Page 1

PUB

Fernando Ferreira

Profissionalismo • Honestidade • Confidencialidade • AvAliAção GRátis dA suA CAsA

416.528.4724 •

fernandoferreirasells@gmail.com • www.fernandoferreirasells.ca

Sales Representative PUB

PUB

Diretores: Eduardo Vieira e Jorge Passarinho

Ed. 377 | Ano V | Terça-feira 06/06/2017 • $1.15 (c/taxas)

www.correiodamanhacanada.com

A DIREÇÃO E OS COLABORADORES DO CORREIO DA MANHÃ CANADÁ DESEJAM A TODOS OS LEITORES E ANUNCIANTES UM

DIREITOS RESERVADOS

Feliz Dia de

Portugal!

PUB


2

OPINIÃO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

EDITORIAL

LISBOA ESTÁ “COOL”

M

uito temos falado nestas páginas sobre classificação de excelência e o clima também ajuda. o que se diz e o que se pensa de Portugal Quantos aos castelos, estão associados à História e, nomeadamente, da capital Lisboa. E o Portuguesa, cada vez melhor preservados e ilumimomento é, novamente, apropriado para voltar nados para admiração de todos. São inúmeros os ao assunto, dado que a estação de televisão CNN monumentos que enriquecem a lista do patrimóacaba de considerar Lisboa a cidade mais “cool” da nio mundial. Europa e aponta sete razões para esta classificação. A CNN também considerou fabuloso o design A equipa de jornalistas da CNN começou por português. De toscos e desenrascados passamos a elogiar a vida noturna da capital portuguesa, co- perfeitos e com bom gosto. E, de facto, é visível esta mo divertida, colorida e, acima de tudo, segura. apreciação. Portugal está diferente e para melhor A noite de Lisboa é considerada aberta, acessível e quem mais identifica estas diferenças são todos e facilmente se anda com um copo na mão sem aqueles que só lá vão esporadicamente. Associado constrangimentos nem penalizações. A noite tam- ao design estão as coleções de arte. Poucos dão por bém é desfrutada nas esplanadas e nas ruas sob um isso, mas o certo é que em Lisboa existem riquíssiclima ameno e convidativo. Entre muitas referên- mas coleções de arte, muitas expostas nos diversos cias, destaca-se a Pensão do Amor, um típico bar museus espalhados pela cidade e cujo número de por todas TEM as visitantes na baixa de cidade e que é apreciado QUELUZ ‘NOVO’ JARDIM aumenta todos BOTÂNICO os meses. gerações, sendo mesmo considerado inigualável A empresaeParques de Sintra inaugura, na levou os crítiFinalmente, a sétima razão que o melhor do mundo. próxima segunda-feira, 5 de junho, o a mais “cool” cos da CNNdia a considerarem Lisboa Depois, a CNN falou da cozinha, da boaJardim mesa Botânico ‘novo’ do Palácio Nacional deonde socidade da Europa prende-se com as ruas, portuguesa e das maravilhas que seQueluz. saboreiam. O bressaem os A reabilitação daquele azulejos eespaço a calçada.integra Embora os típicos comentário jornalístico chegou aooponto de afirprojeto global de recuperação dos Jardins e a reduzir passeios de calçada portuguesa estejam mar que Portugal já não é só bacalhau. Está-se pe-Nacional por questão de comodidade peões, do Palácio de Queluz, cujas dos obras es-a verdade rante um País de “chefs” e que sabem Há num é que total em Lisboa passeamos em cima de autênticas tão inovar. avaliadas de 815 mil euros. uma múltipla variedade de pratos que deliciam obras de arte. E mais, Lisboa teve a capacidade de qualquer forasteiro. Há de tudo para comer e beber exportar para Macau, Timor, Goa, Brasil, cidade de e a verdade é que, geralmente, é muito bom. Ceuta e todas as ex-colónias de África essa beleza A ironia dos portugueses também foi referen- de passeios de calçada portuguesa que só existe enFIGURA DO DIA A A DIA ciada. Dizem os críticos jornalistas que o humor tre nós. bem que nosEANES Tudo o que aqui se escreveu foi baseado num português é de “fino recorte”. Ainda MANUELA classificam assim, pois nós portugueses nem semFUNDADORA DO IACtrabalho de jornalistas da CNN e que muito inpre nos apercebemos do nosso valor e da forma fluenciam a opinião pública. Registamos com Lutou de 30 são mais como somos apreciados. As praias e os castelos agrado estados forma simpática de avaliação da capital anos defesa outros fatores que contribuem para a grandeza depela portuguesa e que, ao fim e ao cabo, tem muito a ver das crianças. Um Portugal. Todos sabemos que a costadireitos portuguesa com a nossa identidade. é riquíssima e que a qualidade das águas é inve50 anos na sexta-feira, trabalho notável, de dediJP jável.da Este ano existem mais de 600 cação, praias com a e resultados. 5, o início chamada paixão erra dos Seis Dias. Essa Aplauso unânime na hora erra, a segunda combatide deixar a presidência do e ganha pelas forças isseu instituto. PÁG. 20 litas sobre os países áradesde a fundação de Isl, em 1948, moldou o MéSUMÁRIO Oriente e o que são as reões anómalas entre ju10 ATUALIDADE: HOMICÍDIO. IDOSA DE 80 ANOS FOI ASFIXIADA ANTES DE SER COLOCADA NUM us e palestinianos. ARCA FRIGORÍFICA, EM SALREU, ESTARREJA. dia pode servir para rea História e verificar mo criou raízes o ódio de 15 PORTUGAL: ROUBOS. CM DIVULGA FOTOS DO SOLITÁRIO QUE FOI AUTOR DE CINCO ASSALTOS e. Para quem vive nos À MÃO ARMADA NO INÍCIO DO ANO. ritórios ocupados da jordânia ou de Gaza esse SAÚDE. A CRISE ECONÓMICA QUE tar atrás não pode ser 19 SOCIEDADE: O PAÍS ATRAVESSOU ENTRE 2011 E 2014 FEZ DIStanciado, pois 1967 siPARAR O CONSUMO DE ANTIDEPRESSIVOS. ficou a expulsão de quaum milhão de palestiniaESPECIAL: JUSTIÇA. JUÍZES DISCUTIRAM NO 24 ESTORIL s e a humilhação é repeCOMO COMBATER DE FORMA EFICAZ a nas revistas diárias de OS NOVOS FENÓMENOS DE CORRUPÇÃO. estinianos sempre que ram em terras de Israel a PANAMA PAPERS. O FISCO PORTU27 ECONOMIA: tir das suas próprias terGUÊS ESTÁ A INVESTIGAR 165 CONTRIBUINTES , boa parte delas ocupaQUE UTILIZARAM OFFSHORES. durante essa guerra que ora cumpre 50 anos. CIMEIRA. COSTA E MARCELO DIZEM 28 POLÍTICA: averá ainda esperança QUE A CLASSIFICAÇÃO DA DÍVIDA PÚBLICA PORpaz quando para Israel o TUGUESA TEM QUE SAIR DO NÍVEL ‘LIXO’. a dia se faz de vitórias e a os palestinianos é uma 30 MUNDO: VENEZUELA. SECRETÁRIO DE ESTADO essão de derrotas? A paz FAZ VIAGEM PARA AVALIAR PLANO DE CONTINplica perdão, implica o GÊNCIA PARA A COMUNIDADE PORTUGUESA ase inumano distancianto tão bem narrado DESPORTO: CHAMPIONS. CRISTIANO RONALDO 32 ESTÁ o judeu David Grossman CONFIANTE NA VITÓRIA NO EMBATE COM A romance ‘Até ao fim da JUVENTUS NO PRÓXIMO SÁBADO EM CARDIFF. ra’. Mas saberão os patinianos perdoar décaFESTIVAL. A ORGA36 CULTURA&ESPETÁCULOS: de sofrimento? E saberá NIZAÇÃO DO SUPER BOCK SUPER ROCK QUER ael existir aceitando traESGOTAR OS TRÊS DIAS DE CONCERTOS. fronteiras numa terra e quis sua?n VÍDEOS CM E TAMBÉM...

OPINIÃO

31.05.17

QUARTA-FEIRA31 MAIO 2017

QUIOSQUE

Correio de hoje

té ao fim a terra

NCISCO J. GONÇALVES ALISTA

q

Meteorologia 34 • Farmácias 34 • Passatempos 35 • Efemérides

Bate recorde sobre corda 31 Festival espera receber 60 mil 36

02 I OPINIÃO

03.06.17 Correio de hoje O CICLISTA TRANSPARENTE Um corpo humano mumificado, através da João Vaz técnica ‘plastinação’, compõe a obra ‘O CiclisJornalista ta’ que faz parte da exibição ‘O Mundo do Corpo e o Ciclo da Vida’ inaugurada na cidade austríaca de Graz. A ‘plastinação’ é uma técnide cadáveres inventada e que portugueses ou finlandeses, odos os dias surgem notí- ca de preservação pelo anatomista Gunther von Hagens. relacionar-se, mesmo sem ter nada cias que nos apontam os rupara negociar, com o outro lado do mos da humanidade. Resmundo. pigo, entre nós, a ida à Jordânia da PUB No final da semana passada, na equipa de cirurgia cardíaca do dr. DIA A DIA festaDO deDIA finalistas da elitista UniverManuel Antunes, dos Hospitais da FIGURA sidade de Harvard, nos EUA, o funUniversidade de Coimbra, para ANTÓNIO MEXIA dador da rede Facebook, Mark operar numa semana 14 crianças PRESIDENTE EXECUTIVO DA EDP Zuckerberg, destacou que a atual refugiadas da guerra na Síria e os O gestor é um doséarnova geração a mais caridosa de milhares de voluntários envolvidos guidos na investiga-num ano, três em toda a História: na recolha de dádivas para os BanJustiça aos contracada quatro, da que chamou ‘geracos Alimentares Contra a Fome. Lá ção da Os Estados Unidos Horário querem tos milionários das rendas çãoSerpa y’, fizeram um fora, as maiores Tina poderSegunda poluir à vontade. do mercado elétrico. Está a Sexta-feira: 9h00 - 21h00 donativo; emoções envolveSales Manager e sete em Trump adora combustíainda na MAIS mira da Justiça o dezPortuguês O QUE HOJE Falamos recolheram ram o atentado Sábado: 9h00os - 20h00 • Domingo: 11h00 - 18h00 veis fósseis a indústria pepatrocínio da EDP ao cursofundos para orgaterrorista dee ManIDENTIFICA QUALQUER - COLCHÕES - ELECTRODOMÉSTICOS - ELECTRÓNICA MÓVEIS sada. Diz que o aquecimento de Manuel Pinho. P. 4 E 5 nizações caritatichester, no final de JOVEM, MULHER OU global é uma “chinesice” invas. Deram dium espetáculo da ventada para destruir a HOMEM É SENTIR-SE nheiro e tempo. intitulada ‘DigresAmérica. CIDADÃOSUMÁRIO DO MUNDO O tempo não é são da Mulher PeTrump abomina o verde. dos finalistas exrigosa’ (Dangerous ATUALIDADE: ENERGIA. JUDICIÁRIA FEZ BUSGosta de carne de vermelha, na bebida e no despudor, Woman Tour), Ariana Grande. 04 cessivos CAS NA REN E NA EDP. ANTÓNIO MEXIA E MANSO cerveja e Whisky doacontecimenTennem a globalização origem de desiO comum dos três NETO FORAM CONSTITUÍDOS ARGUIDOS. nessee, e quer que preocupação as fábrigualdades gritantes. Tais avaliações tos é a indubitável das cas americanas possam ter sofrem de erros semelhantes a depessoas com as outras, vivam perto PORTUGAL: AGRESSÕES. PAIS RETIRAM FILHO aslonge. chaminés ativas 24 horas a descoberta do fogo porDE ou A atenção não se restringe15 negrir DOS PUPILOS DO EXÉRCITO, QUEIXANDO-SE por dia. provocar queimados. A10 luz que brià nossa terra, onde nascemos e viNOVAS AGRESSÕES AO MENOR DE ANOS. Trump produzir. se lha no mundo é a solidariedade e a vemos. O quer que hoje maisEidentifica para issojovem, é preciso poluir,ou homem luta opõe,QUEIXAS. como VIA dizVERDE Zuckerberg, qualquer mulher SOCIEDADE: RECUSA TROnão será nenhuma 18 “as forças da liberdade, da abertura é sentir-se cidadãoMerkel do mundo. CAR PILHAS DOS DISPOSITIVOS, OBRIGANDO nem nenhum queaoUnião de espírito e da colaboração interMesmo quandoMacron se critica CLIENTES A COMPRAR OU ALUGAR UM NOVO. vão impedir. nacional contra o autoritarismo, o Europeia e a globalização, os cida“Aquerem Américaser primeiro!” o nacionalismo”. dãos europeus, mais ESPECIAL: MÁFIA DEeBRAGA. SETE ARGUIDOS n 25 isolacionismo Foi com este slogan que QUE SE ENCONTRAM EM PRISÃO PREVENTIVA Trump conquistou a Casa ESTÃO A UM PASSO DE SAIR EM LIBERDADE. Branca. E agora quer retirar RATING SAÍDADE PORTUGAL DO ‘LIXO’ FACILITAORÇAMENTO DE 2018? PÁG. 28 de cima das costas dos inECONOMIA: BES. COMISSÃO LIQUIDATÁRIA TEM 30 LISTA DE MAIS DEO19ELOGIO dustriais americanos essa COMEÇA COM A POUPANÇA NOS EUROPEU AO 300 CREDORES E INSTITUIcoisa incómoda... e cara, ÇÃO TEM BURACO DE 5,6 MIL MILHÕES. JUROS, SEGUINDO-SE UMA POLÍDESEMPENHO DA ECONOque se chama “responsabiTICA DE COLOCAÇÃO DE DÍVIDA MUITO MAIS MIA PORTUGUESA COLOCA EM SElidade ambiental”. POLÍTICA:PLANO SEGURANÇA. MARCELO EXIGE CONATRATIVA PARA TODOS OS INVESTIDORES IN- 33 GUNDO A QUESTÃO DO RATING. Se carros europeus têm Aoos apresentar estePOUPAMOS EM TORNO DADE NOMEAÇÃO DOTEM NOVO DE CHE-RETERNACIONAIS. E O QUE LÁ FORA, OSENSO ORÇAMENTO 2018 SÓ decupão ter um catalisador beneficie de para FE DAS SECRETAS. E ADMITE INTERVIR. SEMPRE SE PODE APLICAR CÁ DENTRO. FLETIR ESTA REALIDADE. diminuir as emissões de um desconto de MIGUEL A.GANHÃO CHEFE DE REDAÇÃO ADJUNTO PAULO JOÃO SANTOS CHEFE DE REDAÇÃO 50que dólares CO2 (o os torna mais 35 MUNDO: TERROR. DAESH RECLAMA AUTORIA DO caros), isso é um problema ATAQUE, QUINTA-FEIRA, EM MANILA, FILIPINAS, deles. Os automóveis FUTEBOL Grandes vão ameVOTO ON-LINE Responda sim ou não na A UM CASINO. MORRERAM 36 PESSOAS. ricanos vão andar em escaestar mais fracos página principal do site do Correio POSTA RESTANTE

