Issuu on Google+

Um dia o lobo esfomeado estava com dor de barriga e exclamou: - Esta vida não é justa porque o lobo da estória tem sempre fome! Quando acabou de falar, ele viu um patinho e pensou: - Se eu comer esse patinho é igual como nas outras histórias em que um lobo come um animal qualquer e outros animais vão comer o lobo. Eu não gosto de ser uma comida, mas também não gosto de perder uma comida maravilhosa! Depois o lobo foi atrás do patinho e passou 3 montanhas e 5 mares… Neste caminho, o lobo viu uma bruxa! O lobo perguntou à bruxa com cara de mau: - Oh bruxinha, tu és muito má? - Claro que sou! - respondeu a bruxa. - Só precisas de 50 euros para ajudar-te no teu desejo. Assim o lobo deu 50 euros à bruxa e ao mesmo tempo disse: - O meu desejo era comer aquele patinho. - Sim, senhor lobo, vou apanhar aquele patinho agora. Passaram 3 horas mas a bruxa ainda não tinha voltado. - Onde está aquela bruxa? Se calhar é uma mentirosa! Assim o lobo ficou triste e voltou para casa.

Tianyu 14/11/2012


escrita ciativa