Page 1

1

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA R$ 1,00 (NAS BANCAS)

ANO VIII - Nº 426

CLASSIFICADOS GRÁTIS! WWW.CORREIOJUQUERY.COM.BR

CORREIOJUQUERY.COM.BR

Sexta-feira ● 1 de junho de 2012

R$ 1,3 bilhão é quanto vão gastar os mairiporanenses em 2012 Levantamento do IPC Maps (Índice de Potencial de Consumo) prevê que os mairiporanenses vão gastar R$ 1,3 bilhão durante este ano. Mairiporã subiu de posição nos rankings estadual e nacional. PÁGINA 9

ELEIÇÕES Indefinição de alianças emperra escolha de vices no PV e PTB Das quatro principais candidaturas ao Palácio Tibiriçá, duas ainda não definiram o nome de seus candidatos a vice-prefeito. O PV, que tem como pré-candidato a prefeito o médico Márcio Pampuri, e o PTB, com Eduardo Pereira dos Santos (Du), esperam por alianças que ainda podem ocorrer até a data das convenções. PÁGINA 7

Transbordo de Terra Preta parece ‘lixão’

M. Borges

O que era para ser apenas um local de depósito de lixo por no máximo 24 horas, parece ter virado um lixão. O transbordo da Prefeitura no distrito de Terra Preta acumula muitas toneladas de lixo coletados diariamente na cidade e que deveriam ser levados, ao final de cada dia, para um aterro sanitário em outra cidade. A população residente próxima ao transbordo tem reclamado junto à Prefeitura, porém sem ser ouvida. Em nossa próxima edição, reportagem completa sobre a coleta e o transbordo do lixo e o que diz o contrato entre a empresa que realiza o serviço e a Prefeitura.

VIOLÊNCIA Número de homicídios quadriplicou em abril Os dados foram divulgados pela Secretaria da Segurança Pública do Estado no último final de semana. Se no mês de março Mairiporã registrou apenas 1 homicídio doloso, em abril esse número foi quatro vezes maior. PÁGINA 9

EMPREGO Cidade perdeu 500 vagas nos primeiros quatro meses Abril não foi diferente dos outros três primeiros meses do ano na perda de vagas de empregos formais na cidade. Em 120 dias Mairiporã demitiu quase 500 trabalhadores, segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego, divulgados no início da semana. PÁGINA 8

Du e Marcinho cobram mais segurança em encontro com comando da PM Os dois parlamentares foram recebidos pelo Cel. Marco Antônio Alves Miguel, do Comando de Policiamento Metropolitano (foto), e fizeram cobranças acerca do aumento no efetivo policial e no número de viaturas. PÁGINA 13

Vacinação contra a gripe termina hoje

Mesmo sem atingir a meta estabelecida pela Secretaria de Estado da Saúde, de vacinar 11 mil mairiporanenses, termina hoje a campanha de vacinação contra a gripe. Até anteontem, 7,3 mil pessoas tinham sido vacinadas, que correspondem a 59,66% da meta. Divulgação


2

OPINIÃO correio.juquery@ig.com.br

COLUNA DO CORREIO ANTECIPADA

Mensagens telefônicas, através do serviço de telemarketing, têm aborrecido o cidadão mairiporanense com propaganda eleitoral antecipada, certamente a mando do governo municipal. Fala-se em educação, saúde, asfalto, enfim, algumas verdades e muitas fantasias, como se o povo fosse idiota. A conotação é de propaganda eleitoral antecipada para a candidata tucana à Prefeitura, que deixou dias atrás a pasta da Educação. O Ministério Público Eleitoral precisa ir fundo na questão, pois esse tipo de manobra cheira mal e tenta burlar a legislação. Por que essa propaganda toda só às vésperas da campanha eleitoral?

OS VICES (I)

Repercutiu por toda a cidade a reportagem sobre a escolha dos candidatos a vice nas quatro principais candidaturas a prefeito. Houve até quem dissesse que os nomes colocados são até melhores que aqueles que pretendem a principal cadeira do Palácio Tibiriçá. Em síntese, foram aprovados pelo eleitor, que enxergou um equilíbrio nas composições que vão às urnas em outubro.

OS VICES (II)

Os dois pré-candidatos que ainda não confirmaram os vices são Márcio Pampuri (PV) e Eduardo Pereira dos Santos (PTB). Nos bastidores das duas agremiações ainda se espera por uma aliança de última hora, como forma de garantir o sucesso da empreitada. Mas os dois nomes apontados, Essio Minozzi Júnior e Valdecir Odorico Bueno são, sim, o sonho de consumo político de todos os prefeituráveis.

CORRERIA

chegando em outubro de 2012 e nada. Depois de meses parada, dois operários foram vistos no local na semana passada. Gaiato, nosso observador filosófico,foi incisivo sobre a questão: “dentre todas as incoerências, o burgomestre é coerente pelo menos na contratação de obras. Nenhuma cumpre prazo”.

FACÇÕES

O clima dentro do PMDB é o pior possível. As várias alas que o compõe não falam a mesma língua e o resultado pode ser catastrófico ao final da eleição. As facções estão divididas entre os três principais pré-candidatos a prefeito, o que em última análise significa não apoiar ninguém. Ou o PMDB muda, e mostra à cidade que tem identidade própria, propósitos definidos e decisões firmes, ou continuará a ser o partido bom de filiados e ruim de voto, como vem acontecendo há mais de dez anos. Essa indecisão permanente entre os peemedebistas locais só encontra semelhança no PSDB, que faz jus à fama de viver em cima do muro.

No interior do Paço Municipal é visível a correria de convivas da administração municipal em busca de alternativas profissionais a partir do próximo ano. Vagabundos, puxa-sacos, sanguessugas e picaretas que mamaram nas gordas tetas do erário, já buscam desesperadamente uma vaga no mercado de trabalho, embora os últimos oito anos de currículo não os recomendem para nada. Ao contrário, na iniciativa privada há dois requisitos que esses elementos não possuem: competência e vontade de trabalhar.

CONTAS

ENSINAMENTO

A Lei das Eleições, em seu artigo 22, prevê a obrigatoriedade de abertura de conta bancária específica para o partido (diretórios nacional e municipal e comitês financeiros) e para os candidatos. O objetivo é de que seja registrado todo o movimento financeiro da campanha, cujo financiamento tem limitações de origem. Essa conta deve ser aberta depois da obtenção do registro da candidatura e em até 10 dias corridos após a concessão do CNPJ ao candidato.

Gaiato, nosso emblemático filósofo, afeito a ditados e adágios populares, acredita que muitos deles serão úteis ao burgomestre, assim que ele passar pela porta principal (ou seria dos fundos?) do Palácio Tibiriçá: ‘Não há bem que sempre dure, nem mal que nunca se acabe’; ou como diz a boa e velha sabedoria mineira, ‘nada como um dia depois do outro, com uma noite de permeio’.

PERGUNTA

Afinal de contas, o assalto sofrido pelo burgomestre em sua residência foi ou não solucionado pela polícia? Depois do ti-ti-ti que se seguiu à ação dos marginais, não se tocou mais no assunto.

SEM PRAZO

O governo do burgomestre Aiacyda se especializou em não cumprir prazos em obras. Depois de vários exemplos (alguns em pleno centro da cidade), agora é a unidade do PSF da Capoavinha que patina na conclusão dos serviços. Contratada em 2010, o prazo anunciado de conclusão era de onze meses. Estamos

O Tribunal Superior Eleitoral e os bancos se reuniram nesta semana para discutir como operar as contas eleitorais neste ano. Em 2010, foi criado um grupo de trabalho, após recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU), para estudar a possibilidade de a Justiça Eleitoral obter extratos eletrônicos das contas bancárias eleitorais, com o intuito de agilizar o exame da movimentação financeira das campanhas.

MOVIMENTAÇÂO

O FILME

Em suas andanças mundo afora, o Gaiato, nosso intrépido observador filosófico, perambulou por uma pequena aldeia e, ao passar pela porta do acanhado cinema, viu o anúncio do filme em cartaz: “Eu, Robô”. Chegou a pensar que se tratava de uma produção oriental, mas logo constatou que o diretor era Alex Proyas.

FRASE

“Quem olha para fora, sonha; quem olha para dentro, desperta.” (Carl Jung, psiquiatra suíço)

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012

EDITORIAL

O

Para o próximo prefeito

governo do prefeito Aiacyda (PSDB) já visualiza o crepúsculo e, em vez de apresentar soluções, a sua ‘equipe’ de trabalho segue protelando o atendimento de demandas previsíveis, prioritárias e essenciais. Em bom português: pratica o esporte preferido da administração, que é empurrar as soluções com a barriga. Um dos problemas mais sentidos pela população é a falta de vagas em creches, ou, em última análise, a falta de mais unidades. Como a prioridade agora é a campanha eleitoral, certamente a questão ficará para o próximo prefeito. Aiacyda se especializou, ao longo dos anos, depois de criticar o comportamento semelhante de antecessores, em fazer promessas sem prazo para cumpri-las. Alardeia aos quatro ventos que a Educação é modelo na região (é boa, mas não chega a tanto), porém nunca levou em conta, se é que entende do assunto, a taxa de natalidade de Mairiporã, uma das maiores do Estado. Para quem sabe somar 1 + 1, se há mais crianças, maior a necessidade de creches. Enquanto isso, aos pais que precisam de vagas em creches e na educação infantil, um direito do cidadão, resta continuar esperando, sabe-se lá por mais quanto tempo. Certamente não mais no mandato do tucano, que já adentrou ao último trecho da estrada que leva ao fim. O correto, e até as crianças sabem

disso, teria sido estabelecer um nível de planejamento (a quem o prefeito nunca foi apresentado) para atender a demanda. A necessidade real de vagas em creche beira a centena, o que convenhamos, não é pouco, afinal os pais precisam trabalhar para levar o sustento às suas casas. Um olhar mais atento vai além da falta de vagas em creches. Enxerga também ruas excessivamente esburacadas, colapso no trânsito, bairros sem abastecimento de água, e o contínuo serviço ruim de saúde que é ofertado aos mais necessitados. Aqueles que sentem na pele o descaso do governo municipal, certamente não estão na lista daqueles que acham que a administração Aiacyda foi boa. Pode não ter sido a pior de todas, não foi, mas ficou longe de ser aceitável. Afinal, foi em seu governo que as esferas estadual e federal despejaram muitos milhões de reais na cidade. Na mesma proporção, borbulharam os escândalos. O governo está próximo do final e o prefeito parece não ter se dado conta de que foi atropelado pelas mais elementares demandas da população. Deslumbrou-se com um primeiro mandato regular, mas afundou no segundo. Como se não bastasse, a sociedade tem sido obrigada a conviver com problemas que antes não existiam e com uma parcela do Legislativo que se associou à forma de governar do PSDB.

