Issuu on Google+

A2 CIDADE

Itapetininga, 13 a 19 de julho de 2012

CHARGE

CLIPES DO BRASIL Reprodução/Internet

LUIZ SAITI luizsaitik@gmail.com

Demóstenes se despede de Senado dizendo: "Bola pra frente"

O ex-senador Demóstenes Torres (ex-DEM/ sem partido-GO) despediu-se no início da tarde dessa quinta-feira, 11, da usa equipe de funcionários da Casa, momentos depois de ter sido cassado pelo plenário do Senado por usar o mandato para defender os interesses do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. Ele chamou alguns de seus funcionários do gabinete de Brasília e do escritório de Goiânia para conversar na sua sala. Embora não tenha chorado ele se despediu dizendo: “Bola para frente, a luta continua.” Demóstenes foi cassado na quarta-feira, 11, com 56 votos a favor, 19 contra e cinco abstenções.

ONU diz que leis barram combate à aids

Lavagem de dinheiro ganha lei mais dura

Inadimplência do consumidor cresce 19,1%

As Organizações das Nações Unidas (ONU) divulgou um relatório onde afirma que as leis que criminalizam a transmissão, mesmo involuntária, do vírus HIV, que proíbem a homossexualidade, a prostituição estão dificultando a até mesmo impedindo os avanços no controle da epidemia de aids no mundo. Esse relatório foi lançado na terça-feira, 10, em Nova York, mostram que metade do mundo, incluindo o Brasil, tem leis que ou são direcionadas aos portadores da doença ou podem ser usadas para discriminar, controlar e até mesmo dificultar o tratamento da doença.

A presidente Dilma Rousseff sancionou, sem vetos, a lei que endurece os crimes de lavagem de dinheiro. A proposta, aprovada pelo Senado no começo de junho, permite enquadrar como lavagem qualquer recurso com origem oculta ou ilícita. A nova lei deve ser publicada na edição desta terça-feira, 10, do Diário Oficial da União, de acordo com informações do Twitter do Palácio do Planalto. A legislação em vigor até o momento, de 1998, permitia apenas que recursos com origem no tráfico de armas e drogas, crimes contra a administração pública ou terrorismo fossem enquadrados como lavagem de dinheiro.

A inadimplência do consumidor cresceu 19,1% no primeiro semestre deste ano em comparação com igual período do ano passado. As informações foram divulgadas nesta quarta-feira, dia 11, pela Serasa Experian. De acordo com os economistas da entidade, a renda do consumidor está comprometida, principalmente com débitos mais caros - cheque especial, crédito rotativo do cartão de crédito, além de dívidas contraídas para a compra de imóveis e veículos. O levantamento mostra ainda que em média cada inadimplente carrega quatro dívidas não honradas e 60% dos inadimplentes têm dívidas superiores a 100% de sua renda. Agência Estado.

Brasil faz teste para câncer independente

Vendas do varejo caem 0,8%, afirma IBGE

Dom Eugenio Sales morre aos 91 anos

O Instituto Nacional do Câncer (Inca) realizou, juntamente com outros oitos centros de pesquisas, o primeiro teste clínico oncológico de fase 3 sem coordenação da indústria. O trabalho é considerado pelos autores um marco na avaliação independente de terapias para câncer no País. Os cientistas queriam descobrir se a administração de dois medicamentos poderia aumentar a expectativa de vida de pacientes com uma forma de câncer. O trabalho, divulgado no último congresso da Sociedade Americana de Oncologia Clínica, mostrou que o remédio aumenta a expectativa de vida em três meses.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou nessa quarta-feira, 11, que as vendas do comércio varejista caíram 0,8% em maio ante abril, na série com ajuste sazonal, quando os efeitos de determinadas épocas do ano são levados em conta. Segundo o instituto trata-se do maior recuo registrado desde novembro de 2008, quando a taxa caiu 1,3%. Em comparação com maio as vendas no varejo tiveram alta de 8,2% no mesmo mês deste ano. Quanto ao varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas caíram 0,7% em maio ante abril.

