Issuu on Google+

1

Quinta-feira | Cachoeirinha, 1º de dezembro de 2016 - ANO IV | EDIÇÃO 959 DIÁRIO

Habitação

Cyrela Landscape Seminário chega na região 8 Suspeito de violência doméstica preso pela 4ª vez em Gravataí 3

Foragido é preso na Granja Esperança

Jovens são quase metade das vítimas de acidentes com motos

3

8

Divulgação

Fórum discute Bem-estar animal

Evento reuniu órgãos públicos e sociedade civil organizada

3


22

QUINTA-feIrA, 1º de dezembro de 2016 | variedades QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | VARIEDADES

ARTIGO

Prisões sobem de hierarquia Até nas prisões de ex-governadores o Rio de Janeiro se tornou pioneiro. Na semana passada, dois cariocas foram presos: Sérgio Cabral, pela Operação Lava-Jato e Anthony Garotinho sob a acusação de compra de voto. Antes, ninguém do andar de cima era alcançado pelas leis ou pela justiça. O mensalão foi um divisor de águas entre a impunidade reinante e a punição de gente graúda. Até os ministros do Supremo Tribunal Federal demonstravam perplexidade. Num passado não muito distante, vez ou outra era condenado um prefeito ou um vereador de cidadezinhas nos brejões do Brasil. Tudo acabava em cestas básicas.. A Lava-Jato, a assombração de Brasília, fez o brasileiro acostumar-se com a prisão de gente grande. Além de fazer escola junto aos demais juízes de primeira instância. Os tribunais superiores só demonstraram ciumeira. Já que não mudaram por iniciativa própria, deveriam ter aprendido a lição. Mas, vale mais o orgulho de seus ministros e o argumento de dizer apenas que não têm processo demais, não têm perfil para esse ou aquele julgamento. Além de coroarem com o argumento de que a demora eterna resulta em julgamentos perfeitos. Nesse episódio das prisões dos peixes grandes, ficou estranha a coincidência entre a prisão de Garotinho e uma gravação de voz atribuída a ele no Fantástico, em que se mostra satisfeito por seu processo ter

ido para uma relatora do Tribunal Superior Eleitoral. Quando a gravação foi ao ar, ela já havia determinado a transferência de Anthony Garotinho para um hospital particular – seria um castigo demasiado ele ser tratado numa daquelas pocilgas que deixou para a população quando era governador – e ganhou prisão domiciliar. Como o caso ficou mal com essa coincidência entre gravações do beneficiado e o resultado que ele pretendia, o plenário do TSE deveria agilizar o julgamento dessa liminar ou do mérito. Da mesma forma, deveria ter agido o Supremo Tribunal Federal, com relação ao fatiamento do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. Preocupa, apenas, o movimento dos revanchistas, certos de que, a partir de agora, quem aprontou pode pagar. Nós, sociedade, tínhamos que botar o bloco nas ruas, como em 2013, para evitar que esses assombrados aprovem leis engessadoras para ficarem livres de possíveis acertos com a Justiça. Aqueles do andar de cima que coloquem as barbas de molho. Assim, se ex-governadores, ministros, senadores já saem como cordeirinhos, daria mais força à mais eficiente Polícia Federal do mundo. PS: Quanto mais o governo se explica sobre o caso Geddel Vieira mais se complica. O presidente precisa entender que: ruim sem ele, pior com ele.

A Lava-Jato fez o brasileiro acostumar-se com a prisão de gente grande. Além de fazer escola junto aos demais juízes de primeira instância.

Pedro Cardoso da Costa

Bacharel em direito

NAS REDES STF decide que aborto nos três primeiros meses de gravidez não é crime Não quer ter um filho? Existe camisinha, pílula, diafragma, espermicida e etc. Não é um objeto que existe no ventre, é uma vida. #AbortoNÃO

#AbortoNão? Ele já acontece vocês querendo ou não, a questão aqui é dar condições mais humanas para aquelAs que escolhem abortar. ABORTO SIM!

Ingriđe @CruzIngride

Conexão Cristão @conexaocristao

Ser contra o aborto não é uma questão religiosa, é ter senso de humanidade, dignidade humana e empatia. É pensar no próximo. #AbortoNão

Eduardo de Maria @_eduardosouza95

Tanto se fala em "não imponha suas regras aos outros" mas aborto é sim, impor sua regra à outro. A alguém que ainda não tem voz. #AbortoNão Falar em #abortonão sem pensar em como aquelas crianças vão viver, é um ato de egoismo.Entre ser maltratado e evitar todo trauma, #abortosim

Angel lica @qissoangel

Guilherme @guilhermehol

PREVISÃO DO TEMPO

Fonte: Climatempo

RADAR Em um dia que diversos jogadores, clubes, federações e entidades manifestaram apoio à Chapecoense, por causa do grave acidente aéreo na Colômbia, até o Papa Francisco resolveu fazer o mesmo. A mensagem do Papa foi anunciada pelo bispo colombiano de Sansón Rionegro, Fidel León Cadavid: "o santo Padre, profundamente triste ao saber da dolorosa notícia do grave acidente aéreo que ocasionou inúmeras vítimas, eleva orações pelo eterno descanso dos falecidos. Do mesmo modo, roga a vossa excelência que transmita o sentido pêsame de Sua Santidade aos familiares e a quantos choram tão sensível perda, junto com expressões de afeto, solidariedade e consolo aos feridos e atingidos pelo trágico ocorrido". O canal digital do Vaticano publicou uma foto que viralizou nas redes sociais, com o escudo da Chapecoense em preto e branco e a mensagem de "Força Chape".


QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | CIDADE

3

Fórum discute Bem-estar animal Naldo Lima

Evento reuniu órgãos públicos e sociedade civil organizada A Câmara de Vereadores foi cenário nesta quarta-feira (23) da segunda edição do Fórum de Políticas Públicas de Bem-Estar Animal realizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA). Com objetivo de propor uma reflexão sobre a causa animal, especialmente no equilíbrio das interações com o homem, na questão do controle populacional e da defesa e proteção animal o evento contou com cinco painéis, dois pela manhã e três à tarde. Na abertura do evento a diretora do setor de Bem-Estar Animal Deise Cristina dos Santos e o médico veterinário da SMMA Evandro Pezzini França destacaram a importância do evento e agradeceram a presença de todos. Já, o vereador Gelson Braga salientou que o tema era extremamente importante, pois tem ligação direta com a questão da saúde pública e o meio ambiente. “Ainda não há conscientização. Esperamos que isso aconteça e possamos ampliar cada vez mais essa discussão”. Representando o deputado estadual Miki Breier o então já, anunciado secretário de Governança de Cachoeirinha Juliano Paz confirmou que o tema estará na agenda do governo que inicia no próximo dia 2 de janeiro de 2017. “É importante discutirmos políticas públicas de proteção animal. Buscarmos soluções. Ter esse olhar coletivo da participação efetiva da sociedade e aproveitar todas essas experiências. Buscar o que já foi feito e como, ainda podemos avançar na questão de proteção animal”, avaliou. O secretário de Meio Ambiente David Cafruni ressaltou que os valores investidos na Política de Bem-Estar animal e que no mês de dezembro será divulgado um relatório com as ações da Secretaria. “Esperamos

que a defesa dessas bandeiras tenham continuidade no próximo governo e também, vamos seguir buscando o estreitamento dessas políticas com a sociedade civil organizada. É necessário o acompanhamento e principalmente, a divisão das responsabilidades”, estimou. Após os presentes aplaudiram a peça teatral O cão amiguinho. Em seguida a programação teve prosseguimento com o Painel: Programa de Redução Gradativa do Número de Veículos de Tração Animal com os servidores da EPTC Porto Alegre e agentes de fiscalização de veículos de tração animal Tiago Silva de Oliveira e Toni Wiliam Paiva de Campos. O Painel Acumuladores X Protetores e Interação Homem X Animal com as doutoras Tatiana Irigaray e Karina Shutz encerraram as atividades da manhã.

