Page 2

EDITORIAL

E

m pesquisa recente encomendada financeira e do desemprego, abatidos pela pelo Conselho Federal de Medicina fome, muitos já chegam através da nossa

ao Instituto Datafolha, realizada nos me-

fronteira, doentes, procurando nosso

ses de agosto e setembro, os brasileiros

sistema de saúde e estrangulando ainda

apontaram que a assistência à saúde é o

mais a já difícil assistência à saúde em

principal problema dos brasileiros (37%). nosso estado. A mesma pesquisa identifica que os mé-

A mesma pesquisa aponta a corrup-

dicos brasileiros são os profissionais com ção como o segundo maior problema, WIRLANDE DA LUZ Editor-chefe

maior grau de confiabilidade entre todas onde na nossa leitura, o desvio de verba as profissões no país (26%), ao contrário pública é o maior responsável pelo desado que os governos e parte da mídia tenta

parelhamento do Sistema Único de Saúde,

impor ao descarregar as mazelas da saúde carência de leitos hospitalares e quadro

Apesar do comportamento inadequado e do afastamento dos ensinamentos hipocráticos por parte de uns poucos profissionais, a população ainda acredita no médico e na medicina praticada por nós”.

pública e transferir a responsabilidade de profissionais de saúde que atuam na da falência do sistema de saúde pública ponta, insuficiente. em cima dos ombros dos médicos. Os

A c on f i a bi l i d a d e d e p o s it a d a n o

estudos ouviram 2.042 e 2.089 pessoas,

profissional médico está alicerçada em

respectivamente, de todas as regiões do nossos atos profissionais e em nosso país, incluindo regiões metropolitanas e comportamento ético dentro e fora da cidades do interior, desses 2 % dos en- medicina. Aquele que faz medicina por trevistados utilizou o Sistema único de

vocação contribui substancialmente para

Saúde nos últimos dois anos.

o aumento desta confiabilidade. Apesar

Antes da crise econômica que vem se

do comportamento inadequado e do afas-

abatendo no país nos últimos cinco anos,

tamento dos ensinamentos hipocráticos

um quarto da população do país possuía

por parte de uns poucos profissionais,

plano privado de saúde. Com a crise, gra-

a população ainda acredita no médico e

dativamente este seguimento vem saindo na medicina praticada por nós. Por esta do Sistema de Saúde Suplementar, por razão, é necessário não só manter esta perda do emprego ou em decorrência da

credibilidade, mas aumentá-la.

inflação e, consequentemente tem sido

Nunca é demais lembrar um peque-

empurrada para o SUS, estrangulando

no trecho da Declaração de Genebra da

ainda mais a rede pública. Ou seja, o que Associação Médica Mundial (1948): “Não hoje já é o principal problema para a po- permitirei que concepções religiosas, pulação, tende a piorar.

nacionais, raciais, partidárias ou sociais

Par t i c u l ar me nte, e m R or ai ma , a inter venham entre meu dever e meus coisa fica ainda mais grave. Com a crise pacientes.

2 | CRM-RR

econômica e política na nossa vizinha

Manterei o mais alto respeito pela vida

Venezuela, tem-se observado que a en-

humana, desde sua concepção”. Assim de-

trada de venezuelanos fugindo da crise

vemos pautar nossa pratica médica diária.

Jornal CRMRR - 47ª edição  

Informativo do Conselho Regional de Medicina do Estado de Roraima | Dezembro de 2016 - 47ª edição

Jornal CRMRR - 47ª edição  

Informativo do Conselho Regional de Medicina do Estado de Roraima | Dezembro de 2016 - 47ª edição

Advertisement