Era de solidariedade

T

Feios, porcos e maus

sim

p

Feliz Dia de portugal!

não

1970 Dundas St. East Mississauga - ON Tel: 905-803-0000


CANADÁ

25 POR CENTO DA RECICLAGEM ESTÁ MAL SEPARADA

Toronto tem de melhorar separação de resíduos DIREITOS RESERVADOS

ELEIÇÕES | LIBERAIS PERDEM LUGAR

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

Câmara pretende melhorar a forma como é feita a reciclagem dos resíduos domésticos n Muitos torontenses pare- dentro do recipiente azul. Orpin diz que a câmara apacem estar confusos sobre o que devem colocar no caixote nha cerca de 200 mil toneladas de reciclagem e aquilo que vai de material reciclável por ano, para o caixote do lixo, e essa e atualmente cerca de 50 mil confusão custa milhões de dó- toneladas acabam por ser lixo. lares por ano. Assim, a câmara O custo para retirar mecânica municipal lançou um projeto ou manualmente o lixo e os piloto de seis meses que inclui contaminantes da reciclagem inspetores que vão passar pelos não é barato. Segundo Orpin, caixotes de reciclagem residen- isso está a ter um custo adiciociais para apanhar os materiais nal para a cidade de 5 a 6 milhões de dólares por ano. indesejados. Parece que as pessoas ainda De acordo com o departamento de gestão de resíduos estão muito confusas sobre a municipais, 25 por cento do separação correta do lixo e das que é recolhido dos caixotes embalagens para reciclagem. Por agora, não há direito a de reciclagem não pertence a essa categoria. Por isso, Robert multas se forem encontrados Orpin, o diretor de recolha de itens errados no caixote de reresíduos e operações de lixo da ciclagem. Mas isso poderá vir cidade, diz que contratou uma a mudar. Orpin avisa que no equipa temporária para inspe- futuro é provável que sejam cionar visualmente o que está passadas multas. n

Os Conservadores saíram vencedores das eleições intercalares provinciais em Sault Ste. Marie, Ontário, ficando agora com o assento parlamentar que estava na posse dos Liberais. Ross Romano venceu o candidato do NDP, Joe Krmpotich, e o Liberal Debbie Amaroso ficou em terceiro.

ECONOMIA

MEDIDA VISA REDUZIR IMPATO DAS TARIFAS ADUANEIRAS DOS EUA

Indústrias de madeira com apoio de 867 milhões de dólares

O

ministro dos Recursos Naturais, Jim Carr, anunciou um apoio financeiro de 867 milhões de dólares para ajudar a indústria produtora florestal e transformadora de madeira a enfrentar o impacto da punição de novas tarifas dos EUA nas exportações canadianas de madeira macia. O pacote anunciado na quinta-feira inclui 605 milhões de dólares em empréstimos e garantias de empréstimos para ajudar a amortecer o golpe nas empresas florestais e ajudá-las a explorar novos mercados e inovações. Há também uma verba de 260 milhões de dólares para os próximos três anos para expandir os programas existentes, de modo a diversificar a base de mercado de produtos de madeira, permitir que o setor

DIREITOS RESERVADOS

3

A indústria de madeira do Canadá, perante as novas tarifas aduaneiras impostas pelos EUA, deverá começar a procurar outros mercados

florestal indígena explore novas iniciativas e amplie os limites do acordo de compartilhamento de trabalho para minimizar os despedimentos. Carr disse que o pacote não visa apenas responder às tarifas dos EUA, mas posicionar a indústria do Canadá para o futuro. O pacote de medidas

também inclui 80 milhões de dólares para apoiar os trabalhadores que desejam atualizar as competências e mudar para uma indústria diferente, bem como uma verba de quase 10 milhões de dólares para ampliar o programa de compartilhamento de trabalho do EI, que subsidia os salários dos trabalhadores elegíveis que

aceitam turnos com horário reduzido para evitar despedimentos. Haverá também 10 milhões de dólares, ao longo de três anos, para a Iniciativa Florestal Indígena de forma a incentivar a participação no setor florestal. O pacote de apoio federal foi bem-recebido pela indústria canadiana. n PUB

A tradition of care A tradition of care A tradition of c Bathurst Chapel 366 Bathurst St. Toronto, ON M5T 2S6 T 416.603.1444 F 416.603.1963 Annette Chapel 92 Annette St. Toronto, ON M6P 1N6 T 416.762.8141 F 416.762.7016 Bereavement Centre 86 Annette St. Toronto, ON M6P 1N6 T 416.762.3478 F 416.762.3584

www.cardinalfuneralhomes.com Bathurst Chapel 366 Bathurst Street Bathurst Chapel Toronto, Ontario 366 Bathurst StreetM5T 2S6 T 416.603.1444 416.603.1963 Toronto, Ontario| FM5T 2S6 T 416.603.1444 | F 416.603.1963 Annette Chapel Honouring 92 Annette Street Lives, Comforting Loss Annette Chapel Toronto, Ontario 1N6 92 Annette Street M6PHonouring T 416.762.8141 416.762.7016 Toronto, Ontario| FM6P 1N6 Lives, T 416.762.8141 | F 416.762.7016 Comforting Bereavement Centre Loss 86 Annette Street Bereavement Centre Toronto, Ontario 86 Annette Street M6P 1N6 T 416.762.3478 416.762.3584 Toronto, Ontario| FM6P 1N6 T 416.762.3478 | F 416.762.3584

Honouring Honouring Lives, Lives, Comforting Comforting Loss www.cardinalfuneralhomes.com Kim Silva Loss Justin Rebelo Paige Tavares Clara Silva

Operations Manager

www.cardinalfuneralhomes.com Funeral Director Funeral Director Administrative Assistant

Bathurs 366 Bath Toronto T 416.6

Annette 92 Anne Toronto T 416.76

Bereavem 86 Anne Toronto T 416.76

www.ca


4

CANADÁ

TELEVISÃO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

‘OS DEZ MANDAMENTOS - NOVA TEMPORADA’ NA RECORD TV, CANAIS 875 DA BELL FIBE TV (HD) E 937 DA ROGERS

"O mundo está carente de gente como Simut, que se importa com as pessoas"

DIREITOS RESERVADOS

N

n Renato Livera

atural de Goiânia, o ator Renato Livera formado em Artes Dramáticas dá vida a Simut, uma personagem cómica e desajeitada, que compõe um dos pares românticos mais populares na superprodução épica 'Os Dez Mandamentos - Nova Temporada'. Depois de ter vestido a pele de vilão nas novelas 'Máscaras' (2012) e 'Pecado Mortal' (2014), Renato Livera, que se estreou nos palcos aos 15 anos, continua a evidenciar o seu talento na Record TV, em 'Os Dez Mandamentos - Nova Temporada' - exibida de segunda a sexta-feira, às 20 horas, nos canais 875 da Bell Fibe TV (HD) e 937 da Rogers. Se na primeira fase desta obra histórica da teledramaturgia brasileira a personagem Simut estava do lado dos egípcios e era assistente do sacerdote Paser (Giuseppe Oristanio), com o desenvolvimento da trama este 'adorável fracas-

sado' juntou-se aos hebreus, divertido. Eles são meio eratravessou os perigos do Mar rados, atrapalhados", conta o Vermelho e está a caminho da ator. Terra Prometida. O lado cómico da personaDurante esta viagem, gem interpretada por Renato aproxima-se da medianita Livera é outro dos destaques Jerusa (Thais Müller) - uma da produção épica. Para comdas irmãs de Zípora (Giselle por Simut, o ator recorreu à Itié) - ao lado de quem forma bagagem dramática adquirida um dos pares românticos da em trabalhos anteriores e à novela mais acarinhados pelo sua própria experiência. público. “O mundo está carente de "Simut atravessou mo- gente como ele [Simut], presmentos densos e dramáticos. tativa, que se importa com as Houve um período de trans- pessoas. E tem alma de crianformação e de questionamen- ça. O meu pai tem mais de 70 tos, em que ele passou a viver anos e é assim, e eu também. como hebreu, mas ao mesmo E quero continuar a ser assim tempo sentia na minha saudades do vida”, diz. Egito. Agora, “O meu pai tem Em 'Os esse romance Dez Manvai trazer uma mais de 70 anos e damentos certa renoNova Temvação à per- é assim, e eu tam- porada', o sonagem, vai ator apredeixá-la mais bém. E quero consenta-se leve. O casal tinuar a ser assim com cabelo vai aprontar e barba, algumas, será na minha vida” contrastan-

do com a aparência completamente livre de pelos - hábito adotado pelos egípcios daquela época por questões higiénicas - que tinha na primeira fase da novela. "Voltei cabeludo e barbudo e acho que o público vai gostar bastante. Estou curioso para saber", brinca. Seduzidos pela representação, muitos jovens, convictos do seu talento, ambicionam singrar no mundo da dramaturgia. Para eles, Renato Livera deixa alguns conselhos: "Coragem e persistência. Acho que são duas palavraschave para consigam sobreviver um longo tempo nessa profissão. A vocação é muito importante e o talento é um recheio válido, mas o que te faz durar e suportar as dificuldades é o amor por aquilo que se faz e a resistência, porque o tempo todo vamos estar em teste, estudando possibilidades e enfrentando dificuldades, que temos de superar". n PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE

5 PUB


CANADÁ

TORONTO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

ONTÁRIO LIMITA VERBAS PARA LINHA DE ALÍVIO

CAA AVALIA AS ESTRADAS DO ONTÁRIO

Hamilton tem a pior estrada

DIREITOS RESERVADOS

n A Associação Automóvel

Tory pede "compromissos firmes" no financiamento da nova linha

O

presidente da câmara de Toronto, John Tory, esteve na estação de metro Queen – um ponto de partida potencial para a futura linha de alívio do centro da cidade – para reiterar um pedido para que a província se comprometa a igualar os investimentos federais para a rede de transporte público. A Tory continua a pedir à Província para se comprometer com mais fundos de capital para a linha de alívio, que ainda está em fase de planeamento e que não deverá abrir antes de 2031. “Precisamos de compro-

missos firmes a nível financeiro para avançar”, disse Tory à CBC Toronto na quinta-feira, após uma reunião com outros presidentes de municípios de todo o Canadá. O Queen’s Park disponibilizou cerca de 150 milhões de dólares para ajudar a estudar a linha de alívio, mas disse repetidamente que é ainda muito cedo para se comprometer com mais dinheiro para o projeto. O ministro dos Transportes, Steven Del Duca, reiterou o compromisso de financiamento na semana passada, dizendo que é ne-

cessário mais trabalho de planeamento antes da Província disponibilizar mais dinheiro para o projeto. Ahmed Hussen, ministro federal da imigração, observou que Otava já deu cerca de 27 milhões de dólares para o projeto e defendeu os principais investimentos em infraestrutura provenientes do governo federal para os próximos anos. Tory mostra-se confiante de que o governo federal irá disponibilizar a sua parcela de dinheiro, no campo da infraestrutura, para a linha de alívio e outros projetos de trânsito na cidade. n

do Canadá diz que a Burlington Street East, em Hamilton, conquistou a duvidosa distinção de ter sido votada a pior estrada do Ontário em 2017. Segundo a CAA, os segundo e terceiro lugares na lista anual foram para a Dufferin Street, em Toronto e a Lorne Street, em Sudbury, Ontário. A Burlington Street East tem subido progressivamente no top 10 da lista (no pior sentido) desde que apareceu pela primeira vez na lista das Piores Estradas da CAA em 2009. A Dufferin Street apareceu por nove vezes no top 10 provincial desde o início da campanha há mais de uma

década. Mais de 3 mil estradas foram nomeadas em toda a província este ano. Raymond Chan, da CAA para o Sul-Centro do Ontário, diz que espera discutir os resultados da lista deste ano com responsáveis eleitos e funcionários municipais de toda a província nos próximos meses. As 10 piores estradas do Ontário para o ano de 2017: 1. Burlington Street East, Hamilton; 2. Dufferin Street, Toronto; 3. Lorne Street, Sudbury; 4. Maley Drive, Sudbury; 5. Queenston Street, St. Catharines; 6. Algonquin Boulevard West, Timmins;