O início da tarde marcou a retomada do debate com o Painel Controle populacional de animais em cidades com a médica veterinária Carla Forte Molento. O segundo painel da tarde trouxe a experiência da cidade de Rio Grande com a explanação da coordenadora de Defesa Animal da cidade, Maria de Fátima Maier. O Painel: Desafios das Políticas Públicas de Defesa Animal em tempos de Crise Econômica: como gerir esta causa? Encerrou os trabalhos e contou com a participação dos seguintes painelistas: deputada estadual Regina Becker Fortunatti; vereador eleito por Cachoeirinha e ex-secretário da SMMA, Luiz Fernando Medeiros e do servidor público da cidade de Canoas com participação voluntária na causa animal há mais de 20 anos Alexandre Zeckir.

PF combate fraude em financiamento Foragido é preso na Granja Esperança de veículos contra bancos no RS Prejuízos inicialmente constatados são estimados em mais de R$ 3 milhões A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira, a Operação Fides, que investiga esquema de gestão fraudulenta e operações irregulares em instituições financeiras para concessão de financiamento de veículos. Policiais federais cumprem oito mandados de condução coercitiva e dez de busca e apreensão em Porto Alegre (5), Cachoeirinha (1), Gravataí (1) e Alvorada (3), além do bloqueio de valores em conta corrente e apreensão de veículos. As fraudes são detectadas contra a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil e apontaram envolvimento de funcionários das instituições financeiras em um sistema de superavaliação de veículos para concessão de financiamentos. Contadores e técnicos em contabilidade participavam com a elaboração de documentos falsos para a comprovação de renda dos clientes. A diferença entre o valor do bem financiado e o seu preço de mercado ficavam com os fraudadores. Duas lojas de veículos, uma em Porto Alegre e uma em Alvorada, partici-

pavam do esquema criminoso. Um dos investigados é ex-funcionário do Banco do Brasil (demitido em razão da fraude) e pastor. O religioso cooptava fiéis para participarem da fraude e teria movimentado dinheiro das revendas de veículos para contas da igreja, que seria utilizada para a lavagem de dinheiro. Muitos clientes fizeram uso também de outras vantagens alcançadas com os documentos falsos, como empréstimos pessoais, cartões de crédito e cheque especial. São investigados os crimes de

gestão fraudulenta de instituição financeira, obtenção de financiamento mediante fraude, formação de quadrilha, estelionato contra entidade de direito público, falsidade ideológica, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Os prejuízos inicialmente constatados são estimados em mais de R$ 3 milhões. As investigações tiveram o apoio da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil. O nome da Operação Fides, do latim “confiança, crença, promessa, juramento”, dá origem a palavra “fé”.

Um procurado pela justiça foi preso nesta quarta-feira (30) em Cachoeirinha. O homem de 37 anos foi encontrado durante um patrulhamento pela Rua Nélida Passos Dias, no Bairro Granja Esperança. O indivíduo possui antecedentes policiais por lesão corporal, vias de fato, dano, ameaça e por dirigir sem habilitação. Ao verificar a situação penal do indivíduo, via sala de Operações, os policiais da Brigada Militar de Cachoeirinha constataram que existia em seu nome um mandado de prisão expedido pela 1ª vara de Execuções Criminais da comarca de Porto Alegre. Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao indivíduo e feito o encaminhamento a DPPA de Gravataí para registro da ocorrência.

Suspeito de violência doméstica é preso pela 4ª vez em Gravataí Nesta quarta-feira (30), policiais da Delegacia Especializado no Atendimento à Mulher (DEAM) de Gravatai prenderam preventivamente um indivíduo de 26 anos por violência doméstica. Esta já é a quarta vez que o homem é autuado. Segundo a delegada Marina Dillenburg, o preso descumpre as medidas protetivas de urgência impostas pelo Poder Judiciário. A vítima dos crimes é avó do indivíduo de 80 anos. Após o cumprimento dos procedimentos legais, o homem será encaminhado ao sistema prisional.


4

QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | GERAL

Giro Político

“Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, por sua origem ou ainda por sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender, e se elas podem aprender a odiar, também podem ser ensinadas a amar”. Nelson Mandela

O que somos, para onde iremos? O que vimos e sentimos na manhã de terça-feira, com a fatídica história da Associação Atlética Chapecoense, inevitavelmente nos leva a pensar melhor sobre a vida. Corremos tanto, lutamos tanto, somos tão tecnológicos, achamos que somos a melhor espécie entre os vários mundos. No entanto, basta um sopro do destino para tudo que carregamos ou acumulamos bens, brigas, glórias, títulos, amigos, inimigos - vire memória, vire apenas lembrança. Com tanto vagabundo e corrupto no futebol (especialmente na política) foram os heróis da tribo do Índio Condá escolhidos para nos dar um aviso, uma lição. Até porque não temos como tirar exemplos daquilo que não existe. Em conversas com amigos e colegas de trabalho, a pauta do dia não podia ser outra: a Chapecoense. Será que se fosse outro grande clube haveria tamanha comoção entre todas as bandeiras? A torcida da Chape não tinha os valentes (criminosos) que nunca ficam presos, não víamos ali jogadores ostentação e o clube não era “auxiliado” pelo apito amigo de ninguém. Talvez pela sua juventude como clube (apenas 43 anos), ainda estava livre desses vícios. Por falar em pauta, tivemos um dia trágico também para nossa área, o jornalismo. Como os atletas, muitos profissionais, experientes, jovens ou não, todos com tremendo talento, fizeram sua última viagem neste nosso tempo sobre a face da Terra. Pensavam na última linha, no título que o clube conquistaria, na imagem que produziriam, na melhor informação e, claro, como bons brasileiros, estavam torcendo para que a manchete final desta quinta-feira fosse positiva para a Chapecoense e para o futebol brasileiro. Nada pode tirar a dor das famílias por perder pessoas amadas. Famílias dos atletas, dos colegas jornalistas, tripulantes e demais vítimas, só o tempo e a fé em Deus (para quem a tem), poderá diminuir a dor. O mesmo tempo – senhor dos senhores – se encarregará de transformar essa ausência em memórias. E estas, temos que guardar para sempre. O sempre, quem vai definir também, será o tempo. Como disse o Prêmio Nobel de Literatura, o cantor e compositor, Bob Dylan em sua canção: Blowing in the wind! L. Pimentel

Da redação correiodecachoeirinha@gmail.com

Miki Breier se despede do Legislativo Nesta quinta-feira (1º) o deputado estadual Miki Brier (PSB) usará o período do Grande Expediente da Assembleia Legislativa para se despedir do Parlamento Gaúcho. Prefeito eleito de Cachoeirinha, ele assumirá a condução da cidade no próximo dia 1º de janeiro. Na despedida, Miki irá resgatar a memória de seus três mandatos na Casa através das postagens que fez, desde o ano de 2009, na rede social Twitter. O parlamentar afirma que esta foi uma das formas que encontrou para registrar sua trajetória de pensamento/ação cotidianos em um espaço de 140 caracteres. Diz que, ao revisitar, a princípio por curiosidade, o que já havia escrito desde então, percebeu um histórico pronto, desenhado desde aquele segundo ano do seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa. Ao longo de sete anos, foram mais de 10 mil postagens. São registros temporais que acompanham a dinâmica dos dias, dos fatos, feitos com olhar crítico e atento, às vezes, ácido, às vezes, bem-humorado, às vezes, das duas formas. As mensagens também relatam sobre as atividades legislativas e suas reuniões, encontros, debates; sobre a atuação partidária, discursos e, especialmente, sobre a busca por espaço para pautas e temas ligados ao mandato do deputado socialista. O Grande Expediente acontece às 14h de hoje no plenário do Parlamento gaúcho.

