Page 1

xiv 152 Nov/dez. 10 Gratuita

Fernanda de Freitas a rio-pretense fala da carreira, saúde e beleza

Exclusividade é a principal marca do Mercado de Luxo Delícias de Natal Grécia 1 www.revistadominios.com.br


2 www.revistadominios.com.br


editorial

Genteemmmmm! Chegamos em dezembro! Nem curti direito 2010 e já estamos a um passo de 2011. Já é Natal! Presentes, espírito fraterno, emoção, cansaço... Parece que nosso organismo sabe que é o fim de um ano e o início de outro... Na realidade, é um ciclo sem interrupções, mas nosso corpo pede férias, praia: um descanso para iniciar o próximo ano. Vimos neste ano muita corrupção. Parece que os valores morais e éticos já não valem nada. Sentimo-nos confusos, com dificuldades até em discernir o bom do ruim, o certo do errado, o legal do ilegal. Enfim, remamos contra a maré, que parece nos levar para onde quer... Há ainda a sensação de que o tempo está cada vez mais veloz, como se os minutos se diluíssem a cada passagem, diminuindo as vinte e quatro horas de nossos dias. Uma velocidade que nos atordoa, com um gosto ainda da “falta de um quê”, que sequer definimos. Tempo escasso para curtir a vida, cuidando mais de nós mesmos. Parecem longínquos os dias de paz... Nesta edição, pensando no Natal e no final de ano, desenvolvemos uma pauta que fala de luxo, peças únicas e exclusivas que nos induzem às compras. Convidamos alguns dos melhores chefs de cozinha, sugerindo pratos que possam compor a nossa ceia de fim de ano. Falamos do bem estar que os exercícios na piscina nos trazem e sobre a importância da Água: A seiva da vida. Hamilton nos traz o código do consumidor, seus direitos e deveres. Eloina fala da compulsão em acumular coisas, o que é saudável e o que é obsessão. Em Musas do Pantheion Brasileiro, Lygia nos mostra a maravilhosa Nélida Piñon. Neste mês, Homens de Sucesso nos traz o querido Amauri Junior. A partir desta edição, agregamos à revista a coluna “Ponto de vista”, com eventos sociais sob a visão do fotógrafo Ricardo Boni. Confiram! Uma boa leitura. Genny Catanzaro Zarzour e Valéria Garcia ERRATAS • Na matéria Anti-Aging da edição passada, o nome correto é Dr. Cássio Luis Giorgi.

Capa  Fernanda de Freitas Photo  André Nicolau Produção Hidrobike

3 www.revistadominios.com.br


DOMÍNIOS

®

A MELHOR SOLUÇÃO EM COMUNICAÇÃO

ANO XIV – EDIÇÃO 152 novemBRO/dezembro DE 2010

SUMÁRIO

06 Acontece aqui Júnior, do jornal mural ao 38 Amaury colunismo internacional 10 42 Presentes Fernanda de Freitas a rio-pretense fala da carreira, saúde e beleza 43 Produtos 18 44 Malu Rodrigues Exclusividade é a principal marca do 52 Valéria Garcia mercado de luxo 54 Nenê Homsi 46 60 Ritualística Grécia aproveitar o Verão e 62 Como manter a pele bonita e saudável 66 nutricional e o 64 Terapia tratamento oncológico A arte de sorrir 68 Photos Ricardo Boni no Código de Defesa 72 Garantia do Consumidor 74 Crônicas condomínios

homens de sucesso

bazar

capa

14 evento

Scrap 4 You

consumo

clicks

supernovas

estilo

26

cotidiano

Delícias de Natal

cidade

literatura

diário de bordo

56 meio ambiente

Água, a seiva da vida

dermatologia oncologia

odontologia

ponto de vista

70 psicologia

Acumular coisas

jurídico

é tudo verdade

MISSÃO: Ilustrar, divertir, informar e facilitar a vida do leitor. Publicação mensal exclusiva da PLANO EDITORA • R. Américo Gomes Novoa, 670d – 17 3201.4100 – S. J. do Rio Preto/SP EDITORA RESPONSÁVEL: Valéria Garcia • EDITORA DE ARTE: Genny C. Zarzour • JORNALISTA RESPONSÁVEL: Malu Rodrigues MTB 44.529-SP • REVISÃO DE TEXTO: Loreni F. Gutierrez DIRETORA DE MARKETING: Valéria Garcia • AGENTE DE NEGÓCIOS: Giovana Domarco • Roberta Gil • PROJETO GRÁFICO: Plano Editora • DESIGNERS: Betinho Silva COLABORADORES DESTA EDIÇÃO: Cristina Oliveira • Dra. Eloina Ap. Crenith • Dr. Franscisco Roberto Cosenza • Hamilton Castardo • Dr. Heitor Bernardes Cosenza • Hygia T. Calmon • Letícia Gabriel • Malu Rodrigues • Nenê Homsi • Norma Vilar • Dr. Oswaldo Passos Filho • Ricardo Boni • Romildo Sant’Anna • Dra. Silvânia Bernardes Cosenza • Dra. Sílvia Regina Strazzi • Valéria Garcia • Valdemir Martins ATENDIMENTO AO LEITOR: dominios@revistadominios.com.br • IMPRESSÃO: 10.000 exemplares • DISTRIBUIÇÃO: diretamente em todas as residências dos condomínios parceiros da revista em Rio Preto e Mirassol, 300 pontos na cidade e em bancas de cidades da região, devidamente protocolados . *As matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores, não expressando a opinião da Editora. ** A Revista Domínios é propriedade exclusiva da Plano Editora, a reprodução de suas matérias, fotos e anúncios sem a devida autorização estará sujeita às penalidades previstas por lei.

www.revistadominios.com.br / e-mail: dominios@revistadominios.com.br / 17 3201.4100 Acesse nosso site e confira!


5 www.revistadominios.com.br


condomínios acontece aqui

Recanto

Real

Grandes Momentos  As atividades programadas para “aproveitar” o dia das crianças, incluíram pais, filhos e natureza.O plantio de árvores e a pesca no lago do condomínio proporcionaram momentos de boa convivência para os participantes.

Village

Damha I

Mirassol

2º Halloween  As crianças incorporaram o objetivo da festa das bruxas. Fantasia e muitas travessuras alegraram todos. As mamães também entraram no clima.

6 www.revistadominios.com.br


7 www.revistadominios.com.br


condomínios acontece aqui

Damha I Feliz Natal e Próspero Ano Novo A diretoria 2009/2010 e os funcionários desejam a todos proprietários/ moradores “Um feliz Natal e um próspero Ano Novo”. 13º Torneio de truco 2010  Único torneio realizado em 2010, onde se consagrou campeã a dupla “Imbátivel” Sr. Emilio Abou Rejaili e Diego C. Dos Reis, tornando-se os Grandes Campões “Truqueiros” do torneio 2010. 2º Colocado Sr. Pedro Moreira de Souza e Sr. Marcelo; em 3º colocado as grandes surpresas do torneio, “As Revelações”: Sr. David Z. Pedro e seu filho Felipe.

Damha III

Muitas brincadeiras  Animação e palhaçada. Foi assim o Dia das Crianças no Damha III. Os brinquedos infláveis e as monitoras mantiveram as crianças entretidas durante o dia reservado a elas.

8 www.revistadominios.com.br


9 www.revistadominios.com.br


Fernanda de Freitas A rio-pretense fala da carreira, saúde e beleza por Fernanda Pompeu | fotos André Nicolau

A Hidrobike é boa para a estética e para a saúde. Pedalar na piscina favorece a circulação sanguínea e promove a sensação de bem-estar. A rio-pretense Fernanda de Freitas recomenda a Hidrobike, bicicleta aquática recém-chegada à cidade. Nessa entrevista, ela fala de momentos de sua vitoriosa e ascendente carreira artística. Também dá dicas de como mantém a boa forma física e emocional. Determinação é uma palavra usual no dicionário de vida da atriz Fernanda de Freitas. Desde menina, ela sonhava em trabalhar com a Xuxa. Depois de enviar mais de 200 cartas para a apresentadora no Rio de Janeiro, a então empresária Marlene Mattos resolveu dar uma chance para

a jovem. Fernanda, aos 20 anos, passou no teste e realizou seu primeiro grande sonho: virou assistente de palco da célebre Xuxa, ao torna-se uma das Garotas do Zodíaco. Depois vieram convites para novelas globais: Heloísa, em Coração de Estudante; Consuelo, em Kubanacan; Amanda, em Como uma Onda; Catty Mcgold, em Bang-Bang; Leila, em Pé na Jaca; Antonela, em Negócio da China, entre outras novelas e programas. Nos palcos ela estreou e segue, até hoje, em turnê nacional, com o clássico e sempre atual, Ensina-me a Viver.

10 www.revistadominios.com.br


Pedalar na piscina favorece a circulação sanguínea e promove a sensação de bem-estar. O Brasil foi aprendendo a ver um rostinho bonito e um belo corpo rodeado de talento por todos os lados. Fernanda encantou no filme Tropa de Elite. Com direção de José Padilha, o filme levou o Urso de Ouro do Festival de Berlim, além de ganhar o primeiro lugar em cópias piratas. Fernanda conta que foi grande o assédio nas ruas. Nunca deu tanto autógrafo. A determinação de Fernanda, rio-pretense da Vila Diniz, também se traduz no empenho em manter a excelente forma física. Ela pratica balé todos os dias. Paixão que divide com exercícios na água. A modalidade que ela mais recomenda é a Hidrobike, bicicleta aquática que proporciona exercícios versáteis e divertidos na água. A atriz assegura que a Hidrobike é excelente para manter o bumbum firme, fortalecer as pernas e o abdômen. A Hidrobike é boa para a estética e para a saúde. Pedalar na piscina favorece a circulação sanguínea e promove a sensação de bem-estar. Todo exercício dentro da água é de baixo impacto, além de bastante prazeroso. Trocando em miúdos, a Hidrobike energiza. Energia é o grande capital de Fernanda Freitas para encarar a maratona de desafios e compromissos artísticos. Atualmente, a moça participa da série global SOS Emergência, onde vive a assistente social Evelin. Também se prepara para o grande lançamento de mais um filme. No longa Malu de Bicicleta, ela faz a carioca Malu. A história original é de Marcelo Rubens Paiva, e a direção é de Flávio Tambellini. Ela e outras celebridades também se preparam para o Carnaval, a festa máxima brasileira. Apesar de não sair em ne-

nhuma escola de samba ou bloco, Fernanda adora assistir à folia. O carnaval é uma vitrine para exibir alegria e corpos sarados. Manter o vigor e as medidas perfeitas também faz a atriz incrementar suas pedaladas na Hidrobike, a bicicleta que nasceu na Itália e ganhou o mundo e o Brasil. Quando é possível, Fernanda de Freitas dá uma escapada para sua querida São José do Rio Preto, onde moram os pais, avô, tios e primos. Também curte a deliciosa oportunidade de rever os amigos. Ela diz que para onde vai, leva São José do Rio Preto junto. Seus lugares prediletos na cidade são o Teatro Municipal, a represa e a Alberto Andaló. D


12 www.revistadominios.com.br


13 www.revistadominios.com.br


Simone Oppes, Me Dias, Lu Minoti e Lari Albernaz

Lari Albernaz, Lu Minoti, Simone Oppes e Me Dias, convidadas da Ponto Papéis, apresentaram em nossa cidade o evento, Scrap 4 You. Um dia muito feliz, agradável, realizador e com muito “trabalho”. As 4 amigas se uniram e percorrem o Brasil todo divulgando a arte do Sccrapbook e as novas técnicas desenvolvidas ou aprimoradas por elas. Foi maravilhoso conhecê-las pessoalmente, entrar em contato com sua criação e conviver com o alto astral que trazem para a arte.