7. Hunt Club Road, Otava; 8. Carling Avenue, Otava, e Duckworth Street, Barrie; 9. Algonquin Boulevard East, Timmins, e Yonge Street, Toronto; 10. County Road 49, Prince Edward County. Piores estradas por região • Central: Duckworth, Barrie; • Eastern: County Road 49, Prince Edward County; •Halton - Peel - York Durham: Hwy 7, Markham; • Niagara: Queenston St., St. Catharines; • North: Lorne St., Sudbury; • South West: Plank Rd. (Sarnia) • Western: Northfield Drive West (Waterloo). n

DIREITOS RESERVADOS

6

Burlington street em Hamilton, a pior estrada do Ontário para a CAA PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE

7 PUB


8

CANADÁ

I LUSOFONIA FESTIVAL

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

Um dia inesquecível para a BRAMPTON n PRIMEIRO LUSOFONIA FESTIVAL FOI SUCESSO ABSOLUTO A TODOS OS NÍVEIS

U

m dia perfeito! Céu azul - praticamente sem nuvens - e muito sol. Clima de verão no ar em plena primavera. O 1º Lusofonia Festival, promovido pelo Correio da Manhã Canadá no sábado, 3 de junho foi um grande sucesso. O evento reuniu aproximadamente duas mil pessoas no Garden Square, em Brampton, com uma programação cultural variada, muita diversão e um delicio-

so festival gastronómico. Içar da Bandeira de Portugal A programação começou com o içar da bandeira de Portugal em frente à câmara municipal de Brampton às 11 horas da manhã. Várias autoridades estiveram presentes, entre elas, a deputada federal Sonia Sidhu de Brampton South, o Cônsul-geral de Portugal em Toronto Luís Barros, vários vereadores e a presidente da

O vereador Martin Medeiros entregou os certificados de reconhecimento pelo trabalho feito na cidade de Brampton a Eduardo Vieira, António Moreira, Carmen Araújo, Louis Pacheco e Guido Pacheco PUB


I LUSOFONIA FESTIVAL

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

comunidade lusófona Cônsul-geral de Portugal em Toronto Luís Barros com Eduardo Vieira

A presidente da câmara de Brampton Linda Jeffrey proclamou o mês de junho como o mês de Portugal na cidade de Brampton

do vereador luso-canadiano Martin Medeiros. O vereador abriu a solenidade com a entrega de certificados de reconhecimento a cinco personalidades que se destacam na comunidade portuguesa em Brampton: António Moreira, da Banda Lira Por tugues a, A deputada federal Sonia Sidhu de Brampton South Carmen Araú-

câmara local, Linda Jeffrey. A cerimónia, que aconte-

ceu pelo segundo ano consecutivo, é uma iniciativa

Canadá, que trouxe para Brampton um grande projeto de comunicação que, para além do jornal impresso inclui a CM TV – um novo canal em língua portuguesa com 24 horas de emissão em direto de Portugal e também com a produção local de notícias. Depois da entrega dos certificados, a presidente da câmara de Brampton Linda Jeffrey fez um pronunciamento onde proclamou o mês de Junho como o mês de Portugal da cidade de Brampton. “É um reconhe-

jo, voluntária na área do desporto há mais de 30 anos, Guido Pacheco, ministro de comunhão da paróquia de Nossa Senhora de Fátima, Louis Pacheco, presidente do Clube Vasco da Gama, e Eduardo Vieira, presidente do Correio da Manhã Vítor Ferreira, produtor do I Lusofonia Festival

CANADÁ

9

cimento pelo esforço da comunidade portuguesa no desenvolvimento desta cidade,” explicou. A cantora Jessica Amaro cantou os hinos do Canadá e de Portugal e em seguida foi içada a bandeira portuguesa. Festival de cores e sabores A poucos metros dali, no Square Garden, após o içar da bandeira, foi iniciado o 1º Lusofonia Festival. As primeiras atrações mostraram logo que este seria um dia de muita diversão. (cont. pág. seguinte)

PUB


10

CANADÁ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

(cont. da pág. anterior)

O grupo de sambistas brasileiras “Tropicanas Queens” fez um belo espetáculo, com a participação do público já presente. O batuque forte e animado do TDOT Batu também do Brasil trouxe um pouco do carnaval brasileiro. Enquanto isso, as barracas da Nova Bakery & Grill, O Rei do Churrasco, International Sports bar, Borges Foods, Sul Irmãos Smoke House e Portas do Mar, serviam os pratos típicos e deliciosos da culinária lusófona e as crianças se divertiam com uma equipa a oferecer bichinhos feitos de balão e pinturas faciais. A deputada Sonia Sidhu foi chamada ao palco e entregou ao presidente do Correio da Manhã Canadá,

Tropical Queens

A presidente da câmara de Brampton Linda Jeffrey e o vereador Martin Medeiros com os responsáveis pelo International Sports Bar

Eduardo Vieira, um certificado de reconhecimento pela organização do 1º Lusofonia Festival. Além de valorizar as raízes culturais dos países de língua portuguesa, o evento ofereceu ao público a oportunidade de concorrer ao sorteio de um voucher de 1 200 dólares para a compra de uma viagem na

Correia Travel e 10 bilhetes para o concerto de Tony Carreira no dia 3 de novembro – ofertas do principal patrocinador Victor Ferreira da Ferreira Insurance & Investment Concepts Inc. Decisão no futebol e muita música no palco Como o dia era de decisão na Liga dos Campeões, a programação foi suspensa para que todos assistissem ao jogo de futebol entre o

Batucada brasileira

I LUSOFONIA FESTIVAL Marinho, Grupo de Concertinas Estrelas do Norte, Jéssica Amaro, Júlio Lourenço (Montreal), Grupo Folclórico do Clube Português de Mississauga, Allan Castro, David de Melo e Eduardo Sant’Ana Sonia Sidhu entrega um certificado (Portugal). do governo federal pelo I Lusofonia A melhor avaFestival a Eduardo Vieira liação do sucesso do 1º Lusofonia Real Madrid de Cristiano Ronaldo e a Juventus de Festival foi feita pelo público Turim. O craque português que lotou o Garden Square. como sempre brilhou e a “Estou a gostar em imenso vitória por 4 a 1 foi muito e fiquei surpreendido pela comemorada no Garden abundância de tanta gente e comida deliciosa!” disse o Square. Depois do jogo, recome- lisboeta Júlio Sampaio, um çou o espetáculo com o ca- artista comunitário que resirisma e o talento de artistas e de em Brampton há 40 anos. grupos folclóricos da comu- “Está tudo muito bonito! Eu nidade lusófona como Décio vim de Greenville até aqui Gonçalves, Tony Câmara, e estou a gostar muito mesRancho Folclórico Ribateja- mo!” falou a dona de casa no, Ricardo Cidade, Mário Manuela Génio, de Aveiro, que imigrou há 14 anos para o Canadá. “Vou voltar todos os anos se tiver. Pelo menos mais uns 25 anos eu espero!” concluiu o carpinteiro Januário Araújo, nascido na Ilha de São Miguel e imigrante há 43 anos. E ele que ainda acrescentou: “Vivo aqui há tantos anos e nunca vi algo assim. É uma grande iniciati-

va para toda a comunidade.” Além do patrocínio da Ferreira Insurance, o 1º Lusofonia Festival contou ainda com o apoio da LIUNA Local 183, SDA Building Services, City of Brampton, Downtow Bia, Ferma Foods e cerveja Sagres, CCWU – Canadian Construction Workers Union, Borges Foods, Senso Group & Building Supplies, Pavão Meats, J.G.Landscaping, Brazil Remittance e Faces Photo News Magazine. Um evento que superou todas as expectativas num dia em que os países unidos pela língua portuguesa apresentaram o que têm de melhor. Um festival que desde já é destaque no calendário de eventos comunitários do Canadá. n MA PUB


I LUSOFONIA FESTIVAL

Manuel Alexandre

Linda Jeffrey, Luís Barros, Martin Medeiros e Eduardo Vieira

Décio Gonçalves

Tony Câmara

Grupo Folclórico Ribatejano de Toronto

Martin Medeiros, Guido Pacheco e a esposa

Martin Medeiros entrega a Eduardo Vieira o certificado de reconhecimento da câmara de Brampton

Júlio Lourenço

LA / CMC

Representante da BIA Downtown Brampton

CANADÁ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

A equipa do CMC

Mário Marinho

David de Melo

Grupo Folclórico do CCPM

11

Ângela Mesquita representou a comunidade brasileira

Vítor Ferreira realiza o sorteio de prémios

Ricardo Cidade

Eduardo Sant'ana

Jessica Amaro

Grupo de Concertinas Estrelas do Norte PUB


12

CANADÁ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

AGÊNCIA IC SAVINGS APRESENTA EXPOSIÇÃO INTEGRADA NO PROGRAMA DO DUNDAS WEST FEST EM LITTLE PORTUGAL

Marieta Balthasar, à direita, elogiou a iniciativa de AnaBela Taborda

Memórias» remete-nos a recordações que Manuel d’Olivares tem da sua infância e parte da juventude vividas na Terceira, num voo que o artista faz entre Barcelona e Paris, onde vive e trabalha, até aquela Ilha. “As obras desta exposição, na linguagem plástica deste artista fortemente inspirado pela realidade urbana, pinturas sobre tela simulando cartazes publicitários sobrepostos, rasgados e deteriorados pelo tempo, trazem-nos recordações de tradições e cultura da nossa terra, algu-

mas que já figuram apenas na nossa memória.” – cita-se. Dentro da série Canadá, as obras novas pretendem fazer a ligação com as memórias daqueles que agora têm como terra o Canadá, em que o presente e, sobretudo o futuro, têm como fundações o passado, as raízes que trouxeram na bagagem. Ou como que a visão dos que trouxeram a sua cultura a estas novas terras que marcou a sua vivência e que de uma ou de outra forma continua presente nas novas gerações. A exposição tinha a cura-

doria de Ibérina (Raquel) Vilhena que aceitou o pedido de AnaBela Taborda para apresentar um trabalho que tivesse a ver com as culturas portuguesa e canadiana. Uma boa oportunidade para mostrar esta obra do artista português que é fortemente inspirada pela realidade urbana, fazendo um paralelismo entre a mistura das suas memórias, fruto de tantas mudanças de casa e de lugares, com a mistura de mensagens escondidas, como num palimpsesto (composição feita por diferentes em 2013, Raquel Vilhena “bocados de coisas”), que se procura manter-se fiel ao seu podem ler nos cartazes pu- projeto inicial, que continua blicitários sobrepostos, quando rasgados e deteriorados pelo tempo ou pelas gentes. Atualmente a dirigir uma Galeria de Arte em Toronto e com um portefólio de artistas portugueses que trouxe para cá quando se Pierre Hespanha, AnaBela Taborda, mudou de Lisboa, Tatiana dos Reis e Teresa Laranjeiro

vivo, que é criar uma ponte cultural entre Portugal e o Canadá. n LA

LA / CMC

LA / CMC

A

agência IC Savings no Little Portugal, em Toronto, recebeu a exposição «Voo às Memórias», de autoria de Manuel D’Olivares. A iniciativa estava integrada no programa da 5ª edição anual do festival de rua Dundas West Fest, que terá recebido ao longo de todo o dia de sábado mais de 90 mil pessoas. Para Anabela Taborda, responsável da agência IC Savings na Dundas, o objetivo principal da exposição passava por apresentar uma vez mais a arte portuguesa no Little Portugal, dando a conhecer um pouco da história passada, mas também retratando a forma e postura dos portugueses nos dias de hoje. “Esta coleção é interessante, porque tem as duas coisas”, disse Taborda. “Tem a parte do passado, que retrata os Açores, e tem uma parte mais moderna que retrata a vida dos açorianos em Toronto”. Como referido num texto da Agenda Cultural de Angra do Heroísmo, «Voo às

LA / CMC

Mostra de arte portuguesa "Voo às Memórias"

PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE 13 PUB


14

CANADÁ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

TORONTO n FESTIVAL ANUAL VAI NA 5ª EDIÇÃO E NÃO PÁRA DE CRESCER

O bom tempo atraiu milhares de visitantes à Dundas st. em Toronto

A Salsicharia Pavão participou uma vez mais no Dundas West Fest

LA / CMC

U A padaria Brasil unida para o Dundas West Fest

LA / CMC

LA / CMC

Milhares de pessoas no Dun

m troço da Dundas West, desde a Ossington à Lansdowne, voltou a ganhar vida, com a maioria das lojas, bares e espaços de restauração a “invadir” a rua para participar em mais uma edição, a quinta, do festival de um dia que mostra o espírito da comunidade ao longo desta artéria central no extremo oeste de Toronto. O dia solarengo e quente foi um elemento chave

para o sucesso, atraindo milhares de pessoas – estima-se que mais de 90 mil - para sair à rua e explorar ao máximo o programa de atividades e entretenimento de um festival que algumas organizações (já) incluem numa lista de festivais mais interessantes da temporada. O festival de rua decorreu das 11:00 horas da manhã, do dia 3 de junho, até à meia-noite, numa colaboração entre as associações

de comerciantes vizinhas Dundas West BIA e Little Portugal BIA, com a participação de associações de moradores, escolas, artistas, comunidades de fé, entre outros participantes. Para a presidente da direção do Little Portugal BIA, AnaBela Taborda, esta é uma iniciativa extremamente importante para os comerciantes que têm, desta forma, “uma oportunidade de se mostrar, que no PUB


CANADĂ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHĂƒ CANADĂ

15

quais, recebeu uma emissĂŁo especial da rĂĄdio comunitĂĄria, CIRV FM, com artistas portugueses em palco. NĂŁo faltaram tambĂŠm as zonas para artistas de rua, um

grande número de esplanadas, música ao vivo, comes e bebes, comÊdia, teatro, literatura e atividades para crianças de todas as idades. O mercado de roupa usada

(vintage) Ê tambÊm jå uma presença habitual. A Dundas esteve fechada à circulação de veículos automóveis e transporte público durante todo o dia, entre a Lansdowne e Ossington. As ruas Brock Avenue,

A Caldense Bakery montou uma esplanada

Dufferin Street, Dovercourt Road e Ossington Avenue permaneceram abertas ao tråfego automóvel. O Dundas West Fest nasceu de uma colaboração entre as associaçþes de proprietårios e negócios (BIA)

A Lota nĂŁo faltou Ă festa

Little Portugal e Dundas West, e conta com o apoio de vereadores locais. Este festival pretende ser uma celebração altamente envolvente, participativa e verdadeiramente local. n LA

A Azores Airlines fez-se representar no festival de rua

LA / CMC

FuncionĂĄrias da padaria e pastelaria Nova Era

LA / CMC

LA / CMC

dia-a-dia, com o trânsito e a falta de estacionamento, se calhar não têm�. A festa englobou vårios quarteirþes e contou com 4 palcos principais – um dos

A deputada federal Julie Dzerowicz com a sua equipa de apoio LA / CMC

LA / CMC

A vereadora Ana BailĂŁo esteve presente no Dundas West Fest

LA / CMC

das West Fest

PUB

Lynett Funeral Home: Um lugar especial para relembrar Você Ê único. Seus entes queridos são únicos. Então, num momento de necessidade ou quando planear o futuro, conte com Diane Moniz-Alves e Brent Potts para auxiliar em tudo o que você precisa para criar uma lembrança exclusiva.