Uma Lei na madrugada A Câmara Federal aprovou na madrugada de terça para quarta-feira, o PL que determina crime de responsabilidade para juízes e promotores. Item que criou muita polêmica nos meios interessados, especialmente na classe dos promotores. No entanto, é falsa a tese divulgada por associações de juízes e promotores de que prever lei que os puna por crime de responsabilidade seja um excesso ou vá travar a Lava Jato. Falsa, sim, basta ler o texto da lei

para ver que, pelo contrário, a proposta é absolutamente correta. Salvo se a sociedade quiser tratar juízes e promotores de maneira especial, esquecendo aquele trechinho da Constituição que garante a todos serem iguais perante a lei. Pelo texto aprovado, juízes poderão responder por crime de responsabilidade nos seguintes casos: alterar decisão ou voto já proferido (exceto se por recurso); julgar quando estiver impedido ou suspeito; exercer

atividade político-partidária; proceder de modo incompatível com a honra, dignidade e decoro de suas funções; exercer outra função ou atividade empresarial; receber custas ou participação em processo; manifestar, por qualquer meio de comunicação, opinião sobre processo pendente de julgamento. E mais: Os promotores podem ser punidos por crime de responsabilidade nos casos de emitir parecer quando estiver impedido ou suspeito; se recursar a agir; proceder de modo incompatível com a dignidade e o decoro do cargo; receber

honorários, percentagens ou custas processuais; exercer a advocacia; participar de sociedade empresarial; exercer qualquer outra função pública, com exceção do magistério, denunciar sem indícios mínimos e exercer atividade político-partidária. Onde está a ameaça à Lava Jato, onde está o absurdo, a perseguição ou qualquer outra tentativa de tratar juízes e promotores de maneira diferente que os outros cidadãos? Claro que haverá choro e ranger de dentes, mas todos tem que ser iguais perante a lei! Ou não? L Pimentel

Deputado Lara apresenta proposta de CPI Na votação da Lei Orçamentária Anual, o Deputado Luís Augusto Lara (PTB/ RS) reiterou que os maiores valores de receita do Estado não são discutidos, que é o

caso do ressarcimento da Lei Kandir e a transparência dos incentivos fiscais, onde anunciou o requerimento para a constituição de uma Comissão Parlamentar de

Inquérito. A CPI terá como objetivo apurar e investigar os critérios empregados pela administração tributária, no que se refere às extinções de créditos tributários e ao

controle sobre concessão e utilização de desonerações fiscais, incluindo as fiscalizações realizadas, visando verificar o eventual cumprimento das contrapartidas exigidas.

* Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores e não emitem a opinião do jornal DIÁRIO Filiado:

Diretor geral: Moacir Menezes Diretor Administrativo: Gabriel Diedrich

Diagramação: Jacson Dantas e Filipe Foschiera Redação: Lauro Pimentel e Filipe Foschiera

Publicação da empresa Jornal Diário Oficial dos Municípios Ltda ME CNPJ nº 08.070.493/0001-48 51- 3497.1078 www.2mnoticias.com.br correiodecachoeirinha@gmail.com Registro nº 39987 do livro A-4 Tiragem: 8.000 exemplares Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6125. CEP: 94060-001 - São Vicente - Gravataí Fundação: 15 de janeiro de 2013


QUINTA-feIrA, dezembro de de 2016 QUINTA-FEIRA, 1° 1º dededezembro 2016|| GERAL GERAL

Brasil tem 827 mil vivendo com HIV; 112 mil não sabem que estão infectados

Dados divulgados ontem (30) pelo Ministério da Saúde revelam que 827 mil pessoas vivem com HIV/aids no Brasil. Dessas, cerca de 112 mil não sabem que estão infectados. Do total de pessoas soropositivas identificadas no país, 372 mil ainda não estão em tratamento, apesar de 260 mil delas já saberem que estão infectadas. Transmissão de mãe para filho De acordo com o boletim, a taxa de detecção da aids em menores de 5 anos caiu 36% nos últimos seis anos, passando de 3,9 casos para cada 100 mil habitantes em 2010 para uma taxa de 2,5 casos em 2015. A taxa em crianças

nessa faixa etária é usada como indicador para monitoramento da transmissão vertical do HIV (transmissão de mãe para filho durante a gestação ou no momento do parto). Epidemia estabilizada Segundo a pasta, a epidemia no Brasil está estabilizada, com taxa de detecção em torno de 19,1 casos para cada 100 mil habitantes. Ainda assim, o número representa cerca de 41,1 mil novos casos ao ano. Queda na mortalidade Os números mostram também uma queda de 42,3% na mortalidade provocada pelo HIV/aids no Brasil nos últimos 20

"As 10 Medidas contra a corrupção não existem mais", diz Janot O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, criticou nesta quarta-feira (30) as mudanças feitas pelos deputados federais no texto original do Projeto de Lei (PL) 4.850/16, que trata das Dez Medidas de Combate à Corrupção, projeto popular incentivado pelo Ministério Público Federal (MPF). Segundo Janot, as alterações colocaram o país “em marcha a ré no combate à corrupção”. De acordo com o procurador, “as 10 Medidas contra a Corrup-

ção não existem mais”. A proposta foi aprovada durante a madrugada pelos deputados no plenário da Câmara, com emendas ao relatório de Onyx Lorenxoni e diversas alterações às medidas propostas inicialmente pelo Ministério Público. Na manifestação, Janot afirmou ainda que as alterações são “medidas claramente retaliatórias” e pediu apoio da sociedade para que o projeto não seja concretizado no Senado, para onde segue para votação posterior.

anos. A taxa caiu de 9,7 óbitos para cada 100 mil habitantes em 1995 para 5,6 óbitos em cada 100 mil habitantes em 2015. Metas A cobertura do diagnóstico de HIV/aids no país passou de 80% em 2012 para 87% em 2015, o equivalente a 715 mil pessoas. A meta é chegar a 90% até 2020. Os maiores incrementos, de acordo com os dados, foram observados na meta relacionada ao tratamento, que passou de 44% em 2012 para 64% em 2015. O número representa 455 mil pessoas. Na meta referente à redução da carga viral, o país passou de 75% em 2012 para 90% em 2015, o equivalente a 410 mil pessoas.

55

Desmatamento na Amazônia cresce 29% Estimativas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) apontam que o desmatamento da Amazônia teve crescimento de 29% em 2016. No período de agosto de 2015 a julho deste ano, o instituto registrou uma taxa de 7.989 quilômetros quadrados (km2) de remoção total da cobertura da floresta por corte raso. O país não atingia a marca de 7 mil quilômetros quadrados desmatados desde 2010.


6

QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | CULTURA

'A Modernidade Impressa' ganha Unidade Móvel do Prêmio Açorianos de Literatura Sesc chega hoje Livro de Paula Ramos conta a história da Livraria do Globo a partir de sua produção gráfica, enfatizando os artistas ilustradores da primeira metade dos século XX

O livro 'A modernidade impressa - artistas ilustradores da Livraria do Globo — Porto Alegre' ganhou o troféu de Livro do Ano. Com pesquisa, organização e curadoria de Paula Ramos, o livro também foi contemplado na categoria Especial, na qual concorreu com 'Antônio Chimango', organizado por Luís Augusto Fischer, e 'Elis – uma biografia musical', de Arthur de Faria. O Prêmio Açorianos de Literatura Adulta e Infantil 2016 teve seus vencedores divulgados durante a Noite do Livro, nessa segunda-feira (28), no Teatro Renascença. A pesquisa, que resultou no livro, também se tornou uma exposição na Pinacoteca do Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs) entre 25 de junho e 21 de agosto deste ano, e foi recordista de visitação em 2016— cerca de 19 mil pessoas passaram pelo museu em dois meses. O livro conta a história da Livraria do Globo a partir de sua produção gráfica, enfatizando os artistas ilustradores que trabalharam na Seção de Desenho da empresa, na primeira metade dos século XX, sob a gerência do designer alemão Ernst Zeuner (1895–1967). Entre eles, alguns dos principais nomes do cenário artístico local: Sotero Cosme (1905–1978), João Fahrion (1898–1970), Edgar Koetz (1914–1969), Nelson Boeira Faedrich (1912–1994), João Faria Viana (1905–1975), João Mottini (1923– 1990) e Vitório Gheno (1923). Em grande formato (30 x 24 cm), com 656 páginas e 1.368 imagens, o livro tem coordenação