DELFIM NETTO contatodelfimnetto@terra.com.br

Muito ruído no clima

D

esde a grande reunião de Estocolmo em 1972, a ONU patrocinou a realização de conferências sobre o Clima Mundial regularmente a cada dez anos, a mais recente a de Johannesburgo em 2002 e a próxima a ser realizada este mês no Rio de Janeiro, com a esperança de que poderá acrescentar algo importante aos fracos resultados de suas predecessoras. A expectativa favorável se explica pelo fato que o Brasil não apenas “tem saído bem na foto” em todos os debates como, hoje, é comprovadamente um dos mais eficientes produtores da ‘energia verde’ que substitui os combustíveis responsáveis pelo aumento da poluição do clima universal. Isso impõe uma grande responsabilidade à Rio+20 da qual se deve esperar compromissos firmes para a mudança ‘verde’ na produção de combustíveis e no esforço redobrado em tecnologias que reduzam a quantidade de energia por unidade de PIB nos níveis que se imagina até 2050. O difícil é convencer os grandes ‘sugismundos’ ao redor do globo. A China, por exemplo, que desde 2006 é a maior poluidora internacional (muito rica em carvão) consome 2,5 vezes a energia por unidade de PIB com relação à média mundial, e 4,5 vezes a consumida pelos países da OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico). Apesar de todo seu esforço antipoluidor, sendo a maior consumidora de energia por unidade do PIB, com o aumento de sua energia produzida pelo carvão e tendo a maior taxa

de crescimento do PIB, é pouco provável que mesmo com um esforço gigantesco ela venha a contribuir para o objetivo de reduzir as emissões conforme o exigido até 2050. O mesmo acontece com os EUA. A situação é ainda é mais complicada quando consideramos que 16 cientistas publicaram no início deste ano um manifesto intitulado Não há necessidade de pânico sobre o aquecimento global (The Wall Street Journal, 26/1/2012), afirmando que não há “evidência incontroversa que esteja havendo um aquecimento global” e que “não há prova que o CO2 seja um poluente”. Sugerem que podemos esperar mais 50 anos para ver como as coisas ficam! E como se faltasse ‘1ruído’, o ganhador do prêmio Nobel de Física, Ivar Giarver, democrata, apoiador de Obama, pediu desligamento, em setembro de 2011, da prestigiosa American Physical Society (APS) por não concordar com uma resolução onde ela afirmou o contrário do que está dito acima. Isso mostra o nível de paixão despertado por uma questão que deveria ser resolvida com fria objetividade apelando, pelo menos, para o princípio da precaução, diante das terríveis consequências do aumento do aquecimento terrestre se ele vier acontecer. Mais dramático ainda foi o recente reconhecimento do célebre catastrofista James Lovelock (o criador da hipótese Gaia: a Terra é um organismo vivo) que o clima contrariou, desde 2000, todas as suas previsões e que “é necessário mais estudos para entender o futuro do planeta”.

Delfim Netto, é professor emérito da FEA-USP, ex-ministro da Fazenda, da Agricultura e Planejamento.

EMPRESA JORNALÍSTICA SANTOS & FERREIRA LTDA. Rua Geraldo M. de Oliveira, 150 - Jardim Celeste CEP 07600-000 – Mairiporã-SP – Telefone: (011) 4419-1317

DIRETOR EXECUTIVO Marcos Roberto Borges

REDAÇÃO Wagner Azevedo Lúcia Helena Juarez César Cláudio Cipriani

DIRETOR DE REDAÇÃO David da Cunha Boal Júnior

EDITOR DE TEXTO Jean César C. Pavão

DIRETOR PRESIDENTE Joyce Franciely dos Santos

As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste jornal

REDAÇÃO E PUBLICIDADE COLABORADORES Travessa Antonieta C. Spada, 26 Marion Halm Centro - Cep: 07600-000 Mairiporã - São Paulo Delfim Netto Leandro Batista Éssio Minozzi IMPRESSÃO & BUREAU Ricardo Vieira METROMÍDIA GRÁFICA Adilson Mendes IMPORTAÇÃO E COMUNICAÇÃO LTDA. Tamboré - Barueri-SP CEP 06460-020

O jornal se reserva o direito de não editar publicidade sem fundamentar recusa


Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

3


4

LEITURA DINÂMICA

MEGA-SENA R$ 2 MILHÕES

Um apostador acertou as seis dezenas do concurso 1393 da Mega-Sena. Os números sorteados anteontem foram 04 – 18 – 24 – 28 – 39 – 44 e o prêmio foi de R$ 8,1 milhões. Ao todo, 86 apostas acertaram a quina (R$ 17.831,94 cada) e 5.717 a quadra (R$ 383,20 cada). A previsão para o sorteio de amanhã é de R$ 2 milhões.

CLIMA HOJE

Chuvoso durante todo o dia e também à noite. Temperaturas em declínio. Mínima prevista de 13°C e máxima de 20°C.

AMANHÃ

Sol, com pancadas de chuva de manhã e muitas nuvens à tarde. À noite, tempo firme. Temperaturas entre 12°C e 22°C.

DOMINGO

Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite. Temperaturas em elevação. Mínima de 12°C e máxima de 24°C.

SEGUNDA

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012

I Encontro de Portadores de Necessidades Especiais A Escola Hermelina Albu­querque Passarella sediou no domingo, 27, o I Encontro de Portadores de Necessidades Especiais. O evento foi promovido pela Associação de Pessoas Portadoras de Necessidades Especiais de Mairiporã e a programação contou com palestras (Esporte com qualidade de Vida, Sondagem Vesical, Equoterapia e Úlcera de Pressão), além de oficinas plásticas, musical, criação de personagens e recreação, orientações jurídica, social e psicológica e a participação especial do ex-big brother e campeão de modalidades aquáticas, Fernando Fernandes.

XIX Salão de Artes Plásticas De 16 a 22 de julho estão abertas as inscrições para o XIX Salão de Inverno de Artes Plásticas, evento que incentiva o intercâmbio e divulgação de novos talentos e, pintura, escultura, gravura, desenho e fotografia. As fichas de inscrição estão no site www.mairipora. sp.gov.br e cada artista poderá se inscrever nas categorias de obras contemporâneas e acadêmicas. Os prêmios vão de R$ 800 a R$ 2 mil. O vernissage está agendado para o dia 24 de julho e a exposição ficará aberta ao público até 11 de agosto. Maiores informações podem ser obtidas no Departamento de Cultura (rua XV de Novembro, 167, centro).

BANCOS - A Prefeitura substitui os bancos do Espaço Viário Mário Covas, para melhor atender a população que frequenta aquele local de lazer. Os novos bancos, em concreto e madeira, proporcionam conforto aos usuários e melhora o aspecto paisagístico do local.

MURO - O Projeto Reciclar inaugurou na escola Pietro Petri (Terra Preta), em parceria com a Prefeitura, o Muro Consciente, primeiro ponto de entrega voluntária de resíduos sólidos (plástico, papel, metal, vidro e óleo) no distrito, e contribui na preservação do meio ambiente.

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite. Mínima (16°C) e máxima (23°C) em elevação.

OBITUÁRIO 23/5- Ariana Nunes Gonçalves, aos 22 anos, solteira, não deixa filhos. Sepultada no Cemitério da Saudade. 23/5- Donizeti Aparecido de Oliveira Pinto, aos 50 anos, casado com Bernadete da Silva Oliveira Pinto, deixa as filhas Francieli e Franciani. Sepultado no Cemitério Terra Preta. 24/5- Maria José Alves, aos 72 anos, viúva, deixa os filhos Jorge, Edna, Elcio, Alberto e Leide. Sepultada no Cemitério Terra Preta. 25/5- Marcio Braga Silva, aos 38 anos, casado com Viviane Cardoso dos Santos, deixa o filho Vinícius. Sepultado no Cemitério da Saudade. 25/5- Raul Rodrigues Gomes, aos 71 anos. Sepultado no Cemitério Terra Preta. 26/5- Pedro Barbosa, aos 76 anos, casado com Maria Carmo Lambert, não deixa filhos. Sepultado no Cemitério da Saudade. 27/5- Jaime José de Lima, aos 63 anos, casado com Juceli Marques de Souza Lima, deixa os filhos Roseli, Luiz e Lívia. Sepultado no Cemitério Terra Preta. 28/5- Benedito Gabril de Souza, aos 55 anos, solteiro, não deixa filhos. Sepultado no Cemitério Terra Preta. 28/5- Odilon Firmino da Silva, aos 80 anos, casado com Maria Augusta dos Santos Silva, deixa os filhos Geraldo e Marcelo. Sepultado no Cemitério Terra Preta.

