Page 224

Candido Malta Campos

Figura 6: Detalhe da perspectiva do Projeto FreireGuilhem para o Anhangabaú, com viaduto no eixo da Avenida São João e previsão de praça no vale, onde se situa hoje a Praça dos Correios ou Pedro Lessa. Fonte: FREIRE, 1911, s.n.p.

222

Entretanto, o conde de Prates obteve o aval do Governo do Estado para outro plano, assinado pelo engenheiro Samuel das Neves, que previa um bulevar no fundo do próprio vale, que seria ocupado por construções. Para reverter o impasse a seu favor, Freire fez chamar, em 1911, um consultor francês, Joseph-Antoine Bouvard, técnico da prefeitura parisiense e discípulo de Alphand (o paisagista de Haussmann), o qual formulou proposta conciliatória para o Vale do Anhangabaú: um parque pontuado por alguns edifícios nas encostas, a serem erguidos pelo próprio conde e alugados a bom preço, um deles à própria municipalidade. Bouvard também montou propostas para viabilizar a criação de outro parque na Várzea do Carmo, por meio da venda de parte dos terrenos municipais da várzea a particulares que assumissem o encargo de criar o parque (atual Parque Dom Pedro II); redesenhou a região da Sé, então sendo demolida, enquanto Centro Cívico; projetou outras ligações viárias em torno da área central (BOUVARD, 1911); e avalizou a aquisição, por um grupo privado, de enormes glebas na calha do rio Pinheiros, depois revendidas à Companhia City constituída em 1912, que nelas implantaria seus bairrosjardim, consagrando a ocupação do vetor Sudoeste pelas camadas de maior renda (BACELLI, 1982; SEGAWA, 2000).

Profile for Correios Cultura

Revista Postais 05 - 2015  

Revista Postal N. 5 - 2015 Dossiê Documentos Fundadores Artigos de Bernardo Arribada, Candida Malta Campos, Diego Salcedo, Luiz Guilherme...

Revista Postais 05 - 2015  

Revista Postal N. 5 - 2015 Dossiê Documentos Fundadores Artigos de Bernardo Arribada, Candida Malta Campos, Diego Salcedo, Luiz Guilherme...

Advertisement