editoral, pesquisa e texto de Paula Ramos; produção executiva e produção gráfica de Gilberto Menegaz; reproduções fotográficas de Fabio Del Re e Carlos Stein; projeto gráfico de Sandro Fetter e de Paula Ramos. Sobre a livraria do Globo Surgida em 1883 como uma modesta papelaria junto à antiga Rua da Praia, a Livraria do Globo (mais tarde, Editora Globo) foi não somente uma das mais prósperas empresas sulinas do século XX, como revolucionou o cenário editorial e a linguagem gráfica brasileira. Foi a Globo que traduziu pela primeira vez para o português autores fundamentais como Thomas Mann, Virginia Woolf, Aldous Huxley, Somerset Maugham e William Faulkner. Também foi a Globo que revelou escritores como Erico Verissimo, Mario Quintana, Augusto Meyer e Dyonélio Machado. Entre seus grandes investimentos editoriais, estão a edição da 'Comédia humana' (1946–1955) de Honoré de Balzac, publicação em 17 volumes considerada um marco editorial brasileiro. A Globo teve mais de dez coleções, todas de imenso sucesso, a exemplo da Coleção Amarela, com os títulos de suspense assinados por nomes como Edgar Wallace e Agatha Christie; a Coleção Universo, com o sempre best-seller Karl May e suas histórias com índios e bandoleiros; a Coleção Nobel, pela qual saíram os principais nomes da literatura internacional, como Marcel Proust, James Joyce e Joseph

Conrad; a Coleção Tucano, iniciativa no formato pocket, entre outros vários títulos. Foram mais de dois mil títulos, que fizeram da editora, entre as décadas de 1930 e 1940, a segunda maior do Brasil. A Globo também publicou revistas: Revista do Globo (1929–1967), A Novela (1936–1938) e Província de São Pedro (1945–1957), esta última importante veículo de intercâmbio entre intelectuais sulinos e de outras regiões do país. Sobre a autora Paula Ramos nasceu em Caxias do Sul em 1974 e é crítica e historiadora da arte, professora e pesquisadora do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), onde atua nos cursos de graduação em História da Arte e Artes Visuais, bem como no Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais (PPGAV/UFRGS). Jornalista de formação, com mestrado e doutorado em Artes Visuais, com ênfase em História, Teoria e Crítica de Arte, fez Estágio Doutoral na Kassel Universität, na Alemanha. Foi repórter especial e editora da revista Aplauso, publicação voltada à cultura no Rio Grande do Sul. É autora e organizadora de várias obras no segmento das artes visuais. Também assina várias curadorias de arte moderna e contemporânea, muitas das quais agraciadas com o Prêmio Açorianos de Artes Plásticas – Categoria Curadoria.

em Cachoeirinha

Em dezembro, a comunidade de Cachoeirinha receberá as ações da Unidade Móvel Sesc de Cultura e Lazer. A RecreArte ficará no Parcão da cidade (Av. Monteiro Lobato, 155) entre os dias 1º e 4 de dezembro, levando à comunidade atividades gratuitas como espetáculos teatrais, cinema de rua, jogos e brinquedos infláveis. A programação de quinta e sexta-feira (01 e 02/12) será voltada ao público escolar. As instituições de ensino interessadas em participar devem efetuar agendamento prévio junto ao Sesc Cachoeirinha (Av. João Pessoa, 27). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 3439-1751, no site www.sesc-rs.com.br/cachoeirinha e na página www. facebook.com/sesccachoeirinha. A estrutura da RecreArte conta com carroceria medindo 12m x 2,6m, tampa lateral tipo “Palco” com medidas de 7,5m x 2,5m. Desde o início do projeto, há três anos, cerca de 550 mil atendimentos já foram realizados durante a passagem da Unidade Móvel por mais de cem cidades do Estado. A proposta do projeto é agregar as inúmeras atividades já oferecidas pelo Sesc, porém de maneira itinerante pelo Rio Grande do Sul. Confira a programação completa: 01/12 - Quinta-feira 9h - “Coco Verde e Melânica” – Cia Crakety 10h - Atividades físicas/ laborais – Sesc Cachoeirinha 10h30 - Parque de Infláveis e espaço Bebeteca 14h - “Coco Verde e Melânica” – Cia Crakety 15h – “O Grande Susto” - Projeto MAI com oficina de teatro na EMEF Portugal, profº Ivan Barbosa 15h30 - Parque de infláveis e espaço Bebeteca 02/12 - Sexta-feira 9h - Contação de histórias “Volta ao Mundo” Rosane Castro 10h - Apresentação de dança - Projeto MAI com oficina de dança na EMEF Deolinda, profª Lu Bento 10h30 - Parque de infláveis e espaço Bebeteca 14h - Contação de histórias “Volta ao Mundo” Rosane Castro 15h15 – Atividades físicas/ laborais – Sesc Cachoeirinha 15h30 - Parque de infláveis e espaço Bebeteca 03/12 - Sábado 15h às 18h - Parque de infláveis e espaço Bebeteca 15h - Mateada - Maturidade Ativa e Sesquinho 16h - “O Menino do Dedo Verde” – Cia Crakety 16h45 - Espetáculo de dança com Escola Daiene Weiss 04/12 - Domingo 15h às 18h - Parque de Infláveis e espaço Bebeteca 16h - Espetáculo de mágica com Bruno Mariotti 17h - Dança com Escola Daiene Weiss 18h – “O Fole Humano” – coordenação Sérgio Nardes


QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | ESPORTE

Vice-artilheiro da Série B acerta transferência para time do Japão

Felipe Garcia, 26 anos, jogará no Nagoya Grampus, do Japão. Vice-artilheiro da Série B do Campeonato Brasileiro, o atacante chegou a negociar com o Grêmio e um clube do México antes de acertar a transferência para o país asiático. Destaque do Brasil de Pelotas, com 13 gols marcados na segunda divisão, Garcia anunciou o destino em sua página no Facebook. "Este é um novo desafio. Foi oferecido um ótimo projeto a mim e minha família, o que me deixa tranquilo para focar no meu trabalho da melhor forma possível. É um grande projeto que está por vir e desde já estou muito engajado e disposto a contribuir", escreveu o jogador. Felipe Garcia ficou apenas atrás de Bill na lista de gols marcados na Série B. O atacante do Ceará anotou 15 gols e superou o jogador do Brasil de Pelotas e Nenê, do Vasco, que marcaram 13 vezes. O Grêmio tinha bases determinadas para contar com o jogador. Mas no momento da troca na gestão de futebol, gerou recuo. Nada foi assinado ou mesmo pago como luvas.

F1: FIA anuncia calendário da temporada 2017 com GP do Brasil garantido

A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) anunciou nesta quarta-feira (30), após reunião do Conselho Mundial do Esporte a Motor, em Viena, o calendário oficial para a próxima temporada. A grande novidade é o sumiço do asterisco no GP do Brasil e no GP do Canadá, agora totalmente certos para 2017. A outra mudança envolve o GP do Azerbaijão do dia 18 para 25 de junho. Assim, dissolve-se o polêmico conflito com as 24 Horas de Le Mans, sugerido no calendário provisório, o que pode atrair pilotos do grid para disputar a icônica prova de endurance em Sarthe. Segundo a revista britânica ‘Autosport’, a condição da corrida em Interlagos estava indefinida porque Bernie Ecclestone, dirigente máximo do esporte, requisitou mais tempo à entidade que regula a F1 para buscar um acordo definitivo com a prova brasileira. As negociações foram feitas em conjunto com o governo federal, uma vez que a nova gestão municipal de São Paulo, chefiada pelo prefeito eleito João Doria, sinalizou que não pretende mais investir dinheiro público no evento.

