Correio de Sintra 184 82

Page 7

5 de agosto a 5 de setembro

Correio de Sintra

7

Especial Colares DR

Presidente da Junta de Freguesia de Colares

“Dou todos os dias o máximo” Com uma área de 3306,5 hectares e cerca de 10 mil habitantes, a freguesia de Colares é presidida por Pedro Filipe, que nasceu na aldeia de Janas, cresceu no Mucifal e vive em Almoçageme. “Sou um sintrense dos quatro costados”, diz o autarca, “franco, frontal e sem filtros”.

Colares faz parte da minha vida. É a minha bandeira. É a terra onde vivo e que me dá energia”, apresenta-se Pedro Filipe. “Não é fácil ser presidente de Junta, porque nem sempre é possível acudir a tudo o que é necessário”, diz o autarca, não escondendo a sua sensibilidade para “os problemas sociais. É de família”. “Este bichinho de ajudar o próximo foi herdada de meu pai, [José Pascoal Filipe, antigo, presidente de Junta de freguesia]. Estive sempre ligado às coletividades e em particular aos Bombeiros de Almoçageme”, onde desempenhou o cargo de diretor. “Sabe, quando a vida nos ajuda, temos que tentar fazer também um pouco pelos outros”.

“Juntos em rede”

Questionado sobre casos de infeção por

Covid-19 na freguesia, Pedro Filipe admite que “desde fevereiro tem sido uma prioridade de todos os dias no apoio às pessoas, sempre com a ajuda e colaboração da Câmara de Sintra”. O autarca destaca ainda “a sua equipa na freguesia, “sempre empenhada e disponível”, por quem nos pede ajuda”. Com alguma emoção contida, “sabe, temos essa obrigação e o lema tem sido ajudem-nos a ajudar e a verdade é temos tido a felicidade de contar com várias instituições e voluntários. Não tenho palavras para agradecer”, refere Pedro Filipe. “Fizemos algumas caixas solidárias, onde são depositados bens alimentares e tem funcionado”, acrescenta o autarca, destacando a “ajuda importante dos produtores de fruta e legumes”. Na freguesia de Colares são distribuídos todos os meses, cerca de 90 cabazes solidários, por famílias referenciadas pela autarquia, “algumas por causa do covid-19, sem possibilidade de trabalhar para fazer face às suas despesas”. O autarca destaca ainda o trabalho realizado pela Paróquia de Colares junto da comunidade, bem como o Exército da Salvação, “todos juntos a trabalhar em rede, que é muito gratificante”.

“Precisamos de um ‘ecocentro’ em Colares”

Na higiene e limpeza, o autarca destaca a deposição ilegal de ‘monos’, que acontece um pouco or toda a freguesia. “Temos o apoio da Câmara de Sintra e dos SMAS que disponibilizam uma carrinha e dois funcionários, para recolher esse tipo de resíduos, mas que não conseguem dar uma resposta plena e doradoura”, admite o autarca, lamentando que a freguesia seja “uma espécie de vazadouro de outras zonas”. “É curioso, mas ao longo do litoral, algures entre o Cabo da Roca e até à praia da Aguda e zona do Banzão, é um vazadouro”, concretiza Pedro Filipe Por outro lado, “não temos onde depositar os resíduos verdes! Temos três contentores dos SMAS na ETAR e no alto da Praia Grande, quatro, dois para monos e dois para verdes. Ainda assim, não chegam. Precisamos de um ecocentro em Colares, que resolvia os problemas de entulho, monos, verdes, mesmo que isso tenha um custo simbólico”, adianta Pedro Filipe, considerando que “é uma vergonha aquilo que está a acontecer no alto da

Praia Grande, na Azóia, no Penedo e nas Azenhas do Mar”. “As pessoas vão ao pinhal e descarregam todo o tipo de resíduos. Isto não nos dá nenhuma qualidade de vida”, refere indignado. “Os SMAS de Sintra têm feito ações de fiscalização e de sensibilização, mas infelizmente sem resultado”, desabafa. A construção de um parque de estacionamento, na Rua da Abrela, em Colares, no âmbito da Empreitada de Reabilitação de Pavimentos e Sistemas de Drenagem naquela freguesia, “é uma excelente notícia. O largo da Igreja [Matriz] é muito limitado em termos de estacionamento automóvel e está muito saturado”, admite Pedro Filipe, não escondendo a sua “satisfação” pelo inicio de uma obra “importante para Colares”, representando um investimento da autarquia na ordem dos 204 mil, com capacidade para 113 lugares de estacionamento.  JORGE TAVARES

PUB

PUB

Jing Qi Medicina Tradicional Chinesa PROMOÇÃO de Agosto na marcação da 1ª consulta,

desconto

50%

na segunda

ACUPUNTURA MASSAGEM VENTOSAS MOXABUSTÃO FITOTERAPIA DIETÉTICA QIGONG

Marcações: 917217873 JingQi.mtc@gmail.com Rua da Eira nº4 | 2705-867 Terrugem SINTRA


Millions discover their favorite reads on issuu every month.

Give your content the digital home it deserves. Get it to any device in seconds.