Ligue hoje para planear tudo o que diz respeito ao funeral e ao cemitĂŠrio:

416-767-1176 Lynett Funeral Home

Pergunte sobre o nosso Kit Planeamento GRATUITO!

by Arbor Memorial

&WPFCU5VTGGV96QTQPVQ10çN[PGVVHWPGTCNJQOGEC Arbor Memorial Inc.

(COKN[1YPGF2TQWFN[%CPCFKCP


16

CANADÁ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

“Devem continuar a acreditar BRUNO DE CARVALHO NO SEXTO ANIVERSÁRIO DO SPORTING FC DE TORONTO

O

academia de futebol (soccer)", frisou. Após quase dois dias em Toronto, e com poucas horas para poder descansar, Bruno de Carvalho pediu desculpa por ter de sair mais cedo da festa, mas ele teria de viajar para a Guatemala, na madrugada de domingo, para inaugurar mais uma academia do Sporting, uma família que já está pelos quatro cantos do mundo. "Outra academia que é importante para a nossa família, para as nossas vidas, vamos também ajudar as crianças

A deputada federal Julie Dzerowicz reconhece o trabalho do Sporting FC de Toronto

Bruno de Carvalho com dirigentes, técnicos e jogadores do Sporting FC de Toronto

LA / CMC

LA / CMC

Bruno de Carvalho não escondeu o prazer pessoal de “ver esta academia crescer dentro dos nossos valores e princípios”. E dirigindo-se aos pais e avós dos atletas da jovem academia, o líder sportinguista realçou o seu papel importante na vida das crianças para a academia. "Vocês têm um papel importante, nós também, mas o principal é vosso. Para escolherem o caminho certo para os vossos filhos, ajudá-los a tomar as melhores decisões e acho que fizeram a melhor escolha em colocá-los nesta

LA / CMC

presidente de Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho, reconheceu o trabalho desenvolvido por toda a estrutura diretiva, equipa técnica e staff de apoio do Sporting FC de Toronto, a primeira Academia internacional do SCP, mostrando-se convicto que este é o local certo para os jovens atletas crescerem, tanto a nível humano, como futebolístico. Falando no jantar do sexto aniversário da Academia do Sporting de Toronto, num restaurante em Mississauga,

daquele país a crescerem, a concretizarem os seus sonhos, pois a nossa vida é preenchida com sonhos", disse.

Michael Macri a caminho de Alcochete Durante a cerimónia de sábado, o dirigente máximo leonino chamou ao palco Michael Macri, o segundo jogador de Toronto que vai integrar a academia do clube, em Alcochete, depois do jovem Lucas Dias, há três anos atrás. “É por isto que devem continuar a acreditar nos vossos sonhos”, observou Bruno

A deputada provincial Cristina Martins reconhece o trabalho do Sporting FC de Toronto

de Carvalho, dirigindo-se aos jovens atletas. Nuno Figueiredo, que faz parte da coordenação técnica de projetos desportivos que englobam as escolas academia sporting, destacou as características físico-atléticas interessantes de Macri, um atleta com um perfil psicológico de competitividade e empenho que sobressai também. No seu 3º ano no Sporting FC, o jovem de 16 anos de idade, admitiu ao CMC que se inspirou na etapa de sucesso de Lucas Dias e acredita que esta vai ser “uma grande experiência na 2ª melhor academia no mundo”. Com o sonho de se tornar um jogador de futebol profissional, na Europa, Michael Macri reconhece que vai sentir saudades dos pais, mas agarra-se à máxima que “temos de fazer sacrifícios quando procuramos alcançar os nossos sonhos”. No mundo do futebol, tem como referências os ex-futebolistas italianos Canavarro e Maldini. O programa da noite incluiu a apresentação de dois vídeos, um sobre a ida, em

abril passado, de uma comitiva do Sporting FC à Ilha da Madeira para participar na 5ª edição do Torneio Internacional Marítimo Centenário, também conhecido como Torneio da Páscoa. E um outro vídeo para reconhecer o trabalho desenvolvido por Pedro Dias, diretor técnico e treinador principal do Sporting FC de Toronto. Daniel Lewis, que representa o escalão sub-18, foi o vencedor da Bolsa de Mérito Desportivo Chris McCurbin-Parkin.

Trabalhar por um futuro risonho Em declarações à margem de uma cerimónia oficial no Brockton Stadium, na manhã de sábado, o diretor técnico do Sporting FC de Toronto, Pedro Dias, recordou as palavras de incentivo de Bruno de Carvalho e falou do orgulho geral por tudo aquilo que foi conquistado até ao momento. E garantiu que todos continuam a trabalhar para que o futuro seja risonho. “Só tivemos elogios e ele [Bruno de Carvalho] disse

PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

CANADÁ

17

Um jovem faz a oração antes do início do jantar Michael Macri (ao centro) é o segundo jogador de Toronto que vai integrar a academia do clube em Alcochete

O Sporting FC reconheceu o trabalho e apoio de muitas pessoas

Bruno de Carvalho acredita no futuro do Sporting FC

LA / CMC

Com mais de duas centenas de atletas, o Sporting FC Toronto, academia inaugurada em março de 2011, desempenha um papel determinante na divulgação da marca Sporting no Canadá. n LA

Uma noite de festa sportinguista PUB

LA / CMC

LA / CMC

que estamos a fazer um bom trabalho e que estamos a crescer”, regozijou-se, por seu lado, Augusto Pires, presidente do Sporting FC de Toronto, que faz um balanço 100 por cento positivo do projeto.

LA / CMC

Daniel Lewis recebeu a Bolsa de Mérito Desportivo Chris McCurbin-Parkin

LA / CMC

LA / CMC

Bruno de Carvalho interagiu bastante com os jovens atletas

LA / CMC

nos vossos sonhos”


18

CANADÁ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

TORONTO n COMEMORAÇÃO DOS 30 ANOS DE IMIGRAÇÃO BRASILEIRA NO CANADÁ

MA / CMC

uita emoção e, como é imprescindível numa festa brasileira, muita animação. Foi assim a comemoração dos 30 anos da imigração brasileira no Canadá: com um jantar de gala no Pearson Convention Center em Brampton que reuniu aproximadamente 900 brasileiros na noite do dia 27 de maio. Hoje a comunidade brasileira no Canadá tem aproximadamente 55 mil imigrantes, espalhados principalmente nas províncias de Ontário, Quebec e Colúmbia Britânica. Apesar da comemoração ser de 30 anos, na verdade os brasileiros começaram a chegar ao Canadá nos anos sessenta por conta de contratos de trabalho em empresas de mineração. A onda mais forte de imigração, no entanto, ocorreu no final dos anos oitenta, quando famílias inteiras e muitos jovens vieram para o Canadá fugindo da forte crise económica daquela época no Brasil. Durante o jantar, além da

MA / CMC

“Uma noite para ficar na memória de todos” M

apresentação musical da cantora Tati Meira que veio do Brasil com sua banda, também atuaram Cibelle Iglesias & Pedro Joel, Carlos McCartney, T.Dot Batu & Salviano Pessoa. Estiveram presentes a Cônsul-geral do Brasil em Toronto, Ana Lélia Beltra-

me e a deputada federal Julie Dzerowicz, representante de Davenport, Toronto, onde há uma grande concentração de brasileiros. A deputada leu uma mensagem do primeiro-ministro Justin Trudeau para os brasileiros que vivem no Canadá. A vereadora luso-canadiana Ana Bailão e a

deputada provincial Cristina Martins não puderam comparecer, mas enviaram mensagens. Um dos momentos de maior emoção foi a exibição de um vídeo com fotos antigas da comunidade brasileira no Canadá. A descontração ficou por

conta de uma brincadeira com a empresária Ângela Mesquita, que comemorava o seu aniversário e recebeu o “Oscar de melhor organizadora de eventos”. A proprietária da empresa Brasil Remittance, transformou a sua loja num verdadeiro ponto de apoio da comunidade, onde os brasileiros se encontram não apenas para enviarem as suas remessas de dinheiro para o Brasil, mas também para fazerem contatos e conseguir informações e até empregos ou um imóvel para alugar. Em parceria com o português Luís de Castro, Ângela

Mesquita organizou a festa que considerou quase perfeita: “Foi uma noite magnífica. Os convidados fizeram uma viagem ao passado. Muita emoção ao rever as fotos de quando aqui chegaram e reencontrar os amigos de longa data. Senti também um nó na garganta quando foi pedido um minuto de silêncio em respeito aos nossos amigos que já partiram desta vida. Quando a banda começou a tocar foi só alegria. Enfim uma noite pra ficar na memória de todos. Que possamos continuar unidos para uma comunidade mais forte!” . n MA PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

CANADÁ

19

MA / CMC MA / CMC

MA / CMC

MA / CMC

PUB

PUB


20

CANADÁ

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

MONTREAL n MÚSICO, CANTOR E AUTOR ZÉ PERDIGÃO FALA SOBRE A SUA CARREIRA E PERSPETIVA O FUTURO:

“Temos a responsabilidade e o dever de F

cantar em criança? - Digamos que eu apreciava a velha guarda que infelizmente já não está entre nós. Os nomes que eu mais gostava eram sem dúvida o de Amália Rodrigues e Alfredo Marceneiro.

VL / CMC

ilho de mãe minhota e de pai transmontano, José Salgado da Silva Perdigão mais conhecido por Zé Perdigão é um artista de mente aberta apaixonado pelo fado sem qualquer medo da evolução deste. Em 2008, após lançar o seu primeiro disco “Os Fados do Rock”, a convite do produtor José Cid, o cantor começa a pisar os palcos tendo sido convidado de seguida em 2010 para fazer a abertura da digressão europeia do artista americano Michael Bolton que teve lugar no Coliseu dos Recreios em Lisboa. Com uma aceitação por parte não só do público como também da imprensa, o vimaranense grava em 2012 o disco “Sons Ibéricos” também este produzido por José Cid e gravado igualmente em DVD no Casino de Lisboa. Foi também em 2012 que Zé Perdigão deu voz ao espetáculo “Variações” prestando assim homenagem ao cantor António Variações que perdeu a vida em 1984.