7

Escola Duque de Caxias é destaque no volei estadual A Escola Municipal de Ensino Fundamental Duque de Caxias, de Gravataí, teve destaque na última edição dos Jogos Abertos de Porto Alegre. No volei, a equipe mirim da escola foi campeã do torneio e a categoria infantil ficou com o terceiro lugar. A aluna Laura Falcoski acabou o torneio como destaque. Ela foi considerada a melhor jogadora da competição. A competição que reúne clubes e escolas privadas ocorreu no último final de semana na capital. Com esta conquista, a escola de Gravataí fica marcada na história ao conquistar os dois mais importan-

tes torneios escolares do estado. A equipoe de volei do Duque de Caxias também havia saído vencedora dos

Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (JERGS) deste ano. O transporte dos alunos, treinados pelo

Professor Alexandre Aguiar, até o local foi realizado com apoio da Secretaria de Educação de Gravataí.

Chapecoense faz teste e espera receber 100 mil pessoas em velório coletivo A Chapecoense, a Polícia Militar, a Polícia Rodoviária Federal, a Prefeitura de Chapecó e o Governo de Santa Catarina fizeram, nesta quarta-feira (30), uma simulação de como será feito o velório das vítimas do trágico acidente aéreo na madrugada da última terça-feira, na Colômbia. A expectativa da organização é que 100 mil pessoas compareçam na Arena Condá para prestar a última homenagem aos atletas, dirigentes, membros da comissão técnica e jornalistas vítimas na tragédia. O evento deve acontecer na sexta-feira, mas depende da liberação dos corpos. A intenção do time é que todos sejam primeiramente velados no gramado e, em seguida, sejam liberados para o enterro em suas respectivas cidades de origem. De acordo com o teste feito

nesta quarta-feira, até quatro caminhões farão o trajeto de 45 minutos dos caixões (que estarão lacrados) entre o aeroporto e o estádio. Tudo será acompanhado por autoridades que também fecharão as vias. No gramado, os caixões ficarão

em tendas e ficarão alinhados de uma forma que os torcedores consigam transitar entre eles para dar o último adeus. A princípio, não será permitido que os torcedores parem em frente aos caixões para evitar tumulto.

Chape fala de escalar juniores e pede ajuda da Globo O dirigente da Chapecoense, Ivan Tozzo, explicou que a proposta do Presidente da CBF, Del Nero, é a de dividir o título da Copa Sul-Americana. Ainda assim, a ideia não foi aceita pela Conmebol, que precisa definir o que fará com a vaga da Libertadores que seria destinada ao campeão da competição. "A opinião do Del Nero é de dividir e eu acho isso bom, é merecido. O nosso time acabou. O que a gente vai fazer agora? Seria melhor (se fosse só nosso), mas a ideia de dividir é boa", afirmou Tozzo, para depois explicar a proposta da CBF para a última rodada do Brasileiro, marcada para dia 11, contra o Atlético-MG.

Tozzo fez questão de ressaltar que o clube faz todos os esforços para acelerar a reconstrução da equipe e destacou que, financeiramente, o clube é saudável. Ainda assim, explicou que precisa da ajuda de todos porque o gasto para a contratação de atletas pode ser alto. "Esse apoio de clubes, torcedores e tudo mais é muito importante para a gente. Temos um dos menores orçamentos se você pensar no que a Globo repassa, porque não somos um time de muita expressão. Então vamos precisar do apoio de todos, especialmente da Globo, da CBF... Precisamos ter certeza se vamos air para poder fazer a reestruturação em cima", afirmou.


88

QUINTA-feIrA, 1º1°dede dezembro de 2016 | geral QUINTA-FEIRA, dezembro de 2016 | ECONOMIA

Cyrela Landscape Seminário chega em Gravataí Lançamento de condomínio fechado de terrenos na região central da cidade Após uma série de lançamentos bem-sucedidos no país, a Cyrela Urbanismo apresenta o conceito Cyrela Landscape, inspirado em um estilo de vida que contempla conforto, contato com a natureza, tranquilidade, segurança e conveniência. O Cyrela Landscape Seminário vem para colocar a cidade num outro patamar de urbanismo, totalmente, inspirado neste estilo de vida. Situado ao lado do centro de Gravataí, o projeto acompanha a tendência de condomínios planejados em localização estratégica e próximo aos principais pontos de interesse da cidade, como o hospital municipal, supermercados e vias de fácil acesso. O Cyrela Landscape encontra-se a 15 minutos de Porto Alegre e começou a ser apresentado ao mercado a partir desta quarta, 30 de novembro. Especificações do projeto O projeto tem mais 270 mil m² em área verde e 202.000m² de área de lazer, pensados especialmente para atender aproximadamente 630 lotes residenciais com média de 300m2 cada. Com um valor geral de

vendas de R$ 90 milhões, os investimentos giram em torno de R$ 37 milhões em infraestrutura e serão aplicados outros R$ 800 mil em benefícios ambientais. O empreendimento nasce para consolidar uma demanda existente na região. Para o diretor de Negócios da Cyrela, Ricardo Jornada, o foco é proporcionar qualidade de vida para quem busca tranquilidade e segurança. Ricardo revela que além de muito conforto e bem-estar, o projeto coloca a natureza no centro de tudo. Garantia de segurança O Cyrela Landscape é um projeto de extrema segurança, com monitoramento 24 horas e controle de acesso. Criado para quem procura tranquilidade, mais qualidade de vida e estilo, com paisagismo de ponta em todo o empreendimento. O condomínio trará um clube completo de lazer, com espaços gourmet, fitness, espaço kids, piscinas climatizadas, deck molhado e quadra de areia para beach tênis. A previsão de entrega estimada é de 36 meses, e há expectativa da geração de cerca de 200 empregos diretos (durante o desenvolvimento das obras) e 1.800 indiretos

(após a implantação do empreendimento). Região Sul é contemplada Com uma série de lançamentos bem-sucedidos no país, a Cyrela Urbanismo aproxima-se mais ainda da região Sul. A marca já possui um empreendimento de sucesso no Rio Grande do Sul, o Enseada Lagos de Xangri-Lá, que teve 70% das

unidades comercializadas no seu lançamento (2008) e hoje é referência na região com casas de alto padrão já construídas pelos proprietários. Cyrela Urbanismo A Cyrela Urbanismo é a marca que desenvolve os loteamentos do Grupo Cyrela em todo o Brasil. Busca áreas com histórias e encantos, que serão traduzidos para

Jovens são quase metade das vítimas de acidentes com motos iagnóstico do DetranRS apontou que 47% dos motociclistas e caronas de moto vítimas de acidentes nos últimos cinco anos foram jovens de 18 a 29 anos. O levantamento balizou o início das discussões do Grupo de Trabalho para a Segurança de Motociclistas. O GT foi instituído pela Portaria 473/2016, publicada nessa terça-feira (29) no Diário Oficial do Estado. De janeiro de 2010 até outubro de 2016, 3.321 motociclistas e caronas de moto morreram em decorrência de acidentes de trânsito. As vítimas em motos representaram 25% do total de 13.466 mortes no estado no período. De 2012 para cá, o número absoluto de motociclistas e caronas de moto entre as vítimas fatais vem caindo. De 600 vítimas em 2010, passou a 594, em 2012, e 434 em 2015.

Em 2016, (dados parciais até outubro), foram 355 mortes de motociclistas e caronas mortos, de um total de 1,4 mil mortes no trânsito. Homens representaram 88,9% dos motociclistas e caronas mortos em acidentes. Com relação à faixa etária, 14% das vítimas tinha entre 18 e 20 anos, 16,7% tinha de 21 a 24 anos e 15,9% de 25 a 29 anos, totalizando quase metade das mortes entre os jovens. O turno da noite concentrou a maioria das vítimas fatais em todos os dias da semana. Sábado foi o dia com maior número de registro de mortes entre motociclistas e caronas de moto, totalizando quase 23% das ocorrências. Mais da metade dos motociclistas e carona de moto (52%) morreu em acidentes transcorridos nas vias urbanas.