Morreu na segunda-feira, 9, aos 91 anos, o cardeal Dom Eugenio Sales, arcebispo emérito da Arquidiocese do Rio de Janeiro. Segundo a Arquidiocese, o mais antigo cardeal da Igreja Católica morreu por causas naturais. Ele foi um dos criadores da Campanha da Fraternidade e teve seu nome cogitado entre os candidatos a Papa, depois da morte de João Paulo I. O religioso ficou conhecido por assumir a defesa de refugiados políticos dos regimes militares do Brasil e dos países vizinhos entre 1976 e 1982. O corpo do cardeal foi enterrado em uma cripta no chão da catedral metropolitana do Rio de Janeiro.

Uso excessivo de remédio prejudica aprendizado A Comissão de Direitos Humanos discutiu nesta última quarta, 11, o uso excessivo de remédios por crianças e adolescentes com dificuldades de aprendizado ou de comportamento na escola. A reunião marcou o início da campanha Não à Medicalização da Vida, encabeçada pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP) e pelo Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade. Foram apresentados dados à comissão que, em 2000, eram consumidas 70 mil caixas de medicamentos para o tratamento de distúrbios relacionados à aprendizagem. Em 2010, o número cresceu para 2 milhões, o que faz do Brasil o segundo maior consumidor desse tipo de remédio, apenas atrás dos Estados Unidos.

FOTO DA SEMANA Mike Adas

A torcida do Palmeiras comemorou o título da Copa do Brasil na Virgílio. Até o mascote do clube apareceu na festa.

CORREIO POLÍTICO Recesso Os vereadores de I tapetininga entraram em recesso. No mês de julho, é o período de férias dos parlamentares. Os parlamentares só retornam em agosto. Mas podem ocorrer sessões ex traordinárias convocadas para votar matérias urgentes, como aconteceu em janeiro em que projetos importantes foram votados, aprovados em tempo recorde.

Vestibular A concorrência para conquistar uma vaga de vereador será grande. Aumentou em 46% o número de candidatos que pleiteiam uma cadeira no Legislativo. Serão 196 nomes para 19 vagas. Ou seja, 10 para um. Semelhante aos concorridos vestibulares. A diferença é que o vereador ganhará salário de R$ 4,2 mil, direito a contratar assessor, telefone, computador e diárias.

Vitor Oliveira Vitor Oliveira, do PSOL, quer desburocratizar a abertura de empresas. Segundo o candidato do PSOL, é necessário conhecer a carência das empresas para qualificar a mão de obra. Ele reclamou que não basta trazer novos cursos, mas atender as empresas. Disse que as pequenas empresas enfrentam problemas estruturais que impedem o seu crescimento.

Saiu do ar Quem entrar no site da C â m a r a e d a Pre fe i t u r a irá perceber que as veiculações de noticias foram suspensas. No caso da prefeitura, uma nota informa que devido à lei eleitoral, “as noticias da prefeitura estarão desabilitadas até o final do período eleitoral”. No site da Câmara, foram suspensos os posts nas redes sociais do facebook, twitter e na TV Câmara.

Ercio O candidato Ercio Giriboni avalia que os setores da agroindústria e moveleiro são as vocações naturais de Itapetininga. “Mas é necessário diversificar. Tem que melhorar o salário dos trabalhadores. Não dá para uma família viver com um salário de R$ 600 ou R$ 700”, afirma. Ele quer um campus de universidade pública em Itapetininga para viabilizar o desenvolvimento da cidade.

Di Fiori O candidato Luis Di Fiori não apresentou ao jornal o programa de governo de política industrial da cidade. Ele afirmou que irá concluir o projeto para a cidade nesta área até o final do mês. Di Fiori, que já concorreu às eleições de 2008, enviou a proposta registrada na Justiça Eleitoral, em que consta, entre outras medidas, a instalação de um condomínio industrial.