Consumo aumenta 5,9%

Tributos pela internet

Inscrições para o Enem

Abandono de animais

O consumo nacional de energia mostrou elevação de 5,9% em abril deste ano, se comparado com 2001, segundo o Ministério das Minas e Energia. Residências e lojas foram os destaques. O volume de novas residências cresceu 7,3% neste ano. A inauguração de shoppings e hipermercados puxou a alta no comércio.

De acordo com pesquisa divulgada pelo Ministério das Comunicações, 63% das empresas utilizam sistema de pagamento de impostos on-line. Cerca de 28% das empresas já participaram de licitações públicas pela internet e 71% utilizam o computador para consultar informações como o recolhimento do FGTS.

Estão abertas as inscrições para os candidatos ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), até o dia 15, feitas exclusivamente pela internet. As provas serão nos dias 3 e 4 de novembro. A taxa, de R$ 35, deve ser paga por meio de boleto gerado durante a inscrição. Quem cursa o 3º ano do ensino médio está isento da taxa.

A comissão de juristas do Senado aprovou uma reformulação da Lei de Crimes Ambientais (9.605/98), trazendo delitos para o Código Penal. O colegiado tornou crime o abandono de animais, em áreas públicas ou privadas, com pena de até 4 anos de prisão e multa. Hoje, a conduta é enquadrada como contravenção penal.

A P O S E N TA D O R I A S Telefax (11)

4412-9993 • Mairiporã e Região

Auxílio-doença, Contagens, Inscrição, Cálculos, Recursos, Pensão,

Dra. Ablaine Tarsetano dos Anjos Advogada - OAB-SP 127.677

AçÕes trabalhistas Dra. Márcia Cristina Jardim Ramos Advogada - OAB-SP 130.328

Ações Civeis e Família Dra. Juliana Fagundes Garcez Advogada - OAB-SP 208.886

Dra. maria luíza alves abrhão - OAB-SP 270.635 ações tributárias - imposto de renda

(isenções, restituições e repetição de indébito)

Av. 9 de Julho, 322 - Sala 22 - centro - Edif. S. José - Atibaia - SP - CEP 12940-580

Dudu Nobre em Terra Preta O cantor Dudu Nobre se apresentará em Terra Preta no próximo dia 9 de junho, às 19horas, na rua Bom Jesus de Terra Preta, próxima à escola Tirsi Anna. O show deveria ter sido realizado no final de abril, no aniversário do distrito, porém o mau tempo impediu a apresentação. O sambista vai interpretar um repertório de vários compositores e os seus maiores sucessos.

Palestra sobre a Mata Atlântica

A Secretaria do Meio Ambiente (SMA) realizou no dia 24 de maio último, palestra na escola Carlos Augusto de Pádua Fleury, em Terra Preta, cuja temática foi a Mata Atlântica. O biólogo da SMA, André Leite Romeiro, falou sobre as características do bioma, sua fauna e flora e os principais fatores que ameaçam esse ecossistema. O objetivo é alertar os alunos sobre a importância da sua preservação, assim como todos os biomas brasileiros. Meio ambiente - Para comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente, no próximo dia 6 de junho, a Secretaria Municipal promove, das 8h30 às 16h, inúmeras atividades culturais e pedagógicas no Centro Educacional. O evento conta com o apoio de diversas empresas e programas.


Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

5


6

OPINIÃO

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012

OZÓRIO MENDES

RICARDO VIEIRA

drozorio@yahoo.com.br

Números da violência

O

presidente Eduardo dos Santos comentou durante os trabalhos da sessão de Câmara, na semana passada, que inúmeros deputados responderam a um seu questionamento, com relação à segurança, e que as respostas foram as mesmas. Pior que a coincidência, só o conteúdo: ‘Mairiporã não tem problemas de segurança e nem falta de efetivo policial’. Dias depois desse enunciado desprovido de todo e qualquer fundamento, a Secretaria da Segurança despeja números sobre a onda de violência em todo o Estado e Mairiporã não só comprova a tese do presidente, de que é preciso aumento no efetivo policial, nos equipamentos e viaturas e melhores salários aos militares, mas também que o número de homicídios dolosos, que são aqueles em que houve intenção de matar, foi quatro vezes maior. É fácil ao leitor perceber que os deputados pouco se importam com os problemas da cidade, ou melhor, das pequenas cidades, onde recebem, na visão deles todos, votações pífias. E mais grave do que se

importarem com os municípios menores, é o fato de desconhecerem os números reais da violência no Estado, a ponto de emitirem ofícios com respostas prontas, numa clara demonstração de que não sabem nada a respeito e não procuram se informar. Nem mesmo seus assessores. A violência na cidade continua em ritmo crescente, a Polícia Militar tem problemas que remontam há vários anos (falta de homens, de equipamentos, de viaturas) e é bom frisar, de salários condizentes. Nossas autoridades precisam com urgência se debruçar sobre a questão da segurança pública no município, pois o cidadão se sente cada vez mais refém da violência e sem ter a quem apelar para que haja um combate efetivo à criminalidade e que a tranquilidade lhe seja devolvida. É o mínimo que se espera dos representantes da sociedade. Há que se deixar o discurso de lado, notadamente neste período, em que o embate eleitoral se aproxima, e partir para a ação.

Ozório Mendez é advogado e foi vereador na gestão 1983/1988

ESSIO MINOZZI JR.

Oportunismo, oportunistas e oportunidade

A

o que me parece, e não sei por que, tenho incomodado a um ou outro, que por direito e dever, não precisaria cobrar de outros, o que a ele é pertinente. Diz a velha melodia “Quem sabe faz a hora não espera acontecer”! Querer que participemos das vãs filosofias, onde se preconiza uma ideologia barata, comparativa e momentânea, capitulada em ataques desprezíveis e de foro oportunista, faz me parecer uma viagem onde só cabe ao moribundo, a oportunidade da reencarnação ou ressurreição. Se buscarmos ver a realidade, certamente caberá a preocupação primária de se juntar esforços em busca de soluções em prol da comunidade, que nos apoia e

A

s eleições municipais se- candidato seja artista. Comírão daqui quatro meses. cios e reuniões públicas são Nelas serão escolhidos permitidos. Bem como reapelo voto popular os próximos lizar abordagem individual, prefeitos e prefeitas, vereadores corpo a corpo, do eleitor para e vereadoras que definirão os conquistar votos. rumos das cidades brasileiras. A propaganda paga em jorA partir de 7 de julho iniciam-se nais devem obedecer a critéas campanhas eleitorais regidas rios de tamanhos e quantidade pelo Código Eleitoral e legisla- de inserções até 5 de outubro. ções afins, ou seja, o que pode Os brindes são proibidos. e o que não é permitido. Distribuir cesta básica é crime Para tanto o eleitor deve sujeito a multa. estar atento para as situaÉ vedada a propaganda em ções comuns outdoor. Placas, em campafaixas, pintura Um bom candidato nhas eleitorais, de muros são algumas delas permitidas até cumpre com as reprováveis e 4 metros quaoutras legais. regras estabelecidas drados. A apliChamo atenpara a campanha cação em bens ção para algupúblicos – viaeleitoral. Um mas delas. dutos, passaA panfletapostes eleitor consciente relas, gem é permisinalização de tida. Mesmo ajuda a fiscalizar o trânsito, pontos em semáforo, de ônibus, précruzamento de cumprimento dessas dios públicos, ruas e avenipúblicas, regras. Quem ganha vias das com moviinclusive rodomento intenso. vias ou barrané a cidade. No entanto, cos de estradas som é permitido apenas em estão proibidos e sujeitos a veículos da campanha do multa. É vedado ao candidato candidato, partido ou coliga- participar de inauguração deoção - das 8h às 22h - e res- bras públicas a partir de 7 de peitando a distância de 200 julho de 2012. metros de órgãos públicos Um bom candidato cumpre e hospitais, bem como de com as regras estabelecidas escolas, bibliotecas, teatros para a campanha eleitoral. Um e igrejas, quando em fun- eleitor consciente ajuda a fiscacionamento. Os Showmícios lizar o cumprimento dessas resão proibidos, mesmo que o gras. Quem ganha é a cidade.

ESSIO MINOZZI JUNIOR é professor, pós-graduado em Gestão Educacional UNICAMP em Gestão Publica - FUNDAP.

Oportunista: - Que é partidário de acomodação às circunstâncias; Oportunidade: - Qualidade de oportuno; ocasião própria; ensejo. Busco usar da oportunidade a mim dada, com respeito e ética. Jamais, com oportunismo na sua mais pura versão. Uma excelente semana!

ricardo vieira é médico e vereador pelo PSDB.

