Page 1

APRENDA A TORNAR O LUGAR ONDE VOCÊ VIVE UMA CIDADE EM TRANSIÇÃO

Transition Training

CIDADES EM TRANSIÇÃO O movimento das Cidades em Transição, ou Transition Towns, foi criado pelo inglês Rob Hopkins com o objetivo de transformar as cidades em modelos sustentáveis, menos dependentes do petróleo, mais integradas à natureza e mais resistentes a crises externas, tanto econômicas como ecológicas. Hoje o movimento se faz presente em 14 países do mundo. Já são mais de 8.000 Iniciativas de Transição (em cidades, bairros e até ilhas) e 110 cidades oficiais mais de 8000 iniciativas preparando-se para a Transição. As Iniciativas de Transição criam um processo promissor que engaja pessoas, comunidades, instituições e cidades para, juntos, pensarem e implementarem as ações necessárias de curto e longo prazo para enfrentar duas questões emergentes que já começam a se fazer sentir: as Mudanças Climáticas e o Pico do Petróleo. Este treinamento, facilitado por May East do grupo de Transiton Trainers de Totnes, Inglaterra e Frank Siciliano do Instituto CRIS Referencia Integração Sustentabilidade,  oferecerá uma introdução detalhada, estimulando as habilidades necessárias p a r a s e i n i c i a r u m p ro j e t o d e Tr a n s i ç ã o .  O e v e n t o dará sequência ao trabalho já iniciado no Brasil em Serra, Rio de Janeiro, Brasília, São Paulo, Granja Viana, Vila Mariana, Vila Ipojuca, Vila Nova Conceição e Auto Paraiso. Em dois dias de evento, oferecerá uma introdução detalhada, estimulando as habilidades necessárias para iniciar, um projeto de Transição nas localidades dos participantes.

INFORMAÇÕES / LOCAL:

http://transitionbrasil.ning.com/

O Mundo esta mudando Seja um Ator não um Espectador. Adiar Ação não pode ser mais a Solução...

MOVIMENTE-SE !!! Onde estamos e para onde nós estamos Onde queremos Chegar indo.


Você está convidado a participar do crescente movimento das Cidades em Transição! Com: May East Através de processos participativos, iremos: Conhecer o contexto das Cidades em Transição e as possibilidades de transformação que emergem com as Mudanças Climáticas e o Pico do Petróleo; Aprender como adaptar os doze passos iniciais do movimento à realidade e capacidade da sua cidade; Saber como utilizar processos de visualização coletiva e tecnologias sociais para o desenho de um futuro de maior resiliência* na sua cidade, bairro ou município de origem; Explorar a relação entre transição interior e exterior; Aprender a organizar encontros efetivos, como palestras públicas, open space e grupos temáticos de trabalho de acordo com o estágio de mobilização do seu grupo e local; Conhecer os pontos mais importantes para uma palestra inspirada sobre Cidades em Transição; Explorar os elementos do desenho de um plano de mudança para desenvolver a capacidade de resistir a choques externos (resiliência), como a escassez de petróleo, crises na produção de alimentos, desabastecimento, falta de água e de energia; Aprender a incluir nesse plano todos os setores da sociedade – governo, setor privado e cidadãos – e todos os aspectos da vida cotidiana – saúde, educação, transporte, economia, agricultura e energia. Diferente da abordagem fatalista que prevê quadros horríveis de fome, seca, migrações climáticas e morte, as Cidades em Transição têm uma visão realista, mas positiva, do futuro. Acreditam na ação transformadora de indivíduos, comunidades e cidades, através do desenho responsável que projeta no futuro um mundo resiliente e com base local.

MarCelo Todescan

O movimento “Cidades em Transição”, que busca diminuir a dependência do petróleo na vida urbana e promover as economias locais, acredita que não existe um modelo único de transição, nem que todas as respostas para resolver o problema da escassez do petróleo e do aquecimento global já tenham sido encontradas. A idéia é que cada sociedade use a criatividade para fazer a mudança. Para as grandes cidades, uma alternativa é fazer a transição pelos bairros, reforçando o comércio regional. Totnes, no Sul da Inglaterra, considerada o berço do movimento, espera concluir sua jornada em 2030. Na linha do tempo traçada pelo movimento, quando a tarefa for concluída, muito dos hábitos e costumes da cidade terão sido modificados. As pessoas deverão consumir produtos locais e a dieta será baseada muito mais em vegetais do que em carne. As escolas passarão a preparar as crianças para as reais demandas da época, como cozinhar, plantar, construir casas a partir de materiais naturais como adobe e barro e a fazer jardinagem. *Os conceitos de sustentabilidade e resiliência, que é a capacidade que um sistema possui de resistir a choques externos, passarão definitivamente a fazer parte do currículo. O transporte público será predominante, e o consumo totalmente baseado na produção local.


23 de Julho 19 às 22 24 de Julho 09 às 22 Local: Espaço Fundação Stickel Rua Nova Cidade, 193 Itaim - São Paulo

INVESTIMENTO Ate o dia 15/07: R$ 250,00. (duzentos e cinquenta Reais) Depois do dia 15/07: Demais R$ 300,00 (Trezentos Reais)

INFORMAÇÕES / Inscrição / Local: http://transitionbrasil.ning.com/ O CRIS é um instituto, formado por uma rede de pessoas, profissionais e empresas, Pontos, Pontinhos, Pontassos e Pontões. Referência em Sustentabilidade, dispõe em sua rede, referências nacionais e internacionais em cada setor: Energia, Sociedade, Produtos e Serviços, Comunicação, Arquitetura e Urbanismo, Educação, Ecologia, Certificação, Água, Construções Sustentáveis Tem como missão, integrar as diversas técnicas, disciplinas gerando ações concretas, dentro de uma perspectiva de um mundo em Transição para uma Sociedade com estilo de vida com qualidade e sustentável.

www.cris.org.br REALIZAÇÃO

EDUCAÇÃO

Treinamento para a Transição em Transition Towns Brasil  

Informações Gerais do treinamento para a Transição em Transition Towns Brasil - São Paulo - CRIS Instituto Centro de Referência Integração S...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you