Não concorre O candidato do PT do B, João Vianney, não irá concorrer ao cargo de prefeito de Itapetininga. Ele avisou que deixou a disputa por razões particulares. Vianney foi secretário de Administração e chefe de Gabinete no governo Barbará. Ele disse que não deixou a disputa para apoiar outro candidato e que não fará campanha abertamente para nenhum dos demais.

Mário Carneiro O candidato do PTB, Mário Carneiro, visitou o jornal na quarta-feira, ao lado do candidato a vice, Marcos Nanini (PMDB). Ele apontou suas prioridades de governo: investimento na área de saúde. Carneiro quer a criação de três novos unidades de pronto atendimento na cidade para desafogar o centro. O médico quer continuar o trabalho do prefeito Ramalho, mas melhorar o que está errado.

Impugnações Na semana passada, os partidos correram para apresentar os nomes, documentação e papelada para garantir o registro de candidatura. Agora, os partidos já se preparam para as tentativas de impugnações dos adversários junto à justiça eleitoral e à promotoria. No site do TSE, as candidaturas ainda não foram habilitadas, o que deve ocorrer só na próxima semana.

ARTIGO

PEDRO NOVAES pedroinovaes@uol.com.br O autor é engenheiro agrônomo e advogado

Obra Incompleta

A cassação do mandato de Demóstenes Torres não depurou o Senado nem reabilitou a instituição, junto à opinião pública. A rigor, o mandato do ex-senador acabou quando da descoberta de sua proximidade com Carlinhos Cachoeira, oportunidade em que deixou de frequentar o plenário e comissões da Casa. De paladino da moralidade e parlamentar atuante, que contribuiu para o aperfeiçoamento de leis e assumiu posturas que emparedavam o Executivo, passou a figurante de matérias sensacionalistas e objeto de linchamento público. O triste fim de seu mandato não pode, por injusto, apagar os relevantes serviços que prestou ao país, na fase pré-Cachoeira. Seu maior crime foi gerar, nos que admirávamos sua atuação, a incômoda sensação de orfandade. A punição, contudo, terá sido mero espetáculo de ilusionismo, se não houver contribuido para o enfraquecimento da corrupção e a instauração do decôro parlamentar. A população espera por exemplos e fatos novos, e não será uma vítima isolada que saciará sua sêde. Carlinhos Cachoeira poderia demonstrar sua inconformidade com a cassação de Demóstenes, revelando ao país as

pessoas e órgãos públicos envolvidos na construção de seu império. O cidadão, que documentava encontros e diálogos, tem a oportunidade de livrar-nos da secular praga da safadeza nacional. O Senado Federal, que pouco ou nada fiscaliza, não pode persistir omisso e escandalizar-se, quando escândalos vêm à tona. Escândalos, no Brasil, jamais foram raros. Nomeações e direcionamentos de verbas não podem orientar o voto e postura de qualquer parlamentar, falta conjunta de decôro, de quem nomeia e de quem indica. É falta de decôro a constituição de maiorias fisiológicas. A falta de decôro dos que colaboram para a impopularidade do Legislativo, tido nas esquinas como mercador da governabilidade, deve ser apurada, e não faltam manchetes e relatos da mídia que possam subsidiar os Conselhos de Ética. Em todos os escândalos, as prisões devem abrigar corruptores e corrompidos, pois sem um o outro nada consegue. Se não há corrompidos, devemos livrar os tidos como corruptores. Demóstenes acabou cassado. Se nada mais acontecer, teremos a estranha sensação de que um juiz embriagado condenou um réu por embriaguez.