“Gente, até agora não paro de pensar no quanto foi bom conhecer e estar aí com vcs hj. Foi um dia muito especial... O aconchego, a recepção, o astral, o carinho de vocês. Nunca me senti tão à vontade em um lugar pela primeira vez. Meninas, vocês são demais, prepararam tudo com tanto carinho que chega até a emocionar. A turminha dos aventais (adorei), sem contar o bom humor e o pique que vocês têm. Foi tudo bom demais. São momentos como este, que nem o MasterCard compra, que me mostram que vale a pena continuar. Me Dias

“Foi ótimo poder conhecer as designers pessoalmente e passar o dia todo num evento super divertido e criativo! Thais Juciene com sua Bandoca, Genny e Lu Minoti

Luciana e Ruth, ganhadora do presente oferecido pela Casablanca Enxovais.

Carol, Clarice e Janaina As felizes participantes

“Gostaria que fosse como comer: Três vezes por dia !!!” Flávia “Um evento maravilhoso onde, de quebra, o amor, a arte e a diversão se refletem no papel. Indescritível!!!” Ariane “Um dia delicioso, só pra mim! Pena que passou tão rápido. Ficou com gostinho de quero mais!” Leticia

14 www.revistadominios.com.br

Mimos oferecidos às participantes


15 www.revistadominios.com.br


Simone, Valéria e Claudira, proprietária da Aquateria, entregando seu presente para Paula.

“O que posso dizer sobre o curso: foi o melhor presente escolhido; senti-me a última peça de um quebra cabeça de mil peças.” Germana

Luciana, Simone, Lucinda, Larissa e Melissa com o mimo oferecido pela Ponto Papéis e ricamente recheado com as delícias oferecidos pela Doçura

Larissa, Simone, Regina, a ganhadora do presente da Terrace, e Luciana

Cleidiane entregando o presente de sua marca, Luce Dorata, a Germana

Brinde de encerramento. Ariane, Flavia, Juciene, Gabriela e Rita

Brinde com Letícia, Lucinda, Germana, Júnia, Regina e Thais

Cupcake oferecido pela chef Ana Silvia

Adeline, feliz com o presente oferecido pela Ponto Papéis

Valéria, Genny e toda a Equipe Ponto Papéis, gostariam de agradecer, em nome de todas nós, a atenção, a acolhida e o carinho com que fomos recebidas em Rio Preto. Foi um dia muito especial e fechamos a nossa jornada de 2010 com chave de ouro! Parabéns pelo capricho e dedicação! Tudo estava lindo e impecável! O evento foi um sucesso, e esse sucesso é o resultado do conjunto de uma ótima parceria entre nós do Scrap 4 You e vocês! Portanto, o nosso muito obrigada! Lu Minoti

Agradecemos especialmente aos nossos patrocinadores

17 3355 0288 17 2136 8600 17 3014 7410 E aos nossos apoiadores

Realização

17 3201 4100 16 www.revistadominios.com.br


estilo luxo

Cris Oliveira

foto Ra

ya Hrist

ova

Exclusividade é a principal marca do

Mercado de Luxo A Case Consultores realizou recentemente a pesquisa “Mercado de Luxo é Supérfluo? ”, onde falou com 32 mil pessoas para verificar a percepção do mercado de luxo. O estudo revela que para 64% dos entrevistados, o luxo é algo relevante. Enquanto 17,14% dos homens afirmaram que luxo é supérfluo, 30% das mulheres responderam que ele é composto por experiências que suprem os desejos delas. “Das pessoas que buscam produtos

de alto luxo, 88% preferem desembolsar mais para comprar um artigo com qualidade superior. A inovação é importante para 80% deles, e 78% buscam serviços e objetos personalizados. As mulheres são  as que mais consomem (moda, joias, artigos de beleza, acessórios) e o consumo extremo (valores) é dos homens (carros, motos, tecnologia). Já o meu sonho de consumo são sempre carros, iates e imóveis”, pontua Edson Joaquim, presidente da agência Objectif de Propaganda e idealizador do portal Web Luxo, referência no mercado nacional sobre o segmento de Premium e Luxo. “Luxo é vivenciar uma experiência inesquecível. Há uma preferência muito maior pelo desfrutar do que pelo ostentar. No Brasil, a escala de importância do luxo, de um a dez, é sete. No entanto, 97% das pessoas afirmam se interessar pelo luxo”, ressalta Edson ao falar do aspecto positivo deste mercado.

18 www.revistadominios.com.br


Já para a jornalista Cláudia Matarazzo luxo é “algo raro, único, difícil de encontrar e desfrutar”.

As mulheres representam a maior parcela entre os compradores de artigos de Luxo. Apenas 42% dos clientes são homens, contra 58% delas.

Crescimento O setor, que faturou US$ 6,23 bilhões em 2009, deve ampliar seu faturamento em 22% este ano, alcançando o montante de US$ 7,59 bilhões. É o que aponta o estudo “O mercado do Luxo no Brasil – ano IV”, iniciativa conjunta da MCF Consultoria & Conhecimento e GfK Brasil. A pesquisa foi realizada no primeiro semestre de 2010, considerando uma mostra de 283 empresas que atuam no segmento do Luxo ou Premium no Brasil. O estudo também contemplou o consumidor do Luxo e mapeou as preferências e os gostos de 344 consumidores deste segmento no País. Na avaliação das empresas, excluindo São Paulo e Rio de Janeiro, as cidades mais promissoras para a expansão deste mercado são Brasília (53%), Porto Alegre (7%), Curitiba (7%), Salvador (6%), Recife (4%), Belo Horizonte (4%) e Ribeirão Preto (3%).

R$100 mil. Ao avaliar as preferências e desejos deste público, a pesquisa chegou ao ranking de marcas nacionais e internacionais. A Top of Mind internacional é a Louis Vuitton (30%), seguida pela Hermès (12%) e Chanel (8%). No ranking de marcas nacionais a liderança fica com H. Stern (24%), seguida de perto pela Daslu (20%).

Ticket Em 2009, o ticket médio de compra por cliente diminuiu em 25% em relação ao ano anterior, caindo de R$ 3.454, para R$ 2.726, mesmo com a movimentação constante das empresas para manter o interesse de seus clientes. “A crise reduziu o valor do ticket médio, mas nada que gerasse uma preocupação exacerbada para os próximos anos. O consumidor demonstra o mesmo tipo de atitude positiva em relação ao consumo de Luxo e, inclusive, em relação à sua percepção da atividade. Os brasileiros se destacam pelo comportamento jovem de consumo e demandam de forma exponencial o relacionamento diferenciado, fazendo com que investimentos em eventos e comunicação sejam predominantes. Pontos de venda e relacionamento físicos aumentarão e se expandirão”, considera Carlos Ferreirinha, presidente da MCF Consultoria & Conhecimento. Os consumidores deste mercado também foram entrevistados, através da internet. As mulheres representam a maior parcela entre os compradores de artigos de Luxo. Apenas 42% dos clientes são homens, contra 58% delas. Outro predomínio ocorre no estado de São Paulo, que aumentou sua participação quanto à concentração dos consumidores do Luxo no Brasil. Em 2009, o Estado respondeu por 66% deste público. A maior parte dos consumidores do segmento (33%), tem entre 26 e 35 anos, enquanto brasileiros entre 36 e 45 anos representam 30% dos clientes. Do total, 47% são pós-graduados e 36% possuem grau universitário de instrução. Considerando a faixa salarial, percebe-se que 45% deles têm renda mensal superior a R$10 mil e que 47% fazem investimentos pessoais de até

Eventos O portal Web Luxo é o responsável pelo “I Salão Internacional do Luxo”, que acontecerá entre os dias 23 e 25 de novembro de 2011. Será a primeira vez que um país do continente americano irá realizar o evento. O palco é o Palácio de Convenções do Anhembi, em São Paulo. O objetivo é estimular o intercâmbio de informações, tecnologias, produtos, serviços e estratégias mercadológicas, consolidando as grandes marcas junto ao seu público. A programação inclui exposições, conferências, seminários e shows. São esperadas 35 mil pessoas, de perfil AA.  No início de dezembro aconteceu a terceira edição do seminário “In Luxo”, realizado pelo mesmo portal. O evento leva aos participantes a oportunidade de estarem por dentro deste mercado, conhecer alguns “cases de sucesso brasileiros” nos segmentos Premium e Luxo, e saber se seus produtos ou serviços podem atingir esse mercado em expansão.

19 www.revistadominios.com.br


estilo luxo

Cris Oliveira

Ele sabe tudo Em entrevista exclusiva para a Domínios, Carlos Ferreirinha, considerado um dos principais formadores de opinião sobre o Luxo e um dos mais requisitados palestrantes sobre o tema, fez considerações relevantes sobre este. Acompanhe. Domínios  Podemos dizer que o mercado de Luxo, no Brasil, cresce conforme aumenta o número de milionários? Por quê? Carlos Ferreirinha  O número de milionários no Brasil cresceu quase 12% em 2009, de acordo com pesquisa Merrill Lynch, e ocupa a 10ª posição no ranking dos países com maior índice de milionários (147 mil), o que definitivamente marca o país como um consumidor forte de produtos de Luxo. Ao mesmo tempo, a inclusão social, crescimento da renda e as condições de pagamento diferenciadas praticadas no Brasil em cartões de crédito, aumentam a base de consumo. A MCF se arrisca a afirmar que esses novos clientes, oriundos da classe média, que se estabelecem a partir do aumento da renda e estabilidade econômica, corresponderão a uma porcentagem de 20% a 30% dentro desse cenário. D.  Para consumir Luxo basta ter dinheiro ou também é necessário formação cultural? C.F.  O consumo de Luxo é pautado na emoção, no desejo da compra. Independe da formação da pessoa, embora quanto mais informação sobre os produtos, maior a vontade e o desejo da compra. D.  Mesmo tendo dinheiro, qual a diferença entre uma boa e uma má compra, quando falamos de Mercado de Luxo? C.F.  Cabe a cada um a definição de como investir ou gastar o dinheiro. O que pode parecer, por exemplo, ostentação para uma pessoa, não necessariamente é para a outra. E não podemos esquecer que, para quem vende, os que ostentam tem um papel importante. Existem muitos perfis de consumo de Luxo. Os que consomem porque conhecem, os que sempre estiveram expostos a este tipo de consumo, os que buscam status – poder e diferenciação social, os que são fascinados por marcas. É algo muito individual. D.  Tudo que é de luxo é caro, e tudo que é caro é de luxo? C.F.  Produtos de Luxo possuem preços diferenciados. Mas o que os torna Luxo são seus atributos especiais. Trabalhando no mercado, entendemos claramente o que leva as empresas, marcas, produtos e serviços serem de Luxo. Há algumas características que são invariáveis. As mais importantes são aquelas que têm relação com a extrema qualificação do produto ou serviço que está sendo prestado. Está vinculada aos produtos que tem como atributo qualidade no mínimo excelente. O sinal de perfeição tem que ser respeitado. As características de exclusividade, especial, raro, único são muito importantes. Marcas que contam uma história através de produtos e serviços excepcionais.

