elementos em princípio funcionais.

casa algarrobos  

casa algarrobos revista bamboo

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you