Page 210

Antonio Miranda

3. ”Circulou pelo correio”, em termos cartofílicos e filatélicos, significa que a peça foi carimbada e circulada pelo correio. Talvez para o artista e colecionador de arte, o fato de ter circulado, inclusive em envelope, pelo correio, justifique o epíteto “postal”. Valeria a pena levantar as origens da Arte Postal, que segundo a perspectiva metodológica do levantamento, pode ter mais de um século!!! Sim, se considerarmos que os seguidores do futurismo de Marinetti, lembrando que o Manifesto Futurista é de 1909 e, desde o início, os seguidores já confeccionavam cartões postais artesanais, com ilustrações de artistas do movimento, que eram enviados pelo correio aos simpatizantes. 4. A Mail Art continua viva, conforme as transformações impostas pelas tecnologias da informação do século XXI. Na atualidade, caberia perguntar se tem ou não sustentação teórica admitir que seja uma forma de Arte Postal o uso de “cartões ilustrados” com imagens, textos e versos como eram praticados em décadas passadas - que agora circulam, por exemplo, por correios eletrônicos, pelo Facebook e que abrangem as trilhas da “comunicação extensiva” pelas redes sociais via internet... Assunto para outro texto, oportunamente. (Antonio Miranda. Brasília, 16 de dezembro de 2014).

210

Carrión se pergunta de que maneira o adjetivo “postal” modifica o substantivo “arte” e não dá uma resposta cabal, Ele acaba achando mais importante saber se e possível verdadeiramente fazer arte através da Arte Postal. Também não oferece uma resposta plausível, mas deixa entender que depende mesmo da capacidade/habilidade do criador, na composição harmônica de suas peças, que serão enviadas pelo correio. Sem querer, sugere que, como toda obra de arte, o artista “mailarista”, ao fim e ao cabo, deve ter talento (caso contrário, não terá resposta de suas tentativas de trocas de mensagens, nem o seu trabalho será reconhecido e guardado). Em síntese, só é arte postal porque é, em ultima instância, uma peça artística; e só é postal porque efetivamente circulou3 pelo correio4.

Postal criado por Zélio Visconti (Brasil) para Mostra Internacional de Arte Postal - Museu Postal e Telegráfico - 1992. Acervo - Museu Nacional dos Correios

Revista Postais 02 - 2014  
Revista Postais 02 - 2014  

A Revista do Museu Correios Dossiê - Arte Postal Artigos de Adriana Santana, Almerinda da Silva Lopes, Altemar Henrique de Oliveira, Antonio...

Advertisement