O JORNAL DA NOSSA TERRA Editor e Diretor : Jorge A. C.Carvalho Jornalista responsável e Chefe de Redação: Orestes Carossi Filho Redação : Orestes Carossi Filho e Everton Dias e Sthefany Lara Colaboradores: Alberto Isaac; Benedito Madaleno Mendes, Ivan Barsanti Silveira, Pedro Israel Novaes

pag 2 e 3.indd 2

Arte e Diagramação Leandro Henrique de Paula Repórter fotográfico Mike Adas Ilustrações: Luiz Saiti

Os artigos e cartas assinadas não correspondem necessariamente à opinião do Jornal.

Telefones: (15) 3271-9181 e (15) 3271-1235 Contato pelo e-mail: jornal@correiodeitapetininga.com.br Redação: R: João Evangelista, 851 Financeiro e Recepção: Rosana Lemes Hoshino

Circulação: Itapetininga, São Miguel Arcanjo, Alambari, Sarapuí, Guareí e Angatuba.

Preço em banca: R$ 2,10.

16/07/2012 14:08:23


CIDADE A3 CORREIO DO LEITOR

Itapetininga, 13 a 19 de julho de 2012

CIDADE

As cartas devem ter nome completo, endereço e telefone para contato. A redação reserva-se no direito de selecioná-las e resumi-las conforme o espaço disponível. Envie sua colaboração para o Correio de Itapetininga.

CENTENÁRIO

> Por carta: R. João Evangelista, nº 851 - Centro - CEP 18.200-055 > Por fax: (15) 3271 9181 > Por e-mail: jornal@correiodeitapetininga.com.br

Asilo São Vicente de Paulo completa 100 anos com festa Paracomemorar,afestatemotema “100anossepassaram,masaindaeupossoajudar” Mike Adas

Redação A 60ª edição da Festa da Caridade do Lar São Vicente de Paulo de Itapetininga segue até domingo, dia 16. De acordo com a gerente da entidade, Cileni Araújo Pereira, a expectativa é que a festa reúna mais de mil pessoas durante o final de semana. “Um dos nossos objetivos é resgatar aquela tradicional festividade do asilo que sempre envolveu as famílias”, afirma. Para comemorar o centenário, a festa tem o tema “100 anos se passaram, mas ainda eu posso ajudar”. A entidade foi fundada no dia 4 de agosto de 1912 pelos Vicentinos. Até o ano de 1995, funcionava na rua São Vicente de Paulo, no Centro. “O lar foi criado para cuidar dos idosos da cidade, mas antigamente também recebia crianças abandonadas. As madres eram responsáveis pelos cuidados dos idosos na época”, conta a gerente. De acordo com ela, além de comemorar o centenário, a festa também tem objetivo de arrecadar fundos para a entidade. Além do ambiente familiar proposto pelos festeiros, o evento deste ano também propõe uma maior programação religiosa. Todos os dias da festa haverá

Ivelize Bertiotto, 85 anos, que vive no local há dois anos, conta que gosta de viver no lar e que não perde as missas durante a festa missa e participação de comunidades de Itapetininga. A realização das festividades já desperta a ansiedade dos idosos. Muitos deles acabam esquecendo a falta da casa e de um ambiente familiar. É o caso de Ivelize Bertiotto, 85 anos, que vive no local há dois anos. “Eu gosto muito da festa e não perco uma missa, sou a primeira a chegar. Eu amo esse lugar”, diz. Hoje, o lar abriga cerca de 85 idosos. Muitas famílias, não suportando ter de cuidar

do idoso, acabam procurando um asilo que o acolha, até mesmo contra a vontade do pai ou mãe. Atualmente Catarina Alves é a mais antiga a residir no Lar. No mês de abril, ela completou 100 anos de idade. A festa O evento é considerado um dos mais tradicionais de Itapetininga. A festa visa reunir recursos destinados à conservação das instalações físicas do Asilo e também ajuda na sensibi-

lização da sociedade para os problemas dos idosos, principalmente daqueles abrigados por essa instituição. Os festeiros respondem pela organização do evento, que contam com voluntários que assumem responsabilidades como a preparação das barracas de alimentos, bebidas e serviços e funções administrativas, como a elaboração de convites e visitas a autoridades e empresas que colaboram com a causa.

