Page 1

Domingo, 25 de agosto de 2013 d24am.com.br Manaus Amazonas Ano28 Número 12375

Presidente Cassiano Anunciação

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

R$

2,00

facebook.com/D24am

Máfia dos cemitérios aluga e vende covas por até R$ 30 mil em Manaus ReportagemdoDIÁRIOflagrou,com vídeos,comércioilegaldejazigos ecovas em três dos principais cemitérios deManaus. Prefeituraafirmou queinvestigaráocaso. CIDADES PÁGs 22 e 23 Eraldo Lopes

DISK-DENÚNCIA

Semulsp pede que população ligue para 3216-8014 e denuncie a venda ilegal de sepulturas

Comércio ilegal é praticado por coveiros, fiscais e até administradores de cemitérios. Em uma das abordagens feitas pela reportagem do DIÁRIO, no Cemitério São João Batista, um dos comerciantes desse mercado negro disse que o ‘negócio’ poderia ser fechado por R$ 14 mil

ECONOMIA

DIÁRIO apresenta novas páginas que valorizam a economia local

CONGRESSO TERÁ POLÍTICA TERCEIRA IDADE MINISTRA DO STJ Conheça o ‘politiquês’ INVADE A WEB POLÍTICA PLUS e entenda o que os PÁG 9 políticos falam tanto CAPA nos parlamentos MULTIMÍDIA

Apartir destedomingo,aeditoria deEconomiaagrega ‘Panorama’ e‘Mundodos Negócios’. PÁGs 13 e 18

Veja mais imagens desta edição com seu leitor de QR Code ou no Portal D24am http://va.mu/crhT

Expressões como ‘peço aparte’ e ‘deliberação de uma moção de esclarecimento’ fazem parte da linguagem dos políticos, mas pouco conhecidas dos eleitores. PÁG 5


Opinião

02

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

Editorial

Ganância sem limites

R

eportagem do DIÁRIO neste domingo mostra que não há limites para a ganância do ser humano. Sepulturas e covas vêm sendo negociadas por pessoas inescrupulosas nos cemitérios de Manaus, numa afronta às leis vigentes e à memória de famílias e amigos daqueles que já se foram. Com a prática das

ilegalidades registradas em vídeo, este veículo de comunicação contribui para a punição dos envolvidos e para o ordenamento dos cemitérios, que hoje passam por lotação de seus espaços. O grupo que explora esse tipo de ‘comércio’ se aproveita da boa-fé e do momento de fragilidade emocional das famílias que buscam um lugar para sepultar os seus entes queridos. E não há escrúpulo, o importante é movimentar dinheiro, seja vendendo ou alugando espaço em covas ou sepulturas já em uso, ainda que estejam abandonadas

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am

O grupo que explora esse tipo

... a ‘máfia das sepulturas’ tem

de ‘comércio’ se aproveita da boa-fé e fragilidade emocional das famílias...

que ser desfeita para que a paz nos cemitérios reine na prática...

ou tenham proprietário conhecido. O poder público já avisou que investigará as denúncias e que responsabilizará os culpados por tal comercialização. E faz em bom tempo, quando não há mais espaço disponível para novas sepulturas na maioria dos principais cemitérios

da capital do Amazonas. E neste atual cenário, a cidade e os governos poderiam pensar em projetos mais racionais de cemitérios, como os que crescem na vertical ou com a utilização de crematórios. Neste último caso, os governos poderiam ter as suas unidades ou mesmo estimular a iniciativa

O ESPAÇO DO LEITOR

privada a instalar os próprios empreendimentos na cidade. É evidente que a escolha por um sepultamento tradicional ou a cremação passa pela crença de cada um e de cada família, mas com essas opções, a população teria mais liberdade de escolha, e até de repensar alguns valores. O fato é que a ‘máfia das sepulturas’ tem que ser desfeita para que a paz nos cemitérios reine na prática, além da conotação filosófica. E essa paz deve ocorrer em respeito à memória dos mortes e aos sentimentos dos familiares e amigo dos mesmos.

ENVIE SUA SUGESTÃO DE MATÉRIA PARA PUBLICAR: contato@d24am.com

EM TEXTOS

EM IMAGENS

D

Mais comentados no D24Am

Sinetram obtém liminar que impede fechamento de garagens de ônibus

O QUE VOCÊ DISSE

Jovem assalta escola onde estudava em Manaus

E as empresas que não repassam o INSS e FGTS, pagam o quê? Como ficam os direitos desses trabalhadores? Para os empresários, tudo; para os trabalhadores, nada e nem podem reclamar. Só no Amazonas.

A NOTÍCIA FOI PUBLICADA NO PORTAL D24AM.COM

FACEBOOK USUÁRIO: CAMILA GADELHA

Dá zero pra ele! USUÁRIO: JENIFFER VINHALES

CLENILTONALENCARVIAFACEBOOK

Muita burrice isso, cara.

Enquete - Mais Médicos Você acredita que o atendimento médico pelo SUS vai melhorar com a chegada dos profissionais cubanos?

USUÁRIO: WERLEN MENEZES

Três viaturas para prender um adolescente? Quantas garotas tinham naquela viatura fotografada em flagrante exercício ilegal da função?

Em Manaus, incêndio atinge lanchonete na Estrada do São Jorge A NOTÍCIA FOI PUBLICADA NO PORTAL

SECinvestiráempremiações noAmazonas FilmFestival Foto: Acervo DA Segundo o secretário de Cultura, Robério Braga, o evento acontecerá em seis dias e terá

apenas um coquetel de abertura no jardim do Teatro Amazonas. Outras mudanças incluem o aumento dos valores da premiação, antes de R$ 33 mil para R$ 64 mil.

SIM

D24AM.COM

FACEBOOK

Que eles se recuperem e reabram logo!

USUÁRIO: THAYSA ROCHA

Era o 'point' depois de sair do Porão.

TWITTER

pagos pelo governo

USUÁRIO: UBIRACI JUCÁ

A NOTÍCIA FOI PUBLICADA NO PORTAL D24AM.COM

Até parece. R$ 700 para o médico, R$ 2.300 para a família do médico e R$ 7.000 para o governo cubano. O governo brasileiro financiará a falida ditadura cubana.

FACEBOOK

USUÁRIO: FELIPE VALENTE

USUÁRIO: @VANDREROCHA

A minha parada em finais de festas. Que Deus o abençoe!

Desgraça pouca é bobagem. Já tem um ano do incêndio que quase devastou o bairro?

USUÁRIO: MAURÍCIO NASCIMENTO

Médico cubano deverá ganhar até R$ 4 mil dos R$ 10 mil que serão

está sendo feito esse processo. O governo cubano ficará com boa parte

USUÁRIO: JHULY NOGUEIRA

Nossa, que triste! O lanche do Castelo é tão antigo quanto famoso! USUÁRIO: WAGNER REIS

9%

Sou favorável à vinda dos médicos cubanos, mas o que não concordo, assim como a maioria, é a forma como

do bolo. O Brasil alimentando a ditadura dos Castros.

91% NÃO

3643-5080 Linha direta com o leitor MULTIMÍDIA

USUÁRIO: RUBNEY BARROSO

Justo, já que Cuba investe pesado na educação, ao contrário do Brasil. USUÁRIO: KARINA PINTO

Isso é errado!

Baixe um leitor de QR Code no seu celular ou tablet. Fotografe o código e assista à videorreportagem ou acesse galeria de fotos.


Opinião03

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Claro& i Escuro 9120-5333/3643-5034

Museu do Crime resgatará a memória do judiciário do AM

N

uma cidade com poucos espaços culturais e, mais que isso, com contados museus, o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) não só valoriza a própria história, como proporcionará a Manaus um valioso espaço com a criação do Museu do Crime. Ele atende a antigo projeto do judiciário amazonense e funcionará no prédio anexo da atual sede do TJAM, na Avenida André Araújo, Aleixo, zona centro-sul de Manaus. O novo prédio do Tribunal será inaugurado no próximo dia 30, mas o Museu ainda não, pois os coordenadores do mesmo estão recebendo documentos, armas, processos e materiais históricos. No mesmo anexo, funcionarão ainda setores administrativos da instituição e também as Escolas de Aperfeiçoamento do Servidor e da Magistratura. O Museu contribuirá para a formação de profissionais como da área do Direito, além de ajudar no resgate da memória do Estado.

MELO Busca por novo partido

AFASTAMENTO Decisão consensual

TURISMO De olho no Amazonas

O PSD, do ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab, é um dos destinos prováveis do vice-governador do Amazonas José Melo, que pediu desfiliação do PMDB ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Melo não se identifica com a oposição.

O Conselho Superior do Ministério Público do Amazonas (CSMP) determinou, na sexta-feira, o afastamento do promotor de Ipixuna, Paulo Alexander dos Santos Beriba, por suspeita de receber vantagem indevida em razão do cargo. O promotor responde a um Processo Administrativo Disciplinar (PAD).

Um grupo de 21 operadores de turismo estrangeiros visitou Manaus na quinta e sexta-feira. Eles vieram a convite da Embratur e da Latam Airlines para o Discover Brasil, projeto que oferece rodadas de negócios e workshops para conhecer alguns dos principais destinos do País e se familiarizar com as suas estruturas e opções turísticas.

APURAÇÃO Sem interferência

PIRATARIA Missão assumida

Na sessão do Conselho, os procuradores de Justiça Antonina do Couto Valle, Públio Caio, Jussara Pordeus, Pedro Bezerra e Rita Augusta, além do corregedor-geral do Ministério Público, José Roque, entenderam que o promotor deve ser afastado até a conclusão do PAD para que não interfira na apuração dos fatos.

Ao assinar acordo para implantar o Programa Cidade Livre de Pirataria, na sexta-feira, o prefeito Arthur Neto assumiu a missão de combater o comércio ilegal de produtos em Manaus. O programa é uma iniciativa do Conselho Nacional de Combate à Pirataria e Delitos contra a Propriedade Intelectual, do Ministério da Justiça (CNCP/MJ).

MAIS MÉDICOS Regionalismo na receita

MUNICIPALIZAÇÃO Facilidade de combate

A maior dificuldade dos médicos estrangeiros no Brasil será o idioma, admite o Ministério da Saúde. Todos terão que aprender noções de português, com regionalismos, para entender os sintomas alegados pelos pacientes.

O combate a esse tipo de crime foi municipalizado. Segundo o Ministério da Justiça, as prefeituras, pela maior proximidade com a população e as áreas urbanas, têm melhores condições de fiscalizar e inibir o comércio pirata.

PROCESSOS Sul e Sudeste dominam Entre 2010 e 2012, os Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul dominaram a pauta do Supremo Tribunal Federal (STF), respondendo por seis em cada dez novos processos. Os dados estão na pesquisa Supremo em Números, da Escola de Direito do Rio de Janeiro, da Fundação Getulio Vargas (FGV).

ZONA FRANCA Ações administrativas A maioria dos processos levados pelo Amazonas ao Supremo se refere ao Direito Administrativo. Em segundo lugar estão ações no âmbito do Direito Civil e, em terceiro, Direito do Trabalho. Na questão administrativa, a maioria dos processos é sobre questões constitucionais envolvendo a zona franca.

STAFF Vice-Presidente Cyro Batará Anunciação Diretora Financeira Waldelina Maciel Tavares Diretor de Redação Hudson Braga

Propriedade da Editora Ana Cássia Ltda. CNPJ: 04.816.658/0001-27 Av. Djalma Batista, nº 2010 - Chapada CEP.: 69.050-010 Manaus -AM- Tel: 3643-5060 Afiliado na: ANJ e IVC

Associados

Emerson. Jogador do Corinthians

Sonia Gonzalez. Médica espanhola

Não tiveaintençãode ofender ninguém,muito menos anação corintiana. Vou continuar honrandoessacamisa”

Estou ao mesmo tempo emocionada, com algum medo do desconhecido, mas com muita vontade de trabalhar”

Ao pedir desculpas por selinho dado em amigo.

Ao desembarcar no Brasil para trabalhar com índios da Amazônia.

4,1

mil famílias desalojadas da área da Usina de Belo Monte, no Pará, receberão novas casas. Outras 3 mil receberão indenizações ou cartas de crédito do consórcio Norte Energia.

957,6

milhões de reais foram repassados a bancos pelo Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé). O dinheiro, no total de R$ 3,1 bilhões, financiou cafeicultores, cooperativas e torrefadoras.

37ºC

foi a temperatura registrada no Rio de Janeiro, na sexta-feira. Trata-se de calor típico de verão, embora o Estado carioca esteja em pleno inverno. É o inverno mais quente do Rio.

Redação Editor Executivo: Cléber Oliveira Fone: 3643-5037 Fax: 3643-5083 E-mail: redacao@diarioam.com.br Financeiro Fone: 3643-5068 Fax: 3643-5083 E-mail: financeiro@diarioam.com.br Comercial Fone: 3643-5076 Fax: 3643-5083 E-mail: comercial@diarioam.com.br Gerência de Classificados Fone: 3643-5000 Fax: 3643-5083 E-mail: classilider@diarioam.com.br Assinatura Fone: 3643-5000 Fax: 3643-5083 E-mail: assinatura@diarioam.com.br Circulação Fone: 3643-5060 Fax: 3643-5083 E-mail: circulacao@diarioam.com.br

Sucursal Brasília: SRTV/S - Q. 701 - Conj. D - lote 05 - bl. C - s/209 - Ed. Centro Empresarial Brasilia - Brasilia - DF CEP.: 70340-907. Fone Fax: (61) 3224-3776 Cel: (61) 8433-8162 Representante: Fênix Representação de Mídia São Paulo: Fone/fax (11) 3486-7054 - E-mail:midiafenix@globo.com - Rio de Janeiro: Fone/fax: (21) 2240-5859 - email: represrio@mundibox.com.br


4 Política

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Taquiprati

Coluna

ESPLANADA

José. R. Bessa Freire

Leandro Mazzini

Professor universitário bessa_18@hotmail.com

Jornalista contato@colunaesplanada.com.br

A língua que somos

P

aca, tatu,cotia sim. Esses eoutros bichos, quenãoexistiamna Europaforamencontrados pelos portugueses, quando se instalaramnaAmazônia,em1616,eaíeles tomaramemprestados das línguas indígenas os nomes debichos,peixes, plantas e tecnologias tradicionais. Mas,por outrolado,os ‘portugas’trouxeramcom eles ummundodecoisas novas queeram aquidesconhecidas:ferramenta,papel, bíblia, soldado,padre,pólvora,canhãoeaté animais como vaca,cavalo,cachorro, galinha. Comas coisas, trouxeramos nomes das coisas. Alínguaportuguesaeas línguas indígenas ficaram seesfregando umas nas outras. Esseatrito, quea sociolinguística chamadelínguas emcontato,produziu um troca-troca,configurandooportuguês regionalemudandoos idiomas indígenas, umdos quais serviu debaseparao Nheengatu,alíngua-geral queorganizou a comunicaçãoentre todos. Essas questões foramdiscutidas napalestra ‘Históriadas Línguas naAmazônia’, queministreina terça-feiranaUniversidadeFederaldo Amazonas,convidadopeloProgramade Pós-GraduaçãoemHistória. Essaéahistóriadocasamentoentreo pirarucu eobacalhau. Um,decabeçachata eossificada, vivenas águas doces dos lagos e rios daAmazônia. Ooutro vivena Europa,nas águas frias doOceano Atlântico,mas suacabeça sófoi vistapor um velhoportuguês mudodeGafanhada Nazaré,noAveiro. Nãofoi umcasamento fácilporqueocasal, quemoravanacasade Noca,manteve relações assimétricas, conflitivas, tensas,dedominaçãoe exploração. De qualquer forma,nós somos os filhos dessecasamento,emborahaja quem queiranegar essafiliação.

Os empréstimos ONheengatu, umadas línguas de maior importânciahistóricanoBrasil,foia línguamajoritáriadaAmazôniaduranteo períodocolonial,estendendo sua hegemoniaatéo séculoXIX. Manteve contatopermanente,através de seus falantes,comoutras línguas indígenas e comoportuguês,o quedeixou marcas e influências mútuas bastante significativas. Durantedois séculos emeio,índios, mestiços,negros eportugueses trocaram experiências ebens nessalíngua que se firmou comolíngua supraétnica,difundida pelos missionários por meiodacatequese. DenominadadeLínguaGeralAmazônica, elaéhoje usadanoRioNegroefoi declarada,em 2002,línguacooficialem

Os empréstimos que o Nheengatu tomou do português foram os mais diferentes. Um deles foi substituir palavras como ipéca,de filiação tupi, por pato em português.

SãoGabrieldaCachoeira(AM), um municípiomaior quePortugal,onde são faladas 22 línguas diferentes. Os empréstimos queoNheengatu tomou doportuguês foramos mais diferentes. Umdeles,foi substituir palavras comoipéca,defiliação tupi,por pato,em português. Outrafoifazer adaptações fonéticas efonológicas de termos que designavamconceitos,funções e utensílios novos:cavaloemportuguês deu cauaru em nheengatu; cruz virou curusu; soldado, surára; calçaou ceroula,cerura; porco, purucu; livro,libru ou ribru; papel,papérae amigoou camaradadeu camarára. Por outrolado,oNheengatu ampliou o valor semânticodepalavras do seu léxico paradar contadanova realidade, nomeandocomnomes tupio queantes eradesconhecidodos índios, estabelecendoalgumas analogias:boie vacaforamdenominados de tapyira, (anta); cachorropassou a ser designado pelapalavraiauára(onça); vinhofoi chamadodecauíne tesoura,depiranha (peixe). Mas seoboiea vaca sãochamados de tapir,comoficaaanta? Ela virou tapireté,damesmaforma queaonça virou jaguareté,como usodapartículaeté (legítimo,genuíno).

Identidade Os dados sobreahistóriadas línguas na Amazôniaestãodispersos nos arquivos, comooArquivoHistóricodoExército,no Rio,cujofundointituladoGuerrado Paraguaicontémcorrespondênciacomo presidentedaProvínciadoAmazonas,em 1865, sobreoenviode recrutas paraa Corte,alémde relatórios de interrogatórios feitos aprisioneiros. AdocumentaçãodaGuerrado Paraguai registranotícias de 'voluntários' doAmazonas,monolíngues em Nheengatu,cujo recrutamentocriou uma situaçãonomínimoinsólita,com consequências sobreas marcas identitárias étnicas enacionais:muitos soldados amazonenses,pertencentes ao5º BatalhãodeInfantaria, que sequer podiam entender as ordens emportuguês do seu comandante,morreramnos campos de batalhadoParaguai,como ‘voluntários’da Pátria,falando umalíngua,compreendida peloinimigo,mas desconhecidaem sua própria trincheira. Dooutrolado,havia situação similar, com soldados paraguaios,monolingues emguaranicriollo,alguns dos quais foram feitos prisioneiros deguerra,e sópuderam ser submetidos ainterrogatóriocomajuda de soldados amazonenses,bilingues em LínguaGeral-Português, quefuncionaram comointérpretes e tradutores devidoà proximidadedas duas línguas. A trajetóriadoNheengatu mereceu umartigo queescrevi,publicadona revista AmeríndiadaUniversidadedeParis 7,em 1983 e,posteriormente,na revistado Museu Amazônico. Agora,oartigofoi traduzidoaoNheengatu epublicado,nesta língua,pelaEditoradaUniversidadedo Amazonas,nolivroorganizadopor Gilvan Muller eMauricioAdu Schwade, intituladoYgatu Resewa. P.S.-EmManaus,participeidabanca examinadoradadissertação "Soldados da Borracha:das vivências dopassadoàs lutas contemporâneas" domestrandoFrederico AlexandredeOliveiraLima,orientadopor Luiz Balkar SáPeixotoPinheiro.

A reforma eleitoral bate-cabeça Câmara e Senado batem cabeça sobre reforma eleitoral e nada avança – o mistério é se é estratégia ou jogo de vaidades. Duas semanas após o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), desengavetar na CCJ proposta de reforma eleitoral para reduzir tempo de campanha, na sexta, o deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), que finalizou minuta de reforma bem anterior, incluiu no pacote do PL 5735 dois substitutivos, com ideias semelhantes as do Senado, apresentado por Romero Jucá (PMDB-RR). Em suma As duas propostas distintas defendem a redução do tempo de campanha nas redes de rádio e TV e limitam o material de campanha nas ruas. Pauta doidona A minuta de Vaccarezza tem mais de 100 emendas e sem consenso de líderes. A de Renan foi empurrada para os líderes, sem ciência do autor Jucá, procurado depois. O debate voltou A Comissão de Direitos Humanos promove, na terça, audiência pública sobre a redução da maioridade penal. Com prós e contras. A toda velocidade Na reunião com integrantes do comitê local e internacional de motovelocidade, na qual ficou prometida a reforma do Autódromo de Brasília, o governador Agnelo Queiroz (PT) se comprometeu a manter o nome de Nelson Piquet, e o circuito será batizado de Vanessa Daya, a piloto, campeã brasiliense, que morreu, em julho, durante uma prova. Indy no Cerrado O governo do DF vai investir de R$ 100 milhões a R$ 200 milhões na reforma do Autódromo. A ideia de Agnelo é realizar em Brasília não só o GP Mundial de Motovelocidade, como também conquistar a Fórmula Indy. PT rifado Com Flávio Dino (PCdoB) liderando em cheio as pesquisas para o governo do Maranhão, o PT do Estado enviou a sondagem para a executiva nacional. Não quer sofrer intervenção nem ser rifado em 2014 para o PMDB, como na última eleição. Na balança Domingos Dutra, um dos chefes do

Leia mais textos de opinião em www.blogs.d24am.com

PT maranhense, lembra que, hoje, o segundo colocado, candidato de Roseana Sarney, tem 20%. E Dino conta com 60%.

O plebeu e a Princesa Um fotógrafo de BH trava luta inglória contra Xuxa. Ele registrava o treino de time de vôlei e apanhou de seguranças da Sasha, filha atleta da apresentadora de Xuxa. Mensalão, por advogados O universitário Gustavo Lacerda Pedrina, da USP de Ribeirão Preto, teve ideia de meter inveja nos jornais que cobrem o dia a dia do julgamento: entrevistou os 27 advogados de defesa dos réus no mensalão. Vai publicar em livro, com prefácio de Dalmo Dallari. Epa, Epa.. O livro traz polêmicas. O título é ‘AP 470: análise da intervenção da mídia no julgamento do mensalão a partir de entrevistas com a defesa’(LiberArs). E há um capítulo ‘Mensalão: Liberdade, injusto massacre da imprensa’. Passado o bastão Reitores britânicos ebrasileiros de famosas instituições baixamnoRio, dias 2 e 3 deSetembro. AAPOpromove, noauditóriodoArquivoNacionalno Rio,o seminário sobregestãoLegados Educacionais –Londres 2012 eos Jogos Olímpicos 2016. A bandidagem agradece O Conselho Nacional de Justiça testa, nesta semana, uma calculadora que mostra a data, que por decurso de prazo, extingue o poder do Estado de punir um acusado ou condenado. Vai ser um ‘libera-geral’ da cadeia em pelo menos seis Estados. Tortura caseira O Projeto de Lei do Senado 293/13, fruto da CPMI Violência contra a Mulher (2012), apertou o cerco em casa: será crime de tortura a violência doméstica ou ato de submissão. Rendão A CBF sofre assédio de times do Rio que desejam jogar mais em Brasília. A maior renda da Arena foi no Flamengo x Santos, recorde até hoje: R$ 6.948.710. Ponto Final Esse mensalão ainda vira uma biblioteca de versões.

ComEquipeDFeSP


Política

05

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am

Políticos traduzem o ‘politiquês’, a linguagem particular dos parlamentos O jeito próprio de falar dos parlamentares é uma herança do parlamento françês do século 18

VERBETES Nobres Pares – quando os parlamentares querem se referir a todos os políticos do parlamento.

Decoro – é a forma, definida em regimento de como o parlamentar tem que se portar.

Questão de Ordem – usado quando um parlamentar quer fazer uma intervenção sobre a conformidade com o regimento interno do parlamento.

Sanção – Não o marido da Dalila, é quando o chefe do Executivo aprova uma decisão votada nos parlamentos.

Vossa Excelência – Tratamento comumente usado entre os políticos e instituído em todos os regimentos dos parlamentos. Moção – não é um rapaz grande, é uma oficialização de um pedido feito pelos parlamentares, para a Mesa Diretora. Muito usado para homenagear personalidades.

TEXTO Thiago Freire ARTE Silvio Marcos MANAUS

P

eço aparte de vossas excelências, para colocar em pauta de discussão e deliberação uma moção de esclarecimento para a forma como os nobres pares usam os jargões, para não faltar com o decoro. Por questão de ordem, vamos traduzir. Difícil de entender? Mas é assim que os políticos costumam falar dentro dos parlamentos. Para facilitar o entendimento desse ‘politiquês’, o DIÁRIO, traz aqui parlamentares e analistas traduzindo essa liguagem e explicando como ela nasceu. Nodiaadiados parlamentos, é comum os políticos pedirem ‘aparte’. O termo é usado quando um político que interromper uma fala de uma colega e comentar sobreaqueleassunto. Isso acontece, muitas vezes, quando seestádeliberando uma proposta de lei, ou seja, quando uma lei está sendo discutida em plenário. A moção é uma oficializaçãode umpedido,nocasodo

Sandra Campos Professora da UFAM sandracampossc2010@hotmail.com

A síndrome Astromareana

Deliberação – Apesar de significar decisão, é muito usado como um momento de reflexão e discussão de um tema.

N

Aparte – Usado quando um parlamentar quer falar algo, durante o pronunciamento de outro político, interrompendo o discurso. Parlamentar – Aquele que ocupa cargo, eletivo, junto ao Poder Legislativo.

nosso texto,estamos oficializandoesclarecerdos termosdo ‘politiquês’. A ‘questão de ordem’ é usada para estabelecer alguma ordemdoRegimentoInternoda Casa (Veja outros verbetes do politiquês no quadro que ilustra página). O vereador de Manaus, Mário Frota (PSDB), que já está no cenário político há mais de 40 anos,afirma queessaformalidade vem de uma herança francesa, mas, segundo ele, o excesso de formalismo acaba distanciando o povo da casa do povo, que são os parlamentos. “Gosto da linguagem usada pela imprensa, é de fácil entendimento. Nós deveríamos nos espelhar mais nessa técnica para nos aproximarmos doeleitor”,disse. O vereador Luiz Alberto Carijó (PDT), que tem mandato eletivo desde 1993, explicou que o regimento vem de uma tradição francesa. “Vem do século18e19,daFrança. Acultura latinafoiincorporadapor todos os parlamentos, inclusive por Portugal, que nos influenciou”. Além disso, Carijó disse que outra origem está na cultura de

FRASE

Luiz Alberto Carijó Vereador Se comunicar bem não é se comunicar de forma empolada, é se comunicar de forma direta, objetiva, para que se faça entender” Criticando o ‘politiquês’.

bacharéis em Direito nos parlamentos. “Há um exagero, um rebuscamento do palavriado, acimade tudo,oriundodanossa cultura, bacharelesca. A maioria dos políticos era bacharel de Direito e hoje isso ainda existe”. Para Carijó, como bacharéis e acadêmicos têm uma linguagem peculiar, uma linguagem

jurídica, eles acabam levando issoparadentrodos plenários. O que era usado para que os parlamentares não se sentissem ofendidos, está mudando de lado. “Acho que hoje as coisas estão mudando. Quando você fala: ‘Vossa Excelência’, aqui no parlamento, muitas vezes é quando você quer ofender, mas tem que manter o decoro”, disse Carijó, afirmando que o tratamento menos formal já é uma realidade nas Casas Legislativas. Professor Bibiano, vereador peloPT,avalia queos parlamentares devem ser mais acessíveis. “Acredito queaformadenos comunicar deve ser a mais acessível e você respeita o português, mas também respeitaopovo”. Segundo o linguista, professor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Odenildo Sena, esse processo é natural. “A criação de novas palavras ou a utilização de palavras por um grupo, como os políticos, os jovens, os juristas, é normal e muito saudável para a língua, que é um instrumento vivo, em constante transformação”.

a novela Roque Santeiro, o professor Astromar vivia rodeado pela multidão que assistia a suas preleções intermináveis e incompreensíveis. Na política, por exemplo, não é diferente. Circula uma maneira peculiar de falar que muito lembra o discurso astromareano. O ‘politiquês’, como é conhecido, concentra em seu inventário uma série de jargões que mais impressionam pela sua estrutura formal ou rebuscamento que pelo o que deveria dizer. A linguagem empolada e arrogante faz do jargão um código impenetrável que serve para reforçar o ‘analfabetismo político’ e, principalmente, opacificar a compreensão dos eleitores. Em seu Discurso Político, Patrick Charaudeau compara o discurso político a um jogo de máscaras, que funciona na conjunção de discursos de ideias e discursos de poder, pensamento e ação. E os políticos deveriam ter a coragem de fazer a instância cidadã compreender que não pode tudo saber, que o segredo e a maquilagem da verdade fazem parte do jogo. Alinguagemdos políticos, segundooescritor inglês George Orwell, “destina-seafazer com queamentira soecomo verdade eocrime se torne respeitável, bemcomoaimprimir ao vento umaaparênciade solidez”.


6 Política

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Domin Diário

Quando o povo tem o poder de de

No momento em que se discute a realização de um possível plebiscito para a reforma política, os resultados d TEXTOCamilaCarvalho FOTOViviZanatta/AE/23/10/2005 MANAUS

O

poder emanadopovo, mas ele é quem menos tem participado, diretamente, das recentes decisões do País. Com exceção das eleições, a cada quatro anos, onde a população temopoder deescolher seus representantes, os governantes ‘ouviram’ o povo em apenas quatro momentos, desde 1963. Deacordocomsociólogos,cientistas políticos e historiadores, essas consultas populares foram os únicos momentos em que a democracia foi exercida verdadeiramentenoBrasil. Nas consultas populares realizadas pela Justiça Eleitoral, o povo foi às urnas para demonstrar que não estava satisfeito com o que estava sendo posto e decidir os rumos danaçãoapartir de então. “Ademocraciaémuito tímida no nosso País. O poder emana do povo, que pode exercitá-lo de formadiretaou delegá-loa representantes.Oproblemaéqueosrepresentantes não têm dado abertura paraqueopovodiscutaouparticipe das decisões”, ponderou o cientistapolíticoCarlos Santiago. As consultas populares vêm, então, para dar o espaço devido à populaçãoparaqueelamanifeste suaopinião. Elas sãofeitas deduas formas: referendos e plebiscitos, previstos no Artigo 14 da Constituição Federal e regulamentados pelaLei9.709/98. Aprincipaldistinçãoentreosdois éque,nople-

biscito,opovoopinaa respeitode algo e, a partir do resultado, é formulada uma lei que atenda aos anseios da população e, no referendo,os governantes perguntam àpopulação seela referendauma lei aprovada pelo Congresso para queelapossaentrar em vigor. Foi o que ocorreu no referendo realizado em 1963, no qual o povo foi consultado se aprovava o Ato que instituía o parlamentarismo. Na época, dos 12,2 milhões de brasileiros que participaram da consulta, 9,4 milhões disseram que não aprovavam o Ato e 2 milhões aprovaram a instituição do parlamentarismo. Na avaliação do sociólogo Luiz Antônio Nascimento, o plebiscito é a maneira mais ampla de se ‘ouvir’ a opinião do povo, uma vez que ele permite perguntas amplas. “Ele (plebiscito) permite até mesmo a formação de grupos para defender os pontos com horário de propaganda gratuita. Aí a população fica esclarecida sobre o assunto e responde diretamente”, disse. Isso aconteceu 40 anos depois da primeira consulta popular, em 1993, quando o povo foi chamado para opinar, em um plebiscito, entre Monarquia e República e entre Parlamentarismo e Presidencialismo. Dos 66,2 milhões de brasileiros que participaram da consulta, 43,8 milhões preferiram a República e 36,6 milhões optarampeloPresidencialismo. Cientistas sociais apontamoplebiscitode1993 comodeterminanteparaoPaís.

ELEIÇÕES

Acada quatroanos,opovo temo poder demudar os governantes eos rumos das cidades eEstados

No Brasil, a Constituição Federal prevê a realização de duas formas de consultas populares, o plebiscito e o referendo, que ajudam a criar novas leis ou a confirmá-las

Manifestações populares Em 2003, após a aprovação da alteração no Artigo 35 do Estatuto do Desarmamento pelo Congresso, o povo foi para as ruas semanifestar contraaalteração queproibiaocomérciode armas e munições no território nacional. O novo texto causaria um impacto na indústria de armas e na possibilidade de autodefesa da população. A PresidênciadaRepública sugeriu um

referendo, realizadopeloTSE,e 59,1 milhões de brasileiros não aprovarama alteração. Emjunhodesteano,apopulação retornou àsruas paraprotestar contraoaumentodatarifadosistema de transporte coletivo. As manifestaçõesiniciaramemSãoPauloechegaramatodoBrasil.Elasganharamtantaforçaquepassarama abrangertemasdiversos. Com base na insatisfação popular, a presidente da República,

Dilma Rousseff (PT), encaminhou ao TSE uma solicitação de plebiscito referenteà reformapolítica. A iniciativa repercutiu no Congresso e a maioria dos parlamentares foi contrária à ideia de ouvir o povo para uma mudança na política nacional. Durante palestra em Manaus, a presidente do TSE, ministra Cármen Lúcia, afirmou que o tribunal está estudandocomo realizaráoplebiscito e os custos com a realização da

consult apartir dos serã novam

Leonardo Barroso Universitário

Men Prof

Deveria ser rotina, mas as elites não querem dar voz ao povo porque têm medo que a população opine”

Na atual conjuntura, o plebiscito será usado para manipular a opinião pública. Em outros tempos, teria mais validade”

O go fórm de se cons quere respo

Sobre consultas populares.

Sobre realização de um plebiscito.

Sobre fa

COMO VOCÊ VÊ A REALIZAÇÃO DE CONSULTAS POPULARES NO BRASIL?

Gabriel Gaspar Universitário

Odenei Ribeiro Sociológo

Heron Rizzato Universitário

A nossa Constituição é muito antiga e já mudou muito. Temos de fazer uma reforma política e um plebiscito diria isso”

As manifestações são legítimas, uma vez que as engrenagens políticas não representam legitimamente o País”

Umplebiscitopara reformafeitoemcima dahoranão vaidar certo. Atépodedar certoemalguns lugares, mas nãoemgeral”

Sobre a reforma política.

Sobre manifestações populares.

Sobre realização de um plebiscito.

Luiz Antônio Nascimento Sociológo


Política 7

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

decidir os rumos de um País

ultados de consultas populares do passado mostram como o amazonense tem se manifestado nas urnas CRIAÇÃO DE ESTADOS

Consulta mais recente foi no Pará

consulta popular, além de definir apartir de qualeleiçãoos resultados serão válidos. Adecisãoestará novamentenas mãos dopovo.

MULTIMÍDIA

Assista ao vídeo desta matéria com seu leitor QR Code ou no Portal D24am http://va.mu/crhV

Amais recenteconsultapopular foi realizadaem 2011,noEstadodoPará. OTribunalSuperior Eleitoral(TSE) organizou umplebiscitoparadecidir sobreadivisãodoParáeacriaçãodos Estados deCarajás eTapajós. Na época,os deputados federalJoaquim deMaia(DEM-PA)eestadual,João Salame(PPS-PA),faziamparteda frenteafavor dadivisãoedefendiam queapopulaçãodaRegiãoOestenão tinhaacessoàinfraestrutura. Os 3,5 milhões deeleitores aptos aparticipar doplebiscito responderamàs perguntas “Vocêéafavor dadivisão doEstadodoParáparaacriaçãodo EstadodeCarajás?”e“Vocêéafavor dadivisãodoEstadodoParáparaa criaçãodoestadodoTapajós?”. Destes, 66,59% dos eleitores optou pelanãocriaçãodoestadodeCarajás e 66,08% rejeitaramacriaçãodo EstadodeTapajós. Cercade 221mil paraenses residentes noAmazonas, naépoca,eaptos a votar tiveramde justificar aausênciaaoTribunal RegionalEleitoral(TRE-AM). O presidentedoTSE,naépoca,ministro RicardoLewandowski,disse quea JustiçaEleitoralconseguiu,em tempo recorde,consultar apopulaçãoa respeitode umamudança que afetaria todooPará. “Foi um teste importantee verificou-se queopovo pode ser consultado rapidamentede formaeficienteeeconômica”,disse.

VOTAÇÕES Como o Amazonas votou nas consultas populares: 1) Referendo de 1963: Você aprova o ato que institui o parlamentarismo? NÃO

78,26% (49.358)

SIM

18,54% (11.695) 2,16% (1.364)

Nulos

137.317 45,93% (63.071)

2) Plebiscito de 1993: Você prefere monarquia ou república? Parlamentarismo ou Presidencialismo? Monarquia: 11,73% (63.575)

Parlamentarismo: 24,04% (130.214)

República:

Presidencialismo: 64,99% (352.112)

72,80% (394.427)

Eleitorado: 1.012.167 Comparecimento: 53,52% (541.761)

3) Referendo de 2005: Você é a favor da proibição do comércio de armas e munições? Nulos: 1% (12.336) Brancos: 0,79% (9.697) NÃO: 69,16% (839.007) SIM: 30,84% (374.090) Fonte: TSE

Econom. e Artista Plástico redacao@diarioam.com.br

Consulta e manipulação

1,04% (654)

Brancos Eleitorado: Comparecimento:

Turenko Beça

Eleitorado: 1.688.287 Comparecimento: 73,16% (1.235.130)

A

ConstituiçãoCidadã, de1988,prevê queo povopoderáexercer a democraciadiretade três modos:plebiscito; referendo einiciativapopular. Issoé excelente. Contudo,há que se ter cuidadocomamanipulaçãoda massa,apartir dos meios de comunicação,edeinteresses, nem semprecomprometidos comobem-estar público. No Referendo sobreaproibiçãoda comercializaçãodearmas de fogoemunições,por exemplo, nãohouve umadiscussão apropriada. Emdecisões polêmicas,comooabortoou a penademorte,cogita-sea utilizaçãodestes mecanismos. Issoocorre quandoalgumfato causaoclamor público. É arriscado realizar consultas à populaçãonesses momentos passionais. Defendoamaior participaçãopopular nas decisões doPaís,desde quehaja debateeamadurecimentoacerca dos temas.

Mena Barreto Professor

Thaís Souza Servidora pública

Otoni Mesquita Humberto Silva Doutor em História Coord. de cursos

Carlos Santiago Cientista político

O governo prepara a fórmula e nós temos de seguir. Só nos consultam quando querem dar uma resposta imediata”

O plebiscito vai ajudar a parar as manifestações e aí termos melhorias em relação a diversos assuntos”

É fundamental. Ainda que eu não acredite que a voz do povo seja a voz de Deus, é a voz daquele que está sentindo na pele”

Para mudanças precisas, precisamos de ações contínuas e não seccionadas. O movimento entrou na geladeira, esfriou”

Nas vezes em queo povofoichamado,ele mudou as regras que estavamem vigor enão concordou como que estava sendoposto”

Sobre falta de consultas ao povo.

Sobre benefícios de um plebiscito.

Sobre importância de ouvir o povo.

Sobre as manifestações de rua.

Sobre participação popular.


Domingo, 25 de agosto de 2013 DiĂĄrio do Amazonas | visite D24am.com

PolĂ­tica 07


08Política

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Partidos pequenos ganhamespaçoentre os mais votados nas últimas eleições Enquanto o PTC, o que mais evoluiu, teve mais de 1.000% de crescimento, DEM amargou perdas

Marcelo Seráfico Doutor em Sociologia redacao@diarioam.com.br

Os partidos, o Estado e a sociedade

O TEXTO ÁlissonCastro ILUSTRAÇÃO Júnior Lima MANAUS

O

s resultados das últimas eleições municipais mostram que os partidos pequenos têm ganhado espaço entre os mais votados, no Amazonas, enquanto os chamados partidos tradicionais mantêm a votação ou até reduziram o número de votos no Estado, de acordo com dados disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral(TSE). A análise dos dados do primeiro turno das eleições municipaisde 2004a2012 revelaque o PTC foi a legenda política que mais evoluiu em votação, 1.147%. Por outro lado, o DEM, antigo PFL, reduziu em 78% o número de votos em todo o Estado. Em 2004, o PTC contabilizou 6.523 mil votos com os 50 candidatos a vereador, lançados pela legenda em 16 municípios amazonenses, incluindo Manaus, que resultou na eleição de três candidatos. Na eleição do doanopassado,oPTCobteve81 mil votos e elegeu 11 vereadores

em oito cidades, incluindo a capital. Outro partido que apresentou fortecrescimentofoioPTN. Entre 2004 e 2012, o partido cresceu o número de votos em 475%, saindo de 27 mil, há nove anos, para 158 mil votos na eleição do ano passado. Atualmente, o partido concentra 25 vereadores eleitos no Amazonas, sendocinconaCâmaraMunicipaldeManaus (CMM). Entre os pequenos, os partidos de esquerda tiveram pouca alteração no quadro eleitoral. O PSTUperdeu 28% dos votos adquiridos na eleição de 2004, quandoobteve 3.451 votos,índice que desceu para 2.465, em 2012. Já o PCB cresceu 12%, quandonaeleiçãodoanopassado contabilizou 5.376 votos favoráveis. O DEM foi a legenda que mais perdeu em votação no período. No pleito eleitoral de 2004, o então PFL obteve 494.166 votos, número que foi reduzido para 104 mil no ano passado. Outro partido que também perdeu espaço foi o PPS. A legenda apresentou redução de 297 mil votos, em 2004, para 82

VOTOS

3.263.098 foi o número de votos válidos em todo o Amazonas, na eleição de 2012, somando os votos para vereador e prefeito, de acordo com o TSE.

mil, em 2012. No período, o PPS perdeu 72% dos votos. Paraoantropólogoeprofessor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Ademir Ramos, a votação adquirida por umalegendanem sempreéméritodopartidopolítico, sendoas coligações uma importante variante no processo eleitoral. “As coligações podem contribuir para a densidade do partido, mas também podem provocar a fragmentação da legenda. Nos partidos pequenos, me parece que as alianças foram bem feitas, o que possibilitou certa logística eleitoral. Tudo isto deve ser levadoemcontanoprocesso eleitoral”,frisou oantropólogo. Segundo o professor da Ufam, o crescimento do PTC tem um forte componente reli-

gioso. “Ele (o PTC) é muito ligado a este processo das religiões. É diferente do PSTU, que tem um componente ideológico classista, mas que não tem eco na sociedade. Para a gente ver a diferença de um ideológico religioso para um ideológico de classes”,avaliou. De acordo com Ramos, a perda de votos do DEM pode ser conseqüência do desgaste do próprio partido. “Este desgaste foi fruto de sua prática eleitoral, principalmente no Congresso Nacional. Um partido que ficou no limbo – praticamente - porque não tinha caráter de oposição e acabou se desgastando politicamente.”, opinou. Secretário-geral do recém-criado PSD no Amazonas, Paulo Radin avalia que a votação de uma legenda tem relação direta com o momento político. Na primeira eleição que disputou noanopassado,oPSDobteve 300 mil votos no Amazonas. “Não há um fenômeno isolado queexplicaa votaçãoexpressiva noPSD,na últimaeleiçãomunicipal. Apesar de um partido novo, temos um forte apelo popular”,analisou Radin.

s partidos políticos ainda são um elo fundamental entre a sociedade civil e o Estado. Todavia, é inegável que esse elo se vem fragilizando. Sintomas disso estão no controle das máquinas partidárias por grupos restritos, no esfacelamento ideológico decorrente do pragmatismo eleitoral, no ajustamento à ordem em detrimento da luta por mudanças e, em consequência, no progressivo distanciamento dos partidos dos movimentos da sociedade. As mobilizações ocorridas desde junho, no Brasil, revelam algo desse distanciamento. Bandeiras de partidos foram rasgadas e militantes agredidos, em atos de intolerância e ignorância. Mas, não apenas isso. O conjunto das instituições da modernidade capitalista está posto em causa. O Executivo, o Legislativo e o Judiciário, tanto quanto os partidos, têm sido objeto de duras críticas, em cujas entrelinhas está uma ideia: o Estado não mais representa a nação politicamente organizada. Parece cada vez mais claro, que no Estado e nos partidos que lutam por conduzi-lo se cristalizaram os interesses da burguesia financeira e eles são impostos ao conjunto da sociedade. A hipótese é grave: vivemos um momento de ruptura entre sociedade civil e Estado, e os partidos foram engolfados por ela.


Política 09

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Manaus reunirá em congresso nacional mulheres de carreira jurídica do País Evento da Associação Brasileira das Mulheres de Carreira Jurídica ocorre de 11 e 14 de setembro TEXTO Thiago Freire FOTO Sandro Pereira

FRASE APOIO

MANAUS

M

anaus vai receber juristas de todo o Brasil no período de 11 a 14 de setembro. A capital do Amazonas sediará o 21º Congresso Nacional da Associação Brasileira das Mulheres de Carreira Jurídica. O evento será realizado no salão Solimões, no Tropical Hotel, zona oeste de Manaus. Dentre os palestrantes, a ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Eliana Calmon Alves, vai estar à frente da palestra ‘O Empoderamento das Mulheres no Cenário Atual Brasileiro’, às 14h40 do dia 13 de setembro. Na visita a Manaus, a ministra Eliana Calmon será homenageada pelo Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), na manhã do mesmo dia, por mérito jurídico, que foi concedido pelo TJAM há dois anos, porém, neste período, Eliana Calmon estava como corregedora do STJ, o que impossibilitou a vinda para a homenagem. A programação, do encontro acadêmico, conta com 14 palestras e reúne renomados palestrantes. Além da ministra, a coordenadora de Cursos da Escola Superior da Magistratura do Amazonas (Esmam), a juíza de Direito Lúcia Maria Corrêa Viana, participará do evento como palestrante. Sob o título ‘A Mulher Contemporânea e a Sustentabilidade’, a palestra da magistrada será no dia 12 de setembro, das 15h às 15h30, tendo como coordenadora de mesa a juíza de Direito Anagali Marcon Bertazzo. A presidente da Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Jurídica (ABMCJ), que promove o congresso, desembargadora aposentada do TJAM, a amazonense Liana Belém Pereira Mendonça de Souza, esclareceu que o movimento de mulheres surgiu na França, oriundo da pressão que as mulheres fizeram pela igualdade de condições com os homens. “Trancaram as fábricas e queimaram 121 mulheres, daí as remanescentes

O Congresso tem apoio e patrocínio de diversas entidades, federais e estaduais

Liana Belém. Presidente da ABMCJ Não somos competidoras dos homens, somos colaboradoras, como o homem também é colaborador da mulher” entraram na batalha, pela igualdade de gêneros”, lembrou Liana Belém. Ela lembrou que no Brasil o movimento de mulheres surgiu na cidade mineira de Belo Horizonte, em 1985, e hoje já existem mais de 3 mil associadas. “Nós não somos competidoras dos homens, nós somos colaboradoras, como o homem também é colaborador da mulher”, disse Liana, sobre o principal objetivo da ABMCJ. “Temos que qualificar as mulheres, não temos que ser melhores que os homens, temos que educar os homens, que muitas vezes, tem uma visão atrasada”, disse. A presidente da associação no Amazonas, Dra. Maria Gláucia Barbosa Soares, afirmou que, dentre os trabalhos da associação está a assistência jurídica as pessoas carentes, participamos das audiências na assembleia, na câmara, justamente para acompanhar os trabalhos que estão fazendo. “Temos assento na Secretaria Municipal de Direitos Humanos, no Conselho Municipal de Direitos da Mulher, participamos de todas as atividades envolvendo mulheres, desde situações polêmicas”, disse. Dra. Gláucia disse, ainda, que a associação participa todos os finais de semana das ações de cidadania junto a Secretaria de Direitos Humanos.

A desembargadora aposentada Liana Belém é a presidente da Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Jurídica


10 Política

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Senado pode votar sete projetos de combate à violência contra a mulher Proposições são de comissão mista e precisam ser discutidas em segundo turno, antes de votação TEXTO Agência Senado FOTO Waldemir Barreto/Agência Senado BRASÍLIA

O

Senado realizou, na última quinta-feira, 22, a discussão, em primeiro turno, de sete projetos de autoria da CPI da Violência contra a Mulher, entre eles, o que inclui no Código Penal a figura do feminicídio. Os projetos são parte das 13 iniciativas propostas no relatório da comissão mista; as outras seis terão a tramitação iniciada na Câmara. Como são de autoria de comissão mista, as proposições ainda precisam ser discutidas em segundo turno, antes da votação. As duas etapas podem ocorrer na próxima terça-feira, 27. “Acredito com muita convicção e com muita certeza que esses projetos, sendo aprovados, estaremos dando uma grande contribuição no enfrentamento à violência contra as mulheres”, afirmou a senadora Ana Rita (PT-ES), que foi relatora da comissão. A sessão foi presidida pelo senador Renan Calheiros, que comunicou a realização de sessão solene para a entrega do relatório final da CPI na próxima terça-feira. De acordo com o Projeto de Lei do Senado (PLS) 292/2013, o feminicídio é uma forma qualificada de homicídio. O texto estabelece três circunstâncias para caracterizar o feminicídio, que podem ocorrer de forma isolada ou cumulativamente. Uma delas é a relação íntima de afeto ou parentesco entre vítima e agressor, no pre-

ANIVERSÁRIO

Data da entrega do relatório da CPI homenageia sete anos de Lei Maria da Penha

Durante discussão dos sete projetos da CPI da Violência contra a Mulher, senadora Ana Rita pediu aos colegas senadores para que seja aprovado

sente ou no passado. Outra hipótese é a prática de qualquer tipo de violência sexual contra a vítima, antes ou após sua morte. Por fim, a mutilação ou desfiguração da vítima, também antes ou após sua morte. “É o crime cometido contra mulheres pelo fato de serem mulheres. Conto com o apoio de todos os colegas senadores e senadoras para que esse projeto seja aprovado. Será uma grande inovação que o Congresso Nacional estará fazendo e que servirá de exemplo para outros países do mundo”, disse Ana Rita. Outro projeto na lista dos que podem ser votados na próxima terça é o PLS 293/2013, que inclui a discriminação de

Ana Rita. Senadora (PT-ES) e relatora da comissão Acredito com muita convicção e com muita certeza que esses projetos, sendo aprovados, estaremos dando uma grande contribuição no enfrentamento à violência contra as mulheres”

gênero nas razões do crime de tortura. O projeto também pretende caracterizar como tortura a submissão de alguém a situação de violência doméstica e domiciliar, com emprego de violência ou grave ameaça, com intenso sofrimento físico ou mental como forma de exercer domínio. Os projetos restantes tra-

tam de serviços públicos específicos e especializados para atendimento de mulheres vítimas de violência doméstica; de auxílio da Previdência a essas vítimas; e de recursos para o enfrentamento à violência contra as mulheres. Uma proposição trata da comunicação ao juiz e ao Ministério Público do encaminhamento da mu-

lher para o abrigo, a fim de que sejam analisados os requisitos da prisão preventiva do agressor. O relatório final da CPI, que inclui os projetos e recomendações ao poder público, será entregue à presidente Dilma Rousseff durante sessão solene do Congresso, na próxima terça-feira, 27.

Primeira prestação de contas parcial de partidos e comitês financeiros deve ser entregue até 2 de agosto

tidos preencherem as vagas remanescentes para as eleições proporcionais do pleito de 2014 (deputados federais e deputados estaduais edistritais),observados os percentuais mínimo e máximoparacandidaturas decada sexo (30% e 70%), no caso de as convenções para a escolha de candidatos não terem indicado o número máximo previsto em dispositivos do artigo 10 da Lei das Eleições (Leinº9.504/1997).

De 2 a 6 de agosto de 2014, a Justiça Eleitoral, partidos políticos, comitês financeiros e candidatos têm datas e prazos essenciaisaseremcumpridosemrelação às eleições gerais do próximo ano. O dia 2 de agosto de 2014 é o

prazofinalparaos partidos políticos, comitês financeiros e candidatos enviarem à Justiça Eleitoralaprimeiraprestaçãodecontas parcial de campanha, com os recursos emdinheiroou estimáveis emdinheiro,recebidos porparti-

dos, comitês financeiros e candidatos, e os gastos realizados. As datas fazem parte do calendário das eleições doano que vem. Já o dia 6 de agosto, faltando 60 dias para as eleições, é a data em que a Justiça Eleitoral divul-

garápelainternet,emsítiocriado para esse fim, a primeira prestação de contas parcial, entregue por partidos, comitês e candidatos Também esse é o prazo final paraos órgãos dedireçãodos par-


Política 11

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Partido de Marina pedirá registro definitivo no TSE Entradadopedidodeve ser realizadanesta segunda-feira TEXTO AgênciaEstado FOTO JoséCruz/ABr SÃO PAULO

A

Rede Sustentabilidade, partido que a ex-senadora Marina Silva pretende fundar para concorrer às eleições presidenciais em 2014, confirmou, na última sexta-feira, 23, que vai dar entrada ao pedido de registro do partido junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nesta segunda-feira, 26, , conforme antecipou a Agência Estado. “Nós acreditamos que o tempo e os números necessá-

rios de diretórios e de assinaturas coletadas foram cumpridos, o que nos permite trabalhar para pedir o registro definitivo do partido. Quem está propondo a criação de uma sigla tem que submeter as regras e o papel da Justiça é aceitar o que foi feito”, afirmou o deputado federal Walter Feldman, em entrevista. O deputado já explicitou ao PSDB sua migração à Rede assim que a nova sigla for criada. Ao comentar suspeitas de irregularidades na coleta de assinaturas para a criação do novo partido, Feldman afirmou que apesar de ser possível a existência de alguns erros, isso

não justifica a especulação de que possa haver fraude. “Tivemos 12 mil voluntários colaboradores que fizeram as coletas pelo Brasil. É muito possível que algum desses não tenha feito direito. Não há controle total. São 850 mil fichas, fizemos uma triagem,mas algumas podem ter escapado”, afirmou, ressaltando que é a favor de que essas suspeitas sejam investigadas. “São alguns casos que podem ter acontecido e que se abra investigação”. Feldman reiterou que alguns cartórios eleitorais estão ultrapassando o prazo de 15 dias para avaliar as assinaturas.

NACIONAL

Feldman não acredita em uma articulação política para dificultar a criação da Rede

Aex-senadoraMarinaSilvapretendefundar aRedeSustentabilidade paraconcorrer às eleições presidenciais em 2014


12

Economia

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am

A cada dez minutos, concessionárias vendem um veículo novo no Amazonas Em pouco mais de três anos, 220 mil unidades entraram nas ruas, média de 5,2 mil por mês TEXTO Beatriz Gomes FOTO ReinaldoOkita ARTE Victor Rodrigues MANAUS

A

cada dez minutos, um veículo zero quilômetro foi vendido no Amazonas, em média, nos últimos três anos e meio. Éo quemostramos dados dos emplacamentos do Estado, revelando um aumento significativonafrotaimpulsionadopelo farto acesso ao crédito. Neste período, foram 220 mil novos veículos nas ruas, com uma média mensal de 5,2 mil unidades, incluindo automóveis, motocicletas,ônibus ecaminhões. Após um forte crescimento das vendas em 2011 e leve queda no ano passado, 2013 deve alcançar resultados bem parecidosa 2012,naopiniãododiretor geral da GM Pedragon, Ramisés Leão. Há 20 anos no segmento deautos,odiretor consideraque os altos e baixos do mercado de automóveis são movimentos naturais. O mercado estava aquecido até o ano passado, avalia o gerente de vendas da Via Marconi, Antônio Carlos Lima. “O desaquecimento começou esse ano comoestoquecheiodeveículos, o endividamento das famílias, além das restrições ao crédito dos bancos”, explica o gerente. Para retomar o ritmo dos anos anteriores,aconcessionáriaoferece facilidades como bônus de fábrica para determinados modelos. “Para que alcancemos resultados iguais ou maiores que o ano passado, estamos intensificando as promoções para que o consumidor perceba as facilidades e incentivos atuais desse mercado”, ressalta. ParaLeão,a situaçãoéextremamente favorável para quem quer adquirir um carro zero. “Se colocar na balança, o consumidor verá que um carro popular novoémuitomais vantajosopor vários fatores, entre eles, a garantia que hoje pode ser de três anos”,disse.

EXPANSÃO DAS VENDAS VARIAÇÃO FROTA (2008/2013) MANAUS 2008

600

ITACOATIARA

2013

2008

Frota total

500

PARINTINS

2013

2008

Frota total

MANACAPURU

2013

2008

Frota total

Motos

COARI

2013

2008

Frota total

2013

Frota total

555.081

17.875

13.196

10.531

7.840

Variação frota

Variação frota

Variação frota

Variação frota

Variação frota

59,3%

400

101,5%

75,3%

124,9%

95,5%

1 .16 99

2

300

200

Carros leves e pesados

57 9.4

19

100

98

9 .56

4.1 12

64

0

29 0 2 9 80 06 .0 2 00 62 03 39 .479 28 .90 48 3 .59 .1 33 6.6 2.3 14 566 6.6 1.03 11 4 6 2 3 .1 06 2.8 1.0 7.1

VARIAÇÃO DA FROTA % (2008/2013)

59,3

Manaus Itacoatiara Parintins Manacapuru Coari

101,3

75,3 0

30

60

90

95,5

124,9 120

150

Fonte: Denatran

CRESCIMENTO

A frota de veículos em Manaus passou de 348,4 mil, em 2008, para 555 mil

Após forte crescimento de vendas em 2011, mercado teve leve queda em 2012 e deve crescer este ano

Na avaliação do diretor-presidente do Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran),LeonelFeitoza,as facilidades na aquisição de veículos novos motivaram o crescimento dos emplacamentos, assim como o aumento do poder aquisitivodapopulação. “Comprar um carro novo é mais fácil do que adquirir um usado, o consumidor pode financiar em diversas parcelas e, algumas vezes, sem nenhuma entrada”,destaca.

Frota A frota de veículos em Manaus passou de 348,4 mil, em 2008, para 555 mil, em maio de 2013, um aumento de 59% no período de cinco anos, segundo dados do Departamento NacionaldeTrânsito(Denatran). A quantidade de automóveis na frota subiu de 199,4 mil, em 2008, para 299 mil, em

maio de 2013, ou 50% em cinco anos. Já a quantidade de motos cresceu 92% no mesmo períodoepassou de 64,5milpara124 mil motocicletas e motonetas nacapital.

FRASE

Ramisés Leão. Diretor-geral da GM Pedragon Para que alcancemos resultados iguais ou maiores que o ano passado, estamos intensificando as promoções”


Economia 13

‘O cliente quer realizar um sonho através da compra’ ENTREVISTA

PANORAMA

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

C

om faturamento anual de R$ 1,2 bilhão e 200 lojas em oito Estados, a rede varejista Novo Mundo, uma das dez maiores do mercado, inicia sua expansão na Região Norte, com inaugurações previstas no Amazonas, Roraima e Amapá. De acordo com o executivo de Marketing da empresa, Luiz Cláudio Araújo, responsável pelas novas operações Manaus deverá receber 20 lojas até o final do primeiro semestre de 2014, sendo pelo menos oito até novembro, o que deve gerar 1,2 mil empregos diretos. Para se destacar neste novo mercado, a companhia apostou na pesquisa científica, para adequar seu sistema aos desejos e costumes da população local, e na capacitação extrema de seus colaboradores. A varejista adquiriu pontos do grupo Esplanada e assumiu as lojas da rede em cinco Estados. TEXTO Rosana Villar FOTOS Reinaldo Okita

Por que o Amazonas foi escolhido para esta fase de expansão da rede? Primeiro pelo potencial de mercado. Manaus, em particular, oferece muitas possibilidades para o varejo. Entendemos que a cidade e o Estado são muito bem servidos de empresas varejistas, mas achamos que o tamanho do mercado permite a chegada de grupos também bem estruturados e que possam oferecer novas oportunidades para os consumidores. É mais uma opção e a concorrência só favorece o mercado. Vai contribuir para que uma série de vetores sejam analisados pelo consumidor, como qualidade do atendimento, mix de produtos e condições de pagamento. Como foram as pesquisas para verificar a viabilidade do empreendimento? A empresa trabalha fundamentada na ciência. Não damos um passo sem fazer uma pesquisa. Antes de vir para Manaus, enviamos antropólogos e sociólogos para passar 45 dias com 40 famílias para compreender os hábitos de consumo da região. E o que descobriram de curioso aqui? Percebemos que Manaus é umacidadeondeas pessoas pensammuitonofuturo. Em outros mercados,aparecemuitoa coisadoagora,o queposso ter agora. Mas omanauarapensaa médioelongoprazos,atépor isso,a educaçãodos filhos é umagrande preocupação. Vimos também quea decisãodecompranãoé uma,mas múltipla. Aqui,as decisões não passamapenas pelamãeou opai, mas pelos filhos,avós eaté vizinhos. Outracoisamuitointeressanteéo compartilhamentodacompra. O produtoadquiridoé usufruído tambémpor amigos epela vizinhança. As pessoas sebeneficiam

PERFIL Luiz Cláudio Araújo Formado em jornalismo, atuou por 23 como executivo de Marketing da Rede Globo. Mestre e doutor em Antropologia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC), com pesquisas na área de meio ambiente e etnias indígenas. Nos últimos dez anos vem se dedicando ao marketing e há cinco anos ocupa o cargo de Gestor Geral de Comunicação e Marketing da rede Novo Mundo.

e Amapá. Quanto aos empregos, serão geradas cerca de 1.200 vagas diretas, imediatamente. Inclusive, estamos buscando diversos profissionais, principalmente vendedores, que podem se candidatar pelo site www.novomundo.com.br. Há vagas para todos os profissionais, auxiliar de loja, fiscais e motoristas.

APOSTA

Manaus deverá receber 20 lojas da rede varejista até o final do primeiro semestre de 2014

Executivo de Marketing da rede Novo Mundo diz que a capital amazonense oferece muitas possibilidades para o varejo pelo potencial de mercado

destecompartilhamento. O consumidor compra umfogãoea primeiracoisa quefaz é umbolopara dividir comos vizinhos. Ou compra umfreezer edividecomo vizinho, queprecisacongelar umpeixe. Existeoprazer demostrar aooutro que seestáascendendoatravés de umproduto. Éaconquistaea realizaçãode um sonho. Vocês adquiriram as lojas da Esplanada? Como foi a operação? A Novo Mundo adquiriu os pontos do grupo

Esplanada, que é parceiro da rede há muitos anos, através de outra empresa do grupo, a Eurosono. Havia um namoro antigo com a Esplanada, no sentido de utilizar os pontos no Norte e Nordeste, uma vez que o presidente deste grupo optou, por dar força nos outros negócios que tinha, por sair do varejo. Assumimos as lojas no Maranhão, Pará, Amazonas, Roraima e Amapá. Aqui serão 15 lojas, na capital e interior. Quantas lojas serão abertas

no Estado, ao todo, e qual a projeção de empregos? Queremos ter, no mínimo, 20 lojas em Manaus até julho de 2014. No interior, estaremos em Coari, Tefé, Itacoatiara, Manacapuru e Parintins. Não posso revelar o montante injetado no processo, mas a empresa está fazendo altíssimos investimentos não só na compra de novos pontos, mas neste composto todo, que envolve também um dos maiores centros de distribuição do País, que irá suportar as operações de Manaus, do interior, de Roraima

Você disse que a empresa tem um alto padrão de atendimento e em Manaus. Como vão lidar com a questão da qualificação da mão de obra? Nós temos a UniMundo, que é a universidade coorporativa da Novo Mundo. Todos estes profissionais, de executivos a vendedores, passam 45 dias na sede da empresa, em Goiânia, onde participam de aulas de sistemas, logística, vendas, marketing, compras, operação de loja, todo um cuidado especial com esta mão de obra. Também temos o programa ProForg, Programa de Formação de Gerentes. Todos os profissionais da Novo Mundo podem fazer o curso da UniMundo, onde eles entram como alunos e saem como gerentes trainees depois de dois anos de curso. Hoje, em torno de 80% dos gerentes da empresa são egressos do programa.


14 Economia

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Varejistas lideram queixas na Delegacia doConsumidor por alimentos vencidos Consumidores que se sentirem lesados devem recolher o máximo de informações possíveis INFRAÇÕES

TEXTO Henrique Saunier FOTO Sandro Pereira

Procon e Decon atuam em parceria

MANAUS

R

esponsável por investigar os crimes mais graves envolvendo as relações de consumo, a Delegacia Especializada em Proteção ao Consumidor (Decon) recebeu, mensalmente, uma média de 150 denúncias, em 2013. A maioria dos Boletins de Ocorrência (BOs) registrados está relacionada às infrações de grandes redes varejistas que comercializam alimentos impróprios, além de prestadores de serviços autônomos. Para a delegada da Decon, Lilibeth Albuquerque, as denúncias que envolvem a comercialização de alimentos têm aumentado, o que fez a delegacia tornar o assunto uma das principais frentes de combate. “As grandes redes de varejo são as que mais possuem reclamações. Não dá para se admitir mais essas práticas, pois essas empresas não são mercadinhos defundode quintal,mas sim companhias com muita margem de lucro”, disse. A delegada informou, ainda, que é expressiva a quantidade de denúncias contra profissionais liberais da área médica, odontológica e prestadores de serviços autônomos. Por

DENÚNCIAS

Profissionais liberais e serviços autônomos também estão entre as maiores queixas

Delegada Lilibeth Albuquerque informa que por se tratar de uma intimação policial, as empresas tentam resolver rapidamente a situação com o consumidor

Lilibeth Albuquerque. Delegada da Decon As grandes redes de varejo são as que mais possuem reclamações. Não dá para se admitir mais essas práticas, pois essas empresas não são mercadinhos de fundo de quintal”

conta desse perfil dos denunciados, a delegacia muitas vezes encontra barreiras na hora da investigação, pela dificulda-

de em identificar os endereços A delegada aconselha os consumidores que se sentirem lesados a recolher o máximo de

informações possíveis. “Se for uma infração mais grave, quecaiba umflagrante, temos como deslocar uma equipe para atendimento imediato. Mas se tratando de uma ocorrência quealeiconsideredemenor risco, o consumidor pode simligar para tirar suas dúvidas e juntar todas as provas possíveis, como nota fiscal, documentos e fotos. Fazemos o BO e todos os registros nanossadelegaciapara os efeitos criminais são efetivamenteinvestigados”, ressaltou. Segundo a delegada, por se tratar de uma intimação da Polícia Civil, muitas empresas, quando recebem a reclamação, tentam ao máximo resolver a situação com o consumidor. “Quando chamamos o fornecedor para depor, para fazer com que eles cheguem a um acordo, é comum no dia da audiência o consumidor informar que conseguiu resolver o problema com a empresa. Nosso índice de resolução nessa etapa chega a 70%”, completou a delegada.