VENDE-SE

CASA COM 4 COMODOS + SOBRADO COM 2 COMODOS FUNDOS + 1 SALÃO COMERCIAL LOCAL: CENTRO TERRA PRETA PREÇO: R$ 130 mil ACEITO PROPOSTA TEL.: 7455-4639 ou 9243-4108

essiominozzijr@terra.com.br

O que pode na campanha eleitoral de 2012

nos dá o voto de confiança. Vejo falta de ética e escrúpulo, ações mesquinhas e oportunistas que não têm como princípio básico a prática da moral. Até quando! Com o titulo acima, podemos abrir uma simples reflexão: Oportunismo: - Acomodação, por sistemas as circunstâncias;

PODER JUDICIÁRIO

Juízo de Direito da 1ª Vara Judicial da Comarca de Mairiporã. Edital de Citação do requerido EDENILSON LEMOS RAMOS, que se encontra em LUGAR INCERTO E NÃO SABIDO, referente aos autos da Ação de REINTEGRAÇÃO DE POSSE que lhe move o ESPÓLIO DE HEBRAHIM HALLAK - Feito nº 338.01.2010.005238-0 - Ordem nº 1464/10 - PRAZO DE TRINTA (30) DIAS. O DR. CRISTIANO CESAR CEOLIN, Juiz de Direito da 1ª Vara Cível da Comarca de Mairiporã-SP. FAZ SABER aos que o presente edital virem ou dele conhecimento tiverem e interessar em especial o requerido EDENILSON LEMOS RAMOS, que tramita por este Juízo e respectivo Cartório, os autos da Ação de Reintegração de Posse requerido pelo ESPÓLIO DE HEBRAHIM HALLAK em face do mesmo, referente a um comodato de uma casa situada à rua Estados Unidos da América, s/número – bairro do Pico do Olho D’Água na Zona Urbana deste município de Mairiporã. Nestas condições foi determinada a citação do réu, que está em lugar incerto e não sabido, e eventuais interessados, por edital, com o prazo de trinta (30) dias, para que no prazo de quinze (15) dias, a fluir após a publicação do presente, com o prazo de estabelecido, CONTESTEM o feito, sob pena de presumirem-se como verdadeiros os fatos alegados na inicial (art. 285 e 319 do C.P.C). Será o presente, por extrato, afixado e publicado na forma da lei. Dado e passado nesta cidade e Comarca de Mairiporã, Estado de São Paulo, dezesseis (16) dias do mês de maio de 2012. Eu, Jadete P. J. Bueno, escrevente, digitei. Eu, João José Cândido Ribeiro, Escrivão Diretor, subscrevi. CRISTIANO CESAR CEOLIN Juiz de Direito

04:50 05:15 05:45 06:00 06:15 06:40 06:50 07:20 08:20 09:15 10:30 11:15 12:00 13:30 15:00 15:45 16:15 17:30 19:00 19:30 20:00 21:00 21:30 23:00

05:00 06:00 07:00 08:00 09:00 10:00 11:00 11:30 12:00 13:00 13:30

14:00 15:00 15:30 16:00 17:15 19:00 20:00 21:00 22:00 23:00

05:00 07:00 09:00 11:00 13:00 15:00 17:00 19:00 20:00 21:30 23:00

06:00 06:30 06:50 07:00 07:30 08:00 08:30 09:00 09:30 10:00 10:30 11:30 12:15 13:00 14:00 15:00 16:00 16:30 17:00 17:15 17:30 17:45 18:00 18:15

18:30 18:45 19:00 19:20 19:40 20:00 20:30 21:00 21:30 22:00 22:40 22:55 23:00 23:05 23:15 23:59

06:00 06:45 07:00 07:45 08:00 08:45 09:00 09:45 10:00 10:45 11:00 11:45 12:00 12:30 13:00 13:45 14:00 14:30 15:00

15:45 16:00 16:30 17:00 17:45 18:30 19:15 20:00 21:00 22:00 23:00 23:59

06:00 07:15 08:00 09:15 10:00 11:15 12:00 13:15 14:00 15:15 16:00

17:15 18:00 19:15 20:00 21:00 22:30 23:59

05:00 05:30 06:00 06:30 07:00 07:40 08:00 08:45 09:45 12:45 14:15 16:45 18:15 22:00

06:30 07:10 07:30 08:30 09:00 09:30 10:00 10:45 13:45 15:30 17:45 19:30 23:00

04:30 05:10 05:30 05:45 06:00 06:15 06:30 06:45 06:50 07:00 07:15 07:45 08:00 08:30 09:00 09:30 10:00 10:30 11:00 11:30 12:00 12:30 13:00 13:30

14:00 14:30 14:45 15:30 15:00 15:15 16:00 16:15 16:30 16:45 17:00 17:30 18:00 18:30 19:30 20:30 21:30

07:40 08:40 09:20 10:00 05:30 06:15 06:40 07:00 07:20 08:00 08:20 09:00 09:40 10:20 10:40 11:00 11:30 12:00 12:30 13:00 13:30 14:00 14:30 15:00

15:30 16:00 16:15 16:30 16:45 17:00 17:15 17:30 17:45 18:00 18:20 18:40 19:00 19:30 20:15 21:00 22:00 22:20 23:00

05:30 06:30 07:30 08:30 09:30 10:30 12:30 14:30 16:30 18:00

06:30 07:30 08:30 09:30 10:30 11:30 13:30 15:30 17:30 19:00

04:30 05:30 06:00 06:15 06:30 07:00 07:30 08:00 08:30 09:00 09:30 10:00 10:30 11:00 11:30 12:00 12:30

13:00 13:30 14:00 14:30 15:00 15:30 16:00 16:30 17:00 18:00 18:30 19:30 20:30 21:30

06:00 06:40 07:10 07:30 08:00 08:30 09:00 09:30 10:00 10:30 11:00 11:30 12:00 12:30 13:00 13:30 14:00

14:30 15:00 15:30 16:00 16:30 17:00 17:30 18:00 18:30 19:00 19:30 20:15 21:00 22:00 23:00

06:00 08:00 10:00 12:00 14:00 16:00 18:00

07:00 09:00 11:00 13:00 15:00 17:00 19:00

06:00 06:40 07:10 07:30 08:00 08:30 09:00 09:30 10:00 10:30 11:00 11:30 12:00 12:30 13:00 13:30 14:00

14:30 15:00 15:30 16:00 16:30 17:00 17:30 18:00 18:30 19:00 19:30 20:00 20:30 21:00 22:00 23:00

04:45 05:30 06:00 06:15 06:30 07:00 07:30 08:00 08:30 09:00 09:30 10:00 10:30 11:00 11:30 12:00 12:30

13:00 13:30 14:00 14:30 15:00 15:30 16:00 16:30 17:00 17:30 18:00 18:30 19:00 19:30 20:30 21:30


7

POLÍTICA

Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

ELEIÇÕES 2012

Indefinição de alianças ‘amarra’ escolha de vices no PV e PTB

Juarez César Da Reportagem

HÁ 32 dias do fim do prazo para registro de candidaturas, pelo menos dois pré-candidatos à sucessão municipal ainda parecem longe de definir os vices das chapas que encabeçarão: Márcio Pampuri (PV) e Eduardo Pereira dos Santos (PTB). A discussão de alianças ‘amarra’ a escolha - isso porque o nome do vice

Correio Imagem

deve sair, quase que obrigatoriamente, de partidos que integram a coligação. Apenas o PSDB e o PT definiram esses nomes, ambos com candidaturas chamadas de chapa ‘puro sangue’. Resistências - Vários nomes são cotados para a vaga de vice tanto no PV quanto no PTB, porém algumas alas dessas agremiações se mostram resistentes a alguns deles. Os dois principais nomes são os de Essio Minozzi Júnior (PR) para compor com o candidato Márcio Pampuri (PV) e Valdecir Odorico Bueno (PTB), em chapa ‘puro sangue’ com Eduardo Pereira dos Santos (Du). Vários partidos querem oferecer nomes para a composição das chapas, porém a maioria deles não reúne cacife eleitoral. As agremiações classificadas de ‘nanicas’ (PSB, PRTB, PMN e PSOL) que vão lançar candidatos a prefeito, até agora não informaram nada sobre a escolha de seus

SUBSÍDIOS Câmara ainda não discute salários para 2013 Wagner Azevedo Da Reportagem ASSUNTO discutido em vários parlamentos municipais por todo o Brasil, o aumento salarial dos vereadores ainda não entrou na pauta de discussões da Câmara de Mairiporã. Os vereadores, ao que parece, vão deixar a decisão para a última hora, ou seja, um mês antes das eleições municipais. Cada parlamentar mairiporanense recebe hoje R$ 5.592,14 por mês. Ao contrário dos vencimentos dos secretários municipais e do funcionalismo público, reajustados anualmente, o dos vereadores ficam congelados por quatro anos, o que significa que qualquer mudança este ano só valerá para a próxima legislatura, que se inicia em janeiro de 2013. Para definir o aumento os vereadores podem optar pelos índices aplicados aos servidores municipais na soma dos

últimos quatro anos ou atender ao que reza a Constituição, que permite um aumento de até 60% daquilo que recebe um deputado estadual. Também há quem defenda um congelamento de salários para o futuro Legislativo. Com mais três vereadores previstos na composição da Câmara local no ano que vem, os gastos vão aumentar. Mesmo se não houver qualquer reajuste, já serão incorporados à folha mais R$ 201.317,04 anualmente, que elevará os gastos com parlamentares a R$ 872.373,84 ao final de cada doze meses. A proposta de mudança nos salários pode partir de um vereador, de todos ou da Mesa Diretora da Câmara. Se o assunto é tema recorrente em vários legislativos do Estado de São Paulo, em Mairiporã ele ainda não foi sequer comentado entre os vereadores.

candidatos a vice. Com a liberação das convenções, a partir do dia 10 próximo, as definições obrigatoriamente ocorrerão, sejam elas de agrado ou não dos partidos. Neste momento, segundo analistas políticos, alianças são fundamentais. Fato novo - A possibilidade do ex-prefeito Jair Oliveira (DEM) conseguir a liberação de sua candidatura é o fato novo que pode mudar o quadro eleitoral observado hoje. Na mesma situação dos ex-prefeitos Névio Dártora (Caieiras), Andrea Pelizzari (Francisco Morato) e Jesus Chedid (Bragança Paulista), Jair também poderá se beneficiar de uma súmula vinculante que vem permitindo as candidaturas cerceadas por rejeição de contas pelo Tribunal de Contas do Estado. Advogados ouvidos pela reportagem citam um outro instrumento jurídico já concedido há vários candidatos a prefeito: a ‘Tutela Antecipada”. Se de fato Jair Oliveira vier a entrar na disputa eleitoral haverá, com certeza, migração de seus votos, que hoje estão divididos entre outras candidaturas.

