Issuu on Google+

DESVIO DE FOCO. A QUEM INTERESSA? A Criola Propaganda vem a público manifestar sua indignação com as frequentes e sistemáticas insinuações divulgadas por certos agentes da imprensa, questionando sua integridade empresarial, na última licitação de propaganda do Governo do RN. Restaurando a verdade dos fatos, após o resultado e sentindo-se extremamente prejudicada, a Criola apresentou recurso contrário à decisão da Comissão, utilizando argumentos puramente TÉCNICOS e lançando mão de um direito SEU, previsto no próprio edital da citada concorrência. O recurso apresentado pela Criola está disponível NA ÍNTEGRA, no link http://issuu.com/criolapropaganda/docs/recursocriola , para que qualquer cidadão ou órgão competente, conheça a realidade do assunto. Em síntese, as objeções da Criola são: 1) No quesito Capacidade de Atendimento, duas das empresas classificadas tiraram nota maior que a da Criola, mesmo apresentando um número menor de funcionários e clientes. Uma delas ainda apelou por colocar alguns funcionários em duplicidade de funções, com a clara intenção de mascarar sua capacidade. 2) A Criola recebeu nota zero no quesito Estratégia de Mídia e Não Mídia por, no entendimento da subcomissão, falhar no uso da verba de campanha. No entanto, o mesmo rigor não foi adotado para uma outra empresa classificada que cometeu a mesma falha e obteve nota 6,5. 3) Por fim e mais grave, duas das empresas com classificação superior à Criola utilizaram-se de mecanismos de identificação do seu nome, ao longo de suas propostas, as quais não poderiam ser identificadas sob nenhuma forma. Uma delas chegou ao ponto de colocar seu nome 76 vezes ao longo da proposta, através de artifícios engenhosos de redação. Portanto, os questionamentos apresentados pela Criola Propaganda, perante à Comissão da referida licitação, requisitando revisão dos resultados, foram eminentemente TÉCNICOS, exigem respostas TÉCNICAS, já que a concorrência, é bom que se ressalte, é do tipo MELHOR TÉCNICA. Vale destacar ainda, que das 4 agências citadas no recurso da Criola, somente uma apresentou defesa, o que não significa que tenha se justificado. Onde estão estas respostas? A quem interessa DESVIAR O FOCO da questão do ASPECTO TÉCNICO para o político? A quem interessa fazer insinuações maldosas e absurdas confundindo a opinião pública de forma irresponsável? A tentativa de desqualificar a Criola através da criação de boatos e insinuações caluniosas e infundadas revela não só a falta de argumentos TÉCNICOS como também uma antiga estratégia muito utilizada por aqueles que se acham na qualidade de donatários da verba governamental, não aceitando a evidente renovação e evolução do mercado publicitário, hoje tão evidente no setor privado. A Criola não se intimidará com pressões dessa natureza, nem desistirá de lutar pelos seus direitos. Temos a convicção que as nossas colocações são SENSATAS, LEGAIS e ÉTICAS. Para a Criola somente uma argumentação interessa: a argumentação TÉCNICA.

CRIOLA PROPAGANDA 2º mais premiada no Prêmio Bárbaro 2011. Uma das 3 agências do Norte Nordeste finalistas do Prêmio Profissionais do Ano da Rede Globo 2012 | Campanha.


Desvio de foco