Apesar de finalidades semelhantes, a Delegacia do Consumidor e o Programa Estadual de Proteção e Orientação do Consumidor (Procon-AM) são independentes e têm diferentes atribuições. A delegacia trata das infrações mais graves, como os crimes contra o consumidor. O Procon processa as queixas de maneira administrativa. A delegada da Decon, Lilibeth Albuquerque, explica que os tipos e a gravidade do assunto são fatores que estabelecem qual a instituição a tocar o processo. De acordo com a delegada, há uma parceria constante entre ambos e que a Decon, quando necessário, encaminha consumidores ao Procon. “Denúncias que apontam risco à vida, saúde e segurança do consumidor, informação falsa, propaganda enganosa, alimento impróprio, vicio do produto, falta de informação ostensiva que o fornecedor é obrigado a colocar sobre o produto, tudo isso são assuntos que a delegacia investiga”, disse. “Toda atuação da polícia é de impacto social muito maior, com consequências objetivas e imediatas sobre a sociedade. Mas as pessoas acabam achando que tudo só se resolve com prisão. A própria lei dá outros meios de resolução, como a instauração de um inquérito”, defendeu.

Programa Até o mês que vem, a Decon deve lançar o programa ‘Parceiros do Consumidor’, uma campanha educativa com o objetivo de levar palestras sobre o direito do consumidor nas empresas. O consumidor que precisar tirar dúvidas ou fazer uma denúncia pode recorrer ao telefone 3214-2264, ao site da Polícia Civil ou na central 181.


Economia 15

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Mercado de trabalho elimina barreira a profissional com curso a distância A oferta de cursos em boas instituições aumentam as chances de empregabilidade e promoção TEXTO Beatriz Gomes FOTO Jair Araújo

FRASE

MANAUS

A

pós um período de ceticismo, o mercado de trabalho não diferencia mais profissionais formados em cursos presenciais ou a distância. A flexibilidade de horários e a oferta de cursos nas melhores instituições do País e do mundo, aumentam as chances de empregabilidade, manutenção do emprego e promoção da mesma forma que ocorre com a modalidade presencial. As empresas não viam com bons olhos essa modalidade de ensino,afirmaodiretor executivo da empresa de recursos humanos StrategicAdvanced,Carlos Rosa. “Nos últimos quatro anos, percebemos uma mudança muito grande por conta da universalização dessa modalidadedeensino”,avaliaodiretor. Comum aos países desenvolvidos, o ensino a distância dá oportunidade de aprendizado nas melhores universidades do mundo como Harvard, MIT, Stanford e Princeton. A Fundação Getulio Vargas (FGV), a Pontifícia Universidade Católica (PUC) e a Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) são algumas das instituições nacionais com cursos melhor conceituados. Ao absorver conhecimento, a melhora da produtividade do profissional é notória e rapidamente percebida pelo empregador, além de virar um agente propagador de conhecimento.

Kessia Lyra. Administradora Quanto mais cursos você faz, mais facilidades as instituições te oferecem, como, por exemplo, webnários, seminários por meio da plataforma web”

FORMAÇÃO

Nos últimos quatro anos, cresceu a oferta de pessoal qualificado nesses cursos

A administradora Bianca Verçosa, 26, acredita que por ser um mercado crescente o preconceito com os profissionais de cursos a distância está acabando

A analista de treinamento Kessia Lyra, 29, é graduada em Administração, mas quando precisou melhorar o currículo, optou por uma pós-graduação a distância. “Vi a necessidade de enriquecer meu currículo, mas não havia cursos na área de treinamento que eu queria, em Manaus”, conta. Ao procurar por cursos em treinamento pela internet, Késsia se preocupou em ler as avaliações de ex-alunos na página da instituição. “Por meio dos comentários temos uma ideia da qualidade. Outra fonte de pesquisa é o site do Currículo Lattes onde dá pra verificar

se os profissionais tem feito o curso e se os comentários são positivos”, aconselha. A analista fez cursos de treinamento e desenvolvimento, cargos e salários e possui uma formação superior para gestores, o MBA (Master Business Administration) a distancia. Com a mudança de cargo, Késsia aumentou o salário em 40% e não para de se aperfeiçoar. “Quanto mais cursos você faz, mais facilidades as instituições te oferecem, como, por exemplo, webnários grátis, que são seminários realizados por meiodaplataforma web”,conta. Formada em Administra-

ção pelo curso a distância do Centro Universitário Leonardo da Vinci (Uniasselvi) de Santa Catarina, Bianca Verçosa, 26, viu no curso a oportunidade de se graduar, pois o horário de trabalhoeafilha recém-nascida (na época) a impediam de entrar em uma graduação formal. “Ainda sinto que há preconceito, as pessoas acham que por ser um curso a distância é mais fácil ou não tem tantas exigências quanto o convencional”, afirma. Bianca avalia que por ser um mercado crescente o preconceito está aos poucos ficando pra trás. “Acredito que

quem faz a qualificação é o aluno”, observa. O e-MEC é um portal do Ministério da Educação (MEC) que contém informações sobre todas as Instituições de Ensino Superior (IES) que são reconhecidas pelo MEC. Além do mais, o site é bem interativo e fácil de usar e nele você tem acesso ao desempenho da Instituição. A Instituição é avaliada por alguns Indicadores, entre eles o Índice Geral de Cursos (IGC). O IGC é divulgado anualmente, logo após a liberação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade). Pelo portal do e-MEC, o interessado pode pesquisar quais são as faculdades a distância que são melhor conceituadas e escolher a de perfil ideal.


16 Economia

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Domin Diário

Mercado imobiliário local está favorável para a aquisição Clientes têm opções de oferecer formas de pagamento TEXTO Laís Motta FOTO Jair Araújo MANAUS

Q

uem deseja adquirir um imóvel deve aproveitar as oportunidades. As incorporadoras e construtoras de Manaus estão reduzindo as barreiras na hora de fechar o negócio e dando ao comprador algumas liberdades de escolha. O momento é oportuno, dizem especialistas e profissionais do ramo imobiliário. Uma das grandes novidades são os contratos que não são mais fechados exclusivamente

com o uso das tabelas. O mercado, que geralmente aplicava os preços jáestipulados,com todos os detalhes dos valores definidos do início ao fim da compra, agora permite que o futuro proprietário do imóvel apresente um plano ou proposta de pagamento, confirma o vice-presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Amazonas (Creci/AM), Ricardo Benzecry, também diretor da Platinum Construções. “As tabelas são sujestivas, elas não são mais deadesão”,observa. É comum que as construtoras e corretores recebam propostas nos estandes de vendas

com um consumidor mais atento e informado, avalia o presidente do Sindicato dos Corretores de Imóveis do Amazonas (Sindimóveis/AM), Almir de Mendonça. Esse tipo de comprador visualiza outras opções além daquelas já oferecidas. “Tenho um amigo que preferiu adiantar as parcelas. Se o valor era de R$ 3 mil, adiantando dois meses foi pra R$ 2,2 mil”, conta Mendonça. Há um contato mais regular entre o corretor e o comprador, possibilitando que o cliente tenha prévio conhecimento do valor total que ele pagará. O próprio nível de especia-

FACILIDADES

Os contratos, hoje, são fechados sem a necessidade do uso das tabelas

Participação do corretor de imóvel no fechamento do negócio assegura maior confiabilidade ao cliente

lização dos corretores acabou influenciando nessa mudança. “Antigamente, não tínhamos o nível de qualificação que se tem hoje. A grande maioria dos corretores não sabia usar uma calculadora, entregava a tabela na mão do cliente. Hoje, o cor-

retor é um agente de vendas, busca a melhor forma de vender”, avalia Benzecry, que reforça o avanço do diálogo entre corretor e cliente. A partir disso, o comprador se tornou mais crítico e exigente. Normalmente, as incorpo-

Jane Farias

dos aumentos, em geral, certamente irão alavancar a retomada de um maior volume de negócios. A disponibilidade de financiamento deve ser melhor aproveitada com preços mais compatíveis com a evolução da renda. Com esse desenvolvimento do mercado, a exigência do consumidor vai além da escolha do imóvel, ele exige a profissionalização das empresas do setor, com bom atendimento e transparência nas relações. O investimento em imóvel ainda é, e continuará sendo o melhor, mas a escolha da empresa construtora e, consequentemente, do profissional corretor de imóveis são preponderantes para o sucesso de sua compra. Entidades como o Creci e o Sindimóveis, o sindicato da categoria estão sempre preocupados com o desempenho desse profissional. Ele traduz as reais aspirações, desejos e necessidades das pessoas em relação aos imóveis. O corretor comemora neste 27 de agosto, 51 anos de regulamentação da profissão. Você investidor deve exigir do profissional que lhe atenda, a carteira profissional demonstrando que ele é devidamente registrado, evitando danos futuros com o investimento.

Advogada e Vice-Presid. do Sindimóveis-AM janepicanco@hotmail.com

Temos o que comemorar

C

om o mercado imobiliário sempre aquecido e em ascensão, só temos a comemorar. Dados da Associação Brasileira de Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip) mostram, nos primeiros seis meses de 2013, que os empréstimos para aquisição e construção de imóveis atingiram o montante de R$ 49,6 bilhões, o melhor da história do Sistema de Poupança e Empréstimo (SBPE), com volume contratado em torno de 34% superior ao do mesmo período do ano passado. Esses dados sãoimportantes e comemorados pelos profissionais daáreaem razãodoprópriodéficit habitacionaldoPaís,em tornode 6 milhões,em 2012. Desde 2010 até 2022, segundolevantamentos doConstrubusiness,oBrasil terá queconstruir 23,5milhões de moradias. O ajuste de preços da área da construção e a desaceleração

radora total d tante bancos dos com chama cliente pra, qu


Economia 17

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

PREÇOS

200 mil reais a R$ 1 milhão são os valores dos imóveis em lançamento e na carteira de projetos das empresas em várias zonas da cidade.

radoras recebem 20% do valor total do imóvel, ficando o restante a ser financiado pelos bancos. Entre os 20% acertados com a incorporadora, há o chamado sinal, valor que o cliente paga para iniciar a compra, que gira em torno de 5% a

6% do preço total do imóvel. Segundo Benzecry, o pagamento do ‘sinal’, geralmente é à vista, mas algumas incorporadoras já estão flexibilizando a situação para o cliente. Outra facilidade é a oferta de parcelas fixas, sem a correção do Índice Nacional da Construção Civil (INCC). “Com todas as facilidades que os corretores trazem, sempre há algo diferente que o cliente pede. Geralmente, eles pedem pra diminuir o sinal, diluir e para concentrar o maior número de parcelas na entrega do imóvel. Se ele não tiver restrição nos bancos, geralmente são aceitas”, explica o vice-presidente do Creci/AM. Além da maior liberdade ao

cliente, as construtoras apostam, ainda, em promoções. Algumas oferecem aparelhos condicionadores dear split,enquanto outras o pagamento das custas cartorais, lembra o presidentedoSindicatodasIndústrias da Construção Civil do Amazonas (Sinduscon/AM), Eduardo Lopes. “Realmente esse momento é muito atrativo para quem compra por conta dessas facilidades. Quase todas estão fazendoessas ações”, reforça. A crise, que restringiu o crédito junto aos bancos, afetou o mercado local sendo responsável por um cenário onde o cliente tentou comprar, mas não conseguiu o financiamento. O resultado foi a formação de um estoque, que agora as construtoras tentam desfazer. Lopes considera que as promoções são ‘um belo incentivo’ para que as vendas continuem ocorrendo. Até mesmo a oscilação do câmbio é apontada como outro ingrediente favorável à compra do imóvel. Segundo Benzecry, quem pensava em comprar dólar, vai comprar mais caro. Isso faz com que o melhor retorno de investimento seja a compra de imóvel, segundo ele.

OPÇÕES

Construtoras dão largada ao período de lançamentos Os futuros proprietários de imóveis da capital devem ficar atentos às opções do mercado. Espalhados por diferentes zonas de Manaus, os preços dos empreendimentos vão de R$ 200 mil a R$ 1 milhão. Um dos locais à venda é o Jardim Flores, da Platinum Construções. Localizado no bairro de Flores, o residencial terá três torres. Os apartamentos são de dois e três quartos com área de 54 metros quadrados (m²) a 62 m². Os valores vão de R$ 200 mil a R$ 240 mil, com previsão de entrega para 2015. Outro empreendimento é o Vision da construtora Colmeia. Os imóveis têm quatro opções de plantas que variam de 127 m² a 179 m², todos com três suítes e varanda gourmet, com localização na Avenida do Turismo, bairro Ponta Negra. O empreendimento possui 96 unidades, em duas torres de 18 andares e é voltado para o público A e B. Os preços variam

de R$ 700 mil a R$ 1 milhão e a previsão de entrega é para 2016. A Colmeia também pretende lançar o Acquaville Manaus, semelhante ao que já existe em Fortaleza. O empreendimento, com localização prevista no Tarumã, terá 790 unidades. Já a Patrimônio Incorporadora e a Manaú Engenharia anunciaram fusão e preparam um lançamento para 2013 e outros três em 2014, ainda a serem divulgados. Em obras, estão Concept, Smile Parque de Flores, Smile Cidade Nova e Mundi Resort, na fase 3. Voltado ao comércio, a Capital Rossi vai lançar, em setembro, o Britannia Park Offices. O empreendimento será construído na Ponta Negra e vai contar com torres de 625 salas comerciais com área de 31m² a 620m². O condomínio terá duas torres de 16 andares, duas torres de condomínios de sete andares, além de cinco anexos comerciais e 20 ‘vilas’ horizontais.


Domingo, 25 de agosto de 2013 Diรกrio do Amazonas | visite D24am.com

Economia 17


Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

DESTAQUES

QUALIFICANDO

Fernando Pimentel Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior garantiu apoio para prorrogar incentivos ao Polo Industrial de Manaus (PIM). A proposta que prorroga os benefícios por 50 anos será votada até o fim de setembro.

POR JHEMISSON MARINHO

MUNDO DOS NEGÓCIOS

18 Economia

Comércio está atrás de chefes 1 Carente de mão de obra especializada em todas as áreas, o comércio decidiu recorrer às Forças Armadas para suprir as necessidades, pelo menos, nos cargos de chefia: gerência, subgerência, encarregados de seção. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus) e o Comando Militar da Amazônia (CMA) estão firmando parceria, em que o comércio dará o treinamento para 150 oficiais temporários licenciados a cada semestre, com nomes apontados pelo Exército. A previsão é que o acordo seja selado em até 15 dias. Comércio está atrás de chefes 2 O Exército conta, hoje, com 555 oficiais temporários no Amazonas, que podem ficar por até oito anos nas Forças Armadas. Os militares estão em Manaus, São Gabriel da Cachoeira, Tefé, Tabatinga, Barcelos e Humaitá. Do início de 2012 pra cá, foram licenciados 306 oficiais, sendo 141 no primeiro semestre deste ano. O presidente da CDL-Manaus, Ralph Assayag, antecipou que os militares serão aproveitados apenas na área de chefia. “É uma necessidade grande”. Samsung A sul-coreana teve o primeiro revés na Justiça após ser acionada por danos morais coletivos. O Tribunal Regional do Trabalho garantiu liminar parcial a direitos trabalhistas. A ação do Ministério Público do Trabalho cobra R$ 250 milhões.

Capacitação para startups Nesta segunda-feira, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amazonas (Sebrae/AM) capacita empreendedores em projetos de startups - aquelas empresas iniciantes que trabalham em condições de extrema incerteza com foco na inovação. O encontro ‘Startup Manaus’ será realizado no auditório do Sebrae no Centro. A primeira palestra será do jornalista e consultor de empresas, Marcelo Pimenta, que falará sobre a criação de novos modelos. Divulgação/Heineken

PONTO DE VISTA. WILSON PÉRICO, PRESIDENTE DO CIEAM e sempre buscamos nos adaptar ao mercado. Não dizemos que há um patamar ideal.

Heineken transfere parte da produção de fábrica de Cuiabá para a unidade de Manaus AcervejariaHeinekenconfirmou queestáencerrandoas atividades dafábricadeCuiabá,noMatoGrosso,e transferindoaproduçãoparaAraraquara(SP)eManaus. Oiníciodoprocessode transferênciacomeçou emmaio. Comisso,aCervejariadeManaus, quejáatendeManaus,ItacoatiaraeParintins,noAmazonas,BoaVista,em Roraima,eSantarémeItaituba,noPará,passaaatender PortoVelho(RO)eRioBranco(AC). Coma transferência, foramcriadas dez vagas deempregoemManaus,ondeaempresa tambémproduz Kaiser eBavariadesdejulho.

A cotação do dólar nos últimos dias. Para o Amazonas, há vantagem na alta da moeda americana? O dólar alto encarece o produto importado. Nós compramos insumos e os transformamos em produto para o mercado interno, mas há componentes do nosso custo que são em real. Esses estão mais baratos. Então, nosso produto tende a ficar mais barato que o produto final importado. A indústria ganha. Há um patamar ideal? Já tivemos dólar a R$ 1, dólar a R$ 4,

Com esta alta, muda a perspectiva para o segundo semestre? O que a empresa faz de planejamento independe da taxa cambial. Trabalhamos com o fator mercado e isso independe da questão do câmbio. Esse patamar deve ir até o final do ano, mas depende também a economia dos Estados Unidos. Qual o reflexo imediato para as empresas? O dólar neste patamar não deve ter reflexo de curto prazo. Mas, nos próximos seis meses, pode haver uma migração do que o comércio estava importando pelo produto nacional.

MERCADO LANÇAMENTO

Yamaha já testa nova moto 150cc há cerca de 3 meses na capital amazonense

A primeira motocicleta de 150cc da Yamaha no Brasil já é testada há, pelo menos, três meses na fábrica da japonesa em Manaus, onde ela será produzida. A novidade será lançada no início de setembro, com motor 4 tempos SOHC e câmbio de 5 velocidades.

HOTELARIA

40 milhões de reais foi o investimento da rede hoteleira InterCity na primeira unidade no Norte do País, em Manaus. Localizado na Rua Marciano Armond, no Adrianópolis, o Intercity Premium é o 20º da companhia, que ainda tem uma unidade no Uruguai e outros 19 em construção no Brasil.

Empresas fazem acordo para exportar bebidas da Amazônia A AmazonFlavors de Manaus, que produz o concentrado do refrigerante Ice Cola, firmou sociedade com a Wild Flavors, da Alemanha, para produzir concentrados, extratos e ingredientes a partir do açaí, guaraná e cupuaçu. A previsão é que sejam investidos R$ 20 milhões em dois anos na fábrica da nova Wild AmazonFlavors, de olho na exportação.


Economia 19

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Trabalho infantil afeta desenvolvimento do País no longo prazo Progresso educacional é afetado em 24% dos casos TEXTO Agência Brasil FOTO Marcello Casal JR/ABr SÃO PAULO

O

trabalho infantil prejudica o desempenho escolar e reduz em 17,2% o índice de aprovação. O progresso educacional é afetado em 24,2% dos casos e em 22,6% causa evasão escolar. Os números fazem parte de um estudo sobre o trabalho infantil no Brasil elaborado pela consultoria Tendências, a pedido da Fundação Telefônica. O estudo aponta que, no longo prazo, a capacidade de

acúmulo de capital humano do País é reduzidapor causada utilizaçãodamãodeobradecrianças. Isso interfere no desenvolvimento da região e do Brasil.

Maioria De acordo com o estudo, a maioria das crianças e adolescentes ocupados no Brasil está nas regiões Nordeste e Sudeste. O perfil dessas crianças é, geralmente, de meninos, primogênitos e afrodescendentes, segundo o levantamento. A pesquisa será levada ao 4º Encontro Internacional sobre Trabalho Infantil, que acontece amanhã, em São Paulo. O traba-

OS NÚMEROS

68% dos adolescentes entre 16 e 17 anos trabalham sem carteira assinada. No Paraguai e no Brasil, o trabalho infanto-juvenil está mais ligado à agricultura.

lhoinfantilédefinidopeloOrganização Internacional do Trabalho (OIT) como qualquer atividade econômica exercida por crianças com menos de 12 anos, bem como funções exercidas por jovens abaixodos 18anos

DIVULGAÇÃO DOS DADOS

Pesquisa será lançada nesta segunda-feira, em encontro internacional, em São Paulo

Trabalho de crianças e adolescentes reduz a capacidade de acúmulo de capital humano do País


Sociedade

20

Domin Diário

TECNOLOGIA

FALE COM OS EDITORES cidades@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am

Doming

COMODIDADE

Embreve, um roteador deenergia semfioalimentaráprodutos comoTVemáquinadelavar

Tecnologia da corrida espacial dita o futuro dos eletrônicos Empresas absorvem ‘know-how’ para aperfeiçoar cada vez mais produtos TEXTO Da Redação FOTOS Divulgação e ABr SÃO PAULO

E

specialistas do Institute of Electrical and Electronic Engineers (IEEE), a maior organização técnico-profissional do mundo, revelam que tecnologias utilizadas para viagens e exploração do espaço, como energia sem fio, sensoriamento remoto e comandos ativados por voz, terão um papel cada vez mais importante no desenvolvimento de produtos eletrônicos de consumo utilizados pelo homem. “Desde o programa Apollo, nos anos 1970, cidadãos co-

muns têm-se beneficiado das tecnologias espaciais, como instrumentos e aparelhos sem fio, detectores de fumaça, cronômetros a quartzo, a espuma tempur para colchões e travesseiros (desenvolvida pela Nasa para proteger os astronautas da pressão exercida pela força gravitacional no espaço), sem falar no já conhecidíssimo GPS,” comenta Edward Tunstel, membro sênior do IEEE e especialista em robôs no Laboratório de Física Aplicada da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore (Estados Unidos). “Os avanços tecnológicos realizados para viagens e exploração espacial continuarão a influenciar de forma dinâmi-

ca a concepção de novos produtos de consumo”, completa. Segundo ele, empresas de eletrônicos de consumo buscam constantemente formas alternativas e mais eficientes para alimentar os dispositivos. As viagens espaciais também requerem grande quantidade de energia para uma missão. A pesquisa espacial já trabalha no aperfeiçoamento de um tipo de transmissão que capta a energia solar para uma rede de energia na Terra e que seja então distribuída no espaço. “Ainda está em desenvolvimento a capacidade de transmissão de energia a dispositivos eletrônicos por redes sem fio, o que poderá nos livrar da necessidade

de conectar dispositivos em fontes de energia com fio”, diz ele, ressaltando que a energia sem fio já é transmitida por uma rede wireless para emitir uma carga. Mas ainda está em estudos o desenvolvimento de uma rede separada para, simplesmente, transmitir a potência ou se será necessário utilizar redes sem fio paraemitir cargaparaos dispositivos no espaço ou em casa. “De qualquer maneira,aenergiapode ser transmitida a partir de uma caixa similar a um roteador sem fio para um meio semelhante de tecnologia aberta. Isso vai alimentar o liquidificador, a TV e máquina de lavar roupa sem ser precisoconexões por umfio”,diz.

EVO

20

ser par as v eve pres Plan Esta


Sociedade 21

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Domingo: Tecnologia / Segunda-feira: Meio Ambiente / Terça-feira: Ciência e Tecnologia / Quarta-feira: Saúde / Quinta-feira: Educação / Sexta-feira: Bem-Estar / Sábado: Autos

CORPO HUMANO

Sensor aciona membros artificiais

Eletrônicos de consumo acionados por controle de voz e que permitem maior interatividade surgiram a partir das tecnologias desenvolvidas para a exploração do espaço. No futuro, as missões espaciais continuarão norteando a evolução dos aparelhos e dispositivos disponibilizados hoje pelo mercado mundial

O sensoriamento remotoeas capacidades computacionais dos veículos deexploração,como também veículos robóticos que exploram superfícies extraterrestres, sãoessenciais paraofuturodacriação deformas mais realistas enaturais no usocotidianodeequipamentos de sensoriamento. “Veículos comoo Curiosity, queexploraa superfíciede Marteeécontroladoapartir daTerra, têmampliadoanecessidadede precisãonamovimentação”, comentaRichardGarriot,membrodo IEEEepresidentedaSpace Adventures,empresaprivadade exploraçãoespacial. “Usos práticos da tecnologiade sensoriamento remotojános permitiramcriar membros artificiais para seres humanos, queagorapodem senti-los como sefossem reais”,acrescentaele. Especialistas do IEEE lembram que a principal barreira para a viagem espacial em massa sempre foi o custo e que o peso do material em uma nave contribui extremamente para isso. Controles por voz vêm sendo descritos como tecnologia que quebra barreiras e que ajudará a reduzir o alto preço do peso em voos espaciais. Mas também são consideradas essenciais para a forma como os eletrônicos de consumo são projetados para o usuário. “O avançado sistema de controle de voz em desenvolvimento para o espaço terá um enorme impacto sobre a forma como outros eletrônicos de consumo serão criados. Os sistemas finalmente vão se tornar fáceis de usar e o tamanho do dispositivo de controle deixará de ser um obstáculo”, assegura Norm Augustine, presidente do Comitê de Análise de Planos de Voos Espaciais Tripulados dos Estados Unidos. Para ele, as tecnologias de controle de voz vão ajudar a tornar a viagem espacial um evento comum até 2050.

EVOLUÇÃO

2050 será o ano em que as tecnologias para o controle de voz ajudarão as viagens espaciais a se tornarem eventos comuns, segundo estimativas do presidente do Comitê de Análise de Planos de Voos Espaciais Tripulados dos Estados Unidos, Norm Augustine.

1970

foi o ano em que os cidadãos comuns começaram a se beneficiar das tecnologias espaciais, como instrumentos e aparelhos sem fio, detectores de fumaça, cronômetros a quartzo, a espuma tempur para colchões e travesseiros desenvolvida pela Nasa, sem falar no já conhecidíssimo GPS.

1960

foi o ano em que os astronautas das missões espaciais dos EUAbeberamo suco desidratadodelaranja Tang,produzidopara ser consumidodurante as viagens de exploraçãodoespaço.


Domingo, 25 de agosto de 2013 Diรกrio do Amazonas | visite D24am.com

Sociedade 21


22

Cidades

Domin Diário

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am

‘Mercadonegro’ comercializa sepulturas emManaus Ilegalidade foi constatada pelo DIÁRIO em três cemitérios

TEXTO ClariceManhã FOTOS RaimundoValentimeEraldoLopes MANAUS

S

epulturas estão sendo comercializadas ilegalmente por até R$ 30 mil em cemitérios de Manaus limitados a sepultamentos em jazigos familiares. Coveiros, fiscais e até administradores destas unidades fomentam esse ‘mercado negro’, conforme constatou o DIÁRIO nos cemitérios São João Batista, Santa Helena e Santo Alberto, com flagrantes gravados em vídeo. Na manhã da última quinta-feira, o DIÁRIO abordou um fiscal da Secretaria Municipal de Limpeza e Serviços Público (Semulsp) dentro do cemitério São João Batista, no Boulevard Álvaro Maia, zona centro-sul, procurando uma sepultura disponível para compra. O fiscal, que não quis se identificar apesar de estar usando o crachá funcional, informou que poderia fazer o negócio “discretamente”,longedo setordeadministraçãoda unidade. O servidor explicou que pelos meios legais sóépossívelnovos sepultamentos no cemitério em jazigos familiares. Ele chamou um vendedor, identificado como ‘Edivan’, que naquele momento estava ocupado, negociando um túmulo com uma compradora e apenas mandou um recado com o preço: R$ 14 mil e o contato telefônicodelecasohouvesseinteresseemcomprar uma sepultura. Uma compradora, que preferiu não se identificar, contou que pagou R$ 10 mil por uma sepultura no São João Batista, mas não sabia que era ilegal.

“Cheguei aqui e perguntei se tinha sepultura à venda, para enterrar meu irmão e eles me ofereceram uma, com vaga para quatro caixões. Essas pessoas têm coragem de se aproveitar de um momento de dor das famílias para faturarem. Agora estou com medo de ter que desenterrar meu irmão”,disse. No cemitério Santa Helena, bairroSãoRaimundo, zonaoeste, a negociação é feita diretamente com os funcionários do local. Na secretaria da unidade, três servidoras atenderam a equipe do DIÁRIO e cobraram R$ 5 mil, à vista, por uma vaga onde o corpo pode ficar por quatro anos. Depois, os ossos são retirados e a vaga passada para outra pessoa, segundo informou afuncionária. Uma das servidoras utiliza o mapa de sepultamentos para escolher os espaços que podem ser vendidos, com base na frequênciade visitação. A administradora do cemitério avisa a reportagem que não é permitida a comercialização de túmulos e pede sigilo sobre o negócio. Questionada sobrealegalidadeda venda,elainforma que a dona do túmulo viajou e deixou o espaço à venda, o que também é ilegal. Ela disse que, em outros casos, são vendidos túmulos muito antigos, que não recebem visita há muito tempo. Como uma corretora de imóveis, a funcionária percorre o cemitério tranquilamente, apresentando a localização e valores das sepulturas aos seus ‘clientes’. Os coveiros do Santa Helena parecem acostumados com a comercialização e um deles, ao ver os compradores em potencial,perguntasejápoderia

O cemitério São João Batista, localizado na zona centro-sul de Manaus, está limitado a sepultamentos em jazigos familiares, sendo proibida a comercialização de sepulturas

CEMITÉRIOS

10 mil sepultamentos devem ocorrer em Manaus este ano e só o Tarumã tem sepulturas disponíveis, segundo a Semulsp.

SEPULTAMENTOS Cemitério São joão Batista 603 Cemitério Santa Helena 156 Cemitério Santo Alberto 83 Fonte: Decem/Até o mês de julho deste ano

começar a “cavar”. Ela responde que sóquandoopagamentofosse efetuado. “Você pode pagar agora e eles já fazem tudo. Deixam uma lápide bem bonita prontapara quandoocorpochegar”, oferece, sem saber se tratar de uma reportagemdoDIÁRIO. Já o ‘aluguel’ de uma sepultura no cemitério Santo Alberto,noMorrodaLiberdade, zona sul, custa R$ 1,5 mil, por quatro anos. Após esseperíodo,ocorpo é recolhido em uma sacola plástica e colocado dentro de uma gaveta do necrotério para abrir nova vaga,informou umdos negociadores. Coveiros e fiscais disputam a clientela e prometem escritura da sepultura e “garantia” de que o túmulo não será violadoemnovas vendas. A Semulsp informou que a venda e aluguel de sepulturas nos cemitérios SãoJoãoBatista, Santa Helena e Santo Alberto sãoilegais eseráaberto umprocedimentointernodeinvestigação para apurar o envolvimento dos servidores municipais nairregularidade. O órgão solicita que as pessoas que forem abordadas nos cemitérios, por pessoas oferecendo sepulturas, que comuni-

quem à Semulsp pelo telefone 3216-8014. Há ummês,aPolíciaCivildo Rio de Janeiro abriu um inquérito para apurar a venda de túmulos em três cemitérios da capital carioca, afirmando que a comercialização caracteriza os crimes de formação de quadrilha, falsidade ideológica, estelionato e crime contra a administraçãopública.

Reutilização AestimativadoDepartamentodos Cemitérios (Decem)daSemulsp aponta que 130 mil sepulturas estão passíveis de reutilização nos cemitérios de Manaus. Preocupado com a necessidade de alterações da legislação que dispõe sobre cemitérios, serviços funerários e a fiscalização do serviço, o poder municipal criou, no último dia 26 de junho, uma comissão para rever a Lei nº 1.273/ 2008, quedispõe sobreoassunto.

MULTIMÍDIA

Assista ao vídeo desta matéria com seu leitor de QR Code ou no Portal D24am http://va.mu/crhT

TÚMU

Pre nov

Segund Secreta e Serviç apenas Senhora zona oe disponí sepulta outros n municip máxima espaço A direto Cemité Danyell Prefeitu de impl cremató particul medida para ma seria po menos novas c De jane Decem sepulta uma mé


Cidades23

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

CEMITÉRIOS

Hamilton Leão

De janeiro a julho deste ano, 5.621 sepultamentos já foram realizados em Manaus

Presidente do Iaci hamilton.leao@yahoo.com.br

Corrupção fúnebre

A

TÚMULOS

Prefeitura estuda criação de novos cemitérios na capital Segundo informações da Secretaria Municipal de Limpeza e Serviços Público (Semulsp), apenas o cemitério Nossa Senhora Aparecida, no Tarumã, zona oeste de Manaus, está disponível para novos sepultamentos atualmente. Os outros nove cemitérios municipais atingiram a cota máxima de túmulos e só têm espaço nos jazigos familiares. A diretora do Departamento dos Cemitérios (Decem) da Semulsp, Danyelle Soares, informou que a Prefeitura analisa a possibilidade de implementação de um crematório e um cemitério particular na cidade. “Com estas medidas, teremos capacidade para mais 30 mil sepulturas e seria possível desafogar em pelo menos 20% a demanda atual por novas concessões”, afirmou. De janeiro a junho deste ano, o Decem registrou 4.621 sepultamentos, o equivalente a uma média de 770 enterros

mensais. A diretora calcula que na última década houve um aumento de 41,4% na demanda por túmulos na cidade. “Em 2005, a nossa média semestral era de 3.267 sepultamentos contra 4.622, somente no primeiro semestre deste ano. Claro que o crematório exigirá uma adaptação cultural, mas de 15 a 30 cremações ocorreriam mensalmente se houvesse a estrutura aqui”, informou ela. A Prefeitura também estuda a construção de mais um ossuário no cemitério Aparecida, com capacidade para 5 mil lóculos individuais (gavetas). Hoje, o local está com quase todas as 2,8 mil unidades esgotadas. “Sabemos da demanda e estamos analisando a possibilidade desta construção ou de outras medidas, mas de qualquer forma teremos que ampliar o ossuário atual, pois ele não atende mais a capacidade do cemitério”, esclareceu.

prática da corrupção pública demonstra que não existe barreiras e nem limites para se ramificar. Já vimos de tudo: roubo de merenda escolar, desvios de verbas para a saúde, habitação, saneamento, obras que foram liquidadas e não executadas, compra de votos, entre outras tantas investidas criminosas. Uma modalidade a mais que apareça nos leva a crer que a corrupção, dita moderna, tem feito escola e impulsa os modus operandi da prática do crime. Seria a imitação do espelho que reflete o mau exemplo e remete à prática das corrupções inusitadas, e de quebra, acompanhada de impunidade? Há poucos dias, em rede nacional, presenciamos o comércio de venda de túmulos, um negócio milionário de dar inveja a corruptos de carreira, e a máfia da necrópole, pelo que se viu teve inspiração para outras cidades. Mas, a prática da corrupção fúnebre, antes de cair nas mãos dos ‘abutres’ de cemitérios, passa pelos hospitais públicos, com os chamados ‘papas defuntos de plantão’. Nos pátios e corredores dos hospitais se negocia, apesar de ser ilegal, o preço da morte e a indumentária do ente familiar. Toda essa infâmia, com se vê País afora, sustenta-se na conivência de administradores públicos e servidores inescrupulosos.

Seria a imitação do espelho que reflete o mau exemplo e remete à prática das corrupções inusitadas


Domingo, 25 de agosto de 2013 Diรกrio do Amazonas | visite D24am.com

Cidades23


24Cidades

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Ações mobilizam população contra os perigos virtuais Palestras epasseatas tambémchamaramaatençãoparaa violênciaemManaus

ALERTA

A cada oito minutos, um menor é vítima de abuso no Brasil

Cartaz da Campanha Quebrando o Silêncio 2013 chama a atenção de pais e mães para a necessidade de auxiliar os filhos a conviverem saudavelmente com o mundo virtual

TEXTO Da Redação FOTO Divulgação MANAUS

A

edição 2013 do projeto Quebrando o Silêncio teve como tema ‘Perigos na Rede’, porém em Manaus as ações realizadas abordaram a violência, em todas as suas formas, e alertou sobre a prevenção do câncer de mama. Diante dos olhos de todos está um mundo em que cada vez mais pessoas se inserem nos mecanismos de relacionamento virtual. Segundo dados da primeira pesquisa Kids Online Brasil, divulgada pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), cujo objetivo foi analisar o comportamento das crianças brasileiras na internet, cresce o número de acessos à grande rede por parte do público infanto-juvenil. Foram entrevistadas 1.580 crianças e adolescentes: entre aqueles com idades entre 9 e 11 anos, o índice de adesão às

redes sociais é de 42%; na faixa dos 11 a 16 anos, a taxa sobe para 70%. Desse último grupo, 23% já fizeram novos contatos on-line e 25% chegaram a encontrar os amigos virtuais pessoalmente. Apesar de permitido apenas para maiores de 12 anos, o Facebook está cheio de perfis infantis. Em busca de jogos, informações sobre ídolos e conversas com amigos, cada vez mais crianças navegam pela rede social. De acordo com o especialista em inteligência digital Gil Giardelli, os familiares, em especial pai e mãe, devem estar atentos porque na internet a mercadoria é o próprio usuário. “Ofertamos nossos dados para o mundo todo”, disse. Estar conectado em uma rede social já é a segunda atividade infanto-juvenil mais comum na rede, depois de fazer as tarefas escolares, de acordo com a pesquisa do CGI. Assistir a vídeos no YouTube, jogar on-line e postar

PROJETO

1.580 crianças e adolescentes foram ouvidos. Entre aqueles com idades entre 9 e 11 anos, o índice de adesão às redes sociais é de 42%.

fotos na internet aparecem, respectivamente, em terceiro, quarto e quinto lugares. Preocupados com os perigos aparentemente ocultos deste novo mundo virtual, que se descortina diante dos olhos de crianças, juvenis e adolescentes, a campanha Quebrando o Silencio 2013 chama a atenção de pais e mães para a necessidade de auxiliar seu filho a conviver saudavelmente neste mundo virtual. A revista também convida você, que é filho, a usar com sabedoria os meios virtuais de comunicação. Não se pode fugir dos avanços tecnológicos, mas é

preciso utilizá-los de forma sábia para tirar proveito de todos os benefícios que eles oferecem. Foi com o propósito de conscientizar pais e filhos sobre os riscos de exposição na internet que caminhadas e ações sociais foram desenvolvidas ao longo do mês de agosto em Manaus. Alunos de algumas escolas públicas receberam palestras sobre o tema e no sábado, 24 de agosto, uma caminhada rosa coloriu as ruas da capital amazonense. A concentração dos participantes aconteceu na Praça São Sebastião e o percurso feito foi pelas ruas Saldanha Marinho e avenidas Getúlio Vargas, 7 de Setembro e Eduardo Ribeiro, retornando e finalizando na Praça São Sebastião, no Centro. Essa ação, além de falar sobre a os perigos da internet, salientou a importância de denunciar a violência, em todas as suas formas, e também lembrou a luta das mulheres contra o câncer de mama.

Cejuscon do TJAM fará mutirão na zona leste em setembro O Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania (Cejuscon) do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) vai realizar em 14 de setembro, na Escola Municipal Samuel Benchimol, no bairro São José, zona leste de Manaus, um mutirão de conciliação com processos da 10ª Vara de Família e da Vara Especializada em Crimes de Trânsito. Para este mutirão, o Cejuscon já pautou 180 audiências e todos os processos são depessoas que residemna zona leste de Manaus. De acordo com o coordenador do Cejuscon,juiz Luís CláudioChaves, o mutirão vai ser realizado nessa área da cidade porque os moradores dos bairros da zona leste têm comparecidoemmenor númeronas audiências dos mutirões realizadas no Fórum Ministro Henoch Reis, localizado na zona centro-suldacapital. “Comessainiciativa,oCejuscon vai estar mais perto dessas pessoas. Temos um grande número de jurisdicionados na zonalestee também na zonanorte. Aintençãoéfazer esse primeiro mutirão no São José e depois vamos para a Cidade Nova. Ainda temos umproblemaqueéalocalização dessas pessoas. Muitos mudaramdeendereçoou não informaram o endereço correto e isso dificulta para os Correios entregarem as correspondências sobre as audiências”, explicou Luís CláudioChaves. Para a realização do mutirão, o Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania capacitou acadêmicos de Direito da Escola de Ensino Superior Batista do Amazonas (Esbam) e Universidade Federal do Amazonas (Ufam). Além de estagiários de Direitoe servidores,os mutirões de conciliação são realizados com a presença de um defensor público e de um promotor de Justiça designado pelo Ministério Público do Estado do Amazonas. Outras informações poderão ser obtidas junto ao Cejuscon, pelo telefone 3303-5246, de segunda a sexta,nohoráriodas 8hàs 14h.


Cidades 25

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

ainda no final do século XIX. É sempre uma emoção renovada rever Recife e Olinda, impregnadas de misticismo, magia e tradições. A primeira, com suas pontes, Arnaldo C. Péres ilhas, rios e prédios históricos Magistrado arnaldocperes@hotmail.com que inspiraram várias gerações de artistas e poetas consagrados. A segunda, um dos maiores monumentos da arquitetura colonial brasileira, considerada patrimônio da humanidade pela Unesco, desde 1982, com nove belíssimas igrejas, todas no mais puro estilo barroco. Vale a pena visitar esses templos religiosos para admirar um ma cidade de pouco a arte sacra contrastes. De uma quinhentista que os beleza que toca os portugueses construíram e nos mais sensíveis, deixaram há quase cinco assim é Recife, que acaba de séculos, no alto daquelas comemorar 476 anos de colinas, como símbolo de uma fundação junto com Olinda. A época que o tempo não convite de amigos estive apagou. Felizmente, quase recentemente visitando as todos muito bem conservados. duas cidades, além de outros Ali, verdadeiramente, é onde o municípios de Pernambuco, país se encontra com seu como Caruaru e Garanhuns. passado mais remoto e a Na verdade, revendo a terra religião se confunde com a dos meus antepassados e as própria história do Brasil. minhas próprias origens, na A igreja da Sé, por exemplo, cidade do Cabo, de onde em cujo terraço lateral existe vieram meus avós paternos,

Onde o país se encontra com seu passado

U

É sempre uma emoção renovada

Nos últimos anos, a cidade cresceu

rever Recife e Olinda, impregnadas de misticismo, magia e tradições. A primeira, com suas pontes, ilhas, rios e prédios históricos.

muito transformando-se numa metrópole moderna que reflete hoje a riqueza do Estado de Pernambuco.

uma vista deslumbrante para o oceano e parte da cidade de Recife, é um dos pontos mais representativos. Dali, se pode ver ainda o marco que indica o local onde foram erguidos o Castelo e a Fortaleza da primeira Capitania Hereditária, com a seguinte legenda: “Neste morro, levantou seu castelo Duarte Coelho Pereira, que deu início à Vila de Olinda, memória da colonização de Pernambuco, em 1537”. Além disso, não bastasse todo esse conjunto de igrejas e casarões coloniais, a cidade também é pura beleza e arte nas ruas e ladeiras estreitas de seu sítio histórico, que servem

de inspiração para dezenas de artistas plásticos, em cujos ateliês e galerias são expostos artesanatos regionais, entalhados em madeira, barro, ferro, tecido e renda. Diga-se de passagem, são verdadeiros mestres nessa arte. Mas, por outro lado, se Olinda é todo esse encanto e a própria história do nosso período colonial, Recife também é lindíssima. Sem favor nenhum, ou exagero, certamente uma das mais bonitas capitais brasileiras (só perde, é claro, para meus dois amores, quase paixão: Manaus e Rio). Nos últimos anos, a cidade cresceu muito

transformando-se numa metrópole moderna que reflete hoje a riqueza do Estado de Pernambuco. Mas cresceu de forma ordenada, sem destruir o passado, respeitando sua memória, principalmente com a restauração do seu centro histórico. E é exatamente aí que a cidade faz a diferença de outras capitais nordestinas, por apresentar um cenário singular. Seus rios e suas pontes são um convite para passeios a pé, ou de barco, onde se anda nas ruas, admirando a paisagem e a beleza dos seus monumentos, como a repetir os versos do poeta Ledo Ivo: “Amar mulheres, várias!.../Amar cidades, só uma/E assim mesmo com o vento amplo do Atlântico/ E o Sol do Nordeste entre as mãos”. Por tudo isso e muito mais, vale a pena visitar Pernambuco, berço de ilustres e notáveis brasileiros como Manuel Bandeira, Gilberto Freire, João Cabral de Melo e tantos outros. Parabéns, Recife e Olinda por quase cinco séculos de história.


26Cidades

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Conselheiro defende penas alternativas para mulheres envolvidas com o tráfico No Amazonas, 70% das presidiárias estão presas por envolvimento com este tipo de crime

ARTESANATO

Nos presídios femininos, as mulheres são envolvidas em trabalhos manuais

Inclusão produtiva, como a qualificação profissional e trabalho, para que as presas possam ter independência financeira quando deixarem a prisão, é defendida pelo CNJ

TEXTO Da Redação FOTO Elza Fiúza/ABr MANAUS

O

conselheiro Guilherme Calmon defendeu essa semana, durante o 2º Encontro Nacional do Encarceramento Feminino, promovido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que os juízes, no exame de processos sobre o envolvimento de mulheres com o tráfico de drogas, levem em conta as circunstâncias que geralmente as induzem a cometer esse tipo de crime. Para ele, como a maioria delas sofre pressão dos maridos ou filhos presos, os magistrados poderiam considerar alternativas à pena de prisão em regime fechado. “É preciso que os juízes, no exercício da jurisdição, tenham esse olhar diferenciado para a mulher, que muitas vezes pratica o crime de tráfico pressionada pelo marido ou filho presos, não cabendo, necessariamente nesses casos, a prisão em regime fechado. De-

vem ser consideradas, portanto, outras alternativas que possam servir para que ela cumpra uma pena em razão do crime praticado”, afirmou o conselheiro, que no CNJ supervisiona o Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário do Conselho Nacional. No Amazonas, segundo dados da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejus), o tráfico de drogas é responsável por 70% das prisões de mulheres. Para a delegada especializada em Prevenção e Repressão ao Entorpecente, Vanessa Pereira Ricardo, os traficantes estão vendo

nas mulheres uma estratégia de burlar a lei. “Nestes casos, elas assumem o tráfico enquanto eles estão presos. E mesmo que elas também caiam, eles sabem que a estadia delas no sistema prisional será menor”, disse. Com várias mulheres espalhadas pelos bairros, os traficantes optam, segundo a delegada, por jovens de baixa renda que veem no relacionamento a oportunidade de viverem no luxo. “De cada cinco quadrilhas presas, pelo menos três contam com mulheres”, informou.

Prevenção O conselheiro chama a atenção para a necessidade de ações preventivas para evitar a aproximação das mulheres com o tráfico. “É preciso, e isso eu venho dizendo, atenção ao fato de que o crime de tráfico de drogas tem gerado o aumento do encarceramento feminino. Se nós não atuarmos preventivamente, não adianta sairmos lá na ponta, depois de cometido o crime. É preciso prevenção. São necessárias medidas que possam evitar a prática de crimes dessa natureza por mulheres”, disse o conselheiro, ao se referir à necessidade de se oferecerem às

Guilherme Calmon . Conselheiro do CNJ É preciso que os juízes, no exercício da jurisdição, tenham esse olhar diferenciado para a mulher, que muitas vezes pratica o crime de tráfico pressionada pelo marido ou filho presos”

mulheres oportunidades de inclusão produtiva, como qualificação profissional e trabalho, para que superem a dependência financeira que geralmente as pressionam a se envolver com o tráfico. Guilherme Calmon também destacou que as mulheres enfrentam até mais dificuldades no sistema carcerário do que os homens presos. Segundo ele, a maioria das necessidades específicas do gênero feminino não é atendida nas prisões. “O sistema prisional brasileiro não foi concebido para a mulher. A própria estrutura física de um presídio ou penitenciária foi pensada para homens. Então, nós temos desde a questão da estrutura física de penitenciárias ao tratamento que deve ser dado a essas mulheres por conta de suas necessidades de gênero. As mulheres têm doenças que são próprias de sua condição feminina. Há também a questão da gravidez no cárcere, a questão de elas eventualmente poderem ter filho durante o cumprimento da pena”, alertou.


Brasil

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

27

facebook.com/D24am

Custo do Enem para o governo será de R$ 357,67 mi neste ano OpróximoExameNacional do Ensino Médio (Enem) custará ao governo R$ 357,67 milhões, valor 29% superior ao gasto no ano passado. O aumentonocustoémotivado,sobretudo, pela alta de 24% no númerodeinscritos em relação a 2012. Nesteano, 7,1milhões de estudantes são esperados para o exame, usado como vestibular pelamaioriadasinstituições federais deensino superior. O custo para o governo por inscrito será de R$ 49,86 - no ano passado, foi de R$ 47,82, quando 5,7 milhões se inscreveram. O novo valor represen-

taaltade4%. O professor Luiz Cláudio Costa, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão do Ministério da Educação (MEC) que organiza o exame, afirma que a alta foi menor que ainflação. Neste ano, o Enem será aplicado em 29 municípios a mais do que no passado, um total de 1.661. Ainda são previstos gastos maiores comcorretores de redação, que passaram de 5,6 mil para 8,4 mil, e lacres eletrônicos em 63 mil malotes deprovas.

Jair Araújo 03/02/2012

EXAME

São avaliados conteúdos e competências de cinco áreas de exercício profissional

O exame foi alvo de protestos neste ano por médicos e estudantes de Medicina que são contra a não exigência do Revalida

Médicos estrangeiros realizamprovado Revalidanestedomingo No total,aediçãodesteano registrou 1,772 milinscrições

Foram apreendidas 20,1 t até julho contra 19,8 t em todo o ano passado TEXTO AgênciaEstadoeAgênciaBrasil FOTO ReinaldoOkita10/05/2013

PF apreende até julho deste ano mais cocaína que em todo ano de 2012 A Polícia Federal apreendeu, de janeiro a julho deste ano, 20,1 toneladas de pasta-base de cocaína, pó, merla e crack - mais do que em 2012 inteiro, quando foram apreendidas 19,8 t da droga. Houve avanço contra maconha, haxixe e skank: foram confiscadas 105 t (58 t só em julho), ante 111 t em 2012. Os dados são da Coordenação-Geral da Polícia de Repressão a Entorpecentes. No período, oito aeronaves usadas para trazer cocaína foram apreendidas. Produzida principalmente

no Peru e na Bolívia, a droga é entregue em pistas clandestinas ou despejada pelo ar para distribuição. As apreensões, que superam as de 2012, indicam forte rota aérea. O delegado Cezar Luiz Busto de Souza atribui os resultados às ações de inteligência nas fronteiras, em colaboração com países vizinhos. “Só a cooperação leva a bons resultados. Temos focado as ações em áreas de fronteira, porque no Brasil a capilaridade rodoviária é grande.”

APROVAÇÃO

BRASÍLIA

N

este domingo será realizada a prova do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira (Revalida) para validaçãodos diplomasdemédicos formados no exterior e interessados em trabalhar no Brasil. Os profissionais contratados pelo programa Mais Médicos, no entanto, não precisarão passar peloexame. Mais de 1,7 mil candidatos participam da edição deste ano doRevalida. Em 2012,foram884 inscritos. A prova tem duas fases - uma objetiva, das 8h às 13h, e outra discursiva, das 15h às 18h eseráaplicaemdez capitaisbrasileiras: Brasília, Manaus, Salvador, Fortaleza, Campo Grande, Curitiba, Rio Branco, Rio de Janeiro,PortoAlegreeSãoPaulo.

7,5% foi o índice de aprovação dos estrangeiros no Revalida, realizado no ano passado. O percentual é inferior ao resultado de 2011 (7,89%).

A aplicação do exame a estudantes do sexto ano do curso de Medicina,comoformadeavaliação do Revalida, foi adiada por faltadealunos. Mesmo com a promessa de um incentivo de R$ 400 para participar do pré-teste, apenas 505 dos 2.353 formandos inscritos no pré-teste confirmaram a participação no estudo, segundo o Instituto de Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). A participação dos alunos no exameé voluntária. Umanovadataainda seráde-

finidapelaInstituto,mas aprevisão é de que o teste do Revalida só aconteça no primeiro semestrede 2014. ORevalidafoicriadoem 2011 eéaplicadouma vezporano,em duas etapas. A primeira, uma avaliação escrita – composta por uma prova objetiva, com questões de múltipla escolha, e uma prova do tipo discursiva. Na segunda etapa, avaliam-se as habilidades clínicas. Entramnaavaliaçãoconteúdos e competências das cinco áreas de exercício profissional: cirurgia; medicina de família e comunidade; pediatria; ginecologiaeobstetrícia; eclínicamédica. Alémdisso,oexameestabeleceníveis dedesempenhoesperados para as habilidades específicas decadaárea. Antes doRevalida,cadainstituição de ensino superior estabeleciaos processos deanáliseda correspondência curricular, seguindo a legislação de revalidaçãodediplomas previstanoPaís.


28

Mundo

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am

João Paulo 2 e João 23 devem ser canonizados em abril de 2014 O pontífice anunciará oficialmente a data da dupla canonização dos antecessores em setembro TEXTO Agência Estado FOTO EFE VATICANO

O

s papas João 23 e João Paulo 2 deverão ser canonizados em 2014 e não nos últimos meses de 2013, afirmou o prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, cardeal Angelo Amato, em visita a Rimini, na Itália. A data da canonização será anunciada pelo papa Francisco, no dia 30 de setembro, em consistório (reunião de cardeais, convocado para a oficialização da data). “No avião que o trazia de volta do Brasil (em 28 de julho), o Santo Padre anunciara que a canonização deles não deveria ser iminente - por agora, nestes últimos meses de 2013 -, mas em 2014”, afirmou o cardeal. Segundo Amato, somente Francisco conhece a data da canonização. No voo para Roma, após a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), no Rio de Janeiro, o papa acenou com duas datas - 24 de novembro de 2013, festa de Cristo Rei, e 27 de abril de 2014, Domingo da Divina Misericórdia.

Data provável O próprio Francisco deu a entender que seria preferível deixar a cerimônia para o próximo ano, porque 24 de novembro está muito próximo e não seria conveniente fazer a canonização de João Paulo 2 em dezembro, porque os ‘poloneses pobres’ que tivessem de viajar por terra e não de avião sofreriam muito com o frio do inverno. O Domingo da Divina Misericórdia, segundo domingo após a Páscoa, foi instituído por João Paulo 2, e lhe era devocionalmente muito caro. O inconveniente dessa data é sua proximidade da Semana Santa, quando Roma costuma estar abarrotada de peregrinos. Pelas palavras do cardeal Amato, pode-se especular que Francisco escolheria outra data. Só especular, advertem fon-

IDEALIZADOR

O Domingo da Divina Misericórdia foi criado por João Paulo 2, em 2000

OS NÚMEROS

27 de abril de 2014 é a data mais provávelparaa realização das canonizações. Seráo DomingodaDivinaMisericórdia, primeirodomingoapós aPáscoa.

João Paulo 2 morreu na véspera da Divina Misericórdia, em 2005. Sua beatificação foi celebrada num domingo da Divina Misericórdia

Reencontros de famílias das Coreias do Norte e do Sul são marcadas para os dias 25 e 30 de setembro A Coreia do Norte e a Coreia do Sul chegaram a um acordo para celebrar no próximo mês os reencontros de famílias dos dois países separadas durante décadas pela Guerra da Coreia entre (1950-1953), informou o ministério da Unificação sul-coreano. Os reencontros acontecerão entre 25 e 30 de setembro no complexo turístico norte-coreano do Monte Kumgang, indicou em uma

coletiva de imprensa o porta-voz do ministério, Kim Hyung-Suk. O ministério informou que serão selecionadas 100 famílias de cada país para participar no programa de reencontros temporários, o primeiro em três anos. Para as pessoas que estiverem doentes para viajar, serão organizadas reuniões via videoconferência para 40 famílias de cada lado, indicou o porta-voz.

“Com o acordo de hoje, estabelecemos a base para reencontros familiares regulares”, acrescentou. As duas partes promoverão a realização de outra rodada de reencontros familiares, provavelmente em novembro. Na semana passada, a presidente sul-coreana, Park Geun-Hye, incentivou a retomada destas reuniões ao pedir que Pyongyang que “abra seu coração” e aceitou reati-

var o programa coincidindo com as férias de Chuseok, em setembro, quando as famílias coreanas tradicionalmente se reúnem. O programa de reuniões foi suspenso em novembro de 2010, depois que a Coreia do Norte bombardeou uma ilha fronteiriça com a Coreia do Sul e sua retomada depois de três anos supõe um simples gesto simbólico, mas também um passo muito importante.

tes do Vaticano, porque Francisco é capaz de surpreender a Igreja com uma opção pessoal imprevisível. Como a cerimônia de canonização levará milhões de católicos ao Vaticano, é provável que a canonização seja marcada para depois do inverno europeu. A beatificação de João Paulo 2, em maio de 2011, reuniu 1,5 milhão de peregrinos. O prefeito da Congregação para as Causas dos Santos explicou, em Rimini, por que, entre outras virtudes, os dois papas, que já são beatos, serão canonizados. “Gostaria de dizer uma coisa sobre essas duas figuras: João 23 foi o grande profeta e criador do Concílio; João Paulo 2 é aquele que o colocou em prática e o desenvolveu, em todas as suas componentes e em todas as suas virtualidades. São verdadeiramente duas colunas não somente de cultura cristã, mas também de santidade cristã”, disse. Angelo Giuseppe Roncalli (João 23) foi Papa de 1958 a 1963 e abriu os trabalhos do Concílio Vaticano 2, em 1962. O primeiro papa polonês da história, João Paulo 2, teve o pontificado mais longo do século 20 (1978-2005).

FRASE

Kim Hyung-Suk. Porta-voz do ministério da Unificação sul-coreano Com o acordo de hoje, estabelecemos a base para reencontros familiares regulares”


Mundo29

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Pesquisa alerta para perigo das mutações do vírus da gripe H7 Na China, 134 pessoas foram infectadas e 45 morreram TEXTOAgênciaFrancePresse FOTOPrakashMathema/AFP PARIS

A

persistência do vírus da gripe aviária A(H7) em aves de criação chinesas poderia provocar mutações altamente patogênicas e novas infecções humanas esporádicas, no futuro, revelouumestudopublicadonarevistacientíficabritânicaNature. Enquanto a China contabiliza 134pessoasinfectadascomagripe aviáriaH7N9,dasquais 45faleceram, cientistas decidiram estudar ovírusH7 presentenoslimitesda região mais afetada pelo vírus

H7N9edecodificar seu genoma. O vírus H7 circulava normalmente entre as aves e não afetava o homem, até o aparecimento do vírus H7N9, em 2012 na China, onde sua propagação parece ter sidofavorecidapelacomercializaçãodeaves vivas. Segundo cientistas liderados por Maria Huachen Zhu e Yi Guan, os vírus H7, transmitidos pelospatosaos frangos,secombinaram ao vírus H9N2 para dar origemàcepaH7N9. Aoanalisar a salivaeos excrementos defrangos,patos,gansos e pombos na região de Rizhao, situada 600kmaonortedeXangai, e na de Wenzhou, 500 km ao sul

de Xangai, eles descobriram vírus dotipoH7N9naprimeiraregiãoe dotipoH7N7 nasegunda.Ofrangofoioanimalmais afetado. Os dois vírus têm genes em comumeprovêmdovírus dagripe das aves A(H7), que existem nos patos domésticos no sudeste daChina,desde 2010. Paratestar atransmissibilidade do H7N7 nos mamíferos e eventualmente no homem, os cientistas inocularam o vírus em furões, que testaram positivo depois dealguns dias. Esta transmissão “sugere que aameaçadepandemia seestenda paraalémdovírus H7N9”,advertiu YiGuan.

INFECÇÃO HUMANA

Antes da eclosão do H7N9 na China, casos esporádicos com esse vírus eram registrados

O H7N7 poderia acabar causando infecções humanas mais graves do que aquelas provocadas pelo H7N9, segundo os cientistas


30Mundo

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Perdas anuais com enchentes podem chegar a US$ 1 trilhão até 2050 Estudo aponta que as maiores cidades costeiras precisam investir para reduzir prejuízos futuros TEXTO AgênciaFrancePresse FOTO YeAungThu/AFP PARIS

A

s 136 maiores cidades costeiras do mundo correm um risco de sofrer perdas anuais combinadas deUS$1 trilhãocom enchentes até 2050amenos que melhorem drasticamente suas defesas,alertou umestudo. As perdas atuais são de US$ 6 bilhões ao ano e quatro cidades - Miami, Nova York e Nova Orleans, nos Estados Unidos, e Guangzhou, na China - respondem por 43% dos custos, destacou a pesquisa, publicada na ediçãona revistaNatureClimateChange. O economista Stephane Hallegatte,doBancoMundial,e seus colegas criaram cenários de risco de perdas com base no crescimento populacional das cidades, em diferentes níveis de elevação dos oceanos, em modernizações dos sistemas de proteção e na subsidência, ou seja, o afundamento de áreas superficiais frequentemente vinculadas à extração de petróleoou outros recursos. Assumindo que as cidades vão melhorar sua proteção para manter o risco de inundações nos níveis atuais e baseados puramente no crescimento projetado das populações das cidades e nos bens acumulados localmente, a equipe alertou para um crescimento nove vezes maior e em perdas de até US$ 52 bilhões

aoanoaté 2050. Quando a equipe acrescentou os efeitos da subsidênciaeda elevação do nível do mar induzidapeloclima,acifracresceentre US$ 60 eUS$ 63 bilhões aoano. “Sem adaptações (de proteçãocontraenchentes),oaumento projetado de perdas médias até 2050 é enorme, com perdas agregadas aumentando para mais de US$ 1 trilhão por ano”, segundo o pior cenário projetado,destacou. Mas, até mesmo a melhor proteção adotada no mundo não eliminaria os riscos, advertiu o estudo. Embora diques mais elevados sejam capazes de reduzir as inundações, a magnitude das perdas registradas quando elas ocorremcontinuaráacrescer. “Temos cada vez mais pessoas dependentes destas proteções. Isto significa que se tivermos o rompimentode umdique, havendo mais pessoas atrás dele, teremos catástrofes maiores", explicou Hallegatte.

FRASE

Stephane Hallegatte. Economista do Banco Mundial Fracassar na adaptaçãonãoé uma opção viávelparaas cidades costeiras” Frisando serem vitais as mudanças.

INVESTIMENTO

50 bilhões de dólares é o valor estimado necessário, por ano, para intensificar a proteção contra enchentes nas 136 cidades mencionadas no estudo, um cifra ‘muito abaixo’ das perdas estimadas.

ALERTA

O estudo adverte que até a melhor proteção adotada não eliminaria os riscos

Entre as cidades com as maiores perdas anuais até 2050 estão Guangzhou, Mumbai, Calcutá e Miami

Crise econômica estimula a solidariedade e aumenta doações de alimentos em Portugal O volume de doações de alimentos cresceu e a rede de solidariedade para abastecimento de famílias em situação de risco em Portugal aumentou desde 2008. A Federação de Bancos Alimentares do país, organização da sociedade civil, contabiliza que em quatro anos o volume decomidadoadapor anopassou de 17,4 mil toneladas para 28,3 mil toneladas (alta de 61%) e o número de pessoas atendidas

com o fornecimento de alimentos passou de 249,5 mil para 389,2 mil(+64%). Nesse período, com exceção do último trimestre, a taxa de desemprego cresceu constantemente (hoje em 16,4%) e a economia portuguesa diminuiu de tamanho por 30 meses consecutivos. Além da crise econômica nos últimos anos, o aumento do volume de doações tem a ver com o aumento da solidarieda-

de da população e das redes de ajudahumanitária. Entre 2008 e 2012, o númerodeinstituições apoiadas pelos bancos de alimentos de Portugal passou de 1.528 para 2.218. Só na Região Metropolitana de Lisboa, 385 instituições abastecidas pelo Banco Alimentar distribuem por dia 42 toneladas de alimentos a90 milpessoas. A coleta e redistribuição de alimentos envolve grandes em-

presas, pequenos comerciantes, consumidores de diferentes estratos sociais e trabalho voluntário. “Ogrossodas doações vem da indústria agroalimentar”, informaAnaVara,daComissãode Distribuição do Banco Alimentar de Lisboa. Dessas empresas, os bancos alimentares recebem produtos que não foram vendidos por razões nãoligadas àfalta de qualidade para consumo (errode rotulagem,por exemplo).

Ranking Com a melhora da proteção, as cidades comas maiores perdas anuais projetadas até 2050 seriam a chinesa Guangzhou (US$ 13,2 bilhões), as indianas Mumbai (US$ 6,4 bilhões) e Calcutá (US$ 3,4 bilhões), a equatoriana Guayaquil (US$ 3,2 bilhões) e Shenzhen(US$ 3,1bilhões), tambémnaChina. A sexta da lista seria Miami, com perdas anuais projetadas de US$ 2,5bilhões,seguidadeTianjin na China, com US$ 2,3 bilhões, Nova York, com US$ 2 bilhões, Cidade Ho Chi Minh, no Vietnã,comUS$1,9bilhão,eNovaOrleans,comUS$1,9bilhão. “Fracassar na adaptação não é uma opção viável para as cidades costeiras”, ressaltou oestudo.

OS NÚMEROS foi para quanto aumentou o número de instituições apoiadas pelos bancos de alimentos entre 2008 e 2012. Antes, o total era de 1.528.

2.218

instituições são abastecidas pelo Banco Alimentar, somente na região metropolitana de Lisboa. Elas distribuem, diariamente, 42 toneladas de alimentos para 90 mil pessoas.

385


Em alta, Neymar vira titular no Barcelona Após marcar o gol do empate do Barcelona na primeira partida da decisão da Supercopa da Espanha, Neymar deve ganhar o posto de titularidade do Barcelona, na partida contra o Málaga, neste domingo, às 15h (de Manaus), pela segunda rodada do Campeonato Espanhol. Machucado, Messi deverá ficar fora da partida.