20 www.revistadominios.com.br


21 www.revistadominios.com.br


estilo luxo

Cris Oliveira

O iPhone 4 cravejado de diamantes, da Apple, foi feito a mão em ouro rosa com aproximadamente 500 diamantes, que somam 100 quilates. O logo tem 53 diamantes. Na parte frontal o botão é feito de platina e um diamante rosa de 7,4 quilates. O valor dele é a bagatela de R$ 13 milhões. fotos webluxo.com.br

O liquidificador reversível BRLY07 da Oster é capaz de misturar massas pesadas e processar alimentos. Dispõe de motor com seis lâminas, que gira em ambos os sentidos e mantém os ingredientes perto da lâmina. A jarra é de vidro refratário. Valor: R$ 349. O abridor elétrico de vinhos da Oster, modelo 4207 é um saca-rolhas automático reversível. Cada carga da bateria permite abrir até 40 garrafas de vinho. Para sacar a rolha basta apertar um botão, assim como para se desfazer da rolha. Valor: R$ 150.

A Kawasaki disponibiliza para o Brasil a moto Ninja NX-14. Considerada a top de linha da marca, ela tem 1352 cilindradas e 200 cv de potência. Atualmente ela é a moto mais cara comercializada pela marca no país. Seu preço sugerido é de R$ 61.990.

22 www.revistadominios.com.br


23 www.revistadominios.com.br


estilo luxo

Cris Oliveira

fotos webluxo.com.br

O Anel de safira em forma de coração de 31 quilates, da Chopard, traz a pedra decorativa rodeada por um losango achatado, que assim como sua estrutura, é toda ornamentada por diamantes. Ele pode ser adquirido por R$ 840 mil.

Uma tela assinada por Pablo Picasso atingiu uma marca inédita durante um leilão em Nova York, no primeiro semestre deste ano. A obra “Nu, folhas verdes e busto”, foi pintada pelo artista em 1932. A preciosidade foi arrematada por R$ 180 milhões.

O perfume Jean Paul Gaultier Classique X traz em sua fragrância notas brilhantes, como a presença inebriante da cidra, mandarina e a citricidade da bergamota. O perfume traz um apelo de sensualidade. O preço do vidro de 100 ml é R$ 388.

Gucci oferece aos seus clientes uma bolsa luxuosa para compradores exigentes. A alça possui pedaços de bambu e detalhes no fecho central e em uma extremidade. O corpo da bolsa é de couro de crocodilo na cor cinza com acabamentos na mesma cor em tons mais escuros. Este modelo, foi fabricado com duas alças que podem ser removíveis em couro liso com uma corrente de metal. As bolsas são compactadas sob pressão e o seu revestimento é feito de linho e algodão. No valor de 13 mil euros.


25 www.revistadominios.com.br


COTIDIANO Ceia de Natal

Malu Rodrigues

Delícias de Natal Cada um tem uma receita, doce ou salgada, simples ou sofisticada, remetendo a uma única mensagem. a mesa ainda é onde as pessoas dividem o pão. E nela celebramos o Natal.

Dezembro é sinônimo de festas. Sejam em família, na empresa, reunião com os amigos, não importa. É praticamente impossível ficar indiferente aos paladares do Natal. Cada um tem uma receita, doce ou salgada, simples ou sofisticada, remetendo a uma única mensagem. A mesa ainda é onde as pessoas dividem o pão. E nela celebramos o Natal. Trazemos, nesta edição, chef’s conceituados, apresentando deliciosas receitas. São eles: Armenio Alcântara, Tiago Caparroz, Sandra Campos, Sidney Degaine e Ana Silvia. Com sofisticação, o cook português Armenio Alcântara, comandante da rotisseria “Pois Pois...” nos ensina a fazer o verdadeiro bacalhau. De acordo com ele, nas noites de Natal, em Portugal o bacalhau é o prato eleito. A noite da Consoada (24 de Dezembro) é algo muito especial. Normalmente, as pessoas buscam as suas origens e vão até as suas Aldeias para estarem junto de seus familiares. Nesta noite, o jantar é servido de maneira muito simples: Bacalhau cozido com legumes regado com o primeiro azeite produzido naquele ano, isto porque a colheita da azeitona é realizada em meados do mês de novembro. Feliz Natal !

26 www.revistadominios.com.br


27 www.revistadominios.com.br


Malu Rodrigues

o cook português Armenio Alcântara nos ensina a fazer o verdadeiro bacalhau. Ingredientes (serve 4 pessoas): 500 gr de bacalhau ; 500 gr de batatas ; 2 cebolas ; 1 dente de alho ; 2 folhas de louro ; 3 ovos cozidos ; 1,5 dl de azeite extra virgem ; 100gr azeitonas verdes fatiadas; 100gr azeitonas pretas ; Salsa, sal, pimenta e noz moscada

Bacalhau à Gomes de Sá

“Comer este bacalhau, encharcado com este azeite, artesanal, é para mim algo muito especial. Escolhi este prato, “Bacalhau à Gomes de Sá”, pelo seu preparo simples e “honesto” no resultado final, ou seja, o azeite evidencia o sabor de todos os ingredientes sem perder o seu nobre aroma. Quanto aos bolinhos de bacalhau, estão presentes em todas as ocasiões festivas”, diz ele. Armenio e Ana Maria preparam as melhores receitas com carinho, alma, azeite e bacalhau, enriquecendo sua ceia nas festas de fim de ano. É só encomendar! Preparo Demolhe o bacalhau, coloque-o num tacho e escalde-o com água a ferver. Tape o recipiente e deixe-o ficar assim durante 20 minutos. Escorra o bacalhau, retire-lhe as peles e as espinhas e desfaça-o em lascas. Ponha as lascas num recipiente fundo, cubra-as com leite bem quente e deixe ficar em infusão durante 1 a 3 horas. Entretanto, num segundo tacho, deixe alourar no azeite as cebolas cortadas, as rodelas e o alho esmagado com um pouco de sal. Deixe-os em lume brando até sentir o aroma do refogado. Junte as folhas de louro, o bacalhau escorrido e, por último, as azeitonas verdes. A seguir, junte ao refogado as batatas que foram cozidas com a pele e que, depois de peladas, cortadas em rodelas e 2 ovos cozidos cortados em fatias. Mexa tudo ligeiramente, mas sem deixar refogar. Tempere com sal, pimenta e uma pitada de noz moscada. Deite tudo num recipiente refratário e leve ao forno bem quente durante 15 minutos. Antes de servir o bacalhau, refogue um pouco de cebola cortada em rodelas num pouco de azeite e deite sobre as batatas. Enfeite o prato com rodelas de ovo cozido, azeitonas pretas e polvilhe com salsa picada. Serviço: Pois Pois... O sabor do bacalhau, uma casa portuguesa com certeza De terça a sábado das 11h às 14h e das 17h às 19h30; domingo e feriados das 10h30 às 14h. Av. Benedito Rodrigues Lisboa, 1915 – Vivendas – Encomendas: 17 3022.7646 / 9171.3371 foto ricardo boni

COTIDIANO Ceia de Natal

28 www.revistadominios.com.br


fotografia alessandro prette

29 www.revistadominios.com.br


Malu Rodrigues

foto ricardo boni

COTIDIANO Ceia de Natal

O Chef Tiago Caparroz estudou na França e comanda uma cozinha de primeira linha no restaurante Flor de Sal, mas deixa aqui uma dica brasileiríssima para a mesa de Natal: “Leitoa desossada e assada ao estilo da Bairrada”.

Leitoa desossada e assada ao estilo da Bairrada Ingredientes 1 leitoa de leite 5kg 15 g de alho picado 5g sal 3g pimenta do reino moida 3 folhas de louro 1/2 maço de tomilho fresco 5g semente de coentro

Preparo Desossar a leitoa, retirar a carne dos pernis e paletas. Temperá-la com os demais ingredientes por 24hs. Rechear a leitoa com a carne devidamente temperada, retirar louro e talos de tomilho (deixar as folhas), enrolar a leitoa como um rocambole e amarrar com barbante de algodão. Assar coberto com papel manteiga e papel alumínio por 6 horas a 140 C. Retirar a cobertura, bezuntar com óleo de canola e voltar ao forno para pururucar a 270C. Acompanha muito bem purê de mandioquinha e/ou polenta cremosa.

30 www.revistadominios.com.br


31 www.revistadominios.com.br


Malu Rodrigues

foto ricardo boni

COTIDIANO Ceia de Natal

A apresentadora de TV, Sandra Campos, que desde 2004 comanda o show “Bom de Tempero”, ensina a receita de “Pastéis Abertos”. “A receita é muito prática e agrada todas as idades. Adultos voltam a ser crianças”, diz Sandra. Os pastéis podem ser recheados com doce de leite, brigadeiro, leite condensado, mas também podem ser recheados com salpicão de frango ou qualquer outro recheio salgado a gosto. “O importante é trazer memórias. Os pastéis trazem memórias de felicidade, de família. Rechear os pastéis, juntos, na mesa, escolhendo os doces, unidos. Isto é Natal. Uma receita simples e brincalhona”, diz Sandra.

Pastéis Abertos Ingredientes (serve 4 pessoas) 200g de massa de pastel redondo 1 litro de óleo bem quente para fritura

Recheios doce de leite, brigadeiro, confetes variados, salpicão, maionese ou creme de milho Preparo Usar o cabo de uma colher de pau longa para fritar. Coloque o cabo no centro da massa e faça movimento circular enquanto frita. A massa deverá ficar no formato de um cachepô depois de frita. Em seguida sirva com o recheio de sua preferência.

32 www.revistadominios.com.br


33 www.revistadominios.com.br


COTIDIANO Ceia de Natal

Malu Rodrigues

Coxas de pato com molho de ameixas O chef francês Sidney Degaine optou por uma dica bem francesa, coxas de pato, cozidas no próprio óleo da ave, com guarnições bem natalinas como castanhas portuguesas. “É um prato bem rico, pois nesta época é frio na França”, diz Degaine. foto ricardo boni

Ingredientes Para o pato 5 coxas e contra coxas de patos Sal grosso Gordura de pato Para a guarnição 2 endívias 250 gramas de mini cebolas 250 gramas de champignons frescos 100 gramas de castanhas portuguesas Para o purê 2 quilos de batatas doces Para o molho 50 gramas de ameixas secas 1 colher de mel 1 colher de vinagre balsâmico 50 ml de caldo de carne Preparo Deixe as coxas do pato uma hora e meia mergulhadas em sal grosso. Lave. Esquente a gordura e cozinhe o pato em fogo brando por aproximadamente duas horas e meia. As coxas devem ficar cobertas de gordura todo o tempo. Reserve. Faça um purê com as batatas doces. Reserve. Nas castanhas, dê um pequeno corte, cozinhe por dez minutos para tirar a casca e refogue com manteiga e caldo de galinha. Reserve. Corte as endívias em quatro, passe no açúcar e na manteiga rapidamente. Reserve, passe o champignon na manteiga. Para fazer o molho coloque o mel numa panela, deixe ferver, junte o vinagre, a ameixa picada, o caldo de carne e deixe reduzir até ficar com a aparência de uma geléia. Monte o prato e decore.