O fadista Zé Perdigão atuou acompanhado por Steven Gomes, Liberto Medeiros, José João e Paulo Gomes, musicos locais

Atualmente a preparar o seu próximo trabalho musical, “Entre Fados” estará brevemente presente nas plataformas digitais. De passagem em Montreal, participou no dia 2 de junho no evento “Fados para Nossa Senhora” juntamente com os artistas locais Marta Raposo, Suzi Silva, António Horácio, Carlos Rodrigues e José João

que também acompanhou à viola juntamente com Paulo Gomes e Liberto Medeiros e o jovem Steven Gomes à guitarra portuguesa. O Rancho Portugal de Montreal e a Tuna D'oiro também estiveram presentes para celebrar o encerramento do centenário das aparições de Fátima tornando o momento memorável. PUB

Zé Perdigão aceitou dar uma entrevista intimista ao CMC, na residência do seu amigo de longa data, o padre José Maria Cardoso. CMC: De onde nasceu essa enorme paixão musical? - Zé Perdição: Já foi há muito tempo...desde criança que cantei sempre num orfeão litúrgico em Fermentões que é a minha freguesia, no concelho de Guimarães e depois daí, parti para outros estilos musicais nomeadamente o pop, o rock, o étnico até encontrar o fado. Fale-nos desse encontro com o fado... - O fado já vem desde criança...estranhamente quando “ninguém” gostava de fado, que agora é moda, eu era o único da minha geração que o apreciava. Digamos que eu era um “ET” que gostava de cantar o fado quando “ninguém” gostava de o ouvir. Que fado é que gostava de

Qual foi o primeiro fado que cantou? - O meu primeiro fado foi um poema de Amália Rodrigues pelo qual eu me apaixonei muito que foi o “Estranha fora de vida”. Também gostava imenso de Frei Hermano da Câmara que tinha coisas lindíssimas... Este, cantava grandes poetas tal como Miguel Torga entre outros. A “Marcha do Marceneiro”, “Há festa na Mouraria” também foram fados que eu sempre cantei. Teve oportunidade de privar com alguns desses ídolos? - Nunca tive a felicidade nem de conhecer a saudosa Amália Rodrigues nem nenhum daqueles que eu gostava de ouvir talvez devido ao fato de Guimarães na altura ser muito longe de Lisboa pois de carro, naquela época, demorávamos mais de 9 horas a chegar a Lisboa! Como apaixonado da língua portuguesa, como se sentiu com a primeira vitória de Portugal no festival Eurovisão? - Achei que foi um furo de sorte. Confesso que não adorei as publicações do Salvador Sobral a cantar nas casas de banho (vídeos publicados nas redes sociais), pois achei depreciativo. Penso que os cantores devem levar a sua carreira muito a sério, mas também

tenho noção que hoje em dia, tudo é feito para se ter muitos “likes” (termo utilizado nas redes sociais para demonstrar o agrado a uma publicação). Pensa que foram esses vídeos que também influenciaram a vitória do Salvador? - Também influência! A estratégia foi muito bem montada e ainda bem felizmente, pois ele é um rapaz que tem uma voz “sui generis” (expressão de origem latina que significa “do seu próprio género”) e muito bonita. Depois, tem uma forma de estar em palco diferente que o torna genuíno e claro, tem uma irmã que é uma belíssima compositora que compôs uma música fora do comum do que é habitual no festival que nada tem de festivaleiro. Eles montaram uma estratégia muito boa que foi: desde o festival à Eurovisão, encheram os países eurovisivos com a canção através das redes sociais e isso despertou a simpatia dos outros países, porque já a cantavam, resultando assim em muitos votos públicos, não esquecendo que os votos físicos (júris dos outros países participantes) votaram maioritariamente em Portugal! À parte de tudo o que possa estar em bastidores, a canção é merecedora e como português, fiquei muito contente com a nossa vitória pois já merecíamos! Esteve em Montreal em 2015 para atuar no Festival Portugal internacional de Montreal. Como surgiu este regresso? - Antes de mais, tenho de referir que adorei participar no festival e aquela noite de PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

CANADÁ

21

fados com todos os fadistas locais foi maravilhosa. Este ano é a segunda vez que cá venho e há algo que me trás que é muito especial: o convite surgiu do padre José Maria Cardoso, um amigo de longa data. Já se conheciam antes do Festival em 2015? - Sim! O padre José Maria nasceu na minha freguesia, somos vizinhos e crescemos a apreciar a vida um do outro. Ambos seguimos caminhos diferentes. Ele escolheu ser missionário e andar pelo mundo e eu escolhi a vida da música e andar também pelo mundo., encontrando-nos assim periodicamente, mas sempre sendo grandes amigos mesmo que seja a distância. O padre José Maria teve sem dúvida um papel crucial na minha carreira... Fale-nos um pouco mais desse “papel crucial”? - Eu era ainda muito jovem, com 16 ou 17 anos, quando o padre José Maria realizou em Guimarães um

festival que se chama “Guimarães a cantar” que eram letras e musicas inéditas. Participei em muitos desses festivais ganhando muitos deles e isso também catapultou um pouco aquilo que eu sou para fora da fronteira da cidade de Guimarães. Esse evento foi muito especial na minha vida e ainda hoje existe e continua a lançar muitos artistas. Voltando a razão da minha vinda a Montreal, foi também derivado a uma despedida que o padre José Maria vai fazer desta comunidade para o ano sabático que após tantos anos a empreender nesta comunidade já merece. É um homem que puxa as pessoas para o lado bom das coisas e que une consensos. É um ser humano acessível e simples e mesmo que eu esteja no outro lado do mundo, aceitarei qualquer convite dele. Logo após a sua participação no Festival Portugal, existiu uma grande mudança na sua vida. Quer-nos desvendar qual foi?

O fadista Zé Perdigão está em Montreal a convite do seu amigo de longa data o padre José Maria Cardoso

- Sim, pois decidi ir viver para Cabo Verde. Abandonei momentaneamente o meu País com muita mágoa de quem o “desgoverna”. Com tanto “roubo” a acontecer, que para os governantes não se chama roubo e é segundo as leis um roubo lícito, a minha opinião é que o povo está sempre a pagar com aquilo que não tem pois é uma população humilde, muito amável e trabalhadora mas com um vício enorme. Um povo que gosta de amar e não merece este tipo de pessoas

VL / CMC

evoluirmos a cultura que herdamos”

a frente dos seus destinos. Com esta grande tristeza, voltei as costas “aquela gente” e fui para um País onde descobri outro povo belíssimo e uma vida muito simples para viver onde uns calções, uma t-shirt e uns chinelos bastam. Um povo muito pobre, mas com muita alegria e sinto-me bem onde estou. Também canta em Cabo Verde? - Também! Fui sempre muito bem aceite pela comunidade de músicos e cantores

de Cabo Verde e já começo a misturar o Fado com a Morna (género musical de Cabo Verde). Atrevo-me a dizer que morna tem muito de fado ou talvez o contrário, pois quem sou eu para saber quem nasceu primeiro “se a galinha, se o ovo”, o que para mim pouco me importa, pois o que realmente me interessa é que gosto do sentimento que é transmitido! Futuramente, quero lançar um álbum com esta fusão. O que acha da constante evolução do fado? - Fico surpreso com a forma como tantas fusões são feitas. Eu não quero saber como misturam o fado mas sim como é cantado e o sentimento que me transmite ao ouvi-lo. Desde que me toque, é arte! Nunca serei uma pessoa com “palas” pois essas, são para os burros! A cultura não é estagnada e nada na arte o é, pois a estagnação significa acabar. Nós temos a responsabilidade e o dever de evoluirmos a cultura que herdamos e se o fado tem

esta evolução constante e o fado voltou a ser fado, foi porque nós incutimos isso naquilo que nos deixaram, porque se continuássemos a fazer fundamentalismos com o que é o fado, o fado estaria morto! Sei que passou também por Toronto. Como é que foi a sua passagem por lá? - Estive em Toronto e, vindo ao Canadá, não poderia faltar e ir visitar a catedral do fado “Lisbon by night”. Foi uma noite maravilhosa e agradeço não só a gerência daquela casa como também a quem esteve presente. Para mim é sempre um gosto muito grande visitar esta grande comunidade portuguesa do Canadá e mesmo à distância, estou sempre atendo ao que se faz por cá! Por onde passa, Zé Perdigão é aplaudido e apreciado pelo seu público tendo sido o primeiro português no mundo a ser distinguido como “Cidadão Honorário de Buenos Aires”. n VL PUB


22

CANADÁ

MONTREAL

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

FESTAS DO SENHOR SANTO CRISTO

MR / CMC

MR / CMC

os mais teimosos. No sábado 21 de maio, as festas começaram com a saída da imagem do Senhor Santo Cristo, acompanhada pela Filarmónica do Divino Espirito Santo de Laval e os cada vez mais numerosos motoqueiros da comunidade, um cortejo com caracter. Depois da missa os fiéis festejaram orgulhosos com Jorge Ferreira, cantor da velha-guarda, originário de São Miguel mas residente em Nova Inglaterra. Uma surpresa que agradou a todos que dificilmente arredavam pé do recinto, mesmo depois do concerto ao ar livre,

convidando o pessoal a continuar a dança compana nhia de Júlio Lourenço no grande Salão da igreja Santa Cruz. Foi no domingo, depois da tradicional procissão, no mesmo molde do que a de sábado, e depois da missa, que o Padre Carlos Dias, da Paroquia de Laval, se mostrou grato em presidir, que o grupo folclórico Estrela do Atlântico de Laval teve a primazia, ao lado dos convidados dançarinos do grupo Rancho folclórico de Barcelos de Toronto. Mas o momento alto de domingo parece ter sido mesmo a atuação da humorista Tia Maria do Nordeste, vinda diretamente dos

Açores para relembrar aos portugueses que há sempre maneira de rir das nossas maleitas sociais. Foi assim, na fé, na alegria e no bom humor que as festas do Senhor Santos Cristo decorreram este ano na comunidade portuguesa de Montreal. n MR

MR / CMC

A

ameaça de que não haveria festa do Senhor Santo Cristo este ano em Montreal, pairou no ar, mas felizmente, com uma nova equipa de voluntários cheios de fé, liderada por Roberto Carvalho, presidente da Associação QuebeQuente, a maior festa religiosa anual da comunidade trouxe mais uma vez os portugueses e luso-descendentes da região às ruas do Plateau e ao recinto da igreja Santa Cruz, onde estiveram em maior numero. Esta nova organização apostou em artistas de renome, oriundos das nossas lindíssimas ilhas para cativar

MR / CMC

Voluntários garantem celebração

PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE 23 PUB


24

ESPECIAL

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

ESPECIAL

25

PUB


26

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

ECONOMIA


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

n A Secretária Regional da Solidariedade Social formalizou, numa cerimónia realizada em Ponta Delgada, a atribuição de 45 apoios à recuperação de habitação degradada e imóveis afetados por térmitas, num investimento do Governo dos Açores superior a meio milhão de euros. “O apoio a estas 45 famílias totaliza mais de 540 mil euros e resulta de um investimento direto do Governo Regional”, afirmou Andreia Cardoso, salientando que se trata de recursos exclusivos do Governo dos Açores, nomeadamente dos impostos de todos os Açorianos, que conferem ao Executivo "a responsabilidade de redistribuir os recursos em função daquelas que são as necessidades”. Na sua intervenção, salientou que estes apoios abrangem famílias de quase 30 freguesias da ilha de São Miguel, frisando que o principal objetivo é "conferir às pessoas uma habitação digna, que reúna condições de segurança e salubridade para os agregados que as habi-

tam”. Andreia Cardoso afirmou que esta política de apoio à habitação degradada, além da mais-valia que resulta da melhoria das condições de habitabilidade para as famílias, é igualmente relevante para a preservação e recuperação do património edificado e, por conseguinte, para a criação de condições para a fixação das pessoas nos seus locais de origem. Os apoios concedidos pelo Governo dos Açores em matéria de habitação não se esgotam, no entanto, na recuperação de habitação degradada, tendo a Secretária Regional apontado como exemplo o programa de Incentivo ao Arrendamento, que apoia atualmente cerca de 1 500 famílias e representa um montante de investimento público de quase três milhões de euros. Os apoios autorizados nesta cerimónia abrangem habitações dos cinco concelhos de São Miguel, nomeadamente Ponta Delgada, Lagoa, Vila Franca do Campo, Povoação, Ribeira Grande e Nordeste. n

27

DEMONSTRAÇÃO DE PORDUTOS REGIONAIS NOS PRINCIPAIS HIPERMERCADOS PORTUGUESES

Distribuição nacional aposta nos produtos açorianos

A

presença do setor agroalimentar dos Açores tem vindo a crescer na distribuição nacional com o contributo das medidas de promoção e divulgação dos produtos regionais, em espacial dos detentores do selo Marca Açores, e através da realização de missões empresariais à Região. Este reforço da presença da produção açoriana na distribuição nacional consolida a estratégia de aumento da exportação que tem vindo a ser implementada pelo Governo dos Açores através da Vice-Presidência, em colaboração com a Câmara de Comércio e Indústria dos Açores, no âmbito do Plano Açores Export 2017. Através deste plano, que possibilita a participação direta das empresas regionais em feiras e eventos dedicados ao setor, e onde a exportação tende a ser reforçada,

novas referências de produtos das nove ilhas dos Açores. Na primeira edição estiveram em campanha 260 produtos, dos quais 140 se constituíram como novas referências e, destas, mais de 40 ficaram em gaRealização de provas de produtos açorianos em ma permanente, hipermercados nas regiões de Lisboa e do Porto c o n t r i b u i n d o para um aumenAlém desta missão emtem também sido promovito de vendas na da a visita à Região de po- presarial 'Buyers Exchange', ordem dos 30 por cento no que permitiu durante três decorrer da campanha e de tenciais importadores. Nesse sentido, desloca- dias dar a conhecer 'in loco' cerca de 14 por cento em ram-se aos Açores repre- a origem dos produtos e os todo o ano de 2016, nestes sentantes do Grupo Auchan métodos de produção e fa- espaços. que visitaram as ilhas Ter- brico, decorreu a Campanha Esta é, assim, consideraceira e São Miguel, contac- de Produtos Alimentares da uma importante iniciatando com mais de 20 em- dos Açores nos supermer- tiva que, além de destacar cados El Corte Inglés de Lis- o que de melhor se produz presas regionais. O grupo português Au- boa e Gaia. nos Açores, se traduz efetichan, detentor dos hiperEsta iniciativa permitiu vamente em novas e reais mercados Jumbo e super- colocar à disposição dos oportunidades de negócio mercados Pão de Açúcar, consumidores destas duas para as empresas açorianas, conta com uma cadeia de 33 grandes superfícies, durante cada vez mais próximas do lojas em todo o país. duas semanas, cerca de 150 consumidor nacional. n DIREITOS RESERVADOS

540 mil euros para recuperação de habitação degradada em São Miguel

ECONOMIA

PUB


28

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

PORTUGAL


PUB


30

PORTUGAL

AÇORES

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

COMEMORAÇÃO DO 40 ANOS DA AUTONOMIA

Vasco Cordeiro defende “verdadeira pedagogia” dos

DIREITOS RESERVADOS

O

Presidente do Governo defendeu ontem, na Horta, uma “verdadeira pedagogia” da Autonomia no País, que permita esclarecer, combater o preconceito e apaziguar a desconfiança em relação a este projeto que trouxe, ao longo de cerca de 40 anos, benefícios concretos e objetivos para os açorianos. “A verdade impõe que se reconheça que há algo que tarda e que julgo fazer falta ao nosso País e à sociedade portuguesa no seu conjunto ao fim de quatro décadas de experiência autonómica: uma verdadeira pedagogia das Autonomias Regionais”, afirmou Vasco Cordeiro, na sessão solene do Dia da Região. Na sua intervenção na Assembleia Legislativa, numa cerimónia presidida pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o Presidente do Governo preconizou que, com esta pedagogia a nível nacional, é possível cumprir, “mais do que profissões de fé no dogma do Estado Unitário,