VENCER

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am

Por liderança, Naça recebe o Náutico no Estádio do Sesi Vitória na partida que fecha a primeira fase da Série D pode levar o Nacional à ponta do Grupo A1 TEXTO DiogoRocha FOTO ReinaldoOkita MANAUS

C

omNacionalePlácido de Castro-AC já classificados para as oitavas de final da Série D do Brasileiro, ambos agora têm confrontos separados pela liderançadoGrupoA1nestedomingo, pela 10ª e última rodada da fase inicial. O primeiro lugar da chavedádireitoadisputar ojogo de volta da etapa de mata-mata dentro de casa, onde o Leão da Vila só sofreu uma derrota (3 a 1 paraoParagominas-PA)em três partidas emManaus. Mesma situação do Tigre do Abunã, que depois de três jogos invictos (um empate e duas vitórias)noEstádioFlorestão,em Rio Branco (AC) foi, justamente, perder para o Naça. O primeiro e único revés nos próprios domínios até o momento no Brasileiro deste ano do Plácido foi na derrota por 2 a 1 para o time amazonense, no sábado passado. Diante do bom aproveitamentoemcasa,NacionalePlácido jogam em clima de decisão pelo benefício. Vice-líder do GrupoA1,oLeãodaVila temnovidade no ataque para receber o vice-lanterna Náutico (RR), a partir das 16h (horário local), no Estádio Roberto Simonsen (Sesi),emManaus. O Naça já derrotou o adversário roraimense na abertura da SérieDpor 2 a1,emBoaVista,há mais de dois meses. Desta vez, tem a obrigação de vencer novamente para alcançar a ponta da chave. Isso caso o líder Plácido deCastrotropeceparaoParagominas,noPará. Se depender da empolgação do atacante Leandro Cearense, vindo do Remo-PA com fama de ‘matador’ e que finalmente vai estrear, o Leão da Vila pode es-

FUTUROS RIVAIS

Naça pode pegar Gurupi-TO, Salgueiro-PE ou Parnahyba-PI nas oitavas

Titular absoluto do Nacional antes da chegada do técnico Léo Goiano, Danilo Rios pode deixar a equipe após a partida deste domingo

NACIONAL - NÁUTICO (RR) LEÃO DA VILA Gilberto; Andrezinho, Emerson, Rafael Morisco e Wesley Bigú; Lídio, Dênis Santos, Bismarck e Evandro; Felipe e Leandro Cearense. Técnico: Léo Goiano ALVIRRUBRO Stanley; Flávio Marabá, Elton, Vicente e Edmundo; Júnior, Eduardo, Cacau e Heitor; Branco e Vanilson. Técnico: Serginho Góis ESTÁDIO: Roberto Simonsen (Sesi), em Manaus HORÁRIO: 16h (de Manaus) ÁRBITRO: Ranilton Oliveira de Sousa (MA)

perar por gols. “Quero jogar esses matas-matas (da Quarta Divisão), onde o jogador aparece”, afirmou o novo atacante. “Se botar só eu ou qualquer um. Até o zagueiro comigo, está perfeito. Eu estando no time titular”, completou Cearense, que precisou esperar por dois jogos da SérieD para ser escaladojá quenãopode disputar a Copa do Brasil por ter jogado na competição este ano peloRemo. Para o técnico do Nacional, Léo Goiano, a entrada de Cearensenolugar deLeonardoépor opção tática. “Vai nos trazer

muitas coisas boas. Elenãoémelhorenempior,maséumpouco diferente pela característica do jogo que precisamos (contra o Náutico)”, comentou o treinador que preza pela ‘consistência defensiva’. DeforadaCopadoBrasilpor ter atuado pelo Campinense, o meia Bismarck segue absoluto no setor de armação da equipe pela Série D. Assim, o armador Danilo Rios, que pode trocar a qualquer momento o Naça por um clube da Série A ou B, vai começar o jogo da provável despedidanobancode reservas. Às vésperas do confronto

comoNáutico,Riosconfirmoua propostade trêsclubes:Náutico, este de Recife (PE), que está na lanterna da Primeirona, e do América (RN) e Oeste (SP), que disputam a Série B do Brasileiro. Omeiabaianoacredita quepode fechar acordoaté segunda-feira. Se nada for acertado, Danilo Rios está cotado para pegar o Vasco, na quinta-feira (29), em São Januário, no Rio de Janeiro, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Dependendo de uma vitória por três gols de diferença para se classificar, o Leão deve encarar o Cruzmaltinocomo time reserva.


32 VENCER

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

‘Amarioca’ gera polêmica e retoma discussão por torcidas Termo usado por torcedores locais critica amazonenses que torcem para clubes cariocas TEXTOFelipeCarvalho FOTOReinaldoOkita MANAUS

A

presença em massa de camisas com a cruz de malta no jogo entre Nacional e Vasco, no Estádio do Sesi, na última terça-feira, ressuscitou a discussão sobre os ‘amariocas’ - termo para definir os amazonenses que torcem por times do Rio de Janeiro. Os torcedores de times locais defendem o amor pelo Estado, enquanto vascaínos e flamenguistas no Amazonas fazem coro pela liberdade de escolha. Na noite do jogo entre NacionaleVasco,torcidasdeambosostimestrocavam xingamentoseprovocações. EnquantoaarquibancadadoLeãodaVilaMunicipalexibia umafaixacom ‘Amarioca:a vergonha do Amazonas’, os alvinegros gritavam ‘Arerê,oNaça vaimorrer naSérieD’. Fundador da torcidaorganizada Força Jovem do Vasco (FJV), o amazonense Márcio Silva, 36, negou que o amor pelo time carioca implique na falta de apreço pelo Estado e o futebol local. Vascaíno desde antes de nascer, como ele mesmodefiniu,Silvacontou quejá foiparajogos doSãoRaimundona SérieB,nãopor torcerpeloTufãoaté porque ele disse não acompanharnenhumtimelocal-,maspor apoioaoesportenoEstado. “O amor não tem geografia. Quem gosta do Vasco, gosta do Vasco. Quem não gosta, não gosta. Isso é democracia”, afirmou. “Aquele jogo (contra o Nacional) nãoeraSeleçãodoRioeSeleçãodo Amazonaspara tertantareclamação assim, até porque duvido que algum torcedor do Rio Negro tenhaidoapoiaroNacional”. Em 2012, o Instituto de PesquisasdoNorte(Ipen)perguntoua 560manauarasparaquetimeseles torciamnoRiodeJaneiro,emSão PauloenoAmazonas. O resultado deuumempatetécnicoentreonúmero de flamenguistas (46,8%) e de pessoas que não torcem para nenhum timelocal(49,5%),considerando queoestudotem4,1% de margemdeerroparamais oupara menos.Arejeiçãopelosescudoslocaisé,ligeiramentemaiorqueapor paulistas,jáqueoinstitutoapontou que49,4% dos manauaras não tor-

TIMES LOCAIS EM BAIXA

Pesquisas recentes apontam a preferência dos amazonenses por times cariocas

Faixa colocada entre os torcedores do Nacional na partida contra o Vasco chamou atenção e causou revolta na torcida vascaína

cem por nenhum clube de São Paulo. Oclube rubro-negroéopreferido entre os nascidos na capital, seguidodoVasco(23,4%). Entreos paulistas, a preferência é para Corinthians (16,6%) e Santos (13%). Segundo a pesquisa, o Nacional (16%) é o time com maior torcida em Manaus, acompanhado pelo SãoRaimundo(13,8%). Para o nacionalino Altemir Lima de Souza, 49, esta diferença de númerodetorcedoresentreclubes de fora e amazonenses cresceu comatransmissãodosjogoscariocaseaquedadofutebollocal.“Desde 1986 são 27 anos e temos toda umgeraçãoquenãochegou aver o Nacional na primeira divisão. E o que aconteceu? O nosso futebol caiu noesquecimento”,comentou. “De agosto a deze mbro não tem futebol aqui e então a pessoa tem que torcer por um timedefora. Eaí ficousóVascoeFlamengo”. Souza concordou que as pessoasdevem torcerparao timeque as agradar, mas defendeu que “no dia que for jogar um time amazonense,éprecisoqueapoieotimeda terra”.Onacionalinoafirmouqueé necessário um melhor investimentonofutebollocalpara queos clubes voltem a crescer e atraiam novatorcida.

Apesar do Nacional ganhar 16% da torcida entre os clubes do Amazonas, quando a pergunta muda,aporcentagemcai. Pesquisa do Instituto Ipsos Marplan, em 2009, apontou que 55% das pessoas em Manaus torcem para o Flamengo, enquanto apenas 1% delasparaoNacional. Membro da organizada Raça-Fla Manaus há dez anos, o mineiroquemoranoAmazonasdesdecriança,RaulBarros,46,afirmou queapolêmicaemtornodoassuntoganhouproporções indevidas,já queaescolhado timedocoraçãoé algo pessoal. Torcendo exclusivamente para o rubro-negro carioca, Barros ainda criticou a falta de organização do esporte local. “Compramos 25 ingressos para levar a Raça-Flaparatorcer contraoVasco no jogo com o Nacional e não conseguimos entrar noestádiopor causadaquelabagunça”,afirmou.

OS NÚMEROS

55% dos manauaras afirmaram torcer para o Flamengo, em pesquisa feita pelo Instituto Ipsos Marplan, em 2009.

Luís C. Chaves Juiz e nacionalino vencer@diarioam.com

Me perdoem os amariocas

N

os últimos dias cenas deprimentes foram mostradas pela imprensaemgeral: começou comoacampamento montadopelos vascaínos de Manaus emfrenteà sededo Nacionalafimdecomprarem seus ingressos paraojogodas oitavas definaldaCopado Brasil. Seguiram-seatos de vandalismoefaltadeeducação, depois vierama recepçãoao timecariocanoaeroporto,a invasãono treinoetc. Pareciaaté achegadadoPapaemManaus. Mas era sóo timedoRio. Muito provincianismo. Sefossemo Barcelona,RealMadridou o Milan,ainda válá. Mas oVasco? Depois,partedaimprensa

local resolveu tratar oevento comoojogodoano. Meu Deus, aondenós estamos? Claro: pipocaramgozações por todo Brasil,acomeçar pelaimprensa fluminense. Eles nãoentendem como um time quecomumente vemdisputandoposições intermediárias na tabelae que não vence sequer um título estadualhá11anos,amargando uma sériede vice-campeonatos, podeprovocar tudoisso. Antes demeacusaremde intolerante, vou logodizendo: todos têmodireitodefazer o quemelhor lhes aprouver,assim com tenhoodireitode ter minhaopinião. Pramim,amazonense torcer contraoAmazonas éerradoe pronto. Afaltadeidentidadeé tamanha,pois atépra torcer imitamos cânticos queouvem nas transmissões deTV. Imitam tambémonomedas torcidas,os xingamentos epor aí vai. Pobres jovens sem rosto. Se forempassar uma semanano RiodeJaneiromuito provavelmenteocultarão sua origemeao voltaremestarão falandocarioquês igualzinhoao Romário. Os amariocas queme perdoem,mas cultivar nossas raízes éfundamental.


VENCER 33

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Em crise, tricolores fazem duelo imprevisível no Morumbi Sem convencer , São Paulo e Fluminense lutam para sair da parte de baixo da classificação TEXTOAgênciaEstado FOTOSFernandoCazaes/Photocamerae JoãoPires/Vipcomm/14/09/2012 SÃOPAULOERIODEJANEIRO

E

mboratenhanegadofavoritismo do Fluminense no duelo deste domingocontra umSão Paulo em crise, no Morumbi, o técnico Vanderlei Luxemburgo acredita que o time carioca possa explorar o grave momento por que passa o adversário para tirar proveito da intranquilidade são-paulina e voltar para o Rio com mais três pontos no CampeonatoBrasileiro. Elefalou sobre issocomos jogadores,emmais de uma reuniãodurantea semana. Luxemburgo também fez um alerta: o São Paulo necessita urgentemente de um resultado que atenueacrisenoclubeederrotaro atual campeão brasileiro poderia representar o primeiro passo de uma reviravoltasão-paulina. Para ele, a situação atípica do adversário, na zona do rebaixamento, e a faseirregular doFluminense,que ocupa posição intermediária na tabela de classificação, não muito distantedogrupo queocupaafaixa de descenso, tornam o duelo mais imprevisíveldo quejá seria. Para jogar no Morumbi, Luxemburgodeveoptarpeloesquema tático 4-3-3, com orientação para que os volantes Diguinho e Edinho sejam implacáveis na marcação e o também volante Jeanconsigafazer aligaçãocomo ataque, setor em que a esperança de gols do Fluminense reside em Fred, apesar de o reserva Samuel ter créditocomo treinador ea torcida, pelas últimas atuações - ele pode até sair jogando, na vaga de Rafael Sóbis, que não está muito bemfisicamente.

REFORÇO NO ATAQUE

Luis Fabiano volta ao São Paulo após duas partidas fora por causa de uma lombalgia

Vanderlei Luxemburgo conversa com Fred antes do treino de sexta-feira. Atacante poderá ter Samuel como parceiro no setor, na partida deste domingo

Volta de Luis Fabiano é a principal novidade da equipe do São Paulo

MAIS DE 40 MIL VOZES

SãoPauloapostanaforça da torcidapara reagir

SÃO PAULO- FLUMINENSE TRICOLOR PAULISTA Rogério Ceni; Douglas, Rodrigo Caio, Rafael Toloi e Reinaldo; Wellington, Fabrício, Paulo Henrique Ganso e Jadson; Lucas Evangelista e Luis Fabiano. Técnico: Paulo Autuori. TRICOLOR Diego Cavalieri; Igor Julião, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Diguinho e Jean; Rafael Sóbis (Samuel), Fred e Kenedy. Técnico: Vanderlei Luxemburgo. ESTÁDIO: Morumbi (São Paulo-SP) HORA: 15h (de Manaus) ÁRBITRO: Jailson Macedo Freitas (BA)

Vencer éa únicaalternativaparaoSão Paulonão seafundar aindamais nas últimas posições,mas existenoelenco ootimismode quenestedomingoa pior sequênciadahistóriadoclube chegaráaofim. Enão serápor faltade apoioda torcida queos jogadores poderãojustificar umeventual tropeço. Sãoesperados mais de40 mil são-paulinos noMorumbi,graças à promoção quederrubou os ingressos dearquibancadaaR$10.

Oprincipaldesafioémanter o time rendendobem quandoencaixa seu jogo. Aleiturado treinador é queo time tricolor consegue seimpor emalguns momentos,mas oscilademais eacaba cedendoespaçoparaoadversário comoaconteceu,por exemplo,no empatecomoAtléticoParanaense,no Morumbi. OSãoPauloiniciou ojogo pressionandooadversárioe saiu na frente; de repentepassou a seencolher, sofreu oempatee seperdeu.


34 VENCER

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

R$ 1 MILHÃO

Vascoabdicou dojogoemSão Januáriopara ‘vender’omando a umaempresadeeventos

Poupado da partida contra o Nacional, pela Copa do Brasil, Juninho refoça a equipe do Vasco neste domingo

Destaque do Corinthians no ano passado, Guerrero marcou apenas dois gols neste Brasileirão, sendo ambos de pênalti

Vencer e convencer é a meta deCorinthians eVasconoMané Ambas equipes passam por momentos de afirmação e prometem empenho máximo no duelo TEXTO AgênciaEstado FOTOS MarceloSadio/ VascoDivulgaçãoe DanielVorley/AE BRASÍLIA E SÃO PAULO

D

epois de vencer o Nacional-AM, pela Copa do Brasil durante a semana, o Vasco tem a volta de Juninho Pernambucanocomo seu grande trunfoparaoduelodestedomingo, contra o Corinthians, noestádioManéGarrincha,em Brasília, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Dorival Júnior tem reclamado da irregularidade da equipe, quemelhorou de rendimento nos últimos jogos, mas ainda não fez nenhuma partida convincente. A própria vitória em Manaus se deu em razão da

fragilidade do adversário. Na verdade, a atuação do Vasco no Amazonas chamou a atenção por ter sido muito ruim. Neste domingo, Dorival Júnior volta a escalar o time com dois armadores, Juninho Pernambucano e Pedro Ken, e conta com a velocidade de André e Eder Luís para tentar surpreender a defesa do Corinthians. Ele ressaltou para o grupo que a derrota corintiana para o Luverdense-MT, também em compromisso pela Copa do Brasil, na última quarta, só dificulta ainda mais o trabalho do Vasco neste domingo. Dorival Júnior elogia a dupla de volantes Abuda e Wendel, mas sabe que o time perdeu em força na marcação com o afastamento

por problemas médicos dos titulares Guiñazu e Sandro Silva. O primeiro se contundiu logo em sua estreia.

Puxão de orelha O jogo contra o Vasco pode significar um divisor de águas para o Corinthians, ainda sob efeito pela derrota para o Luverdense-MT, pela Copa do Brasil. Na última sexta-feira, antes do primeiro treino após a derrota em Mato Grosso, Tite reuniu o elenco no CT. Cobrou os jogadores por conta da atuação ruim mas mostrou a eles a classificação do time no Brasileirão - no G4 até o início desta rodada. “Acabou, só podemos reverter isso na quarta-feira, no jogo da volta. Temos agora outro jogo, o foco é outro campeo-

VASCO - CORINTHIANS CRUZMALTINO Diogo Silva; Fagner, Cris, Rafael Vaz e Yotúm; Abuda, Wendel, Juninho Pernambucano e Pedro Ken; Eder Luís e André. Técnico: Dorival Júnior. TIMÃO Cássio; Edenílson, Paulo André, Gil e Fábio Santos; Ralf, Ibson, Danilo e Renato Augusto; Alexandre Pato e Guerrero. Técnico: Tite. ESTÁDIO: Mané Garrincha (Brasília-DF) HORA: 15h (de Manaus) ÁRBITRO: Heber Roberto Lopes (Fifa/SC)

nato. Nosso objetivo é obter a vaga na Libertadores, se for com título melhor”, disse Tite. O técnico admitiu algumas falhas no time, que, segundo ele, passa por uma reestruturação. Tite disse que aceita as crí-

ticas,mas foiduroao responder uma pergunta de um jornalista se ele não vê certo relaxamento de alguns jogadores. “Se estiver desmotivado, se não tiver tesão, está fora, dou chance a outro. Mas não vejo dessa forma, senão não tínhamos conquistado o Paulistão e a Recopa e vibramos com essas conquistas”. Em meio a esse contexto, de crise e instabilidade de uma equipe que está rendendo menos do se espera, jogar bem contra o Vasco é até mais importante que vencer, por mais incoerente que isso possa parecer. O Corinthians foi mal nos últimos três jogos. No empate por 0 a 0 contra o Fluminense, na vitória por 1 a 0 diante do Coritiba, e claro na derrota para por 1 a 0 para o Luverdense.


VENCER 35

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Botafogo mostra força do grupo em Curitiba Com Seedorf em dúvida, Oswaldo de Oliveira aposta nas revelações do clube para seguir líder TEXTO Agência Estado FOTO Fábio Castro/AE RIO DE JANEIRO E CURITIBA

L

íder do Campeonato Brasileiro até o início da rodada e credenciado também por ter vencido com sobras o campeão da Copa Libertadores no meio de semana - 4 a 2 sobre o Atlético Mineiro, pela Copa do Brasil -, o Botafogo é favorito no confronto deste domingo contra o Atlético Paranaense, pela 16ª rodada, mesmo com o jogo marcado para a casa do adversário, o estádio Durival de Britto, em Curitiba. O técnico Oswaldo de Oliveira viajou para a capital paranaense com uma dúvida: Seedorf. O atleta reclamava de dores no joelho esquerdo e pode ser poupado, embora o treinador acreditasse na recuperação do meia. Mas Seedorf viajaria com o grupo mesmo se estivesse vetado. Isso porque ele quer estar junto dos demais jogadores.

O Botafogo tenta provar que não existe tanta dependência assim da equipe pelo craque holandês. Todos no clube reconhecem que o time cresce de produção com ele em campo, mas, entre muitos alvinegros, há uma aposta na juventude de qualidade que vem despontando, este ano, na equipe.

Vitinho ‘neles’ Contra o Atlético Mineiro, na última quinta, Seedorf esteve ausente e o Botafogo deu um show nos mineiros com atuação destacada para o jovem Vitinho, formado nas categorias de base do clube alvinegro carioca. Para o volante Gabriel, outro cria da casa, o Botafogo passou a ser o alvo dos outros times do Brasileirão e neste domingo, especialmente, tem de tomar cuidado com o experiente Paulo Baier. “Eles saem rápido para o ataque e tem a vantagem de jogar ao lado de uma torcida que empurra o time o tempo todo”, declarou o volante.

EM ALTA

Boa fase do Botafogo se estende à Copa do Brasil, onde o time goleou o Atlético-MG

Ao lado de Vitinho, o volante Gabriel é uma das revelações da equipe do Botafogo nesta temporada

ATLÉTICO (PR) - BOTAFOGO FURACÃO Wéverton; Jonas, Manoel, Luiz Alberto e Pedro Botelho; Bruno Silva, Juninho, Éverton e Paulo Baier; Marcelo e Ederson. Técnico: Vágner Mancini. GLORIOSO Jefferson; Gilberto, Bolívar, Dória e Lima; Marcelo Mattos, Gabriel, Lodeiro, Seedorf e Vitinho; e Rafael Marques. Técnico: Oswaldo de Oliveira. ESTÁDIO: Durival de Britto (Curitiba-PR) HORA: 17h30 (de Manaus) ÁRBITRO: Wagner Reway (MT)

DENTRO DE CASA

Se firmar no G-4 é a meta do Atlético-PR OAtléticoParanaensejáchegouperto nasúltimasrodadas,masaindanão conseguiusefirmarnoG-4.Destavez,o time,queestánoquintolugarcom24 pontos,enfrentaolíderBotafogo,com 29,epodecarimbarasuaentradano grupoquegarantevagaparaaCopa Libertadores. Paratentaravitória,otécnicoVágner Mancinidevecolocaremcampoomeia PauloBaier,quefoipoupadonaderrota

Em busca da recuperação, Náutico e Bahia prometem ofensividade em jogo na Fonte Nova SALVADORERECIFE

O triunfo sobreaPortuguesa, na última quinta-feira,pelaCopa Sul-Americana (2 a 1, no estádio doCanindé,emSãoPaulo), trouxe certo alívio para o Bahia, que não vencia uma partida havia quatro jogos. Pelo Campeonato Brasileiro, porém, o time não faz gols desde 31 de julho, quando bateu o Flamengo, na Arena Fonte Nova, por 3 a 0. Desde lá,

foram três derrotas e umempate, por 0a 0,contraoSantos,na última rodada,emSalvador. Para a equipe, o jogo contra o lanterna do campeonato, o Náutico, em casa, neste domingo, pela 16ª rodada,podemarcar a reabilitação dos atacantes, que passaram a ser questionados pela torcida após a sequência negativa. O único desfalque do Bahia para a partida é o zagueiro Titi,

que foi expulso no jogo contra o Santos e cumpre suspensão automática. O substituto, Rafael Donato ou Demerson, ainda não foi definido pelo técnico Cristóvão Borges. O treinador também tem uma dúvida no meio de campo entre os volantes Fahel e Feijãoe sódevedivulgar aequipe minutos antes dapartida. No Náutico, depois de mexidas eexperimentaçõesem vários treinos realizados nesta semana,

o técnicoJorginhodeveráescalar o argentino Diego Morales, que se confirmado, fará a sua estreia no clube entrando no lugar de TiagoReal,nomeiodecampo. Na lanterna do Brasileirão, com oito pontos, o Náutico “tem quejogarparaafrente”, segundo Jones Carioca, apesar da dificuldade a ser encontrada no campo adversário. “É hora de reagir. Só dependedagente”,pregou oatacante.

paraoPalmeiras,nomeiodasemana. NoBrasileirão,otimetemconquistado pontosimportantesemantémuma invencibilidadedeoitojogos,desde queotreinadorassumiu. Nalateraldireita,Jonasdevesubstituiro titularLéo,suspenso,enomeiode campoBrunoSilvaeJoãoPaulo disputamumavaga,masVágner Mancinitambémpodeoptarpor Zezinho,casoqueirafecharmaisosetor.

BAHIA - NÁUTICO TRICOLOR BAIANO Marcelo Lomba; Madson, Lucas Fonseca, Rafael Donato (Demerson) e Raul; Rafael Miranda, Fahel , Hélder e Marquinhos Gabriel; Wallyson e Fernandão. Técnico: Cristóvão Borges. TIMBÚ Ricardo Berna; Auremir, João Filipe, Jean Rolt e Bruno Collaço; Elicarlos, Derley, Martinez e Diego Morales; Jones Carioca e Maikon Leite. Técnico: Jorginho. ESTÁDIO: Arena Fonte Nova (Salvador-BA) HORA: 15h (de Manaus) ÁRBITRO:WagnerNascimentoMagalhães(RJ)


36 VENCER

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Emcasa, Inter tenta vencer e embalar no Brasileiro PORTO ALEGRE E GOIÂNIA

ZONA DE PERIGO

Com 16 pontos conquistados, Atlético está a dois acima da zona de rebaixamento

Mostrar força no Campeonato Brasileiro é a meta do volante Josué e de toda a equipe do Atlético Mineiro neste momento da competição

Sem Gaúcho e Victor, Atllético recebe a Lusa Técnico Cuca não terá jogadores fundamentais na partida no Independência TEXTO AgênciaEstado FOTO BrunoCantini/ DivulgaçãoAtlético BELOHORIZONTEESÃOPAULO

A

inda sem conseguir engrenar no Campeonato Brasileiro, o Atlético Mineiro pode ter problemas paraocompromissodestedomingocontra aPortuguesa,pela16ª rodadada competição, no Estádio Independência, em Belo Horizonte. Dois ídolos da equipe alvinegra, o goleiro Victor e o meia Ronaldinho Gaúcho, estão fora da partidaparacumprir suspensão automática. O arqueiro, que já havia levadocartãoamarelo,foiexpulso ao chutar a bola para a torcida, após oconfrontocontraoInternacionalna rodadaanterior. Para o gol alvinegro, o escolhido será Giovanni. O arqueiro ressaltou a ‘responsabilidade’ que será atuar no lugar de Victor, umdos maiores ídolos doclube, principalmente após defender importantes pênaltis na cam-

panhadaCopaLibertadores. Ronaldinho Gaúcho também desfalcará o time, mas por ter levado o terceiro cartão amarelo. O meia-atacante Guilherme, que voltou aos gramados na última quinta-feira pela Copa do Brasil, depois de um período de recuperação de estiramento na coxa direita, tem esperançadeassumir a vaga. Outra ausência no jogo deste domingo será a de Fernandinho. O atacante também está suspenso por ter sido expulso depois de dar uma cotovelada na boca de Jorge Henrique na rodada passada, em sua estreia com a camisa do Atlético. Por outro lado, o técnico Cuca espera ter o retorno de Diego Tardelli após quatro jogos afastado devido a dores na coxa esquerda. O time mineiro está na 14.ª posição,com16 pontos.

Lusacompleta Comapenas uma vitórianos últimos 11 jogos, a Portuguesa aposta no retorno de seus prin-

ATLÉTICO(MG)-PORTUGUESA GALO Giovanni; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Júnior César; Pierre, Josué, Rosinei, Guilherme e Diego Tardelli (Luan); Jô. Técnico: Cuca. LUSA Lauro; Luís Ricardo, Moisés Moura, Valdomiro e Rogério; Ferdinando, Bruno Henrique, Moisés e Souza; Diogo e Gilberto. Técnico: Guto Ferreira. ESTÁDIO:Independência(BeloHorizonte-MG) HORA: 15h (de Manaus) ÁRBITRO: Leandro Pedro Vuaden (Fifa/RS)

cipais titulares para encerrar o tabu de quase 13 anos sem vencer o Atlético Mineiro. A última vitória aconteceu no dia 10 de setembro de 2000, quando a Portuguesa superou os mineiros por 2 a 1, no Estádio Canindé, pela Copa João Havelange. Depois disso, os dois clubes voltaram a se enfrentar em mais oito oportunidades, com quatro vitórias atleticanas e outros quatroempates. Caso consiga surpreender, o

clube paulista também ganharia uma motivação extra para seguir na sua luta contra o rebaixamento. Após a derrota paraoBotafogo,o time semanteve na zona da degola, com 13 pontos. Para piorar, acabou derrotado pelo Bahia por 2 a 1, em casa, na estreia da Copa Sul-Americana. O técnico Guto Ferreira evitou ficar lamentando a última derrota. Ele acredita que, com o decorrer das partidas, o grupo adquira ritmo de jogo e consiga evoluir. “Alguns jogadores aqui fizeram apenas três, quatro jogos no ano. Vamos continuar trabalhando que os resultados irãoaparecer”,afirmou. Após usar reservas contra o Bahia, o treinador contará com o retornode todos os considerados titulares. O zagueiro Moisés Moura e os atacantes Gilberto e Diogo, que cumpriram suspensão contra o Botafogo, voltam ao time. O mesmo acontece com o meia Souza, recuperado decontusão.

Sem vencer há cinco jogos no Brasileirão - são quatro empates e uma derrota -, o Internacional tenta acabar comessejejumnestedomingo, quando enfrenta o Goiás, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS). Mesmo porque está agora com 22 pontos e já começa a se distanciar dos primeiros colocados docampeonato. Apesar da sequência ruim no Brasileirão, o Inter mostrou força na última quinta-feira, quando derrotou o Salgueiro por 3 a 0, também em Novo Hamburgo, e ficou muito perto da vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. Agora, o desafio é repetir a dose neste domingo, diantedoGoiás. O volante Willians, suspenso, é o principal desfalque do timegaúchonestedomingo. ComoolateraldireitoEdnei está recuperado de contusão e volta ao time, o meia-atacante Jorge Henrique, que vinha atuando improvisadonaposição, seráescalado agora no meio, para fazer o papel armador junto com o argentino D'Alessandro. No Goiás, David substitui o volante Amaral, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O meia atacante Tartá também está definido como titular, mas o treinador Enderson Moreira anunciará o time somenteno vestiário. Para o jogo, há a expectativa de confronto entre os principais atacantes de cada equipe. O uruguaio Diego Forlán,comcincogols,eWalter,com seis,estãofocados na artilhariadoBrasileirão.

INTER - GOIÁS COLORADO Muriel (Alisson); Ednei, Ronaldo Alves, Juan e Kleber; Ygor, Fabrício, Jorge Henrique e D'Alessandro; Diego Forlán e Leandro Damião. Técnico: Dunga. ESMERALDINO Renan; Vitor, Ernando, Rodrigo e William Matheus; David, Dudu Cearense, Renan Oliveira, Hugo e Tartá; Walter. Técnico: Enderson Moreira. ESTÁDIO: Estádio do Vale (Novo Hamburgo-RS) HORA: 17h30 (de Manaus) ÁRBITRO: Dewson Fernando Silva (PA)


Domingo, 25 de agosto de 2013 Diรกrio do Amazonas | visite D24am.com

VENCER 37


38 VENCER

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

Temporada de 2012 motiva FelipeMassaa reagir naFerrari No ano passado, brasileiro foi superior a Alonso na segunda metade do campeonato FOTO Nicolas Lambert/AFP

FRASE

SPA- FRANCORCHAMPS

A

pós pausa de quase um mês para as férias de verão de equipes e pilotos, a Fórmula 1 volta neste domingo com a promessa de uma segunda parte da temporada equilibrada na briga pelo título e eletrizante em razão das possíveis trocar de pilotos no fim do ano. A principal especulação envolve o brasileiro Felipe Massa, que ainda não brilhou neste ano à frente da Ferrari e terá a partir deste domingo, no GP da Bélgica, às 8h (de Manaus), a chance de convencer a Ferrari de que merece ficar na escuderia italiana. “Estou confiante e confiança é muito importante para qualquer situação. Eu não ligo para o que as pessoas dizem”, afirmou o piloto, em entrevista à revista Autosport. “Eu me importo com o que eu acredito e eu ligo para o que as pessoas da equipe dizem, sobre aquilo que estamos

44 VOLTAS

Largada para o GP da Bélgica está programada para as 8h (de Manaus)

Felipe Massa. Piloto da Ferrari No ano passado, a segunda parte do ano foi boa. E, neste ano, na primeira parte do campeonato, o ritmo não estava ruim, muito melhor do que em 2012” trabalhando. Isto é o mais importante”, desconversou o brasileiro ao comentar as especulações de que ele deixará a equipe no final do ano. Massa se mostrou especialmente confiante em repetir neste ano a grande recuperação exibida no segundo semestre da temporada passada. “No ano passado, a segunda parte do

ano foi boa. E, neste ano, na primeira parte do campeonato, o ritmo não estava ruim, muito melhor do que em 2012. Entretanto, em algumas corridas, eu não consegui os pontos que deveria, mas estou confiante com o que está por vir”.

Novos ares Com contrato somente até o fim do ano, o brasileiro não descartou correr por outra equipe a partir de 2014. “Você tem que estar atento para o que está acontecendo e sobre o que pode acontecer no futuro. Sempre disse que eu ficaria feliz em correr por um time que me quer. Sempre vou fazer o meu melhor para encontrar uma equipe que me queira”. Massa tenta se recuperar nesta segunda metade do campeonato após ter problemas em quatro etapas seguidas, por erros seus ou em razão de falhas na Ferrari. O brasileiro, que é titular da Ferrari desde 2006, ocupa somente o sétimo lugar da temporada da Fórmula 1, com 61 pontos.


Domingo, 25 de agosto de 2013 Diรกrio do Amazonas | visite D24am.com

VENCER 39


40 RADAR DE NOTÍCIAS FALE COM OS EDITORES contato@d24am.com, redacao@d24am.com | SIGA-NOS

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

twitter.com/portalD24am

facebook.com/D24am Divulgação Polícia Civil

CIDADES

BRASIL

Ao NYT, Joaquim Barbosa descarta candidatura política em 2014

Em umlongoperfilpublicado neste sábado, 24,pelojornal norte-americanoTheNew YorkTimes,opresidentedo SupremoTribunalFederal (STF),JoaquimBarbosa,é retratadocomoalguém direto, sem tato,mas quenão temmedodeenfrentar o status quobrasileiro. Segundooperfil,as ações recentes deBarbosa envolvendoojulgamentodo mensalão,alémdeoutros casos quepassarampelo tribunal, tornaramoministro doSupremoobjetode fascíniopopular. Ainda assim,Barbosaafirmou que seu temperamentonãoéo mais adequadoparaojogo político. “Eu tenho um temperamento quenão se adaptabemàpolítica. Isso porqueeu faloo queeu penso”,disseBarbosa, personagemdo ‘Saturday Profile’(‘perfilde sábado’) doNYT. “Não sou candidato anada”. Com relaçãoà recenteacusação quefez ao colegadeSTF,Ricardo Lewandowski,de queo magistradoestariafazendo “chicana”,Barbosanão se desculpou, ressaltaoNYT. Eledisseàpublicação que alguma tensãoénecessária parao tribunalfuncionar corretamente.

FRASE

Alexandre Bley. Presidente do CRM do Paraná É lei (o Revalida). Não importa se o médico veio no colo do ministro ou da Dilma. É exercício ilegal da profissão, e isso é caso de polícia” Sobre o programa ‘Mais Médicos’, do governo federal.

IML registra três mortes neste sábado, sendo uma em acidente de trânsito O instrutor de autoescola Rodolfo Barbosa Melo, de 36 anos, morreu esfaqueado na Avenida Samaúma, bairro Monte das Oliveiras, zona norte de Manaus, por volta das 5h50 deste sábado, segundo informações do Instituto Médico Legal (IML). O carro da vítima havia colidido contra a traseira de um ônibus. A Polícia Civil informou que ainda investigará o caso. Segundo informações preliminares, o motorista do ônibus desceu do veículo e observou que Rodolfo tinha perfurações no pescoço, possivelmente não causadas pela colisão. O Boletim de Ocorrência foi feito no 15º Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas o caso foi encaminhando para a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O IML também registrou outras duas mortes na manhã deste sábado. Um atropelamento na capital e outro homicídio por arma branca no município de Iranduba.

CIDADES

Polícia combate, com 150 policiais, pirataria com a volta da operação Centro Seguro Na manhã deste sábado, a Polícia Civil realizou a operação Centro Seguro 2, coordenada pelo delegado-geral Adjunto Mário Aufiero. Cerca de 150 policiais civis estiveram envolvidos na ação, que tem como meta combater o comércio ilegal de produtos piratas no Centro. Na primeira operação, as polícias Civil, Militar e secretarias municipais e estaduais interditaram hotéis no Centro de Manaus, onde foram encontradas crianças e adolescentes em situação de risco, além de drogas. A operação Centro Seguro soma esforços com a Prefeitura de Manaus, de reordenar e revitalizar o Centro Histórico da capital amazonense, além de funcionar como estratégia de repressão policial à prática de diversos crimes na mesma região da cidade, como o tráfico de drogas, a exploração sexual infanto-juvenil e a pirataria. Alexander Klein/AFP

VENCER

Em um treino típico do GP da Bélgica, Hamilton é pole; Massa larga em 10º

O inglês Lewis Hamilton, da equipe Mercedes, fez a pole position do GP da Bélgica, neste sábado. Com estratégia errada da Ferrari, o brasileiro Felipe Massa larga na 10ª posição, atrás do companheiro de equipe, o espanhol Fernando Alonso. Hamilton surpreendeu ao marcar 2min01s012 na última volta.

PolíciaFederal incinera900 quilos de cocaína,apreendidos em15operações noAM A Polícia Federal (PF) incinerou 900 quilos de cocaína na manhã de sábado, na empresa Amazon Mix, localizada no Distrito Industrial 2, zona leste de Manaus. Foi a primeira incineração realizada em 2013. Segundo o delegado de entorpecentes da PF, Alexandre Rabelo, o volume é resultado de 15 operações realizadas no primeiro semestre desse ano. A maior parte da droga foi apreendida na Calha do Solimões, entre Tabatinga e Manaus. De acordo com o delegado Rabelo, o processo de queima dos entorpecentes necessita de autorização judicial. A PF pretende realizar outra incineração ainda neste ano. Em 2012, a PF registrou o maior volume de droga incinerada em uma única ação, com 2,5 toneladas de cocaína. “A ideia é fazer três vezes no ano para evitar a queima de uma grande quantidade de uma única vez”, explicou o delegado.


41

Domingo, 25 de agosto de 2013

OBS: O conteúdo dos anúncios publicados nesta edição são de responsabilidade dos próprios anunciantes

Domingo, 25 de agosto de 2013 Diário do Amazonas | visite D24am.com

CD.ORQUÍDEA - sÉåÇç çì ~äìJ

Öç ~éíç Oèíë ëä Åçò ïÅ Ö~êK oANOUãáäK^ÅKÑáå~åK cWVNOSJNSPM `JORQM mc ï ï ïK É ê å É ë í ç Å ç ê ê É J íçêKÅçãKÄê 379384486

CENTRO BECO SÃO CAMARGO - êì~

1 QUARTO ALFREDO NASCIMENTO, BRAGA MENDES - Öê~åÇÉ îáíμêá~I àçêÖÉ íÉá ñÉáê~

ÅáÇ~ÇÉ ÇÉ ÇÉìëIåçî~ îáí μêá~ îÉåÇç É Åçãéêç î~äçê oAOM oAORIPMIPRIQMIRM ~í¨ RMMãáä cWVPOUJMMVML VNSUJSMUR

179385051

ATENÇÃO:VENDEMOS,COMPRAMOS - ~äìÖ~ãçëI~Çãáåáëíê ~ãçë

íÇçë çë íáéçë ÇÉ áãçî¨áëI Å~ë~ëI~é~êí~ãÉåíçëIÖ~ äé©ç íÉêêÉåçëIë~ä~Iéê¨ÇáçIëáí∞çë ÉíÅ cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV

179385049

COND. GRAND PRIX – PQ. DEZ - J N

èíçI N ëì∞íÉI N ë~ä~I O ÉäÉJ î~ÇçêÉëI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI •Öì~I Ö•ëI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~K qê~åëJ ÑÉêÆåÅá~K cWPMUTJVOROL VQUPJ PSRR

179385278

CONDOMINIO BRISA DO RIO - îÇç

íÉêêÉåç ÇÉ ~äíç é~Çê©ç éä~åç ãÉÇKNMñPM •êÉ~ ÇÉ ä~òÉêI éáëÅáå~ oAUUãáä ^ÅK Å~êêç åç åÉÖμÅáç cWVPOUJMMVML VNSUJSMUR

179385060

EDF. SANDY LANE - CENTRO - îÉåJ

Çç çì ~äìÖç äáåÇç ~éíçI èíç ëä Åçò ~êK ÇÉ ëÉêK Ö~ê~ÖK èìáíK oA NQM jáäI ~äìÖìÉä oA UMMK ^ÅÉáíç Ñáå~åÅá~ãÉåíçK cWVRMTJTOOOK

179385412

2 QUARTOS ALEIXO VILA - `çíÉ a~òìä ëä Oèíë

ïÅ ëçÅá~ä ÇÉéK ÇÉ ÉãJ éêÉÖK ÅL ïÅ ëÉãáJãçÄK éñ Çç qêáÄìå~ä ëìéÉêãÉêÅ É ëÜçééáåÖ ÅêÉÅáOVQS OMMãáä Ñáå~åÅ VOQMJSUMNLUOTRJ UTMV

159382075

APTO - Å~ë~I

Ö~äé©çI íÉêêÉJ åçëI ë∞íáçëI äçà~ëI éê¨Çáç ÉíÅK sÉåÇ~I ~äìÖìÉäI íê~åÑÉJ êÆåÅá~K VNOSJNSPM `J ORQM mc ïïïKÉêåÉëíçJ ÅçêêÉíçêKÅçãKÄê

379384485

APTO SMILLE VILLAGE - _çã

éL áåîÉëíK ÅK åçî~ Oèíçë ëä Åçò ïÅ oANR jáä H ǨÄáíç H oAOT jáä H Ñáå~åÅ cW VQPMJ STNM 379385073

AV. AIRÃO N1262 - îÉåÇÉJëÉ N Å~ë~

Oèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~IO Ä~åÜÉáêçëK s~äçê NQRjáäK cWPOPQJVVPULUQMRJSQNRK 179385157

AV. TORRES - îÇç éê¨Çáç Éã ~Å~ÄK

NM~éíçë ÅL Oèíë ëä Åçò ïÅ î~Ö éL NRÅ~êK cêÉåíÉ ~ç kî pÜçééáåÖK ^Åí éêçé cWUNPQJUTPSLVPRVJ VRQS

379384433

BEM VIVER - îÉåÇç ~éíçK èìáJ

í~Çç ÅLOèíçëI ë~ä~I ÅçòK ïÅ oAVRãáä ^ÅKÅ~êí~ ÇÉ Åê¨J Çáíç É cdqp cWPSQNJNOQU VNSOJRQNQ 379385346

CD. S. JUDAS TADEU II - O èíëI ëäI

Åçò ~ãÉêáÅ~å~I ïÅI í¨êêÉç êÉÑçêã~ÇçI ~Åí Ñáå~åÅá~J ãÉåíçK cWVPQRJMPOSL UOOUJPUOU 379385422

féáñìå~I å⁄ RRR`K PñUIO èíçëI ë~ä~I ÅçòI éçê©çK TR jáäK cWPOPQJVVPULUQMRJSQNRK 179385152

CIDADE NOVA - ^éíç ÅLOèíë ïÅ

Åçò ëä ~êKëÉêîKN î~Ö~ Ö~êK aÉëçÅìé~ÇçK oANNMjfi ^îáëí~ VNOSJNSPM `JORQM mc ïïïKÉêåÉëíçÅçêêÉJ íçêKÅçãKÄê 379384489

CIDADE NOVA - îÉåÇç ~é~êí~J

ãÉåíç Oèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK å~ ÅÉêßãáÅ~ oASUãáä cWVOOSJ RMRUL VNNNJTVQRL UORQJ OTQU 179385654

CJ TOCANTINS - ~éíç ÅL Oèíë íÇ

êÉÑçêã Éã Öê~åáíç Ö~ê ïÅ Åçò ~ãÉêK mñW a~êÅó s~êJ Ö~ëK oAOMMãáä ^Åí cdqp É Ñáå~åÅK cçåÉW VOQNJ SRVN

379385449

COND. ALLEGRO - îÇç íê~åÑK ~éJ

íç åç P⁄ ~åÇ~ê ÅL Oèíçë ëÇç N ëìáíÉ ë~äÇç ~ Ñáå oANPOãáä éêçåíç éLãçê~ê oARMãáä cWVOUTJRTSQL VOSOJPTPM

379385979

COND. ASTÚRIAS – FLORES - NèíçI

N ëíÉI ë~ä~ O ~ãÄI ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI SPãOI ~êã•êáç å~ ÅçòI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~Kqê~åëÑÉêÆåJ Åá~KPMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385269

COND. BEIJA-FLOR - sÇç μíã ~éíç

êÉÑçêã~ÇçI ë~Å~Ç~I ëäI OèíçëI ïÅI ÅçòI ~êÉ~ ëÉêîK oANNRjáä ^ÅK cáå~åÅK cWUNTVJTVNRL VPVMJVTMR 379385301

COND. GRAND PRIX – PQ. DEZ - N

èì~êíçI N ëì∞íÉI N ë~ä~I O ÉäÉî~ÇçêÉëI N îÖ Ö~ê~J ÖÉãI ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI •Öì~I Ö•ëI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãJ éäÉí~K qê~åëÑÉêÆåÅá~K PMUTJVOROLVQUPJPSRRK

179385266

COND. PLAZA DEL REY - léçêíìJ

åáÇ~ÇÉI O èì~êíçëI éáëÅáJ å~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I ÅßãÉJ ê~ëI N î~Ö~I ~êã•êáçI ëéäáíI ÖÉëëçK ^ÅK cáå~åÅá~ãÉåJ íç oAOQM ãáä cWVNROJ NVRS çì ïïïKëçê~ó~îÉJ ä~ë èìÉKÅçãKÄê 179385811

COND. VAN GOG – VIEIRALVES - NèíçI

N ëì∞íÉI ë~ä~ O ~ãÄI ïÅI O îÖÖ~êI ~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI TSãOI ÅÇK cÉÅÜ~J ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉJ í~K oA PMM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385267

COND.MANOEL RIBEIRO - CENTRO -

bã ÑêÉåíÉ qÉêãáå~ä qN J MO èíë ëL MN ëìáíÉI ëäKÅL î~J ê~åÇ~ ~KëÉêîI Ö~ê~ÖÉã MO Å~êêçëI ÉñÅÉäÉåíÉ îáëí~ é~ê~ ç êáç åÉÖêç J oA OUMKMMM Ó ÇçÅKçâ J ~ÅK Ñáå~åÅá~ãKJs VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR 179384809

CONJ JARDIM BRASIL/SILVES - îÇç

~éí êÉÑçêã~Çç ÅL ëäI Oèíç ëÉåÇç Nëí H ïÅK ëçÅI ÅçJ é~LÅçòI ~êÉ~ ÇÉ ëÉêîI èìáJ í~ÇçK säê ¶ `çãÄK cWVQOMJOPRQLVPPQJPSQTL UONUJ NURR

179375948

CONJ.JARDIM ACÁCIA DISTRITO IND. - ~é~êí~ãÉåíç èìáí~Çç ëäIOèíë

Åçé~IÅçòKïÅI êÉÑçêã~ÇçI Ö~êK ÅçÄÉêí~ éLNÅ~êêçI Q⁄~åÇ~ê oANRUãáä cWUNTVJNQQPL VNNV JMPSSL PMUOJMMSP

179385930

FLORES CJ. EUCALIPTOS - sÇç ^éíç

OèíëI êÉÑçêãK açÅ çâK ^ÅÉáíç `~êí~ ÇÉ `ê¨Çáíç oANOUjáäK mñK ^ÉêçäìÄÉ cWUNUMJ NVNQ

179377300

IDEAL TORQUATO / T. TAPAJÓS - îÉåÇç

~éíç ÅL OèíçëI ë~ä~I ÅçòáJ åÜ~I Ä~åÜÉáêçI Ö~ê~ÖÉã éL N Å~êêç oAORjáä cëWUNOVJ SPPNLVOOUJNUUU

VILAS DAS FLORES - ~éíç O èì~êíçëI

ë~ä~I ÅçòI •K ëÉêîá´çI ïÅI éáëÅáå~I ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~I Å~ÇÉãá~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I Ö~ê~ÖK N î~Ö~ OQRKMMMIMM Ñáå~åÅá~K ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNSMJ QOPT L UOUMJTUQM 179385798

^î qçêèì~íç q~é~àçë Éã ÑêÉåíÉ Éåíê~Ç~ ë~åí~ ÉíÉäîáå~I ëÉåíáÇç Ä~áêêç ÅÉåíêç Åçã P èíçëIïÅI ëä ÅçòáåÜ~ •êKä~òÉê Åçã éáëÅáå~I éä~óI èì~Çê~ éçäáÉëéçêíáî~I O ~åÇ~êI Åçåíê~ ëçä Ç~ í~êÇÉI ÄäçÅç SI Éåíê É ë~áÇ~ éÉä~ íçêèì~íç s^J ilo NU jfiI molkql m^o^ cfk^k`f^o mbi^ `^fu^ p^ial absbJ alo NOP jfi clkb VQPMJUNVS `êáëíá~åÉ

VILLA JARDIM - JASMIM -

159371626

3 QUARTOS

179383846

179385803

NOVO ISRAEL - såÇç

Å~ë~ ÅL Oèíë ïÅ Åçò ëä ÅLéçåíç ÅçJ ãÉêÅá~ä É âáíåÉí oANSMjfi ^îáëí~ VNOSJNSPM `JORQM mc ïïïKÉêåÉëíçÅçêêÉíçêK ÅçãKÄê

379384484

PARK DOS RIOS, EF. SALLES - ~éíç

O èì~êíçëI ë~ä~I ÅçòI ïÅ ëçÅá~äI•êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI Ö~ê~ÖÉã N î~Ö~I NURKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNSMJ QOPT L UOUMJTUQM

AMAZONINO MENDES - léçêíìåáJ

Ç~ÇÉ Qèíë ëÇ NëíI ëäI ÅçòI ïÅ ëçÅI Ö~ê éL Å~êêç éÉJ èìÉåçI Éëíêìíìê~ éL H N éáJ ëç oAUMãáä léçêíìåáÇ~J ÇÉK cëWVNSOJPPMNL NMPJ QNQU 179385971

APTOS PARA FINANCIAMENTO - `çåÇK

gç©ç _çëÅç L SRãOI í¨êJ êÉçI oA NTMãáäK `çåÇK bäJ Ççê~Çç L êÉÑçêã~ÇçI ãçJ Äáäá~ÇçI SP ãOI Pç ~åÇ~êI oA NTMãáäK `çåÇK ^êáê~J åÜ~ë L RRãOI í¨êêÉçI oA NTRãáäK `çåÇK mä~ò~ aÉä oÉóI áãçÄáäá~Ç~ oAOQMIMM qçJ Ççë ^ÅK cáå~åÅá~ãÉåíç cWVNROJNVRS çì ïïïKëç ê~ó~îÉä~ë èìÉKÅçãKÄê

179385804

CD ATHENAS - `ÉåíêçI ÇìéäÉñI

Pèíçë ëL N ëìáíÉI ëä Çìéä~I Åçò ãçÇìäK ÇéÉI O Ö~êK cWVPQRJMPOSLUOOUJPUOU 379385455

PETROPOLIS - îÉåÇç ~é~êí~ ãÉåíç

COND.ADVOGADO- Pèì~êíçëëÉåÇç

179385925

RESIDENCIAL SAMAMBAIA / RECIFE - Å~ë~ ÇÉ ~äíç é~Çê©çI Ñáåç

~Å~Ä~ãÉåíçI P ëì∞íÉë ÅL ~êã•êáçëI Åçò ÅL~êã•êáçI O ë~ä~ë ÇÉ à~åí~êI O ëäë ÇÉ Éëí~êI N ÉëÅêáíμêáç ãÉë~åáåçI ÅL ïÅI éáëÅáå~I ë~ìå~I ÅÜìêêI ~Å~ÇÉãá~K oA NKPMMKMMMIMM VOQUJMRMTK

179385835

TOCANTINS - îÉåÇç ~éíç ÅL OèíëI

•êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´áçI íÇ å~ ÅÉê~ãI ÄÉã äçÅ~äáòI Éã ÑêÉåíÉ ~ mê~´~ ÇÉ ^äáãÉåí~´©çI èìáí~Çç É ÇçÅìãÉåí~Çç s~äçê ~ ÅçãÄK cWVNROJTMTQ

179385470

179385327

COND. PERSONALITÉ - ^Çêá~åμJ

éçäáë J PëíÉëI ë~ä~ P ~ãÄI N ïÅI O ÉäÉî~ÇçêÉëI P îÖ Ö~ê~ÖÉãI NUMãOI ä~î~ÄçI ÅçåÇK cÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~I ëíÉë ÅL ~êã•êáJ çë É péäáíI •Öì~ É Ö•ëK ^ÅK cáå~ÅKPMUTJVOROLVQUPJPSRR

COND. RESID. SANTORINI - P ëì∞J

179385785

ÇÉëçÅìé~Çç Éã îáä~ ë~ä~I Oèì~êíçëIÅçòáåÜ~I å~ ÅÉJ êßãáÅ~oAQRãáäcWPMUOJMMSP VNNVJMPSSL UNTVJNQQP

OèíçëI N ëíÉI ë~ä~I O ïÅI N îÖÖ~êI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãJ éäÉí~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI TMãOI î~ê~åÇ~ ÖçìêãÉíK qê~åëJ ÑÉêÆåÅá~K PMUTJVOROL VQUPJPSRR

179385802

JOÃO BOSCO - O èíçëI N ë~ä~I O

íçëI ë~ä~I ÅçòI ïÅI •K ëÉêJ îá´çI N î~Ö~ NUMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîáJ ÉëKÅçã POPPJTURU L VNSMJQOPT L UOUMJTUQM

COND. PARQUE VERDE - pK gçë¨ J

qrkfa^abFÓ P èíëL N ëìJ ∞íÉI ë~ä~ O ~ãÄáÉåíÉI éçêJ ÅÉä~å~íçI éáëÅáå~I ÅÜìêJ ê~ëèìÉáê~ ^ÅK cáå~åÅá~J ãÉåíçLcÖíë oA SVMãáä cWVNROJNVRS çì ïïïKëçJ ê~ó~îÉä~ë èìÉKÅçãKÄê

ÇÉ OèíëI éêçåíç éLãçê~ê ÉåíêÉÖ~ Éã ^ÖçëíçLNP oANUjfi H ë~äÇç ÇÉîÉÇçê ÇÉ oANOS jfiK^ÅK éêçJ éçëí~íêçÅ~éLÅ~êêççìíÉêêÉåçK cWVNVOJVRNT

JUAPERY, PQ/ 10 - ~éíç O èì~êJ

179385318

COND. PONTA NEGRA I - ElmloJ

JARDIM GIRASSOL - íê~åëÑáêç ~éíç

179385298

~åμéçäáë PëíÉëI ëä~ O ~ãÄI ïÅI P îÖ ÇÉ Ö~êI ä~î~ÄçI ÅÇ ÑÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~K NQOãOK ^ÅK cáJ å~ÅK PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385302

179385504

ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI SMãOI ~éíç éêÉÅáë~ ÇÉ éáåíìê~K oA NPM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR

COND. PALACIO DAS ÁGUAS - ^ÇêáJ

íÉëI Q î~Ö~ë éLÅ~êêçI ÉÇ∞J Åìä~I éç´çI ~êã•êáçëI ÄäáåJ ÇÉñI ÖÉëëçI Å∑ãçÇçë ~ãJ éäçëI ÄÉã áäìãáå~Ç~I ÜçJ ãÉI íÉêêÉåç OMñRMK ^ÅKcáJ å~åÅá~ãÉåíçLcÖíë oA TUMãáä cWVNROJNVRS çì ïïïKëçJ ê~ó~îÉä~ëèìÉKÅçãKÄê

179385789

COND. SMILE FLORES - NèíçIN ëì∞íÉI

N ë~ä~I N ïÅI O ÉäÉî~ÇçJ êÉëI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI SSãOI ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI •Öì~I Ö•ëI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~K qê~åëJ ÑÉêÆåÅá~K PMUTJVOROL VQUPJPSRR 179385335

COND. VISTA DO SOL - P ëì∞íÉëI ë~ä~

O~ãÄI QïÅI O îÖ Ö~ê~J ÖÉãI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãJ éäÉí~K qê~åëÑÉêÆåÅá~K oA PMM jáä H paK PMUTJVOROL VQUPJPSRRK

179385264

CONJ. CANAÃ (IMPECÁVEL) - P ëìJ

O ëì∞íÉëI ä~àÉI éáëÅáå~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I à~êÇáãI ~äìÖìÉäK oA OKSMM cWVNROJNVRS çì ïïïKëçJ ê~ó~îÉä~ëèìÉKÅçãKÄê

∞íÉëI ÉëÅêáíμêáçI éáëÅáå~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I O éáëçëI ~êã•êáçI ëéäáíI ^ÅK cáå~åJ Åá~ãÉåíçLcÖíë oA PUMãáä cWVNROJNVRS çì ïïïKëçJ ê~ó~îÉä~ë èìÉKÅçãKÄê

179385791

179385812

COND. AMAZ. BOULEVARD - qçêèK

q~é~àK J P èíçë ëÇçN ëì∞J íÉI N ë~ä~I ïÅI N îÖ Ö~ê~J ÖÉãI ÉäÉî~ÇçêI UTãOI ~êJ ã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉêI •Öì~ É Ö•ëK oA OTM jáäK ^ÅK cáJ å~ÅK PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385273

COND. IDEAL FLORES – BEIJA FLOR - OèíçëI N ëÉãáJëì∞íÉI N ë~ä~I

ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ROãOI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~K oA NV jáä íê~åëÑÉêÆåÅá~K PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385292

CONJ. KISSIA - P èì~êíçë ëÉåJ

Çç N ëì∞íÉI ë~ä~ O ~ãÄáJ ÉåíÉI éêμñáãç ~ mÉÇêç qÉáñÉáê~I ~äìÖìÉä oA O ãáä cWVNROJNVRS çì ïïïKëç ê~ó~îÉä~ëèìÉKÅçãKÄê 179385821

DOM PEDRO (IMPERDIVEL) - Pëì∞J

íÉëI ë~ä~ O ~ãÄáÉåíÉI ÉëJ èìáå~I ~ãéä~ Ö~ê~ÖÉãI ^ÅK cáå~åÅá~ãÉåíçLcÖíë oA OVRãáä cWVNROJNVRS çì ï ï ïK ë ç ê ~ ó ~ î É ä ~ ë J èìÉKÅçãKÄê

179385794

P. NEGRA, ILHAS GREGAS - ~éíç NMM

ãI P èì~êíçë ëÉåÇç O ëìJ ∞íÉëIÅäçëÉíI ë~ä~ O ~ãÄáJ ÉåíÉëI ÅçòáåÜ~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI éáëÅáå~ ~Çìäíç É áåÑ~åíáäI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I Éëé~´ç ãìäÜÉêI ~Å~ÇÉãá~I éä~óI ë~ä©ç ÇÉ àçÖçëI ÄêáèìÉÇÉçíÉÅ~I Ñáåç ~Å~Ä~ãÉåíçI QRMKMMMIMM ~ îáëí~ çì Ñáå~åÅá~ÇçK ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNSNJOOSU L UNMSJRMRN

179385813

PORTAL DA VILA - îÇç äáåÇç ~éJ

íç ÅL NUMj xOz ÅL PëìáíÉë ëä P~ãÄK Åçò ~êK ëÉêîK ÇÉéK ÉãéK OîK Ö~êK ~ÅK Ñáå~åÅK oA TRM jáä cWPOPQJTTQSLVOSUJ OMTULVVUTJOVNU

379384781

VENDO APTO DE LUXO CD. Mª DA FÉ - `çåëí~åíáåç kÉêóK ÅL Pèíçë

ëL NëíÉ H NïÅI ëÉãáJãçÄáJ äá~ÇçI •êK ÅçåëíK NOTãI Ö~êÖ éLOÅ~êêçë oARRMjáä • îáëJ í~ çì Ñáå~åÅá~ÇçK ^ÅK çìJ íêç áãμîÉä çì Å~êêç Åçãç é~êíÉ Çç éÖíç cW UNVTJ RUUQLVNSNJOQNT 179385360

4 QUARTOS OU MAIS CONJ. HILEIA (OPORTUNIDADE) - R

èì~êíçëI O éáëçëI ÉÇ∞Åìä~I êÉÑçêã~Ç~I Å∑ãçÇçë ~ãJ éäçëI ÄÉã äçÅ~äáò~ÇçI ^ÅK cáå~åÅá~ãÉåíçLcÖíë oAPRM ãáä cWVNROJNVRS çì ïïïKëçê~ó~îÉä~ë èìÉKÅçãKÄê 179385807

P. NEGRA, BETHOVEW - ~éíç NUO

ã I Q ëíëI ë~ä~ O ~ãÄK ÅçòI ~K ëÉêîá´çIéçêÅÉäÉå~íçI ÄäáåÇÉñI ÖÉëëç Éã ~êíÉëI äìëíêÉë áãéçêí~ÇçëI å~ëJ ÅÉåíÉI î~ê~åÇ~I éáëÅáå~ ~Çìäíç É áåÑ~åíáäI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëJ í~IÅÜìêê~ëèìÉáê~I Å~ÇÉJ ãá~I Éëé~´ç ãìäÜÉêI ÄêáåJ èìÉÇÉçíÉÅ~I Åäáã~íáò~ÇçI ãçÄáäá~ÇçI ~äíç é~Çê©çI Ö~ê~ÖK P î~Ö~ëI NKOMMKMMMIMM ÑáJ å~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNPPJ VSMO L UNVTJMMVM 179385792

SÃO JORGE - S èì~êíçëI P Ä~J

åÜÉáêçëI O éáëçëI ä~àÉI ÇçJ ÅìãÉåí~Ç~I éêμñáãç ~ ~îÉåáÇ~I ^ÅKcáå~åÅá~J ãÉåíçLcÖíë oA OSRãáä cWVNROJNVRS çì ïïïKëçJ ê~ó~îÉä~ë èìÉKÅçãKÄê

179385817

APARTAMENTOS ALUGUEL

CIDADE NOVA - ~äìÖ~JëÉ

~éí⁄ ëäIèíIÅçòIêì~ p~Åá~ê~I å⁄OT éêçñKéê~´~ ÇÉ ~äáãÉåí~J ´©çKqê~í~ê ÅL p~åÇê~ cWUNRV QRQV 179384803

CIDADE NOVA I - ~äìÖç ~éíç ÅL Nèíç

ëä Åçò ïÅ ãìê Öê~Ç Ñçêê éç´ç ~êí Ö~êK ~êK ëÉêî oASMM cUNRQJVNNOLVOOPJ RSVU

379385122

CIDADE NOVA I PRÓX.AO DB - ^éíç

ÅL ëä Éëí~êLà~åí~êI èíçI ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK Éëí~ÅáçJ å~ãÉåíç ÑÉÅÜ~Çç oASTRIMM cWPSQRJPUPRLVNPQJ VTUUEíáãF

179385610

CIDADE NOVA I- RENATO I - ~äìÖ~J

ëÉ ~é~êí~ãÉåíç ë~ä~ É ÅçòáJ åÜ~ àìåíçëI èì~êíç ÅLïÅI •êÉ~ oAPUM éLëçäíÉáêç çì Å~ë~ä ëÉã ÑáäÜçë cWVNRPJUPSP

179385582

CIDADE NOVA II - ~äìÖç ~éíç ëäI

ALVORADA I - ~äìÖ~JëÉ ~éíçë ÇÉ

Nèí ëä Åçò oARRM É oASMM áåÅäìëç äìòL•Öì~I ÅÉêßãáJ Å~I ãìê~ÇçK Ñçêê~Çç cWVNVRJQTUVLVNVNJTOPT 379384528

ALVORADA II - ~äìÖç

~éíç ÅL Nèí ëä Åçò ïÅIéL ëçäíÉáêç çì Å~ë~ä ëL ÑáäÜçë oARMM ÅL ~Öì~ áåÅäìëçK cWPSRTJMPUT

379385265

C. NOVA/NÚCLEO 13 - ~äìÖç ~éíç

ÅL Nèí ëä Åçò ïÅ •ê ëÉêî oAQMMIMM cWVORQJ VVRU

379384509

C. NOVA - ~äìÖç ÉñÅÉäÉåíÉ ~éíç

èíçI ÅçòI ïÅI •êÉ~I ëLÖ~J ê~ÖK ÅLÉåíê éL~ê ÅçåÇáÅáçJ å~K éLÅ~ë~ä ëLÑáäÜçëK VVTTJ MPUMLVOVRJ OPRV

Oèíçë ë~ä~ ÅçòáåÜ~ ïÅ •êÉ~ ëÉêîá´ç î~ê~åÇ~I Ö~ê~J ÖÉã oAURM ëμ éL ~ÇìäíçëI ¥ ~Åí ~åáã~áë áåÅäìëç •Öì~ cWVNPVJSQPVLUNSMJ URRV

EDUCANDOS - ~éí ÅLN èíçI ÅçòI

CD TOCANTINS - ~äìÖ~JëÉ ~éíç

179384583

ïÅ ~ç ä~Çç Çç a_ É Çç `Éåíêç oAPTMK É çìíêç ãçÄK oASMM cWUNRNJ PQQR

379385457

MANÔA FLORESTAL - ~äìÖç ~éíç

ÅL èí ëä Åçò ïÅ î~ê O⁄ éáëçK oAQMM cWVNUNJMTQNL UOMQJSNMNLPSQNJ RQMT

379384908

PÇ. 14 ALUGO 02 APTºS - MNèíIÅ~ë~ä

ëLÑáäÜçëLëçäíÉáêçë oARMMIMM çìíêçoASMMIMMKcWPOPPJ PMPTLVOQVJTOMT

179384788

PETRÓPOLIS - mñK fkm^I ~éíçI

NŸ ãçêÇI NèíI ëäI ÅçòI ïÅ ëçÅI ÑçêêI Öê~ÇI î~ê~åÇ~ ëL Ö~êK oARMMKcWVOPRJVOMUL UNMQJVSSP 179385059

PQ. DAS GARÇAS - ~äìÖç ~éíç ÅL

Nèíç ëä~ Åçò ïÅ î~ê~åÇK oARMMIMM áåÅäìëç •Öì~ É äìò cWVQURJNQMN

379379192

REDENÇÃO - ~éíç ÅL èíçIïÅIÅçòI

•êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çIå~ oKp~åí~ eÉäÉå~ R^ oAPRMIMM cWVNOQ UOTPLVPUQ QOSML UNMUJ VQNN

179384911

SÃO JORGE/VILA DA PRATA - ~äìJ

Öç ~éí ÅL MN èì~êíçI ë~ä~I Åçé~IïÅ oARRM cWPOPQJ TTQSLVOSUJOMTULVVUTJ OVNU ïïïKÄÉÖáãçîÉJ áëKÅçã