34 www.revistadominios.com.br


35 www.revistadominios.com.br


Malu Rodrigues foto ricardo boni

COTIDIANO Ceia de Natal

Bolo de Frutas Ingredientes 3 ovos • ¾ xícara de leite • 15g manteiga • 1 ½ xícara de açúcar • 2 ½ xícara de farinha • 15g nozes • 15g frutas cristalizadas • 15g ameixa • 15g damasco • 20g fermento em pó Preparo Bater as claras em ponto de neve, acrescentar as gemas, bater bem. Acrescentar o açúcar, a farinha e por último o leite quente com a manteiga. Misturar. Acrescentar o fermento, as frutas e as nozes. Untar uma forma de buraco, colocar a massa e levar ao forno aquecido a 180º por 30 minutos. Decorar com frutas.

A personal chef Ana Silvia Ivamotto Passos Nogueira optou por sugerir um bolo de frutas. “Escolhi este bolo por lembrar bem o Natal, as festas”, diz Ana Silvia. O bolo é adaptado ao clima brasileiro e apesar de levar frutas natalinas é bem leve e não pesa como o bolo de frutas tradicional europeu. Ana Silvia acrescenta a receita de “Crespinho de coco”. A dica da chef Ana Silvia é decorar uma mesa com muitas cores natalinas e muitos sabores doces, aqueles sabores que as crianças vão levar por toda uma vida, fazendo as lembranças de Natal. E os adultos vão querer experimentar a mesa toda, claro. Transforme a sua festa ainda mais especial com Cupcakes nos sabores: Mocha, Doces de Leite com nozes, Chocolate e Limão, doces finos, bem casados, tortas e bolos.

Crespinho de coco Ingredientes 1 lata de leite condensado 30g manteiga • 100g coco ralado Preparo Levar ao fogo até dar o ponto (começar a desgrudar da panela). Enrolar e passar no coco. Faça sua encomenda e Boas Festas! www.chefanasilvia.com.br – 17 9125.9915

36 www.revistadominios.com.br


37 www.revistadominios.com.br


homens de sucesso jornalista

Malu Rodrigues

Amaury Júnior, do jornal mural ao colunismo internacional Um homem feliz! É assim que este rio-pretense de coração, nascido em Catanduva, se define. Uma marca registrada de Amaury é a cortesia. Visitá-lo é como estar em casa. Cercado de gente de Rio Preto em sua equipe, Amaury recebe a nossa reportagem com elegância e simpatia. Aparência impecável, este “senhor” de 60 anos usa ternos bem cortados, sapatos sob medida e tem uma coleção de gravatas. Tudo do melhor, em respeito aos entrevistados e ao pessoal que o acompanha há tantos anos. Jornalista desde a adolescência, quando fazia o jornal mural, no Monsenhor Gonçalves, ele está na TV há quase 30 anos. Amaury Júnior é o colunista eletrônico mais bem-sucedido do país e vive um cotidiano de eventos glamorosos. A partir deste mês, toda França recebe sua programação, através dos cabos. O presidente da Rede TV!, Amilcare Dallevo fez um jantar, black-tie, num dos locais mais charmosos e históricos de Paris – o Palácio de Versailles, para celebrar, com a cobertura do Amaury Júnior, claro. Esta é a vida de Amaury. Uma vida de viagens pelo mundo todo, conhecendo pessoas interessantes, comendo e bebendo nos melhores lugares, hospedando-se nos melhores hotéis... Além de todo o sucesso.

Ele já publicou vários livros sobre suas viagens, lançou CDs e hoje comanda o Club A, o clube privê mais elegante do país. Sua mãe mora aqui em Rio Preto e, sempre que pode, Amaury passa por aqui, onde se sente em casa. Domínios  É muito agradável assistir ao programa do Jô Soares, onde você é o entrevistado, e ver que você cita que é de Rio Preto várias vezes. As suas raízes são fortes, você tem orgulho delas. Conte como começou em Rio Preto e como foi este voo que fez de você o maior colunista do Brasil. Amaury Júnior  Acho que a primeira vez que fiquei desperto para a comunicação foi no Instituto de Educação Monsenhor Gonçalves, no curso ginasial. Havia o jornal mural no pátio, onde algumas classes produziam seus “Jornais”. Esses jornais nada mais eram que a seleção de notícias e curiosidades recortadas dos jornais e revistas. Tudo o que era interessante, na nossa avaliação, ganhava espaço no mural. O meu era o que mais chamava a atenção. Ficava vaidoso em perceber que o maior interesse se concentrava na minha produção. Logo depois o Diário da Tarde queria uma coluna que falasse dos estudantes, eu era bom em redação (meu pai me obrigava a ler 1 hora por dia) e fui escolhido. Essa coluna, nem sei como, foi se transformando e virou uma coluna social. D.  Amaury, dizem que você é o criador do colunismo eletrônico. Você se considera o pai do colunismo eletrônico? Como começou a coluna na TV? A.J.  Foi o Washington Olivetto quem saiu com essa – o Amaury é o pai do colunismo social eletrônico, seu jornalismo vai do útil ao fútil, mas nunca esbarra no inútil. Gostei. Se o Olivetto falou, aqui é lei. Então sou. Meu programa começou muito tempo depois de eu estar em São Paulo, e de ter sido repórter da extinta TV-Tupi e colunista do Diário Popular. As colunas sociais vigentes nos jornais se perdiam em textos longos explicando as festas, as toilettes, a decoração etc.. Foi quando raciocinei que, com a imagem, tudo isso não precisaria ser explicado, a imagem cumpriria esse papel. Quando propus o programa na TV-Gazeta, o José Roberto Maluf, superintendente, disse: – Mas o que então você vai fazer nas festas? – Entrevistar pessoas, descobrir novidades, provocar reflexões sobre a atualidade e usar uma linguagem bem descontraída. Ele gostou, mas quis testar antes e só me deu cinco minutos por dia. Batizei o programa de Flash, era um instantâneo diário de um bom evento. E foi bem. Um mês depois já tinha 15 minutos diários. Dois meses, meia hora. E aí decolou.

38 www.revistadominios.com.br


divulgação

D.  De uma certa forma, pegam no pé dos colunistas, dizendo que as matérias são pagas. Mesmo que isto nem sempre seja verdade, este fato te incomoda? A.J.  Meu programa tem o informercial, que é pago, e eu me orgulho de não ter mais espaço para esse tipo de ação, tamanho o interesse. Contudo, ninguém nunca paga ou pagou para fazer auto-promoção, simplesmente “aparecer”. Nossa credibilidade iria água-abaixo. Mas se alguém deseja promover um produto, vender seu peixe, a Rede TV! quer a sua parte, e eu também, o que é absolutamente legítimo. Rodamos com gasolina. Quem controla o comercial dos meus programas é a Rede TV!. Já no E! Enterteinement, onde também tenho programas, é a Callme Comunicações. D.  Mesmo fazendo TV você gosta de ser um homem de negócios que tem vários paralelos, conte-nos. A.J.  Tudo que faço é sub-produto do meu conteúdo. Lancei 6 Cds, (incluindo um de Natal), que são trilhas que escolho para o meu programa, muitos Dvds, guias de restaurantes e de países. Agora mesmo sairá o guia que fizemos na África do Sul, um novo Cd e um guia de restaurantes de Miami. Até mesmo o CLUB A, que criei e está fazendo o maior sucesso, é subproduto do meu dia a dia nas gravações.

39 www.revistadominios.com.br

Aparência impecável, este “senhor” de 60 anos usa ternos bem cortados, sapatos sob medida e tem uma coleção de gravatas.


homens de sucesso jornalista

Malu Rodrigues

Não há divisão de opiniões: é uma das casas noturnas mais belas do mundo e fico de ego inflado. D.  O Club A completou um ano, com a fama de se ser o mais sofisticado Club Privê do Brasil, como foi este primeiro ano à frente deste sonho? A.J.  O CLUB A era um velho sonho, ter um Club Privê, charmoso, conectado com Nova York, Milão e Paris. Fui à luta, mas o primeiro ano foi difícil. O investimento foi vultoso, cerca de 15 milhões, e não foi fácil implementar dentro do Hotel Sheraton, o que de melhor eu havia visto no mundo. Consegui arregimentar o capital, sem as pessoas acreditarem muito no resultado. Hoje somos apenas dois sócios, eu – com 50% – e meu amigo Rubens Amaral – com a outra parte. O CLUB A vai repetir a façanha do Gallery, ou seja, ter vida muito ativa e por muitas décadas. Todos os melhores eventos de São Paulo migraram para o CLUB A. E a casa está cheia todas as noites, só gente bonita, bons shows, fico emocionado. Não há divisão de opiniões: é uma das casas noturnas mais belas do mundo e fico de ego inflado. E lembre-se que em Rio Preto eu tive um nightclub, bem pequeno, mas up-to-date para a época, que fez história. O Pop´s, em pleno advento da luz negra e psicodélica, um barato. Rio Preto foi o estopim também do CLUB A.

D.  Como você esta encarando a mudança de horário aos sábados para as 19h quando o Rodrigo Faro ainda está no ar pela Record? A briga é boa... e você tem coragem... A.J.  O Rodrigo Faro é um outro gênero, não incomoda. Minha audiência é qualificada, mais até que da Globo (segundo o IBOPE), a do Rodrigo bem popularesca. A mulher dele, a Vera Viel, é minha repórter. Estamos em casa. D.  Fale-me da família. A.J.  Precisaria de muito mais tempo para falar das minhas ligações familiares & Rio Preto. Minha mãe Clélia, meu irmão Sérgio e muitos parentes continuam em Rio Preto. O que mais quero, ano que vem, é encontrar tempo para visitar mais a cidade, rever amigos, relembrar histórias. Às vezes acho que sou negligente com velhos amigos, mas quero que eles saibam que meu patrimônio perdido, hoje em dia, se chama “tempo”. Viajo muito, o programa está na sua melhor fase e tem um papel contratual importante na consolidação da Rede TV! Agora mesmo vou a Paris, com o presidente Amilcare Dallevo, pois a partir de dezembro toda a França receberá gratuitamente nossa programação. Será exibida em todos os cabos franceses. Amilcare fará um jantar no Palácio de Versailles para solenizar. Bacana não é? D.  E para finalizar, você viaja bastante, tem uma vida maravilhosa e trabalha muito. Pode dizer que a comunicação te fez um homem rico? A.J.  Sou rico em informações. Minha atividade me permitiu conhecer quase o mundo todo e me oferece conforto e estabilidade para minha família. Sou grato ao meu público que me conduziu nessa posição de privilégio. E sou feliz. D

divulgação

D.  Você deve lançar antes do Natal um CD do seu programa, como está este projeto? A.J.  O novo Cd, que é o número 7, deve sair antes do Natal. Mas a gravadora anda lenta... Sei não. Talvez janeiro.