De janeiro de 2010 até outubro de 2016, 3.321 motociclistas e caronas de moto morreram em decorrência de acidentes de trânsito.

loteamentos completos que apresentam um conceito de lazer exclusivo, qualidade construtiva e integração com o verde que surpreendem. Todos os detalhes são profundamente pensados para valorizar as características naturais de cada área, gerando uma marca que agrega valor onde está presente. Única como cada história que acontecerá em um Cyrela.

Comissão mista aprova MP do Ensino Médio A comissão mista criada no Senado para discutir a medida provisória que reestrutura o ensino médio aprovou, ontem (30), o parecer do relator, Pedro Chaves (PSC-MS). O relatório inclui artes e educação física entre as disciplinas obrigatórias para o ensino médio e prevê que os estudantes poderão escolher a área na qual vão se aprofundar já no início do curso. Após a votação, na Comissão Mista da Medida Provisória 746, o texto ainda deve passar pelos plenários da Câmara e do Senado até março do próximo ano. O relatório de Pedro Chaves foi apresentado ontem (29) e houve pedido de vista coletiva, o que adiou a votação do texto. O relatório também estabeleceu uma meta intermediária de ampliação da carga

horária para pelo menos mil horas anuais no prazo máximo de cinco anos para todas as escolas do ensino médio. O texto amplia de 50% para 60% a composição do curriculum do ensino médio preenchido pela Base Nacional Comum. Os 40% restantes serão destinados aos itinerários formativos que o estudante poderá escolher: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas e formação técnica e profissional. A MP prevê ainda que o governo federal amplie de quatro para dez anos o prazo de repasse de recursos federais aos estados para apoiar a ampliação da carga horária. Apresentada pelo presidente Michel Temer em setembro, a MP do ensino médio flexibiliza os currículos e amplia progressivamente a jornada escolar.


QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | GERAL

HISTÓRIAS FANTÁSTICAS Lauro Pimentel – Jornalista pimentel.ddc@gmail.com

A VISITA DE JESUS Nestes dias de aflição, reflita sobre esta mensagem... Um anjo apareceu a uma família muito rica e falou para a dona da casa: "Estou te trazendo uma boa notícia. Esta noite o Senhor Jesus virá visitar a tua casa". Aquela senhora ficou entusiasmada. Jamais acreditara ser possível que esse milagre acontecesse em seu lar. Tratou de preparar uma excelente ceia para receber a Jesus. Encomendou frangos assados, conservas, saladas e vinhos importados. De repente, toca a campainha. Era uma mulher com roupas miseráveis, com aspecto de quem já sofrera muito. Senhora, disse a pobre mulher, será que não teria algum serviço para mim? Tenho fome e tenho necessidade de trabalhar. Ora, retrucou a dona da casa. Isso são horas de vir me incomodar? Volte outro dia. Agora estou muito atarefada preparando uma ceia para uma visita muito importante. A pobre mulher se foi e pouco mais tarde, um homem, sujo de graxa, veio bater-lhe à porta. Senhora, falou ele, o meu caminhão quebrou bem aqui na esquina. Não teria a senhora, por acaso, um telefone para que eu pudesse me comunicar com um mecânico? A senhora, como estava ocupadíssima em lavar os cristais e os pratos de porcelana, ficou muito irritada: Você pensa que minha casa é o que? Vá procurar um telefone público. Onde já se viu incomodar as pessoas dessa maneira? Por favor, cuide para não sujar a entrada da minha casa com esses pés imundos. E a dona da casa continuou a preparar a ceia. Abriu latas de caviar, colocou o champanhe na geladeira, escolheu na adega os melhores vinhos e preparou os coquetéis. Nesse meio tempo, alguém lá fora bate palmas. Será que agora está chegando Jesus? ... pensou emocionada. E com o coração batendo acelerado, foi abrir a porta. Mas se decepcionou. Era um menino de rua, todo sujo e mal vestido. Senhora, eu estou com fome. Dê-me um pouco de comida. Como é que eu vou te dar comida, se nós ainda não jantamos? Volte amanhã, porque esta noite estou muito atarefada. Finalmente a ceia ficou pronta. Toda a família esperava, emocionada, o ilustre visitante. Entretanto, as horas iam passando e Jesus não aparecia. Cansados de tanto esperar, começaram a tomar aqueles coquetéis especiais que, pouco a pouco, já começaram a fazer efeito naqueles estômagos vazios, até que o sono fez com que se esquecessem dos frangos assados e de todos aqueles pratos saborosos. Na manhã seguinte, ao acordar, a senhora se viu, com grande espanto, na presença do anjo. "Será que um anjo é capaz de mentir, gritou ela. Eu preparei tudo esmeradamente, aguardei a noite inteira e Jesus não apareceu. Porque você fez isso comigo? Porque essa brincadeira?" Não fui eu que menti. Foi você que não teve olhos pra enxergar, explicou o anjo. Jesus esteve aqui em sua casa por três vezes: Na pessoa da mulher pobre, na pessoa do caminhoneiro e na pessoa do menino faminto, mas a senhora não foi capaz de reconhecê-lo e acolhê-lo em sua casa. Em Mateus 25.40, Jesus diz: "Todas as vezes que vocês deixaram de ajudar uma dessas pessoas mais humildes, foi a mim que deixaram de ajudar". Por isso meus amigos, neste 1º de dezembro, mês do Natal, vale a pena sermos solidários! Não apenas com quem nos parece de melhor aparência, mas com todas as pessoas que estão à nossa volta, e também com aquelas que se acercam de nós por algum motivo especial. Abramos nossos corações! Abramos nossas portas, deixando entrar esse som especial que o Natal nos proporciona! Natal é tempo de solidariedade!

9

Enfeites natalinos podem oferecer risco de choque elétrico Enfeitar a árvore de Natal ou a fachada de casa para as festas de final de ano reforça a magia que envolve as datas comemorativas dessa época e mexe com o imaginário, principalmente das crianças. É preciso, no entanto, estar atento aos materiais utilizados na decoração natalina, para que ela não represente perigo de choque às pessoas ou de danos ao imóvel. A atenção se aplica aos itens de iluminação dos enfeites, como cordões e mangueiras de luzes e lâmpadas pisca-pisca. Ainda que não existam dados sobre acidentes relacionados ao uso de luzes para decoração das festas de final de ano, o engenheiro eletricista do Programa Casa Segura, do Procobre – Instituto Brasileiro do Cobre – Hilton Moreno, afirma que os cuidados para as instalações elétricas valem também para os enfeites. Ele diz que o risco de choque e curto-circuito está presente ao lidar com todo tipo de material condutor de eletricidade. Para afastar o risco de choques e de incêndios por curto-circuito, Moreno alerta para os cuidados necessários na hora de instalar e manter seguros os ambientes que serão decorados para as festas de final de ano. Escolha dos materiais Antes de começar a decorar, caso pretenda utilizar o material que guardou de anos passados, o engenheiro do Programa Casa Segura recomenda separar os itens de iluminação para uma inspeção visual. “É importante observar se os fios dos cordões de luzes ou dos enfeites com luzes pisca-pisca estão íntegros, se não há fissuras ou ressecamento na camada isolante que recobre os fios.” No caso de a isolação do cordão estar danificada, para refazê-la com segurança é mandatório o uso da fita isolante de boa qualidade Para as mangueiras, que já possuem as lâmpadas internas, mais seguras para o manuseio, a dica é checar se o produto está bem conservado, sem rachaduras e fios expostos. Também vale observar se os itens de decoração são certificados por institutos que controlam e atestam a qualidade dos materiais e se há instruções para instalação. Quem for instalar deve seguir o passo a passo do fabricante, observando se a tensão elétrica do produto é compatível com a rede doméstica. Testar os materiais, ligando-os na tomada, antes de instalá-los também é útil. “No caso de luz queimada, será indispensável desconectar o plugue da tomada antes de fazer algum conserto.” Por questão de economia da conta de consumo, o ideal é escolher materiais decorativos que utilizam lâmpadas LED.