379384772

1 QUARTO

2 QUARTOS

379384581

åç O⁄ éáëç ÅL Oèíë OïÅ ëä Åçò íÇ ÅÉêßã íÇ êÉÑçêãK oANKNMM cWVOSRJ TVTV

379385291

CENTRO - ~äìÖç Åë~ ÇÉ ~äî OèíëI

ëäI ÅçòI ïÅI ~Ä~áñç o~J ãçë cÉêêÉáê~ oANKSMM cWUOSVJOOVRLPNUQJTTMO 179383566

CIDADENOVA - ~éíçÅLOèíëIëä~IÅçòK

oASMM áåÅäìëç •Öì~K cWVSNQJURUULVPPNJPQNM

179385433

COMPENSA 1 E 2 - îÇç Å~ë~ OèíçëI

ëäI ÅçòK ïÅ oASMãáä É çìJ íê~ oAUMãáäK cWVNPTJ MTSPLUOTTJOVURK

179384912

COND ALPÍNIA - ~äìÖç ~éíç ÅL Oèíë

ëä Åçò ÅL ~êã ïÅK oATRM áåÅäìëç •Öì~ É Ö•ë ÉåÅK ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~ëI éáëÅ Ö~ê ëÉÖ OQÜëK cWVNNPJNSPTLVNNMJ QURN

379385662

COND. ACQUARELLE – P. NEGRA - N

èíçI N ëì∞íÉI N ë~ä~I N ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ÅÇ ÑÉÅÜ~J ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉJ í~I •Öì~ É Ö•ëK oA OKSMM H ÅçåÇK PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385381

COND. BELA VISTA – STA. ETELVINA - O èíçëI N ë~ä~I N ïÅI N îÖ

Ö~ê~ÖÉãI QPãO ÇÉ •êÉ~ éêáî~íáî~I ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ Ç É ä ~ ò É êK o A U M M I M M PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385408


Domingo, 25 de agosto de 2013

Domingo, 25 de agosto de 2013 2 Diário do Amazonas | visite D24am.com COND. ACÁCIAS – DIST.IND - ÉñJ

2 QUARTOS COND. MARIO ASSAYAG - mèK aÉò

J N èíçI N ëì∞íÉI N ë~ä~I O ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI STãOI ãçJ Äáäá~ÇçI ÅÜìêê~ëèìÉáê~K oA OKOMM PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385395

COND. PLAZA DEL REY - mèK

i~J ê~åà J O èíçëI ë~ä~ O~ãÄI N ïÅI N îÖÖ~êI SUãOI ÉÇ∞J Åìä~I ~êã•êáçë åçë èíë É ÅçòI ÅçåÇ ÑÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~J òÉê ÅçãéäÉí~I •Öì~I Ö•ëK oA OKPMM PMUTJVOROL VQUPJPSRR 179385370

COND. PORTAL DO RIO NEGRO - N èíçI

NëíÉI ë~ä~ O ~ãÄI O ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ~êã•êáçë å~ ÅçòI ÅÇ ÑÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~I ãçÄáäá~J ÇçI •Öì~I Ö•ëK oA O jáäK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385403

COND. TURIM – STOAGOST - OëíÉëI

ëä~ O ~ãÄI ïÅI O îÖ Ö~ê~J ÖÉãI ~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòKI ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~I ÇìéäÉñI péäáíK oA OKOMM PMUTJVOROL VQUPJPSRR

179385385

COROADO 2 - ^äìÖ~JëÉ ~éíç ÅL

O èíë ëä Åçò ïÅ ~êÉ~ ÇÉ ëÉêî cWVRMSJ STUQ

379385977

DOM PEDRO - `çåÇK ÑÉÅÜ ãçJ

Äáäá~Çç ë~ä Åçò ïÅ MO îÖë å~ Ö~ê~Ö oANKRMM áåÅä ÅçåÇ cWUNOOJSNSSLVNVUJ STQQ

379385418

~äìÖç ~é~êí~J ãÉåíç ÅL O èíçë ë~ä~ ÅçòáJ åÜ~ Ä~åÜÉáêç oA VMMIMM cWPOPQJTTQSLVOSUJOMTUL VVUTJOVNU ïïïKÄÉÖáãçJ îÉáëKÅçã

EDUCANDOS -

379384780

G CIRCULAR/SÃO JOSÉ II - ^äìÖç

^éíçë N É Oèíë Éã ÅçåÇK ÑÉÅÜ ÅL ëäI ÅçòI ïÅI å~ ÅÉêßãI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI Éëí~ÅK oATRM É UMM •Öì~Läìò áåÅäI ëLíñ ÅçåÇKUUOTJOTSOL VNPVJ SROP

179385752

N. ESPERANÇA - ~äìÖ~JëÉ ~éíçK

ÇÉ Nèíç oAPRMI çìíêç ÇÉ Nèí oASMM Oèíë oAUMM ÅL •Öì~Läìò áåÅäìëçëKcW VQVTJMVTVLVPSPJONVQ

179385750

PONTA NEGRA COND. AQUARELE - ~äìÖç

Oèì~êíë ëLNëíÉ ÅL~êã•êáçë ÅçòáåÜ~I ~åÇ~ê ~äíç oAOKOMM áåÅäKÅçåÇKcWVNPOJVUUOLUNQPJ PRQVL PMUOJMPSM

179385634

RECANTO DAS LARANJEIRAS - OèíëIëä~

ÇÉ à~åí~ê É Éëí~ê É •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çK oANKNMMIMMK cWVOQUJMRMTLUNTSJOOVQ 179385855

SÃO JOSÉ I - ^éíç O èíçëI ëä~IÅçòI

ïÅI Ö~ê~ÖÉãI •Öì~ É äìò áåÅäìëç oATMM cWVOOVJ UPTO

159384630

3 QUARTOS

ÅÉäÉåíÉ ~éíç P èíë íçí~äJ ãÉåíãçÄáäá~Çç éL ÉñÉÅìíáJ îçë íìÇç ÇÉ NŸ d~ê ÅçÄÉêJ í~ oANKTMMJî VQUVRUSNJ í UNMMTNSSJÅ UQNVTUUU `J NOSR

179384806

COND. ACASSIAS – DISTRITO - PèíçëI

ë~ä~ O ~ãÄI N îÖ Ö~ê~J ÖÉãI ~êã•êáç åçë èíçë É ÅçòI TMãOI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãJ éäÉí~I ÅçåÇK cÉÅÜ~ÇçI ëÉJ ãáJãçÄáäá~ÇçK oA NKTMM PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385350

COND. ALEGRO – TORQ. TAPAJOS - P

èíçë ëÉåÇç N ëì∞íÉI O ë~J ä~ëI O ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ÅÇ ÑÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉêK jçÄáäá~ÇçK oA OjáäPMUTJ VOROLVQUPJPSRR 179385410

COND. ECOLIFE – PQ. DEZ - O èíçëI

N ëì∞íÉI O ë~ä~ëI N îÖ Ö~êKI ~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI SMãOI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãJ éäÉí~I ëÉãáJãçÄáäá~ÇçI Ö•ëI ~èìÉÅÉÇçêK oA OKPMM PMUTJVOROLVQUPJPSRR

ÅLOèíçëEëÇç N ëíÉF ëä Åçò ÅÉêßã Ö~ê~Ö Öê~Ç oAUMMHçìíê~ Å~ë~ ÅL OëíÉë ãçÄáäá~Ç~ êANKOMM cWVNQRJQQQP

379384903

AMAZON BOULERVAD - ~äìÖç Pèì~êíë

ëLNëì∞íÉIë~Å~Ç~I ÉäÉî~Ççê éáëÅKÜìêê~ëèìÉáê~ oANKTRMIMM áåÅäKÅçåÇKcWVNPOJVUUOLUNQPJ PRQVL PMUOJ MPSM 179385633

BOUNGANVILE/P.10 - PèíëI ëÉåJ

Çç N ëìáíÉI íÇë ÅL ~êã•êáçë ÉãÄìíáÇçë É ~êI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéK oA NKUMMIMMK cWVOQUJMRMTLUNTSJOOVQ 179385852

CD DE DEUS - Å~ë~ ÇÉ ~äîå íÉêê

NMñQOK P ÅL èíçëI ëÉåÇK N ëì∞íÉI O âáíáåÉíÉëI íÇ éçêJ ÅÉä~å~íçI Ö~ê~ÖÉã oATRãáäK cWVOORJRQUTLUNVQJQOUQ

179385621

159382068

4 QUARTOS OU MAIS OURO VERDE/ CASA NOVA - sÇ Å~J

ë~ ÇÉ O ~åÇ~êI ÅL Oèíë Éã Åáã~ É O èíë Åçã ëíÉë ~ãÄ~áñçI O î~ê~åÇ~ëI O ëäëIÅçò íçÇ~ å~ ÅÉêßãáJ Å~I•ê ëÉêî Ö~êK éL N Å~êêç ëçãÉåíÉ ¶ î∞ëí~ oA NNRãáä cW UNSTQRTP 179366642

CD FLORENÇA PARK - ^îKbÑáÖÆJ

åáç p~ääÉëK^éíç ÅL Pèíë ENëíF H ÇÉéÆåÇK ÉãéêÉÖK ~êã Éã íÇë çë Åçã∑Ççë É ~êKoAOKQMM ÅçåÇK áåÅäìëçKcWUOPTJ UOPO

379385322

KITINETES, FLATS E APART-HOTÉIS

ëÇçN ëì∞íÉIO ë~ä~ëI O ïÅI O îÖ Ö~ê~ÖÉãI ÅÇ ÑÉÅÜ~J ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉJ í~I íçÇç ãçÄáäá~ÇçK oA OKPUMIMM PMUTJVOROL VQUPJPSRR 179385363

COND. MILLANO – VIEIRALVES - PèíçëI

N ëíÉI ë~ä~ O ~ãÄI ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ÅÇ ÑÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~I VMãOII •Öì~ É Ö•ëK PMUTJVOROL VQUPJPSRR

179385389

COND. NÁPOLES – PQ. DEZ - èíçë

ëÇçN ëì∞íÉI Åçé~I ë~ä~ O ~ãÄKI O îÖë ÇÉ Ö~ê~ÖÉãK i~òÉê ÅçãéäÉíçI Åçã •êÉ~ ÇÉ UOãOK oA OKRMMK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR

179385399

CONDOMÍNIO ELIZA MIRANDA - ~äìJ

Öç ~éíç ÅL P èíçëI ëÇç N ëíÉI Ö~ê éL N Å~êI Äçñ åçë ïÅ ëçÅK •êK ëÉêîI ëäI ÅçòI ÅL éáëÅáJ å~K cWVNNVJVNQTLUORSJ OTTO 179375019

DEBORA COND. RENASCENSES - Å~J

179385155

MORADAS DO PARQUE - ÅçåÇK ÑÉJ

ÅÜ~ÇçI îÉåÇç íêáéäÉñ QëíÉëI íÉêê~´çK ~éíç jÉÇK NVMãxOz mK Ç~ë i~ê~åàÉáê~ë cWVNPSJ NPPM

379384602

~ç `~êêÉÑçìê Ç~ mçåí~ kÉJ Öê~K ^é~êí~ãÉåíç ÅLPèíçë ëL NëíÉI Ö~ê~Ö éL OÅ~êêçëI ëÉãáJãçÄáäá~Çç cëWUNOVJ SPPNLVOOUJNUUU

PORTAL DO ARUANÃ - mêμñK

179385503

SOLAR DOS FRANCESES - NŸ äçÅ~J

´©ç ~éíç ÅL PèíëI ëÇ N É O ëÉãáJëì∞íÉëI ëäI ÅçéK ÅçòK î~Ö ÇÉ Ö~ê~ÖÉã oAOãáä ÅL ÅçåÇK áåÅäìëçK cWUUOTJ OTSOL VNPVJ SROP

179385757

TOTAL VILLE / ALUGO APTO - ÅL Pèíçë

379385451

179385505

ëLNëíÉI ëäI ÅçòI ïÅI Ö~ê~Ö éLNÅ~êêçK cëWUNOVJSPPNL VOOU NUUU

179385530

SANTA ETELVINA - îÉåÇÉJëÉ TâáíáJ

åÉíÉë íÇë ~äìÖ~Ççë oANPMãáä cWVONNJNRSSL VOMPJPPVO

179385900

SÃO JOSÉ 3 - îÉåÇÉJëÉ îáä~ ÇÉ

O éáëçë ÅL MV ~éíçë ëÇç N⁄ Q~éíçë O⁄ éáëç R ~éíçë íÇçë Öê~Ç å~ ÅÉêßã oANRMjfi cWVOPRJRSUPLUNRSJQRVR

379385289

179385597

P âáíåÉíëI ãÉÇ UñNQ Éã ÑêÉåíÉ ~ ÉëÅçä~I éêçñ ~ ÑÉáê~ É é~ê~Ç~ ÇÉ ∑åáÄìë oA RMãáä cWUNQVJSRVVLVNOQJUVVQL UUORJUPPVLPSRNJVVSO `J OSUQK

ALFREDO NASCIMENTO - îÇç

ZUMBI II - îÉåÇç P âáíáåÉíÉë éêμñK

~ç gìåáçê j~íÉêá~áë ÇÉ `çåëíêì´©ç ãÉÇW NMñOR î~äçê oAVMãáäK cW VONSJMQMTL VPOQJNPPN

379385771

379384942

~äìÖç ~éí⁄IéL Å ~ ë ~ ä L ë ç ä í É á J êçëKoAPMMIMMcWVOORJ RQUTLUNVQ QOUQK

COMPENSAII -

179385588

R âáíáåÉJ íÉë íÇçë ~äìÖ~Ççë ÅLëä~ èíç Åçò ïÅ qÉêêWNMñPM oAUMãáä ^ÅK éêçéçëí~ cW VONSJ MQMTLUORSJNRUS

JOÃO PAULO - îÉåÇç

379385796

NOVO ALEIXO - îÉåÇç Vâáíáå ÉíÉë

Nèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅI éç´ç ~êíÉëK íÉêêKãÉÇKVñOR ãìê~Çç oANORãáä cWVPOUJ MMVML VNSUJSMUR 179385608

379385458

AMÉRICA DO SUL(N ISRAEL) - sÉåJ

Çç MN Åë~ ÇÉ ~äî ëä èí Åçò ïÅ ÑçêKÖê~ÇK íçÇ~ å~ ÅÉJ êßãKqÉêê SñVKm~íáç ÅçÄÉêJ íç ëÉã HíÉêêKoANPKRMM cWVNSNJSVMM 379385556

ARMANDO MENDES - îÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ Åçã NÅçãé~êíáJ ãÉåíçIïÅI å~ ÅÉêßãáÅ~I ÑçêêK •êÉ~ Åçåëíêì∞Ç~ oANUãáä cWVNNUJPQMULVNNMJTVMV lÄëW ÄÉÅç

179384533

BRAGA MENDES - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ ë~ä~Ièì~êíçI ÅçJ òáåÜ~I ïÅI íÉêêÉåç ãÉÇKUñPM éä~åç oAOUãáä cWVPMTJ MTRR

ATENÇÃO:VENDEMOS,COMPRAMOS - ~äìÖ~ãçëI åÉÖçÅá~ãçë íÇçë

îÇç îáä~ ÅL Q âáíáåÉíÉë ÅL OOãíë ÇÉ ä~àÉ íÇçë ÅLèíç ëä~ Åçò ïÅHéíç ÅçãÉêÅ Ö~êK oANPMãáä cWVNQQJNQPQL UOONJRNSM

M N Å ë Ç É ~ ä îI ë ä I è ì ~ ê J íçIÅçòIïÅIíÉêê SñVI •êÉ~ íçÇ~ Åçåëíêì∞Ç~Iéêçåí~ éL ãçJ ê~êKoA NOKRMM cWVNSNJ SVMMLVVTQJPTQP

Å~ë~ëI íÉêêÉåçëI ëáíáçëI ~éíçI Ñ~òÉåÇ~ É ÉíÅK èì~äèìÉê äçÅ~ä ÇÉ ã~å~ìë cWVOOMJOMQRL VOQRJPTSP `êÉÅá NRST

179385019

179385396

AMÉRICA DO SUL(N ISRAEL) - sÇç

179385074

P ~éíçë å~ ~îK éêáåÅáé~äI ãÉÇK UñRMI ÑçêêI å~ ÅÉêßãI éçJ ÇÉåÇç Åçåëíêìáê H NO âáíáJ åÉíÉëK oATRãáäK cWVNPSJ PMQP

COM.DA SHARP - ¶ PM jíë Ç~ éêáÅK

379385443

AVALIAMOS/VENDEMOS - ëÉì áãμîÉä

179384820

íÉK N îáä~ ÅL Q ~éíçë Å~Ç~ N íÉã NèíëI ëäI ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK íÇçë ~äìÖ~ÇçëK oATRãáäK ^ÅK `~êêç åç åÉÖμÅáçK cW UNVTJRUUQL VNSNJOQNT

Å~ë~ ÅL êÉîÉåÇ~ ~ìíçêáò~Ç~ cçJ Ö•ë cWPOOPJNQTULVNURJ NUVU

AMAZ. MENDES - îÇç

çë íáéçë ÇÉ áãçî¨áëI Ñ~ òÉãçë ~î~äá~´πÉëIÅ~ë~ëI ~é~êí~J ãÉåíçëIÖ~äé©çIíÉêêÉåçë ëáí∞çë É ÉíÅ cWVNNUJPQMULVNNM TVMV

ëLÑáäÜçë å~ oKR ÇÉ àìåÜçI NUV _~áêêç däμêá~ cWPSTNJ RMOO

379385158

179385562

ATENÇÃO:VENDEMOS,COMPRAMOS - ~äìÖ~ãçëI åÉÖçÅá~ãçë íÇçë

179385605

CIDADE LESTE, PX. AO SUP. BARA TÃO - Ç~ `~êåÉK sÉåÇç ìêÖÉåJ

ÅL N èíç Ñçêê~ÇçI ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêÉåç NNñPM éä~åçI ãìJ ê~Çç H ã~íK Åçåëíêì´©ç EëÉáñçI~êÉá~F oAOQjáä cWVNQPJNSRULVNQVJRVRV

179385119

ALUGO KITINETE P/MOÇAS - çì Å~ë~ä

BETÂNIA - îÉåÇç éê¨Çáç ÅLNS

ALFREDO NASCIMENTO - îÉåÇç Åë

åç ãÉëãç íÉêêÉåç ÇÉ ~äîK Oèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅ HNÅ~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ å~ ÑêÉåíÉ ÅLNÅçãé~êíK oAPRãáä cWVNNUJ PQMUL VNNMJTVMV å~ éáëí~

1 QUARTO

åÉíÉë Nèì~êíçëIë~ä~IÅçòK ïÅ ãìê~Ç~IíÉêêKãÉÇKUñOR éä~åç oARUãáä cWVPOUJMMVML VNSUJ SMUR éñKãÉêÅ~ÇK Çç éçîç

179385602

ÇÉ ã~ÇÉáê~ ë~ä~I èì~êíçI ïÅ ÅçòáåÜ~I íÉêêÉåç ãÉÇKUñOM oANQãáä cWVPMTJMTRR

ARMANDO MENDES - îÉåÇç O Å~ë~ë

ALFREDO NASCIMENTO - îÉåÇç RâáíáJ

çë íáéçë ÇÉ áãμîÉáëI Ñ~ òÉãçë ~î~äá~´πÉëIÅ~ë~ëI ~é~êí~J ãÉåíçëIÖ~äé©çIâáíáåÉíÉëI íÉêêÉåçëIëáí∞çë É ÉíÅ cWVPOUJ MMVML VNSUJSMUR

179385082

179385108

CASAS COMPRA E VENDA

179384440

~éíçë íÇçë ~äìÖ~Ççë säçê ¶ ÅçãÄKcWVOVMJSVVVJ^åJ íçåáç

Pèì~êíçë ëLOëì∞íÉëI •êÉ~ ëÉêîá´çI Ö~ê~ÖÉã éLNÅ~êJ êç oANKOMM cçåÉWUNNPJ TSMU

179385197

179380942

VâáíáåÉíÉëIÅçåíÉåÇç ë~ä~ ÇÉ Éëí~êI ÅçòáåÜ~IïÅI èíçI Äç~ äçÅ~äáò~´~π ÅL é´ ~êíÉëK êÉåÇ~ OKSRMIMM oANRMãáä cWUURRJ MQUQLVOTSJQQOTLUOMOJNROQ ïïïKçäñKã~å~ìëKÄêLäáåJ ÅçäåêáÄÉáêç

háíáåÉíëI å⁄ PUOO cW VNRTJ VTQSLVNQRJRRQU

ELIZA MIRANDA - ^éíç ÅL PèíëI ëäI

JAPIIM - ALUGO APARTAMENTO - ÅL

RIACHO DOCE - îÉåÇç îáä~ Åçã

179385018

ãÉÇK NMñSMK oAOPãáää cWVNQPJNSRULVPPVJQPUQ

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëI ë~ä~ ÅçòáåÜ~IïÅIÅÉêßãáÅ~IíÉêêÉåç ãÉÇKUñOR Héçåíç ÅçãÉê Åá~ä oAPRãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV

ALFREDO NASCIMENTO - îÉåÇç Å~ë~

STO ANTÔNIO/ AV. BRASIL - ^äìÖç

ALFREDO NASCIMENTO - âáíáåÉíÉ íÉêê

ALFREDO NASCIMENTO - îÉåÇç Å~ë~

íÉë ÅL ë~ä©çI Åçé~I ïÅK ëçÅI è ì á í~ Ç ~ K s ä K ¶ ` ç ã Ä K VQOMJOPRQLVPPQJPSQTL UONUJ NURR

_ç~ îáä~ ÅL Q ~éíçë å~ ä~J àÉI ãÉÇK SñOO Ñ~äí~åÇç ~Å~ÄK Éëíêìíìê~ éL H N ä~àÉK oASRãáä cWVNPSJPMQP

ARMANDO MENDES - _ç~ îáä~ ÅL

ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK oANKPRM áåÅäìëç ÅçåÇK cWVNNRJQOSSLUNOUJOUPUL UUOSJ MNRO

159384762

RIACHO DOCE - îÉåÇç Q âáíáåÉJ

379384948

ë~ O éáëçëIP ëì∞íÉëI ë~ä~ O ~ãÄáÉåíÉëI ÅçòI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI Åçò ~ìñáäá~êIéçêÅÉäÉå~íçI ÖÉëëçI Öê~åáíçI ÄäáåÇÉñI ïÅ ëçÅá~äI Ö~ê~ÖÉã S Å~êêçëI éêáãÉáê~ ãçê~Çá~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~I~Å~ÇÉãá~I ë~ä©ç ÇÉ àçÖçëI éáëÅáå~ ~Çìäíç É áåJ Ñ ~ å í á ä I Å ç ã Å ä ç ë É í oA NKNMMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã cW POPP TURUL VNPP VSMO L VNTT UMPV L UNOM NSPT

179385432

ÅL Ö~J ê~ÖÉãI íÇ~ å~ ÅÉêßãI •êÉ~ ÉëéÉÅá~ä oAPMMIMM cW VVUSJTNQN c~ä~ê ÅL båáç

NOVO ISRAEL - háíáåÉíÉ

SÃO JOSÉ 3, NA RUA 3 DE ESQUINA -

179385358

CD PARQUE INGLESES - P èíçë ëL

N ëìáíÉI í¨êêÉçI ëäI ÅçòI êÉJ ÑçêãI •êÉ~ ëÉêîK ÅL äçÅ~ä éêáî~íK cWVPQRJMPOSLUOOUJPUOU

çéçêíìåáÇ~ÇÉ Pèíë ëÇç NëíÉ éÉêëá~å~ë ëÉãáJãçÄK ~êK ÅçåÇK OîÖë ÇÉ Ö~ê~ÖK ÅêÉJ ÅáOVQS oAOKSMMIMM cWVOQMJSUMNLUOTRJ UTMV

COND. MARON – PQ. DEZ - P èíçë

179385115

ALVORADA/REDENÇÃO - ^äìÖç ~éíç

VIEIRALVES - ÅçåÇK qìäáé~ ÉñÅK

ÁGUAS CLARAS - ~äîÉå~êá~IãW SñVI

PèíçëI ëäI ÅçòI ïÅ íWNPñORI é´ ~êíëK ÇçÅ çâ oANMMãáä cWVPPQJTPRPLVNMQJVRTT 379383847

ALFREDO NASCIMENTO - Å~ë~ ÅL

èíI ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêK VñOM éä~åçK oAOOãáä cWVNQPJ NSRULVNQVJRVRV

179385617

ALFREDO NASCIMENTO - Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK ïÅIíÉêêKNMñNQ éä~åçI~ç ÇÉ äçí~´©ç É äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìë oAOUãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJ PTSP

179384543

ALFREDO NASCIMENTO - Å~ë~ ÇÉ

ã~ÇÉáê~ ÅLéáëç ÇÉ ~äîK ïÅ ÅLëäIèíçI ÅçòK íÉêêKTIRñOQ éêμñK Åçä¨Öáç É äçí~´πÉë oANPKRMM cWVOOMJOMQRL VOQRJPTSP 179384529

ALFREDO NASCIMENTO - éêμñK~îK

Öê~åÇÉ ÅáêÅìä~ê É ~ êÉëÉ êî~ ÇìèìÉI Å~ë~ ãçíKîá~ÖÉã Nëí ëäIÅçòK äçÅ~ä éLÖ~êK Ñ~äJ í~åÇç ~Å~ÄK ∑åáÄìë É Åçä¨Öáç éñK íÉêêKUñOR ¥ Éëí• ãìê oAOVãáä c~ä~ê ÅLiÉç cWVQUOJMORML UNROJVSMQ ÅêÉÅá OMTN 179385072

ALFREDO NASCIMENTO - îÇç ìã~

Å~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ íÉêWUñOR O Åçãé~êíK éñ ~ éêáåÅáé~ä î~äçê NPKRMMK cWVQQMJOQQNL VOOQJNPRT

379384980

ALFREDO NASCIMENTO - îÉåÇç Å~ë~

Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅ å~ ÅÉêßãáÅ~IÑçêê~Ç~IíÉêêK UñOR oAQOãáä cWVNNUJ PQMUL VNNMJTVMV éêμñKÇ~ éêáå Åáé~ä

179385615

179385213

BRAGA MENDES - îÉåÇç Å~ë~ Éëíáäç

~é~êí~ãÉåíç ë~ä~I èì~êíçI ÅçòáåÜ~I ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉê îá´ç éêμñáãç ~ éêáåÅáé~ä oAOMãáä cWVPMTJMTRR

179385212

BRAGA MENDES PX.CONJ.BENHUR -

îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ ë~ä~ èì~êíçIÅçòáåÜ~IíÉêêKãÉÇK UñOR éä~åçI éêμñK~ äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìë oAOUãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJ PTSP

179384535

C. DE DEUS - mñK gK _çíßåáÅç îÇç

Å~ë~ ~äîK Nèí ëä~ Åçò ïÅ éñK Ç ~ é ê á å Å á é~ ä o A P O j á ä cWVOMUJRMRNLVPRRJMUNR

379385063

CAMPO DOURADO: “65 MIL” -  _Éã

mñ Çç `àK lëî~äÇç cêçJ í~IμíK äçÅ~äI áãμîÉä ÇÉ ~äJ îÉå~êá~ ÅL ë~ä~I èì~êíçI ÅçòáåÜ~IïÅIëÉãáJãìê~J Ç~Iî~äçê åÉÖçÅá•J îÉäKcWVNPTJPPMN L UNMOJ PPTU

179385859

CAMPO ELISEOS - sÉåÇç N Å~J

ë~ ÇÉ ~äî ÅLëäI NèíI ÅçòI ïÅI ~êÉ~ ëÉêîKÅÉêKíÉêêKSñT éñKÅ~ãéç Çç _çäçí~ oAQR ãáä cWVNSNJSVMMLVVTQJ PTQP

379385472

CAMPOS SALES - ^îK éêáåÅK îÇç

éíç ÅçãÉêÅK É êÉëK ÅL éçêJ í~ ÇÉ Éåêçä~êI ëä~ Åçò PïÅëI ∑åáÄìë å~ éçêí~ qÉêêWVñOO éä~åç oAQUãáä μíáãç éL ä~åÅÜÉ LoÉëíK cWVOPRJ RSUPL UNRSJQRVR 379385565

CASA 30 MIL PRÓX. CENTRO - ~äîK

ÅÉêK Öê~K ãìêK ëäI MN èíI ÅòI ïÅI ~KëÉêK ëL Ö~êK èìáåí~äK cWUNVMJQRMNLVOUPJRPNS

379384128

CIDADE DE DEUS - Å~ë~ ÅL R èíçë

ëL OëíëI ëä éLO~ãÄI ÅçòI ïÅ ëçÅI Ñçêê~Ç~I ÅÉêßãI éáëJ Åáå~I Ö~êÖI íÇ~ ãìê~Ç~ oARRjáä cWVNQPJNSRUL VNQVJRVRV 179385566

CIDADE DE DEUS - å~

éêáåÅK d `áêÅìä~ê îÇç Å~ë~ ÇÉ ~äî ÅL O èíë ëä Åçò å~ ÅÉê ÅL mçåíç ` ç ã É ê Å á ~ ä î ä oAQMãáäKcWVQNRJNOSTL VOOQJNPRT

379384990

CIDADE DE DEUS - îÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ ÅL ëä~ Oèíçë Åçò ïÅ ÅÉê ãìê~Ç qÉêêWUñOR oAOR jfi cWVQQMJOQQNL VOOQJNPRT

379385000

CIDADE DE DEUS - îÇç Å~ë~ ãáëí~

ë~ä~I Pèì~êíçëIÅçòáåÜ~I ïÅI íÉêêÉåç ãÉÇáåÇç UñOR éä~åç oAORãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJ PTSP

179384536

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

NOñS Åçã Uã ÇÉ ä~àÉ H~é~êJ í~ãÉåíç Éã Åáã~I ãìê ~Ç~ íÉêêÉåç UñOM éä~åç oAQMãáä cWVPMTJMTRR 179385203

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

COMPRO SUA CASA Á VISTA- VENDO - î•êá~ë Å~ë~ë ÇÉëçÅìé ~Ç~ë

~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK ïÅ HNéíç ÅçãÉêÅá~ä å~ ÑêÉåíÉ íÉêêKUñOR oAPUãáä cWVNNUJ PQMUL VNNMJTVMV å~ éáëí~

COMPRO TERRENOS, PAGO À VISTA - cWVNOUJPSSPLVORUJOOSTL

GRANDE VITÓRIA - îÉåÇç μíáãç

179385453

UNNRJRSQMLPOOPJ NQOO

179385689

COMPRO VENDO - ^Çãáåáëíêç ëÉì

áãμîÉä cWVQQMJOQQNL VOOQJNPRT

379385011

CONJUNTO JOÃO PAULO - äáåÇ~ Å~ë~

èì~êíçë ëLNëíIë~ä~IÅçò áåÜ~ ãìê~Ç~I éçêí©ç ÇÉ ~äìã ∞åáç oASMãáä cWVNRSJPNQVL POOPJ OSNR

179385450

CONJUNTO JOÃO PAULO - îÉåÇç Äç~

Å~ë~ Pèì~êíçëIë~ä~IÅçò áåÜ~ íÉêêÉåç ãÉÇKUñOM oAPPãáä cWVNRSJPNQVL POOPJOSNR

179385448

COROADO - îÉåÇç ìã~ Å~ë~ Åçã

èì~êíçI ë~ä~IÅçòáåÜ~IïÅI íçÇ~ å~ ÅÉêßãáÅ~IÑçêê~Ç~IÉëíêì Jíìê~ é~ê~ ä~àÉ oAPRãáä lÄëK åç ÄÉÅç éêμñáãç ~ ÄÉáê~ êáç cWVPMTJMTRR

179385206

FAZENDINHA - îÇç Å~ë~ ãÉÇK QñQ

ÇÉ NÅ∑ãçÇç HNÄ~äÇ~ãÉ Éã Åçåëíêì´©ç íÉêêÉåç ãÉÇKUñOR oAOMãáä cWVPMTJMTRR

179385207

FAZENDINHA - îÇç Å~ë~ ãÉÇK RñR

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

179385210

~äîÉå~êá~ Nèì~êíçIë~ä~I ÅçòK ïÅ oAOMãáä •êÉ~ Åçåëíê ì∞Ç~ cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV éêμñáãç ~ áÖêÉà~

179385089

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ ë~ä~I èì~êíçI ÅçòKïÅ ÅÉêßãáÅ~IíÉêêKSñOM éêμñK~ç Åçä¨ÖáçIéçëíç ÇÉ ë~∫ÇÉ É äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìëI~íê•ë Çç ÅÜÉÖ~ ã~áë oAOMãáä cWVOOMJ OMQRL VOQRJPTSP 179384538

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ íçÇ~ Ñçêê~Ç~I ÅÉêK Öê~ÇÉ~Ç~IÖ~êK Oèì~êíçë ëL Oëì∞íÉëIë~ä~IÅçòáåÜ~oATRãáä cWVOQRJPTSPL VPUQJUQMP

179384554

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ èíI

ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêK TñORI éä~åçI åç ~ëÑ~äíçK oAOTãáäK cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385380

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ë~ä~I

èì~êíçIïÅIÅçòáåÜ~I î~ê~ åÇ~ íçÇ~ å~ ÅÉêßãáÅ~I Ñçêê~Ç~ íÉêêÉåç UñOR éä~åç oAQMãáä cWVPMTJMTRR

179385198

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç éêμñK~ç

ã~íÉêá~ä ÇÉ Åçåëíêì´©ç ÖìêÖÉä Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ ë~ä~I èì~êíç ÅçòáåÜ~IïÅIíÉêêÉåç ãÉÇKUñNU oAOOãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJ PTSP

179384549

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç ìã~ Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Åçã ë~ä~I èì~êíç ÅçòáåÜ~I ïÅI éêμñáãç Ç~ éêáåJ Åáé~ä oAORãáä cWVPMTJ MTRR 179385199

CIDADE LESTE/CASTANHEIRA - sÉåÇç

rêÖÉåíÉ Å~ë~ ÅL èíçëI ëäI ÅçòI ïÅI î~ê~åÇ~I Ö~êÖK ÅçÄÉêJ í~I èìáåí~äI íÉêêÉåç UñOR oAQOjáä cëWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT 179385404

COL.STO ANTÔNIO/TERRA NOVA - Å~ë~

ÅLOèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêK ÅÉêßãI ÇÉëçÅìé~Ç~ oAPRjáä cWVNMUJUOPULVNOUJPSSP 179385673

COM. MUNDO NOVO - îÇç Åë ÇÉ

~äî ÅL N ëíÉ ëä Åçò ïÅ ä~à Ö~ê é´ ãìê Öê~ÇK UMãáä ~Åí Å~ê EJF îäê åç åÉÖK VNTRJ UTPP

379384864

COMPRAMOS,VENDEMOS,ALUGA MOS - åÉÖçÅá~ãçë íÇçë çë íá éçë

ÇÉ NÅ∑ãçÇç ÅLïÅ Ä~äÇ~ ãÉ íçÇç ÅçåëíêìáÇç ÇáîáÇáÇçI íÉêêK UñOM éä~åç éêμñK~ éêáåÅ áé~ä oAORãáä cWVPMTJMTRR

179385033

GRANDE VITÓRIA- GILBERTO MES TRINHO - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~

Oèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~IïÅ íÉêêÉåç ãÉÇKUñOR oAPUãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV

179385776

GUSTAVO NASCIMENTO - såÇç Å~ë~

ÅLèí ëä Åçò ïÅ oAOPjfiIçìíê~ ÅLOèíë ëä Åçò ïÅ åç åçî~ bëéÉê~å´~ oANOMjfi cWVQOQJRUMTLUNNSJVMOM 379384946

JAPIIM - îÇç çì íêçÅç Å~ë~ ÅL

éçåíç ÅçãÉêÅK ÇÉ P éáëçë ãÉÇK RñNT ^sK qÉѨK k~ç Ñáå~åÅK oA NRMjáä cWVPSMJ PVQOLVNSOJSNNP

379385041

JG. TEIX. 1ª ETAPA - îÇç Å~ë~ ÅL

P ëìáíÉë ëä~ Åçò ïÅ Ñçê ÅÉê Öê~Ç é´ç ~êí K íÉêêÉåç NOñPM íÇç ãìê~Çç éñ ~ç cìñáÅç oAUMãáäK cWVQQMJOQQNL VOOQJNPRT

379384991

JOÃO PAULO - îÇç éí ÅçãÉêÅáJ

~ä ãÉÇKPñR å~ ä~àÉ ORãáä ^î éêáåÅLÉã ÑêÉåíÉ ~ éçìë~J Ç~K ~Åí Å~êLíêçÅ~ VQPMJ STNM

379385065

JOÃO PAULO- JORGE TEIXEIRA - îÉåÇç

G. VITORIA - îÇç Å~ë~ ÅL ëä~ èíç

JORGETEIXEIRA- îÇçLíêçÅçOÅ~ë~ë

179385767

ïÅ qÉêêWUñOR éñK ~ç q oAORKjfi cWVQQMJOQQNL VOOQJNPRT

379384992

Å~ë~ ÇÉ ~äJ îÉå~êá~ ÅL ëä~ èíç ïÅ qÉ ê ê W U ñ O R o A O U K j f i cWVQQMJOQQNLVOOQJNPRT

G. VITORIA - îÇç

379384993

GRANDE VITÓRIA - _ç~ `~ë~ ÇÉ

~äîK NèíI ëäI ÅçòI å~ ÅÉJ êßãI äáåÇç íÉêêK ãÉÇK UñOUI éñK ¶ äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìëK oAOUKRMMK cWVNPSJPMQP 179385038

GRANDE VITÓRIA - Å~ë~ ÇÉ O éáJ

ëçë ÅL èíçI ëäI ÅçòI Ñ~äí~åJ Çç ~Å~ÄI íÉêêK RñNTI å~ äáJ åÜ~ ÇÉ ∑åáÄìëK oAORãáä cWVOSNJUVPV 179385486

GRANDE VITÓRIA - Å~ë~ Çç éêçJ

àÉíç ÅL èíçI ëäI ÅçòI å~ ÅÉJ êßãI ÑçêêI íÉêêK NMñORI éä~J åçK oAPOãáä cWVOSNJUVPV 179385488

GRANDE VITÓRIA - Å~ë~ èíI ëäI ÅçòI

ïÅK H ÅçåëíêK ~íê•ëI μíáãç íÉêêK UñOR ÅL ÑêìíÉáê~ëK oAORãáäK cWVNPSJPMQPK 179385007

GRANDE VITÓRIA - Åë Nèí ëä Åçò

ïÅ íÉêêKUñPM éä~åçK mçê íê~ë Çç _~ê~í©ç Ç~ `~êåÉK oAPNãáä cWVPNNJ RNQR 379385176

GRANDE VITÓRIA - mêçñK ~ç _~J

ê~í©ç Ç~ `~êåÉ îÇç Å~ë~ ÅL OèíçëI ëä~I ÅçòI Ö~ê~J ÖÉãI Ñçêê~Ç~ oASRjfi VQNRJNOSTLVOOQJNPRT

379384984

GRANDE VITÓRIA - îÇç Å~ë~ NèíçI

ëäI Åçò ÅL é´ ~êíëK É N ã~J åì~ä säê ~ ÅçãÄK jçíáîç îá~ÖÉã cWVOQVJMOPO 379384754

GRANDE VITORIA - îÉåÇÉJëÉ Å~ë~

Nèíç ë~ä~ Åçò ïÅ qÉêêWUñOR oAORjáä cWVQNRJNOSTL VOOQJNPRT

379384987

COMPRO SUA CASA Á VISTA - äáåÇ~

179385756

179385441

íÉêêÉåç UñOR ÅL N Å∑ãçÇç ãÉÇK SñS íÇç ~äîÉå~êá~ oANRjáä cWVNPSJPMQP

å~êá~ Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòK ïÅIíÉêêÉåç UñPM oAPUãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV éêμñáãç Ç~ éêáåÅáé~ä

FAZENDINHA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉJ

ÇÉ áãμîÉáë Ñ~òÉãçë ~î~J äá~´πÉëIÅ~ë~ëI ~é~êí~ ãÉåíçëI Ö~äé©çIíÉêêÉåçëI ë∞íáçë É ÉíÅK cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV Å~ë~ ~ç ä~Çç Ç~ åçî~ Åá Ç~ÇÉ ë~ä~Ièì~êíçIÅçòK ïÅI ÑçêêK ÅÉêK ã~ëë~ ÅçêêáÇ~I ãìêK oAPTãáä cWVNRSJPNQVL POOPJOSNR

179385146

Å~ë~ ÇÉ ~äîÉåK Pèì~êíçëI ë~ä~ ÅçòáåÜ~IïÅ ÅÉêßãáÅ~I Öê~ÇK íÉêêKUñOR éä~åç ãìê~Ç~I Ö~êK ÅLí∞íìäç ÇÉÑáåáíK éêμñáãç ~ ÇÉäÉJ Ö~Åá~ oATRãáä cWVOOMJ OMQRL VOQRJPTSP

GRANDE VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

179385095

GRANDE VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~ é~êíáê ÇÉ oAPRãáä • îá ëí~ çì é~êÅÉä~Çç cWVNRSJ PNQVL POOPJOSNR

~äîÉå~êá~ Nèì~êíçI ë~ä~I ÅçòK ïÅI•êÉ~ ÇÉ ëÉêîK î~ê~åÇ~ oAOPãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV

179385097

42

Nèì~êíçIë~ä~IÅçòáåÜ~IïÅ íÉêêÉåç ãÉÇKUñOR oAONãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV éêμñKÇ~ éêáå Åáé~ä

GRANDE VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòK ïÅIíÉêêÉåç UñOR oAOUãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV

179385786

179384539

ìã~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ ÅLä~àÉ ÅL âáíáåÉíÉ Éã Ä~áñçIÅ~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ Oéáëçë ãÉÇKQñQ íÉêêK ãÉÇKUñORI Ö~êKÅçÄÉêí~ éêμñK áí~∫Ä~ oAPUãáä cWVVUPJ NMQN VPNMJMURV

179384541

JORGE TEIXEIRA 1ª ET - ~äìÖç háí

Åçã ë~ä~I èì~êíçI ÅçòI ïÅI Ñçêê~Ç~ oAPMMIMM ÅL •Öì~ É äìò áåÅäìëç VQNRJNOSTL VOOQJNPRT 379384982

JORGE TEIXEIRA 1ª ET - éñ ~ç cìñáÅç

îÇ Å~ë~ ÅL O èíë ëä Åçò ïÅ å~ ÅÉê Ñçêê Öê~Ç î~äçê oARRãáä cWVQQMJOQQNLVOOQJNPRT 379384979

JORGE TEIXEIRA 1ª ET - mñK ~ fí~∫Ä~

îÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ ÅL ëä~ Oèíçë Åçò ïÅ ÅÉê ãìê~Ç qÉ ê ê W U ñ O R o A O R j f i cWVQQMJOQQNLVOOQJNPRT 379384998

JORGE TEIXEIRA 1ª ET - mñK ~ fí~∫Ä~

îÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ ÅL ëä~ Pèíçë Åçò ïÅ íÇ~ Ñçêê~Ç åç ÖÉëëç ä~àÉ qÉêêWUñOR oARR jfi cWVQQMJOQQNLVOOQJ NPRT 379384997

JORGE TEIXEIRA 1ª ET - îÇç Å~ë~

ÇÉ Oéáëçë N⁄m Pèíçë ë~ä~ Åçò ïÅ Ñçêê~Ç ãìê~Ç qáíìJ äç aÉÑK oAURjfi éñK ~ mê~ÅáåÜ~ cWVQQMJOQQNL VOOQJNPRT

379385635

JORGE TEIXEIRA 1ª ETAPA - éêμ ñáãç

~ ÑÉáê~ Çç ÑìñáÅç îÉåÇç Å~ë~ Éëíáäç ~é~êí~ãÉåíç ÇÉ ~äJ îÉå~êá~ Oèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK ïÅ oAPRãáä cWVOQRJPTSPL VPUQJUQMP

179384552

JORGE TEIXEIRA 1ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëI ë~ä~ ÅçòáåÜ~IïÅIíÉêêÉåç ãÉÇKUñOM oAOTãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV å~ éáëí~

179385151

JORGE TEIXEIRA 1ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ íÇ~ å~ ÅÉêß ãáÅ~ ÇÉ Éëèìáå~ Oèì~êíçëI ë~ä~ ÅçòáåÜ~IïÅIíÉêêKUñOM oARRãáä cWVOQRJPTSPL VPUQJUQMP

179384553

JORGE TEIXEIRA 1ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ãáëí~ Nèì~êíçëI ë~ä~I Åç òáåÜ~ ïÅI íÉêêÉåç ãÉÇKUñOR éä~åç oANUãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV å~ éáëí~

179385154


3 43

Domingo, deagosto agostode de22013 Domingo, 25 de 013 Diário do Amazonas | visite D24am.com MANOA COLÔNIA SANTO ANTÔNIO -

1 QUARTO

à~Å~ê~åÇ• îÉåÇç íÉêêÉåç ãÉÇ UñOR éä~åçI éêμñáãç ~ ~îK áí~∫Ä~ oAOMãáä cWVOOMJ OMQRL VOQRJPTSP

îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ PèíëIëäIÅçòK ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK î~ê~åÇ~ HOâáíáåÉíÉë ÅL NÅçãJ é~êíáãÉåíçIïÅI íÉêêKUñOR oARRãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV

JORGE TEIXEIRA 2ª ETAPA - îÇç Å~ë~

MONTE DAS OLIVEIRAS - Å~ë~ ÇÉ

JORGE TEIXEIRA 2ª ETAPA - å~ êì~

179385177

ãáëí~ Qèì~êíçëIë~ä~IÅçò áåÜ~ OïÅÛëIé•íáçIíÉêêÉåç ãÉÇKUñOM oAQRãáä éêμñáãç ÇÉ äáå Ü~ë ∑åáÄìë É äçí~´©ç cWVOQR PTSP VPUQJUQMP

179384556

JORGE TEIXEIRA 2ª ETAPA - îÉåJ

179385772

ã~ÇÉáê~ ë~ä~Ièì~êíçI ÅçòKïÅ íÉêêKNMñQM éä~åçI éêμñáãç ~ Å~ëáåÜ~ ÇÉ ë~∫ÇÉ oAPRãáä cWVNNUJMNTPL UNQNJ VTURL VQTTJPSTO

179385352

MONTE DAS OLIVEIRAS - îÇç Åë~

Çç íÉêêÉåç ãÉÇáåÇç NOñNQ Åçã éç´ç ~êíÉëá~åç oASãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV EÄÉÅçF éêμñáãç ~ áí~∫Ä~

ÅL NèíçI ë~ä~I ÅçòIïÅIÅÉJ êßãáÅ~ ãÉÇ UuOMK oA OSKRMMKcWVNNOJNVNSL VPTNJQNSUK

JORGE TEIXEIRA 2ª ETAPA JOÃO PAULO - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ éáëç

MONTE DAS OLIVEIRAS - îÉåÇç ìã~

179385094

ÇÉ ~äîÉå~êá~ ë~ä~Ièì~êíçI ÅçòáåÜ~IïÅI íÉêêKNMñOR ÅL •Öì~ É ÉåÉêÖá~ Éä¨íêK lÄëWÉëJ Å~Ç~IéêμñK~ äçí~´πÉë oANPãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJPTSP

179384532

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - îÇç QâáíáJ

åÉíÉë íçÇçë ~äìÖ~Ççë ÅL OÅ∑J ãçÇçë HïÅI íÉêêKUñOR éä~åç êÉåÇ~ãÉåë~äoANKMMMîÉåÇç oAQSãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJ PTSP

179384547

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅI íÉêêÉåç ãÉÇK UñOM éä~åç oAOUãáä cWVNNUJ PQMUL VNNMJTVMV å~ éáëí~

179385153

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Pèì~êíçëI ë~ä~ ÅçòáåÜ~IïÅIÅÉêßãáÅ~IÑçêê~Ç~ HNâáíáåÉíÉ oAOTãáä cWVNNUJ PQMUL VNNMJTVMV éêμñáãç ~ ÑÉáê~ åçî~ äìò

179385148

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Pèì~êíçëI ë~ä~ ÅçòáåÜ~IïÅIÅÉêßãáÅ~IÑçêê~Ç~ HNâáíáåÉíÉ oAOTãáä cWVPNOJ SVPN éμñáãç ~ ÑÉáê~ åçî~ äìò

179385589

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ ëL Nëì∞íÉI ëä~ ÅçòáåÜ~IÖê~ÇÉ~Ç~I éç´ç ~êíëK íÉêêKVñOQ é~êÅá~äãÉåíÉ å~ ÅÉêßãáÅ~ oAPRãáä cWVOQRJ PTSPL VPUQJUQMP

179384555

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉ ã~ÇÉáê~ NÅ∑ãçÇç ÅL ïÅ íÉêêÉåç ãÉÇKUñOO oANQãáä cWVPMTJMTRR

179385215

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - îÇç Å~ë~

ÇÉëçÅìé~Ç~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ RñS ÅLïÅI éáëç ÇÉ ~äîÉå~êá~I íÉêêK ãÉÇKTñOO oANSKRMM cWVOOMJ OMQRL VOQRJPTSP

179384546

JORGE TEXEIRA - îÇç ìã~ Å~J

ë~ ÅL íÉê NMñSR ÇçÅK çâ oA Q M j á ä É ç ì í ê ~ å ç pí ç ^ÖçëíáåÜç oA RRjáä cWVQPMJNSRQ 379384559

MANACAPURU - Å~ë~ ÇÉ ~äîK ÅL

ëíI ëäI ÅçòI ÅçêêÉÇçêI íÇç ÑçêêI ÅÉêßãI Öê~ÇI Ö~êI íÉêêK NMñOMK oì~ féáñìå~ p©ç gçë¨I éñK ~ç bëí•ÇáçK oAPUãáäK cWVNPSJPMQP 179385022

179385564

Å~ë~K ëäI èíI ÅçòI ïÅI å~ ÅÉê~ãI oAPUãáä É çìíê~ OUãáä cWVQNRJNOSTLVOOQJNPRT 379384986

MONTE DAS OLIVEIRAS:”30 MIL” -

sÉåÇç áãμîÉä ÇÉ ~äîÉå~J êá~ Åçã MO Å∑ãçÇçëI ïÅ å~ ÅÉêßãáÅ~I ãìê~Ç~K î~äçê åÉÖçÅá•îÉäKcWVNPTJPPMNL UNMOJPPTU 179385854

MONTE SIÃO - îÉåÇç Åë ÅL N èíçI

ëäI ÅçòI ïÅI ÅÉêßãI íÉêêK UñRM éä~åç oARRjáä cWVNQPJ NSRULVNQVJRVRV 179385538

N. CIDADE/CJ J. PAULO - Åë~

ÅL NèíçI ë~ä~IÅçòI ïÅK oAOTãáä cWVNNOJNVNSLVPTNJQNSUK 179385558

N. VITÓRIA - Åë ÅL N Åçãé~êíK ïÅ

ÅÉê ÉãÄì´~Ç~ éáåí~Ç~ ~ëÑ •Öì~ äìò íÉêêKUñOM éä~áåçK mñW Ä~ê~í©ç Ç~ Å~êåÉ oANNKRMM cWVQTTJ RMTN

379385026

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA - Å~ ë~

ÇÉã~ÇÉáê~ÅLïÅIíÉêêÉåçãÉÇK UñOM çÄëW íÉêêÉåç å©ç ¨ éä~åç éêμñáãç ~ ~îÉåáÇ~ éêáåÅ áé~ä oANRãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJ PTSP

179384544

NOVA CIDADE - îÉåÇç Å~ë~ ëä~

èì~êíçIÅçòáåÜ~I å~ ÅÉêß ãáÅ~ ãìê~Ç~I Ñçêê~Ç~ oAQRãáä cWVONNJNRSSL VOMPJPPVO

179385907

NOVA CIDADE / PX DO DB - nìáí~J

Ç~ Éã ÉñÅÉäÉåíÉ äçÅ~äK `~ë~ ÅL ëäI èíçI ÅçòI ïÅI ÅÉêßãI èìáåí~äI ãìêI Öê~ÇI ÑçêêI Ö~ê~ÖÉã oARRjáä cWVNVTJ MONN

179376311

NOVA CIDADE PX. AO DB - Å~ë~ ÅL

PèíëI ëäI ÅçòI ïÅI å~ ÅÉJ êßãI èìáí~Ç~K oAUVãáä cWVNOUJPSSPLVORUJOOSTL VNMUJUOPUL UNNRJRSQML POOPJ NQOO

179385709

NOVA CIDADE- RAIO DO SOL - îÇç Å~ë~

ë~ä~Ièì~êíçIÅçòáåÜ~IïÅI ÑçêêK ÅÉêßãáÅ~IÖê~ÇÉ~Ç~I íÉêêKãÉÇK TñOR oAPOãáä ÇÉëçÅìé ~Ç~ cWVNNUJMNTPL UNQNJVTURL VQTTJPSTO

179385333

NOVA CIDADE/CONJ. JOÃO PAULO - Äç~

Å~ë~ Çç ÅçåàK èìáí~Ç~ ÅL èíI ëäI ÅçòI å~ ÅÉêßãI ÑçêêI íÉêêK UñOR H íÉêê~ë ÇÉîçäìí~ëK oAPSãáä cWVQRPJQUTUL VNPSJPMQP 179385008

NOVA CIDADE: “50 MIL” - fãμîÉä Åçã

MN èì~êíçI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅI ÅÉêßãáÅ~ É Ñçêê~Ç~I Éëé~J ´ç éL Ö~ê~ÖÉãI ãìê~J Ç~KcW VNPTJPPMN L UNMOJ PPTU

179385881

NOVA CONQUISTA - îÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîK îäçê ~ ÅçãÄK H N íÉêJ êÉåç NOñPM å~ Éëíê~Ç~ Ç~ sáîÉåÇ~ sÉêÇÉ îäçê oAPMjfi cWVOROJNNRPLUNSMJNVNR 379385121

NOVA FLORESTA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ å~ ~îÉåáÇ~ éêáåÅáé~ä Nèì~êíçI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅ oAPMãáä cWVOQRJPTSPL VPUQJ UQMP

179384551

NOVA VITÓRIA - • OMMjíë Çç qÉêãK

å∫ÅäÉç OP îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ Qèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòK ÅÉêßãáÅ~IÑçêêKÖê~ÇK HÉë é~´ç éLÖ~êK oASMãáä ^ÅKéêçë ~ãáã cWVOOMJOMQRL VOQRJPTSP

Ççë ∑åáÄìëI Å~ë~ ÅL NèíçI ëäI ÅçòIïÅIÖê~ÇIqÉêêWVñOR éä~åç ãìê~ÇI é•íáç íÇç ~ÅáãÉåíK qáíKaÉÑK oAQRjáä cWVNQQJNQPQLUOONJRNSM ^ÅÉáíK éêçéK

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA - éêμñK~ç

NOVA VITORIA - mñK Åçä¨Öáç ÇÉ

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA - éêμñK~ç

179385175

å∫ÅäÉç OP îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ ãÉÇKRñT ÅLïÅ íÉêêK ãÉÇKRñOR oAOPãáä cWVOOMJ OMQRL VOQRJPTSP

179384530

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA - îÉåJ

Çç Å~ë~ ÇÉ ~äîK OèíëIëäIÅçòKïÅ ÉëJ é~´ç é~ê~ Ö~ê~ÖÉã PÅêëI íÉêêKUñOM éä~åçIéêμñKäáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìë oAQRãáä cWVOOMJ OMQRL VOQRJPTSP

379384938

qÉãéç fåíÉÖê~ä îÉåÇç Å~J ë~ ÇÉ ~äîK ÅL ëä~I èíçI ÅçòI ïÅI ÅÉêI Öê~ÇI íÉêêWUñOR éä~åç é~êÅK ãìê~Ç oAPR jáä cWVOPRJRSUPL UNRSJQRVR

379385544

NOVA VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

NOVA VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

ã~ÇÉáê~ ÅLéáëç ÇÉ ~äîÉåK ëä~ èì~êíç Åçò ïÅ qÉêêWUñOP oAOMjáä cWVOPRJRSUPL UNRSJQRVR

PARQUE SÃO PEDRO - îÇç íÉêêÉJ

åç ÅLÅ~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ ãÉÇK TñON å~ Éåíê~Ç~ Çç Ä~áêêç ÄÉã äçÅ~äáò~ÇçIíçÇç ãìê ~Çç oAOTãáä cWVOQPJQTQM

379385601

179385231

NOVA VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ èíI

PQ. DAS LARANJEIRAS - îÇç Å~J

ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêK TñOR éä~J åçI åç ~ëÑ~äíçK oAPPãáäK cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385324

NOVO ALEIXO - îÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîK

íÉêêK NOñOU ÅL èí É ÅçòI êì~ ëL ~ÅëçK éL Å~êêçK ANPKRMMKjçíK îá~ÖÉJ ãcWVOORJRQUTLUNVQJ QOUQK 179385643

NOVO ISRAEL - îÉåÇç N Å~ë~ ÇÉ

~äî ÅLNèíIëäIÅçòI ïÅI É Ö~J ê~ÖK bã ìã äáåÇç íÉêê éä~J åç jÉÇ NQñSM oAROãáä cWVNSNJSVMMLVVTQJPTQP

379385541

NV ALIANÇA - mñW cêŸ jÉåÇÉëK

îÇç Åë Nèí ëä Åçò íÇ ãìêK íKUñOO oAOVKRMM cWVOPVJ SMUNLVOPVJSMVOLPPQPJ VPMM

379384901

NV CIDADE - ëä èíç Åçò ïÅ ÅÉê

Ñçêê ãìê Öê~Ç Ö~ê oAQRKRMM cWVNNOJNVNSLVPTNJ QNSU

179385551

NV CIDADE/CIDADÃO 12 - ëä èíç Åçò

ïÅ ëÉãá ãìêK mñW ^î Ç~ë qçêêÉë oAPRãáä cWVNNOJ NVNSLVPTNJQNSU 179385569

OURO VERDE - sÇç Å~ë~ íáéç ~éíç

ÅL μíK äçÅ~äáòK ÅL èíçI ëäI Åç~K ïÅ ëçÅá~äK íÇ~ å~ ä~àÉ ÅL Éëíêìíìê~ é~ê~ ã~áë O éáJ ëçëK k©ç íÉã Ö~êK oARRãáä cëWVNSOJPPMNL UNMP QNQU 179385968

OURO VERDE - îÉåÇç OÅ~ë~ë åç

ãÉëãç íÉêêÉåç ìã~ ÅLèíç ëLëíÉIëäIÅçé~IÅçòK ÑçêêK ÅÉêK çìíê~ NÅ∑ãçÇç ÅLïÅ å~ ÅÉêK ãìêKÖ~êK oARTKRMM ÄÉã äçÅ~J äáò~Ç~ cWVNNUJMNTPL UNQNJ VTURL VOTSJQUMP 179385382

OURO VERDE - îÉåÇç Å~ë~ å~ ä~àÉ

Åçã •êÉ~ Åçåëíêì∞Ç~ èì~êíç ëLNëì∞íÉI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅ oARTãáä cWVNNUJMNTPL VOTSJ QUMPL UNQNJVTURL VONNJ NRSS

179385348

OURO VERDE, PX. AO SESI - îÉåJ

Çç Å~ë~ ÅL ëäI èíI ÅçòI ïÅI Ö~êK oAPUãáä ^ÅK éêçéçëJ í~ cëWUNVTJRUUQLVNSNJ OQNT

179385411

PARK SUITES – P. NEGRA - N èíçI

NîÖ Ö~êI èì~Çê~I éáëÅáå~I •êÉ~ éêáî~íáî~I ~êã•êáçë åçë èì~êíç É ÅçòI Åçã POãOI åç éççäI íçÇç ãçÄáäá~ÇçK oA NUM jáäK PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

ë~ ëä~ èíç Åçò ïÅ íÉêêWNTñPO éä~åç oANRMjfi cWVNQTJ OSVV

379385509

PQ. DAS NAÇÕES - cäçêÉë sÉåJ

Çç Å~ë~ NëìáíÉ ëä ~ãéä~ ë~äÉí~ ÅçòK H éçåíç ÅçãÉêÅá~ä Ü~ää ÇÉ Éåíê~Ç~ éç´ç ëáëíÉã~ Éä¨íêçåáÅç ÉñÅÉäÉåíÉ éL ÅäáåáÅ~ë ÉëÅêáíμêáç çì ãçJ ê~Çá~ cWUQMVJPVPOLVNPVJ TMNO

379383870

QUER VENDER SEU IMÓVEL - ÅçãJ

éêçIîÉåÇçI~Çãáåáëíêç ëÉìë áãμîÉáë Éã î•êáçë äçÅ~áë Å~ë~ëI~é~êí~ãÉåíçëIëáíáJ çë cWVNNUJMNTPL UNQNJ VTURL VQTTJPSTO

179385369

RAIO DO SOL - îÉåÇç Å~ë~ NëíÉ

ë~ä~ ~ãéä~IÅçòáåÜ~ Héíç Åãä ãìê~Ç~I éçêí©ç ÇÉ ~äìã ∞åáç oARMãáä cWVOOSJRMRUL VNNNJ TVQRL UORQJOTQU

179385649

REDENÇÃO - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉJ

å~êá~ Nèì~êíçIë~ä~IÅçòá åÜ~ ïÅI íÉêêÉåç UñOM oAPMãáä cWVPOUJMMVML VNSUJSMUR éêμñáãç ~ áÖêÉà~ ë~åí~å~

179385156

RIACHO DOCE - îÇç íÉêêKRñOM ÅL

O Åë ãáëí~ë ÅL èí ëä Åçò ïÅK oAOUãáä ~Åí éêçéçëí~ cWVQOTJ MPQV 379384070

RIACHO DOCE 3 - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK ïÅIÅÉêßãáÅ~IíÉêêKNMñOR éä~åç ãìê~ÇçI éç´ç ~êíÉëK ÅLí∞ íìäç ÇÉÑáåK oATOãáä cWVOOMJ OMQRL VOQRJPTSP 179384542

RIO PIORINI - Å~ë~ ÅL Nèí ëä Åçò

ãÉÇKNMñOR é´ ~êí ÇÉëçJ ÅìéK oAOOãáä mñW ^ p~ääÉK cçåÉW VOQNJSRVN

379385440

RIO PIORINI - îÉåÇç Å~ë~ å~ ä~àÉ

ë~ä~Ièì~êíçI ÅçòáåÜ~I ïÅ íÉêêK SIRñNQ oAOUKTMM ÄÉã äçJ Å~äáò~Ç~I éêμñáãç ~ éêáå Åáé~ä cWVNNUJMNTPL UNQNJVTUR

179385343

SANTA ETELVINA - Å~ë~

ÇÉ ~äJ îÉå~êá~I íÉêê NOñOM oANRãáä cWVNNOJNVNSLVPTNJQNSU 179385535

SÃO JOSÉ 2 - îÇç Å~ë~ ÅL N ëíÉ

ëä ÇÉ Éëí~ê ëä ÇÉ à~åí~ Åçò ïÅ ~ê ÇÉ ëÉêîK íÇ Öê~ÇÉ~J Ç~ îä QMãáäK cWVONOJTPTQ

SÃO JOSÉ II - éêμñáãç ~ç Ä~åJ

Åç Äê~ÇÉëÅç îÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK ïÅIíÉêêKãÉÇKRñOR oARRãáä cWVOQRJPTSPL VPUQJUQMP

2 QUARTOS

179384557

SÃO JOSÉ II - îÉåÇç OÅ~ë~ë åç

ãÉëãç íÉêêÉåç Å~Ç~ Åçã Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅ •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´ç oAURãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV

179385781

SÃO JOSÉ II - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉJ

å~êá~ ~íê•ë Çç Äê~ÇÉëÅç Åçã èíçIëä~IÅçòáåÜ~IïÅ oANSKRMM ~ÅÉëëç ëçãÉåíÉ é~ê~ ãçíçë cWVOOMJOMQRL VOQRJPTSP

179384545

SÃO JOSÉ II - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ã~ÇK

Éã ÅçåÇK ÇÉ ãçê~ê ÅçåëíK Éã N íÉêêK éä~åç ãÉÇK TñNPK oAPRãáäK cWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT

179385341

SÃO JOSÉ III - îÇç Å~ë~ Oèíçë

Åçò ~ãÉêK Ñçêê~Ç~ ïÅ ÅÉJ êßãK qÉêêÉåç éä~åç ãìê~J Çç Ö~ê~ÖÉã Pî~Ö~ë oASRjfi cWVOPRJRSUPL UNRSJQRVR

379385613

SÃO JOSÉ III - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉJ

å~êá~ Oèì~êíçëIïÅIÅÉêß ãáÅ~ Ñçêê~Ç~IÅçòáåÜ~ Éëíáäç ~ãÉêáJ Å~å~I Ö~êKéL OÅ~êêçë íÉêêKUñOM ãìê~Ç~I ÇÉëçÅìéK oARUãáä cWVOOMJOMQRL VOQRJPTSP 179385171

STª ETELVINA - îÇç O Å~ë~ë Éã

Åçåëíêì´©ç åç ãÉëãç íÉêêÉåçNMñPM μíáãç éL âáJ íáåÉíÉë çì éíK ÅçãÉêÅá~ä ÅL êÉëáÇÆåÅá~ oAQM jáä cWVQNSJSVRQLVQQRJTQUT 379384126

TANCREDO NEVES - îÉåÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Nèì~êíçIëä~ ÅçòK ïÅIãìê~ÇçIíÉêêÉåç ãÉÇKUñNR oARRãáä cWVPOUJMMVML VNSUJ SMUR éêμñK~ Öê~åÇÉ Åá êÅìä~ê

179385128

AGNOSDEY-SANTA ETELVINA - îÇç

Å~ë~äáåÇ~éêçåí~Oèíëëä~IÅçòI ïÅIÖ~êKÅÄêíK •êKëÉêîK íÇ~ ÅÉêK ÑçêêKÖê~ÇK ãìê~Ç~ Héçåíç ÅçãÉêÅá~ä oASOãáä cWVNNNJ TVQRL VOOSJRMRULUORQJ OTQU 179385708

ALEIXO - éêçñ ~ç ^í~ÅâI îÇç ÉñÅ

Å~ë~I ÅL Ö~ê éL P Å~êI éáëÅI ëä ~ãéä~I ëì∞íÉI ÅçòI ~ê ëÉêîK oANPMjáä cWUNTVJTVNR L VPVMJVTMR

379385353

ALF. NASCIMENTO - éñK ~ç _áëJ

íÉÅ©ç Å~ë~ ÅLOèíçë ëÇç N ëíÉIëä~I ÅçòI ïÅIëçÅá~ä Ö~J ê~Ö ÅL éçêí ÇÉ ~äìã ÉëíêK éL ä~àÉ íÉêêWUñOR oARR ãáä cWVNQQJNQPQLUOONJRNSM 379384937