40 www.revistadominios.com.br


41 www.revistadominios.com.br


Produtos serviços Cerca para piscinas. garanta a segurança de suas crianças. Pensando na proteção das crianças ao redor das piscinas, a Guartecs desenvolveu uma solução prática, removível e segura: uma estrutura constituída apenas de hastes de alumínio e telas de poliéster revestidas de PVC. Fácil manuseio, resistente e visualmente leve no ambiente, devido à sua transparência. Solicite um orçamento sem compromisso. Guartecs – 17 3011.7993 / 8155.4127 – www.guartecs.com.br

Um Buffet prático e ágil igual aos teens. Com estilo e aconchego no ZZT as festas de 15 anos têm bombado!!! Com vários ambientes, onde todos podem aproveitar a festa ao seu modo, os adultos bem acomodados e servidos tranquilamente, os teens dançando à vontade no ambiente da balada com o DJ, Telão e Bartenders e as crianças na Lan house e no Nintendo Wii. Da mesma forma tem sido qualquer outra comemoração, FESTA TEENS, CONFRATERNIZAÇÃO, FESTAS TEMÁTICAS. Confira as fotos e os vídeos no site: zzteens.wordpress.com

foto thaisa oliveira

seus animais bem cuidados Hospede seu Animalzinho e viaje tranquilo, aceitamos gatos, cães, aves, répteis e outros animais. Dispomos de um espaço moderno, inovador e equipado, onde irá encontrar uma equipe simpática e especializada em medicina veterinária, preparada para prestar um serviço médico veterinário de excelência para o seu animal. Petshop.Cão – Av. Nadima Damha, 2005 – 17 3218.9884

ZZT (zigzagteens) – R. Rio Preto, 3233 – Redentora – 17 3304.3443

Grau Produções. Uma marca em eventos Liderada por Dedé Méssici, há mais de 30 anos, a empresa se tornou uma das maiores produtoras de shows e entretenimento do estado de São Paulo. A equipe é formada por profissionais experientes em contratação de shows de artistas, bandas e fornecendo também toda a estrutura de som, luzes, DJ’s e projeções de última geração, dando um brilho mais do que especial aos eventos. Grau Produções – www.grauproducoes.com – grausomeluz@terra.com.br 17.3234.1882 / 9148.7549 / 3022.0082

CARDÁPIOS VARIADOS PARA TODA A SEMANA Refeições saudáveis e balanceadas, priorizando os assados, grelhados e cozidos. Aos sábados pratos diferenciados: deliciosa lasanha com massa caseira e molho ao sugo, galinhada, e a opção de um assado com guarnições do dia a dia. Pensando na sua comodidade, a Vovó Joana disponibiliza porções semi prontas congeladas. Experimente os bolos de limão com raspas e leite condensado, bolo de laranja e o delicioso bolo de banana com passas, nozes e damasco. Aceitamos Visa Vale Alimentação, Sodexo,Visa e Mastercard. De segunda a sábado das 9 às 16 horas. Delivery de segunda à sexta das 11 às14 h. Rotisserie Vovó Joana – Av. Benedito Rodrigues Lisboa, 2140 – 17 3216.6882 / 3021.0026 Jd. Vivendas, em frente à praça do Vivendas – www.vovojoanariopreto.com.br.


bazar presentes

BELÍSSIMA LINHA DE CAMA, MESA E BANHO Produtos de decoração diferenciados. Conheça a Si’Aninha Bordados e surpreenda-se com nossos trabalhos manuais e com a linha exclusiva de artigos natalinos. Renove sua casa com condições diferenciadas de parcelamento para peças de decoração e enxoval em geral. Si’Aninha Bordados – Av. Anísio Haddad, 6190, loja 42 – (em frente ao Riopreto Shopping) – 17 3011.4606 – sianinhabordados@hotmail.com

FEMINILIDADE EM ALTA A grife Dudalina agora aposta nas mulheres. Para isso foi desenvolvida uma coleção de camisas estruturadas feitas especialmente para vestir mulheres que acreditam em suas escolhas, valorizam sua essência e não deixam a feminilidade de lado. Terno & Cia - Plaza Avenida - T. 3216-6852

SOFISTICAÇÃO E EXCLUSIVIDADE EM TODA LINHA: CAMA, MESA E BANHO. A Ideal Cama Mesa Banho é um ponto de encontro de pessoas de bom gosto, deslumbradas com a beleza, qualidade e preço dos enxovais, desde os mais sofisticados, para ocasiões especiais, aos mais simples do dia a dia. Na A Ideal, você personaliza suas peças com bordados belíssimos, de acordo com a sua necessidade. Ótimas opções para presentear, com as melhores marcas do mercado e um ótimo atendimento. A Ideal Cama Mesa Banho – R. Jorge Tibiriça, 2854 – Centro – 17 3121.6868

um natal diferente com a chilli beans A Chilli Beans oferece lindos modelos de óculos e relógios. Ótimas opções para o Natal. Novidades, sempre focadas nas tendências fashion, com qualidade e tecnologia. Venha conferir nossas coleções. Chilli Beans – Plaza Avenida Shopping – 17 3216.6175 Riopreto Shopping – 17 3216.3904 / Praça Shopping – 17 3234.4479

DÊ UM TOQUE DE REQUINTE NO SEU NATAL Com lindas peças de decoração , toalhas com motivos natalinos, exclusivos porta guardanapos e modelos líndíssimos de Papais Noéis. Decore seu ambiente com os mágicos produtos que você só encontra na Si’ Aninha Bordados e encha sua casa de alegria. Si’Aninha Bordados – Av. Anísio Haddad, 6190, loja 42 (em frente ao Riopreto Shopping) 17 3011.4606 – sianinhabordados@hotmail.com


CLICKS

fotos luis soares

encontros

Malu Rodrigues

1

4

2

5 6

3

Virada do Ano Quem promete fazer um Réveillon com rótulos Black Label originalíssimos, espumantes da mais alta qualidade e um menu francês de dar água na água é o casal Degaine. Maria Cecília e Sidney colocaram somente 200 convites à venda para o que será uma virada de ano para lá de “Privê.

Chopada do Bem Denilson Marzocchi, Presidente do Rotary Club Palácio das Águas deu show no comando da 6ª Chopp Fest. A Chopada, realizada no Vila Conte pela primeira vez, teve casa cheia de gente bonita disposta a se divertir e a colaborar com a causas justas do Rotary. Tudo regado a chope Brahma e um porco à Paraguaia, que diga-se a verdade, estava divino. Parabéns a todo o Clube de rotarianos e também ao Rotaract Palácio das Àguas, que arregaçou as mangas. Valeu o esforço. Vocês se superaram!

Noite dos Spoentes 2010 A 19º edição homenageou os empresários destaques no Rio Preto Automóvel Clube. A festa promovida pela colunista Cida Caran, além de ser uma das mais bonitas e glamorosas. Este ano os homenageados receberam os troféus das mãos da apresentadora Helen Ganzarolli e do ator Raul Gazola. Cida comemora 32 anos de colunismo social, 19 anos de colunismo eletrônico e 14 anos de programa na rede TVI SBT.

1- A anfitriã da Noite dos Spoentes com o ator Raul Gazolla e a apresentadora Helen Ganzarolli • 2- Dr. Alcides Gomes Júnior e Dra. Maria Beatriz Gomes recebem homenagem em noite de gala • 3- Dr. Francisco Roberto Cosenza e Dra. Silvânia Cosenza prestigiam amigos homenageados em noite de Spoentes • 4- Denilson Marzocchi e sua Adriana Neves comandam a tarde • 5- Gilberto Butinhon e Sonia Campos • 6- Ricardo Eurico e namorada Tamires Cazeloto


45 www.revistadominios.com.br


diário de bordo grécia

Letícia Gabriel

Grécia Os gregos são sempre alegres e festivos, recebem muito bem os turistas.

Chegamos em Atenas na quinta-feira. Tempo quente e seco. Restaurante à beira mar e, à noite, boa comida, no Island Bar. Ficamos no Hotel Astir Palace, à beira da praia, com café da manhã continental. Sexta, pela manhã, embarcamos no Iate Harmony V, de serviço impecável, onde nos hospedamos, entre um passeio e outro pelas ilhas – e adentramos o Mediterrâneo. Visão linda em alto mar, visitando várias ilhas. Nas menores, os hotéis são mais simples, nas maiores, como Mikonos e Santorini, são mais sofisticados.

46 www.revistadominios.com.br


47 www.revistadominios.com.br


diário de bordo grécia

Letícia Gabriel

Nos restaurantes trabalham a família inteira, cada um com sua especialidade. Trabalho árduo no verão, onde se avolumam os turistas. No sábado visitamos Kleftiko (Milos), linda praia com grandes formações rochosas no meio do mar. À noite, restaurante familiar, numa vila pequenina, com música e dança para os clientes. Muito acolhedor! Cenário romântico e lua cheia no céu. Tudo maravilhoso. No domingo chegamos em Polyegos: Cavernas e mergulho num mar turquesa. Após o almoço fomos à Ilha de Folegandros e passeamos pela vila, charmosa, com casinhas brancas e igrejas. Jantamos no restaurante Kriptikos, com comidas típicas. Nos pratos, sempre muitas saladas, azeitonas e muito azeite. Nos restaurantes trabalham a família inteira, cada um com sua especialidade. Trabalho árduo no verão, onde se avolumam os turistas. No inverno os filhos vão trabalhar em outros lugares da Europa. Segunda, visitamos Santorini. Tem vistas maravilhosas, lá do alto, como as igrejinhas de cúpulas redondas, nas cores azul e branca. Comemos uma Paelha, melhor que na Espanha e compramos o “olhos gregos”, feitos de murano ou vidro, no formato de pupilas. Dizem que espanta “invejosos”. Lá são muitas as ouriverarias, com joias artesanais, como arvorezinhas de ouro, pássaros, corações e flores. Participamos da tradicional festa grega no iate: pratos típicos deliciosos e o famoso “quebra pratos”. Adoramos!

