Page 234

Almerinda da Silva Lopes

A inserção de Alberto Harrigan na Arte Postal O capixaba Alberto Roberts Harrigan Filho (1944-2002) transferiu-se para o Rio de Janeiro ainda na adolescência, cidade onde concluiu os estudos e iniciou a carreira artística, na metade da década de 1960. Embora revelasse muito cedo vocação e talento para a pintura, por influência familiar trocou a Escola de Belas Artes pelo curso de Biologia. Depois de concluir o curso, não exerceria profissionalmente essa atividade, optando pela arte. Frequentou cursos livres e ateliês particulares para aperfeiçoar o desenho e a pintura, que produzia espontaneamente de longa data. A temática mais recorrente, no entanto, girou sempre em torno dos elementos da natureza, embora com diferentes características e formulações. Se essa temática ecológica ou de indicação preservacionista e política transparecia nos trabalhos iniciais do artista, seria pouco a pouco metamorfoseada ou embaralhada com determinados signos de indicação fálica, balizando o diálogo particular que o jovem estabeleceu com o surrealismo. A carreira de Harrigan começou a despontar com a sua participação de mostras e salões, com trabalhos de desenho e pintura, mais frequentemente a partir do início dos anos 1970, quando recebeu por essa produção alguns prêmios.

234

As composições eram arquitetadas, então, com formas sintéticas ou fragmentárias, revelando em alguns casos elementos de conotação fantasmática, trágica ou angustiante. Em momentos específicos e intermitentes de sua trajetória criativa, o artista aproximouse da abstração e da arte conceitual. Mas se tornaria mais conhecido, por montagens e colagens e por trabalhos que evocam a natureza de sua cidade natal, como revelou em especial quando de sua participação em mostras realizadas em Vitória. Mas seriam os temas envolvendo crustáceos e outros animais marinhos que encontrariam maior espaço nas reflexões críticas e nas mostras realizadas em instituições culturais de vários estados brasileiros e até no exterior.

Revista Postais 02 - 2014  

A Revista do Museu Correios Dossiê - Arte Postal Artigos de Adriana Santana, Almerinda da Silva Lopes, Altemar Henrique de Oliveira, Antonio...

Advertisement