ALFREDO NASC. - îÇç O Åë~ë åç

ãÉëãç íÉêêI íÇ~ ãìê ÅL éçêí©ç ÉäÉíK ëÉåÇç ~ë Çì~ë íÇ~ ÇÉ ~äîK oA SR ãáäK cW VOQU TTOS

179384100

ALUGA-SE - Å~ë~ ãÉÇá RñNS Äç~

äçÅ~äáòI ÅL ~Öì~Läìò áåÅäìJ ëçK `K kÉêó oA VMM cUNSSJNNMVLVQRMJORQR

TANCREDO NEVES - îÉåÇç Å~ë~

ÇÉ ~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅI íÉêêÉåç ãÉÇK UñOM oAPRãáä cWVPOUJ MMVML VNSUJSMUR å~ éáëí~

179385159

TERRA NOVA II - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

Pèì~êíçë ë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅ Öê~ÇÉ~Ç~IÑçêê~Ç~Iãìê~Ç~ Ö~ê~ÖÉã oAURãáä cWVNNUJ MNTPLUNQNJVTURLVQTTJPSTO

179385371

VALPARAISO - îÉåÇÉJëÉ Å~ë~ ÇÉ

~äîÉå~êá~ Pèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòK ïÅIå~ ÅÉêßãáÅ~IÑçêê~Ç~I Öê~ÇK ãìê~Ç~I íÉêêKNOñQM oAPSãáä VNNUJPQMULVNNMJTVMV éêμñK ~ç íÉêãáå~ä ÇÉ ∑åáÄìë

379383796

ALVORADA 2 - sÇç Å~ë~ Åçã O

èíçëI ëäI ÅçòK é~íáç oAVRãáä mêçåí~ éL ãçê~ê cWUUOUJ QOSQL VPNNJPVQQ 179384923

ALVORADA 3 - îÉåÇç N Å~ë~ ÇÉ

~äî ÅL ëä Åçò O èíë å~ ÅÉê ~ê ÇÉ ëÉêî é•íáç É éçåíç ÅçJ ãÉêÅá~ä îä oA QMãáäK cWVNSNJSVMMLVVTQJPTQP

379385492

ALVORADA II - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

Oèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~IïÅ íçÇ~ Ñçêê~Ç~I å~ ÅÉêßãáÅ~ oATRãáä cWUUOUJQOSQL VPNNJ PVQQ

179384924

379384416

179385130

VALPARAISO - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉJ

ãçÇç ãÉÇWRñQ íÉêW UñOM î~äçê oANOãáä aáëíêáíç fåÇìëíêáJ ~äK cW VONSJMQMTLVPOQJ NPPN

Å~ë~ ÇÉ ~äJ îÉå•êá~ ÅLNèíçI ëä~I ÅçòIïÅI qÉêêWVñNR oAORãáä éêçñK _ê~ÇÉëÅç cW VONSJMQMTL UORSJNRUS

~äîÉå~êá~ Nèì~êíçIÅçòáåÜ~ ïÅIíÉêêÉåç UñOM oAOMãáä cWVNNUJPQMULVNNMJTVMV Åçã íáíìäç ÇÉÑáåáíáîç å~ éáëí~

PARQUE SAO PEDRO - Å~ë~ èí ëä

SÃO JOSÉ 3 - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîK

VILA AMAZONAS/ADRIANÓPOLIS - mêμñK

179385720

179385141

êá~ë Å~ë~ë ÇÉ OLP èíçë oAQRãáäI oARMãáä oATRãáä É NQMjáä ÇçÅ çâK ^ÅKÑáåK VNQRJQQQPLVQMUJTPQP

NOVA CIDADE - îÇç Å~ë~ ëäI èíç

NOVA VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

379384884

179385107

179384260

PARQUE SÃO PEDRO - îÇç Å~ë~ å~

SÃO JOSÉ I - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîÉJ

ZUMBI - îÉåÇç Å~ë~ ~äîÉå~ êá~

AMÉRICA DO SUL (N ISRAEL) - îÉåJ

179385228

179385100

179385793

~äîÉå~êá~ Nèì~êíçIÅçòáåÜ~ ïÅI íÉêêÉåç UñOM oAOMãáä cWVPNOJUVPN Åçã íáíìäç ÇÉÑáJ åáíáîçJ å~ éáëí~

PARQUE MAUÁ - îÇç Åçã N Å∑J

ÇÉ Éëèìáå~ Pèíë ëLNëì∞íÉ ÅÉêK Öê~ÇÉ~Ç~I ãìê~Ç~I î~ê ~åÇ~I éçêí©ç ~äìãK Éåíê~Ö~ èìá í~Ç~ oANNMãáä cWVNNNJTVQRL VOOS RMRUL UORQJOTQU

NOVA VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

379385822

179384540

NOVA CIDADE - Å~ë~ ÇÉ Oéáëçë

ÅçòáåÜ~IïÅIÑçêê~Ç~I å~ ÅÉêK Öê~ÇK ãìê~Ç~ oAQRãáä ÄÉã äçÅ~äáòK éêμñK~ ëìéÉêãÉê Å~Çç åçî~ ÅáÇ~ÇÉ cWVNNUJ MNTPL UNQNJVTUR

179385402

179385594

ã~ÇÉáê~ ÅLéáëç ÇÉ ~äîÉå ~êá~ Nèì~êíçIÅçòáåÜ~IïÅIíÉêêK UñOR oANRãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV å~ éáëí~ éêμñáãç Åçä¨Öáç áåíÉÖê~ä

179385144

179385260

Åçò íÉêêKUñOM oAPRãáä É çìíê~ ÅLëä Oèíë Åçò ïÅ íÉêêKNPñOM oAQUjfiK cWVOVVJQPUOL VOOUJRNRM Éåíê~Ç~ Çç Ä~áêêç ëÉåÇç ãáëí~ ã~ÇÉáê~ ÅL~äîÉå~êá~I íÉêêKUñON íçÇç ãìê~ÇçI μíáã~ äçÅ~J äáò~´©ç oAPTãáä cWVOQP QTQM

SÃO JOSÉ 2 - îÇç

379385806

Oèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅIå~ ÅÉêßãáÅ~IÑçêê~Ç~IíÉêêÉåç UñOM éä~åç oASOãáä VNNUJ PQMUL VNNMJTVMV å~ éáëí~ å~êá~ Nèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK ïÅ íÉêêÉåç ãÉÇáåÇç UñOM éä~åç oAOTãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJ TVMV éêμñáãç Çç qJR EÄ ÉÅçF

å~êá~ Nèì~êíçIë~ä~IÅçò áåÜ~ íÉêêÉåç ãÉÇK SñQM oAOOãáä cWVNNUJPQMUL VNNMJTVMV å~ éêáåÅáé~ä

179385126

~ç j~å~ì~ê~ pÜçééáåÖK `~ë~ ÅLNèíçI ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêÉåç RñOM oAURjáä cWVNRRJNMON

Oèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅ Ö~ê~ÖÉã éLQÅêëIéçêí©ç ÇÉ ~äìãK oAURãáä cWVNNUJ PQMUL VNNMJTVMV

å~ ä~àÉI ÅÉêßãI Éëé~´ç éL N Å~êêK oAUMãáäK cWVOVUJRTNVL VOMVJMMSS

ALVORADA III - `~ë~

179384985

ALVORADA/REDENÇÃO - îåÇI î•J

379384920

Çç N Å~ë~ ÇÉ ~äî ÅL O èíë Ñçêê å~ ÅÉê ëä Åçò ïÅ é•íáç ÅçJ ÄÉêí Ö~ê é ÅçãÉê íÉê UñPM å~ äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìë îä QMãáäK cWVNSNJSVMMLVVTQJPTQP 379385511


Domingo, 25 de agosto de 2013

Domingo, 25 de agosto de 2013 4 do Amazonas | visite D24am.com Diário

C. NOVA II/ NUCL 15 - îÇç Å~ë~ Oèíë

2 QUARTOS ARMANDO MENDES - OèíçëIë~J

ä~IÅçòáåÜ~IïÅI èìáåí~äIHâáJ íáåÉí O ÅçãçÇçë É ïÅI ÉëJ é~´ç Ö~ê~ÖÉãK s~äçê SMãáäK cWVOPNJPTTSLUOPRJNVRO

179384456

ARMANDO MENDES - sÉåÇÉJëÉ

Å~ë~ ãáëí~ ãÉí~ÇÉ ~äîI ãÉí~ÇÉ ã~ÇÉáê~ H Å~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ åçë ÑìåÇçëI íÉêêKUñORI éñK ¶ îáä~ çä∞ãJ éáÅ~K oAPRãáä cWVNPSJ PMQP

179385023

ARMANDO MENDES - îÉåÇç Å~J

ë~ ÇÉ Oéáëçë N⁄ éáëç O ~éJ íçë ÅLOèíçë ëä~ Åçò ïÅ Å~J Ç~K O⁄ éáëç Oèíçë ëä~ Åçò ïÅ ëíÉ ãìê~Ç Öê~Ç Ö~ê~Ö éL OîÖ~ë Ñçêê~Ç oANOMjfi cWVNQQJNQPQ L UOONJRNSM

379384933

ATENÇÃO!! VENDO VÁRIAS CASAS -

k~ wçå~ kçêíÉ ÇÉ oAOMãáäI oAOQãáäI oAOTãáä oAPMãáäI oAPRãáä oAQMãáä ~í¨ oARMMãáä cWVOPTJQTNTL PPQOJQMQR

179385829

BAIRRO DA PAZ - Å~ë~ Oèì~êíë

ë~ä~IÅçòáåÜ~ ÅçåàìÖ~Ç~I ïÅI íçÇ~ å~ ÅÉêßãáÅ~I ãìêK Ö~êK éLOÅêëIÄÉã äçÅ~äáòK oASMãáä cWVOOSJRMRUL VNNNJTVQRL UORQJOTQU

179385646

BAIRRO DA PAZ - Åë ÅL Oèíë ëä Åçò

ïÅ Ö~ê Ñçêê ÅÉê Öê~Ç ~êÉ~ Ç É ë É ê îK o A T M ã á ä K cWVPSPJRORULVPORJMSVP

379385354

BAIRRO DA PAZ - sÇç Å~ë~ ÅL O

èíçëI ëäI ÅçòK ïÅK •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK oATMãáä UNQVJSRVVL VNOQJUVVQLUUORJUPPVL PSRNJVVSO `J OSUQK

179384439

BAIRRO DA PAZ, PX. À FEIRA - Å~J

ë~ ÅL ÉëíK éL ä~àÉI OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI å~ ÅÉêßãI ÑçêêI ëL Ö~ê~ÖÉã oARRãáä cWVNMUJUOPULUNNRJRSQML VORUJOOST 179385698

BAIRRO DA UNIÃO - O pì∞íÉëI ëäI

ÅçòI •êÉ~ ëÉêîK ãìê~Ç~K säê ~ `çãÄáå~ê cWVPTVJOONM

379384599

BAIRRO FRANCISCA MENDES - îÉåÇç

Å~ë~ ÇÉ Éëèìáå~ Oèì~êíçë ë~ä~IÅçòáåÜ~IíÉêêÉåç ãÉÇK UñOM éä~åç oAPTKRMM cWVNNU JMNTPL UNQNJVTUR

179385391

Å~ë~ ÅL Oèíçë Åçò ~ãÉêKïÅ qÉêêWUñPP éä~åç íÇç ãìê~ÇK ∂íáã~ äçÅ~äáÇ~ÇÉ Ñ~äí~åÇç ~Å~ÄK oAQU jáä cWVOPRJRSUP

C. DE DEUS - îÉåÇç

379385576

C. DE DEUS, CASA NOVA - ãçíK îáJ

~ÖÉãKOèíëI N ëä~I ÅçòIïÅ ëçÅIÖ~ê éLO Å~êêçëIéí©ç ~äìãK oARTIRMMIMMKcWVOORJ RQUTLUNVQJ QOUQK 179385619

C. N-RIACHO DOCE:”67 MIL” - sÉåJ

Çç μíK áãμîÉäI ÅL MO èíëIMN ëì∞íÉIÅÉêßãIÑçêêIÖ~êK ÅçJ ÄÉêí~I ÅLq∞íìäç aÉÑáåáíáîçI éñ ~ç `Éåíêç ÇÉ `çåîáîÆåJ Åá~ Ççë fÇçëçëK kÉÖçÅá•J îÉä>cWVNPTJPPMNLUNMOJ PPTUK

179385873

C. NOVA - ÇìéäÉñ Oèíçë ïÅ Åçò

ëä ÉëÅK Éã Öê~åK Ö~êK Ñáåç ~Å~ÄK oA ONR jáä ~ÅK cdqp É Ñáå~åÅK cWVOQNJSRVN

379385387

C. NOVA - PX. PEIXARIA BOM GOS TO - Å~ë~ ÅLOèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI

ÑçêêI ÅÉêßãI ÇÉëçÅìé~Ç~ oAQUjáä cWVNMUJUOPUL VNOUJPSSP

179385666

C. NOVA FCA MENDES: “50 MIL” -

áãμîÉä ÇÉëçÅìé~ÇçIMO èíë Ñçêê~ÇçëIëä Ñçêê~ÇçI ÅçòKI ïÅII Ö~êI ãìê~Ç~K ~ç ä~Çç Çç `çåàKcW VNPTJPPMN L UNMOJPPTUK

179385887

C. NOVA II - kìÅäÉç P îÇç O ëìáíÉë

ëä~ ÅçòK Ö~êKH ~éíç ÅL ëìáJ íÉ êÉÖáëíêç áãçîÉä oAONR jáä VNVOJ QPMMLVONSJ VROR 379385593

C. NOVA II - kìÅäÉçNR îÇç Åë

Oèíë ëä Åçò ïÅ ãìê èìáí oANRMãáä ¶ îáëí~K VNVOJ QPMMLVONSJ VROR

379385599

ëä Åçò ïÅ Ö~ê~ÖÉã ÅçÄÉêJ í~ P îÖë ãìêK ÑçêêK ÇçÅK éêçåíç éL Ñáå~ÅK oANVMãáä cWVNVOJQPMMLVONSJ VROR

379385606

C.NOVA/RENATO S. PINTO II - OèíëI

OïÅI Öê~ÇK ÅÉêKÑçêêK éáëÅáJ å~ Ö~êKP Å~êêëI èìáíKoANSRãáä cWVOMQJSPUMLVPOOJRRRO

179385174

CAMPOS ELISEOS - N ëíÉI NèíçI ë~ä~

O ~ãÄI ïÅI P îÖÖ~êI Å~ãJ éç ÇÉ ~êÉá~I ÉÇ∞Åìä~I éáëJ Åáå~ É ÅÜìêê~ëèìÉáê~I íÉêJ êÉåç ãÉÇ PMñPMK oA QSM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR 179385250

CASA PRÓX. AV. DAS TORRES - `çåàK

_ç~ë kç~ë oANRMãáäI OëìáíÉëI ÅçòK ~ãéä~I ë~ä~I Ö~ê~ÖÉã éL OÅ~êêçë ÅçJ ÄÉêí~K cWVNMMJRRRMLUNVOJ MVSM

379385200

CASAS NOVAS - ~ éêçåí~ ÉåíêÉJ

Ö~ Oèíë ëä Åçò ïÅ ëçÅ Ñçêê ÅÉê ÄÉã äçÅ~äáòK oAPRãáä cWVNQNJVNPMLVPMQJ OVPT

379385096

CASAS NOVAS/FAZENDINHA/RIO PI ORINI - o~áç ÇÉ pçäK `~ë~ ÅL ëäI OèíëI

ïÅI Åçé~ ÅçòI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI ÑçêêI å~ ÅÉêßãI ïÅK ëçÅI Ö~êK säK ¶ `çãÄK VQOMJOPRQL VPPQJPSQTLUONUJ NURR 179375942

CASAS,TERRENOS,APARTAMENTOS - Ö~äé©ç É ÉíÅK îÉåÇçI Åçãéêç

É ~Çãáåáëíêç ëÉì áãμîÉä Éã î•êá~ë äçÅ~äáÇ~ÇÉë cWVNOTJ PMOQLUONQJSRVOLVOTTJPNRT

179385883

CASTANHEIRA/NOVO REINO - îÉåJ

Çç Å~ë~ ìêÖÉåíÉK OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI å~ ÅÉêßãI ÑçêêK ÇÉ ms`I Ö~êK ÅçÄI íÉêêK UñOR éä~åçI é´ç ~êíÉëK oARRãáäK cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385332

CIDADE DE DEUS - Å~ë~ OèíëI ëäK

éL O ~ãÄI ÅçòI O ïÅÛëI å~ ÅÉêßãI å~ ä~àÉI íÉêêK NTñORI Ö~êKéL P Å~êêK oAQRãáä cWVNQPJNSRULVNQVJRVRV

179385560

CIDADE DE DEUS - Å~ë~ íÇ~ å~ ä~àÉ

ÅL OèíëI ëäI ÅçòI OïÅÛëI å~ ÅÉêßãI íÉêêKNTñORI éñK ~ç íÉêãáå~ä ÇÉ ∑åáÄìëK oAQPãáä ~ÅK mêçéçëí~ cWVNMUJ UOPULUNNRJRSQMLVORUJ OOST 179385684

CIDADE DE DEUS - éêμñKÉëéÉäÜç

ÇÛ~Öì~ å~ éêáåÅáé~ä OèíëIëä ÅçòKïÅIÑçêêK å~ ÅÉêKÖê~ÇK ãìêK éêíKÉäÉíêKéáëÅKíÉêêKUñOR SMãáä ~ÅÉáíç éêçë~ãáã cWVNOTJ PMOQLUONQJSRVOLVOTTJPNRT 179385879

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ÅL

OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ãìêI å~ ÅÉêßãI Ö~êI íÉêêK NOñORI éñK ¶ äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìë É Åçä¨J ÖáçK oASRãáä cWVNQPJ NSRULVPPVJQPUQ

179385547

CIDADE DE DEUS - îÉåÇç Å~ë~ ÅL

OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI é´ç ~êJ íÉëI íÉêêK NOñORI ÅÉêßãI ãìêI å~ éêáåÅK oASRãáä cWVNQPJNSRULVPPVJQPUQ 179385536

CIDADE DE DEUS, PX. AO SUPERM. - p©ç gçêÖÉK Å~ë~ ÅL OèíçëI

ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI ÅÉêßãI Öê~ÇI íÉêêK NMñOR ÇÉ Éëèìáå~K oAUMãáä cWVNQPJNSRUL VNQVJRVRV 179385604

CIDADE DO LESTE - îÇç Å~ë~ ~äîK

ÇÉ O ~åÇ~êÉë ëä èíç ïÅ ~êK ÇÉ ëÉêîK ~ç ä~Çç Çç `çäK jáäáí~ê Çç dK sáíμêá~K cW VONSJ MQMTLVPOQJNPPN 379385758

`à ^ã¨êáÅç jÉÇÉáêçK Oèíë ëÇç N ëíÉ ëä ÅL Ä~åÅ ëä àí~ê Åçò ~ãÉê •ê ëÉêî ïÅ êÉÑçêã ãìê Öê~Ç ÅÉê Ñçêê éîÅ Ö~ê ÅçÄ oANMMãáä cWVNQTJMQQULUONNJ VQPN

CIDADE NOVA -

379384840

CIDADE NOVA - `çåàK ÅáÇ~Ç©ç f

O ëì∞íÉë ëä Åçò ïÅ •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK ãìê~Ç~ êÉÑçêã~Ç~ Öê~ÇÉ~Ç~ O îÖë Ö~ê~ÖÉã ÅçÄÉêí~ oASR jáä cWVNQTJ MQQU L UONNJ VQPN

379384835

CIDADE NOVA - `çåàK ÅáÇ~Ç©ç f

Oèíçë ëÇç N ëíÉ ëä Åçò ïÅ •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK ãìê~Ç~ Ö~J ê~ÖÉã Öê~ÇÉ~Ç~ `~ä´~Ç~ oARR jáä cWVNQTJMQQU L UONNJ VQPN

379384831

CIDADE NOVA - ÅçåàK îáä~ êÉ~ä îÉåÇç

ÅL Oèíçë ëä~ ÅçòK ïÅ ëçÅáJ ~ä êÉÑçêã~Ç~ ãìêK Å~ä´~J Ç~ éíK ~äìãKO î~Ö~ë Ö~êK oANQR jáä ~Åí Ñáå~åÅK cWUONNJVQPNLVNQTJMQQU 379384836

CIDADE NOVA - kçî~ ÅáÇ~ÇÉ Oèíçë

ëä Åçò ïÅ •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK Ö~ê~ÖÉã íÉêêK éä~åç oATM jáä èìáí~Ç~ çì oARR ãáä H é~êÅÉä~ë cWVNQTJMQQU L UONNJ VQPN

379384829

CIDADE NOVA - mñK ~ç a_K ¶ RãáåI

μíK äçÅ~äK `~ë~ ÅLOéáëçëK N⁄éáëçW ëäI ÅçòI PèíçëI ïÅI •êK ëÉêîK ÅçÄÉêí~ ~ãéä~I èìáåí~I Öê~ÇI ÅÉêßãI ãóìJ ê~I Ö~ê~Ö ÅçÄ éLPÅ~êêI î~ê ~ãéä~ H N âáíåÉíÉK O⁄máëç ÅL ëä ~ãéäçI èíç ~ãéäçI ÅçòI ïñI Öê~ÇI ÅêÉßãI ÑçêêI íÉêê NMñOR oANSMjáä cWVNVT MONN 179381208

CIDADE NOVA - îÇç Å~ë~ èìáí~J

Ç~ Oèíçë ëä~ Åçò ïÅ Ö~ê~J ÖÉã ÄÉã äçÅ~äáò~Ç~I oANQMãáä ~Åí éêçéK cWVSMUJNTNPLVPRUJ RQNT

379385053

CIDADE NOVA - sÇç çíã Å~ë~I

é•íáçI ëäI OèíçëI Åçò ÅL Ä~äÅ©ç ~ãÉêáÅK Ö~êK oANPMjáä ~Å Ñáå~åÅá~ãÉåíç cWUNTVJ TVNR L VPVMJVTMR 379385378

CIDADE NOVA - îÇç çíã Å~ë~K Ö~êK

ëäI Oèíçë ëL NëíK Åçò ÅL Ä~äÅ~ç ~ãÉêÅK ïÅ ëçÅá~äI ~K ëÉêîK Ñáåç ~Å~Ä~ãÉåíçI ãìê~Ç~ oANPRjáä ~Å Å~êêç cWUUMTJQSTTLVPVMJVTMR

379385281

CIDADE NOVA II NCL.24 - Å~ë~ ÇÉëçJ

Åìé~Ç~ ë~ä~I Oèíë ëLNëíÉ ÅÉêK ÑçêêKãìêKÖ~êK èìáåí~ä oANPMãáä ëμ ~ îáëí~ cWPMUOJMMSPL VNNVJ MPSSL UNTVJNQQP

179385926

CIDADE NOVA NÚCLEO 15 - Å~ë~

NMñORI O èíçëI ëä~I ÅçòI ïÅ I ãìê~Ç~ I nìáí~Ç~ `çåJ í~íç VNRTJNSSP I VNVUMRRR

159379440

CIDADE NOVA, NC 07 - `~ë~ ÅL OèíëI

ëäI ÅçòI ïÅI ÅÉêßãI ÑçêêI íÉêêK NMñORK oANRMãáä ^ÅK cdqp É cáå~åÅK båíê~Ç~ ¶ `çJ ãÄK cWVNNRJQOSSLUNOUJ OUPULUUOSJ MNRO 179385113

CIDADE NOVA/CAMPO DOURADO - éñK

~ç ÅçåàK lëî~äÇç Ñêçí~ ffK `~ë~ ÅL ëäI PèíëI ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK ÅçÄI èìáåí~äI ãìêK é~êÅI ÑçêêI ÅÉêßãK oAQUãáäK ÑWVNVTJ MONN

CJ FRª. MENDES - Åë ÅL Oèíë ëä Åçò

ïÅ ãìê ÅÉê Öê~Ç Ñçêê Ö~êK sá~ éêáåÅ oAVUãáä ÉñÅ éL Åçã¨êÅáç cWVNPPJ ONVN

379384996

CJ HILÉIA 1 - MO èíëI Ö~ê~ÖI ëäI

ÅçòI ÉÇ∞Åìä~I NPñOR oA PPM jfi ^ÅK cáå~åÅK cW VNVPJ MSRULUOSUJUTRP

CJ HILÉIA II - îÉåÇç O Å~ë~ë ÇÉ

ã~ÇÉáê~ë IN Å~ë~ OèíëIçìíê~ ÅLOÅçãé~êíáãÉåJ íçëIíÉêêKãÉÇ VñNQIoAOPãáä ãçí ÇÉ îá~ÖÉãcWVOORJ RQUTLUNVQ QOUQK 179385609

CJ VILA NOVA - äáåÇ~ Åë ÅL Oèíë

ëä Åçò ïÅ íÉêêKUñQM íÇ ãìê éí ~ä∫ã oANRMãáä ¥ ~Åí ÑáJ å~åÅL~Åí éêçé cWVNPPJ ONVN

379384994

CJ VILA REAL - Oèíçë ëä Åçò ïÅ

ãìêK ÅÉêßãK oAVU jáä ÉñÅ äìÖ~êK ^ÅK éêçéK cWVNPPJ ONVN å©ç ~ÅÉáíç Ñáå~åÅK

379384995

CJ. BEN HUR - OèíçëI

ë~ä ~ãJ éä~I Åçò Ä~äÅ~ç ~ãÉêáÅ~J åçI ïÅ ëçÅá~äI Ö~êI ãìê~J Ç~I Ñáåç ~Å~Ä~ãK nìáí~ÇçI ëçãÉåíÉ ÇáåÜÉáêçK oAVRKMMM cWUUMTJQSTTLVPVMJVTMR 379385293

CJ. BENHUR - sÇç μíáã~ Å~ë~

éêçàÉí~Ç~I Ö~êI ëä ~ãéä~I Oèíçë ëL NëìáíÉI ÅçòI ~êÉ~ ëÉêîK ãìê~Ç~I oANSRjáä èìáíK ^ÅK cáå~åÅK ÉåíêK ãáåáã~ SRjáä cWUNTVJTVNRLVPVMJVTMR 379385297

CJ. JOÃO PAULO/PRINCIPAL - îÉåJ

Çç Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI H N éíç ÅçãÉêÅá~äI Ö~J ê~ÖÉãI íÇ~ å~ ÅÉêßãáÅ~ oASRjáä cWVNQPJNSRUL VPPVJQPUQ

179385523

CJ.BURITI NOVA CIDADE- îÉåÇç Å~ë~

Oèì~êíçëIë~ä~I ÅçòK oAQMãáä çìíê~ ~äÑêÉÇç å~ëÅáãÉåíç ëäIèíçIÅçòK oAOMãáä cWVONNJ NRSSL VOMPJPPVO

179385924

COL. S. ANTÔNIO - éêμñK~ç ÇÄ Çç

ã~åç Å~ë~ íáéç ~é~êí ~ãÉåíç ÅLë~ä~I Oèì~êíçë ëL NëíÉI ÅçòK Ö~êK éçêí©ç ÇÉ ~äìãK ~ìíK íçÇ~ åç éçêÅÉä~å~íçI ÄäáåÇÉñI ä~àÉI ëLèìáåí~ä oATUãáä cWPMUOJ MMSPL VNNVJMPSSL UNTVJ NQQP

179385940

COL. SANT. ANTONIO - îÇç ìã~

μíáã~ Å~ë~ ÅLN èí ëä Åçò ïÅ ~ê ÇÉ ëÉêî èìáåí~ä oAPUãáä éñK ~ áÖêÉà~ Ä~íáëí~KVOMTJ VONOLVNQRJQQQP

379384919

COL. STO ANTÔNIO - Åë ÇÉ ã~ÇK

OèíçëK ëäK ÅçòK ïÅK î~ê~åJ Ç~K oANTãáä ^ÅK mêçéçëí~ cWVNUVJPMTULUNNNJQMOQ 379384823

CIDADE NOVA/CONJ. VILLA NOVA - Å~ë~

COLONIA SANTO ANTONIO - éêçñ ~ç

179377110

CIDADE NOVA/NSRª DE FÁTIMA I - mñK

¶ bìÅ~íìêK `~ë~ ÅL ëäI OèíëK ÑçêêI ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK ÅçÄI ÅÉêßãI Öê~ÇI é~êÅK ãìêI Ö~êI íÉêêK NOñNR μíáã~ äçJ Å~äK oARRãáäK ÑWVNVTJ MONN

179381212

CIDADE NOVA/RAIO DO SOL - Å~ë~

íÉêãK ÇÉ ∑åáÄìë îÇç Å~ë~ ÅL OèíçëI ëä~I ÅçòI ïÅ ëçJ Åá~äI ÅÉêßã oAPR jfi cWVOOPJMQPP 159384757

COLÔNIA SANTO ANTÔNIO - îÉåÇç

Å~ë~ Oéáëçë Oèì~êíçë ÑçêJ ê~Ççë åç ÖÉëëçIÇÉ ÉëèìáJ å~ å~ éêáåÅáé~ä oARMãáä cWVONNJNRSSL VOMPJPPVO

179385919

Oèíë íÉêêK UñOM å~ éáëí~ éä~áåç oAON ãáä cëWVOMQJSPUML VPOOJRRROLUNTSJOSTS

COLÔNIA STº ANTÔNIO - îÉåÇç Å~ë~

CIDADE NOVA/RENATO SOUZA PINTO - ÉñÅÉäÉåíÉ Å~ë~ ÇÉ ÉëJ

179385574

179385179

èìáå~ ÅL Oèíë ëÉåÇç NëíI ëäI ÅçòK ~ãéä~I •êÉ~ ÇÉ ä~J òÉêI Ö~êK ÅçÄK oANSMãáäK cWVNNRJQOSSLUNOUJOUPUL UUOSJ MNRO

179385117

CJ AMAZ. MENDES 2 - ^ç ä~Çç qQK

îÇç çì íêçÅç O Å~ë~ë ÅL Oèíë Å~Ç~ íKUñPT íÇK ãìê oAQRãáä ÄÉã äçÅK cVNQRJTTVQL VOMPJ SPVN

379384888

CJ BURITI - Åë Oèíë ëä Åçò ïÅ

ÇÉ Éëè É H ~éêçîÉáí Çç íÉêêK oATRãáä oA cWVNSQJVPVNL VPNNJ RNQR

379385181

CJ CIDADÃO 5 E 7 - sÉåÇç Å~ë~

ÅLOèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ÅÉêK ÑçêêI oAQTãáä cWVOOVJPTSM 179385123

åáç p~äÉë J NèíçI N ëíÉ ã•ëíÉêI ë~ä~ O ~ãÄI ïÅI ~êã•êáçë åçë èíë É ÅçòI ÅÇK ÑÉÅÜ~J ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉJ í~I íçÇç Åäáã~íáò~ÇçI î~J ê~åÇ~I ~Å~ÇÉãá~I ÉëÅêáíμJ ê á ç I V Q ã O I Q ⁄ ~ å Ç ~ êK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêK NMñOOK oAPPãáä cWVNQPJ NSRULVNQVJRVRV

Åçã Åê¨Çáíçë äáÄÉê~Ççë ~é~êíáê ÇÉ oATMãáä ÅL é~êÅÉä~ë ÇÉ oAQRM ëLàìêçëK cWUNPVJ VQSP

COMPRE O SEU IMÓVEL -

179384798

COMPRO SEU IMÓVEL - m~Öç ¶ îáëí~K

pL _ìêçÅê~Åá~K cWVPUQJ VRPSLVNOUJPSSPLUNNRJ RSQM 179385690

COMPROSUACASAOUTERRENO- é~Öç

¶ îáëí~ ëÉã ÄìêçÅê~Åá~K cëWVNMUJUOPULVNOUJ PSSPLUNNRJRSQM

179385700

COMUNIDADE JESUS ME DEU - îÉåÇç

Å~ë~ OèíëIë~ä~IÅçòáåÜ~ H•êÉ~ ÇÉ ëÉêîK éç´ç ~êíÉëK HOâáJ íáåÉíÉë ãÉÇKNQñOM oAUMãáä ^ÅKÅ~êêç åç åÉÖçÅáç EJF î~äçê cWVNROJTVQML VOTUVROQ

179384203

GRANDE VITÓRIA - VENDO URGENTE - Å~ë~ åçî~I ÇÉëçÅìé~Ç~I

å~ äáåÜ~ Ççë ∑åáÄìë ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ÅñK ÇÛ•Öì~ ÇÉ NMMMäáíêçëI Ö~ê~ÖÉã éL NÅ~êêçI èìáåí~ä ÅL ÑêìíÉáJ ê~ëI íÉêêÉåç UñORI íÇç å~ ÅÉêßãI Ñçêê Éã éîÅ oASPjáä cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385345

179385253

379372483

179376306

ÅL OèíëI ëäI ÅçòI Ä~åÜI Ö~êK ÅçÄI é´ç ~êíÉëK oAUMãáä cWUNUSJRTMULVPQMJPUNN

COND. FLORENÇA PARK - bÑáÖÆJ

COND. PARQUE VERDE - pK gçë¨

léÉêK J O èíçëI NëíÉI ë~J ä~ëI ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI TMãOI î~ê~åÇ~ ÖçìêãÉíK oA SM jáä H paK PMUTJVOROLVQUPJPSRR 179385261

COND. PLAZA DEL REY - mèK

i~J ê~åà J O èì~êíçëI O ë~ä~ë ~ãÄI N ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI SUãOI ÉÇ∞Åìä~I ~êã•êáçë åçë èì~êíçë É ÅçòI ÅçåÇ ÑÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~I •Öì~I Ö•ëK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRRK

179385262

CONJ BEN HUR - `~ë~ OèíëI ÅçòI

ëäI ïÅI ÉÇ∞Åìä~I ÅL O ëìáJ íÉëI Ö~ê~ÖÉãéL P Å~êêçëI éêçåí~ éL Ñáå~åÅá~ê oAOMMãáä cWVNMMJRRRMLUNVOJMVSM 379385234

CONJ. FCª MENDES - sÇç Oèíçë

ëä Åçò ïÅ ÑìåÇç éL •êÉ~ îÉêÇÉ èìáí~Ç~ íÉêêKNMñOM oATR jáä cVPONJVUQOLUNOUJ UUNQ

379385508

CONJ. VILLA DA BARRA/C. NOVA - Å~ë~

ÅL OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI ÉÇ∞ÅìJ ä~I Ö~êK éL O Å~êêI ëÉÖK OQÜêëK oANRMãáäK cWVOPVJVOVNL UNMQJTOUO pìÉäÉã 179385221

CONJ.VILA NOVA - ÅLOèíçë ëä Åçò

ïÅ íÉêêÉåç UñQM mñKqQ oANQMãáä cWVNVVJMSMU

379385611

CONSTANTINO NERY PRÓX.T-1 - îÉåÇç

Å~ë~ å~ ä~àÉ Oèì~êíçëIëä~ ÅçòáåÜ~IïÅIÖ~êK •êKëÉêîK Öê~ÇK ^ÅKÑáå~åÅá~ãÉåíç oAOOMãáä cWVNNUJMNTPL UNQNJVTURL VNNUJRURN

179385364

COROADO - `ÇK

gç~èìáã oáJ ÄÉáêç Oèíçë ëÇç N ëíÉ ïÅ ëçÅ ëäLÅçò ~ãé •ê ëÉêî QîÖë Ö~ê íÇ å~ ä~àÉ ëÇç O⁄ éáëç ÅL âáíK íKNMñOR oAOMMãáä cWVNQTJMQQU L UONNJ VQPN

379384830

Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI å~ Å É ê ß ã I ã ì êK o A Q R ã á ä cWVNQPJNSRULVNQVJRVRV

FAZENDINHA - îÉåÇç

179385573

Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêK UñOR é ä ~ å ç I ã ì êK o A P P ã á ä cWVNQPJNSRULVPPVJQPUQ

FAZENDINHA - îÉåÇç

179385528

FRANCISCA MENDES - Äç~ Å~ë~

ÇÉ ~äîK ÅL ëäI èíI ÅçòI ïÅI å~ ä~àÉI ãÉÇK UñTI íÉêêK ãÉÇK UñORI Éëé~´ç éL Å~êêçK oASMãáä cWVNPSJPMQPL VQRP QUTU

179385068

FRANCISCA MENDES - éêμñK~ Öê~åÇÉ

ÅáêÅìä~ê Å~ë~ OèíëIëä~IÅçòK å~ ÅÉêßãáÅ~IÖê~ÇK Ñçêê~Ç~ ãìê~Ç~ oARRãáä cWVOOSJ RMRUL VNNNJTVQRL UORQJ OTQU

179385705

G. VITÓRIA - rêÖÉåíÉ îÇç Åë~

ÅLOèíçë É çìíê~ë ÇÉéKHO âáíë ÅL èíç Åçò ïÅ qÉêêWUñOR oARMãáä VOTNJRUQT

379385664

GILBERTO MESTRINHO - PâáíåÉíë

H O ë~ä~ë ÅçãÉêÅá~ëK oAUMjfiKk~ êì~ ÅçãÉêÅáJ ~äKcWVNOSJNSPM `JORQM mc ï ï ïK É ê å É ë í ç Å ç ê ê É J íçêKÅçãKÄê 379384488

GRANDE VITÓRIA - Å~ë~ ÅL Oèíçë

Ñçêê~ÇçëI ëäI ÅçòI ÅÉêßãI éç´ç íÉêêÉåç UñOR oAPMjáä cWVOSNJUVPV

179385490

GRANDE VITÓRIA - Å~ë~ ÅL Oèíçë

ëL NëíI ëäI ÅçòI Öê~ÖK éLO Å~êêI ãìê~Çç oAPTjáä cWVNQPJ NSRULVNQVJRVRV

179385567

GRANDE VITÓRIA - Å~ë~ ÅL OèíçëI

ëäI ÅçòI ãìêI íÉêêK UñORI åç ~ëÑ~äíçK oAQMãáä cWVOSNJ UVPV 179385501

GRANDE VITÓRIA -

îÉåÇç ìêJ ÖÉåíÉK `~ë~ kçîáåÜ~I ÇÉJ ëçÅK ÅL Ö~êK ÅçÄI å~ äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìëI íÉêêK UñORK oARMãáäK ^ÅK mêçë~ãáãK cWUNVTJ RUUQLVNSNJOQNT

179385386

GRANDE VITÓRIA, AV. PRINCIPAL -

Efê~èìÉFK `~ë~ Éã ~äîK OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI å~ ÅÉêßãI Ö~êI éçêí~ Åçäçåá~äI íÉêêK UñORI ãìêK oARRãáäK cWVNPSJ PMQP

179385006

GUSTAVO NASCIMENTO - îÉåÇç Å~ë~

ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI å~ éêáåÅK oAPRãáä cWVNQPJNSRUL VPPVJQPUQ

179385531

ITACOATIARA - _~áêêç

g~êÇáã ^ã~åÇ~I îÉåÇç Å~ë~ ÅL Oèíçë ëÇçN ëìáíÉI ëä~I ÅçòI ïÅ ëçÅá~äI íÉêêWNMKSMñOO éä~åç íçÇç ãìê~ÇK oAPRãáä çì íêçÅç éçê Å~ë~ Éã j~å~ìë Çç ãÉëãç îäçê cWVOPRJRSUP 379385561

J. TEIXEIRA - Åë~ ÇÉ O éáëçë éíç

ÅçãÉêÅK OëíëIOèíçëI ãìêI ÑçêI qÉêêWUñOR oANRMjfä cWVOURJSTUSLVPVQJOQPU 379385085

J.TEXEIRA - îÇç Åë~ ÇÉ ~äî ÅL

P Åçãé~êíK OïÅë Ñçê ãWNMñR íWTñNU oAOMãáä ~Å éêçéKL íÉêK Éã íêçÅ~KVPVTJTMNO

159384060

JAPIIM I - sÇç Å~ë~ ÅL μíK äçJ

JORGE TEIXEIRA/JOÃO PAULO - `~J

ë~ O èíëI ëäI ÅçòI O ïÅÛë H P âáíáåÉíÉë ÅL ëäI èíI ïÅI íÉêêK ãÉÇK NPñSMK fãéÉêÇ∞îÉä> oASMãáäK VQOMJOPRQL VPPQJPSQTLUONUJ NURR 179380939

Ç~ë läáîÉáê~ë É éêçñ aÉíê~åI OèíçëI ÅòI ïÅI ëäI Ö~êI ÅÉêK oAPTjáä cWVNVNJSMMS

LINDAS CASAS NOVAS - jK

379375303

LÍRIO DO VALE - Å~ë~ ëäI OèíëI ïÅK

oAQRãáä çìíê~ ÅL ëäI PèíëK oASMãáä cëWVOVVJQPUOL VOOUJRNRM

379384894

M. DAS OLIVEIRAS - Å~ë~ ÇÉëçJ

ÅìéK OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI Ñçê å~ ÅÉê~ãK ãìê~Ç~ oAPTãáä cWVOQNJNPNPLUNTMJPMMT 379375294

M. DAS OLIVEIRAS - líã äçÅ~äáJ

ò~´©çI OèíçëI ëäI ÅòI ïÅI ÑçêI ÅÉêI Ö~êI Å~ë~ åçî~ oAPTjáä cWVNVNJSMMSLUOMMJMTMR 379375306

M. DAS OLIVEIRAS - îÉÇç μíáã~

179385625

179385235

~ Éëí~J ´©çK sÉåÇç äáåÇ~ Å~ë~ åçî∞ëëáã~ ~ éêçåí~ ÉåíêÉJ Ö~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅ ëçÅá~äI íÇ~ å~ ÅÉêßãK ÑçêêK Öê~ÇK Ö~êK oAPTãáä cWVNPOJMRSVL UOOQJVORP

JESUS ME DEU - mêçñ

179385839

JESUS ME DEU - mñW qÉêãáå~ä îÇç

Å~ë~ éêçåí~ ÅL ëä Åçò ïÅ ÅÉê Ñçêê Ö~êK íÉêêTñNN båíêKéÉJ ä~ `áíói~êLqK q~é~àμëK ^Åí Å~ê åÉÖ oAPRãáä äáÖ~ê ëμ áåíÉêÉëK cWVPVPJRQOML UNRSJVTVTLVNQVJTQVT

379385187

JORGE TEIXEIRA - PŸ Éí~é~ Åë ÅL

Oèíë ëä Åçò ïÅ íÇ å~ ÅÉJ êßã Ñçêê Öê~Ç ãìê Ö~ê~J ÖÉã íÉêêKUñOM oARMãáä cWVOSRJ TVTV

379385309

JORGE TEIXEIRA - îÉåÇç Å~ë~ Oèíë

ë~ä~IÅçòáåÜ~Iå~ ÅÉêßãáÅ~ Ñçêê~Ç~ oAPUãáä cWVOOS RMRU VNNNJTVQRL UORQJOTQU

179385723

JORGE TEIXEIRA - sÉåÇç Å~ë~ ÅL

OèíçëI ëäI Åçò ~ãÉêáÅ~I é´ç ~êíI Ö~ê ÅL éçêí©ç ÇÉ ~äìJ ã∞åáçK oAVMãáä cWVOVO NNRT 179366683

JORGE TEIXEIRA 1ª ETAPA - Å~ë~ ÉëJ

íáäç ~é~êí~ãÉåíç Oèì~êíçë ë~ä~I ÅçòáåÜ~IïÅI å~ ÅÉJ êßãáÅ~ oANSKRMM ÇÉëçÅìJ é~Ç~ cWVNOTJPMOQL UONQJ SRVOL VOTTJPNRT

Oèíë Ñçêê~Ççë ëä Åçò ãìJ ê~Ç~ Öê~Ç oAPRãáä cWVOUOJ RNTULVQUOJOPNQ

379385534

Q Åë ÇÉ ~äî oAPMãáäK qÉêê~ åçî~ P Å~ë~ë oAPR jáäK o~áç Çç pçä P Å~ë~ë oAORãáä cWVOOQJ VUVS

M. OLIVEIRAS -

379384255

MANOA - îÇç äáåÇ~ Å~ë~I ÇÉJ

ëçÅK ÅL N ëìáíÉI OèíçëI ëäI ïÅI ÅçòI ÑçêK ÅÉê~ãK ãìê~Ç~ UMãáä cWVOQNJNPNPLUNTMJPMMT 379375299

åçî~ëI Oèíçë ëL NëìáíÉI ëäI ÅòI ïÅI ~KëÉêîKI Ö~êI ãêI Ö~êÇK oATRjáä cWVNVNJSMMS 379375307

ëÇç N ëíÉ ëä ëí~êLÅçò ïÅ ëçÅ Ñçêê ÅÉê oAUMãáä cWVNQNJ VNPMLVPMQJ OVPT

379385099

MANÔA/TERRA NOVA - Åë~ åçî~

ÅLOèíçëI ëäIÅçò ïÅIÑçêêI ÅÉêßãI ÇÉëçÅK oAQMjáä cWVORU OOSTLVNOU PSSPLVNMUJ UOPU 179385712

MATINHA - sÉåÇç

Å~ë~ ÇÉ O éáëçëI Nø O èíçëI ëäI Åçò É ïÅK Oø ìã~ âáíåÉí ÅL ~ê ÇÉ ë É ê îK î ~ êK o A N R M ã á ä cWVOTRJTSNULUNORJUTTTL PMUSJQOOM

179385320

MONTE DAS OLIVEIRAS - Å~ë~ Oèíë

ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅI ÅL é´ ~êíÉëK íÉêêKNOñOM éêμñK~ Ñçê´~ ÅçåëJ íêìíáî~ oAQMãáä cWVNNUJ MNTP UNQNJVTURL VQTTJPSTO

179385359

MONTE DAS OLIVEIRAS - éêμñK~ ~îK

ãìä~íÉáêç êì~ Å~á~â îÉåÇç ìêÖÉåíÉ ãçíKÇÉ îá~ÖÉã Å~ë~ OèíëIëäIÅçòKïÅI íçÇ~ å~ ÅÉêK ÇÉëçÅìé~Ç~Iå©ç éÖ~ äìòI •Öì~ oAOUKRMM • îáëí~ Éëíáäç ~é~êíK cWVQUOJMORML VNUOJ MOTM ÅêÉÅá OMTN

179385088

MONTE DAS OLIVEIRAS - éêμñK~ éçäá

Åä∞åáÅ~ É ~îKãìä~íÉáêç îÉåÇç Å~ë~ OèíëIëäIÅçòK ïÅIèìá åí~ä •êÉ~ å~ ÑêÉåíÉ íÉêêKNRñOR lÄëW ~Ä~áñç Ç~ êì~ oAQSãáä ëμ ~ îáëí~ cWVQUOJMORML UNROJ VSMQ ÅêÉÅá OMTN

179385885

179385754

ïÅ Öê~Ç ãìê Ö~ê oAQRãáä cWVNNOJNVNSLVPTNJ QNSU

179385542

PïÅë éíK ~äìã∞åáç HO~éí HN âáíáåK íçÇ~ å~ ÅÉêßãK É Ö~ê~ÖK oAURãáä èìáíK VOPORNSUL VPURPVMQ

379382834

N. CIDADE - îÉÇç Å~ë~ ~äîK ÅL

N éçåíç Oèíë ëä Åçò ïÅ ÑçêêK å~ ÅÉêßãK ëÉãá ãìêK oAQPãáä cWVOUOJ RNTULVQUOJ OPNQ

379385592

N. CIDADE/CIDADÃO 12 - Å~ë~ ÅL

Oèíë ëäI ÅçòI ïÅ Öê~ÇK Ö~J ê~ÖÉã ëÉãá ãìê~Ç~ oAQSãáä cWVOUOJ RNTULVQUOJOPNQ

379385552

N. Sª DE FATIMA 1 - îÇç Å~ë~ ëÇç

Oèíçë ëä~ Åçò OïÅë íÇ~ ãìê~Ç qÉêêÉåç ãÉÇ UñOO é~êÅK Ñçêê~Ç~ ~ÅÉáíKmêçë~ãáã oAQRãáä cWVOSRJ TVTV 379385279

N. SENHORA DE FÁTIMA - Å~ë~ éñK

bìÅ~íìê ÅLOèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI íÇ~ ÅÉêßãI íÉêêÉåç NSñOM oARSjáä cWVNMUJUOPUL VNOUJPSSP 179385668

N.CIDADE - sÉåÇÉJëÉ Å~ë~ éñ

~ Éëí~íì~ Çç é~é~ oAQSjfiK b ~äìÖ~JëÉ Å~ë~ å~ êÉJ ÇÉå´©ç cWVPSPJRORUL VPORJMSVP

379385392

NOVA CIDADE “70 MIL” - þíáãç äçÅ~äI

MO èì~êíçëI ÅÉêßãáÅ~ É Ñçêê~Ç~I ë~ä~ É ÅçòáåÜ~ àìåí~ëI Ö~ê~ÖÉã éL MO Å~êêçëI ãìê~Ç~KcWVNPTJPPMNL UNMOJPPTU

179385889

NOVA CIDADE - OMMãí

Çç aÄ èìáí~Ç~ Oèíçë ëä Åçò ïÅ ëçÅá~ä ãìêK Öê~ÇK ÅÉêßãK Ö~ê~J ÖÉã OÅ~êêçë ÇÉëçÅìéK oAUM jáä cWVOPRJVOMULUNMQJ VSSPK

179385055

NOVA CIDADE - _ç~

Å~ë~ êÉJ Ñçêã~Ç~ ÅL OèíëI ëäI ÅçòI Ö~êI ãìêI Ñ~äí~åÇç ~Å~ÄK oARUãáäK cWVNPSJ PMQPLVQRP QUTU 179385029

NOVA CIDADE - Å~ë~ Oèì~êíçë

ëä~ ÅçòáåÜ~Iãìê~Ç~I Öê~ÇK oARPãáä cWVOOSJRMRUL VNNNJ TVQRL UORQJOTQU

179385691

179385922

NOVA CIDADE - Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI

ÇÉëçÅìé~Ç~ ëä~I Oèì~êíçë ÅçòáåÜ~I Ñçêê~Ç~I å~ ÅÉêßJ ãáÅ~ oAQMãáä cWVONNJ NRSSL VOMPJPPVO

MONTE DAS OLIVEIRAS - îÉåÇç Å~ë~

åçî~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI å~ ÅÉêßãI Öê~ÇK oAPTãáä cWVNQPJNSRULVPPVJQPUQ

179385539

éçìJ ë~Ç~ ëÉÇì´©ç Å~ë~ Oèíë ëäIÅçòKïÅIÇÉëçÅìé~Ç~ íÉêêK UñOR oANUKRMM cWVNOTJ PMOQ UONQJSRVOL VOTTJPNRT lÄëW åç ÄÉÅç

ÄêÉI Åë~ OèíëI ëäI ïÅI ÅçòI Ö~ê ÅçÄÉêíK éí ÅçãÉêÅá~äI éí©ç ~äìã∞åáç ÉäÉíêçåK èìáí~Ç~ oAUOãáä cUUOTJOTSOL EMNRF VNPVJ SROP

NOVA CIDADE - Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI

MONTE DAS OLIVEIRAS - sÉåÇç

JORGE TEIXEIRA 3ª ETAPA - éêμñKÇ~

379385579

N CIDADE PX A NEPAL - •êÉ~ åçJ

179385076

179385882

179385880

179385838

Å~ë~ ÅL Oèíçë ë~ä~ Åçò Ö~ê íÉêêWNNñOR éä~åç ãìê~ÇI é´ç ~êíÉëá~J åçK mñK ÇÉ ∑åáÄìëI ÉëÅçJ ä~ëI oARQ jfi cWVOPRJ RSUP

MONTE SIÃO - îÉåÇç

MONTE DAS OLIVEIRAS - îÉåÇç Å~ë~

JORGE TEIXEIRA 2ªETAPA - éêμñKÇ~

~îKáí~∫Ä~ Å~ë~ ÇÉ ~äîÉåK Oèíë ëLNëíÉIíÉêêKUñOR ÇÉëçÅìé ~Ç~ oAOMãáä cWVNOTJ PMOQ UONQJSRVOL VOTTJPNRT

iáåÇ~ Å~ë~ ãÉÇK TñNRI Oèíë ëÉåÇç NëíI ëäI ÅçòI ïÅK ëçÅI ÑçêêI ÉÇ∞Åìä~I é´ç ~êíÉëI Öê~ÇI ãìêI Ö~êK oAUMãáä cWVNPOJ MRSVL UOOQJVORP

N. CIDADE - Å~ë~ èìáíK Oëì∞íÉë

MANÔA/MONTE SINAI - Åë åçî~ Oèíë

N ë~ä~I N ïÅI O îÖ Ö~ê~J ÖÉãI ~êã•êáç å~ ÅçòK oA OSM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR

179385515

MONTE PASCOAL, PX. À FEIRA - sÉåÇç

M. DAS OLIVEIRAS - îÉåÇç ~äîK Å~ë~

379385545

JAPIIM PRÓXIMO A ULBRA - Åçã

JARD. VERSALLES – PLANALTO - OèíçëI

ÑçêêI ÅÉêßãáÅ~I Å~ë~ åçî~ ¶ éêçåí~ ÉåíêÉÖ~ oAPTjáä cWVNQPJNSRULVPPVJQPUQ

N CIDADE/CIDADÃO 5 - Oèíë ëä Åçò

MANOA E TERRA NOVA - _Éä~ë Å~ë~ë

Oèì~êíçëI ë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅ íáéç âáíáåÉíÉ oASMMIMM áåJ ÅäK •Öì~ É äìò cWVNPOJ VUUOL UNQPJPRQVL PMUOJMPSM

MONTE DAS OLIVEIRAS/BEM LOCAL. - Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI

Å~ë~ ~äîK Oèíë ëä Åçò ïÅ ÑçêêK å~ ÅÉêßãK ãìêK oAQTãáä cWVOUOJ RNTULVQUOJ OPNQ

Å~äáòK O éáëçëI O ëìáíÉëI •êÉ~I ë~ä~I ÅçòK ïÅK Ö~êK oAVVãáä cWVSQOJVQUTLUNUPJOTTUL PSPNJTMUR

179384957

44

μíáã~ Å~ë~ åçî~I ÇÉëçÅìJ é~Ç~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI Ñçêê~I ÅÉêßãI Öê~ÇI Ö~ê~J ÖÉã oAPUjáä cWVOPTJ QTNTLPPQOJ QMQR

ÅçòI ïÅI ÅÉêßãI ãìê~J Ç~oAQUjáä cWVNQPJNSRUL VPPVJQPUQ

179385521

ÅçòK ~ãÉêáÅ~å~I ïÅIÑçêêI ÅÉêßãI ãìêI Ö~ê~ÖK O Å~êêI •êK ëÉêîI ~Å~Ä~ãÉåíç ÇÉ NŸ oASRjáä cWVNQPJNSRUL VPPVJQPUQ

179385522

NOVA CIDADE - Å~ë~ ÅL OèíëI ëäI

179385827

ÅçòI ïÅI ÑçêêI å~ ÅÉêßãI íÉêêK UñQM íÇç ãìêI èìáí~Ç~K oATRãáä cWVORUJOOSTL VNMUJUOPU

MONTE DAS OLIVEIRAS, PX. À LINHA DE - ∑åáÄìëK _ç~ Å~ë~ ~äîK

NOVA CIDADE - Å~ë~ ÅL OèíëI ëäI

179385039

179385719

ÅL OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI å~ ÅÉJ êßãI ÑçêêK oAPVãáäK cWVNPSJ PMQPLVQRP QUTU

179385686

ÅçòI ïÅI å~ ÅÉêßãI ãìêK oARMãáäK cëWVNMUJUOPUL VNOUJPSSPLUNNRJRSQM


455

Domingo, agosto Domingo, 2525 dede agosto dede 2012013 3 Diário do Amazonas | visite D24am.com

NOVA FLORESTA - sÉåÇç Å~ë~ ÅL

2 QUARTOS NOVA CIDADE - `~ë~ ÅL Ö~êK ÅçÄK

éL O Å~êêI éí~ë É à~åÉä~ë ÄäáåÇÉñI ëäK ~ãéä~I OèíëI ÅçòK ~ãÉêáÅI ÑçêêI ÅÉêßãI ïÅK ëçÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI ÇÉëçÅI èìáJ í~Ç~I ãçíáîç ÇÉ îá~ÖÉãK säK ¶ `çãÄK VQOMJOPRQL VPPQJPSQTLUONUJ NURR

179375943

NOVA CIDADE - Å~ë~ ëäI Åçò IOèíëI

Ö~êI ÅçÄI éíK~äìãI ãìêI äáJ îêÉ ä~íKèìáåíKÑêÉåíK~êÉ~ îÉêÇK cWVOSTJTUUSLUNUOJRRUQL VQQPJ QTTS 379385190

NOVA CIDADE - îÉåÇç Å~ë~ Oèêíë

ëäIÅçòáåÜ~IïÅIå~ ÅÉêßã áÅ~ Öê~ÇÉ~Ç~I ãìê~Ç~ é~ê~J äÉä~ ~ éêáåÅáé~ä fff oASMãáä cWVOOSJRMRUL VNNNJTVQRL UORQJOTQU

179385730

NOVA CIDADE - îÉåÇç Å~ë~ Oèíë

O èíçëI ë~ä~I ÅçòáåÜ~ ïÅI íÉêê ãÉÇ OPñVã oARMãáä cWVQSPJNVNMLUUOQJTONV

179366685

NOVA VITÓRIA - _ç~ Å~ë~ ÇÉ ~äîK

ÅL OèíëI ëäI ÅçòI Ä~åÜÉáJ êçëI ãÉÇK RñNMI íÉêêK ãÉÇK UñOMI åç ~ëÑ~äíçI å~ éáëí~I ÇÉëçÅK oAOUãáäK cWVNPSJ PMQP

179385021

NOVA VITÓRIA - Å~ë~ Oèì~êíçë

ÑìåÇç éL •êÉ~ îÉêÇÉ Oèì~êíë ë~ä~IÅçòáåÜ~Iå~ ÅÉêßãáÅ~ é~êÅá~äãÉåíÉ ãìê~Ç~ éêμñK~ç ÇÄ oARUãáä cWVONNJ NRSSL VOMPJPPVO

179385923

NOVA CIDADE - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉëçJ

Åìé~Ç~ Oèì~êíçë ëLNëíÉI ïÅ ëçÅá~äIë~ä~IÅçòáåÜ~I ÅÉêK Öê~ÇK ãìê~Ç~I Ö~ê~ÖÉãIèìáí~Ç~ å~ ëìÜ~Ä éêμñKíî ä~ê oAUTãáä ^ÅKéêçéçëí~ cWVNNU MNTPL UNQNJVTURL VQTTJPSTO 179385330

NOVA CIDADE CASA QUITADA - éêμñK~

íî ä~ê OèíëIëäIÅçòKïÅ ÑçêêKÖ~ê~ÖK ÅÉêßãáÅ~I Öê~ÇÉ~Ç~ H éçåíç ÅçãÉêÅá~ä oASRãáä ãçíK ÇÉ îá~ÖÉã ^ÅKéêçéK VNNUJ MNTP UNQNJVTURL VQTTJPSTO

179385338

NOVA CIDADE PRÓX.AV NEPAL - Å~ë~

èìáí~Ç~ ÇÉëçÅìé~Ç~ OèíëIëä ÅçòáåÜ~IÑçêê~Ç~I ÅÉêK Öê~J ÇÉ~Ç~I ãìê~Ç~I Ö~ê~ ÖÉã íÉêêÉåç ãÉÇKUñPM oATMãáä cWVNNUJMNTPL UNQNJ VTURL VQTTJPSTO

179385376

NOVA CIDADE, AV. CURAÇAL - bñJ

ÅÉäÉåíÉ `~ë~ ÅL Ö~êK ÅçÄK éL O Å~êêI ëäK ÇÉ Éëí~êI e~ää éL O èíë ëÉåÇç Nëí ~ãéä~I Åçé~ ÅçòK ~ãéä~I íÇ~ å~ ä~àÉ ÅçÄI èìáí~Ç~I ãçíáîç ÇÉ îá~ÖÉãK säK ¶ `çãÄK VQOMJOPRQLVPPQJPSQTL UONUJ NURR

179375944

NOVA CIDADE, PX. À AV. NEPAL - Å~ë~

ëäI ÅçòI íÉêêK UñORI åç ~ëJ Ñ~äíçK oAPOãáä cWVOSNJ UVPV

179385484

ëä~ Åçò ïÅ •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK Ö~ê ÅL éí©ç ÇÉ ~äìãK é•íáç oAQU jfi cWVOPRJRSUPL UNRSJ QRVR

379385524

íÉêãáå~ä ÇÉ ∑åáÄìëI å~ ^îK máëí~ Ç~ o~èìÉíÉI êÉëLÅçJ ãÉêÅK sÉåÇç rêÖÉåíÉK oARMãáä ~ÅK Å~êêç åÉÖμJ Åáç cWUNVTJRUUQLVNSNJ OQNT

179385366

NOVO ALEIXO - OèíëI ëÉåÇç N ëìáíÉI

ÅçòK~ãÉêáÅ~å~I Ä~äÅ©ç ÇÉ ã•êãçêÉLîáÇêçIéç´çIå©ç éÖ~ äìòIéíKÇÉ ~äìãKÖ~êK^éÉJ å~ë oATR ãáä cWVOOO TPRO

179383787

NOVO ALEIXO/ PX. AO TERRA BRASIL - Å~ë~ ëÉãáJãçÄáäá~Ç~ ÅL

ëäI OèíçëI ÅçòI ïÅI èìáåíI ãìêI Öê~ÇI ÑçêêI Ö~ê~Ö ÅçÄI ÅL òáåÅç Ö~äîÉåáò~Çç éLPÅ~êêI éí©ç ÇÉ ÑÉêêçI μíK äçÅ~ä oAVMjáä cWVNVTJ MONN 179376313

NOVO ISRAEL - Å~ë~ ÅL OèíëI ëäI

ÅçòI ïÅK oAPMãáä H çìíê~ åç jK Ç~ë läáîÉáê~ëK oAPMãáäK cëWVNMUJUOPULVNOUJ PSSPLUNNRJRSQM

179385725

NOVO ISRAEL - Å~ë~ åçî~ ÅL PèíëI

ëäI ÅçòI ïÅI ÇÉ Éëèìáå~I Ö~êI ÇÉëçÅK oAQOãáä cWVNSQJ VPVN

179385692

NOVO ISRAEL - sÉåÇç Å~ë~ ÅL O

èíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ãìêK oAPMãáä cWVOOVJPTSM 179385116

NOVO ISRAEL/PECHINCHA - Å~ë~ åçî~

ÅL PèíëI ëäI ÅçòI ïÅI ÅÉJ êßãI ÑçêêI ÇÉëçÅK oAQOãáä É oARMãáäK cWVNUVJTTRPL VORTJOOST

NOVA ESPERANÇA - îÉåÇç Å~ë~

179385375

Oèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅI å©ç íÉã Ö~ê~ÖÉã oARRãáä cWVOQPJQTQML VNUQJPUTR

179385236

NOVA ESPERANÇA - sÉåÇç Å~ë~

ÅLOëíÉë èìáåí~ä ãìêK Ö~ê éLPÅ~êëK líáã~ äçÅ~äáò~J ´©çK oASRjfi cWVNQRJ QQQP

379384917

NOVA ESPERANÇA - îÉåÇç Å~ë~

Éã ÄÉÅç Åçã Oèì~êíçëI ë~ä~ ïÅI ÅçòáåÜ~ oAQMãáä cWVOQPJ QTQML VNUQJPUTR

179385240

179385109

PIORINI PX. AO NOVO ISRAEL - Å~J

ë~ë åçî~ë ÅLOèì~êíçë ë~J ä~IÅçòáåÜ~IïÅIÅÉêßãI ÑçêêI Öê~ÇÉ~Ç~I ÇÉëçÅìé~Ç~ oAPVKRMM ~ÅK mêçéçëí~ cëWVOOSJPRUQLUNQSJQRSO tÜ~íë~éé

179385870

PQ. LARANJEIRAS - N èíçI NëíÉI

O ïÅI O îÖ Ö~ê~ÖÉã ÅçJ ÄÉêí~ É ÅçòáåÜ~ ÉñíÉêå~K oA NTM jáäK PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385241

RAIO DO SOL - Å~ë~ ÅL OèíëI ëäI

ÅçòI ïÅI íÉêêK UñOMK oAOQãáäK cëWVNMUJUOPULVNOUJ PSSPLUNNRJRSQM 179385717

Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI íÉêêK UñOMK oAOPãáä cWVNQPJNSRUL VNQVJRVRV

RAIO DO SOL - îÉåÇç

OURO VERDE, PX. AO SESI - sÉåJ

Çç N éíç ÅçãÉêÅá~ä ÅLOéáJ ëçëK N⁄máëçW N éçåíç ÅL éí~ ÇÉ êçä~êK O⁄máëçWN èíç ÅL ïÅK kç íÉêãáå~ä Ççë ∑åáJ Äìë oAPOjáä cëWUNVTJ RUUQLVNSNJOQNT

179385398

OURO VERDE, PX. AO SESI - sÉåJ

Çç O Å~ë~ë EëÉé~ê~Ç~ëF íÇ~ë Éã _ÉÅçK s~äçê oANVjáäI oAOVjáä íÇ~ë ÄÉã äçÅ~äáJ ò~Ç~ë cëWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT

179385401

Å~ë~ Oèì~êíçë ëLOëíëI Ñçêê~Ç~I ÅÉêK ãìê~Ç~I éçêí©ç ÇÉ ~äìãK Ñáåç ~Å~Ä~ãK ÄÉã äçÅ~äáò oAURãáä cWVONNJNRSSL VOMPJPPVO

SANTA ETELVINA - îÉåÇç

179385903

SANTO AGOSTINHO - såÇ

Å~ë~ ãÉÇKTñNT H P âáíåÉí å~ ä~àÉ êÉåÇ~ ãÉåë~ä êANKOMMK oASRãáä cëWVOVVJQPUOL VOOUJRNRM ^éêçîÉáíÉ>

379384926

SANTSA ETELVINA - OèíëI ëäI ÅçòI

179385872

ëäI ÅçòI ïÅ ëçÅá~äI íÇ~ å~ ÅÉêßãK ÑçêêK Öê~ÇK ÅLéçåíç ÅçãÉêÅá~ä UñQK íÉêêK UñORK oAVMãáäK ^ÅK éêçéçëí~K ÅL íáíK ÇÉÑK É çìíê~ åç pK gçë¨ oAVMãáä cWVNSO PPMNL UNMP QNQU 179385966