Reportagem Teatral Retificação Saiu truncada a publicação da semana passada sobre o depoimento que dei a respeito das atividades teatrais de meu pai, Humberto Pellegrini. Na realidade, o galã, personagem da peça “A Ditadora”, foi o nosso inesquecível Almir Ribeiro. Olga Pellegrini Celebração de Nove de Julho Policiais militares do Regimento de Polícia Montada 9 de julho (Cavalaria) participaram de uma confraternização para celebrar os 80 anos da Revolução Constitucionalista de 1932. Na época, o chamado Regimento de Cavalaria da Força Pública esteve presente desde o primeiro dia na luta. Durante a batalha, o Regimento encaminhou homens para Itararé, Faxina, Burí, Rio Paranapitanga, Capela de Santo Antônio, Guapiana, Cândidos, Capão Bonito, Rio das Almas, Rio Paranapanema, Gramadinho e Itapetininga. Em novembro de 1955, o então governador Jânio Quadros mudou o nome da unidade para Regimento “9 de Julho”, por sua participação ativa na revolução. “Muito mais que o nome do regimento, o dia 9 de julho é uma data para ser celebrada não só em São Paulo, mas em todo o país, já que foi por meio dessa luta que o Brasil ganhou uma nova constituição. A Cavalaria do Estado de São Paulo foi fundada em 1831, quando 30 homens foram designados para a composição da unidade. Atualmente, o Regimento de Polícia Montada “9 de Julho” é o 4º Batalhão do Comando de Policiamento de Choque e atua em todo o Estado. Tenente Syllas Lima

Dom Eugenio Salles Dom Eugenio Salles cumpriu sua missão com coerência, mantendo-se firme na fé, na fidelidade à Igreja e ao papa, e aos princípios e valores cristãos, como um autêntico sacerdote, que dignificou a Igreja no Brasil. Foi um baluarte da fé, e não se deixou levar pelos modismos e ideologias do seu tempo, muitas delas sedutoras, que contaminou a tantos e desviou a muitos. Seu nome está seguramente entre os melhores prelados da história brasileira, e merece toda a nossa homenagem. Um homem de envergadura moral, de paciência, de disciplina, de amor à vida, de entrega aos deveres, de alegria, de humanidade. No Rio de Janeiro, todos os respeitavam, principalmente a população mais pobre, a quem sabia que ele era uma pessoa de bem, e para chegar até o alto do Sumaré, no Rio, muitas vezes tendo que passar por favelas, muitos somente dizia: "vou lá em cima falar com o padre ou com o bispo" e pronto, já deixavam passar em sossego, sem problema algum, porque sabiam que iam falar com Dom Eugênio, verdadeiro protetor dos pobres. Não tinha pensamento ambíguo, nem procurava falar apenas para agradar. Foi à voz do papa no Brasil, e não temeu ser tachado de conservador ou tridentino, etc. Viveu o que de melhor ficou do Concílio Vaticano II, tanto que foi um dos criadores das CEBS no Brasil, antes, é claro, de elas serem instrumentalizadas pela teologia da libertação. Era um homem afável e de diálogo, sereno, sem hostilizações gratuitas. Tinha um profundo amor a Jesus Cristo, à causa da Igreja, e queria o bem de todos. Por tudo isso, sua morte nos entristece, mas também nos conforta saber que está junto a Deus agora intercedendo por nós. Valmor Bolan

