Page 16

Pág 16 – Fevereiro 2009

Fronteira Oeste/Noroeste

Bombeiro Mirim ensina lições de cidadania Trabalho conjunto do CB com grupo de escoteiros reúne crianças carentes do município Foto: CB Alegrete

Desde março, uma parceria entre o grupo escoteiro Honório Lemes e o CB de Alegrete promove lições de cidadania para a criançada. Sob a coordenação do Sd Adão Roberto Rodrigues de Rodrigues, o Projeto Bombeiro Mirim mescla atividades das duas organizações. O projeto, que teve iniPrática: Bombeiros Mirins socorrem acidentado em simulação no 7 de setembro cío há quatro anos, busca a inclusão social de crianças carentes. Nas ter- se inserir no processo de cidadania. Nossa priças e quintas-feiras, além dos finais de sema- meira meta é contribuir para a formação deles, na, os alunos simulam atividades de primeiros mas também tentamos conduzi-los ao trabalho socorros e combate a incêndio. A integração junto ao CB dentro de seis anos”, revela. com a comunidade é total e o projeto, um suAlém de bombeiro, o Sd Roberto é escocesso. “Muitas crianças querem particicipar. Os teiro. Baseado nas lições que aprendeu no espais nos procuram com a intenção de inscrever cotismo, o PM ajuda na formação física e menseus filhos”, afirma. tal dos 60 jovens, cujas idades variam entre 10 Para garantir o sucesso do programa, são e 12 anos. “Somos solicitados para auxiliar em escolhidos 20 estudantes do ano anterior. Eles eventos na cidade. Com isso, as crianças se atuam como instrutores mirins somam-se aos tornam mais maduras e responsáveis”, ressal60 novos selecionados. Segundo o Cmt do CB ta. de Alegrete, 1ºTen Josué da Silva, os jovens Para quem deseja fazer parte do projeto, aprendem a respeitar limites e ter postura. “O em março será realizada prova. O teste de avaobjetivo é encaminhar as crianças carentes para liação abrange conteúdos da 4ª série.

Correio Brigadiano

Proerd duplica número de formandos em Santo Ângelo Foto: BM Santo Ângelo

Medalha da Boa Ação Uma iniciativa do Cmt do CB de Alegrete, 1ºTen Josué da Silva, com crianças de 10 a 12, ganhou o recoFoto: Arquivo pessoal nhecimento da comunidade em cerimônia na Câmara de Vereadores, no dia 8 de novembro. Ele recebeu medalha de Boa Ação de inte1ºTen Josué grantes do Bombeiro Mirim e Grupo de Escoteiros Honório Lemes pelo apoio ao desenvolvimento do escotismo em educação extra-escolar e inclusão social. “É com muita satisfação que recebo uma homenagem das crianças. É o reconhecimento por tudo que fazemos por elas, que muitas vezes têm um futuro incerto”, salienta. A parceria em atividades conjuntas com os escoteiros, no entanto, surgiu apenas no ano passado. Segundo o 1ºTen, a garotada tem aulas sobre meio ambiente e primeiros socorros. “Os alunos aprendem a respeitar as pessoas e colaboram nos trabalhos de conscientização desenvolvidos junto à comunidade”, afima.

De 1º a 10 de dezembro, em Santo Ângelo, a BM realizou a formatura do Proerd. No segundo semetre, o curso formou 879 alunos da 4ª à 6ª séries, de 20 escolas particulares, estaduais e municipais. Durante três meses, os jovens participaram de aulas educacionais com os três instrutores: Sgt Valnei Sarzi Eich, Sd Vera Lúcia dos Santos Famoso e Sd Colégio Teresa Verzeri serviu de palco para formatura de 300 alunos do programa Andréa Patrícia Santos da Silva. Segundo o Cmt do 7ºRPMon, Ten-Cel dos, para o próximo ano a previsão é aumentar José Lauri Bueno de Jesus, o Proerd é um su- o quadro de instrutores. “Para atingirmos mais cesso na cidade. “É um dos melhores progra- crianças, pretendemos acrescentar instrutores mas que temos, pois envolve inclusive as famí- ao projeto”, revelou. Os autores das melhores lias. No primeiro semestre, formamos 400. Au- redações de cada colégio - cujo tema era “Promentamos este número consideravelmente”, erd, Vida e Paz” - foram premiados. afirmou. Desde o início do projeto, o curso conquisDe acordo com o Ten-Cel Bueno, como o tou o respeito das instituições de ensino. “Anmunicípio fica próximo à fronteira e serve de tes, a BM procurava as escolas e oferecia as rota de entrada das drogas, a idéia é alertar as aulas. Isso mudou. As diretorias nos procuram crianças sobre os malefícios do uso de drogas. e solicitam a execução do Proerd em suas esSe em 2008 a BM dobrou o número de forman- colas”, reconhece.

CRPO/FO inaugura auditório em Santana do Livramento Foto: CRPO/FO

Conforto: auditório tem capacidade para cem pessoas

Em cerimônia na sede do 2ºRPMon, em Santana do Livramento, no dia 14 de novembro, a BM realizou um antigo desejo: inaugurou seu auditório. O local, que abrigará eventos da corporação e da comunidade, conta com datashow e capacidade para cem pessoas. As obras levaram quatro meses e foram custeadas pela BM e colaboradores. A construção de um auditório foi idealizada pelo Cmt do CRPO/ FO, Cel Lauro Binsfeld. “É com grande felicidade que posso proporcionar um auditório que visa dar aos PMs um espaço digno”, destacou. Segundo a 1ºSgt Sinara Costa Melo Leite, o espaço servirá para formaturas, cursos de instrução e outros eventos. “Não teremos mais formaturas no sol. Agora teremos um local mais confortável”, revelou.

Operação Noroeste Deflagrada no dia 2 de dezembro, em Santa Rosa e São Paulo, a Operação Noroeste prendeu duas pessoas em flagrante: uma no RS e outra em SP. Na cidade gaúcha, os policiais cumpriram oito mandados de busca e apreensão e recolheram 4,5 mil CD’s e DVD’s gravados, 14 mil mídias virgens, 7 mil encartes impressos, 13 CPUs, 98 gravadores de CD e DVD, quatro impressoras e mil bebidas energéticas.

JCB 190 Fev 2009  

Notícias dos integrantes e das instituições da segurança pública do Estado do Rio Grande do Sul, no Brasil.

JCB 190 Fev 2009  

Notícias dos integrantes e das instituições da segurança pública do Estado do Rio Grande do Sul, no Brasil.

Advertisement