SÃO JOSÉ 1 - Å~ë~ ÇÉ Oèíçë ëä~

OÅçòë OïÅë H N Å~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ ~íê•ë qÉêêWUñPM qáíK aÉÑK oASR jfi VOPRJ RSUPLUNRSJQRVR

379385600

SÃO JOSÉ 2 - Äç~ Å~ë~ ÇÉ ~äîK

OèíëI ëäI ÅçòI éèK Å~ë~ åçë ÑìåÇçëI íÉêêK ãÉÇK UñORI éñK Çç wÉò©çK oATUãáä cWVNPSJPMQP 179385020

SÃO JOSÉ 3 - Å~ë~ ~äî ãÉÇWTñNPIR

NKRãí ~ÅK Çç å∞îÉä Ç~ êì~ å~ ÅÉê ÅL OëíÉë ëä Åçò íÉêWUñOR ÅL íáíK ÇÉÑHå©ç ~Å ÑáåK éñ •êÉ~ Å ç ã É êK î ä o A S R ã á ä cWVQTMJTSSS

179385620

379385185

REDENÇÃO (PX A POLICLINICA) EM BECO - sÇç O Å~ë~ë ÇÉ ~äîK åç

SÃO JOSÉ 3 - Åë~ ãÉÇWSñU Oèíçë

ãÉëãç íÉêêÉåç ãÉÇ UñQM oAPMãáä cWUNQVJSRVVL VNOQJUVVQLUUORJUPPVL PSRNJVVSO `J OSUQK

179384438

ÅL Ö~êI ÅÉJ êßãI èìáåí~äI OèíëK oAQRãáä jçíK sá~ÖÉãK cWVOVUJ RTNVLVOMVJMMSS

REDENÇÃO - `~ë~

179384981

REDENÇÃO - PX AO HILEIA - sÇç Å~ë~

179384437

RIO PIORINI - Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI

ëäI ÅçòI ïÅI ãìêI íÉêêK éä~J åç UñOMI îÖ éL P Å~êêK oATMãáäK cW UNVTJRUUQL VNSNJOQNT

379385502

SÃO JOSÉ - îÇç Å~ë~ ÅLOèíçëI

ëäI ÅçòI ïÅI íçÇ~ å~ ÅÉêI ÑçêêI oAPMãáä cWVOOVJPTSM

OURO VERDE - OëíëI ëä Éëí~êL à~åí~ê

OURO VERDE - îÉåÇç Å~ë~ ÅL OèíëI

ë~ ÇÉ ~äîK ÅLOèíëI Ñçêê~ÇK å~ ÅÉêßãK Ö~êK éLP Å~êêçëI ÅL é•íáç ÅçÄÉêíç É èìáåí~ä oAQUjfi cWVNSNJSVMML VVTQJPTQP

PIORINÍ - sÉåÇç Å~ë~ ÅL O èíçëã

179385070

ëä~ Åçò îê Öê O îÖë qÉêêWNMñOR èì~ëÉ ÇÉ Éëèìáå~ ÅL^îK ^ê~íáíìÄ~ oARVKRMM VQTMJ TSSS

179385497

379384999

SANTA ETELVINA - îÉåÇç N Å~J

ïÅI ÅÉêßãI ÑçêêI Å~ë~ åçJ î~ éêçåí~ éL ãçê~ê oAPVjáäK cçåÉWVOOSJPRUQLUNQSJ QRSOK

ÅLOèíçëI ëäI ÅçòK •êÉ~I å~ ÅÉêßãK ÑçêêK Éëé~´ç ~ç ä~J ÇçK éêçñ ~ é~ê~Ç~ ÇÉ çåáJ Äìë oATMãáä cWUNQVJ SRVVLVNOQJUVVQLUUORJ UPPVLPSRNJVVSO `J OSUQK

379385173

Å~ë~ ÅL OèíçëI Oëä~ëI ÅçòI ïÅI ãìê~Ç~I íçÇ~ ÇçÅìãÉåí~J Ç~K ~ÅK éêçéK cWVNQQJ UROM

SANTA ETELVINA - îÇç

ëäI ÅçòI íÉêêK SñOSK oAQRãáä _^o^qlK cWVNPSJPMQPL VQRP QUTU

REDENÇÃO - sÇç Å~ë~ ÇÉ ~äîK

ë~ å~ ÅÉêßãI Öê~ÇI ÑçêêI Ö~êK ÅçÄI íÉêêK Öê~åÇÉ UñOPK oAPRãáä cWVNMUJMOPUL VORTJOOSTLVOUOJTUPS

179385695

179385242

PIORINI - Äç~ Å~ë~ ÇÉ ~äîK OèíëI

179385172

O èì~êíçëIÑçêê~Ç~ H éçåíç ÅçãÉêÅá~ä oAPRãáä cëWVOMQJSPUMLVPOOJRRRO

NOVA CIDADE/ PX AO DB - îÉåÇç

179385483

179385736

~äîÉå~êá~ Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòáJ åÜ~I ïÅIíçÇ~ å~ ÅÉêßãáÅ~ oAQOãáä ^ÅKéêçéçëí~ cWVOQPJ QTQML VNUQJPUTR

NOVO MILENIUM - îÉåÇç Å~ë~ Åçã

ÅçòK•êÉ~ ÇÉ ëÉêîKÉÇ∞Åìä~ ÅçòK Ö~êKÅçÄÉêí~ ÇÉ ÑêÉåíÉ éL Oêì~ë NNMãáä VOTSJQQOTLUOMO NROQ ïïïKçäñKã~å~ìëKÄêLäáåJ ÅçäåêáÄÉáêç

NOVA CIDADE/JOÃO PAULO II - Å~J

ëLOëìáíÉëIë~ä~IÅçòáåÜ~I å~ ÅÉêßãáÅ~I éÉÇê~ åç Öê~ åáíç Ñçêê~Ç~ oAURãáä cWVOOS RMRU VNNNJTVQRL UORQJOTQU

ãáëí~I íÉêêK NMñORI íçÇ~ ãìêK oARMãáä cWUNQVJSRVVL VNOQJUVVQLUUORJUPPVL PSRNJVVSO `J OSUQK

179385694

NOVO REINO - Å~ë~ ÇÉ ~äî ÅL Qèíë

Å~ë~ ÅL OèíëI å~ ÅÉê~ãI ÅL éçåíç ÅçãÉêÅá~äI oARSãáä cWVNROJ TMTQ

379384897

PARQUE SÃO PEDRO - îÇç Å~ë~ ÇÉ

ÅL ëäI OèíëI ïÅI ÅçòI ÑçêêI ãìêI Öê~ÇI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI ÅÉJ êßãI Ö~êK éL O Å~êêI éí©ç ÇÉ ÑÉêêç ÅçÄK ÅL íÉäÜ~ ÇÉ Ä~êJ êçI íÉêêK UñPM μíáã~ äçÅ~äK oATMãáäK cWVNVTJ MONN 179378685

î•êá~ë Å~ë~ë ÇÉ OLP èíçë ãÉÇKUñOR oAQMãáäI oAQPãáä É NNMjáä ÇçÅ çâKVNQRJ QQQPLVOMTJVONO

179385713

NOVA VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ åç

NOVA CIDADE - îÉåÇç Å~ë~ Åçã

PARQ.LARANJEIRAS E NAÇÕES - îÉåÇçI

NOVA VITÓRIA - Å~ë~ ÅL OèíçëI

NOVA CIDADE - îÉåÇç Å~ë~ Oèìíë

179385727

179385543

PARQUE INDUSTRIARIO - Å~ë~ Oéáëçë

NOVA VITÓRIA - îÇç Åë~ Oèíçë

ë~ä~IÅçòáåÜ~I å~ ÅÉêßã áÅ~ Héçåíç ÅçãÉêÅá~äI éçê íê•ë Çç ÇÄ é~ê~äÉä~ ëÉÅìåÇ ~êá~ R oARRãáä ìêÖÉåíÉ cWVNNNJ TVQRLVOOSJRMRULUORQJOTQU

ÅL Oèíçë ëÉåÇç NëíI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI å~ ÅÉêßãI ãìêI Ö~êI ÇÉ Éëèìáå~I íÉêêK NMñONK oANMMãáä cWVNQPJNSRUL VPPVJQPUQ

ë~ä~IÅçòáåÜ~I ÅÉêßãáÅ~I Öê~ÇK íçÇ~ å~ ä~àÉIíÉêêKVñOR HNâáíáJ åÉíÉ É åç O⁄ìã~ Åçåëíê ì´©ç oAQRãáä ÄÉã äçÅ~äáò~Ç~ VOOS JRMRULVNNNJTVQRL UORQ OTQU

ëäIÅçòáåÜ~IïÅI å~ ÅÉêßã áÅ~ Ñçêê~Ç~Iãìê~Ç~I Öê~ÇÉ ~Ç~ éêμñK~ç Åçä¨Öáç íKíìéáå~ åÄ~ oASRãáä cWVOOSJRMRUL VNNNJ TVQRL UORQJOTQU

179385732

P. DAS LARANJEIRAS - îÉåÇç Å~ë~

179384442

ÅçòI ïÅI ÑçêêI ÅÉêßãáÅ~ oAPRjáä cWVNQPJNSRUL VPPVJQPUQ

179385519

RIO PIORINI - Å~ë~

ÇÉëçÅìéK OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI Ñçê å~ ÅÉê~ãK ãìê~Ç~ oAPSãácWVOQNJNPNPL UNTMJPMMT

379375296

R I O P I O R I N I / A LV E N A R I A -

OèíëIëäIÅçòIïÅIíÉêêKTñOVI ëÉãáJãìê~Ç~IÅ~ë~ TñTIoAQOKRMMIMMKcWVOORJ RQUTLUNVQJQOUQK

179385638

RIO PIORINI/PX AO SHOP - Å~ë~ åçî~I

ÇÉëçÅI ~äîK OèíëI ëäI ÅçòI ïÅ ëçÅI ÑçêêI ÅÉêI Ö~êK oAQMjáä cWUNSVJPSNTLVOPRJ VOMU 179385057

SANTA ETELVINA - ~ç ä~Çç Ç~ TÇÉ

ã~áç Äç~ Å~ë~ Oèì~êíçë ë~ä~ ÅçòáåÜ~I íÉêêÉåç ãÉÇKNMñOT oAQRãáä ^ÅÉáíç Å~êêç åç åÉJ ÖμÅáç VNRSJPNQVLPOOP OSNR

179385430

ëä~ Åçò ÅÉê Ñçêê~Ç ïÅ Ö~J ê~Ö qÉêêWTISñOT ãìê oATMjáä VQTMJTSSS

379385168

STª ETELVINA - sÉåÇç iáåÇ~ Å~ë~

åçî∞ëëáã~ ÅL OèíëI ëäI ÅçòI ïÅK ëçÅI íÇ~ å~ ÅÉêßãI å~ ã~ëë~ ÅçêêáÇ~I ÑçêêI Öê~ÇI O îÖë å~ Ö~êI ÇÉëçÅI íÉêêK éä~åç ãÉÇK NSMãK oA QMãáä cWVNPOJ MRSVL UOOQJVORP 179385840

T.TAPAJÓS/JESUS ME DEU - mñK ¶

_ÉãçäK `~ë~ åçî~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI ÅÉêßãI ÇÉëçÅìé~Ç~K mêçåí~ båJ íêÉÖ~I ~ é~êíáê oAPSjáä cWVNMUJUOPULVNOUJPSSPL VORUJOOST

179385679

TANCREDO NEVES, PX. AO FUXICO -

îÉåÇç Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅK ëçÅI ÅÉêßãI íÉêêK UñPV ãìê ÇÉ ìã~ êì~ é~ê~ çìJ íê~K açÅK çâ> oASPãáä cWVNQPJNSRULVNQVJRVRV

VALE DO SINAI - èíI

ëäIÅçòI ïÅ oAORjfiK b çìíê~ Å~ë~I MO èíëI ëäIÅçòI ïÅK oAPRjfi cWVNOSJNSPM `JORQM mc ï ï ïK É ê å É ë í ç Å ç ê ê É J íçêKÅçãKÄê

Çç μíáã~ Å~ë~ ÇÉëçÅK ÅL OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI å~ ÅÉêßãI Öê~ÇI •êÉ~ éL Ö~êK oAPRãáä cWVOPTJQTNTL PPQOJ QMQR 179385828

TERRA NOVA - Å~ë~ ÅL OèíçëI ëäI

179385106

VENDO VÁRIAS CASAS - åç ÅàI èìáíI

ÇÉ î•êáçë î~äçêÉëK cWVOOVJPTSM

ÑçêK ÅÉê~ãK P âáíåÉí Éã ~åÇ~ãK íÉêêK NMñPM s~äçê ~ ÅçãÄK cWVOSVJOPSV

379385145

TERRA NOVA E M. DAS OLIVEIRAS -

îÉåÇç Å~ë~I ÅL OèíëI ëä IÅçò ÅçåàìÖ~Ç~I ÅÉê~ã IÑçêêI éáåí~Ç~I Öê~ÇK oAPVãáä cWVNROJ TMTQ 179385463

TERRA NOVA I - îÇç Å~ë~ Oèíë

ëä Åçò ïÅ ëçÅá~ä íÉêKNMñQM éä~åç oAPTãáä cWVNVMJ VMNM ÅKTUT éÑ

379384426

TERRA NOVA III - sÉåÇç ìã~ Å~ë~I

éêμñ ~ ^îK m~ëë~êáåÜçI ÅL NèíçëI ëäI ÅçòI •ê ëÉêîI Ö~êK cWVQQUJPTUT VOUMJTMPO s~äçê ~ Åçã Äáå~êI Ñ~ä~ê ÅL bÇãáäÇ~ 179366682

TERRA NOVA III - sÉåÇç ìã~ Å~ë~I

éêμñ ~ ^îK m~ëë~êáåÜçI ÅL OèíçëI ëÇç NëíÉI ëäI ÅçòI •ê ë É ê îI Ö ~ êK o A T M ã á ä cWVPNMJVPVRLVPMRJOVOV 179366680

T E R R A N O VA , P X . A O N O V O -

pÜçééáåÖ sá~ kçêíÉK Å~ë~ å~ ÅÉêßãI OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêKmêçåí~ båíêÉÖ~K oAQMãáä cWVNMUJMOPUL VORTJOOSTL VOUOJTUPS

179385707

379385388

179385390

ëÇç O ëíÉëIOëä~ë Åçò ïÅ ëÅ èìáåí~äI Ö~ê OîÖ~ë O⁄ Oèíë ëÇç N ëíÉ Oëä~ë Åçò î~ê íÉêêWUñOM ãìê oANNRjfi mñK mêçåíç pçÅçêêç cWVNQQJ NQPQ LUOONJRNSM

379384928

ZUMBI 1 - Åë~

Oèíçë ëä~ Åçò O~ãÄK ïÅ íÇç åç Äçñ Ñçêê Öê~ÇK •êÉ~ íçÇ~ ÅçåëíêK oAQRjfi VOPRJRSUPL UNRSJQRVR

379385598

ZUMBI 2 - Å~ë~ ÅL OèíçëI ëä~I

ÅçòI ïÅI Ñçêê~ÇI ãìêI Öê~ÇI ÅÉêßãI éêçñK ~ç ÅçäÉÖáç ^ÖêáÅçä~ ¶ NMMãÉíêçë Ç~ éêáåÅK oARRjfi cWVNQQJ NQPQ LUOONJRNSM

379384929

ZUMBI 2 - îÉåÇÉJëÉ O Åë~ë åç

ãÉëãç íÉêêK N Å~ë~ Qèíçë ëä~ Åçò ïÅ Ö~ê éíç ÅçJ ãÉêÅK ãìê ÅÉê Öê~Ç O⁄Åë~ P èíçë ëä~ ~ãÉêK ïÅ oANMMãáä mñK içí~´©çI Å~ëáåÜ~ ÇÉ ë~∫ÇÉI cWVNQQJNQPQ 379384945

ZUMBI 2 - îÉåÇÉJëÉ Å~ë~ Oèíçë

ëä~ÅçòãìêÖê~ÇÅÉêßãÑçêê~Ç H N âáíáåÉíÉ l_pW _ÉÅç oAPMjáä cWVNQQJNQPQ 379384943

ZUMBI 2 - îÉåÇÉJëÉ Å~ë~ Oèíçë

ëä~ Åçò ïÅ l_pW _ÉÅç oANUjáä mñK içí~´©çI Å~J ëáåÜ~ ÇÉ ë~∫ÇÉI ëìéÉêJ ãÉêÅ~ÇçëK cWVNQQJNQPQ 379384944

ZUMBI 3 - îÉåÇç Å~ë~ ÅL Oèíçë

ëL N ëìáíÉ ëä Åçò ïÅ ëçÅá~ä Ö~ê O îÖë ÑçêêK ãìê Öê~ÇK ÅÉêßãK cWVNPVJ OTPT

379383794

STª INÊS - íÉêêK NMñQM ÅL ÇÉÅäáJ

ZUMBI II - éñK _çã ÇÉ _çÅ~ îÇç

179385118

179385674

379385825

ÅçòI ïÅI Ñçêê~Ç~ å~ ÅÉêßJ ãáÅ~I ÇÉëçÅK oAQPjáä pμ ¶ îáëí~K cWVNMUJUOPUL VNOUJPSSPLUNNRJRSQM

Éëí~êLà~åí~êIÅçòáåÜ~ H~é~êJ í~ãÉåíçI Ö~ê~ÖÉã éL NÅ~êêç Äç~ äçÅ~äáò~´©ç URãáä UURRJ MQUQL VOTSJQQOTLUOMOJ NROQ îÉà~ ç ëáíÉ ïïïKçäñKã~J å~ìëKÄêLäáåÅçäåêáÄÉáêç

179385498

ZUMBI (BECO) - îÉåÇç ìêÖÉåíÉK

TERRA NOVA, PX. ESCOLA E ÔNIBUS - R Å~ë~ë åçî~ëI OèíçëI ëäI

îÉ Å~ë~ Éã ~äîK OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI ÄÉã äçÅ~äK oAQMãáäK cWVNNRJQOSSLUNOUJOUPUL UUOSJ MNRO

ARMANDO MENDES - Pèì~êíçëI ë~ä~

Oèíçë ëä Åçò ïÅ ÅÜìêK ÉÇáJ Åìä~ éK ÇÉ ~äìãK ÇÉëçÅKK ^ÅK Å~êí~ ÇÉ ÅêÉÇK cdqp oA NRRjáä cWPSQNJNOQUL VNSOJRQNQLVNRTJUOMQ

ZUMBI - Åë~ ÇÉ OmK N⁄mK Pèíçë

179385830

179385495

179385124

VILLA NOVA - îÉåÇÉJëÉ Åë~ ÅL

TERRA NOVA / ATENÇÃO VDO ÓT. CASA - åçî~I ÇÉëçÅìé~Ç~ ÅL

TERRA NOVA 2 - `ë ÅL Q ÅçãK ïÅK

ëä à~åí~êIÅçòKïÅ ëçÅá~äI ÉÇ∞ÅìäK •êÉ~ ëÉêîá´çK ïÅI ÑçêêK Öê~ÇK ÅÉê~ãKoASRãáä cWUURRJ MQUQ VOTSJQQOTLUOMOJNROQ éñ ~ é~ê~Ç~ ÇÉ ∑åáÄìë ïïïKçäñK ã~å~ìëKÄêLäáåÅçäåêáÄÉáêç

OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI ëÇç N ëíÉI Ö~êI ÅÉêK cWVOOVJPTSM

179385516

OèíçëI ëäI ÅçòI ïÅI Ñçêê~Ç~ å~ ÅÉêßãáÅ~I Öê~ÇÉ~Ç~ oAPOjáä cWVOPTJQTNTL PPQOJ QMQR

379385737

ARMANDO MENDES - PèíëIëä O ~ãÄ

VALE DO SINAI - sÉåÇç Å~ë~ ÅL

`~ë~ Éã ~äîK OèíëI ëäI ÅçòI ïÅI íÇ~ å~ ÅÉêßãI íÇ~ ãìêI èìáåí~ä éL ÅçåëíK P âáíáåÉJ íÉëK oAPRãáäK ^ÅK mêçéK cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT

ÅçòI ïÅI ÑçêêI ÅÉêßãáÅ~I ~Å~Ä~ãÉåíç ÇÉ NŸ oAQMjáä cWVNQPJNSRULVPPVJQPUQ

ëä Åçò O ïÅë Ö~ê ÇÉ ÉëJ èìáå~ ãÉÇWTñNO ~êK íçÇ~ ÅçåëíêìáÇ~ î~äçê oAROãáäK cW VONSJMQMTLVPOQJNPPN

379384487

179385586

TERRA NOVA - ^íÉå´©ç>> îÉåJ

ARM. MENDES - îÇç Å~ë~ ÅL P èíë

3 QUARTOS

Å~ë~ ÅL P èíë ëä Åçò ~ê ëÉêî íÇ Ñçêê ãìê íÉêW NMñOR îä NMMãáä ÅL ÑìåÇç éL çìíê~ êì~ cWVONSJMQMTLVPOQJNPPN

“CENTRO AV. TARUMÔ - O äáåÇ~ë

Å~ë~ë N⁄ éáëç Oèíçë ëä Åçò ïÅ î~ê~åÇ~ •êÉ~ ëÉêîá´ç O⁄ éáëç Pèíçë ÉíÅK oANUR jáä ^ÅÉáíç cáå~åÅá~ãÉåíç cW VRMT TOOO L UOMR QTUT

179385435

A L E I X O / P X J D PA U L I S TA -

MPèíëIëäKÅçòIïÅIä~J ÖÉIÖ~êIéLMPÅ~êJ êçëIÇçÅKçâKoANQRãáä ~ÅíK éêçéKcVOORJRQUTLUNVQJ QOUQK

179385651

ALFREDO NASC.1 ETAPA - íÉêê ãÉÇ

UñOMI Å~ë~ ÇÉ ~äîK ÅL P èì~êíçëI ÅçòI ïÅ éçê ãK îá~ÖÉãK oAOSãáäKcWVOORJ RQUTLUNVQJQOUQ

ARMANDO MENDES OPORTUNIDADE - îÇç Å~ë~ ÅL μíK äçÅ~äáòK ÅL

Qèíçë ëÇç PëíÉëI ëä Éëí~êK ÅçòK ïÅ ëçÅá~äK Ö~êK éL OÅ~êêçë H íÉêêK ~íê~ëK ÑçêêK ÅÉêßãK oAVMãáä k©ç ÑáJ å~åÅá~K cWVNSOJPPMNL UNMPJQNQU

179385964

BRAGA MENDES - îÇç Åë~ Pèíçë

ëä~ Åçò ïÅ î~ê~åÇ~ Öê~Ç íÉêêWNMñOR éä~åç íçÇç ãìJ ê~Ç Q î~Ö~ë ÇÉ Ö~ê~Ö oATR jfi cWVOPRJRSUPL UNRSJ QRVR 379385583

C NOVA/CAMPO DOURADO - Å~ë~ ÅL

ë~ Pèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~ oAPUãáä cWVOOSJRMRUL VNNNJ TVQRL UORQJOTQU

Pèíë ëÇç N ëíÉ É O ëÉãá ëíÉI ëä ~ãéä~ Åçò NâáíáåÉíÉ íÇ å~ ÅÉêK Ö~ê éL O Å~êêçë ãìê É Öê~ÇK íÉêWUñPM î~äçê oAURãáä ~ÅK íêçÅ~ éçê çìíê~ Å~ë~ ÇÉ ãÉåçê î~äçê å~ òçå~ äÉëJ íÉI çì éêçéçëí~ Éã Å~êêç ìíáäáí•êáç cWVQRSJQPMNL VNUNJQNTS

ALVORADA 2 - Pèíë ëÇç N ëíÉ ïÅ

C. NOVA / NUCLEO 10 - mñK pKlKp

179385631

ALIANÇA COM DEUS - îÉåÇç Å~J

179385733

Åçò î~ê H N ~éíç Ö~ê OÅ~ê éí ~ä∫ã oANRUãáäK q∞í ÇÉJ ÑáåáíK mñW ^î KgK cWVOQNJ SRVN 379385423

ALVORADA I - îÉåÇç ÉñÅÉäK Å~J

ë~ ÇÉ Éëèìáå~ ÅL PèíëI ëäI î~ê~åÇ~I ÅçòI ïÅK ëçÅK H P âáíáåÉíÉë ÅL ëäI èíI ÅçòI ïÅI ÅL í∞íìäç ÇÉÑK säK ¶ `çãÄK VQOMJOPRQLVPPQJPSQTL UONUJ NURR

179378615

AMAZ. MENDES - sÇç Å~ë~ Åçã

P èíçëI ëäLëä ÇÉ à~åí~êI ÅçòK ïÅ ëçÅá~äK m~êÅá~äãÉåíÉ å~ ä~àÉK Ö~êK éL O Å~êêçëK oATRãáä É çìíê~ éñ ~ oK éêáåÅK Çç `çã¨êÅáç oATRãáä cWVNSO PPMNL UNMP QNQU

179385967

AMAZON VILLAGE, TARUMÃ - Å~ë~

P èì~êíçë ë~ä~I ÅçòáåÜ~I N ïÅ ëçÅá~ëäI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîáJ ´çI TMIRM ã OSMKMMMIMMI Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNPPJ VSMO L UNVTJMMVM

179385653

379383409

îÇç ìã~ äáåÇ~ Å~ë~ O éáJ ëçë ÅL P ëìáíÉë O ë~ä~ë ÅçòK ïÅ ëçÅá~ä íÇK ÅÉêßãK ÑçêêK ÖÉëëç Ö~êK O îÖëK ~ÅK ÑáJ å~åÅK oAPPM jáä cVOSRJ TVTV 379385299

C. NOVA /CONJ.CIDADÃO 1 - îÇç Åë~

Pèíçë ëä~I ëä~ ÇÉ à~åí~ Åçò ïÅ Ö~ê~Ö éLO Å~êêçë •êK ÇÉ ëÉêîK ÅL Ñáåç ~Å~ÄK qÉêêWUñOM ãìê~ÇçIbëèKÇ~ éêáåÅK oANMMjfi cWVOPRJRSUP 379384950

C. NOVA II /NC.10 VENDO OU TROCO - éçê Å~ë~ å~ ÅKåçî~ f PëíÉëI

OéáëçëHÇÉéÉÇÆåÅá~ëI íÉêJ êNMñORI èìáí~Ç~ ÅL•êÉ~ îÉêÇK ~íê•ëKéêçåí~ éL Ñáå~åÅá~J ãÉåíç oAPNM jáä cWVOMSJ PUOSLPMUSJPUUT

179384902

C. NOVA/ CJ VILA REAL - Åë~ O ~åÇI

ÅL PëíëIN ÜáÇêçãKIëäI ÅçòI ÅÉê~ãI î~êI íÉêê UñOMI Ö~ê éLO Å~êêKoA OMMãáä ^ÅKéêçé `~êêçI íÉêêLÅë~K UUOTJ OTSOL VNPVJ SROP 179385760


Domingo, 25 de agosto de 2013

Domingo, 25 de agosto de 2013 6 do Amazonas | visite D24am.com Diário

CIDADE NOVA - `~ë~ ÅL Pèíë ëÉåÇç

3 QUARTOS

îÇç Å~ë~ PèíëEOëíëFIOëäIÅçòKïÅ éáJ ëÅKÅÜìêêK Ö~êKéí K~äìã oAOPMãáäK^Çá~åí~KoARãáä ^éêçåí~ãçë ÇçÅK éL ÑáåKVNVOJQPMMLVONSJVROR

C.NOVA II NLC.15 -

379385595

C.NOVA/ CJ.VILA NOVA - `ë ëÉãá

åçî~ ÅL Nëìáí ÅL ÅäçëÉíK OèíçëK ÉÇK ÅÜK Ö~êK éL QÅ~êêK ~ÅK Å~êêK oANRMHéêÉëíK VORVJNSMR

379385268

CAMPOS ELÍSEOS - μíáã~ Å~ë~ ÅLÖ~ê

ÅçÄ éLPÅ~êëI ëä Éëí~êLà~åJ í~êI Pèíë ëÇç NëíÉI ÅçéL ÅçòI íÉêKNRñPM ãìêI éí©ç ~äìãI oAORMãáä èìáí ~ÅKÑáJ å~åÅ É cÖíë cWUNTVJTVNR 379385319

CAMPOS ELÍSEOS SANDRA 8419 0691 - Å~ë~ P èì~êíçëI ë~ä~I ÅçJ

òáåÜ~I ~êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ïÅ ëçÅá~äI Ö~ê~ÖI R Å~êêçëI éáëÅáå~I ÉÇáÅìä~I ÇÉéÉåJ ÇÉåÅá~ ÇÉ ÉãéêÉÖ~Ç~I ä~J î~åÇÉêá~I oAPOMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNPPJ VSMO L UNVTJMMVM

179385563

CAMPOS ELISIOS - Å~ë~ P èì~êJ

íçëI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~ ÅçòI O ÉÇáÅìä~ëIP ïÅ ëçÅá~äI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI éáëÅáå~I Ö~ê~J ÖÉã P Å~êêçëI íÉêêÉåç QR ñ PM oA RMMKMMMIMM ÑáJ å~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPP TURU L VNTT UMPV L UNOM NSPT

179385365

CASA - éêçñK ~îK Ç~ë íçêêÉë ÅçåàK

_KkK Pèíë NëíI ëäI ÅçòI íçJ Ç~ åç éçêÅÉä~å~íç Ö~ê~J ÖÉã éLO Å~êKI ÉÇ∞Åìä~ oANRMãáä cWVNMMJRRRM 379385208

CASA - éêçñK ~îK Ç~ë íçêêÉë ÅçåàK

_ç~ë kçî~ë oANQMãáäI O ëìáíÉëI Åçò ~ãéä~I ëäI Ö~J ê~ÖÉã éL O Å~êêçë ÅçÄÉêí~ cWVNMMJRRRMLUNVOJMVSM

379385211

CASA PRÓX. AO NÚCLEO 16 - Pèíë

ëL NëíI ÅçòKI ÉÇ∞Åìä~I Ö~ê~J ÖÉãI éêçåí~ éL Ñáå~åÅá~ê oAOMMãáäK lÄëW içíÉ~J ãÉåíç kçîçK VNMMJRRRML UNVOJMVSM

379385202

CASTANHEIRA I - îÉåÇç ìêÖÉåJ

íÉ Å~ë~ å~ ~îK éêáåÅáé~ä ~ç ä~Çç Çç ÅçåàK `~ëí~åÜÉáê~ ÅL OèíçëI OëäëI OÅçòÛëI OïÅÛëI O Å~áñ~ë ÇÛ•Öì~K oAQSãáä cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385323

CD BARRA BELA - mè NMI ëμ OMMjáäK

`ÇK ÑÉÅÜ~ÇçI å©ç Ñáå~åÅá~ L kçîç ^äÉáñç OëìáíÉë L qáJ ê~ÇÉåíÉë ÅL éáëÅI i~àÉI cWVPQRJMPOSLUOOUJPUOU 379385438

CID.NOVA I QUITADA - éêμñáãç Ç~

OëíëI ëä ÇÉ Éëí~êLà~åí~êI éí~ë É à~åÉä~ë ÄäáåÇÉñI é•íáç ÅL Ö~êK ÅçÄK éL P Å~êêI Åçé~ ÅçòI ïÅK ëçÅI éêçåí~ éL Ñáå~åÅK oAOQMãáäKVQOMJOPRQL VPPQJPSQTLUONUJ NURR

179375937

Éã •êÉ~ ÅçJ ãÉêÅá~äK Åë Pèíë ëä ëí~êL àí~ê Ö~ê ÅçÄ éL PÅ~ê oAPPMãáä cWVSMUJNTNPLVPRUJ RQNT

CIDADE NOVA -

379385052

CIDADE NOVA /NUCLEO 16 - ÅL Pèíë

O ëä H éçåíç ÅçãÉêK íÇK ãìêK ~ÅáãÉåí~Ç~ säKÅçãÄáå~êK å©ç Ñáå~åKcWVOSTJORVQ L UNOU PQPT

179385259

CIDADE NOVA 3 - O ëì∞íÉëI NëÉJ

ãáJëì∞íÉI N ë~ä~I P ïÅI O îÖ Ö~ê~ÖÉãI ~êã•êáç å~ ÅçòI éáëÅáå~K oA POM jáäK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385214

^ã~J ÇÉì _çíÉäÜçI Å~ë~ Pèíë ëä Åçò ïÅ K Ö~êK éLOÅ~êêK ãìJ ê~ÇK Éã ÑêÉåíÉ •êÉ~ îÉêÇÉ oANUM jfi ^ÅK íêçÅ~ Éã ~éíç éêçåíç l_pW éçÇÉ ëÉê íê~åëÑK cWVQRRJSPSSLUNNQJ ONTV

CIDADE NOVA 5 - `çåàK

379385313

CIDADE NOVA, PX. AO DB - `~ë~ ÅL

ëäK ~ãéä~I ëä ÇÉ Éëí~êI ÅçJ é~ ÅçòI Pèíë ëÉåÇç NëíI Ö~êK ÅçÄK éL O Å~êêK H éåíç ÅçJ ãÉêÅI ÇÉ Éëèìáå~K mêçåíç éL cáå~åÅK oAORMãáäK VQOMJOPRQLVPPQJPSQTL UONUJ NURR

179375939

CIDADE NOVA/CAMPO DOURADO - mñK

¶ ^îK dK `~ë~ ÅL O ëäëI ÅçòI Pèíë ëÉåÇç OëíëI ïÅK ëçÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK ÅçÄI î~ê~åJ Ç~ ~ãéä~ Öê~ÇI ÅÉêßãI ÑçêêI Öê~ÇI é~ëë~ÖÉã å~ë ä~íÉJ ê~áëI ãìêK H N ~éíç ÅçãJ éäÉíç Öê~ÇI Ö~êK H éåíç ÅçJ ãÉêÅK íÉêêK NMññPMK oANPMãáäK cWVNVTJMONN 179381196

CIDADE NOVA/CAMPO DOURADO - qÇ~

å~ ä~àÉ Å~ë~ ÅL OëäëI PèíëI ÅçòI ïÅI ëäK ÇÉ à~åí~êI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI èìáåí~äI ãìêI Öê~ÇI ÅÉêßãI Ö~êI éí©ç ÇÉ ~äìãK H éåíç ÅçãÉêÅK å~ éêáåJ ÅáéI μíáã~ äçÅ~äK oANOMãáäK cWVNVTJMONN èì~êíçëI ÅçòáåÜ~Ië~ä~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI éáëÅáå~I Ö~ê~J ÖÉã é~ê~ Q Å~êêçëIP ïÅI ã~ë O ~é~êí~ãÉåíçëI PUMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNPPJ VSMO L UNVTJMMVM

179385640

CJ. TIRADENTES - PëíÉëI ëä O ~ãÄI

iîÄçI Åçò ãçÇI ÄäáåÇÉñI Ö~ê PÅ~K éçêíK ~äìãK ÉäÉíK êì~ ä~êÖ~I ä~àÉI éáëÅáå~ H ~åÉñç O ëíÉëK çíã äçÅ~äòK cWVPQRJMPOSL UOOUJPUOU

CIDADE DE DEUS - éêμñK~ç íÉêãK

CJ.31 DE MARÇO - éêçñK ~ Å~áñ~

QMU îÉåÇç Å~ë~ Pèì~êíçë ë~ä~IÅçòáåÜ~IïÅ HÅ~ë~ ÇÉ ~äîKOèíëIëäIÅçòK ïÅ åçë ÑìåÇçë ãìêK Ö~êK éç´ç ~êíÉëK ãçíKÇÉ îá~ÖÉã oASUãáä ëμ ~ îá ëí~ cWVQUOJMORML UNROJVSMQ

179385093

CIDADE DE DEUS - îÇç Å~ë~ Pèì~êíë

ÇÉ Éëèìáå~I Ñçêê~Ç~I å~ ÅÉêK Ö~êKPÅêëIíÉêêK~ãéäç Héíç Åãä íçÇ~ ãÉêÅ~Ççêá~ oAOMMãáä éêμñK~ éêáåÅáé~ä cWVOOSJ RMRUL VNNNJTVQRL UORQJOTQU

179385659

CIDADE DE DEUS - îÉåÇÉJëÉ îáJ

ä~ ÅL MT âáíáåÉíÉëI éçåíç ÅçãÉêÅK qÉêêWNPñOR éä~åç ãìê~Çç oANRMjfi k~ éêáåÅáé~ä cWVOPRJRSUPL UNRSJQRVR

379384949

CIDADE DE DEUS, PX. À CASA LOTÉRICA - Pèíë ëÉåÇç NëíI ëäI ÅçòI

ïÅK ëçÅI ÑçêêI å~ ÅÉêßãI ãìêI íÉêêK NMñORK oASRãáäK cWVNQVJRVRVL VNQPJNSRU 179385614

CIDADE NOVA - Å~ë~ PèíëIëäIÅçòK

ãìêKÅÉêKÖê~ÇKíÉêêÉåç ~ã éäç ÄÉã éêμñáãç ~ ~îKíáãÄá ê~ë oANUMãáä ^ÅÉáíç Ñáå~åÅá~J ãÉåíç cWVOOSJRMRUL VNNN JTVQR LUORQJOTQU

179385716

P ëíÉëI ë~ä~ P~ãÄI ïÅI P îÖÖ~êI ~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ä~î~ÄçI ÇÉéK ÉãJ éêÉÖ~I ÉÇ∞Åìä~I •êÉ~ ÇÉ ä~òÉêI ÅÜìêê~ëèìÉáê~I Åçò áåíÉêJ å~ É ÉñíÉêå~I ÉëÅêáíμêáçI ÇÉëéÉåë~I O é~îáãÉåíçëK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385226

COND. ILHAS GREGAS – P. NEGRA - P

èíçë ëÉåÇç O ëì∞íÉëI ë~ä~I ÅçòI O îÖ ÇÉ Ö~ê~ÖÉãI VQãOK oA QSM jáäK PMUTJVOROL VQUPJPSRR

179385255

COND. NÁPOLES – P. NEGRA - èíçë

ëÇçN ëì∞íÉI Åçé~I ë~ä~ O ~ãÄKI O îÖë ÇÉ Ö~ê~ÖÉãK i~òÉê ÅçãéäÉíçI Åçã •êÉ~ ÇÉ UOãOK oA PQM jáäK ^ÅK cáJ å~ÅK PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385258

COND. VILA DOS PÁSSAROS - qçêèK

q~éà P èíçëI N ë~ä~I O ïÅI O îÖ Ö~ê~ÖÉãI •êÉ~ ÇÉ ä~J òÉê É ÅÜìêê~ëèìÉáê~K oA OMM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR 179385244

COND.ATLANTIS P.10 PROX.DB -

sÉåÉò~I `~ë~ PëìáíÉë ëLN ã~ëíÉêLÅäçëÉíJîáÇêç ÄäáåJ ÇÉñK bñÅÉäÉåíÉ ~Å~Ä~J ãÉåíç éçêÅÉä~å~íçJÖê~åáJ íçJíÉäÜ~ ÇÉ Ä~êêçJs VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR

379385464

ÉÅçåçãáÅ~I íÉêêKNRñORI ãìêI ÑçêêI ÅÉêI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI Ö~ê éLMR Å~êêçëIoA OVMãáäK cWVOORJRQUTLUNVQJQOUQK 179385663

COL. SANTO ANTÔNIO -CASA NOVA -

éñK ~ç `àK j~å∑~ ÅLPèíçëI ëäI ÅçòI ÑçêI Ö~ê~Ö oATRjáä cWVOPOJONMOLUNRPJUMTVL PRUN ORQU 179384956

COMPENSA 2 PRÓX DA PONTE. - îÇç

Åë~ ÅL ëä P èíë Åçò ïÅ íÇç éáëç Öê~åáíç Éëíêìíìê~ ä~àÉ é O éáëçëKëÉêîÉ éL ÅçãÉê çì êÉëáÇK oANMMãáä cWVNPT MTSPLUOTT OVURK

179384913

COND. ACQUA – PQ. DEZ - P èíçëI

ëÇçN ëì∞íÉI ëä~ O ~ãÄIïÅI O îÖ Ö~ê~ÖÉãI N ä~î~ÄçI ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~K oA RM jáä H paK PMUTJVOROLVQUPJPSRR 179385251

COND. CRUZEIRO DO SUL - mèK i~ê~åàK

J O ëíÉëI ë~ä~ O~ãÄI P ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ÅçåÇK cÉÅÜ~J ÇçI ÉÇ∞Åìä~I ÅÜìêê~ëèìÉáJ ê~I •Öì~K oA PRM jáäK ^ÅK cáå~ÅKPMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385220

DOM PEDRO II - Å~ë~ Pèì~êíëI ë~ä~

ÅçòáåÜ~ ÉñíÉêå~I ãìê~Ç~I ÅÉêK Öê~ÇÉ~Ç~ é~êÅá~äãK ÑçêêK åç ÖÉëëçI íÉêêKNPñOO éêμñK~ç ÅÉÅçå oANSMãáä cWVNNU MNTP UNQNJVTURL VQTTJPSTO 179385367

FAZENDINHA - îÇç Å~ë~ ÅL Pèíçë

ëL N ëìáíÉ ëäL ëä à~åí~ê ÅçòK é•íáç Ö~êK ÅçÄÉêíK ÑçêêK Öê~ÇK ÅÉê©ãK éç´ç ~êíëK íKUñSM é~êÅK ãìê~Ç~ éáëÅáå~ ïÅ ÉñíÉêJ åç oATR ãáä cWVNNPJMMTT

379384548

FRANCISCA MENDES - îÉåÇç Å~J

ë~ ÅL P èíçëI ëä éL O ~ãÄI ÅçòI ïÅI ÅÉêßãI ãìêI ÑçêêI Ö~êI ÇÉ Éëèìáå~K oANOMãáä cWVNQPJNSRULVNQVJRVRV 179385532

GRANDE VITÓRIA - îÇç OÅë~ë åç

ãÉëãç íÉêêK N⁄ ÅL Pèíçë ë~ä~ Åçò ïÅK O⁄ Oèíçë ëä~ Åçò ïÅ ëÉãá ~Å~Ä~Ç~ éñK ÇÉ ÅçJ ä¨Öáç ∑åáÄìë qÉêêWUñOR oA RM jfä cWVNQQJNQPQ L UOONJRNSM

379384934

GRANDE VITÓRIA - VENDO URGENTE - Å~ë~ ÅL PèíçëI ÅçòI ïÅI

íÉêêÉåç íÇç éä~åçI Ö~ê~J ÖÉã H N éíç ÅçãÉêÅá~ä oATTjáä cWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT

179385351

Å~ë~ ÅL Ö~J ê~ÖÉã P èíçë H O ~éíçë íìÇç ëíÉI åçîçI çíáã~ äçÅK cWVOSNJUTPT

HILÉIA I - îÉåÇç

379385092

179384810

COND.BOUGAINVILLE - mèK aÉòJ

P èíçë ëÉåÇç N ëì∞íÉI O ë~ä~ëI O ïÅI N îÖ Ö~ê~ÖÉãI ~êJ ã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ÅÇ ÑÉÅÜ~ÇçI •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~K oA OUR jáäK ^ÅK cáå~ÅKPMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385252

CONJ. CASTANHEIRA - îÇç Å~ë~

ÅLéíç ÅçãÉêÅK Pèíçë ëä~ Åçò ïÅ ÅÉêßãK Ñçêê~Ç Öê~Ç qÉêêWUñOM éä~åç ãìê~Çç oATM jáä cWVNQQJNQPQL UOONJRNSM

379384927

CONJ. CASTANHEIRA, NA AV. PRINC - îÉåÇç äáåÇ~ Å~ë~ K ^ÅK ÑáJ

å~åÅK ÅL Pèíë ëÉåÇç NëíI OëäëI Åçé~ ÅçòI ïÅI Ö~êK ÅçÄK éL P Å~êêI èìáåí~äI íÉêê NOñORK oAOPMãáä cWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT

179385639

179381200

CJ. ARUANA, COMPENSA - Å~ë~ P

éê~´~ ÇÉ ~äáãÉåí~´©ç μíá ã~ äçÅ~äáòK èìáí~Ç~ PèíëI ëäI OïÅÛëI Åçé~IÅçòK •êKëÉêîK Ö~êK èìáåí~äI μíáã~ äçÅ~äáòK oANTRãáä PMUOJ MMSPL VNNVJMPSSL UNTVJ NQQP

179385931

COND. HOUSE VILLE - mK kÉÖê~ J

CONJ. HILEÍA - Pèíë ëÇç N ëíÉ ïÅ

Åçò éçêÅ åçî~ NMñPM éí ~ä∫ã oANQRãáäK nìáíK jçí îá~ÖL mñW éêáåÅáé~äK cWVOQNJ SRVN 379385415

CONJ. JOÃO PAULO - îÉåÇç Å~J

ë~ ÅLPèíçëI ëä~I ÅçòI ïÅI ÅÉêßãI Ñçêê~ÇI éí©ç ÇÉ ~äìãK H P~éíçëI ÅLëä~I ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK Å~Ç~ KqÉêêKNMñPP oANOMãáä cWVNQVJRVRVL VNQPJNSRU

179385559

CONJ. MANAUENSE - Å~ë~I Ö~êI

à~êÇáãI î~ê~åÇ~ ÅçÄÉêí~I ëäI Pèíçë ëL N ëìáíÉI ïÅI ÅçòI ~êK ëÉêîK ÇáëéÉåë~I ÅÜìêê~ëèK ~Å Ñáå~åÅLcdqp cWUNTVJ TVNRLVPVMJVTMR 379385303

CONJ. VERSALHES - O èíçë ëä ïÅ

Åçò ÇÉëçÅK H N ~éíç ÉÇáJ Åìä~ Ö~ê~ÖK NOñOR éçêí~ç ÇÉ ~äìãK ÉñÅÉäÉåíÉ äçÅK oA OQRjáä ^ÅK cdqp É ÑáJ å~åÅK cWVOQNJSRVN 379385334

CONJ. VILA REAL – CDD. NOVA - P èíçëI

N ë~ä~I O ïÅI Q îÖ Ö~ê~J ÖÉãI ~êã•êáçë å~ ÅçòI ÉÇ∞Åìä~K oA NVM jáäK ^ÅK cáå~ÅKPMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385216

CONJUNTO CANARANAS - îÉåÇç Å~ë~

Pèì~êíçë ëLNëì∞íÉI ë~ä~I ÅçòK ãìêK Öê~ÇK ÅÉêK ÑçêêK íÉêêKNRñOR èìáí~Ç~ oAOMMãáä cWVOOSJ RMRUL VNNNJTVQRL UORQJ OTQU 179385724

D. PEDRO I - P

èíçë ëÉåÇç O ëì∞íÉëI ëä~ P ~ãÄI ïÅI P îÖ Ö~ê~ÖÉãI OMNãOI ~êã•êáJ çë å~ ÅçòK oA PRM jáäK ^ÅK cáå~ÅKPMUTJVOROLVQUPJPSRR 179385222

DISTRITO III - Å~ë~ ÅL Pèì~êíçë

ëÉåÇç Nëì∞íIëäIÅçòáåÜ~ ~ãéä~ Ö~ê~ÖÉã ÅçÄÉêí~I éçêí©ç ÇÉ ~äìãáåáç oAVUãáä cWVNPOJ VUUOLUNQPJPRQVLPMUOJMPSM

179385627

HILLS PARQUE, PQ/ LARANJEIRA - Å~ë~

P èì~êíçëI ëÉåÇç O ëì∞J íÉëI ìã~ ã~ëíÉê Åçã ÅäçJ ëÉíI éçêÅÉäÉå~íçI ÖÉëëçI NQM ã ÅçëåíêìáÇçI íìÇç Åçã ãçÇìä~Çç éêçàÉí~ÇçI ÄäáåJ ÇÉñI Åäáã~íáò~ÇçI QUMKMMMI Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNSMJ QOPT L UOUMJTUQM

179385641

JAPIIM - Å~ë~ O éáëçëI Ö~ê Q

Å~êêçI P ëìáíÉëI O ëäëI ÅçJ é~LÅçòI ÇÉéÉåÇK ÉãéêÉJ Ö~Ç~I ~éíç éL ÜçëéÉÇÉI ^Å cdqp É cáå~åÅK cWUUMTJ QSTTLVPVMJVTMR 379385280

JAPIIM - Å~ë~ ÅL Pèíçë ëÇç NëíÉ

Oë~ä~ëI O ïÅë Ö~ê~Ö éL OÅ~êêK éáëÅK íÉêK QOMãO oA QOMãáä ~ÅK Ñáå~åÅKcWUONSJSMPV

379385138

JAPIIM 1 PX A FEIRA COBERTA - ÇÉ

Éëèìáå~ å~ éêáåÅáé~äI PèíëI NëíI ÇÉ ä~àÉI OëäëI Ö~ê éL OÅ~êêçëI íÉêê NRñOR s~äçê ~ ÅçãÄK cWVNNOJNVNSL VPTNJQNSU

179385514

JARDIM SAKURA - P

ëíÉëI ë~ä~ O~ãÄI O î~Ö~ ÇÉ Ö~ê~J ÖÉãI NOMãO ÇÉ •êÉ~ éêáJ î~íáî~I ä~î~ÄçK oA PRM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJVOROL VQUPJPSRR 179385232

JESUS ME DEU - îÉåÇç N μíáã~

Å~ë~ å~ éêáåÅáé~ä ÅL PèíëI ëäI ÅçòI ïÅ oARRãáä cWVOSPJOQRMLUONPJUTNM

379385893

JORGE TEIXEIRA 1ª ETAPA - îÉåJ

Å~ë~ ÅLPèíë ëä Åçò Ö~ê~ÖÉãK _Éã äçÅ~äáò~Ç~KoAURjfi É çìJ íê~ ÅLOèíë oAQPjfi cWVOVVJQPUOLVOOUJRNRM

LIRÍO DO VALE 2 - îÉåÇç

379384931

LÍRIO DO VALE, BEM LOCAL - sÉåJ

Çç Å~ë~ ÅL Pèíë ëÉåÇç NëíI Åçé~ ÅçòI ëäK O ~ãÄI ä~J î~åI èìáåí~äI Ö~êK éL Q Å~êêK oANPRãáä cWVNPTJMTSPL UOTTJOVUR

179384914

MONTE DAS OLIVEIRAS - PèíçëI

ëä~IÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêJ îá´çI ãÉÇ ORñQMã cçåÉW VOSUJQUQNLUORRJSTMVK

179384409

MONTE DAS OLIVEIRAS - îÉåÇç N

pìéÉêãÉêÅ~Çç H ÇêçÖ~J êá~K ãÉÇK UñOM H êÉëáÇÆåJ Åá~ åçë ~äíçëI ÅçåíÉåÇç Pèíë ëÉåÇç NëíI OëäëI ÅçòI ïÅK ëçÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI Ñáåç ~Å~ÄK oAPRMãáäK cWVNPOJMRSVL UOOQJVORP

179385836

MORADA DO PARK - ~éíç NVO ãI

P ëì∞íÉë ëÉåÇç ìã~ ã~ëJ íÉê Åçã ÅäçëÉíI ë~ä~ O ~ãJ ÄáÉåíÉëI ÅçòáåÜ~ ~ãéä~I ÉëÅêáíμêáçI ë~ä~ ÇÉ à~åí~êI ä~î~ÄçI•êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI O ïÅ ëçÅá~´äI éáëÅáå~ åç íÉêJ ê~´çI ÅÜìêê~ëèìÉáê~I~Å~J ÇÉãá~I éêÉÖä~ìÇI ë~ä©ç ÇÉ àçÖçëI ÄêáèìÉÇÉçíÉÅ~I ÄäáåÇÉñI éáëÅI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~I ~äíç é~ Ç ê © ç I Ö ~ ê ~ Ö K P î ~ J Ö~ëIURMKMMMIMMÑáå~åÅá~ ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNSMJQOPT L UOUMJTUQM

179385850

MORRO DA LIBERDADE - Pèíë ëÉåÇç

NëíI ëäI ÅçòI ïÅ ëçÅI Ö~êI íÇ~ ãìêI éí©ç ÇÉ ÑÉêêçK oATRãáä cWPSOQJUVVTLVOTSJVOVP 179384412

MUTIRÃO/AMAZONINOMENDES- îÉåÇç

ìêÖÉåíÉ> Å~ë~ ÅL PèíëI ëäI ÅçòI ïÅI ãìêI íÉêêK UñPMI ÇÉJ ëçÅK oAPRãáä Eåç _ÉÅçFK ^Å éêçéK cWUNVTJRUUQLVNSNJ OQNT

179385393

ÑÉáê~ åçî~ äìò îÉåÇç Å~ë~ Pèì~êíçëIëäIÅçòáåÜ~I ïÅI ÑçêêK å~ ÅÉêK éç´ç ~êíÉëK íÉêêK NMñOM oAPTãáäÇÉëçÅìé~Ç~cWVNOTJ PMOQLUONQJSRVOLVOTTJPNRT

179385886

LIRIO DO VALE - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

Éëèìáå~ Pèì~êíçëIë~ä~I ÅçòáJ åÜ~I ïÅ oAURãáä cWVOQPJ QTQML VNUQJPUTR

Åáé~ä îÉåÇç Å~ë~ Pèíçë ëä Åçò P ïÅë ÅÉêßãK é~êÅá~ä å~ ä~àÉ íÉêêKUñOR íçÇ~ ãìJ ê~Ç~ oASRjáä cWVOSRJ TVTV

379385282

NOVA VITÓRIA - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ

~äîK ÇÉëçÅK ÅL PèíëI ëäI ÅçòI OïÅÛëI íÉêêK UñPM éä~åçI åç ~ëÑ~äíçK oAPVãáä cWUNVTJ RUUQLVNSNJOQNT

179385321

NOVO ALEIXO - MP èíëI ëÇ MN ëíÉI

ëäI Åçò ~ãÉêK ä~ÖÉI NŸ Ü~ÄK ÉåíêÉÖ~ Éã àìåÜçK éêμñK ~ç ÅÜ~é¨ì Öçá~åçK oA OSMjfi ~ÅK cdqp cW VOQNJSRVN

379385368

NOVO ALEIXO - îÇç Å~ë~ ÅL Pèíç

ëÇç NëíÉI ëä Öê~åÇÉI ïÅ ëçÅá~äI Åçò É •êK ëÉêîK Ö~êK ÅçÄÉêJ í~ éLNÅ~êêçK íÇ~ å~ ÅÉêßã É Öê~ÇK íÉêêK UñORK oANMMãáä k©ç Ñáå~åÅá~K ^ÅK íêçÅ~ Éã Å~ë~ ÇÉ çìíêç _~áêêçK cWVNSO PPMNL UNMP QNQU 179385963

NOVO ISRAEL - îÇç ãáåá mê¨Çáç

I íÉêêK UIRñRMãI O ~åÇ~J êÉëK N⁄ ~åÇ~ê ÅL P âáíåÉíë éêçåí~ë éL ~äìÖ~êIO⁄ ~åJ Ç~ê Éã ÅçåëíKI ÅL •Öì~Iäìò É éç´ç ~êíKoARRãáäI ãçíK ÇÉ îá~ÖÉãI~ÅK éêçéKKcWVNOSJ USPOLVOSPJORTT

379385170

ã¨ÇK îÇç Å~ë~ èìáí ÅL Pèíçë Ö~ê ÅÉêßãK ãìêK Ñçêê oASU jáä cWVOPVJSMUNLVOPVJ SMVOLPPQPJ VPMM

379384898

NOVA CIDADE - Å~ë~ PèíëI ëäI ÅçòK

179385718

~Å~ÄK PèíëI ëäI ÅçòI ãìêI Ö~êI èìáí~Ç~K oAURãáä cWVNPSJ PMQPLVQRP QUTU

179385032

NOVA CIDADE - îÇç äáåÇ~ Å~ë~

êÉÑçêã~Ç~ Oéáëçë PëíëIOëäëI ÅçòK î~ê~åÇ~I ÄäáåÇÉñI •êKëÉêîK HQéçåíçë ÅçãÉêÅá~áëI ÇÉéK ÉãéêÉÖK Ö~êKRÅêëI ÇÉ ÉëJ èìáå~ oAPVMãáä cWVOOS RMRU VNNNJTVQRL UORQJOTQU

179385721

NOVA CIDADE, - Äç~ Å~ë~ ÇÉ PèíëI

ëäI ÅçòI å~ ÅÉêßãI ÑçêêI ÇÉ Éëèìáå~K oASRãáäK cWVQRPJQUTULVNPSJPMQP 179385010

NOVA CIDADE, PX. À CURAÇAL - `~ë~

379384893

179381430

379384424

P.10 -SHANGRILLA PROX. VENEZA -

Éã ~îÉåáÇ~ ÅçãÉêÅá~äI Å~ë~ Pèíçë ëÉåÇç N ëì∞íÉI ë~ä~I Ö~ê~ÖÉãK oA OTMKMMM Åçã Ü~ÄáíÉJëÉ ÇçÅKlâ cW s VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR 179384812

PARQUE 10 - Å~ë~ P èíçëI ëÉåÇç

MN ëì∞íÉI ëä~I ÅçòáI•êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çIÑçêê~ÇçI Ö~ê~ÖÉã R Å~êêçë oA PRMKMMMIMM ~ îáëí~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã cW POPP TURUL VNPP VSMO L UNVT MMVM

179385304

179385862

179385349

P èíçë ëL NëíI ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI ÅÉêßãI Öê~ÇI ãìêI ÄÉã äçÅ~äK oASRãáä cWVNQPJNSRUL VNQVJRVRV Å~ë~ ÅL P èíçë ëL NëíI ëäK à~åí~êLÉëí~êI ÅçòI ïÅI ÅÉJ êßãI Ö~êK éL O Å~êêI éí©ç ÇÉ ~äìãI íÇ~ åç ÄäáåÇÉñI Ñáåç ~Å~Ä~ãÉåíç oANSMãáä cWVNQPJNSRULVNQVJRVRV

179385550

OSWALDO FROTA - Å~ë~ ÇÉ ÉëJ

èìáå~ íÇ~ å~ ÅÉêßãáÅ~I Ö~ê~ÖÉã ÅçÄÉêí~I ÅL Pèíçë ëL NëíÉI ïÅ ëçÅI ëäI ÅçòI Ñçêê~Ç~ oAVRjáä cëWVNMUJ UOPULUNNRJRSQM 179385676

OURO VERDE - îÉåÇç Å~ë~ ÇÉ ÉëJ

èìáå~ å~ ä~àÉ ÇÉëçÅìé~Ç~ Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅ Öê~ÇKÅÉêKãìêK ÄÉã äçÅ~äáò oASTãáä cWVNNUJMNTPL UNQNJ VTURL VOTSJQUMP

179385326

Ö~ê~ÖÉãI ~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ÉÇ∞Åìä~I éáëÅáå~K oA PRM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR

179385218

REDENÇÃO - îÉåÇç Å~ë~ Pèì~êíçë

PÇA 14 - N níçI PëíÉëI ë~ä~ O

REDENÇÃO - îÉåÇç Å~ë~ë Pèíë

P ëíÉëI éç´ç ~êíK ÑçêêK å~ ÅÉêßãK oANMMãáä ~ îáëí~ cWUNPVJVQSP 179384797

TñPMI ÅçòI èìáåí~äI éêμñK ~ç eáä¨á~K oA NPMjfi ~ÅK éêçéK ÇçÅ çâK jçíK îá~ÖÉãK cWVOQNJSRVN 379385362

ë~ä~IÅçòáåÜ~IïÅIÖ~êKéL QÅêë íÉêêÉåç íçÇç ãìê~Çç ãÉÇK NNIRñOU oANOMãáä cWUUOUJ QOSQL VPNNJPVQQ

179384922

179385314

~ ã Ä I ï Å I P î Ö Ö ~ êI PMMãOI~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ÇÉé ÉãéêÉÖ~ÇçI ÉÇ∞Åìä~I éáëÅáå~I ÅÜìêê~ëJ èìÉáê~I íÉêêÉåç ãÉÇK VMMãO oA TRM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385238

ë~ä~ Åçò Åçã ìã ~éíç ~íê~ë cWVNMRJSUPVLPMUOJ MUTO

379384257

ÇÉ O éáëçëK N⁄ éáëç PèíëI ëäI ÅçòI èìáåí~äK O⁄ éáëç OèíëI ëäI ÅçòI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK oAURãáä cWVNPSJPMQP 179385044

PONTA NEGRA - O èíçëI NëíÉI ë~ä~

O ~ãÄI ïÅI S îÖ Ö~ê~J ÖÉãI ÇÉé~êí~ãÉåíç ÇÉ ÉãéêÉÖ~Ç~I •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉíçK máëÅáå~I ÅÜìêJ ê~ëèìÉáê~I ÉÇ∞Åìä~K oA SRM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR 179385239

PONTA NEGRA I - P

èíçëIëÉåJ ÇçN ëì∞íÉI ë~ä~ O ~ãÄáÉåJ íÉëI Åçò ~ãéä~I Åäáã~íáò~J ÇçI ä~î~ÄçI ïÅ ëçÅá~äI Ä~J åÜÉáêç ÉñíÉêåçI ÉÇáÅìä~I éáëÅáå~ Åçã Å~ëÅ~í~I ÄäáåJ ÇÉñI éçêÅÉäÉå~íçIÖÉëëçI ÅL ~êã~êáçë éêçàÉí~ÇçëI à~êJ ÇáãI Ö~ê~ÖÉã P Å~êêçëI oA TRMKMMMIMMI Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã POPP TURULVNPP VSMO L UNVT MMVM

179385454

PQ.10 PX.AV.DAS TORRES - Å~ë~

Pèíë ëLNëíIëä Éëí~êLà~åí~êI ÅçòK ïÅ ëçÅK •êKëÉêîKÖ~êKQÅêëI éç´ç Ñçêêç ÖÉëëçIÄäáåÇÉñ oAPTMãáä ^ÅKÑáå~åÅK cWUURRJMQUQL VOTS QQOTL UOMOJNROQ ïïïK çäñK ã~å~ìëKÄêLäáåÅçäåêáÄÉáêç

PQ/ 10, JARDIM DE MILLANO - Å~J

ëì∞íÉëI ÅL î~ê~åÇ~I ëä~ O ~ãÄI ë~ä~ ÇÉ à~åí~êIN ä~î~ÄçI ÅçòI ÇáëéÉåë~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK ÉëÅêáíμêáçI íìÇç åç ÖÉëëçI ÄäáåÇÉñI Öê~åáíçI ÅÜìêê~ëJ èìÉáê~Ië~ä©çÇÉÑÉëí~IéáëÅáå~I Ö~ê~ÖÉã Q Å~êêçëI Ñáåç ~Å~Ä~ãÉåíçIoA RUMKMMM Ñáå~åÅá~K ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã cW POPP TURUL VNTT UMPV L UNOM NSPT

179385915

RAIZ - P ëì∞íÉëI O ë~ä~ëI Q îÖ

Å~ë~ PèíçëIëÉåÇç N ëì∞íÉ ÅL ÅäçëÉíI ä~î~ÄçI ïÅ ëçÅá~äI ëä~ O ~ãÄáÉåíÉëI •K ÇÉ ëÉêîáJ ´çIÅçòIãçÇìä~ÇçëIÅL ÑçJ Ö©ç ÅççâíçéI ëéäáíë éÉêëáJ ~å~ëI ÄäáåÇÉñI éçêÅÉäÉå~J íçI oA QMMKMMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã cW POPP TURULVNPP VSMO L UNVT MMVM

PARQUE LARANJEIRAS -

P. 10 PROX.AV.TORRES - Å~ë~ ÅL

179384811

ëçë Héçåíç ÅçãÉêÅá~ä Pèíë ëLOëíÉëIëäIÅçòKéç´ç ~êíÉëK ãìêK oAUMãáä cWVONNJ NRSSL VOMPJPPVO

REDENÇÃO - MO éáëçëI Ö~ê~ÖI íÉêê

179385494

P. NEGRA COND. PAZUELO - Å~ë~ P

179385506

RAIO DO SOL - îÉåÇç Å~ë~ OéáJ

179385340

Pèì~êíçë ëLNëì∞íÉIî~ê~å Ç~ ÉëÅêáíμêáçIÅçòáåÜ~I Öê~ÇÉ ~Ç~ ãìê~Ç~Iéçêí©ç ÇÉ ~äìãK éêμñK ~ç ÇÉíê~å oAPQMãáä cWVNNUJ MNTPLUNQNJVTURLVOTSJQUMP

179385361

PèíçëI ëÉåÇç O ëíëIë~J ä~IÅòIïÅ •êÉ~ ÇÉ ä~J òÉêIéáëÅáå~I ë~ä~ë O ~ãÄI ÉëÅêáíμêáçI íÉêêÉåç NOñRM ~ÅÉëëç é O êì~ëK ^ÅK ÑáJ å~åÅKoA PVMKMMMJs VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR

ëì∞íÉëI ëÉåÇç N ã~ëíÉêI ÅçòáåÜ~I ë~ä~I ä~î~ÄçI ÉÇáÅìä~I ÇÉéÉåÇÉåÅá~ ÉãéêÉÖ~Ç~I ä~î~åÇÉêá~I Ö~ê~ÖÉã éL O Å~êêçë oA SSMKMMMIMM ÑáJ å~åÅá~K ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã cW POPP TURU L VNPP VSMO L UNVT MMVM LVNTT UMPV

RAIZ - sÇç Å~ë~ ÅL P èíçë ëÇç

PETRÓPOLIS - Å~ë~ ÇÉ ~äîK ëÉåÇç

NOVO REINO - sÉåÇç çì íêçÅçI

PQ/ LARANJ. VINCETURE - Å~ë~ P

PARQUE DEZ - îÇç Å~ë~ Oéáëçë

ÅL Pèíë ëÉåÇç NëíI ëäI Åçé~ ÅçòI ïÅK ëçÅK oAPPãáäK cWVNPOJ MRSVL UOOQJVORP

NOVO ISRAEL 2 - Å~ë~

179385525

NOVA CIDADE - Äìê~Å©çLéñ éçëíç

P èíçë ëä Éëí~êLà~åí~êI ïÅI íÇ ÑçêêI ~êK ëÉêîK é´ç ~êíK íçÇ Öê~ÇK å~ ÅÉêßãK oA TMjfi cVNOQJSOVR