Da Redação

OS PARTIDOS políticos que pretendem lançar candidatos a vereador, vice-prefeito e prefeito no pleito de outubro próximo, podem realizar convenções para a escolha de nomes a partir de 10 de junho, segundo o calendário eleitoral, quando os feitos eleitorais passam a ter prioridade para a participação do Ministério Público e dos Juízes em todas as justiças e instâncias. A data marca ainda o fim da participação de candidatos em emissoras de rádio e televisão e para que os partidos ou coligações fixem os limites de gastos de campanha e também para assegurar o exercício do direito de resposta ao candidato, partido ou coligações que se

sentirem atingidos, ainda que de forma indireta. Nenhum partido em Mairiporã informou a data de sua convenção. O prazo final é 30 de junho. Nos últimos meses vários pré-candidatos a prefeito foram anunciados, que deverão ser confirmados agora. Pretendem disputar o Palácio Tibiriçá oito candidatos: Márcio Pampuri (PV), Eduardo Pereira dos Santos (PTB), Leila Aparecida Ravázio (PSDB), Maria Francisca Oliveira Boralli (PT), Juan Oscar Ouchana (PSB), Fátima Lodi (PRTB), Manoelino Cordeiro (PMN) e José Hélio (PSOL). Nos bastidores, várias agremiações insistem em composições que objetivam diminuir o número de postulantes à Prefeitura. Correio Imagem

Marcos do Táxi assume cadeira na Câmara Da Redação

COM A decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), de cassar o mandato do vereador Walid Ali Hamid (Aladim), o primeiro suplente do DEM, Marcos Pinto Barbosa, conhecido como Marcos do Táxi, assume a cadeira na próxima segunda-feira. O agora ex-vereador Aladim não participou da sessão legislativa da última terça-feira, mas o novo titular também corre o risco de ter pedida sua cadeira, pois deixou o DEM em setembro do ano passado, estando agora filiado ao Partido Verde (PV). Marcos recebeu 549 votos nas últimas eleições municipais e é o 3º suplente a assumir na atual legislatura. Os outros dois foram Essio Minozzi Júnior (PR) e Francisco de Assis Alves de Souza (PTB). Correio Imagem

Vereadores aprovam a ‘Ficha Limpa’ municipal Correio Imagem

Convenções podem escolher candidatos a partir do dia 10

Da Redação

EM SEGUNDA e última votação os vereadores aprovaram na noite de terça-feira, 29, projeto de emenda à Lei Orgânica do Município (LOM), de autoria de Valdecir Odorico Bueno (PTB) (foto), que cria no âmbito municipal legislação idêntica à que foi aprovada no Congresso Nacional e que entrou em vigor após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), conhecida por Ficha Limpa. De acordo com a emenda, o artigo 103 da LOM prevê que

para fins de preservação da probidade pública e moralidade administrativa, é vedada a nomeação ou admissão de pessoas para cargo declarado em lei, livre nomeação e exoneração, que incidam nas hipóteses de inelegibilidade previstas na legislação feral. O texto diz ainda que caberá ao servidor comprovar, por ocasião da nomeação, que está em condições de exercício do cargo, bem como ratificar estas condições anualmente, até 31 de janeiro.

Ministra diz que a Ficha Limpa tem eficácia jurídica e social

TSE será rigoroso com a Ficha Limpa Claudio Cipriani Da Reportagem A PRESIDENTE do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Cármen Lúcia, reiterou que esta será a primeira eleição com a Lei da Ficha Limpa em sua integralidade. “Todo o rigor será aplicado no sentido de que a lei seja cumprida”, afirmou. “A lei tem eficácia jurídica e social, pois teve iniciativa dos cidadãos que esperam que ela seja cumprida.” No entanto, ela acredita que o cidadão tem se mostrado mais atento. “Sabe que não é só votar, mas ter ciência de quem é o candidato”, disse. Cármen Lúcia manifestou apreensão em relação ao número de juízes que trabalharão nas eleições. Ela disse que, no curso de um ano, já foram enviadas 27 listas de juízes efetivos e substitutos para a Presidência da República. Ela destacou que recentemente voltou a encaminhar as listas demonstrando sua preocupação. “Acredito que a presidente vai atender”, reforçou. Imprensa - Em 18 de abril,

quando tomou posse à frente do TSE, Cármem Lúcia disse que espera contar com o “trabalho livre” da imprensa e com a participação da população para que as eleições municipais deste ano ocorram com lisura. Na ocasião, disse que “nenhuma lei do mundo substitui a honestidade, a responsabilidade e o comprometimento do cidadão. O caminho mais curto para a Justiça é a conduta reta de cada um de nós, cidadãos”. E completou: “Não há eleições seguras e honestas sem a ação livre, presente e vigilante da imprensa que cumpre papel determinante em benefício do poder do povo”, enfatizou a ministra, que prometeu adotar medidas que garantam a “transparência do processo eleitoral”. O TSE é integrado por sete ministros - três do STF, dois do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e dois advogados indicados pelo Supremo. A presidência é sempre exercida por um dos ministros do STF, em sistema de rodízio. Carmem Lúcia é a primeira mulher a presidir o TSE.

ALUGA-SE

BAIRRO:JARDIM ESPERANCA 2 QUARTOS(SENDO 1 SUITE) SALA,COZINHA,WC,LAVANDERIA,SEM ARAGEM TRATAR TEL:9530-6978


8

CIDADE

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012

QUASE 500 VAGAS FECHADAS EM 4 MESES

Geração de empregos formais despenca pelo quarto mês seguido

Claudio Cipriani Da Redação

MAIRIPORÃ registrou pelo quarto mês consecutivo saldo negativo na criação de vagas com carteira assinada. Foram fechadas 28 vagas, número que representa o saldo entre admissões (579) e desligamentos (607) no mês de abril. Os dados são do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desemprega-

dos) do Ministério do Trabalho e Emprego. Na relação com o mês anterior, no entanto, a queda na geração de vagas foi infinitamente menor, já que o mês de março bateu o recorde de demissões: 143. Na comparação com abril de 2011, o resultado é ainda pior, pois há um ano foram criados dois novos postos de trabalho. Setores - Em números absolutos o setor de serviços liderou as

contratações, com 28 postos, seguido da construção civil, que registrou saldo positivo de 15 vagas. Enquanto isso, a indústria de transformação bateu seu recorde negativo, com a dispensa de 46 trabalhadores e outras 15 perdas ocorreram no comércio. No ano, Mairiporã acumula a perda de 461 postos de trabalho, e há um ano eram criadas 221 novas vagas. É o pior quadrimestre da história do emprego na cidade.

DESEMPENHO EM 2012 – MAIRIPORÃ SETORES

Admissões

Indústria Transf.

660

732

-72

Construção civil

280

254

26

Comércio

602

661

-59

Serviços

1.175

1.535

-360

Total

2.730

3.191

-461

DESEMPENHO ABRIL 2012 – MAIRIPORÃ SETORES

Licenciamento de veículos com placa final 3 começa hoje Lúcia Helena Da Redação PROPRIETÁRIOS de veículos com placa de final 3 podem começar a fazer o licenciamento a partir de hoje. A taxa a ser paga é de R$ 62,70, e o contribuinte que optar por receber o documento pelos Correios devem pagar mais de R$ 11,00. O pagamento do tributo pode ser feito de duas formas: pelo licenciamento eletrônico, que permite realizar o pagamento pelo sistema bancário e receber o documento no endereço cadastrado junto ao Detran, ou escolher pelo pagamento presencial em uma das unida-

DATAS DE LICENCIAMENTO

(Pagamento até o último dia do mês) Final da placa / mês de licenciamento 3 / junho 4 / julho 5 e 6 / agosto 7 / setembro 8 / outubro 9 / novembro 0 / dezembro

des das Ciretrans, Seções de Trânsito ou ainda nos postos Poupatempo. Todos os motoristas são obrigados a portar o documento para poder circular em território nacional. Para fazer o licenciamento, a lei exige o pagamento do IPVA e de todas as multas vinculadas ao veículo, independente do motorista responsável pelas infrações cometidas. Para providenciar o licenciamento são necessários o original e cópia do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos; original e cópia do comprovante bancário de pagamento de eventuais débitos e da taxa de licenciamento; original e cópia do RG ou outro documento válido como identidade. No caso de Pessoa Jurídica, é preciso apresentar cópia simples do contrato social da empresa. Qualquer dúvida, informação ou realização do serviço em Mairiporã, é só procurar Lourenço Despachante, que fica na rua Cel. Fagundes, 86, centro.

Mairiporã sedia o 1º Rally de Velocidade A 2ª ETAPA do Campeonato Paulista de Rally de Velocidade será disputada amanhã e domingo em Mairiporã. Serão 63 km de especiais (trechos cronometrados) e 110 km de deslocamentos (trechos de ligação), totalizando 173 km, desenvolvido em três

trechos diferentes, com três passagens cada um. O piso é de chão batido. Vinte duplas estavam inscritas até anteontem, nas quatro categorias entre carros de trações simples e integral. O Parque de Apoio, local onde as equipes ficam instaladas, estará localizado no Clube de Campo de Mairiporã. Correio Imagem

Desligamentos Saldo

Admissões

Desvligamentos Saldo

Indústria Transf.