Instalação Na hora de ligar os cordões pisca-pisca ou mangueiras, o ideal é que cada cordão seja conectado a uma tomada. “Somente quando isso não for possível, é admitido o uso de uma régua de tomadas, desde que a carga total das luzes não exceda os 10 A da tomada que está fixa na parede”, diz Moreno. Segundo ele, dividindo a potência (watts) pela tensão (volts) indicada na embalagem do produto, pode-se identificar se a corrente elétrica das luzes será inferior a 10 A, padrão de tomada mais comum nas residências do País. Outra maneira de avaliar se existe alguma sobrecarga no conjunto de luzes é encostando a mão na parte plástica da régua de tomadas para sentir o calor. Caso a superfície esteja quente a ponto de causar desconforto, as lâmpadas devem ser desligadas e haverá necessidade de redistribuir os cordões, fazendo uso de um número maior de tomadas disponíveis no ambiente. Quando o produto tiver terminações que puderem ser conectadas para aumento do comprimento do fio, a atenção deve estar na especificação do fabricante quanto à quantidade máxima de cordões que podem ser ligados uns aos outros. Moreno alerta: “tem que ser respeitado o limite de comprimento indicado pelo fabricante, observando sempre se a

tensão do produto é compatível com a rede doméstica”. Outra observação relacionada ao cuidado das lâmpadas é mantê-las longe de materiais sensíveis como papel e isopor. “Também é recomendado manter os enfeites longe de grades e outros materiais metálicos. Eles são condutores de eletricidade e, caso haja fios expostos ou algum outro dano no cordão ou mangueira, o contato com a grade poderá energizá-la, colocando sob o risco de choque quem nela encostar”, destaca Moreno. Materiais que forem utilizados em áreas externas, como fachadas, sacadas, varandas, jardins, devem ser resistentes à chuva e aos raios solares, que podem gerar desgaste e rompimento nos materiais isolantes. “Mangueiras são apropriadas para uso no tempo, os cordões não.” Além de todos os cuidados mencionados, a segurança das pessoas e do patrimônio somente será completa se a instalação elétrica do local onde serão instaladas as luzes de Natal estiver de acordo com os requisitos da norma brasileira de instalações elétricas. De todas as exigências da norma, destacam-se a existência de aterramento, fio terra e dispositivos DR na proteção contra choques elétricos. Disjuntores e cabos devem ser corretamente dimensionados na proteção contra incêndios ocasionados por sobrecargas e curtos-circuitos.


Divulgação

10

QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | GERAL

Ministério da Saúde convoca todos estados para combater o Aedes

Com a chegada do verão, o governo federal intensifica a atuação contra o mosquito transmissor da dengue, vírus Zika e febre chikungunya. Nesta terça-feira (29), o ministro da Saúde, Ricardo Barros, convocou a participação de todos os estados e municípios para a mobilização nacional. O apelo do ministro foi feito por meio de videoconferência, na Sala Nacional de Coordenação e Controle, em Brasília (DF). Durante a reunião, os secretários estaduais de saúde e os coordenadores das 27 Salas Estaduais de Coordenação e Controle, que atuam no monitoramento do combate ao Aedes aegypti, trataram das ações

programadas para o Dia Nacional de Combate ao Mosquito, que acontece nesta sexta-feira (2/12). Mobilização A mobilização nacional consiste em ações integradas e simultâneas, desenvolvidas em articulação com prefeituras, governos estaduais e população. Ministros de Estado, militares das Forças Armadas, agentes de saúde e de defesa civil, além de outras autoridades, visitarão residências, escolas, órgãos públicos, canteiros de obras e outros locais para conscientizar a população sobre a importância do engajamento de todos na luta contra o Aedes ae-

gypti. O mutirão será realizado nos órgãos da administração pública, unidades de saúde e estatais, marcando a intensificação das ações de combate e, consequentemente, impedindo a reprodução do mosquito. A ideia da mobilização é que todas as sextas-feiras sejam dedicadas para verificação de possíveis focos do mosquito, incentivando outras empresas, associações e a própria população para que cada um faça a sua parte. A campanha traz como foco “Sexta sem mosquito. Toda sexta é dia do mutirão nacional de combate”.

Acompanhamento climático confirma formação do La Niña O clima do Rio Grande do Sul já sofre a influência do fenômeno La Niña desde a semana passada, conforme o monitoramento climático realizado pela Rio Grande Energia (RGE). Segundo o estudo encomendado pelo COI, os modelos oceânicos apontam que o La Ninã, que se caracteriza pela rápida passagem das frentes frias pela Região Sul do Brasil, deve se prolongar até o final do verão, em 2017. O La Niña, no entanto, provoca volumes de chuvas acima da média na região leste e estiagem no oeste dos Estados da Região do Sul do país. O La Niña ficou configurado após o terceiro trimes-

tre consecutivo de anomalias na temperatura da superfície do mar. No monitoramento mais recente recebido pelo COI, há a indicação temperatura das águas mais quentes na costa do Peru e do Chile. Entre a costa argentina e uruguaia as águas estão mais perto da média histórica e ligeiramente mais quentes no restante no restante da América do Sul. A previsão indica apenas um período de chuva mais expressiva, com possibilidade de temporais, entre os dias 12 e 14 de dezembro. Já entre os dias 3 e 7 e entre os dias 22 e 27 há possibilidade chuvas de incidência de raios e vento.

Últimos dias para inscrição no Vestibular do Cesuca As inscrições do Vestibular de Verão do Cesuca – Faculdade Inedi se encerram às 15h deste sábado (03/12), na Central de Atendimento da instituição e pela internet www.cesuca.edu.br/vestibular até a meia noite de sexta-feira (02/12). A prova será no domingo, dia 04 de dezembro, às 9h. As vagas disponíveis são para os cursos de Administração, Ciências Contábeis, Comércio Exterior, Direito, Engenharia de Produção, Enfermagem, Matemática, Pedagogia, Processos Gerenciais (Ead), e Psicologia. Se houver interesse na isenção da taxa de inscrição, o candidato deverá comparecer na Faculdade Inedi. O listão dos aprovados será divulgado no site do Cesuca até as 18h de segunda-feira (05-12). O período de matrículas acontecerá entre os dias 06 e 09 de dezembro de 2016, das 09 às 12h e das 14h às 20h, na Central de Atendimento da Faculdade Inedi. Para esclarecimentos de dúvidas sobre o processo seletivo, o candidato poderá entrar em contato pelos telefones (51) 3396-1000 ou (51) 3396-1059, pelo e-mail vestibular@cesuca.edu.br ou por meio do Whatsapp (51) 9384.3258, de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h, (51) 9384.3258.

Projeto Triunfo Concepa na Escola vai a Santo Antônio Nesta quinta-feira (1º), o “Triunfo Concepa na Escola – plantando sementinhas para um trânsito melhor” visita a Escola Municipal de Ensino Fundamental Nossa Senhora de Fátima, de Santo Antônio da Patrulha, encerrando as atividades do projeto neste ano. A ação acontece a partir das 8h e conta com a parceria da Agência Nacional de Transportes Terrestres e Polícia Rodoviária Federal. A expectativa é de que aproximadamente 200 crianças participem da atividade. A iniciativa visa levar a escolas das cidades que ficam no trecho que a concessionária administra práticas relacionadas à segurança, responsabilidade e consciência no trânsito. Durante a ação, os estudantes têm contato com os veículos usados nos atendimentos feitos pela Triunfo Concepa, PRF e ANTT na rodovia, ao mesmo tempo em que recebem informações sobre trânsito responsável, como atravessar em faixa de pedestre, usar cinto de segurança e outros cuidados que já podem ter em relação ao trânsito. Iniciado em julho deste ano, o projeto já visitou cinco escolas de cidades do trecho rodoviário administrado pela Triunfo Concepa. Cerca de 1.170 crianças foram contempladas nas ações.


QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro QUINTA-feIrA, 1º de dezembro de 2016 ||ENTRETENIMENTO entretenimento 11

11

HORÓSCOPO

É possível que você esteja pessimista diante das dificuldades. Procure fazer uma reavaliação aprofundada de sua filosofia de vida.

Um contato importante pode ser feito, depois de alguns dias de negociações, trazendo a possibilidade de firmar um novo contrato de trabalho.

Estará preocupado com questões que envolvem suas finanças, especialmente realacionadas a uma herança, sociedade ou parceria financeira.

Pode haver atraso em um pagamento, ou na assinatura de um contrato, que envolve o aumento de seus lucros e rendimentos.

Dias de maior seriedade e envolvimento mais profundo com seus relacionamentos pessoais e profissionais. Uma triagem pode começar nas amizades.

É hora de fazer um sério balanço de sua vida e começar a tomar decisões. Essa energia, apesar de realizadora, dura apenas alguns dias.

As atribulações podem ser muitas, mas essa energia termina em poucos dias. O momento pode envolver maior envolvimento com novos projetos.

Uma boa limpeza emocional deve ser realizada. Apesar de intensa, essa energia é, de certa forma, passageira, mas pode trazer decisões definitivas.

Estará mais fechado para a solução de problemas no setor. Essa energia, apesar de durar apenas alguns dias, pode trazer soluções definitivas.

Decisões definitivas podem ser tomadas com relação a uma equipe de trabalho. Um contrato, já firmado, pode precisar de uma revisão.

Está focado para sua vida doméstica, para os relacionamentos em família e as emoções mais profundas, especialmente as que envolvem o passado.

Momento decisivo para os seus planos e status social. Os dias envolvem mais comprometimento com suas metas e objetivos profissionais.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

© Revistas COQUETEL

(?) ou desafio: jogo Ativista ambiental que lutou pela preservação da Amazônia

Inclinação para uma atividade

Categoria da dança Comilão (gíria)

(?) de partículas, construção do CERN

Apresentar (provas) como defesa

Peça mais importante do jogo de xadrez

Atendimento emergencial que pode ser a diferença entre a vida e a morte, em acidentes

R

E

I

Movimento do mar antes do tsunâmi Fortaleza medieval Pele endurecida

Bruna Hamú sobre gravidez: "Foi um susto"

Local como a Central do Brasil Ondas Médias (abrev.) Corante azul usado no jeans Gema, em (?)-ondas: inglês forno Causa mortis de Janis Joplin

(?) bélico, arsenal militar de um país Pelos (?): causam irritação na pele

É livre, no Existencialismo

Preceptor Animal como o escargot

Em trajes de Adão Estúpido (fig.)

O herói como Édipo (Lit.) “Pague 1 e (?) 2”, frase promocional

Maior rival do Grêmio (fut.)

Salada, em inglês Caráter do traba- Marcha lho “tapa- ausente buraco” na moto

Som emitido pelo mocho

Meu, em francês Seduz Ivo Meirelles, cantor

Estado da ilha do Mel (sigla)

São listados na tabela periódica

3/gem — mon — pio. 4/anta. 5/salad. 6/índigo — pendor. 7/trágico. 8/cidadela.

BANCO

50

Solução P A E R A N T D E L O R I O M I O A V A R E TN T R A A D O M I S O M E N

P D O R R E I A M GA R E E I I C RO N U S D O S I O G I CO O R P R R I O T O S

"Veio na hora certa. Eu senti que meu corpo estava mudando, como se fosse ficar menstruada, mas isso nunca acontecia. Então, fiz um teste", explicou. Bruna já comunicou à direção de "A Lei do Amor", mas pelo menos por enquanto, nada muda no rumo de sua personagem. "Se houver (alguma mudança), acredito que será mais para o final, quando a barriga estiver maior".

V A C E L H R C I D A C A L P O D E M E G E A E N C R D A S E R S A L C E P R O V E L E

A atriz Bruna Hamú, atualmente no ar como a Camila de "A Lei do Amor" está grávida de um menino, que terá o nome de Júlio, em homenagem ao pai do seu namorado, o empresário Diego Moregola. Com uma gestação de três meses, ela diz que não foi planejada. "Eu nunca imaginei ficar grávida agora. No começo, foi um susto", contou ao jornal O Globo.


12

QUINTA-FEIRA, 1° de dezembro de 2016 | CONTRACAPA

Volkswagen vence quatro categorias no Melhores do Ano A Volkswagen foi a vencedora em quatro categorias no prêmio Os Melhores do Ano do Jornal do Carro (Estado de S. Paulo), com os modelos Golf (Hatch Médio), Golf Variant (Peruas) e Saveiro (Picapes Compactas) – a marca foi também considerada a “Montadora com Melhor Valor de Revenda”. Esta foi a 11ª edição do prêmio, que tem 26 categorias no total e é composto pela votação da redação do jornal e dos seus leitores. Eleito pelo Jornal do Carro o melhor Hatch Médio do País

pelo segundo ano consecutivo, o Golf foi elogiado por seu desempenho e dirigibilidade, além de sua imagem. O motor 1.4 TSI de até 150 cv também recebeu elogios. O Golf Variant, vencedor na categoria Peruas, destacou-se por sua versatilidade – combina o desempenho esportivo da versão hatch ao farto espaço na cabine e no porta-malas – e por oferecer dirigibilidade agradável. Melhor entre as Picapes Compactas, a Nova Saveiro destacou-se pela robustez e pela dirigibilidade.

Chevrolet leva o Bolt no Salão de SP

Eficiência energética foi um dos temas em destaque do estande da Chevrolet no Salão do Automóvel de São Paulo. A marca está promovendo evoluções mecânicas que beneficiam toda sua linha 2017, com reduções que ultrapassam 30% no consumo de combustível, dependendo do produto. Para isso, incorporou sistemas inovadores inéditos ou raros em carros de alto volume, como a grade ativa do radia-

Triumph lança nova Tiger Sport no Brasil A Triumph lançou no mercado brasileiro a nova Tiger Sport, que traz uma série de inovações em relação ao modelo anterior, com destaque para a nova geração de motores triplos de 1.050 cc, a incorporação de diversas tecnologias sofisticadas com foco no piloto, maior conforto, novo sistema de escapamento e mudanças no visual. O modelo começou a chegar às concessionárias a partir de outubro, pelo preço de R$ 52.990,00. A nova Triumph Tiger Sport foi projetada para exceder todas as expectativas e necessidades do piloto, seja na locomoção cotidiana para o trabalho ou numa aventura de final de semana, sendo uma motocicleta desenvolvida para todos os momentos.

dor, o Stop/Start, o alerta de pressão dos pneus e a direção elétrica. A Chevrolet também mostrou seu poder tecnológico global, trazendo, especificamente para a feira, o Bolt (foto), carro elétrico acessível de maior autonomia do seu segmento. Ele é capaz de percorrer com uma única carga das baterias (de íons de lítio) mais de 380 quilômetros, cerca de cinco vezes o que o motorista comum roda diariamente.

Kia Cerato é o preferido, segundo enquete do UOL/Carros Com 25% dos 14.595 votantes, o sedã médio Kia Cerato venceu a enquete promovida pelo UOL/Carros, que lançou em seu portal a pergunta “Qual o lançamento do Salão é seu preferido?”, a partir dos primeiros dias do 29º Salão Internacional do Automóvel de São Paulo e se estendeu até a última sexta-feira, dia 25 de novembro. Em sua 3ª terceira geração, o Cerato é um sedã com qualidade de acabamento que o coloca em

patamar superior em sua categoria. Com perfil elegante, também conta com qualidade aperfeiçoada, equipamentos atualizados, cabine espaçosa e motor de alta tecnologia que oferece significativa economia de combustível. As principais atualizações do Cerato, agora fabricado no México, apresentam novos desenhos nos para-choques dianteiro e traseiro, na grade frontal, nas lâmpadas dos faróis dianteiros e traseiros, no capô e nas rodas de liga-leve.


Quinta-feira | Cachoeirinha, 1º de dezembro de 2016 - ANO IV | Edição 959