PÇA 14 - `ë îáä~ ë©ç àç©ç P èíë

OSVALDOFROTA,PX.AOLEGAL- îÉåÇç

ëÇç N ëíÉ ëä~ Åçò ÅÉê •ê ÅçÄKÅL Oâáíë Éã ÅçåëíêK qÉêêUñOR oARUKRMM cWVQTMJTSSS

P. SÃO PEDRO - îÉåÇç Å~ë~ ÅL

179384867

379385570

ëíÉë ëä~ Åçò ÅÉêßãK Ñçêê~Ç qÉ ê ê W V ñ O M o A N O R j f i cWVOVVJQPUOLVOOUJRNRM

179385237

179384925

NOVA FLORESTA - mêçñK ~ mêáåJ

N. CONQUISTA - Åë~ å~ ä~àÉ Pèíçë

nìáí~Ç~ àìåíç ¶ pìÜ~ÄI μíáã~ äçÅ~äK ÅL Pèíë ëÉåÇç NëíI ïÅK ëçÅI ÅçòI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI ÑçêêI ÅÉêßãI ãìêI Öê~ÇI Ö~êK ÅçÄK éL O Å~êêI éí©ç ÇÉ ÑÉêêç É ëçÅK oAVRãáäK cWVNVTJMONN

LIRÍO DO VALE 2 - îÉåÇç Å~ë~ P

ÇÉ Éëèìáå~ å~ ä~àÉI Pèì~êíçë Ö~ê~ÖÉã É •êÉ~ oAURãáä cWUUOUJQOSQL VPNNJPVQQ

NSRª DE FÁTIMA - îÉåÇç Å~ë~ ÅL

ëäI ÅçòI ïÅ ÅÉêI Öê~ÇK Ö~J ê~ÖÉã •êÉ~ ÅçÄÉêí~ oASRãáä ~ÅK éêçéçëí~K cWVOUOJ RNTULVQUOJOPNQ

NOVA CIDADE - äáåÇ~ Å~ë~ ÅL Äçã

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - éêμñK~

NOVA ESPERANÇA - îÉåÇç Å~ë~

N. CIDADE/CIDADÃO - Å~ë~ ÅL Pèíë

379385518

JORGE TEIXEIRA 2ª ETAPA - îÇç Å~ë~

179385499

179385248

Å~ë~ ÅL PèíçëI ëäI ÅçòI ïÅ ãìêI Åáäã~íáò~Ç~I ÑçêêI oATMãáä cWVOTRJTSNUL UNORJUTTTLPMUSJQOOM

ÅÉêK ãìêK Ö~êKÅÄêíK Öê~ÇK éêμñK ~ç éçëíç ~íÉã oATRãáä ÇÉëçJ Åìé~Ç~ cWVNNNJTVQRL VOOSJ RMRUL UORQJOTQU

Pèì~êíçë ëLNëì∞íÉI ë~ä~ ÇÉ Éëí~êLà~åí~êIÅçòáåÜ~IïÅ ëçÅá~äI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK Ö~ê~ÖKéL PÅêë íÉêêKNMñRM ÉñÅÉäÉåíÉ äçJ Å~äáò~´©ç oAURãáä cWUURRJ MQUQLVOTSJQQOTLUOMOJNROQ ïïïKçäñKã~å~ìëKÄêLäáåJ ÅçäåêáÄÉáêç

Å~ë~ Ç~ äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìëK îÉåÇç äáåÇ~ Å~ë~ íÇ~ å~ ä~àÉI ÅÉêßãK ÇÉ NŸ ÅL Pèíë ëÉåJ Çç NëíI OëäëI ÅçòI ïÅI Ö~êK éL O Å~êêI íÉêêK UñOR éä~åç H •êÉ~ ÇÉ ëÉêîK Öê~ÇK oANMMãáä cWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT

ïÅ Öê~ÇK ãìK ÑçêêK å~ ÅÉJ êßãK Ö~êK μíK äçÅK oAUVãáä cVOUOJ RNTULVQUOJ OPNQ

N. CIDADE - Pèíë ëL N ëì∞íÉ ëä Åçò

Çç Å~ë~ ÅL P èíçëI ëä éL O ~ãÄI ÅçòI ïÅI ãìêI ÑçêêI Ö~ê~ÖK oARMãáä cWVNQPJNSRUL VNQVJRVRV

179385529

NOVA CONQUISTA/NOVA VITÓRIA - OŸ

46

ë~ P èì~êíçë ëÉåÇç N ëì∞J íÉI ë~ä~ O ~ãÄáÉåíÉëI ÅçJ òáåÜ~I N ïÅ ëçÅá~äI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ÉÇáÅìä~I ÅÜìêê~ëJ èìÉáê~Ië~ä©çÇÉÑÉëí~IéáëÅáå~I éä~óI Ö~ê~ÖÉãI O Å~êêçëI ÖÉëëç Éã ~êíÉI oA QRMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã cW POPPJTURU L VNPPJVSMO L UNVTJMMVM

179385596

PQ/ DAS NAÇÕES - Å~ë~ P èíçëI

ëÉåÇç O ëì∞íÉëIÅçòI ïÅ ëçÅá~äI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI Ö~ê~ÖÉã Q Å~êêçëIéç´ç ~êíÉëá~åçIÅL éçåíç ÅçãÉêÅá~äI íÉêê NM ñ PM Éëèìáå~ oA NUMKMMMIMM ~ îáëí~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã cWPOPP TURU L VNSM QOPTL UOUM TUQM 179385462

ë~ä~IÅçòáåÜ~IÖ~êK HOâáíá åÉíÉë çìíê~ Å~ãéçë ÉäáëÉçë Sèíë ëLPëíëIëäIÅçòKéáëÅK Ö~êKPÅêë ÉíÅK cWUOOMJUNTOL UUORJ NOTU PSRTJNOUN 179385031

RESVA. DAS FLORES - ^îK qìêáëJ

ãç J RLQèíçëI ëÉåÇç O ëìJ ∞íÉëI O ëÉãáJëìáíÉëI ë~ä~ P ~ãÄKI Åçé~JÅçòKI t`I MP îÖë ÇÉ Ö~êKI ä~òÉê ÅçãJ éäÉíçI ëÉãáJãçÄáäá~Ç~ ~êJ ã•êáçë É ëéäáíÛëFI ä~òÉê ÅçãéäÉíçK PMUTJVOROL VQUPJPSRR 179385245

SANTA ETELVINA - Åë~ ÅLPèíëI ëä~

ÇÉ Éëí~ê É à~åí~êIÅçò ÉÇ∞J Åìä~IoANOM ãáäcWVOQUJ MRMTLUNTSJOOVQ 179385860

SANTA ETELVINA - îÉåÇç Å~ë~ PèíëI

å~ ÅÉêßãáÅ~I Ñçêê~Ç~I ãìêK íÉêêÉåç ãÉÇKUñOM oATRãáä cWVONNJNRSSL VOMPJPPVO

179385901

`~ë~ Çç éêçÖê~ã~ Çç p~Äáåç Pèíçë ëä Åçò ïÅ H N ~éíç É çìíêç Éã Åçåëíêì´K Ñçêê éáåí~Ç~ å~ ÅÉêßãK oASM jáä cWVNSQJVPVNLVPNNJ RNQR

SANTA INÊS - iáåÇ~

379385169

SANTA INÊS - þíáã~ Å~ë~ ÅL PèíçëI

ëäI ÅçòI ÑçêêI ÅÉêßãI íÉêêÉJ åç Öê~åÇÉ oARSjáä cëWVORUJOOSTLVNSQJVPVN 179385678

SANTA LUZIA - sÇç Å~ë~ ÅL μíK

äçÅ~äáòK ÅL PèíçëI ëäI ÅçòK ïÅK oANNRãáä ~ îáëí~ çì ÑáJ å~åÅáçK cWVQQPJONRO

179384793

SÃO JORGE/VILA DA PRATA - MP èíëI

ïÅI ëäI ÅçòI ïÅ ëçÅI èìáåJ í~äI å~ ä~àÉ H MO ~éJ íëKmêμñK ~ éêáåÅáé~äK oA NPMjfi ^ÅK éêçéK cWVOQNJ SRVN 379385377

SÃO JOSÉ 1 - îÇç Å~ë~ ^ç ä~J

Çç Çç ëÜçééáåÖK Pèíçë ëä~ Åçò ïÅ ÅÉê Ñçêê~Ç Öê~Ç ãìê Ö~ê íÉêêWUñOR éä~åç èìáåJ í~ä oAVRãáä cWVNQQJNQPQL UOONJRNSM 379384935

Å~ë~ ÅL Pèíçë Ñçêê~ÇçëI ëä~ Åçò ïÅ íÇ~ å~ ÅÉêßãK qÉêêWNMñOP éä~åç oAQRjfi cWVNQQJ NQPQ LUOONJRNSM

SÃO JOSÉ III - îÉåÇç

379384930

STª INÊS - îÉåÇç Å~ë~ ÅLO éáJ

ëçëI N⁄ ÅL ÅçòK ~ãÉêK ïÅ ëçÅá~äI O⁄éK Pèíçë ëÇç N ëìáíÉK Ö~ê~ÖI íÉêêÉåç éä~åçI íÇç ãìê~ÇK oASRãáä cWVOPRJ RSUPLUNRSJQRVR 379385557


7 47

Domingo,25 25de deagosto agostode de201 2013 Domingo, 3 Diário do Amazonas | visite D24am.com Å~ë~ Q èì~êíçëI ëÉåÇç O ëì∞íÉëI N ïÅI ë~ä~ O ~ãÄáÉåíÉëI ÉëJ ÅêáíμêáçI ä~î~åÇÉêá~I ÉÇáÅìJ ä~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I éáëÅáå~I SMMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNPPJVSMO L UNVTJMMVM

ARUANA, COMPENSA -

3 QUARTOS TANCREDO NEVES - éêμñK~ Öê~åJ

ÇÉ ÅáêÅìä~ê É ëìéÉêãÉê Å~Çç êçÇêáÖìÉë ÅLëäI PèíëIÅçòKïÅ Ö~êKíçÇ~ å~ ä~àÉ ÅÉêK ãìêKÖê~ÇK oAVRãáä cWPMUOJMMSPL VNNVJ MPSSL UNTVJNQQP

179385928

TERRA NOVA 2 - sÇç Å~ë~ ÅLP èíçëI

179385616

ëäI ÅçòK ïÅK ÑçêêK ÅÉêßãK Ö~êK éLOÅ~êêçëK éç´ç ~êíK oAURãáä ^îáëí~K ^ÅK åç åÉÖçÅáçK cWUNPVJVQSPLVOSTJONTM

C. NOVA - êá~ÅÜç ÇçÅÉ fK Qèíë

179384794

379385098

VD CASAS - ^Çêá~åçéμäáë oA QUMI

`à _Éáà~ cäçê oA QUMIsáÉJ ê~äîÉë oA VRMjáä `àK qáê~J ÇÉåíÉë oA POMjfi cWPOPQJTTQSLVOSUJOMTU ïïïKÄÉÖáãçîÉáëKÅçã

379384778

Ç~ë i~ê~åàÉáJ ê~ë oA RSMjfiI `Éåíêç ^îK ^éìêáå~ oA UMMjfi `à ^àìêáÅ~Ä~ oA OOMjfi cWPOPQJTTQSLVOSUJOMTU ïïïKÄÉÖáãçîÉáëKÅçã

VD CASAS - mè

379384777

VIEIRALVES - Åë ÅL P èíçë ëÉåJ

Çç NëíÉ ëä O~ãÄK Åçé~ Åçò ÇÉéK ÇÉ ÉãéK ~ê ëÉêîK ÅÜìêêK à~êÇK OîÖ íÉêK NR ñPM ~êK ÉÇÑK NVMã oA VRMjáä cWPOPQJ TTQSLVOSUJOMTULVVUTJ OVNU ïïïKÄÉÖáãçîÉJ áëKÅçã

ëä Åçò ïÅ ëçÅ Ñçêê ÅÉê íKNOñPM oANMMãáä cWVNQNJVNPML VPMQJ OVPT

CAMPOS ELISIOS - Å~ë~ Q èì~êJ

íçëI N ïÅ ëçÅá~äI ë~ä~ O ~ãÄáÉåíÉëI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîáJ ´çI Å~åáäI POMKMMMIMM ÑáJ å~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNPPJ VSMO L UNVTJMMVM

CAMPOS ELISIOS - Å~ë~ R èíçë

ëÉåÇç P ëì∞íÉëIë~ä~ ÇÉ à~åí~êI ëä~ O ~ãÄáÉåíÉëI ÅçòI ÇáëJ éÉåë~Ié•íáçI à~êÇáãI Ö~ê~J ÖÉã R Å~êêçëI oA PTMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã oA POPP TURU L VNPP VSMO L VNTT UMPV L UNOM NSPT 179385444

CASA PRESIDENTE VARGAS - P éáJ

ëäI ÅçòI ïÅI ÑçêêI å~ ÅÉJ ê ß ã I í É ê êK o A Q S ã á ä cWVNSQJVPVNLVORUJOOSTL UNNRJ RSQMLPOOPJ NQOO

ZUMBI II - îÇç Å~ë~ ÅL ÅçÄÉêíK

CENTRO, PREDIO 4 PISOS - éçåíç

ZUMBI - Äç~ ä~àÉ ÅL O ~éíç Éã

Ä~áñç ÅL èíI ëäI ÅçòI ÅÉJ êßãI Öê~ÇI ãÉÇK TñNOK oAQOãáä cWVQRPJQUTUL VNPSJPMQP

179385005

ZUMBI DOS PALMARES - Å~ë~ ÅL PèíëI

179385699

ÅL P èíë ëä ëä ÇÉ Éëí~ê ëä ÇÉ à~åí~ ãìê Öê~Ç ïÅ ãÉÇWNMIRñPM îäê oAUMãáä cWVONSJMQMTLVPOQJNPPN 379385815

ZUMBI- S. CRISTOVÃO - Åë Pèíë ëÇ

N ëìáí OïÅ Åçé~ Åçò ~ê ëÉêî ÖêI oA NRMjáä ^`KÑáå~åÅK cWVOTNJRUQTLUNPMJQOVS

379385672

4 QUARTOS OU MAIS ADRIANOPÓLIS - Å~ë~

Q èì~êJ íçëI ëÉåÇç O ëì∞íÉëI ëäIÅçòI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ä~î~åÇÉJ êá~IN ïÅ ëçÅá~äI Ö~ê~ÖÉã O Å~êêçëI oA PMMKMMMIMM ÑáJ å~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNTTJ UMPV L UNOMJNSPT 179385548

ALVORADA 1 - Å~ë~ ÅL Q èíëI O

èíë ÑçêêKIÅÉêßI ëäI ÅçòI ïÅIãìê~Ç~I Öê~Ö O Å~êJ êçëIíÉêêKUñOMãKoANPMãáäK cWVNPVJSROPLUUOTJOTSO 179385763

ALVORADA III - îÉåÇç N Å~ë~ ÇÉ

~äî ÅLO éáëçë å~ êì~ éêáåJ Åáé~ä ÅLQèíë ëä Åçò å~ ÅÉêK ÑçêêK ÅL Ö~ê~ÖK oANRMjfi ÑWVNSNJSVMM

379385482

AMAZONINO MENDES - mêçñK ~ç ^ê•

îÇç Åë ÇÉ Péáëçë ÅL Qèíë H éçåíç ÅçãÉêÅá~ä Ö~ê~ÖÉã å~ ä~àÉ H P ~éíçë ëÉåÇç ÇÉ P éáëçë oANSMãáä cWVOSRJ TVTV

379385384

AMAZONINO MENDES - mñW r~ê•K

îÇç Åë ÇÉ Oéáëçë ÅL Rèíë Oëä OÅçò ïÅ íÇ å~ ÅÉê ãìê H é´ ~êí Ö~ê oAVMãáä cWVOSRJ TVTV

379385294

AMAZONINO MENDES - îÇç Å~ë~

ÇÉ Oéáëçë ÅL R ëìáíÉë Oë~J ä~ë O Åçòë Ö~ê~ÖÉã O î~J Ö~ë íÇK î~ê~åÇ~Ç~ oANUMãáä éç´ç ~êíKcWVOSRJ TVTV

379385414

ARMANDO MENDES - Å~ë~

ÇÉ O éáëçë N⁄ ãáåÉ ëìáíÉ P èíë ëä Åçò ïÅ ~ê ÇÉ ëÉêî O⁄ éáëç O èíë ëä Åçò ïÅ î~ê ~ê ëÉêî Ö~ê îä oANSRãáä ÄÉã äçÅK cWVOPRJRSUPL UNRSJQRVR

379385533

Å~ë~IíêáéäÉñI Q èì~êíçë ëÉåÇç P ëì∞íÉëI ë~ä~ O ~ãÄáÉåJ íÉëI Åçò ~ãéä~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI Q ïÅI é•íáçI î~J ê~åÇ~IãÉë~åáåçI NQR ãI •êÉ~ ÅçåëíêìáÇ~I Ñáåç ~Å~J Ä~ãÉåíçI Ö~ê~ÖÉã P Å~êJ êçëI VRMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã cW POPPJTURU L VNPPJVSMO L UNVTJMMVM

179385636

COND. RESID. TAPAJÓS - qçêèK q~éàK

J P èíçëI OëíëI ë~ä~ O ~ãÄI O ïÅI Q îÖÖ~êI ä~î~ÄçI ~êJ ã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ÅÇ ÑÉÅÜ~ÇçI ÉÇ∞Åìä~I •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉí~K pÉÖìê~åJ ´~ OQÜëK oA QVM jáäK PMUTJVOROLVQUPJPSRR 179385243

179385650

ëçëI QUM ã IQ èì~êíçë ëÉåÇç P ëì∞íÉë ìã~ ã~ëíÉê Åçã ÅäçëÉí É ÜáÇêçIÅçò ~ãéä~I ë~ä~ P ~ãÄáÉåíÉëI ë~ä~ ÇÉ ÅáåÉã~I ÉëÅêáíμêáçI íìÇç ÅL ~êã~êáç éêçàÉí~ÇçëI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ÉÇáÅìä~I éáëÅáå~I î~ê~åÇ~I P ïÅ ëçÅá~äI íçJ Ç~ Åäáã~íáò~Ç~I éçêÅÉäÉJ å ~ íç I ë ~ ä © ç Ç É Ñ É ë í~ I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I ÄäáåÇÉñI ÖÉëëç Éã ~êíÉI Å~ãÉê~ëI ~ä~êJ ãÉIÑáåç ~Å~Ä~ãÉåíçI SRMKMMMIMMIïïïKÑãáãçJ îÉáëKÅçã POPPJTURU L VNSMJQOPT L UOUMJTUQM

379384771

COND. PORTUGAL, FRANCESES -

179385656

ÅçãÉêÅá~äI N äçà~ åç íÉêJ êÉçI Äçã éL ÉãéêÉë~ë ÇÉ Öê~åÇÉë éçêíÉëI î~äçê oA RKRMMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNTTJUMPV L UNOMNSPT L VNPPJVSMO

179385420

CENTRO/R. APURINA - Qèíçë ëÉåÇç

PëíÉë ïÅ Åçò ëä à~åí~ê éáëJ Åáå~ ÉÇáÅK ÅL ÅÜìêê~ëèK Ö~êK éL P Å~êK íÉêK NRñSM ~êK ÉÇK POMjxOz oA UMMjfi ^ÅK cáå~åÅK cWPOPQJTTQSL VOSUJOMTULVVUTJOVNU 379384792

CIDADE NOVA - éêçñK ~ç Å~êêÉJ

Ñçìê îÇç Åë QèíëI ëäI ÅçòI ëäLà~åíI NëìáíI éáëÅI Å~åáäI ÅçòLÉñíI ëáëíKëÉÖI ïÅLÉñíI RëéäáíI Ö~ê éLSÅ~êëI é´ ~êíI ãìêI ÑçêI QQQxãOzI éí©ç ÉäÉíI oAPUMãáä ¶ îáëí~ cWUNOUJ NPRTLUOUNJ NNUO 379384584

CIDADE NOVA I, PX. AO T3 - îÉåJ

Çç ÉñÅÉäÉåíÉ Å~ë~ ÅL RèíëI ëäK ~ãéä~K Åçé~ ÅçòI P ïÅÛëI ÉñÅÉäK äçÅ~äK å~ ~îK éêáåÅI ÇçÅK çâ> ~ÅK Ñáå~åÅI μíáã~ éL ãçê~Çá~I Åä∞åáÅ~ë É ÉëJ Åêáíμêáç Éã ÖÉê~äK säK ¶ `çãÄKVQOMJOPRQLVPPQJ PSQTLUONUJ NURR

179378613

CJ. TIRADENTES - sÇç äáåÇ~ Å~J

ë~ ÅL P èíçë ëìáíÉëI ëä ÉëJ í~êLà~åí~êK ÅçòK ÅL ~êã•êáJ çë ÇÉ ã~ÇÉáê~K ÉëÅêáíμêáç ÅL ~êãK ÇÉ ã~ÇÉáê~K ÅçòK ïÅ ëçÅá~äK •êÉ~ ÉñíÉêå~ ÅLéáëJ Åáå~ É ÉÇ∞Åìä~K H ÇÉéK ÇÉ ÉãéêÉÖK H ^éíçK íÉêêK NRñPMK Ö~êK éLPÅ~êêçë oAQRMãáä ^ÅK Ñáå~åÅá~ãÉåíç cëWVNSOJ PPMNL NMPJQNQU 179385969

COM. SHARP/DISTRITO - ÅL é•íáçI

Ö~êI é´ç ~êíK ëäI MQ èíëI ëä à~åí~êI ïÅIÅçòI ~êK ëÉêîK íçÇ~ ÅÉêßãK É ÑçêêK oAVRjfi cWUNQMJSNVS 379384896

COMPENSA - îÇç Å~ë~ ãáëí~ O

~åÇ~êÉë R èíë ëä Åçò ïÅ íÉêWTñOV îäê oARRãáäK cW VONSJMQMTLUORSJNRUS

379385809

COND. SAMAMBAIA - Å~ë~ O é~J

îáãÉåíç TSM ãI Q ëì∞íÉë ëÉåÇç N ã~ëíÉê ÅL ÜáÇêçI ë~ä~ P ~ãÄáÉåíÉëI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~I ä~î~ÄçI ÅçòK ~ãéä~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ÅÜìêê~ëèìÉáê~I ÉÇáÅìä~I íÉêê~´çI Ñáåç ~Å~J Ä~ãÉåíçI~äíç é~Çê©çI Ö~J ê~ÖÉã é~ê~ S Å~êêçëI íÉêJ êÉåç OM ñ PSI ÅçåÇK QMMIMM oA NKMRMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNSNJOOSU L UNMSJRMRN 179385513

COND. SHIZEN – PQ. DEZ - O èíçëI

O ëì∞íÉë N ëÉåÇç ã•ëíÉêI P ë~ä~ëI ïÅI O î~Ö~ë ÇÉ Ö~ê~ÖÉãI ä~î~ÄçI ÅÜìêJ ê~ëèìÉáê~I î~ê~åÇ~I ÉÇ∞J Åìä~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ÇÉëéÉåë~K oA RPM jáäK ^ÅK cáå~ÅKPMUTJVOROLVQUPJPSRR 179385223

CONJ COL DO ALEIXO - MO ëìáíÉë

ëä Åçò ÅL ~êã Å~åáä É ÅÉêJ Å~ ÉäÉíêáÅ~ oAPPãáä cWUNOOJSNSSLVNVUJ STQQ

379385373

COROADO, PX. AO INPA - Äç~ Å~J

ë~ ÇÉ O éáëçëI íÉêêK VñOR N⁄ éáëçë PèíëI ëäI Åçé~ ÅçòI Ö~êK O⁄ éáëç ëÉåÇç O~éíçëK oAOMMãáä ÑWVNPSJPMQP 179385046

D. PEDRO - Å~ë~ Q èì~êíçëI ëÉåÇç

O ëì∞íÉëI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ë~ä~ ÇÉ à~åí~êI ä~î~åÇÉêá~I ÉÇáÅìä~I N ïÅ ëçÅá~äI ÅçòáJ åÜ~I ÇáëéÉåë~I èìáåí~äI Ö~ê~ÖÉã Q Å~êêçëI oA PRMKMMMIMM ~ îáëí~ ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNPPJVSMO L UNVTJMMVM

179385647

D. PEDRO II - Å~ë~

Q èì~êíçë ëÉåÇç P ëì∞íÉëI O ë~ä~ëI ÅçòáåÜ~I é•íáçI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ÅÜìêê~ëèK ä~àÉI P Å~êêçëI H ìã~ èìáíáåÉíÉI PRMKMMMIMM ~ îáëí~ ï ï ïK Ñ ã á ç ã î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNSMJQOPT L UOUMJTUQM 179385632

D. PEDRO, COL. P. PORTELA - Å~J

ë~ Q ëì∞íÉëI N ë~ä~ P ~ãJ ÄáÉåíÉëI Åçé~ É ÅçòáåÜ~I •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI O ïÅ ëçÅá~äI èìáåí~äI ÄäáåÇÉñI éçêÅÉäÉJ å~íçI íÉêê~´çI QRM ãI •êÉ~ ÅçëåíêìáÇ~I RMMKMMMIMMI Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNPPJ VSMO L UNVTJMMVM 179385623

EDUCANDOS - `~ë~ ÅL O éáëçëK

N. ISRAEL - éñK ~ éêáåÅK îÇç ìã~

Å~ë~ O éáëçëI QèíçëI Q ë~J ä~ëI ÅçòI Q Ä~åÜI Ö~ê~ÖK éLOÅ~êI ÅÉê~ãI ãìê~Ç~I éí©ç ~äìãI ~ ÑêÉåíÉ å~ ÅÉê~ãáJ Å~I íÉêêK OMñPM cWVPPTJ OURN

379384821

NOVA ESPERANÇA - éñK a_ éKåÉÖê~K

ÅL Ö~ê~ÖÉãI ãìê~ÇçK oANVM ãáä cWVNVPJMSRULUOSUJ UTRP

379372511

NOVA VITÓRIA - íÉêêK ãÉÇKNSñQU

íÇç ãìê ÅL P âáíáåÉíÉë H N Å~ë~ åç ~ëÑ~äíç ÇÉ ÉëèìáJ å~I Äçã éL ã~íÉêá~ä ÇÉ Åçåëíêì´©çI áÖêÉà~ë É ÉíÅK oANOMãáä ^ÅK éêçéçëí~ ÑWVNPSJPMQP

179385014

`çåíÉåÇç QèíëI ëäI ÅçòI ïÅK ëçÅK båÇK oì~ p©ç cê~åJ ÅáëÅçI å⁄NRN bÇìÅ~åÇçëI éçê íê•ë Ç~ fãéçêí~Ççê~ iì~åàç oANSMãáä cWPSOQJ PRVOLPSOVJOUOQLVNRNJ VUUR

NOVO ISRAEL I - îÇç äáåÇ~ Å~ë~

EDUCANDOS, RUA SÃO FRANCISCO -

179385841

179376516

k⁄PSK sÉåÇç O Å~ë~ëI N ÇÉ O ~åÇ~êÉë É ~ çìíê~ ÇÉ N ~åÇ~êI ÅL îÖ éL N Å~êêK oANUMãáä cWPSOQJQMQV 179376518

J. TEIXEIRA 1º ETAPA - Qèíçë ÅL í∞íìäç

ÇÉÑK íÉêêK UñOR oAQR jáä éêçåí~ é~ê~ ãçê~ê cWUUMPJUNUULVPQMJUMNO

379385205

JAPIIM I - mêçñK ~ç jçíç ÅÉåJ

íÉê îÇç Å~ë~ ÇÉ Péáëçë ÅL Tèíë Pë~ä~ë Ö~ê~ÖÉã P îÖë H QâáíáåÉíÉë ~íê~ë íçÇç ÇÉ ~äîÉå~êá~ íÇ ÅÉêßãK oASMM jáä cWVOSRJ TVTV

379385342

JORGE TEIXEIRA CJ.ARTHUR VIGÍLIO - Å~ë~ Qèíë ëLNëíIëäIÅçòK íÉêêK

NSñPM Ö~êKNMÅ~êêçëIéêíK ~ìíçJ ã•íáÅçI éç´ç ~êíÉëK oANSMãáä ^ÅKÑáå~åÅá~ãÉåíç cWVNPOJ VUUOLUNQPJPRQVLPMUOJMPSM

179385628

MONTE DAS OLIVEIRAS - îÉåÇç Å~ë~

Qèì~êíçëIë~ä~IÅçòáåÜ~I ïÅI ãìê~Ç~I éç´ç ~êíÉëK é~êJ Åá~äãÉåíÉ ÇÉëçÅìé~Ç~I éêμñK ~ éêáåÅáé~ä oARRãáä cWVONNJ NRSSL VOMPJPPVO

179385911

MONTE PASCOAL - îÉåÇç Å~ë~ ÅL

RèíçëI OëäëI ÅçòI O ïÅÛë ëçÅI ÅÉêßãI ãìêI Ö~êI ÑçêêK oATMãáäK cWVNQPJNSRUL VNQVJRVRV

179385571

MUTIRÃO - îÉåÇç P Å~ë~ë åç

ãÉëãç íÉêK ÅL Ö~ê~ÖÉã mK `çãÉêÅá~ä íÉêWUñPT î~äçê oANRTãáä K cW VONSJMQMTL VPOQJNPPN

379385766

ÅLQèíçë ëÇç N ëìáíÉI ë~ä~L ë~ä~ ÇÉ à~åí~K Åçé~K ÅçòK O ïÅë ëçÅá~äK •êK ëÉêîK éáëÅáJ å~K Ñáåç ~Å~Ä~ãK íÉêêK NMñPMK éä~åçK oA OMM ãáäK cWVNPOJ MRSVL UOOQJVORP

OURO VERDE - Å~ë~ ~äîK `LOéáJ

ëçëI RèíçëIO ëä~ëI O ÅçòëK P ïÅëI O é•íáçë éÉèI ÅÉJ êßãI ãìêI Öê~ÇI Ñçêê~ÇI èìáíIéáåíìê~ åçî~ oANOM jáä k©ç ^ÅK cáå~åÅK cWPSUOJ VMSNLVNUNJVTSQ 379384791

PARQUE 10 - Ñ~ò éÉêãìí~ éçê ~éíç

ãÉåçê î~äçêI Å~ë~ Q ëì∞J íÉëI ëÉåÇç N ëì∞íÉ ã~ëíÉê ÅL ÜáÇêçI ÅçòI N ïÅ ëçÅá~äI ëä~ O ~ãÄáÉåíÉëI ãçÄáäá~J ÇçI ëéäáíëI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîI ÉÇáÅìä~I éáëÅáå~I ÅÜìêê~ëJ èìÉáê~I é•íáç å~ ÑêÉåíÉ É ~íê~òI èìáåí~äI Å~åáäI Ö~ê~ÖÉã P Å~êêçëI íÉêK NR ñ SM oA SRMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNTTJUMPV L UNOMJNSPT L VNPPJVSMO

179385407

PARQUE 10- NOVA FRIBURGO - îÉåÇç

ã~åë©ç Qèíë ëLOëíÉë ëLN ÅL ÅäçëÉíL~êã•êáçIïÅ ëçÅá~äI ëä©ç ÑÉëí~I ë~ä~ Éëí~êIÅçé~L ÅçòK éáëÅK Ö~êKéLSÅ~êêçë HOèíçë åç ÑìåÇç éLÉëÅêáíμêáç cWUOOMJ UNTOL UUORJNOTU

179385025

PONTA NEGRA I - Å~ë~ Q èì~êJ

íçëI ïÅ ëçÅá~ä IÅçòáåÜ~I ë~ä~ O ~ãÄáÉåíÉëI •êÉ~ ÇÉ ëÉêJ îá´çI íìÇç å~ ä~ÖÉã éçêJ ÅÉäÉå~íçI Ö~ê~ÖÉã P Å~êJ êçëI oA TMMKMMMIMM ~ îáëJ í~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã POPPJTRU L VNPPJVSMO L UNVTJMMVM

179385572

PONTA NEGRA I - Å~ë~ R èì~êJ

íçë ëÉåÇç O ëì∞íÉëI N ÇÉJ ä~ë ¨ ã~ëíÉêI ÅäçëÉíI Q ïÅ ëçÅá~äI ÅçòáåÜ~I Åçò ~ìñáJ äá~êIë~ä~ ÇÉ à~åí~ê É ÇÉ ëí~ê O ~ãÄáÉåíÉëI ÉÇáÅìä~I éáëJ Åáå~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~I ÇÉéÉåÇÉåÅá~ ÇÉ ÉãéêÉÖ~Ç~I ÄäáåÇÉñI ÖÉëJ ëçI Ö~ê~ÖÉã P Å~êêçëI oA NKMMMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNPPJVSMO L UNVTJMMVM

179385526

PONTA NEGRA I - ã~åë©ç S ëìJ

∞íÉë ÅL ÅäçëÉí É ÜáÇêçI ëä~ O ~ãÄáÉåíÉëI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëJ í~I ÅÜìêê~ëèìÉáê~I éáëÅáJ å~Iî~ê~åÇ~I íçÇ~ Åäáã~íáJ ò~Ç~I éçêÅÉäÉå~íçI ÄäáåJ ÇÉñI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîáI Åçò ~ìñáäá~êI ÅÉêÅ~ ÉäÉíêáÅ~I ãçÄáäá~Ç~I ÅßãÉê~ oA NKTMMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã cW POPP TURU LVNPP VSMO L UNVT MMVM

PURAQUEQUARA - îÉåÇç ìêÖÉåJ

íÉK mê¨Çáç oÉëáÇK É `çJ ãÉêÅá~ä ÇÉ O éáëçëK N⁄ éáJ ëç N äçà~ ÅL ëìéÉêãÉêÅ~Çç É ã~íÉêá~ä ÇÉ Åçåëíêì´©ç ãÉÇK NOñNM ÅL H P éí~ë ÇÉ êçä~êK O⁄ éáëç ÅL QèíëI ëäI ÅçòI ïÅI Ö~êK éL P Å~êêK oANRMãáä cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385317

REDENÇÃO (PX A FEIRA) - sÇç Å~ë~

ÅLQ èíçëI ëäI ÅçòI ïÅK ÉëJ é~´ç éLÖ~êK íÉêêK NNIRñPR H Å~ë~ ~ç ä~ÇçK AOMMãáä cWUNQVJSRVVLVNOQJUVVQL UUORJUPPVLPSRNJVVSO `J OSUQK 179384441

RES. PONTA NEGRA - jáåá j~åJ

ë©çK Å~ë~ ÅL Q èíëI ëíëI ÇÉéÉåÇI éáëç åç éçêÅÉäI éáëÅáå~I éí©ç ÉäÉíêK m~ê~ èìÉã íÉã _çã ÖçëíçK säK ¶ `çJ ãÄK cWVNPVJSROPLUUOTJ OTSO 179385770

179385466

PONTA NEGRA II CSA 2 PISOS - ÉëJ

íáäç ãçÇÉêå~IQ ëì∞J íÉëIÅçòIëä~ O ~ãÄáÉåíÉëI •K ÇÉ ëÉêîá´çI éáëÅáå~I ÅÜìêJ ê~ëèìÉáê~I ÉëÅêáíμêáçI î~J ê~åÇ~I ÄäáåÇÉñI éçêÅÉäÉJ å~íçI ÇÉéK ÇÉ ÉãéêÉÖ~Ç~I ïÅ ëçÅá~äI ä~î~ÄçI ÅÉêÅ~ ÉäÉíêáÅ~I Ö~ê~ÖÉã R Å~êJ êçëI Ñáåç ~Å~Ä~ãÉåíçI oA VRMKMMMIMMIÑáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã oA POPP TURULVNSM QOPTL UOUM TUQM 179385287

POUSADAEM PARINTINS - V~éíëãçÄK

SAMAMBAIA - Å~ë~

RPM ã R ëì∞íÉëIëä P~ãÄIÅçòI~ãJ éä~I ä~î~ÄçIP ïÅ ëçÅáJ ~äIÉëÅêáíμêáçI ~K ÇÉ ëÉêîáJ ´çI ÅÜìêê~ëèìÉáê~I ÇÉé ÇÉ ÉãéêÉÖ~Ç~I ÜáÇêçI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~ëIÇÉëéÉåë~I éçêÅÉäÉJ å~íçI ÄäáåÇÉñI ÖÉëëç Éã ~êíÉëI éç´ç ~êíÉëá~åçI íÉêêÉåç OM ñ QMIÅçåÇK QMMIMM íÉã RS ã~åëπÉë î~äçê NKRRMKMMMIMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã cWPOPP TURUL VNSN OOSUL UNMS RMRN

ÅL~ê ÅçåÇK•êKÅçãìã ÅLëä Éëí~ê ÅçòKïÅ ëçÅá~äIéç´ç ~êíK ÉñÅÉäK äçÅK oAOTMãáä cWUURRJ MQUQL VOTSJQQOTLUOMOJNROQ ïïïKçäñKã~å~ìëKÄêLäáåJ ÅçäåêáÄÉáêç

PQ/ 10 - Å~ë~ Q èì~êíçë ëÉåJ

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - Å~ë~ ÇÉ

~ãÄK Oèíçë K OïÅÛëK ëäK ÅçòK ~êKÇÉ ëÉêîK Ö~êK oAOOMãáä cWPSRQJSOVVLVNSRJURPM

PQ/ LARANJ. VILLAGE PARK - Å~ë~

Q ëíëI ëL N ã~ëíÉê ÅLÅäçJ ëÉíI ëä~ O ~ãÄáÉåíÉëI O ïÅ ëçÅá~äI ÅçòáåÜ~I~K ÇÉ ëÉêJ îá´çIÖÉëëç Éã ~êíÉë éçêJ ÅÉäÉå~íçI Åäáã~íáò~ÇçI éáëÅáå~IÅÜìêê~ëèìÉáê~I ~Å~ÇÉãá~I èì~Çê~ ÇÉ ëéçêíI éä~óI Ñáåç Å~Ä~ãÉåíçI oA RMMKMMM Ñáå~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉáëKÅçã cW POPP TURU L VNSM QOPT LUOUM TUQM 179385270

179385229

ZUMBI 2 - Å~ë~ ÇÉ ä~àÉ Qèíçë

OëíÉ Åçò ëä î~êI•êK éL ÅçåëíêK qÉêêWNMñPM éä~åç ãìê~Ç H MR âáíë Å~Ç~ ÅL ëä~ èíç Åçò ïÅ éñK ∑åáÄìë äçí~´©ç oAOMMjfi cWVNQQJNQPQL UOONJRNSM 379384932

CASAS ALUGUEL 1 QUARTO C. NOVA/NÚCLEO 13 - ~äìÖç Å~J

ë~ ÅL Nèíç ëä Åçò ïÅ éÉJ èìÉåç èìáåí~ä oAQRMIMM cWVORQJ VVRU

379384513

CJ. JOÃO PAULO (NOVA CIDADE) -

^äìÖ~JëÉ Å~ë~ N Å~ë~ íáéç ~é~êí~ãÉåíçI ÅL N èíI ÅçòI ëäI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI íÇ~ Öê~ÇÉ~Ç~ É Ñçêê~Ç~ oARMMK cW VVSNJVOVNEîáîçFLVVUNJ OOTVEçáF

179385688

JAPIIM I - ~äìÖç Å~ë~ Éã ÄÉJ

Åç ÅLêì~ I ÅLNèì~êíçIë~J ä~IÅçòáåÜ~IO ïÅI oASMMIMM cWPOPQJTTQSLVOSUJOMTUL VVUTJOVNU ïïïKÄÉÖáãçJ îÉáëKÅçã 379384773

PRAÇA14- ^äìÖçÅ~ë~ÅLNèì~êíçI

ë~ä~I ÅçòáåÜ~ ä~î~åÇÉêá~I É ïÅK å~ oì~ _~êÅÉäçë å⁄ NOVPK oATMMIMM cWVOVMJ SPMN c~ä~ê ÅL žìêÉ~K

179380638

379383631

2 QUARTOS

179385493

179385607

ëíëI ïÅI QRMãOI ~êã•êáçë å~ Åçò É åçë èíçëI ä~î~J ÄçI ÅÇK cÉÅÜ~ÇçI ÉÇ∞Åìä~I •êÉ~ ÇÉ ä~òÉê ÅçãéäÉíçK pÉãáJãçÄáäá~ÇçI ëáëíÉã~ ÇÉ ëÉÖìê~å´~K ^ÅK cáå~ÅK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385256

SÃO GERALDO/ VILA PRECIOSISSIMO - sÉåÇÉJëÉ ìã~ Åë ÇÉ O~åÇK

ÇçNëì∞íÉÅçãÅäçëÉíIÉÇáÅìä~I ÅçòáåÜ~I R ïÅ ëçÅá~äI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çIÉëÅêáíμêáçI ÄäáåJ ÇÉñI ãçÄáäá~ÇçI Ö~ê~ÖÉã R Å~êêçëIQNMKMMMIMMI ÑáJ å~åÅá~ ïïïKÑãáãçîÉJ áëKÅçã POPPJTURU L VNTTJ UMPV L UNVTJMMVM

VILA VERDE – STOAGOST - NèíçI Q

~äî ÅL Q èíë N ëä ÇÉ à~åí~ ëä ÇÉ îáëáí~ OïÅë Åçò íÇ å~ ÅÉê î~ê É ~ê ÅL ä~îK íÇ Ñçêê TRjfiK cWVOVNJQMQVLVNSQJNOPV

379384750

sÇç O Å~ë~ë åç ãÉëãç íÉêê N⁄ Å~ë~ ÅL PèíçëI ëä~I ëä~ ÇÉ à~åí~I ÅçòI •ê å~ ÑêÉåíÉI é´ç ~êíÉëI ïÅI Ö~ê O îÖ~ëI O⁄ ëä~I èíçI ÅçòI ïÅI íÉêê éä~åç íÇç ãìê ÑêÉåíÉ éL O êì~ëK oAURjfi cWVOPRJ RSUPL UNRSJQRVR

STª INÊS -

379385591

TERRA NOVA PX A PRAÇA - Å~ë~ ÇÉ

ä~àÉI QèíëI ëäI ÅçòI ÑçêêI å~ ÅÉê~ãI Öê~ÇI é´ ~êíÉëK íÉêê OMñOR oANRMãáä cWVNNOJ NVNSLVPTNJQNSU

179385527

ALUGA-SE - N Å~ë~ åç gç©ç m~ìäç

Ekçî~ `áÇ~ÇÉFÅL O èíëI ëäI ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI ãìê~Ç~ É Öê~ÇÉ~Ç~ oASMMK lìíê~ Å~ë~ åç `àK kçî~ `áÇ~ÇÉ ÅL O èíëI ëäI ÅçòI ïÅI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîá´çI Öê~ÇÉ~J Ç~ É Ñçêê~Ç~ oASMM cëWVVSNJVOVNEîáîçFLVVUNJ OOTVEçáF

179385696


Domingo, 25 de agosto de 2013

Domingo, 25 de agosto de 2013 8 Diário do Amazonas | visite D24am.com CONJ. FLORES - ~äìÖç Å~ë~ ÅL

2 QUARTOS ALUGO CASA NO PQ DAS LARANGEIRAS - ÅL O èíçIëäIÅçò N ïÅI ~êÉ~I

Ö~ê~ÖÉã O Å~êêçë éçêíI ÉäÉíK ãìê~Ç~ ÉíÅ oANKOMMIMM c VOUUJQQOPLUNQUJMPQU

379384936

ARMANDO MENDES - ~äìÖç Å~ë~

ÅL OèíëI ëäI ÅçòI å~ ÅÉêßãI Öê~ÇK oATRMIMM cWVNPSJ PMQP

179385037

ATENÇÃO - pêëKmêçéêáÉí•êáçë ÇÉ

áãμîÉáëIåÉÅÉëëáí~ãçë ÇÉ Å~ë~ëI~éíçë éL~äìÖ~ê ~ ÅäáÉåJ íÉë ÇÉ ÉãéêÉë~ëIÉíÅK cWUOOMJ UNTOLUUORJNOTULPSRTJNOUN

179385030

CACHOEIRINHA( (R.URUCARÁ Nº1181) - Å~ë~ OèíëIëäIÅçòKïÅI•êK ÇÉ

ä~î~ê oAVMM áåÅäìëç •Öì~Läìò cëWVOOU VMMULUNNQJMQMM

179384140

CIDADE NOVA- CJ. SÉRGIO PESSOA -

~äìÖç Å~ë~ ~äíçë Oèíë ëL NëíÉ ïÅ ëçÅK•êKëÉêîK ëä Éëí~ê à~åí~ê ÅçòKÉñíÉêå~Iî~ê~åÇ~ íÇ åç ÄäáåÇÉñIÅÉêÅ~ Éä¨íêK ëÉêîÉ éLêÉëáÇÆåÅá~ É ÉëÅêáíμêK UOOMJ UNTOL UUORJNOTU

179385027

CONJ CANARANAS - NMMB ãçÄáJ

äá~Çç MO ëìáíÉë Å~åáä MP îÖë Ö~êÖ oANKPMM cWUNOOJ SNSSL VNVUJ STQQ

Pèíçë ëä~L ÇÉ îáëáí~ Åçò ïÅ ëçÅá~ä Öê~ÇK å~ ÅÉêßãK é•íáç oAVMMIMM cWVNNVJRTROL UNPMJPOTS ÅêÉÅá J VQS

379385417

JORGE TEIXEIRA 3ª ETAPA - ~äìÖç

Å~ë~ Åçã èì~êíçIë~ä~IïÅI ÅçòáåÜ~ oAQMM áåÅäìëç •Öì~ É äìò cWVNNMJSVVOL UNQPJ QVNT

179383868

PETRÓPOLIS - ~äìÖç Å~ë~ åç î~

Pëì∞íÉëI ë~ä~I ÅçòáåÜ~I ïÅ oANKQMM cWVNPOJVUUOL UNQPJ PRQVL PMUOJMPSM

179385626

PQ. 10/COND. MURICI - Åë~ PèíëI

ëíI ëäI ÄáÄäáçíÉÅ~I ä~î~ÄçI ÅÜìêê~ëèìÉáê~I éáëÅáå~I Ö~êK éL O Å~êêI éí©ç ÉäÉíK oAPKUMMK UUOTJOTSOL VNPVJ SROP

179385777

SÃO JOSÉ - ^äìÖç Åë~ Éã ÄÉJ

ÅçI ÅL P èíëI ãÉÇ TñNPI Ñçêê~Ç~I •êK ÇÉ ëÉêîá´çI î~êI èìáåíK ãÉÇ SñQK cWUNURJ VTVTLVORN SVTQ 179384410

SHANGRILA – PQ. DEZ - P èíçë H

N ÇÉéÉåÇÆåÅá~I ë~ä~I Åçò ~ãÉêáÅ~å~ É NÅçò ÉñíÉêJ å~K oA O jáäK PMUTJVOROL VQUPJPSRR 179385413

379385405

4 QUARTOS OU MAIS

GALILÉIA II - ~äìÖç Å~ë~ ÅL OèíëI

C. NOVA - ~äìÖç ÉñÅÉäÉåíÉ Å~ë~

ëäI ÅçòI ïÅI ä~àÉ É íÉäÜ~ ÇÉ Ä~êêçI oATMM cWVNROJ TMTQ

179385474

J.TEIXEIRA 1°ETAP - ~äÖ Å~ëIO éáë

éçêí ~äìãI PïÅI PëäëI OëìJ ∞ í I Å ç ò • êK Ö ~ êI V O V V J OVPRLUNUTJROPU

379383839

JAPIIM PRÓXIMO A ULBRA - ~äìÖç

Oèì~êíçë Åçã ~ê ëéäáíëI ÅçòK ïÅIèìáåí~äIÖ~êK ÅçÄÉêí~ éLP Å~êêçë oANKPMM áåÅäK•Öì~ É äìò cWVNPOJVUUOL UNQPJ PRQVL PMUOJMPSM

179385624

JARDIM PETRÓPOLIS - ^äìÖ~JëÉ

ìã~ Å~ë~ ÅL OèíçëK oì~ cäçêá~åçéçäáë oAUMM cW UUMSJSVRSLVNPRJ MVSV

379384474

NOVO ISRAEL - ÅL O èíçëI ëä~I ÅçòI

ïÅI Ö~ê~ÖI êÉÑçêã~Ç~ oAUMMIMM cW PNUQJRVVML VVUSJTNQN c~ä~ê ÅL båáç

159384761

PARQUE DAS LARANJEIRAS/ C.NOVA - äáåÇ~ Å~ë~I à~åÉä~ ÇÉ ÄäáåÇÉñI

ëéäáíI íçí~äãÉåíÉ ãçÄáäK Ö~ê éL Q Å~êêëI ÅÉêÅ~ Éä¨íêáÅK éí©ç ~ìíçã~íK èìáåí~ä oANKQMM ÅLçì ëL ãçÄáäá~ cWVNPOJ VUUOL UNQPJPRQVL PMUOJMPSM

179385629

PQ DEZ - Åë ÅL OèíëI O ëäI ÅçòI

ï Å I Ö ê ~ Ç I î Ö é L N Å ~ êK oANMMMIMM EáåÅäìëç •Öì~F cWVSNVJOTONLVOTUJ QMQV

379384833

PQ SOLIMÕES - ^äìÖç N Åë~ ÅL

OèíçëI ëÇç N ëíÉI ëäI ÅçòI î~ê ïÅKÖ~ê pÉãá ãçÄáäáK oANKPMM çì kÉÖçÅ cWVNNTNSSU 179384200

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - O èíëI Åçò

É ïÅK î~äçê oA RMMIMM ëμ éÖ äìòI éêμñ ~ Éëí~´©ç Çç ÉñÉÅìíáîçW UNSJ UNT cW VOOPJOTMPK

Qèíçë ëL N ëìáíÉ ë~ä~ îáëáí~ É à~åí~ê ÅçòK ïÅ •êÉ~ ëÉêîK Ö~ê~ÖÉã O îÖë oANKQMM ¢ ~Åí ~åáã~áë áåÅäìëç •Öì~ cWVNPVJSQPVLUNSMJ URRV

379384580

C. NOVA I - mêçñK qÉêãáå~ä P É

pÉå~Å ~äìÖç Å~ë~ ÅL Qèíçë ëL P ëìáíÉë éíK Éä¨íêçåK à~êJ Çáåë H ÇÉéÉåÇK oAOKMMM cWVOROJVVSRLUNOPJ SOVQ

379385465

COND.ELEGANCE-PQ. LARANJEIRAS - bñÅÉäK Å~ë~ RèíëI ëL P ëì∞íÉëI

Ö~êK PÅ~êêçëI ëÉãáJãçÄK sáÇêçë _äáåÇÉñIÅçåÇK ÅL éáëÅáå~ É ~Å~ÇÉãá~ ÇÉ ÖáJ å•ëíáÅ~J oA RKMMM cWs VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR 179384807

EPHIGENIO SALES - ^äK Å~ë~ éL ~äíç

ÉñÉÅìíáîçI Ö~ê éL NM Å~êJ êçëI P ~ãéä~ë ë~ä~ëI S pì∞íÉëI máëÅI Åäáã~íáò~Ç~ É ~êã•êI ÇÉéK éL ÉãéêÉÖK ÅÇK ÑÉJ ÅÜ~ÇçK cWUNTVJTVNR

379385307

PARQUE10CJ.JD.ORIENTE- ~äìÖKÅ~ë~

éLêÉëáÇK ÉãéêÉë~ SèíëIQëäë OïÅÛëIÅçòK êÉÑÉáíμêK êÉÅÉéJ ´©çI ÅÉåíê~ä ÇÉ áåíÉêåÉíI éç´ç ~êíÉëK Ö~êKSÅêëI éêμñK~îKÇ~ë íçêêÉëUOOMJUNTOLUUORJNOTU 179385034

PÇA 14 - N èíçI PëíÉëI ë~ä~ O

~ãÄI ïÅI P îÖ Ö~ê~ÖÉãI PMMãOI~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòI ÇÉé ÉãéêÉÖ~ÇçI ÉÇ∞Åìä~I éáëÅáå~I ÅÜìêê~ëJ èìÉáê~K PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385419

PONTOS COMERCIAIS

379384770

ALVORADA I - sÉåÇç

N éçåíç ÅçãÉêÅá~ä ãÉÇKNMñPM å~ ~îKéêáåÅáé~äIçìíêç ~îKÖê~åÇÉ ÅáêÅìä~ê éñK ëÜçééáåÖI çìJ íêç åç j~åç~K cWVPSPJ RORULVPORJMSVP

379385325

ARMANDO MENDES - îÉåÇç ìã Äçñ

éñK ~ç íÉêãáå~ä ÇÉ ∑åáÄìë Çç RPR jÉÇWOñP säçê oANO jáä cWVONSJMQMTLUORSJ NRUS

379385800

C. NOVA - sÉåÇç éê¨Çáç ÅLQ ~éíçë

êÉëáÇÆåÅá~ä É ÅçãÉêÅá~äI •êÉ~ RMMãOK aÉ ÑêÉåíÉ éL ~î éêáåÅI èìáí~Çç oANãáäÜ©ç cWVSNPJ RTUPLVQRRJSPSSLUNNQJ ONTV

379385306

CENTRO/ PONTO COMERCIAL - N⁄ éáëç

ÅLTë~ä~ë éÉèìÉå~ë éL ÅìêJ ëçëI ÅçåëìäíμêáçëI ÉëÅêáíμJ êáçë É ÉíÅK `äáã~íáò~Çç É oÉÅÉé´©ç cëWVOOUJNUUUL UNOVJSPPN

179385549

CJ. JOÃO PAULO NA PRINCIPAL - îÇç

éçåíç ÅçãÉêÅá~ä ÇÉ OéáJ ëçë íÇç å~ ä~àÉI ä~àÉ ÅÄêí HNëíÉ ãìêKÅLμíKêÉåÇ~ ãÉåë~ä oANORãáäK ^ÅK Å~ë~ ÇÉ EJF î~äçêH îçäí~ cWVOOSJPRUQL UNQSJQRSO tÜ~íë~éé 179385867

COMPENSA II ALUGO - éçåíç ÅçJ

ãÉêÅá~äI éçÇÉ ÑìåÅáçå~ê ãÉêÅ~ÇáåÜçIé~Ç~êá~ ÉíÅI H êÉëáÇÉåÅá~ ÅL OèíëI ëäI ÅçòI •êÉ~ ÇÉ ëÉêîKîä ~ ÅçãÄáJ å~êKcWVOORJRQUTLUNVQ QOUQK 179385581

DJALMA BATISTA-FRENTE UEA/AM SHOP - mê¨Çáç ÅL QRMãOI ÅL içà~

179385849

`çêêÉáçëL `bc Åçã äçà~ëI ~éíçI Ö~ê~Ö H ~éíçë éÉJ èìÉåçë E~äìÖ~ÇçëF Ó ~ÅK mÉêãìí~ íêçÅ~KoA OVMKMMM cWsVQUVRUSNJqUNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR

179384813

G. VITORIA - îÉåÇç ìã éçåíç

ÅçãÉêÅá~ä ÇÉ ~äîK ÇÉ ÉëèK jÉÇWVñOM oART jfä mñK ~ç ãÉêÅ~ÇáåÜç _ÉòÉêê~ cWVONSJMQMTLVPOQJNPPN

Ä~áñçI ~ÅK Å~êêç çì Å~ãáJ åÜ©çIîäçêK oA PMMãáä cW UNTVJ QVMQLVOOOJSPTOLPSUNJ UNPNK

COND. PQ. DAS SAMAMBAIAS - mèK ALUGO PRÉDIO - éñ ~ aà~äã~ NMëäë

ÅL ä~î~Äç ëÇç Rëäë ÅL ÉëJ é~´ç éL ãÉòK Oé~îK •êK Éã ÅçåëíêK QQSã íNMñPM ÅêÉJ ÅáOVQS oANVãáä cWVOQMJ SUMNLUOTRJ UTMV 159382072

179384046

JAPIIM - ¶ NMMãíë Ç~ éêáåÅK ~îK

íÉѨ éê¨Çáç Oéáëçë N⁄ É O⁄ éáëç ÅL èíç ëä~ Åçò ïÅ íÇç åç ÄäáåÇÉñ é´ç ~êíÉëK oATMãáä cWVNQQJNQPQLUOONJRNSM 379384939

máëçWiàK j~íÉêá~ä ÇÉ `çåëJ íêì´©ç ÅçãLëÉã ã~íK H NÅ~ë~ É HOháíáåÉíÉëK O⁄máëçW Å~J ë~ ÅL PèíçëI ëäI ÅçòI ïÅK oANUMjáä ^ÅK Å~êêç åÉÖμJ Åáç ~í¨ oAQMjáä cëWUNVTJ RUUQLVNSNJOQNT 179385406

VENDO LANCHE FUNCIONANDO - ÅL

êÉåÇ~ oARMM ~ UMM éçê Çá~I ÄÉã äçÅ~äáòIÇçÅíKçâI~äìãK Ö~äî~åáò~ÇçI~´ç áåçñKPIQRñOINRKbèìáé ÅçãéäI åçîçK jçíK îá~ÖÉãK îä êA PRãáäKcW VPVRJVTVM 179383806

VENDO PONTO COMERCIAL - É oÉJ

MONTE DAS OLIVEIRAS - Å~ë~ ÇÉ

VIEIRALVES, PONTO COMERCIAL - Äçã

179383788

O éáëçë ÅL O Å∑ãçÇçë ãáñí~I ïÅI Éã ÄÉÅçK mêñK ~ mêáåJ Åáé~äK þíáã~ äçÅ~äáò~´©ç oANQjáä cWVOOSJPRUQL UNQSJQRSO tÜ~íë~éé

179385864

N. SENH. DAS GRAÇAS - NMëäë ÅL

ëáÇÉåÅá~ä ÅL ÅçÄÉêíìê~ íW NMñPM ^îK `~ã~éì© NRRP éñK ~ råá©ç `~ëÅ~îÉä îäê oAOURãáäK UQMMJPTVRLVNUOJNUVO

379384113

é~ê~ ÅäáåáÅ~I ÉÉëÅêáíμêáçI íÉêêÉåç NM ñ PMI oA RUMKMMMIMM Ñáå~åÅá~K ï ï ïK Ñ ã á ã ç î É á ë K Å ç ã POPPJTURU L VNPPJVSMO L UNVTJMMVM

179385580

CACAU PEREIRA/IRANDUBA - ÉåJ

íê~Ç~ ÇÉ kK^áê©çI îÇç íÉêJ êÉåçë éêμñK ¶ éáëí~K cWVOQMJPNQSLUNSVJRVVN

179383396

CAMPOS SALES - îÉåÇç íÉêêÉåç

ãÉÇáåÇç VñPM éêμñáãç ~ éêáåÅáé~ä Çç ∑åáÄìëK oANPKRMM cWUUOUJQOSQL VPNNJPVQQ

179384921

CASTANHEIRA / NOVO REINO - îÉåJ

Çç íÉêêÉåç ÇÉ ÉëèK ãÉÇáåJ Çç OTñPT éä~åç oAVMjáä ~ÅK mêçéçëí~ cWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT

179385356

CENTRO - _ç~

äçÅ~äáò~´©çI é~ëë~ÖÉã ÇÉ íçÇ~ë ~ë äáJ åÜ~ë ÇÉ ∑åáÄìëI Éã ÑêÉåJ íÉ ~ç pb_o^bI URMãOKK oA UMM jáäK ^ÅK cáå~ÅK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR

179385427

CIDADE DE DEUS -

îÇç íÉêêÉJ åçWUñOM éä~åç oANMjfi ^ÅÉáíç Å~êêçL ãçíç cWVQUNJPMRM 379385064

CIDADE NOVA - `à _ÉåÜìêI jba

NMuOMI ÉñÅÉäÉåíÉI äçÅ~äáJ ò~´©çI NMMB ÇçÅK ~Å ÑáJ å~åÅK Å~áñ~ ÉÅçåçãáÅ~K cWUNTVJTVNRLVPVMJVTMR

ä~î~Äç ëÇç Rëäë ÅL Éëé~´ç éL ãÉòK Oé~îK •êK Éã ÅçåëíêK QQSã íNMñPM ÅêÉÅáOVQS oAOKMMMKMMM cWVOQMJ SUMNLUOTRJ UTMV

ZUMBI/ ZONA LESTE - sÉåÇç éê¨Çáç

O éáëçë ÅL ÉëíêìíK éL P éáJ ëçë ãÉÇK NOIRñOM ÅL éáëç Éã Åçìêç Çìêç ÅL ÉëÅêáíμJ êáç oAPRM jáä cWVONOJ VRPO

CIDADE NOVA - íÉêêK ãÉÇK NMñNM

Ö~äé©ç μíáãç éLéçåíç ÅçãÉêÅá~ä íçÇç å~ ä~àÉ ãÉÇKVñNS ÅL ÉëÅêáJ íμêáçI OïÅÛë å~ ÅÉêK ÇÉ ÉëJ èìáå~ oANQMãáä åÉÖçÅá~ cWVOOSJRMRUL UORQJOTQU

TERRENOS, SÍTIOS E FAZENDAS

CIDADE NOVA / OSVALDO FROTA -

159382070

NOVA CIDADE - îÉåÇç

379384108

NOVA CIDADE / RAIO DE SOL - Å~ë~

O éáëçë ÑçêêI ãìêI ÅÉêßãI Ö~ê~ÖÉãI Öê~ÇI é´ç ~êíÉK N⁄éáëçW éíç ÅçãÉêÅá~ä H NëíÉI ÅçòK O⁄éáëçWÅL Oèíçë ëL NëíÉI ïÅI ëäK oATRjáä ÇÉJ ëçÅìé~Ç~ cWVOOSJPRUQL UNQSJQRSO tÜ~íë~éé

PURAQUEQUARA - îÉåÇç ìêÖÉåJ

íÉK mê¨Çáç oÉëáÇK É `çJ ãÉêÅá~ä ÇÉ O éáëçëK N⁄ éáJ ëç N äçà~ ÅL ëìéÉêãÉêÅ~Çç É ã~íÉêá~ä ÇÉ Åçåëíêì´©ç ãÉÇK NOñNM ÅL H P éí~ë ÇÉ êçä~êK O⁄ éáëç ÅL QèíëI ëäI ÅçòI ïÅI Ö~êK éL P Å~êêK oANRMãáä cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385316

RAIZ - éê¨Çáç ÅçãÉêÅá~ä ÅL O

~åÇ~êÉëI êÉÅÉé´©çI S ë~J ä~ëI éêçåíç éL ìëçK oAQjáä cWUNTVJTVNRLVPVMJVTMR

379385305

RECIFE - éçåíç ÅçãÉêÅá~ä ãÉÇ

SMMãI ë~ä©ç Öê~åÇÉ ÅL NïÅ É ÇáëéÉåë~LO⁄ éáëçJPë~ä~ë ÅLÄäáåÇÉñH ë~ä©ç êA T jfi VOQUJMRMTLUNTSJOOVQ

179385845

REDENÇÃO - O éçåíçë ÅL ãÉêJ

Å~ÇáåÜç ÑìåÅáçå~åÇç H O Å~ë~ë É P ~éíçë oQ PMM jáä cWVOSNJUTPT Eeçê~êáç `çJ ãÉêÅá~äF

îÇç íÉêê ãÉÇKNRñPM mñW ^î qçêJ êÉëLoì~ káäç p~ê~áî~K oASRãáä cWUNPQJUTPSL VPRVJ VRQS

ÁGUAS CLARAS -

379384434

ÁGUAS CLARAS - sÉåÇç íÉêê ~ç

ä~Çç Çç k∫ÅäÉç NR ãÉÇ NRñPM åç ~ëÑ~äíç oATRjfi cWVNVOJQPMMLVONSJ VROR

379385612

ALUGO TERRENO - éêçñK ~ dê~åÇÉ

ÅáêÅìä~ê ~ RM ãÉíêçë Ç~ éÉã~ò~I íÉêêK RMM xãOz •êÉ~ ÅçÄÉêí~ NMM xãOz éL çÑáÅáJ å~ çì ÇÉéμëáíçK oANKNMM cWVSMUJNTNPL VPRUJ RQNT

379385043

ALVORADA - íÉêêÉåç ãÉÇ NOñOP

ÉñÅK äçÅ~äK ÅçãÉêÅK å~ ^îÉåáÇ~ oANNMãáä ¶ îáëí~ ÅêÉÅáOVQS VOQMJSUMNL UOTRJ UTMV

ëÉ ìã éçåíç ÅçãÉêÅá~ä ÇÉ Q ~åÇ~êÉë ãÉÇK VñRM cWVQSVJRMMRL VOSPJ UUNS

SÃO JOSÉ 3 - îÉåÇç éê¨Çáç ÇÉ

BR 174 KM 29 - •êÉ~ éL ÅÜ•Å~J

RUA BARROSO CENTRO - sÉåÇÉJ

379385976

O éáëçë í¨êêÉç ÅL Péíçë ÅçãÉêÅKHPâáíáåÉíÉë éáëç ëìéKPâáíK È PMMjíë Ç~ dK `áêÅìä~ê oAOUMãáä qáíK aÉÑK cWVQTMJTSSS å ~Å Ñáå~å

379385182

379384776

ê~ Åçã OKRMMxãOz ÇÉ ÑäçJ êÉëí~ îáêÖÉãK èìáíK îäçê åÉÖçÅá~îK oAQMãáä ~ÅK íêçÅ~ Éã ~ìíçãK cWVSNPJRTUPL UNNQJONTVLVQRRJSPSS

379385311

ESTRADA DE MANACAPURU, KM 69 - o~ã~ä Çç ^Å~à~íìÄ~K iáåÇç

qÉêêK ãÉÇK OMñRM ÅL áÖ~J ê~é¨ Äçã éL Åêá~´©ç ÇÉ ã~íêáåñ©K oAPRãáä É çìíêç ÇÉ oAOMãáäK cWVNPSJPMQP 179385035

ESTRADA DE MANACAPURU, RAMAL - ^Å~à~íìÄ~K c~òÉåÇ~ ãÉÇK

NSMñOPM ÅL äáåÇç áÖ~ê~é¨I Å~ë~ ÇÉ ã~ÇK PèíëI ëäI ÅçòI éáëç åç îÉêãÉäÜ©çI ÉåÉêJ Öá~I íÉäÉÑçåÉI Åñ ÇÛ•Öì~I ÄçãÄ~I ÅL ÑêìíÉáê~ë Eà~ãJ ÄçI éìéìåÜ~I ÄáêáÄ•F q∞íìJ äç ÇÉÑI é~ëíç éL ~í¨ OM Å~J ÄÉ´~ë ÇÉ Ö~ÇçK ^ÅK qêçÅ~ Åë~ `çãéÉåë~K oAVMãáäK cWVNPSJPMQP MNM J NMMÜÅ ÇÉ íÉêê~ íçí~äI êáÅç Éã áÖ~ê~é¨ëI RÜÅ ÇÉ éä~åí~´©ç ÇÉ Ä~å~å~I OÜÅ ÇÉ éä~åí~´©ç ÇÉ ä~ê~åà~I OÜÅ ÇÉ éä~åí~´©ç ÇÉ ÅçÅçK açÅK lâKPMUTJVOROLVQUPJPSRR