Vasco Cordeiro falou sobre os 40 anos de Autonomia dos Açores, nas comemorações oficiais do Dia da Região

o objetivo que a Autonomia tem como seu, e que é o do reforço da unidade nacional e dos laços de solidariedade entre todos os

Portugueses”. Nesta sessão, que também ficou marcada pela imposição das Insígnias Honoríficas a 30 Agracia-

dos, o Presidente do Governo destacou os resultados e os benefícios concretos para os Açorianos proporcionados pela Autonomia

em cerca de 40 anos. “Só estes resultados, que se refletem no nosso dia-adia, seriam suficientes para justificar – caso isso fosse

necessário – o enorme sucesso que constitui a Autonomia, não apenas para os Açores, mas também para o país, que, no curto espaço de tempo de algumas décadas, viu esta região insular dar um salto de desenvolvimento sem paralelo na história”, afirmou. Segundo disse, importa, agora, perguntar o que essa Autonomia garantirá aos Açores no espaço temporal da próxima década, uma preocupação prospetiva que é “essencial para que seja possível manter viva e dinâmica esta Autonomia de resultados”. “Não nos podemos dar ao luxo de, aqui chegados, 40 anos depois, considerar que a Autonomia se esgotou enquanto meio privilegiado para garantir o progresso, o desenvolvimento económico e social e o bem-estar daqueles a quem se destina”, alertou Vasco Cordeiro. Na sua intervenção, o Presidente do Governo considerou, também, que, se é verdade que a Autonomia não deve ser confundida com um “mero plano PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

e constrangimentos por aqueles que, cá ou lá, não compreendem, ou parecem não querer compreender, que o avanço dos Açores é o avanço de Portugal, que não querem compreender que a melhoria das condições de vida destas ilhas ou de uma família açoriana é, simultaneamente, a melhoria das condições de vida de uma parte do território nacional e de uma família que

é, também, portuguesa”, frisou Vasco Cordeiro. De acordo com Vasco Cordeiro, estes desafios estruturais terão, assim, de ser assumidos, também, como um “desígnio nacional, não como uma espécie de qualquer cedência, benesse ou favor a uma Região Autónoma, mas como uma estratégia comprometida, partilhada e assumida também pelo país”.

Vasco Cordeiro dirigiu-se ao plenário da Assembleia Regional dos Açores, na cidade da Horta

DIREITOS RESERVADOS

de fomento das nove ilhas”, é, também, verdade que a Região ainda tem desafios estruturais, os quais, se ultrapassados, “prepararão os Açores para enfrentar as próximas décadas com as condições necessárias de confiança e de esperança renovadas”. “Mas este percurso não poderá ser feito apenas por nós, Açorianos, e muito menos enfrentando obstáculos

Nesse sentido, o Presidente do Governo apontou três exemplos em que essa abordagem deve ser posta em prática, caso da Base das Lajes e dos seus efeitos na economia, na sociedade e no ambiente, nas possibilidades que se abrem no âmbito da exploração dos recursos do Mar e da forma como, na Região se pode intervir, decidir e beneficiar e ainda nas possibilidades que se abrem para, no âmbito da cooperação e relacionamento com entidades externas infra-estaduais, sejam elas províncias, estados ou organismos de cooperação, o país potenciar as suas Autonomias Regionais como fator de atração, de compromisso e de parceria. Vasco Cordeiro considerou, por outro lado, que, em cada um dos percursos dos Agraciados com as Insígnias Honoríficas Açorianas, é salientada a “determinação, a exigência, o exemplo de serviço ao outro, o profissionalismo ou a mestria que queremos potenciar e multiplicar como exemplo inspirador". n

31

MARCELO DE VISITA AOS AÇORES

Defende afetos e ataca Passos Coelho

DIREITOS RESERVADOS

benefícios da Autonomia no País

PORTUGAL

Fora da agenda oficial, o Chefe de Estado decidiu ir beber um gin ao conhecido bar Peter Café, na cidade da Horta n Foi preciso soltar-se das mandato, achava que o País amarras da agenda oficial pa- estava carecido de afeto. As ra o Presidente da República pessoas estavam pessimistas deixar um recado ao líder do e céticas. Estavam crispadas”, recordou, adiantando que um maior partido da oposição. Sem papas na língua, Mar- popular lhe disse que “o País celo Rebelo de Sousa criticou estava perdido”, numa alusão o racionalismo de Passos Coe- ao período pós-governo PSD/ lho e defendeu a política dos CDS-PP. E foi mais longe: “A viragem psicológica, que pasafetos. Ao final da tarde, o Chefe sou pelo universo dos afetos, de Estado decidiu ir ao conhe- foi uma viragem política funcido Peter Café, na cidade da damental.” Sem se referir diretamenHorta, Faial. Depois de brindar com vários responsáveis te a Passos, Marcelo afirmou políticos, incluindo o presi- ainda que “quem faça política dente do PS, Marcelo justifi- apenas na base do pensamencou o contacto com os popu- to, achando que os seres hulares com o fato de Portugal manos são cobaias, não está a ver toda a realidade política”. necessitarde afeto. “Quando iniciei o meu n PUB


32

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

SOCIEDADE


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

SOCIEDADE

33 PUB

CLIMATOLOGIA

Maio extremamente quente agravou seca sões sazonais verificase uma tendência para que ocorra um verão ainda mais quente do que o habitual.Relativamente à precipitação, os dados disponibilizados pelo IPMA não permitem indicar uma tendência. Em termos de precipitação, maio teve valores ligeiramente abaixo dos habituais para o mês, depois de um outono e inverno com quantidades de chuva claramente inferiores em relação à média dos últimos 20 anos. n

DIREITOS RESERVADOS

n Portugal Continental enfrenta uma situação de seca em 92,5 por cento do território. Apenas os concelhos de Montalegre e de Vila do Bispo registam um valor de precipitação de acordo como habitual, revela o último boletim climatológicodo Instituto Português do Mar e da Atmosfera. Um mês de maio classificado de “extremamente quente” agravou, assim, ainda mais a situação de seca. Desde 1931, apenas em 2011 e 2015 foram verificados meses de maio com uma temperatura média superior. O calor levou a que entre os dias 20 e 27 tenha ocorrido uma onda de calor no Interior. Nos próximos dias, a situação de seca irá sofrer um novo agravamento perante as previsões de bom tempo. Para amanhã há a indicação de 36ºC para Santarém, Setúbal, Évora e Beja. Em Lisboa são esperados 33ºC, 32 ºC em Faro e Coimbra e 25ºC no Porto. De acordo com as previ-

Interior de Portugal Continental é das zonas mais afetadas PUB


34

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

DESPORTO


Leia a qualquer hora a informação atualizada em:

www.correiodamanhacanada.com PUB


DESPORTO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

DIREITOS RESERVADOS

36


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

DESPORTO

37


38

DESPORTO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

FUTEBOL ÉPOCA 2016 - 2017


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

DIREITOS RESERVADOS

FUTEBOL ÉPOCA 2016 - 2017

DESPORTO

39


DESPORTO

FUTEBOL MUNDIAL 2018

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PRIMEIRA LIGA

DIREITOS RESERVADOS

40

PUB


FUTEBOL PRÉ-ÉPOCA 2017 - 2018

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

DESPORTO

41


42

DESPORTO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

FUTEBOL MUNDIAL SUB-20


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

DESPORTO

43

Anuncie no Correio da Manhã Canadá. Para saber mais, ligue 647-444-1240 PUB

DIVULGUE A SUA EMPRESA E OS SEUS PRODUTOS.

Ligue 647 444 1240 e saiba como


44

DESPORTO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

FUTEBOL SEGUNDA LIGA PRIMEIRA LIGA


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE 45 PUB


46

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

MUNDO


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

MUNDO

47

BREVES

PUB

PUB


48

MUNDO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE 49 PUB


50

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

SAÚDE


PUB

Leia o CMC a qualquer hora em www.correiodamanhacanada.com PUB

Diretores: Eduardo Vieira e Jorge Passarinho. Editor: José António Esteves. Edição: Mónica Fernandes e Grace Esteves. Redação - Toronto: Luís Aparício, Marta Almeida, Carlos Morgadinho, João G. Silva (Brampton, Mississauga, Oakville e Desp. Açores), Sónia Ribeiro, Luis Moniz (Astrologia) e Tony Campos (London). - Montreal: Luís Tavares Belo. - Lisboa: Media Consulting, Correio da Manhã e Record. Distribuição: Décio Gonçalves (Mississauga, Brampton, Oakville e Hamilton) e Carlos Rodrigues (Montreal). Publicidade: EFC Publishers & Promotions Inc (Toronto), Eddie Silva e Paulo Paulino (Montreal), Media Consulting (Lisboa). Propriedade/Editora: Universal Promotions & Publishers Inc. Brampton: 70 Summerlea Rd. Brampton, ON L6T 4X3, tel. +1 416 532 3666. Lisboa: Rua Dom Pedro Cristo, 1C, 1700-135 Lisboa, tel. +351 218 474 915. Published every Tuesday and Friday - Publica-se à terça-feira e à sexta-feira.

email: eduardo@correiodamanhacanada.com www.correiodamanhacanada.com © 2017 Universal Promotions & Publishers Inc.

FELIZ DIA DE PORTUGAL!


52

lazer

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

DIREITOS RESERVADOS

DIREITOS RESERVADOS

DIREITOS RESERVADOS


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE 53 PUB


54

TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

VIDAS

Leia a qualquer hora a informação atualizada em:

www.correiodamanhacanada.com PUB


Para anunciar no Correio da Manhã Canadá é fácil! Ligue 647-444-1240 e fique a saber como. PUB

DESEJAMOS A TODOS OS CLIENTES E À COMUNIDADE UM FELIZ DIA DE PORTUGAL!


PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE 57 PUB


58

CULTURA TERÇA-FEIRA 6 JUNHO 2017

& ESPETÁCULOS

TERÇA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

SÁBADO

DOMINGO

SEGUNDA

A. M. MONTREAL Previsão Metereológica

10ºC

17ºC 12ºC

22ºC 14ºC

23ºC 14ºC

23ºC 14ºC

23ºC 16ºC

23ºC

18ºC

27ºC

PROGRAMAÇÃO Terça-feira, 6 de junho

TORONTO 01:30 BOM DIA PORTUGAL 05:00 A GRANDIOSA ENCICLOPÉDIA DO LUDOPÉDIO 05:54 SOCIEDADE CIVIL 07:28 MANCHETES 3 08:00 JORNAL DA TARDE 09:10 BOMBORDO 09:36 O SÁBIO 10:19 A PRAÇA 12:13 A MINHA MÃE COZINHA MELHOR DO QUE A TUA - DIÁRIOS 13:00 PORTUGAL EM DIRETO 14:02 O PREÇO CERTO 14:59 TELEJORNAL 16:01 PORTUGAL FORA DE PORTAS 16:30 BRAINSTORM 17:14 AGORA NÓS 19:00 24 HORAS 20:00 MANCHETES 3 20:32 HORA DOS PORTUGUESES 20:45 FILHOS DA NAÇÃO 21:17 BRAINSTORM 22:00 NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO 23:02 O SÁBIO 23:45 PORTUGAL FORA DE PORTAS 00:15 FILHA DA LEI 00:59 ABC DIREITO 01:15 HORA DOS PORTUGUESES

Quarta-feira, 7 de junho

TORONTO 01:30 BOM DIA PORTUGAL 05:00 O OUTRO LADO 06:00 SOCIEDADE CIVIL 07:30 MANCHETES 3 08:00 JORNAL DA TARDE 09:30 FILHOS DA NAÇÃO 10:45 A PRAÇA 12:30 A MINHA MÃE COZINHA MELHOR

13:00 14:07 14:59 16:00 17:00 17:30 18:45 19:00 20:00 20:30 21:00 22:00 23:30 00:00

DO QUE A TUA - DIÁRIOS PORTUGAL EM DIRETO O PREÇO CERTO TELEJORNAL LUÍS FILIPE VIEIRA - A ENTREVISTA PORTUGAL FORA DE PORTAS AGORA NÓS HORA DOS PORTUGUESES 24 HORAS MANCHETES 3 PALAVRA AOS DIRETORES LUÍS FILIPE VIEIRA - A ENTREVISTA NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO PORTUGAL FORA DE PORTAS FRONTEIRAS XXI

Quinta-feira, 8 de junho

TORONTO 01:30 BOM DIA PORTUGAL 05:00 GRANDE ENTREVISTA 05:55 SOCIEDADE CIVIL 07:28 MANCHETES 3 08:00 JORNAL DA TARDE 09:30 PALAVRA AOS DIRETORES 10:00 O SÁBIO 10:45 A PRAÇA 12:30 A MINHA MÃE COZINHA MELHOR DO QUE A TUA - DIÁRIOS 13:00 PORTUGAL EM DIRETO 14:07 O PREÇO CERTO 14:59 TELEJORNAL 16:00 PORTUGAL FORA DE PORTAS 16:30 BRAINSTORM 17:15 AGORA NÓS 19:00 24 HORAS 20:00 MANCHETES 3 20:30 HORA DOS PORTUGUESES 20:45 SIM, CHEFE 21:14 BRAINSTORM 22:00 NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO 23:02 O SÁBIO