140

186

-46

Construção civil

59

52

7

Comércio

141

156

-15

Serviços

237

209

28

Total

579

607

-28

Assistência Contábil, Fiscal e Departamento Pessoal Abertura e Encerramento de Empresas

4419-3295 - 4419-7188 - 4419-7171

www.tanenocontabilidade.com.br R. Olavo Bilac, 165-B - Centro - Mairiporã

Dr. Ozorio Mendes Filho, CRMV/SP 30.708 Dra. Jaqueline Azeredo de Oliveira, CRMV/SP 27.152


Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

9

CIDADE Consumo na cidade deve ultrapassar

R$ 1,3 bilhão este ano Wagner Azevedo Da Reportagem

e taxas, luz-água-gás (R$ 326 milhões), alimentação (R$ 116 milhões no domicílio e outros R$ 76 milhões fora dele), bebidas (R$ 13,8 milhões), saúde, medicamentos, higiene pessoal e limpeza (R$ 105,29 milhões), materiais de construção (R$ 47 milhões) e educação (R$ 37,03 milhões), seguindo-se outros setores da economia. (Veja quadro ao lado). O Correio ouviu alguns comerciantes e todos foram unânimes em afirmar que esse dinheiro extra, a ser gasto exclusivamente no consumo de bens e serviços, é aguardado por todos os segmentos. Alguns revelam que o mairiporanense está sim gastando mais, pois o poder de compra aumentou e o aquecimento da economia parece que vai continuar por vários meses.

NOVO levantamento divulgado na semana passada revela que os mairiporanenses devem consumir R$ 1,34 bilhão neste ano, de acordo com o IPC Maps (Índice de Potencial de Consumo). O valor é 22,74% maior que o estimado em 2011, de R$ 1,09 bilhão. Os novos números fizeram a cidade subir no ranking brasileiro, passando do 317º lugar no ano passado para o 293º este ano, o mesmo ocorrendo no ranking estadual: de 99º em 2011 para 89º no ano em curso. Os itens básicos lideram os gastos, como a manutenção do lar, que incorpora despesas com aluguéis, impostos

O IPC Maps mostra que o potencial de consumo de Mairiporã aumentou na comparação com os dados de 2011, mesmo o ano não tendo começado de forma positiva para a geração de emprego no município. No primeiro quadrimestre a cidade perdeu quase 500 vagas. Mesmo assim, houve crescimento salarial e maior disponibilidade de crédito. O rendimento médio do trabalhador mairiporanense também aumentou e hoje está em R$ 1.247,00. Classes - O estudo divide o consumo em oito classes sociais e a classe B2 é a que mais gasta (R$ 336 milhões), seguindo-se as classes B1 (R$ 308 milhões) e A2 (R$ 257 milhões). A que menos consome é a E (R$ 471 mil).

POTENCIAL DE CONSUMO – (R$) SETORES

2011

2012

Alimentação no domicílio

98.793.002

116.571.133

Alimentação fora do domicílio

64.289.980

76.419.781

Bebidas

11.570.245

13.826520

Manutenção do lar

275.214.035

326.643.424

Produtos de limpeza

5.697.870

6.787.085

Mobiliário e artigos do lar

15.942.254

19.533938

Eletrodomésticos e equipamentos

22.186.696

26.804.870

Vestuário confeccionado

29.292.377

35.674.568

Calçados

12.975.997

15.740.161

Outras despesas c/ vestuário

1.892.621

2.397.520

Transporte urbano

27.743.013

30.909.301

Gastos c/ veículos próprios

55.395.503

68.524.066

Higiene e cuidados especiais

19.671.187

23.692.697

Gastos com medicamentos

31.698.999

36.829.706

Outras despesas com saúde

35.402.136

44.773.614

Livros e material escolar

4.453.638

5.553.162

Matrículas e mensalidades

24.149.150

31.483.345

ANO

2011

2012

%

Despesas c/ recreação e cultura

17.636.902

21.751.051

Classe A1

45.831.421

46.099.276

(3,7%)

Despesas com viagens

17.150.353

22.349.604

Classe A2

157.374.634

257.196.313

(20,4%)

6.261.363

6.932.744

Classe B1

244.464.815

308.481.384

(24,5%)

Materiais de construção

-----------------

47.355.822

Classe B2

299.579.129

336.996.289

(26,7%)

Outras despesas

260.914.657

279.722.346

Classe C1

176.081.270

184.429.295

(14,6%)

1.260.276.457

Classe C2

78.375.048

89.917.789

(7,1%)

59.842.744

Classe D

35.172.798

36.684.967

(2,9%)

1.348.051.485

Classe E

1.452.859

471.144

(0,0%)

Fumo

TOTAL CONSUMO URBANO

1.038.331.978

TOTAL DE CONSUMO RURAL TOTAL GERAL

1.098.174.719

TOTAL DE CONSUMO POR CLASSES (em R$)

VIOLÊNCIA

Número de homicídios cresceu 4 vezes mais no mês de abril de Segurança Pública do Estado de São Paulo. Se em março os registros apontaram apenas uma ocorrência, no mês de abril foram 4. Na soma dos quatro primeiros meses do ano Mairiporã contabiliza 9 homicídios dolosos, contra 7 no mesmo período

Da Reportagem OS HOMICÍDIOS dolosos (quando há intenção de matar) bateram recorde em Mairiporã nas estatísticas da criminalidade divulgadas no dia 25 de maio último, pela Secretaria

NÚMEROS DA VIOLÊNCIA - JANEIRO A ABRIL 2012 ITEM

JAN

FEV

MAR

ABR

TOTAL

Homicídio doloso

4

0

1

4

9

Roubos gerais

24

16

19

28

87

Roubos veículos

10

13

17

12

52

Furtos gerais

77

69

78

62

286

Furtos veículos

12

8

10

8

38

NÚMEROS DA VIOLÊNCIA - QUADRIMESTRES – 2011/2012 ITEM

2011

2012

Homicídio doloso

7

9

Roubos gerais

95

87

Roubos veículos

60

52

Furtos gerais

255

286

Furtos veículos

57

38

do ano passado. Ou seja, um aumento de quase 30% nos assassinatos. No quesito roubos em geral, também houve crescimento, de 47,3%. Foram 28 em abril contra 19 em março último. Por outro lado houve pequenas reduções nos rou-

bos de veículos (12 em abril e 17 em março), furtos em geral (62 em abril e 78 em março) e furtos de veículos (8 em abril e 10 em maio). Na soma de furtos e roubos de veículos, os quatro primeiros meses somam 100 unidades levadas pelos

marginais. Ou seja, quase 1 veículo por dia. Para os especialistas ainda não se pode falar em inversão de tendência, se esses índices forem comparados com o primeiro quadrimestre de 2011.


10

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012


Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

11


12

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012


Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

13

GERAL

Presidente da Câmara cobra mais segurança para a cidade em encontro com comando da PM Da Redação

Prefeito pede R$ 4 milhões e vereadores dão R$ 1,8 milhão ao hospital Da Redação

MAIS uma vez a administração Aiacyda solicitou autorização da Câmara para repassar dinheiro ao Hospital e Maternidade Mairiporã. O projeto de lei foi discutido e votado na sessão de terça-feira, 29, porém o montante pedido, de R$ 4 milhões, não foi atendido. Os vereadores aprovaram R$ 1,8 milhão, divididos em três parcelas de R$ 600 mil, para os meses de junho, julho e agosto. Na proposta original, o prefeito incluiu R$ 600 mil também para os meses de setembro, outubro e novembro, e mais R$ 900 mil para dezembro, já incluso os valores para o 13º salário. O Hospital e Maternidade Mairiporã, sob intervenção da Prefeitura desde 2002, mesmo sem fazer parte do Orçamento Anual do Município, tem a quarta

maior despesa, perdendo apenas para as áreas da Educação, Saúde e Obras. E não se vislumbra qualquer tipo de movimento no sentido da Prefeitura levantar a intervenção. Nos últimos dez anos foram milhões de reais destinados à instituição, que não consegue oferecer serviço de qualidade e, via de regra, está de pires na mão, sem dinheiro para fazer frente às despesas. Em última análise, transformou-se, mesmo sem lei aprovada, em hospital municipal, porém sem nenhum tipo de gestão que priorize a economicidade e a qualidade exigida quando há dinheiro público investido. A aprovação parcial ao texto do projeto, de liberar recursos por apenas três meses, não significa nada. Daqui a 90 dias os vereadores vão votar e aprovar o restante da verba solicitada.

Impostômetro atingiu R$ 600 bilhões na segunda Da Redação

O IMPOSTÔMETRO da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) alcançou na segunda-feira, 28, a marca de R$ 600 bilhões em tributos federais, estaduais e municipais pagos pelos brasileiros desde o dia 1º de janeiro. O montante foi atingido três dias mais cedo que no ano passado. Segundo a entidade, 2011 registrou R$ 1,5 trilhão em tributos pagos, recorde desde a criação do Impostômetro, em 2005. Para este ano, a previsão é de que a arrecadação chegue a R$ 1,6 trilhão. O presidente da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Rogério Amato, afirma que houve uma desaceleração no ritmo de crescimento do pagamento de tributos pelos brasileiros. “Embora reduzir impostos setoriais seja uma decisão positiva, ainda que paliativa, é preciso pensar também em reduzir os gastos dos governos para que sobre dinheiro para investir na infraestrutura e reduzir o custo Brasil, sem o que jamais seremos competitivos na guerra comercial que se trava hoje no mundo globalizado”, afirma Amato, em nota distribuída à imprensa. Mairiporã - Os impostos pagos pelos mairiporanenses nos cinco primeiros meses deste ano, atingiram R$ 62 milhões ontem, dois dias mais cedo que no mesmo período do passado. O Impostômetro foi lançado em 20 de abril de 2005. O levantamento considera os tributos arrecadados pelas três esferas de governo: impostos, taxas e contribuições, incluindo multas, juros e correção monetária.