48 www.revistadominios.com.br


49 www.revistadominios.com.br


diário de bordo grécia

Letícia Gabriel

Terça-feira, sexto dia de viagem, chegamos na Ilha de Paros, muito bonita, e almoçamos Churrasco Mediterrâneo, com muitos frutos do mar e saladas maravilhosas. A praia: Monastini, é mansa, lembra uma piscina. À noite passeamos pela cidade, com suas lojas sofisticadas e joias diferentes, num estilo artesanal e lúdico, ao mesmo tempo. Na quarta, sétimo dia de viagem, chegamos a Mykonos, também muito bonita, e fomos à praia de Psarrou, mansa, com espreguiçadeiras à beira mar e com um atendimento europeu magnífico. Uma vista deslumbrante! Almoçamos no restaurante Nammos, à beira mar. A decoração e o cardápio eram incríveis! Muita salada e frutos do mar. Os gregos são sempre alegres e festivos, recebem muito bem os turistas. Compreensível, uma vez que a Grécia depende muito do turismo. Na quinta saímos de Mykonos, em direção a Hydra; passamos o dia em Kolones e no Iate e descansamos bastante. A comida e o atendimento, como sempre, impecáveis. Os restaurantes têm decoração praiana e muitas são as toalhas com as cores da bandeira grega: branco e azul Royal. São muito alegres também as músicas gregas, bem como as pessoas e os próprios donos de restaurantes, puxando as rodas de danças. Sexta- feira, último dia de viagem. Desembarcamos e fomos direto para Acrópoles. Muita mitologia e história para se contar, num passeio que vale a pena. Fizemos também um tour por Athenas e conhecemos um pouco mais da cidade. Fomos almoçar no Hotel Gran Betana.Tudo muito lindo. Após o almoço fomos para o aeroporto de Atenas. De lá, Frankfurt e Brasil. Foi uma viagem inesquecível. Conhecemos ao todo nove ilhas: Milos, Kimolos, Kleftiko, Polyegos, Folegandros, Paros, Santorini, Mykonos e Hydra. Todas maravilhosas. Atenção especial para a cidade de Paros, um charme, e Hydra, também. Na verdade, é difícil escolher. Tudo valeu a pena. Adoramos a Grécia! D

50 www.revistadominios.com.br


51 www.revistadominios.com.br


supernovas o melhor que há

Valéria Garcia – valeriagarcia@revistadominios.com.br

Colírio, Mateus Emmerich é atração em Rio Preto Modelo participou de duas sessões de cinema promovidas pela escola CCAA no Plaza Avenida Shopping. O Halloween do CCAA foi comemorado em grande estilo. O finalista do programa Colírios Capricho, Mateus Emmerich, 17 anos, participou de sessões de cinema que a empresária Ada Maria de Assis e Silva promoveu em outubro. No Cine Medo, o público teen assistiu aos filmes “A Noiva Cadáver” e ao sucesso da saga Crepúsculo “Lua Nova”. O teen, Mateus Emmerich fotografou com as fãs e distribuiu autógrafos.  “O Mateus é um ícone para o público teen, ele tem feito muito sucesso. É a primeira vez que ele vem a Rio Preto”, afirma Ada, proprietária das franquias do CCAA na cidade.

A aquarelista premiada A aquarelista rio-pretense, Maria Helena Curti, recebeu recentemente duas comendas da Associação Brasileira de Desenho e Artes Visuais. Os títulos, de Grão Mestre das Artes e de Grão Cruz das Artes foram-lhe conferidos na Grande Feira de Arte, no Rio de Janeiro. Também recebeu a Medalha de Bronze, numa exposição organizada pelo “Museu do Louvre”, em Paris, onde expôs suas aquarelas, no período de 23 a 25 de outubro deste ano.

Um thriller jurídico para despertar debates Hamilton Castardo e Plano Editora lançaram o thriller jurídico, Água e Justiça, em duas das maiores redes de livrarias do Brasil, Saraiva e Laselva. O livro, Água e Justiça, instiga e aguça ideias, pensamentos e questionamentos interessantes para a humanidade no século XXI. Um romance inteligente e interessante. Assim como em Justiça Insólita, Hamilton Castardo se apoia no universo do direito para discutir ideias universais em Água e Justiça.


53 www.revistadominios.com.br


Cidade social

Nenê Homsi

1

2

Centenário Em Nova Granada, as festividades pelos 100 anos do Presépio “Dr. Hildeberto de Albuquerque” foram programadas para 3 de dezembro, com abertura solene feita por Dom Paulo Mendes Peixoto, seguida das apresentações do compositor Joaquim Moreira e da Companhia de Reis “Estrela de Ouro”. E o encerramento foi com o lançamento do Selo Comemorativo do Centenário do Presépio pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Detalhe: Hildeberto de Albuquerque, médico baiano que foi o criador desse presépio, hoje ponto de atração da vizinha cidade, é pai da escritora Hygia Calmon Ferreira.

Aniversário O doutor Elias Kassis festejou os seus 55 anos no Buffet Manoel Carlos. A festa, em torno de 300 convidados, foi animada pela tradicional Orquestra Leopoldo, de Tupã. Quem veio Quem aterrissou em Rio Preto dia 2 de dezembro foi o multimídia Arnaldo Jabor. Veio a convite dos diretores do novo Canal 30 da Net. Jabor falou para uma platéia de 600 convidados dos organizadores do evento, abordando o panorama atual brasileiro. Consagração Maria Helena Curti ainda está um tanto atônita com a auspiciosa notícia que recebeu de Paris. E não é para menos. Uma de suas três aquarelas expostas na Sétima Edição do Salão de Arte, na “Salles du Carrousel”, saguão que se instala sob a Pirâmide de Vidro, defronte ao Museu do Louvre, foi premiada com medalha de bronze. Maria Helena concorreu com 250 artistas plásticos do mundo inteiro.

54 www.revistadominios.com.br

Esteve aqui Quem esteve em Rio Preto foi o empresário indiano Paran Thaman. Veio a convite de Rodrigo Arantes e Evandro Azevedo, que comandam a Ideal Consulting Trading Company, empresa de comércio exterior, para oficializar sua parceria na instalação, nesta terra de São José, da filial de sua empresa sediada na Índia. Paran Thaman é proprietário de uma indústria de máquinas perfuratrizes de poços artesianos e sua vinda, a Rio Preto, incluiu visita à Acirp e ao parque aquático Thermas dos Laranjais, em Olímpia.

3

1- As escritoras Roseli Arruda e Loreni Gutierrez, no lançamento do livro da artista plástica Norma Villar • 2- Ilna de Jorge em Nova York • 3- O casal João e Ilna de Jorge na recente temporada novaiorquina


55 www.revistadominios.com.br


meio ambiente água

Valdemir Martins

Água,

Lavar as mãos, tomar banho, lavar as louças e as roupas, acionar a descarga, fugir da chuva, atravessar uma ponte sobre um rio, tomar um café ou um chope. Todos nós fazemos essas coisas cotidianamente sem nos dar conta da importância da água em nossas vidas, pois ela está presente até no ar que respiramos. Por outro lado, lemos e ouvimos constantemente notícias e comentários de cunho ecológico, alertando para a necessidade de se utilizar da água com parcimônia, para se garantir o futuro do Planeta e de nossas próximas gerações. Há razões para tanto. Realmente, corremos um sério risco de ficar sem água potável – base de toda a vida humana, animal e vegetal –, uma vez que só temos disponível 1% de toda água existente no planeta. Os astronautas já diziam que este planeta deveria chamar-se Água e não Terra, tal o volume do líquido predominante, mas praticamente toda a água do planeta está concentrada nos oceanos. Apenas uma pequena parcela (menos de 3%) está em terra e a maior parte sob a forma de gelo e neve ou abaixo da superfície (lençóis freáticos). Só uma fração muito pequena (cerca de 1%) de toda a água terrestre está diretamente disponível ao homem, animais e vegetais sob a forma de lagos e rios, ou como umidade presente no solo, na atmosfera e como componente dos mais diversos organismos. Ou seja, 97% da água do planeta é oceânica e insalubre, imprópria para ser bebida ou aproveitada em processos industriais; 1,75% é gelo; 1,24% está em rios subterrâneos, escondidos no interior do planeta. Para o consumo de quase sete bilhões de pessoas está disponível apenas 0,007% do total de água da Terra.

a seiva da vida.

Há razões para tanto. Realmente, corremos um sério risco de ficar sem água potável – base de toda a vida humana, animal e vegetal –, uma vez que só temos disponível 1% de toda água existente no planeta.

56 www.revistadominios.com.br


57 www.revistadominios.com.br


meio ambiente água

Valdemir Martins

Esse valioso 1% de água potável disponível, além de ter de ser repartido entre todos os seres vivos e a atmosfera, não é reciclado ou recuperado naturalmente. Faz-se importante considerar também que a água é a substância que existe em maior quantidade nos seres vivos. Representa cerca de setenta por cento do peso do corpo humano. Além de entrar na constituição dos tecidos, a água é o dissolvente que transporta as substâncias intervenientes em nossos processos fisiológicos. A falta de água provoca a debilidade ou até a morte dos seres vivos. O homem necessita ingerir, bebida ou misturada nos alimentos, uma quantidade diária de água de dois a quatro litros. Pode sobreviver 30 dias sem comer, mas perece, em média, após 4 dias sem água. Assim, todos dependemos desse precioso líquido tratado com indiferença pela grande maioria dos seres humanos. Esse valioso 1% de água disponível, além de ter de ser repartido entre todos os seres vivos e a atmosfera – pois também é condição básica ter umidade acima de 20% no ar para podermos respirar e sobreviver de forma saudável – não é reciclado ou recuperado naturalmente. Varre-se calçadas com jatos d’água no lugar da vassoura, escova-se os dentes com a torneira aberta, tomam-se longos banhos, lavam-se automóveis com o esguicho aberto o tempo todo, não se consertam vazamentos com a presteza necessária. Despejamos todo tipo de dejetos nos lagos e rios (sem contar os oceanos) e poluímos a atmosfera gerando o efeito estufa que derrete as geleiras desperdiçando essa água potável no mar. No Brasil, cerca de 80% do esgoto é lançado em rios e no mar. A falta de saneamento básico e de redes de tratamento de esgoto é um dos maiores problemas do país. Toda casa deveria ter uma rede de canos para levar a água suja para grandes centrais de tratamento onde o esgoto é tratado com produtos químicos que separam a água da sujeira. A água poderia ser então reaproveitada para indústrias, e não iria poluir o meio ambiente. É fundamental que as crianças sejam conscientizadas sobre o assunto e os adultos tomem definitivamente consciência deste grave problema que, como um câncer, irá se manifestar somente na fase terminal. Isto é, quando as nações começarem a pleitear a água como disputam hoje o dinheiro e o poder. Com certeza essa luta será mais aguerrida e brutal, pois se tratará da sobrevivência de cada nação e da sua população. O assunto é tão grave e importante que a ONU, objetivando chamar a atenção para a questão da escassez da água e, conseqüentemente, buscar soluções para o problema, instituiu em 1992, o 22 de março como o Dia Mundial da Água, baixando uma Declaração Universal dos Direitos da Água, que trata desse líquido como a seiva do nosso planeta. O direito à água é um dos direitos fundamentais do ser humano: o direito à vida, tal qual é estipulado no Artigo 30 da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Vamos fazer a nossa parte. D

58 www.revistadominios.com.br


59 www.revistadominios.com.br


literatura brasileira

Hygia T. Calmon e Norma Vilar

Musas do Pantheion

Brasileiro Ritualística

Por mais surpreendentes que sejam as formas de amar, em Nélida o “sentimento do divino” faz-se presente e ao alcance tanto dos que atropelam a vida como dos que se mutilam para apressar a morte. Maestra na inventividade, enclausura o profano para que, intensificado, rompa consciência, mordaça, ancestralidade. Rupturas participam da manifestação do supremo. Mistérios ampliam estranhezas, outro degrau para a revelação. Nessa tessitura ficcional, a memória pode ter rosto. Já o corpo e sua essência devem cumprir o cerimonial, no que ele tem de sagrado e de simbólico. Fundidos, esses dois elementos podem levar personagens a propor respostas, mesmo quando ninguém lhes apresenta questionamentos. A alma não vê anterioridade ou posteridade. Quer, sim, apreender o que os homens ansiosamente esperam: o porquê da preservação da espécie, sem sofrimento. Em espaços ilimitados de Nélida Piñon - o quarto, a casa, a cela, a prisão, o convento, a rua, a ilha..., o ato de transcender universaliza a obra, naturalmente.