SP convoca população a doar sangue nas férias Redação A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo convoca a população paulista para que inclua em sua programação de férias um ato que pode salvar vidas: doar sangue. O objetivo é retomar os estoques nos hospitais que, no período de férias, tende a cair até 30%. O posto de coleta de Itapetininga fica no Hospital Regional, na rua Padre Albuquerque, 245. Trata-se de um índice extremamente crítico no que diz respeito aos padrões de regularidade da manutenção dos estoques da Fundação Pró-Sangue, órgão vinculado à Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, responsável pelo abastecimento de 128 hospitais da rede pública da Região Metropolitana. Em média, os hemocentros do Estado costumam coletar 75 mil bolsas por mês, porém, devido ao inverno, a procura de doadores pelos bancos de sangue costuma cair. Outro agravante para a baixa nos estoques são as

férias de julho. “Por estarem, em alguns casos, longe de casa, as pessoas esquecem que não precisam procurar um hospital na região de seu domicílio, mas podem fazer a doação em qualquer município do Estado”, destaca Osvaldo Donini, coordenador da Hemorrede. É importante lembrar, ainda, que os sangues RH negativo são os mais raros e por isso os que mais precisam de doadores, principalmente nesta época. O Estado de São Paulo tem cerca de 100 postos de coleta de sangue, sendo 40 deles na Capital. Para doar basta estar em boas condições de saúde, alimentado, ter entre 16 e 65 anos, pesar mais de 50 kg e levar documento de identidade original com foto. É recomendável evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e não ter ingerido bebidas alcoólicas 12 horas antes. Se a pessoa estiver com gripe ou resfriada, não deve doar temporariamente. Mesmo que tenha se recuperado, deve aguardar uma semana para que esteja novamente apto à doação.

ENQUETE Você acha que as eleições de 2012 serão tensas?

Vote e comente em nosso site:

- SIM - NÃO

www.correiodeitapetininga.com.br

Opinião de leitores NAO

NÃO Arquivo Pessoal

Arquivo Pessoal

Acontece Jovem Aprendiz tem inscrições abertas

São Judas realiza festa junina neste dia 14

APAE realiza bazar da Pechincha neste sábado

Senac abre inscrições para cursos de Web

Estão abertas as vagas para jovem de 16 a 22 anos interessados em trabalha como aprendiz como auxiliar de produção e auxiliar de supermercado. Os interessados devem levar seus currículos na sede da Guarda Mirim que fica localizada a rua Silva Jardim, 99, Centro. Outras informações pelo telefone 3271-3365 ou pelo site institutoguardamirimitape.com.br

A igreja de São Judas Tadeu realiza no sábado, dia 14, à partir das 19h30 sua festa junina, no barracão da igreja. O evento terá bingo, brincadeiras, tradicional quadrilha com o grupo de jovens, concurso de melhor traje caipira, barracas com doces, salgados e bebidas típicas. A igreja de São Judas Tadeu fica localizada no bairro do Monte Santo.

A APAE- Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Itapetininga, realiza no sábado, 14, entre as 13h às 15h, o bazar da pechincha em prol da instituição. Com produtos vendidos a preços populares as pessoas podem adquirir as peças no bazar que acontecerá na própria APAE que fica localizada a a rua Evilásio Massaine Pires, 1220, vila Paulo Aires.

Estão aber tas no Senac Itapetininga as inscrições para os cursos de Programador Web e Operador de Computador. O curso de Operador de Computador tem início no dia 23 de julho. As aulas do curso de Programador Web têm início no dia 6 de agosto, O u t r a s i n fo r m a çõ e s n a sede do Senac em Itapetininga ou pelo telefone (15) 3511-1200.

pag 2 e 3.indd 3

Renan Adriano Em minha opinião apenas um candidato está apto a governar a cidade, por isso acho que as eleições serão calmas.

Erick Lagner Acho que não. Um candidato já disputou e nós o conhecemos. Os outros ainda são novatos. Isso alavancará a disputa.

Você acha que as eleições de 2012 serão tensas? SIM: 96% NÃO: 4%

16/07/2012 14:08:28


Cidade