OS VEREADORES Eduardo Pereira dos Santos (presidente da Câmara) e Marcio Emídio Alexandre de Oliveira (Marcinho da Serra) foram recebidos em audiência no início da semana, no Quartel General da Polícia Militar em São Paulo, pelo comandante do Policiamento Metropolitano, Cel. Marco Antônio Alves Miguel, encontro que serviu para discutir questões ligadas à segurança pública em Mairiporã. Os vereadores fizeram um relato da situação na cidade, e relataram a insegurança vivida pela população diante dos crescentes números da violência, atestados pelas estatísticas da Secretaria de Estado da Segurança Pública divulgadas na semana passada. O vereador Du lembrou ao comandante que em julho do ano passado enviou ofício aos deputados, com os anseios da população quanto à melhoria do policiamento na cidade, porém naquela oportunidade as respostas foram evasivas. Em março

deste ano novos ofícios foram remetidos à Assembleia Legislativa e as informações causaram mais preocupação. Em abril último o deputado Welson Gasparini respondeu ao vereador Du sobre o problema e anexou um pequeno relatório assinado pelo Cel. PM Renato Cabral Catita, que discrimina as melhorias efetuadas em favor da segurança em Mairiporã. Investimentos - De acordo com o relato foram investidos na cidade R$ 15 mil com a compra de 10 estações de trabalho básicas e um netbook, quatro impressoras multifuncionais (área de informática), implantado o sistema digital de radiocomunicação, como envio de quatro rádios digitais fixos, 12 rádios móveis e 9 rádios portáteis e instalados nas viaturas 13 tablets e equipamentos com recursos de navegador GPS e mais 12 terminais portáteis de dados (área de telecomunicações). A resposta dizia mais, que a cidade conta com 3 viaturas de radiopatrulha, 3 viaturas de

ronda escolar, 4 motocicletas da Rocam, 3 viaturas de força tática e mais duas de atendimento comunitário, além de uma Base Comunitária Móvel. Sobre as viaturas, o presidente da Câmara indagou ao comandante onde estão todas as 15 unidades mencionadas e onde está localizada a base móvel. O presidente da Câmara lembrou que não é em Mairiporã, pois nunca soube de nenhuma base atuando no município e que na questão das viaturas, elas são no máximo quatro. O comandante informou que em breve repassará aos vereadores o levantamento do número correto de viaturas e policiais para realizar um novo encontro e propor algumas alterações que beneficiem e melhorem a segurança publica na cidade. informou ainda que estará realizando uma reunião com o novo comandante regional da policia, o Coronel PM Glauco para traçar novos planos em busca de maior efetividade no trabalho da policia. Divulgação

Vereadores Du e Marcinho e o coronel PM Marco Antônio Alves Miguel

Há dez anos falecia o vereador Mário Romeiro EM 31 de maio de 2002 a cidade perdia um de seus vereadores mais atuantes, Mário Romeiro, que durante dezesseis anos ocupou cadeira no parlamento municipal. Homem de posições coerentes, contribuiu com as administrações dos prefeitos Luiz Salomão Chamma (1989/1992); Sarkis Tellian (1993/1996), Arlindo Carpi (1997/2000) e apenas um ano e meio (2001/2002) do segundo mandato de Jair Oliveira. Romeiro atuou com muito empenho em vários setores da administração municipal, mas principalmente nas questões ligadas ao transporte coletivo, com gestões junto aos prefeitos para que novas linhas e itinerários fossem criados, para que mais e mais pessoas deixassem de percorrer longas distâncias à pé por falta de ônibus que os trouxessem até o centro da cidade. Mário Romeiro foi eleito pela primeira vez com 223 votos pelo PDS (1988), e aumentou esse número para 358 votos na eleição seguinte (1992) pelo mesmo PDS, e 406 votos em sua segunda reeleição (1996) já pelo PSDB. Na terceira reeleição, também pelo partido tucano, conquistou 400 votos.

Fazer cópia de CD para uso Aprovado fim de concurso só próprio deixará de ser crime para cadastro D R de reserva a

Da Redação

A COMISSÃO de Constituição, Justiça e Cidadania (CJC) do Senado aprovou o projeto de lei que proíbe a realização de concurso público exclusivamente pra formação de cadastro de reserva. Por ter sido acolhido em decisão terminativa, poderá ser enviado à Câmara sem passar pelo plenário. O texto exclui da vedação empresas públicas e sociedades anônimas de economia mista, mas proíbe a cobrança de taxa de inscrição dos candidatos quando o destino for a formação do cadastro de reserva. Os demais entes públicos deverão indicar expressamente o número de vagas a serem providas. A medida valerá para concursos de prova ou de provas e títulos no âmbito da administração direta e indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

edação

A COMISSÃO de juristas que discute mudanças ao Código Penal aprovou proposta que descriminaliza o ato de uma pessoa fazer cópia integral de uma obra para uso pessoal, desde que não tenha objetivo de lucro. Com a decisão, quem realizar a cópia deixa de ser enquadrado pelo crime, previsto no atual código, de “violação do direito autoral”. Dessa forma, a cópia de um CD de música ou de um livro didático para uso próprio deixaria de ser crime. Atualmente, a pena para os condenados pela conduta pode chegar a até quatro anos. O texto aprovado pela comissão ficou com a seguinte redação: “não há crime quando se tratar de cópia integral de obra intelectual ou fonograma ou videofonograma, em um só exemplar, para uso privado e exclusivo do copista, sem intuito de lucros direto ou indireto”. O colegiado tinha prazo até o final do mês para entregar o anteprojeto do novo código ao presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Mas os trabalhos foram prorrogados até o dia 25 de junho. As sugestões dos juristas poderão compor um único projeto ou serem incorporadas a propostas já em tramitação no Congresso.


14

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012

PR JOVEM E PR MULHER Marion Halm www.marionhalm.com

No dia 18/5, no Clube de Campo de Mairiporã, autoridades de diversos municípios, e filiados ao partido, marcaram presença na Posse do PR JOVEM & PR MULHER, mais um excelente reforço para o partido. Parabéns, a cerimônia foi pautada de muita alegria e gentileza.

ANIVERSARIANTES Alice Clara, 5/6

Ediran (Farma 100), 1/6

Antonia Cortez, 1/6

Essio Minozzi, 6/6

Antonia Heloisa, 5/6

Jackeline Freitas, 5/6

NO CIRCUITO Domingo 27, na Escola Prof Hermelina, Appnem realizou um evento de tirar o chapeu e a visita do atleta Fernando Fernandes levantou o astral de todos dando uma lição de vida.

IMESP R. Ipiranga, 576 Mairiporã

Atendimento Clínico

e

Cirúrgico

OFTAMOLOGIA - Cirurgia de grau a laser CIRURGIA GERAL - Endoscopia e Colonoscopia ODONTOLOGIA

REALIZAÇÃO AGÊNCIA DE VIAGEM

4419.3152 - 4419.2066 Rua Cel. Fagundes, 180 - centro realizantonia@terra.com.br

Vai ter bolo

1/6- Ediran(Farma 100); Laryssa Galan; Raphael de Souza; 2/6- Antonia Cortez; Robson O.Silva; Ribeiro Leal; 3/6Aparecida da Silva; Renata B.Reis; Renato Lourenço; 4/6- Lucas Tellian Festa; KaiKe (Bisneto Tereza Ochiquiri); Marli Reis; Ana Cristina Piason; Nilza O. Pires; Julia S. D i a s ; Fá t im a L im a d os Santos; 5/6- Maria de Oliveira (Reacender); Vicentina B. Balduino(Reacender); Alice Clara Soares Frias); Antonia Heloisa Vieira; Jackeline Louise de Freitas; Alvina do Prado; Cleuza Gomes de Souza; 6/6- Essio Minozzi; Jaime Jose de Lima(Reacender); Marlene B. Abrunheiro(Reacender); Aparecida Piazon(Esposa Nézio); 7/6- Vilma Costa de Oliveira; Nelza Galrão; Patricia (Kaila’s); Milene de Souza; Ângela&Almeida (Nat de Casamento/5 Lagos Tintas); Paulo Serralvo; 8/6- Ana Santana da Silva (Reacender); Ana Machado Luz(Reacender); Maria Conceição dos Santos(Reacender); José Luiz de Camargo; Silva Santos;

Raphael de Souza, 1/6

‘SARAU EJA/ 2012”, hoje (1), a partir das 19 horas, no Centro Educacional (Av.Tab. Passarella).MINHA HISTORIA MINHA VIDA... Escolas Participantes: W.M. Marilha de Oliveira Pinto; E.M Mufarrege Salomão Chamma; E.M Prefeito Sarkis Tellian; E.N Tirsi Anna Gamberini. Vamos prestigiar os alunos e professores, eles merecem e muito.


15

Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

Esfriou?