Nélida Piñon Quando começaram a ameaçá-lo com a morte da mulher a menos que falasse, ele rasgou os olhos com o garfo e aquela massa vermelha causava apreensão. Nem a morte arrebata criatura assim, (...) A proposta foi recusada. Aquele amor ainda haveria de se esgotar um dia, defendiam eles agora todo estigma. Atrás deles, o cortejo visitava ruas, campos, caçando borboletas, maravilhas. O sentimento do divino. Embora vivesse o homem e a mulher na escuridão. (Cortejo do divino. Porto Alegre: L&PM, 2007, pp.100, 106 ). A cerimônia do sacrifício, que ocorria no interior do moinho, ao lado do rio, a caminho da Gesteira, obedecia a um ritual minucioso e hierarquizado que assimilei inicialmente horrorizada, até compreendera sabedoria de toda a poupança. (...). Estranhei a matança. A perda dos seres que me ensinaram a amar o grotesco. (...) E, enquanto eles davam início a uma narrativa sem tempo certo para encerrar-se, fui aprendendo que só saberia narrá-las no futuro, e com relativa fidelidade, se me convertesse na escritora que, a pretexto de falar de mim, estivesse, de verdade, falando da coletividade, que é a única narrativa que merece subsistir. Nélida Piñon ( Coração andarilho. Rio de Janeiro: Record, 2009, p.99 )

60 www.revistadominios.com.br


61 www.revistadominios.com.br


dermatologia verão

Dra. Sílvia Regina Strazzi

CRM - 57.976 Título de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Pós Graduação no Hospital Saint Louis de Paris, França

Como aproveitar o Verão e manter a pele

bonita e saudável Como aproveitar o Verão e manter a pele bonita e saudável. Verão é sinônimo de descontração, corpos bronzeados e sensualidade à flor da pele. O sol é o grande responsável por toda essa explosão de alegria, pois deixa a gente com aquela vontade de fixar residência na praia mais próxima. Apesar disso, o sol quente pode causar sérios danos à saúde por conta da maior incidência dos raios ultravioleta. O mais importante, para a saúde do paciente, é a avaliação do dermatologista. Ele irá orientá-lo adequadamente, considerando as características da sua pele. Pessoas de pele clara, com histórico de câncer de pele na família, devem procurar o dermatologista pelo menos uma vez por ano. Nunca saia de casa sem um protetor solar com FPS 15 (no mínimo), mesmo nos dias nublados. Não é exagero. Em dias nublados, 80% dos raios UV atingem o planeta, mesmo que você não sinta a ação do sol na pele. Evite tomar sol entre 10h e 16h. Uma dica básica: quanto mais clara for sua pele, maior a proteção necessária. Pessoas com a pele muito clara, que dificilmente se bronzeiam, devem usar sempre os bloqueadores solares (com FPS superior a 30). Esses produtos criam uma barreira para a passagem dos raios ultraviolet. A mesma recomendação se aplica às pessoas de pele branca e sensível ao sol, mas que conseguem adquirir um leve bronzeado. Se você tem a pele levemente morena, use protetores solares (com FPS entre 15 e 20), que servem para filtrar os raios do sol e permitem um bronzeamento gradual. Quem tem a pele morena ou negra deve usar um protetor com FPS 15. Em nome da sua saúde, não use bronzeadores solares (aqueles com FPS inferior a 15). Esses produtos não protegem a pele, apenas aumentam a produção de melanina (o pigmento que dá o bronzeado). Em caso de exposição solar prolongada (algo que deve

ser evitado), proteja também os lábios com protetor labial. Complete sua proteção com o uso de roupas escuras, chapéu ou boné, e óculos escuros com filtro de proteção solar na lente. Hidrate a sua pele Excesso de sol resseca a pele. Daí a importância do hidratante, que auxilia na prevenção de queimaduras e mantém o bronzeado. Use hidratante hipoalergênico. Não causa alergia e é bem refrescante. Sua pele merece! Beba muita água. Esta dica, que parece tão óbvia, é igualmente importante para não desidratar a pele   Como aplicar o protetor solar O protetor deve ser aplicado 30 minutos antes de sair de casa e reaplicado a cada duas horas (caso você não caia na água nesse intervalo). Depois do mergulho ou após secar a pele com a toalha, você deve reaplicar o produto. Nuca, mãos, pescoço, rosto, braços, costas, abdome e pernas merecem doses generosas do protetor solar. Pessoas de pele seca devem usar protetor solar mais oleoso. Já as que têm pele mais oleosa devem optar por um protetor de tipo mais cremoso. Saúde em primeiro lugar Muita gente acha que proteger a pele tem uma única justificativa: manter-se belo. Isso é só uma parte da equação. A pele é uma das antenas do estado emocional e fisiológico de uma pessoa. Ao protegê-la, você está protegendo a sua saúde, num sentido mais amplo. Não se esqueça disso. D

62 www.revistadominios.com.br

Serviço: Strazzi Center – Dermatologia, Cosmiatria e Laser R. Amadeu Segundo Cherubini, 600 – 17 3227.9097


63 www.revistadominios.com.br


medicina oncologia

Dr. Oswaldo Passos Filho – oncologia@revistadominios.com.br

CREMESP 104.569 Especialização em Cirurgia Geral na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo Especialização em Cancerologia Cirúrgica no Hospital de Câncer de Barretos Especialista em Cancerologia Cirúrgica pela Sociedade Brasileira de Cancerologia Chefe do Centro de Intercorrência Ambulatorial do Hospital de Câncer de Barretos

Terapia nutricional e o tratamento

oncológico Hoje em dia, tem se discutido muito a respeito da terapia nutricional durante o tratamento oncológico. Uma dieta adequada é fundamental durante toda a vida, principalmente durante alguns tratamentos de saúde. Especialmente durante esta fase, ocorrem inúmeros efeitos tanto em virtude da própria doença como durante alguns tratamentos, como radioterapia e quimioterapia. Também não poderíamos esquecer que o estado nutricional adequado é fundamental antes, durante e após uma cirurgia, principalmente se houver um jejum prolongado. Na prática clínica diária, a terapia nutricional visa oferecer calorias de acordo com as necessidades energéticas individuais. Fatores como sabor, consistência e formulação são fundamentais para a aceitação do paciente. É importante também o acompanhamento próximo entre os profissionais com o paciente e seus cuidadores, para atentar para as intercorrências relacionadas à dieta em qualquer momento para se fazer as adaptações necessárias. Aspectos também importantes são o

fracionamento da dieta (cinco a oito refeições ao dia), balanceamento e preferências alimentares para uma melhor aceitação. Há de se frisar a importância de que em muitos casos, pode-se utilizar suplementos alimentares a fim de melhorar o perfil da dieta oferecida, sejam eles por via oral e/ou enteral (por sondas). Fatores que contribuem para a desnutrição e perda de peso: a) Redução da ingestão alimentar (falta de apetite, alteração do paladar e olfato, náuseas e vômitos); b) Efeito local do tumor (obstrução gástrica e/ou intestinal, má absorção); c) Alteração do metabolismo dos carboidratos, proteínas e lipídeos; d) Cirurgia; e) Quimioterapia e Radioterapia; Psicossocial (depressão, ansiedade, aversão alimentar). Condutas dietoterápicas frente aos efeitos colaterais do tratamento oncológico: Efeito colateral do tratamento oncológico Anorexia Náuseas e vômitos Diarreia Constipação Sangramentos orais

Saciedade precoce

Conduta dietoterápica Aumentar o fracionamento das refeições, aumentar a densidade calórica das refeições Oferecer alimentos secos, aumentar o fracionamento e evitar ingestão de líquidos durante as refeições Ingerir líquidos para evitar desidratação Aumentar a ingestão de líquidos, sucos laxativos Evitar alimentos irritantes e extremos de temperatura, modificar a textura/consistência e frequência Aumentar o fracionamento das refeições, evitar líquidos às refeições

Vale lembrar que a avaliação nutricional feita de forma sistemática é um importante instrumento na monitorização desses pacientes, pois dessa forma o profissional tem subsídios para sua conduta. D Serviço: Oncocir – R. XV de Novembro, 4330 – Redentora – 3121 8717

64 www.revistadominios.com.br


65 www.revistadominios.com.br


odontologia SAÚDE BUCAL

Dr. Franscisco Roberto Cosenza – CRO 15.630 Especialista em Prótese e Implantologia Mestre em Implantologia

sorrir A arte de

Dra. Silvânia Bernardes Cosenza – CRO 15.636 Especialista em Odontopediatria e Periodontia

Parabéns aos que enfrentaram 2010 sorrindo!

Vivemos enfrentando um paradigma: o ano praticamente já acabou e nos vêm à cabeça que não conseguimos cumprir os compromissos a que nos propusemos, pois o tempo passou muito rápido. Todos os dias nossas mentes recebem milhares de "inputs" de pensamento. Estamos sempre pensando em alguma coisa, seja nas responsabilidades da família, nos projetos do trabalho ou nas nossas relações pessoais. E falando em relações pessoais, como é gostoso conviver com uma pessoa que sorri! Dificuldades todos temos, frustrações também, mas nada – nada mesmo! – tem o direito de afetar a nossa capacidade de sorrir. Mostrar os dentes, franzir o rosto, fechar os olhos, movimentar a cabeça. Isto é sorrir e é impressionante como este ato é contagioso. Para conquistar o sorriso de uma pessoa, basta começar primeiro. Nas relações de trabalho, tudo fica mais fácil se mostra-

Dr. Heitor Bernardes Cosenza – CRO 88.032 Especialista em Implantologia Mestrando em Implantologia

mos esta atitude. Abrimos os canais de comunicação com as pessoas, nos tornamos mais amigos, confidentes, simplesmente porque sorrimos. E se soubermos ouvir as pessoas então, aí viramos um ponto de referência, transmitindo beleza, entusiasmo, segurança, tudo por meio de um simples e fácil gesto: sorrir. Adote essa atitude, comece a sorrir, não como um palhaço, mas como alguém que gosta da vida, que preza se relacionar e fazer bem às pessoas. Mesmo naqueles dias não tão bons, agradeça por estar vivo e esboce um sorriso. O gesto é tão poderoso que faz com que naturalmente os problemas se resolvam. Não deixe para sorrir somente nos bons momentos. Sorria sempre, contando com a Cosenza Odontologia! Seja feliz, comece sorrindo. D Serviço: R. Ondina, 286 – Redentora –17 3235.2310 – www.co1.com.br

66 www.revistadominios.com.br


67 www.revistadominios.com.br


ponto de vista

Photos Ricardo Boni

2 4

1

3

5 8

6

9

7 11

10

12

1- Ana Cristina Jalles Guimarães traz novidades para o Riopreto Shopping Center com a chegada da franquia Mousse Cake • 2- O jornalista Bruno Gilliard casou em alto estilo, em um clima Pulp Fiction, no Buffet Manoel Carlos, com a médica Angélica de Carvalho • 3- O mineiro Manoel Neto comemora o sucesso de seu empreendimento em uma das esquinas mais badaladas do Vivendas • 4- Andrea Furco aponta tendências que valem a pena seguir nesta estação. 5- Rafaela Derrico em noite de agitos • 6- Haryston Sosso é destaque no mundo da moda com a ascensão da Camarim Sosso do Riopreto Shopping Center 7- Halana Mendes e João Amaro em noite de homenagens da colunista Cida Caran • 8- Gertrudes Arruda Mansano brindou sua idade nova entre familiares e amigos no restaurante Degaine • 9- Cena do Riopreto Shopping Fashion – moda, informação e estilo marcaram quatro dias de evento • 10- O casal Marcus da Silva e Ada de Assis e Silva posa para foto • 11- A cardiologista Gracia Thevenard em uma das mesas mais agitadas de evento social no salão nobre do Automóvel Clube 12- Atitude do bem – projeto Ganesha leva leitura e diversão para crianças da Missão Resgate