179385431

FAZENDA MANAQUIRI – AM 354 -

jÉÇáåÇç TRMñOMMMãOI P í~åèìÉë éL Åêá~´©ç ÇÉ éÉáñÉëI íçÇ~ Éëíêìíìê~ é~ê~ Åêá~J ´©ç ÇÉ Ö~ÇçI å~ ÄÉáê~ Ç~ éáëí~PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

179385434

179385337

Åê~Åá~K cWVORUJOOSTL UNNRJRSQMLVNUVJTTRPL VPUQJVRPS 179385680

COND. ALPHAVILLE – TARUMà - içíÉ

ÅçãRNQãOI Åçã ÅçåëíêìJ ´©ç áåáÅá~Ç~I μíáã~ äçÅ~äáJ ò~´©ç É ÉñÅÉäÉåíÉ áåÑê~J Éëíêìíìê~K oA OOM jáäK PMUTJVOROLVQUPJPSRR 179385425

COND. FOREST HILL - ElmloJ

qrkfa^abF Ó _Éã äçÅ~J äáò~ÇçI NOñORI ÇçÅ çâI ëÉJ Öìê~å´~ OQÜëI •êÉ~ ÇÉ ä~J òÉê ÅçãéäÉí~I ~ÅÉáí~ ÑáJ å~åÅá~ãÉåíç oANRM ãáä cWVNROJNVRS çì ïïïKëçJ ê~ó~îÉä~ë èìÉKÅçãKÄê

179385814

CONJ FRANCISCA MENDES 2 - •êÉ~

ÅçãÉêÅá~ä îÇç íÉêêÉåç éä~åç èìáí~ÇçIãìê~ÇçIOMMãIÇçÅìJ ãÉåí~Çç ÅLÉëÅêáíìê~ oAROãáä ^ÅKÑáå~åÅá~ãÉåíç ÅLëáå~ä NMB cWPMUOJMMSPL VNNVJMPSSL UNTV NQQP

179385927

CONJ. AJURICABA - qÉêêÉåç NR

DOM PEDRO - îÇç íÉêê ãÉÇ NRñOMI

AM10 NOVO REMANSO - îÇ

179385036

COMPRO TERRENO NA ZONA NORTE - é~Öç ¶îáëí~K pÉã _ìêçJ

379384428

ë∞íáç TKTRMãíOI ÅL Åë~ ~äîKHN Ñäìíì~åíÉ ÅL P èíëI MO Å~J åç~ëLã~ÇK MO Å~åç~ë oAOQjfi cW POPQTTQSL VOSUOMTULVVVTOVNU

379385079

qÉêêK ÅL í∞íìäç ÇÉÑK É oÉÖK ÇÉ áãμîÉáë ÅL Å~ë~ ÇÉ ã~ÇK OèíëI ëäIÅçòIO äáåÇçëáÖ~ê~é¨I•Öì~I äìò É íÉäÉÑçåÉ oìê~äI ãÉÇK NRMñNUMMK oATUãáä cWVNPSJPMQP

FAZENDINHA, PX. AO CONJ. CANA RANAS - îÉåÇç íÉêêÉåç éä~åç ãÉÇK

AM 010 - `çãK iáåÇμá~K îÇç äçíÉë

éä~åçë mñW Ç~ éçåíÉK áåÅä •Öì~Läìò ãÉÇKNMñOR båí ÇÉ oARMM H PSñ oAOMMK cWVNVMJ VMNM ÅKTUT éÑ

179385003

ESTRADA DE MANACAPURU, KM 69 - o~ã~ä Çç ^Å~à~íìÄ~K iáåÇç

sáëí~K `çåí~íçW VPUQJ VRPSLVORUJOOSTLUNNRJ RSQMLPOOPJ NQOO

ñ OMI P èì~êíçëI ~îÉåáÇ~ éêáåÅáé~äI éçåíç ÅçãÉêÅáJ ~äI ^ÅK cáå~åÅá~ãÉåíçL cÖíë oA PRM ãáä cWVNRONVRS ç ì ï ï ïK ë ç ê ~ ó ~ î É ä ~ ë èìÉKÅçãKÄê

159382078

Çç íÉêêKRMñNRM à• _çëèìáJ ~Çç ÅL äáåÇç áÖ~ê~é¨I μíáJ ãç éL Åêá~´©ç ÇÉ j~íêáåJ ñ©K oAPMãáäK cWVNPSJ PMQP

179385015

179385681

379385048

379385045

ESTRADA DE MANACAPURU, KM 69 - o~ã~ä Çç ^Å~à~íìÄ~I äáåJ

FAZ. AGRO PASTORIL (TERRENO) - ^ã

COMPRO SEU TERRENO - m~Öç ¶

• QMMã Ç~ ^îK íçêêÉë íÉêêK ãÉÇK PMMãO ÅL äìò oAPUjáäK ^Å éêçéK cWVSMUJNTNPL VPRUJ RQNT

íÉêêKRMñSM íáíìä~Çç ÄÉã äçÅ~äáò~ÇçI ÅL Ñ~Åáä ~ÅÉëJ ëçK o~ã~ä Ç~ `~ÅÜçÉáê~ oANSãáäK cWVSMUJNTNPL VPRUJ RQNT

179385178

179385355

ÁGUAS CLARAS - mêçñK `çåÇK d~îÉ

ESTRADA DE MANACAPURU - hã OQ

CIDADE NOVA/FÁTIMA 1 - qÉêêK NMñOR

179385114

179376309

ÅêáíμêáçK d~äé©ç ãÉÇK NMñOR ÅL •êÉ~ íÇ~ ãìêK NSñQMK oAOSMãáäK cWVQRPJQUTUL VNPSJPMQP

179385826

íÉêêÉåç ãÉÇ SñU oAQKRMM cëWVOMQJSPUMLVPOOJRRRO

ãÉÇKOMñQM éä~åç ÇÉ Éë èìáå~ ãìê~ÇçI èìáí~Çç oANSMãáä ÄÉã äçÅ~äáò~Çç cWVNNUJ MNTPL UNQNJVTURL VQTTJPSTO

ÅçãÉÅK ÇÉ ÉëèI íÉêêÉåç NRñOR ÅL ÉëíK éL ä~àÉI Pëäë ~ãJ éä~ëI ãìêI μíK äçÅ~äK oANMMjáä cWVNVTJ MONN

179376312

íÇç éä~åçK oANRãáä fãJ éÉêÇ∞îÉä>K VQOMJOPRQL VPPQJPSQTLUONUJ NURR

CJ.FRANCISCA MENDES - îÇç íÉêêK

179385877

ÅçãÉÅK ÇÉ ÉëèI íÉêêÉåç NRñOR ÅL ÉëíK éL ä~àÉI Pëäë ~ãJ éä~ëI ãìêI μíK äçÅ~äK oANMMjáä cWVNVTJ MONN

379385295

ÅL é´ç ~êíÉëK H O âáíáåÉíÉë ~äìÖ~Ççë H Éëíêìíìê~ éL Å ç å ë í ê ì á êK o A P U ã á ä cWVNNRJQOSSLUNOUJOUPUL UUOSJ MNRO

179385734

179385013

379385437

SÃO JOSÉ I /VENDO URGENTE - N⁄

oÉé~ëëç éçåíçIÅL íçÇ~ ãÉêÅ~Ççêá~ É Éèìáé~ãÉåJ íçëK oARR ãáäK^ÅK `~êêç åç åÉÖμÅáç cWUNPRJMMSUL VOQNJOVRR

EDUCANDOS- AV. LEOPOLDO PERES - îÇç éê¨Çáç Éã ÑêÉåíÉ

J. TEIXEIRA 4° ETAP. VDO PRÉDIO 2 - máëçëI ÅL m~åáÑáÅ~Ççê~ Éã

3 QUARTOS

MERCADINHO NO SAÕ FRANCISCO -

NOVO ALEIXO, PX. CHAPEU GOIANO - äáåÇç íÉêêK ÅL Ö~äé©ç É ÉëJ

179385042

379384918

379384940

ÅL ãÉÇáÅ~ãÉåíçë H ÉëíêìíìJ ê~ N ~åç ÇÉ ÑìåÅáçå~ãÉåJ íç ~ ∫åáÅ~ Çç Ä~áêêç oANO jáä μíK åÉÖK cWVNMNJUSROL VOQUJPQVSLPSQRJ QRNQ

DROGARIA TRANSFERE-SE -

~äìÖ~JëÉ Ö~äé©ç ÅL ÇÉéμJ ëáíç É Éëí~Åáçå~ãÉåíçI äáåÇ~ äçà~I PMñPM ÑìåÅáçå~åÇçK oAOMãáä cWVNPSJ PMQPL VQRP QUTU

ÅLOèíçëI ëä Åçò ~êK ÇÉ ëÉêîK Ö~êK éí©ç ÇÉ ~äìãK H âáí åçë ÑìåÇçëK oASMMIMM •Öì~ É äìò áåÅäìëçK cWVOORJQVUO

ÇÉ ÉëèK jÉÇNMñSOÅLéíç ÅçãÉêÅK íáíK ÇÉÑ å©ç ~ÅK ÑáJ å~åÅK Äçã éL fÖêÉà~I d~äJ é©ç oANOMãáä ~ÅK éêçé cWVNQQJNQPQLUOONJRNSM

NOVA CIDADE/ PX. DO DB - mçåíç

DOM PEDRO - ãÉÇ

GRANDE VITÓRIA, AV. PRINCIPAL -

VAL PARAISO - ~äìÖç çì îÇç Åë~

379384941

JORGETEIXEIRA- îÇç μíáãçíÉêêÉåç

QMM ãI ÅL ÉëÅêáíμêáç Éã ãÉò~åáåçI éñK ~ éçäáÅá~ ÑÉÇÉê~äK oA QKRMM cWVOQUJMRMTLUNTSJOOVQ

179384808

379385308

179385868

ëçë N⁄éK éíç ÅçãÉêÅKHâáJ íáåK Ö~êKéLPîÖ~ëI èìáåí~ä ãìêIÖê~ÇI O⁄ éK Oèíçë ëäâ~ Åçò ïÅ •êK å~ ÑêÉåíÉ qÉêêWUñOR éä~åç qáíK aÉÑK ^ÅÉáíç qêçJ Å~ oANOMãái cWVNQQJ NQPQ

NOVA CIDADE/ PX. DO DB - mçåíç

ÅçãÉêÅá~ä _çã é~ê~ ÉëJ ÅêáíçêáçI Åçåëìäíçêáç ÇÉåJ í~êáç ÉíÅK b ~äìÖç Å~ë~ Éã ÑêÉåíÉ ~ç ÅàKÜáäÉá~ cWVOOVJ RNMMLVPSPJRORU

ÇÉ Éëí~ê É à~åí~êIÅçòKÅL ~êã•êáçëIÖ~êKéLQ Å~êJ êçëIíÉêê~´ç ÅL ÅÜìêê~ëJ èìÉáê~IéáëÅKÅ~åáä oAOKUMMãáäK cWVOQUJMRMTLUNTSJOOVQ

JOÃO PAULO - îÇç Å~ë~ ÅO éáJ

c~ÅÜ~Ç~ _äáåÇÉñL Éëí~ÅáJ çå~ãKLëÜçïêççãLë~ä~ëL ÇÉéμëáíç H ^mql O èíëI ë~ä~ ÉíÅK ~äìÖç oA QKRMM cWs VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR

GRANDE CIRCULAR - ~äìÖ~JëÉ ë~ä~

SHANGRILLA - OëìáíÉë É NèíIëä~

179385416

éçåíç ÅçJ ãÉêÅK Åçã POãI éêçñK ~îK gçí~K oA SMMIMM cW POPQJ TTQSLVOSUJOMTULVVUTJ OVNULUNNQJPRRU ïïïKÄÉJ ÖáãçîÉáëKÅçã

379385784

179383368

aÉò J P èíçëI N ëì∞íÉI P ëä~ëI O ïÅI P îÖÖ~êI QMMãO ÇÉ •êÉ~ éêáî~íáî~I ~êã•êáçë åçë èíçë É ÅçòII ÇÉéK ÇÉ ÉãJ éêÉÖI ÉÇ∞Åìä~I •êÉ~ ÇÉ ä~J òÉêKEpì∞íÉ ÅL ÅäçëÉíI Ä~J åÜÉáê~I éáëÅáå~ Åçã Å~ëJ Å~í~KF PMUTJVOROLVQUPJ PSRR

ALVORADA - ~äìÖç

179385805

éä~áåçI μíáãç éL áåîÉëíK éêμñK Ç~ m~åáÑK `çåÇÉK oA NPMjfi cWVOQNJSRVN 379385400

EST.BALBINA KM 28 - PMM ñ OMMMI

áÖ~ê~é¨IãKîáêÖÉãIí∞íìJ äçIoASRãáäK cVNQSJVQNRL UNPOJNMNTL PSRUJQSQVK

179385738

TñNOK oASãáä cWUNVTJ RUUQLVNSNJOQNT

FCª AMENDESII TERR 14X20 - Åçã

OÅ~ë~ëIÅLMO ÅçãéKïÅ Å~J Ç~IoAUMãáäKcWPOQUJTQUQL VORUJQQNPK

179384206

GRANDE VITÓRIA (BECO) - íÉêêK ãÉÇK

UñORK oARãáä cWVOSNJ UVPV

179385491

GRANDE VITÓRIA, AV. PRINCIPAL -

îÉåÇç íÉêêK TñOR ÅL ä~àÉ ÇÉ Uãíë ÇÉ ÅçãéêáãÉåíçI μíáãç äçÅ~äK oAORãáä ~ÅK éêçéK cWVNPSJPMQP 179385017

GRANDE VITÓRIA, NA AV.IRAQUE -

rêÖÉåíÉ>> îÉåÇç íÉêêKãÉÇK TñOM ÅL N ä~àÉ ãÉÇK TñNMK oAOPãáä cWUNVTJRUUQL VNSNJOQNT

179385372

IRANDUBA - O íÉêêWORñRM éä~J

åç ÅL•êîçêÉëI •Öì~LäìòK oAOOjáä cWVRMVJPPPOL VQRNJSPTP ^ÅK éêçéK

379385127

IRANDUBA - íÉêê NRMñOMMMI ~

48

éñ ~ qçêèì~íç q~é~àμëI éä~áJ åçINSuOM ÄÉã äçÅ~äáò~J ÇçI fmqr Éã Çá~ë oANQãáä ^LÅ éêçé cWVPONJ TMSN

JESUS ME DEU - íÉêêÉåç

179385943

LAGO AZUL - îÇç Q äçíÉëI ãÉÇK

NMñOM Å~Ç~I oANTjáä Å~J Ç~ ìãI ~ëÑ~äíçI äìòI •Öì~ É íê~åëéçêíÉ ÅçäÉíáîçK ^ÅK `~êêç cWUUMTJQSTTLVPVMJVTMR

379385284

LOTES MANACAPURU KM28 - ê~J

ã~ì Çç háãìê~ hãMPI OMuRM î~äçêOMjáäI OMuQM î~äçê NUãáäI OMuPM î~äçê NRãáä Éåíê~Ç~ H é~êÅÉä~ë Ñáñ~ë Åçã áåÑê~ÉëíêìíìJ ê~KcWVOPNJPTTSLUOPRJ NVROK ^äÉëë~åÇê~ 179384448

M. DAS OLIVEIRAS - sÉåÇç íÉêJ

êÉåç ãÉÇáåÇç RñNU éä~J åçI éêçñK ~ dê~åÇÉ `áêÅìJ ä~ê oANT jáä cWVOOPJMQPP 159384756

MANACAPURU /KM 69 - o~ã~ä Çç

^Å~à~íìÄ~K iáåÇç íÉêêÉåç ãÉÇ ONOñQRM ÅL ÑêìíÉáê~ëI ÅÉêJ Å~Çç É N äáåÇç áÖ~ê~é¨I åç ~ëÑ~äíçI í∞íìäç ÇÉÑK É êÉÖáëJ íêç oASMjáä cWVNPSJ PMQP

179385001

MANÔA/PX FEIRA - îÇç íÉêêKTñOM

éä~åç éêçåíç éL Åçåëíêìáê oAORãáä ~ÅÉáíç éêçéLÅ~êJ êçK cWVQPMJ STNM

379385067

MONTE DAS OLIVEIRAS - éñKÅçä ¨Öáç

Ççã ãáäíçåIÅçãìåáÇ~ÇÉ äìáë çí•îáçI îÉåÇç äáåÇç íÉêêKNMñQR ÉñÅÉäÉåíÉ éLâáíáåÉíÉ çì Å~ë~ ëçãÉåíÉ ¶ îáëí~ oAQTãáä cWVQUOJMORMLUNROJVSMQÅêÉÅá OMTN

179385080

MULTIRÃO - qÉêêK

ãÉÇK UñQU ãìê~ÇçI NŸÅ~ë~ ÇÉ ã~J ÇÉáê~ ÅL OèíçëI ëäI ÅçòK OŸ Å~ë~ ÅL èíçI ëä I ÅçòI ÅÉêßã H O~éíçë å~ ÅÉêßãáÅ~ É ÑçêJ ê~Çç oANOMjáä ~ÅK mêçé cWVOSNJUVPV 179385485

MULTIRÃO/ NOSSA SRA DE FÁTIMA -

rêÖÉåíÉ> îÉåÇç íÉêê ãÉÇ UñNNI éä~áåçI å~ éáëí~I éñ ~ bëÅçä~ É cÉáê~ oAOPãáä cWVNROJ TMTQ

179385471

NOVA VITÓRIA - sÉåÇç íÉêêÉåç

å~ êì~ ~ëÑ~äí~Ç~ É ä~êÖ~I ãÉÇáåÇç UñOR ÅL N ÅçåëíK ëL íÉäÜ~Çç ãÉÇ QñSK mêμñK ~ pìéÉêãÉêÅ~Çç É `çä¨J Öáç oANVjáä cëWUNVTJ RUUQLVNSNJOQNT

179385409

NOVA VITÓRIA, AV. MAGALHÃES - åç

íÉêãáå~ä ÇÉ ∑åáÄìëK îÉåÇç íÉêêÉåç VñQM ÅL N Å~ëáåÜ~ ÇÉ ~äîK oAPPãáä cWUNVTJ RUUQLVNSNJOQNT

179385328

NOVO AIRÃO - hj QUI äçíÉë RMñRM

éL áåîÉëíK éçìëK éä~áåçK oA OMjfi båíêI é~êÅÉä~ëK cçJ åÉW VOQNJSRVN

379385357

NOVO ALEIXO -

mñW `Ü~é¨ì dçá~åçK îáä~ ÅL R Å~ë~ë ~äìÖ~Ç~ëI oAOVMjáä kî fëê~Éä O Åë åç ãëã íÉêê oATRãáä gK m~ìäçLkî `áÇ~ÇÉ íÉêê NRãáä H N Åë ÇÉ NRãáä cWVOSTJ NMNQLVPSUJ VMNN 379384573

ã~êÖÉã Ç~ bëíê~Ç~ ÇÉ fê~åÇìÄ~I NMMB ÇçÅK ÉëJ íìÇç éêçéK cWUUMTJQSTTL VPVMJVTMR

NOVO ALEIXO - íÉêêKéä~åç ãÉÇK

IRANDUBA - îÉåÇç äçíÉë ãÉÇ

ãìê éä~åç mñK äáåÜ~ ÇÉ ∑åáÄìëI μíáãç éLãçê~Çá~ oAROKRMMI cWVQTMJTSSS

379385277

NRñRMI î~äçê NOKRMM ~Å éêçéK cWVNSMJPSQP

NMñORK oAQRãáä H çìíêç UñOR oAPRãáä cWVNSQJVPVN

179385687

NOVO ALEIXO - îÇç äáåÇç íÉêêWUñOR

379385701

IRANDUBA KM 26 - íÉêêÉåçë ãÉÇ

NRñPMI éä~áåçI μíáãç éL áåJ îÉëíK éêμñK ^Öêçîáää~I ÇçÅ lhK oA ORjfi cW VOQNJSRVN

379385344

IRANDUBA LOTE À 2KM DA PRAIA DO - ^´ìíìÄ~I ê~ã~ä íÇç åç

~ëÑ~äíçI ÉñÅÉäK äçÅ~äI ÑìåJ Çç éL ç áÖ~ê~é¨I íÉêêK ãÉÇK NRñUMK oAPMãáäK cWVNVTJ MONN

379385180

NOVO ALEIXO - îÉåÇç

íÉêêÉåç UuORãI ãìê~ÇçIäìòIéçJ ´çIéêμñK~ éêáåÅáé~äK cWVOTUJNNOVLUUMSJNTSP 179383834

îÇç íÉêê ãÉÇKNMñPM ÅL Åë ÇÉ ã~ÇK áåÅä •Öì~ É äìòK ~ëÑ~äíç oAONãáä cWVNVMJ VMNM ÅKTUT éÑ

NOVO ISRAEL 2 -

ESTR. MANACAPURU KM 21 ESTR. PARIKATUBA - ORñRM É OMuRM

179381178

379384427

IRANDUBA VENDO - içíÉ PMñRM

ÓTIMO SITIO - å~ ^j MNM Åçã

179383823

379385263

379385892

mñ ~ë éê~á~ë É `K råáîÉêJ ëáíK ÉåíêK ~ é~êíáê ÇÉ Pãáä H é~êÅK ÇÉ RMM VNOPJ SVNR

Éëíê~Ç~ j~åìÉä rêÄ~åç âã ON o~ã~ä Çç m~êáÅ~íìÄ~ oANO jáä cWVNMQJ VMRT

éáëÅáå~ å~íìê~ä ÅL Åë ~Åí éêçéçëí~ cWVOSPJOQRML UONPJUTNM


9 49

Domingo, agosto Domingo, 2525 dede agosto dede 2012013 3 Diário do Amazonas | visite D24am.com

P.LARANJEIRAS/NILTON LINS - îÉåÇç

íÉêêKOMñQMZUMMãOIéä~J åçIãìê~ÇçIêì~ ~ëÑ~äí~Ç~I éêμñáãç èÇKÇÉ ÉëéçêíÉë `~ëÉãáêç ÇÉ ^ÄêÉìI pbJ p` oA NPR ãáäJs VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR

179384814

PARQUE DAS GARÇAS - íÉêêÉåç

NMñOR éñ ^îK éêáåÅáé~ä ÅL ìã~ çÄê~ oANSãáä cWVOTVJ VQTU

179385949

PRES. FIGUEIREDO - oK Çç rêìJ

Äì∞ ëáíáç éçêíK ÑÉÅÜI QMMñOMMMI ÅLOÅë~ëI O ~åíK é~ê~ÄI O ~åíK éLÅÉäI U í~åèK éLéÉáñÉëI Q áÖ~êI H ÇÉ OMM ~îÉëI •Öì~I äìòI oA NPMãáä cWVNQPJNSRU

179385553

R. PRETO DA EVA - íKNMMñOMM •Öì~

É äìò oASMãáä çì íêçÅç éçê Å~ë~ Éã ã~å~ìë VOUOJ RNTULVQUOJ OPNQ

379385577

PARQUE DAS LARANJEIRAS - îÉåJ

Çç äáåÇç íÉêêK éä~åç Ñ~òÉåJ Çç ÑêÉåíÉ éL ç ÅçåÇK p©ç gìÇ~ë q~ÇÉìI é~êíÉ ãìêK ãÉÇK NRñQMK oANRMãáä cWUNVTJRUUQLVNSNJOQNT 179385383

RAMAL DO BRASILEIRINHO - ë∞íáç Åçã

Å~ë~ Oèì~êíçëI ë~ä~I ÅçòKïÅ íÉêêÉåç PMñOMMI ~êÄçêáò ~Çç ^ÅKéêçé oASRãáä VNNNJ TVQR VOOSJRMRUL UORQJOTQU

179385710

PARQUE DAS LARANJEIRAS - îÉåJ

Çç íÉêêÉåç Éã ÑêÉåíÉ ÅçåÇK i~ê~åàK mêÉãáìå ãÉÇK RMñQREÑêÉåíÉ é O êì~ëF ÉñÅÉäÉåíÉ é ÉãéêÉÉåÇáJ ãÉåíçëK oA TRMKMMM cWs VQUVRUSNJq UNMMTNSSJ` UQNVTUUU `JNOSR

RIO PRETO DA EVA, KM.135 - äáåÇç

ë∞íáç ãÉÇK OMMñNMMM ÅL Åë~ èíI ëäI ÅçòI äáåÇç áÖ~ê~é¨ É ÑêìíÉáê~ëK oAPMãáäK cWVNPSJPMQP

179385004

179384815

PARQUE DAS LARANJEIRAS - îÉåJ

Çç íÉêêÉåç éêμñáãç ~ ~îKÇ~ë íçêêÉë ãìê~Çç ÅLÅçåëíê ì´©ç PèíëIëäIÅçòKïÅ ãÉÇKNMñQM éä~åç oANPMãáä cWVNNUJ MNTP UNQNJVTURL VQTTJPSTO

179385379

PARQUE DEZ - äáåÇç íÉêêÉåç ÅLO

ÑêÉåíÉë ãÉÇKRMMã ÅL ÉñJ ÅÉäÉåíÉ äçÅ~äáò~´©çIéêμñáJ ãç ~ç ãáåÇ∫IÇçÅìãÉåí ~Çç oAOMMãáä cWUURRJMQUQL UOMO JNROQL VOTSJQQOT ^ÅK éêçéK

179385496

PQ DAS GRAÇAS - îÉåÇÉJëÉ íÉêê

ãÉÇKNMñOS ÇÉ Éëèìáå~ íÇ ãìê oAQRãáä mñ ^îK kçJ î~L`~ãéç ÇÉ dçäÑÉ cWVOSRJ TVTV

379385312

PQ GIRASSOL - îÉåÇç äçíÉ ãÉÇ

QRñTM ÇçÅ çâK oA QTjfJ icWVNSOJ RQNQLPSQNJ NOQULVNRTJUOMQ

379385336

SÃO JOSÉ I - îÉåÇç íÉêêKÉã ÄÉÅç

ãÉÇáåÇç UñOM ÅLÅçåëíêìJ ´©ç éL âáíáåÉíÉ oANUãáäK cWUNURJVTVTL VORNJSVTQ

179384411

ÉëíêK îÉåÇç ãÉÇWSRñQMM ÅL Å~J ë~ î~ê~åÇ~ Ö~ê~Ö ~åíÉå~ é~ê~ÄμäáÅ~ íÉäÉÑK oìê~ä êçJ ´~ÇÉáê~ åçî~ éä~åí~´©ç ÇÉ ÅçÅç oARR jáä VONSJMQMT

SÍTIO BALBINA KM28 - k~

379385788

SÍTIO DONA FLOR – BR 174 - jÉJ

ÇáåÇç URKMMMãO EUIR ÜÅFI μíáã~ äçÅ~äáò~´©ç ~ ã~êJ ÖÉã Ç~ _oI íÉêê~ éêçÇìíáJ î~I áÖ~ê~é¨I éä~åí~´©ç ÇÉ ÑäçêÉëI ëáëíÉã~ ÇÉ áêêáÖ~J ´©çI Äçã é~ê~ Åê¨Çáíç ÇÉ Å~êÄçåçK PMUTJVOROL VQUPJPSRR

179385442

SITIO ESPERANÇA - oáç mêÉíç Ç~

bî~ J qÉêêÉåç ãÉÇáåÇç UMñNMMMãOI •êÉ~ ÅçåëJ íêì∞Ç~ OMMãOI íìÄìä~´©ç é~ê~ áêêáÖ~´©ç éçê íçÇç ç íÉêêÉJ åçI •Öì~I ÉåÉêÖá~I êÉÖáëJ íêç ÇÉ áãμîÉäI ÉëÅêáíìê~I íçÇç ÇçÅìãÉåí~ÇçK oA NRM jáäK ^ÅK cáå~ÅKPMUTJVOROL VQUPJPSRR 179385445

SITIO KM 21 RAMAL PAU ROSA -

ãÉÇWNMMñQMM Åçã O Å~J ë~ëI î•êá~ë éä~åí~´πÉëI O áÖ~ê~é¨ëI ÄçãÄ~ ÇÛÖì~ É ÉåÉêÖá~ î~äçê oAOOãáä VONSJMQMTLVPOQJNPPN

379385779

SÍTIO KM37 AM 010 - mñK

`áíó m~êâINMñORM ÅL Åë~ ÇÉ ã~ÇI ëäI èíçI ÅçòI ïÅI ÅÉêÅÇI ÅL áÖ~ê~é¨ ÑìåÇI ÅL å~ëÅI ÑêìJ íÉáê~ëK oAOMãáäK cWVOPRJ VOMU 179385056

SÍTIO KM42 AM 010 - îÉåÇç ë∞J

íáç jÉÇKNOMñNMMM ÅLÅ~ë~ I áÖ~ê~é¨ëI H çìíê~ Å~ë~ Éã ÅçåëíêK ãìáí~ë •êîçêÉë oARMãáä ¶ îáëí~cWVNQPJ NSRULVPPVJQPUQ

STA ETELVINA - îÇç ÉñÉÅK íÉêê ~

VENDO TERRENO - NMñOR Éã ÅçåëíK

379385274

VENHA COMPRAR LOTES - ãÉÇáåJ

N M M ã Ç ~ qK í ~ é ~ à ç ë ãKNMMñOPMK ãìêK ÇçÅ çâ ÅL ÉëÅêáíK É êÉÖK ÉëíìÇçë éêçéK Éã •êÉ~ ÅçåëíêìáÇ~K UUMTJQSTTLVPVMJVTMR

STA ETELVINA - îÇç çí íÉêê ãìêI

ãÉÇ NMM ÇÉ ÑêÉåíÉ éçê SM ÇÉ ÑìåÇçI ãìêI ÇçÅ çâ ÅL ÉëÅêáíK É êÉÖ éêçñ ~ îçäîçK ÉëíìÇç éêçéK ÇÉ é~êÅÉäãí UUMTJQSTTLVPVMJVTMR

379385288

TANCREDO NEVES, PX. AO FUXICO -

íÉêêK ãìêK ãÉÇK UñOM éä~J åç ÅL N Å~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~K oAQOãáä cWVNQPJNSRUL VPPVJQPUQ

179385590

TARUMÃ, PX À AV. DO TURISMO -

båíê~Ç~ Çç `ÉíìêK íÉêêK ãÉÇK N S ñ Q M Ç ç Å ì ã É å í~ Ç ç K oAVMãáä ~ÅK Ñáå~åÅá~ãÉåJ íç cWVNPSJPMQPLVQRP QUTU

TERRA NOVA I - îÉåÇÉJëÉ

íÉêJ êÉåç ÅL Å~ë~ ÇÉ ã~ÇÉáê~ ãÉÇK RñNM éêμñK ~îK é~ëë~êáåÜç oANMãáä cWVNVMJ VMNM ÅKTUT éÑ

179385555

379384425

TERRENO NO PARQUE DOS GUARANAS - OMñPPI íÇ ãìêI éí©ç ÇÉ

179385428

STª ETELVINA - mêçñK ~ Öê~åà~ ëí~

j~êí~ íÉêêK ãÉÇK PMñVM ÅL Å~ë~ ÇÉ ~äîÉå~êá~ H Q èìáíK ÉãÅçåëíêì´©çãìê~ÇçNMMB ÇçÅìãÉåí~ÇçK ^ÅK Å~êêç cWUUMTJQSTTLVPVMJVTMR 379385286

STª ETELVINA - éêçñK pÜçééáåÖ

sá~ kçêíÉ îÉåÇç íÉêêÉåç ãÉÇK NMñPO éä~åç ÅL •Öì~ É äìò ÄÉã äçÅ~äáò~Çç oAPM jáä cWVOPRJVOMULUNMQJ VSSP

179385061

379384989

Çç PMñRM å~ Éëíê~Ç~ ^jL MNM âã OQI íê~í~ê cW VOSPJOQRMLUONPJUTNM

379385890

~äìãáåI ÅL ~äîÉå~êá~I ÑêìJ íÉáê~ëI é´ ~êíÉëK cWUUMUJ TRPMLVNTSJTVTP

C. NOVA 3 NCL16 - ~äìÖç

Ö~äJ é©ç PMMã ^îK éêáåÅáé~äI ÅL ÉëÅêáíμêáçI Éëí~Åáçå~ãÉåJ íç ãÉÇ OMñRM H ~éíç ÇÉ PèíëI ëäI ÅçéK ÅçòI ïÅI Äçã éL èì~äèìÉê ê~ãç éñ ~ç `çJ ä¨Öáç ^êíÜìê ^ãçêáã oAPãáä cWVNVVJSVSPLVNRTJSPSR

179385578

GALPÃO 3.500M² - ÄKîáëí~IiKs~J

q^orjÍ RMñNMM ãìêK míK ~äìãK éáJ ëÅK éç´ç ~êíK ÅL Pèíë ENëíÉFI Å~ãéç ÑìíÉÄçäK bñK äçÅK oAOTMjfiK ^ÅK éêçéK açÅKçâ> VOQNSRVN

VIVENDA VERDE -

379385394

CONSÓRCIO TRANSF. CARTA DE CREDITO DE R$95MIL - jçíáîç ÇÉ ë~ìÇÉK ëÉêîÉ éL

Åçãéê~ ÇÉ Å~ë~I ^éíç çì íÉêêÉåçK cW UNPVJVQSP

179384796

GALPÕES

179385745

qÉêêÉåç ãÉÇáåÇç ROQãOI Ö~äé©ç ~ãéäçI Åçã Ççáë ~åÇ~êÉëI μíáã~ äçÅ~äáò~´©çI •êÉ~ åçÄêÉ Çç Çáëíêáíç É ÉñÅÉäÉåíÉ áåJ Ñê~Éëíêìíìê~K oA SRM jáäK PMUTJVOROLVQUPJPSRR

GALPÃO DISTRITO -

379385429

379385764

PRAÇA 14 -

379385895

~ Å~J ÅÜçÉáê~ Çç äÉ©ç ãÉÇK NMMñOMM cWVOSPJOQRML UONPJUTNM

VENDO 1 TERRENO - éêçñ

379385894

ALUGO GALPÕES - ÇÉåíêç Çç Çáëíêáíç

É Ñçê~K mêçåí~ ÉåíêÉÖ~K j~áçêÉë fåÑçêã~´πÉë cWUUMTJQSTTLVPVMJVTMR 379385272

C. NOVA 3 NUC.16AV.PRINC PRÓX -

Åçä¨Öáç ^êíìê ^ãçêáã ÅL UMã ëÉêîáåÇç éLèì~äèìÉê ê~J ãçK oASMM cW VNVV SVSPL VNRT SPSR

179384910

CENTRO MANAUS - pÜçé ÅÉåíÉê

CENTRO/AV.COMENDADOR CLEME NTINO - mñK ~ç åçîç mê¨Çáç Çç

é©ç ãÉÇK QRMxãOz åçîçK k~ éêáåÅáé~äK μí éL bãéêÉë~ë oASãáäK mñW ^äíçë ÇÉ ÑäçJ êÉëK cWVOQNJ SRVN

î~äçê oA Vãáä c VOSPJ OQRMLUONPJUTNM

179384801

PQ NAÇÕES/ C. NOVA - ~äìÖç Ö~äJ

179384904

VENDO 1 TERRENO - ãÉÇáåÇç UñOQ

o~ãçë cÉêêÉáê~ å⁄ONON éñ ~ áÖêÉà~ ÇÉ p©ç gçë¨K ARRMIMM Å~Ç~K k©ç ÅçÄê~ãçë `çåÇK cWUNRVJQRQVLVNQNJORTT ^ÇçäÑç çì p~åÇê~

Ç~ d~äé©ç ãÉÇK QPOãK oAPMMjfi cWVNPTJMTSPL UOTTJOVUR

JORGE TEIXEIRA 4ª ETAPA - sÉåJ

179384458

^Öì•ë `ä~J ê~ëKNMñPMãIãìê~ÇçI~êJ Äçêáò~ÇçI éêμñK ~ç Å~ãéç ÇÉ dçäÑ É mêáåÅáé~äK oASRãáäK cWVNUOJUMNP iáÖ~ê ëçJ ãÉåíÉ áåíÉêÉëë~Ççë

VDO TERRENO -

ALUGA-SE SALAS COMERCIAIS - ^îK

~äìÖç ë~ä~ë oA TMM m~ä•J Åáç `çã¨êÅ oA UMM áåÅäK ÅçåÇK ^äìÖç ~éí Éã `ç~êá ÇÉ oA PRMLQRMI cWPOPQJ TTQSLVOSUJ OMTULVVUTJ OVNU

179385424

d~äé©ç ãÉÇK OPMñRRMãI μíáãç éL ÉëJ Åçä~I ä~Äçê~íμêáçëI Åä∞åáJ Å~ëI ~Å~ÇÉãá~I fÖêÉà~K É çìíêç åç ^äÉáñç OKSMMã ÅL î•êáJ ~ë ë~ä~ë ÇÉ O ~åÇ~êÉëK säK ¶ `çãÄK UUOTJOTSOL VNPVJ SROP 179385790

ë~ä~ëLäçà~ë åç ÅÉåíêç ÅçJ ãÉêÅá~ä sá~ _ê~ëáä cWVNNOJ UMVU

SALA COMERCIAL - léçêíìåáÇ~J

159384760

äÉ ÑêÉåíÉIéLP êì~ëIOãáä jÅçÄITã é¨ ÇáêÉáíçIÉëÅêK ~äìÖç íçÇç çì é~êíÉK cWPSRU QSQVL VNQS VQNR

PQ 10 SHANGRILA IV - ^äìÖ~JëÉ

379385645

ENTRADA DO MANÔA - ^äìÖç Ö~äé©ç

ãÉÇKQMMã oAP jáä áÇÉ~ä éL áÖêÉà~ çì éÉèìÉå~ë Ñ~J ÄêáÅ~ë UURRJOMUTLUOQPJ MNOO

íÉêêÉåçåç~ëÑ~äíçãÉÇKNOñRIR oAUãáä ^ÅKéêçéçëí~ cWVNRPJ UPSPL UNSVJTTMU

SALAS COMERCIAIS

179384909

VILA REAL - îÇÉJëÉ ÉñÅÉäÉåíÉ

179385024

SITIO RIO PRETO - páíáç ãÉÇáåJ

Çç NRMñNMMMI Å~ë~ Åçã P ëì∞íÉëI ë~ä©ç ÇÉ ÑÉëí~I éáëÅáå~ Åçã Å~ëÅ~í~I éç´ç ~êíÉëáJ ~åçI áÖ~ê~é¨I O í~åèìÉë ÇÉ éÉáñÉëK oA ORM jáäK PMUTJ VOROLVQUPJPSRR

ãÉÇ ~äîÉå~êá~ áåáÅá~Ç~ O ãÉíêçë ~äíìê~I î~äçê ~ ÅçãÄáå~ê c VNVUJVTNT

379384779

qêáÄìå~ä Çç qê~Ä~äÜçK ^äìÖç kçî~ë p~ä~ë `çãÉêÅá~áë m~Çê©ç bñÉÅìíáîçK säK ¶ ÅçãÄK cWVOPMJPNPOL PSPSJOPQR 179383647

ÇÉ QMãOI ëÉÖìê~å´~ OQÜëI ~Å~ÇÉãá~I éê~´~ ÇÉ ~äáJ ãÉåí~´©çI ~ìÇáíμêáçI ë~ä~ ÇÉ êÉìåá©ç ÉíÅKoA OKRMMIMMKPMUTJVOROL VQUPJPSRR

ED. SKYE – CHAPADA - p~ä~

179385421

ÇÉI ë~ä~ ÅçãÉêÅá~äI ÄäáåJ ÇÉñ RMãOI éçêÅÉä~å~íçI ëéäáíI äçÅ~äáò~Çç åç açã mÉÇêçI ~äíç é~Çê©çI ~äìÖìÉäK oA NKVMM cWVNROJNVRS çì ï ï ïK ë ç ê ~ ó ~ î É ä ~ ë J èìÉKÅçãKÄê

179385795

SALA COMERCIAL ATLANTIC TOWER - Elmloqrkfa^abF Ó p~ä~

ÅçãÉêÅá~ä PRIUOãOI éê¨J Çáç åçîçI ~äíç é~Çê©çI å∞J îÉä ÉñÉÅìíáîçI éçêÅÉä~å~J íçI ÖÉëëçI ëéäáí NKUMM _qrI N î~Ö~I Ä~åÜÉáêç oA NKVMMIMM H QNRIUT `çåÇK cWVNRONVRS çì ïïïKëçê~ó~îÉä~ëJ èìÉKÅçãKÄê

179385797


Domingo, 25 de agosto de 2013

Domingo, 25 de agosto de 2013 10 Diário do Amazonas | visite D24am.com

MONTANA SPORT 05/06 - `çãéäK

oANRKVMM éêÉ´ç ÇÉ çÅ~ëáJ ©çK ^ÅK éêçéK Éã ÇáåÜÉáêç cW VNPMJMNRVLUNMTJ RORQ

179384880

PLACA DE TÁXI VENDO TRANSFERI DA - s~äçê oATRãáä cëWUNVTJ

RUUQLVNSNJOQNT

179385329

S-10 RODEIO 2011 - PTKMMMâã

êçÇ~Ççë oAOTIPMMãáäHPVñ oA NKPMM p~îÉáêç Ä•ëáÅç OMMR åçîç oANPIRMM ^ÅK íêçÅ~ë ÉíÅK É Ñ~Åáäáíç cWVNQS VQNRL PSRU QSQV

179385744

S10 ANO 2000 - sÉåÇç Å~ÄáåÉ

ëáãéäÉë ~ Ö~ëçäáå~I ~ê ÅçåÇI áåëìÑáäãÉ oAVKVMM cWVOROJVVSRLUNOPJ SOVQ

AAAB ATENÇÃO - Åçãéêç

Å~êJ êçë à• Ñáå~åÅá~ÇçëI ãÉëJ ãç ÅL é~êÅK Éã ~íê~ëç çì èìáíK mÖ ¶ îáëí~ VQPMJ STNM 379385066

CELTA 07/07 - NKM ÅçãéäÉíç Qéí~ë

àÖ ÇÉ ~êç NR ëçã ÇçÅ çâ oANRãáä cWVOUNJ SPSR

379384963

CELTA LT 2011/2012 COMPL. -

bãéä~Å~ÇçI èìáíK oAOOKVMM ~ îáëí~ A ONãáäK cWVNPMJ MNRVLUNMTJ RORQ

179384887

CORSA SEDAN LIFE/09 COMPLETO -

Ä~åÅç ÇÉ ÅçìêçK ²åáÅç Ççåç É ëÉãá åçîç oAOMKVMM ~ÅKÅ~êêç EJF î~äçêK cáå~åJ Åáç ~í¨ QUñ cëWPSPPJ QNMRL VPQSJUQPP ^ìíçéêáãÉ 179385945

CORSA SEDAN PREMIUM 1.8 /05 -

ÅçãéäÉíçK pìéÉê åçîçK båíê~Ç~ oAOKOMM H QUñ oAQVU cëWVPRNJUQVM 179385946

FRONTIER 2008 COMPL. - ^ìíçJ

ã•íáÅ~ îäçê oARRjfi cWVNQOJUUPVLPSUNJNOOR

379385478

MONTANA CONQUEST 10/10 1.4 E OUTRA 09/09 - NKQK `çãéäK säçê ~

ÅçãÄáå~êK ^ÅK éêçéK Éã ÇáåÜÉáêçK cW VNPMJMNRVL UNMTJ RORQ

179384891

FIAT UNO 05/06 - O éçêí~ë Åçê ~òìä

ÅL ~êI ëçã íê~î~ ~ä~êãK ÇçÅK çâ èìáí~Çç oAUKRMM cWVNONJ OPSV

379385426

FIAT UNO 95/95 - îÇç Éã Äçã ÉëíK

ÇÉ ÅçåëÉêîK oAPKUMM ¶ îáëí~ çì Éåí ÇÉ Oãáä H Sñ ÇÉ RMM cWVNMTJNVMMLVPNQJ SVUQ

êÉîáJ ë~Ç~K båíê~Ç~ oARjáä H QUñ oAQNM cëWPSPPJQNMRL VPRNJUQVM ^ìíçéêáãÉ 179385932

LINEA DUALOGIC ABOSOLUT - NNL

NOI Ä~åÅç ÇÉ ÅçìêçI~ìíçJ ã•íáÅçIÅçãéäÉí~ oAPUãáäK cáå~åÅáç cWUNNOJ MVMP

379385468

179385965

NOVO PALIO - ÅçãéäÉíçI Q éI ÑäÉñI

179385941

VECTRA ELEGANCE 2.0 /07 - ÅçãJ

éäÉíçI ëìéÉê åçîç oAOOKVMM ~ÅÉáíç Å~êêç EJF î~äçêK cáJ å~åÅáç ~í¨ QUñ cëWVPRNJ UQVMLVNPPJVRPU ^ìíçéêá ãÉ 179385937

VENDO CAMIONETE ANO 92 - Åçã

Å~éçí~ oA OT ãáäKcWPSUN RUNULVNOP MSOO

179385950

379385164

DOBLÔ 11/12 COMPLETO - OPãáä âã

êçÇ~ÇçëI ëìéÉê ÅçåëÉêî~J Ç~I íêîLîáÇêç Éä¨íK ~ä~êãÉI ~êI áåëìäÑáäãI ÇáêK eáÇK T äìJ Ö~êÉëI ∫åáÅ~ Ççå~ oA QPjáä cWVSNRJRRVTLUUNNJTMPP 379384805

FIAT UNO 02/02 - Äê~Åç Qéí~ë ~ê

oAQKRMM H Nãçíç bä¨íêáÅ~ OMNO cìíìêÉ oANãáä cWVOUOJRNTULVQUOJ OPNQ

379385585

CONSÓRCIO COMPRO CONSÓRCIO - ~íê~ë~ÇçI

Å~åÅÉä~ÇçI ~åÇ~ãÉåíçI èìáí~ÇçI ÅçåíÉãéäK É å©ç UUOTJQPOSLVNOQJ NRNP

159379210

VENDO CONSORCIO - jçíç `_PMMo

Éã ~åÇ~ãÉåíç ÅLOQ é~êJ ÅÉä~ë é~Ö~ëK cWVNQUJ MQRPLVONMJRNTQ

379384687

Éä¨í ëçã ~ê ÅçåÇ ëÉåë ÉëJ í~Å ~ä~êã êÉÇ îÉäçÅ oAOUãáä cWVNQNJVNPMLVOQUJ ORPT

379385102

STRADA CABINE DUPLA 1.4 -

`çãéäÉí~ NNLNO Åçê éê~J í~K oAPRãáä cWUNOUJUVNV 179384185

VENDO IDEIA ANO2007 - ÅçãéäÉJ

íçI oA NQ jáä íê~í~ê éÉäçë ÑçåÉëW VNMQJRPQVLVNOPJ NTTR

179385487

ëáÅçI ~êç NQK ÇçÅ çâK oAPKRMM cWVPVSJ QMQR

379384947

Q éçêí~ëI ÅçãéäÉíç oANTKVMM ~ÅÉáJ íç Å~êêç EJF î~äçêK cáå~åÅáç ~í¨ QUñ cëWPSPPJQNMRL VNPPJVRPULVNMSJMTRU ^ìíçéêáãÉ

GOL G4 1.0 06/07 -

179385002

éçïÉê ëçã ~êç NPKiáåÇç> mÉèKÑ~äÜ~ãÉåíçK oASKURM ^ÅKãçíçKÑWVOORJUNUV

SIENA CELLEBRATION 08/08 -

SIENA FLEX - ÅçãéäÉíç îáÇ É íê~î

179385933

GOL 93/93 1.6 - Å~ê~ ÅÜ~í~I Ä•J

GOL TREND 02/02 - ~ê ÇÜ Qéí ãçíçê

179385938

379385460

Åçã íÉíç ëçä~ê oAPOKVMM ~ÅK Å~êêç EJFî~äçêK cáå~åÅáç ~í¨ QUñ cëWPSPPJQNMRLVNPPJ VRPU ^ìíçéêáãÉ

179385936

ÅçãéäÉíçI QTjáä âãK pìJ éÉê åçîç oANVKVMM ~ÅK Å~êêK EJF îäêK cáå~åÅáç ~í¨ QUñ cëWPSPPJQNMRLVNPPJVRPU ^ìíçéêáãÉ

Åçãé oAVKRMM éå ëÉãá åî Åçê Äê~åÅçI ëìëé åçî~ ÅL ëçã ÇçÅ ~í¨ OMNQ cWVQTQJ OMSV

179385935

FUSION SEL 2.3 06/06 - qçé ÇÉ iáåÜ~

sÉåÇç çì íêçÅç éçê ëíê~J Ç~ OMNO É îçäí~ ~ ÇáÑÉêÉåJ ´~ cWVNPSJPMQP

PÁLIO CELLEBRATION 08/08 -

ÅçãéäÉíçI ëìéÉê åçîç oAONKVMM ~ÅK Å~êê EJFîäê ÑáJ å~åÅK ~í¨ QUñ cëW PSPPJ QNMR LVNPPJVRPU ^ìíç éêáãÉ

ÅçãéäÉíçK pìéÉê åçîç oAOMKVMM ~ÅÉáíç Å~êêç EJF î~äçêK cáå~åÅáç ~í¨ QUñ cëWPSPPJQNMRLVNPPJVRPU ^ìíçéêáãÉ

GOL G5 ANO 2010 - ÅçãéäÉíçK

379382701

SIENA EX 03/03 4PTS -

saHaoH^_pIáåíÉêáçê Éã ÅçìêçINNãÉëÉë ÇÉ ìëçI~êç NTKoAROãáäKcWVOQRJNMOM

179385489

Mâã OMNPLOMNQ îäê NKMMM H é~êÅ QVPI å©ç Åçåëìäí~ ëÉê~ë~LëéÅ cWVOVSJNUQV

179385939

BRAVO ABSOLUT 12/12 - qçé ÇÉ äáåÜ~

ÄÉã ÅçåëÉêî~ÇçK `L NR é~êÅÉJ ä~ oARSV H fms^ oAOKRMM s~äçê oARjáä cWVOSNJ UVPV

HONDA CIVIC ANO 2000 -

379384444

FIORINO BAÚ 06/06 - íçÇ~

VECTRA ELEGANCE 2.0 /07 - ÅçãJ

éäÉíç H ÄÅç ÅçìêçK pìéÉê åçîç oAOPKVMM ~ÅK Å~êêç EJFî~äçêK cáå~åÅáç QUñ cëWPSPPJQNMRLVNPPJVRPU ^ìíç mêáãÉ

CORSASEDANMAXX1.0/09- Qéçêí~ëI

379385637

SAVEIRO 1.6 TOTAL FLEX /06 - ~êKqçÇ~

É íê~î Éä¨í ëçã ~ê ÅçåÇ ~ä~êã êÉÇ îÉäçÅ oAPUãáä cWVNQNJVNPMLVOQUJ ORPT

êÉîáë~Ç~I ëìéÉê åçî~ oANUKVMM ~ÅÉáíç Å~êêç EJF î~äçêK cáå~åÅáç ~í¨ QUñ cëWPSPPJQNMRLVNMSJMTRU ^ìíçéêáãÉ

F.SCORT 95 M.AP - ÅçãéäK ^ê aÜ

VOYAGE 1.0 - OMNO L OMNPI èìáíKI

ECO SPORT FLEX - ÅçãéäÉíç îáÇ

379385103

îLíêK ÉäÉíêK îÇçLíêçÅç mLmáJ Åâ ìéLîÇç mä~óëí~íáçåOL ^êTKRLNMjáä cWVPUMJUNUT 179385958

FIESTA HATCH FLEX /09 - ÅçãJ

éäÉíçK oANVKVMM ~ÅK Å~êJ êçEJF î~äçêK cáå~åÅá~ ~í¨ QUñ çì båíK oARKRMM H QUñ oAQVR cëWPSPPJQNMRLVPRNJUQVM ^ìíçéêáãÉ

179385948

FOCUS07/07- îÇçÅçãéäÉíçRRhã

êçÇK ÄÉã ÅçåëÉêîLÅ~ê ÇÉ ãìäÜÉêK oANQKRMM cWVNMTJNVMMLVPNQJ SVUQ

379384443

Åçê éê~í~I ÅçãéäÉíç Ä~åÅç ÇÉ Åçìêç o A NN K R M M ~ Å K é ê ç é K cWVQPSJNMOVLVOVNJTSNT

FOCUS ANO 2005 -

379385517

FORD KA 2007 - oA V jáä ~ÅÉáJ

íç éêçéçëí~ Åçã Å~êêç ÇÉ ãÉåçê î~äçê à• Ñáå~åÅá~ÇçK cWVNTNJTVURLUNMOJPNSV

379384713

FORD RANGER 07/08 XLS 2.3 16 GASOL. - `~ÄK ëáãéäÉëK ÅçãéäK

oAOPKVMM ^ÅK éêçéçëí~ Éã ÇáåÜÉáêçK ^ÅK Å~êêç ÇÉ EJF î~äçê cW VNPMJMNRVLUNMTJ RORQ

179384883

íçã•íáÅçI SMãáä âã êçÇ~J ÇçëI oAPQãáä cWUNOUJ UVNV

179384207

CLIO HATCH 03/03 1.0 8V - ~êI îÉI

íÉI ~ä~êãÉI ëçã oANMKVMM cáå~åÅK PSñ cëWPSPPJ QNMRLVNMSJMTRU ^ìíçéêá ãÉ 179385942

LOGAN 08/09 COMPLETO - éåÉìë

åçîçëI êÉîáë~ÇçI Å~êêç ÇÉ Ö~ê~ÖÉã oANTãáä cWVNPOJ VUUOLUNQPJPRQVLPMUOJMPSM

179385630

379385040

UTILITÁRIOS, ÔNIBUS E CAMINHÕES CHEVROLET 1988 - `~ãáåÜ©ç íçÅç

ÅL Å~êêçÅÉêá~ ~ÄÉêí íÇ åç ÑêÉáç ~ ~ê éä~Å~ îÉêã oAOMãáä É çìíêç Å~ãáåÜ©ç ïçäâë ãçÇK NPKNPM ~åç UO Ä~∫ éä~Å~ îÉêã oAPMãáä cWVNQOJ NPNP

379384407

FORD CARGO 815 - `çãéäK ÅL ~êI

ëÉãáJåçîçI ãçÇK OMMVKníÇçI UVãáä ~ÅÉáíç Ñáå~åÅK cWVNTNJQRUNLVNQTJVVRN 379383633

VENDO CARROCERIA - ÇÉ ÑÉêêç wá~å

åçî~ μíáã~ éL Ö•ë É •Öì~ RIR ãíë oASKRMM åÉÖçÅá~J î¨ä cWVNTQJOMNTLVNMUJ SNNMLUOQRJ OVSU ALUGUÉIS

ALUGO DUBLÔ C/ 7 LUG A PARTIR R$110 - éL é~ëëÉáçëI ÉãéêÉë~ëI

áÖêÉà~ë É ÉíÅK ^ÅÉáíç Å~êJ íπÉë ÇÉ Åê¨ÇáíçI é~êÅÉäç ~í¨ NO îÉòÉëK cWPPONJ NNUQL PPMOJNRRUL PPMTJNNQSL PPMTJNNRUL VPNRJ PUTQ L PMUQJ QPSSLVNROJNTOU

179385134

ÑêÉJ íÉëI ÉãéêÉë~ë É Çá~êá~ëI ëÉã ãçíçêáëí~ cWVNSOJ NSTM

ALUGO KOMBI 12/13 - é~ê~

379385125

ALUGO SEM BUROCRACIA KM LIVRE - ¶ é~êíáê ÇÉ oA QVIVMK

cWPOPOJTNSNL PSSPJRTRT VNONJ VMVV

179378576

179381715

ESPORTIVOS KIA CERATO 2011 AUTOMÁTICO - ëÉãá

179384696

MAQUINA CIELO - Å~êíπÉëI é Ñ∞J

åçîçIÅçãéäK à• Ñáå~åÅá~Çç ÉåíêK oAOMãáä HOV é~êÅK ÇÉ oANKQUM g• Ñáå~åÅá~ÇçK ^ÅK éêçéçëí~ É `~êêç ÇÉ jÉJ åçê s~äçê cWVOOSJPRUQL UNQSJQRSO tÜ~íë~éé

179385863

Çáîáëçê~I ãçÇÉä~Ççê~I ~êãI Ä~ä~å´~I ãÉë~ áåçñI Ñçêåç Éä¨íêáÅç U íÉä~ë îáíK êÉÑêáÖK å~íìê~ä ÉíÅKK oAOO jáä cWVNQTJMQQU L UONNJ VQPN 379384827

ëáÅ~ É àìê∞ÇáÅ~I ÅL çì ëL ëÉê~ë~K båíêÉÖ~ Éã NRÇá~ë cWUNUSJNONNLVPPPJNVMN

IMPORTADOS LIVINA 1.6 09/10 - ÅçãéäÉíçI ∫åáÅç

ÇçåçK pìéÉê åçîç oAOTKVMM ~ÅKÅ~êêç EJF î~äçêK cáJ å~åÅKQUñ cëWPSPPJQNMRL VNMSJMTRU ^ìíçéêáãÉ 179385944

ARQUITETA: - éêçàÉíçë ÇÉ ~êè Éã

ÖÉê~áëI éêçà éL êÉÑçêI êÉÖìJ ä~êáò~´©ç É Ü~ÄáíÉJëÉK VORMJPRTOLUNQQJ QMRO

379380206

CONSTRULAJES CONSTRUÇÕES - êÉJ

MOTOS HONDA FAN 125 05/05 - îÉåÇç

èìáí~Ç~ ÇçÅK çâ oAOKTMM ^ÅÉáíç éêçéçëí~ cWVNPQJ SQRNLVQNNJNOTT

379385112

Ñçêã~ë É ä~àÉ éê¨JãçäÇ~J Ç~Içê´~ãKëLÅçãéK ~ÅKÅ~êJ í©ç ÇÉ ÅêÉÇáíç cW VNUO UMNP

379384503

MÁQUINA FOT. CANON - QMaK bçë

H OäÉåíÉëK Ñä~ëÜ QPMbñK jçÅÜáä~K `~êêÉÖK ÇÉ Ä~íÉJ êá~ É éáäÜ~K cWVVVRJSSNU

379385188

MAQUINÁRIO PARA AÇOUGUE - îÉåÇç

ÅçãéäÉíç oAT ãáäK qê~í~ê åç cçåÉWVNUSJOVQQ

179384431

159385568

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

MOTOR A DIESEL - Q

ÅáäáåÇêçëI ÅçãéäÉíçK oAQãáä ~Åí ãçJ íç åç åÉÖμÅáçK cWVNTRJ UTPP 379384862

MOTO FAN PARTIDA 2013/0KM -

SERRA PICA PAU R$7.500 - q~ÄáJ

oAOKMMMHé~êÅK oAONNIMM ÉëÅçäÜÉê ÅçêI ëìàÉáíç ~å~J äáëÉ ÇÉ ÅêÉÇáíç cW VNMPJ QONR biqlk

èìÉáê~ QÑ~ÅÉë oANQãáä ÇÉëÉåÖêçëëç SM oAUãáä íÇçë ÑìåÅáçå~åÇç éÉêÑÉáí~ãÉåJ íÉK cW VNQSJVQNRLUNPOJ NMNTLPSRUJQSQV

379384916

179385749

VENDO R1 07/07 - Sãáä âã êçÇK

VENDE-SE 1 BOMBA D‘AGUA - ÇÉ PÅî

íçÇ~ çêáÖáå~ä Ièì~ëÉ åçî~K ^ÅK íêçÅKmáÅìé çì åÉï ÄÉííäÉë VORVJNSMRLUOQPJPPUP

379385300

EMBARCAÇÕES

ëÉãáåçî~I î~äçê oA RMMIMM ~ÅK ã~íK ÇÉ ÅçåëíK c VQRSJQPMNLVNUNJQNTS

MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS BESTA ANO 95 - ~ ÇáÉëÉä oAVãáä

~Åí Å~êêç ÇÉ é~ëëÉáç åç åÉÖμÅáçK cWVNTRJ UTPP

379384863

ELETROSUL - MEGA OFERTA PARA -

PAJERO 06/07 - emb ~ìíçã•íáJ

ãçíçêáëí~ é~ê~ é~ëëÉáç EéêÉëK ÑáÖìÉáêÉÇçI åçîç ~áê©çI áí~J Åç~íá~ê~I Äç~ îáëí~ É ÉíÅ cWVVUVJPUMSL VNTSJURQP

ëμ oAQOMIMM éL Åçåíáåì~ê cKVNNRJUPPULUNSUJSOMOK

179385947

179382436

ALUGO VAN COM 16LUGARES - Åçã

CONSÓRCIO DO GOL 1.0 4PTS C/ 14 MESES- Éã~åÇ~ãÉåíçKm~ÖìÉ

EQUIP. P/ PADARIA - ã~ëëÉáê~I

åçîçI ∫åáÅç ÇçåçK oAQTKVMM ~ÅK Å~êêçEJF î~äçê çì cáJ å~åÅá~ ~í¨ QUñ çì båíK oAVKTMM H QUñ oANKORU cëWPSPPJQNMRLVPRNJUQVM ^ìíçéêáãÉ

179385934

379385479

COROLLA 07/08 COR PRATA - ~ìJ

TUCSON ANO 10 - ÅçãéäÉíçK pìéÉê

~êI ÇáêÉ´KI íê~î~ëI îáÇêKI ~ä~êãÉI ~áêÄ~ÖI ~ÄëI Uãáä âãK oAPNjfiI éÇ ëÉê Ñáå~åÅá~J ÇçK cWUOQPJOSSTLVONNJ TSRM

Å~I îÉåÇç çì íêçÅçI p~J îÉáêç ~åç VSK îäê ~ ÅçãÄáJ å~ê cWVOOMJNOQS

50

BARCO DE PESCA - ãÉÇWNSjíçë

ÅLNUq Åñ~ ÇÉ NPq ãçíçê jtj OORem Q`áäáåÇêK oAQMãáä cWVOQQJTVVQ

379385147

LANCHA DE FIBRA - NT é¨ëI NQM

ÜéI oA NRãáäI ~ÅÉáíç éêçJ éçëí~K cçåÉW VOPOJPOQN

379385833

VENDO CANOA - ÇÉ ~äìã∞åáç ÅL

Å~éçí~I ãÉÇ SIR ãí ÇÉ ÅçãéêáãÉåíç ÅL ãçíçê ÇÉ NRem pìòìâá ÅL åçí~ ÑáëJ Å~äK oA NNjfi cWUNNQJ PRRULVOSUJOMTULVPOTJ RMOMLPOPQJTTQS

379384775

VENDO/TROCO LANCHA - cáÄê~ NT

é¨ë Rãíë S äìÖK ÅL Å~éçí~ í~åè NRM äíë éêÉéK éL tÉJ âÉÄç~êÇ ãçíK gçÜåëçå NMMÜé ~ÅK íêçÅ~ Å~êêçI Åë~LíÉêêK ORãáä • î á ë í~ c W U NN Q J P R R U L VOSUJOMTU 379384782

pçêîÉíÉêá~ë J j•èìáå~ máJ ÅçäÉíÉáê~ fåçñ mSuOU oARKPQVISPLmNMñOU oAUKRTQITOLpçêîÉíÉáê~ ^ìíçã•íáÅ~ fåçñ ë~á ÇáêÉJ íç Çç Ä~äÇÉ ëÉã •äÅççä sR oAQKQONIPQ XsNS oATKSNTITO sPM oANMKUTNIROLpçêîÉJ íÉáê~ `çåàìÖ~Ç~ fåçñ pçêJ îÉíÉ É máÅçä¨ mpJO oAQKQONIPQ É mpJR oASKTVQITMLc∑ã~ëÇÉmáÅçä¨ fåçñ ~ é~êíáê ÇÉ oANTQINTL c∑êã~ë éLjçêÉåáåÜ~I máJ Åçä¨ m~ê~ÑìëçI g~à~I `∑åáJ Å~I fíìòáåÜçLj•èìáå~ éL Ä~íÉê ^´~∞ ~ é~êíáê oAONMIRQK `çåÑáê~ çìíê~ë çÑÉêí~ë> lÑÉêí~ë ëçãÉåíÉ • îáëí~ çì í~ÄÉä~X ~í¨ NOñ åçë Å~êJ íπÉëX QUñ åç Å~êí©ç _kabp çì Ñáå~åÅá~ãÉåíç ~í¨ MHOQ åç `ßêåÉ çì `ÜÉèìÉK cçJ åÉëWEVOFUQNSJQNOM `ä~êçL UOORJUTOO qáãLVNNUJ SSUS sáîçLVVUOJTQNV láK bJ ã~áäW ÉäÉíêçëìäã~å~ìë]Üçí ã~áäK Åçã L páíÉW ïïïKÉäÉíêçëìä Éèìáé~ãÉåíçëKÅçãKÄê 179385142

379383410

rã ~åÇ~à• Öê~åJ ÇÉE~ÇìäíçF É ìã~ Å~ÇÉáê~ ÇÉ Ä~ä~å´çK s~äçê ¶ ÅçãJ Äáå~ê cWVNQNJMVOQ

VENDO -

179372882

VENDO 1 CARRINHO - ÇÉ

ÅÜìêJ ê~ëÅç íÇ áåçñ åçîç H N äáåJ Çç Å~êêç ä~åÅÜÉ ÇÉ Üçí ÇçÖ ÅçãéäÉíçK ~ÅK éêçéçëí~ Éã ã~íK ÇÉ Åçåëíêì´©ç c VQRSJQPMNLVNUNJQNTS 379383401

VENDO MÁQUINA DE ASSAR FRANGO - pÉãáJkçî~ éL OM Ñê~åJ

ÖçëK oANKSMMK cWVOVUJ RTNVLVOMVJMMSS

179384988

ELETRODOMÉSTICOS

ARCOND. 12.000BTUS - sÉåÇç

ëéêáåÖÉê ÇÉ à~åÉä~ ~éÉJ å~ë oAOUM cWVOROJVVSRL UNOPJ SOVQ

379385475

[Title will be auto-generated]  

http://media.d24am.com/24am_web/389/diario/docs/0497045001377362452.pdf

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you