Page 1

30

e.

|Especializados

O TEMPO Belo Horizonte DOMINGO, 30 DE SETEMBRO DE 2012

Amizade. Conterrâneos, Bruno Soares e Marcelo Melo formavam uma das melhores duplas do mundo

MG no mapa mundial do tênis Recém-terminada, parceria conseguiu grandes resultados no competitivo circuito profissional ¬ DANIEL OTTONI ¬ Depois de Gustavo Kuer-

ten, sobrou para os maiores tenistas brasileiros a tarefa de fazer o país se destacar nos torneios internacionais. A dificuldade é grande, mas uma dupla mineira é a responsável por boa parte das conquistas tupiniquins ao redor do

mundo nos últimos anos. Bruno Soares e Marcelo Melo se conhecem de longa data. Foram criados e formados no Minas Tênis Clube, uma das referências do tênis em Minas Gerais e no Brasil. A afinidade entre os dois rendeu uma parceria de sucesso, principalmente nos anos de 2010 e 2011, que foi rompida para, depois, ser retomada na Olimpíada de Londres e na Copa Davis, neste mês, quando a Rússia foi derrota, deixando livre o caminho do Brasil para a elite da maior competição por equipes do mundo. “Jogar com o Marcelo é

sempre especial. Ele é um grande amigo, crescemos juntos. A ideia da separação foi minha. Queria ter novas experiências, jogar com pessoas e estilos diferentes e ver no que ia dar”, comenta Bruno Soares, sem arrependimento pela decisão. Os triunfos conquistados nos torneios de duplas foram fundamentais para que os mineiros escolhessem não investir nos torneios de simples. “Já são seis anos jogando somente em duplas. Comecei a jogar muito bem com o André Sá, e isso acabou me levando a escolher as duplas. Passei a jogar tor-

neios do nível ATP, enquanto, nas simples, eu teria que jogar Challengers”, justifica Marcelo Melo. Para se obter o almejado e sempre difícil destaque internacional, ter um parceria fixa é o caminho mais curto. Um dos principais objetivos do duplista é jogar o Finals no fim do ano. “A única chance de ir é jogando praticamente com o mesmo parceiro. Para isso, ele tem que ser duplista, pois os jogadores de simples, às vezes, fazem um calendário diferente do nosso”, explica Melo. No entanto, a rotina de torneios, viagens e aeropor-

tos pode ser uma vilã nesse trajeto. “Jogar com o mesmo parceiro o ano todo envolve muita coisa. O tempo que você passa com essa pessoa é muito grande, e nem

Convocação No aguardo. Apesar dos resultados, Bruno e Marcelo ainda não sabem se jogarão juntos na Davis. A convocação será em meados de janeiro do ano que vem, 15 dias antes do embate contra os Estados Unidos.

sempre é fácil administrar tudo isso. Muitas vezes, as coisas não vão tão bem fora da quadra ou os resultados não são os esperados por algum dos dois, e separações acontecem. É natural do tênis”, resume Bruno Soares. Mesmo sem a garantia de que continuarão jogando juntos, Bruno e Marcelo mantêm o respeito e a admiração mútuos. No fim das contas, o que vale é fazer o nome do Brasil brilhar no difícil cenário do tênis. E isso eles têm conseguido com mérito e muito esforço. VIPCOMM/DIVULGAÇÃO

Desgaste “Jogar com o mesmo parceiro o ano todo envolve várias situações diferentes. Muitas vezes, as coisas não vão tão bem fora da quadra ou os resultados não são os esperados para algum dos dois, e separações acontecem. É natural do tênis.” Bruno Soares TENISTA MINEIRO

Melhor assim “Já são seis anos jogando somente duplas. Comecei a jogar muito bem com o André Sá, e isso acabou me levando a escolher esse caminho. Passei a jogar torneios do nível ATP, enquanto, nas simples, eu teria que jogar Challengers.” Marcelo Melo TENISTA MINEIRO

Volta. Apesar de não estarem mais atuando juntos no circuito mundial, Soares e Melo devem formar a dupla brasileira para o confronto pela Davis, contra os Estados Unidos

Números

Glória

Retrospecto

US Open não é pra qualquer um

Confira os melhores resultados de Bruno Soares e Marcelo Melo jogando lado a lado. Antes de eles começarem a vencer os maiores torneios do tênis mundial (ATPs), em 2010, a parceria teve um caminho de sucesso em torneios de menor expressão, mas que renderam boas histórias e muito entrosamento para os velhos conhecidos.

19ª

posição tem Marcelo Melo no ranking de duplas

24ª

posição tem Bruno Soares no ranking de duplas

3

títulos foram conquistados pela dupla do Estado

6

anos, tempo total em que Marcelo Melo se dedica às duplas

Antes de ajudar o Brasil na classificação para a elite na Copa Davis, Bruno Soares ganhou, no início do mês, nada menos do que o US Open nas duplas mistas, ao lado da russa Ekaterina Makarova. Apesar de já terem jogado juntos, a ideia inicial era que Bruno fizesse parceria com a australiana Jarmila Gadjosova, que não apareceu para a inscrição. O registro da nova dupla foi feito de última hora e acabou dando certo. “Já havia jogado com as duas e as conheço muito bem. Foi apenas

7

uma história inusitada, que resultou nesse grande momento”, lembra Soares. Garantido na elite do tênis mundial, o Brasil tem pela frente, agora, na Copa Davis, os Estados Unidos, que jogarão em casa, entre os dias 1º e 3 de fevereiro de 2013. Bruno Soares e Marcelo Melo têm boas chances de jogar juntos e tentar desbancar os irmãos Bryan, líderes do ranking. “Será um confronto muito duro. Eles têm uma equipe muito forte, principalmente jogando em casa”, admitiu Bruno.

Marcelo conta com o retrospecto para se motivar ainda mais ao próximo encontro. “Temos uma tática praticamente formada. Já os vencemos duas vezes em três encontros”, comenta. Mesmo vivendo um dos melhores momentos da carreira, Bruno teve, neste ano, uma enorme perda: o falecimento do pai. Contudo, ele mostrou dedicação para seguir dando o seu melhor. “Sempre trabalhei duro pra alcançar meus objetivos. A morte do meu pai foi um momento muito difícil, mas a vida continua”. (DO)

2002 - Future de Florianópolis

2010 - Campeões em Nice-FRA 2010 - Vice-campeões em Metz-FRA 2010 - Vice campeões em Gstaad-SUI 2010 - Vice-campeões em Auckland-NZL 2011 - Campeões na Costa do Sauipe (BA) 2011 - Campeões em Santiago-CHI

2003 - Future da Colômbia 2004 - Future de São Paulo 2004 - Future de Goiânia

2011 - Vice-campeões em Estocolmo-SUE 2011 - Vice-campeões em Acapulco-MEX


Tênis mineiro ganha destaque internacional  

Matéria com os tenistas mineiros Marcelo Melo e Bruno Soares sobre suas participações e vitórias na carreira, juntos e separados.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you