68 www.revistadominios.com.br


69 www.revistadominios.com.br


PSICOLOGIA COMPORTAMENTO

Dra. Eloina Ap. Crenith

coisas

Acumular

Você conhece alguém que costuma acumular coisas? Pensando que um dia pode precisar daquilo? Começa com pequenas coisas e a medida que o tempo vai passando este estado pode piorar acentuadamente, e passa a acumular objetos sem valor, como roupas que não servem mais, estragadas, sapatos velhos, papelão, restos de comida, entre outros. Isto costuma acontecer com pessoas idosas, com sentimentos de solidão, de abandono, mas pode também acontecer com pessoas mais jovens. É um desejo compulsivo de acumular coisas e uma recusa em se desfazer delas. Apresentam uma dificuldade em tomar a decisão de escolher o que guardar e o que descartar. Pode estar envolvido nesses casos sentimentos de culpa, de medo, apego sentimental. Alguns casos são muito preocupantes, pois chegam ao extremo da pessoa ter que se acomodar em cima do lixo que está lotando sua casa, não se alimenta direito, não cuida da sua higiene pessoal e nem da sua saúde física. Este lixo todo pode ser fonte de alimento para ratos, baratas. Ter apego aos objetos não é prejudicial, o complicador é quando isto se torna uma obsessão. Logo, não há problemas em guardarmos algum objeto que nos lembre alguém, ou que tem um valor sentimental, o problema começa quando se inicia o acúmulo exagerado de coisas e o medo de ter que se desfazer daquele monte ou de parte dele. Nesses casos a pessoa vai limitando o seu contato com outras pessoas e passa a se relacionar com coisas materiais. É importante buscar ajuda profissional para lidar com este sentimento. Essa é mais uma das tantas manias que já ouvimos falar por aí. Escutamos que o fulano tem mania de lavar as mãos, o outro de verificar se trancou a porta várias vezes, o outro com ideia fixa de que alguém que ele gosta muito vai morrer, mania de entulhar coisas, mania de que as coi-

CRP - 16.586 Graduada pela USC de Bauru. Especializada em Psicoterapia de Base Analítica, em Psicanálise e credenciada pelo Detran para avaliação de CNH.

sas precisam estar em uma determinada ordem, a tudo isto se dá o nome de Transtorno Obsessivo Compulsivo. A pessoa apresenta obsessões (ideias), pensamentos invasivos, intrusivos que invadem a mente do indivíduo, independente de sua vontade, e compulsões (comportamentos) repetitivos e estereotipados para reduzir a ansiedade causada por uma obsessão, que podem parecer ridículas até para a própria pessoa, mas são comportamentos incontroláveis. As pessoas que apresentam esses sintomas acabam escondendo das outras pessoas, pois se sentem envergonhadas e não entendidas em suas ações. A pessoa que apresenta esta doença sofre muito, perde muito tempo, porque perdeu a capacidade de se colocar limites, ficando refém dos rituais. A qualidade de vida fica comprometida com o grau de sofrimento e prejuízos significativos em vários aspectos da sua vida, principalmente nas relações sociais, familiares e no trabalho. D

70 www.revistadominios.com.br

Serviço: Praça Cônego Lauro de S. Gurgel, 11 – Vl. Ercília 17 3231.8184 / 3212.9221 – eloinacrenith@terra.com.br


71 www.revistadominios.com.br


jurídico COMPRAS

Hamilton Castardo – hamiltoncastardo@revistadominios.com.br www.hamiltoncastardo.com

Garantia no Código de Defesa do

Consumidor

Todos vão às compras, mas após entregar ou receber o presente, percebese que a cor não está correta, o sapato é pequeno, a linda saia não serve, o brinquedo não funciona etc. O que fazer? Como resolver?

Cecília Meireles, poetisa, escreveu que nesta época de Natal: “a cidade deseja ser diferente, escapar às suas fatalidades. Enche-se de brilhos e cores; sinos que não tocam, balões que não sobem, anjos e santos que não se movem, estrelas que jamais estiveram no céu. As lojas querem ser diferentes, fugir à realidade do ano inteiro: enfeitam-se com fitas e flores, neve de algodão de vidro, fios de ouro e prata, cetins, luzes, todas as coisas que possam representar beleza e excelência”. Todos vão às compras, mas após entregar ou receber o presente, percebe-se que a cor não está correta, o sapato é pequeno, a linda saia não serve, o brinquedo não funciona etc. O que fazer? Como resolver? Ao lado do cidadão está o Código de Defesa do Consumidor, que trata dos problemas acima e outros mais que jamais imaginamos serem possíveis. Ele é um instrumento de proteção. Assim, atenção! Quando o produto adquirido apresenta um defeito, o fornecedor tem um prazo de até trinta dias para sanar o vício. Caso ele não o faça, o consumidor pode obter um abatimento no preço, trocar o produto por outro igual ou equivalente ou solicitar a devolução do valor pago, corrigido monetariamente, sem prejuízo de se ressarcir de eventuais perdas e danos decorrentes do defeito do produto. O prazo pode variar, sendo de trinta dias para produtos não-duráveis e noventa dias para produtos duráveis. No caso de defeito oculto, o prazo começa a contar a partir do seu aparecimento. Atenção, pois se a culpa foi do consumidor, a empresa não é obrigada a aceitar o produto de volta, o que ocorre nos casos de se comprar um produto com medidas fornecidas pelo consumidor: sapatos, roupas etc.

Para a compra realizada fora do estabelecimento comercial, o consumidor tem um prazo de sete dias, chamado prazo de arrependimento, contados a partir do recebimento do produto, para desistir. Neste caso o consumidor deverá devolver o produto e terá direito à devolução do valor pago e corrigido. Tema atual é a compra virtual ou pela internet. Aplica-se o prazo de arrependimento, que é aquele de sete dias, contados a partir da data de recebimento do produto, dentro do qual o consumidor pode devolver o produto para a loja, ainda que ele não tenha nenhum defeito. Isto porque o consumidor não pode avaliar o produto sem tê-lo em mãos e verificar se suas expectativas serão atendidas. Este prazo não se aplica à troca, somente devolução. Se você comprou pessoalmente na loja, ao comerciante não cabe obrigação de trocar a mercadoria que não tenha defeito. Verifique se o manual foi entregue, pois o vendedor deve fazê-lo no momento da compra ou da entrega do produto. O manual deve conter informações precisas e em língua portuguesa. A nota fiscal deve acompanhar o produto. Ela garante o reparo, troca ou devolução do produto, além de garantir o recolhimento dos tributos. E assim, a poetisa escreve que: “todos vamos comprar presentes para os amigos e parentes, grandes e pequenos, e gastaremos, nessa dedicação sublime, até o último centavo, o que hoje em dia quer dizer a última nota de cem cruzeiros, pois, na loucura do regozijo unânime, nem um prendedor de roupa na corda pode custar menos do que isso”. Votos de ótimo Natal, prosperidade no próximo ano e... Boas compras! D

72 www.revistadominios.com.br


73 www.revistadominios.com.br


é tudo verdade crônicas

Romildo Sant’Anna – romildo@revistadominios.com.br

Cavalinhos das nuvens

Quem não os visse como eu os vira, em evoluções equestres, pensaria: jamais seriam as montarias velozes pelos confins do mundo com Rei Arthur e os cavaleiros da Távola Redonda.

Parede-meia com a infância tinha uma data sem dono, incorporada ao patrimônio do nosso time. À sombra da mangueira, um cavalo usado e absorto. Só se animava ao avistar seu dono, o charreteiro a buscá-lo sempre em roupas de domingo. Vez em quando, cedíamos o campinho de bola aos circos-teatro e quermesses da paróquia. Mas, o máximo, era o Parque de Diversões. Chegava e nos esquecíamos dos duros embates desportivos, e nos tornávamos permissores e sócios remidos da maior das maravilhas. Entre o coração partido e a indiscrição, espiávamos na barraca de lona a moça tíbia e esquiva, filha de Amós, o dono do Parque. Nunca ousei perguntar-lhe que pecado cometera e que a fazia transformar-se, às noites, numa tarântula de lástima arrodeada de tule. Ofertávamos-lhe frutas e caramelos, mas fazia que não com o dedo. Talvez não lhe fizessem bem. Foge daí! – alguém ordenava. E voltávamos ao rebuliço da peonada descendo matulas, fincando caibros e erigindo com folhas de zinco a toca triste da Mulher Aranha. Tinha carrinhos de algodão rosado, o tiro-ao-alvo e pescaria, o serviço de som em que se ofertavam guarânias como prova de amizade, a roda-gigante com assentos de courvin, os jogos de argolas, jipes com luzes piscantes e as barcas que oscilavam como pêndulos. Os namorados se divertiam cruzando sorrisos e entrelaçando forças pra varar as nuvens. De minha parte, amava mesmo era o carrossel de cavalinhos. Inda no chão, não passavam de rijos

entalhos de madeira com crinas aventalhadas, bocas vivas e olhos tingidos em cores de instinto. Quem não os visse como eu os vira, em evoluções equestres, pensaria: jamais seriam as montarias velozes pelos confins do mundo com Rei Arthur e os cavaleiros da Távola Redonda. Tampouco Dom Quixote os teria como o intrépido alazão Rocinante. Nem campeariam em bom galope com El Cid a enfrentar mouros ou conduziriam São Jorge a nos espiar da lua cheia. Amontoados, sequer lembravam o solitário baio da mangueira e cujo único alento era a chegada do dono. Meu emprego temporário era empurrar cavalinhos. Sentia-me importante, pois meu esforço movia a ciranda de folguedos em infindáveis delícias. Cuidava pra manter constante o trote ligeiro e ficava feliz porque, na formação ondulante dos ginetes em solene cavalgada, alguns riam pra mim. Em recompensa, o ingresso grátis para os teco-tecos de brinquedo, além do meu namoro secreto com a donzela tíbia e Mulher Aranha. Num sábado tropecei e as ferraduras do tropel me atingiram nas costas. Rolei no eito de pó. “Retira o moleque!” – gritou Amós. Daí por diante, jamais estive comigo em datas baldias. Tudo tem seu dono! – aprendi. Mas inda ouço das nuvens um cavalinho de pau inservível, cantarejando sozinho, talvez se alembrando de mim: “Cuidado, companheiro, ou virás pra onde eu vim! Se não mudas de vida, tu terás o mesmo fim: querer pegar num fogaréu um rebanho no céu. Hipiaê-hipiaaoô!” (Riders in the Sky). D

74 www.revistadominios.com.br


75 www.revistadominios.com.br


76 www.revistadominios.com.br


Revista Domínios - Ed.152  

Revista Domínios, edição 152 - Nov/Dez - 2010

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you