23:45 PORTUGAL FORA DE PORTAS 00:15 GRANDE ÁREA 01:15 HORA DOS PORTUGUESES

Sexta-feira, 9 de junho

TORONTO 01:30 BOM DIA PORTUGAL 05:00 GRANDE ÁREA 06:00 SOCIEDADE CIVIL 07:27 MANCHETES 3 08:00 JORNAL DA TARDE 09:30 VISITA GUIADA 10:00 O SÁBIO 10:45 A PRAÇA 12:12 A MINHA MÃE COZINHA MELHOR DO QUE A TUA - DIÁRIOS 13:00 PORTUGAL EM DIRETO 14:00 PORTUGUESES PELO MUNDO 14:59 TELEJORNAL 16:00 PORTUGAL FORA DE PORTAS 16:30 BRAINSTORM 17:15 AGORA NÓS 19:00 24 HORAS 20:00 HORA DOS PORTUGUESES 20:30 MUNDO SEM MUROS 21:30 PORTUGUESES NA NOVA INGLATERRA 22:00 NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO 23:02 O SÁBIO 23:45 PORTUGAL FORA DE PORTAS 00:15 UMA HISTÓRIA DE AUTONOMIA 01:15 HORA DOS PORTUGUESES

Sábado, 10 de junho

TORONTO 01:30 TUDO É ECONOMIA 02:15 LITERATURA AQUI 02:46 A ESSÊNCIA 03:00 BOM DIA PORTUGAL FIM DE SEMANA 05:00 CERIMÓNIAS OFICIAIS DO 10 DE JUNHO 07:00 HORA DOS PORTUGUESES 08:00 JORNAL DA TARDE PUB

09:10 09:30 14:59 15:45 16:15 17:45 18:15 19:00 20:00 20:26 21:00 22:02 23:00 23:30 00:45 01:30

VOZ DO CIDADÃO AQUI PORTUGAL TELEJORNAL LINHA DA FRENTE AQUI PORTUGAL CUIDADO COM A LÍNGUA A UM MAR DE DISTÂNCIA 24 HORAS CUIDADO COM A LÍNGUA NETWORK NEGÓCIOS 2017 DONOS DISTO TUDO NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO JANELA INDISCRETA CÁ POR CASA COM HERMAN JOSÉ LED ZEPPELIN POR JIMMY PAGE O PRINCÍPIO DA INCERTEZA

Domingo, 11 de junho

TORONTO 02:30 JANELA INDISCRETA 02:45 FOTOBOX 03:00 BOM DIA PORTUGAL FIM DE SEMANA 05:30 EUCARISTIA DOMINICAL 06:30 ZIG ZAG 06:45 BRINCAROLAS 07:00 ZIG ZAG 07:15 QUEM FALA ASSIM 07:45 ABC DIREITO 09:15 TODAS AS PALAVRAS 10:00 WHAT'S UP - OLHAR A MODA 11:30 INESQUECÍVEL 12:00 JORNAL DA TARDE 12:30 DIGA DOUTOR 13:15 SALVADOR SOBRAL AO VIVO NO SEIXAL 14:15 HORA DOS PORTUGUESES 14:59 TELEJORNAL 16:00 SOCIEDADE RECREATIVA 17:00 TRIO D'ATAQUE 19:00 24 HORAS 20:00 MANCHETES 3 20:30 DECISÃO NACIONAL 21:00 HORA DOS PORTUGUESES 21:45 VOZ DO CIDADÃO 22:00 NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO 23:00 90 ANOS - RUY DE CARVALHO

Segunda-feira, 12 de junho

TORONTO 01:30 BOM DIA PORTUGAL 05:00 CASAMENTOS DE SANTO ANTÓNIO 08:00 JORNAL DA TARDE 09:11 CASAMENTOS DE SANTO ANTÓNIO 14:59 TELEJORNAL 16:00 MARCHAS POPULARES DE LISBOA 2017 20:15 24 HORAS 21:15 MANCHETES 3 20:45 HORA DOS PORTUGUESES 22:00 NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO 23:03 O SÁBIO 01:16 HORA DOS PORTUGUESES

Terça-feira, 13 de junho

TORONTO 01:30 BOM DIA PORTUGAL 05:00 A GRANDIOSA ENCICL. DO LUDOPÉDIO 05:52 SOCIEDADE CIVIL 07:28 MANCHETES 3 08:00 JORNAL DA TARDE 09:12 BOMBORDO 09:30 O SÁBIO 10:15 A PRAÇA 12:12 A MINHA MÃE COZINHA MELHOR DO QUE A TUA - DIÁRIOS 13:00 PORTUGAL EM DIRETO 14:07 O PREÇO CERTO 14:59 TELEJORNAL 16:00 NOS PASSOS DE SANTO ANTÓNIO 17:00 BRAINSTORM 17:45 AGORA NÓS 19:00 24 HORAS 20:00 MANCHETES 3 20:31 HORA DOS PORTUGUESES 20:45 FILHOS DA NAÇÃO 21:15 BRAINSTORM 22:00 NOTÍCIAS DO ATLÂNTICO 23:00 O SÁBIO 23:45 FILHA DA LEI 00:15 VISITA GUIADA 00:59 ABC DIREITO 01:15 HORA DOS PORTUGUESES Somos alheios a cancelamentos ou alterações de programas, sendo as mesmas da exclusiva responsabilidade da RTP Internacional. A programação encontra-se no fuso horário da cidade de Toronto (EST).

6 a 12 de junho de 2017 por Luís Moniz (rikinho-astro@hotmail.com) CARNEIRO - A vida afetiva apresenta novas surpresas muito agradáveis, contudo, pondere sobre os sentimentos para não estragar as situações. A nível profissional a conjuntura concede boas bases de trabalho e, neste sentido, pode promover mudanças desde que bem equacionadas. TOURO - A vida afetiva marca algumas alterações positivas relacionadas com os sentimentos, pois, trarão bons benefícios para o futuro. A nível profissional as viagens estão favorecidas e podem surgir novas oportunidades provenientes de pessoas ou sectores improváveis. GÉMEOS - A vida afetiva exige empenho para tratar de questões antigas, portanto, aproveite cada momento disponível com grande intensidade. A nível profissional não deve mostrar qualquer tipo de receio, pois, com concentração e dedicação o sucesso está garantido. CARANGUEJO - A vida afetiva confere uma conjuntura estável e de evoluções favoráveis, aliás, aproveite os momentos positivos para retribuir afetos. A nível profissional o período é favorável para fazer poupanças, devendo evitar a todo o custo fazer despesas e investimentos desnecessários. LEÃO - A vida afetiva anuncia uma fase preciosa para as relações em curso, de forma a viver momentos de harmonia e ternura. A nível profissional faça uma gestão sensata do seu património e aceite opiniões e críticas. Fim de dúvidas face a caminhos a seguir. VIRGEM - A vida afetiva indica um período excelente para fazer convites românticos e procure expor de forma clara e objetiva os seus planos. A nível profissional conseguirá concretizar projetos e todos os gestos ou contatos darão resultados superiores às suas expectativas. BALANÇA - A vida afetiva define uma época em que todos os comportamentos estão marcados pela paixão. Podem surgir novos caminhos entusiásticos. A nível profissional estão favorecidas as atividades que envolvem grupos, comunicação e aspetos ligados ao convivo social. ESCORPIÃO - A vida afetiva reflete a tendência para o aparecimento de uma nova paixão muito intensa, contudo, evite magoar os seus sentimentos. A nível profissional atue com a maior lucidez e procure controlar os gastos, pois, terá tendência a gastar exageradamente. SAGITÁRIO - A vida afetiva permite a superação de dificuldades, por conseguinte, cultive atitudes positivas e utilize toda a sua energia otimista. A nível profissional procure explicar as situações de forma correta e detalhada, embora nem sempre encontro a compreensão desejada. CAPRICÓRNIO - A vida afetiva exige coragem para renovar profundamente as relações perturbadoras, de forma a encontrar serenidade e paz. A nível profissional todas as atividades exigem transparência e certos assuntos económicos terão desfecho muito favorável. AQUÁRIO - A vida afetiva apela à sua mente original que encontre, em cada caso, a melhor solução. Terá alguns desafios em que conseguirá triunfar. A nível profissional tudo indica que vai conseguir superar problemas importantes, ou iniciar novas atividades de interesse pessoal. PEIXES - A vida afetiva atravessa alguns conflitos inesperados, mas fundamentais para poder clarificar sentimentos e resolver divergências. A nível profissional a conjuntura evolui no sentido de maior estabilidade no trabalho. É boa altura para investir em atividades pessoais.

Divulgue as atividades da sua coletividade envie um email para info@cmcjornal.com


MANSÃO | MARILYN MONROE QUARTA

TERÇA

QUINTA

SEXTA

SÁBADO

DOMINGO

SEGUNDA

A. M. TORONTO

Previsão Metereológica

11ºC

14ºC

12ºC

16ºC 13ºC

21ºC

15ºC

21ºC 17ºC

21ºC 12ºC

15ºC

CANAL DO CORREIO DA MANHÃ VOLTOU A ULTRAPASSAR A CONCORRÊNCIA NO MÊS DE MAIO

AGENDA MONTREAL

(34 Caledonia Rd.), em Toronto.

n Parque de Portugal

- tel. 416-254-7060

n Academia do Bacalhau

MISSISSAUGA

n Centro Cultural Português de

Mississauga - tel. 905-286-1311 53 Queen St. West, Mississauga

• 17 de junho: - Cruzeiro anual no lago Ontario, animado pelo conjunto Sagres.

289 Dundas St. East, Unit 7, Mississauga

• 10 de junho: - Almoço de confraternização a seguir ao desfile do Dia de Portugal, no restaurante Bairrada (College St.), em Toronto.

CMTV domina o cabo desde o início do ano

n Casa dos Açores - tel: 416-603-2900

1136 College St., Toronto

• 18 de junho, 18h00: - Início das Festas do Divino Espírto Santo: abertura, exposição do Trono e recitação do terço.

TORONTO

• 19 a 22 de junho, 19h00: - Recitação do terço, seguido de convívio.

n ACAPO - tel.: 416-536-5961

n Peniche C. C. de Toronto

337 Symington Ave., Suite 203 , Toronto

- tel.: 416-533-8367

• 6 de junho, 20h30: - Reunião de preparação do desfile da Semana de Portugal, na Casa das Beiras

• 18 de junho, 07h00 - 12h30: - Concurso de Pesca, em Port Maitland.

279 Dovercourt Rd., Toronto

ESTADOS UNIDOS

“Trump acabou comigo”

n Kathy Griffin diz que Donald Trump está a destruir a sua carreira e que já recebeu ameaças de morte. “Ele acabou comigo”. Em causa, uma imagem onde a comediante segurava a cabeça decapitada do presidente dos EUA. Trump afirmou que o seu filho mais novo ficou traumatizado. Griffin foi despedida da CNN. n

Os principais rostos da informação da CMTV, canal que lidera a TV por cabo em Portugal há cinco meses consecutivos

n Em maio, e pelo quinto mês consecutivo, a CMTV liderou o consumo televisivo entre os canais de informação e foi o canal mais visto no cabo em Portugal. A estação do Correio da Manhã fechou o mês com um share médio de 2,42 por cento, contra 2,06 por cento da SIC Notícias e 1,83 por cento da TVI 24, de acordo com os dados disponibilizados pela GfK, a empresa que mede os níveis de audiência. Em média, a CMTV foi vista por 45 mil telespectadores em cada minuto do dia, o que significa uma vantagem de 7 mil telespectadores por minuto rela-

tivamente à SIC Notícias e de 11 mil em comparação com a TVI 24. De referir ainda que, no cabo, a RTP 3 registou um share de 0,93 por cento. Mas o canal público está presente, também, em sinal aberto, através da Televisão Digital Terrestre (TDT), a que somou outros 0,9 por cento de share. Contas feitas, a CMTV foi o canal de informação mais visto em oito dos últimos doze meses e reforçou o título de estação da televisão por cabo preferida dos portugueses. É líder absoluta do cabo em 2017. No mês de maio, o canal do Correio da Manhã voltou a lide-

DIREITOS RESERVADOS

• 10 de junho, 16h00: - Inauguração do painel de azulejos no parque de Portugal, com a presença do presidente da câmara de Montreal Denis Coderre e do Cônsul-geral de Porugal em Montreal, José Guedes de Sousa.

DIREITOS RESERVADOS

19ºC 14ºC

A casa onde a lenda de Hollywood residiu e foi encontrada morta acaba de ser vendida por cerca de seis milhões de euros. A mansão, que pertenceu à sex symbol dos anos 50, tem quatro quartos, três casas de banho, uma piscina e casa de hóspedes.

rar, também, o consumo televisivo entre os canais de informação nacional no horário nobre (período entre as 19h00 e a 01h00). Esta liderança está consolidada, apesar de a CMTV ser emitida apenas nas plataformas MEO e NOS (posição 8), enquanto os seus principais concorrentes estão presentes em todas as operadoras de televisão por subscrição. Neste horário, a CMTV registou um share médio de 2,11 por cento, contra 1,82 por cento da SIC Notícias e 1,79 por cento da TVI 24. A CMTV vai estar em breve disponível no Canadá. n

CENSURA

China controla os conteúdos

n A China quer que os produtores de conteúdos apenas distribuam programas que promovam a “cultura revolucionária chinesa” e se oponham brutalmente aos conteúdos que celebrem o hedonismo, o individualismo e a adoração do dinheiro. Esta exigência é, principalmente, dirigida aos programas online, que devem exaltar e elogiar o patriotismo, a terra mãe e os heróis do País. n PRODUÇÃO

Cleópatra em série de TV

n A história da última rainha do Egito vai voltar ao pequeno ecrã. A Amazon Studios está a desenvolver ‘Cleópatra’, uma série sobre a vida e morte da célebre faraó, e as relações com Júlio César e Marco António, que deverá estrear no próximo ano. Os criadores de ‘Velas Negras’, Jonathan E. Steinberg e Robert Levine, são os responsáveis pelo projeto. n

ANUNCIAR NUNCA FOI TÃO FÁCIL.