Esquente as noites com sopas, caldos e cremes

A palavra sopa vem do inglês antigo sopp, que significa ‘colocar fatias de pão no prato e sobre elas derramar caldo quente’. A história da sopa perde-se no tempo e foi prato principal dos camponeses em todo o mundo. Na época do inverno, nas aldeias, a escassez de caça e colheita obrigava as pessoas a diluir o pouco alimento em água, com o objetivo de reparti-lo. Surgiu assim uma fonte de calor para alimentar e aquecer as pessoas. E dela derivaram os cremes (mais encorpados) e caldos (com diferentes ingredientes). E a sopa passou a ser o prato principal da refeição, por ser econômica e muito nutritiva. Mas não eram apenas os mais pobres que apreciavam essa iguaria. Mesmo entre a realeza e nobres eram consumidas. Os médicos, na Idade Média, prescreviam-nas antes dos remédios, reconhecendo suas virtudes terapêuticas. Recipientes de todos os tamanhos e formas testemunharam ao longo dos tempos o hábito saudável, de todos os povos, de preparar e tomar sopas. Por ser um prato fácil e acessível, de considerável valor nutritivo e energético, os caldos e as sopas foram a base da nutrição de, praticamente, todas as civilizações. Então mexa-se para combater o frio e prepare receitas deliciosas que sugerimos nesta edição.

Sopa de Goulash

Ingredientes: 1 carcaça de frango; 800g de músculo limpo e picado em cubos grandes (6 cm); 5 cebolas médias (picadas em cubinhos); 3 talos de salsão; 3 cenouras grandes; 3 litros de água; 160g de páprica picante; 50g de páprica doce; 4 colheres (sopa) de óleo de milho e sal. Modo de Preparo: Refogue metade das cebolas em duas colheres de óleo de milho. Coloque a carcaça de frango, o salsão, as cenouras, sal a gosto e

Caldo de camarão Ingredientes: 2 kg de camarão miúdo (você pode achar que é muito, mas não é, pois depois de cozido, reduz muito); 1 colher (sopa) de manteiga; 350g de peixe de água doce sem pele ou espinhas; 6 tomates bem maduros picados; 1 cebola grande picada; 4 dentes de alho espremidos; 3 colheres (sopa) de azeite de dendê ou azeite de oliva (use o que preferir); 3 pimentas-malaguetas no azeite ou qualquer outra pimenta ardida; 6 fatias de pão de fôrma; 1 litro de caldo de peixe ou 1 litro de água; 1 colher (sobremesa) de curry; 400 ml de leite de coco e 1 pote de requeijão cremoso. Modo de Preparo: Aqueça uma panela grande e junte o azeite de dendê. Refogue o alho e a cebola e, logo em seguida, junte os tomates, o peixe em cubos e metade dos camarões. Salpique sal, tempere com pimenta e o curry e tampe a panela. Cozinhe até o peixe ficar macio e o tomate desidratar e formar um caldo. Desligue o fogo, junte o caldo de peixe e bata esse refogado de camarões e peixe no liquidificador com as fatias de pão de forma. Reserve. Aqueça a mesma panela que você fez o refogado e junte uma colher de manteiga. Refogue o camarão nessa manteiga e só coloque o sal depois que o camarão estiver macio. Acrescente o caldo batido ao camarão, junte o leite de coco e o requeijão, acerte o sal e espere ferver e engrossar (o pão de forma faz o caldo engrossar). Sirva com torradas e coentro ou salsinha picados.

água o quanto baste. Cozinhe lentamente até o frango desmanchar - se necessário, acrescente mais água. Coe este caldo e reserve. Em uma panela de pressão, refogue a outra metade das cebolas com duas colheres de sopa de óleo de milho e acrescente o músculo. Refogue-o até dourar. Acrescente o caldo de frango, as pápricas (coloque aos poucos e vá provando para não ficar muito apimentado). Acerte o sal e coloque mais água para que ela cubra

e ultrapasse a carne em mais ou menos três dedos. Cozinhe em fogo baixo, na panela de pressão. Depois de mais ou menos meia hora, abra a panela e veja se o músculo está desmanchando com o garfo. Caso seja necessário, repita o processo, sempre cuidando para a água não secar. Coloque em uma vasilha e deixe esfriar completamente. O ideal é deixar para servir no dia seguinte. Retire o excesso de gordura e, só então, esquente e sirva.

FIM-DE-SEMANA MUSICAL Shows ao vivo SÁBADO paGode com 2 grupos

Sopa completa de mandioca Ingredientes: 1 colher (sopa) de óleo; 1 cebola picada; 250g de músculo em cubos pequenos; 500g de mandioca sem casca, cortada em pedaços pequenos; 1 cenoura grande em rodelas; 3 tabletes de caldo de coentro, cominho e louro; 3 xícaras (chá) de escarola picada e 2 colheres (sopa) de cebolinha verde picada. Modo de Preparo: em uma panela de pressão, aqueça o óleo e refogue a cebola. Junte os cubos de carne e refogue por cerca de 10 minutos. Acrescente a mandioca, a cenoura, 2 litros de água quente e os tabletes de caldo. Misture bem, tampe a panela e cozinhe por cerca de 30 minutos após pegar pressão ou até que a carne fique macia. Desligue o fogo, espere sair toda a pressão, abra a panela e bata metade da sopa no liquidificador. Volte a sopa batida à panela, junte a escarola e misture com a sopa restante. Aqueça por cerca de 5 minutos ou até ferver. Sirva polvilhada com a cebolinha.

DOMINGO pura malicia, e to na boa

www.tugasbar.com.br


16

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012


17

Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

CONSUMO

Um terço dos alimentos está contaminado por agrotóxicos EM DOSSIÊ lançado durante o Congresso Mundial de Nutrição, realizado na primeira quinzena deste mês no Rio de Janeiro, a Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) informou que um terço dos alimentos consumidos pelos brasileiros está contaminado por agrotóxicos e que o Brasil, pelo terceiro ano consecutivo, ocupa o primeiro lugar no ranking de consumo do produto. Só na última década o crescimento de agrotóxicos chegou perto de 200%, contra 90% no

restante do mundo. A contrapartida, positiva, é que cresce a consciência do brasileiro em relação aos produtos orgânicos, livres de agrotóxicos e pesticidas, que tem vendas a um ritmo de 40% ao ano. Em 2010 o setor movimentou R$ 500 milhões. Com a produção em alta, comprar orgânicos, que antes quase não se encontravam em mercados, ficou mais fácil. Além de ganhar cada vez mais espaço nas gôndolas, as opções vão

se diversificando porque mais pessoas colocam em prática o interesse em explorar esse segmento em alta. O consumidor do Estado de São Paulo é o que mais compra produtos orgânicos no Brasil, segundo dados da Abras (Associação Brasileira de Supermercados). De acordo com o levantamento, no ano passado a comercialização de orgânicos nos supermercados alcançou R$ 1,12 bilhão, crescimento de 8% em relação ao ano anterior.


18

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012


Mairiporã • SEXTA -feira 1 de JUNHO de 2012

19


20

Mairiporã • SEXTA-feira 1 de JUNHO de 2012

CAQUI FUYU kg

3,49

ABOBORA PAULISTA kg

1,39

ABACAXI UNIDADE

2,19

ABOBORA MORANGA kg

1,39

MACA GALA kg

2,49

ABOBORA JAPONESA kg

1,99

MARACUJA kg

3,89

ABOBRINHA ITALIA kg

2,79

PONKAN kg

1,29

BATATA kg

1,59

GOIABA VERMELHA kg

1,99

BATATA DOCE ROXA kg

1,69

MANGA TOMMY kg

2,29

BERINJELA kg

1,69

ABACATE kg

1,69

TOMATE kg

1,99

LARANJA PERA kg

0,99

CEBOLA kg

2,39

LARANJA PAC 3kg

2,79

CENOURA kg

1,99

LIMAO kg

0,99

CHUCHU kg

0,79

COCO kg

2,89

MANDIOCA kg

1,49

COCO VERDE UNIDADE

1,99

PEPINO COMUM kg

1,69

MAMAO FORMOSA kg

1,59

PIMENTAO VERDE kg

1,89

MAMAO PAPAYA unid

4,69

BETERRABA kg

1,49

PERA

5,49

MANDIOQUINHA kg

3,29

UVA ITALIA kg

4,99

PIMENTAO AMARELO kg

4,99

UVA RUBI kg

4,99

PIMENTAO VERMELHO kg 3,99

MACA FUJI kg

2,49

VAGEM kg

4,99

CARAMBOLA kg

1,89

QUIABO kg

3,69

COXAO DURO kg

13,90

FRANGO Kg

3,69

COXAO MOLE kg

14,90

COXA RESFRIADO Kg 3,89

LAGARTO kg

13,90

PEITO RESFRIADO Kg 4,59

PATINHO kg

14,90

ASA RESFRIADO Kg

5,89

CONTRA FILE Kg

17,90

BISTECA SUINA kg

7,49

ALCATRA Kg

17,90

PERNIL C/OSSO kg

6,49

ACEM Kg

9,90

SALSICHA OSATO kg

2,99

HAMBURGUER PERDIGAO 56g unid.

0,49

MAX CROC SEARA 275g

2,89

REQUEIJAO CAROLINA 200g

2,29

SORVETE FRIMONE 2l

7,89

BISC FESTIVA RECH 130g

0,69

BISC FESTIVA WAFFER

0,95

MIST BOLO BARRA SABORES 400g

1,98

MIST BOLO BARRA CHOC 400g

2,29

GELATINA BARRA 30g

0,69

MINGAU NUTRIBON SACHE 230g

2,69

BATATA PALHA YOKI 140g

2,89

RACAO PASTEL DOG 15kg

23,90

DET PO BRILHANTE 1k saco

4,49

426  

edição 426 do jornal correio juquery de mairiporã

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you