LIGUE 647-444-1240 E SAIBA COMO

PUB


CULTURA & ESPETÁCULOS

PATRIMÓNIO

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

n VIAGEM ENTRE AVEIRO E MACINHATA DO VOUGA

DIREITOS RESERVADOS

Vale do Vouga ganha comboio histórico

Primeira viagem do comboio que vai atravessar as paisagens do Vale do Vouga sai da estação de Aveiro a 1 de julho com destino a Macinhata do Vouga

P

ela primeira vez, a linha do Vouga vai ter um comboio histórico e a primeira viagem está já marcada para 1 de julho. A iniciativa da CP junta uma antiga locomotiva a diesel (fabricada em Espanha em 1964), a três carruagens (construídas na Bélgica, Alemanha e Portugal, em 1908, 1913 e 1925, respetivamente), que vão circular nesta linha a uma velocidade de aproximadamente 25 quilómetros por hora. O programa, revela o site da CP, arranca na estação de

Aveiro e tem como destino a Macinhata doVouga, onde será visitado o Museu Ferroviário. No regresso, o comboio pára em Águeda, para uma visita ao centro histórico da cidade. Durante a viagem está ainda garantida a animação nas carruagens com um grupo de música e cantares tradicionais da região a atuar a bordo. O programa, com uma duração de maisde cinco horas (incluindo as paragens em Macinhata do Vouga e em Águeda), custa 29,50 euros por passageiro (16 euros para

crianças dos 4 aos 16 anos). De acordo com a CP, estão previstas 14 viagens, sempre aos sábados, até 30 de setembro. Esta é a segunda linha de comboios históricos da CP, que já conta com uma viagem num comboio a vapor pelo coração do Douro (arrancou a 3 de junho e prolonga-se até 29 de outubro fará umtotal de 50 viagens), com um preço de 42,5 euros (19 euros para crianças). Quem pretender fazer os dois percursos pode comprar um bilhete único de 54 euros (26,5 para os mais novos). n

‘Piratas’ perdem fôlego 62,5 milhões no regresso ao cinema reembolsados AMAZON

n Seis anos depois da última aventura, a saga ‘Piratas das Caraíbas’ regressou às salas de cinema mundiais, com ‘Homens Mortos Não Contam Histórias’. Mas, apesar de ter amealhado 242 milhões de euros em receitas de bilheteira no fim de semana de estreia, o quinto capítulo da história protagonizada pelo capitão Jack Sparrow (interpretado por Johnny Depp) ficou longe do sucesso alcançado pelos dois últimos filmes nos primeiros dias em exibição. ‘Piratas das Caraíbas - Por Estranhas Marés’ (2011) somou 313 milhões de euros na estreia, enquanto ‘Piratas das Caraíbas: Nos Confins do Mundo’ (2007) amealhou 296 milhões. Os dados das duas primeiras longas-metragens, ‘A Maldição do Pérola Negra’ (2003) e ‘O Cofre do Homem Morto’ (2006), não são comparáveis, dado que não estrearam simultaneamente em todo o Mundo. Ainda assim, só nos primeiros quatro dias em exibição, as receitas de ‘Piratas das Caraíbas: Homens Mortos Não Con-

Johnny Depp (à esquerda) é o capitão Jack Sparrow

DIREITOS RESERVADOS

60

tam Histórias’ - realizado por Joachim Rønning e Espen Sandberg - já ultrapassaram o seu orçamento (206 milhões de euros) em 36 milhões. A saga da Disney já rendeu mais de 4 mil milhões de euros em receitas. n

n A Amazon iniciou o reembolso de mais de 62,5 milhões de euros a centenas de utilizadores. Em causa estão compras não autorizadas feitas por crianças em aplicações aparentemente gratuitas. As transações eram possibilitadas pelo facto de as opções de controlo parental não estarem ligadas por defeito. A medida surge na sequência da condenação da Amazon por um tribunal federal norte-americano. n TWITTER DE DONALD TRUMP

Quase metade dos seguidores são falsos

n A eleição para a presidência dos Estados Unidos trouxe mais de 13 milhões de novos seguidores para a conta de Twitter de Donald Trump. No entanto, de acordo com a Twitter Audit, plataforma que consegue analisar a legitimidade dos perfis que seguem uma determinada conta, cerca de 49 por cento dos seguidores de Donald Trump (15,2 milhões de um total de 31milhões) são falsos. Tendo em conta este indicador, vários especialistas avançam com a possibilidade de Trump ter comprado contas falsas para aumentar a sua popularidade. No entanto, qualquer pessoa o pode ter feito, mesmo sem autorização do detentor da conta. n PUB


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

PUBLICIDADE 61 PUB


Terça-feira, 6 de junho de 2017 • 62 | Sábado | 20 de outubro | 2012 |

VENDA TERRENOS E LOTES TERRENOS

e Ordenado por Concelho

ALUGUER APARTAMENTOS

LINHA DE CASCAIS

ALUGUER

OFERECEM-SE

ESCRITÓRIOS

OUTROS

e Ordenado por Concelho

e Ordenado por Freguesia

LISBOA CEDEM-SE 3 SALAS

ESTORIL T2 Monte Estoril Av. Pia Monte C/S Mobilia Cozinha Equip. 500€ Tel.:919523553

PARA ESCRITÓRIO: 15,41; 11,51; 8,43M2 AO LADO DA GULBENKIAN E COM MUITA LUZ Tel.:217970655217975793

ALMADA CHARNECA CAPARICA 18 Fogos permuta por Imóveis Em Projecto 2012 AMI9465 Tel.:919551382 Email:rodrigocarvalho@netcabo. MARGEM SUL pt Ordenado por Freguesia SINTRA -Casal Cambra 500m2 C/Licença a pagamento 3 vivendas Geminadas COVA DA PIEDADE T2 Ordenado por Concelho Tel.:917236558 Remodelado Perto de tudo. O próprio 360€ Tel.:966661118/ ALMADA CHARNECA 210837908 LISBOA CIDADE CAPARICA T1 300€ Usado 1990 Ordenado por Freguesia 105m2 Tel.:962872145 Email:rmtml@sapo.pt ALMADA CHARNECA LOURES | ODIVELAS CAPARICA BENFICA T2 remod c/novo T3 R/C MORADIA Coz Equip Ultima Oportunid. C/QUINTAL/JARDIM 500€ Ordenado por Freguesia 90.000€ Tel.:917258274 Usado 1990 220m2 /917612925 Tel.:962872145 LISBOA CIDADE SACAVÉM T2 Estrada Email:rmmtml@sapo.pt Ordenado por Freguesia Nacional 250 à entrada do Catujal, frente SLM, 2 quartos, S DOMINGOS BENFICA sala marquise, quintal 350€ MARGEM SUL T2 2 quartos prox. transpor. O Tel.:965072077 Ordenado por Freguesia Próprio Fiador 495€ SACAVÉM T2 Pç. República 2 Tel.:962525999 quartos 1 sala marquise quintal Ordenado por Concelho STA MARIA DE BELÉM T2 grande 500€ Tel.:965072077 SESIMBRA T2 Vendo pelo r/c 3 assoalhadas pequenas Preço da Renda (Habitação ou remodeladas 400€ Comércio) Tel.:924160607 AMADORA Eco-Oficina Tel.:219331983/ 932867069 Nacional cedência V. F. XIRA | AZAMBUJA Rede Oportunid. Única Urgente Ordenado por Freguesia Tel.:919749402

VENDA

APARTAMENTOS

e

ALUGUER

HOTELARIA E RESTAURAÇÃO

MORADIAS

COZINHEIRA M/F LISBOA

e

ALUGUER

e

APARTAMENTOS

Este suplemento faz parte integrante da edição número 12242 do «RECORD» e não pode ser vendido separadamente

e

e

TRESPASSES

e

E CEDÊNCIAS

e

VENDA

QUINTAS E MORADIAS

AMADORA | SINTRA

BELAS T2 Apart. mobilado, 3

ass. pronto habitar, muito bonito. 400€ Tel.:960234084 BURACA T1 Transportes. 350€ Usado 1979 35m2 Tel.:912642544 Email:ipedro08@gmail.com CACÉM T1 2 ass com cozinha QUINTAS e despensa, muita luz, Ordenado por Concelho desafogado. Fiador 340€ Tel.:919045303 REBOLEIRA T2 mob c/eq.coz SINTRA Quintinha 10000m2 renda 550€ (c/fiador) Junto Muita Água Árvores de Fruto Centro Saúde e perto clínica Zona Previligiada R.Herculano Carvalho 44-1ºE Tel.:217786114-963135258Tel.:963003278 964790908

e

MORADIAS

e Ordenado por Concelho REGUENGOS MONSARAZ T4 Casa Aldeia 7

divisões 135m2+terreno c/arvores fruto entrada várias viaturas Aceito Troca por Habitação ou Quinta- Margem Sul Tel.:969912244

e

e Ordenado por Freguesia

S MARCOS T3 BOA RENDA Recuperado 1994 100m2 Tel.:963051899 Email:carlosveloso1963@gmail. com

FORTE DA CASA T2 3 Andares remodelados, 1 c/quintal cimentado 350€ Tel.:937860230/ 212754648

ALGARVE

e Ordenado por Concelho SILVES T1 /T2 Armação Pêra Preços Especiais 4 semanas ou + até 15/6/13 Tel.:282315601

CASCAIS

garagem oficina/armazém terreno 600m2 água furo electric frente 40m ligação marginal - A5 cêdo 500€ mensais Tel.:919359900 LOURES Café- Casa de Pasto 2Pisos Sala Jogos Tel.:968994541-963136458 ODIVELAS - Frutaria muito bem equipada a funcionar . Tel.:936201199 OLHÃO TABACARIA/ PAPELARIA c/Payshop Gelados Sumos av principal local passagem c/bom movimento Tel.:966610404

COMPRO APARTAMENTO EM FORTALEZA – BRASIL Tel. 253 539 420 / Tlm. 962 505 268

LUMINOSA

RESTAURANTE MARISQUEIRA + Luz +Cor +Vida Mariscos e Pratos Especiais COMA BEM GASTANDO POUCO

Temos:

Sábado Tripas à moda do Porto e Caldeirada de Cabrito

PRECISAM-SE

Reabriu

Domingo Moamba de Galinha e Cozido Rico à Portuguesa

Av.ª Alm. Reis, 166C, Tel.: 218 478 342, Aberto ao domingo

Exper. Coz. Portuguesa Horário Seg. Folg Domingo Tel.:967002549

PRECISAM-SE CONSTRUÇÃO OPERDORES MAQUINAS

FERRAMENTAS M/F HOLANDA Precisam-se de TORNEIROS,FREZADORES MECANICOS para maquinas CNC ,que falem INGLES ,para a HOLANDA.Tornos verticais, paralelos ,frezadoras,centros de maquinagem controladores OKUMA,FANUC,SIEMENS,HA INDENHAIN etc... URGENTE PARA MUITO EM BREVE. contacto: Joao da Costa Mandar C.V.para Email:info@cosver.nl

PRECISAM-SE OUTROS ANGARIADOR de máquinas

de diversão matraquilhos M/F LISBOA /arredores Tel.:968043358 COMISSIONISTA M/F OEIRAS Venda SW ERP/Serv Informaticos Email:rec.humanos@sysdomain. pt MODELO-FEMININO Filme Erótico (pornográfico) M/F PORTIMÃO lucro 200€ Tel.:915236267 COLABORADOR M/F LISBOA precisa-se c/alguma experiência em ar condicionado. Responder ao Email:geral.tlac@limpezade condutas.com.pt COSTUREIRA com prática M/F OEIRAS /Paço D'Arcos em part-time Tel.:214411633965567319

MARINHEIROS Marinheiros com experiência para trabalhar na Holanda. Fala Inglês. Mais informações: Email:pjdavelaar@gmail.com

Procura

PREST DE SER

Sólidos con na área d domín funcionalida Concatenat

Respost info@s-s

PRECISA-SE PARA SALÃO EM ALG

CABELEIREIRA PROFISS MANICURA - Todo tipo u

Envio de curriculum/apresentação e disponib

rebeaute@sapo.pt

ADMITE-SE (M/F)

WEB DESIGNER

Com experiência com FLASH, H Base de Dados, aplicações An

Com muita criatividade para desenvolvimento de web

Ordenado: €500 mais prémios. Local de trabalho: Odivelas/Colinas do Ed. Metropolitan Bus

Enviar CV para: rh@supremaciada

ADMIS DE CONDUT

De Serviços em LIS

Empresa de referência no condutores de acordo com o s

• Carta de condução da Categ e CQM; • Habilitações literárias mínim • Idade entre os 23 e os 40 an • Fluência em Inglês e Espanh Francês e/ou Alemão); • Disponibilidade para trabal com trabalho suplementar.

Oferece-se oportunidade d prestigiada e sólida, num secto Respostas a enviar

recrutamento.cond


Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ

CLASSIFICADOS

63


64

PUBLICIDADE

Terça-feira, 06.06.2017 CORREIO DA MANHÃ CANADÁ PUB

Correio da Manhã Canadá 6 de Junho 2017  

Correio da Manhã Canadá 6 de Junho 2017

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you